Raio-X FipeZap: descontos nos imóveis ficaram menores no 2º trimestre de 2017 – Revista Construção Mercado

Você pode gostar...

Comments
  • Cesar_DF 29 de agosto de 2017 at 13:38

    O BOSS retornou do norte da muralha, aleluia
    The winter is coming

    20+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 13:40

      SECOND !
      😉

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Antigo 29 de agosto de 2017 at 13:42

      Veio montado no dragão zumbi pelo visto, com essa notícia de queda de 1 virgula alguma coisa.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • danielbh 30 de agosto de 2017 at 14:02

        Pensa no que isso vai gerar num mercado já gélido: “Pereira afirma que artigo 9º da nova lei, que exclui a alienação fiduciária para os casos de inadimplência, joga contra o mercado imobiliário, ao gerar receio entre os compradores.”

        7+
        • avatar
        • avatar
  • Lucas 29 de agosto de 2017 at 13:44

    achei esse topico muito confuso, muito melhor era aquele das ligs fritando
    pra mim quanto menos perder tempo falando de fingezap melhor

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 29 de agosto de 2017 at 13:46

      TOPICO ALTERNATIVO (passando rasteira no bola boss)

      Crise aumenta retomada de bens por fundos de crédito privado
      http://www.valor.com.br/financas/5096474/crise-aumenta-retomada-de-bens-por-fundos-de-credito-privado#

      As gestoras de recursos Capitânia e Rio Bravo, de São Paulo, investiram R$ 135 milhões em Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs) com lastro em receitas de dois shopping centers no Rio Grande do Sul e acabaram virando proprietárias dos empreendimentos após sofrerem calote. Casos como esse se tornaram mais comuns nos últimos dois anos com a crise econômica e consequente aumento da inadimplência das empresas, e obrigaram os gestores a assumirem uma postura mais ativa na tentativa de recuperar o investimento. Mais que isso, acostumados a fazer análise de crédito, esses gestores se viram forçados a gerir ativos reais nas carteiras.

      Destaco:
      Os imóveis que serviam de lastro para os recebíveis eram administrados pelo M.Grupo. Com o pedido de falência da incorporadora pertencente ao grupo administrador dos empreendimentos foi disparado o vencimento antecipado dos CRIs. Apesar de os papéis contarem com alienação fiduciária dos imóveis, o devedor conseguiu uma liminar na Justiça para impedir a execução das garantias e o processo acabou se arrastando por cerca de dois anos. Os imóveis foram levados a leilão e, como não apareceu comprador, acabaram sendo passados para a securitizadora Ápice, que deve transferi-los aos credores.

      “Isso tudo tem um custo, tivemos que contratar dois assessores legais, um em São Paulo e outro em Porto Alegre, além de todo trâmite do processo judicial”, afirma Arturo Profili, sócio da Capitânia. Situações como essa também levaram os gestores a acompanhar mais de perto os investimentos, acrescenta Profili.

      (…)

      A Capitânia era um dos detentores da 25ª série da 1ª emissão de CRIs da PDG Securitizadora. A gestora, junto com outros credores representados pelo BTG Pactual e Banco Fibra, decidiu deixar com a própria empresa a responsabilidade pela venda dos apartamentos dados em garantia com alienação fiduciária, cujo valor se aproxima do saldo dos CRIs, de R$ 87 milhões. O pagamento de juros dos papéis foi suspenso até 31 de dezembro de 2018, e o dinheiro da venda dos imóveis servirá para amortização da dívida até o fim do ano que vem.

      30+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 13:49

        esse é tópico no outro lado da rua !!!
        Boss, chega de FINGE-ZAP !!!
        kkk

        19+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Antigo 29 de agosto de 2017 at 13:52

          Chega mesmo Boss.
          Olha o dragonglass.

          (se bem que o tópico é sumariamente ignorado em troca das discussões livres)

          12+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • Cesar_DF 29 de agosto de 2017 at 13:54

          Pelo menos ele serve de CONFISSÃO de que o índice FIPEZAP é falso.

          Mas, mesmo assim, muito longe do noticiado por outras fontes

          “O excesso de oferta, no entanto, é positivo para quem vai comprar um imóvel. Oliveira observa que a diferença entre o valor ofertado e vendido é de, em média, -35,8%. No Rio, o preço do metro quadrado ofertado pode cair de R$ 10.198 para R$ 6.547. Em um mercado estabilizado, a variação fica entre 8% e 15%.”

          https://www.ibrafi.org.br/2017/05/taxa-de-vacancia-para-locacao-bate-recorde-no-mes-de-marco/

          17+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
      • Money_Addicted 29 de agosto de 2017 at 13:52

        Veio golpista kk

        14+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Lucas 29 de agosto de 2017 at 14:02

    Cesar
    continuando aquela discussão, esse papo de déficti habitacional já começou errado

    Temos déficit de renda, de produtividade, o bananense não porduz riquezas o suficiente pra manter um padrão de consumo coxinha que a classe média-alta que compõe os quadros do IBGE supõe que seja o normal, reparem que na metodologia de ocupação subnormal, se a gente passar um pente-fino em setores commenos de 50 casas, vai dar um absurdo de gente, algo como 30% do país

    o mal original, que é a pobreza, ela produz má habitação, má alimentação, má educação.

    A habitação fora dos padrões IBGE é portanto consequencia, daí vamos ver o que eles medem como abaixo do padrão, que eu chamaria de Demanda potencial seria mais acurado

    1- Adensamento excessivo – isso é totalmente subjetivo, cultural. Na periferia é comum criança e pais no mesmo quarto, na mesma cama, no sofá da sala, realmente não entrei nos detalhes como o IBGE capta isso de forma padronizada. É realmente um problema, mas no gráfico do cesar é 1% do porblema

    2- Coabitação – outra questão cultural o Cesar perfeitamente achou um disparate metodológico, que distorce o efeito dum país latino gregário.

    3- Onus excessivo do aluguel – aqui há simplesmente um erro, se a pessoa compra ou se muda pra outro lugar sem onus excessivo ela gera um imovel no mercado, soma ZERO, praticamente nada aqui é demanda potencial. No sudeste é 30% do tal déficit

    4- Precário- aqui denovo além de cultural, muitas familias preferem morar de forma precária a morar em areas legalizadas e incorrer em pagar agua, luz, iptu, conodminio. A demanda só se realiza se sairem da pobreza, caso contrário, sair da precariedade, somente via auto-construção, demanda aqui é zero.

    Conclusão, da metodologia do IBGE tão alardeada pelos corvos sobra muito pouco de demanda potencial, destes, todos ligados a questão da renda.
    Toda a questão em si é uma falácia já na introdução do tema, e mesmo que não o fosse, também nos detalhes, ao aprofundar não faz qualquer sentido falar em déficit habitacional nestes termos e nesta metodologia.

    Como diz a musica “eu (eles) quero mais é ser feliz, andar tranquilamente na favela onde eu nasci” “poder me orgulhar, saber que o pobre tem o seu lugar”

    35+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 14:07

      ??????

      6+
      • avatar
    • Cesar_DF 29 de agosto de 2017 at 14:16

      Lucas
      Pela metodologia do IBGE, poderia existir 50% de imóveis residenciais desocupados e ainda continuaria a existir DEFICIT IMOBILIÁRIO

      A pessoa tem dinheiro e prefere morar perto do trabalho e usar uber, no formulário do ibge o fato dele não ter carro e gastar muito com aluguel, vai classifica-lo com “em situação de fragilidade social”, tato faz se ele viaja 3 vezes por ano para a Europa e tem 2 milhões em aplicações financeiras.

      A pessoa tem dinheiro, mas prefere morar com o pais idosos, para cuidar deles, e mantém também no mesmo apartamento de 300 m2 a sua filha, que ficou grávida e teve um pimpolho. Pela metodologia do IBGE são 3 família morando no mesmo domicílio.

      26+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • rpoa 30 de agosto de 2017 at 10:53

        toda vez que falam em “deficit habitacional” eu digo pro camarada que oportunidade imperdível é na SOMÁLIA, que deve ter um defict habitacional gigantesco….. aí quando falam que “não tem renda”… bem aí já começa uma boa discussão…

        11+
        • avatar
    • Cesar_DF 29 de agosto de 2017 at 14:49

      Lucas

      Se considerarmos que, de fato, apenas os Precários afetariam o déficit imobiliário, pois
      – Coabita-se porque querem vier juntos
      – Ônus excessivo com aluguel é soma ZERO
      – Adensamento excessivo é soma ZERO (pois uma família poderá deixar uma casa menor para outra maior)
      Se existem apenas 5% de Precários, são apenas 3,2 milhões de famílias, e hoje devem existir 12 milhões de imóveis vagos.

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 29 de agosto de 2017 at 15:48

        cmo te disse, nem os precários
        uma maloca no amazonas é precário mas é do lado do rio donde o cara pesca
        a discussão toda está errada de inicio, o padrão coxinha IBGE de habitação normal é enviesada na propria cultura dos tecnicos que fizeram a pesquisa
        a demanda potencial que é o termo correto, supondo que não dependesse da renda, que todos ganhassem o suficiente pra se mudar a hora que quiserem, seria uma fração de cada um desses quesitos.

        A grande demanda no BR de verdade sabe quem é?
        são os prorpios tecnicos do ibge a elite da classe média brasileira, os grandes assalariados, que querem um apê com varanda gurmêt que querem mostrar serviço e utilidade

        Quando eles fazem uma pesquisa dessas, eles mostram mais deles mesmos os pesquisadores como pensam, do que o BR como ele realmente é!
        sou da perifa mano Cesar, sei o que to falando, esses caras mal fazem idéia do BR profundo

        19+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 29 de agosto de 2017 at 14:08

    E por falar em déficit…

    Aluguel dispara como principal motivo do déficit habitacional
    http://www.infomoney.com.br/imoveis/noticia/6917471/aluguel-dispara-como-principal-motivo-deficit-habitacional

    5+
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 14:10

      é muita besteira
      eles pegam problemas de renda e tentam fazer caber nas falácias deles

      pqp

      que saco !!! Ora porra !
      kkkk

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 29 de agosto de 2017 at 14:26

        from no topico passado continuei aquela discussao das personagens, veja se eue ntedi direito as coisas

        3+
        • avatar
    • Cesar_DF 29 de agosto de 2017 at 14:22

      Putz, que besteira, não foi o aluguel que subiu, mas sim a renda que caiu.

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Alemon Fritz 29 de agosto de 2017 at 14:39

        parece aquele grafico de fases de bolha, igualzinho…

        13+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 29 de agosto de 2017 at 14:47

        DEJA VU
        SuELDO de mierda
        https://www.youtube.com/watch?v=ytmmWE1blpI

        perdi o video de 2008 quando a bolha estourou
        dizia assim, nunca fomos ricos, eramos pobres, continuamos pobres E endividados ou parados (desempregado) agora

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Cesar_DF 29 de agosto de 2017 at 14:10

    FASES DO PIB

    2004 A 2007 – Lula surfando nas commodities
    2008 – início da política de campeões nacionais
    2009 – Bolha imobiliária do EUA
    2010 – Lula injetando bilhões de crédito na economia
    2010 a 2012 – economia em quda
    2012 a 2014 – mudança na fórmula do cálculo do PIB
    2014 – chegou a hora de pagar a conta

    36+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Brazil mode OFF 29 de agosto de 2017 at 14:16

      Parabens cara, assim ate 666 entende… (eu acho)

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 29 de agosto de 2017 at 14:21

    kkk todo ano é essa balela. isso que o aluguel baixou nos últimos 3 anos e existem 220mil imóveis oferecidos e 50mil distratados.

    5+
    • avatar
  • Cesar_DF 29 de agosto de 2017 at 14:25

    E CADÊ A DEMANDA ?

    Análise: Um PIB sem demanda interna, ancorado na agropecuária

    É pelo lado da demanda que o PIB frustrou mais. Os economistas projetavam o primeiro aumento (de 0,4%) após oito trimestres consecutivos de queda no consumo das famílias. O IBGE indicou, contudo, uma nova retração, de 0,1%, adiando a recuperação. E no investimento ao recuo foi muito mais profundo que o esperado. As estimativas indicavam uma queda pequena, de 0,3%, mas a realidade foi cruel e o dado foi negativo em 1,6%. Todas as comparações são do primeiro trimestre ante o último do ano passado, descontados os efeitos sazonais.

    http://www.valor.com.br/brasil/4988840/analise-um-pib-sem-demanda-interna-ancorado-na-agropecuaria

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 14:27

      vai ter demanda como!?
      se o pessoal se endividou até o talo!?

      pqp….
      parecem economistas da UNICAMP

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Intendente 29 de agosto de 2017 at 14:38

      Acho que o jeito vai ser baixar mais ainda os juros. O problema é a fuga de capitais, mas o câmbio desvalorizado ajuda ainda mais o BR com as exportações líquidas.
      E também juros reduzidos aumentam o nível de investimento, reduzem o custo de oportunidade do capital.

      Mas eu realmente não sei. Isso aqui é banânia, saber um pouco de macroeconomia não deve bastar para prever algo por aqui.

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 14:41

        gobierno não está conseguindo baixar a remuneração do TD
        pois se baixar incentiva grandes lotes de realização dos lucros
        os juros futuros já estão aquém do Joesley´s DAY e mesmo assim o Tesouro Nacional paga mais
        olhem a sinuca de bico

        26+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • perdido no rio 30 de agosto de 2017 at 11:58

          Resumiu perfeitamente: sinuca de bico.

          6+
          • avatar
    • Lucas 29 de agosto de 2017 at 14:38

      aí sim falamos em onus excessivo do aluguel (ou das parcelinahs que caem pra cima)
      estamos “comprados” em tijolos, sobra pouco pra superfluos como feijão com arroz

      8+
      • avatar
      • avatar
      • Alemon Fritz 29 de agosto de 2017 at 14:49

        o curioso é que foram só 6milhoes de imóveis em 14 anos e fizeram esse estrago todo… é megabomba imobiliaria se me entenderam. o buraco é maior e deve ter outra coisa.

        9+
        • avatar
        • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 14:52

          Não foi só a bolha imobiliária
          foi todo um conjunto de bolhas

          a banânia ganhou na loteria chinesa durante poucos anos … mas triplicou a aposta na concessão de crédito como indutor de crescimento…
          isso é lógico que um dia acaba

          bolha imobiliária
          bolha do FIES
          bolha dos automóveis e motos
          bolha de consumo em geral
          bolha dos consignados dos aposentados
          bolha do consignado dos FP´s (173 bilhões em recebíveis )

          29+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 14:52

            ah…. cereja do bolo
            PAC I
            PAC II
            MCMD
            Copa do Mundo
            e Olimpíadas

            22+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Leonardo M. 29 de agosto de 2017 at 18:08

              Esqueceu do construcard,BNDES, roubo de estatais e o PROSUB que parece que roubou mais de R$2 bilhões em uma acordo França, Marinha do Brasil, Odebrecht e Camargo Corrêa…

              7+
              • avatar
              • avatar
          • Lucas 29 de agosto de 2017 at 17:29

            #mate
            foi todo um processo de euforia
            lula hipotecou o futuro em troca de votos

            17+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
  • Intendente 29 de agosto de 2017 at 14:34

    Engraçado é o camarada jogar os dados se nenhum alarme nos 70% de desconto médio.

    É tipo o camarada que recebe uma notícia ruim no meio de um monte de informações desnecessárias.

    Aos pouco o Fingezap mostra cansaço.

    9+
    • avatar
    • avatar
  • Lucas 29 de agosto de 2017 at 14:35

    sobre o TOPICO ALTERNATIVO GOLPISTA

    tem muita coisa ali nas entrelinhas
    reparem só quantos anos não se leva entre um fundo “falir” e falir, são anos e anos de brigas na justiça. até liquidar e desovar os créditos entre os credores vai muito chão pela frente, até pra estouro de bolhas somos lerdos ineficientes, enquanto nos EUA a bolha estoura ao vivo e a cores, aqui temos toda uma novela a se desenrolar nos tribunais, e outras tantas situações, pressão do mercado para empurrar o pato para o 666 pagar, apra o governo pagar, pro povo pagar, que retroalimenta a crise e faz a necessidade de estouro (ajuste) ainda maior, se antes falei em 30%, depois 50, 60 até 80% Hoje já vejo que 90% é uma boa meta. Não obstante vermos aqui e ali os casos 100% como a MP que vai fritar o especulador sardinha, mesmo após o leilão da casa, o banco ainda via correr atras do outros bens do cara, até quitar a dívida bolhuda

    como se diz na periferia deonde minha familia vem, “pra corno: todo castigo é pouco”

    11+
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 14:38

      é verdade estou de olho em um imóvel em leilão aqui em curitiba
      vai a leilão em setembro
      o condomínio entrou com a ação contra o morador em Setembro de 2001

      pqp
      16 anos … o cara não paga condomínio
      e 06 anos não quita IPTU

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 29 de agosto de 2017 at 14:41

    ainda sobre o topico ALTERNATIVO

    reparem que só no mundo magico da CEF as garantias bancárias são todas AAA
    lembram da delação do Cesar???

