Imóveis no Brasil estão supervalorizados, diz consultora – The Wall Street Journal

Você pode gostar...

Comments
  • Luiz 11 de abril de 2012 at 19:00

    primeiro, só rpa dizer que a gafisa esta em promoção

    3,99 a ação na lojinha do real mais proxima da sua casa

    0
    • RosinhA 11 de abril de 2012 at 19:12

      Luiz pra mim não levanta mais, e tem outra conversei com a nossa maior distribuidora hoje, eles tem 19 lojas de distribuição no Brasil, estão pensando em enxugar os centros sul sudeste, pois nos disseram que a imigração de volta para Norte Nordeste, está crescendo forte, e as grandes empresas estão se mandando para lá pelo valor da mão de obra.

      Minha Conclusão: Viver nos grandes centros está impossível para os salários X gastos de hoje, o pessoal está aproveitando para voltar as origens com opção de trabalho digno, não escravo, mais só mudaria os problemas de lugar, bolha crescente Norte Nordeste.

      0
      • Luiz 11 de abril de 2012 at 19:18

        rosinha, neste ponto minha informação é conflitante com a sua

        um microconstrutor me contou que não apra de chegar pedreiro novo da bahia, o que tá ajudando a salvar o custo da obra.

        segundo dados oficias o retorno pro norte/nordeste/minas só ocorre a partir das capitais e regioes metropolitanas

        0
        • RosinhA 11 de abril de 2012 at 19:30

          Precisaríamos de dados corretos, mas neste quesito fica quase impossível o controle, pois a maioria destes empregos são informais

          0
          • Leonardo 12 de abril de 2012 at 13:09

            Nesse ponto eu fecho com a Rosinha. Tenho acesso a alguns dados demográficos e de emprego com uns amigos que trabalham com Estudos populacionais; A migração Nordeste => São Paulo praticamente cessou, o fluxo agora é contrário mesmo, porque muitas regiões do Nordeste estão se desenvolvendo bem mais rápido que aqui. Isso se aplica ao Interior da Bahia, perto do São Francisco e ao agreste (Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte). Pernambuco tá crescendo num ritmo insano, tem muito projeto de infra-estrutura lá. Coisa de ponta mesmo.

            Muita gente que tinha vindo pra SP e profissionais qualificados daqui estão indo pra lá. Inclusive em lugares que não existiam antes, como Luis Eduardo Magalhães, na fronteira da Bahia com Tocantins, e hoje abrigam empresas multinacionais. A questão não é só a mão de obra. Nordestino não vota no PT por causa de “bolsa-esmola” só. Mas porque eles estão botando muita grana (e daí não quero entrar no mérito se é honesta ou não) na região. É o mesmo movimento de crescimento que se via aqui em SP até a década de 70.

            Guardadas as devidas proporções, a Região Metropolitana de SP, especialmente as cidades do ABC e Osasco, se não investirem fortemente em desenvolvimento tecnológico, podem virar cidades como Detroit, em franca decadência.

            0
            • RosinhA 12 de abril de 2012 at 17:15

              Leonardo moro no ABC, viraram cidades prestadoras de serviço, e agora cidades dormitórios devido preços se SP.

              0
            • Valdir 13 de abril de 2012 at 11:02

              Leonardo,

              Ouvi alguns rumores de moradores do ABC que a Volks ja esta pensando em ir embora.

              0
              • Pablo 23 de julho de 2012 at 17:34

                Oba :l

                0
      • Luciano 17 de abril de 2012 at 11:47

        Rosinha, aí é que a porca torce o rabo. As pessoas querem sair desses grandes centros. Incluso eu, morador de São Paulo.
        Muito investidor estrangeiro, ao querer fixar bandeira no Brasil, naturalmente tende a pousar em grandes centros, e também por isso cidades como São Paulo ainda conseguem deixar a economia gravitando em torno de si. Mas pelo menos São Paulo já perdeu o prazo para muitas obras indispensáveis, desde linha Amarela até monotrilho chegaram com mais de 30 anos de atraso e isso cobra um preço alto.
        O fato é, aqui não tem custo benefício. O trabalhador aqui custa mais e rende menos pela pura e simples canseira, a cidade se tornou terrivelmente cansativa. O sujeito vai trabalhar arquitetando como vai conseguir ir embora depois.
        Não vai demorar muito para esses investidores perceberem que o Brasil não se limita a poucas cidades, e que não existem os macacos selvagens sequestradores de crianças nas nossas esquinas, isso provavelmente vai deslocar o emprego, até porque, se depender do empregado, já teria se deslocado mesmo.
        Daí eu pergunto. E esses mega,hiper, ultra bláster investimentos imobiliários dessas cidades? Como ficam? E o poder de contaminação qual é?

        Eu sempre digo, o Setor Imobiliário vende imóveis, mas as pessoas querem um lar. O investidor está no meio, acreditando que o consumidor final vai estar lá. Só que todo o processo imobiliário leva em consideração apenas números na hora da precificação, mas questões como qualidade de vida naquela cidade/região são ignoradas.

        Pra dar uma eganadinha, faz-se condôminios, que é a distorção da cidade, local nde as pessoa dividem bens comuns. Ao passo que nos condomizamos também nos segregamos, e a violência muda de face para algo cada vez mas bárbaro, é exatamente isso o que observamos. Criminosos com raiva. Mas isso entra na precificação do Setor Imobiliário? Não, pq o condomínio tem isso e aquilo pra vc se segregar ainda mais e exploda-se o bem comum da cidade.
        ao

        0
  • Carlão_RJ 11 de abril de 2012 at 19:11

    Boa matéria. Simples e objetiva. Tomara que ganhe visibilidade na mídia.

    0
  • Fernando II 11 de abril de 2012 at 19:16

    Bolha, se quiser eu posso mandar o estudo original da Capital Economics em pdf (10pgs) com graficos bem interessantes.

    0
  • Carlos 11 de abril de 2012 at 19:23

    Rosinha muito pertinente seu comentário, morei dois anos em Salvador e ao voltar pro Rio de Janeiro (por força do trabalho, pois sou militar) vejo o quanto fora da realidade nacional estão os preços dos imóveis e de outras coisas (por exemplo preços de shows, peças de teatro) sem contar o trânsito e a violência. Cada vez mais está difícil morar no Rio e aguardo o momento de sair da cidade maravilhosa, mas que infelizmente estão com preços impraticáveis para se viver.

    0
    • Paulo Franc 11 de abril de 2012 at 20:43

      O Brasil dificilmente se sustentará com esses preços absurdos que estamos vendo, esta tudo caro. Viram a vergonha da pascoa? Ovo de 190g por R$21, é roubalheira de todos os lados!

      0
      • self 11 de abril de 2012 at 23:22

        Pode ser abusivo o preço do ovo, mas eu não chamaria de “roubalheira”, afinal ninguém é OBRIGADO a comprar o ovo, certo? Isso apenas mostra que quem compra ovo a esse preço (e provavelmente um ovo de chocolate vagabundo) é burro. Até aqui Darwin está certo.

        0
        • Luiz 12 de abril de 2012 at 11:21

          ovo de pascoa é diferente de casa

          Casa todo mundo precisa “consumir”.

          casa, educação, transporte, remédio não podem ser itens de livre especulação, nem na meca da liberdade (EUA) é assim.

          no mundo comunista do qual os [email protected] fazem parte até papel higienico é item de especulação

          0
  • RosinhA 11 de abril de 2012 at 19:27

    Relatando mais uma conversa informal, precisamos de material promocional pois o nosso estava no final, sempre pedimos por telefone, mas como iria passar próximo, conversei com o dono. Fiz o pedido normalmente e ele me passou prazo de 20 dias p/ entrega, qdo perguntei a ele o motivo ele disse que não sabia o que estava acontecendo pois estes meses são bem tranquilos, e estava atolado de serviço, mas que estava com dificuldades em receber disse-me rindo.

    Fiquei interessada e perguntei quais atividades estavam requisitando os serviços, aí sim percebi o que estava acontecendo: Resposta dele: Venda de Autos, Serviços em Geral, Supermercados, Pequenos Atacadistas e Imóveis lógico, se analisarem todos fazem parte de vendas diretas para consumidor final, mostrando que o fôlego anda meio baixo para vários tipos de ramo em geral. Primeiro se esfria o consumo no último elo, depois a contaminação vai se dando aos poucos até chegar ao primeiro da cadeia e se chegar a estes já era faz tempo. Quando tudo está muito bem ninguém se preocupa em propaganda sinal dos tempos.

    0
    • b1 transportes 11 de abril de 2012 at 20:10

      Com relação a São Paulo, capital, percebo a imigração de volta para o norte e nordeste. Conheço pessoas de lá. Meu sogro e minha nora passaram férias em março de 2012 para visitar diversos familiares e de 2002 para ca todos melhoraram de vida e não tem do que reclamarem. Uma prima deles planeja a volta para Pernambuco. Atualmente vende café no mercado municipal (autonoma) e diz que o dinheiro não da para nada, que o aluguel está alto e que não tem tempo para se divertir. Já comprou um terreno de 250mm2 por R$ 15.000. Cidades visitadas: Sanharó, Belo Jardim – Pernambuco. A situação ta preta para quem quer viver com qualidade nos grandes centros. Grande exemplo é o transito hoje em São Paulo.

      0
      • RosinhA 11 de abril de 2012 at 21:02

        Nada de preconceito, mas seria legal o Brasil sendo forte em todos os Estados desafogando as grandes capitais, o país é imenso e sobraria melhor qualidade de vida para a maioria, cada canto tem seu clima particular, suas frutas particulares, suas comidas religiões e costumes, podendo-se agregar tudo em referência das preferências ficaria muito bom, mas ainda acho que só passa de doce ilusão, a concentração de renda ainda é muito grande.

        0
        • Guilherme 12 de abril de 2012 at 00:03

          O modelo catarinense seria um grande exemplo para o país, as cidades crescem de maneira uniforme, o estado cada vez cresce mais e com igualdade.

          0
          • Luiz 12 de abril de 2012 at 11:18

            o unico estado do país onde a maior cidada NÃO é a capital

            0
            • Guilherme 12 de abril de 2012 at 14:16

              Na verdade Santa Catarina e Espírito Santo.

              No Espírito Santo as cidades mais populosas são, por ordem: Vila Velha, Serra, Cariacica e Vitória.

              0
              • Frank 12 de abril de 2012 at 15:23

                o caso de ES/Vitória talvez não seja parâmetro, pois Vila Velha + Vitória + Serra funcionam como uma única cidade.

                0
                • RosinhA 12 de abril de 2012 at 17:18

                  Mas estas cidades foram povoadas rapidamente com intenções de “Levar produtos com impostos mais baratos ao país “, vulgo ………… fiscal.

                  0
                • Luiz 13 de abril de 2012 at 12:43

                  exato Frank

                  espirito santo a RM de vitoria compreende todas estas
                  seria o mesmo que dizer que taguatinga tem mais população que Brasília

                  apenas espirito santo a maior cidade não é a capital nem a RM da capital

                  0
                  • Luiz 13 de abril de 2012 at 12:44

                    …ops, ops apenas santa catrina, digo

                    0
  • xangai 11 de abril de 2012 at 20:17

    Lixo toxico no caso dos imoveis ( pelo menos ) !!

    0
  • GB 11 de abril de 2012 at 20:17

    Momento de ajustes, estão aparecendo uns anuncios diferentes na internet, de proprietários de apartamentos aceitando casas como parte do pagamento, kkkkkkkkkk.

    É que aqui as casas baixaram bem de preço, mas os aptos e terrenos ainda não, então o espertão quer fugir do condomínio, do mico encalhado e pegar uma casa mais a diferença de volta, muito esperto.

    Mas duvido que alguém vá fazer isso, trocar uma casa com quintal privativo por um apê de 60m² e ainda ter que dar essa diferença que o cara quer, muita viagem desse pessoal.

    “Compre a PDG e ganhe a GAFISA de brinde.”

    0
    • Douglas 11 de abril de 2012 at 21:16

      Disse tdo GB, um dia desses fui olhar um apto, 800 conto de condom. qse mandei o fdp pra aqle lugar sem q o apto.mais de 400 conto, o Cara viu meu cinismo e.disse nao abaixo1000 reias, pensei blz otario.

      0
  • Miguel Jacó 11 de abril de 2012 at 20:19

    Enquanto isto, vivo na cidade-fantasia, ao som de cornetas, tambores, gritos e deboches, regredindo ao passado (em torno de 20 anos).
    Adicionalmente, é uma cidade com problemas modernos, e casas de 275 anos valendo metade do que alguém precisa para ser declarado milionário.

    Comprar? Todos os ratos da Matrix me dizem para fazer isto, até entendo suas certas razões, pois não se constrói quase nada de novo aqui, e chegam cada vez mais e mais pessoas.

    Resisto arduamente com minhas convicções, na esperança de fugir sem deixar laços imobiliários neste local.

    Muitas vezes a gente se afasta para olhar as coisas, tipo Google Maps mesmo, e olha para o lado na esperança de ver alguém mais, que tenha a mesma visão. Mas não encontra ninguém.
    Nestas horas, temos que ser fortes o suficiente para não sermos absorvidos pelo sistema…

    0
    • RosinhA 11 de abril de 2012 at 20:55

      Muito bom no post passado escrevi que somente 5% tinham QI suficiente para poder distinguir as coisas, recoloco como somente 2%.

      0
  • Sir Income 11 de abril de 2012 at 20:42

    Em dólar a renda média não aumentou.

    Estou compartilhando a notícia no facebook e twitter com #bolhaimobiliária

    Todos juntos vamos pra frente brasil rs

    0
  • Carlos Wagner 11 de abril de 2012 at 21:06

    Haha, confesso que gostei muito do inicio da redação da noticia sobre a PDG divulgada pelo CQC que foi publicada no blog observadordemarcado.blogspot.com.br, segue:

    “Vídeo: Golpe da PDG é denunciado em rede nacional

    O “efeito dominó” do estouro da bolha imobiliária brasileira parece não ter fim. Agora, mais uma gigante da construção é desmascarada em rede nacional, expondo ”

    Mais claro que isso só mostrando a bunda! rs

    0
    • tcr 12 de abril de 2012 at 08:35

      Pessoal… uma dúvida:

      Se diversas construtoras não conseguirem entregar os imóveis, isso não vai fazer com que os que já foram entregues fiquem mais caro?
      Afinal, os corretores só acreditam nas leis de mercado quando é a favor deles.

      0
      • Rico 12 de abril de 2012 at 12:14

        Isso só acontece se aumentar a procura, coisa que não está acontecendo.

        0
  • A espera de um estouro 11 de abril de 2012 at 21:24

    Sou leigo no assunto, mas me parece que a quebra das construtoras seria algo ruim para o estouro da bolha, pois com menos entregas, menor a oferta e consequentemente menor a chance dos preços baixarem…faz algum sentido?

    0
    • Carlos Wagner 11 de abril de 2012 at 21:52

      Sim, faria se ja nao tivessemos uma sobreoferta gigantesca e centenas de predios desertos.

      O mais grave que possa acontecer no caso de quebra da GAFISA é que milhares de familias vão ficar sem a sonhada casa propria e a confiança no mercado imobiliario vai virar pó. Nesse mercado, confiança é tudo, pois só no caso de uma tragedia dessas é que o povo se lembra que existe essa possibilidade ao comprar imovel na planta.

      0
      • Frank 12 de abril de 2012 at 12:40

        um efeito da quebra seria quebrar a confiança no mercado.

        um modelo em q investidores comprarm na plnata para revender pronto depende da confiança q se tem na entrega dos imóveis.

        portanto, a despeito do balanço oferta X demanda, haveria esse efeito importante q afastaria um naco importante de demanda (investidores).

        0
  • veigalex 11 de abril de 2012 at 21:41

    Para quem quiser prestigiar!!

    h ttp:\veigalex.blogspot.com.br

    Abraço!

    0
    • Carlos Wagner 11 de abril de 2012 at 21:54

      hah…boa

      Ta ficando bom nisso heim…

      0
    • Ze Bom Dirolo 11 de abril de 2012 at 23:12

      hahahaha

      0
    • Luiz 12 de abril de 2012 at 11:27

      veiga tenho uma idéia, coloca a ação da gafisa em promoção a 3,99 na lojinha do 1 real

      BOLHA , linka o site do veiga na aba lateral

      0
  • RosinhA 11 de abril de 2012 at 21:42

    IMPORTANTE:

    Estava conversando ao vivo agora via chat com o Professos Samy Dana, e ele nos disse que sempre nos acompanha o máximo qdo ele pode, e não consegue visualizar tudo pois são muitas postagens. Ele está muito contente com o nível de nosso debate, e me sugeriu para nós descartarmos como sempre é dito aqui o Fliquer Zapt, e adotarmos um índice mais seguro para divulgação como a embraesp, segundo suas palavras precisamos de um índice não contaminado, para poder embasar as opiniões sem deixar brechas para dúvidas.

    O nosso Petter Schift, vem com novidades em breve, para ajudar-nos engrossar o debate, mas por enquanto não posso relevar nada a seu pedido, e devido as pressões de grandes coloboradores com interesses próprios.

    Atende a todos com uma humildade e caráter inegualáveis, poucos amigos meus dariam a mesma atenção que ele me concedeu agora a pouco .

    PARABÉNS SAMY DANA.

    0
    • Carlos Wagner 11 de abril de 2012 at 21:58

      O cara é super bacana mesmo. As vezes converso com ele pelo Facebook e além de inteligentissimo ele é muito educado.

      É um privilegio termos mais um participante e comentarista desta categoria no blog. Isso só vem a dar mais credibilidade às nossas idéias que, diga se de passagem, até pouco tempo eram consideradas delirios!

      Como as coisas mudam heim negada!!! Confesso que só não imaginei que o mercado iria virar tão radicalmente em tão pouco tempo. Mas ai está, agora é ladeira abaixo….

      0
      • veigalex 11 de abril de 2012 at 22:04

        Alguem pode me passar o facebook dele?

        0
        • RosinhA 11 de abril de 2012 at 22:09

          Samy Dana é o primeiro resultado

          0
    • Carlos Wagner 11 de abril de 2012 at 22:00

      A propostio:

      Rosinha

      Tenho acompanhado seus comentários e você tá mandando muito bem. É uma pessoa esclarecida e muito coerente.

      Seja bem vinda ao clan! hehe

      0
      • RosinhA 11 de abril de 2012 at 22:07

        Carlos diria vivida, mas sou nova porém observadora, tenho imóveis já, tento ajudar nas dúvidas e nos erros por mim cometidos, estou aqui pois as idéias são coerentes com meus pensamentos, e não sei nada de economia bruta, só sei como as coisas funcionam de maneira geral na realidade, por isso quero aprender com todos e agradeço os elogios.

        Ps: Meu marido tb dá uma beliscada ás vezes usando meu Nick, mas ele é muito mais inteligente do que eu, lidera uns 3 foruns automotivos e gostamos muito de construir mas ultimamente estamos de camarote.

        0
    • bruno 11 de abril de 2012 at 22:23

      Prof Samy…muito bom mesmo.. inteligente, humilde, SINCERO…e ainda curte jazz…kkk o cara é fera..

      converso com ele no face sempre…muito atencioso..abração “S”..

      0
    • Zoom 11 de abril de 2012 at 23:47

      SAMY DANA é o CARA.

      0
    • AF 12 de abril de 2012 at 09:22

      Rosinha,

      gostaria de saber como consultar este índice da embraesp.

      o site sería este http://www.embraesp.com.br/ ?

      0
      • RosinhA 12 de abril de 2012 at 12:26

        Tb não consegui ver nada neste índice. não faço idéia.

        0
  • Ninja SP 11 de abril de 2012 at 22:57

    MrK, meu preferido.cadê voce?

    0
    • Felipe 11 de abril de 2012 at 23:03

      “meu preferido”

      Oo

      0
      • veigalex 11 de abril de 2012 at 23:11

        a dentadura voo de novo.. kkk

        0
  • Gap 11 de abril de 2012 at 23:10

    Publiquei esse texto hoje cedo no post anterior. Estava em Inglês…

    Legal que essas notícias ganhe publicidade inclusive internacionalmente.
    Cai por terra os argumentos dos que acreditam em aumento dos preços dos imóveis com a suposta vinda dos estrangeiros até a copa…

    0
  • Lucio 11 de abril de 2012 at 23:45

    só ainda acho que a especulação no RJ demorará mais pra acabar que nos outros estados… infelizmente

    0
    • aiwww 12 de abril de 2012 at 18:32

      Imagine uma situação de catástofre. Os primeiros a morrer são aqueles que se desesperam primeiro. Poucos sabem tomar decisões sensatas nesses momentos e sobreviver.

      0
  • Igor 11 de abril de 2012 at 23:53

    Pessoal, já viram isso? Uma verdadeira palhaçada… Não é possível alguém comprar MRV vendo isso…

    Acho que vale um tópico principal aqui no bolha

    h ttp://www.youtube.com/watch?v=PyEcnOeA6rA

    0
    • Igor 11 de abril de 2012 at 23:56

      Esqueci… mais um link (a princípio de autoria diversa em relação ao vídeo do youtube)

      h ttp://mrvfacts.blogspot.com.br/2011/09/spazio-cosmopolitan-curitiba-bloco-2-ap.html

      0
    • Paulo Franc 13 de abril de 2012 at 19:05

      Nossa, fiquei HORRORIZADO!! Coitada dela ter que pagar por esse LIXO!

      0
  • EduLon 12 de abril de 2012 at 00:10

    OLHA SÓ A BOLHA DE CRÉDITO ESTOURANDO…

    -Bancos de montadoras decidem frear financiamentos com temor de calotes – Indicador para atraso acima de 90 dias fecha fevereiro em 5,5%, e deve subir mais
    – Sem crédito, fábricas reduzem feirões

    h ttp://economia.estadao.com.br/noticias/economia,bancos-de-montadoras-decidem-frear-financiamentos-com-temor-de-calotes,109041,0.htm

    h ttp://economia.estadao.com.br/noticias/economia,sem-credito-fabricas-reduzem-feiroes,109043,0.htm

    0
    • Shakespeare 12 de abril de 2012 at 09:29

      ação e reação:

      h t t p://economia.uol.com.br/ultimas-noticias/redacao/2012/04/11/novo-cartao-de-credito-faz-parcelamento-em-ate-200-vezes-especialistas-sugerem-cuidados.jhtm

      0
  • Júlio Cesar 12 de abril de 2012 at 00:43

    Pessoal, sei que está fora da discussão, mas alguem sabe se realmente valores acima de 50 mil depositados na poupança são tributados( IR). A dúvida surgiu porque todos artigos que tenho sobre o assunto se limitam a dizer que a poupança é isenta. Desde já agradeço a quem responder

    0
    • Cleyton 12 de abril de 2012 at 01:06

      Olha, até onde eu sei o governo segurou o projeto e não entrou em vigor.

      0
    • Ademir 12 de abril de 2012 at 08:36

      Totalmente isento.

      0
    • Paulo Franc 12 de abril de 2012 at 12:30

      isento, o projeto não saiu do papel para justamente o governo não perder recursos para financimaneto imobiliario, já que a poupança é a maior fonte

      0
    • aiwww 12 de abril de 2012 at 18:34

      Isento. 100% do meu din din está lá.

      0
      • Guilherme 12 de abril de 2012 at 23:15

        Minha grana tá toda na poupança também, estou pensando no que fazer já que corremos risco de desvalorização do real. Investir em imóveis é que não vou heheheh

        0
        • Atribulado 13 de abril de 2012 at 15:49

          poupança??? argh
          alem do rendimento pifio, ainda ajudam a bolha a inflar mais…

          0
  • "O" Nova 12 de abril de 2012 at 07:46

    Após reportagem do UOL, Ministério Público do Trabalho vai notificar empresas do setor imobiliário que usam trabalho infantil
    Marcela Rahal
    Do UOL, em São Paulo

    http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2012/04/12/apos-reportagem-do-uol-ministerio-publico-do-trabalho-vai-notificar-empresas-do-setor-imobiliario-que-usam-trabalho-infantil.htm

    0
  • RAL 12 de abril de 2012 at 08:20

    Pessoal , trabalho em um contabilidade e nesta época fazemos muitos impostos de renda pessoa fisica , está impressionante o numero de pessoas com financiamentos e pelo que observamos esta com a renda comprometida por no minimo 03 anos

    0
    • Ploc 12 de abril de 2012 at 08:22

      Bom confirmar o que já era aventado.

      0
  • Apocalipse now 12 de abril de 2012 at 08:24

    Crescimento do comércio desabará em 2012, diz OMC
    Segundo Organização, expansão de exportações e importações em 2011 já sofreu um severo freio, com um crescimento de apenas 5%; taxa deve cair pela metade neste ano.

    GENEBRA –

    O crescimento do comércio mundial vai desabar em 2012, terá seu pior ano desde 2009 e os países emergentes terão suas exportações seriamente afetadas no ano como resultado da crise na Europa. Dados divulgados hoje pela Organização Mundial do Comércio revelam que a expansão de exportações e importações em 2011 já sofreu um severo freio em comparação a 2010, com um crescimento de apenas 5%. Mas a taxa será reduzida pela metade neste ano.

    Para 2012, a expansão será de apenas 3,7%. Só 2009, o pior em sete décadas, foi mais negativo que o atual ano. No auge da crise, o comércio caiu m 12%.

    Na avaliação da entidade, diversos países emergentes podem sofrer, já que tem na Europa seu principal mercado exportador. Na melhor das hipóteses, o comércio de países em desenvolvimento terá uma expansão de apenas 5,6%. Nos países ricos, o aumento das importações será de meros 1,9%. Em 2010, a elevação das exportações chegou a 13,8%.

