Fundo em dívida com Bradesco vê imóveis comprados desvalorizarem – Veja

Você pode gostar...

Comments
  • Antigo 13 de novembro de 2017 at 14:37

    Até os bancos estão tendo desgosto com imóveis.
    E você?

    65+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Money_Addicted 13 de novembro de 2017 at 14:43

      eu nao 🙂

      30+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • chigo 16 de novembro de 2017 at 18:32

      Essa bolha nunca vai explodir. Passamos do auge da crise e os imóveis não baixaram. E agora por conta da “virtual” recuperação parece que estão subindo de novo. Procurei hoje novamente e os preços estão mais caros do que nunca. Acho que nunca vou poder comprar um terreno aqui no Vale do Sinos.

      1+
      • DAN 16 de novembro de 2017 at 23:13

        De fato. Tive essa sensação. Diria até que parece um momento bastante orquestrado. Viva real,zap, mitula….
        Fake?

        2+
        • avatar
  • Arregao 13 de novembro de 2017 at 14:43

    Ta muito rapido a coisa…. acho que em 2019 teremos preços reais….

    36+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 13 de novembro de 2017 at 14:44

      em alguns casos sim
      mas muitos morrerão com os tijolos e preço desejado na cabeça

      51+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Arregao 13 de novembro de 2017 at 14:55

        Verdade…… esqueci do orgulho

        31+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • O Incrivel Homem-Bolha 14 de novembro de 2017 at 18:44

        Não acho que os preços dos usados vão cair tão cedo ou em grande quantidade.
        Em cinco anos conversando de tempos em tempos com os pretensos vendedores, ficou claro uma coisa: boa parte, senão a maioria, anuncia pra vender pelo “valor fantasia” na esperança de comprar um maior ou melhor localizado pelo “valor realidade”.
        Exemplo: o cara tem um imóvel de 55m2 com uma vaga de garagem na, digamos… Praça da Árvore. Design antigo que ele acha que “vale 580 mil”.
        Aí ele descobre um imóvel encalhado de construtora cujo prédio já foi entregue a um ano, de 110 m2, 3 vagas, design moderno com varanda gourmet que estão liquidando por uns 700-750 mil (muito comum).
        O bacana acha que só ele é esperto, mais ninguém. Ele então anuncia o dele e acha que vai financiar 200 contos e sair com um apartamento no dobro do tamanho e ainda com uns trocos pra equipar o apê. Muito ixperto.
        Ou seja, a maioria não vai abaixar preço nenhum nem vender nada. Vão mais é ter que abaixar a bolinha e ficar cada na sua. É só especulação mesmo…

        21+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • to bolhado 14 de novembro de 2017 at 20:32

          É exatamente isso que eu vejo tb. Nego enxerga a bolha em relação ao imóvel que quer comprar mas não en relação ao que quer vender

          12+
    • Cesar_DF 13 de novembro de 2017 at 17:35

      Na minha opinião, ainda falta uns 2 anos para o DESPAIR.
      Nos leilões do bradesco e intermedium, acho que eles estão quase nisso.

      25+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 13 de novembro de 2017 at 20:01

        despair não é quando vende abaixo da avaliação e toma preju???
        taí…

        11+
        • avatar
        • avatar
        • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 06:50

          DESPAIR é quando se vende abaixo da média histórica (mean line)

          O “mean line” tende a ser crescente ao longo do tempo, de acordo com o aumento da renda per capita

          10+
          • avatar
  • odorico 13 de novembro de 2017 at 14:56

    OFF: Alguém não entendendo a lógica das escolas privadas? Aqui no DF, média de reajuste foi de 8% e a 12%, acima da inflação 2017. Migração para escolas públicas está rolando, e todos pais que eu conheço tentando buscar escolas mais baratas. Justamente onde estão os educadores não estão vendo a realidade do preço dos serviços. Acho que em 2018 vai ter escola fechando turmas…..ou o Brasileiro vai ver a escola comendo 30% da renda familiar (era para ser em imóveis..kkkkkk). Ou será que é “market share”? isto é, pessoal da americana indo para nações, nações para mapple, mapple para sigma, sigma para católica, católica para projeção (para que não é do df, esse são nomes de escolas).

    47+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • loureiro_bsb 13 de novembro de 2017 at 16:10

      Muitos pais ainda escolhem a escola do filho pensando “no logotipo que o garoto vai ostentar na camisa”, como se o emblema da escola na camisa fosse a logomarca na calça jeans.
      As famílias em geral preferem comprometer suas finanças em vez de trocar os filhos para uma escola mais barata, ou para a rede pública.
      Na nossa cultura popular, algumas ações são vistas como “atestado de pobreza” perante a sociedade: a pessoa atrasa o IPVA, mas não vende o carro e compra um “inferior” (mais velho, mais básico…); outro “atestado de pobreza” é tirar o filho da escola particular e colocá-lo na rede pública….
      O interessante é que, pelo menos aqui no DF (onde os professores da rede pública são os mais bem pagos do país), os melhores professores estão na rede pública.

      36+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Herr Deutsch 13 de novembro de 2017 at 17:01

        De qual DF você tá falando?

        14+
        • dermaRoger 14 de novembro de 2017 at 00:54

          District Federal of Columbia, USA.

          10+
          • Rico 14 de novembro de 2017 at 11:49

            Nem esse… Tirando as Universidades Top de linha Americanas o ensino básico nos USA é péssimo. Matemática, Geografia, História, segunda língua… Coloque ao lado de um estudante Europeu ou Coreano (do sul) e veja o abismo que existem entre eles. “Ah mas de lá saem os maiores gênios”. Erlon Musk é Sul Africano. Sergey Brin (um dos fundadores da Google) é Russo. Eduardo Saverin, fundador do Facebook, Brasileiro. A América é uma terra de oportunidades. Mas não de estudo.
            Aqui já foi, mas depois da reforma educacional de 1967, que era só melhorar e ampliar o que era bom mas onde os militares optaram por fazer que toda a população sofresse lavagem cerebral na TV foi tudo para o buraco.

            13+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • to bolhado 14 de novembro de 2017 at 11:52

              nos EUA há uma diferença similar entre escola particular e pública. E a escola pública tem muita diferença de município para município. As escolas particulares mais top e as públicas de distritos top são boas, mas é 20% do total.

              2+
              • Leonardo M. 15 de novembro de 2017 at 19:40

                Exato
                E quanto mais rico um bairro, melhores escolas públicas terão.
                O motivo é que parte do IPTU de la vai para a escola do seu bairro.

                Meu pai mudou de Pompano Beach(cidade de imigrantes e negros nos EUA) e consequêntemente pobre para boca Raton ao lado pois era mais rica e melhores escolas.
                Mas existe um preço por boas escolas, aluguel bem mais caro.

                2+
                • avatar
        • loureiro_bsb 14 de novembro de 2017 at 15:39

          Quando se trata do assunto educação, posso dizer que conheço um pouco a realidade do DF. Já fui professor da SEDF e do IFB (este, aliás, destaco como um centro de excelência em ensino).
          Antes de ser “execrado” pelos colegas do grupo, enfatizo que afirmei que “os melhores professores estão na rede pública”, não disse que “o melhor ensino é o da rede pública”.
          Tirando os chamados “professores estrela” de algumas escolas particulares “top de linha”, muitos dos bons professores da rede particular também são professores da rede pública (em geral trabalham 20h).
          O salário de um professor 40h no DF (início de carreira) está em cerca de 5k líquido. Ressalte-se que um professor 40h tem apenas um turno de regência. Logo, ele tem 30h em sala de aula, e o restante do tempo em coordenação. De fato, ratifico que os professores do DF são muito bons (claro, há os sindicalistas, lulistas…). O grande problema da educação do DF não é a qualidade (nem o salário) do professor, mas sim a falta de GESTÃO.

          11+
          • avatar
          • loureiro_bsb 14 de novembro de 2017 at 15:43

            Observo colegas procurando escolas particulares de educação infantil para os filhos… Eles olham a TV tela plana em sala de aula, ar condicionado, tapete emborrachado nas salas de aula, parques com vários brinquedos… Mas dificilmente olham para a professora (em geral uma garota nova, de vinte e poucos anos, formada em pedagogia em uma “uniesquina”, que trabalha em dois turnos direto e usa o tempo livre para estudar para passar na SEDF).
            Uma vez fui a uma escola e vi a professora passando “galinha pintadinha” no tablet… Desisti…
            Outra colega matriculou seu filho no Candanguinho, uma das escolas mais caras de educação infantil daqui do DF. Um belo dia ela chegou no serviço reclamando, pois o filho comeu “mini-chicken” no almoço.

            15+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Paulo Avelar 16 de novembro de 2017 at 01:49

              Sempre estudei em escola particular, de primeira linha, as melhores, e o que vigorava em termos de educação era tão somente a aplicação de bulling e o abandono psicológico do aluno durante toda a sua formação na vida escolar, que eu me recorde.
              Em meu tempo terminavasse o segundo grau especialista em nada, com educação sobre a vida fornecida pela interação dos alunos no recreio, algo muito parecido com o do Estado Islâmico, só que na modalidade sanguinária cristã.
              Ora, se na vida da escola particular vigora o abandono, e o bulling, na escola pública, presumo que vigoraria o estupro puro e simples.
              Em ambas, não se constrói um ser autônomo, digo aquela pessoa, que sabe de onde veio, onde está e para onde vai na vida e no mercado de trabalho.
              A ordem escolar generalista é como uma lavagem cerebral visando a construção de apenas mais um idiota( 100% Jardim Irene e 100% Jesus), ruins de cama, preconceituosos(as), racistas, patrimonialistas, que não sabem lavar a própria roupa, não sabem produzir nem o papel higiênico que usam, e muito menos plantar um pé de tomate. Fato.
              Entrou na faculdade , pega o primeiro job e segue em frente.
              Vai no susto mesmo, igere a informação necessária, engole, e processa rápido, no seco, basicamente é isso aí!

              5+
      • Cesar_DF 13 de novembro de 2017 at 19:13

        Retrato da crise: migração para escolas públicas dobra em 2017

        Mais que dobrou o número de alunos migrantes de escolas privadas para públicas no Distrito Federal. Neste ano, 12.769 estudantes abandonaram as instituições particulares e efetivaram matrícula no sistema gratuito. Segundo a Secretaria de Educação, o número é 104,15% maior que os 6.130 matriculados em 2016. Com um aumento médio de 12% nas mensalidades escolares e a crise econômica apertando os bolsos, pais não conseguem negociar e tiram os filhos dos colégios. O governo garante que está pronto para receber os novos discentes, mas encara a Lei de Responsabilidade Fiscal como um empecilho.

        http://www.jornaldebrasilia.com.br/cidades/retrato-da-crise-migracao-para-escolas-publicas-dobra-em-2017/

        15+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • EngenheiroSP 13 de novembro de 2017 at 20:25

        Não sei quanto a realidade do ensino público em Brasília, mas do que eu conheço de escola pública (inclusive por ter frequentado), escola particular pro filho estaria no topo da minha prioridade, se eu tivesse um

        30+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Bsbguy 13 de novembro de 2017 at 22:31

        ” os melhores professores estão na rede pública.”

        uehhhhhhhhhhhhh

        quase chorei aqui haha

        17+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • to bolhado 14 de novembro de 2017 at 07:32

        Com raras exceções, a diferença de qualidade de uma escola particular boa e uma pública aqui em sp é abissal. Acho q vale todo o esforço pra manter os filhos numa escola razoável.

        15+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Rico 14 de novembro de 2017 at 11:51

          As Escolas Técnicas Estaduais e Federais em São Paulo tinham um ensino muito bom, a ponto de superar na área de exatas a maioria dos colégios particulares. Mas depois da reforma de 1995 virou baciada. Lembro do professor falando “É como se seu pai tivesse 5 filhos e arranjasse mais 20 para tomar conta com o mesmo dinheiro”.

          9+
          • avatar
          • avatar
    • Mr.Brightside 15 de novembro de 2017 at 12:54

      Melhor solução financeira e não ter filhos. Não irá se preocupar se ele estará em um escola pública ou privada. Vocês iram gastar com vocês que bem melhor gasto. Filho não cuidaram de vocês quando idosos. Se cuidar e estarão deixando eles sem experiências de trabalhos e eles serão fracassados financeiramente. Poucos casos serão os filhos que ganharam mais grana que o pessoal do blog aqui. Pois trabalho e renda está cada vez achatado poder de compra é jogando salários ao valor de pisos salariais. Eu acho que não compensa ter filhos. E voltando sobre escolas particulares as vezes o investimento feito em educação é insatisfatório caso o pai e mãe não cobre resultados ou não verifica o aprendizado dos filhos, não apenas com notas mais sobre perguntas de conhecimento geral para ver se sei filho ou filha estão realmente prestantando a atenção nas aulas. Por que eu tenho 2 sobrinhos que estudaram em colégio particular e não vão dar retorno financeiro aos seus pais.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • to bolhado 15 de novembro de 2017 at 17:10

        o irônico é seu nick ser brightside kkk

        5+
        • avatar
        • Mr.Brightside 17 de novembro de 2017 at 01:27

          Me chamaram sempre de pessimista qual eu falava o que eu pensava. Daí comecei a frequentar este blog e vi que aqui senti ser menos pessimista. Por isso meu nick é Mr.Brightside pois me acho um otimista aqui no blog pelo menos.

          4+
          • avatar
          • avatar
      • danielbh 16 de novembro de 2017 at 14:24

        a vc, so digo uma coisa, nada melhor que chegar em casa e receber um baita beijo e abraco de quem mais te ama no mundo, isso paga tudo que vc listou e ainda sobra um credito imenso… dinheiro some perto desse amor…

        8+
        • avatar
        • Mr.Brightside 17 de novembro de 2017 at 01:44

          Existe várias formas de chegar em casa e se satisfazer com alguma coisa. Pode ser com filhos. Mulher. Animais de estimação. Comida. Banho. Internet. TV. rádio ou algum hobbie. Cada pessoa vai aproveitar sua por livre em casa com alguma coisa.
          Eu vou me satisfazer em cuidar do meu coelho Anão é dar atenção para minha esposa. Se alimentamos. Assistir algo é depois namoramos . Isso para mim são as coisas mais valiosa do meu fim de dia.

          4+
          • avatar
  • From_The_Tower 13 de novembro de 2017 at 14:59

    PESSOAL !!!
    Temos novidades nos editais do CAIXÃO !!!

    😉

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 13 de novembro de 2017 at 15:00

      Bolhista gente boa
      das antigas me alertou

      http://www1.caixa.gov.br/editais/EV01562017CPVECT.PDF

      Olhem a forma de pagamento
      é novidade
      item 6

      É o Caixão transformando-se na maior imobiliária do país !!!
      (somem a isso as execuções mais rápidas e setores de cobrança mais rígidos)

      23+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 13 de novembro de 2017 at 15:06

        Venda direta e financiamento direto?
        Que interessante!

        E que juros altos KKK
        Negocião, inclua-me fora dessa.

        26+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Antigo 13 de novembro de 2017 at 15:07

          DETALHE PARA O NOME DO ARQUIVO
          BLACK FRIDAY
          kkkkkkkkkkkk

          Vendendo bolhudo como se fosse produto encalhado. Espera, é!

          33+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • From_The_Tower 13 de novembro de 2017 at 15:11

            Rindo alto aqui!
            Estou encontrando links dos urubus e corvos colocando ágio no caução
            kkk
            100% apenas
            eu mereço !!!

            23+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Antigo 13 de novembro de 2017 at 15:12

              Quando a gente pensa que não pode piorar, me vem uma dessas.
              Ágio no caução!!!
              É para vestir um calção e fugir correndo

              24+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
      • Margarida 13 de novembro de 2017 at 21:23

        Parcelamento eu já tinha visto, mas não lembro se era só pra venda direta, nem quanto podia ser parcelado.