    No mundo real é isso aí que diz no topico golpista, MUNDO CÃO TOTAL

    15+
    • avatar
    • avatar
  • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 14:43

    Olhem o naipe das casas
    https://www.youtube.com/watch?v=mAnLucouQIo

    4+
    • avatar
    • Lucas 29 de agosto de 2017 at 14:55

      a tv a cabo está passando especial anos 80 filmes
      repara nos filmes: ET., Ee volta pro futuro, Os Goonies, repara no pano de fundo os bairros em expansão, repara nas entrelinhas
      houve uma minibolha nos anos 80, tbm no BR o Bnh faliu.
      repete-se os mesmos erros
      agora repara só, com as bolhas americanas herdaram bairros enormes, casas enormes, mania de SUV.
      aqui herdamos os apês gaiolas de 10 m² pra confinar os barbudinhos que vão estudar na PUC ou na UFABC

      23+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 14:56

        exato
        falam da bolha espanhola
        sim… foi um grande drama
        mas deixou muita infra-estrutura
        estive lá ano passado
        show de bola !!

        aqui temos o quê !?

        MCMV – Recanto dos Passáros II !?

        27+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Lord of All 29 de agosto de 2017 at 14:46

    Lei publicada HOJE: (conversão de medida provisória em lei)
    Art. 9o Se, após a excussão das garantias constituídas no instrumento de abertura de limite de crédito, o produto resultante não bastar para quitação da dívida decorrente das operações financeiras derivadas, acrescida das despesas de cobrança, judicial e extrajudicial, o tomador e os prestadores de garantia pessoal continuarão obrigados pelo saldo devedor remanescente, não se aplicando, quando se tratar de alienação fiduciária de imóvel, o disposto nos §§ 5o e 6o do art. 27 da Lei no 9.514, de 20 de novembro de 1997.

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 29 de agosto de 2017 at 14:54

      Então não mudou nada na Lei de Execuções Fiduciárias, a batata quente continua na mão do BANCO?

      6+
      • avatar
      • avatar
      • Lord of All 29 de agosto de 2017 at 14:59

        Não sou militante da área específica, mas quando essa lei nova menciona que as partes continuam obrigadas pelo saldo remanescente, e que não se aplica o disposto nos §§ 5o e 6o do art. 27 da Lei no 9.514, de 20 de novembro de 1997, cai do sistema aquela regra que a dívida se extinguia a dívida.
        A propósito veja-se o teor dos dispositivos legais que não se aplicam mais:
        § 5º Se, no segundo leilão, o maior lance oferecido não for igual ou superior ao valor referido no § 2º, considerar-se-á extinta a dívida e exonerado o credor da obrigação de que trata o § 4º.

        § 6º Na hipótese de que trata o parágrafo anterior, o credor, no prazo de cinco dias a contar da data do segundo leilão, dará ao devedor quitação da dívida, mediante termo próprio.

        5+
        • avatar
        • Alemon Fritz 29 de agosto de 2017 at 15:04

          e enquanto tem divida como fica a propriedade, continua ainda do banco… kkk … o negocio é uma aberração

          4+
          • avatar
        • Cesar_DF 29 de agosto de 2017 at 15:05

          Lord of All
          Verdade, eles extinguiram os parágrafos que jogavam a bomba no colo dos BANCOS e transferiram para o INADIMPLENTE.
          Então o imóvel será alienado para o banco, mas a dívida originada do valor residual do empréstimo menos o valor de arrematação será lançado para o trouxa

          9+
          • avatar
          • avatar
          • Intendente 29 de agosto de 2017 at 17:57

            Daí o imóvel é leiloado e 1 bananense fica com a dívida remanescente.

            Já temos financiamentos em leilões, ok.

            E se o camarada que comprar no leilão quebrar também ?

            Aliena novamente, daí se sobrar, mais dívida no mercado ?

            Que porra de ativo é esse que só dá prejuízo ?

            9+
            • avatar
            • Lucas 29 de agosto de 2017 at 18:09

              é o rastro de merda deixado pelo imóvel até atingir o valor de ajuste (hoje em 90%)
              a correção vai acontecer por bem ou por mal
              ou caso o 666 prefira continuar pagando a parcelinha ao invés do default estratégico, abandonar o imóvel (ops não pode mais fugir) vai levar uma vida zombie pelos proximos 35 anos
              É A PRISÃO PERFEITA

              14+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
  • Lucas 29 de agosto de 2017 at 15:18

    https://www.youtube.com/watch?v=CsNLr_Yxsnk
    veja lá pelos 15 ou 16 minutos a parte do finame
    todo o resto é legal tbm

    3+
    • avatar
    • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 09:54

      Com o valor da prestação menor do que o aluguel, compensa comprar sim, da mesma forma que no Brasil, antes de 2004, com um FatorX < 100, também valia a pena.

      3+
      • avatar
  • homelessbubbles 29 de agosto de 2017 at 15:43

    Como eu adoro crise!
    Queijo pecorino romano, 39,90 o quilo. O mais barato que já havia visto antes era 129,00 o quilo. Peguei logo todas as 5 cunhas restantes na gôndola. Queijo mascarpone, 6,99 o potinho de 250 g. Preço normal é 18 e pouco. Pena que era o último.
    Detalhe: mercado bolhudo, produntos perto do vencimento.

    19+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 15:46

      putz… fazer aquele belo prato de frios… tomar um vinho
      e de sobremesa um tiramisu
      oh.. coisa boa !!!

      7+
      • avatar
      • avatar
      • homelessbubbles 29 de agosto de 2017 at 15:52

        Não dá nem tempo, to comendo mascarpone de colher kkkkk
        Esses italianos sabem fazer comida e bebida boas hein!

        12+
        • avatar
        • avatar
    • tmarabo 29 de agosto de 2017 at 16:09

      o supermercado daqui deixa vencer e não baixa os preços :((((
      eu até falo pros atendentes, mas eles dizem que só a gerência “centralizada” pode definir ofertas. qquer dia destes eu vou falar com a tal gerência. é muita cerveja boa vencendo rsrsrsrsrsrs

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Diego F. 29 de agosto de 2017 at 16:25

      Qual mercado, hb? És de Floripa, né?

      Esses produtos premium sempre estão com promoções ótimas. Até o Imperatriz “gurmê” anda colocando preços legais.

      4+
      • avatar
      • homelessbubbles 29 de agosto de 2017 at 16:42

        Foi exatamente no Imperatriz rsrs.

        4+
        • avatar
  • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 15:52

    Pior julho em duas décadas
    Economia 29.08.17 15:15  

    A Secretaria do Tesouro Nacional divulgou hoje o resultado das contas do governo no mês passado. O deficit primário foi de mais de 20 bilhões de reais.

    O rombo foi o pior resultado para julho desde o início da série histórica, em 1997.

    No acumulado dos sete primeiros meses de 2017, o deficit fiscal é de mais de 76 bilhões, também o pior resultado em duas décadas.

    Deficit assim não se improvisa. Agradeçam à Gerente.

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 15:53

      by DRN

      5+
      • avatar
  • homelessbubbles 29 de agosto de 2017 at 15:57

    Pessoal, e essa proposta de reforma tributaria? Querem reduzir imposto sobre consumo e aumentar sobre a renda. Será que pode se concretizar?

    5+
    • avatar
    • odorico 29 de agosto de 2017 at 16:09

      Como vi na tv, o ixpecialista disse que reforma não pode ser desculpa para aumento de carga tributária (lafer mode on) então se houver uma certa tributação no nosso rentismo tudo bem, veja que do outro lado pagaremos menos imposto ao consumir. Agora se vier com aumento de carga, aí é tiro no pé, pois a renda disponível cairá e será transferida para o governo, logo os juros aumentarão para bancar um governo insaciável numa economia que não vai se recuperar. Enfim, num país que 95% não tem reserva, quem tem mais de 50K de reserva e é prudente, não vai se dar mal. Eu sempre me lembro do tsunami no oceano índico quando alguém vem com teorias muito catastróficas. Quem estava a 50 metros acima do nível do mar quase não teve impacto. Acho que os bolhistas aqui estão todos vacinados em maior ou menor grau. Enfim, vai ter que ter muito sangue e ranger de dentes antes que o “prudentes” sejam afetados.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 29 de agosto de 2017 at 16:24

      kkkk
      boa idéia já é mole mole produir no BR, lucros fantastiscos kkkk
      vamos tributar ainda mais a renda, ninguem sofre processos, extorsão, multas, fiscalização de todo o tipo, kkk
      e vamos liberar ainda mais o sonho das pessoas de consumir, como se o que sobrar de ganho não fosse diretamente para o PMJ dos financiadores de consumo.

      nessa esbórnia de país tudo está fadado a dar errado
      principalmente as boas idéias, essas são as piores.

      13+
      • avatar
      • avatar
      • homelessbubbles 29 de agosto de 2017 at 16:29

        Eu acho que o menos pior seria diminuir o imposto no consumo e aumentar sobre propriedade, incluindo mercado financeiro. Ainda assim, a proposta atual é melhor que o modelo atual. Porém, duvido que de certo. O preço sobre o consumo não irá baixar e a renda irá diminuir. Para nós, que seremos mais taxados, vai piorar.

        4+
        • avatar
        • centrista 30 de agosto de 2017 at 11:17

          Dá para defender qualquer um dos sistemas (tributação majoritariamente sobre a renda ou sobre o consumo), mas a alegação de que o imposto sobre consumo onera os mais pobres é falaciosa. Essa alegação só ocorre na banania porque o imposto sobre herança é muito baixo e fácil de sonegar, ou seja, em países desenvolvidos a poupança do indivíduo (que não foi em um primeiro momento tributada pelo IVA) será quando da transmissão da herança.
          Quanto a este tema há inclusive um documentário (acho que se chama “we’re not broke) no qual se defende que os Estados Unidos passe a adotar uma maior tributação sobre o consumo e menor sobre a renda, tendo em vista que na prática os mais ricos (empresas ou pessoas físicas) escapam com muita facilidade desse tipo de tributação por meio de paraísos fiscais.

          2+
          • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 11:26

            Os super-ricos pagam pouquíssimos impostos
            – Transferem seus bens e rendimentos para uma empresa e no estatuto dela fica responsável para pagar todas as despesas pessoais do presidente.
            – Criam uma fundação, transferindo todo o seu patrimônio para ela, colocando-se e os seus herdeiros como usufutuários
            – Transferem seus bens e contratos para países com baixa tributação
            – Etc

            21+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
      • Lucas 29 de agosto de 2017 at 17:22

        vc só pode estar de brincadeira
        aumentar IPTU ??? Mais??? kkkkk, eu iria adorar ver isso, kkkk
        aumentar imposto da propriedade do dinheiro? das ações??? kkkkk

        sim excelentes idéias igual aumentar impsoto de renda num país onde 50% da renda (ou mais) é informal, verdade, quem pagaria mais seriam os proprios FPs esses nãot em como fugir

        aqui em SP, tinha esse problema no consumo, 50% ou mais era informal ninguem emitia NF deporra nenhuma, ai inventaram de dar premios pro consumidor que pedir nota, efeito dobrou a arrecadação, acho até que poderiam copiar pro resto do BR. Quero ver o nordestino topar essa de seguir a lei…

        esse país é realmente uma piada, Temer é um grande comico, ele sane dessas coisas todas que escrevi.
        Temer é o primeiro presidente troll do BR.

        17+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • joselito 29 de agosto de 2017 at 17:29

          Os FPs “médios” né? Pois os “marajás” recebem a maior parte do salário em “indenizações” sobre as quais incide 0% de IR, rsrsrs….(ou seja, tem como fugir)

          9+
          • avatar
          • avatar
        • Lucas 29 de agosto de 2017 at 17:37

          e gratificações
          VIDE ABAIXO
          :COOL:

          3+
          • joselito 29 de agosto de 2017 at 17:50

            Acho que você mesmo quem falou, num passado, que tal feito ocorre nos verde oliva também.
            O nome dado às rubricas (medalhas, honrarias, seilaoquê) são outros, mas a técnica, a mesma.

            3+
          • Lucas 29 de agosto de 2017 at 17:58

            EU NÃO gosto de criticar militares nem um pouco
            veja que legal isso que eles estão fazendo
            http://www.gazetadopovo.com.br/educacao/ordem-em-meio-ao-caos-escolas-militares-ganham-espaco-com-bons-resultados-8mvefin96no0oydxmdkgaqreh

            não obstante eles sempre que se mudam recebem uma indenização por remoção
            tempos atrás isso era muito usado como meio de politica e pressão interna, como castigo ou premio
            hoje não sei como tá, com a bolha acho que virou castigo 100% das vezes.

            8+
            • avatar
            • avatar
            • Intendente 29 de agosto de 2017 at 18:06

              Tá louco, velho. Movimentação aqui é prêmio. Tu ganha pra ir e ganha para voltar.

              Militares de carreira tem direito de 3 em 3 anos a “pedir” movimentação. Pode ser que seja movimentado, pode ser que não.

              A maioria, digo 70% prefere ficar em um lugar só ou pedir menos movimentações pelo desgaste provocado ao fazer mudança, vender tudo, comprar novamente, adaptação da esposa, filhos etc.

              A ajuda de custo da bagagem ajuda um pouco, mas depende da distância. Pra fazer grana mesmo, tem que ir de ponta a ponta do BR uns 15 anos, daí tu junta um caralhão de dinheiro e se abosta em algum lugar.

              9+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • Intendente 29 de agosto de 2017 at 18:07

                Isso é nas 3 forças*

                Exército movimenta mais > depois Marinha > Aeronáutica

                Oficiais de 2 em 2 anos; praças de 3 em 3 anos.

                4+
                • avatar
              • Lucas 29 de agosto de 2017 at 18:23

                mesmo se for pro Acre?
                😎
                ou pior, pra brasilia

                3+
                • Intendente 30 de agosto de 2017 at 10:01

                  Acre é bom, paga uma boa transferência e dá uma gratificação por servir lá. Adicional de Localidade Especial – Guarnição especial.

                  Brasília só é bom para quem está no final da carreira, aí você fica numa diretoria das forças ou até mesmo, se for influente, em um órgão do governo.

                  5+
                  • avatar
                  • avatar
    • rogerio 30 de agosto de 2017 at 13:56

      essa reforma tributaria pelo que lí, não muda nada. A reforma que deveriam fazer é imposto sobre renda e não sobre consumo, mas nosso país não é sério.

      2+
      • avatar
      • socrates 31 de agosto de 2017 at 13:26

        A unificacao dos impostos sobre o consumo tornaria o pais mais competitivo e nos tornaria mais independentes de algumas mafias/castas. É um passo essencial . E o seu argumento é perfeito. Nenhum pais decente tributa os mais debaixo. E deixa os de cima tao diboa. Salvo paraguai, namibia, guine bissau, guatemala…

        1+
  • Buck 29 de agosto de 2017 at 17:33

    Vocês viram isso?!
    http://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/08/1914002-gilmar-determina-que-juizes-do-acre-devolvam-gratificacao-de-nivel-superior.shtml
    O BRASIL NÃO É PARA AMADORES!!! GOLPE A VAREJO!!!

    Os juíxesss e desembargadores recebiam auxílio gratificação por TER O NÍVEL SUPERIOR…lá no Acre os juízes de futebol que foram promovidos a juízes de “direithu”?

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 29 de agosto de 2017 at 17:36

      o BR é uma realidade kafkaniana
      quem apresentou a acusação foi o maniaco da moto serra
      aquele deputado que esquartejava os inimigos, hildebrando paschoal
      estava na mesa do gilmar desde 2010.

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Margarida 29 de agosto de 2017 at 18:17

        Só sete anos. A ação chegou no STF em 1996, há quase VINTE anos.

        11+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Lucas 29 de agosto de 2017 at 17:41

      O acre é kafkiano
      o menino do acre
      a telexfree
      a bolivia
      a marina silva
      o santo daime
      só bizarrice

      23+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 18:39

        devolvam essa trolha para a Bolívia !!! kkk

        4+
        • Leonardo M. 30 de agosto de 2017 at 12:02

          Cara se devolver o Nordeste para a Holanda eu me mudo para lá kkkkkk

          8+
          • avatar
    • tmarabo 30 de agosto de 2017 at 11:39

      pior que isso só promotores e magistrados receberem auxílio moradia mesmo quando morem no local em que estão lotados….

      4+
  • Margarida 29 de agosto de 2017 at 18:37

    Sobre o tópico, confesso que não tinha entendido o negócio.

    “O Raio-X FipeZap, que acompanha trimestralmente a demanda de imóveis do mercado, registrou no 2º trimestre de 2017 queda de 1,7% no desconto médio entre as transações de imóveis, passando de 73,7% (março) para 72,0% (junho). Nos últimos 12 meses o desconto médio reduziu para 8% frente aos 9,5% dos 12 meses precedentes.”

    Esse relatório não está disponível no site do FZ. Esses relatórios não são públicos? Tem uma informação de maio/17, aqui, referente ao primeiro trimestre: http://fipezap.zapimoveis.com.br/expectativa-de-queda-nos-precos-recua-no-primeiro-trimestre-de-2017/

    Isso aí é o que eles chamam de relatório?