    Para 2013, a situação sofrerá uma leve melhora. Mas ainda ficará distante do que foi a média de crescimento dos últimos dez anos. A elevação será de 5,6%, com uma expansão de 7,2% para os emergentes.

    Mas uma recuperação mais forte do comércio virá apenas em 2014, quando se espera que a economia europeia de sinais claros de retomada do crescimento.

    Pelo ranking divulgado pela OMC, o Brasil se manteve na 22ª posição entre os maiores exportadores do mundo, a mesma posição que já tinha em 2010. O País ocupa 1,4% do comércio mundial, superado ainda pela Austrália, India, Espanha ou México.

    Entre os maiores importadores, o Brasil chegou a cair uma posição no ranking mundial, 21ª posição e superado pela Turquia.

    h ttp://www.em.com.br/app/noticia/politica/2012/04/12/interna_politica,288321/servidores-recorrem-ao-tce-para-apurar-se-salario-de-lacerda-inclui-o-14-e-o-15.shtml

    0
    • Apocalipse now 12 de abril de 2012 at 08:27

      Ops.. errei o link:

      http ://economia.estadao.com.br/noticias/economia+internacional,crescimento-do-comercio-desabara-em-2012-diz-omc,109052,0.htm

      0
  • Marvin 12 de abril de 2012 at 08:28

    Interessante… eu vi algumas mensagens aqui falando da discrepância entre preços de casas e apartamentos; não sei como alguém pode cogitar comprar um apartamento de pouco mais de 100m2 por 1 milhão, mais condomínio (leia-se aluguel) de 1K por mês ou mais, sem falar nos vizinhos em cima, em baixo, do lado, na frente, atrás, reuniões de condomínio, barracos entre vizinhos, briga por vagas em garagem quando um fulano tenta colocar um hilux numa vaga que mal cabe um celta….
    Moro no abc (a 20minutos de sp) em uma casa térrea com área total de 500m2, umas 12 (isso mesmo, umas 12 – não sei o total ao certo porque nunca consegui “preencher” tudo) vagas de garagem, 100m2 de “área verde” com duas jaboticabeiras, dois limoeiros, pitangueira e cerejeira, em um bairro totalmente residencial e sem prédios em volta, quando recebo convidados em casa, eles param o carro dentro da garagem, apesar da rua ter bastante vagas – ao contrário dos arredores dos condomínios de prédios… valor de mercado: aproximadamente uns 700k graças a bolha, porque até alguns anos atrás era possível encontrar similares por 300K… Então, quando vejo alguém almejando comprar um apartamento de “alto padrão” com 100m2 por 1 milhão eu simplesmente dou risada (para não chorar!!!)… E TEM GENTE QUE AINDA NÃO ACREDITA EM BOLHA!!!!

    0
    • Gil DF 12 de abril de 2012 at 08:48

      Eu concordo contigo.
      Repito: concordo contigo.
      Mas, há casos em que as pessoas não tem opção de morar em casa.
      Eu, por exemplo, vivo em Brasília, mas toda a minha família vivem em MG.
      Dessa forma, viajo muito.
      Eu não tenho como viver em casa por isso. Quando vou viajar, basta eu fechar a porta do apto e sair. Quando volto está tudo em ordem.
      Se eu morasse em casa, seria um trabalhão. Teria que avisar vizinhos, pedir para olharem a casa, para recolherem correspondências, enfim, seria um saco. Fora a falta de tranquilidade de deixar a casa sozinha.
      Por essa razão e outras, tipo – segurança, levam as pessoas hoje a trocarem casa por apto.
      Agora, se eu vivesse na mesma cidade da minha família, com certeza eu viveria em casa.

      0
      • Marvin 12 de abril de 2012 at 09:28

        Aí é que está o x da questão… quando a sociedade chega neste ponto, onde você tem que se sujeitar a certas coisas por conta da violência, quando ganhar dinheiro honestamente passa a ser motivo de vergonha (como no caso de pessoas que fazem um contorcionismo mental para explicar que a culpa pelas favelas nas cidades é da classa média) começo a concordar com o “anonymous”: é melhor abandonar o brasil e ir para outro lugar…

        sempre tocam no ponto segurança, mas, também assaltam condomínios… daqui a pouco vão começar a construir “bunkers” residenciais… Sem falar que hoje um carro blindado em sp é quase uma necessidade… é, há algo muito errado com nossa sociedade….

        0
        • Leno 12 de abril de 2012 at 23:17

          Após termos dois carros roubados e depenados, minha esposa e eu optamos por ter um veiculo que, em tese, não seja visado para roubo e tenha seguro mais “barato”. Apesar de ter comprado um veiculo bom, deixamos de possuir um veiculo que desejamos e podemos pagar por medo da violência e dos valores absurdos do seguro. Como alguém pode ter orgulho de um país assim?

          0
      • Terra 12 de abril de 2012 at 12:18

        Gil DF,

        Hj em dia com cerca elétrica e um sistema simples de câmera ligadas via internet vc consegue acessar sua casa onde vc estiver basta ter conexão de internet, o investimento não é alto. Vc consegue monitorar sua casa inclusive via smartfone e coloca quantas cameras quiser com um sistema de gravação onde vc pode marcar o horario q vc quer gravar ou deixar gravar o dia todo inclusive com sensor de movimento onde a camera grava quando algo se movimenta com opção de disparo de alarme e envio de imagem para seu email. Ja estou estudando já algum tempo para colocar na minha casa (http://www.samsungsv.com/Model/DVRSecurity)

        Abs

        0
    • Fabiano 12 de abril de 2012 at 09:43

      Marvim a maioria das pessoas assim como eu não mora em apto porque acha legal rs e sim pela nescessidade.
      Vejo aqui na minha cidade SJC , com 250mil reais vc encontra alguns aptos em bairros bons , ja uma casa no minimo razoavel em um bom bairro vc não encontra por menos de 330 mil .
      Maluco esta vendendo barracos no reboco por 350 mil , porque tem 250 metros de terreno hoje o cara vende o terreno e não a casa.
      E fora os altos preços das casas tem o lance da violencia , um apto por pior que seja vc esta mais seguro , eu por exemplo que fico muito tempo fora de casa as vezes chego de madrugada morreria de medo de chegar 2 horas da manhã e ficar no carro esperando o portão da garagem abrir .
      Sinceramente não sei onde vamos parar com preços assim tão absurdos.

      0
      • MRCG 12 de abril de 2012 at 16:57

        Esse golpe é antigo, o especulador compra um terreno e levanta a alvenaria, laje e o telhado, ai ele pede uma fortuna. O ingênuo comprador vê a casa praticamente pronta e por isso compra. Ocorre que o custo maior da obra é com parte elétrica, hidráulica e acabamento. Aí já era.

        0
    • b1transportes 12 de abril de 2012 at 10:28

      Marvin…
      Sua casa tem 500mm2, o apartamento de 1milhao 100mm2 e um apertamento 50mm2.
      Que diferença entre o que voce pode consumir de bens como carros, movéis, eletronicos e etc e um apertamento. Dificilmente cabe uma cama no quarto, uma bicicleta na área de serviço….
      Com essas notícias acredito numa queda de preços nos bens de consumo.

      0
      • b1transportes 12 de abril de 2012 at 10:55

        acrescentando:
        Bens de consumo como veículos, eletrodomésticos, móveis e etc. Moradores de apertamentos consomem muito menos bens feitos pela indústria e gastam com condomínio. Acredito que com o dinheiro que lhes sobram, gastam com restaurantes, viagens e entretenimento e nem podem comprar lembracinhas pois não cabe nos armários, na sala, no quarto….

        0
  • FernandoJS 12 de abril de 2012 at 09:19
  • Pinto 12 de abril de 2012 at 09:22

    Pessoal,

    Moro aqui na Holanda e o mercado imobiliário está com problemas graves causados pela crise e por um boom nos preços de alguns anos atrás.

    Agora as imobiliárias estão entrgues às moscas…

    Quem quiser dar uma olhada para ver se tem algo parecido com o que vivemos hoje, segue o link:

    http://www.dutchnews.nl/news/archives/2012/04/just_1100_new_homes_are_sold_e.php

    Abs!

    0
  • Ze Bom Dirolo 12 de abril de 2012 at 09:56

    Sem controle com gastos, servidores públicos devem em média 4 salários

    Victor Martins

    Publicação: 12/04/2012 08:00 Atualização:

    O crédito fácil levou servidores públicos federais a um nível de endividamento considerado explosivo pelo governo. Em média, as dívidas somam de três a quatro vezes o salário mensal, sobretudo entre os trabalhadores do Banco Central, do Judiciário e do Legislativo. De acordo com o Instituto Brasileiro de Estudo e Defesa das Relações de Consumo (Ibedec), dívidas de até R$ 600 mil são comuns entre o funcionalismo — e tudo gasto com supérfluos. A queda dos juros é um alívio para esse público, que terá oportunidade de renegociação com taxas melhores. O receio no Palácio do Planalto e nas instituições financeiras, entretanto, é que esses consumidores não reestruturem suas contas e usem o crédito mais barato apenas para rolar a fatura e continuar a gastança.

    O problema do alto endividamento entre funcionários públicos, segundo especialistas, é antigo e se agravou depois do surgimento do crédito consignado, que permite o desconto direto na folha de pagamento. No Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo e do Tribunal de Contas da União (Sindilegis), a questão começou a ganhar destaque em 2009, quando a instituição notou que vários servidores contratavam o empréstimo acima da margem de endividamento permitida, de 30% do salário. Eles usavam as comissões e gratificações para elevar os rendimentos e obter mais recursos nos bancos.

    correiobraziliense.com.br/app/noticia/economia/2012/04/12/internas_economia,297506/sem-controle-com-gastos-servidores-publicos-devem-em-media-4-salarios.shtml

    0
    • Ronald 12 de abril de 2012 at 10:23

      Está explicado quem está bancando o consumo mágico de carros e imóveis… e como falamos aqui não é a classe C.

      E está explicado também porque o consumo diminui: a mágica secou…

      0
    • Ze Bom Dirolo 12 de abril de 2012 at 10:44

      Atente-se: “considerado explosivo”.

      0
    • Marcelo 12 de abril de 2012 at 14:14

      E agora, quem vai sustentar o mercado imobiliario de BSB? Os concurseiros?

      0
    • lrp 12 de abril de 2012 at 17:54

      A primeira coisa q uma pessoa faz depois de passar em um bom concurso é achar q ficou rico,acha pode comprar tudo, ainda bem q minha fase de irresponsabilidade financeira foi quando era estagiário, então quando passei em um concurso finalmente consegui quitar td rapido, a partir daí passei de pagador de juros a recebedor de juros, no final das contas acho q acabei apreendendo bastante com td isso, nunca tive ninguem pra me dar conselhos financeiros tb, acho q é um grande problema de várias familias.

      0
  • Flavio Alves 12 de abril de 2012 at 10:02

    http://www.infomoney.com.br/comprar-um-imovel/noticia/2398076-mesmo+com+vendas+queda+preco+imovel+usado+sobe+quase+janeiro

    O problema é que tem gente que paga né… Fazer o que?
    Eu torço para que se deem mal!!!

    0
    • Ze Bom Dirolo 12 de abril de 2012 at 11:15

      O pior não são os que pagam, são os que acreditam…..

      0
  • GB 12 de abril de 2012 at 10:21

    Gente, donos de CRI’s reclamando de falta de serviço, eu jamais imaginaria uma coisa dessas.

    Donos de marcenarias vendo a expansão do mercado imobiliário nos últimos anos e não entendendo por que estão com pouco serviço.

    Pedreiro se oferecendo para trabalhar em placas colocadas em postes ?

    O mercado imobiliário realmente é muito complexo e vai levar muitos outros ramos pro buraco junto com ele, mas quem mandou se enveredarem pela mera especulação e pelo $$$ fácil dos investidores ? Isso não é sustentável, eles (agora) sabem disso, o problema pe baixar o preço de algo que foi construído com materiais, mão-de-obra e terrenos bolhudos, kkkkkk.

    0
    • Indecoroso 12 de abril de 2012 at 16:02

      Fui orçar um armário de aço pra colocar na garagem do meu apartamento e o gerente da loja quase voo no meu pescoço de desespero pra vender. Disse-me que nem orçamentos tem sido solicitados. Acredita ele que isso é resultado do excesso de comprometimento da renda da população com as prestações do apartamento, que não deixam sobrar nada para os “acessórios”… Eu acrescentaria a isso o fato de muitos apartamentos terem sido adquiridos por especuladores, que não fazem muita questão desse tipo de “luxo”.
      “Brasil: deixe-o ou foda-se…”

      0
      • Cleyton 12 de abril de 2012 at 20:28

        Haha, gostei do lema!

        0
  • D9 12 de abril de 2012 at 10:26

    g1 globo.com/economia/noticia/2012/04/crescimento-do-comercio-mundial-vai-desacelerar-em-2012-diz-omc.html

    Acho que essa informação equivale a:
    “Previsão de chuvas fortes, granizo e raios”

    Média dos últimos 20 anos (incluindo a crise de 2008) = 6,0%
    Previsão para 2012 = 3,7%
    Previsão em 2008 (na crise) = 5,5%

    0
  • Ploc 12 de abril de 2012 at 10:50

    Olha o site que encontrei. Será que vai ter cliente?

    http://repasso.com.br/

    0
  • GB 12 de abril de 2012 at 10:56

    Hoje eu estava lá naquele bairro fantasma cheio de terrenos e casas com placa de vende-se, fazendo meu cooper habitual pois temos que manter o corpínho, quando avistei à distância 2 carros e 2 pessoas, chegando perto pude ver que um deles era meu corretor preferido de Trollagens (aquele das 2 coberturas), mas ele não me conhece, eu sei que é ele por causa da foto no site e, lógico, pelo carro da imobiliária.

    Estava lá ele, todo elegante com seu terno surrado já com uns 10 anos, o outro parecia ser da chamada “nova classe C”, tinha cara de pouquíssima instrução, chinelinho, bermuda, um carro velho pra caramba, ou seja, o perfil ideal de comprador de imóveis da cidade, campo e litoral, segundo o governo.

    Mas ele estava de braços cruzados, o andar dele não demonstrava muito interesse ou ele estava chateado por sua renda não permitir comprar aquele negócio caro.

    Pelo menos eles estão tendo gente para mostrar os terrenos e isso ocupa o tempo deles, mas pela cara do indivíduo, pode esquecer.

    0
  • Ze Bom Dirolo 12 de abril de 2012 at 11:48

    Será que a notícia da bolha se dissemina esse mês?

    0
  • Luiz 12 de abril de 2012 at 11:52

    Emprego na indústria tem pior queda anual em quase dois anos
    Ocupação no setor recuou 0,7% em fevereiro perante mesmo mês de 2011

    Na comparação com fevereiro de 2011, o emprego industrial recuou 0,7% em fevereiro deste ano. Foi o quinto resultado negativo consecutivo nesse tipo de comparação, e o mais intenso desde janeiro de 2010, quando a taxa ficou em -0,9%.

    O número de horas pagas aos trabalhadores da indústria, já descontadas as influências sazonais, avançou 1,3% em fevereiro ante janeiro. Entretanto, na comparação com fevereiro de 2011, o número de horas pagas recuou 0,8%, a sexta taxa negativa consecutiva nesse tipo de comparação.

    Em relação a fevereiro de 2011, o valor da folha de pagamento cresceu 5,4%, o 26º resultado positivo consecutivo nesse tipo de comparação, e o mais intenso desde agosto de 2011 (7,1%).

    No ano, a folha de pagamento da indústria acumula alta de 4,8%, e, em 12 meses, de 4,0%.

    0
    • RosinhA 12 de abril de 2012 at 12:28

      Luiz esse ano nem começou para vários conhecidos de várias atividades, concordo e gostaria que o RAL que trabalha com contabilidade, poderia expor melhor as situações das empresas.

      0
  • interior 12 de abril de 2012 at 11:54

    BANCO MUNDIAL REDUZ PREVISÃO DE CRESCIMENTO DA CHINA A 8,2%.
    UOL ECONOMIA.

    0
  • Felipe33 12 de abril de 2012 at 12:00

    Fala pessoal,

    Segue um artigo ( de 2011) no blog do professor Paulo Portinho sobre o tema. Achei bem interessante.
    http://blogdoportinho.wordpress.com/2011/06/21/quanto-custa-o-seu-imovel-bolha-imobiliaria/
    Mais um professor que concorda com a existência de uma bolha.
    Abraços a todos!
    Felipe.

    0
    • Luiz 12 de abril de 2012 at 12:23

      O texto é antigo, 2011, mas vale a pena
      gostei d aultima frase
      E viva o povo Carioca que mora no Brasil, mas paga por Paris. E ainda faz piada!

      0
      • Leo 12 de abril de 2012 at 12:55

        Gostei das colocacoes dele, olha essa:

        —-
        Já a favela… Quem foi com grana no bolsa, deve ter ido comprar uma trouxinha de FHC…

        Brincadeirinha com o presidente. Quem me conhece sabe do respeito que tenho por ele. Mas a essa hora ele já deve ter virado nome de erva…
        —-
        Mandou muito bem no FHC… até pq o nome do outro, é Brizola. 🙂 haha

        0
  • Davi 12 de abril de 2012 at 12:28

    11:54 MANTEGA: AO INVÉS DE TRAZER SOLUÇÃO, BANCOS VIERAM FAZER COBRANÇA

    Brasília, 12 – O ministro da Fazenda, Guido Mantega, deixou hoje explícita a discordância entre governo e Federação Brasileira de Bancos (Febraban) sobre a questão da redução do spread bancário e dos juros no Brasil. Ao chegar ao ministério nesta manhã, Mantega disse que o presidente da Febraban, Murilo Portugal, que esteve anteontem em Brasília para discutir a questão, fez cobranças ao invés de trazer soluções para o problema.

    O ministro fez questão de dizer o nome do representante dos bancos e acrescentou que as instituições privadas “querem jogar a conta nas costas do governo” pelos juros altos. “O presidente (da Febraban) Murilo Portugal esteve aqui outro dia e, ao invés de apresentar soluções, anunciando aumento de crédito, veio aqui fazer cobrança, cobrança de novas medidas do governo, de desoneração etc. Se os bancos são tão lucrativos, eles têm margem sim para reduzir as taxas e aumentar o volume de crédito”, afirmou.

    Mantega fez uma avaliação das condições atuais da economia: crescimento sólido, inflação baixa (“em torno de 4,5%”), resultado fiscal maior e disposição dos consumidores para gastar. Acrescentou, no entanto, que a ameaça ao crescimento de 4,5% perseguido pelo governo é a retração no crédito por parte dos bancos privados. “Os bancos privados não estão liberando crédito e estão cobrando spreads muito elevados”, afirmou. “O Brasil é o país que cobra o maior spread do mundo. Isso não se justifica.”

    Rebateu a avaliação da Febraban de que o lucro das instituições financeiras no Brasil é igual ao verificado no resto do mundo e disse que poderia apresentar números mostrando que a lucratividade é maior no País. “Os bancos privados têm margem para reduzir taxas e aumentar o volume de crédito”, disse o ministro. “Existem condições sim para que os bancos brasileiros deixem de ser os campeões de spread no mundo.”

    Também discordou da visão de que o problema do spread está na legislação brasileira, que na avaliação dos bancos dificulta a cobrança de dívida e impede que consumidores e empresas ofereçam garantias mais sólidas. Essa é a tese apresentada pela federação dos bancos, que trouxe mais de 20 propostas neste sentido e disse que “a bola estava com o governo”.

    Questionado sobre o impasse entre governo e setor privado, Mantega afirmou que não irá deixar a falta de crédito travar o crescimento da economia e que os bancos públicos já estão agindo e continuarão avaliando as condições do mercado para emprestar e lucrar mais.

    “Quero que os bancos tenham lucros, mas a partir de crédito, sem afligir o consumidor”, disse Mantega. (Eduardo Cucolo e (Renata Veríssimo)

    0
    • Ploc 12 de abril de 2012 at 12:47

      Eu tinha lido isso. Ué, quem mandou vender a alma ao diabo. Agora toma.

      Se tem gente pegando crédito com as taxas atuais porque alguem (bancos/comercio) iria reduzir seu ganhos? Por caridade? Tá bom..

      O mesmo acontece comigo quando chego numa loja de departamentos com dinheiro e pergunto se à vista tem desconto. O vendedor simplesmente caga na minha cabeça e diz NNNNNNAAAAAAAOOOOOO. Se quiser é esse preço á vista ou no crédito “sem juros”. Ou seja, a economia vive a maior bolha de crédito da historia deste país. Não é diferente do comercio de drogas. Temos os que fornecem a droga (credito) e os viciados que consomem. Toda a economia se viciou em ganhar nos juros em cima do povão. E não vão largar o osso fácil não.

      0
      • Ze Bom Dirolo 12 de abril de 2012 at 12:52

        Alguém precisa lembrá-lo que nem o BC é público.

        0
        • Ronald 12 de abril de 2012 at 13:06

          Sério? O BC não é publico?

          Como assim?

          0
        • Sérgio 12 de abril de 2012 at 13:19

          O Banco Central é uma autarquia federal, portanto público. Todos seus servidores, excetuando-se os diretores, são concursados.
          Todos os atos do BC ou são políticos ou administrativos, mas ambos sob o regime de Direito Público. Não atua em momento algum sobre o regime de Direito Privado.

          0
        • FQ 12 de abril de 2012 at 13:44

          É público sim. Não confunda o BC com o FED americano!

          0
        • Ze Bom Dirolo 12 de abril de 2012 at 15:12

          Só não coloquem isso em prova de concurso.
          Fica só entre a gente, ok?

          0
      • B1 transportes 12 de abril de 2012 at 13:07

        Ploc,
        Ontem fui comprar ferramentas e não consegui desconto à vista. Senti que a comissao do vendedor iria ser melhor sem o desconto. Como ainda estão ganhando um bom dinheiro pois a loja foi reformada a pouco tempo, estão disperdiçando mais. Creio que a coisa vai mudar e os bons pagadores terão mais vantagens daqui para frente.

        0
      • RosinhA 12 de abril de 2012 at 13:32

        Engraçado quando dizem NNNNNNAAAAAAAOOOOOO para mim apenas viro as costas e procuro outra loja com desconto à vista simples assim.

        0
        • Ploc 12 de abril de 2012 at 16:04

          Procura sim e vai encontrar outra praticando exatamente a mesma técnica de enriquecimento através do credito farto. No fundo todos viraram financeira sem ser.
          Agora claro que se for comprar banana na quitanda da esquina ou na xepa na feira vai conseguir um bom desconto sim.
          Tenho até pena destes comerciantes.

          0
          • RosinhA 12 de abril de 2012 at 16:48

            Meu mundo seu mundo cada um vive no mundo que deseja, ninguém é obrigado a fazer nada que não quer.

            0
            • Ane 12 de abril de 2012 at 23:18

              Acabei de chegar do shopping e ganhei 20 reais de desconto na compra de uma bolsa no débito (7%).

              0
    • Virginia 12 de abril de 2012 at 13:09

      Bem feito! Mas pobre bananense…

      0
    • Tomaz 12 de abril de 2012 at 13:29

      Temerário! Petrobrás já era faz tempo. Depois foi a Vale que sentiu o peso do governo. Agora o PT está tentando arrastar os bancos, e também já começa a apontar o dedo para as elétricas.

      Evo Morales, Hugo Chaves, e Dilma/Lula/PT. Tudo mesmo saco!

      0
  • Thomas 12 de abril de 2012 at 12:31
  • Mr. D 12 de abril de 2012 at 12:32

    Colegas,
    Achei bem interessante a reportagem, principalmente porque é uma reportagem lá de fora, visão deles sobre nosso mercado Imobiliário.

    Grifo que eles consideram que vivemos uma bolha como abaixo transcrito:

    “Daqui para o futuro, a capacidade do Brasil de gerar taxas relativamente altas de aumento na renda nominal deve tornar mais fácil para a bolha imobiliária se desinflar lentamente, por meio de um ajuste nos preços reais(…) ”

    Todavia a crença dos apóstolos do crescimento infinito de preços dos imóveis ainda contamina muito esse setor.
    Ontem num curso que estou fazendo depois do trabalho surgiu o assunto da bolha, e o senso comum de todos (tirando eu) “aqui não é EUA”, “Aqui não tem subprime”, “aqui os bancos são conservadores”. Enfim, preferi mudar o rumo da conversa, pq a pessoa estava convencida que está tudo bem, que a farra do crédito fácil e “barato” não tem problema algum para a economia.

    Parabéns Bolha por disseminar as informações que tantos querem calar.
    sdds.

    0
  • Davi 12 de abril de 2012 at 12:37

    12:00 MANTEGA: É PRECISO REDUZIR JURO SEM MUDAR TRIBUTO OU COMPULSÓRIO

    Brasília, 12 – O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse há pouco que é necessário que os bancos reduzam as taxas de juros independentemente de medidas tributárias ou de mudanças nos depósitos compulsórios. “Se eles não tivessem lucratividade, poderíamos dizer que tem de reduzir tributos, tirar a cunha fiscal, mexer no compulsório. Mas eles têm margem
    para aumentar o crédito neste momento, e é necessário que isso seja feito sem mexer em nada”, disse.

    Para Mantega, os bancos “toda hora” estão querendo cobrar mais medidas com o objetivo de jogar o problema nas costas do governo. A avaliação do ministro é que o governo trabalha permanentemente em uma agenda para melhorar as condições e a segurança no crédito, para diminuir os problemas, mas que isso não é neste momento o problema central. (Eduardo Cucolo e Renata Veríssimo)

    0
  • RosinhA 12 de abril de 2012 at 13:07

    Gostaria de trazer minha opinião sobre a construção do Andre em Jaraguá do Sul no final do post anterior.Estou dizendo sem saber metragens nenhuma, somente suposição de um lote com pelo menos 500m2.