        Mas tem uma boa: de uma listinha de seis apartamentos que geralmente entram na seleção dos bairros que eu acompanho, dois que tinham sumido voltaram mais baratos. Um de 850k foi pra 750k, e outro de 336k agora por 290.

        Só que está tudo confuso, os imóveis que aparecem à venda no site da caixa aparecem no edital como leilão (proposta maior recebida até a data do encerramento da licitação, e não a primeira proposta recebida). Agora é que vai, mesmo.

        5+
        • avatar
        • avatar
        • Margarida 13 de novembro de 2017 at 21:31

          Agora que eu vi. Voltou pra modalidade licitação aberta! Foi a leilão, não vendeu. Licitação aberta, não vendeu. Venda direta. Não vendeu. Voltou pra licitação aberta. Rolando pra baixo.

          15+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • Tamorico 13 de novembro de 2017 at 15:05

    Na verdade não quero nem de graça… amigo meu que está encalacrado com casa que comprou por R$400.000,00 se sentindo imobilizado, longe da civilização, pagando R$3.000,00/mês.
    Perguntei para o amigo – Quanto vc alugaria uma casa no nível da sua? A resposta foi imediata: R$800,00 a R$1.000,00.
    Terminei o interrogatório sem mais perguntas…

    96+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Tamorico 13 de novembro de 2017 at 15:07

      Os R$3.000,00 que ele paga é para a Caixa Econômica pagar os jogadores e os cartolas do Futebol brasleiro.

      58+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Tamorico 13 de novembro de 2017 at 15:16

        por 30 anos………………………………………………………. Oh coitado!

        45+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Poucas Trancas 13 de novembro de 2017 at 17:14

      Eu li e imaginei um filme com tribunal…
      P: Quanto vc paga por mês?
      R: 3000.
      P: Quanto seria para alugar?
      R: De 800 a 1000.

      Sem mais perguntas. A promotoria encerra.

      76+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Zé do Brejo 13 de novembro de 2017 at 15:12

    Sobre o tópico
    Nota bem pequena, mas importante.

    12+
    • avatar
    • avatar
  • Zé do Brejo 13 de novembro de 2017 at 15:17
    • odorico 13 de novembro de 2017 at 15:21

      Até que não é tão ruim…. Selic Subindo, Rating Caindo, Dólar Subindo…. Assim como todo vento é ruim quando não se sabe onde está indo, todo vento é favorável se souber aproveitar….

      40+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Zé do Brejo 13 de novembro de 2017 at 15:28

        Lá vem a tempestade perfeita, tô pegando minha prancha para surfar umas ondinhas 🙂

        28+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Garotinha 13 de novembro de 2017 at 15:23

    Off
    graças aos amiguinhos daqui, resolvi mudar o estilo pra ver se vende o bolhudex logo

    vou fazer cara de desesperada, como se precisando vender por qualquer preço. Dizer que tenho muita pressa,descabelada e aflita
    a pessoa vai querer aproveitar a chance

    alguém comentou lá atrás que ficam os proprietários todos blasés, com cara de que não precisa vender, e que isso é pior ainda.

    refleti sobre o assunto e é verdade, desestimula qualquer negociação. Além de ser uma coisa antipática, fica parecendo que sou daquelas que coloca o preço lá em cima, tipo “meu imóvel é uma maravilha, eu sou maravilhosa, esnobe e tô cagando pra você, seu plebeu, que pague meu preço ou se mande”

    obrigada aos colegas daqui, quem postou me deu um toque maravilhoso

    65+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 13 de novembro de 2017 at 15:29

      Não esqueça de mostrar que o apartamento dispõe de bidês.

      28+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Garotinha 13 de novembro de 2017 at 15:39

        esse aqui não tem espaço nem para armário de banheiro, é o de 32 m2
        os bidês são na casa na montanha!
        Bidê e carpete!
        essa ainda vai entrar no mercado depois de vender o de Copa
        aí com certeza falarei muito sobre os bidês
        sabe que na Argentina todas as casas tem bidês
        até as novíssimas

        30+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 13 de novembro de 2017 at 19:52

        verdade garotinha

        faça cara de deu a louca no gerente diz que está de mudança de medo do RJ, que ainda não recebeu o salario do ano passado, o 666 vai correr pra comprar antes que outro se aproveite de você, estimular o pior das pessoas sempre dá certo.

        e verdade 2, bidet na argentinha é patrimonio, passei 80 anos sem saber que tinha intolerancia a lactose, hoje resolvo meu problema de bidet com remedinho, mas véio sabe como é, vão se os motivos, ficam as manias.

        17+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Garotinha 13 de novembro de 2017 at 22:27

          eu uso Kefir, fico cultivando as bactérias fedorentas e depois tomo
          nada de remédio de farmácia
          sou alternativa e faço meu probiótico
          ainda participo da rede de distribuição
          dôo Kefir de água para os intolerantes a lactose

          12+
          • avatar
          • avatar
        • dermaRoger 14 de novembro de 2017 at 01:06

          I ❤️ Lucas

          6+
          • avatar
    • Cesar_DF 13 de novembro de 2017 at 17:39

      Garotinha
      Falando sério mesmo, acho que o Hell de Janeiro está na beira do precipício
      São vários fatores, e não apenas financeiros, como também da questão forte do carioca “viver de imagem”
      Se a “imagem” deteriorar, ocorrerá um efeito manada
      Sugestão: VENDA RÁPIDO

      32+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Garotinha 13 de novembro de 2017 at 21:27

        eu sei, eu brinco mas fiz campanha séria com maridón para baixar logo o preço, porque se for que nem anos 80 e 90 vai esperar anos sentado vendo a vista até aparecer gente interessada e com grana.

        ele passou a semana sózinho na montanha para refletir, amanhã já sei que vai chegar disposto a vender mais barato sem grandes problemas.

        `Pra mim o Rio já caiu no precipício, e vai levar tempo pra sair, mas passeando hoje no calçadão nem dava pra perceber grandes coisas. Só que quem estava lotando ali eram gringos, 100%.
        o povo daqui não tem dinheiro pra nada, nem sei quando vai ter de novo.

        16+
        • avatar
        • avatar
        • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 07:00

          Garotinha
          Olhando para outras cidades, como Detroit, o Hell ainda não está dentro do precipício, mas caminha inexoravelmente para ele.

          # 01 de Detroit foi a quarta maior cidade dos Estados Unidos, e já foi o lar para cerca de 2 milhões de pessoas. Mas, ao longo das últimas décadas as pessoas foram fugindo em massa. Segundo o censo de 2010, apenas 713 mil pessoas vivem hoje em Detroit, e os funcionários municipais admitem que a população provavelmente caiu para 700.000 neste momento.

          # 02 A população de Detroit diminuiu em cerca de 25 por cento na última década. A última vez que a população de Detroit esteve neste patamar foi em 1910.

          # 03 Hoje, Detroit é apenas a 18 maior cidade da América. Agora, é menor do que Austin, no Texas, e Charlotte, na Carolina do Norte.

          # 04 em 1960, a cidade de Detroit teve a maior renda per capita nos Estados Unidos.

          # 05 Hoje, a taxa de desemprego em Detroit é de mais de 18 por cento , o que é mais que o dobro do que a média nacional.

          # 06 De acordo com um relatório que foi recentemente lançado, cerca de 60 por cento de todas as crianças em Detroit vivem na pobreza.

          # 07 Cerca de um terço dos 140 quilômetros quadrados de Detroit ou são vagos ou abandonados.

          # 08 O governo da cidade de Detroit fechou dezenas de escolas e decidiu cortar serviços públicos às ” áreas muito arruinadas “.

          # 09 De acordo com uma estimativa, existem 33.500 casas vazias e 91.000 vagas lotes residenciais na cidade de Detroit hoje.

          # 10 O preço médio de uma casa em Detroit é apenas 9.000 dólares , e há algumas áreas de Detroit, onde você ainda pode comprar uma casa por US $ 100 .

          # 11 Existem mais de 85.000 postes em Detroit, mas os ladrões roubaram tanta fiação de cobre que mais da metade deles não estão funcionando.

          # 12 Prefeito Bing anunciou um plano para reduzir o número de postes na cidade de Detroit para apenas 46.000.

          # 13 De acordo com um relatório muito chocante, 47 por cento de todas as pessoas que vivem na cidade de Detroit são analfabetos funcionais,

          # 14 A taxa de homicídios em Detroit é 11 vezes maior do que na cidade de Nova York.

          # 15 aconteceram 377 homicídios em Detroit, em 2011. Em 2012, esse número subiu para 411 .

          # 16 homicídio justificável em Detroit subiu uma espantosa de 79 por cento em 2011.

          # 17 Em um ano recente, a taxa de auto-defesa assassinatos na cidade de Detroit foi 2200% acima da média nacional.

          # 18 Dez anos atrás, havia cerca de 5.000 policiais na cidade de Detroit.Hoje, existem apenas cerca de 2.500 e outras 100 estão programadas para ser eliminado do vigor em breve.

          # 19 Devido a cortes no orçamento, a maioria das estações de polícia em Detroit estão agora fechados ao público 16 horas por dia .

          # 20 Crime ficou tão ruim que até mesmo em Detroit os policiais estão estão dizendo às pessoas para ” entrar Detroit em seu próprio risco “.

          # 21 Em um ponto, 100 motoristas de ônibus em Detroit recusaram a dirigir as suas rotas, porque eles estavam com medo de ser atacado nas ruas em plena luz do dia. O chefe do ônibus motoristas união, Henry Gaffney, disse que os motoristas foram literalmente ” medo por suas vidas “….
          “Nossos motoristas estão com medo, eles estão com medo por suas vidas. Esta tem sido uma situação em curso sobre segurança. Eu acho que tipo de ontem apenas com tampo ele, quando um dos meus motoristas foi espancado por alguns adolescentes para baixo no meio de Rosa Parks e levou a polícia quase 30 minutos para chegar lá, no centro de Detroit “, disse Gaffney.

          # 22 Há relatos de que grupos de homens jovens com AK-47s foram aterrorizam postos de gasolina em todo Detroit .

          # 23 Detroit já foi conhecido por fazer alguns dos melhores carros do mundo. Agora, ela é conhecida em todo o mundo como uma lixeira para os mortos …
          Da rua, os dois corpos em decomposição foram quase invisível, escondido em um terreno coberto ao lado de pneus desgastados carro e um sofá mofado. Os adolescentes tinham sido baleados, despojado de suas roupas íntimas e deixou em um bloco deserta.
          Eles eram apenas as últimas vítimas de um crime cujos restos foi descoberto por dia depois de ter sido escondido dentro vasto deserto de Detroit urbana – um deserto ruínas raramente visitado por pessoas de fora e raramente patrulhada pela polícia.

          # 24 escolas públicas de Detroit são um pesadelo absoluto. O seguinte é de um dos meus leitores que realmente participou de um dos “melhores” escolas públicas de Detroit …
          A escola era uma história nova a construção de sete apenas um par de anos. As casas de banho, muitas vezes falta papel higiênico e sabão para além do segundo andar (o andar principal), as pias de banheiro que muitas vezes não funciona. As fontes de água no lado norte do edifício a partir do terceiro andar e se não funcionou. Os elevadores que constantemente quebram.Eu mesmo fiquei preso no elevador antes. Eu quase tropecei por uma meia de vôo de escadas porque a vedação elástica (era a barra de metal na frente de uma pisa de não sei o nome dele.) As escadas não foi instalado corretamente.
          Os alunos, muitas vezes têm sexo na escada e toda a escola. Os pais realmente chamado a escola muitas vezes & informou crianças fazendo sexo na escada, porque todos eles tinham janelas de vidro 270 graus.
          Mesmo lá na Europa eles escrevem histórias sobre o declínio dramático de Detroit. Por exemplo, o seguinte é como um jornalista britânico descrevia a sua visita a Detroit …
          Muito do Detroit é terrivelmente perigoso para seus próprios residentes, que em muitos casos, só ficam porque não têm outro lugar para ir. Crimes contra a propriedade é o dobro do americano crime, média violenta triplo. As casas isoladas, peeling, as estradas inundadas, os desajeitados, enferrujadas carros antigos e os quintais abandonados em meio a árvores e virilha alta pastagens fazem pensar que estão na zona rural do Alabama, não em uma das maiores cidades industriais que já existiram.

          https://jornalggn.com.br/blog/luisnassif/24-fatos-sobre-a-decadencia-da-cidade-de-detroit
          http://nationalpost.com/news/graphics/graphic-detroit-then-and-now
          https://exame.abril.com.br/economia/detroit-berco-da-industria-automobilistica-pede-falencia/

          16+
          • avatar
          • avatar
          • Zé do Brejo 14 de novembro de 2017 at 10:04

            Aposto que a maioria dos moradores de Detroit não imaginavam que essas coisas pudessem um dia acontecer.
            E assim segue a vida, as pessoas pagam pra ver.

            19+
            • avatar
            • avatar
      • Rico 14 de novembro de 2017 at 11:54

        Não pude resistir… O Rio de Janeiro está a beira do precipício e o resto do país esperando para ver quem vai ser o segundo a pular…

        14+
        • avatar
        • avatar
    • jodorowsky 13 de novembro de 2017 at 19:13

      Tá querendo quanto no “lindinho”? Por 70 mil eu financio ele, se estiver reformado.
      Obs.: o lindinho eu tirei de um anúncio de kit no zapimóveis

      6+
      • avatar
      • Garotinha 13 de novembro de 2017 at 21:32

        hahahhha, vou anunciar assim, se bem que “fofinho” também é interessante
        eu quero 500, e não está reformado, só elétrica e piso

        7+
  • MauricioSP 13 de novembro de 2017 at 15:27

    do tópico passado:
    andrezinho 13 de novembro de 2017 at 14:07
    Vocês que são mais entendidos, em que fase estamos? “return to normal”?

    10+
    • avatar
    • avatar
    • MauricioSP 13 de novembro de 2017 at 15:27

      Na minha opinião, o que chamamos de bolha até 2010 foi na verdade um “return to normal”, pois havia um vale no crédito habitacional desde sempre. Ou seja só a partir de 2004 com a estabilização da moeda, juros baixos, financiamento habitacional sendo um % relevante do PIB, financiamentos em 30 anos chegamos a um patamar que é comum nos outros países.

      Quando aluguel é “jogar dinheiro fora”? Quando o valor do aluguel é similar ao valor da parcela do financiamento, e com o financiamento você está adquirindo um bem.

      Depois de 2010 a bolha começa, o MCMV cria um novo piso para o valor de imóveis, e ela chaga ao topo em 2014. Então ao meu ver, quando chegarmos aos preços de 2010 novamente, a bolha estourou. Em SP, seria o equivalente a um apartamento de 70 m2 e 2 quartos hoje por uns 200 mil, ou 3 mil o metro quadrado. Já se encontra nesse valor nos leilões, mas a maioria das pessoas não se arrisca a comprar em leilões por causa dos riscos envolvidos.

      15+
      • avatar
      • avatar
    • Cesar_DF 13 de novembro de 2017 at 17:42

      andrezinho

      De acordo com o benchmarking IVG-R X Renda Per Capita, a bolha imobiliária começou em 2005 mas teve uma forte aceleração em 2008, onde ocorreu uma grande subida no “Price to rent ratio” (FatorX)

      Na minha opinião, ainda vai demorar uns 2 anos para iniciar o DESPAIR, mas isso variará de cidade para cidade

      23+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • andrezinho 13 de novembro de 2017 at 19:14

        Pelo pouco que entendo, um bom sinal de preço razoável é o teto de até 150x o valor do aluguel do mesmo imóvel (considerando um apartamento, por exemplo). É mais ou menos a régua balizadora que uso nas minhas buscas, mas pelo menos na minha região (grande sp) ainda estamos bem longe disso, com prédios novos e na pRanta por volta dos abusivos 200-250x.