    Bom, de todo modo, na nota anterior consta que “A participação das transações com desconto no total de transações permaneceu praticamente estável no início do ano, em torno de 75%. De forma similar, o percentual médio de desconto manteve-se no patamar de 8,9% ao longo das últimas duas pesquisas.”

    Então esse negócio tá super mal redigido, e ficou parecendo que no segundo trimestre o desconto médio entre as transações de imóveis foi de 72%. Ficou parecendo, não; é isso mesmo que está escrito. Mas depois dizem que “o desconto médio reduziu para 8%”. Nossa, a redação é horrível aqui também, hem? Enfim, porque são incapazes de produzir um texto decente, acabaram divulgando sem querer que há descontos médios de 72%, quando queriam dizer 8%. 72% seria referente ao número de transações com desconto.

    Precisa levar em conta o analfabetismo funcional pra entender essa notícia.

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 29 de agosto de 2017 at 18:52

      nem perdi meu tempo tentando entender
      mas já que vc o fez agradeço
      por isso postei o topico alternativo, bem mais interessante

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 29 de agosto de 2017 at 19:01

    tá tudo bem e estável…

    “Número de unidades levadas a leilão é visto como assustador”

    “http://www.diariodocomercio.com.br/noticia.php?tit=numero_de_unidades_levadas_a_leilao_e_visto_como_assustador&id=184762 “

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 19:03

      nós avisamos !
      é só o começo !

      11+
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 29 de agosto de 2017 at 19:08

        sim, só 800 por mês no Estado de Minas inteiro não tenho os numeros de vendas liquidas de dsitrrato das construtoras cadastradas de cabeça, mas deve ser uns 10% do mercado formal no maximo. Isso aí tende a subir muito

        8+
        • avatar
      • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 08:45

        From_The_Tower
        Verdade, com um delay típico de 3 anos, o disparo no desemprego a partir de janeiro de 2014 só agora que resultou num aumento dos leilões.
        Com a mudança na lei que mantem a dívida para o ex-proprietário, é possível que agora todos os bancos sigam o Bradesco e o Intermedium, colocando “descontos” de 80-90% na terceira praça.
        https://www.pragmatismopolitico.com.br/wp-content/uploads/2017/01/desemprego-no-brasil.jpg

        9+
        • avatar
        • avatar
  • Alemon Fritz 29 de agosto de 2017 at 19:03

    Brusque SC:
    número de construções de prédios cai de 50 pra 32, sendo que houve certo aumento…
    o desemprego ainda continua lá.

    3+
    • From_The_Tower 29 de agosto de 2017 at 19:05

      complicado
      a única novidade lá foi a nova sede da HAVAN

      3+
      • avatar
  • Alemon Fritz 29 de agosto de 2017 at 19:10

    deu mais que a poupança…

    Caixa finaliza depósito de R$ 7 bi de lucro do FGTS a trabalhadores

    http://www.valor.com.br/brasil/5099384/caixa-finaliza-deposito-de-r-7-bi-de-lucro-do-fgts-trabalhadores

    4+
  • bolhista fulano de tal 30 de agosto de 2017 at 08:04

    Caderneta de poupança deve passar a render menos a partir de 7 de setembro:
    http://g1.globo.com/economia/seu-dinheiro/noticia/caderneta-de-poupanca-deve-passar-a-render-menos-a-partir-de-7-de-setembro.ghtml


    E o financiamento imobiliario só sangrando…

    7+
  • RalphWEmerson 30 de agosto de 2017 at 08:45

    O Banco Central regulamentou ontem a LIG (resolução 4.598). Seguem os principais pontos:
    Art. 7º A LIG deve ser emitida com prazo médio ponderado de no mínimo 24 meses.
    Art. 8º É vedado à instituição emissora resgatar antecipadamente ou recomprar a LIG, total ou parcialmente, antes de doze meses, contados a partir da data de emissão.
    Art. 19. A carteira de ativos somente pode ser integrada por:
    I – créditos imobiliários;
    II – títulos de emissão do Tesouro Nacional;
    III – instrumentos derivativos; e
    IV – disponibilidades financeiras provenientes dos ativos integrantes da carteira de ativos.
    § 1º O crédito imobiliário somente pode ser incluído na carteira de ativos se:
    V – a classificação de risco de crédito da operação não for inferior a “B”, conforme regulamentação em vigor;
    Art. 26. É vedado às instituições emissoras alterar o perfil de sua carteira de ativos conforme definido no Termo de Emissão, na forma do art. 11, inciso V.
    http://www.bcb.gov.br/pre/normativos/busca/normativo.asp?numero=4598&tipo=Resolu%C3%A7%C3%A3o&data=29/8/2017

    Detalhe que aparentemente os bancos podem alterar as garantias da LIG desde que mantenham o mesmo perfil…..

    Outro ponto interessante, séries de LIG garantidas pelo mesmo pool de ativos??

    Art. 15. É facultado às instituições referidas no art. 2º o estabelecimento de Programa de Emissão de LIG.
    § 1º As instituições somente podem efetuar emissões de séries, compostas por uma ou mais LIGs garantidas por uma mesma carteira de ativos, por meio do Programa de Emissão de LIG.

    6+
    • avatar
    • avatar
  • RalphWEmerson 30 de agosto de 2017 at 08:47
  • Marcio 30 de agosto de 2017 at 08:48

    CVR
    Galera, ontem fiz minha mudança.
    Morava em apto com dois quartos por 790 reais de aluguel e mais 150 de condomínio.
    Depois de uns 15 dias de chuvas, infiltrou água nos quartos e na cozinha (o apto já tinha infiltração, mas piorou muito e começou o mofo).
    Depois de uns 10 dias procurando, achei uma casa perto dos meus pais, local muito tranquilo (a cidade já é meio tranquila, 100 k habitantes).
    A casa é de alvenaria e com 3 quartos e com vaga pra dois carros, enquanto o apto tinha só 1 vaga. É antiga, mas bem conservada.
    Mas o interessante é a área construída: 185 metros da casa contra 90 do apto. Só a sala tem 45 metros quadrados ( a casa tem uns 35 anos, quando se construída um local pra vc residir, não pra viver enjaulado como acontece atualmente).
    O apto ficava a 2 quadras do meu local de trabalho. A casa fica mais longe, mas ainda assim vou poder continuar a ir a pé, dá uns 15 minutos de caminhada.
    Valor do aluguel da casa: R$ 1000, que depois de um choro opressor, baixou pra R$ 900.
    Valor de venda da casa: R$ 400 mil.
    Em resumo: estou muito feliz!
    Só quem não deve estar feliz é o dono do apto, que além de perder o aluguel, vai gastar uma boa grana naquelas infiltrações. Tem parede do apto que tá esfarelando já.

    57+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Viking 31 de agosto de 2017 at 15:50

      parabens pela mudança!

      2+
  • Moreira 30 de agosto de 2017 at 08:50

    Fechei um contrato de aluguel de um
    Ap em
    Aguas claras:
    134m
    3 quartos
    Dois banheiros
    Dispensa com mais um banheiro
    Armários simples, porém conservados em dois quartos
    Cozinha com armários fraquinhos, mas da pra usar;
    Sala tamanho excelente
    Varanda na suíte
    Varanda na sala tamanho Excelente

    Preço do aluguel 1.700 + Cond 750

    Preço fechado – 1600 no aluguel. Dono não quis fazer sem imobiliária. Como queria muito morar em um condomínio com poucas unidades, bem
    Localizado, perto do metro, padarias, verdurao, do parque, da creche do Catarrento, julguei melhor não tensionar muito.

    No cond, os aos são anunciados a 530 a 580k.

    O atual proprietário pagou 160k no imóvel, idos de 2004.

    18+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 10:09

      160K em julho de 2004 = 327K atualmente
      Aluguel de 1.6K e apto de 327K = 204X
      Aluguel de 1.6K e apto de 555K = 347X

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • O Incrivel Homem-Bolha 30 de agosto de 2017 at 10:05

    Sobre os leilões e estouro da bolha.
    Só estou viajando; sei que isto não vai acontecer.
    Mas imaginem, apenas imaginem que saísse uma lei da noite pro dia do tipo:
    1 – Não pagou, o banco retoma e RUA. Tem que sair do imóvel em 24h. Vem a puliça e leva todas as tralhas do motumbado para um depósito e já elvis.
    2 – O imóvel vai a leilão, com o valor LÍQUIDO FINAL, já descontando TODAS as buchas possíveis.
    3 – Os interessados podem visitar o imóvel (já devidamente desocupado) à vonts, fazendo todas suas análises calmamente. Podem até levar um profissional pra ajudar na avaliação.
    4 – Quem der o melhor lance, paga e FIM DE PAPO. É do adquirente e PRONTO ACABOU. Sem futuras contestações ou cancelamentos. Simples assim.
    Chuto que isso RESOLVERIA a crise imobiliária brasileira em questão de 90 dias e olhe lá. Vida nova e vamo embora.

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 10:21

      O Incrivel Homem-Bolha

      Não importa se ocorrerem 5 milhões de leilões, a vacância atual estimada em 12 milhões de residências não será alterada.

      Porque a família que entrou nesta casa leiloada acabou liberando outra do qual saíram.

      Na verdade a vacância pode até aumentar, com a família que foi retirada da casa indo construir um puxadinho no terreno de algum parente.

      O que significa esta “vacância” em termos econômicos: utilizaram recursos financeiros para realizar uma aplicação que está dando retorno ZERO, na verdade dando um retorno negativo, pois o IPTU e a depreciação do imóvel continuam ocorrendo.

      De forma diluída, isto provoca um empobrecimento da população, a aplicação de recursos em algo que nunca gerará valor agregado.

      É como um prédio que a construção é interrompida porque a construtora faliu: as pessoas utilizaram suas economias em algo que não dá retorno, pois ele desejava reduzir seus gastos com o aluguel de uma residência, através da compra de uma, e este dinheiro virou pó, o que resulta numa queda do poder aquisitivo. O interessante é que o PIB do país aumenta enquanto as pessoas ficam mais pobres. É como se o governo contratasse 2 milhões de pessoas, 1 milhão para abrir e o outro milhão para cobrir buracos, isto aumenta o PIB sem agregar valor.

      16+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lord of All 30 de agosto de 2017 at 13:18

      Na verdade, quanto ao item 1, o sistema já é projetado pra ser mais ou menos como vc descreveu. Tanto é que nos financiamentos garantidos por alienação fiduciária (hj em dia quase todos são assim), a propriedade, juridicamente falando, é sempre do banco. Deixou de pagar 3 parcelas, a propriedade se consolida, definitivamente, ao banco. O problema é que os devedores ficam se debatendo em ações judiciais, o que enrola um monte, além do que os próprios bancos às vezes não têm muito interesse em “retomar” o imóvel e ter que ficar com o abacaxi na mão.

      4+
      • avatar
  • Juros Lover BSB-BH 30 de agosto de 2017 at 10:09

    Aproveitando o CVR de aluguel do colega acima posto o meu…

    Estou de mudança definitiva de BSB pra BH, chega de ponte aérea… Meu alvo era apto de 3 quartos minimo 100 m2 com portaria 24 horas e menos de 5 anos de uso e valor entre 2.000 e .2500… Depois de muita procura achei um no Bairro Santo Agostinho inaugurado no ultimo trimestre de 2016 com 109 m2…O dono pedia 3.400…Era o valor que inquilino anterior pagava descobri depois, este inquilino saiu pq comprou no mesmo prédio…Já sabia que não chegaria nos 2500 mas fui tentar ver o que dava pq o apartamento é muito bom mesmo e zero praticamente…Depois de quatro dias de proposta e contraproposta pra lá e pra cá ficou em 2800 e vi que era realmente o máximo que o proprietário iria aceitar…Resolvi gastar os trezentos temers a mais..Preço de venda de unidade igual anunciada nos sites de venda, hum milho grande e duzentos k…Preço maluco diga-se, pessoal deve ter tomado uma motumbada forte nesse predio pagando mais de milho pra construtora…

    32+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 30 de agosto de 2017 at 13:40

      certamente esses de 1,2kk não estão prontos pra morar como o seu que vc fechou por 2800
      0,23%am de rentabilidade é alto demais nesse perfil, mesmo send0 1/3 da poupança
      pra dar os 0,15%am tipicos dessa faixa de renda o seu proprietário deve ter gasto uns 500 paus em reformas/taxas… Errei???

      3+
      • avatar
      • Juros Lover BSB-BH 30 de agosto de 2017 at 14:37

        Não visitei fisicamente os aptos que estão a venda…Pelas fotos do anuncio o piso é diferente e estão sem armários…O que aluguei tem armário pra tudo que é lado…E apareceu já um anuncio de 1,1 kk que não tinha visto semana passada…

        1+
  • Seguidor do Bolha BH 30 de agosto de 2017 at 10:27

    Lei sancionada.

    Lei tira imóvel e mantém dívida
    Pela nova regra, publicada nessa terça-feira (29), banco pode leiloar o bem e continuar cobrando débitos
    http://www.otempo.com.br/capa/economia/lei-tira-im%C3%B3vel-e-mant%C3%A9m-d%C3%ADvida-1.1514513

    “Para especialistas no mercado imobiliário, a medida beneficia apenas os bancos, e pode desestimular a compra de imóveis.”

    24+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Juros Lover BSB-BH 30 de agosto de 2017 at 10:32

      Lei que detona as destrutoras mesmo…Boa chance do judiciário não bancar essa de mantem a divida já que os bancos fazem analise porca de credito…

      8+
      • avatar
      • Seguidor do Bolha BH 30 de agosto de 2017 at 11:23

        Análise porca de crédito? Será?
        Estou me perguntando aqui, será que algum banco (além da CEF, claro) será irresponsável ao ponto de permitir que qualquer um adquira financiamento só porque terá como garantia a diferença faltante da dívida em caso de leiloar o imóvel por um valor menor que o certame? E se o 666 devedor não pagar o restante de jeito nenhum?

        5+
        • avatar
        • avatar
        • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 15:17

          Cara
          É igualzinho ao filme A Grande Aposta

          Enquanto o valor dos imóveis subia, ninguém se preocupava em verificar a confiabilidade dos dados, se o valor do imóvel era justo ou se o comprador teria condições de honrar os pagamentos, era irrelevante.

          No EUA, o cara comprava uma casa de 300K para pagar em 20 anos, dai 2 anos depois a casa valia 500K, então ele poderia contrair um novo empréstimo utilizando como lastro este aumento de 200K.

          10+
          • avatar
          • avatar
        • to bolhado 30 de agosto de 2017 at 15:48

          também não estou entendendo dessa forma. A despeito de qualquer análise das consequências (ou falta delas) dessa medida, conceitualmente acho que faz sentido. Ora, o imóvel é apenas uma garantia de um empréstimo. Você pode tomar empréstimo para fazer qualquer coisa, inclusive para ir no dia jogar todo no cassino clandestino e gastar com primas (o banco vai analisar a sua capacidade de pagar de volta o empréstimo). Num crédito imobiliário, em se tratando de um dinheiro carimbado para a compra de um bem que supostamente é muito importante para o mutuário, e tendo uma garantia “real”, essa análise de crédito é um pouco facilitada, mas em essência é uma análise de crédito como qualquer outra. Aí o cara entra em default, o banco executa a garantia e fica faltando uma parte, é claro que o cara que tomou o empréstimo continua devendo. Substitua a garantia por qualquer outra (duplicatas, fiador) e não haveria dúvida de que o mutuário continua devendo o que não foi quitado pela execução da garantia.

          1+
      • Lucas 30 de agosto de 2017 at 13:59

        deixa ver se entendi
        vcs estão chamando a analise de crédito baseada no fingezap e na documentação que o corvo entrega de analise porca????
        ué, pq vcs não avisaram antes?

        5+
        • avatar
    • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 10:40

      Esta lei significa que os bancos não precisam ter mais qualquer responsabilidade na análise de concessão de crédito.
      A vantagem é que, provavelmente, irá cair a taxa de juros e surgirem outros produtos, como o seguro no caso de não pagamento das parcelinhas.
      À luz dos princípios do direito, aparentemente existe um desiquilíbrio nas relação entre as partes contratadas, pois todos os direitos ficaram ao lado do banco, enquanto o tomador dos empréstimos ficou apenas com os deveres.

      16+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 10:29

    roubartilhando no fecebuuki

    Lei tira imóvel e mantém dívida
    Pela nova regra, publicada nessa terça-feira (29), banco pode leiloar o bem e continuar cobrando débitos
    kkkk mas é meu
    http://www.otempo.com.br/capa/economia/lei-tira-im%C3%B3vel-e-mant%C3%A9m-d%C3%ADvida-1.1514513

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • tmarabo 30 de agosto de 2017 at 10:50

      no link, bola de cristal: ” O mercado imobiliário deve ter uma nova fase de crescimento a partir de 2019, sustentando pela perspectiva de oferta de crédito barato para construção e aquisição de imóveis, em meio a um cenário macroeconômico com taxa básica de juros em torno de 8% ao ano e inflação estabilizada no patamar de 3% a 4%.”