    André não conheço os valores de materiais e mão de obra locais mas com 600k não conseguirá acabar um prédio de 4 andares com certeza. O gasto com salão comercial térreo seria o menor do da construção pois se for construído com blocos estruturais de cimento assentados à vista, para apenas serem pintados depois, economizaria pelo menos 40% nesta parte da construção.

    Outra o apartamento do fundo embaixo não aconselharia, pois seria muito melhor um estacionamento próprio da clientes do salão, e quanto maior o salão melhor seu aluguel, pois se aluga comercial pela metragem geralmente, e tendo facilidade de estacionar com um recuo maior, o lucro do ap de baixo seria irrisório.

    Outro item construir com pedreiro pago mensalmente uma metragem destas é elevar o custo de mão de obra em 200%, e geralmente sempre é assim quando pago por mês. (Tem que ser com preço fechado), estipula-se como por exemplo fundações pago X, primeiro andar com laje mais X, acabamentos X, tudo em contrato antes de começar a construção.

    Arquitero e engenheiro seriam indispensáveis nesta obra vou explicar o porque o custo deste profissionais gira em torno de m2, o arquiteto seria o responsável pela melhor adequação da planta perante o terreno, como por exemplo posições de iluminação e principalmente escadas, uma coisa mal colocada pode aumentar muito o custo que seria muito pequeno perante ao do arquiteto. Engenheiro é indispensável não adianta superestimar cargas isso é passado aumenta todo valor da obra desde as fundações até a última laje o dinheiro economizado pelas contas feitas pelo engenheiro será bem maior. Não precisa de acompanhamento desses profissionais apenas suas de idéais profissionais remuneradas justamente.

    Se puder construir 4 andares faça o projeto dos 4 logo de cara pois o preço é menor e pode se contruir metade ajuntar $$$$ e terminar depois, abuse de ecologico, não deixe para depois, logo ficará obrigatório, coleta de água, aquecimento etc o custo final ecológico em um prédio desses não chega a 3% do valor da obra, e eleva seu valor de revenda em pelo menos 20%, se comparado a outro para adequação.

    0
  • Luiz 12 de abril de 2012 at 13:14

    Bancos de montadoras decidem frear financiamentos com temor de calotes Indicador para atraso acima de 90 dias fecha fevereiro em 5,5%, aumento de 2,7 pontos porcentuais em 12 meses, e deve subir ainda mais

    do O Estado de S. Paulo

    Com o aumento da inadimplência, os bancos de montadoras freiam a concessão de crédito e projetam um ano de 2012 com crescimento mais fraco dos empréstimos para financiar a compra de veículos.

    Sem crédito, fábricas reduzem feirões

    A expectativa é que as taxas de inadimplência, depois do salto que deram desde o fim do ano passado, subam mais um pouco até o fim deste semestre. Depois, devem se estabilizar, mas em um nível mais alto. O indicador para atrasos acima de 90 dias encerrou fevereiro em 5,5%, aumento de 2,7 pontos em 12 meses, segundo a Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras (Anef).

    0
  • Rodrigo 12 de abril de 2012 at 13:30

    Bom dia a todos!!!!!
    Queria manifestar algumas opiniões sobre alguns comentários que tenho lido…..vamos refletir. Antes que me critiquem, quero deixar claro que sou totalmente contra os preços absurdos que vemos hoje no mercado imobiliário, (sou do Rio de Janeiro e estou a procura de um imóvel), mas acho que alguns comentários são exagerados e podem levar a conclusões distorcidas e exageradas em relação ao mercado imobiliário….segue:
    1) Em primeiro lugar, o resultado da Gafisa foi realmente muito ruim, mas é preciso analisar os resultados das outras construtoras também….todos sabemos que este resultado foi altamente influenciado pela incorporação da Tenda, que foi um fato extraordinário que pode ser recuperado nos próximos anos. Com a alta das vendas de 2011, como pode uma construtora apresentar um resultado tão negativo, se não fosse esse fato?
    2) Li muitos comentários do tipo: “Vi placas de vende-se na minha rua…..”. Apartamentos a venda, sempre existiram e sempre vão existir…..concordo que o aumento da oferta, tende a reduzir os preços, mas isso não é uma verdade absoluta e acontece lentamente…….Onde moro, por exemplo, não percebi nenhum aumento na oferta de imóveis usados…….
    3) Falando especificamente em Rio de janeiro, muita gente menciona que a que o número de apartamentos à venda no ZAP é altíssimo. Temos que considerar, que em apenas 5 minutos de procura, pode-se perceber que existem apartamentos anunciados por 3, 4 imobiliárias diferente, o que leva a falsa conclusão em relação ao número de apartamentos ofertados.

    Vamos debater……
    Abs a todos!

    0
    • FQ 12 de abril de 2012 at 13:40

      1 – Realmente esta tudo certo com a Gafisa! O valor da ação de uma empresa cair de 18 para 4 reais é normal! Ter 1 Bi de prejuízo também! Afinal, quem quer lucro!

      2 – Legal. Cada um tem sua impressão.

      3 – Se, de fato, existem anúncios duplicados no Zap, antes também existiam na mesma proporção. Então, obviamente, isso não interfere na taxa de crescimento relativa. Se antes tínhamos 4 mil aptos a venda e hoje temos 20. Cresceu 500%. Mesmo que os 4 mil sejam na verdade 2 mil e os 20 mil sejam na verdade 10 , o crescimento será de 500%. Entendeu?

      0
    • Mr. D 12 de abril de 2012 at 13:54

      Rodrigo,

      Também moro no RIO, e não sou entendido de economia, apenas um curioso.

      Comentando seus questionamentos
      1) Como concluiu que em 2011, tivemos uma alta generalizada de vendas?
      2) É verdade placas de venda sempre existiram, mas parece (impressão) que apareceram mais placas, por exemplo no prédio da minha noiva, está com 5 apês vendendo, todos há cerca de um ano e ninguém conseguindo vender.
      3) Também já verifiquei isso de um mesmo apartamento anunciado por 7 imobiliárias diferentes, assim fica relamente difícil de perceber.

      Mas o teor da reportagem do post é muito interessante

      Sdds

      0
    • roberto 12 de abril de 2012 at 13:55

      1) Em primeiro lugar, o resultado da Gafisa foi realmente muito ruim, mas é preciso analisar os resultados das outras construtoras também….todos sabemos que este resultado foi altamente influenciado pela incorporação da Tenda, que foi um fato extraordinário que pode ser recuperado nos próximos anos. Com a alta das vendas de 2011, como pode uma construtora apresentar um resultado tão negativo, se não fosse esse fato?

      R: e a PDG REALT ON NM deve ter pego a gripe da Tenda tb !!!!

      0
      • Lucas 12 de abril de 2012 at 14:39

        Será?????
        Ou a melhor desculpa a se dar é colocar a culpa na Tenda?
        Isso aqui é Brasil!!

        0
    • Riodetudo 12 de abril de 2012 at 15:29

      Só digo uma coisa: ESQUEÇAM O ZAP!!!! Bairros errados, áreas (m2) mentirosas, valores com “pegadinhas” faltando saldo, fotos do Cristo só pq o bairro fica em Botafogo, a lista é enorme…. é um ABSURDO como o Procon e MP não fazem nada contra este site, assim como vem tentando inibir safadezas de Americanas.com e similares. Só dá para considerar anúncio em jornal e com muito cuidado.

      0
      • CapEnt 12 de abril de 2012 at 20:39

        A culpa não é do ZAP, mas sim dos maravilhosos futuros animadores de piscina que anunciam nele.

        O ZAP não tem como contratar 100 mil fiscais indo um por um dos anúncios conferindo a veracidade dos dados no Brasil inteiro. Ele é só um site de anúncios. A veracidade do anuncio fica por conta da ética dos corretores que anunciam ali, que já sabemos ser epicamente ruim.

        Veja bem, a qualidade dos anúncios nos jornais impressos e classificados é tão ruim quanto o ZAP. O PROCOM tem de ir atrás é das imobiliárias que estão anunciando ali.

        Então fica aqui a regra: a qualidade do anuncio é proporcional a qualidade do anunciante.

        0
        • Riodetudo 14 de abril de 2012 at 13:56

          É claro que o ZAP tem responsabilidade. É possível entrar em contato com o “vendedor” direto pelo site, vê a localização no mapinha da página, inúmeras referências que não têm em anúncio de jornal, por ex.

          Além disso, não tem exigências básicas para comprovar o local, como pedir o CEP na hora de cadastrar o anúncio no bairro. Está incentivando a safadeza dessa forma. E as imobiliárias são também safadas, ambos convinentes com a picaretagem. Não precisa de nenhum ser humano para pedir CEP e ver se bate com o endereço.

          0
    • Ploc 12 de abril de 2012 at 15:50

      Ok, o ZIP é un engodo só. Mas vamos lá. O prédio da decada de 60 onde meus pais moram por 15 anos tem 50 unidades. Até 2010 tinham sido vendidos 6 imóveis e estes demoravam no mínimo 1 ano para vender. Nos ultimos 2 anos, 10 unidades foram negociadas e ainda tem 2 no mercado.
      Eu não preciso de ZIP nenhum para me dizer o que aconteceu, o que está acontecendo, e o que vai acontecer.
      Ainda tem mais, os valoers pagos não foram os anunciados no ZIP e sim menores. Mas claro, o vizinho vai usar o valor do anúncio para colocar o preço no dele.

      0
  • roberto 12 de abril de 2012 at 13:49

    Ora Mantega, antes de criticar as instituições financeiras vamos olhar para o próprio umbigo. O governo brasileiro é um dos que mais arrecada (lucra) no universo !!!! E qual é a contrapartida ? Segurança publica ? Saúde ? Educação ? Sem querer defender os banqueiros que são uns FDP, mas vamos lá, só de desconto em folha eu poderia pagar um segurança particular pelo ano inteiro. Agora se contar que em todas transações financeira eu pago imposto eu poderia ainda contratar um médico particular FULL TIME. Mas qual é a minha realidade: pago pela minha segurança (seguro de carro, casa , porteiro, etc) pago pelo serviço de saúde, pago colégio particular para o meu filho. Portanto se considerarmos os bancos os bandidos deste pais o chefe da quadrilha é o governo. Os bancos ainda prestam algum tipo de serviço o prior é o governo que só presta desserviço a esta nação. Mas antes da eleição mantega você vai as intuições financeiras arrecadar o caixa da campanha não vai ?

    0
    • "O" Nova 12 de abril de 2012 at 14:03

      Otimo comentario Roberto!!!

      0
    • Apocalipse now 12 de abril de 2012 at 14:31

      Concordo Roberto, ótimo comentário.
      Culpar os outros é fácil, para o Manteiga o Brasil está indo muito bem.
      Outro dia li uma matéria que dizia que o número de crianças nas ruas e trabalhando havia aumentando, ao invés de diminuir está aumentando, todos sabemos pq isso acontece, menos o governo que finge para o mundo que o Brasil está indo muito bem.

      0
    • Pobre 12 de abril de 2012 at 20:35
  • Ninja SP 12 de abril de 2012 at 14:15

    Ninja ( a)

    0
  • ROD 12 de abril de 2012 at 14:22

    Essa reportagem do WSJ foi bem light e até entendo eles pois devem ter montado a matéria somente com dados da C. Economics e não com algum jornalista locado aqui no BR.
    Mas fica evidente que mesmo leve esse tema está ganhando espaço e não há como negar a bolha, a discussão daqui pra frente situa-se muita mais no tamanho do problema e o tempo até o estouro geral.
    No final ainda comentam “Mas se a economia se desacelerar, ou for atingida por um choque externo” particularmente vejo que isso já esta acontecendo.

    0
    • Ronald 12 de abril de 2012 at 14:37

      Verdade!

      Quem é ligado já sabe da bolha de preços e agora falta ver até quando a mídia vai ficar escondendo isso.

      Também é sabido que vem aí marolinhas da crise para este ano e da mesma forma q escondem sobre a bolha vão esconder elas também…

      O governo irá fazer de tudo para manter os ânimos do consumo e isso inclui deixar o povo somente diante de notícias oficiais positivas sobre a economia…

      0
      • Ana 13 de abril de 2012 at 17:07

        1984 feelings…a cada dia que passa, Orwell fica mais e mais visionário.

        0
  • roberto 12 de abril de 2012 at 15:00

    Este governo deveria parar de se esforçar em arrumar credito para a nova classe C gastar irresponsavelmente e se preocupar mais com a segurança, saúde e educação deste pais que vai de mal a pior. Ou então em um futuro próximo teremos um bando de moribundos endividados pastando nas pradarias deste pais.

    0
  • Luiz 12 de abril de 2012 at 15:11

    UMA DAS maiores bobagens que tenho lido ultimamente é a justificativa de que o crescimento do PIB ou da renda sustena o aumento de preços.

    Oras o que faz o preço aumentar é a questão da oferta e demanda.

    Se a renda e o PIB aumentaram pois bem, que ótimo, isto siginifica que o país produziu mais, inclusive imóveis e que também pode consumir mais, entre outros, imóveis.

    100% do desequilíbrio pode e deve ser explicado pela especulação, o investidor dos 20%, o tolo maior e a deseducação financeira do consumidor que aceita pagar preços estratosféricos, a juros escorchantes e ainda pagar ágio pro cambista de porta de stande, vulgo corretor.

    Mas basta uma carta cair pro castelo vir abaixo.

    0
    • peterson 12 de abril de 2012 at 16:09

      Luis, não fique com raiva da conjuntura atual, basta pensar, quanto mais tolos, maior seu sucesso no futuro, o governo não tera como salvar todos os tolos, na verdade ele pode ate tentar mais não tem como faze-lo, supondo que um carro popular de 20k(irreal) financiado com juro 0%(o que é irreal) em 60 meses teremos R$333, um apartamento de 100k(irreal) com juro 0%(irreal) em 30 anos custa R$277, o condominio a R$200,00(irreal), gastos basicos telefone,internet,agua,gas R$150,00(irreal), alimentação R$300,00(irreal), temos uma soma irreal de R$1260,00 todo mês, o que supera a renda de 65% da população, supondo que isso so comprometesse 30% da renda, esta deveria ser de R$4200,00 o que é a renda de menos de 10% da população, assim com numeros irreais, percebemos que temos um problema grave de comprometimento da renda, pois duvido muito que somente 10% da população entrou na onda de consumir mais do que podia….

      0
      • CapEnt 12 de abril de 2012 at 20:47

        Na atual situação, se não mudar de rumo logo, o governo não vai ter como salvar nem ele mesmo dos credores.

        0
  • Ronald 12 de abril de 2012 at 15:23

    Dilma anuncia R$ 2,8 bi para casas em cidades com até 50 mil habitantes:

    Cerca de 2,5 mil cidades serão beneficiadas com 107 mil casas populares.
    Cerimônia em Brasília reuniu mais de mil prefeitos de todo o país.

    http://g1.globo.com/politica/noticia/2012/04/dilma-anuncia-r-28-bi-para-casas-em-cidades-com-ate-50-mil-habitantes.html

    0
  • Laranja 12 de abril de 2012 at 15:37

    ESPRAIANDO A BOLHA NOS PAMPAS!

    Oitenta e seis municípios gaúchos são beneficiados com nova etapa do Minha Casa, Minha Vida.

    Governo quer construir mais de 100 mil casas em municípios de até 50 mil habitantes

    zerohora.clicrbs.com.br/rs/economia/noticia/2012/04/oitenta-e-seis-municipios-gauchos-sao-beneficiados-com-nova-etapa-do-minha-casa-minha-vida-3724739.html

    0
  • Ze Bom Dirolo 12 de abril de 2012 at 15:47

    PIB crescerá 3% em 2012, prevê indústria
    Economia brasileira não deve ter muitos avanções, mesmo com alta da demanda interna

    A economia brasileira não deve crescer mais que 3% em 2012, mantendo o nível de baixo crescimento e estagnação do segundo semestre de 2011. É o que revela o Informe Conjuntural da CNI (Confederação Nacional da Indústria), divulgado nesta quinta-feira (12), em Brasília.

    De acordo com os representantes da indústria brasileira, o PIB (Produto Interno Bruto – soma das riquezas produzidas no país) da indústria não deve ter grandes avanços, mesmo com o aumento da demanda interna.

    A previsão da CNI é que a indústria cresça à taxa de 2% em 2012. O menor crescimento deve ficar com a indústria de transformação: 1.5%, metade do crescimento esperado para a economia brasileira em geral.

    //noticias.r7.com/economia/noticias/pib-crescera-3-em-2012-preve-industria-20120412.html?question=0

    0
  • peterson 12 de abril de 2012 at 15:49

    Fase atual é de negação-fraude-declínio-estagnação , baseado nas bolhas anteriores temos que ficar de olho em manipulações de dados, declínio de indicadores favoráveis, medidas expansivas de credito, aumento na desinformação com mistura de dados, omissão ou suprimissão de estatisticas, cortes em setores primários, aumento da oferta, manutenção de precificação, estabilização cambial ou inflacionaria, declinio dos juros, aumento da inadinplencia, aumento no desemprego, taxação e protecionismo, queda acionária em setores de fornecimento, aumento de captações para caixa, sentimento coletivo de algo errado… quando a conjuntura dos fatores atingirem um nivel critico ocorrerá o efeito de ruptura e entraremos na fase de declinio, que possui outras caracteristicas… assim, AINDA não estamos desinflando nada, como alguns deste blog entendem….

    0
    • Ploc 12 de abril de 2012 at 16:29

      peterson,

      Obrigado por me lembrar disso tudo. As vezes me esqueço que temos uma trajetória a seguir e não adianta querermos pular etapas. Tudo no seu tempo.
      Os que se precipitarem pagarão caro e os que tiverem paciência serão recompensados.

      Abraços,
      PLOC PLOC

      0
    • RosinhA 12 de abril de 2012 at 16:59

      Peterson não entendi muito bem, com a frase:

      “quando a conjuntura dos fatores atingirem um nivel critico ocorrerá o efeito de ruptura e entraremos na fase de declinio, que possui outras caracteristicas… assim, AINDA não estamos desinflando nada, como alguns deste blog entendem….”.

      Qual seria na sua opinião a conjuntura atual, se referindo ao 1- mercado imobiliário, 2- crédito 3- inadimplência achei interresante seu depoimento e gostaria de saber sua opinião da situação atual

      0
      • peterson 12 de abril de 2012 at 17:33

        baseado nas etapas das bolhas imobiliarias da espanha, asia, eua, dos titulos south sea, internet, dos commodities ouro, carvão, petroleo, dentre outras mostra que a conjuntura atual é de estabilização-fraude-negação sentido declinio, assim 1- imoveis seguem em alta, nas regiões que se estabilizam surgem estoques, sensação coletiva de algo errado e os estoques finais dos grandes especuladores são colocados em promoção, 2- fluxo de dolar determinará os proximos passos do governo, o dolar esta prestes a um colapso, o real também, assim teremos algo bem estranho como se os americanos transferissem sua crise para nós, 3-inadimplencia cresce sem repiques é uma rampa ascendente até a ruptura, qualquer repique que der é fraude. Sinceramente eu queria que as ofertas fossem mais, que os preços subissem mais, que houvessem mais tolos, pois a região com mais tolos será a que mais tera oportunidades e no sentido atual podemos ter uma ruptura que mantem os preços acima do valor real… ps.: suprimi muitas informações complementares para facilitar o entendimento….

        0
        • RosinhA 12 de abril de 2012 at 18:09

          Só discordo quando você diz:

          “no sentido atual podemos ter uma ruptura que mantem os preços acima do valor real”

          Quando subir a água ninguém vai conseguir manter os preços, não haveria mais cartéis, quando o barco está afundando o menino de 35 anos rouba colete da velhinha, ou da criança mais próxima, seria a lei da sobrevivência ao meu ver.

          0
          • Luiz 12 de abril de 2012 at 18:25

            peter e rô, isso me faz pensar que o caminho desta bolha até o fundo é longo, talvez 2015

            somos um grão de informação no meio de tudo isso.

            Agora sobre continuar aumentando eu acredito que não.
            Nas minhas pesquisas já estou encontrando redução de preços e repasses abaixo do valor de 2010, penso que o auge está sendo agora inicio de 2012, e os primeiros a perder o folego já estão aparecendo

            0
        • alexny68 13 de abril de 2012 at 11:13

          O real entra em colapso anos antes do dolar , isso esta bem claro , ja esta insustentavel a anos

          eh soh ver a falta de realidade nos precos do brasil e no cambio pra ver que o governo imprimiu reis sem parar e manteve o cambio aritifialmente

          0
  • Ze Bom Dirolo 12 de abril de 2012 at 15:55

    Para quem ainda não viu.
    O sonho americano.

    youtube.com/watch?v=en0YH2BjGvU

    0
  • lion 12 de abril de 2012 at 15:59

    Sugestao: Varios e-mails para o programa de rádio matinal diário do Ricardo Boechat na BandNews FM, ele vai acabar comentando sobre o assunto..
    Ele não exita assuntos polêmicos e comenta fatos que outras mídias não publicam.
    O que acham?

    0
    • RosinhA 12 de abril de 2012 at 17:25

      Mando e-mails todos os dias para ele, Joelmir, Celso Ming,entre outros não respondem não sei o porque poderiam ao menos colocar aquelas respostas automáticas de recebimento dizendo obrigado.

      0
      • Luiz 12 de abril de 2012 at 18:13

        manda pro Ratinho
        ou pro Celso Russomano
        Datena,
        CQC,
        Panico

        0
        • RosinhA 12 de abril de 2012 at 18:20

          Bom Celso Russomano e Datena nem posso ouvir falar, quanto aos outros vou enviar sim

          0
      • Carlos Wagner 12 de abril de 2012 at 18:24

        Coitado do Joelmir. O cara parece que engasga pra falar. Esquece o texto…

        O dizer de um cara que usa tablet pra se pentear ao vivo.

        0
        • RosinhA 12 de abril de 2012 at 18:52

          Desculpe-me Carlos vou discodar e muito, o cara entende muito, pois frequentávamos um restaurante comum e em 2005 ele já dizia tudo o que está acontecendo hoje, talvez pela idade a velocidade de raciocínio não seja a mesma, mais sua capacidade de análise de qualquer tema que pode imaginar é fantástica, pergunte algo a ele sobre carros ou futebol ficaria impressionado.

          0
  • MrK 12 de abril de 2012 at 16:26

    Pessoal, peco desculpas pela ausencia, estou num projeto trabalhando muitissimo e portanto nem acessei o blog nos ultimos dias, prometo voltar a comentar e discutir com voces, no final de semana!

    inclusive comentarei coisas interessantes sobre imoveis que estou vendo pessoalmente no rio, forte abraco

    0
    • Ronald 12 de abril de 2012 at 17:03

      Que bom que vc deu sinal de vida!

      We need you brother!

      Blessings!

      0
    • Bolha Imobiliária 12 de abril de 2012 at 17:37

      Você ainda nos deve uma análise Mrk personality do balanço da Gafisa…hehehe

      0
      • RosinhA 12 de abril de 2012 at 18:02

        Bolha parabens pela nova plataforma mais simples e com 945,76% a menos de erros.

        Copiar a Gardenisa um pouco.KKKKKKK

        0
        • Bolha Imobiliária 12 de abril de 2012 at 18:25

          O que faltava era um tema mais atualizado…hehe

          0
    • Felipe33 12 de abril de 2012 at 17:38

      Cara tú é o nosso camisa 10.

      0
    • Luiz 12 de abril de 2012 at 18:18

      chegamos a ficar preocupados Mrk, rsrs, vc aí no Rio pdoeria ter sido abduzido por algum bueiro voador, ou pior, poderia ter comprado algum imovel, … , pensando bem, as chances do bueiro marciano são maiores
      abrx

      0
    • Carlos Wagner 12 de abril de 2012 at 18:35

      MRK

      Conte-nos o choque de realidade que está vivendo entre cape town e rio.

      0
  • interior 12 de abril de 2012 at 17:24

    VENDAS DE VEÍCULOS : DESAPONTANDO.
    IG. RICARDO GALLO

    0
    • peterson 12 de abril de 2012 at 19:56

      de olho neste mercado altamente protegido pelo governo…..

      0
  • Ze Bom Dirolo 12 de abril de 2012 at 18:19

    Como faço para colocar minha foto mesmo?

    0
    • RosinhA 12 de abril de 2012 at 18:30

      Tenha primeiro um blog wordpress para facilitar depois entre no Gravatar para que sua foto fique marcado em todas as postagens

      0
    • RosinhA 12 de abril de 2012 at 18:43

      Desculpe Zé Dirolo pela resposta meio porquinha agora vai vê aí:

      h tt p://www.1conteudo.com.br/gravatar-o-que-e-como-criar-um-e-como-colocar-em-seu-blog/

      0
    • Sergio Figueiredo 13 de abril de 2012 at 22:49

      Basta ir no gravatar.com e fazer o cadastro da sua foto com o e-mail que você preenche o formulário do comentário.