        Todo caso, graças aos maravilhosos conselhos deste site, sigo acumulando no TD as moedinhas para lá na frente comprar à vista. Se os preços caírem, como preconizam aqui, fiz um ótimo negócio. Se não caírem, também fiz ao não comprar nada pelo que não vale e permanecendo líquido num país pra lá de turbulento.

        21+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • MARK 13 de novembro de 2017 at 21:51

          andrezinho, aqui em Santos ainda estamos longe do fator 150x do valor do aluguel nas vendas. Vejo quedas, pois há muita oferta mas ainda não apareceram os desesperados não. Há dois anos atrás lembro de ter visto um apto na Aparecida por 340k em prédio com elevador, uma raridade na época. O apto estava no original, tinha elevador, mas não tinha suíte e o prédio estava meio caidão. Todos os apartamentos de dois dormitórios em regiões equivalentes estavam na casa dos 460k, 500k. Disse para o corretor que procurava um em melhor estado, com suíte e elevador na faixa dos 300k, no máximo. Ele deu risada “Nessa faixa, meu amigo, só sem elevador aqui em Santos”.Eu ri com ele. Esta semana fiz uma filtragem e dei uma olhada nos anúncios, tem VÁRIOS aptos na faixa dos 300k no Embaré, Aparecida, Ponta da Praia e Boqueirão, com elevador em prédios interessantes, mas sem suíte. Mesmo a 300k ainda não rola o fator 150x o aluguel, entendo que não compensa a compra. Duvido que aluguem por mais de 1k (desconsiderando condomínio e IPTU), compensa a locação. Acabou virando CVR.. rs

          18+
          • avatar
          • avatar
        • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 07:03

          Andrezinho
          Antes de 2003 era comum encontrar um FatorX de 100

          10+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
      • Lucas 13 de novembro de 2017 at 19:57

        O despair de alguns bancos já começou, ou vc acha que banco leiloa por menos que emprestou de nojo de dinheiro???

        o resto das pessoas tipo a garotinha deviam estar em Despair, mas estão de boas, dançando ao por do sol na pedra do arpoador que admito é dos lugares mais legais do RJ pra sentir a vibe entrar. desculpa aí garotinha, amigos amigos, bolha a parte. bjs

        26+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Garotinha 13 de novembro de 2017 at 21:15

          véio, você além de guru é médium
          teve visita aqui no apê, corvo chato falando no ouvido, as pessoas não me pareceram compradores para esse tipo de imóvel .
          senti que estava murchando e fui tomar uma água de côco vendo os surfistas lá perto da Pedra
          pela hora, foi bem quando você postou.
          eu hein, que coisa mais louca

          16+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Festa_no_Ap 18 de novembro de 2017 at 02:38

            ele é só a pessoa atrás do seu login mesmo, inclusive aquele BS que chama ele de mestre, todos a mesma pessoa, kkkkkk

            0
        • Lucas 13 de novembro de 2017 at 21:45

          vc é 30009w4096835 pessoa que me diz isso.
          isso sim é coincidencia, deve ser o tal do talamo menor que faz o hipo maior

          10+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Garotinha 13 de novembro de 2017 at 22:18

            que nada, você é bruxooooo
            lembrei dos livros do Castaneda, você é que nem o D. Juan del Peiote 😉

            7+
            • Lucas 14 de novembro de 2017 at 10:45

              no ultimo ensina o passo do poder, não é que aquela merda funciona? ja fiz trilha a noite, já desci barranco, aquela doidera funciona mesmo, tenta usar na pedra…
              acho que o ultimo não foi publicado, o cara morreu antes

              6+
              • avatar
              • Garotinha 14 de novembro de 2017 at 11:46

                Off total brujaria entre véios

                na Pedra do Arpo fica difícil, parece um formigueiro de suburbanos
                acho que você está falando daquele passo que levanta os joelhos até o peito fazendo algo com os braços,nem lembro direit

                eu tentei um ensinamento de caminhada de D. Juan quando tomei Daime nas montanhas de Teresópolis, mas desci sózinha as trilhas sem iluminação e fiquei assustada porque via as árvores todas com caras e bocas falando comigo. Eu corria em lugares escuros sem cair nos troncos e obstáculos, depois percebi que estava com visão noturna. Aí me resgataram, eu tinha fugido do templo que ficava lá em cima, era bem chatinha a cantoria do Daime, parecia culto do Padre Marcelo, todo mundo dançando e levantando os braços

                era um exercício que vc enroscava os dedos, e ia andando e balançando a cabeça pra cima e pra baixo na direção dos pés, e sem deixar os olhos entrarem em foco. imagina a cena, eu toda loka de Daime tentando fazer exercícios sem ninguém pra orientar. Deu ruim, é claro…

                atenção: esse post não tem intenção de induzir ninguém a consumir nada de esquisito, apesar do Daime ser legalizado em território nacional. É ruim o gosto e alucinógeno, além de serem igrejas muito chatas cheias de gente mala e problemática. E o culto dura umas 8 horas no mínimo. Não recomendo

                quando fui ao Peru vi que tinha excursão com bruxo particular pra ir tomar ayahuasca lá nas montanhas, num lago famoso

                Garotinho não quis ir, achou muito fake o índio, ele parecia aqueles apaches de filme americano, cabelo com escova de salão todo esvoaçante, bem alto e com traços de branco.
                Maior gato o pseudo índio, e com umas roupas de camurça lindas e adereços de prata com um design sensacional, a mulher dele vendia réplica desses amuletos.

                se não fosse caríssimo eu teria ido loucar lá nas montanhas peruanas. Ainda não desisti, vou tentar na Bolívia…

                8+
                • avatar
                • Lucas 14 de novembro de 2017 at 12:04

                  daime no peru é fake, o cipó dá em fundo de vale
                  no peru eles tem outras coisas locais
                  http://www.diariodaerva.com/2010/06/cacto-san-pedro-wachuma.html
                  ao restante do blog não significa recomendação, vc pode morrer brincando com isso.
                  aliás vi lá umas excursões que mistura os 2.

                  5+
                  • avatar
                  • Lucas 14 de novembro de 2017 at 12:09

                    nem tentem comprar, apser de ser legal em x países (não sei no BR) se vc comer o pedaço errado vc morre, são plantas venenosas.
                    esse aí tem que abrir achar a … kkkk, parei…

                    5+
                    • avatar
                  • Garotinha 14 de novembro de 2017 at 12:16

                    é, o que me segura é quando lembro aquele vomitório todo e as bad trips no meio.
                    já tinha me ligado no S. Pedro, hehehehehh,

                    sabe que eu lembro de uma frase num livro do Castaneda que é super bolhista
                    ” o rico se perde no meio de tanta riqueza”
                    é básicamente sobre isso que falamos nesses CVR s de decadência inexplicável no meio de tantos bens acumulados

                    5+
                    • avatar
                    • avatar
                    • Lucas 14 de novembro de 2017 at 12:46

                      por muitos anos, muito tempo atrás, tive a erva do diabo e a biblia sagrada na cabeceira, eu tenho quase todos os 10 livros publicados ainda eu acho.
                      interessante notar como as coisas vem de longe e como são parecidas
                      na bilbia diz, se vierem riquezas que venha leve, pq é mais facil um canelo passar por um buraco de agulha que um rico entrar pro reino dos céus.

                      mas isso foi antes do meu go west total, aí os dilemas se dissolveram

                      4+
                      • avatar
                • OcaradoAcre 15 de novembro de 2017 at 23:22

                  Nas montanhas é fake mesmo, o cipó cresce na bacia amazonica.

                  1+
          • dermaRoger 14 de novembro de 2017 at 02:21

            #somostodosLucas

            6+
            • avatar
            • avatar
        • Lucas 13 de novembro de 2017 at 21:50

          como o zéze´ carioca diz é çofti

          3+
          • avatar
  • Zé do Brejo 13 de novembro de 2017 at 15:59

    Detalhe sobre os BONS FUNDOS, geralmente não são abertos, ficam disponíveis para um clube bem restrito.
    Quando eles se tornam abertos, é porque os tubarões já fizeram a festa e deixam os restos para as sardinhas.
    Apresentam aquela rentabilidade passada maravilhosa e que te avisam que não é garantia de rentabilidade futura.
    O mais impressionante, as sardinhas entram 😀

    38+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 13 de novembro de 2017 at 16:51

      Os melhores são para clube fechado mesmo, mas há também uns bons para nós sardinhas kkk
      Não descarte logo de cara, tem boas oportunidades
      O importante é saber o que está fazendo, em que o fundo investe, as taxas envolvidas e o histórico dos gestores. Ou continuar no TD mesmo, que não é nada mal também, país dos juros

      19+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Zé do Brejo 13 de novembro de 2017 at 16:54

        Existe sim Antigo, só estou salientando que IMPORTANTÍSSIMO se informar ao máximo antes de entrar.
        Existe coisa boa sim 🙂 mas a grande maioria é porcaria.

        13+
        • avatar
        • Garotinha 13 de novembro de 2017 at 17:21

          anos 90 foram excelentes para fundos, minha família e eu lucramos bem.
          tinham uns maravilhosos no banco Chase, que saiu do Brasil

          11+
          • avatar
          • avatar
          • From_The_Tower 13 de novembro de 2017 at 17:33

            mas e o J.P. Morgan?
            só atende Private ?

            6+
            • avatar
            • Garotinha 13 de novembro de 2017 at 19:59

              só private
              quando tive conta era Chase Manhattan ainda, e eram mais flexíveis
              aí quando voltou nos anos 2.000 já era J. P Morgan Chase, e não sei bem qual apito que tocam agora

              8+
              • avatar
              • avatar
    • andrezinho 13 de novembro de 2017 at 19:20

      E para entrar no clube restrito precisa do que? Ter alguns milhos grandes?

      1+
  • CA 13 de novembro de 2017 at 16:18

    Sobre o tópico, vou fazer um link com um assunto que falo de vez em quando por aqui, que são as PEDALADAS da Gafisa:

    Em 2005 Sam Zell, um dos pais da bolha imobiliária americana, entrou com participação relevante na Gafisa. Em 2007 a Gafisa disparou na compra de terrenos e a partir de 2008, com volume recorde de lançamentos e vendas FALSAS na planta, com isto, preço da Ação disparou, a tal ponto que Sam Zell vendeu 97% de suas Ações com lucro bilionário em 2010. Em 2011, como fruto das vendas FALSAS na planta feitas a partir de 2008, um volume absurdo e sem precedentes de DISTRATOS, isto para uma empresa que já praticava vendas na planta HÁ DÉCADAS.

    Acima foi a primeira pedalada da Gafisa.

    Entre 2012 e 2013 a Gafisa quase quebrou graças ao super-endividamento causado pelo esquema acima. O que fizeram? Venderam 70% da sua “galinha dos ovos de ouro”, o segmento Alphaville, para um fundo de investimentos internacional. Adivinhem qual o nome deste fundo de investimentos?

    https://exame.abril.com.br/negocios/gafisa-vende-70-da-alphaville-para-blackstone-e-patria/

    Pois é, o fundo Blackstone, comprou 70% do segmento Alphaville. Ué, mas o Alphaville não era a “galinha dos ovos de ouro”, como pode agora vermos uma notícia na mídia dando conta de QUEDA dos preços dos “ovos de ouro”, como consta no tópico de hoje???

    Esta foi a segunda PEDALADA da Gafisa.

    Em 2013 ainda sob o impacto do altíssimo e anormal volume de distratos, enquanto organizavam as finanças, suspenderam os lançamentos da Tenda, segmento popular, que sempre impulsionavam os números com vendas FALSAS na planta.

    O que aconteceu?

    Em 2016, o volume de distratos foi relativamente baixo, embora ainda anormal, graças a suspensão de lançamentos da Tenda em 2013, com isto, conseguiram enganar outra empresa multinacional e venderam 30% da Tenda para esta empresa, como se o negócio estivesse “em recuperação”, milagrosamente no sentido contrário de todo o mercado imobiliário brasileiro. Logo em seguida, prejuízos bilionários e retorno dos distratos ainda maiores, afinal, haviam pedalado com mais vendas FALSAS na planta em alto volume a partir de 2014, contando com o dinheiro que sobrou da venda de 70% do segmento Alphaville.

    Esta foi a terceira PEDALADA da Gafisa.

    Ainda no tópico de ontem, o marchi me perguntou sobre como a Gafisa conseguia fazer um aumento de capital a esta altura e expliquei para ele, que esta era a quarta PEDALADA da Gafisa, mais uma vez, se utilizando de dinheiro de fundos para causar uma pseudo recuperação, simular melhoria, ganhar sobrevida, enganar os sardinhas da BOVESPA e dar espaço para que as pessoas físicas aumentem seus lucros ou diminuam seus prejuízos.

    Esta foi a quarta PEDALADA da Gafisa.

    Moral da história: como em TODA bolha imobiliária ao redor do mundo, as empresas e principalmente os fundos de investimento são USADOS para terem PREJUÍZOS homéricos com a finalidade de gerarem ganhos para as pessoas físicas. A Gafisa quase quebrou com os distratos ANORMAIS a partir de 2011, mas Sam Zell saiu com lucro bilionário 1 ano antes, depois foi a vez do FUNDO DE INVESTIMENTO Blackstone ter prejuízo relevante como apontado no tópico de hoje, mas tenham certeza que os administradores destes fundos ganharam muito com a ESPECULAÇÃO e outros esquemas que aplicaram como pessoas físicas e o mesmo vai se repetindo enquanto eles conseguirem PEDALAR…

    OBS: lembrando o que coloquei no tópico anterior, que quanto mais pedalam, pior ficará a situação quando não tiverem mais fôlego…

    46+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Leonardo M. 13 de novembro de 2017 at 16:44

    CVR

    Nosso querido casal bananense chorando as pitangas no ZAP ZAP que o Itaú tem o juros mais caro.
    Também disseram que era é uma injustiça esse juros altos e que a construtora estão “obrigando eles a assinar com Itaú”.
    É aquele mímimimi de sempre

    PMJs
    Assina com o Itaú casal 666 favorito desse blog
    Tem muita gente aqui com CDBs opressores do Itaú e precisam desse suado dinheiro kkkkk

    60+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 13 de novembro de 2017 at 16:48

    Caixa e Itaú dão descontos em feirões de dívidas

    Bancos aproveitam o final do ano para oferecer descontos e condições facilitadas para clientes quitarem dívidas
    os descontos “são significativos” para pagamento à vista.

    https://exame.abril.com.br/seu-dinheiro/caixa-e-itau-dao-descontos-em-feiroes-de-dividas/

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Coelho da pascoa 13 de novembro de 2017 at 17:21

    Faz um tempo eu falei o o Bradesco ia quebrar a cara com os mega estoques de apartamentos especialmente em Osasco

    25+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • CA 13 de novembro de 2017 at 18:11

    Sobre o tópico – parte 2

    Então os imóveis em garantia do fundo Blackstone não pagam as dívidas com o Bradesco?

    Assim como as dívidas da PDG, Rossi, Viver e de uma infinidade de outras construtoras que não tem Ações na BOVESPA também não estão cobertas pelos estoques oferecidos em garantia, apesar destes estoques estarem em volumes muito elevados / anormais e serem equivalentes a ANOS de vendas segundo os relatórios oficiais destas próprias construtoras?

    Assim como o estoque de imóveis em garantia para financiamentos de pessoas físicas também não cobrem os financiamentos, o que se demonstra nos prejuizos nos leilões em que conseguem vender algo?

    E agora, como registrar o impairment e reconhecer a queda de valores de garantias que demonstrariam um ROMBO enorme e faria com que alguns bancos tivessem que rever por completo suas condições de financiamento para serem muito mais restritivos e com isto gerarem um efeito manada de queda de preços que retroalimentaria o esquema de auto-destruição financeira dos próprios bancos?