      4+
      • avatar
  • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 10:34

    o texto faz uma confusão de distrato e inadimplencia… kkk
    o que vai acontecer: o banco limpa o balanço, os inadimplentes viram credito podre e criam um banco malo como o sareb na espanha. O gov paga um pouco e tudo resolvido

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • CA 30 de agosto de 2017 at 10:52

      Alemon Fritz,

      Sim, se FIZERMOS DE CONTA que o dinheiro do governo é INFINITO e que não temos nenhum problema relacionado a déficit fiscal e ainda, SONHANDO que nós somos uma super-potência com muito mais “bala na agulha” que os EUA que despejaram trilhões de US$ para resolver o problema e mesmo assim não conseguiram amortizar a situação e o despencar foi sensível, o seu raciocínio está perfeito…

      6+
    • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 11:02

      Alemon Fritz
      O FED e o BCE injetaram centenas de bilhões na criação destes bancos que receberam os créditos podres.
      De onde viria este dinheiro no Brasil?
      Talvez aconteça como na Grécia, onde os imóveis tem caído de preço ha 10 anos, e os leilões de imóveis não param

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 13:22

        kkk sim estou brincando, estou curioso de ver qual bananice mágica vai ser feita…. tipo Engea criada pra implodir.

        3+
        • avatar
        • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 15:11

          No caso do EUA e Europa, o título podre era transferido para o banco especialmente criado para recebe-los, pelo valor de face, então os bancos de origem não realizavam o prejuizo.
          Como a CEF vendia os títulos para a Engea com um deságio de 90-95%, a CEF realizava o prejuizo.

          3+
    • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 11:11

      Nas bolhas do Estados Unidos, Espanha, Irlanda, Portugal, entre outros, o tempo entre o pico (new paradigm) e o vale (pico do despair) é de 6 anos.

      Mas no Japão os imóveis caíram por 25 anos e na Grécia faz 9 anos que estão em queda.

      A bolha brasileira está cada vez mais parecida com a Grega

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Um dois 30 de agosto de 2017 at 12:43

        Será que estamos na fase fear ou entrando no bull trap?

        3+
        • avatar
        • Um dois 30 de agosto de 2017 at 12:46

          off
          Esse gráfico me lembrou o BTC/USD, tá idêntico no mensal.

          2+
          • Lucas 30 de agosto de 2017 at 15:18

            se vc pesquisar indices como ivgR ou o fingezap vc vai ter a impressão mesmo que ainda estamos em fear
            se vc se aprofundar na metodologia e em todos os gaps burocraticos e legais que fazem os fatos se transformarem em numeros vc perceberá que estamos entrados em despair, com bancos liquidando por valor abaixo da garantia já a algum tempo, com toda pinta que o despair vai se aprofundar.

            3+
        • rogerio 30 de agosto de 2017 at 14:04

          não teremos bull trap porque a economia do país não permite mais.

          5+
          • avatar
        • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 15:07

          Acho que FEAR
          Começaram os leilões com 80-90% do valor fantasia de avaliação

          6+
          • avatar
          • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 15:08

            Para o DESPAIR ainda deve ter uns 2-3 anos

            9+
            • avatar
            • avatar
      • Lucas 30 de agosto de 2017 at 13:21

        2 coisas CEsar:
        1) a começar no BR não temos estatísticas confiáveis, não temos uma curva tipo zilow pra mostrar onde realmente estamos.

        2) conforme vimos inumeras vezes o BR tem peculiiaridades impar: nas metodologias de pesquisa + burocracia + leis enroladas que mudam todo ano + tribunais lerdos + o governo pedalando enlouquecidamente, apenas como amostras entre outros fatores que causam um gap entre o fato e o numero.

        de 1+2
        Nossa queda será ao mesmo tempo aguda como irlanda / islandia onde caiu 90% e cronica como japão/grecia/espanha coisa de décadas, mas será uma queda invisível, somente uns 300 num blog obscuro saberão o que está acontecendo, saberão quanto tempo vamos nos arrastar no fundo do poço comemorando zero virgula qualquer coisa no pib revisado com ajuste sazonal entre outros malabarismos matematiicos.

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Margarida 30 de agosto de 2017 at 10:38

    Considerando o que o Lucas tem dito (100% é pouco), e que é óbvio que ainda passaremos muito tempo assistindo a quedas dos preços, avaliem:

    Esse apartamento é num condomínio com três torres, onde os apartamentos pequeníssimos são anunciados por preços entre 300 e 350 mil reais.

    Aí vem a parte engraçada do anúncio do cara: quer 145 mil, e transfere um saldo devedor de 190 mil.

    Aí vem a parte mais engraçada ainda: recentemente um apartamento ali foi a leilão por 185 mil.

    http://sp.olx.com.br/sao-paulo-e-regiao/imoveis/maravilhoso-apartamento-em-rudge-ramos-top-life-condominio-clube-383137350?xtmc=apartamento+rudge+ramos&xtnp=1&xtcr=6

    Tem mais: eu soube, há algumas semanas (confissão de um corvo obtida através de terceiros), que a construtora vendeu só uns 60% das unidades, e que ainda tem muitos que nunca foram ocupados.

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 30 de agosto de 2017 at 13:23

      o dono do terreno muitas vezes leva uns 2 ou 3 andares em pagamento, põe aí umas 20 unidades na conta da especulação
      margarida, vc trouxe um exemplo até que soft, esses com muitas torres e unidades o condo até que não pesa tanto.

      6+
      • avatar
  • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 10:45

    Brasil tem mais de 207 milhões de habitantes, segundo IBGE
    Levantamento aponta que 25% dos municípios brasileiros tiveram redução na população… !!! sendo 2 capitais.
    crescimento de 0,77% (cerca de 1,6 milhão de pessoas a mais).
    a taxa de fecundidade era de 1,67 filho por mulher, a taxa bruta de mortalidade era de 6,15 mortes por mil habitantes e o saldo migratório (pessoas que entraram menos as que saíram do país) foi de 8.304 pessoas. .

    3+
    • avatar
    • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 10:58

      Taxa de fecundidade de 2,1 é considerada a taxa de reposição, onde a população não aumenta nem diminui.

      Uma geração (27 anos atualmente) após atingido o 2,1 a população atinge o pico e dai começará a cair.

      Como foi ultrapassada em 2005, significa que o pico seria atingido em 2032, mas como a “geração” (idade média que tem o primeiro filho) tende a aumentar, talvez o pico seja atingido entre 2036 e 2040.

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Leonardo M. 30 de agosto de 2017 at 12:00

        E este problema é tipico de paises ricos como japão, noruega, finlandia, etc…

        O unico problema que não ficamos ricos… colocamos o carro na frente dos bois.

        12+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Antigo 30 de agosto de 2017 at 12:07

          Estamos ricos sim, como explicar um muquifo na casa do carvalho custar quinhentos mil reais?

          22+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 12:47

            se olhar a pirãmide etaria a parte maior hoje tem de 25 a 39 anos, já paramos de crescer há 20anos foi a quebra da curva. agora só estaremos envelhecendo mais. Na verdade divulgaram confirmando os dados dos graficos que já haviam feito antes. Acho que são menores. Previram 0,77 e deu 0,77, previram natalidade 1,67 e deu 1,67… kkk , tenho lá minhas dúvidas basta ver a mortalidade a partir de 2015.. provavelmente esses dados são bem mais baixos…

            5+
            • avatar
            • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 13:11

              Já que estamos no “Setembro Amarelo” vão falar que as taxas aumentaram.
              Em Joinville por ex, 2017 já vai dar o dobro do que em 2015.
              falta somar zika, boate kiss, queda de avião, acidentes de carro, rebeliao nos presidios, mortes no campo… Ibge, blergh!!!

              (Joinville registra 24 casos de suicídio até junho deste ano.)
              ‘A Força do Querer’: Silvana tenta se matar após admitir roubo de cheques… vão enfiar na novela pra discutir as pautas.

              2+
  • bolhista fulano de tal 30 de agosto de 2017 at 10:52

    Pessoal
    Meu irmão comprou Fundo Imobiliário e, apesar de ter liquidez diária e alto rendimento, já vi alguns falando mal.
    Parece que é lastreado em crédito podre…. alguem pode me esclarecer esses pontos negativos desse tipo de investimento?
    valewww

    5+
    • Leonardo M. 30 de agosto de 2017 at 14:57

      Se você não sabe no que está investindo então pq investe?

      Eu conheco colegas que entendem pra caramba de fundos multi mercados, debentures e outros produtos. E digo que ganham dinheiro pra caramba, mas se eu for investir eu perderia dinheiro. Afinal não entendo nada desses produtos.

      Então se você não entende do produto sugiro ir para TD, LCI,LCA e até a poupança que é melhor.

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • bolhista fulano de tal 30 de agosto de 2017 at 10:55

    Fundo do seguro-desemprego precisará de aporte de R$ 18 bilhões para fechar as contas de 2017:
    http://g1.globo.com/economia/noticia/fundo-do-seguro-desemprego-precisara-de-aporte-de-r-18-bilhoes-para-fechar-as-contas-de-2017-entenda.ghtml

    6+
  • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 11:14

    Banco Popular da Espanha sofre para se desfazer de imóveis

    Quase uma década após o colapso imobiliário da Espanha, os empréstimos inadimplentes e as execuções de hipotecas continuam sendo um fardo para os bancos do país, especialmente o Banco Popular.

    No mês passado, o banco com sede em Madri anunciou um aumento de capital de 2,5 bilhões de euros para cobrir prejuízos relacionados a propriedades, surpreendendo os investidores e gerando a preocupação de que os bancos de outros países do sul da Europa possam seguir o exemplo ao lidar com empréstimos em atraso e taxas de juros em mínimas recorde.

    As ações bancárias da Europa caíram neste ano, derrubando o índice Euro Stoxx Banks em 30%.

    O Popular foi mais lento que seus pares para se desfazer de ativos. Os bancos espanhóis venderam 40 bilhões de euros em imóveis e empréstimos desde 2014, segundo a KPMG. O CaixaBank, o Banco de Sabadell e o Bankia foram os mais ativos, com um total de 17 bilhões de euros em vendas, disse a consultoria.

    https://economia.uol.com.br/noticias/bloomberg/2016/06/17/banco-popular-da-espanha-sofre-para-se-desfazer-de-imoveis.htm

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Leonardo M. 30 de agosto de 2017 at 14:54

      Ah se esses bancos da espanha quiserem doar alguns para mim eu aceito!
      Me mudo amanha mesmo!! KKKKKKKKK

      4+
      • avatar
      • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 30 de agosto de 2017 at 11:31
  • Seguidor do Bolha BH 30 de agosto de 2017 at 11:32
  • Seguidor do Bolha BH 30 de agosto de 2017 at 11:33
    • Margarida 30 de agosto de 2017 at 12:15

      É esperança.

      5+
  • Seguidor do Bolha BH 30 de agosto de 2017 at 11:36

    Metralhadora de notícias mod on…

    Mercado reforça importância do corretor nas negociações imobiliárias
    http://estadodeminas.lugarcerto.com.br/app/noticia/noticias/2017/08/28/interna_noticias,49870/mercado-reforca-importancia-do-corretor-nas-negociacoes-imobiliarias.shtml

    5+
    • avatar
    • avatar
    • Cadeludo 30 de agosto de 2017 at 11:43

      Mercado? quem é esse cidadão, é homem ou mulher? nem humano deve ser, deve ser algum pássaro preto

      7+
      • avatar
      • Antigo 30 de agosto de 2017 at 12:02

        Se tem uma coisa que o livre mercado não gosta é de intermediário.
        Mas corvo é sem escrúpulos mesmo, invoca deus e o buda se for para garantir o milho

        11+
        • avatar
        • avatar
  • Leonardo M. 30 de agosto de 2017 at 11:58

    BC: dívida bruta sobe a 73,8% do PIB em julho e atinge maior porcentual da série

    A dívida bruta do governo geral encerrou o mês passado em R$ 4,722 trilhões, o que representou 73,8% do Produto Interno Bruto (PIB), informou nesta quarta-feira, 30, o Banco Central, por meio da Nota de Política Fiscal. É o maior porcentual da série iniciada em dezembro de 2006.
    Em junho, essa relação estava em 73,1% e a previsão do BC para o resultado do mês passado era de uma taxa de 73,9%. No melhor momento da série histórica, em dezembro de 2013, a dívida bruta chegou a 51,54% do PIB.

    A dívida bruta do governo é uma das principais referências para avaliação, por parte das agências globais de rating, da capacidade de solvência do País.

    Dívida líquida

    Já a Dívida Líquida do Setor Público (DLSP) subiu para 50,1% do PIB em julho, ante 48,7% em junho. Em dezembro de 2016, estava em 46,2% do PIB. A dívida do Governo Central, governos regionais e empresas estatais terminou o mês passado em R$ 3,206 trilhões.

    O BC previa que a relação da DLSP com o PIB chegaria a 50,0% em julho.

    3+
    • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 30 de agosto de 2017 at 11:59
    • Lucas 30 de agosto de 2017 at 13:49

      quado cai se chama IGPM
      quando sobe se chama inflação do aluguel

      essa é mídia brasileira

      25+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • to bolhado 30 de agosto de 2017 at 16:12

      agosto/16 foi 0,15%, ou seja, em 12 meses a diminuição do índice continua

      4+
      • avatar
  • Margarida 30 de agosto de 2017 at 12:00

    Sobre a lei 13476, alguém saberia explicar o. Art. 20?

    3+
    • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 12:23
      • Margarida 30 de agosto de 2017 at 12:28

        Era o artigo. 2º, na verdade. Em especial isto: “Art. 65. …………………………………………………………

        Parágrafo único. Nas condições estabelecidas pelo Conselho Monetário Nacional, os ativos que integram a Carteira de Ativos podem ser dispensados de depósito, desde que registrados em entidade autorizada pelo Banco Central do Brasil ou pela Comissão de Valores Mobiliários, no âmbito de suas competências, a exercer a atividade de registro de ativos financeiros e de valores mobiliários, nos termos da Lei no 12.810, de 15 de maio de 2013.” (NR) “

        5+
  • loucola 30 de agosto de 2017 at 12:48

    Estão atirando para todos os lados.
    Não sei se já postaram aqui,
    RPV e precatórios que não forem levantados em 2 anos após a expedição serão revertidos ao tesouro.
    LEI Nº 13.463, DE 6 DE JULHO DE 2017.

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • loucola 30 de agosto de 2017 at 12:49

      isso em âmbito federal

      4+
      • avatar
  • Lucas 30 de agosto de 2017 at 13:12

    Cesar_DF

    O Incrivel Homem-Bolha

    Não importa se ocorrerem 5 milhões de leilões, a vacância atual estimada em 12 milhões de residências não será alterada.

    Porque a família que entrou nesta casa leiloada acabou liberando outra do qual saíram.

    Na verdade a vacância pode até aumentar, com a família que foi retirada da casa indo construir um puxadinho no terreno de algum parente.

    O que significa esta “vacância” em termos econômicos: utilizaram recursos financeiros para realizar uma aplicação que está dando retorno ZERO, na verdade dando um retorno negativo, pois o IPTU e a depreciação do imóvel continuam ocorrendo.

    De forma diluída, isto provoca um empobrecimento da população, a aplicação de recursos em algo que nunca gerará valor agregado.

    É como um prédio que a construção é interrompida porque a construtora faliu: as pessoas utilizaram suas economias em algo que não dá retorno, pois ele desejava reduzir seus gastos com o aluguel de uma residência, através da compra de uma, e este dinheiro virou pó, o que resulta numa queda do poder aquisitivo. O interessante é que o PIB do país aumenta enquanto as pessoas ficam mais pobres. É como se o governo contratasse 2 milhões de pessoas, 1 milhão para abrir e o outro milhão para cobrir buracos, isto aumenta o PIB sem agregar valor.

    6+
    • avatar
    • avatar

    as tais quedas maiores que 100%
    GARANTIDAS POR LEI
    tá rindo agora zezé carioca??? Espero que ninguem tenha acreditado em vc, e ido na sua, tem muito nego doido por aí zezé. Olha se tu pegar um doido aí com talamo atrofiado igual o meu corre o risco de dar ruim ai na sua imobiliaria. Cuidado zezé. To falando sério, vc engana os outros, uma hora isso volta.