      0
  • Jayme 12 de abril de 2012 at 18:21

    Pessoal,

    A “bolha” pode ser configurada no numero de financiamentos (com parcelas a perder de vista) X saúde da nossa economia X emprego X poder do financiado em honrar com as suas obrigações financeiras. Assim, se analisarmos que as famílias terão grande parte da sua renda comprometida com o financiamento (já que o valor financiado foi realizado com base no valor de mercado que esta inflado), e houver um forte desaceleração na economia com a redução das vagas e perda de emprego, estas pessoas não terão condições de honrar com as suas obrigações e deixarão de pagar o financiamento. Assim, o procedimento natural é que os bancos ingressem com ações judiciais para retomar os imóveis das pessoas que encontram-se inadimplistes (como sabemos os imóveis financiados estão alienados aos bancos por meio de cláusula de alienação fiduciária, onde o banco tem a propriedade do bem e o financiado somente tem a posse do mesmo). Conclusão: a tese da “bolha imobiliária” esta no aumento do número de inadimplência no que tange aos financiamentos (reitero – trata-se de financiamento de longo prazo, ou seja, não sabemos se a economia estará “bem das pernas” daqui uns 5 anos), em que os banco tomarão os imóveis dos consumidores (já que o financiamento não foi pago) e obrigatoriamente terão que arrenda-los (leilão) ao mercado (já que por lei, o banco não pode ficar com o imóvel). Com o despejo de inúmeros imóveis no mercado, a bolha estoura (lei da oferta e demanda) e os preços despencam. Acho que já vimos este filme nos EUA. São teses e teses. Infelizmente não dá para prever o futuro (se não eu já estaria milionário), mas dá para ser cauteloso buscando informações de como funciona o mercado. Sou meio cético com certas opiniões de especialistas nesta área imobiliária, já que o aquecimento deste mercado esta vinculado ao seu emprego e “ganha pão”. Lógico que neste caso todos estes especialistas dirão que o mercado esta ótimo para compra e venda de imóveis; Eu faria o mesmo!!! Peço que comentem!

    0
    • Luiz 12 de abril de 2012 at 18:29

      Jayme, as expectativas futuras estão alicerçadas no imaginario popular que de alguma maneira as riquezas do petroleo, as riquezas minerais e etc, serão distribuídas para o povo, que todos estarão ricos no futuro graças as dadivas da natureza, de deus e do PT.

      0
    • RosinhA 12 de abril de 2012 at 18:46

      O que vai ser legal é o leilão por preço de valor venal, imagina o vizinho ao lado sabendo que o novo comprador pagou 150k depois de 3 anos que ele havia pago 400k.

      Gente qual a validade do Gardenal? Pode-se comprar de atacado no mercado negro? Tem alguma erva chinesa que faz o mesmo efeito? Será o ativo mais procurado futuramente com certeza.

      0
  • Jayme 12 de abril de 2012 at 19:02

    Luiz, concordo plenamente com vc. Este governo vende uma imagem da nossa economia que não condiz com a realidade. Infelizmente vivemos em um pais em que grande parte das pessoas acreditamque o PT vai fazer alguma coisa e são omissas com a palhaçada que acontece em Brasília. Porém, creio que já estamos sentido as consequências das atitudes provocados pela falta de administração do governo, ou seja, alta da inflação, crescimento do PIB ridículo etc…Veremos o que dá!

    Complementando o meu comentário anterior sobre a “bolha imobiliária”, saliento que a população esta se endividando drasticamente e de forma muito acelerada. Ou seja, quanto maior a dívida e o número de endividados, menos gente consumido e menos dinheiro circulando. Consequência: Recessão. Espero que isso não ocorra, pois todos acabam pagando o pato!

    0
  • KaTsu Nami 12 de abril de 2012 at 19:04

    Não sei se alguém já postou aqui, mas está no jornal gratuito Metro (que já tem uma das maiores tiragens e é distribuído nas ruas de mais de 20 cidades grandes), pertencente ao Grupo Band, uma notícia (reproduzida tb no próprio site da Band), destacando o aumento do endividimento em março/12: 44,6% contra 41,6% de março/11, bem como o aumento da inadimplencia (aumentou de 16,6% para 18,3%). É claro que tem tudo a ver com o que tratamos aqui (efeito – causa – novo efeito).
    Quem quiser conferir: h ttp://www.band.com.br/impressao/?id=100000496927 e no Metro: h ttp://publimetro.band.com.br/pdf/20120412_MetroSaoPaulo.pdf .

    Abs,

    0
  • Carlos Eduardo 12 de abril de 2012 at 19:18
    • Guibro 12 de abril de 2012 at 23:15

      É uma das coisas mais engraçadas que já vi na internet! Ao mesmo tempo, é um aula importantíssima de economia!

      0
  • Marcelo Salvador Ba 12 de abril de 2012 at 19:47

    Mercado e Negócios
    Bancos de montadoras brecam financiamentos
    Instituições temem calote, que chegou a 5,5%

    Redação AB, com informações da Agência Estado

    O jornalista Altamiro Silva Júnior, do Estadão, registra que o aumento da inadimplência levou os bancos de montadoras a dificultar a concessão de crédito e projeta crescimento mais fraco dos empréstimos para financiar a compra de veículos em 2012.

    A expectativa é de que as taxas de inadimplência, depois de um salto desde o fim do ano passado, subam mais um pouco até o fim deste semestre. Depois, devem se estabilizar, mas em um nível mais alto. O indicador para atrasos acima de 90 dias encerrou fevereiro em 5,5%, aumento de 2,7 pontos em 12 meses, segundo a Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras (Anef).

    Automotive Business apurou que o índice de 5,5% refere-se ao conjunto de todos os veículos comercializados no País, incluindo motos, automóveis, comerciais leves e pesados. Segundo a Anef, a inadimplência mais acentuada, que puxa o índice para cima, diz respeito a motocicletas. Nesse segmento os potenciais compradores têm dificuldade em oferecer garantias para obter financiamento.

    Em reunião com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, em Brasília, na quarta-feira, 11, o presidente da Anfavea, Cledorvino Belini, pediu uma solução do governo para a dificuldade de crédito no financiamento de automóveis. Ele explicou que o aumento da inadimplência levou os bancos a reduzir a oferta de crédito para compra de automóveis no varejo e disse que as instituições oficiais têm baixa participação nos financiamentos.

    0
  • Fernandão 12 de abril de 2012 at 20:20

    “…The place you should study isn’t the bust. It’s the boom that should make you feel leery, that’s the thrust…
    (…)
    The boom gets started with a expansion of credit. The is confused for a real loanable funds. But it’s just inflation that’s driving the ones…
    (…)
    Who invest in new projects like house construction, the boom plants the seeds of it’s future destruction.
    (…)
    You must SAVE to invest. Don’t use the printing press.”

    0
  • RosinhA 12 de abril de 2012 at 20:43

    MrK não pode mais falar da Vila do Chaves. KKKKKK

    “Você não imagina a quantidade de pessoas que ouço falar que queria uma casa de ‘vila’. Mas é muito difícil encontrar unidades disponíveis no mercado, porque quem possui esses imóveis vende para parentes ou amigos que moram na mesma região”, diz o diretor de comercialização e marketing do Secovi, Luiz Fernando Gambi.

    0
  • Sir Income 12 de abril de 2012 at 20:47

    Inadimplência no crédito bancário dos carros novos sobe para 5,5%

    www .youtube.com/watch?v=USrLlDQZxd8&feature=g-u-u&context=G2a6e5f6FUAAAAAAACAA

    0
  • RosinhA 12 de abril de 2012 at 21:21

    O cara escreveu a maioria na decadas de 70/80, colocação por pedido de meu marido, nem tanto off topic, fora que quase todas servem para os dias atuais.

    Após estouro da bolha governamental:

    h tt p://letras.terra.com.br/raul-seixas/48296/

    Música para Gafisa 2012:

    h tt p://letras.terra.com.br/raul-seixas/48317/#selecoes/48334/

    Música Nova Classe C:

    h tt p://letras.terra.com.br/raul-seixas/48326/

    Música que cantaremos ao André amigo do MrK

    h tt p://letras.terra.com.br/raul-seixas/48317/

    Música bolha carioca:

    h tt p://letras.terra.com.br/raul-seixas/165307/

    Esta para todos integrantes do Blog:

    h tt p://letras.terra.com.br/raul-seixas/84/

    0
    • RosinhA 12 de abril de 2012 at 21:31

      Bolha tem que guardar essa aí hein, grave a página, daqui 3/4 anos estaremos rindo bastante. KKKKKKK

      0
  • Neo 12 de abril de 2012 at 22:14

    Pessoal acabei de receber por email do ricardo borges

    Os grandes fundos imob que davam liquidez para o setor com a compra para renda de aluguel estao diminuindo as compras, e detalhes, os valores sao surpreendentes

    IMÓVEIS – Daqui a pouco os apartamentos encalhados não poderão ser vendidos a fundos imobiliários e terão de ir a leilã o… Aí pode ser que a bolha estoure… “Os fundos de investimento imobiliário movimentaram R$ 179,27 milhões em março, o que significa uma queda de 42,05% ante o mês anterior, quando foram movimentados R$ 309,36 milhões. Os dados foram divulgados pela BM&FBovespa nesta terça-feira (10).” (Fonte: Infomoney) NÃO sei bem como funcionam estes fundos, mas se as quotas começarem a ser sacadas ou a cair muito os preços…

    comentemmmm

    0
    • Vinicius Lima 13 de abril de 2012 at 16:49

      Muito interessante Neo!!!

      0
  • Carlos 12 de abril de 2012 at 23:14

    Boa noite pessoal, estava colhendo informações sobre um empreendimento em jacarepaguá ( taquara-vert Vita) da living . Dois dias a trás o corretor me apresentou a tabela de preços variando de r$136.000,00 a r$170.000,00 todos na faixa de 51,7m2( sendo apartamentos de um e dos quartos). Entretanto recebo hoje, do corretor, a tabela revisada para o mês de abril, com todos os preços na bagatela de r$ 170.000,00 independente se tinha um ou dois quartos. Indagei o corretor sobre isso e o próprio não soube informar e disse que ele nunca tinha visto isto, e deu a explicação que o valor de r$170.000,00 era o teto do MCMV ( fato verdadeiro). E o pior, disse que esse aumento também é proveniente do aumento da procura e que quase todas as unidades estão vendidas. Peço uma opnião de vcs do blog para tentar entender este cenário um tanto louco. Um aumento de r$40.000,00 num mês para um empreendimento cujo o prazo de entrega é para agosto (acho que na verdade é “agosto” de deus) de 2013, ou seja vai atrasar no mínimo em um ano!!!

    0
    • peterson 12 de abril de 2012 at 23:37

      eu ja comentei que NÃO ESTAMOS NO DECLINIO assim ainda veremos muitos imoveis se valorizando no fluxo da bolha, pensem como um trem feiando a 200km/h, ele derrapa nos trilhos até parar, depois dessa fase entraremos num declinio, que é mais parecido com uma catarata, onde todos aceleram até cair de uma vez só….

      0
      • roberto 13 de abril de 2012 at 10:22

        Peterson, Ta mais para TITANIC mesmo….ahahahahahahahaha

        0
    • Leno 12 de abril de 2012 at 23:46

      Esse aumento está muito estranho mesmo. Antes de qualquer coisa entre em contato com a construtora e confirme este aumento.

      0
    • aiwww 13 de abril de 2012 at 10:12

      Eu penso que esse aumento é o último suspiro da construtora que está pensando em arrancar tudo que pode dos consumidores antes da mimosa ir para a área de charco. Conheço no mínimo mais três empreendimentos na região completamente vazios e entregues há meses. O lema dos vendedores aqui no RJ é “À Espera de um otário”.

      0
    • Paulo 13 de abril de 2012 at 10:25

      pra mim isso é um último suspiro, do tipo: “vamos arrancar o que puder de dinheiro agora pois daqui a pouco a fonte vai secar….”

      0
    • L1 13 de abril de 2012 at 15:01

      esse empreendimento dificilmente atrasa… moro na região, bem próximo e os prédios já estão quase de pé… já já vai começar o acabamento

      abç

      0
  • Guilherme Eduardo 12 de abril de 2012 at 23:25

    Na Grande Família (Globo), passou a esposa do Agostinho falando da “área molhada” da casa, ele perguntou o que era isso, a resposta foi: “é a piscina. É assim que o pessoal chama piscina na Barra”…. Varanda grill, espaço gourmet, área molhada = churrasqueira na varanda, cozinha coletiva, piscina…. rsrsrs

    0
    • aiwww 13 de abril de 2012 at 10:14

      Caramba, a área molhada da minha casa tem uns 200 metros quadrados! hauhauahuahuahuahua

      0
  • Fernandão 13 de abril de 2012 at 00:18

    Não posso deixar de compartilhar isso:

    http://www.zap.com.br/imoveis/oferta/Apartamento-Padrao-3-quartos-venda-SAO-PAULO-SANTANA-RUA-BENTA-PEREIRA/ID-2978897

    Será que é investidor com a corda no pescoço?? hehehe

    0
  • veigalex 13 de abril de 2012 at 00:44

    Pessoal,

    Notei que aqui na ZL de São Paulo, o numero de anúncios do ZÉP caíram 50%!

    Será que o pessoal cansou de inflar os anúncios?
    verifiquem suas regiões.. movimento suspeito.

    0
    • peterson 13 de abril de 2012 at 01:38

      lembre-se, omissões e manipulação estatistica, alterações de metodologias, redução do universo pesquisado, inserção de vicios ou retirada de referencia, alteração de fatores, retrocesso causal para ajustes, formatações condicionais a redução de indicadores negativos, atrasos fortuitos, maquiagem de dados, sobreposição de elementos repetidos, etc, tudo isso são indicios de fraude… estamos nesta etapa, procure olhar tudo com os olhos da razão, deixe a emoção para a sua decisão final….

      0
  • Anonymous 13 de abril de 2012 at 01:32

    Segue uma possibilidade que sugeri ao Rafael no tópico anterior. Pode interessar para alguém que tenha dinheiro disponível e está pensando em construir imóvel para ter renda de aluguel na Banânia.

    Para termos de comparação entre Banânia e EUA. Aqui, com cerca de 325 mil dólares (ou 600 mil Reais) voce compra cerca de 5 apartamentos de 2 dormitórios já alugados. O rendimento líquido mensal de aluguel residencial, antes de descontado o imposto de renda, é cerca de 0.6% (em alguns casos, 0.7%). Voce teria um rendimento mensal de cerca de 1950 dólares (ou 3500 Reais) sem nenhum problema com construção. Não é uma opção muito melhor do que o que voce está pensando?

    0
    • Lena 13 de abril de 2012 at 06:05

      Gostei da sua dica, Anonymous. Não moro no Brasil, mas nunca havia pensado na possibilidade de ter algum imóvel nos EUA. Que tipo de imóvel eu posso conseguir aí, numa região central, com a quantia de 150 a 200 mil reais?

      0
      • Anonymous 13 de abril de 2012 at 08:49

        Veja muitas das possibilidades em www . loopnet . com – nos EUA, é tudo distribuído e não existe essa idéia de um “centro” como existe nas demais cidades do mundo, onde os recursos estão concentrados. Voce até pode morar no centro das cidades, mas a qualidade de vida é pior do que morar nos suburbios.

        0
    • RosinhA 13 de abril de 2012 at 08:18

      Anonymous no pior rendimento que seria a poupança rende mais, porque teria de descontar os impostos do valor dos aluguéis, e não tem nada com maior liquidez do que o próprio dinheiro, fora que somente os dois salões da construção prontos quase renderiam esta quantia.

      Construção civil pode ser encarada como uma profissão como outra qualque o problema é que quase todos perderam a noção.

      0
      • Anonymous 13 de abril de 2012 at 08:40

        Está esquecendo de um pequeno detalhe – voce pode ter um rendimento em DOLARES que está protegido contra a maxi-desvalorização. A menos que voce acredite que tudo na Banânia custando o dobro ou o triplo dos EUA seja uma situação sustentável.

        0
      • Anonymous 13 de abril de 2012 at 08:43

        Outro detalhe que voce esquece é que nos EUA voce pode comprar um imóvel JÁ ALUGADO por 5 ou até mesmo 20 anos. Enquanto na Banânia o imóvel teria que ser construído, com muitos percalços no caminho, para TALVEZ alugar quando estivesse terminado.

        0
        • Rodrigo 13 de abril de 2012 at 10:15

          Mas e o Imposto de Renda???? Vc deu o valor líquido sem o referido imposto!

          Como disse melhor “construir” posto de gasolina ou garagem se houver possibilidade, obviamente sem gastar nada.

          0
          • Anonymous 13 de abril de 2012 at 13:05

            O imposto de renda é MENOR do que voce pagaria na Banânia, mas isso é irrelevante perto da proteção contra a maxi-desvalorização, da segurança jurídica dos contratos e das opotunidades que acompanham ter um negócios nos EUA. O ponto importante é que com a mesma quantidade de dinheiro voce compra de 2 a 3 vezes mais aqui, desde banana (sim, está mais barato aqui) até imóveis.

            0
  • fernando 13 de abril de 2012 at 02:44

    sempre leio as noticias do blog e principalmente os comentários do pessoal, sabendo filtrar, da pra aprender muita coisa interessante aqui.

    Aqui na minha cidade , juiz de fora acontece o mesmo que esta acontecendo em outra regioes. Houve uma supervalorizaçao absurda dos imóveis. Os preços estão exorbitantes, mas nos ultimos dois meses notei que aumentaram muito o numero de aps sendo vendidos e a maioria em preços bem acima do normal. Creio que a tendencia é que o preço caia daqui um tempo.

    Inclusive fiz a besteira de fornecer meu email e telefone pra um corretor da mrv que esta construindo dois condominios da minha casa minha vida na minha cidade. No inicio o preço era 110 mil em apertamentos de 40m^2. Toda semana recebo um email diferente com uma promoçao diferente em que o preço de alguma forma cai ou ganha-se brindes digamos mais valiosos. Sem contar o corretor me ligando nas horas mais inusitadas possíveis pra saber como anda meu interesse na compra do imóvel.

    Do lado da minha casa também esta sendo construido um prédio novo. A construtora anuncia como sendo de alto padrao. Ainda esta na planta e faz tempo que nao fazem nada no terreno. A principio o preço era 370 e sequer queriam negociar comigo um desconto para pagamento a vista. Hoje ja recebi um email perguntando se eu ainda tinha interesse, pois devido a mudança de imobiliaria que faz a propaganda, eles conseguiram um desconto ( nunca vi isso, muda imobiliaria que faz a propagando do prédio e ganha-se descontos ) e o preço agora é de 320 mil para o imóvel na planta financiado ou 305 mil a vista.

    Respondi que preferia esperar um pouco mais e deixar meu dinheiro aplicado e prontamente ja me mandaram outro e-mail falando pra eu fazer uma proposta pois a construtora era muito flexível.

    Meu sogro mora na mesma rua e tem contato com muitos corretores, e conversando ele me disse que o tal prédio de alto poder aquisitivo vendeu pouquissimas unidades.

    O negócio é esperar, pior que esta nao fica. Não conheço ninguem atualmente que tenha condiçao de pagar um imóvel a vista, e conheço um monte de gente que ta comprando apartamento pra pagar parcelas de 300 reais ganhando 600 reais por mes. A sensaçao que da é que uma hora a casa cai, ou melhor, a bolha estoura.

    0
    • Clapton 13 de abril de 2012 at 12:46

      Oi Fernando e demais participantes!

      Também sou de Juiz de Fora e estou nessa luta para comprar um ap à vista, não na planta e por um preço justo, há, aproximadamente, 6 meses.

      Tenho acompanhado diariamente as discussões do site, que têm me ajudado muito a compreender como anda o mercado país afora e os rumos que ele tende a tomar. E, principalmente, me ajudado a manter a calma 🙂

      Ainda não vejo queda nos preços anunciados pelas imobiliárias por aqui. Pelo contrário, tenho visto os preços aumentando cada vez mais, mesmo com alguns corretores admitindo que o mercado está andando devagar.

      A única diferença que notei é que há mais proprietários aceitando negociar, o que para mim indica somente uma mudança na tática, aumentam os preços e negociam para o trouxa ter a sensação de estar recebendo um bom desconto.

      Gostaria de ter acesso a estatísticas sobre o mercado local, mas todos sabemos que isso é praticamente impossível.

      Sigo por aqui fazendo minha parte, me negando a colocar mais ar nessa bolha maldita.

      Boa sorte a todos nós!

      0
  • GB 13 de abril de 2012 at 06:05

    Êêêêêêêêêêêê !!!

    Indicadores negativos e conseguiram que as ações da GAFISA subissem novamente, esse mercado não é estranho ?

    Fica em R$ 4,11, sobe para R$ 4,20, cai para R$ 4,03, sobe para R$ 4,15, então se não tiverem fôlego hoje cai para R$ 3,95 ? kkkkkkkkkkkk

    0
    • aiwww 13 de abril de 2012 at 10:16

      Já viu sardinha quando cai na rede ? …

      0
  • Pinto 13 de abril de 2012 at 06:16

    Galera,

    No início do ano passado eu estava procurando um apartamento no RJ e assim como muitos, desisti.

    Lembro te der visto o empreendimento Only Residencial, da construtora MR2 no bairro da Freguesia.

    Segundo o corretor só haviam algumas unidades disponíveis por R$ 170 mil numa obra que seria iniciada em dezembro de 2011 e duraria 3 anos (3 anos para um único prédio de 7 andares.. estranho né?).

    Mas na época pesquisei sobre o empreendimento e ví que estava sendo vendido desde 2009!!! Veja a data da notícia: http://negocios.centralblogs.com.br/post.php?href=only+residencial+ate+90+financiado+pela+cef+lancamento+freguesia&KEYWORD=13182&POST=1390560

    Na época ainda era vendido com possibilidade de financiamento da caixa. Agora 3 anos depois as obras ainda nem começaram e a estimativa (sem contar atrasos) é que fique pronta em mais 3 anos. Meia década pra construir um prédio de 7 andares!!

    Acabei de verificar no site da contrutora: http://www.mr2construtora.com.br/empreendimento_obra_detalhe.asp?id=7 que ainda não tem nada construído. Esses 5% da fundação deve ter sico contabilizado por terem capinado o terreno 🙂

    Sorte que não entrei nessa roubada!

    Abs,

    0
    • Lucas 13 de abril de 2012 at 10:44

      Isso é inacreditável!!

      0
  • Andre da Bolha de Plastico (para evitar homonimos) 13 de abril de 2012 at 07:46

    Vejam só a que ponto chegamos – o investitrolha quer repassar seus 2 belos investimentos em Diadema prometendo renda e valorização – daqui a pouco ate na feira vão querer fazer negócio – estava eu nProcurando um carro para comprar no Mercado Livre e me deparei com um sujeito fazendo a seguinte oferta ao proprietario do carro: (detalhe ele oferece a trolha como se estivesse fazendo um favor ao outro)

    Prezado boa noite. Venho lhe oferecer uma excelente proposta. Tenho 2 apartamentos na região de Diadema-Centro/SP em FACE de CONSTRUÇÃO – Previsão de entrega para 06/2013. O 1º eu já paguei R$ 50.000,00 e esta avaliado em R$ 200.000,00. O 2º eu já paguei R$ 72.000,00 e esta avaliado em R$ 290.000,00. O proposta seria que eu aceitaria seu carro como parte do pagamento e você assumiria o restante das parcelas que ainda faltam pagar. Aproveito para informar que também é uma otima oportunidade de investimento para uma menda futura. Caso você tenha interesse, favor entrar em contato no tel. (11) 8063-3296 ou no e-mail: [email protected] Obrigado.Denunciar
    Resposta:
    nao amigo obrigadoo – Há 1 dia.Denunciar

    Fonte: h t t p :/ /carro.mercadolivre.com.br/MLB-232431302-linea-essence-19-dualogic-ac-troca-carro-de-ou-valor-_JM

    0
    • GB 13 de abril de 2012 at 11:59

      Se é ótima “oportunidade de investimento e lucro”, porque ele não segura para ele mesmo ?

      0
      • Cleyton 13 de abril de 2012 at 20:40

        Madre Teresa de Calcutá? Eu também acho que não.

        0
    • Seu Madruga 13 de abril de 2012 at 15:38

      Porra André, está parecendo aquela cabine do Sílvio Santos:
      – ôoooi, você troca este carro por esta carreta de esterco?????

      0
  • Anonymous 13 de abril de 2012 at 08:36

    A exemplo dos jornalistas que escreveram o texto “Classe C já tem mais casas de praia e de campo do que a classe A”, Gilberto Dimenstein é outro jornalista COMPRADO pelo governo. Veja o que ele escreveu:

    Trabalhador vai ao paraíso
    www1 . folha . uol . com . br/colunas/gilbertodimenstein/1075488-trabalhador-vai-ao-paraiso . shtml

    Um sinal de como está agitado o mercado de informática no Brasil –e especialmente nos grandes centros urbanos– é acompanhar as páginas de recrutamento de empresas como Facebook, Google, Groupon, Twitter, Totvs (veja aqui). Há uma abundância de empregos e pouca mão de obra qualificada. Pelo menos nesse segmento, o trabalhador vai ao paraíso.

    É cada vez mais comum ver jovens recém-saídos da faculdade ganhando dinheiro de fundos dos Estados Unidos e da Europa para tocar seus próprios negócios. Alguns desses fundos criam incubadoras.

    0
    • Guilherme - SC 13 de abril de 2012 at 11:17

      Gilberto Dimenstein é um dos maiores pelegos que temos em nossa imprensa, chega a dar ânsia de vômito.

      0
  • Carlos_ 13 de abril de 2012 at 08:52

    Vendas da Gafisa caem pela metade no 1º trimestre, a R$ 408 milhões

    DA REUTERS, EM SÃO PAULO

    A Gafisa fechou o primeiro trimestre deste ano com vendas contratadas de R$ 408,2 milhões, metade do volume vendido no mesmo período de 2011, em meio à implementação da nova estratégia da empresa para recuperar as operações prejudicadas principalmente pela Tenda. O segmento popular da construtora não contou com lançamentos no período.

    Do total vendido, o segmento Gafisa respondeu pela maior parcela, R$ 317 milhões, seguido por Alphaville, com R$ 182 milhões –55% das vendas foram referentes a lançamentos e o restante, a estoques.