    Uma CEF quebraria, o Conselho curador do FGTS seria obrigado a cortar todos os empréstimos para o segmento imobiliário, MUITAS construtoras quebrariam de vez e o mundo de FAZ DE CONTA desapareceria, dentre diversas consequências muito negativas para os principais envolvidos nesta bolha.

    Então o que fazem?

    Mudam o cálculo de resiliência dos bancos às quedas de preços de imóveis, mudam o cálculo do IVG-R, mudam as regras dos leilões para que mutuários arquem com valor recebido em leilão que seja inferior ao saldo, ampliam prazo para bancos ficarem com imóveis sem conseguir leiloar, ampliam o prazo de inadimplência para que possam utilizar FGTS, para cobrir até 12 meses de atraso no pagamento de parcelas do financiamento imobiliário, descolam R$ 10 BILHÕES do FGTS a FUNDO PERDIDO para cobrir uma PARTE do ROMBO multi-bilionário da CEF, aumentam as vendas de títulos podres, aumentam a DESINFORMAÇÃO na mídia e falam sobre recuperação do segmento que não existe, etc, etc, etc.

    Isto tudo que consta acima, sem contar os prejuizos irrecuperáveis quanto à golpes multibilionarios com dinheiro do FI FGTS que levaram dois vice-presidentes da CEF para a cadeia, prejuízos com fundos de previdência de funcionários públicos, com o projeto “Alice no país do Porto Maravilha”, com empréstimos a fundo perdido para empresas quebradas amigas do rei (Bunlai, Sete Brasil, Oi, OGX, etc), dentre tantos e tantos outros ROMBOS ainda não plenamente reconhecidos nos balanços dos bancos, em especial no caso da CEF.

    Tudo para MAQUIAR a realidade e PEDALAR no mundo de FAZ DE CONTA, adiando o INEVITÁVEL…

    35+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 13 de novembro de 2017 at 18:21

      CA
      Se isso fosse uma situação conjuntural de baixa demanda devido a crise financeira, até seria compreensível este “empurrar com a barriga”
      Mas o problema está também no outro lado da equação: A OFERTA
      Hoje deve existir cerca de 12 milhões de imóveis residenciais vagos
      Então mesmo que, num passe de mágica, voltasse a ter dinheiro para comprar imóveis, não existe pessoas suficientes para comprar tudo isso.
      Isso apenas faz mudar o perfil da bolha brasileira, de uma bolha a la Espanha, com 9 anos de quedas para uma a la Japão, com mais de 20 anos de quedas.
      Numa situação de lento “retorno a normalidade” o patrimônio dos “investidores em imóveis” irá se destruindo, sobrando apenas a eles a “queima” dos imóveis

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • CA 13 de novembro de 2017 at 18:49

        Cesar_DF,

        Há muitas e sensíveis diferenças entre Brasil e Japão neste quesito.

        Vou mencionar apenas uma pequena AMOSTRA:

        1) Em São Paulo, o aumento percentual nos preços dos imóveis foi maior do que no auge da bolha imobiliária japonesa medida pelos preços praticados em Tóquio, apesar da densidade demográfica em São Paulo ser menos da metade daquela observada em Tókio e apesar da distorção entre o preço dos imóveis e a renda em São Paulo e no geral do Brasil também ter sido MUITO maior que no Japão;

        2) Tivemos no Brasil uma bolha imobiliária mesclada com bolha de consumo, combinadas com um crescimento e explosão sem precedentes no mundo quanto à corrupção endêmica, misturada com uma irresponsabilidade fiscal tanto para governo federal, quanto para estados e municípios, onde o nível de risco perceptível é muito superior, por sermos um país em desenvolvimento e não desenvolvido como o Japão, por não termos mecanismos de sustentação / recuperação da economia equivalentes ao do Japão (exemplo: comércio exterior no Brasil que é o sexto mais irrelevante do mundo e não ajuda nada na recuperação mesmo quando câmbio favorece), por termos juros que estruturalmente sempre foram maiores que os do Japão e não permitirem ações apelativas de juros negativos na mesma proporção e duração que adotaram lá, dentre uma série de AGRAVANTES no caso da bolha brasileira;

        3) Temos uma CEF, combinada com FGTS / Poupança que se assemelham muito mais à dependência / insustentabilidade de Fannie Mae e Freddie Mac na bolha imobiliária americana do que à diluição dos agentes financeiros que ocorreu na bolha japonesa, o que combinado com o item 2 acima e também com um inédito e vultuoso esquema de vendas FALSAS na planta, também são fatores completamente distintos dos japoneses e agravantes igualmente relevantes;

        4) Como país “em desenvolvimento”, temos uma realidade de péssima distribuição de renda, mesclada com uma infraestrutura logística, produtividade, educação, tecnologia, etc, que estão a ANOS LUZ do Japão, novamente, não há nenhuma base de comparação, sendo que tudo isto prejudica qualquer sustentação da economia ou recuperação pelo esforço em se tornar mais competitivo e gerar resultados mais sustentáveis;

        5) O momento em que o Mundo passa hoje é completamente diferente do que o Japão enfrentou a partir do início da década de 90. Àquela época, era natural utilizar-se a cultura patrimonialista para tentar sustentar a irracionalidade ou fazer com que a queda fosse mais suave, hoje em dia, a leitura de cenários ligados ao desapego pelo “ter imóveis” e a presença maciça com crescimento exponencial quanto a oportunidade de “usufruir sem ter”, que vemos em Uber, Airbnb, etc, etc, etc, apenas é MAIS um desestímulo para manter o esquema de UTOPIA e mais uma diferença relevante entre as situações de Japão e Brasil. O Japão vê esta situação nova se consolidando após décadas de uso da cultura patrimonialista na explosão de sua bolha, o Brasil em comparação observa a deterioração mais relevante do segmento imobiliário ao mesmo tempo que esta cultura está sendo destruída rapidamente;

        6) Outra diferença em relação ao contexto mundial, é que na época o Japão foi pioneiro nas bolhas, assim como foi dos primeiros a adotar medidas heterodoxas como cortes radicais de juros e até juros negativos por períodos muito extensos, hoje esta política está desgastada mundialmente, sem contar que não havia no início da década de 90 no Japão ameaças tão relevantes como as da bolha imobiliária chinesa, da bolha das bolhas do mercado acionário americano e o Japão, por não ser um país “em desenvolvimento” como o Brasil, não era visto como um dos principais prejudicados por estas ameaças concretas.

        Existe uma infinidade de outros elementos que nos distinguem do Japão e que nos dão a certeza que a nossa situação é MUITO mais grave e MUITO MENOS sustentável que a deles por um período tão longo, ressalto, o que coloquei acima foram só AMOSTRAS…

        23+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Cesar_DF 13 de novembro de 2017 at 18:59

          CA
          Temos uma diferença enorme com o japonês referente POUPANÇA
          Asiáticos poupam muito, enquanto o brasileiro se endivida muito.
          Sinceramente, aqueles casos esporádicos que já estamos vendo do pessoal com seus 50-70 anos que viveram por muito tempo com os rendimentos de locações, boa parte herdada dos pais, é que tende a se generalizar e muita gente vai quebrar.
          Ainda mais que, para a geração mais nova não é uma prioridade ser proprietário de um carro ou de um imóvel.
          Fora os imóveis vagos atuais, nem estamos contando com os imóveis comerciais que serão convertidos em residenciais, conforme tendência que já está ocorrendo no EUA e MCE
          Aquela vacância de 35% que já ocorre em alguns locais do Japão, é porque foram construídos próximos ao que seria o “trabalho” mas este agora virou TELE-TRABALHO

          16+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • Lucas 13 de novembro de 2017 at 19:58

          Ca será que o bradosca tem nojo de dinheiro???
          Porque leiloar por menos do que vale?

          12+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Antigo 13 de novembro de 2017 at 20:29

            Vai ver estavam tendo muito lucro nas divulgações trimestrais, resolveram fazer caridade.
            Ajudar a suprir o déficit habitacional. Afinal o banco possui uma função social
            Espera, agora eu confundi com outro banco.

            15+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • EngenheiroSP 13 de novembro de 2017 at 20:38

              É o custo de guardar tanto dinheiro que fica caro, melhor liberar pra galera comprar seus muquifinhos a ficar guardando isso em algum cofre

              12+
              • avatar
            • Lucas 13 de novembro de 2017 at 21:46

              ah bom,
              achei que fosse o risco do governo confiscar dinheiro dos bancos, eles estão preferindo prejuizo a guardar lucro no cofre

              10+
        • Rico 14 de novembro de 2017 at 12:11

          CA, e a crise dos tigres asiáticos em 1997, não influenciou nada?

          0
  • Ilusionista 13 de novembro de 2017 at 18:42

    O que era a uns anos atrás símbolo de ostentação, as mansões estão se transformando em moradia coletiva de inquilinos que buscam um bom endereço, mas que abrem mão da privacidade e se beneficiam através do aluguel compartilhado para dividir os custos.
    Exemplos de vida compartilhada, todo alimento dentro da geladeira tem que ter uma etiqueta com nome de cada um, banheiros compartilhados, etc.
    mostram até inquilinos que conseguiram desconto de 2 mil na renovação, ótima matéria mostrando a tendência daqui para frente.
    segundo video, regime de compartilhamento de casas….

    https://gshow.globo.com/programas/mais-voce/episodio/2017/11/13/videos-de-mais-voce-de-segunda-feira-13-de-novembro.ghtml

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • CA 13 de novembro de 2017 at 18:54

      Ilusionista,

      Este é MAIS UM dos exemplos das diferenças GRITANTES entre Brasil e Japão quanto a explosão de bolha imobiliária, que comentei logo acima. Para um japonês a situação acima seria humilhante, degradante, alguns prefeririam morrer a ter que fazer isto. No Brasil, ainda mais em meio a uma cultura mundial orientada a compartilhamento de recursos, nada disto é impeditivo para que várias pessoas se amontoem em uma residência e isto se torne uma tendência que gera uma distorção cada vez mais profunda entre oferta e procura…

      38+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 13 de novembro de 2017 at 20:05

      que lindo e gostoso deve ser dividir o bidet com um estranho

      36+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 13 de novembro de 2017 at 20:47

        Daqui a pouco sai matéria na Ana Maria Braga ensinando como higienizar o seu sanitário coletivo.
        Quais produtos usar, quais evitar para não manchar a louça, o que fazer se entupir etc etc.
        Afinal, a TV precisa acompanhar as tendências do público.

        31+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Ilusionista 13 de novembro de 2017 at 21:13

        é a “gourmetização” dos antigos cortiços, repúblicas e pensões. Banheiro compartilhado com bidê rosa só é bom para o primeiro que usa e está livre dos demais aromas fecais.
        Cozinha compartilhada deve ser outro drama, vá que alguém goste daquele “perfume” de alguns pratos exóticos coreanos

        20+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Margarida 13 de novembro de 2017 at 22:03

          Isso mesmo. Aqui perto tem um quase pronto, novinho, gaiolas de 30m2 que são quarto, varanda, sala, banheiro e uma pia pra fingir que tem cozinha. O resto é compartilhado. Escritório, lavanderia, lounge, etc. É república. Nenhum problema, em algumas fases da vida as pessoas moram em repúblicas. Mas vamos dar os nomes certos às coisas.

          21+
          • avatar
  • BOLHA JOKER 13 de novembro de 2017 at 19:52

    CVR- Até onde vai o amor dos BRs pelos tijolos???? Uma cliente com renda de R$4k seu esposo com renda de R$2k queriam comprar um imovel de R$300k, nao conseguiam comprovar renda suficiente, ai resolveram incluir a mãe da cliente e aprovaram, parcela de +ou- 2,9k Financiamento de R$240 mil juros de 10,5% ao ano, Interessante e saber como uma familia que ganha 6k vai pagar 3k de parcela pelos próximos 30 anos tem que ter muita esperança!!!
    P.S: Aluguel de R$1.400 na região….

    57+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 13 de novembro de 2017 at 20:26

      Vai ser muita maldade sua tomar o apartamento dessa família feliz, Bolha Joker.
      Lembre-se sempre da função social da CEF.
      Se eles tiverem dificuldades, proponha inversão da parcela, conforme ensinado no tópico passado.

      25+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • BOLHA JOKER 13 de novembro de 2017 at 20:30

        Do jeito que estão as coisas o imóvel vai ser retomado antes que seja mobilhado kkkkk CAIXAO ta sinistro passando a faca!

        22+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • BOLHA JOKER 13 de novembro de 2017 at 20:31

          Mobiliado***

          7+
          • avatar
          • Antigo 13 de novembro de 2017 at 20:32

            Aliás, essa história da parcela invertida foi uma das maiores bizarrices que já li aqui. E olha que vocês capricham.

            Para quem não viu:
            http://paranaportal.uol.com.br/economia/cresce-18-o-numero-de-imoveis/
            A mutuária Amanda Correia financiou um imóvel e teve dificuldades para pagar as parcelas. Antes que o imóvel fosse a leilão, ela entrou com uma ação na Justiça por meio da associação e conseguiu a inversão na tabela de juros do financiamento. “Eu e meu esposo perdemos o emprego ao mesmo tempo e por isso fomos buscar uma alternativa. Conseguir essa inversão nos ajudou muito, pois agora estamos pagando as parcelas menores para no fim do contrato pagar as maiores. De uma parcela de R$ 1.800,00 foi para R$ 519,00”, conta.

            Créditos para o Alemon.

            42+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • EngenheiroSP 13 de novembro de 2017 at 20:36

              Não se respeita nem mais as leis economicas nesse buraco.

              Jaja tem gente entrando com processo pra suspender a lei da gravidade pra não cair o barraco

              37+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
            • BOLHA JOKER 13 de novembro de 2017 at 20:39

              Nossa senhoraaaa e serio isso???????? Pqp brasil realmente nao e pra amadores ja penso se essa moda pega????? Default na hora.

              22+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • Antigo 13 de novembro de 2017 at 20:43

                Não se espante tanto, que conhecendo esse país daqui a pouco chega um memorando no seu e-mail do trabalho explicando os detalhes dessa nova modalidade de negociação de financiamento.
                Você ainda vai inverter muita parcela, escreve aí.

                16+
                • avatar
                • avatar
                • avatar
                • avatar
                • BOLHA JOKER 13 de novembro de 2017 at 20:46

                  Realmente no nosso pais nao podemos duvidar de nada, ja penso se essa moda pega? com 13 milhões de desempregados, quantos não estão nessa mesma situação.

                  13+
                  • avatar
                  • avatar
                  • avatar
                  • avatar
            • DouglasteR 13 de novembro de 2017 at 20:59

              Ai chega no fim do financiamento e….. “ESSE JUROS ABUSIVOS !! O AP JA É MEU !”

              18+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
        • Margarida 13 de novembro de 2017 at 22:05

          Bolha Joker, você sabe explicar que novidade é essa de inverter as parcelas? Eu não consegui nem imaginar como isso é possível. Alguém sabe?

          9+
          • Krakenvader 14 de novembro de 2017 at 07:00

            Aprendi com o “fanfarraum” no tópico passado:

            “A tentativa de fugir do motumbo no tempo presente é proporcional ao crescimento do tamanho do X do motumbo no futuro.
            Por X, entende-se aquilo mesmo que vocês estão pensando.”

            Basicamente é como se fosse uma recuperação judicial: o credor aprova porque apesar de ter 100 a receber, ele prefere tentar receber 10 do que não receber nada. O caixão está fazendo a mesma coisa: tentando receber alguma coisa antes de leiloar os tijolos. Se não inverter as parcelinhas, não recebe mais nada.

            E segue o baile na banânia.

            20+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • fanfarraum 16 de novembro de 2017 at 17:26

              Nem na vida acadêmica na Banânia* o cara recebe direito os créditos.
              Até nisso, o nosso blog se supera a realidade.