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Um dois 30 de agosto de 2017 at 13:27

      Daqui a pouco o governo acha uma maneira de repassar a dívida para os herdeiros (além do limite do patrimônio, até porque o “patrimônio” já terá sido leiloado há muito tempo)

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 30 de agosto de 2017 at 13:34

    Alemon Fritz

    Brasil tem mais de 207 milhões de habitantes, segundo IBGE
    Levantamento aponta que 25% dos municípios brasileiros tiveram redução na população… !!! sendo 2 capitais.
    crescimento de 0,77% (cerca de 1,6 milhão de pessoas a mais).
    a taxa de fecundidade era de 1,67 filho por mulher, a taxa bruta de mortalidade era de 6,15 mortes por mil habitantes e o saldo migratório (pessoas que entraram menos as que saíram do país) foi de 8.304 pessoas. .

    alemon e Cesar
    saldo migratório tem que olhar com lupa
    Eu participo dum esporte com muita presença de gringos europeus e pude assistir isso ao vivo, mesmo que não tivesse visto, vcs verão que faz sentido

    Na euforia quem migrava pro BR???
    Vieram muitos gringos abonados com cargos altos, investidores, especialistas, representantes comerciais e até turistas querendo sentir um brazilian way of life com as melhores bundas do planeta. Te dou 1 exemplo concreto de cada um desses no meu proprio time. Um lá fazia churrascos pra 50 pagava tudo sozinho, a gente tem um trabalho soçial

    Quando a coisa inverteu quem migrava pro BR???
    Desses primeiros poucos ficaram, somentes ficou um representante comercial, um cara meio loco que curte drogas tá namorando uma mulher linda, e um outro operador de xerox no brooklin morava num flat em moema, ams também foi embora agora recentemente

    Hoje quem ficou???
    Ninguém, foram se todos, o time tá na píor. Em compensação no Acre tá bombando de venezuelano desse tipo indio, pq o melhorzinho fala espanhol não vem rpa cá, a somar com os haitianos que tinham vindo pra trabalhar de pedreiro, mas até esses estão voltando o fato deles saberem francês os faz valorizados em outros países melhores que o BR.

    O saldo migratório vc tem que oolhar a quantidade e a qualidade, o perfil.
    Hoje estamos atraindo o pior do pior em termos de renda, cultura, estamos importando problema.
    A antiga demanda habitacional gringa evaporou quase que 100%

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 14:34

      entre no TSE e só em eleitor no bananense no estrangeiro tem 802k, mais os portugas que foram embora balança com haitiano, cubano e venezuelano que entraram

      4+
      • avatar
  • Lucas 30 de agosto de 2017 at 13:43

    Cesar_DF

    Alemon Fritz
    O FED e o BCE injetaram centenas de bilhões na criação destes bancos que receberam os créditos podres.
    De onde viria este dinheiro no Brasil?
    Talvez aconteça como na Grécia, onde os imóveis tem caído de preço ha 10 anos, e os leilões de imóveis não param

    5+
    • avatar

    de onde viria esse dinheiro????
    kkk, da gente CESAR, da gente, via impostos e via mercado financeiro
    PMJ (é só um alento, pra fugir do leão da anedota)

    7+
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 14:10

    enquanto isso já foi:
    Bancos negociaram quase R$ 200 bi em ‘créditos podres’ nos últimos 3 anos
    em cnpj saõ 120billhoes

    25% recuperáveis em 400bilhoes. (melhor que 4-6% na Europa né).
    O motumbado paga 10 a 20% de entrada, mais umas parcelinhas, mais o leilão e já era.

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Bolhudo 30 de agosto de 2017 at 14:21

    É SOFT !!!!! SÓ 50% de VACÂNCIA. Vejam o desastre da rodoviária de Curitiba, a capital de primeiro mundo.
    http://www.gazetadopovo.com.br/curitiba/lojas-fechadas-comercio-da-rodoviaria-de-curitiba-sofre-com-aluguel-alto-e-crise-3yrfpmuzkrr3rpo7878o6udfr
    -Lojas fechadas: comércio da Rodoviária de Curitiba sofre com aluguel alto e crise
    Comerciantes reclamam que não têm como manter estabelecimentos abertos para atender os passageiros
    -rodoviária tem 16 boxes comerciais ocupados e 17 em licitação Dos que estão em reforma, três devem abrir dentro de 10 dias.

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Bolhudo 30 de agosto de 2017 at 14:34

    Todos os comerciantes vizinhos estão reclamando que este mês foi o mais fracos da história deste país. Muita gente tentando vender as lojas antes de falir, mas ninguém quer comprar. Acabou os 40 bilhões do FGTS e o décimo terceiro já está comprometido, veremos até a posse do novo governo só choro e ranger de dentes. Não acreditem nos números do G1 e do fingeZap, está tudo maquiado, a bosta não viai dar pra todo mundo. Chegou a correção!

    22+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 30 de agosto de 2017 at 14:37

      confere, comercio e serviço levou outro tombo esse julho
      pode ser as férias, tem que ver o tal ajuste sazonal
      ou poder o sonrisal terminou de dissolvere
      falta participantes neste blog que ficavam na linha de frente, tenho lá os meus contatos mas são pequenas amostras

      6+
      • Bolhudo 30 de agosto de 2017 at 14:47

        Lucas, lembra da era Sarney? Ele deixou rolar até o próximo governo e entregou o pepino para Collor, que fez o que fez para corrigir os “números no computador”. Sinto (achismo) que poderemos ter surpresa com o Temerozo, dependendo do cenário político é ele pode jogar a merda no ventilador e fazer a cagada que tememos, antes das eleições.

        4+
      • Lucas 30 de agosto de 2017 at 15:13

        a comparação é boa
        e até gosto desse cenário de medo, o tal “melhorar antes de piorar” eu vejo isso tbm.
        mas pessoalmente não tenho mais tanto medo assim, nos 80 saiamos duma economia fechadissima, 4 montadoras de auto, forte import de petroleo, pra ficar em poucos exemplos.
        Hoje estamos mais complexos, mais abertos ao mundo e os donos do BR teriam muito a perder.
        Há vários caminhos alternativos, todos eles incorrem em vender as jóias da coroa, até as cuecas, na verdade a alternativa é até uma obrigaçaõ, precisaremos de mega privatizações, veja o que o Doria vem fazendo em SP, o temer de mascate na china com a eletrobrás na pasta.
        Penso que no LP após melhorar, após piorar, lá no fim vamos terminar melhor do que começamos, lá por 2027 ou 2034, segundo estimativas feitas neste blog.

        8+
        • avatar
        • avatar
  • Leonardo M. 30 de agosto de 2017 at 14:43

    de volta aos anos 1990

    Feira para 200 vagas de emprego lota shopping e fila ocupa quarteirão no Rio

    Uma feira de empregos para 200 vagas levou centenas de pessoas a amanhecer no Shopping Jardim Guadalupe, na Avenida Brasil, nesta quarta-feira, 30, no Rio. A fila se estendeu até o estacionamento do shopping e deu a volta no quarteirão. Os interessados serão atendidos por ordem de chegada e 200 senhas seriam distribuídas antes da abertura do centro comercial.
    Foram oferecidas 10 vagas para auxiliar de serviços gerais, 40 para auxiliar de loja, 20 para auxiliar de prevenção, 30 para operador de telemarketing, 20 para auxiliar de armazém, 20 para cabista subterrâneo, 10 para padeiro, 10 para açougueiro, 20 para vendedor, 10 para motorista de ônibus, cinco para vigilante e cinco para porteiros.

    A avaliação dos candidatos estava prevista para acontecer às 10 horas o atendimento deverá durar até as 22 horas. A organização também deixa claro que “não será realizado cadastro e/ou banco de espera que não sejam solicitados pelas empresas contratantes parceiras”.

    Crise

    Em meio a uma grave crise fiscal, a taxa de desemprego no Estado do Rio alcançou o recorde de 15,6% no segundo trimestre deste ano, segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua). O trabalho foi divulgado no último dia 17 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

    No período de um ano, foram eliminados 89 mil postos de trabalho na região. Os setores que mais demitiram foram a construção e a indústria. Juntas, as duas atividades dispensaram 141 mil empregados.

    Atualmente, o Estado do Rio tem 1,328 milhão de trabalhadores em busca de uma vaga, 400 mil desempregados a mais do que no mesmo período do ano anterior.

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 30 de agosto de 2017 at 14:53

      e deu quebra pau
      apareceram uns outros lá oferecendo emprego em outros locais
      os que estavam na fila ficaram putos da cara e tentaram derrubar o portão

      8+
      • avatar
      • Rico 31 de agosto de 2017 at 16:29

        Um conhecido está abrindo um negócio e precisando de atendentes.
        Reclamou que metade nem aparece para entrevista. Salário CLT média de mercado com benefícios normais.

        1+
  • Lucas 30 de agosto de 2017 at 15:23

    off
    bye bye INOVARAUTO
    http://www.valor.com.br/brasil/5100954/omc-confirma-maior-condenacao-contra-brasil-por-subsidios-industriais

    SÓ COMPREM CARRO depois do governo cancelar essa estrovenga condenada

    23+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Bolhudo 30 de agosto de 2017 at 15:28

      É o estouro da Bolha automobilística? Repare que veio de fora.

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 30 de agosto de 2017 at 15:48

      é o estouro de todo o cartel / sindicatos / subsidios via FAT, BNDES, cambio / venda de MPs / toda a maracutaia que faz o BR ter o pior e mais caro carro do planeta.

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • centrista 30 de agosto de 2017 at 16:58

      Nesses momentos fica claro os cartéis se mantém graças à proteção estatal.

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • tnumaboa 30 de agosto de 2017 at 15:57

    Crescimento Vegetativo do Brasil caindo. veja os dados:
    Ano População
    2015 204.450.649
    2016 206081432 acréscimo de 0,80%
    2017 207660929 acréscimo de 0,77%

    Previsão do IBGE é que a população comece a diminuir em 2043.

    6+
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 30 de agosto de 2017 at 16:02

      era previsto virar em 2038, aumentou 5 anos
      na crise a pobraiada corre embuxar a nêga
      sou da periferia eu sei como que é o negoço

      6+
      • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 19:31

        O aumento da previsão do pico foi antes do efeito ZICA

        1+
  • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 16:25

    Do FB bolha Brasil – Welington Vasconcelos
    CVR bancário do dia:

    Cliente aposentada do TJ RJ veio ver se consegue empréstimo consignado. Bati os olhos no contracheque direto no bruto: 22 mil temers, líquido de 10 mil, uma renda invejável para uns 99% dos brasileiros.

    Se imagina que empréstimo para uma pessoa dessas seja algo na casa de 500 mil pra cima, pra fazer algo pontual. Mas aí começou a comédia: margem consignavel livre de 5 reais. Ela disse que quitou um contrato de 279/mês no BMG para ver se liberava margem para pegar um valor maior aqui.

    E como o destino tem um estilo Sergio Mallandro, pegadinha! Ela tem um contrato de renegociação que ainda faltam 5 anos pra terminar (cliente com renegociação só pode pegar crédito após quitar). Aí desabou a imagem de madame da zona sul: lamentou, quase com lágrimas nos olhos, que o empréstimo seria para pagar a conta de luz, pois o salário está todo comprometido.

    Me senti um monge tibetano, tamanho o controle que tive para não rir

    67+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Libertario 30 de agosto de 2017 at 16:31

      Caixão não tem gaveta.
      O amanha a Deus pertence.
      Tire o escorpião do bolso.
      Faça sua parte para a roda da economia girar.
      Não deixe para amanha o que você pode gastar hoje.

      33+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Master Yi 30 de agosto de 2017 at 16:46

      Esse CVR me fez lembra de um CVR vivido por mim ontem:

      Fulana de tal estava conversando comigo que precisava fazer dieta, que estava muito gorda etc e tal. Aí eu comentei: “mas por que você não faz uma atividade física, uma academia, sei lá”.
      Ela: “eu fazia academia com um personal trainer, mas aí as coisas apertaram (faz sinal de dinheiro) e eu saí.”
      Ela e o marido são servidores, salário líquido de cada um deve beirar os 20k. Não sei se ela falou brincando, mas na hora minha mente bugou.

      38+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 17:01

        Amigo meu contando que investiu numa Toyota 3.0 intercooler (e disse que não sabe pra que serve a marcha 4b lateral), mas investiu em gps, comandos na direção etc. O seguro é mais de 4k e me diz que a cada ano o carro só desvaloriza 5k….

        24+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Intendente 30 de agosto de 2017 at 17:04

          Se o retardado usa para trabalhar, é investimento.

          Se não for, quero mais que ele arda nos custos fixos dessa carroça.

          Seguro + IPVA + revisões, tá louco.

          Agradeço a ele por movimentar a economia.

          14+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 17:15

            não só usa pra ir ao trabalho,kkkk recomendei andar de uber que é mais negocio pelo custo-dia… kkk

            8+
            • avatar
            • avatar
            • Intendente 30 de agosto de 2017 at 18:08

              Pqp, retardado total.

              6+
    • loureiro_bsb 30 de agosto de 2017 at 18:49

      Trabalho no Setor de Pagamento de meu órgão público (sou servidor público que vivo às custas de prebenda e sinecura…) e presenciei um servidor requerendo exclusão do plano de saúde para poder aumentar a margem consignável e fazer mais um empréstimo.

      23+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 31 de agosto de 2017 at 09:41

        Lembrei daquele ditado:

        Os homens perdem a saúde para juntar dinheiro, depois perdem o dinheiro para recuperar a saúde. E por pensarem ansiosamente no futuro esquecem do presente de forma que acabam por não viver nem no presente nem no futuro. E vivem como se nunca fossem morrer… e morrem como se nunca tivessem vivido.

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 16:47

    O otimista ciment index guy dos 200.000 pontos arriou as calças

    Três fatos que dão a dimensão de como o Brasil está quebrado

    Três notícias desta semana mostram como as contas públicas do Brasil estão ruins. Tivemos em julho o maior déficit fiscal da história; a comissão de orçamento aprovou a elevação da meta de déficit fiscal; e o governo já quer incluir no orçamento do ano que vem a devolução de dinheiro repassado ao BNDES. O governo chegou ao ponto de não ter como pagar despesas correntes, uma situação que precisa ser revertida com o corte de gastos.

    http://www.gazetadopovo.com.br/blogs/ricardo-amorim/2017/08/30/tres-fatos-que-dao-dimensao-de-como-o-brasil-esta-quebrado

    20+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 16:55

      frutinha disse que ia melhorar após as eleições e que nenhuma crise durou mais de 4 anos nos 155,3 paises analisados no sistema solar e via lactea. Compre dja dizia.

      21+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 31 de agosto de 2017 at 09:40

        KKKK
        Ele parece até mais abatido!!!
        Quem diria… Será que acabou a mesada do setor imobiliário?

        8+
        • avatar
        • avatar
    • Lord of All 31 de agosto de 2017 at 16:15

      KKKKK
      Que comédia. Nem assisti o vídeo, mas com ctza ele deve ter se comportado como nunca tivesse feito as previsões mirabolantes que fez.

      4+
      • avatar
  • SP 30 de agosto de 2017 at 16:51

    “Levantamento aponta que 25% dos municípios brasileiros tiveram redução na população de 2016 para 2017. São Paulo segue como o mais populoso, com 12,1 milhões de habitantes.”
    http://g1.globo.com/economia/noticia/brasil-tem-mais-de-207-milhoes-de-habitantes-segundo-ibge.ghtml

    the Winter is coming….

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 30 de agosto de 2017 at 17:07

      temos 6 mil municipios
      50% não tem 50 mil habitantes, são os que perdem gente
      com a crise migram pros centros urbanos regionais e ou capitais
      crise incha cidades grandes, mas não inhca vendas, vão rpa periferias, subhabitação
      algo que eu previ e por isso quem comprar na periferia pobre pode ter 1%am de rentabildiade da lage, conf, minha faxineira paga.

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 17:39

        Ibge… Blergh…
        Mortes por câncer aumentaram 31% no Brasil em 15 anos, afirma OMS. (2017)

        – Veja mais em https://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/estado/2017/02/03/mortes-por-cancer-aumentaram-31-no-brasil-em-15-anos-afirma-oms.htm
        A taxa de mortalidade está muito alta, desculpem ser chato mas é isso

        5+
        • avatar
      • SP 30 de agosto de 2017 at 17:50

        Lucas estamos iniciando um processo de emigração para o interior do país, no momento temos evolução em agricultura e agropecuária. Os números que hoje tendem a aumento em grandes centros serão modificados e cidades médias/pequenas terão aumento e estabilização ou redução em grandes centros.
        Por exemplo, onde a taxa de fecundidade é maior, grandes cidades ou pequenos municípios?

        3+
      • Lucas 30 de agosto de 2017 at 17:58

        Alemon, claro get it na hora em 15 anos toda a pop aumentou na mesma proporção
        SP, te dou a formula, +fecundidade onde é mais pobre (interior), a criança cresce e vai pro centro urbano pedir esmola no farol ou subempregos de todo tipo.
        Quanto a agricultura ela tem nada a ver com pop rural, vc tem embarque de tecnologia 1 maquina faz o que mil boias frias faziam, o engenheiro que as opera mora em centro urbano, passa 15 dias na colheita e volta pra casa.

        é contra intuitivo mas vcs vão ver, crise economica aumenta pop ou reduz a queda e aumenta a migração pra cidade grande, olhem em volta de vcs mesmos

        Morar no interior feito american way é luxo

        8+
        • avatar
        • SP 30 de agosto de 2017 at 18:12

          Isto funciona se houver emprego nos grandes centros… Não vejo uma assiduidade na população “sonho de vir para SumPaulo”, vejo pessoas querendo ir para cidades de médio porte onde há mobilidade e taxa de crescimento acelerado. Porém compreendo que estes processos acontecem o tempo tudo e na verdade acertar o delta (variação) que é a questão, onde a massa estará em alguns anos. Seria interessante ver o crescimento demográfico em capitais, cidades metropolitanas e cidades rurais para uma visão mais ampla.