    Após revisão, Gafisa anuncia prejuízo de R$ 945 milhões em 2011

    Os lançamentos, enquanto isso, somaram R$ 463,7 milhões de janeiro a março, queda de 10% na comparação anual, conforme já havia sido informado pela companhia. O número representa 15% do ponto médio da estimativa para 2012, de R$ 2,7 bilhões a R$ 3,3 bilhões.

    No período, a construtora e incorporadora não lançou empreendimentos no segmento Tenda –unidade voltada ao segmento econômico que, desde que foi adquirida pela Gafisa, vem prejudicando os resultados. Dos lançamentos previstos para o ano, Tenda deve responder por no máximo 10% do ponto médio.

    De acordo com a nova estratégia, a companhia começou a reduzir o foco geográfico, priorizando mercados em que tem maior controle das operações. No trimestre, os lançamentos do segmento Gafisa ficaram totalmente concentrados em São Paulo.

    Com o menor volume de lançamentos, a empresa viu o nível de velocidade de vendas –medido pela relação de venda sobre oferta– cair em mais da metade ante o primeiro trimestre de 2011, para 10,4%.

    Se excluída a marca Tenda, a velocidade de vendas no trimestre passado foi de 16,1%, contra 21,6% na relação anual.

    Nos três primeiros meses do ano, foram entregues 6.165 unidades, praticamente o dobro das entregas realizadas um ano antes. A meta de entregas para 2012 é de 22 mil a 26 mil unidades, sendo metade do volume equivalente à Tenda.

    Link para o notícia no meu nome.

    0
    • Carlos_ 13 de abril de 2012 at 09:01

      Lançou 10% menos, mas vendeu 50% menos. Ou seja, mais estoque.

      Para quem não consegue ver a relação entre a cotação da ação na bolsa e a realidade do mercado imobiliário, aí está.

      0
  • Anonymous 13 de abril de 2012 at 09:05

    Cerca de 78% das vendas refere-se à marca GAFISA. No entanto, a culpada da situação de falência iminente é a marca TENDA. Entendeu?

    13/04/2012 – Vendas da Gafisa caem pela metade no 1º trimestre
    www1 . folha . uol . com . br/mercado/1075498-vendas-da-gafisa-caem-pela-metade-no-1-trimestre-a-r-408-milhoes . shtml

    A Gafisa fechou o primeiro trimestre deste ano com vendas contratadas de R$ 408,2 milhões, metade do volume vendido no mesmo período de 2011, em meio à implementação da nova estratégia da empresa para recuperar as operações prejudicadas principalmente pela Tenda. O segmento popular da construtora não contou com lançamentos no período.

    Do total vendido, o segmento Gafisa respondeu pela maior parcela, R$ 317 milhões, seguido por Alphaville, com R$ 182 milhões –55% das vendas foram referentes a lançamentos e o restante, a estoques.

    0
  • xangai 13 de abril de 2012 at 09:13

    acho que ainda tem mais problemas….contabilidade de construcao civil eh diferenciada ( nao entendo muito tambem ) ::
    “VENDAS CONTRATADAS”
    Representa cada contrato resultante de vendas de unidades durante certo período de tempo, incluindo unidades em lançamento. As vendas contratadas serão reconhecidas como receitas de acordo com andamento das obras (Método PoC – Percentage of Completion Method).

    a meu ver ( assim como VGV ) sao numeros com um risco embutido enorme,
    venderam mais um monte de unidades , receberam uma miseria ( por enquanto ) e lancam o valor total como “vendas contratadas” . ?!?

    entendo que todos esses milhoes so se concretizam com a entrega do imovel e com o recebimento dos financimentos dos clientes/moradores. !?!?

    sei la ..

    0
    • Carlos Wagner 13 de abril de 2012 at 11:26

      Não entendo muito bem de contabilidade de construtoras, mas imagino ser dessa forma como voce descreveu.

      Alguem poderia confirmar?

      0
    • RosinhA 13 de abril de 2012 at 12:45

      Xangai e Carlos o problema que as construtoras usam o VGV para fazer propaganda de marketing de vendas, e principalmente para ver se um financiamento da obra é viável pelo banco por exemplo.

      Este valor geral da vendas servem praticamente como garantia para um viabilidade de financimento bancário, mas os bancos não são trouxas existem milhares de fatores de riscos embutidos, por lei não sei se pode mas com certeza ele colocam como número de entrada de $$$$ sim.

      Respondendo a pergunta do Xangai eles usam sim o VGV, para mostrar desempenho da empresa e volume de vendas, um exemplo parecido é você ter uma fábrica de brindes o cara manda fazer 500mil canetas, você só recebe um sinal, bota empregado para dar conta do pedido fabrica tudo e na hora H o cara diz que não pode mais pagar, alguém financiou a cadeia para produzir, quem será responsabilizado? Enquanto o mercado estiver aquecido ótimo, se esfriar quero ver banco bancando cosntruções a rodo duvido, o risco é enorme coitado de quem compra na maldita planta.

      Vocês como dons de bancos chega a Gardenalfisa e pede financiamento para obra X quem bota fé na atual situação?

      0
  • Fernando 13 de abril de 2012 at 09:28

    Pessoal,

    Segue matéria interessante sobre o endividamente dos brasileiros:

    Fonte: http://www.diariodepernambuco.com.br/2012/04/13/economia7_0.asp

    O Brasil que não faz contas

    VERA BATISTA e ANA CAROLINA DINARDO [email protected]
    Recife, sexta-feira, 13 de abril de 2012

    Mais da metade da população tem débitos na praça. Parcelamento a “perder de vista” e cartão são incentivo

    Uma prestação que cabe no bolso é a porta de entrada do brasileiro no mundo nada encantado das dívidas. Fácil de entrar, difícil de sair. Só quem viveu a experiência, perdendo noites de sono, sabe o preço dessas convidativas prestações, que de tão baixas, escondem os juros e encargos embutidos. É o caso da analista de telemarketing Kênia Sousa, 29. Com o cartão de crédito na mão e tentada por ofertas, ela acabou gastando R$ 380. Com salário de R$ 1,2 mil brutos, Kênia não se preocupou em entrar no rotativo, até que viu sua dívida chegar a R$ 1,5 mil.

    “Deixei de pagar duas faturas. Os juros deram um salto. Hoje, é um dinheiro que pago sem ter retorno.” Compras adiadas e o sorriso de Kênia fora de circulação nos encontros da turma do telemarketing foram o custos adicionais que pagou por não ter feito as contas antes de gastar com o cartão de crédito.

    Kênia não é a única, pois milhares cometem o mesmo erro. “Os brasileiros não pesquisam preço, caem nas armadilhas das propagandas e do pagamento mínimo do cartão de crédito e não têm o hábito de poupar”, diz o educador financeiro Antonio De Julio, da Consultoria MoneyFit. Os consumidores, de fato, só querem saber se, individualmente, a prestação cabe no bolso. Acumulam parcelas baratas que, juntas, formam uma verdadeira bola de neve.

    Matemática financeira não é uma matéria fácil. Mas uma simples operação aritmética pode indicar se o cidadão está sendo explorado ou se o salário é suficiente para bancar os desejos. “Compare o valor à vista com o total pago até a última prestação. Se o resultado da soma for o dobro ou um bem e meio anunciado, pense melhor”, destaca Christiano Ronaldo, da C&R Advogados. Ele cita o exemplo de uma cliente que pensava ter feito excelente negócio ao comprar um automóvel cujo preço à vista era de R$ 25 mil. Mas o vendedor ofereceu uma oportunidade “imperdível”: 60 prestações de R$ 644,59. Ela não percebeu que estaria pagando mais de um carro e meio, ou seja, o total de R$ 38.675,40. “Ao final do quarto mês, estava com o nome sujo na praça”, contou Ronaldo.

    0
  • Joy Division 13 de abril de 2012 at 10:17

    Na coluna da Mirian Leitão de hoje no jornal o globo, houve “relativa ” citação à bolha imobiliária, vejam que já a reconhece: Ivan de Souza Monteiro, e o vice-presidente de Finanças e Mercado de Capitais da Caixa Econômica Federal, Márcio Percival Alves Pinto.

    Preço do dinheiro

    “Ivan de Souza Monteiro, e o vice-presidente de Finanças e Mercado de Capitais da Caixa Econômica Federal, Márcio Percival Alves Pinto. Os dois garantem que não temem a formação de bolhas nem o risco de perda de rentabilidade das instituições. Informam que além da renegociação de dívidas por juros mais baixos e prazos maiores estão oferecendo aos clientes educação financeira para orientar os investimentos.
    (…)
    — O endividamento das famílias está em apenas 22% da renda. Isso é um nível baixo. A gente pode pensar em bolhas quando os ativos estiverem se valorizando muito acima da renda — afirma Márcio.
    Lembrei que isso ocorre nos imóveis. Ele admitiu que certos segmentos desse setor precisam mesmo ser olhados com bastante atenção.”

    0
    • Ronald 13 de abril de 2012 at 10:43

      Realmente o governo está forçando os juros baixos pois já reconhece que vai ter quebradera geral e está “facilitando” a renegociação de dívidas das famílias!!!

      Esse é o objetivo do governo: Deixar quebrar e dividir a conta com o povo.

      Os que se endividaram por 30 anos vão renegociar e pagar por mais 30?

      Existe algo muito sério acontecendo com o Brasil nesse momento e dá até arrepio em pensar no que está acontecendo com o mundo.

      Quem descobrir antes pode sair menos prejudicado. Só resta poupar e lutar.

      0
      • Thiago 13 de abril de 2012 at 10:54

        Pena que mais crédito == mais inflação

        Realmente a coisa esperta a fazer se você está endividado até o pescoço é ir refinanciar isso, mas o efeito disso (e da dívida) no longo prazo vai ser complicado

        Stagflation ai vamos nós! Mas o Brasil vai ganhar a copa então está tudo bem.

        0
  • Neo 13 de abril de 2012 at 10:21

    Anonymous

    não dá pra ficar com a dhilma ai pro cêis ?

    agrada ela, quem sabe ela decide imigrar

    0
  • Rodrigo 13 de abril de 2012 at 10:25

    Não se pode generalizar!!!

    Será que em Jacarepagua realmente existe bolha?
    Será que neste local específico existe bolha?
    Será que neste prédio existe bolha?
    Será que neste apartamento existe bolha?

    A bolha existe, mas não se pode generalizar. Esse valor para muitos é considerado um bom investimento.

    170M (MCMV) – 30M = 140M.

    0
  • Paulo 13 de abril de 2012 at 10:34

    o governo tá desesperado, pressionando bancos para baixar juros… vejam a briga do Mantega com a Febraban (federação dos bancos) … o Mantega fala que eles tem que baixar os juros diminuindo seus lucros (haha, tá certo, banqueiro vai diminuir seu lucro por que o governo quer manter a ilusão)…. mas na real, acho que essa bolha só estora após a eleição, alguém tem dúvida que o governo vai segurar até lá para ter maiores chances na eleição???
    segura até aonde der, depois de outubro….. corri negadis!! (rsrs)

    alguém concorda? discorda?

    0
    • Grotesco 13 de abril de 2012 at 11:10

      Acho que o caldo engrossa de vez em agosto, logo depois de um vexame da selecinha nas Olimpíadas de Londres (com 99% de probabilidade):

      http://www.bolhaimobiliaria.com/2012/04/10/apos-revisao-gafisa-anuncia-prejuizo-de-r-945-milhoes-em-2011-folha-com/#comment-47489

      Isso porque tem muitos indivíduos mais preocupados com resultados do futebol do que com, digamos, educação financeira. Porém, no caso de um novo papelão, não haverá nada para amortecer a consciência da galera, restando apenas a realidade nua e crua.

      O 1% que resta se refere à possibilidade de os donos do futebol darem o título olimpico para Neybolha & Cia., à semelhança da Espanha na Copa de 2010. Então, o oba-oba resultante manterá a ilusão por mais algum tempo.

      Em tempo, isto é um mero palpite. Para uma informação mais precisa, só perguntando para o Miguel Jacó (O Profeta).

      0
  • Paulo 13 de abril de 2012 at 10:38

    Mais um comentário: alguém ouviu a coluna do Mauro Hatfeld ontem na CBN? um ouvinte fala que tem 50k e queria comprar um apto de 400k (talvez de uns 60m2…hehe) e qual era a melhor forma pois investia em renda fixa e conseguia guardar 3k por mes….. o Mauro na maior cara de pau fala pro cara ir para um financiamento o quanto antes pois os imóveis valorizavam sempre acima de qq fundo de investimento…… na boa, o cara tá viajando de falar isso…. mesmo os SECOVI da vida falam que imóvel vai acompanhar a inflação a partir de agora…. gostava da coluna do Mauro, ele que mudou ou eu que não percebia antes???

    0
    • RAL 13 de abril de 2012 at 10:52

      Meu , caro certo dia escrevi para Diretora da Radio CNB a tal da Marisa Tavares e falei que o Tal do Mauro era comprado pelo mercado imobiliario e não tinha autonomia nenhuma , a resposta foi a qual já esperava ela defendeu até os dentes o Mauro é claro é de responsabilidade dela a negociações com os patrocionadores , dou uma conselho não escute mais comentários deste retardado. Inclusive tem algumas perguntas que acho interessante exemplo : Tenho 1 milhão investido em CDB , Deve sacar e comprar um imóvel na planta antes que os preços subam mais ???

      Basta ter o minino de inteligencia e deduzir quem tem 1 milhão de reais vai pedir conselho para o tonto do Mauro , esta pessoa já tem ao lado informações suficientes para chegar até esta quantia ,não precisa dele e é claro que está pergunta nem existem é fruto da mente protistuta deste imbecil

      0
      • Paulo 13 de abril de 2012 at 11:04

        agora que vc falou percebi que é verdade… tem várias perguntas que fazem que não pode ser real… eu ficava imaginando: pô, negada burra pra cacete!.. conseguiu juntar uma puta grana e continua investindo em poupança…. mesmo essa pergunta que eu falei… o nego me fala que comprou um carro zero (que era o sonho dele) e agora quer partir para comprar a casa… e já tem 50k…. porra, como o cara compra o caro e sobra 50k na boa??? nego burro!!! …. ou pergunta feita!!!!!

        0
        • aiwww 13 de abril de 2012 at 13:24

          Poupança é ruim? Eu não acho … tem coisa pior … imóveis ..

          0
      • João Paulo (Contagem-MG) 13 de abril de 2012 at 11:09

        Isso realmente é um fato, difícil confiar em alguém com uma opinião tão volátil
        quando o assunto e finanças, embora o mercado não seja estático, esse amor e ódio que ele tem para com os imoveis e algo muito estranho, para dizer o minimo. Cheguei a pensar em deletar o feed dele, mais prefiro aquele conselho, mantenho meu amigos próximos e meus inimigos mais próximos ainda…

        0
      • Carlos Wagner 13 de abril de 2012 at 11:37

        É VERO!!!

        Quem consegue cehgar a essa soma, subentende-se ser uma pessoa com boa formação, bom emprego e renda e não precisa de conselho de “especialista”. Precisaria de conselho se fosse um gastadir e almejasse poupar 1 milhão…

        Esse Mauro pode dar a mão pro Dimenstein e sair pro mundo… Eles falando e um cachorro cagando é a mesma coisa!

        0
        • Cleyton 13 de abril de 2012 at 20:38

          Haha, é isso aí!

          0
  • Fernandão 13 de abril de 2012 at 10:40

    Olha a imprensa…

    http://www.youtube.com/watch?v=r80qy90gteA

    O CRESCI diz que vai subir o preço ainda mais.

    0
  • POC 13 de abril de 2012 at 11:02

    Só acredito que os preços caiam após a copa 2014.
    O governo esta baixando os juros e injetando crédito .. isto vai elevar os preços dos imoveis ainda mais.

    0
  • Roc 13 de abril de 2012 at 11:10

    Vocês viram isso?

    Gafisa aponta queda de 50% nas vendas do primeiro trimestre.

    h t t p://www.infomoney.com.br/gafisa/noticia/2401633-gafisa+aponta+queda+nas+vendas+contratadas+primeiro+trimestre

    Realmente o mercado está aquecido. Acho que, pra ser sincero, deve estar a ponto de explodir! 🙂 (rsrs)

    0
    • Carlos Eduardo 13 de abril de 2012 at 11:46

      Caracas ! desse jeito o preju desse ano vai ser de 2 bi!

      parabens Gafisa!

      Exemplo de gestão …

      aposto que tem um monte de MBA em gestão lá no comando da gafisa

      0
      • GB 13 de abril de 2012 at 12:08

        O preju de 2012 vai ser de 3 bi e 1 bala juquinha.

        E tem que lembrar que eles jogaram parde do preju de 2011 para 2010 e jogaram tambem na surdina para 2012.

        0
    • Carlos Eduardo 13 de abril de 2012 at 11:50

      Será que alguém vai ter coragem de comprar essa empresa!
      veja bem, se a gafisa fica atribuindo á Tenda todos os problemas dela… quem teria coragem de se juntar com essa trolha???

      haha

      0
      • Carlos Wagner 13 de abril de 2012 at 12:00

        É muito facil voce atribuir todo seu infortunio a terceiros.

        Vejamos: Você é noivo de uma pessoa preguiçosa, que só sabe reclamar e não tem nenhuma ambição na vida, não cuida da casa e não liga nem mesmo em viver num lugar limpo, namora ela a anos e mesmo assim resolve casar. Depois do casamento fica reclamando da vida e diz que ela faz da sua vida um inferno e que sua vida esta despedaçada por culpa dela. (Atenção, sou homem e usei o exemplo do sexo oposto, mas poderia ser o inverso.)

        Na minha opinião o culpado pela sua desgraça é voce, que sabia da situação e mesmo assim se casou. Isso é apenas consequencia de uma ato impensado ou inconsequente.

        No caso da GAFISA é a mesma coisa. Não adianta culpar a tenda. Se ela foi vendida e absorvida é porque ja parensetava problemas.

        ISSO É INCOMPETÊNCIA DE GESTÃO DA GAFISA E ELA DEVE SER PENALIZADA POR SEUS ATOS INCONSEQUENTES PERDENDO VALOR NA BOLSA E, QUEM SABE, INDO À FALÊNCIA.

        0
      • Luiz 13 de abril de 2012 at 12:05

        pq vc acha q a PDG caiu tanto?
        o boato era que ela ia compra com grana do BTG pra evitar um panico no mercado.
        O BTG foi o banco q levou o panamericano
        Dizem que estão numa operação limpeza brava por lá

        0
        • RosinhA 13 de abril de 2012 at 12:51

          Luiz os caras não estão nem aí com a situação da empresa, já tem contas como diz o Anonymous, em diversos lugares do planeta, que dariam para sustentar umas 7 gerações, prejuízo de 1 bi e ninguém tirou nada por fora como garantia duvido !!!!!!.

          Duvido o governo ajudar, ele sabe do tamanho do ralo, se jogar 10, 5 vai por bolso de alguém e 5 vai dar uma maquiada. Esses caras grandes tem informações e conhecimentos governistas privilegiados, quem vai perder vai ser o consumidor final e os empregados somente.

          0
          • Luiz 13 de abril de 2012 at 13:35

            exato rô,
            os sardinhas tbm já estão perdendo e muito

            tem um forum no advfn chamado gafisa oficial, eles filtram e banem todo tipo de informação contrária, que é pros trouxas caírem na arapuca.
            dá até dó, tem gente lá que zerou 15 mil reais anop passado só operando esse papel

            0
  • Paulo 13 de abril de 2012 at 11:56

    Bolha, posso dar uma sugestão? você podia abrir um tópico pra fazermos uma competição pra ver quem acerta quando a bolha vai estourar…
    só definir da data a ser considerada tipo: dia que o jornal nacional fizer uma reportagem com quem comprou imóvel na planta pra pagar as prestações e vender antes da entrega das chaves e agora não vale nem metade….. ou qdo sair em 3 grandes jornais reportagens falando que o preço cai mais de 30%……
    dai cada um vai pondo um post único com sua aposta e escolhe o premio….

    uma sugestão de premio pode ser: uma coxinha no boteco da esquina ou uma ação da Gafisa, o que valer mais na época….

    que tal????

    0
    • GB 13 de abril de 2012 at 12:12

      Eu sou da opinião de que a bolha JÀ ESTOUROU e isso ocorreu em setembro/2011, pois a mudança do oba-oba para os problemas no setor imobiliário e o fim do sorriso nas caras desse pessoal remontam dessa data.

      Talvez o correto seja apostar quanto tempo eles vão continuar escondendo o fato na mídia comprada, aí seria legal.

      0
      • Virginia 13 de abril de 2012 at 12:29

        Eu assino embaixo!

        0
        • Luiz 13 de abril de 2012 at 13:08

          preços já estão em queda Paulo

          estamos no gap entre o esgotamento da capacidade do mercado de aceitar os preços no topo e a conscientização dos proprietários que continuam anunciando imoveis a preços estratosféricos, mas não vendem, a menos de encontrarem os ultimos trouxas.

          0
          • Paulo 13 de abril de 2012 at 13:54

            ok, ok, concordo com todos…. ou quase.

            acho que chegamos no fim do desfiladero, e agora é uma ribanceira pra baixo…. o que tá acontecendo é todo mundo segurando no pico, um ou outro caindo na ribanceira, mas daqui a pouco é tudo pra baixo…. esse é o ponto que propus acertarmos… quando o FIPE-ZAP vai indicar -30%?
            quando não vão mais conseguir esconder a realidade?

            0
            • Luiz 13 de abril de 2012 at 14:43

              Paulo, isso só vai acontecer qdo algo muito trágico for no jonal nacional

              tipoo a gafisa quebrou, ou a caixa quebrou, ou o Le Parc desabou ou algo do tipo.

              Se nada aconceter o sangramento será lento mesmo.
              Segundo calculo de valor de vendas deste trimestre já estamos num ritmo de queda na velocidade de 20% ao ano, na média, SP.

              0
              • Paulo 13 de abril de 2012 at 15:43

                não sou especialista Luiz, mas eu vejo essa diminuição como o fim do crescimento, mas a queda eu enchergo bem acentuada…. é igual bolsa (afinal tão especulando com imóvel), cresce, cresce, cresce, começa a estabilizar e despenca….

                além do que acho que vai ter algum fato trágico por aí…. um aigo trabalha na caixa e ele diz que o tanto de financiamento que tão negando tem aumentado consistentemente… neguinho que comprava apto de 300k e ia pagando 500 reais por mes, o apto fica pronto e ele tem que financiar mais de 250k…. precisa de uma renda X e não tem nem metade dessa renda…. coloca o imóvel a venda, vai batendo desespero de não vender e vai baixando o preço….e assim vai…..

                0
  • Luiz 13 de abril de 2012 at 12:03

    GFSA3 4,05 -2,41
    caindo denovo

    0
  • GB 13 de abril de 2012 at 12:15

    Esses repiques da GAFISA na bolsa não são bons, mostram que esses “aumentos” repentinos são artificiais, tem que ver quanto tempo a pessoa que está investindo na idéia consegue fazer isso.

    0
  • Luiz 13 de abril de 2012 at 12:18

    vejam o que vcs acham
    casas horrorosa como essa em 2011 chegaram a valer quase meio milhão, periferei
    agora já está sendo anunciada a 280k Lógico que não é no plunct-plact-zump)

    h t t p://www.decisaomoradia.com.br/imoveis/sao-paulo-oeste.asp?codigo=1786#0

    na minha opinião ainda tá caro, queda de 40% é pouco,
    precisa cair uns 70% pra ficar razoável

    0
  • KaTsu Nami 13 de abril de 2012 at 12:22

    Quem viu a coluna da Miriam de hoje? Na entrevista com o diretor da CEF está evidenciado com todas as letras, embora de modos sutil (quase envergonhado), a opinião dela de que no mercado imobilíario há uma bolha. Confiram o trecho que selecionei (é meu o destaque em caixa alta da “lembrança” feita pela Miriam a seu entrevistado):

    “(…) A Caixa não mexeu no produto em que é líder, o crédito imobiliário. Segundo Márcio Percival, é porque os juros desse produto são administrados e já bem baixos. No final do mês, a instituição fará um grande leilão de imóveis que além de taxas diferenciadas terá até uma novidade: serão imóveis mobiliados.

    Os dois dirigentes recusam a ideia de que isso é incentivo ao endividamento excessivo que pode levar à formação de bolhas como as que arruinaram outras economias.

    — O endividamento das famílias está em apenas 22% da renda. Isso é um nível baixo. A gente pode pensar em bolhas quando os ativos estiverem se valorizando muito acima da renda — afirma Márcio.

    LEMBREI QUE ISSO OCORRE NOS IMÓVEIS . Ele admitiu que certos segmentos desse setor precisam mesmo ser olhados com bastante atenção.
    (…)

    0
    • KaTsu Nami 13 de abril de 2012 at 12:23

      de “modo sutil”. Foi mal.

      0
      • Luiz 13 de abril de 2012 at 12:47

        adianta nada o nome da dívida, divida é divida e a hora que estourar, não importa o nome, vai faltar renda pra pagar os juros.

        Se o cara não consegue se endividar na casa que ue uma divida segura, lastreada no imovel, vai se endividarf no cartão, lçastreado na confiança

        noves fora dá na mesma

        0
    • walyson Trautenmuller 13 de abril de 2012 at 16:49

      KaTsu Nami, eu vi sim,
      Você prestou atenção na hora em que um dos diretores falou sobre um feirão no próximo mês, daí a miriam perguntou.
      – Feirão de juros?
      E o diretor do BB meio envergonhado ou talvez com receio falou asssim,
      – Não, feirão de imóveis.
      Sua risada meio cínica me chamou a atenção.

      0
  • Conde Drácula 13 de abril de 2012 at 12:33

    Alguem sabe da ideia do governo em mudar os juros da poupança?
    Se a selic chegar a 7,5 % e quiserem abaixar mais, vão ter que mudar as regras da poupança.

    Será que fazem isto este ano? Em ano de eleição, isto pega mal para o governo.

    0
    • bruno 13 de abril de 2012 at 13:28

      selic 7,5 muda poupança?

      ta louco?
      selic abaixo de 9 já tem q alterar a poupanca

      0
      • Conde Drácula 13 de abril de 2012 at 13:37

        EM 2010 chegou em 8,5% e não alterou a poupança

        0
  • lion 13 de abril de 2012 at 12:52

    Lançamentos consolidados da Gafisa somam R$ 464 mi
    A Gafisa (GFSA3) divulgou nesta quinta-feira, a prévia dos resultados do primeiro trimestre de 2012. Os lançamentos consolidados totalizaram R$ 464 milhões, queda de 10% em comparação com o mesmo período de 2011. As vendas contratadas totalizaram R$ 408,2 milhões, redução de 50% no comparado com o primeiro trimestre de 2011.
    fonte: infomoney . com . br

    0
    • Shakespeare 13 de abril de 2012 at 14:13

      h t t p ://www.bmfbovespa.com.br/empresas/consbov/ArquivoComCabecalho.asp?motivo=&protocolo=330877&funcao=visualizar&site=B

      0
  • POC 13 de abril de 2012 at 12:56

    Condomínio: ações contra inadimplência têm maior número desde setembro de 2010

    h ttp://www.infomoney.com.br/emprestimos-dividas-e-inadimplencia/noticia/2398974-condominio+acoes+contra+inadimplencia+tem+maior+numero+desde+setembro+2010

    0
  • Jayme 13 de abril de 2012 at 13:01

    Observem como as coisas estão indo. Visitei um stand de venda no bairro da Saúde em SP (Perto do metro Praça da árvore) em uma rua de certa forma bem movimentada e barulhenta. A construtora era pequena e não muito conhecida (é de uma japonesa). A metragem do apto é de 70m2 com uma vaga na garagem. Sabem quando eles estavam pedindo à vista na planta? Meio milhão de reais (isso mesmo R$ 500.000,00). O pior de tudo é que o sínico do vendedor informou que depois de pronto o mesmo iria se valorizar de 35 a 40%. Ou seja, de acordo com ele, quando estivesse pronto este apto de 70m2 irá valer a simples bagatela de R$ 700.000,00. Resumo: Falei na cara dele que o preço era um absurdo e que ele estava viajando na pura maionese!! AGORA PERGUNTO: quem em sã consciência vai PAGAR R$ 700.000,00 EM UM APTO DE 70M2?!?!? NÃO EXISTE BOLHA???? O lado positivo é que o stand de vendas esta as moscas (já que passo todo dia na frente quando vou trabalhar) e eu via o pessoal entrar e sair em 5 minutos de lá.

    0
  • leo 13 de abril de 2012 at 13:06

    Pessoal aqui em BH nos melhores bairros, como Lourdes e Funcionários, o m2 está na faixa de 10mil!

    Um apartamento de 100m2 novo está na faixa de 1.000mil, e o pior é que estão ocorrendo muitos negócios.

    Na boa, para os preços ficarem acessíveis teriam de cair 70 a 80%, alguem aqui acredita nisso?

    Complicado, eu acredito em no máximo 30% de queda, isso nos melhores bairros, como Lourdes, Leblon e Jardins.

    0
    • Luiz 13 de abril de 2012 at 13:32

      JARDIM PAULISTANO já caiu10% nos ultimos 2 meses isso no flipe-zapt que é claramente pró-proprietário,

      4 quartos ainda pior, derreteu 15% em 2 meses. entra lá e confere.

      0
    • Ronald 13 de abril de 2012 at 14:19

      Moro tbm em BH. Lourdes é o m² mais caro daqui. Lugares sempre visados como Lourdes vão sempre ser muito especulados.

      Meu cunhado está vindo dos EUA com a família e fui ver alguns aptos com ele. Só de IPTU o pessoal paga em média 500 reais. Qualquer apartamento lá tem o condomínio acima de R$ 1.000,00 e o aluguel lá de aptos de 150 – 200 m² custam 5 – 9 mil dependo do luxo.

      Com certeza vai baixar os preços em pelo menos 20% e acredito que no auge do equilibrio, talvez 2013, teremos alguns imóveis no Lourdes com 40% a menos, talvez aqueles que precisem de reforma por exemplo.

      Agora com certeza bairros mais afastados vc já tem reduções de 25% fácil mas ainda não é hora de comprar com certeza.

      Tem amigos meus que são arquitetos, empresários, tipo cada um juntou com o outro que tinha um lote e construiram 03 casas germinadas, outros construiram um imóvel de “luxo” para classe média e tal… enfim eles querem pegar a rebarba do crédito fácil e da desinformação da maioria da população.

      É isso que ainda segura alguma coisa nesse mercado de imóveis: os alienados atrasados.

      Investidor profissional mesmo já pulou fora a muito tempo. Resta saber se vão vender a tempo.

      De frente para minha casa tem um lote com duas casas germinadas sendo acabadas. Tem aviso de compre de 04 imobiliarias. Teve uma que era tão ruim que o cara colocou a oferta em 380 mil em 2011. Depois colocaram um nova oferta no site sem apagar a anterior mas com o preço de 420 mil. Ficou um tempo com as duas ofertas lá. Depois apagaram e colocaram 440 mil.

      Já fazem meses que ele tenta vender enquanto termina e nada. É um cubículo horrível…

      0
  • Shakespeare 13 de abril de 2012 at 13:06

    Acontecimento fresquinho, acabou de acontecer comigo:

    Eu na net, navegando pelo site da C Marqx, vi um imovel com o preco bolhudo de mais de R$ 8K / m2. Teclando com o atendente on line falei que tenho dinheiro para pagamento a vista, mas algo em torno de 70% do que custa o imóvel e ele prontamente me disse que existe desconto para pagamento a vista, mas disse que um corretor iria me ligar.

    Soltei um:

    – Cacildis, corre negadis!

    E sai rapidinho…

    0
  • Luiz 13 de abril de 2012 at 13:16

    Dá pra confiar num BIXO que sangra 1 semana inteira todo mês e nunca morre?

    Calma meninas
    Estou falando da Gafisa 4,05 -2,41%

    0
    • Bolha Imobiliária 13 de abril de 2012 at 13:40

      Hauhahuahuahuahuahuha. Merece ir para o facebook

      0
  • Luiz 13 de abril de 2012 at 13:44

    Bolha, não tenho mais inveja de vc, meu forum tbm está bombando, rsrs

    h t t p://br.advfn.com/p.php?pid=fbb_thread&bb=fbb&id=11482076&bb_id=11&detect=np&ptm=1334335396%23post11498390#post11498390

    0
    • Luiz 13 de abril de 2012 at 13:47

      vejam o depoitmento de uma sardinha que acordou

      4 ribolivaComentários: 3841 – Desde: Ago 2009
      para inicio de conversa eu digo que alguns papéis estão bastante promissores,existem pequenos investidores que não vendem e perdem ou quebra com elevados prejuizos, sendo que depois eles vendem mais barato e amargam uma frustração podendo até ficarem deprimidos.Quantas pessoas no mundo deram tiro na cabeça por causa de perdas na bolsa,quando em época de crise que em 1929 aquele artista que interpretou titanic na vida real se matou por perder tudo na bolsa, e voces que podem perder muito dinheiro em uma negociação errada,eu não sei como todos operam,se é day trade ou investidor longo prazo ou opera opções,mas uma coisa é certa que atual administração está deixando aos comprados,que não querem se revelarem,muitos irritados e aqueles que compraram lá entre 11,00 e 14,00 o que pode se dizer desses. Lamento por dizer mas a empresa não arreda um pé para dar alguma credibilidade aos acionistas minoritários,se querem saber o papel bom para comprar é petrobrás que tem toda tendência de chegar e ultrapassar os 26,30, já a gafisa??????,se os donos querem comprar o papel para subir e não sobe é porque os que ainda tem o papel não estão acreditando mais na empresa,ISSO É FATO CONCRETO,pergunto:Quem comprou lá pelos 11,00 ou até mis abaixo está acreditando no papel! ,quando relato algo não falo besteira e sim verdade.Para que a empresa toma um novo rumo e seja eficaz será necessário que venda o ativo para um capital estrangeiro que terá condições de mudar a imagem negativa apresentada aos investidores e elimine esse individamento, pelo menos uma boa parte, tenho certeza, que não estão satisfeitos com as atuaçãoque tem se verificado ultimamente.O que estou relatando é um protesto como todo cidadão tem o direito, é democracia e tenho a liberdade de expressar o que sinto e com um certo respeito de não agredir com palavras obscena, mas com outros dizeres que no jargão são comuns em dizer como mico.O que entendo é uma empresa sem perspectivas futura ,acho que nesse texto tento explicar o mau humor que os acionistas da gafisa devem estar passando com os atuais comportamentos financeiros e não entra na minha cuca como eles afundaram a empresa e não viram as impossibilidades de pessoas que não tinham condições de comprar imóveis pela tenda?Está me parecendo o mesmo caso dos EE.UU. quando as empresas vendiam sem fiador ou quaisquer garantias e não procuraram saber se o cidadão tinha condições de pagar(subprime),é bola de neve quando ficam desempregado e cheio de dívidas e aí perdem o imóvel,pois essa crise levou aos americanos em perderem muitos imóveis porque compraram acima das suas possibilidades, e será que na gafisa esteja acontencendo o mesmo. Uma empresa que quer vender imóveis e que não procuram antes de saber se os compradores estão aptos é porque deve haver desespero para vender,aí deve estar tudo explicado e se quiserem mais informações ref. a mercado,economia e outras informações que estiver ao meu alcance estarei sempre a comentar, mesmo que seja um protesto que muitos não gostam de ouvir.Estou repetindo esse relato para que a empresa ACORDE PARA A REALIDADE,e defina a sua venda para Zell ou quaisquer outros com $ que possa alavancar esse empreendimento imobiliário.

      0
      • Paulo 13 de abril de 2012 at 14:30

        pergunta tosca: por que sardinha?
        (digo, o porque do apelido? por q só anda no cardume?)

        0
        • vinicius 13 de abril de 2012 at 16:16

          No mercado financeiros os grandes investidores são os tubarões e os pequenos são as sardinhas

          0
        • Cleyton 13 de abril de 2012 at 20:59

          É uma referência ao peso do capital no preço das ações os pequenos investidores com pouco capital acabam “engolidos” pelos maiores (os tuba).

          Também é uma referência à gente iludida com a bolsa que anda no efeito manada, sempre que cai a culpa é dos “tuba”.

          Quer dizer, o cara não estuda nada, entra na manada e quando dá a caca tem uma entidade sem rosto pra culpar. É isso.

          0
          • Guilherme 13 de abril de 2012 at 21:54

            Mas fica legal também em alusão à quem paga uma fortuna para morar em latas de sardinhas de 70 m hehehe

            0
      • Ronald 13 de abril de 2012 at 14:49

        Cara parece que para alta cúpula q controla economia mundial a quebradeira da bolha foi ótima nos EUA e porque não aqui no Brasil?

        Eles criam a bolha, alienam a galera do preços, vendem e sai fora antes do lance quebrar.

        Mas acho que a grande jogada é quebrar bancos e esperar o governo recuperar, afinal, é o povo q paga a conta mesmo.

        Aqui ao invés de bancos e provável que seja construtoras.

        Só que o povo precisar parar de tolerar isso… merecemos o que toleramos.

        0
      • GB 13 de abril de 2012 at 15:25

        Que trouxa, o mercado abusou da liberdade, jogou os preços lá para a estratosfera por causa de gente como esse daí, nem vendendo pra gringo as ações vão voltar aos R$ 11,00 que ele quer.

        Ele não entende que os investidores fugiram e o povo não tem renda para financiar esses valores altos, nao é a toa que são chamados de investiTrouxas, kkkkkkkkkkk, aqui a gente chama esse tipo de Frutinha mesmo.

        0
    • Bolha Imobiliária 13 de abril de 2012 at 13:48

      Hehehe, tenho dó do pessoal que está sendo manipulado lá na ADVFN, é uma boa, fazer a sua parte para falar a verdade. Falando nisto, viu o que aconteceu com nosso colega do http://www.circomrv.com.br ?..Entre lá e veja

      0
      • Luiz 13 de abril de 2012 at 14:00

        captei a mensagem

        0
        • Bolha Imobiliária 13 de abril de 2012 at 14:45

          Não foi nenhuma mensagem subliminar. Só lembrei na hora, sobre a tentativa de esconderem a verdade. Você comentou do pessoal que tenta falar a verdade sobre a gafisa, e são moderados. Mesma coisa do rapaz ali que foi contar o que aconteceu com o ap que ele comprou, e foi cruelmente moderado.

          0
      • Jack Imóveis 13 de abril de 2012 at 14:26

        Caros,

        Há algum advogado leitor do Bolha? Apesar da notificação ele pode manter o site no ar sim.

        Abraços

        Jack – Indignado

        0
        • veigalex 13 de abril de 2012 at 14:31

          Logo logo meu bloguinho vai embora também…

          http://veigalex.blogspot.com.br

          Vou usar parodias… acho..

          0
          • Shakespeare 13 de abril de 2012 at 15:30

            cacildis

            0
            • KaTsu Nami 13 de abril de 2012 at 16:40

              O pedido trazido na notificação extrajudicial é claro: retirar todas as referências em que aparece exposta a expressão “circoXYZ”. Se fosse eu cumpriria. E, em seguida, substituiria por “picadeiroXYZ”. E esperava uma possível nova notificaçao… Daria uma canseira neles; dá mesma forma que eles estão dando uma canseira no consumidor (atrasos, falta de satisfação, cobranças indevidas, etc)…

              0
              • Thiago 13 de abril de 2012 at 16:52

                Não sou advogado, mas um dos pontos importantes ali é o uso da marca.

                Por mais que seja uma intimidação covarde da pessoa, o dono de uma marca tem o direito de defendê-la.

                Ou seja, não use o XYZ com a letra deles.

                XYZ sem a letra deles não sei se pode ser usado, mas já é algo que pode dar menos problema. Se bem que como não é expressão genérica (por exemplo, se fosse a ‘Cabana’ poderia falar de uma ‘Tenda’ genérica) isso dificulta um pouco.

                0
              • RosinhA 13 de abril de 2012 at 16:59

                As empresas podem entrar com pedido de retirada ou até indenização, desde que a (ofença) não tenha embazamento para ser provada. Ex: A Brastemp é uma *¨%¨%$$#, aí você alimentou o advogado com argumentos que serão difíceis de serem desqualificados, dito por exemplo que na hora estava nervoso, a empresa alegaria que a perda foi enorme para ser revertida com desculpas apenas.

                Aqui no blog é diferente a liberdade de opiniões é prevista na própria constituição, pode se falar praticamente o que quiser, o ideal é sempre usar de nomes fictícios mas temos que tomar os devidos cuidados como o Veigalex sim, ele em alguns casos está usando o próprio logo da empresa aí não tem desculpas, trata-se de intenção clara de ataque a específica empresa, dificultando qualquer defesa futura.

                Mais na real mesmo neste país não dá nada, ainda naõ temos leis específicas para crimes de internet, o código penal não funciona, o circo está armado ainda, os palhaços ainda tem vida longa na profissão.

                0
                • Cleyton 13 de abril de 2012 at 21:09

                  Ola, recebo todo o ano um boleto do SINDICATO escrito bem grande: “Ministério do Trabalho” com o brasão da república do lado (meio apagado pra disfarçar), se nem os símbolos oficiais são respeitados…

                  0
                  • RosinhA 13 de abril de 2012 at 22:32

                    Cleyton pode ser porque foi o molusco quem escaneou errado, mais os oficiais deveriam ter o mesmo respeito que nós é oferecido não é? Nenhum.

                    0
              • Luiz 13 de abril de 2012 at 17:13

                BOLHA, todo cuidado e pouco

                A liberdade de opinião e expressão deve ter o cuidado de nunca afirmar algo que não se pode provar, especialmente se a afirmação for relativa a um crime

                outra coisa, nomes de empresas são marcas registradas de propriedade privada, portanto é necessário se referindo a este aspecto em toda citação, exceto em casos que o nome é de conhecimento publico, como gillete, caixa de Bis ou caixa economica.

                valeu sim como um alerta
                quanto a veigalex, humor não pode ser censurado, afinal está na cabeça da pessoa o entendimento por trás de gritar “gafisaaaa” dentro de um vaso sanitário, o maximo que eles podem alegar iria de contra ao preconceito com merda

                caso vcs queiram me visitar, tem bastante sardinha chorando as pitangas no Forum. Como já haviamos previsto os primeiros trouxas a comer o preju estão sendo os sardinhas

                h t t p://br.advfn.com/p.php?pid=fbb_thread&bb=fbb&id=11482076&bb_id=11&detect=np&ptm=1334347556%23post11500810#post11500810

                Por fim uma questão de estratégia, a melhor defesa é o ataque, está na hora da gente começar a avançar nossos peões, e mover o cavalo pra cima deles.

                Luiz – estrategista imitando o jack

                0
                • RosinhA 13 de abril de 2012 at 17:29

                  Luiz e Bolha principalmente guarde e-mail de todos se sair do ar amanhã monta outro blog igual com outro IP, e avisa todo mundo, e continua a mesma coisa, só que com endereço diferente, coloque depois do ponto com em algum provador iraquiano, paquistanes, duvido a negada mexer os americanos que são os únicos a verem estas páginas já estão do saco cheio da bolha. hehehehe

                  0
        • Henrique Freitas Rodrigues 13 de abril de 2012 at 16:53

          O grande problema, a meu ver, é utilizar o nome circoMRV e utilizar a marca da empresa. Ele poderia muito bem resumir a contar a sua história, a demora na entrega, ou seja, somente os fatos, sem usar expressões que possam ser entendidas como desabonadoras. Desta forma, está garantida a liberdade de expressão, consagrada na Constituição Federal. Sugiro que façam suas reclamações restringindo-se aos fatos, ao que ocorreu, sem usar expressões ou comentários pessoais. Somente fatos.

          0
          • AF 13 de abril de 2012 at 17:54

            Sim, ele não pode expor de forma ilegal a empresa por esta ter lhe caudado dano. Ele deve procurar o devido processo legal para ser reparado ao invés da exposição.

            Bolha, o mesmo vale para cá. Eventuais posts devem ser moderados. A G.a.f.i.s.a pode te procurar. hehehe

            0
            • Bolha Imobiliária 13 de abril de 2012 at 18:23

              Bom, se for por isso, o forum da ADVFN inteiro teria que ser moderado…hehe

              0
        • Andre da Bolha de Plastico (para evitar homonimos) 13 de abril de 2012 at 20:44

          Sim ele pode continuar com seu site no ar normalmente, esse lance de proteção da marca é a proteção comercial – ou seja ninguem pode usar a marca alheia para ganhar dinheiro com ela ou induzir os consunidores a erro pensando estarem fazendo negocio com uma marca famosa. – a proteção tambem se aplica em falsificações ou contrfecções.
          Portanto a “proteção neste caso diz respeito a proteção economica” – como não ha no caso a intenção de enganar ninguem ou usar ma mrv para ganha dinheiro esse assunto esta fora da “proteção da Marca”
          O caso dele é diferente – ele tem a liberdade de relatar dessa forma a experiencia comercial bem como alertar 3º do fato. – o que ele não pode fazer é causar dano real – depredação, quebra quebra ou uso de violencia no seu protesto.
          É exatamente assim qua as empresas ganham fama de boas ou más – com a avaliação de seus consumidores. Quantas vezes não vimos pessoas anadarem com carros com faixas pregadas neles escritas – este carro é uma bomba – veja este exemplo – h t tp ://www.noticiasautomotivas.com.br/esta-pensando-em-comprar-o-novo-vectra-nao-faca-isso-pergunte-me-como/ –
          Logo a empresa caso queira limpar o nome que o limpe perante o consumifdor – na verdade o que ela esta tentando fazer é dar um cala boca por intimidação – mas se ela realmente procurar a justiça com uma ação de cara sera indeferida pois empresas não tem direito amoral nem honra – esse é um direito da personalidade humana e nã da juridica que é uma ficção – Se eu fosse ele continaria a usar numa boa

          0
        • Anonymous 14 de abril de 2012 at 01:07

          Uma notificação EXTRAJUDICIAL é exatamente o que o nome diz, ou seja, FORA do sistema judicial e significa absolutamente nada em termos judiciais. Entretanto, seria melhor abrir uma website fora do Brasil, ou seja, sem o .br, de maneira que fique fora do ALCANCE do sistema judicial do Brasil. Em alguns países seria quase impossível (EUA) conseguir na justiça o fechamento o website. Em outros (Russia, China) a Justiça nem sequer daria ouvidos a algo assim.

          0
      • Fabricio 13 de abril de 2012 at 17:01

        Essa notificação extra-judicial não vale nada. O próprio nome já diz: é extra-judicial. É aquela velha história já conhecida: se você não fizer o que mando eu vou processar você. Existem N artigos no código de defesa do consumidor que garantem ao consumidor se defender de picaretagens. Essa notíficação só fala sobre o uso indiscriminado do logotipo da empresa (desfigurado). Retire-se, pois, o logotipo desfigurado e continue com o site no ar. São expostos apenas fatos, não ofensas.

        O CQC humilhou a reputação da PDG e ninguém processou os caras. CQC expôs fatos.

        0
        • Riodetudo 13 de abril de 2012 at 17:47

          Alguém manda o cara do circoXYZ ler estes posts para ele consertar o que todo mundo aqui diz e botar o site de volta no ar. Não dá para ficar apavorado com essa carta, pelo amor de Deus, é muita grana no imóvel para desistir assim fácil da reclamação e desabafo no site.

          Não que não seja engraçado ver o Freddy Krueger com a marca, morri de rir quando vi no meio da carta da notificação…

          0
          • RosinhA 13 de abril de 2012 at 18:35

            As empresas são muito burras ao invés de entrar em uma conciliação não, quebram o pau e sua imagem mais o Titanic já bateu no iceberg, e tem neguinho ainda sem o coleto, vamos ver a hora que a água começar a subir.

            0
  • Shakespeare 13 de abril de 2012 at 14:05

    Gafisa paga caro por recusar oferta de Sam Zell

    A construtora também está pagando mais por financiamento após quebrar cláusulas de suas debêntures

    São Paulo – A Gafisa SA está pagando mais do que outras construtoras por financiamento, depois de quebrar cláusulas de suas debêntures. Também pesa sobre a empresa a decisão de rejeitar uma oferta da Equity International, do investidor norte-americano Sam Zell, que provocou uma queda em suas ações.

    A construtora com sede em São Paulo fechou acordo para aumentar os juros de sua debênture com vencimento em 2018 de 107,2 por cento da taxa do Certificado de Depósito Interfinanceiro para 120 por cento do CDI depois que seu endividamento superou os limites estipulados no contrato.

    A PDG Realty SA Empreendimentos & Participações SA, maior construtora residencial do Brasil em receita, paga a taxa DI mais 180 pontos-base em papel com vencimento similar. O cupom das debêntures com vencimento em 2016 da Cyrela Brazil Realty SA Empreendimentos & Participações, segunda maior, é a taxa DI mais 155 pontos-base.

    A Gafisa violou os covenants depois de um revés em sua aposta no programa do governo “Minha Casa Minha Vida”, criado para sanar o déficit habitacional da população de baixa renda. A empresa anunciou em 10 de abril que teve um prejuízo de R$ 1,03 bilhão no quarto trimestre. A razão foi o cancelamento de vendas pela sua unidade Tenda, quando compradores pré-aprovados pela construtora não conseguiram se qualificar para o financiamento imobiliário subsidiado pelo governo.

    “A alavacagem da Gafisa não vai voltar para os patamares que a gente viu antes”, disse Reginaldo Takara, analista da Standard & Poor’s em São Paulo, em entrevista por telefone. Os clientes da Tenda “não tinham comprovação de renda”.

    A S&P rebaixou a classificação de risco em escala nacional da Gafisa de A para BBB+ em 10 de abril. Em 29 de fevereiro, a Gafisa rejeitou uma proposta da GP Investimentos e da Equity Internacional por alguns de seus ativos, provocando uma queda de 19 por cento em suas ações.

    Caixa suficiente

    A Gafisa descumpriu condições das debêntures ao reduzir seu patrimônio líquido para R$ 2,75 bilhões no quarto trimestre de 2011, comparado a R$ 3,63 bilhões um ano antes, segundo comunicado de 10 de abril. A perda veio com a revisão de estimativas de custos de construção no valor de R$ 587 milhões no quarto trimestre de 2011 e o cancelamento de contratos com 4.000 clientes da Tenda que não se qualificavam mais para receber financiamento imobiliário. A empresa também fez provisões de outros 8.000 cancelamentos de contratos.

    h t t p://exame.abril.com.br/mercados/noticias/gafisa-paga-caro-por-recusar-oferta-de-zell

    0
  • roberto 13 de abril de 2012 at 14:41

    Hoje não vai sair barato manter os 4,11 da gafisa, teram que pedir emprestimo no BB ou na caixa.

    0
  • Shakespeare 13 de abril de 2012 at 15:10

    Gafisa vai eleger novo conselho no próximo mês
    Nome do ex-CEO da companhia, Wilson Amaral, não aparece entre os possíveis canditados a conselheiros

    São Paulo – A Gafisa deve anunciar um novo time para compor o seu conselho de administração no próximo mês e três atuais conselheiros ficarão de fora das eleições: Wilson Amaral, Guilherme Affonso Ferreira e Richard Huber.

    Os nomes dos conselheiros não aparecem na proposta de administração apresentada, nesta quarta-feira, pela Gafisa ao mercado.

    A assembleia está agendada para o dia 11 de maio e, além do novo conselho, outras questões serão discutidas na reunião. Como a mudança de alguns dos artigos do estatuto social da companhia.

    As mudanças vão ocorrer em meio a uma das piores crises já enfrentadas pela companhia. No último trimestre do ano passado, a Gafisa acumulou prejuízo de 1 bilhão de reais.

    No ano, as perdas foram de 889,5 milhões de reais, sendo quase 70% equivalente à Tenda – braço da Gafisa voltada para segmento de baixa renda.

    ht tp://exame.abril.com.br/negocios/gestao/noticias/gafisa-vai-eleger-novo-conselho-no-proximo-mes

    0
  • Anonymous 13 de abril de 2012 at 15:59

    Sugestão de tópico “Muita mentira nos jornais do Brasil”

    Existe muita, mas muita mentira nos jornais do Brasil. É tudo no sentido de convencer os Brasileiros de que o país vai bem melhor que tanto EUA quanto Europa. Seguem dois exemplos fáceis de perceber o tamanho da mentira, ambos publicados esses dias.

    * Trabalhador vai ao paraíso
    www1 . folha . uol . com . br/colunas/gilbertodimenstein/1075488-trabalhador-vai-ao-paraiso . shtml

    É cada vez mais comum ver jovens recém-saídos da faculdade ganhando dinheiro de fundos dos Estados Unidos e da Europa para tocar seus próprios negócios. Alguns desses fundos criam incubadoras.

    * Classe C já tem mais casas de praia e de campo do que a classe A
    www1 . folha . uol . com . br/mercado/1074334-classe-c-ja-tem-mais-casas-de-praia-e-de-campo-do-que-a-classe-a . shtml

    Os brasileiros que integram a nova classe média já são donos de mais de um terço das casas de praia e de campo do país. A renda mensal dessas famílias é de R$ 2.374.

    0
    • Indecoroso 13 de abril de 2012 at 18:41

      Será que sou “mindingo” e não tô sabendo? Ganho 6x isso aí e não tenho nem casa própria!!!

      0
  • GB 13 de abril de 2012 at 15:59

    Eu não acho que a GAFISA seja lá grande coisa, é só uma empresa, uma das muitas que se aproveitou do oba-oba com dinheiro dos investidores, jogo uos preos lá para o alto achando que sempre teria algum trouxa que pagaria e construiu seu próprio túmulo.

    Eu também não acho que a TENDA seja grande coisa, é só o bode espiatório, a desculpa mais fácil, só a GAFISA comprou a TENDA e todas as construtoras tiveram prejuízo, isso não bate.

    O que acabou com o mercado foi a desconfiança dos investidores sobre a capacidade de aumento dos preços dos imóveis, como viram que não ia mais aumentar, cairam ou estão tentando cair fora.

    Isso gerou muita oferta, construtoras perderam seus clientes e está do jeito que está hoje.

    Eu acredito que a única maneira do mercado voltar ao normal é reduzir os preços para que os assalariados possam comprar para morar, mas como fazer isso se tudo o que eles têm foi construído/comprado a preços altos ? kkkkkkkkkkkkkkk

    0
    • Neo 13 de abril de 2012 at 16:55

      pelo menos os investidores vao receber dividendos gordos da contrutora

      0
    • João Miguel 13 de abril de 2012 at 21:20

      Eu ainda penso diferente..
      Muitos dos gestores que passaram pela Gafisa sabiam que uma hora ia dar merda..
      Você não consegue subiu os preços de uma mercado infinitamente..
      Para ficar do jeito que ficou, acho que a maioria que tava lá pensou:

      “Eu vou ficar rico enquanto posso, e o resto que se f**”…

      0
  • Sir Income 13 de abril de 2012 at 16:30

    “Inadimplência: De acordo com informações recebidas pela Fitch até 12 de janeiro de 2012,
    19,3% da carteira registravam atraso de até trinta dias e 9,1% dos tomadores se encontram
    inadimplentes há mais de trinta dias (sendo 2% acima de sessenta dias). A agência considera
    estes índices elevados, tendo em vista o baixo prazo decorrido (seasoning) da carteira.”

    www .bfre.com.br/braziliansecurities/images/arquivos/cri/BS_CRI%20269%20-%20Rating.pdf

    Esse relatório é de janeiro de 2012 sobre CRI’s. Queria encontrar algum mais recente. Se alguém conseguir, agradeço.

    0
  • Ronald 13 de abril de 2012 at 16:36

    Projeção do salário mínimo de 2013 diminuiu: R$ 667,75

    Mas ainda consideram o PIB com 5,5! Será?

    2013 a bolha se mostrou forte já, não acham?

    http://exame.abril.com.br/economia/noticias/ldo-projeta-salario-minimo-de-r-667-75-para-o-ano-que-vem

    0
    • Carlos Wagner 13 de abril de 2012 at 17:38

      O povo tem que entender de uma vez por todas: Estadios são mais importantes!

      0
  • RosinhA 13 de abril de 2012 at 17:03

    Não deixem de assistir Rede Globo até que enfim:

    h tt p://g1.globo.com/globo-news/miriam-leitao/videos/t/todos-os-videos/v/reducao-de-juros-pode-beneficiar-ate-80-milhoes-de-correntistas-brasileiros/1901644/

    0
    • RosinhA 13 de abril de 2012 at 17:20

      KKKKKKK, minha opinião a sargentona disse molusco que herança hein!!!!!!!! Aí o molusco com toda sua dádiva em plenitude de crescimento orientou a ela.

      “è memo o povo ta se comprometeno muito, manda o bb e a caixa baixá os juro pra ele pudê cumpra mais, e axa que ta tudo bom, aí depois eu volto, e ce sabe como eles gosta de mim né”

      0
    • JPM 13 de abril de 2012 at 17:51

      Aos 21:05:
      – Míriam Leitão: “Vocês fizeram isso porquê a Presidente Dilma mandou?”
      – cara da Caixa: “Não”

      ROFL!

      0
      • RosinhA 13 de abril de 2012 at 20:03

        A melhor parte é dos 10 em diante e antes dos 15 um pouco e daí para frente batendo forte na Bolha inclusive com a posição incisiva da Leitão com Bolha Imobiliária.

        0
  • MFP 13 de abril de 2012 at 18:09

    Alguém ouviu a Band News hoje?

    Resumindo: empreendimento em Barueri, era para ser entregue em 2010, a BandNews fez uma denúncia, Gafisa entregou as chaves sem concluir a área comum. só achei no twitter:

    “Rádio BandNews FM ‏ @radiobandnewsfm
    SP:denunciada pela BandNews FM por causa de atraso na entrega de um imóvel,a Gafisa decide entregar as chaves,mas sem finalizar áreas comuns”

    0
    • MFP 13 de abril de 2012 at 18:12

      achei o áudio:

      bandnewsfm.band.com.br/Noticia.aspx?COD=586030&Tipo=225

      0
  • Veiga 13 de abril de 2012 at 19:13

    Nao tenho grana para pagar um advogado. Vou usar outros metodos.. Aguardem..

    0
  • GB 13 de abril de 2012 at 19:55

    GAF(e)SA a R$ 4,01 – 3,37%, acabou o fôlego para manter nos R$ 4,11 ?

    Eu não queria ver os funcionários dela sendo demitidos, mas estou disposto a correr esse risco em nome de um mercado mais ajustado e meno scherador de cocaina.

    Coitado daquele corretor, ele l´anaquele sol, com aquele terno surrado com cara de “só tenho esse e usei quand proclararam a república”, e o cara com aquela carinha de “nem somando a renda da família inteira eu vou conseguir pagar tudo isso”.

    Essa nova classe C é uma piada do governo para os gringos verem, só isso.

    0
  • MarceloSK 13 de abril de 2012 at 21:06

    Depois de um repique de 4, 27% nas ações da Gafisa no dia de ontem, hoje ela volta a despencar 3, 37% para R$4,01.

    Entre as maiores quedas da semana estão:
    PDG -14
    Rossi -10,44
    Brookfield -9,83
    Cyrela -8,67

    Se continuarem assim, as construtoras vão chegar ao nível do pré-sal antes da Petrobras hehehe.
    Mas na realidade eu não estou torcendo pra elas quebrarem, não agora. Seria interessante, pelo menos pra mim, que o desgoverno continuasse jogando dinheiro na bolha e alimentando a inadimplência até a ruptura, e as notícias da semana apontam nessa direção, o que não seria surpresa já que estamos no dilema da bicicleta: se parar de pedalar f*.

    Mas saindo um pouco do assunto, a seguinte notícia está correndo a internet:
    “O BC está em estado de alerta. Chegou à autoridade monetária a informação de que fundos soberanos chineses deram um
    mandato ao JP Morgan para investir US$ 200 bilhões no mercado de capitais brasileiro. Vai ser preciso uma camisa de
    força para segurar o câmbio na faixa de R$ 1,80.”

    Pois bem, as tão prometidas reformas e investimentos de longo prazo não vieram, e o cenário externo está fazendo o nosso atraso saltar à vista. E o pior, na minha opinião, não é ver o Mantega reclamando da “guerra cambial” e sim ver os trouxas acreditando, pois significa que os nossos erros do passado(recente) não resultaram em aprendizado. Quem sabe uma crise nos próximos anos não faz as pessoas abrirem os olhos?

    www .clippingmais.inf.br/maquina/imagem/noticia/20120409/3333973895010/RR4350.pdf

    0
    • Anonymous 14 de abril de 2012 at 13:19

      Boato repleto de bobagens que só vai enganar os trouxas, que aliás na Banânia são muitos.

      fundos soberanos chineses – Nada é soberano na China, manda o partido dos trabalhadores de lá.

      mandato ao JP Morgan – A China não precisa de menino de recados.

      investir US$ 200 bilhões no mercado de capitais brasileiro – A China não é idiota a esse ponto. Poderiam investir esse dinheiro na instalação de fábricas para aproveitar incentivos fiscais, mas no mercado de capitais NUNCA.

      0
      • Thiago 14 de abril de 2012 at 13:31

        Exatamente

        Mesmo papinho do Sam Zell querendo recomprar a GFSA

        Mas sardinha é aquela coisa, tem alguma coisa na água já vão pegar, e daí morre fisgado

        “Mandou o JPM falar pra investir 200Bi” MAS EU FICO SEM AR DE TANTO RIR!

        0
      • MarceloSK 14 de abril de 2012 at 17:44

        No post anterior comentei sobre um boato que envolvia o interesse de fundos soberanos chinêses quanto ao Brasil, esperando
        alguma opinião à respeito mas, para minha decepção, o senhor Anonymous nem mesmo sabe o que é um fundo soberano. Eu posso
        ser trouxa, mas sei o que é um fundo soberano.

        Um fundo soberano é um fundo de investimento ESTATAL que investe em mercados financeiros
        internacionais. Esses fundos são constituídos por recursos provenientes da extração de recursos naturais escassos ou
        de receitas de exportação.

        Os objetivos de tais fundos é tentar evitar que o fluxo de receita resulte no esgotamento de recursos naturais (Abu Dhabi,
        Arabia Saudita, Kwait) ou em perda de competitividade das empresas nacionais (China). Também podem servir à
        interesses estratégicos, muito embora suas atividades não sejam totalmente transparentes.

        Suas reservas estão denominadas em moedas internacionais de fácil conversão de forma que, por serem liquidos por natureza,
        não enfrentam restrições. Investem em títulos de tesouro de países desenvolvidos e uma menor parte em mercados mais
        arriscados, como bolsas de valores (ações de grandes empresas) e produtos financeiros especulativos.

        Dito isso eu repondo:

        “fundos soberanos chineses – Nada é soberano na China, manda o partido dos trabalhadores de lá.”
        Mas é claro que é o partidão que manda no fundo, afinal ele domina o Estado e o fundo pertence ao Estado. A palavra
        “soberano” arremete à país soberano. Você não sabia disso?

        “mandato ao JP Morgan – A China não precisa de menino de recados.”
        Em 2007 o China Investment Corporation se tornou o maior acionista individual do Citibank. Possui ações da Blackstone Group,
        Morgan Stanley, Noble Group, Visa etc. Outro fundo chinês possui participação no Barclays. Ou seja, eles são bem influentes no mercado financeiro
        mas não sei se é pra tanto como diz o boato. Por isso postei para que fosse comentado.

        “Poderiam investir esse dinheiro na instalação de fábricas para aproveitar incentivos fiscais, mas no mercado de capitais NUNCA.”
        Eu também não vejo motivos para investir no mercado de capitais brasieiro, porém estes fundos chineses são bem arrojados e investem
        em risco. Além do mais, se eles não investirem no mercado de capitais, na instalação de fábricas é que não vai ser.

        0
  • Mineiro quer bolha 13 de abril de 2012 at 21:16

    Vendas da Cyrela Brazil Realty sobem 22,2% no 1º tri

    COMENTE
    RIO DE JANEIRO, 13 Abr (Reuters) – As vendas contratadas da Cyrela Brasil Realty somaram 1,2 bilhão de reais no primeiro trimestre, alta de 22,2 por cento sobre o mesmo período do ano anterior, informou a companhia nesta sexta-feira.

    Segundo a companhia, sua participação atingiu 78,6 por cento, 5,9 pontos percentuais inferiores aos 84,5 por cento registrados no trimestre do ano anterior.

    A Cyrela informou que com esse volume de vendas, atingiu 17,7 por cento do ponto mínimo do guidance de vendas para o ano.

    Os lançamentos entre janeiro e março foram de 890 milhões de reais, queda de 22,8 por cento em relaçao ao primeiro trimestre de 2011. A participação nos lançamentos do período atingiu 76,8 por cento, 1,9 ponto percentual abaixo do apresentado um ano antes.

    As vendas da Living, unidade da Cyrela voltada à baixa renda, somaram 383,9 milhões de reais, 17,3 por cento acima do apresentado no primeiro trimestre de 2011, representando 31,5 por cento das vendas da Cyrela no período.

    Os lançamentos da Living foram de 168,1 milhões de reais, queda de 51,5 por cento na mesma base de comparação e equivalente a 18,9 por cento do total de lançamenos da Cyrela entre janeiro e março de 2012.

    0
    • Mineiro quer bolha 13 de abril de 2012 at 21:17

      Ritmo de lançamentos da Trisul cai no primeiro trimestre

      COMENTE
      SÃO PAULO – Os lançamentos e vendas da construtora Trisul recuaram no primeiro trimestre deste ano, segundo a prévia operacional divulgada há pouco pela companhia.

      No período, foram lançados três empreendimentos, nos quais o valor geral de vendas (VGV) da Trisul foi de R$ 81,2 milhões ? 20,9% abaixo das entregas de R$ 102,7 milhões verificadas um ano antes.

      O ritmo de contratação de vendas teve uma redução ainda maior, de R$ 107,4 milhões, para R$ 65 milhões, considerando-se apenas a parte da Trisul nos empreendimentos.

      O indicador de venda sobre oferta (VSO), medido por unidades, passou de 18,1% para 14% no período.

      A empresa divulgou também suas estimativas para o ano. A projeção é de lançamentos entre R$ 350 milhões e R$ 400 milhões.

      O piso da meta é 8% superior aos lançamentos de 2011, que somaram R$ 324 milhões. Já o topo da estimativa representa um salto de 23% em relação ao valor lançado no ano passado.

      A projeção é a mesma para as vendas contratadas: entre R$ 350 milhões e R$ 400 milhões. Nesse caso, porém, os números contemplam uma redução em relação a 2011, quando a Trisul vendeu R$ 434 milhões.

      0
    • veigalex 14 de abril de 2012 at 10:18

      Pessoal?

      Onde esta a pegadinha do malandro?
      Nos pontos em negrito?

      RIO DE JANEIRO, 13 Abr (Reuters) – As vendas contratadas da Cyrela Brasil Realty somaram 1,2 bilhão de reais no primeiro trimestre, alta de 22,2 por cento sobre o mesmo período do ano anterior, informou a companhia nesta sexta-feira.

      Segundo a companhia, sua participação atingiu 78,6 por cento, 5,9 pontos percentuais inferiores aos 84,5 por cento registrados no trimestre do ano anterior.

      A Cyrela informou que com esse volume de vendas, atingiu 17,7 por cento do ponto mínimo do guidance de vendas para o ano.

      Os lançamentos entre janeiro e março foram de 890 milhões de reais, queda de 22,8 por cento em relaçao ao primeiro trimestre de 2011. A participação nos lançamentos do período atingiu 76,8 por cento, 1,9 ponto percentual abaixo do apresentado um ano antes.

      As vendas da Living, unidade da Cyrela voltada à baixa renda, somaram 383,9 milhões de reais, 17,3 por cento acima do apresentado no primeiro trimestre de 2011, representando 31,5 por cento das vendas da Cyrela no período.

      Os lançamentos da Living foram de 168,1 milhões de reais, queda de 51,5 por cento na mesma base de comparação e equivalente a 18,9 por cento do total de lançamenos da Cyrela entre janeiro e março de 2012.

      ué… so fala em queda.. e teve aumento… não entendi…

      0
      • Anonymous 14 de abril de 2012 at 11:13

        Segundo a própria CYRELA, seus indicadores financeiros apresentam números NEGATIVOS.

        ri . brazilrealty . com . br/port/download/Cyrela_Release_4T11 . pdf

        Indicadores Financeiros
        Lucro Líquido -17,0%
        Margem Bruta -3,1 p.p.
        Margem EBITDA -3,4 p.p.
        Margem EBITDA Ajustada -2,4 p.p.
        Margem Líquida -4,1 p.p.
        Lucro por Ação (R$) -13,5%
        Geração de Caixa -99,3%

        0
  • Rafael 14 de abril de 2012 at 01:17

    BOLHA ESTOUROU MESMO!

    O que tá saindo de notícia não deixa dúvidas. Jornal da Nação (para não receber notificação extrajudicial) é parcial.

    Data do estouro oficial foi 09.04.2012 no CQC. Jogou NA CARA de todo mundo o que é comprar e não receber. Muitos investitrouxas vão tremer as perninhas. Por enquanto ainda estão dizendo que a contrutora deles é diferente. Mas já era. Saiu na Band: abrangência em todo o país. BAND, RECORD e SBT também são grandes. Breve vão iniciar as reportagens de quem não consegue pagar as prestações – isto do pessoal que quer o imóvel para morar! Talvez até no Incrível, naquele quadro “Façam as Pazes”.

    Notícia comprada vai sair aos montes, como esta da Amexa Espanhola (a ausência o “i” foi intencional – não me mandem fazer aulas de português, por favor, pois não quero estar na mesma aula com o Cirilo. Ou vocês acreditam nas plaquinhas de últimas unidades que estão em alguns empreendimentos desde 2009?

    Balanços maquiados vão sair aos montes. Talvez vejam o rombo depois que todo mundo já pegou o seu e se mandou. Ou vocês acham que falcatrua só acontece em país chinfrim como os EUA? Na BANÂNIA, país hiperdesenvolvido isto também pode acontecer, tá certo que em menor número que nos EUA… Se considerar ainda a velocidade recorde que a CVM julga as reclamações, mais difícil ainda de algo maquiado na Banânia… Se considerar então a integridade dos auditores, então é impossível!!! Retiro o que disse antes. Aqui é diferente. Balanços maquiados não existem nem existirão. Pensando bem, nem bolha. Aqui é diferente…

    Para o pessoal que não acompanha a BOVESPA, oscilações são bastante frequentes. Se a empresa decreta falência, aí o bixo pega: 10-20% por DIA. Para baixo ou para CIMA!!! Isto mesmo, concordata e falência gera um movimento incompreensível, rápido e dinâmico. Não se surpreendam se após o anúncio da concordata as ações subirem 10% num dia. Óbvio que o movimento final é a queda drástica. Mas tudo orquestrado na boataria para alguém pagar o pato? Acho que vocês sabem quem. Portanto ficar postando que caiu/subiu não vai fazer muita diferença, mesmo porque as ações já estão no mercado e não dão mais dinheiro p/ empresa, exceto se a mesma decidir lançar alguma coisa p/ embolsar mais $$$ dos trouxinhas, pois com a moral baixa, a grana que entra é fraca.

    Se 1% dos compradores de imóveis olhou a cotação da empresa na Bovespa e se 0,1% leu o balanço antes de canetear o contrato, já é muito!

    Quanto à notificação extrajudicial: coitado do notificado. Acho que vai ter que pagar todos os apartamentos que a notificante deixou de vender desde o ano passado. Está explicada a queda das vendas!!!!!!!!!!!!!!!!
    Equipe excelente esta que a notificante contratou para investigar as razões da diminuição das vendas. Estão de parabéns. Acharam o culpado. Eficiência 10.

    Pessoal aqui tá começando a ficar preocupado! Hoje em dia é fácil achar o autor dos posts!

    0
  • Bolhudão de Camboriu 14 de abril de 2012 at 02:08

    Mais do mesmo: “fase da negação”, “me engana que eu gosto”, “valorização de 20 a 30% ao ano, e sempre constante” essa é a melhor de todas, disparada, kkkkkk

    Com este tema, o economista chefe da Coinvalores Corretora de Valores de São Paulo, Marco Saravalle, proferiu palestra em março para empresários da construção civil e profissionais ligados ao setor em Balneário Camboriú. A promoção foi conjunta entre Sinduscon de Balneário Camboriú, Acibalc (Associação Comercial e Industrial de Balneário Camboriú) e Sin Gestão de Ativos. Com a frase “Recessão é assunto do passado”, Saravalle abriu a palestra, falou sobre a economia brasileira, apresentou o panorama da economia mundial na atualidade, fez comparativos entre países e com períodos anteriores, e falou sobre o mercado imobiliário nacional.
    Para Saravalle, não há que se falar em ‘bolha imobiliária’ no momento. “Enquanto o deficit habitacional não for sanado, não há riscos”, disse. Hoje, apenas no Sul do Brasil, o deficit é de 703 mil residências. O que tem se visto, na realidade, são vários fatores impulsionando a construção civil, entre eles o aumento da disponibilidade de crédito. Em 2010, o total em financiamentos pela Caixa Econômica Federal no Brasil foi de R$ 75 bilhões, aumento de 61% com relação a 2009. Só no Sul, foram R$13 bilhões, representando aumento de 52% com relação ao ano anterior. “O setor da construção civil tem mostrado crescimento contínuo. Em 2010, foi cerca de 11% em nível nacional. Para este ano, as expectativas são de 6%, com perspectivas de manutenção do crescimento nos próximos anos”, disse Saravalle.
    Para o presidente do Sinduscon, Carlos Haacke, o mercado imobiliário de Balneário Camboriú é peculiar. “Ao contrário de outras cidades, cujos preços dos imóveis ficaram praticamente estagnados por anos e diante do boom imobiliário chegaram a reajustar em até 50% os valores, aqui a valorização é linear. Em Balneário Camboriú, nossa valorização é ano a ano, na média de 20% a 30%, e sempre constante”, comentou Haacke.
    Vale dizer que o setor gera média de quatro mil empregos na cidade e, em 2010, registrou 233 obras em andamento, representando 4,9 mil novos apartamentos em obras. “São imóveis de alta qualidade, amplos e projetados para atender um público cada vez mais exigente. São pessoas que buscam aqui investir e também desfrutar das belezas da nossa região”, finalizou o presidente.

    FONTE: http://www.sindusconbc.com.br/index.php?pg=1044

    0
  • Alemão em Salvador 14 de abril de 2012 at 06:56

    Olá amigos! Não sou investidor, não sou nenhum manipulador, nem ao menos aposto em imóveis. Vou somente passar o relato de alguém que foi transferido para Salvador e está em busca de onde morar.
    Há dois meses aportei na cidade. Não conhecia nada.
    Nesses dois meses estou em busca de imóvel para morar, ou seja, para trabalhar na cidade preciso de um lugar para dormir!
    Vou relatar as negociações de imóveis, feitas por corretor, sem nenhuma insistência minha, digo e repito, nenhuma insistência minha. Não fiz qualquer tipo de proposta oficial.
    imóvel 1: 145m2, 4 vagas de garagem, vista mar. 700mil em fevereiro.
    Após 5 ligações do corretor. 600mil, splits em todos os cômodos, piso porcelanato em todo op.
    imóvel 2: 115m2, 2 vagas, condomínio clube. 690mil. Ligação há 4 dias ofertando-me “oportunidade” 500mil
    imóvel 3: 115m2, 2 vagas, condomínio clube, em construção. 560mil. Ligação há 7 dias para eu ir correndo ao stand, pois o corretor não poderia garantir por mais de 12 horas a promoção. 420mil a vista

    Poderia citar aqui outras várias ligações que recebi.
    Decidi alugar um imóvel e ainda estou a procura. não fechei negócio pois a cada semana que passa aparecem imóveis melhores e mais baratos, mas vai entender né!!!
    Enfim, para acabar, iniciei com um imóvel de 1 quarto por 1700 o aluguel mensal. Estava bem chateado pois não era o que eu queria. Mas estava negociando, não posso ficar sem ter onde morar. Há 3 semanas que não param de chegar oportunidades… a última: 140m2, 3 vagas de garagem, 4 suítes, condomínio clube por 2000 o aluguel…

    Acho que se eu esperar mais uns meses vou morar só pagando o condomínio.

    Abraço a todos!!!

    0
  • GB 14 de abril de 2012 at 09:27

    Tem gente entrando com processo contra o pessoal daqui ?

    Se tiver é só pressão desesperada desse pessoal, um último recurso contra um foco de resistência, ainda vivemos num regime de liberdade de expressão, embora alguns pensem o contrário.

    As forças econômicas estão sendo usadas contra a razão e a coerência, a verdade pode até ser escondida, mas ela fica ali, incomodando e querendo aparecer, isso tudo custa muito $$$$ e como estão com menos vendas pois nem seus financiadores acreditam mais nisso e estão fugindo, logo não terão dinheiro para isso.

    “Primeiro te ignoram, depois te ridicularizam, depois te combatem e por fim você ganha” Gandhi.

    0
  • Muca CG Muita Treta 14 de abril de 2012 at 09:39

    Entrevistei um diretor do INDUSCOM-SP (não vou colocar o nome para evitar processos hehe). O cara assumiu com a maior sinceridade do mundo que, até 2009, os imóveis foram construídos com mão de obra desqualificada. Ele ainda complementou dizendo que os edifícios erguidos na época mais quente da bolha são todos de má qualidade e que a grande maioria terá atrasos na entrega. Não é novidade para nós, mas nunca tinha visto tal sinceridade de um representante das construtoras.

    0
    • Thiago 14 de abril de 2012 at 10:02

      Só quero saber qual vai ser o fim desses APs ‘meia boca’

      Não duvido nada que vai ter ‘empreendimentos’ sendo vendidos pelo preço do terreno e prédios sendo demolidos

      Ou vai ser muita gente morando em ‘apertamento’ mesmo, pelo qual pagaram caro!

      E aqueles ‘2 quartos’ com 60m2… nem derrubar as paredes pode!

      0
  • GB 14 de abril de 2012 at 09:41

    Achei um barato aquela argumentação padrão do correTrouxa, quando eu disse que preferia ficar no aluguel a pagar tudo aquilo num terreno pequeno: “então fique no aluguel”, kkkkkkkkkkk.

    Eles falam isso como se ficar no aluguel fosse uma “sentença de morte”, muito pelo contrário, os próprios bancos alugam todos os seus prédios com contratos de 15 anos, eles não são donos de nenhum deles, pois eles sabem que ganham mais pagando aluguel e mantendo o $$$ investido do que empatar tanto dinheiro em imóveis.

    É que quem quer morar prefere comprar, pois é seu e você pode fazer reformas e deixar do jeito que gosta, então o emocional acaba falando mais forte, mas ter um segundo imóvel hoje em dia não é um bom negócio e muita gente está descobrindo isso a duras penas.

    “Façam o que os bancos fazem, não o que seus gerentes dizem.” GB

    0
    • AF 14 de abril de 2012 at 12:20

      Na mesma linha, tenho um conhecido que é corretor e …. mora de aluguel!

      0
  • Vinicius 14 de abril de 2012 at 09:43

    A Gafisa afundou, e chegou no limite… acho que chegou a hora de comprar ações dela… e quando ela se recuperar vou lucrar muito e ter o dinheiro para comprar meu imóvel 😀 Não acredito na falência da Gafisa como muitos aqui acreditam, é uma empresa muito sólida.

    0
    • Vinicius 14 de abril de 2012 at 09:44

      O mantra deu certo, chegou a hora de faturar 😀

      0
    • GB 14 de abril de 2012 at 09:49

      Eu esperaria chegar a R$ 1,99, nesse valor as ações já podem ser vendidos nessas lojinhas pelas ruas de bairros populares.

      0
    • Dr. Estranho 14 de abril de 2012 at 14:54

      Dou a maior força. Gaste toda a sua poupança em ações da Gafisa.

      Seja um vencedor. P A R A B É N S.

      Enquanto isso, invisto em educação.

      0
  • Ronald 14 de abril de 2012 at 09:50

    A bolha existe: fato. Mas a bolha NÃO estourou.

    Estourar para mim é quando os preços no geral realmente baixarem, quando virar notícia unânime e a especulação de hoje não tiver mais espaço.

    Porque bolha tem a ver com especulação e o mercado ainda trabalha como se não existisse. Quando estourar o mercado vai trabalhar para ganhar dinheiro com o estouro da bolha…

    Informações como as ditas aqui do blog precisam chegar até as pessoas pois vejo apenas que elas no máximo apenas acham que tudo ficou caro demais…

    Com o governo ajudando com crédito fácil então vai demorar…

    Conheço um investir profissinal que comprou um prédio de um hotel mal acabado por 8 milhões e vendeu para investidores no exterior por mais de 40 milhões! Um dos investidores é nada mais nada menos que o Justus. Vai ser um hotel Golden Tulipe agora se não me engano.

    O que tem de gente comprando apartamento nesse hotel para investir não é brincadeira. Um amigo meu comprou dois mas queria comprar 10!

    Então é esse capital do exterior, como todos sabem, está ajudando a bancar essa especulação e os microinvestidores como esses meus amigos, que compram um lote e constroem 03 casas germinadas e vendem a 400 mil cada uma.

    Estamos aqui falando todo dia um monte de notícias ruins mas a coisa tá bem aquecida ainda pois os informados são poucos e os informados endinheirados que especulam são muito mais e nem precisa dizer quantos são os que de nada sabem…

    0
  • GB 14 de abril de 2012 at 09:56

    O único jeito do mercado como um todo (e não só a GAFeSA) se recuperar é voltar a vender, nenhum mercado vive de vento.

    Para isso vai ter que esquecer os investidores, pois eles fugiram ou estão presos com seus micos e voltar a vender para seus clientes de verdade: para quem quer morar.

    Isso pressupoe redução dos preços, o que vai jogar o preço de seus ativos lá pra baixo e vai dar muito prejuízo pois foram cosntruídos com material, mão-de-obra e terrenos com valores bolhudos.

    Tem gente que acha que o mercado vai se recuperar, eu acho dificil pois o remédio é muito amargo e o brasileiro em geral é inculto e muito teimoso, mas não pensaram nisso quando entraram no oba-oba e na dança das sardinhas, ninguém viu choradeira nenhuma deles enquanto os preços só estavam subindo e subindo.

    Ei, aquele colega dos 3 aptos, será que ele está com o mesmo sorriso no rosto de antes ? kkkkkkkkkkkkkkkk

    0
    • GB 14 de abril de 2012 at 10:05

      Um colega postou a desilusão de um investidor, ele dizia que a GAFeSA devia ser menos teimosa e abrir-se mais para o capital externo (a.k.a. ser vendida para aquele investidor que não a quer mais e que nem queria pagar o que ela valia).

      Eu acho que o mercado por si só não tem capacidade de retornar a um ponto de equilíbrio, vão dar uma de teimosos, vão procurar ajuda do governo, seus diretores vão continuar emriquecendo, vai acabar sobrando para funcionários e investidores, o único caminho é a falência, aí vão vender seus ativos bem mais baratos para pagar funcionários e impostos, o resto vai ficar na mão.

      Com esses imóveis mais baratos isso vai acabar afetando o preço dos usados e outras construtoras vão falir também e vai acontecer o mesmo, até que o mercado ache um ponto de equilíbrio novamente, como está acontecendo nos outros países.

      0
      • GB 14 de abril de 2012 at 10:08

        ops, eNriquecendo

        Manhã de sábado é complicada, é muita emoção à espera do jornal de imóveis de domingo, seção de comédia e de encalhes, kkkkkkkkkkkkk.

        0
  • Ane 14 de abril de 2012 at 10:23

    http://obrasatrasadas.blogspot.com.br/2011/03/clasula-de-prorrogacao-de-prazo-de.html
    Eu só dei uma olhada rápida nesse site, mas talvez eles saibam orientar o cara do site x MRV.
    Essa notificação extrajudicial foi poderosa! Acho que é só ele mandar uma dessas para a construtora exigindo a entrega do ap dele e eles vão ter que entregar.

    0
  • Benjamin 14 de abril de 2012 at 10:28

    MRK, ANONYMOUS E CIA LTDA

    Essa é mais direcionada para o Anonymous:
    Será que a bolha não tem mais espaço para inflar com a maxi desvalorização do real que você diz que está para acontecer?

    0
    • Anonymous 14 de abril de 2012 at 11:52

      Considerando o que ocorreu inúmeras vezes no passado, uma maxi-desvalorização segue um aumento do desemprego na indústria. É uma tentativa de tornar as exportações bananenses mais competitivas. O aumento do desemprego gera apreensão, mesmo em quem tem emprego. No cenário onde ocorreu maxi-desvalorização, acredito que muitos dos investidores em imóveis que estão alavancados irão querer desfazer-se dos “investimentos” todos ao mesmo tempo. Na verdade, a maxi-desvalorização pode funcionar como um gatilho para o estouro da bolha imobiliária. Lembro que o sindicato “força sindical” já colocou 10 mil pessoas na rua para protestar contra a “desindustrialização” na Banânia, pois estão percebendo que podem perder empregos. É mais um sinal de que a maxi-desvalorização está a caminho.

      0
      • joselito 14 de abril de 2012 at 12:26

        Só vai acontecer maxi-desvalorização quando o FED parar de imprimir dinheiro e enxugar a base monetária americana. Até lá é dólar pra baixo e governo brasileiro tentando enxugar gelo com medidas pouco efetivas.

        0
        • Anonymous 14 de abril de 2012 at 13:13

          É justamente ao contrário. Se os EUA param de imprimir dinheiro, então para os bananenses, o dolar SOBE postergando a necessidade de uma maxi-desvalorização.

          0
          • AF 14 de abril de 2012 at 14:45

            Se o gatilho for a maxi desvalorização, é um bom assunto para continuar a ser discutido. Mas nessa matéria falei a aula. Por favor, sou todo ouvidos. rs rs

            0
          • Benjamin 14 de abril de 2012 at 15:53

            Anonymous, o motivo da minha pergunta foi um “insight” de hoje. Quando eu fui a Natal há uns dois anos atrás, lembro do guia, um cidadão que me pareceu bem instruído, comentando que na época em que o dólar chegou a quase R$ 4,00 (primeira eleição do Lula, 2002-2003) como houve uma compra absurda de imóveis e terrenos por estrangeiros, portugueses, espanhois, noruegueses, suecos e não sei mais quem. Fiquei pensando até que ponto as construtoras e a moeda da Banânia valendo Banânias seriam fruto de compras de estrangeiros (veja bem, com o real forte e os imóveis em franco declínio nos EUA os brasileiros começaram a comprar imóveis por lá, como já foi comentado aqui em relação a Miami).
            Não seria este um outro efeito perverso da bolha combinado com a desvalorização do real? Para os gringos será muito mais barato comprar do que para nós se isso ocorrer.

            0
            • Thiago 14 de abril de 2012 at 16:05

              Note o seguinte

              Para o investidor estrangeiro:

              real desvalorizado -> perda na saída do dinheiro, ganho na entrada
              real valorizado -> perda na entrada do dinheiro, ganho na saída

              Uma das causas da valorização do real foi a grande entrada de investimentos, tanto especulativos, quanto outros investimentos

              Ou seja, para estrangeiros que investiram em imóveis lá em 2003, este é o momento PERFEITO para realizar seus lucros.

              Mesmo os que estão em renda fixa aqui, ficaram quanto tempo, 1 ano, 2 anos? Ou seja, o real perdeu 10%, já era os lucros deles!

              E se demorar perde os ganhos (com a queda de preços e desvalorização da moeda).

              “Ah mas o dólar está sendo desvalorizado” seguinte, os QEs desvalorizam o dólar mas isso é irrisório perto das oscilações que ocorrem com o real.

              O dólar e o euro podem estar com problemas, mas eles são petroleiros numa tempestade em alto mar, o real ainda é uma lancha.

              0
              • Benjamin 14 de abril de 2012 at 21:25

                Tiago, mas eu me refiro exatamente a entrada de novos investidores com a desvalorização do real. Apto q custava 150 mil dólares com a desvalorização passa a valer 75 mil dólares. Se os gringos ainda estão comprando com o real valorizado, imagina se desvalorizar?

                0
                • Thiago 15 de abril de 2012 at 09:05

                  Não é isso

                  O real vai desvalorizar quando os investimentos estrangeiros forem embora.

                  Não é que o real vai desvalorizar e eles vão entrar.

                  O real está se mantendo neste nível atual de valorização devido aos investimentos estrangeiros.

                  O câmbio no momento não é causa, é consequência

                  0
                  • Benjamin 15 de abril de 2012 at 10:12

                    Entendi o ponto, especialmente em relação ao câmbio. Estou ruminando aqui a nova informação, obrigado.

                    0
  • Muca CG Muita Treta 14 de abril de 2012 at 11:15

    Desde o ano passado, venho falando de um imóvel comercial que está para alugar na frente da minha casa, em Artur Alvim. Em junho, quando foi colocado à disposição, o proprietário queria R$ 1,8 mil de aluguel. Hoje, vi ele falando com um interessado que está pedindo R$ 1,2 mil, mas que dá para chegar em R$ 1 mil (se apertar, rola R$ 900). Ou seja: metade do preço que ele queria originalmente.

    Ploc.

    0
    • Conde Drácula 14 de abril de 2012 at 12:13

      Ola amigo

      Em minha cidade no ABC paulista, tambem estou notando uma queda considerável no preço dos alugueis.

      0
    • GB 14 de abril de 2012 at 12:30

      Com os preços altos para compra, é natural que o pessoal fosse todo para o aluguel esperando o mercado se normalizar, aí a alta procurta ia pressionar o preço dos alugueis.

      Eu acho que isso até aconteceu no começo, mas esbarrou rapidamente no fator renda do pessoal e quem tentou exagerar no valor ficou com o imóvel encalhado.

      Brazileiro é assim mesmo: ganancioso, exagerado e inculto, nos outros países o pico da bolha foi alcançado depois de 7 anos, aqui chegamos nesse ponto em só 3, lá a bolha demorou para desinchar, aqui pode estourar de vez.

      E depois dizem que aqui a renda e blá-blá-blá são as maiores do mundo, me engana que eu gosto.

      0
  • Sérgio 14 de abril de 2012 at 11:30

    Um coisa que devemos nos atentar, e que muitas vezes esquecemos (ou ignoramos), é que ações de construtoras e os ativos dessas ações são duas coisas totalmente distintas, apesar de bastante íntimas.
    Não que uma eventual quebra da gafisa, não provocaria um Deus nos acuda no setor, mas a manutenção do estouro da bolha e seu incremento independe do mercado de ações.
    Na maioria das vezes, o que sai das bundinhas de nenêm e das cabeças e atitudes de corretores da bolsa em nada se diferem.
    As ações, ou o mercado de ações está mais para um jogo como o poker ou outro qualquer do que para a ciência contábil.
    O investidor/corretor, que hoje em dia desfigura o antigo conceito da palavra, estando mais para especulador do que outra coisa, não vê o preço da coisa, do ativo, da ação se esta está cara ou barata, se o preço condiz ou não com a realidade: essas informações compõem um mínimo no embasamento de suas compras. O que veem mesmo, é se o que estão para comprar tem ou não possibilidade de ser vendido mais caro num futuro próximo com o único objetivo de lucro. Não se importam, como os antigos investidores (e os atuais estruturalistas) em investir em uma empresa para que a mesma pudesse se capitalizar para produzir mais e, com isso, ganhar no futuro.
    Hoje vislumbram apenas o lucro fácil e imediato, pouco se importanto se o preço da ação (e os ativos que elas possam representar) equivalem a “uma caixa de BIS” ou de um imóvel bolhudo.
    O que quero dizer, é que as ações, sejam da gafisa, da pdg ou outra qualquer, podem continuar quase que infinitamente subindo e descendo, sem que isso implique sua quebra ou a ruptura drastica das “forças” que mantém a bolha num suave desinflar.
    As atuais atitudes de nosso governo e as recentes “quedas” ou descontos de preços dos imóveis podem dilatar ainda mais a tão esperada queda acentuada, podendo levá-la para mais de ano, infelizmente.
    Nesse ponto em que podemos contribuir, seja manifestando das redes sociais, nas mídias e no youtube, além de contribuirmos para “elevar o ibope” das notícias sobre bolha. Esse pode ser um divisor de água entre alguns meses E alguns anos para o pleno estouro.

    0
  • GB 14 de abril de 2012 at 12:46

    A GAFeSA fechou a R$ 4,01, os lançamentos caíram 10% e as vendas contratadas caíram 50% e eu adoro ver o desespero naquele fórum comprado que vocês já conhecem, mas mesmo lá já estão aparecendo pessoas perdendo a fé:

    “Cheiro de Encol no ar………. será possível???”

    “Salvo as devidas proporções começou assim também, com problemas nas entregas e depois deu no que deu….Vale ressaltar que ela era a maior do setor na sua época.”

    “É melhor comprar ações da Gafisa do que imóveis dela.”

    “Eu prefiro comprar nem um e nem outro, rsrsrs, tenho um parente que está tomando uma canseira de mais de um ano para entregarem um imóvel da Tenda, e já o aconselharam que nem adianta entrar na justiça, é para ter paciência, quem entrou na justiça, esperou mais tempo ainda, kkkkkkk.”

    “Será mesmo acho que isso aqui têm um destino certo! Não estou querendo ser negativo de forma alguma mas olha o último balanço… e como havia dito anteriormente o setor imobiliário do país está estagnado. Está muito caro para comprar agora e a tendência dos preços é cair.”

    0
  • leo 14 de abril de 2012 at 13:07

    Amigo, nisso tenho que concordar com você, se os preços da mão de obra, materias e principalmente dos terrenos não abaixarem é bem complicado que tenhamos uma queda forte nos preços.

    E é nos terrenos que tudo se complica, na maioria das regiões os donos de grandes terrenos são pessoas que já possuem muitos bens e só aceitam vender por um preço realmente bom, caso contrário mantém o terreno.

    0
    • Shakespeare 14 de abril de 2012 at 13:38

      enquanto o IPTU de terrenos sem uso não subir muito, forçando sua utilização ou venda continuaremos com essa possibilidade do proprietário preferir manter o capital imobilizado a vender por um preço mais baixo

      0
  • GB 14 de abril de 2012 at 13:10

    Estão reclamando lá do “erro” que cometeram no balanço de 2010, eles não têm capacidade para entender que não foi erro coisa nenhuma, foi jogada contábil para reduzir o impacto negativo de 2011 na mídia.

    E se fizeram isso com 2010, imagino o que transferiram para 2012, que é ainda mais fácil de se fazer.

    E o comentário do colega acima foi muito sábio, tipo todo mundo sabe que os preços não sobem para sempre, ainda mais diretores de empresas tão estudados com seus MBA’s e “groselhas” do tipo, então dá para se supor que eles iam fazer isso e receber seus bônus enquanto fosse possível, ficariam ricos e depois quando der problema é só pedir ajuda do governo, no final das contas quem sai perdendo são só os funcionários e investidores mesmo.

    0
    • Bolha Imobiliária 14 de abril de 2012 at 13:53

      Esta jogada não valeu para o efeito contrário, jogaram algumas coisas para 2011, para o resultado de 2010 parecer mais robusto ??

      0
      • AF 14 de abril de 2012 at 14:26

        Com certeza!

        É jogada dupla. Joga-se resultados para o exercício anterior e para o futuro, para poder manipular o atual.

        E se jogaram alguma coisa para 2012, ao efeito de 2011 não parecer tão péssimo, já viram…em 2013 saberemos o resultado, com a “devolução de valores de 2012 para 2011…

        E qual foi o resultado de 2010, depois dessa (ad)equação?

        0
  • Henrique 14 de abril de 2012 at 15:16

    Aqui em João Pessoas, os preços continuam nas alturas.

    0
    • leo 14 de abril de 2012 at 15:37

      Aqui em BH também!

      No inicio de 2011 estava procurando imóvel na Zona Sul, especificamente no Lourdes, o bairro mais caro daqui.Na época fui ver um empreendimento localizado no Santo Antônio, mas apenas a uma quadra do Lourdes, que era o bairro que eu queria, melhor localização daqui.

      O apartamento tem 3 quartos, 2 vagas e 95m2, atendia muito bem minhas necessidades, iria ficar pronto em Fevereiro de 2012.Na época tinha dinheiro suficiente para pagar 60% do valor, que era de aproximadamente R$550.000 mas como realmente acreditava que os preços estavam muito altos e que uma hora eles iriam despencar, resolvi aguardar um pouco.

      Agora esse mês entrei em contato com as contrutoras, as revendas estão na faixa de R$800.000 para os andares baixos e nos andares mais altos estão por mais de R$850.000 e o pior de tudo? Só nesse ano 6 apartamentos foram repassados a mais de R$750.000 e agora existem somente 3 revendas em um prédio de 64 apartamentos.

      Resultado? Fiquei esperando e vi o preço subir em pouco mais de 1 ano mais ou menos R$300.000 ou quase 50% e agora tenho torcer para que o preço caia no mínimo 40% para voltar ao valor do inicio de 2011

      0
      • luizdvd 14 de abril de 2012 at 15:56

        Prezado Leo,

        Não é uma questão de torcida.
        A queda vai acontecer.
        O fato de existirem imóveis vendidos em preços bolhudos não quer dizer que vão valorizar para sempre, pois esta máxima não é verdadeira. Nada valoriza para sempre.

        Infelizmente, pode-se perder alguma oportunidade para aquele imóvel que a gente queria, mas, podes ter certeza de que o negócio com preço bolhudo não é bom.

        As pessoas ganham dinheiro na compra dos imóveis, não na venda.

        Se vc compra com preço bolhudo, a tendência é pagar uma contrato de financiamento eterno e caro e ver o valor do imóvel cair, cair, cair até que vc se dá conta de que manter o contrato é prejuízo.

        Aí, duas coisas podem ocorrer: ou vc amarga o prejuízo, ou vc. para de pagare perde o imóvel.

        Isto não aconteceu com vc, mas, podes esperar, vai acontecer com quem comprou os cinquenta e poucos apartamentos. Vai ter gente suando sangue.

        Na situação em que estamos, o negócio é manter o sangue frio e esperar que os atuais proprietários sintam o cutuco.

        0
        • leo 14 de abril de 2012 at 16:08

          Eu sei que a queda vai acontecer, tanto é que deixei de fazer negócio na época, sendo que eu podia quitar por volta 60% e financiar cerca de R$200.000, o que seria até razoável.

          O problema é o tamanho da queda, para voltar ao início de 2011 teria que cair mais de 40%, e olha que esse preço já é bolhudo.

          0
          • ronald 14 de abril de 2012 at 16:47

            Também acho q para o Lourdes cair 40% não vai acontecer antes de 2014 a não ser que a crise mundial vire um tsunami.

            Com certeza 30% no geral vc já até encontra em outros lugares mas o Lourdes é mais caro q o Belvedere.

            Como mencionei acima BH tem recebido grandes investimentos de fora no setor hoteleiro em especial e tem muitos pequenos investidores construindo uma ou duas unidades.

            O povo acha normal esses preços bolhudos pois tudo está inflacionado.

            0
          • Cleyton 14 de abril de 2012 at 22:41

            “O problema é o tamanho da queda, para voltar ao início de 2011 teria que cair mais de 40%”

            Não amigo, o tamanho da queda é a solução, qual o problema de algo que sobe 300% cair 60%?

            Conversando você consegue 40% hoje mesmo, e ainda estamos no início da ladeira!

            0
  • Andre da Bolha de Plastico (para evitar homonimos) 14 de abril de 2012 at 17:43

    Só para constatar – São Paulo – Lapa – rua Aurélia X Roma – na planta obras iniciadas – Sunday Vila Romana – 61m² – R$ 417 – Hoje, sabado, fui levar meu filho na casa de um amiguinho e passei em frente as 14:00 – Muito corretor e no estacionamento de clientes Nenhum Carro – Fui buscá-lo as 17:30 e passei na porta de novo – Muito corretor 1 Carro no estacionamento.
    Local que quando chove vira rio, Barulho, Transito, poluição insuportavel.
    E, realmente, se continuar bombando assim…a bolha explode logo logo….
    h t t p :/ /www.zap.com.br/imoveis/lancamento/Apartamento-Padrao-venda-SAO-PAULO-VL-ROMANA-Rua-Roma-Sunday-Vila-Romana-ESSER/ID-6647

    0
  • Shakespeare 14 de abril de 2012 at 20:45

    Vocês viram um site chamado Realton que anuncia apartamentos em oferta na TV, em horário nobre?

    Entrei (www.realton.com.br) para dar uma olhada e dei muitas riZada das ofertas. Ainda tem que cair muito para ficar caro, mas já é um primeiro movimento que demonstra que a sensação dos preços altos já está na boca das pessoas e pesando em seus bolsos.

    0
  • Roberta 15 de abril de 2012 at 13:16

    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=PWLxcwKzKCw

    Olha só esse vídeo, Bolha… mto esclarecedor!

    0
    • Bolha Imobiliária 15 de abril de 2012 at 13:31

      Este video foi publicado como tópico algum tempo atrás. Muito legal

      0
  • vitor 17 de abril de 2012 at 10:16

    Bom dia.
    Estava procurando alguns artigos sobre bolha imobiliaria, principalmente aqui no RJ e achei esse site.
    Na minha opiniao ha uma imensa bolha e que nao se sustentara.
    Para analisarmos o pq desta possivel consequencia, vejo o mercado aqui na cidade. Apartamento na Zona Sul (Botafogo) de 2 quartos, com 1 vaga e SEM dependencia avaliado em 1 milhao. Predio sem infra alguma, porem novo…
    Vou um pouco mais alem….apartamento de 2 quartos, predio muiiiiito antigo, com vaga e 80m2….800mil.
    Para se ter uma ideia com 1,2 milhao compro um apartamento de 4 quartos na Barra.
    Pergunto….tem como nao acreditar que ha uma bolha?
    Nao tem como sustentar precos exorbinates…

    0