              * Falo isso porque, além de várias provas anteriores, acabei de ler um artigo pela faculdade, indicado pelo professor, com 3 plágios descarados de “citação indireta”.

              0
  • Cajuzinha 13 de novembro de 2017 at 21:12

    http://www.diariosp.com.br/_conteudo/2017/11/dia_a_dia/21474-morumbi-tem-queda-no-valor-dos-imoveis.html
    Para se ter uma ideia, o preço médio do metro quadrado no bairro era de R$ 7,2 mil em 2015 e caiu para R$ 6,7 mil no ano passado.Os números deste ano ainda não estão fechados, mas espera-se redução ainda maior

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 13 de novembro de 2017 at 21:49

      morumbi é quenem o acre todo mundo já ouviu falar e sabe mais ou menos onde fica, mas chegar lá mesmo ninguem sabe como faz pra encontrar, nem é louco de ir.

      23+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Margarida 13 de novembro de 2017 at 21:52

    Eu não gosto de linkar anúncios, mas esse vale a pena. Reparem que, no anúncio, valor do aluguel é 2500 e o condomínio, 1000.

    “OBS: O condomínio está em reforma, estão reformando todo o lazer e fachada do condomínio. São apenas 8 apartamentos.

    Estamos alugando por muito abaixo do preço. Imóvel tem muito custo para ficar fechado.

    Valor correto do condomínio é R$ 2000,00
    Rateio para reforma do condomínio é mais R$ 2000,00.

    O apartamento está sendo alugado somente para pagar as despesas de condomínio e rateio.”

    Se conseguir alugar, recebe 500 reais brutos, do imóvel que ele diz que vale 820k. Enquanto isso, está no prejuízo de 4k por mês, só considerando condomínio e reformas. O que sobra líquido não deve dar nem pra pagar a caixinha do lixeiro, imaginem o IPTU. Esse tá feliz da vida, hem?

    https://www.zapimoveis.com.br/oferta/venda+apartamento+5-quartos+jardim-sao-caetano+sao-caetano-do-sul+sp+293m2+RS820000/ID-15548013/?paginaoferta=1

    24+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 13 de novembro de 2017 at 22:03

      Nossa
      Olha o tamanho desse negócio!
      Dá para morar uma família real e toda a corte no apartamento.

      Para que tudo isso gente? Quem precisa de 300 metros?
      Mas considerando esse tamanho todo, o preço não está tão errado, está cerca de 3 mil reais o metro.
      Baita prejuízo quem comprou hein… achou que ia valorizar será?

      “Ampla sala 4 ambientes com sacada, lareira (pedras vieram da Grécia)”

      Puro luxo

      25+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Margarida 13 de novembro de 2017 at 22:17

        Eu imagino a dificuldade de vender, mesmo nesse preço. “Quem precisa de 300m2” provavelmente prefere casas. Esse bairro mesmo tem várias casas muito boas sem esse condomínio. Uma saída seria essa nova modalidade de aluguel compartilhado. E quer saber? Duas ou três pessoas dividindo isso podem se dar muito melhor do que morando cada uma num cubículo de 30m2. É meio doido, isso, se parar pra pensar.

        18+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • MARK 13 de novembro de 2017 at 22:20

        Definiu bem, Antigo. Puro luxo, coisa rara de ver aqui no Bananistão, mas como você mesmo disse, “Quem vai querer morar (e administrar/cuidar) de 300m2? Esse tempo já passou…

        15+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • DouglasteR 13 de novembro de 2017 at 22:40

      Espetacular apartamento com o preço muito condizente. PENA que o condomínio NUCLEAR irá dissolver qualquer interessado.

      Xoxotecas nucleares.

      27+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • MARK 13 de novembro de 2017 at 22:21

    * morar em 300m2…

    3+
    • avatar
  • Margarida 13 de novembro de 2017 at 22:23

    VÉIO LUCAS! Entrei agora naquele site de leilões e ainda bem que a gente não fez aposta sobre quando bateria 300 em SP (capital). Tá em 381.

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 14 de novembro de 2017 at 10:50

      to vendo a hora que vai superar o zap móveis
      agora falando sério, a liquidez propiciada pelos leilões que antes era zero qualquer coisa, segundo minhas estimativas, já dão relevantes 30%, são chutes porque nos faltam dados, mas o thiago com certeza os tem. por exemplo compara o numero de vendas do CRECI o real da base e o estimado com só um site de leilão…
      … no meu ver estamos em DESPAIR, mas um despair maquiado com todo o respeito à ardencia elegante da nossa garota favorita, eles dançam enquanto arde, ela pessoalmente não se preocupa tanto, primeiro pq não tem herdeiros, depois que veio de herança, outra que sobrou muito pra eles de outras fontes, o +importante na vida é ser feliz, e eu concordo, não importa o que te acontecer, esteja com a cabeça coberta de sangue, se mantenha “capitão de sua alma e senhor do seu destino” (invictus, que aliás a poesia virou filme de rugby)

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • ABUTRE 13 de novembro de 2017 at 23:21

    Meio off:
    Analise da situação de momento:

    Milhares de imoveis a venda, pra alugar e indo a leilao, milhoes de pessoas com o nome sujo. Divida publica do país buscando 76% do pib esse ano. Jogo politico escancarado pra todo mundo ver, troca de ministerios o tempo todo. Pedaladas e mais pedaladas na caixao.

    Ano que vem eleicoes, divida passando de 80% do pib, duvidas sobre o novo presidente. Até onde o real aguenta? Até quando esse sistema bananense vai aguentar até a conta chegar?

    29+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • ABUTRE 13 de novembro de 2017 at 23:22

    E a principal pergunta…
    Oq vai acontecer quando a divida bater 100% do pib e nao tiver mais fgts pra pedalar?

    25+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 13 de novembro de 2017 at 23:30

    Condomínios caros afetam vendas de imóveis de luxo em Campo grande
    Negócios no mercado imobiliário tiveram queda de até 30% em dois anos.

    taxas de condomínio infladas por gastos com espaços gourmet, piscinas, saunas e academias em alguns prédios de luxo na Capital também ajudaram a afugentar alguns compradores destes tipos de empreendimentos. kkkk

    http://www.correiodoestado.com.br/economia/condominios-caros-afetam-vendas-de-imoveis-de-luxo-em-campo-grande/315280/

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 00:18

    Podres podres

    Bradesco avalia criar empresa de recuperação de crédito, dizem fontes… –
    está estudando se deve criar sua própria empresa de recuperação de crédito, o que ajudaria o banco a maximizar a cobrança de dívida inadimplente, …
    O número de companhias pedindo recuperação judicial alcançou o recorde de 1.600 neste ano até outubro, 58 por cento a mais que em igual período de 2015… –
    As provisões do Bradesco para empréstimos inadimplentes alcançaram R$ 31,9 bilhões (US$ 9,9 bilhões) no segundo trimestre de 2016, alta de 34 por cento…
    (portanto a caxão deve ter mais 60bi podres)

    https://economia.uol.com.br/noticias/bloomberg/2016/11/08/bradesco-avalia-criar-empresa-de-recuperacao-de-credito-fontes.htm?cmpid=copiaecola

    20+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • MARK 14 de novembro de 2017 at 07:32

    Quem diria… nem o Pré-sal vingou para ajudar os vendedores de tijolos em Santos? Agora vai!l
    “Todas as unidades foram vendidas em um único dia. Todo mundo acreditava muito nas promessas do pré-sal e, no meu caso, sempre ouvi dizer que o melhor investimento é o imobiliário”, conta.
    Hoje, das 214 unidades disponíveis no empreendimento, apenas 24 estão ocupadas. Embora pequeno, o número representa um avanço. “Até dezembro do ano passado tínhamos apenas seis unidades ocupadas… http://m.diariodolitoral.com.br/cotidiano/as-herancas-do-pre-sal-em-santos/105639/

    22+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • CA 14 de novembro de 2017 at 09:01

      MARK,

      Sobre o trecho “… e, no meu caso, sempre ouvi dizer que o melhor investimento é o imobiliário”:

      É verdade, o melhor investimento é sempre o imobiliário, quer dizer, nem sempre, mas dura pelo menos enquanto encontram um tolo maior que faz um “investimento” desta ordem de grandeza acreditando CEGAMENTE no que os interessados do próprio segmento imobiliário dizem, enquanto isto dura, este é o melhor investimento PARA OS REPRESENTANTES DO SEGMENTO IMOBILIÁRIO e a tradução deste investimento é apostar todas as fichas na estupidez sem limites dos INCAUTOS que caem nos golpes de desinformação deles.

      Quanto aos trechos:

      “Todas as unidades foram vendidas em um único dia.”
      “Hoje, das 214 unidades disponíveis no empreendimento, apenas 24 estão ocupadas. Embora pequeno, o número representa um avanço. “Até dezembro do ano passado tínhamos apenas seis unidades ocupadas…”

      Este foi um dos maiores PEGA-TROUXA de nossa bolha imobiliária: a ILUSÃO da demanda explosiva que “sustentava” um crescimento de preços sem limites e sem precedentes no Mundo. Só para recapitular, como funcionou o esquema:

      1) As construtoras começaram a fazer um volume sem precedentes de lançamentos e vendas FALSAS na planta a partir de 2008. Como a base da venda FALSA na planta é vender para qualquer um, mesmo que não tenha a menor condição de adquirir o financiamento imobiliário no ato da entrega do imóvel, isto acabou gerando filas nos stands dos empreendimentos na planta. Ao verem as filas, os INCAUTOS “pensaram” (sic – pensar é um verbo não aplicável para este nível de estupidez): “nossa, se tem fila para comprar imóvel, é porque é um negócio da China, vou entrar nessa também!” (aka efeito manada, típico de seres irracionais);

      2) Vendo o efeito manada acima, MUITOS que não entendiam NADA do segmento imobiliário “pensaram” (idem anterior), com forte influência da mídia paga pelo segmento imobiliário (com promessas de “Mundos e Fundos”, como a do pré-sal): “Nossa, se tem tudo isto de gente comprando na planta, é uma excelente oportunidade para comprar e revender antes da entrega e ainda, posso comprar um para revender, com o lucro pago um segundo que ponho para alugar e como a demanda é gigante, ganhos duas vezes!”. Graças a isto, o percentual de “investidores” em imóveis que antes da bolha imobiliária não passava de 10%, simplesmente QUADRUPLICOU, passando a ser algo em torno de 40%! Em alguns empreendimentos, como o mencionado no artigo acima, o empreendimento era 100% orientado para estes “brilhantes” investidores ;

      3) Tivemos ainda, o milagre da multiplicação do dinheiro gratuito na CEF. De 2008 a 2015 a CEF recebeu R$ 27 bilhões do Governo / Tesouro, sem prazo de devolução, para SIMULAR um crescimento de capital que permitisse estimular bolhas e SIMULAR crescimento da economia, dinheiro este que ela “multiplicou” por 20 vezes para ofertar CRÉDITOS PODRES (esquema que aconteceu de forma análoga em “N” bolhas ao redor do planeta e que nunca pôde ser mantido “indefinidamente”, aqui o TCU já exige a restituição desta autêntica PEDALADA do governo / CEF). Prazo de financiamento passando de 3 DÉCADAS (algo que não foi sustentável ao longo do tempo em nenhum lugar do mundo), juros SUBSIDIADOS em altíssimo volume via FGTS / Poupança (idem anterior, também não sustentável em nenhum lugar do Mundo, este fundo ficando cada vez mais escasso), “facilidades” para adquirir o crédito imobiliário, como por exemplo, aceitar financiamento só porque a pessoa fez uma série de transferências no Banco e disse que aquilo era “renda informal” (tira “X” do banco e volta o mesmo “X” ou um pouco diferente a cada vez, fazendo isto “N” vezes), porque a pessoa disse que um irmão ia ajudar a pagar as parcelas e este nunca teve nada a ver com o negócio nem nunca ajudaria a pagar, dentre uma infinidade de outros golpes que ao redor do Mundo quando foram praticados, sempre levaram a níveis anormais de inadimplência e seríssimos problemas para a economia, tudo para gerar mais demanda ILUSÓRIA, uma demanda não sustentável, para quem não tinha a menor condição de adquirir o imóvel e ainda, com condições de financiamento que não conseguiriam manter ao longo do tempo.

      Quais as consequências do que consta acima, que começaram a se manifestar MUITO ANTES de qualquer crise na economia?

      a) Super-oferta de imóveis, completamente distorcida em relação à demanda: já em 2011, BILHÕES em distratos engordando os estoques das construtoras, que cresceram só naquele ano, cerca de 50%. Em 2012, com um altíssimo volume de “investidores” (40% dos imóveis entregues) concorrendo com as construtoras, mais o aumento relevante nos distratos BILIONÁRIOS de quem nunca teve condição de comprar o imóvel, mas tinha assinado uma compra e venda na planta, os estoques dispararam ainda mais, DOBRANDO em relação a um patamar que já vinha elevado e no total ficando o equivalente a mais de 1 ANO de vendas, com algumas construtoras que mais tinham aplicado o golpe com estoques equivalente a ANOS de vendas e ainda concorrendo com um volume sem precedentes de investidores em imóveis, tudo isto que só ocorre em bolhas imobiliárias. PARA REFLETIR: como isto poderia ter acontecido, se tínhamos uma super-demanda que “justificaria” a escalada de preços dos imóveis sem precedentes? Desde quando uma demanda REAL criaria um SUPER-ESTOQUE e uma distorção ABSURDA entre oferta e procura logo em seguida, sem NENHUMA relação com qualquer crise na economia?

      b) Ao longo dos ANOS, iniciando muito antes da crise na economia que teria começado a se manifestar só em 2015, um crescimento exponencial na inadimplência (em 2014 a inadimplência do MCMV faixa 1 já tinha passado de 20%, em outras linhas de crédito imobiliário a inadimplência em termos nominais havia crescido proporcionalmente ao crédito concedido, mantendo os percentuais de participação no total, quando o normal seria uma redução percentual relevante porque nos primeiros anos de financiamento a inadimplência deveria ser quase nula e o volume de financiamento crescia muito ano após ano), disparadas em renegociações MIRABOLANTES via CEF, em leilões, nas quedas de preços nos leilões, em vendas de títulos podres e mais uma série de EVIDÊNCIAS de que aquela parte relevante do crescimento da demanda também não era REAL. Isto sem contar a claríssima insustentabilidade do esquema, com o governo federal quebrando, a economia sendo destruída, a CEF quebrando, o FGTS sendo dilapidado rapidamente e por aí vai ;

      c) Super-estoques levando a reduções recorde na geração de empregos pela construção civil já a partir de 2012, de novo, muito antes de qualquer crise na economia. Aumento em preços de aluguel e ponto comercial, de forma absurda e muito rápida, tornando inviáveis um volume sem precedentes de negócios. Centenas de milhares de famílias com prejuízos muito relevantes para suas finanças, por terem feito distratos, por terem perdido seus imóveis em leilões, ou arcando com altas despesas sem receitas por não conseguirem vender nem alugar seus imóveis, mas tendo que pagar condomínio e manutenção. Tudo isto fazendo com que a proporção dos gastos com financiamento imobiliário pelas famílias em relação a sua renda tenha simplesmente SEXTUPLICADO no período entre 2005 e 2015 e com isto, elas se viram sem dinheiro para continuar fazendo crescer o consumo, fazendo com que o endividamento e a inadimplência delas disparassem, com esta derrubada bruta da capacidade de consumo derrubasse também os resultados das empresas arrastando-as para o mesmo resultado quanto a endividamento e inadimplência, tudo isto se refletindo nos bancos e eliminando um grande volume da liquidez do mercado, em parte porque bancos não recebiam boa parte do que tinham que receber dos devedores e eram obrigados a reduzirem e encarecerem o crédito ofertado, em outra parte porque havia um volume absurdo de dinheiro PARADO em imóveis sem gerar nenhuma receita e roubando grande parte da capacidade de consumo e investimento de particulares e empresas, o que junto com a desaceleração acentuada de empregos da construção civil a partir de 2012 e o fechamento recorde de lojas que se tornaram inviáveis pelos altos custos de aluguel, ajudou e muito a estimular nossa crise na economia. Apesar de todas estas evidências que se iniciaram muito antes de qualquer crise na economia, o discurso continuou sendo de que foi a crise na economia que prejudicou o segmento imobiliário e não o contrário!