          1+
        • Lucas 30 de agosto de 2017 at 18:21

          se não tem na cidade grande, pior na pequena
          vc pode pensar é melhor ser pobre em ubatuba que em sumpaulo, pelo menos da pra pescar, plantar xuxu, fazer bico de pedreiro, o mar é uma piscina gratis
          foi assim que eu pensei
          Mas é raro, a maioria segue em ondas, tem tantos exemplos que fica até dificl escolher um, quem sabe que nos anos de euforia a migração do nordeste pra sumpaulo caiu a zero e agora vai voltar a aumentar, anota aí, depois vc me cobra.

          14+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 17:32

    Apartamento de 152 m2 em Guarulhos por 190K
    https://www.zukerman.com.br/apartamento-jardim-cabucu-guarulhos-sp-11434-111223

    Casa de 248 m2 em São Gonçalo – RJ por 81K
    https://www.zukerman.com.br/casa-boa-vista-sao-goncalo-rj-11434-111212

    Apartamento de 94m2 no Morumbi por 321K
    https://www.zukerman.com.br/apartamento-morumbi-sao-paulo-sp-11434-111213

    Apartamento de 123 m2 em Sorocaba por 220K
    https://www.milanleiloes.com.br/Leiloes/Lances/Detalhes.asp?CL=7165

    Mansão de 609 m2 no Lago Sul em Brasilia por 1.8KK
    https://www.leilaovip.com.br/leilao/310817PAN/lote/213145

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Falido.com 30 de agosto de 2017 at 17:57

      “A Viver já viveu, agora resta somente a contagem regressiva de um período triste a ser esquecido no setor imobiliário.” traduzindo… Caixão e vela preta?

      5+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Resimob 30 de agosto de 2017 at 18:24

        Vale a pena colocar como tópico…

        3+
      • Lucas 30 de agosto de 2017 at 18:28

        na verdade um final feliz
        seus diretores estão milhonarios com bonus ganhos
        os donos provavelmente já levaram embora pras contas pessoais tudo que podia
        o conluio com o prefeito de SP em várias negociatas não foi descoberto
        Vão-se ricos e livres, houvesse justiça estavam presos
        fica o mico na mão dos ex-clientes, dividas de bolhudos impagáveis, estoque gerando de´ficit no condominio a ser pago pelos vizinhos
        etratagemas financeiros pra empurrar a conta pra CEF, logo pro overno, vulgo nós

        Vai morrer, mas seu cadaver vai feder por muitos e muitos anos
        e os parasitas já devem estar remontando seus esquemas em outra coisa

        17+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • j connors 30 de agosto de 2017 at 19:21

          pra isso serve o judiciario tupiniquim: armário das monstruosidades.

          6+
  • maker 30 de agosto de 2017 at 17:42

    Estou elaborando um “Exit Plan” caso as coisas desandem ainda mais no Brasil e a crise se torne uma epidemia de violência ainda maior. Parece que o Uruguai já elaborou o Exit Plan deles antes de mim: http://www1.folha.uol.com.br/mundo/2017/03/1863792-com-alta-procura-uruguai-freia-pedidos-de-residencia-permanente.shtml

    8+
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 30 de agosto de 2017 at 18:14

      DITADOS
      “Dinheiro, assim como veio assim vai”
      “Dinheiro emprestado, parte rindo e volta chorando”
      “Enquanto há dinheiro, há amigos”
      “O investimento em conhecimento é aquele que traz maiores retornos…”
      “O otário e seu dinheiro logo se separam …”

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Falido.com 30 de agosto de 2017 at 18:38

        Se ela frequentasse esse ‘brog” nunca mais se separaria de seu amigo money….:)

        13+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Fox Mike 30 de agosto de 2017 at 18:37

    CVR

    Ricardo Eletro vendendo imóveis! Sim!!! Agora vai!
    Antes a pessoa comprava o apto e depois procurava um sofá, agora vai comprar um sofá e aproveita e leva um apto!!!

    26+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • odorico 30 de agosto de 2017 at 19:01

      Como assim? Vendendo imóveis? Onde? Como? De onde vão? Como se alimentam?

      4+
      • avatar
      • Fox Mike 30 de agosto de 2017 at 19:55

        Comercial da Loja Ricardo Eletro anunciando venda de apartamentos em Belo Horizonte… escutei na rádio Itatiaia. Fiquei curioso pra saber mais detalhes…

        8+
        • avatar
        • avatar
        • Fox Mike 31 de agosto de 2017 at 14:58

          Podem acreditar, acho que é última “infladinha” na bolha, segue:
          “http://vicengenharia.com.br/saiadoaluguel/”

          1+
      • Falido.com 30 de agosto de 2017 at 19:56

        Sexta-feira no Grobo reportí….. 🙂

        3+
    • Intendente 30 de agosto de 2017 at 22:16

      Eu realmente queria ouvir o locutor da Ricardo anunciando os imóveis.

      O RICARDO MANDOU ABAIXAR !

      80% OFF , APARTAMENTOS DE 2 QUARTOS POR APENAS R$ 29.999,00 NO VISA CHECKOUT !

      O QUE ? NÃO TEM DINHEIRO ? TEM KITNET POR APENAS R$ 900,00 EM 36 X SEM JUROS !

      É ISSO MESMO !

      O PATRÃO FICOU MALUCO !

      24+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 30 de agosto de 2017 at 22:21

        KKKKKKKKKK
        É SÓ AMANHÃ
        Que minha casa minha vida que nada, isso sim é moradia para as classes D e E

        11+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Intendente 31 de agosto de 2017 at 00:45

          Ricardão de olho no déficit habitacional, kkkkkkkk

          LEMBRANDO QUE É SÓ AMANHÃ, kkkkkkkk

          9+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • loureiro_bsb 30 de agosto de 2017 at 18:37

    Para descontrair:

    http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/cultura/sociedade/noticia/2017/08/29/sem-dinheiro-emilly-nao-consegue-mais-manter-o-alto-padrao-de-vida-304126.php

    “Um milhão e meio de reais é muito dinheiro, MAS NÃO TANTO PARA COMPRAR UM APARTAMENTO e temos a nossa casa no Sul”
    “(…) recebe um salário de R$ 3 mil até janeiro do próximo ano. (…) PAGA HOJE CERCA DE R$ 11 MIL DE ALUGUEL PARA VIVER NA BARRA DA TIJUCA, NO RIO DE JANEIRO.”

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 30 de agosto de 2017 at 22:01

      11 mil de aluguel? Mesmo investindo a grana toda do prêmio, que não foi o caso, ficaria apertado arcar com essa despesa.
      Devia aproveitar que ainda é conhecida e virar prostituta de luxo, só assim para manter o padrão.

      16+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Falido.com 30 de agosto de 2017 at 18:42

    O jeito brazilian way life de ganhar dinheiro….. mas lá não tem Gilmar laxante Neves….. 🙂
    .
    https://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2017/08/30/brasileiros-sao-presos-por-lavagem-de-dinheiro-em-esquema-de-us-100-milhoes-nos-eua.htm

    7+
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 30 de agosto de 2017 at 21:59

      Corvo robô é fácil de programar. Só colocar para repetir as frases já manjadas:
      “Potencial de valorização de 30% ao ano”
      “Últimas unidades”
      “Tijolo moeda forte”
      “A previsão de entrega é no fim do ano”
      “A vizinhança é ótima”
      “Quitado, desocupado e escriturado”

      Se quiser fazer mais elaborado, pode incluir um gerador de xoxotecas

      20+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • maker 31 de agosto de 2017 at 09:06

        Esqueceu mais uma: “Perto da futura estação||avenida||shopping…”

        8+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • fanfarraum 31 de agosto de 2017 at 10:27

          “Esqueceu mais uma: “Perto da futura estação||avenida||shopping…”

          Aqui em Porto Alegre, se cada Zaffari prometido pelos corvos existisse, teríamos emprego pra todos desempregados do Brasil

          9+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • Zé do Brejo 31 de agosto de 2017 at 10:01

      Investem em tecnologia, publicidade, sales force, etc, etc, etc.
      Esquecem apenas de investir na “RENDA” daqueles que deveriam ser os compradores.
      Impressionante como mesmo tendo acesso a informação e tecnologia, a ignorancia/burrice funcional impede as pessoas de enxergarem o óbvio.

      4+
      • avatar
  • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 21:29

    cada uma

    Seminário jurídico debate distratos nesta quinta-feira, 31 de agosto, no Rio

    Evento gratuito tem apoio da Ademi-RJ e participação de representantes do STJ e do TJ-RJ

    – A coordenação do evento fica a cargo do ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Luis Felipe Salomão, promovido pelo Instituto Justiça e Cidadania, em parceria com a Emerj, Associação dos Magistrados do Estado do rio de Janeiro (Amaerj) e a Ordem dos Advogados do Brasil/RJ

    http://www.jb.com.br/rio/noticias/2017/08/30/seminario-juridico-debate-distratos-nesta-quinta-feira-31-de-agosto-no-rio/

    5+
    • avatar
    • avatar
  • Longa Manus 30 de agosto de 2017 at 22:19

    Está havendo uma votação no site diário do poder para presidência em 2018.

    Vale a pena fazer uma visitinha e votar.

    http://www.diariodopoder.com.br/

    ENQUETE
    QUEM VOCÊ ACHA QUE SERÁ ELEITO PRESIDENTE EM 2018?
    Álvaro Dias (Podemos) (16%, 361 Votos)
    Ciro Gomes (PDT) (7%, 174 Votos)
    Geraldo Alckmin (PSDB) (12%, 269 Votos)
    Bolsonaro (24%, 545 Votos)
    João Dória (PSDB) (19%, 432 Votos)
    Lula (PT) (11%, 259 Votos)
    Marina Silva (Rede) (8%, 198 Votos)
    2238 Votos

    7+
    • avatar
    • Leonardo M. 31 de agosto de 2017 at 00:57

      Olha aí o sistema se reinventando para não perder o poder

      Dória já subindo nas pesquisas kkkkkk

      Como o bolsonaro não é dos partidos que mandam no Brasil(PSDB,pt e PMDB) então vão se juntar para colocar o dória.

      4+
      • avatar
      • avatar
    • Godinez 31 de agosto de 2017 at 10:12

      Fui votar lá e na hora de mostrar o resultado, o aplicativo da enquete não mostrou o nome do Bolsonaro (utilizei o Chrome)… achei meio suspeito!

      ENQUETE
      QUEM VOCÊ ACHA QUE SERÁ ELEITO PRESIDENTE EM 2018?
      Álvaro Dias (Podemos) (16%, 368 Votos)
      Ciro Gomes (PDT) (7%, 175 Votos)
      Geraldo Alckmin (PSDB) (11%, 272 Votos)
      (24%, 559 Votos)
      João Dória (PSDB) (19%, 441 Votos)
      Lula (PT) (11%, 265 Votos)
      Marina Silva (Rede) (8%, 203 Votos)
      2283 Votos

      5+
      • avatar
      • Godinez 31 de agosto de 2017 at 10:15

        Agora dei um F5 na página e meu voto não foi computado…alguém pode ir testar lá? (pode ser problema aqui no meu navegador, ou não!)

        3+
        • avatar
        • joselito 31 de agosto de 2017 at 16:48

          Same here (chorme também)
          É A MAIS COMUM DO BRASIL

          PUBLICIDADE
          ENQUETE
          QUEM VOCÊ ACHA QUE SERÁ ELEITO PRESIDENTE EM 2018?
          Álvaro Dias (Podemos) (16%, 371 Votos)
          Ciro Gomes (PDT) (7%, 177 Votos)
          Geraldo Alckmin (PSDB) (11%, 275 Votos)
          (24%, 563 Votos)
          João Dória (PSDB) (19%, 446 Votos)
          Lula (PT) (11%, 267 Votos)
          Marina Silva (Rede) (8%, 205 Votos)

          0
  • Alemon Fritz 30 de agosto de 2017 at 22:45

    avô
    New Fathers Are Older Than Ever

    a Idade dos pais nos EUA passou de 27 para 31 anos, com grau univ é 33 anos.
    Na inglaterra é 35 anos e na Alemanha 33 anos.
    As mulheres tbm estão aumentando e ficando proximas dos homens.
    e 10% dos registros não indicam dados dos pais. (imagina aqui na bananazuela).

    https://www.nytimes.com/2017/08/30/health/fathers-united-states-age.html?smid=fb-nytscience&smtyp=cur

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Festa_no_Ap 31 de agosto de 2017 at 04:47

    Bolsonaro, zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz

    1+
  • chigo 31 de agosto de 2017 at 07:56

    Sinceramente não consigo entender este mercado imobiliário. É algo totalmente sem lógica. Estamos atravessando uma crise sem precedentes. Familias endividadas. Dinheiro não circula mais. E quando você vai olhar o valor dos imóveis, parece que é um mundo diferente. Onde todos são ricos. Onde terrenos no Brasil são escassos. Onde falta mão de obra. Cheguei aqui no Vale do Sinos (N. Hamburgo e região) há 5 anos. Desde então procuro um terreno para construir ou apartamento. Para morar. Não consegui nada até o momento que seja razoável considerar. E os preços não dão trégua. Nunca estiveram tão altos. Por outro lado, já fiz duas construções em uma pequena cidade no interior. Agora e 3 anos atrás. Entre as duas obras, o preço do aço caiu. Do concreto caiu. Areia, brita, cimento se mantém. Outros ítens também se mantém. Material caindo, mão de obra abundante, terras a perder de vista. E mesmo assim valores insanos e subindo. Não vou apresentar provas nenhuma, por mais que aqui as vezes exijam. Mas meu sentimento é que estamos no Bull Trap. Ou seja, os preços voltaram a subir.

    18+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Rico 31 de agosto de 2017 at 08:44

      Em muitas cidades do interior não vai baixar nunca. A cidade é dominada financeiramente por 2 ou 3 famílias que tem a maioria dos imóveis da cidade. A outra metade tem investimento deles. São pessoas que não precisam de dinheiro, eles definem os comércios que vão abrir, quanto os funcionários vão ganhar… É praticamente uma versão contemporânea do Feudalismo.
      Cidades de até 200 mil habitantes no Brasil funciona assim. Tem os ricos e os pobres. Algumas indústrias que sustentam a classe média, a maioria migrantes. Se a cidade tiver atrativo turístico, pode ter uma quarta classe que são os aposentados. Os ricos mandam na cidade, diferente de cidades maiores, onde o mercado define o que se deve fazer ou não na cidade.
      Muitos lamentam esse cenário que estamos passando agora, mas vejo grande queda de paradigmas Brasileiros. Essas cidades tendem a quebrar, ou será dominada pelo crime ou se tornará deserta. O povo terá que se reinventar. O negócio é assistir de camarote.

      23+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • maker 31 de agosto de 2017 at 09:05

        verdade, já notei isso inclusive em cidades maiores onde em vez de 2 ou 3 famílias, são 4 ou 5 rsrs e o resultado é o mesmo.

        5+
        • avatar
        • avatar
    • bolha_dos_pampas 31 de agosto de 2017 at 10:38

      Conheço o vale dos sinos. Os descendentes de alemães (classe média predominante) têm fama de serem teimosos. Teimosia e brickloverismo são quase sinônimos.

      5+
      • avatar
    • to bolhado 31 de agosto de 2017 at 13:59

      você está alucinando. É óbvio ululante que já caiu 80%. Se você não viu isso é porque você é um assecla do mercado imobiliário tentando enganar as pessoas de boa fé.

      4+
      • avatar
    • DAN 1 de setembro de 2017 at 01:36

      Talvez esses ap sejam para lavar dinheiro. Aí faz todo sentido…vai saber.

      0
  • Dr. Estranho 31 de agosto de 2017 at 10:08

    Desemprego, falências e imoveis encalhados. Ponto sem volta. Podem pedir o preço que quiserem ou se manterem irredutíveis. Quem tem dinheiro vai sustentar a aberração. Quem não tem vai quebrar, perder tudo pro banco e ter uma vida miseravel, mas não irão abaixar o preço. Tive amigo que me devendo dinheiro não quis vender a cautela de Ouro que tinha na Caixa. Fiquei sem meu dinheiro e o cara perdei as joias no leilão. Preferouq perder tudo para nao me pagar. Agora, desempregado, puxa assunto. Sempre me pergunta quanto está devendo e chota miséria dizendo que vai me pagar. Como não cobro ele tenta pedir um qualquer de novo. Fico calado e digo que tá ruim. Esse tipo de indivíduo não é um caso isolado. Escuto hostorias semelhantes o tempo todo. Muita gente irá perder seus bens apenas por serem irredutíveis. Criticam me chamamdo de insensível quando digo [email protected] E ainda envio fotos das minhas viagens. É perceptível como ficam incomodados quando falo de m tour de vinhos em Florença, ou a Ópera em Praga, ou minha visita ao Intrepid Sea, ou meu rapel em caverna na cidade de Bonito, ou um por do Sol em Viena. A raiva exaspera quando digo que comprei camiseta de 15 euros na Champs Elysses ou um casaco espetacular de 100 paus em Berlin.

    25+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Rico 31 de agosto de 2017 at 14:24

      Vanishing Point… Excelente filme.

      2+
      • avatar
  • Cajuzinha 31 de agosto de 2017 at 10:17

    Em breve, o mercado financeiro ganhará um novo instrumento para estimular o crédito imobiliário com menor risco que os títulos privados tradicionais. O Conselho Monetário Nacional (CMN) regulamentou a Letra Imobiliária de Crédito (LIG). A reunião extraordinária foi realizada ontem (29) à noite.

    A grande diferença da LIG em relação aos instrumentos tradicionais de crédito é o menor risco no financiamento imobiliário porque o título tem dupla garantia, tanto do banco que emite o papel como de um conjunto de financiamentos imobiliários. Dessa forma, caso a instituição que emitiu o papel quebre, o aplicador terá as perdas reduzidas de duas formas.

    Ainda não está definido se a LIG terá isenção de Imposto de Renda, como a Letra de Crédito Imobiliário (LCI). Título privado também emitido por instituições financeiras, a LCI é isenta de Imposto de Renda, mas só tem a cobertura do FGC.

    http://istoe.com.br/cmn-regulamenta-novo-titulo-privado-de-credito-imobiliario/

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cajuzinha 31 de agosto de 2017 at 11:13

    Só rindo muito

    “O otimismo vem se alastrando e agora especialistas apontam, entre eles o economista Ricardo Amorim, que estamos diante de uma das maiores janelas de oportunidade na história recente do mercado imobiliário nacional.”

    http://gshow.globo.com/nsc-tv/especial-publicitario/ogliari-construtora/em-busca-do-apartamento-perfeito/noticia/qual-o-melhor-momento-para-investir-em-imoveis.ghtml

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de agosto de 2017 at 11:29

      Começa o texto com Especial Publicitário

      e termina com Conteúdo de responsabilidade do anunciante

      Deixam bem claro que não possuem nenhuma responsabilidade nas bobagens do texto

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Intendente 31 de agosto de 2017 at 12:39

      Só se essa janela servir para se jogar de um prédio.

      É cada uma que eu vou te contar.

      E o que me deixa mais confuso é que tem gente que paga para assistir a uma palestra desse retardado.

      Vulgo espertão do índice de cimento.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • to bolhado 31 de agosto de 2017 at 14:01

        o Brasil adora um “especialista”; se apareceu na TV é pq deve saber do que tá falando.

        6+
        • avatar
    • Rico 31 de agosto de 2017 at 14:25

      Como o cara joga a reputação na lama assim?

      4+
      • avatar
      • Lucas 31 de agosto de 2017 at 15:45

        o Amorim é filho dum eminente médico que ganhou muito dinheiro e fez inclusive trabalho soçial
        os pais deles investiram muito em imóveis
        pra vc ter uma idéia o passe dum oncologista no BR gira na casa dos milhões, igual jogador de futebol
        agora que o véio morreu, passam a vida se sustentando dos alugueis
        info insider, do primo do cara colega de universidade

        13+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Ogami 31 de agosto de 2017 at 11:18

    Matéria no Mais Você sobre inadimplência do condomínio.
    https://globoplay.globo.com/v/6116472/
    BOO!

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 31 de agosto de 2017 at 12:34

      Falta de pagamento de cota condominial pode levar imóvel a leilão

      Só em São Paulo, as ações por inadimplência de condomínio disparam 226,5% em 1 ano de 1.856 para 6.059

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 31 de agosto de 2017 at 13:28

      Cesar
      interessante esse numero dá pra ter uma idéia
      só a modalidade leilão de condominio inadimplente em SP temos em 1 ano a mesma quantidade de um mês de vendas no país inteiro. (dados do corvo)
      supondo SP ter 50% do mercado, leilão de condo representa 1/6 ou 16,66% das vendas.
      vamos garimpando numeros disto, eu até achava que era menos de 10% mas pelo que parece leilão já está dominando os numeros de vendas,

      4+
  • Cajuzinha 31 de agosto de 2017 at 11:19

    kkkkkkkkkkkk

    “Imóvel pode ser financiado, agende sua visita
    ***ATENÇÃO*** para tudo sempre há negociação”

    “Condomínio residencial construído em 2014 (há 2 anos) pela empresa Rossi.’

    http://se.olx.com.br/sergipe/imoveis/horizon-jardins-assina-imobiliaria-384073200

    3+
    • avatar
  • chigo 31 de agosto de 2017 at 11:29

    Pessoal: ultimos dias todo mundo ta falando em Bitcoin. Empiricus mergulhou de cabeça nisso. Ainda não tive coragem de investir em criptomoedas. Não so pela complexidade mas tambem pela dúvida. Me parece uma grande bolha. Fico pensando o que vai acontecer caso ocorra uma grande catastrofe ou guerra. Se os EUA resolver detonar a Coreia do Norte. Se o comercio virtual entrar em panico e parar de aceitar estas moedas. Ou se alguem quebrar a segurança do sistema. Vai tudo virar pó. Com dinheiro em banco ou bolsa também tem este risco, mas ainda me parece um pouco mais seguro. O que voces acham?

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de agosto de 2017 at 11:30

      Na verdade se houver uma grande crise internacional, aí sim que essas moedas vão valorizar mais ainda.
      Mas se a Empiricus está recomendando, o certo é passar longe.

      O futuro é sim das criptomoedas, mas não sei se será o bitcoin. Já existem alternativas melhores ganhando espaço.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Oliveira 31 de agosto de 2017 at 12:05

        Não acredito nesta possibilidade, pelo que entendi o valor do dinheiro está intimamente associado a CONFIANÇA,
        O sistema de Bitcoin é um sistema novo e muita gente ainda o vê com DESCONFIANÇA devido a estar baseado em um sistema complexo que a maioria das pessoas não compreendem ainda. Que muitos se arrisquem acredito que pode ocorrer. Um terreno ainda tão nebuloso um oportunidade para quem compreende de domina mas é um ótimo ambiente para golpes.

        2+
        • avatar
      • Lucas 31 de agosto de 2017 at 13:12

        e o dolar é ancorado no quê mesmo???
        e todas as outras moedas do mundo ancoradas no dolar…

        antes pensavamos que surgiria outra moeda, yuan japones, euro, uma moeda unica dos tigres asiaticos,a moeda chinesa, muitas teorias foram criadas.

        nada disso senhores, o dolar é a ancora moral do planeta fundada sobre o petroleo e sob a maior maquina de guerra cognitiva do mundo.

        os próprios criadores do atual sistema a trocentos anos atrás eles mesmos vão fazer a migração do dolar para as moedas virtuais, de inicio haverá competição entre elas, ou solidariedade, depois… bem isto esta num nivel de abstração além da capacidade dos blogs.

        Ganhar especulando com estas moedas é como sempre foi com todas as outras, guardados os devidos detalhes, vc pode ganhar ou perder.

        12+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Rico 31 de agosto de 2017 at 12:00

      Eu acho que é o futuro, mas depois de explodir a bolha. Alguns países devem exigir a origem do dinheiro, já que é utilizado muito para lavagem.
      Invista 50 reais e veja o que acontece.

      6+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • to bolhado 31 de agosto de 2017 at 14:02

      eu não invisto em nada que eu não entenda de forma bem razoável. Não manjo p* nenhuma de criptomoeda, então fico de fora. Só por isso. Mas não tenho a menor possibilidade de dar alguma opinião a respeito.

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 31 de agosto de 2017 at 14:08

        e eu fico de fora pq entendi muito bem!!!
        puta rolo cara, pode acontecer de tudo ali.

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • to bolhado 31 de agosto de 2017 at 14:35

          também tem isso…

          4+
          • avatar
          • avatar
  • Cajuzinha 31 de agosto de 2017 at 11:52

    “enquanto o lançamento de novos projetos permanece pressionado pelo volume ainda elevado de estoques, conforme mostra pesquisa divulgada nesta quinta-feira, 31, pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), que abrange dados de 18 cidades e regiões metropolitanas.”

    http://noticias.r7.com/economia/venda-de-imoveis-teve-alta-de-58-no-segundo-tri-diz-cbic-31082017

    5+
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 31 de agosto de 2017 at 13:15

      informação falsa
      mistura lançamento com vendas brutas
      se considerar vendas liquidas de distrato o estoque continua aumentando, uma vez que 50% das vendas, desvende em forma de distrato
      aliás “venda” naquele velho sentido de assinar a papelada, não existe o imóvel, não existe o dinheiro, apenas um compromisso firmado em papel, mediante uma entradinha parcelada em 3x + comissão do corvo

      7+
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 31 de agosto de 2017 at 13:23

      mesmo com a metodologia enviesada e o calculo enganoso conforme citei acima, o consumo de 7% do estoque em 12 meses, significa que seria necessario 1 década pra voltar à normalidade.
      Outra coisa interessante, as alegadas 40 mil vendas no país em 1/2 ano, 6.666 unidades por mês (brutos, engoliram os distratos do calculo)
      Só MG lar do povo mais desconfiado do país estamos em leilão numa velocidade de 800 por mês.
      Só os leilões de MG representam 10% das vendas das associadas do SETOR CORVISTICO.
      NÃO temos os números inteiros, seria bom que alguém fizesse isso, lá da tumra do thiago, aliás aposto que já fizeram só não podem divulgar.
      Já pensô eles descobrem que leilão vende mais que CORVO????

      8+
      • avatar
      • avatar
  • socrates 31 de agosto de 2017 at 13:27

    A unificacao dos impostos sobre o consumo tornaria o pais mais competitivo e nos tornaria mais independentes de algumas mafias/castas. É um passo essencial . E o seu argumento é perfeito. Nenhum pais decente tributa os mais debaixo. E deixa os de cima tao diboa. Salvo paraguai, namibia, guine bissau, guatemala…

    5+
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 31 de agosto de 2017 at 13:32

      eu gosto da idéia, pena que ela é péssima
      os dicima pode fazer tudo o que os dibaixo faz, ninguem subiu sendo otário, quanto mais o Estado tenta perturbar a ordem natural da natureza, mais os bixos criam estrategias de camulfagem, fuga, se esconder e o diabo.
      Quanto mais o estado se esforça em correr atrás perseguindo a elite, mais a propria elite se beneficia dessa perseguição
      aceita que dói menos, inclusive pros dibaixo
      inveja é má conselheira
      fugi da periferia assim

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • to bolhado 31 de agosto de 2017 at 14:04

        clap clap clap. Comentário irretocável

        6+
        • avatar
        • avatar
    • rpoa 31 de agosto de 2017 at 13:47

      eu gostaria de saber qual liderança empresarial FDP está apoiando a reforma tribuária neste momento.
      a) o rombo do federal é gigantesco;
      b) o que os estados arrecadam não pagam nem a folha….

      e o bambi acha que ao fazer essa reforma, nesse momento, vão reduzir a carga tributária…..
      meus amigos…. a carga tributária só vai aumentar…e a reforma só vai sair porque os estados e o governo federal não tem amis o que aumentar na estrutura atual sem uma revolta atual…

      aí propões uma reforma (que está aí faz anos e nunca andou)… para sanar os problemas que agora parecem insolúveis…

      9+
      • avatar
      • avatar
  • guiguigoiano 31 de agosto de 2017 at 14:10

    ****** OFF TOPIC ******

    Caros Bolhistas da Área de TI ou entusiastas…. Pretendo abrir uma revenda de estilo pronta-entrega de placas DEV e IoT (Arduino, ESP, Raspberry, O.Omega2, STM32, etc etc) além de produtos pra comunidade MAKER e gostaria da sugestão para o nome da loja.

    O link da PERGUNTA (porq só tem uma) É: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScBgQzYI4FY7kjJuHq2WootXH2Sp39RLbzIu3hRrLVb1JreUQ/viewform?usp=sf_link

    Obrigado.

    1+
    • Cesar_DF 31 de agosto de 2017 at 14:25

      Por que eu compraria de você se posso comprar tudo pela internet ?

      4+
      • avatar
      • Antigo 31 de agosto de 2017 at 14:34

        Por que o público alvo de sites de venda não é você, e sim gente que não entende e não quer entender, só gastar

        4+
        • avatar
        • avatar
        • Rico 31 de agosto de 2017 at 14:39

          Esse povo contrata alguém para fazer. O lance está aí ser integrador do negócio.

          2+
      • guiguigoiano 31 de agosto de 2017 at 14:46

        Olá Cesar, eu também me fiz esta pergunta, eis a resposta:
        Porque em algumas cidades de Goiás tenho os produtos a pronta-entrega, não precisa esperar 3 meses da China. Comigo você não paga frete se retirar em mãos em Goiânia, Aparecida de Goiânia, Anápolis, Catalão, Jataí. Tem suporte caso não saiba qual placa você precisa ou qual conversor USB usar (por exemplo). Eu testo as placas antes de vendê-las. Tenho também serviço pra impressora de PCB (2 camadas) pois ninguém gosta de fazer placas. Tenho serviço de SaS pra aplicação RestFull pra IoT (em fase de testes). Enfim, eu já estou há 2 meses no ramo, e a “coisa está tomando forma”. Obrigado por opinar.

        8+
        • avatar
        • avatar
        • Rico 31 de agosto de 2017 at 14:48

          Restfull morreu, lamento informar, procure MQTT.
          http://mqtt.org/

          3+
          • guiguigoiano 31 de agosto de 2017 at 14:54

            Olá, não posso dar muitos detalhes, mas a “topologia” é: SaaS < > Celular com App Android do Cliente (4G 2 Chips para Redundância) < < MQTT >> Dispositivos IoT (+ roteadores se precisar) [Em cada dispositivo há chaves simétricas]

            1+
            • Rico 31 de agosto de 2017 at 14:56

              Eu já montei isso, joguei no lixo. A AWS e a Google Cloud está começando a entregar a solução pronta, por dinheiro de pinga.

              https://aws.amazon.com/pt/iot/

              3+
              • avatar
              • Rico 31 de agosto de 2017 at 14:57

                Nesse ambiente cloud da Amazon já tem Inteligência artifical, Chave TLS integrada (publica/privada), BigData (Mining, MapReduce) coisas que sozinho nem em um milhão de anos ninguém conseguiria fazer.

                5+
                • avatar
                • guiguigoiano 31 de agosto de 2017 at 15:00

                  Concordo, mas isso pra um “fazendeiro” em Goiás é falar Grego, por isso minha ideia. Agradeço as ideias e sugestões, e se puder, entre no GForms e dê sua sugestão do NOME. Muito Obrigado.

                  3+
                  • avatar
                  • Rico 31 de agosto de 2017 at 15:06

                    De qualquer forma desejo sorte a sua empreitada. Eu trabalho com integração de sistemas desde 2000, já passei por todos os protocolos que possa imaginar, RFC, RPC, EDI, Message Queue, xml, restful, wsdl e montei muita comunicação para o SPB do Banco Central (o que transmite as TED). Só quis dar o toque para não ficar dando murro em ponto de faca. Já trabalhei com esse pessoal chucro na área de logística por anos e sua dificuldade será em convencer porque ele não compraria mais um trator do que a sua solução esquisita aos olhos dele, mostrando uns números que ele consegue guardar no caderninho. Se prepare para isso.
                    Abs.

                    6+
                    • avatar
                    • guiguigoiano 31 de agosto de 2017 at 15:30

                      Obrigado pela dica Rico, como eu já comentei estou há 2 meses, aqui tenho pessoas que desejam solução (a preço justo) como: pesquisa nas Universidades (Reatores de bancada, dosadores automatizados, sensores de nível, datalogers, etc etc), contagem de gado ao passar entre os pastos da fazenda, arquiteto que quer plataforma abstrata pra instalação SmartHouse, Notificadores Pedido Pronto com Vibradores e Luzes (igual aos da rede Giraffas dos Shoppings)…. Clientes não sabem o que comprar/usar: Wifi, LoRa, RFID, NFC, 2.4Ghz, 433Mhz…. Enfim… Como tenho vínculos com Universidades e Institutos Federais, conheço muito jovem capacitado pra fazer, mas um dos “problemas” são as plataformas e a demora em aquirí-las. Enfim, deixo-lhe meu contato se puder/quiser continuar a conversa. (antes que o Boss nos expulse). Obrigado. g0u1i2l3h4e5r6m7e8c9e0f1e2t3[ARROBA]4g5m6a7i8l9.0c1o2m3 (favor desconsiderar desconsiderar os números para ver o e1/2 #FugindoDosBots kkkk)

                      6+
                      • avatar
                      • avatar
                      • avatar
        • Cesar_DF 31 de agosto de 2017 at 17:15

          guiguigoiano
          Foi uma boa resposta!
          Para mim era só por hobby quando programava em PIC

          1+
    • Rico 31 de agosto de 2017 at 14:38

      Uma loja não, mas uma distribuidora pode ser interessante. Eu tenho acompanhado bem de perto a par de anos a onda IoT. Isso vai vir como tsunami. Amazon, Google e IBM já estão na encubadora com projetos para disponibilizar isso na nuvem. Tenho participados de algumas provas de conceito.
      Além disso, procure entender como funciona o mercado de energia renovável e tente encontrar uma solução integrada de serviços.

      5+
      • avatar
    • Rico 31 de agosto de 2017 at 14:45

      Só mais um comentário sobre o IoT. Leigos acreditam que o foco é avisar se acabou produto na geladeira e avisar que o mercado bolhudo está com promoção de ovos…
      É muito mais que isso, é integrar fábricas, hospitais, escolas, etc com prestadores de serviços. É através de inteligência artificial descobrir que o ar condicionado do hospital pode dar problema daqui a 15 dias, agendar uma revisão direto no prestador de serviço e evitar tempo parado e risco para os pacientes. É avisar ao distribuidor de gás que o bujão vai acabar em 2 dias, e já preparar a troca. É a terceirização do serviço plena, muito mais do que contratar um semi-escravo para trabalhar para você de uma empresa sem escrúpulos.

      6+
      • avatar
  • Cesar_DF 31 de agosto de 2017 at 14:14

    ESPECIAL PUBLICITÁRIO
    Qual o melhor momento para investir em imóveis?
    Comprar na planta pode ser uma ótima opção para quem tem uma reserva financeira

    O otimismo vem se alastrando e agora especialistas apontam, entre eles o economista Ricardo Amorim, que estamos diante de uma das maiores janelas de oportunidade na história recente do mercado imobiliário nacional.

    http://gshow.globo.com/nsc-tv/especial-publicitario/ogliari-construtora/em-busca-do-apartamento-perfeito/noticia/qual-o-melhor-momento-para-investir-em-imoveis.ghtml

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • perdido no rio 31 de agosto de 2017 at 19:27

      Comprar na planta agora é mais emocionante que brincar de roleta russa. A hora é agora! Você nunca sabe se a construtora entrará com pedido de RJ, ou declarará falência antes de entregar o imóvel. Muito recomendado para quem tem problemas cardíacos, já deixa as parcelinhas de herança! 🙂

      1+
  • Cesar_DF 31 de agosto de 2017 at 14:21

    83% dos imóveis são arrematados por pessoas físicas, aponta levantamento realizado pela Zukerman Leilões

    Os leilões imobiliários sempre contaram com um público seleto, normalmente composto por investidores em busca de lotes de imóveis arrematados por valores abaixo do mercado e em condições que possibilitassem a facilidade de revenda por valores mais elevados, caracterizando um bom e rentável investimento. Entretanto, com a crescente constante do número de casas e apartamentos em leilões e a chance de arremate por valores até 60% mais baixos do que o avaliado, as pessoas começaram a perceber, na modalidade, uma oportunidade segura e econômica para adquirir um lugar para morar.

    Desde então o perfil do consumidor vem passando por diversas mudanças. De acordo com um levantamento entre julho de 2016 e junho de 2017, realizado pela Zukerman Leilões , empresa especializada em leilões imobiliários, 83% dos imóveis são arrematados por pessoas físicas. No geral, 66% são do sexo masculino, enquanto 18% são mulheres e 16% é composto por empresas. Desse número, 79% têm entre 31 e 60 anos de idade, 15% têm mais de 60 anos e 6% arremataram um imóvel antes dos 30 anos.

    http://maringa.odiario.com/economia/2017/08/83-dos-imoveis-sao-arrematados-por-pessoas-fisicas-aponta-levantamento-realizado-pela-zukerman-leiloes/2407255/

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de agosto de 2017 at 14:36

      Ou seja.
      Se as empresas pararam de comprar imóvel em leilão, é porque não reconhecem que seja um bom negócio.
      Ou seja.
      os 83% dos compradores estão fazendo mau negócio.

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 31 de agosto de 2017 at 14:59

        Exatamente, todas elas esperando baixar

        Inclusive já tinha sinalizado que teria que cair em pelos menos 60% para voltarem a comprar no Brasil

        11+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 31 de agosto de 2017 at 15:39

        EXATO
        ainda que no momento autal um ajuste de 60% seja um valor justo para o uso habitacional
        no medio e longo prazo se mostra um negócio com baixa ou nenhuma rentabilidade, leia-se vai cair mais
        leia-se 80% lá vamos nós
        … 90% ????

        Quem diria né!
        só quem é Antigo sabe o quanto xingavam a gente por prever esses acontecimentois

        7+
        • avatar
        • avatar
      • Cesar_DF 31 de agosto de 2017 at 17:28

        Mercado residencial. Já a gestora de recursos Exxpon, especializada em investimentos de alto risco, está atrás de descontos na casa de 60%. “As maiores oportunidades hoje estão no segmento residencial, com o elevado número de distratos (devoluções)”, diz o americano Jonathan Franklin. Os distratos em construtoras somaram 41% de janeiro a setembro de 2015, segundo a agência de classificação de risco Fitch.

        A Exxpon investe capital de três grupos americanos, dentre eles a Lamb Partners, gestora da família do bilionário Neil Bluhm. Nos últimos meses, a empresa desembolsou R$ 120 milhões em ativos imobiliários, sobretudo residenciais. “Estamos em due dilligence para outros R$ 500 milhões em lajes corporativas, imóveis residenciais e comerciais”, conta Evaldo Lima, sócio da Exxpon.

        4+
        • avatar
  • Cesar_DF 31 de agosto de 2017 at 14:22

    5 dicas de ouro para comprar imóvel em leilão sem arrependimento

    Na Caixa, líder do mercado de crédito imobiliário no país, o número de imóveis retomados por inadimplência saltou 81% em um ano. O banco retomou 8.775 imóveis em 2015 e 15.881 imóveis em 2016, segundo os últimos dados divulgados.

    Na empresa de leilões online Sold, a quantidade de imóveis ofertados saltou 300% no 1º semestre de 2017 em relação ao mesmo período do ano passado. “O mercado leiloeiro é anticíclico. Estamos saindo de um ciclo ruim de retomada dos imóveis pelos bancos, mas no pico de oferta de imóveis para serem leiloados”, explica o leiloeiro da Sold, Henri Zylberstajn.

    http://exame.abril.com.br/seu-dinheiro/5-dicas-de-ouro-para-comprar-imovel-em-leilao-sem-arrependimento/

    7+
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 31 de agosto de 2017 at 15:40

      16 mil????
      caramba dá uns 40% das “vendas” brutas (que não subtrae distrato) do país segundo as associadas da CORVOLAND

      6+
      • avatar
  • FeroBHZ 31 de agosto de 2017 at 15:13

    saindo de um ciclo ruim de retomada dos imóveis pelos bancos, mas no pico de oferta de imóveis para serem leiloados”??????????????????????????????????….creio que não… o ciclo ruim ainda nem começou com o Dispair que possivelmente deve ocorrer em 2 a 3 anos. o ciclo ruim ainda virá com imagem do famoso negão Africano.

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Lucas 31 de agosto de 2017 at 16:01

    off MATEMATICA (vcs sabem como sou amigo dela)

    USP Livre
    21 h ·
    Segue um trecho do artigo:
    “A evolução dos meios de transporte e de comunicação, bem como o incremento da produtividade das indústrias (que possibilitaram o acesso das massas a bens antes restritos a pessoas ricas), seriam feitos impensáveis sem a figura do nerd que fatura a olimpíada de matemática – independente de sua cor, credo e origem.”
    Ou seja, acabando com o ensino de matemática, acaba com toda possibilidade de avanço tecnológico, consequentemente, ficaremos parados no tempo ou podemos até regredir. Agora vamos nos perguntar o motivo pelo qual alguém ou alguns desejariam isto, a resposta é que um filósofo chamado Hegel desenvolveu uma teoria sobre o trabalho do negativo, falando que as situações precisam piorar muito antes de começar a melhorar. Esta ideia foi transmitida por Marx, os teóricos da Escola de Frankfurt e seus seguidores, chegando aos dias atuais.
    O mais importante é que os teóricos marxistas, socialistas, comunistas, hegelianos, só querem chegar ao socialismo, que nem eles sabem como será, e são capazes de qualquer coisa para isto.
    Para finalizar, só digo mais uma coisa, felizmente, o brasileiro não é mais tão manipulável como era até poucos anos, estamos acordando, teorias como esta que foram elaboradas por pessoas que do tipo que estão descritas no parágrafo anterior serão desmascaradas.
    https://www.institutoliberal.org.br/…/por-que-alguns-educa…/
    _________________________________________________________________________________
    Por que alguns educadores estão dizendo que a Matemática é racista? – Instituto Liberal
    Organizações americanas de matemáticos concluíram que “o ensino da matemática é injusto e baseado em um legado de discriminação institucional”. Em uma nota…
    INSTITUTOLIBERAL.ORG.BR

    6+
    • Lucas 31 de agosto de 2017 at 16:01

      Por que alguns educadores estão dizendo que a Matemática é racista?

      25 AGO ’17 RICARDO BORDIN
      Organizações americanas de matemáticos concluíram que “o ensino da matemática é injusto e baseado em um legado de discriminação institucional”. Em uma nota oficial conjunta, a TODOS: Mathematics for All e a National Council of Supervisors of Mathematics (NCSM) declararam que “a justiça social é crucial para o acesso, o engajamento e o desenvolvimento no […]

      Organizações americanas de matemáticos concluíram que “o ensino da matemática é injusto e baseado em um legado de discriminação institucional”. Em uma nota oficial conjunta, a TODOS: Mathematics for All e a National Council of Supervisors of Mathematics (NCSM) declararam que “a justiça social é crucial para o acesso, o engajamento e o desenvolvimento no aprendizado de matemática da juventude”.

      Afirmaram ainda que “a matemática ajudou a perpetuar a segregação racial, pelo fato de que o desempenho na matéria é normalmente medido por meio de testes padronizados que acabam por selecionar os estudantes em função de sua raça, classe social e gênero, desde a escola elementar”.

      Lamentam também os referidos social justice warriors “a noção generalizada entre os profissionais da área de que é essencial que os alunos aprendam os elementos básicos antes de abordar problemas mais complexos”. Por fim, alegam que “predominam entre os professores de matemática brancos de classe média, o que destoa da diversidade racial de seus alunos“.

      Eis aí mais um capítulo da saga coletivista: a desigualdade de notas oprime os alunos com menor rendimento em determinada disciplina. Na maioria dos campos de estudo, todavia, é perfeitamente possível que um professor relativize o conhecimento demonstrado em provas e trabalhos escolares e nivele (por baixo) a performance de todos.

      Mas a matemática, como ciência exata que é, admite pouca ou nenhuma margem de manobra. Consciência social e senso crítico não se prestam a resolver cálculos e solucionar equações.

      E isto, obviamente, é um grave entrave para o avanço da mentalidade socialista revolucionária, que vê na disparidade de mérito pessoal (habilidades naturais + esforço + legado cultural herdado), inerente a qualquer grupo de indivíduos, um pecado mortal. A miséria (intelectual, no caso) adora companhia, por certo.

      Flertam eles até mesmo com o conceito de “progressão continuada” implementado no Brasil sob influência de Paulo Freire, o idealizador da “pedagogia do oprimido” (método este intrinsecamente ligado à queda acentuada de QI registrada em nosso país nas últimas décadas, conforme gráfico abaixo). É exatamente isso o que propõem eles quando dizem que seria descabido exigir a comprovação da assimilação dos conceitos básicos antes de passar para temas mais aprofundados.

      O intento destes institutos constitui um verdadeiro crime contra a humanidade, na medida em que a matemática é a base da engenharia e da tecnologia da informação, duas atividades que permitiram o notável avanço dos índices de desenvolvimento humano registrado por todo o globo nos últimos dois séculos.

      A evolução dos meios de transporte e de comunicação, bem como o incremento da produtividade das indústrias (que possibilitaram o acesso das massas a bens antes restritos a pessoas ricas), seriam feitos impensáveis sem a figura do nerd que fatura a olimpíada de matemática – independente de sua cor, credo e origem.

      O racismo destes “educadores” pode, destarte, nos fazer retroceder no tempo e causar a degradação da qualidade de vida sem precedentes por todos usufruída nos dias atuais.

      Mas a verdadeira meta destes acadêmicos tão indignados com a matemática vai bem além de meros muxoxos corporativistas, como de praxe se observa na rede pública brasileira de ensino. É consenso entre os esquerdistas que a realidade é sua principal inimiga no processo de submissão da sociedade ao Estado – e aos bilionários a ele conectados. Alguns minutos de observação honesta dos fatos e do mundo que nos cerca são suficientes para jogar por terra slogans marxistas. Entre a utopia igualitarista e os fatos, pior para os fatos, por assim dizer.

      Convencer as pessoas de que uma parede azul é vermelha faz parte, portanto, da empreitada de doutrinação levada a cabo por aqueles premiados com a audiência cativa diária de nossos filhos. Como convencer alguém que Che era um sujeito humanitário sem distorcer a própria História? Como persuadir pessoas minimamente dotadas de inteligência de que o caos na Venezuela é culpa dos capitalistas gananciosos e dos imperialistas ianques sem adulterar aquilo que está diante de seus olhos?

      O histórico do socialismo é, pois, péssimo para sua propaganda e disseminação, e então é preciso transformar, no imaginário popular, fome e genocídio em igualdade e harmonia, adulterando os sentidos do indivíduos e deturpando seu senso comum.

      Boa parte do conteúdo programático da matemática, entretanto, não pode ser refutado sem que a própria realidade seja desafiada. São de fácil observação, e até mesmo experimentação em nosso cotidiano, as operações matemáticas em geral. Seja trabalhando, fazendo compras ou viajando, a validade dos preceitos matemáticos pode ser aferida a cada momento em que precisamos fazer contas, desde a divisão da despesa do churrasco até a realização de investimentos na bolsa de valores.

      1 + 1 = qualquer resultado que não ofenda minorias e contribua para uma sociedade mais “justa e igual”? Não: a resposta é 2. E viva com isto. Às favas com o relativismo moral, que não tem vez aqui.

      Aí está a característica desta ciência, exata por natureza, que tanto desagrada os “progressistas”. Contestar a matemática é tão complicado quanto negar que a liberdade econômica tirou de condições de vida deploráveis bilhões de habitantes deste planeta. A tal ponto que chegará o dia em que o professor, revoltado com a situação, precisará indagar aos seus alunos, com as veias do pescoço saltando: “vocês preferem acreditar em mim ou nos seus olhos?” Exatamente como descrito no vídeo Modern Education, produzido em 2015:

      Idiotizar a todos, rebaixando a burros de carga alienados, desestimulados ao aprendizado e repetidores de mantras desconexos da vida real pessoas que poderiam, na idade adulta, vir a criar riqueza e melhorar as condições de vivência de seus concidadãos ao longo do processo: este o verdadeiro objetivo oculto destes agentes da revolução (alguns voluntários conscientes de sua missão, outros idiotas úteis). E a frieza dos números é um empecilho em seu caminho. Quem sabe uma boa e velha “ação afirmativa” não possa dar um jeito nisso…

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 31 de agosto de 2017 at 16:02

      Carlos
      tá vivo?

      4+
      • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 31 de agosto de 2017 at 16:10

    Preço do metro quadrado em SP fica estável e aluguel aumenta em julho
    O preço médio do metro quadrado na capital paulista está custando em torno de R$ 6 mil, segundo estudo realizado em julho pelo Imovelweb

    http://www.infomoney.com.br/imoveis/noticia/6917747/preco-metro-quadrado-fica-estavel-aluguel-aumenta-julho

    2+
  • From_The_Tower 31 de agosto de 2017 at 16:52

    cadeludo, cadê vc meu filho!?

    “Cadeludo 8 de fevereiro de 2017 at 10:03
    Padeiro
    MGLU3 tá 140,00
    o VPA é 32,00
    subiu mais de 900%
    que tal entrar vendido nessa naba?

    2+
    Link

    From_The_Tower 8 de fevereiro de 2017 at 10:15
    Graficamente tá forte ainda.
    Tem que esperar umas duas pernas de correção.
    E verificar a liquidez do papel.

    3+
    avatar
    Link

    From_The_Tower 8 de fevereiro de 2017 at 10:22
    Depois eu vou conferir o número de negócios diário do papel.
    Mas olha que força em Janeiro… corrigiu um pouco e bateu nova máxima.

    3+
    avatar
    Link

    Cadeludo 8 de fevereiro de 2017 at 10:26
    penso só nos fundamentos
    bolsa tá sem pé nem cabeça vai ter que corrigir isso
    vender por agora luiza, pdg e rossi parece ser o fino do lance

    2+
    Link

    SampaBoy 8 de fevereiro de 2017 at 10:49
    Compra normal de ação – agora , alguma indicação ??

    2+
    Link

    From_The_Tower 8 de fevereiro de 2017 at 11:35
    Cadeludo…. quando a bolsa corrigir forte nós teremos os sinais.
    Eu por enquanto não estou vendendo nada.
    Na verdade só faço Day Trade de Dólar Futuro.
    Ações – só nos EUA.”

    0
  • Antigo 31 de agosto de 2017 at 17:25

    Véio do céu, você bugou o blog todo com o seu gráfico

    Conserta para nós BOSS

    1+
    • Antigo 31 de agosto de 2017 at 17:44

      Ficou normal agora. Valeu!

      2+
      • avatar
  • Abomineve Homem das Naves 31 de agosto de 2017 at 18:09

    Tópico novo!

    0
  • DAN 2 de setembro de 2017 at 22:05

    Colega Rico, sobre a predição da quebra de equipamento hospitalar, por exemplo, onde posso en co ntrar sobre isso??

    0