ITBI gera aumento de receita e enxurrada de reclamações – Pagina3

Você pode gostar...

Comments
  • Brazil mode OFF 14 de dezembro de 2017 at 15:22

    Eles querem valorização, o impostos tbem acompanham. Simples.

    55+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Nelson 15 de dezembro de 2017 at 08:29

      Pior que comprar imóvel supervalorizado, é comprar imóvel supervalorizado para veraneio. Casa de praia/campo tem a pior liquidez, dá muita despesa, e muitos outros pontos negativos, que deixam o custo altíssimo para pouco benefício. Na hora de vender, se não jogar o preço lá embaixo, fica encalhado “ad eternum”.

      28+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • tmarabo 15 de dezembro de 2017 at 14:02

        com airbnb então, só besta ou “muito rico” compra casa de praia/campo.

        19+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Paulo Avelar 17 de dezembro de 2017 at 22:14

          Curioso, eu tenho apartamento de praia, e fugimos para lá para não gastar no shoping.

          4+
          • tmarabo 18 de dezembro de 2017 at 15:30

            sim, mas:
            a) quando compraste o apartamento e a que preço?
            b) qual o preço (real) de venda dele?
            c) quanto gastas de condomínio, iptu, limpeza e quanto gastaste pra mobiliá-lo?
            d) quanto tempo passas por ano no imóvel?
            e) quanto custaria um apartamento equivalente no Airbnb?

            Quando eu digo que só besta ou muito rico para comprar imóvel na praia, me refiro a quem faça isto HOJE. Quem comprou de barbada (ou no preço normal pré bolha) e passa uns dois a três meses por ano no imóvel pode ser que não seja tão besta assim.

            5+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
  • From_The_Tower 14 de dezembro de 2017 at 15:34

    Tópico Novo
    é meu irmão e minha mãe arderam nesse ITBI… tentaram pagar menos mas corriam o risco da prefa não aceitar o valor… mesmo assim pegaram na alíquota antiga.

    23+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • From_The_Tower 14 de dezembro de 2017 at 15:35

    Leo M. manda pros teus amigos
    https://multleiloes.vlance.com.br/leilao/index/leilao_id/704/lote_id/35214/lote_nu/17
    90% de queda por enquanto (frente a avaliação)

    muito bom César esse link desse leiloeiro

    https://multleiloes.vlance.com.br/leilao
    Leilões sem valor mínimo dos retomados do Consórcio Caixa
    gostei
    quase comprei uma casinha no Paraná
    kkkk

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 16:19

      From_The_Tower
      Pela quantidade pequena de imóveis e a distribuição por todo o país, estou achando que eles estão tentando descobrir qual o valor que o mercado está disposto a pagar, pois no leilões normais da CEF mais de 95 dos lotes não recebiam lances

      25+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 16:20

        95%

        14+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • mestre dos magos 14 de dezembro de 2017 at 15:51

    Cidade com os preços dos imóveis mais absurdos de SC. Apartamento de 2q, com 70m2, por R$ 700k. Que ardam no ITBI e no IPTU.

    29+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Tamorico 14 de dezembro de 2017 at 15:52

    Uai! Estamos Ricos… cidades, bairros inteiros entupidos de conjuntões de 40 M2. Povo rico, comprando até moeda virtual… nada mais justo que imposto rico também.
    Eu não tenho essas preocupações, pois moro de aluguel e não pretendo sair tão cedo. Estou fazendo o dever de casa, pego 30% do que eu ganho e poupo e em 05 anos já tenho um bom dinheiro.
    Povo brasileiro paga… podem aumentar… mas aumentem muito mesmo… huhu estamos ricos.

    37+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 14 de dezembro de 2017 at 15:52

    já em Itajaí:
    “‘População vai perceber que o reajuste do IPTU foi muito pouco’, diz prefeito de Itajaí ” kkk
    Tinha gente na Praia Brava com imóvel de 2milhoes pagando IPTU de 200k. houve justiça..
    https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/populacao-vai-perceber-que-o-reajuste-do-iptu-foi-muito-pouco-diz-prefeito-de-itajai.ghtml
    kkkk

    22+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 14 de dezembro de 2017 at 15:56

    Vereadores aprovam reajuste de até 10% no IPTU em Curitiba
    Gazeta do Povo-04/12/2017

    Câmara de Vereadores aprova aumento do IPTU em 1ª sessão
    Tribuna do Interior-há 20 minutos

    Câmara de SP aprova em 1ª votação reajuste de 3% no IPTU em SP…
    Globo.com-há 20 horas

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • cosmos 14 de dezembro de 2017 at 16:03

    O papo sobre bitcoin esteve animado nesses últimos dias, mas não li ainda ninguém falando sobre isso:
    https://olhardigital.com.br/pro/noticia/mineracao-de-bitcoin-consome-mais-energia-do-que-159-paises-juntos/72526
    Principalmente este trecho parece interessante:
    “Além disso, somente no último mês, houve um aumento de 29,98% no consumo energético da bitcoin e o custo estimado da mineração global é de US$ 1,5 bilhão. Caso a taxa se mantenha nesse nível, a expectativa é de que a mineração de bitcoin consuma toda a eletricidade mundial em fevereiro de 2020 – sem considerar variações na mineração de criptomoedas ou evolução da produção de energia elétrica. ”

    Não sei, se isso for verdade, parece muito pouco crível imaginar que a bitcoin tenha um futuro sustentável… o que acham?

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Rico 14 de dezembro de 2017 at 16:10

      Compra 2. Um para morar outro para investir.
      Lógico que não, a ideia é boa, mas está muito crua. Não há base suficiente no mundo para suportar uma idéia dessas. Visto a especulação monstro que está ocorrendo.
      Nos livros de história daqui a 20 anos estará escrito o que foi a bolha do bitcoin, provavelmente explicado que foi a base para um novo paradigma da atualidade futura.

      15+
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 16:23

        Concordo, a moeda eletrônica desvinculada de qualquer banco central é um novo paradigma
        Não dá para dizer se mês que vêm estará mil ou um milhão
        Mas na bolha da internet do ano 2000 também foi assim, as ações das .COM subiram muito acima da rentabilidade, porque ninguém sabia onde iria chegar

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Alemon Fritz 14 de dezembro de 2017 at 16:32

          leiam , muito interessante
          “A bubble? We don’t even know how to value Bitcoin.”

          – não sabemos o valor (..pois ninguem quer gastar)
          – variação na participação caiu de 93% para 57%
          – os mercados futuros estão sendo negociados em dinheiro
          -pirataria e processamento
          -vantagens do blockchain..

          https://blog.csiro.au/bubble-dont-even-know-value-bitcoin/

          csiro: Commonwealth Scientific and Industrial Research Organisation é o órgão nacional para pesquisa científica na Austrália. fundado em 1926 para pesquisa Ciência e da Indústria.

          11+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • Brazil mode OFF 14 de dezembro de 2017 at 16:26

      Bitcoin é apenas a referencia de muitas coisas inovadoras que podem ser feitas a esse respeito.

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • DouglasteR 14 de dezembro de 2017 at 17:51

      Parte das informações está correta.

      Mas ela não leva em consideração as evoluções nas ASICs (responsáveis pela mineração) e nem as melhorias sendo implementadas a todo tempo. Só de entrar a rede lightning vai resolver 2 problemas, transações a quase taxa 0 e instantaneas.

      E outra, dos 21 milhões de bitcoins, estamos em 16 já, então cada vez se torna mais dificil e consequentemente mais caro minerar bitcoin. Assim como é cheio de diamantes gigantes no centro da terra e ninguém vai lá minerá-los (prq será?) vai chegar um limiar onde a mineração vai ser mais pra proporcionar a troca de informações (que é desvinculado da dificuldade de mineração) do que realmente pra achar as moedas.

      Ai vai chegar o Nelson e falar “Ainnn, então ninguém vai querer minerar, já que a chance é quase nula de encontrar!”, só que até lá, o Bitcoin estará TÃO VALORIZADO que vc vai querer manter um “node” na sua casa só pra que suas moedas (assim como N pessoas/entidaddes/órgãos por ai) não percam o valor, pois infra pra transações nunca vai faltar.

      E é isso.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • cosmos 15 de dezembro de 2017 at 09:54

        interessante… valeu!

        2+
    • rogerio 18 de dezembro de 2017 at 22:47

      acho que estamos ainda numa fase muito especulativa, mas acho que nao tem como escapar, é como o Uber.

      2+
      • avatar
  • Marcio 14 de dezembro de 2017 at 16:06

    CVR
    Por já ter trabalhado na arrecadação do ITBI, aqui vai um exemplo de como o brasileiro “entende” o que realmente pesa no bolso.
    As alíquotas do ITBI aqui na cidade em que resido são duas: 0,5% para os valores financiados pelo Sistema Financeiro de Habitação e 2% para o restante.
    Engraçado é que o cidadão acha caro pagar uma alíquota de 0,5% (alguns diziam: nossa, deu 1000 reais de imposto), mas pra pagar 150 mil em um terreno lá no fim do mundo, bem como pagar juros no financiamento eles não reclamam.
    Quando eu trabalhava na arrecadação desse tributo, em alguns casos eu falava isso. O cara não queria pagar um tributo municipal, (ou seja, o dinheiro fica na cidade), não quer contribuir para a cidade. Mas ok, vamos levar para o lado de que ninguém gosta de pagar.
    Só que ao mesmo tempo, aceitava pagar até 150 mil em um terreno de 360 m2, mal localizado (isso no auge da bolha, lá por 2012/2013).
    Hoje os mesmo terrenos podem ser adquiridos por 100 mil. Ou seja, o cara aceitou pagar quase o dobro do que vale hoje (se considerar a inflação), mas resmungou por causa de um valor muito menos relevante no negócio de compra e venda.

    53+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Bsbguy 14 de dezembro de 2017 at 16:14

      se bananense soubesse fazer conta, o Brasil implodiria.

      27+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Alemon Fritz 14 de dezembro de 2017 at 16:17

      sim, brasileiro é bem otário.. e se acha ishperto, paga o corvo a mais e sem reclamar, declara outro valor daí ainda reclama… na hora de vender vale um milho.

      18+
      • avatar
    • jodorowsky 14 de dezembro de 2017 at 17:20

      O Deus é o “mercado”, você estava ali só atrapalhando os negócios com essa divindade brasileira.

      7+
      • avatar
      • avatar
    • Mr.Brightside 15 de dezembro de 2017 at 02:11

      O ITBI é caro por ser um imposto de transição de bens imobiliários. Eu acho que deve ter imposto mas isso deveria ser menos do que uma certidão de casamento. IPTU seria excelente se está merda de imposto urbano volta se para a população. Caso de creche arrecadar grana para educação Davi ser tudo privatizado escola. Filho cada pessoa deveria gastar dinheiro para educar 0 seu.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 14 de dezembro de 2017 at 16:12

    profissão de prestígio:
    -Falso corretor de imóveis é preso por estelionato, na zona Norte.
    7 pessoas cairam. O golpe era num stand dentro do shopping.

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 14 de dezembro de 2017 at 16:14

    não vai sobrar ninguém…

    -Número de mortes em dezembro já é 3 vezes maior que em 2016. – Campo Grande..
    “Nós estamos tendo uma explosão de violência no Brasil inteiro. Isso, graças a banalização da vida.Em todo o país foram mais de 60 mil homicídios. Nós aqui, inclusive, estamos abaixo da média nacional”, explica. (que bom..sqn)

    https://www.correiodoestado.com.br/cidades/campo-grande/numero-de-mortes-em-dezembro-deste-ano-ja-e-3-vezes-maior-do-quem-em/317448/

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • indiobolhista 14 de dezembro de 2017 at 16:33

    alguem do brogue é o dono desse site? http://estamosricos.com.br/quem-somos/ ….. faz muito que nao tem atualizaçoes ….
    Quem somos: O EstamosRicos.com.br surgiu em 2013 alertando sobre o perigo que estava se instaurando no mercado imobiliário e na economia brasileira. Hoje, todos sabem que nossos alertas eram reais e todos já percebem o resultado no dia-a-dia. Então, resolvemos aumentar nosso foco e pensar não só no mercado imobiliário, mas também em como comprar bem. Um importante passo para economizar é saber comprar bem. Atualmente, a principal forma de fazer uma compra com ótimo custo e benefício é comprar pela internet. Dessa forma, o site Estamos Ricos estuda o mercado online e físico e apresenta os melhores produtos e serviços disponíveis online. Procuramos produtos com ótimo custo e benefício, baixa taxa de reclamação, boa rede de assistência técnica e loja online confiável. Além disso, disponibilizamos diversos artigos ensinando como comprar online com segurança e confiabilidade.

    Foco: Comprar e economizar na internet. Ensinar como comprar na internet com segurança. Indicar produtos e serviços com melhor custo e bebefício.

    Diferencial: Hoje existem inúmeros sites de qualidade que permitem comparação de preços e que fornecem informações perdidas sobre produtos. Entretanto, o site EstamosRicos.com.br vai além, pois faz a pesquisa nesses sites e indica produtos e serviços com ótimo custo e benefício, gerando economia e evitando dores de cabeça. Além disso, o site Estamos Ricos ensina as pessoas a comprar na internet, como pesquisar preços, buscar seus direitos, verificar se a loja é de confiança e se os produtos e serviços são de qualidades. O EstamosRicos.com.br será a base final de lançamento para a compra do produto ou serviço!

    Público: As pessoas que querem economizar e comprar na internet, mas se sentem confusas diante de tanta informação e opção.

    Estratégia: oferecer informação realmente útil e indicar produtos e serviços

    5+
    • avatar
    • avatar
    • Rico 14 de dezembro de 2017 at 16:35

      Não, mas já houve intercâmbio com a galera das antigas aqui…

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Sergio Soares 14 de dezembro de 2017 at 16:42

      Acompanhei esse site desde o começo…. pena que o Wagner não está postando mais nada.

      9+
      • avatar
      • avatar
    • Auditor 21 de dezembro de 2017 at 21:53

      O dono do site é fiscal da sefaz de sp, tal como eu
      Lembro que fez muito sucesso em 2013

      0
  • indiobolhista 14 de dezembro de 2017 at 16:45

    colado desde http://estamosricos.com.br/artigos/sociedade-da-vaidade/
    Hoje, vamos pensar sobre a incrivelmente comentada carta aberta ao Brasil de Mark Manson.
    O gringo, que talvez tenha feito mais pelo país que a maioria dos políticos, joga na nossa cara, sem nenhum tipo de pudor, a podridão de nossa cultura e o diagnóstico da culpa pelo nosso atraso econômico, cultural e intelectual.
    Vejam que muito do que foi colocado por Mark Manson, já foi observado neste mesmo site. A vaidade brasileira, a necessidade de pagar caro para ter status e o jeitinho brasileiro, que não ajuda em nada.
    Coloco abaixo alguns trechos que acho mais importante da cara, para pensarmos e refletirmos:
    A vaidade explica porque os brasileiros ricos não se importam em pagar três vezes mais por uma roupa de grife ou uma joia do que deveriam, ou contratam empregadas e babás para fazerem um trabalho que poderia ser feito por eles. É uma forma de se sentirem especiais e parecerem mais ricos. Também é por isso que brasileiros pagam tudo parcelado. Porque eles querem sentir e mostrar que eles podem ter aquela super TV mesmo quando, na realidade, eles não tenham dinheiro para pagar. No fim das contas, esse é o motivo pelo qual um brasileiro que nasceu pobre e sem oportunidades está disposto a matar por causa de uma motocicleta ou sequestrar alguém por algumas centenas de Reais. Eles também querem parecer bem sucedidos, mesmo que não contribuam com a sociedade para merecer isso.
    O problema é que muitos focam grande parte da sua energia em vaidade em vez de produtividade. A sensação que se tem é que é mais importante parecer popular ou glamouroso do que fazer algo relevante que traga isso como consequência. É mais importante parecer bem sucedido do que ser bem sucedido de fato.
    Vaidade não traz felicidade. Vaidade é uma versão “photoshopada” da felicidade. Parece legal vista de fora, mas não é real e definitivamente não dura muito.
    Se você precisa pagar por algo muito mais caro do que deveria custar para se sentir especial, então você não é especial. Se você precisa da aprovação de outras pessoas para se sentir importante, então você não é importante. Se você precisa mentir, puxar o tapete ou trair alguém para se sentir bem sucedido, então você não é bem sucedido. Pode acreditar, os atalhos não funcionam aqui.
    E sabe o que é pior? Essa vaidade faz com que seu povo evite bater de frente com os outros. Todo mundo quer ser legal com todo mundo e acaba ou ferrando o outro pelas costas, ou indiretamente só para não gerar confronto.
    O “jeitinho brasileiro” precisa morrer. Essa vaidade, essa mania de dizer que o Brasil sempre foi assim e não tem mais jeito também precisa morrer. E a única forma de acabar com tudo isso é se cada brasileiro decidir matar isso dentro de si mesmo.
    Ao contrario de outras revoluções externas que fazem parte da sua história, essa revolução precisa ser interna. Ela precisa ser resultado de uma vontade que invade o seu coração e sua alma.
    Você precisa escolher ver as coisas de um jeito novo. Você precisa definir novos padrões e expectativas para você e para os outros. Você precisa exigir que seu tempo seja respeitado. Você deve esperar das pessoas que te cercam que elas sejam responsabilizadas pelas suas ações. Você precisa priorizar uma sociedade forte e segura acima de todo e qualquer interesse pessoal ou da sua família e amigos. Você precisa deixar que cada um lide com os seus próprios problemas, assim como você não deve esperar que ninguém seja obrigado a lidar com os seus.
    Essas são escolhas que precisam ser feitas diariamente. Até que essa revolução interna aconteça, eu temo que seu destino seja repetir os mesmos erros por muitas outras gerações que estão por vir.
    Você tem uma alegria que é rara e especial, Brasil. Foi isso que me atraiu em você muitos anos atrás e que me faz sempre voltar. Eu só espero que um dia essa alegria tenha a sociedade que merece.
    Só para agregar que tambem tem 666 abençoados pelo destino que pagam jantarzinhos para 2 babacas por 1290 realzinhos, baratinho, mais barato que 2 chocolates suizos godiva. Certeza que nao sao familia da ex “presidenta peruana” Nadine Heredia (supostos nacionalistas, izquierdistas, na realidade oportunistas que chegaram ao poder para ficar ricos, sim o marido ex militar honesto e honrado assim como fala um senhor de barba branca que se acha o gurú dos confundidos estadisticos) https://elpais.com/elpais/2015/06/02/estilo/1433245986_658775.html

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 16:47

    FINALMENTE CEF EM DESPAIR

    https://multleiloes.vlance.com.br/leilao/index/leilao_id/704/lote_id/35214/lote_nu/17
    Lote; Avaliação; Venda
    01; 339K; 131K
    02; 460K; 97K
    03; 98K; 20K
    04; 155K; 70K
    05; 98K; 34K
    06; 110K; 20K
    17; 354K; 96K

    Fui investigar o lote 17, um apartamento em Vila Velha
    Vejam que o laudo de avaliação é de maio de 2017, e o valor estava R$ 2.467/m2 + R$ 1.300/m2 da fração ideal do terreno
    https://s3-sa-east-1.amazonaws.com/vlance-cdn/public/multleiloes/anexo/1511977410.pdf

    No laudo o diagnóstico do mercado foi muito otimista, com o Número de ofertas = MÉDIO e Nível de demanda = MÉDIO, e a Absorção pelo mercado = DEMORADA

    Dai eu fui ver a matrícula
    https://s3-sa-east-1.amazonaws.com/vlance-cdn/public/multleiloes/anexo/1512062264.pdf
    Em 10 de abril de 2001 ele foi vendido por R$ 110.000 a prazo e com valor de avaliação de R$ 55.000, aplicando o IGP-M seria R$ 180.560 hoje

    Com todas estas informações em mãos, já dá para garantir que esta venda foi feita em DESPAIR

    40+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 16:48

      Gostaria de uma opinião do Thiago fm sobre isso

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 16:56

        Ahhh Thiago, e não adianta falar que o mercado de leilões é irrelevante, pois se este for o padrão daqui para frente, então provavelmente este será o principal mercado imobiliário por alguns anos

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • CA 14 de dezembro de 2017 at 18:01

          O mercado de leilões é irrelevante, embora tenha crescido exponencialmente sem sequer terem retomado 10% da inadimplência REAL e ter sido a base da derrocada mais visível e abrangente de preços em todos os países que experimentaram as mesmas anomalias do Brasil…

          A honestidade é irrelevante, pois não só a CEF pode reduzir suas provisões sabendo que elas são FALSAS e tendo eventos que comprovem isto logo após a redução, como o presidente da CEF pode mentir e enganar, fazendo de conta que o partido dele colocou um PL depois de uma semana da reunião dele com o presidente da Câmara e ele não sabia de nada, fazendo de conta que não está fazendo o TCU de trouxa, fazendo de conta que já não aplicaram uma infinidade de golpes na CEF, muitos destruindo recursos do FGTS e do Tesouro e no final, o que é relevante? Que a cada novo GOLPE revelado, fiquemos em silêncio e não divulguemos, porque o problema é mostrar as ações criminosas e não o crime em si, pelo menos é o que ensinam na cartilha da CEF, provavelmente elaborada pelo Nefasto, que a segue à risca, como um funcionário modelo.

          Se os números e estatísticas do segmento imobiliário são muitas vezes deturpados para ENGANAR as pessoas, como quando omitem estoques RELEVANTES e CRESCENTES de imóveis lançados há mais de 36 meses, quando omitem que cada vez mais as construtoras estão deixando de registrar distratos porque estão sem caixa para reembolsar os ex-clientes, ou simplesmente para SIMULAR melhoria, quando esquecem de dizer que os atrasos nas obras fazem com que o estoque OCULTO com mais de 36 meses
          cresça não só em função destes atrasos, mas também porque se vende cada vez menos durante a obra, ou quando esquecem de dizer que com certeza uma parte relevante das vendas na planta não vão se concretizar, como já acontece há ANOS, ou quando esquecem de dizer que uma parte relevante das “vendas” na planta na realidade é para investidores que são só concorrentes das construtoras e mais um pedaço da super-oferta de imóveis, ou quando se esquecem de dizer que o crescimento absurdo dos leilões são mais concorrentes, assim como o crescimento anormal na oferta de usados, dentre uma INFINIDADE de outros “esquecimentos” do segmento imobiliário, onde nada disto é importante, o que vale é fazer um gráfico de flores, do MUNDO de faz de conta e FINGIR que nada disto existe e se for questionado quanto a esta infinidade de inconsistências nas “estatísticas”, assobia, finge que assunto não é com ele e muda o papo…

          A loucura acima é típica dos AnaCEFalos, que realmente “pensam” que todos são como eles e não tem NENHUMA capacidade cognitiva para entender sequer o óbvio…

          24+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 18:48

            CA
            Este foi o primeiro caso da CEF onde foi vendido por um valor abaixo do praticado de 2000 a 2004 (corrigindo pelo IGP-M)
            E não foi pouco não, a queda foi de quase 50%, de 180K para 96K
            Este é o verdadeiro DESPAIR
            Se a CEF for adotar este modelo daqui por diante, estabelecerá um novo patamar de preços

            40+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Antigo 14 de dezembro de 2017 at 19:19

              Ele disse que voltaria com novas ilustrações e gráficos quando houvesse um tópico novo.
              Em boa hora.

              Mas Cesar, sem querer ser advogado do diabo, esse é só um leilão. Pode ser que a CEF esteja sim testando o mercado, já que é a primeira vez que vemos valores despair, mas também pode ser um ponto fora da curva, um gerente de hierarquia média que autorizou os imóveis sob a responsabilidade dele serem leiloados a baixos preços. Vou ficar no aguardo, para ver se essa tendência se consolida.

              16+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • thiago fm 14 de dezembro de 2017 at 23:35

                Prometi recomeçar até semana que vem, mas se esse tópico durar a média dos últimos tempos, pode ser que pegue a ponta desse ainda.

                Já percebo que o blog está entrando em ritmo de fim de ano, portanto não há motivos para pressa. Tenho uma quantidade bem razoável de material para atualiza.

                16+
                • avatar
                • avatar
                • avatar
                • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 14 de dezembro de 2017 at 18:39

    FGTS poderá ser usado até 2018 para quitar dívidas de financiamento imobiliário
    http://www.ibahia.com/detalhe/noticia/fgts-podera-ser-usado-ate-2018-para-quitar-dividas-de-financiamento-imobiliario/

    7+
    • avatar
    • avatar
    • Leonardo M. 14 de dezembro de 2017 at 20:13

      Que FGTS?

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • danielbh 15 de dezembro de 2017 at 14:38

        CEF passa a mão no FGTS pra cobrir abismos passados e a merreca que sobrar em conta agora tbm vai parar na CEF! eeeeeee Bananistão não muda…

        3+
        • jros 20 de dezembro de 2017 at 12:31

          queria poder usar para antecipar as parcelas =/

          em resumo, se eu atrasar posso usar aquele dinheiro sem serventia, se pagar corretamente irei continuar ficando RYCO com os rendimentos do fgts 😀

          0
  • Leonardo M. 14 de dezembro de 2017 at 19:41

    CVR novela mexicana

    Nosso querido casal bananense após assinar com o itauzao e pagar mais juros opressores estão preocupados, motivo:

    Vão rodar entre 17 e 22 pessoas na empresa da esposa para “se adequar a nova realidade da empresa”.

    É pra aplaudir de pé igreja, 30 anos pagando e durante esse tempo não acontecerá desemprego ou imprevistos na vida de um casal.

    66+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 20:01

      a culpa é da orocubaca lançada pelo Leonardo M.

      33+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Avulso 14 de dezembro de 2017 at 20:06

      Rapaz, pelo andar da carruagem, vislumbro um retorno a casa dos pais em um momento não tão distante

      24+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 20:29

        Todos nós cometemos erros, achando que estamos tomando a melhor das decisões com as informações que temos a disposição.
        Mas quando alguma coisa vai impactar por 30 anos, deveria buscar o máximo de informações

        33+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • jros 20 de dezembro de 2017 at 12:32

        não gosto de fazer previsões, mas acho que isso dá separação em 1 ano e em no máximo dois anos estarão na casa dos pais

        0
  • Margarida 14 de dezembro de 2017 at 20:42

    Eu estou com uma dúvida com relação a esses laudos de avaliação do Santander. Exemplo:

    https://www.frazaoleiloes.com.br/leiloes/lotes/anexos/5a0de3101072c.pdf

    Valor Final da Avaliação conforme o Mercado: R$ 383.000,00
    Valor de Liquidez: R$ 268.100,00
    Avaliação para Garantia de Financiamento: R$ 383.000,00

    O valor de avaliação para garantia de financiamento não deveria ser o valor de liquidez?

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Money_Addicted 14 de dezembro de 2017 at 21:25

      O certo seria preço real vs preço fantasia, mas mesmo o real deve estar inflado

      7+
      • avatar
    • Alemon Fritz 14 de dezembro de 2017 at 21:41

      essa diferença (30%, ..que coincidência) deve ser a garantia pro banco,

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Margarida 16 de dezembro de 2017 at 15:52

        Arrematado por 276. O cara vai pagar 290k fora o que vai gastar pra desocupar. Isso num apartamento avaliado pelo banco em 376k no máximo, valor de liquidez 268k, menos do que ele pagou!

        Por quê? Porque os anúncios nesse prédio estão em torno de 500. O cara certamente acha que fez um negócio da china.

        2+
        • avatar
        • avatar
  • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 21:46

    PT superfaturava MCMV em 30% e encaminhava para o PCdoB
    http://www.imprensaviva.com/2017/07/no-esquema-de-corrupcao-do-minha-casa.html

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 14 de dezembro de 2017 at 22:34

    HOJE FOI APROVADO NA CCJ O ESTADO DE DEFESA PARA O HELL DE JANEIRO
    Estado de defesa
    Segundo o parlamentar, a democracia e a unidade nacional estão em risco a quando criminalidade organizada supera o Estado e passa deter o monopólio da violência sobre determinado território. Em relação ao Rio de Janeiro, o relator alega não haver mais tempo para soluções intermediárias e defende resposta enérgica amparada na Constituição.

    — Não se duvida que medidas já têm sido tomadas pela União para apoiar o estado. É preciso ir além, é essencial enfrentar a situação de frente com todas as ferramentas disponíveis, sem medo, sem pudores, sem amarras. É tempo de discutirmos seriamente a segurança pública no Rio de Janeiro, com o governo federal assumindo de vez o protagonismo, ao mesmo tempo em que revê e prepara as forças estaduais para retomarem a normalidade o quanto antes — afirmou.

    Previsto no artigo 136 da Constituição, o estado de defesa deve ser aprovado pelo Congresso Nacional e decretado pelo presidente da República com o objetivo de preservar ou restabelecer, em locais restritos e determinados, a ordem pública ou a paz social ameaçadas por instabilidade institucional.

    Durante o estado de defesa, é possível a restrição de certos direitos, como o de reunião, o de sigilo de correspondência e de comunicação.

    https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2017/12/13/relatorio-sobre-seguranca-pede-estado-de-defesa-no-rio-e-revogacao-do-desarmamento

    23+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 14 de dezembro de 2017 at 22:39

      Caracas.

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • thiago fm 14 de dezembro de 2017 at 23:27

    Cesar_DF

    Ahhh Thiago, e não adianta falar que o mercado de leilões é irrelevante, pois se este for o padrão daqui para frente, então provavelmente este será o principal mercado imobiliário por alguns anos

    8+
    • avatar
    • avatar

    kkk

    Continuo achando irrelevante meu caro Cesar. É óbvio que pra marcar seu ponto, você vai buscar e selecionar voluntariamente na internet os casos que favorecem seu apontamento. Demonstre o volume disso em relação a oferta e demanda real de mercado e talvez comecemos a debater dentro dessa linha. Ademais, nem me dou o trabalho de abrir esses sites.

    Só para registro, devo lembrar que a CEF liberou o impedimento normativo que havia para que os funcionários participassem dos leilões e afins e chegou a disponibilizar uma planilha consolidada com os imóveis disponíveis. Confesso que não me entusiasmei nem um pouco e não percebi nenhum grande interesse do tipo no meu círculo de trabalho. Aliás bastaria que um terço ou menos dos empregados da CEF decidisse comprar uma unidade dessas cada um, para o banco zerar o estoque de imoveis próprios.

    Ao tratar os dados da planilha, pude verificar que há de fato alguns casos com descontos significativos em relação à avaliação, mas quando se tira a média e mediana os abatimentos não são tão atrativos para compensar os pontos negativos e algum nível de risco da operação, no meu ponto de vista. Além de a grande maioria estar ocupado, pude constatar com o auxílio do Google, que os imóveis com desconto maior são em sua maioria ruins, mal localizados e desinteressantes.

    Enfim, não concordo que esse mercado de leilões será o “normal” como você diz, porém se você acredita nisso – que já estamos no tal despair – acho bom a galera começar a correr e comprar logo dois, um para morar e outro para investir, pois esse tipo de “despair de leilão” que você aponta, deve ser o mais próximo de um despair clássico de bolha que vocês conseguirão experimentar.

    9+
    • CA 15 de dezembro de 2017 at 06:33

      Isto colocado, obviamente, por quem trabalha na empresa mais PODRE do país, que aplica GOLPES erm série toda semana, que até outro dia dizia que a empresa estava no caminho certo, na mesma semana em que a empresa dele começava as manobras sujas para extorquir R$ 15 BILHÕES do FGTS enganando o TCU que apontava MAIS ESTA IRREGULARIDADE e uma semana antes de aparecerm furos BILIONÁRIOS em provisões que deixaram claro que os resultados positivos e recorde da CEF eram totalmente FALSOS e o que esta pessoa, que já mentiu e foi desmascarada por aqui INÚMERAS vezes espera, é que agora todos acreditem e confiem nele, nas estatísticas dele, nos números “oficiais” da empresa em que ele atua e porque não, já que estamos no Natal, acreditar nas previsões dele para o futuro, de que o FGTS vai despejar centenas de BILHÕES pela eternidade para cobrir todos os ROMBOS da CEF para todo o sempre, que as mentiras e golpes da CEF, assim com as mentiras e golpes dele, vão durar para sempre e por aí vai.

      Se aqui somos idiotas de pensar com a razão, apresentando uma INFINIDADE de inconsistências nas “estatisticas” do segmento e dos AnaCEFalos, ele não deveria se preocupar em pensar sobre o que achamos ou não, afinal, somente alguém muito idiota perde tempo com um blog que nunca acerta suas previsões e ainda prepara um monte de estatísticas FURADAS e que já foram desmascaradas INÚMERAS vezes.