      Muitos ainda acreditam, inclusive aqui no blog, que de fato chegamos a ter uma demanda super-aquecida e real que durante algum tempo teria “justificado” um crescimento de preços sem precedentes no Mundo, que além disto, foi a crise na economia que prejudicou o segmento imobiliário e não o contrário, apesar de todas estas EVIDÊNCIAS e VÁRIAS outras, o que só confirma o que consta no começo deste comentário: “este é o melhor investimento PARA OS REPRESENTANTES DO SEGMENTO IMOBILIÁRIO e a tradução deste investimento é apostar todas as fichas na estupidez sem limites dos INCAUTOS que caem nos golpes de desinformação deles.”

      24+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 09:16

        CA

        Por conta destes “investidores” a bolha imobiliária inflou e estourou primeiro em Brasília, depois em São Paulo e Hell de Janeiro, para depois ir para outras capitais, sendo que as cidades médias foram as últimas a entrar nessa “onda”

        Como qualquer pirâmide, os primeiros a entrar e a sair, são os que tem o lucro e os últimos a entrar irão ficar no prejuízo.

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 14 de novembro de 2017 at 18:03

        “… e, no meu caso, sempre ouvi dizer que o melhor investimento é o imobiliário”

        se fosse asssim, ninguem vendia, ficavam todos comprados, isso elevaria o preço e derrubaria a rentabilidade tornando-o um investimento ruim lá na frente

        formula mágica não existe, essas crenças temporarias difundidas de vez em quando tem uma unica finalidade, o tubarão desovar pra sardinhada fritar.

        7+
        • avatar
  • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 08:13

    Bom dia !

    Quer dizer que não prenderam HOJE nenhum gerente da CEF?

    400kk é troco de pinga feelings

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 08:20
      • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 08:55

        deve ser a função social da caixa.
        Sem falar dos casos em que o gerente de habitação tem empresa construtora junto com o filho e libera verbas pra si mesmo.

        17+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Arregao 14 de novembro de 2017 at 08:20

      Desvio de 400 kk …. 11 mandados de busca e apreensão.De acordo com os investigadores, os empregados da Caixa e o sócio-administrador da empresa de consultoria maquiavam o crescimento de patrimônio com contratos de compra e venda de imóveis.

      21+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 08:24

        NEFASTOS !!!

        18+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Carlos 14 de novembro de 2017 at 09:26

          Isto ocorre em praticamente todas as estatais bananences, tem empresa de “TI” que não tem nem uma porcaria de website decente assinando contratos milhonários o tempo todo.
          De vez em quando dou uma pesquisada quando vejo estes anúncios de novos projetos ou serviços das ditas e me deparo com nomes de empresas que nunca ouví falar, coisa praticamente impossível de acontecer pois não é troco de pinga, são de no mínimo uma dezena de milhos grandes.
          Algumas nem website tem, outras tem coisas bem toscas e alguns dos sócios tem sobrenomes e históricos bem interessantes.
          Canalhas, todos eles.

          24+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • Lucas 14 de novembro de 2017 at 13:44

          que Tiagagem

          9+
          • avatar
  • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 08:23

    eu estava colocando agora mesmo… caxa lixo, pule fora.
    PF faz buscas em ação contra desvio de dinheiro na Caixa, em Brasília

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 08:39

      Os nerds da PF possuem super máquinas
      eles já sabem da maioria dos rolos financeiros
      é só questão de tempo e estrutura para as operações
      eles precisam tomar cuidado pois é tanto rolo que pode gerar L.E.R. (Lesão por Esforço Repetitivo)

      34+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • DAN 14 de novembro de 2017 at 08:46

        Caramba. Vcs são demais. LER foi punk. Morrendo de rir aqui.

        14+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 08:58

          esse blog é massa, melhor que muito filme e livro (tem terror, comédia, economia, turismo, demografia, previsão de futuro (que funciona, literatura, decoração vintage, energia, história…)

          32+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 09:00

    Morumbi tem queda no valor dos imóveis

    Valor do metro quadrado no Morumbi, Zona Oeste, despencou quase 7% em um ano. Lançamentos também diminuem à medida em que bairro não sai do noticiário policial

    Arrastões no Ladeirão do Morumbi, assaltos a residências no Jardim Guedala com a utilização de fuzis, corpos desovados em ruas desertas.

    Para se ter uma ideia, o preço médio do metro quadrado no bairro era de R$ 7,2 mil em 2015 e caiu para R$ 6,7 mil no ano passado.Os números deste ano ainda não estão fechados, mas espera-se redução ainda maior.

    http://www.diariosp.com.br/_conteudo/2017/11/dia_a_dia/21474-morumbi-tem-queda-no-valor-dos-imoveis.html

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 14 de novembro de 2017 at 09:04

      Bem que o velho falou que Morumbi era zoado.
      Bom mesmo é Praça da Árvore.

      23+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 09:11

        https://www.zapimoveis.com.br/oferta/venda+apartamento+4-quartos+morumbi+zona-sul+sao-paulo+sp+174m2+RS400000/ID-12408189/?paginaoferta=2

        Apartamento com piscina em Morumbi, São Paulo
        VALOR DE VENDA R$ 400.000,00
        4 QUARTOS
        3 SUÍTES
        174 ÁREA ÚTIL (M²)
        217 ÁREA TOTAL (M²)
        2 VAGAS
        R$ 2.299 VALOR DO M2
        R$ 1.746 CONDOMÍNIO
        R$ 1.500 IPTU
        Descrição
        Hall social privativo, hall de entrada, lavabo, sala de televisao, sala de estar, sala de jantar, escritório, 2 suítes, 1 quarto, 1 banheiro, lavanderia, banheiro de empregada, dispensa, cozinha, Torre única de 12 andares com 2 apartamentos por andar. Elevadores sociais servindo 1 apartamento por andar e elevador de serviço servindo 2 apartamentos por andar, área comum com piscina de 20 metros e piscina infantil, sauna, sala de musculação, salão de festas, sala de bilhar, jardim com playground, espaço para cachorro, 2 jardins, amplo páteo com estacionamento para visitantes.

        Características
        Andares: 12 |
        Características do Imóvel: Armário de Cozinha, Armário Embutido, Banheira, Despensa, Escritório, Janelas Grandes, Lavabo, Meio Andar, Piso de Madeira, Sala de Almoço, Sala de Jantar, Sala Grande, WC Empregada
        Características das Áreas Comuns: Área de Lazer, Estacionamento Visitantes, Hall de Entrada, Piscina, Playground, Sala de Ginástica, Salão de Festas, Salão de Jogos, Sauna, Vestiário

        14+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Antigo 14 de novembro de 2017 at 09:13

          Barato o metro quadrado

          6+
          • avatar
          • avatar
          • to bolhado 14 de novembro de 2017 at 10:42

            Morumbi é um dos bairros que tem que ter mais cuidado. Junta uma p* área gigante com uns 7 bairros e chama tudo de Morumbi para parecer bonito. Mesmo o ‘morumbi raiz’ (kkk) tem que ter muito cuidado; 3 ruas para lá é rua só com predião de milionário, 3 ruas para lá é paraisópolis. Esse é um dos n problemas desse tipo de estatística para imóvel no Brasil, essa generalização por bairro. Nos EUA por ex a métrica de precificação leva em conta muito outros fatores.

            12+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Lucas 14 de novembro de 2017 at 11:57

              os distritos americanos são rigidos pela questão da área escolar
              no zilow vc baixa um app sabe o valor exato da ultima negociação de cada casa
              aqui no BR morumbi andou até embu, um escandalo

              13+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
        • Oliveira 14 de novembro de 2017 at 09:30

          Olha uma coisa que eu havia pensado, a partir dos triângulos de oferta e demanda do CA, que poderia expressar isso. O Acúmulo dos imóveis sendo pressionados no topo da pirâmide de demanda, com pouquíssima demanda e imóveis de qualidades muito diferentes pelo mesmo preço, uma pressão de cima para baixo, afinal por que pagar 600mil num apartamento se tem um melhor por 400mil ? Todos estão distorcidos mas enquanto uns representam 8X oito vezes o valor antes da bolha ) outros representam apenas 4X, é mais fácil o de 4X sair primeiro. Quem vender por ultimo é a mulher do padre!!

          13+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Antigo 14 de novembro de 2017 at 09:33

            Tem razão.
            O único impeditivo que vejo é o preço do condomínio. Nesse caso aí, o preço do apartamento parece estar bom, mas o condomínio é uma paulada mensal.
            Algo tem que ser feito com esses condomínios, sério. Se não fizerem, metade dos prédios residenciais vai se tornar inviável para o bolso do brasileiro.

            15+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
      • Garotinha 14 de novembro de 2017 at 10:27

        Só pra sair um pouco da decadance aqui da ZS Rio, tem CVRzinho de outro estado

        tenho família materna grande em SP, rycos de verdade, até porque trabalham muito

        também não tem grandes coisas pra fazer em São Paulo, aí acho que o hobby deles é trabalhar

        quando enriqueceram pra valer nos anos 70, foram pro Morumbi

        eu era criancinha e lembro que foi a primeira casa com elevador que vi na vida
        e a região era tão bonita…

        aí deu essa ziquizira de favela atacando
        só sei que todos voltaram pros Jardins
        menos uma prima da minha mãe que resolveu envelhecer numa mansão
        morreu e o filho cinquentão herdou a casa imensa com vista favela

        se mandou para a Aventura, na Flórida, está vivendo venturosamente com outro cinquentão riquinho paulistano

        casa a venda tem 4 anos no mínimo, ele não precisa de grana mas também está começando a pesar no bolso
        dizem que nem está cara a casa, mas até agora
        NADA

        29+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • desplein 14 de novembro de 2017 at 11:56

        tsc tsc tsc.. Vcs entenderam o velho errado…
        Ele ta falando e dessa praça da arvore aqui

        http://www.treesquare.be/

        10+
        • avatar
        • avatar
  • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 09:01

    Condomínios caros afetam vendas de imóveis de luxo em Campo Grande

    Negócios no mercado imobiliário tiveram queda de até 30% em dois anos

    Aumentos exorbitantes nas taxas de condomínio infladas por gastos com espaços gourmet, piscinas, saunas e academias em alguns prédios de luxo na Capital também ajudaram a afugentar alguns compradores destes tipos de empreendimentos.

    Na outra ponta, a de locação, o condomínio passou a ser um dos principais vilões, tanto de locadores e locatários. É o que explica o Gabriel Serafim da Silva, vice-presidente do Sindicato de Corretores de Imóveis de Mato Grosso do Sul (Sindmóveis/MS).

    http://www.correiodoestado.com.br/economia/condominios-caros-afetam-vendas-de-imoveis-de-luxo-em-campo-grande/315280/

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 09:03

      “Em 2017, de janeiro a agosto, segundo o mesmo Secovi, não houve nenhum lançamento de imóveis neste bairro de elite da Zona Oeste. “

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Antigo 14 de novembro de 2017 at 09:10

    AGORA VAI:
    Astella, Cyrela, VivaReal e Construtech Ventures criam associação para desenvolver mercado imobiliário com tecnologia
    https://itforum365.com.br/gestao/astella-cyrela-vivareal-e-construtech-ventures-criam-associacao-para-desenvolver-mercado-imobiliario-com-tecnologia

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • guiguigoiano 14 de novembro de 2017 at 09:11

    CVR
    (1) Guigui vai passear em Caldas Novas com a “cremosa” e a bebêAlive, aí entra na OLX pra fazer cotação e vê: 200-400BRL/dia, entra no Booking e encontra 110BRL/dia. Conclusão: os corvos moram na OLX.
    (2) Se tá ruim pra quem tem a parcelinha, imagine pra quem tem parcelinha + condomínio + alta vacância: http://go.olx.com.br/regiao-de-rio-verde-e-caldas-novas/imoveis/apartamento-de-2-quartos-no-sol-das-caldas-243749175?xtmc=apartamento+caldas+novas&xtnp=2&xtcr=11

    28+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Antigo 14 de novembro de 2017 at 09:12

    AGORA VAI 2:
    Queda no juro reergue setor imobiliário

    https://br.advfn.com/jornal/2017/11/queda-no-juro-reergue-setor-imobiliario
    Depois de anos andando de lado, o setor imobiliário dá sinais de que voltará a crescer com mais fôlego nos próximos meses. A expectativa de economistas é de corte nos juros para financiamentos, e empresas voltando a erguer sedes comerciais e industriais, movimentando o setor e atingindo diretamente aplicações financeiras neste segmento

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 09:41

      itaú tá emprestando a 14% a.a. + TR no crédito imobiliário
      kkkk

      Santander até empresta a 9,49% ****
      😉

      vai ver como é

      26+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Antigo 14 de novembro de 2017 at 09:15

    Demanda aquecida por caixa de fósforo:

    Estudo do ZAP aponta como apartamentos compactos demonstram a mudança de comportamento das famílias
    http://www.segs.com.br/demais/90486-estudo-do-zap-aponta-como-apartamentos-compactos-demonstram-a-mudanca-de-comportamento-das-familias.html
    Nos últimos anos, tem sido possível observar uma tendência de busca por imóveis compactos, que pode ser explicada pela mudança do perfil familiar dos brasileiros, de acordo com levantamento recente do ZAP – maior especialista em mercado imobiliário no Brasil – que retratou as buscas por apartamentos usados de um dormitório. De acordo com o estudo, capitais como Porto Alegre (28%), Brasília (23%), Rio de Janeiro (17%) e São Paulo (16%) se destacam entre as cidades com mais demanda para compra desse modelo de imóvel.

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 09:44

      mudança de comportamento ou renda limitada?

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cadeludo 14 de novembro de 2017 at 09:57

        é humilhação mesmo

        23+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 10:11

          mas no fundo tb é uma escolha
          querem ter a sensação de tijolo próprio é isso aí
          se enforca por 30 anos morando em caixote e longe do trabalho

          14+
          • avatar
          • avatar
  • Zé do Brejo 14 de novembro de 2017 at 10:11

    Ae Pandeiro, explica isso, vc fez o caminho inverso, tem nojo de dinheiro? kkkk
    https://economia.uol.com.br/empreendedorismo/noticias/redacao/2017/11/14/aposentado-mercado-financeiro-fatura-pao-hobby.htm

    13+
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 10:14

      quem sabe um dia eu volto
      pô eu não podia ficar 20 anos só conhecendo a arte do panifício
      eu tenho apenas uma vida
      hoje é turismo e mercado financeiro
      😉

      25+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 14 de novembro de 2017 at 11:21

      com a net essa arte deixo de ser secreta
      conheço lá uns truques, tipo medir temperatura e umidade pra ajustar a formula, não sei fazer, mas sei que existe.
      pão fresco a tendencia é gourmetizar, o popular vai sumir

      8+
      • avatar
      • avatar
  • Money_Addicted 14 de novembro de 2017 at 10:15

    falando sobre precos.

    Esse fds minha senhora foi com a mae e sobrinha em uma sorveteria, eu dei uma passada la e fiquei surpreso com a fila, elas pegaram uma senha com mais de 100 pessoas na fte.

    Eu fiquei uns minutos la e fui embora, dpois conversando com ela para entender o pq do tamanho da fila e pq esperar tanto se tem outras sorveterias.

    Ela me respondeu -> Preco, la eh barato e bom.

    enfim, imovei e sorvetes sao produtos totalmente diferente, mas a ideia eh a mesma -> Preco/qualidade

    [ ]s

    23+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 10:22

      mas uma coisa que eu notei
      quem compra com crédito > quem compra na ansiedade geralmente não analisa a qualidade do empreendimento > querem apenas ter a sensação de que não pagam aluguel

      agora pegue o exemplo de quem compra um terreno economizando por anos
      e depois resolver construir a própria casa… geralmente o cara mais instruído é mais criterioso e a tendência é caprichar mais na qualidade e segurança

      26+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Oliveira 14 de novembro de 2017 at 12:41

        From_The_Tower, é uma atitude tão emocional como quanto se faz compras no supermercado com fome.

        9+
        • avatar
        • avatar
  • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 10:40

    CONFORME O PREVISTO AQUI

    Pela primeira vez em seis anos, o número de pessoas nascidas no Brasil caiu. A queda registrada é de 5,1%, segundo estatísticas do Registro Civil divulgadas nesta terça-feira (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

    De acordo com o levantamento, a quantidade de nascimentos no país estreitou de 2,9 milhões em 2015 para 2,7 milhões em 2016. A queda, segundo o IBGE, pode ser associada à crise econômica. “O atual momento de instabilidade política pode fazer com que as famílias se sintam mais inseguras para ter filhos”, diz Klívia Brayner, gerente da pesquisa no instituto.

    O estudo aponta que todas as regiões do Brasil sofreram queda no número de nascidos vivos. Na comparação com 2015, a região com a menor queda foi a Sul (-3,8%), que registrou 389,6 mil nascimentos, e a com maior redução foi a Centro-Oeste (-5,6%), com 232 mil nascimentos.

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 10:44

    “Em 20 anos ninguém mais terá carros”, afirma lendário executivo automotivo

    Bob Lutz, ex-vice-presidente e chefe de desenvolvimento de produtos da General Motors, afirmou para o portal Automotive News que “estamos nos aproximando do fim da era automotiva”.

    “O estado final será o módulo totalmente autônomo sem capacidade para que o motorista exerça comando. Você vai convocá-lo, ele chegará à sua localização, você entrará, informará seu destino e navegará pela estrada. Na rodovia, ele se fundirá perfeitamente em um fluxo de outros módulos que viajam a 200, 240 km/h. A velocidade não importa. Você tem uma mistura de transporte ferroviário com transporte individual”, escreveu Lutz para o Automotive News.

    Esses módulos funcionarão como um misto de transporte público rápido e táxi: você viajará sozinho, será cobrado pelo serviço quando chegar ao seu destino, e o modulo poderá seguir com outro passageiro.

    A maioria desses módulos padronizados serão inclusive de propriedade dos Ubers e Lyfts da vida, argumenta Lutz. Uma minoria de indivíduos poderá optar por ter módulos personalizados, pela conveniência, mas isso provavelmente será algo restrito.

    Os veículos, no entanto, certamente não serão conduzidos por humanos, porque em 15 a 20 anos, tal situação será proibida.

    https://hypescience.com/em-20-anos-seremos-proibidos-de-dirigir-de-acordo-com-lendario-executivo-automotivo/

    32+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 10:47

      Este é o melhor momento para investir em CARROS, pois como eles se tornarão raros, certamente irão valorizar 30% ao ano

      kkkkkkkkkkkk

      30+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Manoel Joaquim 14 de novembro de 2017 at 10:59

      Na Califórnia, talvez.

      Aqui na banânia o camarada vai chamar o módulo, arrancar do trilho e levar pro quarto pra enfeitar ou tentar vender no ML.

      26+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 14 de novembro de 2017 at 11:16

        são trilhos virtuais, sobre pneus que dá mais agilidade
        sem duvida se fossem de metal, alguem ia roubar pra derreter, vender e trocar por 2 pedra de crack

        21+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Lucas 14 de novembro de 2017 at 11:17

      que viagem, hein Cesar
      20 anos é pouco

      7+
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 11:44

        Lucas
        Acredito que sempre existirão veículos de transporte individual de propriedade única, sejam carros, motos, helicopteros, qualquer coisa.
        Mas, provavelmente, atenderão menos de 10% da população, o resto será de uso coletivo

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Zé do Brejo 14 de novembro de 2017 at 11:47

          Eu acho que em breve reprodução humana será em laboratório… Afinal de contas alguém precisa trabalhar e os donos dos escravos não vão colocar a mão na massa. Antes disso acontecer, continurão importando refugiados para suprir a demanda por mão de obra.

          15+
          • avatar
          • avatar
    • Flyn 14 de novembro de 2017 at 12:27

      Concordo e acredito nisso. Apenas tenho dúvida quanto ao tempo que levará até se concretizar. Percentual de causa humana nos acidentes com veículos é da ordem de 70/75%. Com evolução dos sistemas autômatos, certamente acidentes estúpidos provocados hoje não serão mais registrados no futuro.

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 14 de novembro de 2017 at 11:29

    muitos anos atrás conheci uns russos ricos do morumba, donos de metalurgica, comunidade é bem pequena mesmo, vivem dando fatalidade, historias bizarras
    será que tivemos conhecidos em comum, graças a deus me livrei disso, kkkk

    o RJ x SP conheço bem as 2 cidades
    são uma o inverso da outra, no quesito diversão, dia x noite, indor x outdor
    naõ da muito pra comparar, gosto de ambos, mas não são excludentes, existem cassas noturnas e restuarantes bons no RJ (raros) assim como é possível velejar nas represas daqui (meio sem graça).

    a questão de eu preferir SP é pelo zoo, aqui tem mais gentes como vc, cada coisa que até deus duvida
    aí são muito uniformizados até nas doidices, só não são uniformizados na hora da educação, fila, transito estas coisas, o RJ me irrita.

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 14 de novembro de 2017 at 11:29

      pra garotinha

      6+
      • avatar
    • Garotinha 14 de novembro de 2017 at 12:06

      russo vive dando pinta, não somos muito discretos, hahahahhhh
      tenho primo aí diretor daquele hospital mais famoso do Br
      ele finge que não tem nada a ver com o resto da família, afinal tem um nome a zelar

      sobre S.Paulo, é interessante a vida noturna e cultural, bem mais que no Rio

      e as pessoas são mais organizadas, responsáveis, mais profissionais
      só que a cidade é horrorosa demais, densa, imensa

      o Rio irrita todo mundo, é o fim da picada, só o carioca não se manca
      é botar o pé na rua que só se vê absurdo
      falávamos lá em cima do Rio estar na beira do precipício, e eu achar que já está dentro da buraca
      na verdade nunca saiu, foi uma fantasia temporária
      entrou em decadência irreversível nos anos 80, com o Brizola e o ingresso oficial no narcotráfico internacional
      tem uns anos que dá uma melhoradinha superficial em alguns aspectos, mas depois cai de novo lá no fundo do abismo

      e a parte ambiental nem se fala, tenho até pesadelos do Rio soterrado por um mar de esgôto e os morros despencando com as chuvas, que nem nas décadas passadas.

      muito interessante o post sobre Detroit, algumas coisas parecidas
      mas não dá para comparar porque Detroit é industrial
      aqui no Rio tem o turismo que permanece forte e ilude a todos
      as montanhas, o mar, as bonitinhas pedalando e tomando agua de côco
      os atores da Globo desfilando por aí
      temos platéia, e isso mascara muito a realidade

      de qualquer maneira, estou turbinando a venda aqui, liguei pros corvinhos de estimação e mandei baixar um pouco mais o preço e avisar os potenciais clientes que tenho muita pressa pra vender 😉

      26+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 14 de novembro de 2017 at 12:13

        vou te dar uma dica
        vc receber proposta não quer dizer que ela vai efetivar naquele valor, hoje quem manda é o banco, o avaliador…
        e nem é só o preço, muitas vezes a papelada não sai por outros motivos, pra sair 1 vc vai precisar por pra rodar outros 5 pelo menos, com sorte, já vi nego por 10 pra andar e sair nenhum.

        14+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Garotinha 14 de novembro de 2017 at 12:22

          sabe que estamos com sorte porque aqui no Rio ZS todos os possíveis compradores estão com cash, ninguém pensa em financiar imóvel pequeno e “barato” aqui na área. É gente com mêdo de banco, ou bricklover mesmo, pseudo investidores , herdeiro despirocado e homens de cerca de 30 anos de fora do Rio, a maioria do Sul, estilo petroboy que juntaram uma graninha e agora querem apê aqui nesse lugar fashion e devasso.

          14+
          • avatar
          • avatar
          • Garotinha 14 de novembro de 2017 at 12:30

            retificando:
            na verdade eu até escrevi semana passada, Copacabana sempre foi o paraíso pra comércio de kitchenetes, não é sorte que esteja só aparecendo gente com cash.

            Sempre foi assim, kitties sendo compradas em espécie e até em dólar, no passado.

            Já os de 2 quartos pra cima é tudo financiado, como o que vendi. O cara tinha 450 mil e financiou 550 em 35 anos. Me deu pena do sujeito, 32 anos, 3 filhos pequenos, engenheiro de materiais. Condomínio de 1.850 reais.

            só não tive mais pena porque os pais dele tem apartamentão ali perto que ele vai herdar no futuro, então ele não é nenhum ferrado.

            fez uma obra e gastou mais 150 mil, encontrei com ele na rua e me contou.

            13+
            • avatar
            • avatar
            • jodorowsky 14 de novembro de 2017 at 12:40

              Achava que o mercado de kit era basicamente pai/mae com dinheiro comprando pro filho que vem estudar aqui. Mas não duvido que se 30s comprando kit, o Rio vence pelo cansaço.

              7+
              • avatar
              • Garotinha 14 de novembro de 2017 at 12:48

                tem também esses que são o meu sonho, pessoal fazendeiro ou sojeiro, lá de Goiás e de Minas que compra pros filhos.
                mas acredito que esse tipo de compra foi mais no passado, era muito comum
                agora está escasso de goianos compradores de kit por aqui
                vai ver ninguém mais vem estudar aqui no Rio

                9+
                • avatar
                • avatar
                • EngenheiroSP 14 de novembro de 2017 at 21:25

                  com a UERJ fechando e as notícias de violencia, não tem a minima chance

                  3+
            • Lucas 14 de novembro de 2017 at 12:50

              RJ é quenem droga a pessoa só se manca quando sai e fica uns anos limpo
              já contei, voltava de vez em sempre, até que em 2010…
              a realidade bateu na porta,
              agora nem de férias…

              incluso buzios.

              11+
              • avatar
              • avatar
      • Lucas 14 de novembro de 2017 at 12:14

        vc é esperta colocou esse verão de deadline, aproveita esse voo de galinha, que ano que vem o BR será TRETA!

        8+
        • avatar
  • Money_Addicted 14 de novembro de 2017 at 11:29

    CVR – ostentassaum

    acabei de pegar lci 180/dias pagando 92% do cdi

    Valeu Pandeiro

    [ ]s

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • desplein 14 de novembro de 2017 at 11:51

      Boa! Tambem to pensando nessa janela ai… Acho que pra alem disso fica arriscado e pra aquém, melhor deixar na poupança…

      6+
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 11:40

    Mais uma previsão:
    -Acabou de passar que o IBGE disse que número de nascimentos foi -150mil crianças ano passado.
    -Eu comentei que ia ser esse número na época da Zika se houvesse uma queda de apenas 10%.
    (e ainda não contabilizaram direito a violència crescente e acidentes,…doenças..)
    A população vai envelhecer mais cedo ainda e parar de crescer antes de 2044. Chupa IBGeeh

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 14 de novembro de 2017 at 12:37

      0,075% de diferença na pop
      pode ser muito prum administrador de hospital maternidade
      pra pop geral é insignificante

      6+
      • avatar
      • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 12:45

        foi uma queda de 5,1% frente ao ano anterior no numero de nascimentos… não é pouco não. ainda tem os 40mil casamentos a menos..

        7+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 14 de novembro de 2017 at 12:48

        me assombrou mais a mortalidade
        +25%???
        confere???

        6+
        • avatar
        • avatar
  • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 12:01

    Zika pode ter causado forte queda em número nascimentos no Brasil

    https://oglobo.globo.com/sociedade/zika-pode-ter-causado-forte-queda-em-numero-nascimentos-no-brasil-22065174

    Houveram 40mil casamentos a MENOS.. e quase 5% de divórcios a MAIS… e 24% MAIS mortes… kkk

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 12:02

    Por fim, a pesquisa do IBGE também mostra um aumento no número de mortes no Brasil no ano passado. De acordo com o levantamento, foram registrados 1.270.898 óbitos em 2016, alta de 3,5% frente a 2015 e um aumento de 24,7% com relação a 2006.

    6+
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 12:38

    Fui levar uma amiga no hotel em Bal Camboriu no sábado pra umevento Internacional. Hotel vazio, a abertura era no domingo..
    achei estranho Balneário Fim de semana e Hotel pra evento parado..
    Ela comenta ” galera tá economizando 2 diarias” por causa da crise, só chegam na segunda mesmo… Eu que quero aproveitar e curtir e tenho grana… …
    kkk… por causa de 486reais não ficam um dia a mais em bal camboriu… O negócio tá feio.

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 13:16

      Semana passada fiz um road trip por Bahia, Espirito Santo e Minas Gerais, todos os hotéis com menos de 20% de ocupação

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 13:26

        o meu movimento em 2017 foi de 98% de passagens e roteiros NO EXTERIOR
        banânia só vendi para Natal – RN
        dentro de resort

        20+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 13:25

    as matrículas dos tijolos não mentem amiguinhos

    dobro do preço em 2012
    e hoje em 2017 abaixo de 2012
    Itaú vendendo abaixo da garantia e prefa faturando alto no ITBI

    https://www.freitasleiloesonline.com.br/homesite/lotesdetalhes.asp?codleilao=2663&lote=016

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 14 de novembro de 2017 at 13:41

      vender abaixo do mean
      … despair

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Margarida 14 de novembro de 2017 at 13:48

      Muito bem localizado, esse. Provavelmente vendem por esse valor mesmo. Bairro caro.

      6+
      • avatar
      • From_The_Tower 14 de novembro de 2017 at 13:51

        sim
        pode acontecer
        mas olhem ali a matrícula
        2010>2012 o pulo que foi
        muita gente se perdeu ali na dobra

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Bolhudinho_zs 14 de novembro de 2017 at 13:27

    Pessoal ontem descobri mais um efeito bolha, uma vez por semana olho os imóveis retomados da caixa no site deles e ontem como de prache olhei os bairros de sempre, acreditem ou não eles reduziram ainda mais os valores, a coisa deve estar ficando feia, uma casa em condomínio que estava avaliada em 320 mil era vendida a 230, ontem estava 199, alguns apartamentos no horto do ype que já estava a baixo por 150 agora estão entre 60 e 80 mil, eu olhei outros bairros também mas quem puder de uma olhada em sua região acho que baixaram em quase todas.