      Ah, mas este blog já acertou inúmeras vezes indo contra a maré, fazendo análises com profundidade, demonstrando incoerências e inconsistências absurdas naquilo que é divulgado por aí, então, a explicação simples e óbvia é que o pobre e doente indivíduo acima luta desesperadamente contra a realidade de trabalhar em uma empresa sabida e comprovadamente PODRE e ser exatamente igual a ela, ele não pode se olhar no espelho e aceitar isto, ele tem que enganar a si mesmo e para isto, tentar enganar aos outros também…

      Por que tanta falta de racionalidade em dizer que a situação atual é sustentável em meio a GOLPES SUJOS BILIONARIOS sendo perpetrados pela empresa dele para SOBREVIVER, o que por si já torma óbvio o quanto isto não é sustentável? Exatamente porque ele não quer enxergar o ÓBVIO, como negou a gravidade da crise que teríamos, como quando disse que a CEF estava no caminho certo ao aplicar os golpes contra o TCU e também as DESCARADAS reduções de provisões que foram DESMASCARADAS na mesma semana e por aí vai…

      De novo, como em todas as outras vezes, veremos um festival de embromatiom, nenhum dos pontos colocados para ele INÚMERAS vezes que DEMONSTRAM que as estatísticas dele estão completamente furadas serão respondidos e ele, como pombo jogando xadrez que é, sairá de peito estufado e fazendo m*rda no tabuleiro…

      22+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Cesar_DF 15 de dezembro de 2017 at 10:47

      thiago fm
      Achei PERFEITA esta sua estratégia dos próprios funcionários salvarem a CEF, adquirindo os imóveis que estão indo para leilão
      Ainda mais que agora, em muitos, será preço de DESPAIR
      Só tenho uma dúvida: a CEF admite que não esta executando em 90 dias, mas sim em mais de 1 ano, quer dizer que o estoque atual de imóveis para leilão é menos de 25% do real.
      Vocês terão dinheiro para cada um comprar 3-4 imóveis ?

      14+
      • avatar
  • Alemon Fritz 14 de dezembro de 2017 at 23:48

    lá vem bomba…

    STJ começa a julgar índice de correção monetária do FGTS
    “É unânime a fala de que o FGTS é a pior poupança”, afirmou a advogada Renata Silveira Veiga Cabral, da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro – parte interessada no processo. A TR não atende ao objetivo determinado pela lei, de recompor os valores pela inflação, segundo a advogada.
    “Esse é o tema mais importante desse fim de semestre.”
    O Advogado da Caixa, Gryecos Valente Loureiro questionou qual seria o índice mais adequado. (kkkkk, claro)

    http://www.valor.com.br/legislacao/5227049/stj-comeca-julgar-indice-de-correcao-monetaria-do-fgts

    20+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 15 de dezembro de 2017 at 08:27

      Será que podem mudar o cálculo da TR para dar uma correção ‘mais justa’ ao trabalhador?
      Quero nem ver como vai ficar o tamanho da parcelinha se mexerem nesse cálculo.
      Aliás, quero ver sim, porque moro de aluguel e não me preocupo com isso.

      19+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 14 de dezembro de 2017 at 23:53

    STJ julga uso da TR como índice de correção monetária do FGTS

    1ª Seção começou a analisar recurso de um sindicato contra a Caixa Econômica Federal. (lixo)

    “Se o trabalhador apresenta reclamação trabalhista, ele recebe o FGTS por meio do IPCA-e, mas, se ele não ajuíza uma reclamação trabalhista, recebe pela TR”.
    O ministro se mostrou preocupado com a súmula que, segundo ele, “acabou sendo uma facada nas costas do trabalhador brasileiro”.
    https://www.jota.info/tributario/stj-julga-uso-da-tr-como-indice-de-correcao-monetaria-do-fgts-14122017

    7+
    • avatar
    • avatar
  • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 00:08

    OFF – Bolivarianos retardados, até que esta gente me diverte 😀
    Para vocês verem que tem idiotas que realmente acreditam nestas coisas, não são poucos, e alguns aparentemente tem “erudição”…

    https://www.youtube.com/watch?v=vfyekgkpB5I

    Detalhe: esta idiota é professora universitária nos EUA
    Bônus plus: Dr Halnon was award her PhD from Boston College in 1995 with a thesis about treatments for women and hysteria.

    http://www.dailymail.co.uk/news/article-2997789/Woman-arrested-lighting-cigarette-American-Airlines-plane-renting-Obama-Penn-State-professor-PhD-hysterical-women.html

    “O instrumento mais flexível do universo é a espinha dos intelectuais” (Roberto Romano, Caros Amigos)
    http://silncioerudoasatiraemdenisdiderot.blogspot.com.au/2010/05/o-instrumento-mais-flexivel-do-universo.html

    6+
    • avatar
    • avatar
  • socrates 15 de dezembro de 2017 at 00:24
  • indiobolhista 15 de dezembro de 2017 at 01:10

    Goiania Goiás reportagem do dia 8 de dezembro, os inquilinos nao querem ficar nem de graça disse um comerciante que ja nao tem empregados no Bernardo Saiao. Outra pagava 6 mil reais de aluguel em 2014 agora caiu para 1200 reais.
    https://www.youtube.com/watch?v=xMNywh9BJ7k

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • indiobolhista 15 de dezembro de 2017 at 01:13

    Outro empresario que tem 38 imoveis baixou 60% o valor de aluguel, mesmo que ele é negociavel e flexivel só tem 23 alugados. Agora o empresario eu acho inteligente de verdade, agora imagine os teimosos que nao baixam …. ardam ricoes com as despesas.

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • indiobolhista 15 de dezembro de 2017 at 01:41

    Excelente reportagem by corvos corporation muito bom para rir com as piadas da grande Goiania, ……. BG – Ótima oportunidade pra comprar um imóvel – 01-12-2017 Feirão reúne mais de 10 mil imóveis com preços atrativos na grande Goiânia. Muitos empreendimentos podem ser financiados pelo programa minha casa minha vida. A expectativa é que com as taxas de juros mais baixas e a liberação do décimo terceiro muitas pessoas fechem negócios durante o evento. As vendas vai estourar, agora vai …. https://www.youtube.com/watch?v=pSSA7SEq_4M

    4+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • indiobolhista 15 de dezembro de 2017 at 02:47

    profecia do filme IDIOCRACIA, Dwayne Johnson, A rocha, la roca em espanhol, no filme PRESIDENTE CAMACHO,
    https://www.youtube.com/watch?v=HgQtDnzXQX8 , mientras tanto en la banania ya tenemos candidatos estilo camacho

    7+
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 15 de dezembro de 2017 at 08:29

      Eu adoro esse filme kkkk
      Mostra a população emburrecendo ao longo das gerações.
      Ele erra em algumas coisas, mas acerta em várias também, muito divertido

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • CA 15 de dezembro de 2017 at 06:48

    Coletânea de notícias acima:

    PT roubou usando MCMV: meio óbvio. O MCMV, como dizemos aqui faz tempo, é grande fonte de corrupção, com centenas de processos na justiça em todo o país, muitos deles envolvendo aqueles funcionários da CEF que seguem o mesmo padrão “ético” de sua empresa, políticos, MST e outras pragas que assolam este país…

    FGTS com remuneração completamente inadequada: algo que já se sabe há muito tempo também, mas se não for assim, como garantir esta panaceia e sustentar toda a corrupção mencionada acima? Sem isto, a CEF e os funcionários que seguem seu padrão “ético” não sobrevivem, nem os políticos SUJOS ou os pseudo-movimentos sociais. Eles precisam
    disto para SOBREVIVER e por isto, no mundo de Alice no País das Maravilhas em que vivem, tem que acreditar que isto vai durar eternamente…

    Usar o FGTS para quitar dívidas em atraso de até 12 MESES no crédito imobiliário sendo estendido até o final de 2018? Ué, mas depois de 3 meses não teria que ir para leilão? Ah, este é UM dos motivos para pegarem R$ 15 BILHÕES do FGTS, como não estão retomando os imóveis INADIMPLENTES e empurrando com a barriga, precisam de dinheiro para cobrir o caixa, porque isto também vai deixando ROMBOS crescentes. Será que vão conseguir empurrar com a barriga deste jeito para o resto da vida? Kkk

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 11:47

      postei abaixo um caso real de como acontece uma das varias formas de golpe envolvendo moradia popular
      e pra não dizer que não falei de flores, o PT começou o PSDB dobrou a meta.

      5+
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 11:57

      lendo pelas entrelinhas
      A CEF já começou a monitorar volume de leilões X mercado normal
      eles já tem os números mas é segredo…

      9+
      • avatar
      • avatar
  • CA 15 de dezembro de 2017 at 08:25

    Muitas vezes vemos empresas aplicando golpes, arrecadando muito dinheiro para os corruptos que vivem às custas disto, crescendo, se expandindo, ou às vezes, já em um estágio de SOBREVIVÊNCIA, mas que vai durando alguns anos e daí, quem enxerga os fatos como eles são, quem depura o volume muitas vezes absurdo de anomalias, vai apontando isto e muitos que olham para estes fatos, mas estão ansiosos, pensam que as anomalias são situações que podem durar para sempre.

    Quem se usa da crença acima para tentar transmitir esta sensação de perenidade dos golpes, normalmente são aqueles que se beneficiam direta ou indiretamente dos mesmos. Quase sempre eles estão plenamente conscientes de que é um golpe, sabem que não vai durar para sempre, mas muitos, em virtude do seu “caráter”, continuam tentando iludir aos outros, para ganharem mais ou para sobreviverem por mais tempo. Alguns poucos fogem da consciência do que consta acima e alimentam seus DEVANEIOS, sonham que o caso deles é “diferente” e que exclusivamente porque envolve a eles e seus interesses particulares, não vai explodir (wishful thinking).

    Vejamos algumas AMOSTRAS de como as situações de anomalia, sejam elas bolhas, pirâmides, golpes variados, sempre acabam encontrando um fim trágico:

    Enron e WorldComm – NYSE (Bolsa de NY): faziam maquiagem contábil em LARGA ESCALA, no mesmo padrão da CEF. Colocavam despesas em subsidiárias no Exterior para SIMULAR lucros maiores que os reais, lançavam despesas como se fossem investimentos e por aí vai. O que aconteceu? Preços das Ações dispararam, euforia, etc. Na sequência, a empresa quebrou e a “auditoria” que assinava os relatórios deles, simplesmente desapareceu do mercado. Vários processos na justiça contra os administradores destas empresas que quebraram de forma definitiva.

    Empresas envolvidas na Lava-Jato: décadas praticando corrupção, qual poderia ser o problema de expandir enormemente os esquemas? Presidentes destas empresas presos, muitas delas virtualmente QUEBRADAS, prejuízos enormes para quem insistiu em apostar nelas.

    PDG: tornou-se a maior empresa do segmento imobiliário das AMÉRICAS (incluindo os EUA) em meados de 2011, o que poderia acontecer errado? Euforia total até 2011. Anos depois, mesmo com “N” truques sujos para ganhar tempo, está em recuperação judicial e todo mundo sabe que não tem recuperação. Prejuízos faraônicos para clientes, investidores em imóveis, acionistas, bancos credores, etc, etc, etc.

    Oi, OGX, etc, etc, etc: o mesmo que casos acima, todas obviamente insustentáveis e quebradas.

    CEF: é o mesmo que consta acima. O curioso, é que a CEF é quem ajudou a sustentar todos os golpes acima daqueles que foram aplicados no Brasil e MUITO MAIS, ou seja, a situação é BEM MAIS GRAVE do que todos os casos acima e pior, estão destruindo a CEF e ajudando a destruir o governo por tabela. A “perenidade” disto é a ILUSÃO que sempre cerca estas situações, deixemos que os envolvidos diretamente nesta sujeira tentem desesperadamente dizer que o caso deles é “diferente”, só porque eles dependem disto umbilicalmente, este é um problema deles e do mesmo jeito que ninguém teve dó dos golpistas dos casos acima, ele também não contará com nenhuma piedade de nossa parte…

    18+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 15 de dezembro de 2017 at 08:40

      Pessimismo seu CA. Basta 15 bilhõezinhos do FGTS e tudo se resolve lá na CEF. Vamos encarar como presente de natal, cadê seu espírito natalino?

      Com relação às contabilidades criativas, também não vejo nada de errado. É sabido que o brasileiro é um povo cheio de jogo de cintura e capacidade de improviso. Se os americanos faziam criatividade na contabilidade, é de se imaginar que superaríamos e muito essa prática, usando toda nossa capacidade criativa para escrever os balanços e outras peças contábeis de uma maneira suave e estável.

      Aliás, o problema do super estoque de imóveis é facilmente resolvido se cada funcionário da Caixa comprar um dos imóveis encalhados, isso sim é que é amar a empresa que trabalha. Aliás, essa está sendo a causa dos problemas da PDG, Viver, Rossi e tantos outros: demitiram os funcionários antes de dar a oportunidade deles comprarem um dos lançamentos na planta, grave erro.

      22+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 09:14

        lembrando que a caixa lixo ficou com metade do lucro do FGTS, ela boazinha depositou outros 50% nas conta de 88milhoes de burros. Qual foi o critério pra ela ficar com a metade do lucro…

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 09:28

          Neste ano, o lucro da Caixa deverá chegar a quase R$ 8 bilhões. A direção do banco está tentando negociar com a secretária do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescovi, o repasse de (apenas) 25% em dividendos e posterior devolução do valor, via aporte. (ou seja ela vai ficar com os 8bilhoes, deveria dar 73% ao tesouro)

          6+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 09:38

            nessas pedaladas a caixa ficou com cerca 30bilhoes de reais: 15 recebidos do aporte, 8 do lucro do fgts, 8,2 do lucro anual. (e sem somar outros 7,8 do lucro ficaram nas contas de fgts dela diminuindo a inadimplência)

            5+
            • avatar
            • avatar
  • fanfarraum 15 de dezembro de 2017 at 08:58

    Novo IPTU de Porto Alegre traria aumento de 25% para oito em cada 10 contribuintes em 2018

    https://gauchazh.clicrbs.com.br/porto-alegre/noticia/2017/12/novo-iptu-de-porto-alegre-traria-aumento-de-25-para-oito-em-cada-10-contribuintes-em-2018-cjb6zbhzx00i701p9jmmg2g46.html

    O projeto que muda a fórmula de cálculo do IPTU precisou ser refeito em razão da derrota no plenário três meses atrás. Como não há mais prazo legal para mexer nas alíquotas para 2018, a única alteração ainda possível é a atualização da planta de valores imobiliários sobre a qual o tributo é calculado. Por isso, se aprovada até o final deste mês, a nova proposta corrigiria a avaliação dos imóveis tendo como limite um teto de 25%.

    — Colocamos esse limitador para evitar aumentos bruscos no valor a ser pago. Como a planta não é atualizada desde 1991, certamente haveria casos em que o imposto ficaria 200%, 300% maior — afirma o secretário municipal da Fazenda, Leonardo Busatto.

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • tmarabo 15 de dezembro de 2017 at 14:12

      é o correto a se fazer em POA, bem como na maioria das cidades deste país.

      1+
      • tmarabo 15 de dezembro de 2017 at 14:13

        e, infelizmente, partidos “liberais” como o Novo e Livres se recusam a apoiar a medida, mesmo sabendo que o Município está falido e que não há como diminuir despesas no curto e médio prazos.
        ou seja, a dívida de hoje é MAIS IMPOSTO no futuro. ou vão dar calote????

        2+
  • De-boa-na-bolha 15 de dezembro de 2017 at 08:59

    1,46 negativo no mês, queda acentuada em apenas um mês, será que é o começo da recuperação ?
    Já Monte Carlo valorizou 10,8%.

    Preço de imóveis registra queda em novembro, de acordo com Índice Properati-Hiperdados (IPH) 100 cidades.

    Segundo o medidor de preçosÍndice Properati-Hiperdados(IPH), o preço médio do metro quadrado dos imóveis à
    venda no Brasil teve queda de 1,46%, entre os meses de outubro e novembro de 2017.
    No acumulado do ano, o metro quadrado da capital paulista já desvalorizou 4,72%.
    A valorização fez aumentar ainda mais a distância entre a cidade catarinense e São Paulo,sendo que, no acumulado do
    ano, o metro quadrado de Balneário Camboriú já valorizou 10,8%.
    http://maringa.odiario.com/economia/2017/12/preco-de-imoveis-registra-queda-em-novembro-de-acordo-com-indice-properati-hiperdados-iph-100-cidades/2446655/

    5+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 10:00

    compre djá a estabilidade vai continuar (kkk)

    Descontos nos preços dos imóveis devem acabar em 2018.
    Contudo, retomada de preços será lenta e depende da solução de entraves. Afinal, é um bom ano ou não para a compra da casa própria?.
    As praças que continuam a cair formaram uma alta expectativa antes do boom imobiliário e não entregaram o prometido, enquanto as que estão valorizando agora tiveram um reconhecimento tardio”… kkkk corvo enrolando

    O Grupo Zap Viva Real aposta nesta estabilidade dos preços no ano que vem e em um aumento gradativo nas vendas.
    https://exame.abril.com.br/seu-dinheiro/descontos-na-compra-do-imovel-devem-acabar-em-2018/

    2+
    • avatar
  • De-boa-na-bolha 15 de dezembro de 2017 at 10:00
    • Cesar_DF 15 de dezembro de 2017 at 10:38

      Poxa, desta vez a queda foi maior que 0,1% kkkkkk

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • indiobolhista 15 de dezembro de 2017 at 10:15

    Vereadores impedem distribuição de boneca com genital masculino, batom e roupa rosa em Jataí, GO
    https://www.mixvale.com.br/2017/12/15/vereadores-impedem-distribuicao-de-boneca-com-genital-masculino-batom-e-roupa-rosa-em-jatai-go/
    distribuição de bonecas que têm genital masculino, boca rosada e vestido e faixas na cabeça causaram polêmica, nesta quinta-feira (14), em Goiás. Nas redes sociais, internautas tiveram opiniões diversas sobre o assunto. No município de Jataí, no sul de Goiás, os vereadores barraram a distribuição dos 1,6 mil caixas com os brinquedos. Os políticos enviaram um ofício à prefeitura da cidade pedindo que elas não fossem entregues às crianças.
    “Parece ser uma boneca do sexo feminino, mas com o genital masculino. Isso que nos trouxe indignação. Não aceitamos e entendemos que é apologia fazer a distribuição a um público tão frágil e tão vulnerável como é o das crianças”, disse o vereador Gildenício Santos (PMDB), em entrevista à TV Anhanguera.
    Os 110 mil brinquedos foram doados nos municípios goianos pela Organização das Voluntárias de Goiás (OVG). Pais de algumas crianças que receberam as doações também reclamaram.
    O diretor da OVG, Anderson Augusto Tavares de Souza, explicou que o órgão fez as doações dos mesmos brinquedos em 2016, em Goiânia, e não houve qualquer discussão. “Nos colocamos até surpresos em relação a essa polêmica, porém, respeitamos a opinião pública. A gente acredita que está havendo um equívoco, porque não é a intenção causar nenhum tipo de polêmica”, afirmou.
    Por meio de nota, a Organização pontuou que “eventuais devoluções serão encaminhadas a entidades filantrópicas cadastradas na Organização”. O texto destaca ainda que os brinquedos seguem sendo distribuídos até o próximo domingo (17) e que as bonecas representam 15% do total dos itens distribuídos.

    2+
  • From_The_Tower 15 de dezembro de 2017 at 10:22

    Bom dia
    mesmos tijolos nos leilões
    https://www.zukerman.com.br/leilao-banco-santander-12282

    5+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 12:09

      vai nos encerrados
      https://www.zukerman.com.br/leiloes-encerrados

      tipo menos de 10% ou até 2 por pagina de 20encerrados tem lances, o resto vazio
      residencial a maioria abaixo de 100 mil reais
      dos que tem lance 90% é valor abaixo de 220 mil
      residencial acima de 300 mil = 0% (pelo que eu vi)

      o valor dos lances esta em total harmonia com renda se pegar localização dos imóveis e dados de setor censitário
      Esse é o BR real.

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Tem Mas Acabou 15 de dezembro de 2017 at 10:27

    OFF – Investimentos
    Sofisa com CDB Pós a 110% (1 ano) do CDI e Pré 10% ao ano (dois anos). Dois corações: taxas são inigualáveis, mas falta liquidez por prazo longo. Arriscam?

    6+
    • avatar
    • mestre dos magos 15 de dezembro de 2017 at 12:55

      Na minha opinião, o recebimento de juros mais baixos, é o custo de me manter líquido. Ano que vem promete.

      7+
      • avatar
  • fanfarraum 15 de dezembro de 2017 at 10:38

    Alguns imóveis que baixaram o preço pedido nesse mês, em Porto Alegre.

    São todos imóveis em regiões caras da cidade e com 100+ m2 e 3 quartos, com vaga de garagem.

    https://www.foxterciaimobiliaria.com.br/imovel/123860/residencial-porto-alegre-rio-branco-apartamento-3-dormitorios-zona-norte?corretor=gionathan-tristaci
    2017-11-23 | 550.000 => 500.000 (50.000)
    2017-12-12 | 500.000 => 450.000 (50.000)

    https://www.foxterciaimobiliaria.com.br/imovel/147003/residencial-porto-alegre-independencia-apartamento-3-dormitorios-zona-norte?corretor=gionathan-tristaci
    2017-08-31 | 560.000 => 450.000 (110.000)
    2017-10-18 | 450.000 => 430.000 (20.000)
    2017-12-12 | 430.000 => 400.000 (30.000)

    https://www.foxterciaimobiliaria.com.br/imovel/158643/residencial-porto-alegre-petropolis-apartamento-edificio-vila-borghese-4-dormitorios-zona-norte?corretor=gionathan-tristaci
    2017-10-19 | 590.000 => 559.000 (31.000)
    2017-12-12 | 559.000 => 530.000 (29.000)

    https://www.foxterciaimobiliaria.com.br/imovel/155486/residencial-porto-alegre-bela-vista-apartamento-edificio-tarragona-3-dormitorios-zona-norte?corretor=gionathan-tristaci
    2017-08-08 | 630.000 => 550.000 (80.000)
    2017-09-05 | 550.000 => 510.000 (40.000)
    2017-09-27 | 510.000 => 480.000 (30.000)
    2017-12-13 | 480.000 => 450.000 (30.000)

    https://www.foxterciaimobiliaria.com.br/imovel/137634/residencial-porto-alegre-santana-apartamento-dona-judith-3-dormitorios-zona-norte?corretor=gionathan-tristaci
    2017-10-19 | 590.000 => 559.000 (31.000)
    2017-12-12 | 559.000 => 530.000 (29.000)

    https://www.foxterciaimobiliaria.com.br/imovel/158194/residencial-porto-alegre-bom-fim-apartamento-3-dormitorios-zona-norte?corretor=gionathan-tristaci
    2017-08-15 | 850.000 => 800.000 (50.000)
    2017-09-11 | 800.000 => 790.000 (10.000)
    2017-11-06 | 790.000 => 690.000 (100.000)
    2017-12-04 | 690.000 => 640.000 (50.000)

    https://www.foxterciaimobiliaria.com.br/imovel/2749/residencial-porto-alegre-bom-fim-apartamento-alto-mirador-3-dormitorios-zona-norte?corretor=gionathan-tristaci
    2017-04-03 | 520.000 => 530.000 (-10.000)
    2017-12-12 | 530.000 => 450.000 (80.000)

    https://www.foxterciaimobiliaria.com.br/imovel/150393/residencial-porto-alegre-bom-fim-apartamento-edificio-itapema-3-dormitorios-zona-norte?corretor=gionathan-tristaci
    2017-03-03 | 680.000 => 649.000 (31.000)
    2017-12-05 | 649.000 => 580.000 (69.000)

    https://www.foxterciaimobiliaria.com.br/imovel/12676/residencial-porto-alegre-petropolis-apartamento-siena-boulevard-3-dormitorios-zona-norte?corretor=gionathan-tristaci
    2017-03-27 | 450.000 => 480.000 (-30.000)
    2017-06-26 | 480.000 => 500.000 (-20.000)
    2017-06-30 | 500.000 => 520.000 (-20.000)
    2017-08-15 | 520.000 => 500.000 (20.000)
    2017-11-24 | 500.000 => 440.000 (60.000)
    2017-12-01 | 440.000 => 500.000 (-60.000)
    2017-12-13 | 500.000 => 450.000 (50.000)

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • fanfarraum 15 de dezembro de 2017 at 10:40

      Esse último é engraçado.
      Foi de 450k pra 520k (what?), dps pra 440k, dps subiu pra 500k e agora caiu pra 450k.

      O que faz a pessoa NÃO CONSEGUIR VENDER por 450k e tentar aumentar pra 520k dai?

      16+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • anti_corvo 15 de dezembro de 2017 at 11:09

        Sobe o preço pra depois dar o desconto.

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • antifragile 15 de dezembro de 2017 at 23:48

          E nem era Black Friday ainda.

          2+
  • Cajuzinha 15 de dezembro de 2017 at 10:51

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Outro problema, enfrentado tanto por incorporadoras, construtoras quanto por pessoas físicas donas de imóveis, é a crise econômico-financeira. Com parcelamento de vencimentos no governo do Estado e na prefeitura de Porto Alegre, não ficou fácil vender um apartamento, menos ainda uma casa. Não há mercado, ou ele é muito restrito, ainda mais para imóveis com valor superior a R$ 500 mil. No entanto há bons lançamentos, nos quais, repete-se, o imóvel usado entra na negociação, além do parcelamento financeiro direto com a construtora ou incorporadora. Quanto às construtoras, é inegável o esforço de publicidade que fazem para colocar seus produtos junto ao público, mesmo em meio às dificuldades decorrentes da falta de dinheiro e do endividamento generalizado. – Jornal do Comércio (http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/12/opiniao/601823-mercado-imobiliario-quer-vender-em-meio-a-crise.html)

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Zé do Brejo 15 de dezembro de 2017 at 10:53

    ALTO VOLUME DE ESTOQUE DOS IMÓVEIS ESTÃO COM OS DIAS CONTADOS.
    Brasil tem avançado em aumentar uma camada da sociedade que precisa de casas e certamente continuam tendo o sonho da casa própria.
    http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2017/12/1943549-cerca-de-13-milhoes-ainda-vivem-em-pobreza-extrema-no-brasil-diz-ibge.shtml

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 15 de dezembro de 2017 at 11:24

      A pesquisa demonstrou ainda que ser pobre nas áreas mais ricas do país é mais difícil do que em locais de renda menor, principalmente em razão do alto custo da moradia. O IBGE investigou o percentual de pessoas que comprometem mais de 30% de sua renda para pagar moradia.

      Segundo o IBGE, 4,5% da população no Brasil tem aluguel que supera 30% da sua renda mensal. O entendimento mundial é que a pessoa vive em risco quando quase um terço de sua renda é destinada a moradia.

      Em áreas mais ricas, o percentual de pessoas nessa condição aumenta. O Distrito Federal tem 8,5% da população nessa situação —o maior percentual do país—, seguida de São Paulo (6,7%) e Rio (5,9%). Considerando somente a capital paulista, o percentual vai a 8%.

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 15 de dezembro de 2017 at 11:27

        Por esta lógica, 8,5% da população do DF está nesta situação, ou seja, 255.000 pessoas
        Dividido por 3.2 daria quase 80 mil residência
        É super-simples, é só eles comprarem todos estes imóveis vagos em Águas Claras e no Noroeste
        E ainda vai sobrar bastante em estoque
        kkkkkkkkkk

        12+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 11:44

        minha faxineira entra nessa,
        paga milzinho de aluguel-agua-luz na perifa profunda a 5 km de onde moro (1%am do valor do imóvel)
        pra ela ganhar 3 mil brutos com o marido aposentado no salario minimo ela tem que dar muita faxina, quase todo dia, ou o marido fazer bicos.
        E a coperativa habitacional ainda lhe toma 90 reais/mês pro vereador fazer alguma dessas maracutaias com prefeitura, ganhar uma casa popular do governo e aí sim finalmente ela se aposentar, a moça já está chegando nos 50, mas te juro ela parece mais velha que eu, vida duríssima marcada na pele.

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Money_Addicted 15 de dezembro de 2017 at 11:02

    olha ae…ao inves de por a mao no fgts do trabalhador eles poderiam adotar essa medida

    “Aliás bastaria que um terço ou menos dos empregados da CEF decidisse comprar uma unidade dessas cada um, para o banco zerar o estoque de imoveis próprios. ”

    ou talvez eles estao esperando o fgts acabar pra adotar essa brilhante medida

    [ ]s

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Lord of All 15 de dezembro de 2017 at 11:06

    tópico:
    Infomoney – “Preços de aluguéis caem pela sexta vez consecutiva.”
    http://www.infomoney.com.br/imoveis/noticia/7143380/precos-alugueis-caem-pela-sexta-vez-consecutiva

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 11:26

    OFF – Para quem gosta de história, disrupção e trems.

    Trains Unlimited: Power and Speed — Diesel Locomotives
    https://www.youtube.com/watch?v=JxzMTETZ5jo

    2+
    • avatar
    • avatar
  • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 11:34

    O ESQUERDISMO E A BOLHA IMOBILIARIA

    https://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2017/11/18/donos-de-predio-ocupado-em-sp-aceitam-proposta-da-prefeitura-e-local-deve-ser-moradia-popular.htm

    Vamos resumir:
    1- o prédio apodrece abandonado pelos donos passa a valer ZERO
    2- acumula dividas de IPTU, agua, luz
    3- O MST invade
    4- a “prefeitura” do PT desinvade, oferece 10 milhões de reais em indenização pro dono + reforma pra transformar em moradia popular e doar pros mesmos invasores
    5- a “prefeitura” dita liberal do João dória + juízes corruptos acha 10 milhões pouco, acordo é renegociado em 20 milhões + custo de reforma, outros vários milhões

    Quanto custa brincar de COMUNISTA???
    Preço médio por familia = 86 mil reais POR FAMILIA, +custo da reforma que será sueprfaturado por algum amigo-do-rei

    Quem paga???
    vc (e eu)

    PMJ é SÓ um alívio
    BITCOIN é a saída de toda essa porcaria

    29+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 11:38

      NEM PRECISO mencionar que as tais dívidas serão todas perdoadas né…
      nem preciso mencionar que construtoras como a Viver usaram deste expediente pra não morrer.
      o esquerdismo é isso: a elite enriquece pra caralho, o povão recebe esmolas e doações
      a classe média, kkkk, ela fica adorando o pato amarelo na paulista
      “povo não sabe nem fazer revolução” by from da torre

      20+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 15 de dezembro de 2017 at 11:44

        a Elite investe no poderio intervencionista do Estado e fica ainda mais rica e protegida …. dá corda e puxa corda
        a classe média pensa que fica rica e protegida adquirindo passivos onerosos
        tem os pobres próximos dos movimentos de esquerda que querem as tetas e os benefícios estatais
        e tem os pobres ingênuos que não entendem muito das divisões e do Estado e no meio da confusão só querem curtir um acém na grelha e Schin Latão no final de semana

        41+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • desplein 15 de dezembro de 2017 at 12:32

          Prefeito From! Perfeito!

          7+
          • avatar
          • avatar
      • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 11:51

        tem os sindicatos e FPs brigando por 0,qualquer coisa de aumento real
        tem uma classe média smart onde o blog se enquadra, a gente tenta subir pelas frestas, pelos erros do sistema, algusn pelo oportunismo
        tem varios atores, mas 1 coisa unica, todos orbitando em torno do Estado, nem os EUA são mais os mesmos, lembra da Rilari???
        o bitcoin dá um passa moleque em tudo isso.

        8+
        • avatar
        • avatar
      • Hunter 15 de dezembro de 2017 at 12:13

        A Elite parasitária gosta de estado grande.
        Se é de esquerda (p.e. funças) ou de direita (p.e. oligarquias), este é um aspecto, na melhor das hipóteses, secundário.
        O que importa é ser amigo do rei e extrair todas as vantagens dessa relação/posição.

        18+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 12:20

          Qual “elite parasitária”? Os burgueses?
          Parece papo de comunista 😀

          4+
          • avatar
          • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 12:43

            os coronér…

            8+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
        • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 12:23

          a grande obra de lulla foi exatamente essa
          a aliança dos estatolatras com os oligarcas
          se deixarem ele solto, ele se reelege
          e mesmo preso, um pau-mandado dele capaz de ir pro segunto turno, já adianto o nome: Haddad!!!

          8+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 12:30

            Haddad é o aprendiz de feiticeiro, malandro, esperto e picareta como seu mentor e com o adicional de provocar certos instintos primitivos nas “companheiras”.

            11+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
        • tmarabo 15 de dezembro de 2017 at 14:22

          não há base factual para afirmar que a direita esteja para as oligarquias como a esquerda estaria para os funcionários públicos. esta é a narrativa política da esquerda – e falsa.
          não há quem goste mais de uma oligarquia do que a esquerda, embora não esquerdistas – como todo grupo político em busca de poder – geralmente prefira o caminho fácil de se aliar a oligarquias do que combatê-las.
          agora, a direita é incompatível com uma oligarquia.já a esquerda sempre defende uma oligarquia do partido – aliada ou não à “oligarquia econômica”. sempre lembrando que a esquerda chama de direita todos aqueles que não se submetem ou não se aliam a ela.

          4+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • From_The_Tower 15 de dezembro de 2017 at 11:38

      Na Banânia é assim
      todo mundo quer uma tetinha / benefício via Estado

      Trabalhar e conquistar algo por conta própria é coisa de de coxinha opressor.

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 11:48

      Um fato interessante é que em vários países de bem-estar social, não é o caso do brasil, estudos apontaram que é mais barato “dar” moradia e alimento para as pessoas do que deixar elas virarem sem-tetos.
      Ou seja, é mais econômico dar alguma condição para que estas pessoas mesmo que elas não contribuam em nada para a sociedade do que ter que tratar dos problemas de saúde que elas provavelmente terão vivendo na rua.
      Obviamente isto vale em locais onde o estado se responsabiliza pela vida dos cidadãos em alguma medida.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 11:53

        tudo depende do preço.
        não sou desses libertarios que acredita em mercado totalmente livre
        mas não dá pra acreditar nem 1 unico centavo no Estado brasileiro
        aqui até as ideias geniais dão errado, ou dão certo, mas só para uns.

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 12:04

          No Brasil temos uma constituição de bem-estar que garante tudo a todos e na prática já sabemos que o estado simplesmente não cumpre sua parte e está cagando e andando para isso, apoiado obviamente pelo sistema de castas do executivo, legislativo, judiciário e povaréu.
          O estado suportar seus cidadãos quando eles precisam é o fator que garante que as pessoas paguem seus impostos, algumas não cometam crimes e outras não descumpram as leis.
          Serve como um grande incentivo para quem é honesto e trabalhador pois estas pessoas sabem que em caso de algum imprevisto poderão contar com alguma auxílio e até favorece que as pessoas corram mais riscos para empreender e criar.
          O risco de se viver no bananistão é tão grande em tantos aspectos que não me admira as pessoas sentirem esta necessidade patológica de comprar tijolos e ter algo “sólido” onde possam se proteger, é praticamente como viver na selva.

          18+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
      • socrates 15 de dezembro de 2017 at 15:05

        O minimo que uma pessoa nessa situacao pode fazer e nao se reproduzir. Se os outros vao trabalhar por ela, que pelo menos isso seja temporario. O que mata é a falta de perspectiva de justica.

        7+
        • avatar
    • DAN 17 de dezembro de 2017 at 01:25

      De quem será esse prédio…..quem souber morre…kkkk

      0
  • Oliveira 15 de dezembro de 2017 at 12:00

    Segundo alguns cálculos que fiz considerando VP = P/((1/N)+(T/12)) P=(Salario * 30%) N= Períodos do Financiamento (Considerando 360meses), para se comprar um imóvel usado na caixa é necessário guardar de 3 a 6 anos entre 30 e 70% do salário para poder dar uma metade do que é possível financiar de entrada e financiar a outra metade restante.

    2+
    • avatar
    • Oliveira 15 de dezembro de 2017 at 12:00

      T=Taxa de Juros (considerei 12%).

      1+
      • avatar
    • Oliveira 15 de dezembro de 2017 at 12:03

      Assim um morador de Osasco (Renda media: 3,3 Salários Mínimos) ~= 3250,00 poderia arcar com uma parcela de R$ 975,15 precisa esperar de 3 a 6 anos,
      para juntar 76k e financiar mais 76k para pagar um imóvel de 152k.

      4+
      • avatar
  • fanfarraum 15 de dezembro de 2017 at 12:04

    Em 2015 visitei um apartamento.
    Bem bonito, bem amplo (93m²), 3 quartos, 1 vaga.
    Região boa.
    Entrar e morar.

    Preço na época: R$ 400.000 (R$ 4,3k/m²)

    Quase compramos.
    Eu sabia que o preço ainda estava alto, mas estava disposto a pagar (e na época me endividar bastante), pensando que era um louco solitário achando tudo aquilo um absurdo de caro e pensando que a merda ainda demoraria muitos anos pra estourar por achar que o estoque de tolos era muito grande ainda.
    Enfim, na época comecei a pesquisar, achei o blog, e fui a fundo em pesquisas minhas.

    A merda era muito maior do que eu imaginava.
    Não comprei.

    Na data de hoje, mais de 2 anos (uns 26 meses e muitos % de juros), o imóvel ainda está a venda.
    A vendedora QUER vender o imóvel, para ir para um menor (mora sozinha, pois os filhos já sairam). Tanto que já mudou o preço várias vezes (essas são as vezes que eu percebi – de forma manual, mas devem ter outras vezes que mudou de preço sem eu ter percebido):

    Junho/2016 – 390k
    Julho/2016 – 410k
    Novembro/2016 – 389k
    Dezembro/2016 – 410k
    Janeiro/2017 – 400k
    Agosto/2017 – 380k
    Dezembro/2017 – 369k

    Bem simbólico pra mim.
    Quase comprei um imóvel e hoje ele está 31k mais barato que estava há 2 anos. Fora o custo de oportunidade.

    44+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 15 de dezembro de 2017 at 12:12

      muito bom
      vc está sendo bem pragmático
      acompanhando preços de oferta nominais
      e depois correlacionando com o custo de oportunidade
      show de bola !

      19+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 12:20

      fora o custo do dinheiro, em 2015 se não me engano estava bem alto o juros bancário
      então mesmo uma aparentemente pequena queda nominal
      levando em conta todos os fatores matematicos de forma correta, a gente percebe que o discurso do çoft é tão somente uma maquiagem criada pra não causar panico, pra conformar as pessoas.

      isso que eu falo sempre, façam as contas baseado no fundamento do seu bairro
      no meu que é horizontal, neste exato instante estão entregando uma opbra de edificio, sei lá eu quem eles corromperam pra aprovar edificio em area de casas, ams enfim, é interessante notar todo o fenomeno em laboratório, o fingezap do meu bairro está disparando pra cima, se eu fosse um idiota sentiria meu ego massageado em ver o preço que paguei mais que dobrar de valor… Acho até que a média do fingezapo não derrete mais tbm por isso, entre tantos outros “erros metodologicos” a migração de população, faz cair o preço num bairro mas aumentar em outro. No fim todos perdem a população está se periferizando e isto custa caro em infra pros governos expandir,

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 12:40

    mercado natural

    Site de permutas promete agilizar compra e venda de imóveis
    Você no Estadão-13/12/2017
    Sabe aquele apartamento que anda meio difícil de vender? Ou aquele terreno próprio, pertinho da sua cidade, que não encontra um comprador? Ou aquela sala comercial que tem meses sem um interessado em potencial? (kkkk)

    Preço de imóveis registra queda em novembro, de acordo com IPH…
    odiario.com-há 12 horas
    Segundo o medidor de preços Índice Properati-Hiperdados (IPH), o preço médio do metro quadrado dos imóveis à venda no Brasil teve queda de 1,46%, entre os meses de outubro e novembro de 2017. No acumulado de 2017, o metro quadrado brasileiro já desvalorizou 2,85%..

    4+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • mestre dos magos 15 de dezembro de 2017 at 12:43

      Não houve desvalorização, foi apenas uma valorização negativa…..

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 12:45

    OFF – Bye bye empregos de alto custo e de baixa especialização.
    Fiquei assustado a umas duas semanas quando dei uma passada em um supermercado do centro, sempre lotado e com filas, não tinha mais filas e nem muito menos caixas “normais”.
    Ou as maravilhas do salário mínimo do DIEESE que os sindicalistam tanto adoram na prática.

    IMG20171212191955

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 12:48

      Estou estudando os truques tecnológicos das máquinas novas, já reparei que são bem mais sensíveis ao peso, fora as câmeras de segurança provavelmente monitoradas na índia, indonésia ou vietnã.

      9+
      • avatar
      • avatar
      • mestre dos magos 15 de dezembro de 2017 at 13:08

        Fiquei impressionado quando vi uns caixas desses automáticos na terra do tio Sam. Na hora pensei que isso nunca chegaria no Brasil. Mas se olharmos para o que é pago de salário+encargos para os caixas, talvez vale a pena o supermercado perder em um ou outro item.

        7+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 13:42

          Os supermercados tem um prejuizo na casa de centenas de milhões aqui com os caixas automáticos mas mesmo assim ainda levam vantagem devido ao preço da mão de obra.
          O “truque” mais comum usado pelos 666 é comprar algo que tem que ser pesado e escolher outra coisa mais barata no caixa, já ví gente fazendo isto. Creio que a próxima inovação vai ser a máquina determinar o produto pela imagem dele.
          Outro fato que tenha notado é de que as novas gerações parecem cada vez menos darem valor a honestidade, talvez porque a maioria teve vida fácil e ou foi criada em creches e escolinhas, ou por famílias disfuncionais e não teve atenção nem tempo com os pais.
          Ética e honestidade são o tipo de coisa que se aprende em casa com os pais e não na escola ou por ONGs e campanhas na TV.

          http://www.smh.com.au/business/consumer-affairs/selfserve-supermarket-thief-opens-up-as-onethird-of-shoplifting-in-coles-canberra-stores-is-from-diy-checkouts-20161010-gryn4k.html

          10+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • Rico 16 de dezembro de 2017 at 00:26

          Em Jundiaí já tem esses caixas a 2 anos. Chega a formar fila. Fica sempre uma funcionária auxiliando e pesando os alimentos. Pessoal prefere passar nesses caixas a ter enfrentar caixa ineficiente e mal humorada, ou então pegar alguém pagando os boletos do mês.
          Ao contrário do que se imagina não aumentou o número de furtos no supermercado.
          Eu particularmente prefiro ir nesse supermercado e utilizar os caixas de auto atendimento.

          8+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 13:10

      isso é infinito, imagina aplicativos automaticamente fazem cotação e acionando robots de entrega, desde o galpão, ou do produtor, o transporte até a porta de casa.
      existem hoje até geladeiras inteligentes que fazem a lista pra vc. o futuro é robot comunicando com robot
      Muito disto logico que é utópico, algumas doideras vão dar certo, outras não, o fato é que o limite é a imaginação, estamos entrando numa era que a ficção cientifica não é mais tão incrivel,

      Cada vez mais livres dum governo central, outro dia via uma figurinha esquematica, já estavamos migrando do centralizado para o multicentralizado, e agora pra uma rede onde não há mais centros, ou os há para coisas específicas mas que no geral não há mais essa figura do centro, do controle, o Estado derrete, a começar pela moeda que nesse exato intante cada bitcoin ganhou mais 6 mil reais, enquanto estamos discutindo as coisas vão acontencendo.

      Bolha???
      só se for no cérebro dos velhos antiquados
      bem vindo admirável mundo novo

      6+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Hunter 15 de dezembro de 2017 at 13:17

        E minhas Iotinhas vão dar conta de tudo isso.

        5+
        • avatar
        • avatar
      • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 13:33

        Tentam isto a décadas e o número de pessoas que utiliza este tipo se serviço não cresce, veja que o Pão de Açucar faz um serviço parecido a anos.
        A Samsung tinha uma geladeira com internet e um tela de toque onde você podia pedir os produtos, não vingou.
        Existe uma coisa muito humana no hábito de ver, tocar, cheirar e escolhar a comida e isto é muito dfícil de mudar.
        Veja que funciona e já faz um bom tempo para produtos “padronizados” como leite por exemplo mas poucas pessoas comprariam pão, frutas e legumes sem antes ter um contato com eles.

        8+
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 13:44

        Carlos, algumas dessas inovações são bestas, pra quê uma tela de toque, se é mais facil abrir a geladeira????
        por outro lado suponha vc escolha um cardapio de natal, clica lá nos pratos escolhidos e automaticamente é gerado um pedido com todos os ingredientes necessários

        eu mesmo estava planejando montar um excell com o menu da minha cozinheira que vinha semanalmente, poruqe sempre dava erro e corre pro mercadinho na ultima hora
        Mas aí ela foi pra Europa, virou amiga.
        Não achei quem a substituisse. Ela era uma bela economia de gastos.

        4+
        • avatar
        • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 13:48

          Isto já existe véio, aquí tem uma dezena de serviços deste tipo, nos EUA provavelmente uma centena, eles tem as receitas, você escolhe para o dia ou para a semana toda e os ingredientes são entregues nas quantidades necessárias na sua casa. Atendem um nicho ainda.

          3+
          • avatar
        • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 13:51

          um dos problemas da automatização é quando não funciona… meu irmão comprou uma porta caríssima automatizada. (pra não usar chaves em viagens)… a porta trabalhou e com o peso e emperrou (2 vezes), ele teve que pular um muro de 5 metros, arrombar a propria casa pelo lado e arrombar a porta.. não vi vantagem. A chave do carro dá tilt e vc fica escutando alarme até trocar… Vc encomenda uma coisa e ela não chega no horário ou dia… num pais civilizado seria até interessante.

          8+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 14:04

            Se a automartizaçao comete mais erros que vc cometeria, dá mais trabalho que daria no manual, vc não está automatizando, mas complicando a sua vida.
            Mutia bobagem, tipo geladeira com tela não vai rolar, outras vão, por exemplo o aspirador de pó automatico o jardineiro automatico unico defeito deles é que é caro, pelo menos por BR, mas a hora que compensar, já era eles.

            eu mesmo gostaria dum psicineiro automatico, jogando doses de cloro automaticamente…
            … lá vem o carlos mostrar que já existe

            7+
            • avatar
            • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 14:08

              Tem sistemas automáticos de tratamento e os robôs para fazer limpeza.

              https://www.zodiac.com.au/robotic-cleaner

              3+
              • avatar
              • avatar
            • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 14:11

              Deixa a jardinagem quieta, para com isto véio…
              Jardinagem é o hobby mais comum para os véio aquí além de jogar nos cassinos, viajar com o trailer e viajar em cruzeiros.

              3+
              • avatar
          • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 14:05

            Alemon, os fazendeiros americanos estão voltando a comprar tratores antigos, tanto que o preço deles está disparando.
            Muitos estava acostumados a dar a manutenção eles mesmos por conta do custo e do fato das máquinas quebrarem em locais de difícil acesso, é muito mais difícil fazer isto com um trator moderno sem ter os equipamentos e local adequando, toca você pagar o transporte do trator em muitos casos.
            Existe uma preocupação que é antiga no mundo de desenvolvimento de software, os alertas foram dados lá nos anos 90 com respeito a quantidad de linhas de código presentes nos produtos.
            Hoje em dia praticamente tudo tem software e milhões de linhas de código o KLOCs no jargão da área, o problema é que junto com o código vem os bugs e o número de bugs por KLOC que é uma medida de qualidade não tem diminuido com o tempo.
            Temos muito mais código = muitos mais bugs e bugs mais difícies de serem encontrados, outro limitante é que o esforço para encontrar os defeitos cresce esponencialmente.
            Parar dar uma idéia dos números:
            Um bom software teria algo entre 16 a 25 defeitos por KLOC (mil linhas de código)
            Software de missão crítica como por exemplo o usado na indústria, dispositivos médicos e na injeção eletrônica do seu carro teria coisa de 6 defeitos por KLOC.
            Existem muitos poucos centros de desenvolvimento que estão aptos a produzir software com 6 ou menos defeitos por KLOC, um que eu me lembro é da NASA e outro da BOSH na terrinha do Alemon.

            9+
            • avatar
            • avatar
            • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 14:07

              Ops, um KLOC é mil linhas de código, preciso revisar aquilo que escrevo 😀

              4+
              • avatar
              • avatar
            • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 14:19

              Esquecí da aviônica que usa coisas como redundância dupla, tripla e arbitragem para lidar com defeitos, inclusive a injeção eletrônica dos carros tem redundância dupla, existe um código principal que é complexo e permite utilizar a pleno todos os recursos do veículo e um outro mais simples que é um tipo de modo de seguraça que permite em muitos casos que você dirija o carro para a oficina em velocidade menor ou impede que o veículo fique imobilizado em locais que oferecam riscos as pessoas. E obviamente tem um duendezinho que decide que o o sistema principal ou algo ligado a ele está bichado e aciona o modo de segurança.

              5+
              • avatar
            • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 15:21

              kloc de clock

              0
  • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 13:27

    fico pensando como poderão ser os crimes com a diminuição de dinheiro circulante… raptos, hackers, roubo de carga, rouba a residência, etc.. de pequenas quantias da carteira virão grandes quantias na rede..

    4+
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 13:42

    – Moradores de bairro nobre de SP fecham ruas com portões para impedir prostituição e crimes.

    https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/moradores-de-bairro-nobre-de-sp-fecham-ruas-com-portoes-para-impedir-prostituicao-e-crimes.ghtml

    Polícia Civil realiza operação para reprimir crimes patrimoniais
    Até as 16h desta quinta-feira, 68 mandados de prisão foram cumpridos
    Entre as apreensões gerais, a Polícia Civil destacou que R$ 931 em espécie, 1.131 pares de tênis, 100 comprimidos e quatro ampolas de anabolizante, além de outros quatro frascos de testosterona ….

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 13:46

      Já faz um tempo que começaram os processos para se fechar ruas e houve muita polêmica, discussão e indas vindas na justiça em alguns casos.
      Não moraria em uma rua fechada, imagina ter que avisar segurança toda vez que receber uma pessoa, já detesto isso nos condomínios.
      Fora que é a decretação oficial da falência da segurança pública.

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 15 de dezembro de 2017 at 13:48

        Sim, a segurança pública está sim oficialmente falida.
        No RJ é mais grave, mas todas as capitais do país estão com crescentes problemas de segurança.
        Mas concordo contigo, é um saco ficar dando satisfação da vida para os outros.Já não gosto de porteiro, imagina um guarda de rua…

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 13:58

        estamos avaliando fazer isso no nosso bairro
        assim que o condominio novo grandão for entregue, provavelmente vai rolar.

        não é fechar completamente, mas vc limita as linhas de passagem, por incrivel que pareça isso faz enorme diferença
        se vc obriga todos que estão adentrando um bairro a passar ao invés de 20 ruas, mas pela mesmas 3 entradas com camera isso reduz drasticamente as ocorrencia, o ladrao se sente menos a vontade, mesmo que seja muito pouquinho de efeito prático ele vai preferir outro bairro mais fácil, então na verdade vc melhora o seu empurrando o problema pro vizinho.

        Suponha 2 casas, uma vc tem 2 portas de entrada e muro/grade em todo o resto, na outra vc tem 10 portas, janelas, passagens escura, passagem clara, labirinto.
        Qual delas a sensação de segurnaça é maior???

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 14:09

          Sim, limitar as rotas de fuga desencoraja os meliantes…
          E muita gente que morar perto delas sabe bem disso 😀

          5+
          • avatar
          • avatar
  • antifragile 15 de dezembro de 2017 at 14:14

    No começo de setembro decidi aplicar 1% do meu capital nas criptomoedas.

    Para mim, a assimetria no potencial de retorno mais que compensava o risco e a volatilidade dessa classe de ativos. Eu perderia no máximo 100% do meu capital, mas poderia ganhar 200%, 300%, 400%…

    Como eu não fazia ideia de quais criptomoedas eram as melhores, diversifiquei igualmente em cinco delas: Bitcoin, Ethereum, Dash, Iota e Omise Go. Estudei um pouco sobre cada uma delas, exceto a Omise Go, que comprei mais por causa de hype na época. Coincidentemente, foi a única que me deu prejuízo até agora.

    Hoje, quero atualizar os colegas bolhistas sobre duas coisas: os resultados dessas compras, e o porque de estar saindo do maior expoente dessas moedas, o Bitcoin.

    Estou saindo do Bitcoin porque acredito que a visão original — de ser uma moeda de troca descentralizada entre as pessoas — não se aplica mais. E o motivo pode ser resumido na imagem abaixo.

    Como podem ver, o valor médio para mandar bitcoins para qualquer pessoa — ou até para você mesmo, se você quiser simplesmente retirar os bitcoins de uma exchange — já passa dos 20 dólares. Se você acredita na visão do paper original, isso é simplesmente inaceitável, pois torna impossível a movimentação de qualquer valor abaixo disso e, na prática, inviabiliza também transações que não sejam de, pelo menos, 100 dólares.

    Para mim, fica difícil de acreditar naquelas histórias de que o bitcoin está salvando pessoas na Venezuela ou no Zimbábue. Qual o sujeito de um país pobre que vai pagar 20 dólares, em média, para realizar uma transação?

    Eu mesmo tenho algumas carteiras antigas de Bitcoin, de quando estava descobrindo a tecnologia, em 2013, que têm pequenos valores, que simplesmente não posso movimentar, pois não compensa.

    Sendo assim, decidi vender meus Bitcoin e comprar Bitcoin Cash, o fork do Bitcoin que aumentou o tamanho máximo dos blocos de 1 MB para 8 MB.

    Por que esse fork foi necessário?

    Fazendo uma analogia, é como se houvesse uma auto-estrada por onde passam milhares de carros por minuto. Essa estrada estava ficando pequena para tantos carros. Quem tinha pressa pagava pedágio caro pra passar logo. Quem não tinha pressa, pagava pedágio mais barato, mas também não tinha certeza de que chegaria ao seu destino a tempo, tanto é que existem mais de 160 mil transações não confirmadas nesse momento ( https://blockchain.info/pt/unconfirmed-transactions ).

    O fork do Bitcoin Cash permitiu, na prática, que essa auto-estrada fosse ampliada. E assim eu consegui transferir os meus Bitcoin Cash da exchange para minha carteira privada por 1 centavo de dólar.

    Se essa decisão que tomei foi acertada ou não, só o tempo dirá, mas estou convencido de que fiz a coisa certa hoje.

    Quanto ao resultado das compras, estou postando o print da imagem de setembro junto com um print de hoje. Como podem ver, houve um aumento expressivo de 4 moedas, mas estou em prejuízo na Omise Go. Ainda isso, o que antes era 1% do meu capital, hoje se tornou um pouco mais de 4%.

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 15:06

      em primeiro lugar parabéns, fico feliz em ver neste blog uma pessoa se realizando financeiramente,a ssim como com saúde com alegria, com arte, com bons valores, bons pensamentos. Me agrada mais que tudo estar neste ambiente autohigienizante, onde tudo passa pelo escrutinio do coletivo.

      agora à vaca fria, seu raciocínio está corretíssimo a estrada esta apertada demais, o que vai acontecer as pessoas vão buscando caminhos alternativos, meios alternatvos, isso é otimo isso era esperado, haverá no futuro concorrencia entre as moedas, todas vão subir junto com a maré alta da crpotografia, do blockchain, ainda que uma ou outra possa naufragar no processo, isso tem relação indireta com o cambio, a cotação.

      É impossível prever cotação pode dobrar, pode desabar, o que se pode avaliar é quais fatores e circunstancias ainda existem no mundo que podem fazer as cotações oscilarem, no ver da lógica té onde eu alcanço todas devem se valorizar, e mesmo o bitcoin é uma idéia maginifica que ainda tem espaço para subir, não digo que vai, a grande questão é como sempre, o velho e bom problema de abstração que somente genios do nivel Einstein consegue abstrair sua influencia nas coisas, a velha e boa flecha do tempo, o timing, o quando as coisas que precisam acontecer. que vão realmente acontecer.

      Pelo pouco que conheço assistindo de camarote, ainda não é o timing de abandonar bitcoin ainda que outras moedas possam subir muito mais que elas.

      Diferente de quem prometeu derreter o bitcoin até o carnaval (olha pode mesmo acontecer, pode sim, pode um nibiru cair na terra???) no meu ver usando toda a minha pouco menos que medíocre capacidade cognitiva mas bem treinada em heurística, dificilmente ela vai derreter no carnaval, até por ela mesma, pelos tais pedagios isto tudo é prova inequivoca de demanda reprimida latente, olhas que ironia, tanto critiamos demanda reprimida de imóveis e vem um velho louco falar em demanda reprimida de moeda cuja fiducia é um produto virtual garantido pelos proprios usuários, nerds novatos que não sabem denada (ironic) o qual custa-se meros bits e kws guardar ou transferir bilhões de toneladas de “patrimonio” de ativo virtual… Que loucura pensar isso tudo realmente existe.

      Mas sim existe esse risco de todo o ouro virtual derreter, basta alguém ter uma boa idéia melhor… que concorra, que quebre o quase monopolio
      Neste caso, em questão de dias ela derreteria.
      O problema é pensar nessa boa idéia melhor, as que já existem apenas complementam, mas talvez uma petroleocoin, vc perfura em busca de petroleo virtual… compra F15 virtuais pra proteger seus barris, guarda seus dinheiro em estoques flutuantes inelocalizáveis por hackers, seilá…., é pirar na maionese, criar algo tão intuitivo e simples como o bitcoin e algo que somente grandissimos genios conseguem, ou simplesmente o aleatório, o sem querer… entre tantas tentativas as leis de darwin escolehram ela.

      Prever o futuro???
      Minha sugestão é a mesma de sempre, olhem para o passado, como as moedas não-virtuais se desenvolveram, como o sistema anterior caiu, estudem, a história está condenada a se repetir

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • maker 15 de dezembro de 2017 at 15:12

      Dá pra fazer com taxa muito menor tipo 0.0001 (o que daria em torno de 1,8 dólares) se vc usar carteiras segwit e não mandar em uma hora que esteja muito congestionado. Você aceitar o default 0.001 vai perder dinheiro na transação.

      2+
      • avatar
      • avatar
      • antifragile 15 de dezembro de 2017 at 16:44

        O problema é que a maioria das exchanges não implementaram SegWit e não têm planos de implementar tão cedo.

        Não tem escapatória. Se você for sacar seus bitcoins de uma FoxBit ou Mercado Bitcoin da vida, vai ter que pagar a taxa absurda dos mineradores.

        5+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • O Cramulhao de FHCigienopolis45 15 de dezembro de 2017 at 14:30

    Parabéns. E vendo isso, tenho que comentar algumas coisas :

    Também me desfiz de mais Bitcoins essa semana, mas não tudo.
    A respeito do Bitcoin Cash : não tenho nenhuma, pois é ainda inferior ao Litecoin, que comprei no Mercado do Bitcoin ainda em 2015. Litecoin pra mim sempre foi a grande promessa de transações (ao lado de Ripple e Dash), E aqui explicamos o porquê : https://www.reddit.com/r/litecoin/comments/7j3pkw/it_looks_like_market_thinks_ltc_can_replace/

    A Iota tem uma “concorrente”, a StreamR, que tem tecnologia similar, mas construida sob o Blockchain, mas parece que ambas conseguem atacar coisas “distintas” em IoT, e são portanto tecnologias complementares : vale a pena ler o whitepaper de ambas e participar dos grupos de discussão.

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Leonardo M. 15 de dezembro de 2017 at 14:32

    Anotem minha profecia:

    2018/2019 será os anos da “bolha de leilões”.
    Vai ter tanto leilão que leiloeiros vão aumentar o valor a receber por cada leilão feito.
    Vão criar até escola de leiloeiros de 1 ou 2 meses e com certificado.

    Duvidam?

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • O Cramulhao de FHCigienopolis45 15 de dezembro de 2017 at 14:46

    Sobre a maior ironia que estamos vendo no blog : “Bolhistas” dizendo que Criptomoedas são bolhas.

    Nelson Schadenfreude, Rico entre outros, são figuras engraçadas:

    Entendem parcialmente o que causam bolhas, mas estão totalmente perdidos quando se trata de apontar algum fundamente porque um Litecoin, por exemplo, é seria uma bolha.

    Tenho certeza que eles sabem que o mundo todo em moeda fiduciária está bolhado : ações nos EUA, emprestimos para pagar cursos universitários, imóveis na Inglaterra, Irlanda, Australia, Canada e Brasil ainda…

    Esses caras sabem que são os governos keynesianos que estão estragando tudo, imprimindo moeda deliberadamente. Ainda assim, eles misturam alhos com bugalhos, e veem criptomoedas exatamente como se estivessem vendo um imóvel.

    Dúvido que leram (ou entenderam) um whitepaper de uma Iota ou Ether , por exemplo. Eu iria até mais longe : diria que eles não sabem diferenciar BTC de LTC, ou ETH , ou seja, eles consideram tudo “bitcoin”, e pra perceber isso basta ver o quão simplórias são as críticas.

    Chega a ser irônico , num Blog sobre Bolha Irmobiliária, o sujeito criticar criptomoedas, que nada mais são (surgiram por isso, aliás) um efeito colateral do mundo keynesiano cuja economia é inteiramente baseada no débito. As moedas digitais são o efeito, não a causa, de um mundo em débito.

    Criticar Bitcoin é fácil : eu fui o primeiro no blog a fazer isso, e qualquer um sabe o porquê, que é o fato de ser inviável para transações.

    Eu quero é ver esses “senhores” criticarem com embasamento científico e socioeconômico moedas como LTC, IOT, Dash e afins, e dizer porque eles acham que as pessoas ficarão ad eternum aceitando viver com dinheiro impresso por bancos centrais, sem qualquer tipo de lastro ,e que ainda perde com a inflação.

    Isso me lembra uma inocência típia dos 666 comprando imóveis.

    19+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 14:53

      Tudo é bolha atualmente caramulhão
      Quando multiplicador keynesiano aumentou liquidez: Este massa de dinheiro teve como destino criptomoedas e ativos na bolsa mundiais.
      O que estamos vendo é culpa do excesso de liquidez dos bancos centrais, ninguém confia mais no sistema e todos estão achando um jeito de fugir da mão de todas as bolhas:Americana e chinesa.

      Abraço

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 15:22

        se fosse iso dolar e bitcoin fariam correlação inversa de valor,
        não, 1 dolar continua valendo 1 dolar

        3+
        • avatar
        • avatar
        • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 16:22

          Não é assim que funciona : Correlação negativa em um ativo global deflacionário e com influência de diversos países.
          Enquanto a oferta foi inerentemente limitada e a demanda crescer preço tende acompanhar.

          Sobre o cambio isso só seria correto se o cambio foste livre sem influência de swaps cambiais, cambio atrelado e nem todo este instrumental.

          Por exemplo alguém aqui acha que o preço justo do dólar dados fundamentos é mesmo 3.30 reais?

          Obs: Quando falar entrar em ativos dolarizados não estou me referindo a moeda e sim empresas no exterior com receita dólar .
          Abraço

          3+
          • avatar
          • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 16:51

            opa isos faz grande diferença
            ativo com receita em dolar,
            ok, EUA vão bombar
            até o FED vai mexer no juros pra segurar a onda

            1+
      • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 15:23

        ma snão defendendo o multiplicador jkeynesiano
        ele apenas desmoralizou o sistema, não pelo que fez
        mas para QUEM fez

        2+
        • avatar
    • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 15:13

      Cramulhão
      respondo numa unica palavra
      APEGO

      tipo a sindrome de estokholm, de tanto convivio a pessoa cria laços de ternura com o que lhes faz mal, até com o motumbo…
      São as emoções que vc como investidor e estudante sabe que não se pode deixar de considerar, teve até nobel de economia.
      pensa naquela malacabada que te fez ser como vc é, que lhe quebrou a confiança em todo um genero humano???
      te parece racional??? a vc mesmo sim…
      a nós que estamos do lado de fora da sua vida, deixa eu te contar um segredo, a gente nem fala nada, pq a gente sabe os possiveis finais desta história, e 1 dia vc tbm vai ver, e vai rir.

      9+
      • avatar
      • avatar
  • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 14:50

    Fala bolhistas de plantão.

    Faz um tempo que não post aqui, como sempre o principal motivo é que falta tempo; mas sempre acompanho os excelentes embates que temos por aqui. No que tange estratégia de mercado nesta país fodido : Zerei todas minhas posições cíclicas e montei posição em ativos dolarizados e no setor elétrico.

    Estou apostando todas fichas no cenário de grandes aumentos de impostos: Queda arrecadação e disparada do dólar. ( independente de quem ganhar no próximo ano) .No âmbito bancário como bem alertado pelos participantes do fórum: CEF anda pedalando em cima da provisões para devedores duvidosos ( PDD) e maquiando forçosamente os números: A coisa vai ficar feia por aqui também, pois quanto mais empurrar sujeira debaixo do tapete pior a coisa vai ficar.

    Na questão da dívida pública : A dívida pública deve explodir no próximos anos, consequentemente agências de rating devem estar preparando um novo rebaixamento para o próximo ano.

    No que tange a política: A mesma ideia bestiais de sempre ! Acredita que vai surgir um Messias que vai salvar a todos da sana fiscal dos estatistas, cada grupo defende seu lado tentando assegurar a maior fatia do bolo.

    O cidadão consciente sabe que para situação atual amenizar apenas um master reset seria suficiente para dar âmbito novo:

    A pelegada esquerdista continua achando que taxar empresas e ricos não lhe afeta , do outro lado ricos tende remeter lucro no mercado brasileiro para o exterior e até mesmo criptomoedas fugindo da sanha fiscal que só aumenta.

    Quem pode esta investindo em sair do manicômio tributário brasileiro que a cada dia fica mais surreal possível!

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 15:17

      certo no conceito
      errado no timing

      lembro um carioca neste blog vendeu sua casa em botafogo por incirveis bolhudos 200 mil reais e foi morar de aluguel
      disse que a esposa até chorou na frente dos filhos no dia da mudança
      nunca mais o vi neste blog.

      espero realmente que ele tenha dado all in no bitcoin, não pelo prejuízo, mas epelas minahs contas ele só volta pro azul pra lá de 2020.
      haja sangui-frio, haja orelha pra escutar por 19 anos que ele fez besteira.

      6+
      • avatar
      • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 16:16

        Será que estou tão errado do timing ganhando 25% a.a nos ultimo 5 anos? KKK

        0
        • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 16:26

          lucro passado não garante lucro futuro
          que os findamentos do BR estão terríveis isso é óbvio
          que a dilma desestruturou o setor eletrico desde que era minsitra e agora vem recuperando sem duvida
          mas outra max desvalorização do real para os proximos 6 meses, ou ano??? ou 2 anos???
          bem, vc pdoe estar certo e eu errado.
          vamos aguardar

          2+
          • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 16:35

            Lucas isso se chama constância: Estratégia de beta baixo.

            A questão do setor elétrico : Temos 3 sub setores o setor mais afetado pela economia é o setor de geração e distribuição.

            Logo mp 212 afetou estes setores: Os setor que não foi afetado por tal média é o setor de Transmissão: Este por sua vez tem o rap atrelado apenas disponibilidade da linha e ajustes pela inflação, IGPM.

            Isso faz com que este sub setor seja de beta baixa: Uma vez que as receitas são previsíveis e as despesas são pequenas garantindo uma margem líquido de + 50%.

            Quando você acredita num desvalorização na bolsa por qualquer fundamento macro você salva lucro em setores de beta baixo pouco afetados pelo PIB ou empresas com ativos no exterior.

            Simples e claro como o vento: Setores dependente do PIB : Varejo, construção , Bancários etc sofrem mais em cenário recessivos de contas públicas deterioradas.

            6+
          • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 16:42

            é uma boa estrategia de proteção, defensiva
            cabia nos anos dilma, mas hoje me parece que esse modelito ficou desatualziado
            esse lero-lero de ações pouco afeitas a PIB inclusive é algo que só recentemente começou a aparecer em cursos para sardinha
            tão somente aconteceu de comoditie recuperar o preço internacional, do tal estouro da bolha chinesa e do amster rest simplesmente não aconteceu
            as narrativas mudam, se tivesse acontecido ao contrario disto, eu estaria falando com um senhor bolha da realidade alternativa dizendo o exato contrário que vc diz agora
            Foi previsto??? anos atrás não
            Vai acontecer denovo?? eu acho que vc antecipou o fato, vc poderia fazer a mesma coisa em fevereiro, em março, mas agora??? porquê??

            2+
            • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 17:17

              Simples meu amigo: Coloque seu dinheiro aonde você acredita .

              Criar teorias e não testar é uma coisa , quero ver fazer por onde e colocar seu dinheiro em jogo para onde esta suas convicções no mercado.

              O que a questão do master reset tem haver com isso? Uma hora terá de ser feito e ninguem sabe quando, operar probabilidade não se trata de prever futuro.

              Simples: Você tem indicadores e probabilidades X então invista na que tiver maior probabilidade, simples como o vento.

              2+
            • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 18:01

              perfeito, colocar dinheiro onde poe a lingua

              eu sou um mero morador da periferia, casinha humilde, nem IPTU pago, sou isento, ITBI foi uma merreca, antes de comprar minha primeira casa depois de velho, passei minha vida quase toda mudando de casa em casa, lutando, morei em mais de uma dezena, uma boa parte do tempo em quase kitnetes, tenho uns passivos de saúde pessoal, não tenho paciencia com computadores, mas o que vc falou é a mais pura verdade, eu falo muito e faço pouco, por ter pouco a fazer é uma justificativa barata que me dou. Sim essa é a maior critica que alguem pode fazer sobre mim. A partir de 18 de janeiro se a cirurgia der certo, prometi a mim mesmo, dar esse passo de ousadia na vida, nunca é tarde pra começar, enquanto eu estiver vivo o jogo está valendo.

              abrx
              e desejo sucesso a vc.

              15+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
      • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 16:25

        Qual a diferença entre timming e valuation?

        1+
        • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 16:28

          Respondo a seguir na primeira opção você demonstra uma posição acreditando que o ativo vai desvalorizar visando recomprar mais baratos estritamente baseado em gráficos .

          Na segunda você vende um ativo extritamente baseado em valuation , fluxo de caixa etc
          Qual valuation das empresas dos principais setores brasileiros? Faz sentido você pagar um ev ebit de15 e um pl de 25? Dado custo oportunidade da taxa neutra 7%?

          Entendeu a diferença não opero timming , mas sim valution.

          Abraço

          1+
        • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 16:34

          valor varia com o tempo
          se não me engano valuation é o valor calculado com base em rentabilidade.
          um imovel numa periferia promissora, com o tempo os alugueis sobem, a periferia melhora, o retorno aumenta, o proprio valuation sobe
          mas, se vc tem uma opção que dá o mesmo resultado mais rápido, então vc só deve entrar nesse processo quando a curva de UP estiver melhor que outras curvas, vc conseguiu 25%aa isso é magnifico nem warren buffet consegue no longo prazo ele só vai até 8%aa liquidos em moeda forte, nem o fundo medaliions exlcusivissimo do Simons chega nem perto disto, raramente ele chega nos 2 digitos reais, até mesmo o meu amigo virtual que foi no programa de TV eu sei a dificuldade que ele passou pra chegar perto dsito, ontem ele me disse que a nova estrategia dele é camulfar os movimentos em movimentos menores pra não penetrar no livro de ofertas, já que ele está entrando na casa das dezenas de milhões, e tbm pretende vender o produto rpa fundos que gerem bilhões…

          como já disse antes, falar do passado é fácil, anotei sua aposta, agora vamos aguardar…

          1+
        • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 16:43

          o fato de vc congelar um fator não significa que ele não existe, ou influi.
          Posso estar errado, mas se for pra arriscar desse jeito eu iria de bitcoin

          3+
          • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 17:17

            Valuation é o termo em inglês para “Avaliação de Empresas”, “Valoração de Empresas” e “Arbitragem de Valor”. Esta área de finanças estuda o processo de se avaliar o valor de determinado ativo, financeiro ou real.

            Existe inúmeros métodos de valuation:
            Não confundir valuation de imóveis com valuation de empresas , até mesmo de produtos. O que se fazemos aqui o tempo todo é estimar valuation de imóveis.

            Cada caso podemos usar um modelo especifico ou até mais de um modelo, sendo assim se você passou a vida toda avaliando determinado nicho de negócio você obtém experiência necessária para estimar o valor do negócio melhor do que a média do mercado.

            Não pense que basta sair baixando livros ou planilhas pré fabricadas na internet para aprender estimar o valor de uma empresa , estimar valor é processo continuo que vai desde ir pessoalmente visitar empresa como buscar indicadores que não estão contidos nos balanços financeiros.

            Simples : Olha quanto empresas cresceram 100% desde o fundo em 2016 simplesmente , nesta época havia empresas com valor de mercado extremamente depreciado = Alguns casos era tão gritante esta distorção que o valor de mercado das empresas representava apenas o dinheiro em caixa, empresas depreciadas ainda existe , mas em menor quantidade devido boom no mercado nos últimos dois anos.

            EX:
            Este ano eu peguei boa parte da valorização da empresa: Unipar fabricante se soda caustica e outros insumos derivados do cloro, peguei boa parte da valorização ferbasa etc Estes dois ativos a qua obtive grandes lucros possuem uma liquidez média de 1.500 milhões ao dia.

            A baixa liquidez repele grandes fundos de investimentos , mas não um investidor de porto médio que pode investir 100 , 200 , 300 mil em cada empresa.

            Resumo: Brasil é propicio para operar este método pois existe distorções mercado mais que suficientes : Sobre questão do porque fundos tem uma taxa de rentabilidade menor.

            Isso tem haver com volume: Quanto maior volume de recursos menor é a probabilidade de bater a média do mercado, simplesmente liquidez.

            Não existe tanta oportunidade de destravar valor com liquidez pequena: Por isso fundos multimercados limitam tamanho do fundo ( Fechar captações) .

            Ativos com maior liquidez são ativos com melhor precificação e portanto com menor upside.
            small caps, pequenas empresas são ativos com maiores distorções e portanto com maior upside.

            Fundos de investimentos grandes respondem por uma estrutura engessada ao qual legislação limita exposição de dinheiro no mercado a seguir um conjunto de regras.

            Outra questão importantes são as médias de baixa qualidade : Índice bovespa é uma média de baixa qualidade portanto facilmente batida até mesmo por aplicações tradicionais e conservadoras.

            Uma vez que sua posições são extremamente concentradas: Antigamente em vale e Petrobras e atualmente no setor bancário.

            Logo para vencer a média seria questão de não estar expostos a estes setores com maior peso num ciclo continuo de baixa.

            20% a.a é uma rentabilidade muito difícil de se manter com volume grandes e portanto no longo prazo isto tende suavizar para uma média.

            O mais engraçado é que tem gente aqui acha difícil fazer 20% a.a , mas fez 1000% em bitcoin nos últimos cinco anos.

            7+
            • avatar
            • avatar
            • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 17:53

              agradeço enormemente o resumo, foi de grande aprendizagem, nunca tiuve uma unica aula nem vi nada de nada até vc me dizer, eu tinha apenas um chute educado do que seria uma avaliação de valor, logico que vc tem que adaptar pra empresa, pro objeto, no caso do imovel, o que for, analisar circunstancias, calcular de 5x formas diferentes, foi o que fizemos neste blog pra achar a bolha imob. E onde não vejo bolha em bitcoin…

              se eu fosse um investidor desse quilate e nessa área do seu faria exatamente o que vc faz, inclusive ir pessoalmente e a pé visitar as empresas, (aliás tive uma sondagem pra ganhar 10x mais o que eu ganho fazendo algo quase do tipo num grupo de investimento, não seria pra agora, mas daqui uns anos…, sinceramente, eu acho que valho mesmo)

              O que vc faz no fundo é procurar assimetrias entre o valor real e o de mercado.
              Depois que vc explicou melhor, ativos com renda em dólar, é diferente de ativos que variam com o dolar, poderia até ser farinha da padaria, né?
              Acho que é sim uma excelente aposta.

              Uns tempos atrás vinha falando disto com o from, ele chegou a colocar uns caraminguas na bolsa de NY.
              Sabe o que eu iria estudar??? Se eu pudesse investir fora…
              Eu iria olhar as empresas de robótica, automação, programação autonoma e etc…

              Bancos brasileiros vc consegue arranhar isso através de COEs, me arrependi de não ter entrando, ganhava duplamente, pelo cambio e pela bolsa.
              Dos 2 fatores só um sobrou.

              3+
            • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 18:18

              me veio outro comentário à cabeça:
              quando comprei minha casa fiz exatamente isto de procurar brechas no valuation de mercado X real, alias procurava apartamento quando achei não uma brecha mas um abismo no valu de casa X apartamento

              ferramentas: andar a pé, nada de computador, bater na porta das pessoas, listar, fotografar, tenho até hoje os relatórios com centenas de anotações, preço, descrição, data, endereço, foto.

              5+
              • avatar
              • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 19:14

                Agora você entendeu meu método de valoração, não tem nada haver com timing.

                Realmente eu me expressei mal sobre dolarizar carteira, na verdade comprei empresas com receita dolarizadas e operações no mercado estrangeiro.

                A estratégia não é difícil de entender:
                – Se você aposta em déficits públicos crescentes, consequentemente você aposta na estagnação da economia por tabela.

                Efeito Loop: Governo não produz riqueza logo tributa + carga tributária sendo grande tende derrubar arrecadação e diminuir margens das empresas, consequentemente isso cria um processo de desemprego continuo e estagnação – O que derruba arrecadação ( Efeito laffer)

                Neste cenário economia estagnada : investidores estrangeiros que são 50% do fluxo operando na Bovespa remetem lucro para o exterior , vendem títulos da dívida brasileira lastreados no fiscal deteriorada,basta ver o que aconteceu na bolsa quando vem noticia de uma alta de juros no EUA , não aprovação da reforma etc.

                A volatilidade da bolsa aumenta por tabela uma vez que existe um calculo de valoração que os investidores internacionais usam para correr maior risco em busca de maiores retornos nos países emergentes.

                O que ajudou bombar nosso mercado até então é a ” liquidez global” + ” taxa de juros negativas nos países desenvolvidos”, caso contrario nosso ativos estariam ainda mais depreciados: O raciocino é simples para que correr risco num país deficitário de terceiro mundo se posso correr risco num país deficitário de primeiro mundo?

                Apostando contra governo realizei vendas parciais empresas nacionais e apliquei em outras empresas nacionais com receitas e operações no mercado externo ( Minério, celulose, serviços) e outro parte mandei diretamente para o mercado americano no setor mais tradicionais de serviços básicos que provem bom fluxo de caixa dolarizado.

                Quando a mercado estiver pegando fogo por aqui recebo fluxo de caixa líquido em dólar e posso recomprar ativos brasileiro com este fluxo a um preço muito melhor, uma vez que existe certa desvalorização cambial. OBS Obviamente que o valuation da empresas americanas europeia é bolha! Mas não é isso que estou tratar aqui, quem ganha em dólar e gasta real sai na vantagem neste cenário.
                EX: Um cash yield de 3% em dólares americanos pode chegar um cash yield de 9% ou 10% se convertidos em reais líquido de taxas.

                Quando processo inverso ocorre real se valoriza sobre a cesta de moedas dos países desenvolvidos , remeto lucro das empresas brasileira para outro mercados.

                Quando dólar chegou nos 3,10 , 3,15 um tempo atrás no mercado futuro, estava rolando aquele otimismo ufanista com previdência etc realizei parte aqui do lucro e mandei tudo para ativos com receita em dólar.

                Sobre questão do valuation você descreveu bem, todo mundo aqui usa técnicas de valuation e obviamente que do mercado imobiliario.

                Então pessoal vive confundindo timing com valuation: Eu não sou adepto do timing , mas sim de buscar assimetrias entre preço e valor..

                Como consegui este resultado que tende diminuir ao longo do tempo? Comprando o que estava com assimetria de valor e só vendendo quando encontrava outra empresa ou ativo com tal assimetria. OBS: Este processo demora muito tempo )

                Esta estratégia como todas outras tem maior % de acerto em mercado com crises e extremamente depreciado que é onde se encontra as maiores assimetrias por causa da histerismo ou dificuldade de valoração sobre lucro futuro.

                Na parte da empresas nacionais joguei parte da carteira no setores mais conservadores ( beta menor) pois este setores tendem cair menos em situação fiscal como a que vivemos.

                5+
                • avatar
              • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 19:56

                senhor bolha muito interessante o seu método, deve ser uma vida rica viajar, conhecer, porque vc preicsa de vivencia pra saber arbitrar essas diferenças, pra saber pra qual direção vc deve seguir, vai muito do conhecimento técnico mas sem dúvida é preciso muitas horas de voo pra fazer isso bem.

                sobre o ponto do timing, no sentido que vc explicou, realmente ele perde o sentido, mas não de tudo, afinal, além de vc optar sempre pelos maiores deltas, é preciso ter algum feeling para discernir o melhor momento que esses gaps vão ser corrigidos, ou mesmo se estarão aumentando-se as distorções. Imagino eu que no caso das várias reeleições do lula vc deve ter levado isso em conta, assim como se houvesse a possibilidade de seu quinto mandato, e não a quase absoluta certeza que ele será condenado, conforme as ultimas notícias, pense na venezuela, deve ter um value horrivel e vai aumentar ainda mais depois que o ex- motorista de onibus e presidente na horas vagas terminar de escrever a sua constituiição.

                Acertar estes momentos de virada não basta merdir espaços, tem que ver o movimento deles no tempo, vc com certeza faz essa análise nem que seja intuitivamente, meu caso pessoal da casinha simples na periferia, posso te dizer que se tivesse esperado de 6 meses a 1,5 anos tavlez eu tivesse aproveitado melhor a janela de juros e ainda pego alguma oportunidade ainda melhor, mas nada além disto, OU, o que é mais interessante, minha presença no condo alterou o destino do proprio condo, uma queda de 50% na taxa enquanto todo o resto da cidade está dobrando, é fato raro, unico, então a minha presença no bairro e no condo como que alterou o proprio livro de oferta.

                Acertar o cu da mosca, bem vc sabe, além do local e tempo exatos, o excelente é inimigo do rápido, muitas vezes é preferível garantir logo o ganho que ficar brigando por casa decimal e deixar passar outra coisa grande ali do lado, tenho certeza que vc não desgasta seu tempo à toa. É um privilégio debater contigo, lá na minha região o max que converso é “vai corintia, mano” eles lá fazendochurrasco e eu aqui trabalhando. Prefiro. Abrx

                4+
                • Leonardo M. 16 de dezembro de 2017 at 16:37

                  Fugir de países socialistas/comunistas não pode esperar muito.
                  É realizar prejuízo e cair fora o quanto antes.

                  Meus amigos venezuelanos que abandonaram o barco em 2003 e perderam mais de 50% do patrimônio na época em bolívares estão rindo até hoje dessa “perda”.

                  Meus bisavós/avós abandonaram a Ucrânia/Moldávia em 1922
                  Se tivessem esperado as coisas melhorarem teriam morrido na grande fome Ucrâniana criada por Stalin na década de 1930 onde matou mais de 5 milhões de pessoas.

                  Enfim, achar que vai melhorar um país socialista/comunista com sociopatas/psicopatas é como jogar uma mulher bonita e virgem em uma prisão com 200 homens e achar que não vai acontecer nada.

                  10+
                  • avatar
  • Lucas 15 de dezembro de 2017 at 15:26

    Carlos

    Esquecí da aviônica que usa coisas como redundância dupla, tripla e arbitragem para lidar com defeitos, inclusive a injeção eletrônica dos carros tem redundância dupla, existe um código principal que é complexo e permite utilizar a pleno todos os recursos do veículo e um outro mais simples que é um tipo de modo de seguraça que permite em muitos casos que você dirija o carro para a oficina em velocidade menor ou impede que o veículo fique imobilizado em locais que oferecam riscos as pessoas. E obviamente tem um duendezinho que decide que o o sistema principal ou algo ligado a ele está bichado e aciona o modo de segurança.

    2+

    aqui a origem da má fama dos carros franceses no BR
    o bananense tipico abre mexe, põe alarme põe somzão ele reseta o sistema pro modo segurança
    a autorizada cobra 2 mil reais reinstalar a programação, o cara o que faz?
    vende o carro… compra vw

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 22:50

      Fora que carro francês é uma b… mesmo.

      0
      • Rico 16 de dezembro de 2017 at 17:54

        É nada. Tenho saudade do meu Peujozinho. Comprei semi novo por preço de banana. Andei 40 mil km com ele e nunca me deu problema. Seguro barato. Vendi barato, mas quando coloquei no papel gastei menos que um Alemão do mesmo padrão.

        5+
        • avatar
        • avatar
    • Rico 16 de dezembro de 2017 at 17:57

      Lucas e Carlos, não existe codigo principal e contingênte. Automóvel não trabalha com redundância. O que existe são mapas e verificações dos sensores que adotam um valor padrão quando não consegue fazer a leitura ou ele entra em valores muito diferentes do normal. O código de uma injeção eletrônica tradicional é muito simples, muito mais simples que qualquer celular com android.
      SE você quiser montar uma injeção caseira tem todo o código na internet, inclusive com esquemas prontos.

      4+
      • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 21:44

        Não, não é simples, veja que os chineses conseguem fabricar carros mas não conseguiram desenvolver uma injeção eletrônica ainda, compram dos europeus.

        1+
  • Cesar_DF 15 de dezembro de 2017 at 18:12

    Número de jovens que não estudam nem trabalham atinge 25,8% do total em 2016, diz IBGE

    Mulheres têm 1,7 vez mais chance de ficarem sem estudo e sem ocupação que os homens na faixa de 16 a 29 anos.

    https://g1.globo.com/economia/noticia/numero-de-jovens-que-nao-estudam-nem-trabalham-cresce-20-em-4-anos-e-chega-a-258-em-2016-diz-ibge.ghtml

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Senhor Bolha 15 de dezembro de 2017 at 19:26

      São estes jovens que vão pagar a previdência nossa ! kKKKK

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 21:59

    kkk

    Criptomoeda já compra imóveis do Minha Casa Minha Vida.
    Portal Nacional de Seguros-há 7 horas

    Justiça suspende lei que interrompe atualização de valores de Goiania.
    Portal Mais Goiás-há 4 horas. Vai aumentar a planta de valores.

    4+
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 22:49

      Hora de se criar o programa meu primeiro Bitcoin, não é justo que as classes menos favorecidas não possam ter seu próprio Bitcoin.
      MBMV – Meu Bitcoin minha vida breve nas agências da Caixa e lotéricas.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • CA 15 de dezembro de 2017 at 22:42

    Pois é, como eu disse logo acima e dei exemplos, as bandalheiras, os crimes e golpes sujos da CEF não vão durar para sempre…

    http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/procuradoria-recomenda-a-caixa-que-troque-todos-os-vices/

    Trechos do link acima:

    “Procuradoria recomenda a Caixa que troque todos os vices em 45 dias

    Ministério Público Federal em Brasília ainda pede à instituição financeira que contrate novos executivos por ‘processos seletivos impessoais’

    O Ministério Público Federal em Brasília recomendou à Caixa Econômica Federal que troque todos os seus vice-presidentes e que contrate novos por ‘processos seletivos impessoais’. A Procuradoria da República dá prazos para que a instituição financeira cumpra as recomendações e, ao fazê-las, leva em consideração irregularidades descobertas por uma série de investigações.

    Para trocar os vices e contratar novos, a Procuradoria deu prazo de 45 dias. O Ministério Público Federal ainda deu um mês para que a instituição financeira adote novos meios de fiscalizar as atividades de gestores e funcionários e dois meses para aprovar o novo estatuto.

    A Caixa Econômica Federal é alvo das operações Sépsis, que apura desvios no FI-FGTS; Cui Bono?, sobre desvios em liberações de de créditos a grandes empresas; Patmos, que, em uma de suas vertentes, investiga desvios praticados por Geddel Vieira Lima e Fábio Cleto. Personagens políticos como os ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB) e Henrique Eduardo Alves (PMDB) estão presos por supostos desvios na Caixa, alvos dessa operação.”

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 15 de dezembro de 2017 at 22:46

      Os nefastos serão punidos ou vai ficar tudo por isto mesmo?
      Vão trocar os ratos por outros ratos e a festa vai continuar na minha opinião pessimista.

      5+
      • avatar
      • avatar
      • CA 15 de dezembro de 2017 at 23:09

        Carlos,

        O que a promotoria pede é que sejam feitos processos de seleção com contratação de headhunters especializados, especificando regras para que o processo não seja burlado, veja os detalhes na reportagem.

        De qualquer forma, claro que o que consta acima não resolve todos os problemas.

        O próprio presidente da CEF acabou de executar um GOLPE inadmissível e que requeria sua demissão sumária, que foi o caso da enganação que ele armou com o presidente da Câmara para passar a perna no TCU e forçar uma extorsão de R$ 15 BILHÕES do FGTS para cobrir ROMBOS que em grande parte foram infligidos ao próprio FGTS pela CEF (inacreditavelmente ABSURDO, só poderia acontecer aqui no Brasil mesmo!) ainda com a DESFAÇATEZ de FINGIR que não sabia de nada, quando o projeto de lei foi enviado uma semana depois da reunião dele com o presidente da Câmara e entrou em regime de urgência para votação exatamente na noite em que o TCU havia acabado de anunciar que em virtude do recesso, não se pronunciaria sobre o caso ainda em 2017.

        Um GOLPE da ordem de grandeza do que consta acima, em qualquer país sério, levaria no mínimo à destituição imediata do presidente, aqui é capaz dos meios de comunicação e os Nefastos da vida alegarem que o presidente da CEF e a própria CEF são “vitimas”…

        Agora, se substituírem os vice-presidentes por profissionais sérios, como vai ficar aquela infinidade de MAQUIAGENS e PEDALADAS?

        Estes novos vice-presidentes vão se arriscar a ir para cadeia por mandarem o pessoal reduzir as provisões na canetada, sabendo que logo em seguida este golpe será desmascarado aparecendo inadimplências ou resultados de processos apontando que a CEF provisionou BILHÕES a menos para SIMULAR um lucro maior, exatamente como acabou de acontecer agora?

        Pobre Nefasto, mês passado ele vinha aqui dizer que “agora a CEF está no caminho certo” e não é que logo em seguida começaram a aparecer tantos PODRES de uma vez só que já estão pedindo a cabeça de todos os vice-presidentes da CEF? Poxa, é a primeira vez que vejo uma empresa estar no “caminho certo” como ele disse e logo em seguida terem tantos acontecimentos que mostram que os golpes sujos só estão piorando, mas vamos acreditar que apesar do Nefasto mentir e tentar enganar as pessoas incessantemente, ele acreditava mesmo que aquele era o caminho certo, o caminho de mais e mais fraudes, até o ponto que obrigou intervenções mais drásticas logo em seguida. É tudo uma questão de interpretarmos o que ele diz , mas levando em consideração o “caráter” dele: ele não queria que interrompessem a podridão, ao contrário, aquilo era o que ele glorificava como “certo” e ele sabia que ia se intensificar, a única coisa que deve incomoda-lo é que do mesmo jeito que ele é desmascarado por aqui sucessivas vezes, os chefes dele que mandam ele praticar toda esta sujeira, também estão sendo desmascarados…

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 23:34

    lixo
    Caixa espera que na próxima semana socorro do FGTS seja sancionado.

    “Temos uma questão não só de Basileia como a questão de que o Conselho Curador do FGTS aprovou um orçamento de investimentos do FGTS da ordem de R$ 325 bilhões, considerando habitação, infraestrutura e mobilidade urbana para os próximos 4 anos. ..
    “Esperamos que na próxima semana, a lei tenha condições de ser sancionada e publicada. Com base na vigência da lei, vamos levá-la ao TCU, um assunto que já estamos tratando com ministros e técnicos. Tendo o parecer favorável do TCU, que é o que temos de expectativa, o próximo passo é o ministro do trabalho fazer a convocação do conselho curador do FGTS”,

    https://www.istoedinheiro.com.br/caixa-espera-que-na-proxima-semana-socorro-do-fgts-seja-sancionado/

    5+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 15 de dezembro de 2017 at 23:37

    10% de basileia de 325 bilhoes dá 32bilhoes… que a caixa conseguiu: 15bi do fgts, 8,3do lucro anual, 8bi do lucro do fgts (e 7,8depositados nas contas pra repartir)…. fora o golpe na poupança dos planos que não foram reservados…

    6+
    • avatar
    • avatar
  • thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 00:13

    —————————————————————————————–
    CA 15 de dezembro de 2017 at 06:33

    Por que tanta falta de racionalidade em dizer que a situação atual é sustentável em meio a GOLPES SUJOS BILIONARIOS sendo perpetrados pela empresa dele para SOBREVIVER, o que por si já torma óbvio o quanto isto não é sustentável? Exatamente porque ele não quer enxergar o ÓBVIO, como negou a gravidade da crise que teríamos, como quando disse que a CEF estava no caminho certo ao aplicar os golpes contra o TCU e também as DESCARADAS reduções de provisões que foram DESMASCARADAS na mesma semana e por aí vai…

    ———————————————————————

    “como quando disse que a CEF estava no caminho certo ao aplicar o golpe contra o TCU..”

    Em primeiro lugar eu nunca dei minha opinião sobre a questão do TCU, e nem poderia, já que estive ausente nesse período. Mas já estou acostumado com esse tipo de postura vindo de quem vem…

    Eu imaginava que um jeito seria dado mais cedo ou mais tarde em relação à questão da Basiléia, mas não imaginava como isso se daria. De qualquer forma, se querem saber, eu particularmente não concordo com a opção utilizada e não acho correto o uso do FGTS para essa finalidade. Acho que com isso a CEF perde a oportunidade de frear o crédito e de tentar ajustar seu nível de capital internamente, mas o que eu penso não faz a menor diferença.

    Eu já devo ter dado minha opinião sobre a CEF milhares de vezes nesse blog e desafio alguém a achar alguma postagem em que defendo explicitamente as coisas erradas que passaram pela mão do banco. Na verdade o que eu faço é tentar entender o contexto e as estratégias da instituição em cada circunstância, sejam estas erradas ou não.

    Recomendo que vocês deem uma nova olhada na parte 1 do meu trabalho publicado na primeira na semana de dezembro do ano passado e lá vão perceber que por mais de uma vez eu ressalto que a CEF, na qualidade de braço financeiro executor das políticas públicas e econômicas do governo federal, fez e continuará fazendo aquilo que é chamada a fazer, ainda que os propósitos e resultados sejam condenáveis como nos casos de corrupção envolvendo investimentos em infraestrutura via FI-FGTS e FUNCEF, ou de execução questionável, como nos casos da expansão do crédito imobiliário e do crédito ao consumo, que foram puxados pela CEF na última década muitas vezes de forma anticíclica.

    Nesse contexto é importante lembrar que a CEF não foi a única estatal que foi usada com propósitos políticos e escusos durante os últimos 15 anos no país, da mesma forma que não é a única que enfrenta agora dificuldades financeiras dentro da nova realidade econômica do país, em que os recursos públicos estão cada vez mais escassos e se demanda maior eficiência nos processos.

    Isso não é defender a empresa, mas admito que tenho um entendimento um pouco diferente de vocês sobre o que seriam “rombos” de fato. Não acho que seria a forma mais adequada de classificar os 27 bilhões a serem devolvidos ao Tesouro ou mesmo os tais 10 ou 15 BI da provável injeção de recursos do FGTS, por exemplo, mas entendo o esforço dos colegas de “embrulhar” num grande pacotão os números que não aparecem na inadimplência imobiliária, que é o que realmente importa para a discussão de bolha dos preços.

    De uma forma geral, a diferença da leitura que eu faço dos acontecimentos envolvendo a CEF é que eu tento olhar e capturar os processos de forma ampla e abrangente, ciente de que o “boom imobiliário” e a forte valorização dos imóveis foram resultados de escolhas dirigidas pelo governo e pela sociedade, tanto no espectro específico do mercado imobiliário, quanto na perspectiva macroeconômica.

    As famílias sempre enxergaram na casa própria seu maior sonho de consumo e depois da estabilização e melhora dos fundamentos econômicos, é nítido que os governos passaram a enxergar no crédito imobiliário uma oportunidade de juntar política social e investimento, agradando de uma só vez a sociedade, bancos e mercado, mas talvez sem se dar conta que tamanha intervenção e direcionamento, num cenário de crédito originalmente incipiente, traria consigo efeitos colaterais, puxados pela própria valorização dos imóveis.

    Nesse processo a CEF não passou de uma intermediária daquilo que já tinha certa vocação e expertise para fazer e, após os altos e baixos, a verdade é que hoje o mercado aumentou seu nível de dependência em relação ao crédito de tal forma que é quase impossível imaginar um retrocesso aos níveis de 10-15 anos atrás, mesmo com a tendência atual de redução e maior restrição do crédito direcionado.

    Um indicativo dessa dependência em relação ao crédito é que, mesmo num cenário claro de cerco da população e da mídia sobre o uso dos recursos públicos e privados, a aprovação bastante questionável da capitalização da CEF por meio do FGTS passou com rapidez e facilidade surpreendentes, com baixíssima repercussão, diga-se de passagem. Será porque a população se preocupa muito mais com a hipótese de não ter uma CEF financiando imóveis do que com a possibilidade desse dinheiro não voltar para o Fundo? Creio que sim, porque com exceção do CA, não vi ninguém esperniando com isso, ou vocês viram?

    Já disse uma dezena de vezes, muito antes do lance do TCU que não vejo os tais rombos ou risco elevado para a carteira imobiliária da CEF (a que realmente importa para o blog), mas ainda que houvesse algum risco inerente, este provavelmente seria incorporado pelo sistema, pois esta é uma bicicleta que não pode quebrar, ao menos segundo a opinião da grande maioria da sociedade e da classe política. Lembram quando disse que o “status quo” deve prevalecer e que é interesse de todos, com exceção do blog obviamente, que as pessoas continuem pagando suas prestações. Tudo será feito nesse sentido e não adianta o que eu penso, muito menos o “mi-mi-mi” diário do CA, pois ninguém dá a mínima fora daqui. Um analista que se preza deve deixar sua opinião e desejos pessoais de lado e entender como pensa e age aqueles que de fato interferem na dinâmica do jogo. Isso que faz a diferença entre ser “ufanista” e “realista”.

    6+
    • avatar
    • Carlos 16 de dezembro de 2017 at 08:23

      Deixa ver se eu entendi a sua “leitura”

      Você chama de chato, mimizento e ufanista o CA e outras pessoas que apontaram aqui que:

      Esta merda de banco onde você trabalha e que JUSTIFICA A SUA EXISTÊNCIA POR TER “FUNÇÃO SOCIAL” esteja ENFIANDO NO RABO DE POLÍTICOS, EMPREITEIRAS, COSTRUTORAS E NEFASTOS SEUS COLEGAS bilhões de reais do trabalhador brasileiro e comprometendo o futuro destas pessoas sem que elas saibam pois este dinheiro NUNCA SERÁ DEVOLVIDO.
      Esteja orientando mal e porcamente os clientes e fazendo com que eles destruam suas vidas, CADÊ A FUNÇÃO SOCIAL DESTA BOSTA?
      Coitado do brasileiro, o que seria dele sem a ajuda do seu banco cheio de CANALHAS E USADO COMO FERRAMENTA DE CORRUPÇÃO E COMPRA DE VOTOS?
      Você afirma que as pessoas não dão a mínimo, e não dão mesmo, existe uma velha frase que diz que a humanidade é composta de 95% de idiotas, no caso do brasil deve ser uns 99%.
      Mas devemos dar as mãos ao céu que este monte de lixo fétido onde você trabalha exista e cuide de realizar o sonho dos brasileiros não é Thiago?
      Cara, ou você é muito sem noção ou não tem um pingo de vergonha na cara ou caráter para afirmar que este banco de bosta “não foi a única estatal que foi usada com propósitos políticos e escusos durante os últimos 15 anos no país”, que “na qualidade de braço financeiro executor das políticas públicas e econômicas do governo federal, fez e continuará fazendo aquilo que é chamada a fazer”, CHAMADA POR QUÊM? Eu não chamei e nem autorizei este FILHAS DA PUTA a usarem meu dinheiro para FAZER JUSTIÇA SOCIAL, OU QUALQUER OUTRA MERDA QUE PASSE PELAS CABEÇAS DELES. Eu queria MESMO que esta bosta pegasse fogo e uma boa parte de seus nefastos morressem queimados e em agonia!

      Coisas como estas e pessoas como você me fizeram perder a esperança que algum dia o brasil sai da merda, é tanta idiotia, canalhice, falta de caráter e descaramento juntos que não tem como dar certo.

      Boss e demais, me desculpem pelo palavreado mas este descaramento me enoja, e ou não sou um lord cordato como os outros interlocutores.
      Bananistão onde tudo aquilo que se planta nasce e progressa, pricipalmente gente nefasta, canalha e sem vergonha na cara.

      23+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 10:10

        Carlos,

        Eu não vou entrar na sua pilha, pois sei que não é de agora esse incômodo que eu causo em certas pessoas e você é uma daquelas que sempre me convidou a sair do blog de forma velada. Seu nervosismo e revolta deixa transparecer na prática um ar de desespero e capitulação, porque no fundo você sabe que a verdade é esta e que ufanismo é crer que o país mudou e que a sociedade está preparada para se desgarrar do papai Estado.

        Eu só vendo minha força de trabalho para a CEF e desde muito antes da explosão dos preços, aliás. Se quiser saber não dependo dela, mas pra mim ainda é conveniente em termos financeiros e quando não for mais, sei que sou competente o suficiente para fazer o que quiser. Admito que a maior parte dos empregados têm um certo medo do “fantasma da privatização”, mas isso não acontece comigo. Pelo contrário, penso que seria muito melhor para a sociedade reduzir ou eliminar os bancos públicos e a maior parte das estatais, pois acho que a sociedade carece mais do que nunca de eficiência e respeito à coisa pública. É óbvio que nos moldes atuais isso nunca será atingido em sua plenitude e os produtivos serão engolidos por quem não produz.

        Sobre a corrupção é fato inegável que ela se espraiou por toda administração pública, através do sequestro político das instituições. É compreensível que sua raiva e a de outros se concentre na CEF em virtude do seu interesse direto na questão imobiliária, mas é óbvio que você só está enxergando uma parte da realidade. Podemos citar a Petrobrás, BNDES, Correios e uma série de outras empresas que foram cooptadas pela ordem política econômica vigente. Onde houver dinheiro no Brasil sempre haverá alguém esperto para tirar vantagem e por mais que tenhamos ensaiado uma reação com a Lava-Jato e outras operações, sabemos que isso está muito longe de acabar, pois está no cerne das relações pessoais e ouso dizer da formação cultural desse país, conhecido por ser o lugar do “jeitinho”. Me desculpe se a verdade te incomoda.

        Não se esqueça que não é apenas a sociedade que está pagando e pagará pela má gestão e desvios dessas empresas, mas também seus empregados que tiveram seus recursos usados para fins escusos, incluindo a CEF. Você e eu podemos até tentar lutar contra a maré, mas como você bem disse são os 99% que propagam a onda e é esta maioria que escolhe seus representantes através do voto, que indiretamente dá carta branca para que uma estatal centenária como a CEF seja chamada a fazer o que fez nos últimos anos.

        6+
        • avatar
        • CA 16 de dezembro de 2017 at 10:36

          O incômodo é com a TOTAL falta de caráter, o relativismo moral que diz que já que os outros roubaram e desviaram, não faz mal a CEF fazer o mesmo, a DESFAÇATEZ de dizer que ninguém lá fora se preocupa, em comentário logo abaixo de notícia sobre o MP pedindo o afastamento de TODOS os vice-presidentes da CEF de uma vez só, dentre uma infinidade de evidências do seu PÉSSIMO caráter, o que enoja a MUITOS daqui…

          12+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
      • CA 16 de dezembro de 2017 at 10:28

        Carlos,

        A promotoria pública acabou de mandar afastar TODOS os vice-presidentes da CEF de uma vez só em apenas 45 dias e logo após isto o Nefasto diz que ninguém fora daqui liga para a roubalheira e os golpes aplicados na CEF???

        A CEF já tem 2 vice-presidentes presos por desvios feitos na CEF e ninguém fora daqui liga para os desvios da CEF???

        Pois é, vejam acima o nível de problemas mentais do Nefasto, a casa está caindo na cara dele, as evidências são claríssimas e ele ainda acha que está tudo bem…

        Agora peço que observem o relativismo moral do indivíduo: então, se ninguém fora daqui vê problema, a CEF pode e vai roubar à vontade!

        Ah mas se NENHUM banco pode pegar dezenas de bilhões do Tesouro Nacional ou do FGTS como empréstimos sem prazo de devolução ou como dinheiro a fundo perdido, considerar isto como “aumento de capital” e emprestar 20 VEZES este valor, porque isto é uma maquiagem contábil DESCARADA, então tudo bem, não faz mal que o TCU já tenha condenado estas práticas, não faz mal o quão óbvias elas são PEDALADAS iguais ou piores do que aquelas que levaram a Dilma ao impeachment, o importante é que se a CEF conseguir aplicar o golpe e ser um chapéu no TCU, tudo bem, afinal não há nenhuma comoção pública contra esta forma descarada de não cumprir a lei, então não tem problema!

        Este é o “carater” do Nefasto, este relativismo moral é o mesmo que o leva a mentir e enganar, a FINGIR que não vê a realidade, ao dizer que a CEF “agora está no caminho certo” logo depois dela ter começado as manobras SUJAS para extorquir BILHÕES do FGTS sem nunca precisar devolver e ainda, uma semana antes de se revelar que suas provisões contra processos jurídicos e inadimplência estão furadas em BILHÕES de Reais e é por isto que ela apresenta este lucro bilionário e a inadimplência em recorde de baixa.

        Sim, o que consta acima, os crimes contábeis e financeiros da CEF que dentre INÚMEROS outros levaram a uma ação inédita do MP de pedir o afastamento de TODOS os vice-presidentes da CEF de uma vez só e em 45 dias é o que o Nefasto qualificou como “agora estar no caminho certo”!!!

        Imaginem a podridão moral e sde e caráter do indivíduo para defender o que consta acima. Ou ele vai dizer que não sabia do que tinha acabado de acontecer (extorsão bilionária do FGTS) ANTES do que ele disse e outro fato que já havia acontecido (resultados do trimestre) também ANTES do que ele havia dito e foi divulgado logo depois, junto com as evidências dos furos BILIONÁRIOS!?

        Quer dizer que não temos inadimplência anormal só porque a CEF MAQUIA a contabilidade e reduz as provisões e percentuais de inadimplência e temos evidências apresentadas quanto a esta prática intensa de maquiagem, desde a reação da CEF ao plano de recuperação da PDG, passando pelo furo na provisão contra processo na poupança e mais as práticas heterodoxas diversas de tirar de inadimplência porque pagou uma parcela de 12, deixar imóvel sem ser tomado por 12 meses, FINGIR que pagar uma parcela de 12 devedora tira da inadimplência, inverter pagamento menor do futuro trazendo para presente e maior para futuro, acumular o saldo devedor no final do financiamento, o proprio fato de estar quebrada e previsando de bilhoes para pedalar, etc, etc, etc. Quer dizer que DE NOVO ele vai FINGIR que também não sabe disto?

        11+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • CA 16 de dezembro de 2017 at 10:56

          Complemento:

          Observe que o Nefasto usa os votos para justificar que tudo vai continuar como está e é sustentável…

          O Lula acabou de ser condenado em primeira instância, está prestes a ser condenado em segunda instância, de que adianta ele ter a maioria dos votos, se ficar provado que ele é um criminoso e ele for para a cadeia e/ou se tornar inelegível?

          Onde fica o argumento “pragmatico” de que ter a maioria dos votos é sinal de continuidade da podridão?

          E os inúmeros políticos presos que não podem mais roubar?

          Como a CEF vai poder continuar roubando e desviando dinheiro público à vontade se tiver que substituir TODOS os vice-presidentes por profissionais de mercado? Então os profissionais de mercado vão mandar a CEF continuar fraudando os resultados e diminuindo na marra as provisões e os números reais de inadimplência e reserva para processos judiciais, mesmo sabendo de tudo isto e vendo 2 vice-presidentes da CEF que já foram presos? Enquanto são os políticos e atuais presidentes e vice-presidentes, como o roubo é na casa de milhões para eles, familiares e partidários, eles podem até achar que vale o risco, mas e quando forem profissionais de mercado que não estão faturando nada com isto e só pondo sua cabeça à prêmio???

          O Nefasto SEMPRE vai FINGIR que não entende nem nunca viu um grande número de políticos e empresários sendo presos.

          Vai FINGIR que não sabe que o TCU já está exigindo a regularização dos ROMBOS do Panamericano e dos FALSOS títulos podres com descontos para BTG, além de já ter bloqueado a CEF de continuar aplicando este golpe.

          Vai continuar FINGINDO que não sabe que o MP pediu o afastamento de TODOS os vice-presidentes da CEF de uma vez só.

          Vai continuar FINGINDO que não sabe das “N” operações criminosas da CEF já desbaratadas pela PF, algumas mencionadas em artigo mais acima.

          Vai fingir que não sabe que as restrições de credito para imóveis usados já foi consequencia de todas estas situacoes assim como não baixarem os juros acompanhando a SELIC, assim como reateingirem o crédito por região, dentre outras ações adotadas, porque não conseguiam pedalar frente a tantas reações negativas da justiça.

          Vai FINGIR que não sabe da continuidade e das consequências de tudo isto e MUITO mais que está por vir, porque esta é a única forma dele TENTAR ENGANAR as pessoas daqui.

          Só que não adianta nada, ao contrário, quanto mais ele demonstra seu PÉSSIMO caráter e quanto mais ele FINGE não saber de tudo isto, mais vai se afundando e pior, como os fatos estão demonstrando, independente do voto ou da opinião pública e dos políticos, a justiça está atuando fortemente em várias frentes e tudo indica que é ela que vai acabar com esta podridão, gostem ou não os eleitores ignorantes ou os políticos e Nefastos SUJOS…

          10+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 11:10

          Sobre a notícia dos afastamentos…

          Eu realmente espero que a defensoria pública restrinja todos que não estejam em seus cargos por competência, pois como eu disse, a cooptação e uso político das empresas públicas é uma das raízes da corrupção e dos desvios, que pra mim são casos de polícia e quase nada tem a ver com a política de financiamentos imobiliários às pessoas físicas.

          Sobre o Repasse do Tesouro…

          O Tesouro Nacional é o acionista único da CEF. Mais uma vez insisto que nunca concordei com tal política, mas até onde eu sei o governo PT decidiu que era conveniente diante de sua lógica populista injetar esse dinheiro na CEF para que ela puxasse o crédito às famílias, baixando juros e afrouxando condições para a tomada de crédito ao consumo. Na outra ponta o BNDES puxou o crédito com recursos do Tesouro à juros abaixo de mercado para as empresas que empresas ditas “campeãs” fosse alimentadas na expectativa de contrapartida para esquemas de corrupção. Podemos questionar por que o TCU não condenou essas operações na época, quando tal atitude poderia ter feito à diferença

          Esse dinheiro foi emprestado e, de um jeito ou de outro, entrou na economia. Se não me falha a memória os bancos remuneram de volta esses títulos tomados do Tesouro e a longo prazo esperam receber esses créditos. O rombo na prática se configura quando o banco não recebe o crédito do tomador, o que pode ser verificado através da inadimplência das carteiras.

          É importante dizer que os bancos públicos, inclusive a CEF, repassaram dezenas de bilhões de reais em forma de dividendos para ajudar a amenizar o déficit primário, ou estou enganado?

          No caso da CEF uma parte significativa do crédito comercial virou calote e se transformou nos famigerados” créditos podres”, mas até agora os dados mostram que não é exatamente a carteira imobiliária que representa o “calcanhar de aquiles” do banco. Pelo contrário é justamente a carteira habitacional que puxa pra baixo a inadimplência geral da CEF e permite com que ela diminua provisões. O aumento da retomada dos imóveis é em sua maior parte consequência direta da crise, visto que aumentou a quantidade de pessoas que perderam total ou parcialmente a capacidade de pagamento. Em breve postarei alguns dados ( do mercado em geral) que confirmam meu ponto.

          Sobre as restrições de crédito da CEF…

          Na minha opinião veio um pouco tarde, mas antes tarde do que nunca. Essa postura demonstra uma diferença fundamental da gestão atual em relação a anterior. Segurar os juros altos e aumentar eficiência administrativa demonstra uma mudança positiva de postura na CEF, pois ajuda a melhorar as margens e resultados da empresa, que se não melhoraram significativamente, pelo menos pararam de piorar. Fosse a Dilma e Mantega teriam baixado os juros na canetada para forcar os bancos privados a fazerem o mesmo.

          Sobre a estratégia de renegociação…

          O banco renegocia ao invés de realizar o prejuízo pois entende que com a melhora da economia, o risco de crédito vai diminuir e nesse caso tendo a concordar. Por isso estenderam por mais um ano a utilização do FGTS para atrasos superiores a 3 meses.

          Quanto ao lance da inversão dos últimos pagamentos isso não existe na CEF. Provavelmente foi algum juíz imbecil que mandou a CEF fazer, mas não é normatizado.

          3+
          • avatar
          • CA 16 de dezembro de 2017 at 11:56

            Ué, mas se você torce para que afastem os autores dos desvios e GOLPES, como vocês poderão continuar reduzindo as provisões de forma FAJUTA só para SIMULAR normalidade e recorde de lucro?

            Você realmente acredita que PROFISSIONAIS DE MERCADO vão se arriscar a fazer isto? Eles não tem milhões a receber de corrupção, como os políticos de carreira que são seus chefes e que aplicaram os mesmos golpes, por que eles fariam isto?

            Daí você tem um probleminha “pragmático”: se a CEF não fajutar os números em BILHÕES como ela está fazendo, com novas evidências diárias demonstrando isto, como ela vai continuar pedalando com o crédito imobiliário e outros, se os ROMBOS aparecerem, forem inegáveis e inclusive desabonarem a CEF de continuar extorquindo dinheiro do FGTS?

            E como ficou o discurso “pragmatico” que ninguém fora daqui se preocupa com isto, você já está desmentindo a si mesmo logo em seguida ao falar sobre o MP e demonstrar que ele também se importa e você está fazendo isto só porque deu bandeira quanto a seu caráter, ou teria sido porque você percebeu que não colava? Ou o MP, o artigo do Estadão, o TCU, outro artigo mais abaixo sobre as bandalheiras da CEF, as várias operações da PF e uma INFINIDADE de outras evidências DEMONSTRAM de forma INEGÁVEL que não é só aqui que se preocupam com a CEF, então, mesmo com sua extrema cara-de-pau, resolveu não insistir no assunto porque percebeu que não ia colar?

            Quer dizer então que apesar de todas as diversas demonstrações de desvios e GOLPES aplicados pela CEF nas mais variadas áreas e com o mais variado conjunto de fontes de recursos, a tal ponto do MP solicitar o afastamento de TODOS os vice-presidentes da CEF, inclusive aquele que cuida do crédito imobiliário, você insiste em dizer que a CEF nunca concedeu títulos podres para o crédito imobiliário, que este segmento seria como a virgem do bordel dentro da CEF???

            Quer dizer que o FATO de algumas operações da Polícia Federal terem revelado corrupção relacionada ao crédito imobiliário e funcionários da CEF, do seu ponto de vista, não desabona em nada a sua teoria de que este segmento é a virgem do bordel dentro da CEF?

            Quer dizer que os BILHÕES jogados fora do FI FGTS no esquema do projeto “Alice no País do Porto Maravilha” não desabona em nada o fato deste setor ser a virgem do bordel dentro da CEF?

            Quer dizer que o fato de todos saberem e ter sido publicado algumas vezes na mídia sobre as centenas de processos de corrupção dentro do MCMV em todo o país, envolvendo PT, PMDB e outros partidos, além de funcionários da CEF, membros do MST e outros órgãos pseudo-sociais, também não desabona sua tese de que este segmento é a virgem do bordel dentro da CEF?

            Quer dizer que você acha que a prática que é adotada pela CEF de conceder empréstimos imobiliários somente mediante transferências entre contas, aceitar mais pessoas para comprovação de renda do que aquelas que efetivamente vão pagar pelo empréstimo, dentre outras também coibidas pelos outros bancos, não é um sinal de que concedem crédito PODRE também para o segmento imobiliário, e mesmo assim, este segmento continua sendo a virgem do bordel dentro da CEF?

            Quer dizer que se a CEF é o ÚNICO banco a precisar de BILHÕES para cobrir seus ROMBOS, isto não tem nada a ver com o crédito imobiliário, apesar da CEF deter 70% desta carteira no Brasil e dela ser altamente relevante para a CEF? Porque a “qualidade” do credito imobiliario da CEF nao ajuda a cobrir os outros rombos e ao contrario, a CEF restringe este crédito que poderia ser uma salvadora fonte de recursos para ela?

            Quer dizer que a PDG, Rossi e diversas outras deste segmento terem obtido empréstimos em condições de pai para filho, com juros menores, dois anos para começar a pagar o principal, sem garantias reais, etc, nada disto indica que há algo muito errado no relacionamento da CEF com este segmento e ele continua sendo a virgem do bordel dentro da CEF?

            Quer dizer que o fato da CEF administrar para o governo o MCMV faixa 1 e este ter uma inadimplência de 35% não é um indicador de problema da CEF VER com o crédito imobiliário? Ah, mas é o governo, dono da CEF, como voce sempre diz, que manda ela fazer isto, então se ela não denuncia esta prática criminosa de FINGIR que é empréstimo e fazer doação para ganhar votos sem que tenha dinheiro provisionada para isto, sendo a CEF uma cúmplices ativa do golpe, mesmo assim podemos dizer que o setor de crédito imobiliário continua sendo a virgem do bordel dentro da CEF?

            Quer dizer que empurrar o pagamento para o final do contrato, deixar de leiloar boa parte do que foi retomado por longo período, não retomar nem 10% dos imóveis inadimplentes alegando uma taxa de recuperação por “renegociação” que nem no Brasil, nem em nenhum país do Mundo se alcança, nada disto e uma infinidade de outras estratégias “heterodoxas” são um sinal de que “talvez” o crédito imobiliário não seja a virgem do bordel na CEF?

            Tem uma infinidade de outras evidências de que a CEF concedeu e concede crédito PODRE para o segmento imobiliário, inclusive o fato da dependência umbilical do segmento imobiliário com a CEF, quando existem dezenas ou centenas de outros bancos que poderiam cobrir a falta de uma CEF, mas acho que os exemplos aqui já são o suficiente…

            12+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Cesar_DF 16 de dezembro de 2017 at 15:38

              Putz CA, que lista extensa
              Como eu disse vai faltar armários para tantos esqueletos

              8+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • Senhor Bolha 16 de dezembro de 2017 at 18:04

                A CEF esta operando em duas frentes: Desinformar e maquiar

                Relato pessoal: Tenho uma conta conjunta na CEF junto a minha esposa que recebe pela salário pela caixa, só este ano a conta aumentou duas vezes a taxa de manutenção.

                Portando a CEF esta repassando parte dos rombos bilionários para idiotas correntistas:
                Sobre a questão do enxugamento das provisões para devedores duvidosos: O velho esquema de baixar taxa de juros e manter spread bancário visando cobrir crescente rombos com inadimplência.

                Este tipo de prática é corriqueiro no Brasil: O que estamos vendo aqui é velha forma usada pela CEF em outrora de repassar a conta para os idiotas úteis do sistema em troca de manter uma contabilidade artificialmente inflada .

                Sobre questões do ratings : Outro esqueminha praticado no meio bancário é a famosa reclassificação de ratings, tão logo aconteça uma renegociação de dívidas com devedores duvidosos é muito comum banco reclassificar tais dívidas para diminuir provisões para devedores duvidosos e maquiar índice de inadimplência. ( Rolagem de dívida), ou empurrar sujeira para debaixo do tapete.

                Tanto que boa parte do lucro operacional dos bancos atualmente não vem do operacional, mas sim da reclassificação das dívidas.

                Para piorar a situação a CEF possui rombos por bilhões com desvios e pedaladas: E este papo de função social nada mais é que o velho nacional desenvolvimentismo .

                Ao longo do tempo entramos em várias furadas seguindo esta escola e continuamos com estas baboseiras de estado indutor do crescimento.
                O que falar quando até acadêmicos mentem descaradamente de acordo com suas posições e cargos políticos.
                Bananense tem que se ferrar de verde e amarelo, e ainda agradecer por tem um prato de feijão na mesa.

                11+
                • avatar
                • avatar
                • avatar
                • avatar
  • Marcos CG 16 de dezembro de 2017 at 08:38

    Recomendação do MPF à CEF aponta os descalabros da estrutura de gestão da empresa:
    http://www.mpf.mp.br/df/sala-de-imprensa/docs/recomendacao-cef

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Carlos 16 de dezembro de 2017 at 08:51

    OFF – Para quem curte uma boa distopia, agora com o tempero da tecnologia.

    China’s Black Mirror Social Credit System
    https://www.youtube.com/watch?v=gIk3svwcljM

    4+
    • avatar
  • Alemon Fritz 16 de dezembro de 2017 at 09:55

    a conta chegando

    Polícia investiga assassinato de corretor de imóveis em Balsas
    https://g1.globo.com/ma/maranhao/noticia/policia-investiga-assassinato-de-corretor-de-imoveis-em-balsas.ghtml

    4+
    • avatar
  • Alemon Fritz 16 de dezembro de 2017 at 10:03

    Prefeitura diz que 21% dos imóveis de Piracicaba estão irregulares.
    Globo.com-13/12/2017
    Puxadinhos, novas construções, obras irregulares….serão cobrados

    Imaginem se essa taxa for aplicada para todos os municipios e imóveis bananenses.. será o equivalente a 11milhoes de imóveis a mais (ampliados, duplicados, divididos, geminados, ..)
    e a conta vai chegar, e vai sobrar laje e germinado.

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 16 de dezembro de 2017 at 11:11

    o negócio contagiante, uma maravilha trabalhar lá, caixa lixo

    MPF denuncia ex-presidente da Funcef e mais 9 por gestão fraudulenta.
    Valor Economico-12/09/2017

    – MPF pede devolução de R$ 732,9 milhões por desvios em fundo da caixa..
    Fonte local-Jornal O Globo-11/12/2017

    -Funcef tem déficit de R$ 534 milhões com investimento na JBS.
    Época Negócios-06/05/2017

    -Aposentados da Caixa protestam contra rombo na Funcef .
    Gazeta do Povo-18/08/2017
    Funcionários e aposentados da Caixa Econômica Federal protestam nesta sexta-feira (18) contra o rombo de aproximadamente R$ 20 bilhões nas contas da Funcef, o fundo de pensão do banco, e os descontos nos benefícios para cobrir esse déficit.

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 21:55

      Acho que 99% dos funcionários da CEF aderiram a FUNCEF. Acho que foi “sorte” minha estar naquele 1%.

      Por isso que eu digo que saber o que “vai” acontecer é diferente de saber o que “deveria” acontecer

      3+
      • CA 16 de dezembro de 2017 at 22:19

        O 1% é daquele pessoal que ajudou a desenhar o GOLPE, como sempre…

        7+
        • avatar
  • indiobolhista 16 de dezembro de 2017 at 12:28

    As regras que acompanham o dia a dia do bem-sucedido homem de negócios. 1- Regra 1: Nunca perca dinheiro. Regra 2: Nunca esqueça a regra número 1.
    2- É mais fácil evitar problemas do que se livrar deles
    3- Viva bem abaixo de suas posses.
    4- Alguém está sentado na sombra hoje porque alguém plantou uma árvore tempos atrás.
    5- Sempre trate os erros como experiências de aprendizagem.
    6- Atribuir o nome de investidores a instituições que negociam freneticamente é como chamar de romântico alguém cujos namoros só duram uma noite.
    7- Nunca tenha medo de pedir demais ao vender e oferecer de menos ao comprar.
    8- Recuse-se a fazer investimentos que não atendam aos seus critérios. Diga “não” sem dificuldade para qualquer opção que não passe pelo seu crivo.
    9- Não é possível fazer um bom negócio com uma pessoa ruim.
    10- O que aprendemos com a história é que as pessoas não aprendem com a história.

    36+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • antifragile 16 de dezembro de 2017 at 13:49

    Colegas,

    O Banco Central atualizou meu índice favorito, o IVG-R, que mede a tendência de longo prazo dos valores de imóveis residenciais no Brasil.

    O mérito do IVG-R é que ele um índice baseado no valor de financiamento dos imóveis, e não do valor anunciado, como por exemplo o FipeZap.

    (Isso não quer significa que não pode ser manipulado).

    Os números foram atualizados até outubro, e mostram uma pequena aceleração na queda do preço dos imóveis. Vejam os números desde que o índice começou a cair.

    Alguns lembretes importantes:

    2) Um dos objetivos com a criação do IVG-R, em 2013, era verificar a possibilidade de uma bolha imobiliária no país. Isso é importante porque, segundo o relatório de estresse econômico do Banco Central, uma queda de 25% no valor dos imóveis levaria o sistema financeiro do país a níveis críticos. Já uma queda de 35% levaria os bancos ao colapso.

    3) Por 18 meses consecutivos, o IVG-R apontou quedas de 1% ao mês no valor dos imóveis. Então, cessaram a divulgação do índice por seis meses, sem nenhuma explicação.

    4) Em junho de 2017, o Banco Central voltou a divulgar o IVG-R. Só que o “aprimoraram”, tornando-o mais fiel ao comportamento geral dos preços. No índice original, a queda era rápida e intensa. Após a correção, suavizou-se a queda, mostrando uma “acomodação nos preços”, como o próprio BC define.

    5) No final de setembro a Caixa reduziu o teto para financiamento de imóveis usados de 70% para 50%. Logo, outubro foi o primeiro mês completo de vigência dessa restrição na tomada de crédito. É possível que essa restrição acelere mais ainda a queda do IVG-R.

    6) Preparem-se. O resgate do Governo à Caixa com recursos do FGTS indica que nosso sistema financeiro está atingindo níveis críticos.

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • CA 16 de dezembro de 2017 at 14:50

      antifragile,

      Ótimo levantamento, é isto mesmo. Em breve o BC vai ter que adulterar o IVG-R DE NOVO para garantir que não vai baixar mais do que eles querem.

      Lembrando que o BC “coincidentemente” alterou as regras para o cálculo de resiliência dos bancos quanto à quedas de preços de imóveis e não é que também chegaram a uma conclusão favorável aos bancos e segmento imobiliário, de que com as novas fórmulas de cálculo os bancos estariam mais resistentes a estas quedas?

      Daí o BC resolveu aumentar para 12 meses o período em que a pessoa pode pagar as parcelas atrasadas de seus imóveis com o uso do FGTS, depois renovou esta regra para valer durante o ano de 2018.

      Há muito tempo o BC vem se fazendo cego, surdo e mudo para o fato da CEF não cumprir o prazo para revender um imóvel retomado e por fim, orientou o CMN para tornar oficial que este prazo pudesse ser superior a 1 ano.

      O BC também se fez de cego, surdo e mudo quando o IVG-R subiu de forma anormal ao longo de ANOS, mesmo sabendo que o prazo de financiamento imobiliário tinha se multiplicado por 3, algo que “turbinava” vendas e precos, mas que NUNCA foi algo sustentável nos outros países que fizeram isto e sempre levou a formação de bolhas, mesmo sabendo que as “facilidades” da CEF para o crédito imobiliário tinham se intensificado, como por exemplo, aceitar depósitos como comprovante de renda ou mais pessoas para compor a renda do que aqueles que efetivamente pagarão pelas parcelas, dentre tantas anomalias para as quais ele fechou os olhos e os ouvidos.

      Outro caso para o qual o BC se fez de cego, surdo e mudo, foi a inadimplência absurda do MCMV faixa 1, que hoje já bate acima de 30% e só foi apresentada pela primeira vez ao público, porque a Veja entrou com um processo na justiça contra a CEF para que ela divulgasse este número.

      O BC também sabe dos INÚMEROS desvios da CEF, muitos deles com o uso do FGTS e direcionados para o segmento imobiliário, como o caso de “Alice no País do Porto Maravilha”, as centenas de escândalos de corrupção com o MCMV em todo o país, dentre outros.

      O BC sabe melhor que ninguém, que a “recuperação via renegociação” que a CEF “conseguiu” quanto ao crédito imobiliário não tem precedentes nem no Brasil, nem em qualquer outro país do Mundo, assim como o BC também está presenciando os “furos” BILIONÁRIOS nas provisões da CEF quanto ao processo da poupança ou quanto a inadimplência de empresas e ele BC sabe muito bem que do mesmo jeito que maquiam e adulteraram estes resultados, com certeza fazem o mesmo para obterem estes resultados MIRABOLANTES no crédito imobiliário.

      Sabendo de tudo isto e MUITO MAIS, o BC está cada vez mais envolvido nos esquemas para tentar ocultar as consequências de tantos e tantos GOLPES e esta é a grande esperança do Nefasto, de que esta infinidade de PODRES não apareça porque tem muita gente envolvida até o pescoço, mas como as medidas de MP, TCU, PF, Lava-Jato e outros tem demonstrado de forma contínua e em larga escala, é exatamente o contrário disto, vai é faltar cadeia para tantos bandidos e Nefastos..

      Ah, outra piada do Nefasto: embora tenhamos ações em larga escala do governo para dar privilégios ao setor imobiliário, como as que constam acima é VÁRIAS outras, como por exemplo o uso de verba SUBSIDIADA par a financiamento via FGTS em larga escala, sendo que o governo não ajudou NENHUM outro setor desta forma ou intensidade e mesmo sabendo que este setor imobiliário mesmo com toda esta ajuda foi o primeiro a entrar em crise, muito antes de qualquer crise na economia e é um setor que ainda agora em dez/17 é o único que diz continuar no fundo do poço, apesar de tudo isto, ele alega que este setor ficou nesta situação por causa da crise, assim como os outros setores!!! É só mais um exemplo de até onde vai a DESFAÇATEZ dos Nefastos da vida…

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 21:34

      Eu ia chegar em algum momento nessa outra falácia da manipulação de cáculo do IVG-R em algum momento, mas como o assunto bateu na porta, vamos antecipá-lo:

      Eu acompanho praticamente todas as fontes de dados de preços que estão dispostos em série e, diferentemente de alguns, não faço conforme a conveniência. Basta olhar a parte 1 do meu trabalho que utilizou do cálculo anterior, ainda assim sem prejuízo da leitura proposta.

      Pra quem não se lembra o CA desdenhava do IVG-R e chegou a questionar no seu último artigo como podia ser possível diante do suposta explosão da bolha, o índice não ter apresentado quedas nominais até aquele momento, conforme pode ser constatado no link abaixo:

      http://defendaseudinheiro.com.br/a-bolha-imobiliaria-no-brasil-e-a-economia

      Quando o índice começou a apresentar queda nominal contínua e mais expressiva, ele quase teve orgasmos cerebrais, dizendo que o pico da queda acumulada já se aproximava daquela verificada no caso da bolha americana. Porém quando do ajuste do índice, a ladainha de que o Bacen desvirtuou o cálculo para ocultar a bolha voltou novamente, compondo assim o grande esquema de conspiração que segundo ele impede a “visibilidade” da bolha.

      A semelhança não é coincidência para o caso da variação de preços de venda da pesquisa do CRECI-SP. Diversos artigos com nomes diversos e criativos se basearam na suposta derrocada dos preços na capital paulista, como prova absoluta da esplosão da bolha em São Paulo. Quem não se lembra? Eram tópicos atrás de tópicos no blog…

      Vocês notaram que depois que eu fiz a novelinha do CA tendo esse caso como um dos capítulos, nunca mais se ouviu uma palavra sobre a tal pesquisa de preços do CRECI. Querem saber por quê? A razão segue abaixo:

      Com o repique a partir de 2016, o índice voltou para o topo nominal e poderia (quem diria) ser comparado no longo prazo com o Fipezap da capital. Esse tipo de coisa pode até passar batido por vocês, mas de mim não escapa e por isso que o CA abandonou essa que era uma de suas principais “evidências”.

      Agora voltando para o caso específico do IVG-R, também é bastante conveniente que vocês coloquem a credibilidade do Banco Central sob suspeita, na medida em que o ajuste significou uma espécie de “anticlímax” para a maioria de vocês, mas se soubessem realmente com o índice funciona, entenderiam que o índice estava de fato apresentando um desvio por causa da metodologia.

      É preciso entender que o índice leva em conta a média dos valores de avaliação dos imóveis financiados e não o valor médio do m2, que seria a situação ideal. Até o ano de 2014 a quantidade de financiamentos originados no SBPE e FGTS estavam praticamente equilibrados, porém quando as concessões passaram a declinar fortemente no SBPE (de valor médio maior) ao mesmo tempo em que as concessões via FGTS disparavam, uma desproporção enorme na média foi causada, já que os financiamentos do FGTS e MCMV tem teto de valor e subsídios em grande parte dos casos. O fato de a média das garantias ter sido rebaixada não significa que os imóveis ficaram mais baratos, já que o preço por metro pouco se alterou, até pelo fato da demanda neste segmento ter permanecido constante. Para terem uma ideia no pico da distorção a cada quatro imóveis financiados, aproximadamente três tinham como funding de origem o FGTS. Segue um link do próprio BC que detalha os motivos e a necessidade do ajuste:

      http://www.bcb.gov.br/htms/estabilidade/2017_10/refMVGR.pdf

      “Entretanto, a partir de 2015, uma alteração na forma de registro de operações da Faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida (PMCMV) do governo federal fez com que um grande influxo de operações de baixo valor passasse a ser informado no SCR. Uma alteração tão relevante na composição da amostra fez com que a mediana dos preços se deslocasse para baixo, ENVIESANDO o cálculo do índice.”

      Há mais duas situações que provam que o índice apresentava desvio com a fórmula de cálculo original:

      1- Logo que fez o ajuste, para dirimir suspeitas de manipulação como a do CA, o Banco Central passou a divulgar os valores absolutos da mediana das transações e ela corrobora com a trajetória de estabilização dos preços nominais. Não faz sentido a mediana estável e a média despencando, a menos nos casos de contaminação da amostra. O MVG-R consta no link acima para quem quiser constatar;

      2 – Há algum tempo a ABECIP em conjunto com a FGV passara a divulgar o IGMI-R que na prática também leva em conta os preços conforme às avaliações feitas pelas instituições autorizadas. Se a variável apurada é basicamente a mesma nos dois casos, não há motivos para que haja grandes descolamentos entre os índices, certo? E agora não há mais, já que após o ajuste do IVG-R as trajetórias passaram finalmente a apresentar tendência compatível, inclusive em relação aos índices de preços anunciados, o que demonstra mais uma vez como a fórmula de cálculo atual do índice do Bacen é a mais adequada e corrobora com o cenário de pequena queda nominal dos preços, com tendência de atenuação do ritmo de queda e provável estabilização já no médio prazo. Isso pode ser verificado melhor nos gráficos:

      Comentário adicionais:

      O gráfico acima deixa claro que já passamos da fase de queda mais aguda de preços em termos reais e se conheço também o índice como nosso colega antifragile, não apostaria numa aceleração a partir de agora, nem após as medidas da CEF, pois já tivemos outros momentos de restrição de crédito pela Caixa e isso não foi suficiente para modificar muito a tendência geral.

      Quanto o índice de risco de 25% de queda para atingir patamares críticos no sistema imóbiliário, me permitam dizer que está desatualizado, já que na última atualização do Relatório de Estabilidade do Bacen nos mostra que seria necessária uma queda maior que a americana para que as intituições tenham seu nível de capital afetado. Em suma, não vai acontecer

      Enfim a falácia da manipulação dos dados pelo Bacen propagada pelo CA também não passa de outro “mi-mi mi” de quem já não tem muita evidência para oferecer.

      O Nefasto volta em breve, com mais dados pra vocês..

      8+
      • thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 21:38

        Desculpem pelo “esplosão” e pela duplicação do último gráfico. O correto seria este:

        3+
        • thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 21:46

          Pra quem tiver preguiça de procurar no relatório de estabilidade segue o tal teste atualizado de sensibilidade referente ao setor imobiliário:

          4+
          • CA 16 de dezembro de 2017 at 22:16

            E lá vai o Nefasto de novo, repetindo as mesmas mentiras e enganações que disse antes, achando que quanto mais persistir na mentira, mais pessoas ele vai convencer…

            E as milhares de questões das quais o mau caráter do Nefasto sempre foge COVARDEMENTE, como ficam? Ele coloca dúvidas e questões, mas nunca responde as milhares de questões que contradizem as mentiras dele, por que será?

            Pois é Nefasto, não só esta sua obsessão por mim continua pegando mal, como cada vez mais pessoas estão percebendo que você é mau caráter , precisava se conter mais, não deixar escapar seus relativismo morais, o seu júbilo pelo que é PODRE e DECADENTE da CEF, a sua identificação com estes “valores” da empresa onde você atua, sua teses escancaradas em defesa da impunidade e daí para pior. Não adianta, você não consegue enganar nem a si mesmo, quanto mais a nós…

            Não entendemos nada e somos idiotas, mas ele vem aqui ainda, perde um tempo enorme fazendo os gráficos inúteis dele que não convencem NINGUÉM e tudo isto só porque ele está doente?

            Vamos lá Nefasto, responda as dezenas de questões que fiz para você neste tópico e no anterior e se você não FUGIR COVARDEMENTE, como sempre faz, posso repetir as respostas para estas últimas estórinhas suas e MAIS UMA VEZ expor seu MAU CARÁTER, como em todas as outras oportunidades, daí você volta depois de um tempo, achando que todo mundo esqueceu e repetindo os mesmos GOLPES só que cada vez mais doente e com seu mau caráter propiciando cada vez mais nojo aos participantes do blog…

            2+
            • thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 22:45

              Quando não se pode derrubar a mensagem, tenta-se derrubar o mensageiro com a velha tática dos insultos pessoais. Mal voltei e já fui chamado (às vezes estrategicamente) de imbecil, canalha, sem vergonha, covarde, anencéfalo, entre outros…

              Eu até gosto de debater contigo, mas quando o faço, entramos num looping infinito. Como prometi postar os dados, não vou ficar perdendo meu tempo gastando teclado contigo, até porque você não me convence, eu não te convenço e no final você sempre desemboca pro lado pessoal, contando com o apoio dos bajuladores de plantão. Sendo assim, prefiro deixar os dados e o tempo falarem por mim.

              Acha os gráficos inúteis? O que dizer da “vitrola quebrada” que tem sido sua retórica nos últimos anos. Tem medo de voltar pra época dos “fatos e dados” e descobrir que eles já não suportam sua teoria do desespero? Tem receio de que eu vá até a fonte e derrube suas “evidências”, como já fiz dezenas de vezes?

              Continue se segurando na tese de que os efeitos da explosão estão mantidos sob pressão dentro da “Caixa de Pandora” da CEF, pois este é um dos únicos bastiões que mantém sua tese de pé, se é que se pode dizer isso ainda.

              Pode ser que eu volte a hibernar fora do blog novamente para seu sossego, mas antes disso, vou deixar um bocado de gráficos inúteis pra quem quiser ver. Vai servir pra quem não quer ver também.

              Abraço do Nefasto!

              14+
              • avatar
              • avatar
              • CA 16 de dezembro de 2017 at 23:37

                Nefasto,

                Suas conclusões são sempre a melhor parte dos seus devaneios:

                O IVG-R revisto no último mês aponta uma queda de preços MAIOR que nos meses anteriores, ou seja, CAIU MAIS. A conclusão do Nefasto: é uma tendência de estabilidade. Está caindo sem parar HÁ ANOS, se caiu mais no último mês, fique tranquilo, é porque está estabilizando…

                Vejam o primeiro gráfico em que ele compara o IVG-R com o IGM-I e observem que os dois estão em ACENTUADA QUEDA LIVRE. A conclusão do Nefasto: evidência da tendência de estabilidade de preços!

                E as DEMONSTRAÇÕES de elevada variação de mix na pesquisa do CRECI SP, que DEMONSTREI para o Nefasto na última campanha de difamação dele no ano passado e que impedia a análise histórica, acreditem ou não, ele FINGIU que esqueceu de novo e repetiu o mesmo golpe sujo!

                Ele também esqueceu de explicar porque o BC só lembrou de rever o mix quando os preços caíram e não quando subiam anormalmente.

                Quer dizer que se o índice criado pela ABECIP APÓS o BC mudar os critérios e o FINGE Zap batem com o índice do BC esta é a evidência de “qualidade” deste índice?

                INÚMERAS vezes foi explicado para o Nefasto o FINGE ZAP, não só ele FINGIU que não viu como continua usando o FINGE ZAP como prova de qualidade???

                Quer dizer que no FINGE ZAP, toda vez que são postados anúncios de preços, onde um deles é menor e naturalmente é o que acaba sendo vendido, o preço médio aumenta e este é o padrão de qualidade para os outros índices? Repito, já que o Nefasto passa anos fingindo não ver o óbvio: se vende o mais barato e sobe o preço médio, é este o padrão de qualidade?

                Então se você compara um índice como o IVG-R que se utiliza do preço no ato do financiamento, que ocorre mais de 3 anos após a venda na planta com o anunciado que reflete inclusive imóveis na planta, ou seja, com diferença de 3 anos entre um e outro, com um considerando vendas a vista de usados que são quase metade do total e outro só os financiamentos e se os dois milagrosamente batem com estas diferenças metodologicas e de base de dados da amostragem ENORMES e mais a diferença do critério “genial” do FINGE ZAP que consta acima, ao invés de concluir que isto é um absurdo inexplicável, a “lógica” dele diz que isto é que demonstra a “qualidade” do índice??? Caramba, os DEVANEIOS das conclusões do Nefasto são impressionantes, o mais incrível é ele não estar internado ainda…

                Agora quem quiser consulte acima e constate: o Nefasto colocou o setor de credito imobiliário da CEF como a virgem do bordel. Quando demonstrei com mais de uma dezena de exemplos o quanto isto era absurdo, ele simplesmente FUGIU COVARDEMENTE destas questões, assim como fugiu da afirmação que fez sobre a CEF ser relevante só aqui quando apresentei evidências em sentido contrário, assim como desistiu de defender o mau caratismo (sic) explícito porque ele viu que não dava ibope por aqui (hábito da CEF, ele esqueceu onde estava), assim como deixou de responder “N” evidências sobre a falsidade dos dados estatísticos que ele usa, que apresentei desde o tópico passado, assim como ele FUGIU COVARDEMENTE nos anos anteriores também, sem contar as vezes que prometeu não voltar e não cumpriu sua palavra, voltou tentando fazer de conta que era outra pessoa e outras formas de demonstrar o seu “caráter”.

                Usuários mais antigos que presenciaram o que consta acima ALGUMAS VEZES começaram a ficar com nojo crescente do Nefasto, mas como entre outras coisas ele não tem “semancol”, tenta atribuir as reações naturais a tantas baixeza que ele pratica como se fosse um problema das pessoas daqui de forma geral serem puxa-saco e as ALUCINAÇÕES desta mente DOENTIA vão daí para pior. Como sempre digo, ele tem que fugir da realidade de forma desesperada, ele volta de tempos em tempos para tentar provar a si mesmo que não é tão mau caráter, mas só acaba provando cada vez mais o contrário disto…

                7+
                • avatar
                • thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 00:08

                  CA,

                  Acho melhor você desistir se não quiser passar por ridículo…

                  Conselho de quem acompanha todos os meses: a ponta do índice é ajustada com frequência e o fato da última variação ter ficado incríveis 0,02% acima do mês anterior não significa que o registro será mantido. Quem não acompanha com frequência não percebeu que o índice de 516,7 atingidos em outubro é exatamente o mesmo da atualização de setembro. Além disso a tal tendência de estabilização no MÉDIO PRAZO, a qual você ironiza, já pode ser verificada de forma sutil no IGMI-R, por exemplo.

                  “Vejam o primeiro gráfico em que ele compara o IVG-R com o IGM-I e observem que os dois estão em ACENTUADA QUEDA LIVRE ”

                  rsrssrsr

                  Queda de pouco mais de 5% em 33 meses e menos de 3% em relação ao início de 2014 é de fato uma queda livre mesmo. A maior explosão de todos os tempos! Não é por acaso que os gráficos são inúteis pra você, visto que você mal consegue ler um gráfico sem enviesar a conclusão.

                  OK..Vamos aceitar a sua interpretação de que segundo o IVG-R e o IGMI-R a queda nominal é acentuada. Dado que o tal efeito retrovisor do IVG-R nos preços leva aproximadamente três anos e que a bolha estourou em 2012 (segundo você mesmo diz) diga aí para seus fãs e fiéis seguidores, como base no IVG-R ou no CRECI-SP em que fase estamos do processo de correção dos preços. Eles querem saber…

                  8+
                  • avatar
                  • CA 17 de dezembro de 2017 at 00:21

                    Pobre e demente Nefasto, não tente dizer o que as pessoas querem ou não saber, você não sabe nem o que você diz, quanto mais o que os outros querem saber ou não… Ninguém o elegeu aqui como porta-voz, ao contrário, cada vez mais e mais pessoas consideram você um mau caráter, desde quando isto o habilita a se colocar como porta-voz dos outros e conhecer seus desejos sem que eles os manifestem???

                    FUGIU da maioria das questões DE NOVO? Continuou FUGINDO COVARDEMENTE das questões anteriores?

                    Apesar disto ainda acha que tem alguma moral para questionar qualquer coisa??? É só mais uma DEMONSTRAÇÃO de como você é totalmente SEM NOÇÃO, certo?

                    Explique então qual a sua brilhante base para preços estarem ae estabilizando se não há NENHUMA evidência nos dados apresentados??? Quer dizer que os gráficos em queda livre que você mesmo desenhou são a evidência disto?

                    Explique então por que índices que tem critérios OPOSTOS, bases e datas de referência completamente distintas e “qualidade” baseada em subir o preço médio quando vende o MAIS BARATO terem resultados muito próximos faz algum sentido?

                    Pois é, outra coisa que TODOS percebem ao longo dos anos é que enquanto eu respondo as perguntas, você FOGE COVARDEMENTE DELAS e ainda acha que tem alguma moral para fazer novas questões, repito, responda as inúmeras questões feitas se quiser ouvir respostas, deixe de ser CARA-DE-PAU e achar que tem moral de novas questões sem responder uma infinidade de questões antes, aqui não cola e você sabe disto há ANOS, desde que começou a mentir e enganar compulsivamente..

                    4+
                    • avatar
                    • thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 10:23

                      “Demente”…”Cara-de-Pau”…”Mal Caráter”… mais alguns para lista de hoje…

                      Eu sei porque você não vai mais dar estimativas sobre a tendência dos preços…Errou quando disse que a fase aguda de queda dos preços viria a partir do segundo semestre de 2016, depois empurrou pra 2017 e nada…

                      Será que sou eu que fujo das perguntas ou será você que apresenta muita mais perguntas do que respostas nos últimos tempos?

                      Enquanto você me xinga, a caravana passa e eu vou postando as informações por aqui, OK? No final veremos que está deixando de dar as respostas.

                      7+
                      • avatar
                    • CA 17 de dezembro de 2017 at 11:40

                      Kkk

                      Já está completamente desequilibrado de novo?!

                      Você errou TODAS as suas previsões, seja quanto ao tempo quanto pelo conteúdo, para situações MUITO mais graves, como por exemplo dizer que a crise na economia não seria grave, que a poupança ia subsidiar a recuperação do segmento, depois que o FGTS faria isto e daí por diante…

                      Só neste último mês, logo depois do início da extorsão da CEF sobre o FGTS você disse que ela estava no caminho certo, na semana seguinte a informação que ela reduziu em BILHÕES a provisão contra processos na justiça e contra inadimplência, para logo em seguida aparecer que a CEF foi a ÚNICA que errou na provisão do processo da poupança, justo a que tem a maior dívida e que sabia que a provisão seria insuficiente mesmo na previsão mais otimista UFANISTA que existisse, para logo em seguida ver mais um furo na “recuperação judicial” da PDG que não vai dar um tostão para a CEF e depois disto, vem o MP e recomenda que TODOS os vice-presidentes da CEF sejam afastados em 45 dias. Isto é que significa o “estar no caminho certo”???

                      Uma coisa é não acertar a “bunda do mosquito”, o momento em que políticos mau caráter e pessoas sujas como você não vão conseguir mais aplicar golpes para adiar o inevitável, até porque não penso nem sou como vocês (graças a Deus!), a outra é MENTIR DESCARADAMENTE sobre o presente e o passado recente, como DEMONSTRADO acima e ainda, de novo achar que tem alguma “moral” para falar sobre erros de previsões dos outros!

                      Faça isto mesmo, todo mundo já sabe que você é mau caráter, covarde e vive FUGINDO das questões mais importantes, aquelas que DEMONSTRAM que suas “estatísticas” são completamente FURADAS, como por exemplo, usar o FINGE ZAP como referência de “qualidade”…

                      4+
                      • avatar
                      • avatar
      • maker 16 de dezembro de 2017 at 23:15

        Eu não sou muito familiarizado esse índices usados pelo mercado imobiliário. Mas pelo que li, você baseia todo o seu argumento no IVG-R. Pesquisando sobre esse índice, já que eu nem sabia que existia: “utiliza os valores de avaliação dos imóveis dados em garantia a financiamentos imobiliários residenciais para pessoas físicas nas modalidades de alienação fiduciária e hipoteca residencial.”

        Agora qual a relação dessa avaliação usada por esse índice com o preço real dos imóveis? Se esse índice refletisse o mercado real, todos os leilões seriam arrematados pelo preço da avaliação mas não é o que ocorre. Minha dúvida é, qual a utilidade desse índice?

        3+
        • avatar
        • thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 23:34

          ” você baseia toda sua avaliação nesse índice”
          Recomendo ler os comentários com atenção
          thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 21:34

          “Eu acompanho praticamente todas as fontes de dados de preços que estão dispostos em série e, diferentemente de alguns, não faço conforme a conveniência. ..”

          Viu os gráficos? Só no excerto acima constam pelo menos 5 índices diferentes, entre preços de venda e locação e você diz que me baseio somente o IVG-R?

          Me concentrei no IVG-R porque a questão inicial diz respeito a polêmica criada com o ajuste metodológico deste índice, mas é justamente a convergência de múltiplas fontes que indicam que não houve em termos MÉDIOS queda relevante dos preços nominais. É isto que norteia minha percepção. De qualquer forma admito que o IVG-R tem maior credibilidade por ser calculado por instituição sem interesses diretos no mercado imobiliário e também por apresentar a série mais longa disponível.

          Tenho outras fontes complementares que ainda serão colocadas aqui para reforçar as conclusões.

          1+
          • CA 16 de dezembro de 2017 at 23:47

            Maker,

            Traduzindo o que consta acima:

            Uma pesquisa aumenta o preço médio quando vende o imóvel MAIS BARATO, a outra aumenta o preço médio quando vende o MAIS CARO, ou seja, o CONTRÁRIO da primeira. Ver explicacao em meu comentário acima.

            Uma das pesquisas considera só as vendas financiadas, a outra considera preços ANUNCIADOS que tem vendas a vista que correspondem a metade do total e ainda vendas na planta em granse volume, ambas modalidades de vendas que NÃO são consideradas na primeira pesquisa e que tem preços sempre diferentes daqueles do financiamento, até pela lógica do reajuste do INCC durante a construção e a grande diferença de 3 anos ou mais entre lançamento e financiamento, fora os maiores descontos das vendas a vista.

            Qualquer pessoa NORMAL e que tenha o MÍNIMO de lógica, conclui o ÓBVIO: se duas pesquisas que tem critérios que são o contrário um do outro e bases de dados completamente diferentes e incompatíveis apresentam resultados muito similares, isto é um sinal de problema grave e não que uma “reforça” os resultados da outra, só mesmo uma mente DOENTIA como a do Nefasto consegue tirar esta e outras “brilhantes” conclusões, como exemplifiquei acima…

            6+
            • avatar
            • avatar
        • Cesar_DF 17 de dezembro de 2017 at 09:05

          Maker
          No FIPEZAP o cálculo é feito baseado na média por m2 dos imóveis anunciados. Como o normal seria vender aquele de menor valor por m2, os outros que não foram vendidos puxarão a média para cima, o que demonstra a desconexão com a realidade.

          No IVG-R é calculado o valor médio por m2 dos imóveis financiados. Rescentemente mudaram a metodologia de cálculo, pois o banco central alegou que o financiamento de imóveis que não são MCMV, praticamente parou, e isso provocou uma enorme queda no índice.

          Existem índices baseados em laudos de avaliação, mas que, concretamente não estão seguindo a metodologia NBR onde deveriam usar como referência o valor efetivo da transação dos imóveis semelhantes no mesmo bairro, mas estão de fato, utilizando apenas os valores anunciados

          7+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Senhor Bolha 17 de dezembro de 2017 at 22:48

            Médias são manipuláveis, basta selecionar os itens da cesta.

            Passa ano e sai ano governo sempre usa mesma jogada.

            3+
            • avatar
  • De-boa-na-bolha 16 de dezembro de 2017 at 14:52

    Justiça do trabalho com até 70% desconto, mas não nos preocupemos porque o país está bombando, transbordando em renda e emprego, e conforme os mephistos tem dito …. leilões são pontuais.

    Leilão de imóveis em Manaus terá desconto de até 70% do valor de avaliação
    lance mínimo de 50% ou 60% e pagar a vista e em parcelas Leilão de imóveis em Manaus terá desconto de até 70% do valor de avaliação

    http://d.emtempo.com.br/economia/89455/leilao-de-imoveis-em-manaus-tera-desconto-de-ate-70-do-valor-de-avaliacao

    5+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 16 de dezembro de 2017 at 16:09

    Já que estamos falando dos podres da CEF

    Governo repassou 8 bilhões para a CEF usar no Minha Casa Melhor.
    Ela usou 2.7 bilhões e “embolsou a sobra”
    Estes 2.7 bilhões tiveram 35% de inadimplência, que foram vendidos com um deságio de 95% para a Emgea

    Além desse acima tem mais 2 bilhões do Banco Pan, que foi adquirido pela CEF quando ele estava com um rombo de 4.3 bilhões

    http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,minha-casa-melhor-provoca-prejuizo,10000022180

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Leonardo M. 16 de dezembro de 2017 at 16:44

    CVR brick lover

    Ex gerente meu de Floripa teve que engolir seco um rebaixamento de cargo.
    Empresa foi vendida para outra pessoa é teve uma série de mudanças na empresa.

    Um outro Funcionário “ixpertu” fez a cabeça do novo dono + lambeu ele todo. Resultado que rebaixaram esse gerente e colocaram esse funcionário lambe lambe que conseguiu a gerência. Uma verdadeira rasteira de mestre mas é assim que funciona o ser humano, infelizmente.

    Como esse ex gerente tem prestações do AP para pagar pelos próximos 30 anos então aceitou de boa o rebaixamento.

    31+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • indiobolhista 16 de dezembro de 2017 at 17:08

      CVR muito bom, tomará que nao continuem rebaixamdo o ex gerente, caso contrario não vai dar conta das parcelinhas que cabem no bolso. Por otro lado seu mesmo cvr fala que o novo gerente lambeu todo do novo dono ….. uma pena que meritocracia não funcione nessa empresa. Só sendo lambedor eles tem que lutar o pão de cada dia ….. isso é quase prostituição ….literalmente trocar favores físicos “linguísticos” para conseguir melhor salario ou até conservar o trabalho. Muito prosaico esse negocio. (Sei que lambedor é só figurativo)

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Leonardo M. 16 de dezembro de 2017 at 17:43

        Cara o pior é que o ex gerente era bom como profissional e ser humano. Ele é o tipo de cara que subiu na vida mas não deixou a humildade de lado.
        Já o outro veio de cargo mais baixo e quando conseguiu uma promoção já ficou todo metido e nariz empinado.

        Mas estamos no Bananistão né?
        Meritocracia aqui é como o muco leão Dourado, perigo de extinção.

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Alemon Fritz 16 de dezembro de 2017 at 21:38

    Jornal Nacional mostrando que as praias famosas de floripa encolheram e sumiram… duvido que a galera venha pra ficar em praia sem bitch club.. e competindo por espaço com os “locais”.. sem água, sem praia e sem luz, transito parado… vai ser o caos.

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Leonardo M. 16 de dezembro de 2017 at 22:40

      Mas Floripa sempre foi o caos
      Em 2011 quando fui morar lá pegar o ônibus do campeche até o centro demorava no máximo 35min(2 ônibus) e horário de pico
      2016 demorava mais de 1:20h mesmo horário

      Luz, água, preços no mercado, trânsito caóticos etc
      Eu gostava de Floripa, mas ficar sem água por 4 ou 5 dias no verão acabava com qualquer um

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Leonardo M. 16 de dezembro de 2017 at 22:49

      https://www.clarin.com/sociedad/brasil-barato-ano-pasado-argentinos-esperan-verano-record_0_Hy99-GXff.html

      1.5 milhão de argentino esperado para esta temporada.
      Na reportagem os argentinos dizendo que comida está mais barato no Brasil do qe na própria Argentina(lá a inflação é 26% ao ano).
      Então não podemos reclamar da nossa terra, tem luar bem pior kklk

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • CA 16 de dezembro de 2017 at 23:34

    Nefasto,

    Suas conclusões são sempre a melhor parte dos seus devaneios:

    O IVG-R revisto no último mês aponta uma queda de preços MAIOR que nos meses anteriores, ou seja, CAIU MAIS. A conclusão do Nefasto: é uma tendência de estabilidade. Está caindo sem parar HÁ ANOS, se caiu mais no último mês, fique tranquilo, é porque está estabilizando…

    Vejam o primeiro gráfico em que ele compara o IVG-R com o IGM-I e observem que os dois estão em ACENTUADA QUEDA LIVRE. A conclusão do Nefasto: evidência da tendência de estabilidade de preços!

    E as DEMONSTRAÇÕES de elevada variação de mix na pesquisa do CRECI SP, que DEMONSTREI para o Nefasto na última campanha de difamação dele no ano passado e que impedia a análise histórica, acreditem ou não, ele FINGIU que esqueceu de novo e repetiu o mesmo golpe sujo!

    Ele também esqueceu de explicar porque o BC só lembrou de rever o mix quando os preços caíram e não quando subiam anormalmente.

    Quer dizer que se o índice criado pela ABECIP APÓS o BC mudar os critérios e o FINGE Zap batem com o índice do BC esta é a evidência de “qualidade” deste índice?

    INÚMERAS vezes foi explicado para o Nefasto o FINGE ZAP, não só ele FINGIU que não viu como continua usando o FINGE ZAP como prova de qualidade???

    Quer dizer que no FINGE ZAP, toda vez que são postados anúncios de preços, onde um deles é menor e naturalmente é o que acaba sendo vendido, o preço médio aumenta e este é o padrão de qualidade para os outros índices? Repito, já que o Nefasto passa anos fingindo não ver o óbvio: se vende o mais barato e sobe o preço médio, é este o padrão de qualidade?

    Então se você compara um índice como o IVG-R que se utiliza do preço no ato do financiamento, que ocorre mais de 3 anos após a venda na planta com o anunciado que reflete inclusive imóveis na planta, ou seja, com diferença de 3 anos entre um e outro, com um considerando vendas a vista de usados que são quase metade do total e outro só os financiamentos e se os dois milagrosamente batem com estas diferenças metodologicas e de base de dados da amostragem ENORMES e mais a diferença do critério “genial” do FINGE ZAP que consta acima, ao invés de concluir que isto é um absurdo inexplicável, a “lógica” dele diz que isto é que demonstra a “qualidade” do índice??? Caramba, os DEVANEIOS das conclusões do Nefasto são impressionantes, o mais incrível é ele não estar internado ainda…

    Agora quem quiser consulte acima e constate: o Nefasto colocou o setor de credito imobiliário da CEF como a virgem do bordel. Quando demonstrei com mais de uma dezena de exemplos o quanto isto era absurdo, ele simplesmente FUGIU COVARDEMENTE destas questões, assim como fugiu da afirmação que fez sobre a CEF ser relevante só aqui quando apresentei evidências em sentido contrário, assim como desistiu de defender o mau caratismo (sic) explícito porque ele viu que não dava ibope por aqui (hábito da CEF, ele esqueceu onde estava), assim como deixou de responder “N” evidências sobre a falsidade dos dados estatísticos que ele usa, que apresentei desde o tópico passado, assim como ele FUGIU COVARDEMENTE nos anos anteriores também, sem contar as vezes que prometeu não voltar e não cumpriu sua palavra, voltou tentando fazer de conta que era outra pessoa e outras formas de demonstrar o seu “caráter”.

    Usuários mais antigos que presenciaram o que consta acima ALGUMAS VEZES começaram a ficar com nojo crescente do Nefasto, mas como entre outras coisas ele não tem “semancol”, tenta atribuir as reações naturais a tantas baixeza que ele pratica como se fosse um problema das pessoas daqui de forma geral serem puxa-saco e as ALUCINAÇÕES desta mente DOENTIA vão daí para pior. Como sempre digo, ele tem que fugir da realidade de forma desesperada, ele volta de tempos em tempos para tentar provar a si mesmo que não é tão mau caráter, mas só acaba provando cada vez mais o contrário disto…

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 17 de dezembro de 2017 at 09:13

    Postagem no grupo da Associação dos Moradores de Águas Claras

    Olá. Ontem eu estava no máximo conforto no meu apartamento lazer completo, entrada parcelada e financiamento de 800 anos na Caixa, quando caminhões da Coca cola mais barulhentos que as lojas de móveis da comercial de Taguatinga passaram pela minha janela e causaram dano incalculável em minha audição. Entrei em contato com meu corretor e fiquei sabendo que existe um ser chamado Papai Noel que burla nossos sistemas high-tech de segurança invadindo nossos lares pela churrasqueira na varanda gourmet de granito. Temos que nos unir e fazer a agefis fechar a casa dele no Polo Norte. Procuro indicação de instaladores de rede para impedir a entrada desse ser opressor que discrimina as crianças não possuidoras de educação. Abuso! Unidos somos mais fortes. Abraços de luz.

    6+
    • avatar
    • avatar
  • De-boa-na-bolha 17 de dezembro de 2017 at 09:30

    Chama-se a isto de argumento ? Qualquer criança de quatro anos sabe que o crédito é fundamental para o setor imobiliário seja para o “bem” ou para o mal, o fragmento de texto do Nefasto não passa de uma piada mal contada !

    “não apostaria numa aceleração a partir de agora, nem após as medidas da CEF, pois já tivemos outros momentos de restrição de crédito pela Caixa e isso não foi suficiente para modificar muito a tendência geral.”

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 09:57

      O nefasto provavelmente também acha “normal” fato da caixa ter inflacionado o mercado com a série de aumentos de valor máximo dos financiamentos.
      O mesmo casebre insalubre ou apertamento que custava 50K foi para 70, 90 e terminou em 120K fazendo com que quem tinha condições de comprar sem a “caridade” da caixa não mais pudesse e os que realmente precisam agora enterram umas duas vidas para pagar os financiamentos.
      E olha que nem entramos no assunto dos lixos que foram construídos e aceitos pelos engenheiros e avaliadores daquele “banco com função social”, não é só bancários que exercitarm sua calhordiçe, tem engenheiros e muitos outros envolvidos.

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 13:07

        A CEF é um mero agente financeiro. Apesar de ter tido um aumento da retomada de imóveis em virtude da baixa do mercado, durante a alta quem puxou os preços para cima foi o mercado, entendido aqui pela dinâmica entre oferta e procura por imóveis naquele período. O aumento do teto máximo de financiamento foi só uma adaptação a esta demanda, viabilizada sobretudo pela queda significativa das taxas médias de juros dos financiamentos e aumento do prazo dos empréstimos, algo que me parece consolidado. ´

        Além disso quando se analisa a perspectiva de longo prazo, nota-se que o aumento do teto não se desgarra tanto assim da inflação, conforme pode ser notado no slide de uma apresentação da CEF junto ao Secovi/SP no ano passado. Desta forma o aumento do teto se justifica tanto pelo lado da demanda, quanto pelas condições macroeconômicas, que permitiram que as condições de aquisição melhorassem e assim viabilizassem a tomada de valores maiores de financiamento:

        Nesse contexto O CA jura que a demanda foi estruturalmente falsa, o que sustentaria a tese de bolha de preços, mas é justamente o crescimento exponencial da tomada de financiamentos, principalmente na CEF, seguida pela estabilidade da inadimplência, que demonstram que ele está enganado. Por que vocês acham que ele concentra agora sua munição contra a CEF, supondo rombos e maquiagens da inadimplência? Porque só assim ele poderia justificar que quem comprou não tinha capacidade de pagamento, o que configuraria um hipotético “subprime” ou demanda artificial.

        A renda cresceu acima da inflação (principalmente quando tomada pela massa de rendimentos) mas inegavelmente não alcançou a subida vertiginosa dos preços dos imóveis. Então como seria possível que os preços não se alinhem a renda das famílias, por tal defasagem?

        O que me faz supor que tais preços, apesar do recente ajuste, terão mudado de patamar no final desse ciclo, é justamente o entendimento de que o poder de compra foi amplificado pela melhora das condições de aquisição a longo prazo via crédito imobiliário,o qual convenhamos era extremamente incipiente até 2005. Quer indicativos disso?

        Mesmo com a queda significativa dos empréstimos via SBPE, como você me explicaria o fato de uma quantidade maior de pessoas hoje – que na prática representa uma parcela da demanda real – conseguir tomar em valor médio de financiamento para aquisição de imóveis cerca de quatro vezes o valor de 12 anos atrás, sem nenhuma perspectiva de queda, conforme aponta o gráfico abaixo? Seria coincidência que os preços tenham subido mais ou menos a mesma proporção nesse período segundo o famigerado IVG-R?

        Você pode até se revoltar com o fato de as pessoas terem aparentemente ficado “mais ricas” por causa da parcela que coube no bolso e indiretamente por causa da atuação da CEF nesse processo, mas se, de maneira imparcial, partirmos das seguintes premissas…

        – que o proprietário sempre recebe à vista (ainda que por meio de financiamento);
        – que as pessoas com maior ou menor dificuldade estão conseguindo pagar seus empréstimos em sua imensa maioria,
        – que depois da correção, o nível de concessões deve terminar relativamente estável em 2017 (tema pra depois);
        – que o nível de crédito habitacional ou dívida imobiliária no Brasil se estabilizou e ainda pode ser considerado baixo em relação a países de mesmo porte;

        …poderíamos sem problemas chegar a conclusão de que boa parte da alta recente dos preços sugere sustentabilidade. Isso quer dizer que os preços atuais estão justos? Não, necessariamente, mas como sabemos, preço de mercado é dado pelo preço que a demanda está disposta e tem condições de pagar, e sob esse aspecto, acredito perfeitamente que as famílias brasileiras estão dispostas a pagar mais alto pelos imóveis, desde que exista crédito para auxiliar nesse aspecto.

        Sorte de quem entrou no início e azar de quem não se tocou antes, o que inclui a minha pessoa. Chorar agora é inútil.

        4+
        • avatar
        • CA 17 de dezembro de 2017 at 13:46

          Segue uma pequena amostra de quanto o Nefasto mente descaradamente. Questões que constam acima, para as quais ele FINGIU que não viu e FUGIU COVARDEMENTE:

          Quer dizer então que apesar de todas as diversas demonstrações de desvios e GOLPES aplicados pela CEF nas mais variadas áreas e com o mais variado conjunto de fontes de recursos, a tal ponto do MP solicitar o afastamento de TODOS os vice-presidentes da CEF, inclusive aquele que cuida do crédito imobiliário, você insiste em dizer que a CEF nunca concedeu títulos podres para o crédito imobiliário, que este segmento seria como a virgem do bordel dentro da CEF???

          Quer dizer que o FATO de algumas operações da Polícia Federal terem revelado corrupção relacionada ao crédito imobiliário e funcionários da CEF, do seu ponto de vista, não desabona em nada a sua teoria de que este segmento é a virgem do bordel dentro da CEF?

          Quer dizer que os BILHÕES jogados fora do FI FGTS no esquema do projeto “Alice no País do Porto Maravilha” não desabona em nada o fato deste setor ser a virgem do bordel dentro da CEF?

          Quer dizer que o fato de todos saberem e ter sido publicado algumas vezes na mídia sobre as centenas de processos de corrupção dentro do MCMV em todo o país, envolvendo PT, PMDB e outros partidos, além de funcionários da CEF, membros do MST e outros órgãos pseudo-sociais, também não desabona sua tese de que este segmento é a virgem do bordel dentro da CEF?

          Quer dizer que você acha que a prática que é adotada pela CEF de conceder empréstimos imobiliários somente mediante transferências entre contas, aceitar mais pessoas para comprovação de renda do que aquelas que efetivamente vão pagar pelo empréstimo, dentre outras também coibidas pelos outros bancos, não é um sinal de que concedem crédito PODRE também para o segmento imobiliário, e mesmo assim, este segmento continua sendo a virgem do bordel dentro da CEF?

          Quer dizer que se a CEF é o ÚNICO banco a precisar de BILHÕES para cobrir seus ROMBOS, isto não tem nada a ver com o crédito imobiliário, apesar da CEF deter 70% desta carteira no Brasil e dela ser altamente relevante para a CEF? Porque a “qualidade” do credito imobiliario da CEF nao ajuda a cobrir os outros rombos e ao contrario, a CEF restringe este crédito que poderia ser uma salvadora fonte de recursos para ela?

          Quer dizer que a PDG, Rossi e diversas outras deste segmento terem obtido empréstimos em condições de pai para filho, com juros menores, dois anos para começar a pagar o principal, sem garantias reais, etc, nada disto indica que há algo muito errado no relacionamento da CEF com este segmento e ele continua sendo a virgem do bordel dentro da CEF?

          Quer dizer que o fato da CEF administrar para o governo o MCMV faixa 1 e este ter uma inadimplência de 35% não é um indicador de problema da CEF VER com o crédito imobiliário? Ah, mas é o governo, dono da CEF, como voce sempre diz, que manda ela fazer isto, então se ela não denuncia esta prática criminosa de FINGIR que é empréstimo e fazer doação para ganhar votos sem que tenha dinheiro provisionada para isto, sendo a CEF uma cúmplices ativa do golpe, mesmo assim podemos dizer que o setor de crédito imobiliário continua sendo a virgem do bordel dentro da CEF?

          Quer dizer que empurrar o pagamento para o final do contrato, deixar de leiloar boa parte do que foi retomado por longo período, não retomar nem 10% dos imóveis inadimplentes alegando uma taxa de recuperação por “renegociação” que nem no Brasil, nem em nenhum país do Mundo se alcança, nada disto e uma infinidade de outras estratégias “heterodoxas” são um sinal de que “talvez” o crédito imobiliário não seja a virgem do bordel na CEF?

          Tem uma infinidade de outras evidências de que a CEF concedeu e concede crédito PODRE para o segmento imobiliário, inclusive o fato da dependência umbilical do segmento imobiliário com a CEF, quando existem dezenas ou centenas de outros bancos que poderiam cobrir a falta de uma CEF, mas acho que os exemplos aqui já são o suficiente…

          8+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 13:55

            Campanha
            # CA Troque o disco, pelo amor de Deus!

            4+
            • avatar
            • CA 17 de dezembro de 2017 at 14:23

              CA,

              Você repete os argumentos FALSOS, as mentiras e ENGANAÇÕES, coloco amostras, sempre CRESCENTES de que você está MENTINDO e o que você faz?

              Ao invés de provar que não é mentira como você diz, ou assumir que é mentira, continua mentindo usando exatamente os mesmos gráficos e discursos REPETINDO TUDO a cada ano que passa e não aceita as mesmas respostas com complementos, é isto mesmo, a sua cara-de-pau não tem limites?

              6+
              • avatar
              • avatar
          • CA 17 de dezembro de 2017 at 13:56

            “Detalhe”:

            O prazo de mais de 3 décadas para pagar o financiamento imobiliário que o Nefasto considera viável e sustentável, os EUA não conseguiram manter, a Espanha não conseguiu manter, mas os super-poderosos governo brasileiro e CEF, ambos QUEBRADOS, conseguirão manter graças a alguns TRILHÕES de Reais que vão continuar extorquindo do FGTS, ao longo das décadas (SQN).

            A “lógica”, mais uma vez “brilhante” do Nefasto e diga-se de passagem, de todos os golpistas que atuam em pirâmides: “não se preocupe se durou até agora, vai durar para SEMPRE…”

            😂😂😂

            7+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 14:30

              Será que não??

              O prazo médio de concessão é de quase trinta anos realmente…
              ….no entanto o prazo médio efetivo de liquidação da carteira não chega a 11 anos, tendo parado de subir já há algum tempo.

              Essa estória de que brasileiro leva 35 anos para pagar a casa é só mais uma lenda do BIB. Não se esqueçam que eu trabalho em banco e posso assegurar isso. Pessoas vêm liquidar seus imóveis antecipadamente todos os dias, numa medida hoje muito próxima daqueles que vêm assinar novos financiamentos.

              O cara mesmo sem precisar vai contratar no prazo máximo para ter uma folga no orçamento com uma parcela inicial menor. Além disso, mesmo com as oscilações cíclicas da TR, aos poucos a tendência geral decrescente das parcelas do SAC em conjunto com a tendência ascendente dos salários, se sobrepõem, e a pessoa começa a ter espaço para amortizar o saldo devedor. Se optar pela diminuição da prestação, o ciclo se reinicia.

              Pra quem não tem folga no orçamento mas tem renda formal, invariavelmente usa o FGTS a cada dois anos ou opta por utilizar mensalmente os 8% do fundo para amenizar o peso das parcelas. Tem gente como renda tão alta que paga o financiamento só com o uso mensal do Fundo de Garantia.

              Num país que as pessoas conseguem sobreviver penduradas em taxas de até 500% ano ano, você acha mesmo que o financiamento não é adminstrável para a grande maioria das pessoas? Não se esqueçam que de um jeito ou outro a moradia é uma necessidade, seja por meio da parcela de um financiamento, seja pelo parcela do aluguel.

              Entenda de uma vez CA A minha diferença em relação a você é que tenho um pau guardada pra cada cobra que você tenta tirar do cesto.

              2+
              • CA 17 de dezembro de 2017 at 14:49

                Kkk

                Centenas de questões SEM RESPOSTA, mais de uma DEZENA só no comentário anterior a este, que você reclamou por que eu repeti aquilo que você NUNCA respondeu e agora bate todos os recordes de cara-de-pau de novo??? Responde tudo??? Kkk

                Pior: não respondeu sequer o que foi colocado!!!

                O prazo médio das novas contratações de financiamentos imobilários é de 27 anos, nenhum país conseguiu triplicar o prazo médio em poucos anos e manter ao longo de décadas, NAO FALEI EM NEMHUM MOMENTO SOBRE PRAZO MEDIO DA CARTEIRA, a CEF está quebrada, assim como o governo, todos sabem, não estão conseguindo financiar nem os imóveis usados nos mesmos percentuais de antes, não conseguiram reduzir os juros, todo o segmento imobiliário reclamando da CEF, não conseguiram sequer manter o que prometeram sobre conceder mais do que 50% do usado até set/17, tiveram que prorrogar para dezembro, estão extorquindo R$ 15 bilhões do FGTS para SOBREVIVER, o governo cada vez mais quebrado, também aparecendo novos ROMBOS bilionários a todo momento (coloquei MAIS UM exemplo mais abaixo) e a pergunta continua SEM RESPOSTA, como sempre: de onde vai sair a LIQUIDEZ para manter isto, se este é o cenário REAL para a CEF e o Governo Federal?

                Para que os NOVOS FINANCIAMENTOS de mais de 30 anos possam durar e serem representativos tem que ter LIQUIDEZ, SOLIDEZ exatamente o contrário da situação da VER e do Governo.

                Vai FINGIR que não entendeu DE NOVO???

                6+
                • avatar
                • thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 15:23

                  Relaxa CA!

                  Sou macaco tão velho nesse blog que sei que do outro lado tejm um sujeito ficando nervoso…

                  Entenda o prazo médio da carteira mais ou menos como o prazo médio em que as pessoas devem liquidar os financiamentos, pelo ritomo atual. Em outras palavaras esqueça os 27 anos que são apenas pró-forma nos contratos.

                  Sei que em algum momento o ritmo acelerado de consumo do FGTS terá que ser corrigido, mas já sabemos que não será no curto prazo, tendo em vista o orçamento quase igual ao de 2017 já aprovado para o próximo ano.

                  Em relação ao funding SBPE, é fato de que ele se expandiu quase até o gargalo nos últimos anos, tendo a situação agravada pela sangria da poupança devido a crise. Ainda assim, nem foi preciso captação positiva nesse ano para garantir um patamar praticamente estável em relação a 2016. Isso quer dizer que os rendimentos da poupança e amortizações do sistema já podem garantir uma patamar muito maior de concessões do que se tinha em 2004-2005.

                  Além disso é preciso considerar que os fundings destinados ao crédito imobiliário, mesmo “controlados” de certa forma pelo governo, continuam sendo privados, o que dá, ao menos em tese, uma garantia maior de sustentabilidade.

                  Eu sei que você vai dizer que o FGTS está sendo “dilapidado” rapidamente por causa da falta de dinheiro do governo federal e admito que você tem certa razão nesta questão. Por outro lado é preciso ter em mente que a Poupança e o FGTS tem característica pró-cíclica, ou seja, tendem a aumentar a arrecadação com a tendência de melhora dos fundamentos macroeconômicos, sobretudo em função dos juros mais baixos e da tendência gradual de melhora do mercado de trabalho que já dá sinais de reversão. Além disso, o governo já ensaia regulamentar outros fundings como a LIG, por exemplo, que podem ou não vingar. Nao se sabe ainda.

                  Eu ainda vou abordar a questão da sustentabilidade da “retomada” da atividade e dos riscos reais e graves de o país ainda não ter realizado o ajuste fiscal para dar suporte a virada do ciclo econômico, mas do meu ponto de vista, ainda que se desça alguns degrais em relação ao nível atual do crédito imobiliário, com redução dos subsídios por exemplo ou do MCMV, ainda assim enxergo que restará consolidado um novo patamar em relação ao cenário de escassez que se tinha há 10-15 anos atrás.

                  3+
                  • CA 17 de dezembro de 2017 at 16:48

                    Impressionante, o Nefasto conseguiu se fazer de desentido DE NOVO!

                    NÃO Nefasto, em nenhum momento falei sobre funding, onde você viu eu falar sobre funding???

                    Você faz alguma ideia do que significa LIQUIDEZ para um banco???

                    Você não entendeu que a CEF precisava de uma capitalização para 2018, INDEPENDENTE de funding de SBPE ou FGTS?

                    Por acaso você viu alguém falando que a falta de capital da CEF e a necessidade dos R$ 15 BILHÕES EXTORQUIDOS do FGTS, eram para cobrir falta de funding seja de SBPE ou de FGTS???

                    De novo você está respondendo algo que não tem nada a ver com o que eu disse e com o que TODO MUNDO diz com relação a falta de capital da CEF e do governo e depois você reclama que explico VÁRIAS VEZES a mesma coisa para você… Você nunca entende, ou FINGE que não entende , ou não tem mesmo a menor ideia do que está sendo discutido???

                    Estude sobre o quanto a CEF precisa ter de capital e de LIQUIDEZ para continuar fazendo empréstimos em prazos de 3 décadas. Estude sobre Basiléia 3, seus requisitos e os motivos para a CEF EXTORQUIR BILHÕES do FGTS no DESESPERO e com um golpe em conjunto com o congresso exatamente para não interromper os empréstimos, INDEPENDENTE de qualquer funding de SBPE, FGTS, ou qualquer outro. Estude sobre os ROMBOS de dezenas de BILHÕES do governo que só aumentam, conforme DEMONSTREI mais abaixo e que mesmo que tivessem feito a reforma da previdência agora no final de 2017, não resolveria NADA para 2018 e 2019.

                    Estude ainda sobre as provisões a menor em BILHÕES de Reais, que são fundamentais para a CEF não apenas SIMULAR resultados recorde e impressionantes, como também para a CEF alegar, de forma FALSA, que tem condições de fornecer empréstimos nos volumes necessários para sustentar a explosão da bolha menos visível. Em outras palavras, quando a CEF “se engana” com o cálculo do processo da poupança, subestimado em BILHÕES o quanto ela terá que desembolsar, ou quando ela “esquece” de provisionada as perdas de PDG e de VÁRIAS outras empresas, ou quando ela SIMULA renegociações MIRABOLANTES do crédito imobiliário e de consumo, que nunca existiram com estes “fantásticos resultados” nem no Brasil, nem em qualquer lugar do Mundo, todos estes TRUQUES SUJOS e mais os recentes, servem para ela ganhar fôlego para SIMULAR capital disponível e LIQUIDEZ que sejam o suficiente para PEDALAR a bicicleta.

                    Você viu alguma referência acima quanto a funding ou quanto a prazo médio de carteira? Não? Mesmo assim vai continuar fingindo que toda esta ENORME MAQUIAGEM contábil que aparece diariamente nos meios de comunicação, como quando a CEF foi a ÚNICA que “errou” a provisão para processo da poupança ou a ÚNICA que não aprovou o plano de “recuperacao” da PDG, ou em vários e vários outros casos é algo sustentável e que a CEF vai conseguir continuar maquiando os resultados para o resto da vida só porque o governo, políticos e o “povo” querem? As investigações policiais provam exatamente o contrário, inclusive o pedido de afastamento de TODOS os VPs da CEF…

                    Em resumo, tente entender minimamente do que diz. Antes você dizia que teria crise na economia porque era só o governo imprimir dinheiro que resolvia tudo, que era só o governo querer que ele “dava um jeito”, frente a uma infinidade de evidências que estas lógicas simplistas e idiotas não serviriam para nada, a não ser para você passar vergonha, o que você faz? Continua com respostas e teorias que não tem NADA a ver com as questões colocadas, muda de assunto de forma histérica puxando temas sem relação com o que está sendo discutido e passa vergonha de novo…

                    REPITO, já que você FINGE não entender REPETIDAS VEZES: NÃO FALEI sobre funding, não falei antes disto sobre prazo médio de carteira, falei sobre LIQUIDEZ que é necessária para poder conceder empréstimos por DÉCADAS, versus uma empresa que não tem liquidez mínima para garantir sequer os seus compromissos de curto prazo, que MAQUIA os resultados para SIMULAR liquidez e que precisa de socorros bilionários, mais um governo quebrado em que qualquer solução para previdência não resolve nada quanto a 2018 e 2019, não adianta continuar FINGINDO que não entendeu ou reclamando porque repito as explicações quando você FINGE não entender…

                    5+
        • Cesar_DF 18 de dezembro de 2017 at 14:15

          thiago fm

          Se está tudo tão bem assim para a CEF, então por que:

          – Vender carteira de créditos podres com 95% de deságio?
          – Esquecer de devolver mais de 5 bilhões não utilizados referente o programa Minha Casa Melhor?
          – Começar a fazer leilões sem valor mínimo de lance?
          – Solicitar emergencialmente um “empréstimo de 10 bilhões com prazo infinito de devolução”?
          – Ter que demitir todos os vice-presidentes?
          – Ser a única que não aceitou a proposta de recuperação da PDG?
          – Solicitar a mudança nas regras de execução, permitindo que um imóvel tomado permaneça por mais de 1 ano em carteira ?
          – Por que privatizar algo que estaria indo tão bem?

          5+
          • avatar
          • avatar
  • Flyn 17 de dezembro de 2017 at 09:59

    thiago fm. se você acredita realmente nos seus argumentos e gráficos, demonstrando que não haverá queda significativa de preços, por que não comprou seu móvel ainda?

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 11:35

      Por causa de alguns motivos:

      1- Nunca tive necessidade de possuir um imóvel. Pra mim a casa só tem valor de uso;

      2- Apesar do custo de oportunidade dos investimentos em renda fixa ter caído bastante em relação ao aluguel no último ano, ele ainda existe;

      3 – Os preços caíram em termos reais, mas de fato não devem cair muito mais a partir de agora. Por outro lado também acredito que não há espaço na atual conjuntura, para um novo ciclo forte de valorização dos imóveis. No meu caso, portanto só valeria apena se a tendência fosse de alta consistente, o que compensaria em termos financeiros a defasagem que ainda existe em relação ao custo do aluguel.

      De qualquer forma, quem não tem disciplina financeira como eu e a maioria das pessoas daqui, já começa a se coçar nos períodos de juros em baixa como o atual, seja para tirar o dinheiro do banco, ou mesmo para emprestar dinheiro do banco para imóveis.

      4+
  • Alemon Fritz 17 de dezembro de 2017 at 10:04

    “A Caixa não precisa do dinheiro do FGTS”
    O Antagonista (Blogue)-14/12/2017

    A Caixa vai virar o BNDES do PP
    A Câmara permitiu que o conselho curador do FGTS comprasse por resolução bônus perpétuos da Caixa, a fim de “socorrer” o banco, como noticiamos ontem. “Socorrer” porcaria nenhuma. O que eles fizeram foi permitir a transferência de dinheiro dos trabalhadores para uma máquina de empréstimos
    O Antagonista (Blogue)-07/12/2017

    8+
    • avatar
    • avatar
  • CA 17 de dezembro de 2017 at 10:31

    MAIS UMA amostra de como tentam viver no mundo de Alice no País das Maravilhas…

    http://opiniao.estadao.com.br/noticias/geral,irrealismo-orcamentario,70002122683

    O que aconteceu?

    “Previram” no orçamento aprovado de 2018 algumas receitas que eles sabem que não existirão, porque as mudanças correspondentes que permitiriam o SUPOSTO aumento de arrecadação não serão aprovadas antes do final de 2017 e sem sua aprovação, a lei não permite que entrem em vigor no ano de 2018.

    Quem “previu” isto foram os mesmos que deram a redação final ao orçamento, os mesmos que aprovaram o orçamento e os mesmos que não executaram a tempo as alterações necessárias para que este orçamento fosse factível. Quem foram? Os deputados e senadores, os mesmos de quem dependemos para a reforma da previdência, os mesmos que acabaram de, em conjunto com a CEF, aplicarem um golpe no TCU colocando em regime de urgência a aprovação da extorsão de R$ 15 BILHÕES no mesmo dia que o TCU falou que não se pronunciará mais sobre o caso em 2017, em virtude do recesso, fizeram isto na calada da noite, APÓS a declaração acima do TCU. O mesmo congresso que tem recorde de processos na justiça contra ele, dentre todos os países do mundo.

    Outro ponto sobre este orçamento, é que ele prevê algumas despesas extras do governo para “agrados” aos parlamentares em ano eleitoral propiciando mais votos para os mesmos, mediante medidas “populescas” (sic).

    O novo ROMBO acima, no total, é da ordem de R$ 25 BILHÕES.

    Lembrando:

    1) Mesmo sem considerar o novo ROMBO acima, a previsão é que em 2018 tenhamos um déficit da ordem de R$ 157 BILHÕES. Com isto, de 2016 a 2018 teremos déficits fiscais que serão os 3 maiores de nossa história, portanto, todos maiores do que dos governos anteriores, inclusive maiores que os recordes de Dilma. Claro que grande parte deles é herança maldita da Dilma, mas é FATO que este governo não fez nada de concreto até aqui pelo ajuste fiscal, ao contrário do que divulga a mídia em sua estratégia otimista UFANISTA;

    2) Estes R$ 25 BILHÕES a menos do governo, irão se traduzir em redução equivalente, muito provavelmente, na conta de investimentos, que já está anêmica, o que além de tudo, garante novas reduções no PIB de 2018 e dos próximos anos. Lembre-se do círculo vicioso de reduzir gastos para cumprir a meta fiscal, com isto reduz arrecadação/ PIB e tem que reduzir gastos de novo? Quando é redução de investimentos, os prejuízos acima se multiplicam ;

    3) Lembrando que o orçamento já prevê aumento de 2,5% do PIB, mesmo sabendo-se que não teremos a repetição da super-safra agrícola, mesmo sabendo-se que não teremos o saque de mais de R$ 43 BILHÕES do FGTS dos inativos, mesmo sabendo-se que até para manter o otimismo UFANISTA que no curtíssimo prazo poderia incentivar consumo e investimentos, que é baseado na reforma da previdência, está difícil, porque hoje mesmo estão falando em concessões que vão transformar esta reforma em 1/8 da boca, isto se aprovarem.

    4) Como sempre um grande número de ameaças para 2018, que sequer estão nas contas acima desde o risco de Lula se manter elegível, passando pela bolha das bolhas das bolhas americana ou chinesa explodirem mais visivelmente, a CEF e seus truques sujos verem a REALIDADE aparecer levando a rodo o já combalido setor imobiliário e a absurda bolha que criaram, dentre diversas outras ameaças concretas.

    5) No contexto acima Meirelles continua falando em crescimento acima de 3% para 2018…

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Money_Addicted 17 de dezembro de 2017 at 12:46

    thiago fm

    De qualquer forma, quem não tem disciplina financeira como eu e a maioria das pessoas daqui, já começa a se coçar nos períodos de juros em baixa como o atual, seja para tirar o dinheiro do banco, ou mesmo para emprestar dinheiro do banco para imóveis.

    esse “aqui” vc se refere a banania, certo? pq o pessoal do blog eh disciplinado

    [ ]s

    6+
    • avatar
    • thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 13:49

      Falha minha…desculpe

      O correto é:

      “quem tem disciplina financeira como eu a maioria das pessoas daqui..”

      Por isso aliás que não consigo me desgarrar deste blog. Mesmo não escrevendo exatamente o que vocês gostariam de ouvir, sei que estou falando com pessoas esclarecidas e que dão valor ao dinheiro.

      9+
  • Tiradentes 17 de dezembro de 2017 at 13:30

    CVR
    Fui esse fim de semana visitar um amigos no Vale do Paraíba, Sp. Eles possuíam um “grupo de investimentos” que compravam imóveis na planta nessa região. Em 2015 em conversa com eles tentei alertar sobre os perigos que estavam por vir mas não fui ouvido.

    Perguntei agora como estavam andando os “investimentos”.
    Eles estavam comprando 4 imóveis. 2 flats e 2 imóveis comerciais de duas construtoras diferentes. Pagavam cada um 7 mil reais por mês na soma das parcelas dos 4 imóveis.
    Resultados:
    Os 2 flats: a obra ficou no esqueleto. A construtora abriu falência.
    Os 2 imóveis comerciais: a obra está parada. A construtora mandou agora uma carta dizendo que está em busca de novo financiamento para continuar a obra.
    Vai????
    Não, não vai.

    38+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 17 de dezembro de 2017 at 13:33

      Índice de sucesso = ZERO
      Taxa de retorno = MUITO NEGATIVA

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Manco_SP 17 de dezembro de 2017 at 14:58

      PQP, só escolheram o que há de pior em opções de investimentos em tijolos hoje.

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Cesar_DF 17 de dezembro de 2017 at 13:34

    Com a crise, dispara a quantidade de brasileiros que desistem de viver no Brasil

    https://g1.globo.com/economia/noticia/com-a-crise-dispara-a-quantidade-de-brasileiros-que-desistem-de-viver-no-brasil.ghtm

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Rico 17 de dezembro de 2017 at 13:52

      Vim para colocar exatamente essa notícia mas você se adiantou…
      Uma coisa que me impressionou foi a portuga ter gasto R$ 8 mil para tirar a cidadania… Com meia dúzia de cliques e uma procura no google achei todo o processo para fazer diretamente em portugal meu processo. Gastei 175 euros de taxas, mais 2 apostilhagens de certidões (apostila de haia) e o envio do documento via EMS. Meu processo ficou pronto em um mês gastei menos de 1.000 reais em tudo.
      Ô povinho acomodado que adora torrar dinheiro.

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 13:51

    ————————————————————————————
    De-boa-na-bolha 17 de dezembro de 2017 at 09:30

    Chama-se a isto de argumento ? Qualquer criança de quatro anos sabe que o crédito é fundamental para o setor imobiliário seja para o “bem” ou para o mal, o fragmento de texto do Nefasto não passa de uma piada mal contada !

    “não apostaria numa aceleração a partir de agora, nem após as medidas da CEF, pois já tivemos outros momentos de restrição de crédito pela Caixa e isso não foi suficiente para modificar muito a tendência geral.”

    —————————————————————————————-

    Não baseio meus apontamentos somente em argumentos, colega.
    Em maio de 2015 a CEF restringiu o crédito para usados em condições muito semelhantes à atual. Bastou a CEF tomar um fôlego e as medidas foram revertidas sem grande impacto nos preços, como denotam os gráficos que postei. Vale lembrar que o caro Lucas – sempre muito assertivo – disse na época que tal medida faria os preço despencarem em até 80%, ou só eu quem lembra disso?

    Reconheço que não se deve mais esperar LTV de concessão máximo de 90% como era em 2013-2014, mas acho pouco provável que o percentual permaneça em 50% para usados, como está agora. Assim que o SBPE da CEF ganhar fôlego com a tendência de captação positiva da poupança em 2018, e provavelmente veremos novas alterações.

    Dado o andar da carruagem, tudo indica que os políticos e a própria população não querem que a bicicletinha da CEF tenha descanso. Até onde sei, se não tivermos novidades, estão mantidas as previsões de concessão de crédito imobiliário no mínimo no mesmo patamar para o próximo ano.

    1+
    • CA 17 de dezembro de 2017 at 14:17

      Observamos novamente outra estratégia típica dos golpistas: “não se preocupe, o governo e a população são super- poderosos, por isto que a podridão irá durar para SEMPRE…”

      Isto porque o MP já recomendou a saída de TODOS os vice-presidentes da CEF de uma vez só, no prazo de 45 dias e substituição ppr profissionais de mercado.

      Daí como já questionei acima e o Nefasto FINGIU que não viu e FUGIU de responder, quem vai aprovar provisões a menor em BILHÕES de Reais na CEF para SIMULAR livros fantásticos e assim PEDALAR com o crédito PODRE em larga escala? Enquanto são os políticos e outros Nefastos SUJOS que ganham milhões de Reais com corrupção, eles podem fazer a maquiagem contábil acima e quando forem profissionais de mercado, eles vão se arriscar a ir para a cadeia, como dois vice-presidentes da CEF que já estão presos?

      Isto sem contar que é o MP, TCU, PF e outros relacionados que já estão dando fim a estas práticas nefastas, levando várias empresas corruptas para o buraco, junto com seus Nefastos de estimação.

      Lógico que aqui o Nefasto, mais do que nunca, prefere não ver o que está acontecendo, ja pensou se começam a pescar cada vez mais criminosos que estão envolvidos nestes golpes?

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • De-boa-na-bolha 17 de dezembro de 2017 at 14:54

      Thiago, o seu comparativo se refere ao ano de 2015, então podemos trazer alguns dados para os dias de hoje.Qual era o nível de estoques dos imóveis em 2015 ? Qual o nível de endividamento, desemprego e descapitalização das famílias ? Qual o nível de investimento e déficit do governo federal ? Qual o nível de endividamento da CEF ? Quantos imóveis migraram para o aluguel ? Qual era o percentual de inadimplência dos financiamentos imobiliários da CEF ? Qual era a quantidade de distratos ? Qual era a quantidade de leilões e o percentual de desconto aplicado ? Nem sempre a história de repete !

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 15:45

        De-boa-na-bolha

        São muitas perguntas colega…mas acredite quando digo que ainda virá uma série de gráficos para responder a maior parte das suas questões..Pra não dizer que te deixei no vácuo posso te adiantar que, com exceção da indefinição fiscal do governo, a situação atual ou perspectiva são melhores ou menos piores do que já foram, tanto para famílias, quanto para as empresas.

        No entanto já deu por hoje de brincar de “todos contra o Nefasto”. Já deixei um bom material para absorverem por hoje e preciso descansar, pois amanhã é dia útil pra banco.

        Até breve!

        4+
    • Zé Carioca 18 de dezembro de 2017 at 11:05

      Eu lembro disso. Sempre falei que acreditava que os preços só seriam atrativos lá pra 2020-2022 e por isso era taxado de louco sofista. A galera sempre falou que a crise viria e teríamos 80% de desconto e que seria o maior ploc da história. Eu sinceramente não vejo nada disso, até outro dia vi o Lulu falando que os preços só ficariam razoáveis em 2020 (achei engraçado depois de tanto tempo ele concordar comigo).

      Thiago FM, honestamente não tive tempo de ler tudo o que você postou, mas pelo que li discordo de você, mas acho que seus posts foram de alta qualidade e bastante elucidativos. Ainda continuo achando que o mercado vai cair por longos anos, caindo aos poucos como vem acontecendo, e no final os preços vão desabar, porém a percepção geral é de que não vivemos uma bolha e sim tivemos uma leve acomodação nos preços. Acho que todos nós sofistas ou hardistas concordamos que de uma maneira geral os valores nominais diminuíram em relação a 2015 (ou no máximo permaneceram iguais), o que já representa uma forte queda em relação ao CDI. O investidor de imóveis na minha percepção perdeu uns 30% em relação a quem investiu em tíitulos públicos.

      Apesar de não concordar com sua conclusão continuo achando o seu ponto de vista relevante e mais consciente do que os malucos que falam que temos hoje 80% off ou 90% off. Esses para mim são os verdadeiros caras de pau.

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • to bolhado 18 de dezembro de 2017 at 11:37

        Eu vejo que as dificuldades de apurar o quanto já caiu ou quanto mais vai cair são inúmeras. Entre elas, tem a questão que a metodologia que o brasileiro usa para valorizar (estabelecer o valor do imóvel) é muito limitada. No geral é apenas m2 pelo bairro, o que é absolutamente generalista (nos EUA por ex a heurística é muito mais complexa). No mesmo bairro você pode ter uma variedade de situações e preços que deveriam ser amplamente diferentes. Então você está lá consultando aptos para comprar no seu bairro, e vamos supor que o fipezap fale em 6 mil o metro. Aí você acha (é minoria) um apto bem cuidado, num prédio razoavelmente novo, numa das melhores ruas do bairro; se você comprar vai precisar fazer pouca coisa para mudar etc. O cara tá pedindo os 6 que o fipe fala mas no mercado atual pelo menos 15% de desconto vai ter que dar se quiser vender. Beleza. Aí você tem (eu diria a maioria) um monte de imóvel ferrado, velho, caindo aos pedaços, em ruas não tão boas, mas como o fipe fala em 6k o metro, o espertão calcula 6k X a metragem e anuncia. Esse cara não vende nem baixando 40%, não tem jeito, se o mercado eventualmente se recuperar retornaremos a uma normalidade de seleção. Imóvel bom vale muito mais do que imóvel ruim, ainda que no mesmo bairro.
        Agora, por isso que acho que cada um tem que avaliar a sua situação. Quando você (se você) quiser comprar um dia, provavelmente vai ser um imóvel do primeiro tipo, não do segundo. Aí para a maioria dos casos achar que esse primeiro ainda vai cair 40% é só otimismo exagerado.

        3+
        • avatar
  • DouglasteR 17 de dezembro de 2017 at 14:17

    Enquanto tem gente usando dinheiro do tipo A pra soprar a bolha, Bitcoin bate novo recorde e vai fechar o ano além de qualquer otimista.

    Rumo aos 25k até o final do ano.

    2+
  • Alemon Fritz 17 de dezembro de 2017 at 14:57

    encalhados…kkk

    -Troca de casas é opção para imóveis encalhados

    Leia mais: https://oglobo.globo.com/economia/imoveis/troca-de-casas-opcao-para-imoveis-encalhados-22197850

    2+
    • avatar
  • Leonardo M. 17 de dezembro de 2017 at 16:33

    Troca de casas é opção para imóveis encalhados
    A prática ainda não é muito comum e requer cuidados para que seja favorável aos dois lados

    RIO — Em um mercado imobiliário morno, alguns moradores estão recorrendo a uma terceira alternativa além da venda e do aluguel de um imóvel: a troca. Temporárias para locação ou, geralmente, definitivas, é um processo ainda pouco comum, mas em franco crescimento.

    A arquiteta Luciana Machado, que hoje reside no Rio, tentou vender uma casa em Brasília, mas não conseguia. Até que soube de um site de trocas e descobriu que havia uma moradora da Tijuca que queria uma imóvel justamente onde ela estava anunciando.

    — A filha dela estava morando com o genro e o neto no imóvel, e queria levar a mãe para ficar com eles. Eu visitei a casa na Tijuca e eles, a minha em Brasília. Foram quatro a cinco meses de negociação até fechar. A minha casa era mais cara que a dela, mas como eu queria vender logo porque tinha um custo alto de manutenção e estava muito tempo sem conseguir vender, troquei.

    A empresária Camila Corrêa está passando por uma situação parecida. Natural de Niterói, ela se mudou para São Caetano do Sul, em São Paulo, onde comprou um apê de dois quartos. Porém, há um ano retornou e, desde então, tem tentando, sem sucesso, vender o imóvel na cidade paulista. Há um mês, ela entrou em um site criado exclusivamente para trocas.

    — Fiquei tentando vender, pagando condomínio e nada. Aí, um amigo me falou da possibilidade de troca e cadastrei o meu imóvel. Já tive seis ofertas, sendo que com uma delas estou prestes a fechar negócio — diz Camila, que gostaria de um apartamento de dois a três quartos, preferencialmente em Icaraí. — Pode ser em outro lugar de Niterói, vale ver cada oferta. O importante é romper este vínculo com São Paulo, já que não moro mais lá.

    Diante deste nicho, Christian Bernard e seus sócios criaram o site Permutando.com, onde Camila se cadastrou. Na plataforma, o proprietário anuncia o imóvel que oferece e o que deseja, com detalhes de localização, tamanho e tipologia. A troca deve ser majoritariamente entre imóveis, mas, caso haja alguma diferença de valor, é possível acrescentar valores em dinheiro ou itens como veículos na negociação. Até agora, o portal funciona para 73 cidades, em 15 estados.

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Leonardo M. 17 de dezembro de 2017 at 16:35

      Continuação..

      — O mercado está parado há muito tempo e vimos que, de maneira informal, a permuta já vinha sendo feita. A partir disso, tivemos esta ideia de criar um espaço onde as pessoas pudessem negociar. É parecido com venda. A diferença é que, além de apresentar o que quer se desfazer, também se especifica o que quer receber — diz Christian.

      Problemas na troca

      A permuta parece ser uma boa opção para quem está sem conseguir vender um imóvel. Entretanto, é preciso tomar alguns cuidados. No caso de Luciana, por exemplo, o imóvel na Tijuca tinha esgoto irregular, o que lhe causou prejuízo, pois, além da obra, perdeu um inquilino por causa do problema.

      — Eu sabia que a casa no Rio não era tão nova como a minha em Brasília, onde estava tudo funcionando e novinho, mas mesmo assim valia a troca. Fiz uma reforma no imóvel daqui, pintei e aluguei. Depois de seis meses é que fui descobrir que havia uma caixa de esgoto embaixo da cerâmica da cozinha, que jogava a sujeira na casa do vizinho. Tive que refazer o piso todinho em que já havia mexido. Eu ia trocar de toda forma, mas se a moradora tivesse me falado antes deste problema, eu teria feito a reforma de outra maneira.

      Mesmo Luciana sendo arquiteta e tendo feito várias visitas, inclusive com um mestre de obras, não tinha como saber, pois este é o típico vício oculto, que não aparece na hora. De acordo com o advogado Antonio Ricardo Corrêa, do escritório Eduardo Biondi Advogados Associados, e Armando Miceli, as regras para as trocas são as mesmas das demais transações imobiliárias.

      — Os custos com certidão de imóveis, escritura e imposto de transmissão são dobrados. A operação de permuta é uma compra e venda simultânea — diz Corrêa.

      Segundo ele, os casos de permuta mais complexos são quando tem alguém morando em uma das casas ou quando o tamanho anunciado é diferente do que consta no IPTU.

      Miceli orienta que, além das visitas de praxe, os futuros moradores tenham alguns cuidados extras, como verificar detalhadamente a documentação, inclusive nos cartórios, para ver se há irregularidades, fazer uma boa vistoria e também um contrato detalhado.

      — A troca deve ser tratada da mesma forma que a venda ou compra. Tem que visitar em diferentes horários e várias vezes, na chuva, à noite, de dia, testar a elétrica da casa, assim como a descarga e as torneiras, e conversar com o síndico ou vizinhos. Tudo o que puder minimizar os problemas — aconselha.

      Mas, em casos como o de Luciana, eles explicam que o morador que se sentir prejudicado tem até três anos para reclamar na Justiça e pedir reparos. Não é necessário constar uma cláusula de vícios ocultos no contrato, pois o Código Civil prevê que, na transação de imóvel entre pessoas físicas, ambos estão respaldados pela lei.

      Lucas Vargas, CEO do Grupo ZAP Viva Real, explica que, embora o site realize mais vendas e compras, alguns proprietários indicam o desejo de troca dentro do anúncio e que as regras são flexíveis, em sintonia com as condições do imóvel e acordos entre proprietário e do comprador. Sua orientação é que os interessados tomem as mesmas precauções exigidas nos contratos comuns.

      — Inclusive por ser uma modalidade de aquisição ainda pouco explorada no mercado, deve ser acompanhada com cuidados redobrados. Entre os pontos mais críticos, deve-se conferir a situação legal dos bens para confirmar a sua regularidade e ficar atento ao tipo de contrato, pois o de permuta é diferente. O documento é lavrado por escritura pública e deve conter de forma clara itens como a data de entrega dos bens e a responsabilidade pelos tributos.

      Troca de casas temporária

      Além do escambo para alugar e vender, há uma outra modalidade que permite que moradores troquem suas casas gratuitamente durante as férias. O Home Away é uma plataforma em que moradores disponibilizam suas residências e se hospedam na de outros. António Batista, representante da Trocacasa.com — versão em português do site — explica que cada usuário cadastra sua residência no site, detalhando as facilidades e também o que procura.

      — Geralmente, na troca, um morador vai para a casa do outro e vice-versa, podendo ser simultaneamente ou em períodos diferentes, desde que a casa esteja disponível.

      https://m.oglobo.globo.com/economia/imoveis/troca-de-casas-opcao-para-imoveis-encalhados-22197850

      5+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Tagore 17 de dezembro de 2017 at 22:26

        Como os proprietários não resovem ter juizo e baixar o preço a única alternativa é voltar aos tempos anteriores à invenção da moeda: o escambo.

        18+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • perdido no rio 19 de dezembro de 2017 at 14:20

          Exato. Para manter uma analogia que foi feita aqui, com automóveis, é como se o dono de um fusca que quer vendê-lo por 1 milhão de reais trocasse por um uno mille 1993 cujo dono acha que vale 999 mil

          1+
      • Marcio 18 de dezembro de 2017 at 08:15

        “A permuta parece ser uma boa opção para quem está sem conseguir vender um imóvel.”
        Parece ser uma boa opção? kkkkkkk
        Com certeza, é uma ótima opção.
        Assim como é para quem está querendo vender um automóvel, um barco, um cortador de grama.
        Pensem só: não estou conseguindo vender o meu barco. A solução: trocar por outro. “Jenial’, com J de jumento.

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Melekento 18 de dezembro de 2017 at 17:47

          hahahahahahahahahahhaha
          Vejo que, quem tem melhor liquidez ($$$$$$$$) leva a melhor, ele enfia o bolhudinho e mais $$$$$$ e pega um bolhudao.
          Esse valor de diferenca, vai da necessidade de quem esta vendendo o bolhudao.
          Essa pratica em carros e constante, sendo que, e o que da mais dinheiro pros proprietarios de lojas (estacionamentos, conceccionarias).
          Ele pagar o valor da 10% a menos na tabela Fipe, no carro usado, e vende o novo pelo preco cheio da tabela, sem desconto.
          E lindo !!!!!!
          Abs!

          1+
          • avatar
      • Libertario 18 de dezembro de 2017 at 10:13

        Tópico

        3+
        • avatar
  • CA 17 de dezembro de 2017 at 17:14

    Uma compilação para quem não está acompanhando as notícias recentes sobre a CEF, como o Nefasto FINGE desconhecer também:

    Por que a CEF foi o ÚNICO banco que “errou” a provisão para cobrir os gastos com processo na poupança?

    Por que a CEF é o ÚNICO credor que foi contra o plano de “recuperação” da PDG?

    Por que a CEF foi o ÚNICO banco do Brasil e do Mundo que conseguiu uma “renegociação” tão mirabolante e fantástica” quanto ao crédito imobiliário e para o consumo?

    A resposta é a mesma para todos os casos acima:

    A CEF está MAQUIANDO suas provisões contra processos na justiça, inadimplência de pessoas físicas e empresas e reduzindo-as em BILHÕES de Reais de forma fraudulenta, como os dados acima indicam, porque isto, ao mesmo tempo que SIMULA lucro recorde, inadimplência muito baixa e expectativa de inadimplência ainda menor, permite também que a CEF SIMULE que tem condições de continuar emprestando nos mesmos volumes e condições…

    Tudo ARTIFICIAL, MAQUIADO e INSUSTENTÁVEL, o MP está pedindo o afastamento de TODOS os vice-presidentes da CEF em 45 dias em função de OUTROS GOLPES, imaginem quando não der para esconder os golpes acima…

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:00

      Pode adicionar que CEF é o único banco onde não se tem nehum interesse em saber se aquilo que estão financiando tem a mínima qualidade e não é um monte de lixo.
      Paga-se ouro por bostha, como foi noticiado aqui muitas vezes, bostha que nunca terá a mínima possibilidade de realizar os “sonhos” dos mutuários e nem muito menos diminuar as perdas em caso de retomada.
      Agora o BANCO DE BOSTA tem engenheiros, programa de qualidade das construções e FUNCÃO SOCIAL.
      Mas segundo o nefasto a CEF é só um agente financeiro e segundo ele não tem nenhuma responsabilidade na qualidade dos imóveis que financia.
      Resumindo:
      – PEGAMOS SEU DINHEIRO SEM SUA AUTORIZAÇÃO,
      – EMPRESTAMOS SEM CRITÉRIO ALGUM,
      – PARA PESSOAS COMPRAREM COISAS TÃO LIXO QUE PODEM DESABAR OU SEREM DEMOLIDAS ANTES DE SEREM RETOMADAS.
      – NÃO TEMOS NENHUMA RESPONSABILIDADE POIS SOMOS SÓ “UM AGENTE FINANCEIERO”
      – DEVERIA NOS AGRACEDER POR RESPONDERMOS AO “CHAMADO” E LHE AJUDAR
      – NÃO ESTAMOS NEM AÍ SE O BRASIL OU OS BRASILEIROS VÃO TOMAR NO C.U.

      Coloquei em CAPS pois o tamanho das letras é maior do que a vergonha na cara e o caráter do nefasto, ambos somados.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:01

        thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 13:07
        A CEF é um mero agente financeiro.

        7+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:02

          thiago fm 17 de dezembro de 2017 at 13:51
          Dado o andar da carruagem, tudo indica que os políticos e a própria população não querem que a bicicletinha da CEF tenha descanso. Até onde sei, se não tivermos novidades, estão mantidas as previsões de concessão de crédito imobiliário no mínimo no mesmo patamar para o próximo ano.

          7+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
      • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:06

        thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 00:13
        De uma forma geral, a diferença da leitura que eu faço dos acontecimentos envolvendo a CEF é que eu tento olhar e capturar os processos de forma ampla e abrangente, ciente de que o “boom imobiliário” e a forte valorização dos imóveis foram resultados de escolhas dirigidas pelo governo e pela sociedade, tanto no espectro específico do mercado imobiliário, quanto na perspectiva macroeconômica.

        4+
        • avatar
        • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:07

          thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 10:10
          Carlos,

          Eu não vou entrar na sua pilha, pois sei que não é de agora esse incômodo que eu causo em certas pessoas e você é uma daquelas que sempre me convidou a sair do blog de forma velada. Seu nervosismo e revolta deixa transparecer na prática um ar de desespero e capitulação, porque no fundo você sabe que a verdade é esta e que ufanismo é crer que o país mudou e que a sociedade está preparada para se desgarrar do papai Estado.

          3+
          • avatar
      • indiobolhista 17 de dezembro de 2017 at 23:10

        só um pequeno comentário, como muitas pessoas aqui presentes possivelmente, sou testemunha que as casas do mcmv são um lixo que no primeiro ano de construído estão já quase detonadas por causa dos materiais de porcaria utilizados, e também conheço pessoas que receberam mcmv sem ter trabalho fixo (só Deus sabe até quando aguentam pagar as parcelinhas, ainda faltam quase 30 aninhos só). A unica duvida sem resposta exata, é quando porra vai cair os preços, alguns falam que 2018, 2019, 2020.

        11+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:10

        thiago fm 16 de dezembro de 2017 at 11:10

        No caso da CEF uma parte significativa do crédito comercial virou calote e se transformou nos famigerados” créditos podres”, mas até agora os dados mostram que não é exatamente a carteira imobiliária que representa o “calcanhar de aquiles” do banco. Pelo contrário é justamente a carteira habitacional que puxa pra baixo a inadimplência geral da CEF e permite com que ela diminua provisões. O aumento da retomada dos imóveis é em sua maior parte consequência direta da crise, visto que aumentou a quantidade de pessoas que perderam total ou parcialmente a capacidade de pagamento. Em breve postarei alguns dados ( do mercado em geral) que confirmam meu ponto.

        3+
        • avatar
      • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:22

        CANALHAS E FILHAS DA PUTA, E PODE ENFIAR SEUS GRÁFICOS DOURADOS NO SEU RABO THIAGOFM

        “No financiamento imobiliário, onde a Caixa é líder desde a criação deste tipo de operação no país, nossos Engenheiros e Arquitetos geraram referência em avaliação de imóveis, contribuindo até com a evolução científica brasileira.”

        “Ao longo do tempo, o quadro de Engenharia e Arquitetura da Caixa foi se revelando um porto seguro para as operações e os investimentos do Governo.”

        “Como se não bastassem estes programas e responsabilidades, são incontáveis os outros, ligados a equipamentos urbanos, saneamento, mobilidade, crédito rural, assistência técnica nacional e internacional, que passaram pelos Jogos Panamericanos de 2007 no Rio de Janeiro, pela Copa das Confederações de 2013 e Copa do Mundo de 2014, além das Olimpíadas de 2016.”

        “Em todas as atividades que descrevemos aqui há um Engenheiro ou Arquiteto da Caixa diretamente envolvido, disponibilizando conhecimento técnico em prol da segurança das operações e conclusão das obras, minimizando riscos, reduzindo custos, ampliando durabilidade, garantindo sustentabilidade e assegurando conforto para a população, em especial a de baixa renda, reconhecidamente carente de serviços básicos. ”

        “Além de atender ao público alvo e servir à Nação, estes Profissionais asseguram vantagem competitiva à Caixa, através do zelo pelo equilíbrio financeiro dos negócios, de inovação nos processos e do reconhecimento do cunho social que nenhuma outra instituição consegue oferecer. ”

        “Quando a Caixa avança na gigantesca missão de financiar produção e executar as políticas no desenvolvimento urbano das cidades, com metas cada vez mais desafiadoras, sabe que pode contar com sólida experiência técnica de longa data. Nossos Engenheiros e Arquitetos ajudam a fazer da Caixa muito mais do que um Banco.”

        http://www.aneac.org.br/site/Institucional.do?vo.chave=oquefazemos

        “Desde a análise dos mais variados projetos de infraestrutura, de saneamento e de habitação, avaliações de bens e pareceres jurídicos ao acompanhamento de obras, em âmbito local, regional ou nacional, as mais variadas esferas da administração pública e entes privados recorrem diariamente às consultorias especializadas efetuadas pelos profissionais da ANEAC, a fim de subsidiar complexas decisões inerentes à eficiência, à eficácia e à equidade de investimentos com recursos públicos e privados.”

        http://www.aneac.org.br/site/Institucional.do?vo.chave=historico

        Lançado em Porto Alegre Comitê Estadual em Defesa da Caixa

        Apesar da proposta de transformar a Caixa em S/A ter sido barrada, a luta em defesa do banco 100% público, forte e social continua. Dez entidades representativas criaram ontem o Comitê Gaúcho em Defesa da Caixa, e também lançaram no Rio Grande do Sul a campanha “Defenda a Caixa você também”.

        http://www.aneac.org.br/site/Noticia.do?vo.codigo=1036

        6+
        • avatar
        • avatar
        • indiobolhista 17 de dezembro de 2017 at 23:26

          conversando faz pouco com um gerente de loja do itaú me confirmou que a inadimplencia com eles é 30%, entao o gerente achava uma piada os dados oficiais do caixao, se no setor privado que é mais cuidadoso nos creditos otorgados, agora imagina nessa merda chamada caixao ……

          18+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • Alemon Fritz 17 de dezembro de 2017 at 22:45

    Outra maquiagem foi o lucro do ano passado, a caixão disse que lucrou 4,1bilhoes, em 2015 foi 7,1 bilhoes e agora em 2017 será 8,2bilhoes (anotem ae). em 2016 foi a metade da média…. kkk menos 3 a 4 bilhões em 2016. pra onde foram. Em 2017 a crise foi maior.. ( ou será que foi o fgts acabou dando uma forcinha de 4bi em 2017)..

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 17 de dezembro de 2017 at 23:01

      coincidência, a conta da maquiagem

      Subsídios do FGTS inflaram balanço da Caixa em R$ 15 bi, mostra estudo (há um ano, 2016)
      http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,subsidios-do-fgts-inflaram-balanco-da-caixa-em-r-15-bi-mostra-estudo,10000086063.

      “Marcos Köhler identificou algo muito grave que ninguém tinha percebido: estruturaram a coisa de um jeito que um dinheiro destinado às pessoas passou a gerar lucro para Caixa”, diz Rolim, que trabalhou sete anos no Ministério do Trabalho, na área do FGTS, e na assessoria da Câmara acompanhou a criação do FI-FGTS.
      Nas palavras de um deles, “é inegável que está havendo antecipação, e isso não deixa de ser contabilidade criativa”. Segundo esse analista, há efeitos sobre o lucro da Caixa. “Parte do que ela apontou como resultado do exercício não deveria estar ali, eu não sei quanto, mas abre margem para questionamentos.”

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 17 de dezembro de 2017 at 23:15

    agora pegaram 15bi “oficialmente”

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 17 de dezembro de 2017 at 23:18

    Delação de Palocci vai arrastar Banco Central, Receita Federal e Caixa para escândalos

    Há no cenário econômico quem diga que, para se vingar daqueles que o abandonaram dentro de seu partido, Palocci vai abordar a relação com grandes instituições financeiras e jogará na roda ainda o Banco Central e a Receita Federal.

    Palocci é considerado peça-chave pelos investigar para ajudar a entregar as peças que faltam, por exemplo, na Operação Conclave, que investiga a compra de ações do Banco Panamericano, em 2009, pela Caixapar, uma subsidiária da Caixa Econômica Federal.

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:37

      Lembrando que Palocci não tem o treinamento de guerrilherio do José Dirceu, aperta um pouco e ele entrega todo mundo.
      Espero que a PF esteja garantindo que que nehuma acidente ocorra com o “italiano”.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:43

    OFF – Corvos
    Nos comentários “mais curtidos”

    Ricki123 ontem
    Precisei vender meu imóvel nessa crise. Anunciei na Olx e veio uma enxurrada de corretores querendo anunciar em vários portais pagos e me ajudar a vender. Aceitei algumas corretoras sem exclusividade. Lamentável. Corretores que mal sabem escrever, não te dão atenção, ficam esperando algum cliente entrar em contato e agendar visita. E ainda utilizaram as fotos que eu tirei. Consegui vender particular após colocar a placa de vende-se. 6% de comissão não vale. Hoje temos vários órgãos que dão toda documentação online do imóvel, comprador e vendedor e ainda dá pra trabalhar o desconto em cima desses 6%. Quem ainda assim precisar contratar um corretor por falta de tempo, opte por um autônomo, que não trabalha em imobiliária. Na hora da venda eles cedem na comissão e não depreciam seu imóvel como a maioria faz pra conseguir a venda.

    https://economia.uol.com.br/financas-pessoais/noticias/redacao/2017/12/17/quer-vender-o-imovel-rapido-e-sem-perder-muito-dinheiro-veja-5-dicas.htm

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:44

      Minotauro1 23 horas atrás
      A parte mais difícil de vender um imóvel é lidar com profissionais chamados “corretores de imóveis”. Consideram que seu trabalho se limite a postar as fotos dos imóveis nos portais, e esperar pelos telefonemas dos interessados. Por “todo esse trabalho”, querem receber 6% do valor da venda. Não pense você que estará livre deles, se resolver vender direto. Eles descobrirão todos os seus telefones, compartilharão os números e, numa ação aparentemente coordenada, ligarão insistentemente para todos eles, todos os dias, durante uns 3 meses. Que a tecnologia conceda à sociedade o benefício de permitir a extinção desta profissão que não agrega em nada.

      21+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Carlos 17 de dezembro de 2017 at 23:48

    OFF – Temos a área do Japão e eu não sabia…

    “Nosso orgulho não está em oferecer unidades menores, mas sim em proporcionar opções de moradia para cada fase de vida das pessoas. Além disso, oferecemos facilidades no jeito de morar, aproximando as pessoas dos centros, das principais vias de transporte público e proporcionando qualidade de vida”, afirma Alexandre Lafer Frankel, CEO da Vitacon.

    https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2017/08/16/imoveis-vitacon-apartamento-10-metros-quadrados.htm

    5+
    • avatar
  • CA 18 de dezembro de 2017 at 05:27

    Pois é, uma compilação dos últimos capítulos da saga “As lições de um mau caráter desinformado e desinformante”:

    – Relativismo moral e pseudo-pragmatismo CEGO: se todos roubam, o povo e os políticos querem, então a CEF vai continuar e vamos todos fazer de conta que nunca existiu o MP pedindo o afastamento de TODOS os vice-presidentes da CEF, que o TCU não impediu várias ações criminosas da CEF, que a PF não tem VÁRIAS operações contra a CEF, que a CEF não tem 2 vice-presidentes presos, que a Lava-Jato e várias operações policiais não levaram a empresas podres como a CEF a quebrarem e deixarem de existir.

    – Se temos mais de 10 evidências concretas que provam a concessão de créditos podres pela CEF e ela tem uma infinidade de maquiagens contábeis em todos os assuntos possíveis e imagináveis que são reveladas o tempo inteiro nos meios de comunicação, junto com uma infinidade de operações policiais contra a CEF, vamos fazer de conta que é só neste blog que se preocupam com a CEF, que não existe nenhum problema com a qualidade do crédito imobiliário e mais, ao invés de responder ao grande volume de evidências, primeiro vamos FINGIR que elas não existem, depois reclamar porque elas são repetidas a cada vez que se repete a mesma mentira de que o crédito imobiliário é a virgem do bordel da CEF.

    – O milagre dos índices antagônicos que chegam no mesmo resultado: se o FINGE ZAP sobe o preço quando vende o mais barato e o IVG-R faz exatamente o contrário, o fato dos dois chegarem no mesmo resultado não é mais uma evidência de que há algo errado, ao contrário, é prova que os dois estão certos, mesmo que um use imóveis usados e na planta nos cálculos e o outro os financiados e que pelos critérios invertidos e bases diferentes no tempo, jamais devessem chegar em resultados próximos.

    – Se a CEF precisa se capitalizar com R$ 15 BILHÕES para ter LIQUIDEZ e além disto precisou fazer maquiagens contábeis diversas também, desde colocar provisões a menor em BILHÕES, antecipar receitas do FGTS em BILHÕES e daí para pior, vamos fazer de conta que a sustentabilidade de empréstimos de décadas tem a ver com SBPE e funding do FGTS, que não tem NENHUMA relação com esta gritante falta de capital e LIQUIDEZ que se manifestam mesmo com toda a contabilidade criativa da CEF.

    – Se o primeiro gráfico mostrado apresenta uma queda livre e o último resultado uma queda maior que as anteriores, vamos dizer que isto é um claro sinal de “recuperação”.

    – A CEF está no caminho certo ao extorquir R$ 15 BILHÕES do FGTS com subterfúgios sujos para enganar o TCU, ao provisionar a menor em BILHÕES as despesas para processos jurídicos e inadimplência e uma evidência adicional do quanto a CEF está no caminho correto, é o fato do MP pedir o afastamento de TODOS os vice-presidentes da CEF de uma vez só.

    Se tomarmos uma dose extrema dos mesmos alucinógenos usados pelo Nefasto, talvez consigamos chegar a estas conclusões.

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 18 de dezembro de 2017 at 07:42

      esse Okki tem que ir pra cadeia, ou vai virar ministro ou político..pra escapar ou como presente..

      4+
      • avatar
      • avatar
      • Alemon Fritz 18 de dezembro de 2017 at 08:47

        vão somando ae:
        -a caixa não devolveu 27bilhoes ao TCU dos instrumento híbrido de capital e dívida (IHCD). Nesse caso, o tomador paga juros variáveis, mas não tem prazo para quitar o valor principal da dívida – por isso, o valor pode ser contabilizado no capital da instituição financeira.
        – a caixa usou 15bi do FGTS em 2016 no balanço
        – a caixa não quer repassar os 8,2bi de lucro ao TCU desse ano
        – a Caixa pegou 15bi do FGTS pro ano que vem
        – a caixa “ganhou” metade do lucro do FGTS depositados esse ano nas 88milhoes de contas, ou não vai devolver ao Tesouro (7,8bi)
        – a caixa ganhou pelo movimento dos 44bilhoes de fgts depositados esse ano e negociando a inadimplência..
        – se apoderou das dívidas de poupança dos planos provendo a menos e devolvendo aos poucos..

        3+
        • avatar
        • avatar