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Bolhudinho_zs 14 de novembro de 2017 at 13:32

    Deixa arder kkk

    2+
    • avatar
  • Krakenvader 14 de novembro de 2017 at 14:01

    Ah se eu soubesse tirar bicho da goiaba…

    8+
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 14:14

      Nível 0 – alugar uma outra casa/apartamento por 6 meses e pagar a mudança
      Nível 1 – solicitar corte de água, esgoto, telefone, etc, levando o registro indicando que você é o proprietário
      Nível 2 – destruir o medidor de energia elétrica, furar pneus, jogar merda na porta, superbonder na fechadura
      Nível 3 – Paga um policial, que esteja de férias, para “morar” na residência, dar festa, cagar na sala, etc

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Cesar_DF 14 de novembro de 2017 at 14:02

    Zika faz número de nascimentos no Brasil ter a maior queda em 26 anos

    RIO – O número de nascimentos ocorridos e registrados no país recuou 5,1% em 2016, na comparação ao ano anterior, para 2.793.935. Foi a maior queda desse indicador desde 1990 (-6,2%). Os dados constam da pesquisa “Estatísticas do Registro Civil”, divulgada nesta terça-feira (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).

    http://www.valor.com.br/brasil/5193597/zika-faz-numero-de-nascimentos-no-brasil-ter-maior-queda-em-26-anos

    Rio de Janeiro é a segunda capital com a maior proporção de mães solteiras, aponta estudo da DAPP

    Um estudo realizado pela Diretoria de Análises de Políticas Públicas da FGV (DAPP) a partir de dados do Sistema Único de Saúde (SUS) apontam que 61,6% dos nascidos no Rio de Janeiro entre 2013 e 2014 são filhos de mães que se declararam solteiras no momento do parto, um percentual bem acima dos 42,9% da média de todas as capitais brasileiras.

    http://blogs.oglobo.globo.com/blog-do-moreno/post/rio-de-janeiro-e-segunda-capital-com-maior-proporcao-de-maes-solteiras-aponta-estudo-da-dapp.html

    10+
    • avatar
    • avatar
  • Krakenvader 14 de novembro de 2017 at 14:10
  • Alemon Fritz 14 de novembro de 2017 at 14:43

    Credit Suisse diz que devemos sentir pena da geração Y – InfoMoney

    A geração y nasceu na crise, não consegue acumular ativos, tem dividas no financiamento estudantil,
    estão piores que a geração pós guerra. Estão piores em moradia e renda qdo comparados entre eles. A perspectiva de aposentadoria tbm é pior.

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Manoel Joaquim 14 de novembro de 2017 at 15:12

      Eu sou gen Y.

      – Tenho ativos financeiros;
      – Não paguei 1 centavo desde o jardim de infância ao final do PhD;
      – Planejo me aposentar antes dos 40;

      Não acredito muito nesse negócio de geração. Na banânia há imbecis falidos de Gen A a Z. Não há idade para ser 666.

      30+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Zé do Brejo 14 de novembro de 2017 at 15:19

        Eu sou gen X e acho minha geração uma bela duma porcaria.

        14+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Antigo 14 de novembro de 2017 at 15:51

          Conheci um estagiário que é Gen Z, acho, não entendo dessas coisas.
          O rapaz guardava quase toda a bolsa que recebia, trazia almoço de casa e sempre muito econômico em tudo.
          Há jovens com alguma noção ainda. Essa coisa de geração é uma generalização bastante imperfeita no meu entendimento.

          19+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • amongyou 14 de novembro de 2017 at 16:30

            É que você foi simplista na comparação. Enquanto se referiam a uma geração, você tomou UMA pessoa da geração e comparou. Aí não dá certo mesmo.

            9+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Antigo 14 de novembro de 2017 at 16:53

              Pode ser
              Posso estar errado, estar sendo otimista
              Mas minha impressão é que essa geração mais nova está ligeiramente mais responsável com dinheiro que a anterior
              Trabalham menos, são medrosos e vivem com os pais. Mas esbanjam menos

              9+
              • avatar
  • SP 14 de novembro de 2017 at 14:46

    Off – Tudo num bolo só

    Anos atrás foi discutido, o que aconteceria quando a renda das famílias fossem direcionadas principalmente para moradia. Menor consumo, Divórcios, menos filhos e principalmente acabou o dinheiro acabou o amor.

    https://g1.globo.com/economia/noticia/numero-de-nascimentos-no-brasil-cai-pela-1-vez-desde-2010-aponta-ibge.ghtml
    “Número de nascimentos no Brasil cai pela 1ª vez desde 2010, aponta IBGE…
    …Casamentos caem 3,7%…
    …Divórcios e guarda compartilhada crescem…”

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Money_Addicted 14 de novembro de 2017 at 14:57

    CVR – numeros/calculos

    Ano passado eu me mudei e ao inves de seguro fianca eu optei por titulo de capitalizacao como garantia.

    Obviamente eu fiz as contas antes e vi q o titulo de capitalizacao seria melhor q seguro.

    Passou o ano e o titulo foi renovado e veio o extrato de qto tenho la, rendeu ~200 reais

    Se eu tivesse colocado em um cdb 100% do cdi eu teria 1.3k a mais.

    Enfim, a questao aqui nao eh “lamentar” esses 1.3k q nao recebi pois ja estavam nos meus calculos q teria esse custo na nova moradia, a ideia eh fazer analogia aos bananenses q nao vendem e nao abaixam o preco e dizem q nao estao perdendo dinheiro.

    [ ]s

    23+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Manoel Joaquim 14 de novembro de 2017 at 14:58

    CVR

    Colega de longa data que sempre pagava tudo para a namorada. Desde o jantar no Habbibs até a conta da balada. A moça não colocava a mão no bolso quando estavam juntos. O sujeito, ainda por cima, ganha pouco.,Apesar disso, fazia questão de bater no peito e se gabar do fato.

    O tempo passa, o amor acabou, o namoro terminou e, neste momento, vejo ela postando no Facebúki fotos em viagem internacional. Muito possivelmente com a grana que economizou quando namorou o paga-tudo.

    O que não fazem alguns nanomolares de neurotransmissores. Eu si divirtu com a vida como ela é.

    48+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Money_Addicted 14 de novembro de 2017 at 15:00

      pooo…mas pagar jantar no habibs tem q rodar mesmo kkk

      30+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Zé do Brejo 14 de novembro de 2017 at 15:05

      Em relacionamento só digo que CADA UM TEM AQUILO QUE MERECE!

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Garotinha 14 de novembro de 2017 at 15:21

      ela treinou com o pobrinho, aí alçou vôo e agora arrumou um que paga viagem internacional e jantar no Fasano.
      mocinha esperta!

      42+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Krakenvader 15 de novembro de 2017 at 02:47

      kkkkk é bem coisa de bananense pagar a conta da mulher em tudo.

      Vou pagar conta da mulher se um dia ela largar o trabalho pra ser mãe dos meus filhos e olhe lá!!!

      7+
      • avatar
  • Lord of All 14 de novembro de 2017 at 15:30

    Mais algumas informações pra série: “Será o fim da Caixão?”:
    Funcionária da Caixão veio aqui na “repartição” implorar pra permanecermos com as contas lá. É que recentemente eles perderam a licitação da folha de pgto para o Itaú.
    Segundo referida funcionária, eles resolveram não participar da licitação pq novo Acordo da Basiléia exigiu deles “corte de custos” (parece q o edital era de 13kk). Ela disse tbm q o novo Acordo exigiu que o crédito habitacional seja de no mínimo 50% (antes era 80%).

    25+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • tnumaboa 14 de novembro de 2017 at 15:39

    Pessoal,

    CVR

    Não sei se estou ficando neurótico, mas ouvir bananenses contarem vantagens, quando na verdade eles estão falidos, é muito difícil! Vocês têm razão, meu procedimento padrão, a partir de agora, será “acenar e sorrir!” Fui chamado de sistemático e metódico por pessoas que tentei alertar sobre os perigos de se viver no Bananistão. Eles não têm o menor respeito pelo dinheiro! Não é muito difícil ver que eles estão indo para o buraco e, no final das contas, serem os patos da vez. Mas, prá mim chega!.

    33+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 14 de novembro de 2017 at 15:48

      Se não forem pessoas muito próximas e queridas, deixe para lá. Se forem próximas, vale a pena tentar alertar.

      O dinheiro não aceita desaforo. Se você trata ele mal, ele acaba com a sua vida.
      O tempo vai ensinar a essas pessoas essa dura lição. Ou não: tem gente que é burra e nunca vai aprender.

      Invista seu dinheiro e deixe que elas paguem seus juros. Não há nada mais para fazer.

      27+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Veigalex 14 de novembro de 2017 at 15:59

    Eita.. ficou no anterior.
    Lucas… Memoria boa da pleura… kkkkk. foi o sogro não.. foi a muié mesmo.. rapamo as economias.. Financiado em 20 anos e ano que vem devo acabar essa pleura.. Pago em 6.. foi em 2012.. com Ajuda De vcs e do Samy! Era auge da Bolha e sabia que motumbo estava perto.. mas esta dando tudo certo.. PS: Com carro velho.. e Tesouro direto.. kkk

    #CVR… O Mini Indice deu mole e peguei uma grana.. fui fazer moral com a Patrona nas Ferias.. Baixa temporada.. e um final de semana no Mazaroppi Hotel Fazenda ( Caro pra Caraleo).. mas a muié merecia .. Respirei fundo e paguei a vista.. .kkk
    Ver o Palio…. com o Adesivo.. Esta quitado e é Meu.. enfileirado junto aos carrões não teve preço.. kkk
    Os quartos tem uma garagem aberta que fica parecendo motel..e os carros todas a mostra.. então era..Civic..Duster. Jeep.. Capitiva.. Palio.. Civic.. kkkkk

    26+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 14 de novembro de 2017 at 16:03

      tbm lembro de vc estar pensando num sedã, vulgo carro de bundinha
      e pelo sitio do picapau amarelo
      dizem que eu sou bruxo, rsrs
      ele está com 3 anos de idade??? acertei?

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Veigalex 14 de novembro de 2017 at 16:23

        O Herdeiro fez 2 anos.. e o bolhudinho ja foi dominado por ele.

        PS: Minha Wirelles é Bolhudinho_Tim.. kkkk

        8+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 14 de novembro de 2017 at 16:27

          kkk, filhos da bolha
          belo presente vc deu
          pega os dados mais a frente do ibge
          ele vai viver uma época com menos concorrencia
          tipo os nascidos durante a guerra, sofre um pouquinho, mas ali adiante é mar azul no horizonte

          9+
          • avatar
        • Lucas 14 de novembro de 2017 at 16:28

          e parabéns atrasado….
          (sem querer entrar denovo naquele debate)

          6+
          • avatar
  • Lucas 14 de novembro de 2017 at 16:18

    Zika faz número de nascimentos no Brasil ter a maior queda em 26 anos

    O número de nascimentos ocorridos e registrados no país recuou 5,1% em 2016, na comparação ao ano anterior, para 2.793.935. Foi a maior queda desse indicador desde 1990 (-6,2%).

    fonte: IBGE

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Libertario 14 de novembro de 2017 at 17:01

    Bom dia. Tenho um financiamento habitacional junto a Caixa Econômica Federal. Ocorre que tenho 5 parcelas em atraso por motivos de doença e perda de alunos particulares pois que sou professora de música. Sou pensionista do SPPREV só que me endividei e não tenho como fazer mais empréstimos. A Caixa exige que eu pague pelo menos 4 parcelas até o dia 20 desse mês. Não tenho como arcar com isso. Como tenho décimo terceiro salário em dezembro e em janeiro, queria pagar nessas datas. Não tenho como reincorporar as parcelas pois já usufrui desse benefício esse ano e eles não fazem mais do que uma vez por ano. Me ameaçam tirar minha casa onde moro. Estou apavorada e desesperada. Não sei mais o que fazer. Tenho muitos problemas de saúde e essa situação está agravando ainda mais. Vcs podem me ajudar? o número do meu contrato é 1.4444.0087.516-3. CPF —————————

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Oliveira 14 de novembro de 2017 at 17:14

      Prezada senhora,
      Existiam milhares, se não milhões, de brasileiros em uma fila pra comprar imóveis mas alguns resolveram cortar a fila pois disseram que aceitavam pagar um valor muitas vezes maior que aqueles que já estavam na fila, assumindo os risco do financiamento, que aqueles que estavam na fila não aceitaram, causando uma brutal distorção de preços do mercado, assim muitos outros como a senhora cortou a fila e fez com que os que tivessem na frente for obrigado a aceitar o desconforto de continuar na fila por muitos anos? Não há ninguém que possa lhe salvar da própria ignorância.

      33+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Libertario 14 de novembro de 2017 at 17:05

    Comprei meu apartamento no final de 2015. Na época como foi meu primeiro financiamento não tinha nenhuma experiencia, não fomos orientados sobre o programa do governo minha casa minha vida. Apresentamos nossas rendas que juntas deram o valor de 3.500 bruto, pagamos a entrada no valor de 20.000.
    Ao mudarmos para o condomínio e conversar com os vizinhos, percebi que a maioria deles que apresentaram a renda igual ou parecida com a minha conseguiram o subsidio do governo e pagam as prestações com valores bem inferiores. Estou indignada por que na época o valor da renda para conseguir o subsidio se não me engano era de 5.000, não consegui nada e nem fui esclarecida referente a isso nem pela construtora Ap. ponto nem pela Caixa Econômica.
    Ou então gostaria de um refinanciamento para dar conta de pagar minha prestação que hoje está no valor de 800,00 sendo que este valor e crescente mais o condominio de quase 300,00. Infelizmente ta dificil.

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Filósofo 14 de novembro de 2017 at 23:52

      Quando assinou o contrato para pagar as parcelinhas combinadas o fez feliz da vida, achando que o apartamento valia o preço. Mas quando viu os vizinhos pagando menos bateu a invejinha. Se os vizinhos estivessem pagando a mesma prestação que ele, estaria de boa. Nego nunca fez conta e fica botando a culpa na CEF, na construtora, no Temer, nos astros etc. Assume que fez besteira e aprende!

      11+
      • avatar
      • avatar
  • Libertario 14 de novembro de 2017 at 17:09

    94 de 360……………..

    bom dia, estou muito insatisfeito e irritado com a caixa.
    tenho um financiamento da casa própria com vocês e já estou na prestação de numero 94 das 360, acontece que chegou em 470 reais e de repente voltou a 479 reais quer dizer vou ter que pagar mais nove meses para novamente chegar a este valor e quando chegar ou até mesmo antes, o valor volta a subir, assim não está sendo decrescente.
    temos um contrato e por ele aqui assinado por nós, hoje minha prestação seria de 438,03 reais oque não está sendo cumprido por parte da caixa.
    oque tenho que fazer? sendo certo que nestes dois últimos anos não atrasei nenhuma prestação. quem devo procurar? procon? justiça? ou a caixa? pois acho que um contrato assinado vale muito.
    a revolta de muitos brasileiros é justamente esta, de estar sempre sendo enganado, comprando um e pagando três e mesmo assim ainda tentam tirar mais e mais.
    sendo certo que irão resolver meu pequeno problema conto com a ouvidoria caixa deixando um muito obrigado pela atenção e abraços.

    19+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • to bolhado 14 de novembro de 2017 at 17:15

      pqp 360 prestações é de f*…

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 14 de novembro de 2017 at 17:56

      isso que falei uns meses atrás ninguem entendeu porra nenhuma
      basta TR ter atingindio o valor próximo a pi por poucos meses que é suficiente para o saldo devedor se reajustar em quase o dobro, fazendo a parcela nunca decrescer, não precisava ficar pra sempre um valor alto, mesmo agora a TR zerada ela reflete os tempos que subiu, e ainda mais agora com inflação atual mensal anualizada do igpm entre negativo e quase zero, com renda per capita caindo, a distorção renda parcela fica ainda pior, na melhor das hipoteses permanece em patamar elevado.

      Não soube explicar a questão matematica, mas previ e se deu conforme imaginei, quem tiver aí matematica avançada e saco, que faça uma explicação mais completa, fiz minha parte

      20+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Libertario 14 de novembro de 2017 at 17:17

    Detalhe, essas tres reclamações da CEF são apenas DESTA SEMANA.

    Mas a carteira de clientes da CEF é triple A

    22+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Oliveira 14 de novembro de 2017 at 17:25

    Caixa enchedo o Zuckerman de Imóveis de Leilões,
    consultem suas regiões por que, OSASCO, COTIA etc tá bombando…

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar