Plano de recuperação da PDG limita a R$ 25 mil pagamento a cliente que devolveu imóvel – G1

Você pode gostar...

Comments
  • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 14:16

    CAI CAI BALÃO, CAI CAI BALÃO, AQUI NA MINHA MÃO …

    Preço dos imóveis no Grande ABC cai em maio
    Os imóveis do Grande ABC fecharam maio com queda no valor médio do metro quadrado. Diadema foi responsável pelo maior recuo real (considerando os índices de inflação), registrando -1,1% em relação a abril e -8,2% no período de 12 meses. Assim como no mês anterior, o motivo da queda é a superoferta e a baixa procura, conforme explica o presidente da Acigabc (Associação dos Construtores, Imobiliárias e Administradores), Marcos Santaguita.
    https://www.dgabc.com.br/Noticia/2710107/preco-dos-imoveis-no-grande-abc-cai-em-maio

    Aluguel de imóveis no DF tem nova queda. Veja como renegociar o seu
    No Distrito Federal, cerca de 800 mil pessoas moram de aluguel. Muitos não conseguiram realizar o sonho da casa própria. Outros, preferiram dar à poupança destino diferente que não fosse a aquisição de um imóvel. Para esses brasilienses, a notícia é boa. O preço do aluguel na capital do país está em baixa. O preço médio do m² ficou em R$ 31,20 em maio deste ano, valor 6,39% menor em relação ao mesmo período de 2016. Foi a segunda redução consecutiva em 2017.
    http://www.metropoles.com/distrito-federal/economia-df/aluguel-de-imoveis-no-df-tem-nova-queda-veja-como-renegociar-o-seu

    25+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 13 de junho de 2017 at 15:23

      errata:
      trocar queda por: desinflação do ANUNCIO de imóveis

      Quando vc admite a queda do valor, vc automaticamente admite a valorização, ambas são expressões erradas, não é só semantica, é toda uma lógica ilusória.
      RepeLir a novilingua é um passo sinequanom para acordar da ilusão.
      RepeTir é assumir, é corroborar, mesmo que a notiça seja a “nosso favor”, entre aspas pq não tenho torcidas pela queda, eu tenho é apreço pela verdade, seja ela qual for.

      28+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • socrates 13 de junho de 2017 at 17:46

        Essa foi profunda! Boa, Lucas

        2+
        • avatar
  • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 14:32

    A urbanista Raquel Rolnik é uma esquerdista, mas dá uma visão interessante sobre o “déficit habitacional”

    A ideia de implantar programas habitacionais massivos de construção de moradias, em nome da ideia de fazer moradias de interesse social, foi implantada mundialmente nas últimas décadas, com resultados muito parecidos. Se você for ao México hoje, na região metropolitana do Distrito Federal, encontrará milhões de casas vazias. Se você for a China, encontrará milhões de casas e apartamentos vazios. Ao mesmo tempo, encontrará muita gente sem um lugar para morar ou vivendo em assentamentos informais construídos pelas próprias pessoas, o que está aumentando cada vez mais. Esse é um fenômeno mundial, especialmente nos países do Sul global, na América Latina, na África e na Ásia.

    A melhor metáfora que conheço sobre essa transformação é a de Nouriel Roubini, ao dizer que a habitação foi transformada em uma espécie de caixa eletrônico. A hipoteca da casa passou a ser usada para levantar dinheiro no banco para pagar a educação privada, a saúde privada, para financiar o consumo do carro e outros bens de alto valor em um contexto de arrocho salarial. Neste contexto, a moradia foi um dos primeiros itens a sofrer essa mutação em processos de privatização em massa. Tivemos uma mudança de paradigma, da habitação como um bem social, para a moradia como uma mercadoria a ser produzida pelo setor privado e desempenhando um papel importante como ativo financeiro, ou seja, como uma das esferas onde um capital excedente financeiro global poderia aterrissar para multiplicar renda através dos juros.

    Há muitas versões dessa mudança, entre elas a da securitização das hipotecas, que é o modelo que vai levar à crise financeira hipotecária. O banco origina uma hipoteca para você obter um empréstimo para comprar sua casa, mas depois vende essa hipoteca, com o retorno que ela promete ao longo dos anos com a prestação que você em tese irá pagar, para outro agente financeiro que, por sua vez, vende para outro, fazendo um pacote com outras financeirizações. Outra versão deste mesmo modelo é o programa Minha Casa, Minha Vida, que é, como costumo dizer, completamente diferente e totalmente a mesma coisa. A minha leitura é que estamos falando da hegemonia de um modelo global existente na totalidade dos países do mundo, mas que, em cada um deles, assume uma face completamente particular.

    A segunda mentira é que esse modelo economizaria recursos públicos. Essa é a mentira mais deslavada de todas. A lógica geral desse modelo é produção em massa de moradia pelo mercado e compra da casa própria pelas famílias por meio de crédito bancário. Esse crédito financeiro é altamente subsidiado pelos fundos públicos em todos os casos. No caso do Brasil é 100% fundo público, via Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) ou via orçamento da União por meio de subsídios para as famílias de menor renda. No caso dos Estados Unidos, que é diferente do brasileiro, a compra da casa própria envolve várias isenções posteriores nas declarações de imposto de renda. Depois da crise hipotecária-financeira qual foi a reação dos governos? Os bancos centrais injetaram quantidades industriais de dinheiro público nos bancos para que eles não quebrassem, enquanto as pessoas ficaram no meio da rua sem casa. Na Inglaterra, milhares de jovens trabalhadores e de classe média chegam aos 30 anos continuando a viver na casa dos pais, pois não têm onde morar. Embora esse modelo já tenha revelado sua total incapacidade de dar uma resposta adequada às necessidades de moradia dos mais pobres no mundo, ele ainda é o modelo dominante, reiterado ad infinitum.

    http://www.sul21.com.br/jornal/nosso-grande-problema-nao-e-o-deficit-de-moradia-mas-sim-o-deficit-de-cidade/

    14+
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 13 de junho de 2017 at 15:08

      conheço a pessoalmente
      ela tem muitos defeitos entre eles esse de ser uma esquerdista roxa dessas que se estivesse no poder teria mandado “a ‘cidade’ invadir e derrubar os muros de alphaville”, palavras dela em conversa informal, sou seja uma pessoa perigosíssima

      mas ao mesmo tempo uma pessoa muito esperta e transparente, desprovida de qualquer cinismo, inclusive o que graça entre seus antípodas.

      O diagnóstico dela é perfeito, a profilaxia que é temerária
      Ao invés dela culpar a promiscuidade publico x privado da “receita de bolo” mundial para a questão habitacional, ela culpa o sistema capitalista, mas não nos termos nossos aqui do blog desse metacapitalismo esquemocrata viciado dos amigos-do-rei, ela culpa o capitalismo em si, e propõe ainda mais Estado, ouseja, ela propõe dobrar a meta.

      Certas pessoas como a RR. são piores que o nefasto e seus asseclas, que na sua ingnorança chega a ser um personagem peculiar até engraçada de tão ridícula.

      RR é do ramo dos stalinistas, do ramo das pessoas que seria líderes de soviets, que iria fuzilar seus rivais através de seu exrcito vermelho mais exatamente guilherme boulos seu amigo íntimo e parceiro de conferências na fau. O maior perigo de pessoas como RR é que elas estão certas, perfeitamente corretas, a solucionática dessas senhoras que tem fantasias totalitárias sexuais até são idéias de fazer eu preferir estar do lado dos nefastos, dos tucanos até do demonio em pessoa se for preciso. O modelo deles é Cuba, na sua psicose eles não veem nada errado naquela ilha. Tremam senhores, existe algo pior que o bananistão.

      E digo mais, as mesmas idéias seduziram e ainda seduzem seus antípodas. BNH in memoriam, não me deixa mentir.

      34+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 19:10

        Muita coisa ela acerta no diagnóstico, mas como para todo esquerdista, a solução para tudo é MAIS ESTADO
        kkkkkkkk

        12+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • jodorowsky 13 de junho de 2017 at 21:18

      Não é só a esquerda que erra na questão imobiliária, o filme The Great British Housing Disaster, disponível no youtube, mostra a mão dos conservadores errando feio. Gosto da Raquel Rolnik e David Harvey, eles têm um pensamento bem mais complexo do que a norma atual, a complexidade que o problema merece.

      4+
      • avatar
      • jodorowsky 13 de junho de 2017 at 21:23

        Alias, o filme I Daniel Blake (2016) também fala levemente sobre a questão imobiliária na Inglaterra. É claro, esses são filmes de esquerdopatas para esquerdopatas e é tudo uma grande propaganda comunista, claro, claro…

        2+
        • Lucas 14 de junho de 2017 at 17:04

          lia muito harvey na vida, quando lia muito
          ele dava boas sacadas, mas como todo esquerdopata só vale até a pg2
          o chonsky que não me deixa mentetir

          0
  • Antigo 13 de junho de 2017 at 14:33

    Sobre o tópico.

    Imagina um pobre coitado lesado pela PDG recebendo debênture quirografária com garantia em vento.
    Não vai ver nunca a cor do dinheiro.

    44+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • joselito 13 de junho de 2017 at 14:48

      Mas servirá para manter o “status” de milionário deste “credor”.
      Prevejo casos em que o “investidor” desistiu, e recebeu (debêntures quirografárias com garantia em vento estocado) quantia devidamente valorizada 30%a.a.!

      19+
      • avatar
      • avatar
    • Zé do Brejo 13 de junho de 2017 at 14:57

      Pior o cara usou o FGTS que rendia maravilhosos 3%a.a.(kkkk) para trocar por um monte de papel que não serve nem pra limpar a bunda

      39+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 13 de junho de 2017 at 15:19

      São apenas 23 mil clientes admitidos, isso é excecção à regra que é o mauricioSP, entregram com só 4 anos de obras (2 de atrraso) em Santos, a manratã brasileira, a dubai do ocidente.

      14+
      • avatar
      • avatar
  • Fox Mike 13 de junho de 2017 at 14:40

    CVR – A coisa está feia em Brasília…

    Região em que acompanho preços…apto 90 m2 (aprox. 15 anos de construção).

    Preço médio (pedido) em 2015: 450 mil.
    Preço médio (pedido) atual: 350 mil.
    Agora vem a questão…estava eu passando e vi um corretor batendo martelo em duas estaquinhas que apoiavam uma faixa sendo colocada no gramado em frente ao prédio (quem é de Brasília sabe que essa infeliz prática é comum por aqui…) daí quando vi o preço pedido não acreditei…300 mil.

    SOFT?

    71+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • odorico 13 de junho de 2017 at 14:44

      Onde? Eu não vejo asa sul e guará caírem tanto, mas também não vendem. Pode ser que na negociação aceitem bem menos que no anunciado, mas aí não ficar registrado. Mas acho que o mercado está é parado mesmo…..

      11+
      • avatar
      • Fox Mike 13 de junho de 2017 at 15:17

        Águas Claras

        12+
        • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 15:21

          40+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Bsbguy 13 de junho de 2017 at 18:41

            AC entrou em colápso o preço, no auge chegou a 5k m²…hoje em dia por 3k++ tu compra coisa boa lá!

            No plano o que eu vejo é simplesmente estagnação das ofertas mesmo (ao menos nisso bate com fingezap), mas preço de vnda mesmo, abaixo…

            6+
            • avatar
            • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 19:14

              Bsbguy
              Em janeiro de 2011 eu fui na Lopes, que fica do lado do Supermaia, em Águas Claras
              Na época, os apartamentos estavam em torno de 6.5-7.0K/m2
              Pelo IGP-M seria 10k/m2 hoje
              Na mesma Lopes, pode ir lá conferir, está em média 5.0K/m2 e pelas ruas se acham faixas por 4.0K/m2
              Então, em 6 anos, ocorreu uma queda real de 50%

              24+
              • avatar
              • avatar
              • Fox Mike 14 de junho de 2017 at 10:36

                Exatamente…lembro que no ápice da bolha imóveis novos e de melhor qualidade construtiva ficavam nessa faixa de preço (entre 6 e 7 mil/m2) em Águas Claras. Hoje já se vê muito imóvel novo na faixa de 5 mil/m2 (pedido). Conheço amigos fechando a 4 baixo…/m2.

                Imóveis de 10 – 15 anos chegam a beirar 3 mil/m2.
                Daí vem a questão… quanto será que está sangrando em Ceilandia, Samambaia? 2 mil/m2 imóvel novo? E olhe lá né…com sorte…
                Acho que é só questão de tempo o Plano sangrar feio tb… pois na grande maioria são imóveis com 40 -50 anos de construção, sem garagem ou com no máx 1 vaga.
                Negócio tá feio…

                3+
                • avatar
                • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 13:32

                  Queda de 50% é ÇOFT

                  2+
                  • avatar
  • antifragile 13 de junho de 2017 at 14:44

    Galera, me respondam uma coisa nessa foto:

    COMO O CORVETOR CONSEGUIU PREGAR O ADESIVO DE VENDE-SE ACIMA DO FIO ELÉTRICO???

    Os caras tão muito ninja!

    55+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Libertario 13 de junho de 2017 at 14:46

      Aquele é o encarregado de vender a cobertura.

      59+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • thiaggoo 13 de junho de 2017 at 14:53

      kkkk daqui a pouco vão colocar cartazes nos fios, estilo bandeirinha de são joão

      37+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 15:12

      3+
      • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 15:13

        31+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Coelho da pascoa 13 de junho de 2017 at 16:57

          Meu recorde foi contar 11 placa de urubulárias diferentes numa casa do bairro Bela Vista em Osasco

          16+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • perdido no rio 13 de junho de 2017 at 16:22

      Esse é um corvo de verdade!

      8+
    • Coelho da pascoa 13 de junho de 2017 at 16:56

      Sabe oque eu realmente não entendo… todo os outros lados do poste estão livres pra pendurar placa, mas o sujeito é tão Maria vai com as outras que ele arrisca a vida dele pendurando placa em cima do fio 🤔

      14+
      • avatar
      • avatar
    • Intendente 13 de junho de 2017 at 17:02

      Que loucura, se isso aí não for desespero, eu já não sei mais o que é.
      Acho que a longo prazo vale mais a pena ser gari a levar a vida como corretor, kkkkkkkkkkkkk

      8+
      • avatar
    • loucola 13 de junho de 2017 at 19:30

      Isso é cabeamento de telefone internet.

      4+
      • avatar
      • antifragile 13 de junho de 2017 at 19:44

        Suspeitei desde o princípio! rsrs

        3+
  • Lucas 13 de junho de 2017 at 14:51

    devolver a mixaria de 25 mil pra quem distratou!!!!
    isso só tem 1 nome: GOLPE
    e aposto que ainda vão pagar em “certificados de recebíveis” ou alguma moeda podre do tipo, isso se não apodrecerem antes o real.
    os cínicos nefastos comemoram, viram como não tinha bolha, só houve alguns pequenos maus negócios.

    39+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Libertario 13 de junho de 2017 at 15:28

      Não vai ter nem os 25 pra pagar.
      É apenas uma nova tentativa de pedalar, mas agora com a correia solta.

      22+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • alexny 13 de junho de 2017 at 14:55

    um fato interessante q notei nestes imoveis que foram a leilao em SC , a grande maioria o proprietario eh a propria construtora , ou seja o banco esta acionando as construtoras que na maioria colocaram os apartamento como garantia para mais emprestimos para esperar dias melhores q nao virao tao cedo , quem acha que o fundo do poco ja chegou esta muito enganado.

    https://www.zukerman.com.br/apartamento-fazenda-itajai-sc-10875-109101

    https://files.zukerman.com.br/I12459lote077matricula.pdf

    https://files.zukerman.com.br/I12459lote005matricula.pdf

    https://files.zukerman.com.br/I12520lote037matricula.pdf

    https://files.zukerman.com.br/I12459lote003matricula.pdf

    https://files.zukerman.com.br/I12459lote003matricula.pdf
    neste caso esta no nome do dono da construtora

    18+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Lucas 13 de junho de 2017 at 15:14

    do tópico passado
    CA achou uma pérola

    Acessar neste link o relatório sobre o resultado do 1T17 da PDG:

    http://ri.pdg.com.br/mobile/conteudo_mobile.asp?idioma=0&conta=28&tipo=32536
    Trecho do relatório acima, em sua página 7:

    “Os distratos totais atingiram R$141 milhões no 1T17, 18% abaixo do valor registrado no 4T16, e 54%
    menor em relação ao 1T16. A redução do volume distratado neste trimestre ocorreu, em grande parte,
    devido a política de restrição de caixa da Companhia que não permitiu a efetivação de todos os distratos solicitados.
    Em consequência da diminuição do volume de vendas brutas no trimestre, as vendas líquidas foram
    negativas em R$60 milhões no 1T17.”

    resumindo:
    DISTRATOS DESABARAM POR FALTA DE DINHEIRO PARA A CONSTRUTORA CUMPRIR O CONTRATO com os seus clientes!!!

    Aí vem um cínico, pra não dizer um palavrão, e publica um gráfico colorido comemorando a recuperação do mercado pelo índice de distratos.
    Nefasto é pouco.

    51+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 15:20

      “Venda líquida negativa” kkkkkkkk

      27+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Margarida 13 de junho de 2017 at 16:57

      Caaaaara!

      10+
      • avatar
      • avatar
  • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 15:17

    Macaé: Valor de aluguel cai até 50% e bom inquilino é disputado
    Disponibilidade de imóveis cresce com baixa procura provocada pela crise econômica e muda o perfil do mercado.
    Corretores avaliam a queda e a redução chega pela metade do preço

    http://www.odebateon.com.br/site/noticia/detalhe/38592/macae-valor-de-aluguel-cai-ate-50-e-bom-inquilino-e-disputado

    23+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 15:20

      É apenas um momento de ajuste após um período de euforia.
      Frase bem cínica , não acham!?
      😉

      30+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 15:29

        “Agora, descobrimos que nunca éramos tão ricos, como pensávamos”
        Valentin Bote

        24+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Cajuzinha 13 de junho de 2017 at 15:19

    Os trabalhadores em dívida com financiamentos de imóveis através do Sistema Financeiro da Habitação (SFH) podem utilizar o saldo das suas contas vinculadas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para pagar até 12 prestações. De acordo com a Caixa Econômica Federal (CEF), essa é a quantidade máxima de parcelas em atraso que podem ser compensadas com esses recursos. A regra permite ao mutuário pagar 80% da prestação. A quantidade de parcelas que podem ser regularizadas, antes limitada a três, foi ampliada pelo Conselho Curador do FGTS em fevereiro, com validade até o fim de 2017.

    https://extra.globo.com/noticias/economia/trabalhadores-com-dividas-de-financiamento-imobiliario-podem-usar-fgts-21470084.html

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 15:25

      Não entendi.
      “é a quantidade máxima de parcelas em atraso”
      mas depois da terceira parcela em atraso a bagaça não vai a leilão!?

      mas o saldo devedor o cidadão pode abater a qualquer momento confere!? (com intervalo de 03 anos)

      20+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 13 de junho de 2017 at 15:31

        onde mora o diabo mesmo?
        captou bem essa entrelinha from. BOA
        vamos voltar a elevar o nivel do blog após um período obscuro

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 15:36

          falando nisso vocês assistiram (sei que vocês não assistem muito TV) a propaganda CEFU4… uma mãe ruiva… um pai tonto e um bebê !?
          de renegociação de dívidas!?
          é a pedalada cínica da pedalada …..
          vou tentar achar… para vocês.

          12+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • CA 13 de junho de 2017 at 16:01

            From_The_Tower,

            Este é o “milagre” operado pela CEF:

            Crédito podre aos montes, antes ela vendia para empresas abutres, junto com créditos bons (para a BTG, ÓBVIO) e apesar de gerar um prejuízo ENORME à liquidez da CEF, ainda assim ela “higienizava” seus balanços e FAZIA DE CONTA que a inadimplência estava baixa, sob controle.

            Ocorre que o TCU não gostou desta brincadeira e mandou parar.

            Qual a solução? a renegociação MÁGICA, que faz a inadimplência DESAPARECER da noite para o dia, em TODAS as linhas de crédito da CEF a partir do 4T16, em meio a aumento no desemprego, queda na renda, queda no PIB, etc… Ou melhor, nestas condições, podemos dizer que esta recuperação da inadimplência foi MIRACULOSA!

            Fazem até propaganda do Milagre, como você mencionou acima! Vem, vem pra CEF você também, se você FINGIR que vai pagar, nós FINGIMOS que acreditamos, damos uma “pequena” carência de um ano para você retomar seu pagamento e se não der certo, bem, pelo menos ganhamos tempo e ILUDIMOS todo mundo!

            Combina bem com um banco envolvido em “N” esquemas e rombos de dezenas de bilhões de Reais, não é mesmo?

            26+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
          • Lucas 13 de junho de 2017 at 16:23

            empurrando pro próximo eleito
            … simples assim
            e quanto mais pressão contra o Temer, mais politika de terra arrasada ele devolve.

            11+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
      • Libertario 13 de junho de 2017 at 15:37

        Tem esse trecho:
        A quantidade de parcelas que podem ser regularizadas, antes limitada a três, foi ampliada pelo Conselho Curador do FGTS em fevereiro, com validade até o fim de 2017.

        É interessante mesmo como o Véio disse.
        O conselho Curador do FGTS é um organismo superior ao tal acorda da basileia ?

        25+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 15:41

          Quem são esses imperialistas para nos jogarem na cara certos limites!?
          😉

          17+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • CA 13 de junho de 2017 at 16:07

          Libertário,

          Não interessa ao BC nem a demais envolvidos cobrar qualquer regularização da CEF quanto a “melhores práticas”, ao contrário.

          Lembre-se que o BC, ao verificar a repercussão negativa da queda constante de preços do IVG-R, resolveu “rever o índice” e dar um jeito dele não cair tanto, para logo em seguida, garantir que “não havia bolha imobiliária” (próximo anúncio: Papai Noel não existe!).

          Sim, existem regulamentações do BC que dão prazos para retomar imóveis, depois de retomado para revender, etc, mas a esta altura, de profundo desespero dos agentes porque a verdade está escapando por entre os dedos deles, estas regulamentações são a última coisa que lhes interessa.

          Eles só tem um objetivo, seguindo ordens superiores: maquiar, pedalar e fazer o que for necessário para que toda esta lambança não apareça antes de outubro/2018, de forma a não prejudicar as eleições presidenciais. Fora isto, que se dane! Nenhuma diferença do que a Dilma já fez logo antes das eleições de 2014 ou do que George W. Bush TENTOU fazer (e não conseguiu) antes das eleições americanas, com a bolha imobiliária explodindo de forma mais visível poucos meses antes do partido dele PERDER as eleições…

          23+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • CA 13 de junho de 2017 at 15:53

      Cajuzinha e From,

      O trecho que vem logo em seguida também é “interessante”:

      “— Os mutuários em processo de cobrança e execução extrajudicial pode ser beneficiados com a regra, e poderão evitar a retomada dos imóveis — explicou Nelson Souza, vice-presidente de Habitação da Caixa.”

      Peraí, vamos ver se nós conseguimos entender o que consta acima:

      Antes poderia se utilizar o FGTS para cobrir atrasos de até 3 meses no pagamento do crédito imobiliário. Por que eram 3 meses? Porque após 3 meses, o imóvel já poderia ir para leilão e o banco recuperar por este mecanismo a sua liquidez que foi perdida por esta inadimplência.

      Agora a CEF está “renegociando”. Além disto fazendo “cobrança extra judicial”. Esta renegociação / cobrança significa que o comprador pode passar de 3 meses de inadimplência e ainda assim, não ser considerado inadimplente, afinal está “renegociando” (não paga porcaria nenhuma, mas pelo menos MAQUIAM a inadimplência real e ainda colocam no relatório que a inadimplência acima de 90 dias “caiu”, graças a este TRUQUE). Como está renegociando e o imóvel não está sendo retomado, o comprador pode usar o FGTS para quitar estas dívidas referentes a até 1 ano de atraso das parcelas, ou seja, o comprador pode ENROLAR por até 1 ANO sem pagar e mesmo assim a CEF não vai chamá-lo de “inadimplente”, é só alguém que demora “um pouquinho mais” para renegociar.

      Se o comprador não tiver saldo suficiente para cobrir isto, ou cobrir temporário e depois voltar a ficar inadimplente, afinal quando chega neste ponto já se enrolou em várias outras dívidas (a última coisa que o comprador quer perder é o imóvel “dele”), pelo menos a CEF já ganhou tempo no seu MUNDO DE FAZ DE CONTA, com uma SIMULAÇÃO de melhoria nos níveis de inadimplência.

      Por isto que disse várias vezes que o que a CEF está fazendo de “renegociação”, nada mais é do que uma MAQUIAGEM para ganhar tempo, a famosa PEDALADA. Tão “efetivo” quanto o adiamento de reconhecimento de distratos que PDG, Viver, MRV e tantas outras construtoras tem feito ao longo de anos, com algumas delas quebrando por tentarem FUGIR da realidade com esta “brilhante” estratégia…

      Cedo ou tarde (quanto mais tarde, PIOR), a CEF vai ter que encarar a REALIDADE e reconhecer o nível VERDADEIRO de inadimplência.

      Quando o BC fala em 233.000 contratos com inadimplência acima de 90 dias, a CEF sozinha responde por pelo menos 80% deste total, ou algo como 186.000 contratos. Se ela só tem 25.000 para revender em leilão, deve ter uns 150.000 imóveis ou mais em “renegociação”, neste esquema “à espera de um milagre”.

      O “probleminha” é que a CEF já tem uma dificuldade enorme para desovar seu estoque atual de imóveis que é apenas uma fração do total de inadimplência e já chama a atenção o fato dela ter dobrado o número de imóveis retomados e colocados em leilão, já pensaram se ela retomasse todos os imóveis inadimplentes há mais de 90 dias e ficasse com mais de 180.000 imóveis para leiloar?

      Neste caso, a CEF sozinha teria um estoque de imóveis para revender que seria maior que a somatória de imóveis em estoque de TODAS as construtoras juntas e uma ANOMALIA tão absurda quanto esta, só existe em bolhas imobiliárias.

      Por isto e também pela inviabilidade operacional e efeito manada correspondente (PÂNICO no mercado) que a CEF está fugindo da REALIDADE como o diabo foge da cruz…

      Não esquecendo que além desta ação APELATIVA, a CEF também planejava contratar corretores em todo o país para revender os imóveis retomados, planejava criar uma empresa abutre para transferir os créditos podres, etc, etc, etc…

      É o conjunto de ações APELATIVAS que dão uma dimensão da situação REAL e não as MAQUIAGENS contábeis…

      26+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Libertario 13 de junho de 2017 at 16:02

        Mas e o tal acordo de basileia CA, a CEF não precisaria seguir ?

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • CA 13 de junho de 2017 at 16:09

          Libertário,

          E quem vai cobrar? Se o próprio BC já fez uma maquiagem MASTER com o IVG-R… Não se esqueça, são braços do governo e farão o possível e impossível para que mais esta explosão não se torne visível “antes da hora”. Mais detalhes no comentário que fiz logo acima…

          13+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • perdido no rio 13 de junho de 2017 at 16:27

            CA, ótima análise. Acha que estão empurrando a bomba para o eleito de 2018, (se realmente houver eleições)?

            12+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • CA 13 de junho de 2017 at 16:29

              perdido no rio,

              Sim, detalhei acima…

              9+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
      • Cajuzinha 13 de junho de 2017 at 16:15

        Perfeito, CA!

        3+
        • avatar
  • Lucas 13 de junho de 2017 at 15:30

    CA
    comentei uns dias atrás os novos relatorios de desemprego, pib e renda do SEADE-SP
    pra resumir: voltamos a cavar o fundo do poço.

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Leonardo M. 13 de junho de 2017 at 15:30

    CVR adoro a banania

    Ganhei ontem R$60 e hoje R$70 no dólar futuro
    Adoro esse país! Sério mesmo! Só essa instabilidade toda me dá esses lucros

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 15:35

      tô com saudades de novembro de 2016… pós eleição TRUMP
      fazendo 600,00 por dia na média.
      kkkk

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Leonardo M. 13 de junho de 2017 at 16:52

        Eu estou operando com robos
        Por enquanto estou começando para ver se vale a pena, mas pretendo no futuro operar mais contratos e tirar uns 200/300 dia só mercado.

        12+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 13 de junho de 2017 at 18:44

          tem que manter isso aí

          38+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 20:59

          sim, lembrei disso agora !

          5+
  • Cajuzinha 13 de junho de 2017 at 15:32

    http://www.segs.com.br/economia/68327-boletim-mostra-trajetoria-de-queda-nos-valores-dos-imoveis.html

    Crédito – As análises sobre crédito imobiliário, com base em dados do Banco Central, mostram que Na comparação entre fevereiro de 2016 e 2017, as operações de crédito declinaram 16,38% enquanto o financiamento imobiliário mostrou queda de 6,83%. “Os dados mostram que nem a inflação controlada e a tendência de queda na taxa de juros tem coonseguido gerar reflexos positivos no setor”, completa Nakabashi

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 13 de junho de 2017 at 15:36

      haverá dinheiro mas não haverá ninguém pra pegar (eu)
      – houve o mesmo na bolha americana e na japonesa. Precisou-se de juros negativos pra removimentar a economia, mas são países capitalistas mais liberais com moeda referencia regional/mundial. Aqui não se aplica juros negativo, pelo contrário.

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 15:39

      eu tenho 440k pré aprovado no Satã e nem cogito pegar…. de jeito nenhum….
      em 2010 era comum o Itaú disponibilizar uma série de crédito pré-aprovados na tela inicial do Internet Banking…. eu já tive mais de 700k na época.. e todos os meus conhecidos usavam e abusavam… mas para tijolo a CEFU4 é imbatível. Eles pegam tudo !

      16+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • joselito 13 de junho de 2017 at 16:59

        Ehehehehe, sou correntista itaú, e essa do crédito “pré-aprovado” LIS [email protected]#! a 4 é legal que fica como “saldo disponível” na sua conta corrente.
        Os cara são foda, sabem que bananense não guarda 1 tustão, saldo 0, e nomeiam de SALDO o que na verdade é um EMPRÉSTIMO, eheheheh.

        14+
        • avatar
        • avatar
  • Lucas 13 de junho de 2017 at 15:32

    off investimentos
    pegando aqui e ali relatos de investidores profissionais migrando pra estratégia da boca de jacaré

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cajuzinha 13 de junho de 2017 at 15:34

    Viver terá de fazer novo pedido de recuperação
    Estadão Conteúdo

    13.06.17 – 08h39

    http://istoe.com.br/viver-tera-de-fazer-novo-pedido-de-recuperacao/

    6+
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 13 de junho de 2017 at 15:39

      citando o JUIZ “excluindo do processo os projetos com patrimônio de afetação”
      ou seja, a tal segurança jurídica do tal patrimonio de afetação simplesmente não existe.

      o certo seriam os bancos recusarem patrimonio afetado como garantia, uma vez que não é de posse da construtora, mas sim do CNPJ da obra cujos sócios são os clientes.
      É golpe em cima de golpe nesse país esculhambado

      a unica novidade nessa é que o Juiz foi correto, por enquanto, mas cabe liminar, basta achar outro juiz mais simpático à causa, se é que vcs me entendem.

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • rafa_fv 13 de junho de 2017 at 16:31

        Lucas mas este juiz já foi simpático a ‘causa’, pelo menos é o que dá a entender, acredito que seja interesse dos credores(bancos Bradesco, Santander e Votorantim) separar estas SPEs.

        5+
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 13 de junho de 2017 at 16:52

        verdade
        esqueci que enquanto finame tá valendo o dono é o banco
        nessa os 666 pegaram carona na sorte
        dás poucas vantagens do finame uma delas é essa, vc tem toda uma cobertura jurídica monstra pra defender seus interesses, não que o juros pornográfico valham algo que vc poderia fazer per si, mas pra muita gente é isso.

        4+
        • avatar
        • avatar
  • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 15:42

    Achei a propaganda do CEFU4(ruiva, pai tonto e bebê )
    https://www.youtube.com/watch?v=qfHKUuvj5oA

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 13 de junho de 2017 at 15:49

      ruiva tipo agua de salsicha pintura mal feita, bem periferia mesmo
      eu gosto de ler o subliminar dessas coisas, repara tbm no cenário
      o belo bebê de olho azul profundo, os sorrisos.
      são realmente profissionais, uma renegociação de dívida imob não tem nada mais violento e traumatizante que isso

      16+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 15:53

        olhando o site :
        “Utilize esse serviço somente para:

        Contratos de empréstimos e financiamentos;
        Dívidas atrasadas em 60 dias ou mais;
        Dívidas em atraso cuja soma total seja de até R$49.000,00.

        Se você se encaixa nesse perfil você pode:

        Parcelar sua dívida em até 96 meses;
        E dependendo do valor total as parcelas podem ser de até R$50,00 mensais.”

        Ou seja…. a pessoa começa um financiamento de 35 anos… fica pesado e eles parcelam as atrasadas em mais 08 anos….
        então são 03 anos para a entrada e 43 anos pagando…. = 46 anos .
        passa rápido, uma hora acaba.
        😉

        22+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • CA 13 de junho de 2017 at 16:14

          Que liquidez maravilhosa da CEF, não é mesmo? Não conseguiu pagar em 60 dias? Ah, pega mais 96 meses para pagar… Daqui a pouco vão chegar nos 100 anos de financiamento imobiliário e ainda vão ter os otários que vão dizer que isto é “sustentável” e que seremos os únicos e mais poderosos países do mundo a conseguir manter isto por décadas, muito mais poderosos que EUA, Espanha, Japão, etc, que tiveram que reverter estas políticas para sobreviverem…

          24+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • joselito 13 de junho de 2017 at 17:03

          Considerando, ainda, que esta dos 35anos de FINAME nasceu há uns 10 anos (isso mesmo? rsrsr), temos o cenário da dívida eterna, eheheheh.
          Passa 10 anos, agente aumenta mais 8. Como esse “8” pode aumentar a parcela, agora em 5anos teremos de refazer esse negócio. Logo mais o seguro para quitação em caso de morte será mais caro que a prestação (rsrsrsrssr).

          7+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • Lucas 13 de junho de 2017 at 17:24

          na década de 80 era o residual que tornava a dívida eterna
          hoje é a dita renegociação

          9+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • Ogami 14 de junho de 2017 at 10:54

          Escravidão voluntária. Quem disse que acabou com a lei Áurea kkk

          4+
          • avatar
  • RAGNAR 13 de junho de 2017 at 15:57

    CVR
    Meu contrato vence no mês que vem e consegui convencer o proprietário a abonar o reajuste e ainda diminuir o valor do aluguel em 10%.
    Não foi fácil. Ele não queria nem negociar, mas fiz um clipping com matérias sobre a situação do mercado imobiliário e enviei por email para que ele apreciasse. Demorou 8 dias, mas hoje de manhã ele respondeu que aceita. 🙂

    75+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Oreia 13 de junho de 2017 at 15:58

      Amém !

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 16:00

      Mitou !!!
      💰🏠

      21+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 16:03

        clipping para BRICK LOVER !!!
        muito bom !
        foi impresso , foi digital!?
        😉

        8+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • RAGNAR 13 de junho de 2017 at 16:07

          Digital.
          A maioria das matérias foram postadas por aqui ao longo do ano.
          Esse blog me ajudou demais, incrível!
          Aqui é um verdadeiro oásis no deserto de desinformação que as construtoras/imobiliárias espalham pela internet.

          50+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 16:09

            estou dando muita risada…..
            eu fico imaginando uma animação com as manchetes dos jornais ….. imagens de fundo …. som melancólico !!!
            Aí no final uma imagem positiva com o valor proposto !!!
            ” É melhor um aluguel todo mês na mão …. do que o imóvel desocupado…. é pegar ou largar !!! ”
            kkkk

            26+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
          • Lucas 13 de junho de 2017 at 16:19

            posta esse clipping
            poderia virar um tópico fixo: Manual da renegociação do aluguel

            26+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • LZ 13 de junho de 2017 at 16:23

              Eu aceito haha
              Bem que o meu contrato o IGPM vai vir negativo esse ano heuheue

              8+
              • avatar
              • avatar
              • Lucas 13 de junho de 2017 at 16:37

                vc não leu o contrato
                é pró-forma só reajusta quando dá positivo
                isos quando não colocam uma salada de indices, com a fras: o que der maior.
                no meu aluguel eu negociei IPCA contando que o dolar ia explodir e levar o Igpm junto, errei por pouco deu empate, mas na verdade tanto faz pq renegociei reajustes zero em praticamente todo o período, deu um total de 20% nominais em 5 anos, a inflação nesse periodo tinha dado uns 30 a 40% (conta composta não esqueça)

                4+
                • avatar
                • LZ 13 de junho de 2017 at 16:59

                  No meu está falando apenas reajuste de acordo com o IGPM de 12 meses hahauhauahu.
                  Ou seja tanto pra positivo quanto negativo rs.
                  Li umas 20x hauahua

                  6+
                  • avatar
                  • avatar
                  • LZ 13 de junho de 2017 at 17:01

                    “2a O LOCATÁRIO deverá pagar o aluguel mensal de 1100.00 (UM MIL E CEM REAIS) sofrendo reajustes nos termos da legislação vigente, ou seja, anuais, de acordo com o IGPM/FGV, mais o valor do IPTU mensal, que sofrerá reajustes estipulados pela Prefeitura de acordo com a legislação.” Ou seja no mínimo nao sobe rs.

                    3+
                    • avatar
                • Lucas 13 de junho de 2017 at 17:01

                  que beleza, kkkk
                  erraram no texto
                  tbm fazia tanto tempo que não dava negativo, esqueceram

                  8+
                  • avatar
                  • avatar
                  • LZ 14 de junho de 2017 at 11:54

                    Pois é..
                    Como o meu contrato é de 3 anos ……. deixa arder hauahuah

                    2+
            • RAGNAR 13 de junho de 2017 at 16:23

              De noite eu posto. Estou no escritório agora, mas quando eu chegar em casa eu coloco aqui. Vocês vão gostar, vai ser divertido minha coleção de notícias … rsrsrs.

              13+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
  • Lucas 13 de junho de 2017 at 16:17

    Pro From_ e CA que não engolem a RFC

    no antagonista falando de manobra do DILMO via BC perdoando maracutaias do setor financeiro
    Toda essa conta tá caindo no colo do povo. São essas correias de transmissão que eu falo, privatizando lucros no CPF da diretoria, socializando perdas do CNPJ pro Estado.

    Não estamos resolvendo a crise, estamos cavando as bases dum buraco ainda maior!

    18+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 13 de junho de 2017 at 19:19

      Novidade véio 😛

      4+
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 13 de junho de 2017 at 16:33

    CA
    essa renegociação nunca tem fim
    pensa comigo:
    1- o cara atrasa 3 meses
    2- a Caixa dá créditos pra ele parcelar esses 3 meses em 96 e ainda libera FGTS de 1 ano
    3- passado 12 meses, e outros tantos de calote da parcela dos 96 a caixa abre uma renegociação com 90% de desconto em cima desse finame de 96.
    4- loop infinito
    5- o tesouro cobre o à descoberto.

    Em resumo, quem paga o calote é o contribuinte
    o mercado vendo essa contabilidade criativa aumenta o PMJ a exigir do governo
    denovo estamos cavando um buraco no fundo do poço

    DilmO vc já era!
    questão de tempo!

    31+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Zé do Brejo 13 de junho de 2017 at 16:51

      Dilmo já é insustentável… Precisamos fazer novo movimento #FORATEMER #LULANACADEIA

      13+
      • avatar
      • Lucas 13 de junho de 2017 at 17:00

        insustentável ele era antes das gravações
        ele já está entre pernicioso e criminoso

        21+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 13 de junho de 2017 at 16:45

    Sobre o tópico:
    Ninguém avisou, ninguém.

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Lucas 13 de junho de 2017 at 16:49

    até o amorinha já sacou
    #temeracuado = #politikadaterraarrasada = #dilmo2
    http://www.gazetadopovo.com.br/blogs/ricardo-amorim/2017/06/13/acuado-temer-reage-com-pacote-de-bondades/

    4+
    • avatar
    • avatar
  • Libertario 13 de junho de 2017 at 16:56

    CA

    Libertário,

    E quem vai cobrar? Se o próprio BC já fez uma maquiagem MASTER com o IVG-R… Não se esqueça, são braços do governo e farão o possível e impossível para que mais esta explosão não se torne visível “antes da hora”. Mais detalhes no comentário que fiz logo acima…

    2+
    • avatar

    Tinha que de alguma forma colocar isso na midia.
    Tem algumas emissoras que até pagam por sugestões de reportagens.
    Putz isso daria o maior rolo.
    Uma manchete do tipo:
    Acordo da Basileia não é cumprido pela CEF
    Imoveis que deveriam ser retomados em 90 dias, e que estao atrasados a mais de 360, podem implodir o sistema financeiro do Brasil.

    Daí é surfar no PMJ!!!!

    27+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 13 de junho de 2017 at 19:21

      Qual mídia, a sustentada pelo governo ou a sustentada pelos bancos? 😀

      14+
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 13 de junho de 2017 at 16:58

    “Foi uma festa com drogas, sexo e rock and roll”

    Ricardo Ramos, diretor do BNDES, participou hoje de um seminário do setor automotivo em São Paulo. Ao tratar da era petista, em que o setor desfrutou de crédito farto, ele comparou, segundo registro do Valor:
    “Foi uma festa com drogas, sexo e rock and roll.”
    O vice-presidente da Associação Nacional das Empresas Financeiras de Montadoras (Anef), Carlos Alberto Sisto, em seu discurso, queixou-se do cenário atual e comentou:
    “Só que tiraram tudo da festa. Poderiam ter deixado um pouco de rock and roll, pelo menos.”
    (o antagonista)
    o que não siginifica recomendação de nada além do que vai acima., não recomendo ler quase nada em português.

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 13 de junho de 2017 at 17:03

      Temer pedala
      Michel Temer está arrombando o teto fiscal para tentar comprar algum apoio.
      O Estadão fez um bom quadro mostrando o que ele já deu e o que promete dar…

      CVM condena Eike por insider trading
      Pagar um trocado de 21 milhões de reais por insider trading na venda de ações da OSX em 2013, 4 anos atrás.
      Ou seja JBS só vai pagar alguma multa em 2021, uns trocados perto do movimento.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • odorico 13 de junho de 2017 at 17:20

        E aí galera, qual seria a análise de vocês sobre isso? Amanha títulos vencendo. O que fazer? Teremos janelas de juros quando ver que o Teto vai ter que subir ou mexer no orçamento para rombo maior?

        3+
      • Lucas 13 de junho de 2017 at 17:22

        estrategia da boca de jacaré
        liquidez D+0, dedo no gatilho, a próxima bomba, vc vai comprando posição apostando no caos

        7+
        • avatar
        • avatar
        • Leonardo M. 13 de junho de 2017 at 17:42

          Eu tô d+0(LCI e poupança) d+1(TD) e d+2(FIIs)
          TD eu vou especular pra caramba ano que vem se lula estiver na frente e este ano se estourar mais alguma bomba(e vai!).
          Peguei 6,01% + IPCA e vou realizar lucro este mês depois que completar 30 dias para não pagar IOF. Até o presente momento 3% de lucro!!!

          11+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • Margarida 13 de junho de 2017 at 20:06

      Esses pelo menos adoram um furo. Podiam mandar pra eles esse negócio da CEF. São bastante lidos e ficam fuçando pra sair com denúncias de maracutaias que ninguém apontou ainda.

      4+
      • avatar
      • avatar
  • Libertario 13 de junho de 2017 at 17:22

    Como disse Marcos Lisboa, em entrevista ao Valor, o Brasil vai afundar:

    “Com a volta do que a gente viu nos últimos oito anos, crédito subsidiado, conteúdo nacional, estímulo a grupos de interesses, o Brasil não vai voltar a crescer. Essa foi a rota que trouxe o Brasil à crise. Se essa agenda volta, volta a crise”.
    O jornal perguntou se ele vê um retorno a essa agenda.
    Marcos Lisboa respondeu (e suas palavras correspondem exatamente ao que pensa O Antagonista):

    “Estão fazendo o Refis de novo. É inacreditável. Depois de tantos fracassos, mais um Refis. A discussão sobre incentivos fiscais nos Estados. Isso é um retrocesso imenso. É a visão do Brasil velho, que acha que vai tirar Estado pobre da pobreza fazendo fábrica de caminhão, de carro, de cosmético. Não vai, não é isso que vai tirar Estado da pobreza. Um pequeno grupo se beneficia, mas o saldo líquido para o país é pior. Os Estados fazem isso em vez de políticas que promovam o desenvolvimento, como melhorar a qualidade da educação, enfrentar as corporações locais, melhorar o ambiente de negócios, criar condições para jovens empreendedores. Em vez de uma agenda construtiva para tirar os Estados da pobreza, eles insistem em uma agenda velha, que vem desde a Sudene, desde os anos 60 e que fracassou. É uma pena

    29+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Leonardo M. 13 de junho de 2017 at 17:44

      Brasil sendo Brasil…

      Pode parecer bobeira mas só o Bolsonaro é o menos pior dos candidatos para 2018.
      Ele será nossa versão tupiniquim do Trump. Fala, fala mas não sabemos o que. Irá fazer quando entrar.
      Então eu vou arriscar nele ano que vem.

      22+
      • avatar
    • CA 13 de junho de 2017 at 18:18

      Libertário,

      Agora sim reconheci o discurso do Marcos Lisboa alinhado com o que ele sempre defendeu! Outro dia ele defendeu um juros menor e incentivos para o crédito imobiliário, alheio à infinidade de problemas gerados na última década em virtude disto…

      Finalmente ele está entendendo que o presidente atual é o Dilmo, um governo de concessões por interesses políticos que além de não fazer o que é necessário, dá continuidade e até agrava o que era feito erradamente no passado!

      Continuo acreditando que se a reforma da previdência sair, ela terá um “downgrade”, saindo de meia-boca que era a versão anterior (que já precisaria de revisão daqui a 4 anos) para um quarto de boca, talvez tratando exclusivamente da idade mínima para não gerar polêmicas maiores com “aliados” nem comprometer os interesses políticos para eleições de 2018, juntamente com a PROMESSA de que em 2019, daí sim fariam uma reforma da previdência “de verdade”. Em outras palavras, repetindo oa fiascos de TENTATIVAS de reforma da previdência que já duram DÉCADAS, desde o primeiro mandato de FHC, algo “só para Inglês ver”, mais expectativas repletas de otimismo UFANISTA e que portanto, nunca se concretizam, mas que às vezes, ajudam a acalmar o mercado e fazer com que a BOVESPA possa ter sua cotação crescendo fora dos fundamentos e o dólar se mantendo sob controle, pelo menos por um tempinho, enquanto o ILUSIONISMO ainda colar.

      Quanto à reforma trabalhista, é outra que já estava meia-boca e pode retroceder ainda mais também.

      Sobre a volta do crédito subsidiado, talvez ele esteja vendo as ameacas pela mudança de direção no BNDES, mas tem muito mais que isto, como a dilapidação do FGTS para tentar incentivar o consumo, as eternas ações apelativas para conter a visibilidade da explosão da bolha imobiliária, dentre outros temas que nem estão no radar dele, mas que claramente já sinalizaram há tempos que o novo presidento merecia a alcunha de Dilmo.

      Isto porque nem ele nem qualquer especialista está comentando neste momento o tamanho dos rombos que estão sendo “escondidos” entre BNDES, BB, CEF, etc, que também possuem alto potencial destrutivo conforme o governo atual só pedala e joga gasolina no incêndio para tentar adiar as consequências INEVITÁVEIS e mais visíveis de toda esta destruição que foi plantada…

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 13 de junho de 2017 at 18:37

        Quanto às reformas pode ser até que saia uma reforma pra pior, acentuando o abismo soçial e de privilégios.
        Reduzir gastos no lado fraco e mantendo o ralo aberto para a nobreza.

        A fórmula completa para este agregado de esculhambações que chamamos país se matenha deitado eternamente em leito esplendido

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Zé do Brejo 13 de junho de 2017 at 18:50

          Alguém disse que essa crise levaria décadas? Algum site mequetrefe avisou?

          12+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • BOLHA JOKER 13 de junho de 2017 at 18:27

    UTILIZAÇÃO DE FGTS COM ATÉ 12 PARCELAS EM ATRASO.

    o que voces comentaram sobre a utilização de FGTS com contratos com até 12 parcelas em atraso, não são todos contratos que vão para execução com 3 parcelas em atraso, tem contrato que vai com 6, com 9 com 12, tudo depende só não sei qual parâmetro eles usam, só sei que a retomada do imóvel é o ultimo recurso o mutuário tem toda oportunidade de tentar pagar, além dessa arte do FGTS, ainda existe a incorporação, ou seja eu fico 6 meses sem pagar por exemplo, vou na caixa pago 1 parcela e incorporo 5 parcelas ao saldo devedor.

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • CA 13 de junho de 2017 at 18:31

      BOLHA JOKER,

      Grato pelas informações.

      Estes “malabarismos” tem um preço.

      Se fosse tão simples assim, nenhum país teria explosão mais visível de bolha imobiliária, seria só os bancos pedalarem empurrando o problema para o futuro, aumentando por anos o prazo de financiamento em esquemas similares a este que você mencionou, de forma contínua.

      O problema é que uma hora a fatura chega. O nome da fatura? FALTA DE LIQUIDEZ.

      Cada vez que a CEF dá uma pedalada destas, é menos dinheiro para retornar para poupança, menos dinheiro para retornar para o FGTS. Conforme a bola de neve vai se formando e agregando “N” outros rombos de dezenas de bilhões de Reais, uma hora a casa cai…

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 13 de junho de 2017 at 18:40

      esses malabarismos e renegociações corresponde ao que na década de 80 era chamado de RESIDUAL
      os nomes são outros, os métodos novos são outros, mas o resultado é MAIS do mesmo
      A ETERNIZAÇÃO DA DÍVIDA

      no fim da história, os calotes dos anos 80 foram os tais esqueletos no armário liquidados por via judicial somente na década de 90 e ainda um outro somente na década de 2000

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Carlos 13 de junho de 2017 at 19:12

    Cesar_DF

    “Agora, descobrimos que nunca éramos tão ricos, como pensávamos”
    Valentin Bote

    6+
    • avatar
    • avatar

    César, a bolha e principalmente “o bolha” me fizeram descobrir que eu não era tão pobre quanto eu pensava.
    Foi uma época onde mesmo eu estando entre os 5% do topo da pirâmide de salários eu me sentia estranhamente “pobre” por ver pessoas que ganhavam muito menos comprando bolhudos caríssimos, carros importados e gastando como se não houvesse amanhã.
    Não me entendam mal, algumas destas pessoas eram e são meus amigos e quanto a muitos outros restantes eu não tinha nada “contra” eles, aliás, eu queria que todos tivessem sucesso nas suas vidas.
    O que me causava estranheza é o fato destas pessoas além de ganharem menos, as vezes muito menos, ainda tinham famílias para cuidar e eu mesmo sozinho estar achando tudo muito caro e fora da realidade.
    Eu não entendia como eles podiam fazer isto, depois passei a compreender melhor, ou pelo menos formular uma teoria a respeito: Eu acredito que talvez muitas destas pessoas tenham alguma idéia de que isto não é normal é que iriam ser motumbadas mais dia menos dia mas decidiram tocar o foda-se mesmo. Ou seja sabem que talvez nunca teriam nem corda para enforcar mas então surge o PT, as destrutoras e a turma do tiago e eles decidiram embarcar, talvez para sentir o cheiro de carro novo uma vez na vida, fazer um churrasco numa varanda gourmet, sei lá os motivos de cada um e não me interessam mesmo.
    Uma distorção absurda da realidade onde quem não tem condições passa a ter magicamente e quem tinha acaba perdendo. Coisa típica do Brasil, agora vamos colher os resultados que segundo alguns nefastos seria bom ou nem tão ruim assim porque somos “fiderentes”.

    30+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 19:36

      Carlos
      O imediatismo e a falta de cultura financeira é generalizada
      Até um amigo meu, major do corpo de bombeiros, comprou um carro olhando só para o valor da parcelinha.
      Era uma “promoção” onde comprava-se em agosto e a primeira parcela era só em janeiro
      Apenas não lhe contaram que todos estes 5 meses incidiam juros kkkkkk
      Ele tipo, comprou um carro de 40K e só depois fez as contas que para quita-lo iria sair 100K

      43+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Carlos 13 de junho de 2017 at 19:50

        Perfeito, e isto somado com a ideia geral de que estão te fazendo uma bondade então é melhor aproveitar antes que acabe é uma combinação realmente perigosa.

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 19:27

    Se tijolos mágicos é uma coisa tão boa, por que os bancos tentam se livrar deles e partem para o aluguel?

    O Banco do Brasil vai se desfazer de parte de seu patrimônio em imóveis, negócio que pode render mais de R$ 1 bilhão à instituição até 2016. O plano inicial prevê leiloar a última sede administrativa do BB e mais dois terrenos na capital federal nos próximos meses. Nos anos seguintes, trocará de endereço na Avenida Paulista, o que permitirá vender outros prédios da capital paulista, como o da Nossa Caixa, no centro.

    Aluguel. Em Brasília, o banco acaba de alugar um conjunto de três torres, projetado pela Tishman Speyer – que tem na carteira empreendimentos como o Rockefeller Center, em Nova York – em parceria com a brasiliense Via Engenharia. Cada torre tem 16 andares. Juntas, terão 85 mil metros quadrados e 1.866 vagas. Pelo aluguel e manutenção das torres, o banco pagará R$ 9,1 milhões.

    http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,banco-do-brasil-vai-vender-imoveis-e-espera-arrecadar-cerca-de-r-1-bilhao-imp-,1108464

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 13 de junho de 2017 at 19:31

      É exatamente a mesma situação de quem dá seminários, cursos ou vende livros de como ficar rico, se soubessem mesmo porque não seriam eles mesmos?

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Carlos 13 de junho de 2017 at 19:55

        Ou o bom é velho “papo de vendedor” tipo: tenho algo realmente muito precioso mas tem vendo muito mais barato porque: gosto de você, fui com a sua cara, sou profissional, acredito nas pessoas, tenho um negócio melhor ainda surgindo, jesuis me iluminou, etc, etc, etc….

        9+
        • Carlos 13 de junho de 2017 at 20:12

          E talvez o argumento mais poderoso: Você quer levar vantagem, não quer?

          7+
    • rafa_fv 14 de junho de 2017 at 08:11

      Um parente que trabalha no BB disse que estão fazendo uma ‘faxina geral’ dando uma saneada em alguns pontos, ele acredita que o banco será privatizado e logo.

      7+
      • avatar
      • avatar
  • Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 19:53

    É MUITA DESINFORMAÇÃO

    Injusto, distrato é o maior problema do mercado imobiliário
    http://www.conjur.com.br/2017-jun-13/meyer-nigri-injusto-distrato-maior-problema-setor-imobiliario

    Queda histórica de preços dos imóveis é resultado de recessão
    http://www.onortao.com.br/noticias/queda-historica-de-precos-dos-imoveis-e-resultado-de-recessao–por-jose-carlos-lino-costa,95288.php

    Está na hora de comprar
    Nos últimos dois anos, o Brasil tem atravessado uma grave crise de diversas ordens. A econômica, aos poucos, começa a dar sinais de recuperação, mas a política segue sem definição e com um sério risco de comprometer os avanços do País. Neste cenário, investir em imóveis é, para muitos especialistas do mercado imobiliário, um bom negócio.
    http://www.opovo.com.br/jornal/imoveis/2017/06/esta-na-hora-de-comprar.html

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • odorico 13 de junho de 2017 at 20:01

      Já compartilhei o último link. É hora de comprar, comprem comprem comprem. Precisamos de lastros na LCI e LCA

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Leonardo M. 13 de junho de 2017 at 20:23

    Enquanto isso o AP que estava R$220mil, abaixou para 210k e com minha negociação foi para R$205k. Logo após minha negociação a moça colocou o AP por 200k e …

    …continua repostando o anúncio ….

    Ah se ela aceitasse minha oferta!!! Mas deixa arder, se continuar assim até ano que vem vou ver pelo preço que quero este ano mas não significa que vou querer pagar este preço ano que vem.

    Chapecó tá demorando para o Ploc estourar. O povinho orgulhoso

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Margarida 13 de junho de 2017 at 20:36

      Qual foi mesmo sua proposta?

      2+
      • Carlos 13 de junho de 2017 at 20:41

        Creio que era 120

        2+
      • Leonardo M. 13 de junho de 2017 at 22:23

        130k

        Creio que foi a melhor proposta até agora pois ela propôs de eu dar isso + i no banco pegar financiamento.

        Aí abaixou de 210k para 205k
        Duas horas depois o marido dela repostou no FB por 200k

        Com toda certeza já devem ter abaixo para 190k ou 195k
        Deixa arder…ivg r neles!

        11+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Carlos 13 de junho de 2017 at 20:38

      Vejo muito isto na cidadinha de meus pais, muita gente que tem bolhudos mas não precisa de dinheiro por ainda não estar no desespero ou ter gastos baixos. Acreditam que podem esperar para sempre, não entendem conceitos como custo de oportunidade e outros.

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Margarida 13 de junho de 2017 at 20:36

    Sobre o link que o Cesar_DF e o Alemon Fritz postaram, olhem essa thiaguice aqui recortada do artigo do Diário do Grande ABC:

    – ‘Apesar de São Caetano possuir o valor mais elevado do m², o consultor imobiliário da Olímpico Consultoria, Renato Garcia, destaca que “mensalmente o preço tem caído”. O motivo da alta no município seria o esgotamento do estoque ante à grande procura.’

    Deu um nó na minha cabeça, isso. Nem sei o que dizer dessa declaração.

    (Falando em desinformação, esse site, quem não é da região não deve lembrar, é do jornal do Ronan Maria Pinto. É, aquele que está preso.)

    18+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 13 de junho de 2017 at 20:41

      Claro, claro, afinal o ABC está bombando…
      Posso até ver as crateras, as chamas e a fumaça daqui do outro lado do planeta 😂

      4+
      • Margarida 13 de junho de 2017 at 20:44

        Cratera tem mesmo. Até as avenidas mais importantes estão repletas de crateras, pelo menos em SBC. Uma decadência.

        8+
        • avatar
        • avatar
    • Rodrigo ABCDM-SP 13 de junho de 2017 at 21:21

      Esse momento em São cAetano está muuuuuuito bom, meu aluguel é 0,26% mensal do preço pedido… e olha que não tive reajuste esse ano… Não saio do aluguel ainda tão cedo.

      4+
      • avatar
    • socrates 13 de junho de 2017 at 22:05

      pena que o BIB não tem capital e jornalistas. Seria excelente uma entrevista com esse consultor. Se com uma frase ele já alegrou nossos dias e nos divertiu, imagina dando trela para ele…

      7+
      • avatar
    • Lucas 14 de junho de 2017 at 13:44

      margarida eles dão uma no cravo outra na ferradura, eles sabem, mas precisma apgar pedagio pra falar, daí fica assim mesmo

      1+
  • Rodrigo ABCDM-SP 13 de junho de 2017 at 21:12

    CVR do meu Rodrigo ABCDM-SP
    Quanto tempo, bolhistas!

    CVR 1 – Colega da pós que mora no Centro conseguiu vender o apartamento dele e gabou-se: “Guardei o dinheiro”, “vou morar com meus pais”. Até aí nada demais certo… pois bem… quando alguém perguntou: “Está num CDB? Poupança”? Resposta: “que nada fiz, melhor, com 200 mil comprei 6 cotas de de R$ 43 mil no Bradesco, vou esperar e dar o lance e vendo a carta de crédito”. Parecia um bom plano, mas alguém perguntou: “Vai guardar algo?” ela disse que não, senão torrava. “A moça do nosso grupo comentou: você não tem IR para pagar, pois comprou em 2011?” Ele vendeu por 360 mil, quitou financiamento de 200…”

    Ele pretende pagar com lance as 6 cartas e vendê-las com lucro… olha… que coragem…

    33+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 21:15

      Banânia e suas jabuticabas…
      vendas na planta
      consórcio
      e brick lover com medo de guardar $$$ caso contrário gasta

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 13 de junho de 2017 at 21:17

        ah… esqueci
        CEFU financiando em 43 anos tijolos mágicos

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • antifragile 13 de junho de 2017 at 21:49

      São incríveis as artimanhas que o 666 encontra pra se arruinar financeiramente. De onde eles tiram essas ideias de gerico???

      17+
      • avatar
      • avatar
      • Margarida 13 de junho de 2017 at 23:03

        Antifragile, não sei onde arranjam as ideias de jerico, mas eu percebi que com alguns casais acontece isso: um decide fazer um “investimento” absurdo pra comprometer a renda e imobilizar o dinheiro “porque assim o/a fulano/a não gasta”.

        Esse assunto já apareceu por aqui, e é importante: muitos casais não conseguem ter uma conversa madura sobre dinheiro e demoram anos pra perceber que não é sobre dinheiro que não entram num consenso. É sobre planejamento e projeto de vida.

        Aí o que se tem é um arranjo provisório, não um casamento, mas vejo acontecer bastante isso.

        25+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • dermaRoger 14 de junho de 2017 at 01:29

        Bingo!
        A questão é:
        Quando se vira um membro da Igreja Bolhal do Reino Dos Juros, começa-se a achar TODOS ao seu redor uns burros.
        Agora, falando em oráculo, mestre ensinador, guia, Xamã :
        Quem já falava que não era momento para comprar imóveis, isso na bobonews há um tempo: o fofo do Samy Dana!!
        Acredito q seja a identidade secreta do Super CA !!!

        19+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Felipe 14 de junho de 2017 at 07:44

          não é

          2+
    • rafa_fv 14 de junho de 2017 at 08:23

      Rodrigo depois você posta a continuação deste CVR, se ele colocou tudo nas cotas, não dou 12 meses para ele começar a tentar vender com deságio. Estes espertos não conhecem o produto e caem no conto do corvo do banco, não tem juros só uma taxinha de adm, kkk.

      6+
      • avatar
      • avatar
  • Rodrigo ABCDM-SP 13 de junho de 2017 at 21:18

    CVR 2 – Entregadora de panfletos Imobiliários aqui no ABCDM passou pelo carro, abri a janela e recebi o papel. Farol não abria… aí perguntei de longe: “Ei senhora, esse apartamento aqui é por aqui” “eu já tinha uma ideia”… “mas nunca havia visto aquele projeto, ainda mais no minha casa minha vida”… aí ela disse sim, só descer a avenida XXXXXXXX, mas cuidado para não sair na favela XXXXX. O pessoal lá está até bravo com a construtora, que acabou com o “campinho da molecada”….

    29+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • claudio 13 de junho de 2017 at 21:22

    CRV – sindico do predio onde moro, me passou a perna na instaçacao de gas pois paguei por ela no meu apto, e agora dos outros aptos o condominio paga, embutindo na minha parcela mensal, o mesmo, teve a primogenita, e decidiu que é pequeno os 50m2, torci pra ele ficar tao bem, tão bem, que fosse morar noutro lugar, não é que o cara comprou um apto na planta e vai esperar dois anos até ficar pronto, agora nao sei se é, para sorrir ou pra chorar, kkkkk

    13+
    • avatar
    • avatar
  • Rodrigo ABCDM-SP 13 de junho de 2017 at 21:23

    claudio

    CRV – sindico do predio onde moro, me passou a perna na instaçacao de gas pois paguei por ela no meu apto, e agora dos outros aptos o condominio paga, embutindo na minha parcela mensal, o mesmo, teve a primogenita, e decidiu que é pequeno os 50m2, torci pra ele ficar tao bem, tão bem, que fosse morar noutro lugar, não é que o cara comprou um apto na planta e vai esperar dois anos até ficar pronto, agora nao sei se é, para sorrir ou pra chorar, kkkkk

    0

    Puts…

    3+
    • avatar
  • thiago fm 13 de junho de 2017 at 22:18

    Cesar_DF 13 de junho de 2017 at 11:32

    Thiago fm

    Na tabela 8 sobre a “Oferta final disponível por trimestre” indica cerca de 4.000 imóveis a venda
    http://www.cbicdados.com.br/media/anexos/pesquisa_nacional_2016.pdf

    Mas de acordo com o SECOVI-DF são 55.000 imóveis a venda
    http://www.secovidf.com.br/novoportal/images/arquivos/pdf/boletins/2017/Boletim-Imobiliario-Maio-2017.pdf

    Por que esta diferença ?
    ——————————————————————————————–
    Cesar,

    Os números de oferta do Distrito Federal são levantados pela ADEMI DF e Sinduscon na pesquisa IVV que teve início em 2014. Seu estranhamento em relação ao número baixo de imóveis novos em estoque faz sentido, já que a amostra da pesquisa não abrange o total das empresas que atuam nesse mercado no DF.

    Você pode encontrar os detalhes sobre a pesquisa e gráficos sobre o desempenho do mercado no DF no link a seguir, em que consta a observação sobre o número apurado como estoque:

    “As quantidades de imóveis informadas se referem aos negociados pelas empresas participantes da pesquisa – representa 55% do mercado – e não representam o total de imóveis em oferta ou negociados em todo o DF. Os percentuais informados podem ser projetados para representação de todo o mercado imobiliário do DF.”

    http://www.sinduscondf.org.br/portal/noticia/2307/indice-de-vendas-de-imoveis-novos-no-df-bate-recorde

    Além disso, para quem tiver curiosidade, o conteúdo do link acima permite inferir que se ainda não há margem para apontar recuperação no DF, ao menos dá para notar uma tendência de estabilização dos indicadores do mercado.

    1+
    • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 07:38

      Thiago fm
      Se eles alegam que representam 55% do mercado e dizem que existem 4.000 imóveis a venda, então no mercado deveriam existir 7.300 imóveis
      Mas, só das empresas ligadas ao SECOVI-DF são 41.897 imóveis a venda
      http://www.secovidf.com.br/novoportal/images/arquivos/pdf/boletins/2017/Boletim-Imobiliario-Maio-2017.pdf

      Para validarmos esta quantidade, somente em 1 imobiliária, que faz filtro para não duplicar anúncios, são 49.667 imóveis a venda + 14.566 par alugar
      http://www.wimoveis.com.br/imoveis-venda-distrito-federal-goias.html
      http://www.wimoveis.com.br/imoveis-aluguel-distrito-federal-goias.html

      Pressupondo que ninguém esteja mentindo, então a ADEMI DF está replicando a metodologia do FIPE-ZAP, que expurga os imóveis com mais de 36 meses.

      Se na tabela 7 está indicando que foram vendidos, no Distrito Federal, 1.934 imóveis durante 2016 e que eles representam 55% do mercado, ou seja, 3.516 imóveis vendidos em todo o mercado do DF, então para comercializar todo o estoque seriam 11,9 anos (41.897 / 3.516), ou seja 143 meses.
      http://i.imgur.com/r0BKw9y.png/

      ENTÃO, UTILIZANDO APENAS OS NÚMEROS OFICIAIS, QUE VOCÊ MESMO DISPONIBILIZOU, CHEGAMOS A CONCLUSÃO QUE EXISTE UM ESTOQUE PARA 12 ANOS NO DISTRITO FEDERAL

      Apesar de, na maior imobiliária daqui constarem 64.233 imóveis vazios (49.667 + 14.566), estima-se que existam mais de 100.000 vagos, pois no censo 2010, ou seja, antes do boom das entregas de 2011 a 2014 já existiam 63 mil imóveis residenciais vazios, fora os comerciais e industriais.

      De acordo com o censo 2010 do IBGE, no DF existiam
      http://www.censo2010.ibge.gov.br/sinopse/index.php?dados=16&uf=00
      856.635 residências particulares
      80.584 residências particulares não ocupadas, sendo
      __17.607 residências particulares não ocupadas de uso ocasional
      __62.977 residências particulares não ocupadas vagas

      A quantidade de funcionários públicos federais atingiu seu pico em 2013, e começou a cair a partir disso, sendo que a tendência para os próximos 10 anos é continuar caindo.

      O CA demonstrou cabalmente que o valor dos imóveis triplicou em relação a renda
      https://www.bolhaimobiliariabrasil.com/2017/06/12/dobra-numero-de-imoveis-retomados-por-falta-de-pagamento-veja/#comment-140741

      A coisa é simples, simplesmente o estoque de INVESTIOTÁRIOS acabou e o estoque de IMÓVEIS DISPAROU

      20+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 14 de junho de 2017 at 13:32

        pra justificar a conta o nefeasto embrulha no mesmo pacote as classes D e E
        cujo mercado é puxadinho, autoconstrução, favela, praça, cracolandia e quetais.
        sem duvida se cada crackeiro aumentar a renda realmente não teremos mais superestoques
        esperem deitados no macio o dia que isso acontecer

        7+
  • thiago fm 13 de junho de 2017 at 22:31

    Pra quem perdeu o fio da meada da discussão da oferta, cabe lembrar que eu apenas respondi há alguns tópicos atrás ao Libertário que não concordo e nunca concordei com a existência do tal SUPERESTOQUE apontado por ele na mesma linha do que o CA sempre defendeu. Sendo assim é bom lembrar que foi o nosso ilustre colega (que agora tenta desconversar com os dados de relatórios das construtoras) quem invocou os dados da ABRAINC/FIPE para invadir uma discussão da qual ele nem sequer fazia parte a princípio, com o intuito agora frustrado de derrubar minha leitura do mercado. Isso pode ser verificado na passagem a seguir:

    ————————————————————————————————————–
    CA 11 de junho de 2017 at 14:08
    Trecho que eu havia escrito:
    “Ah, ainda não temos super-estoques, segundo a mesma ABRAINC, fechamos 2016 com estoque de imoveis novos em poder das construtoras equivalente a mais de 3 ANOS de vendas”
    —————————————————————————————————–

    Agora responda CA:

    – Onde está a SUPEROFERTA de imóveis em poder das construtoras da ABRAINC, que segundo você mesmo havia dito seria o suficiente para mais de 3 anos de vendas? Engasgou?

    – Voltou a recorrer aos relatórios das construtoras (em sua maioria aquelas com os piores resultados operacionais) para negar uma realidade que se torna cada vez mais óbvia, a qual é corroborada por fontes complementares?

    Claro que vai…afinal quais dados os fiéis seguidores do CA e da bolha imobiliária vão preferir?

    Um levantamento realizado e tratado pela tradicional Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas com dados em unidades num universo de 20 empresas ou outro coletado por nosso tradicional mestre garimpador de links de internet, expresso em valores correntes (do qual não se tem noção real de volume), dentro de um universo de meia dúzia de construtoras escolhidas à dedo por alguém que claramente torce por um resultado?

    Se a maioria acha que eu vou me deixar afetar por apelidos no mínimo estranhos ou por ser chamado de enganador a todo momento, desistam. Já estou acostumado. Por outro lado se acham que pretendo bater boca incansavelmente, entrando em desafios “técnicos” e apostas para ser uma hora ou outra surpreendido em armadilhas metodológicas e ou cercos de semântica, podem tirar o cavalo da chuva. Só acho uma pena realmente que num blog que pretende informar as pessoas, pouco valor seja dado pelos usuários às informações divulgadas por órgãos e institutos de pesquisa oficiais, em defesa de teorias múltiplas de conspiração e em favor de conveniências que com o tempo convergirão com o erro inevitável. Como pode existir um debate sério com base nesse tipo de atitude?

    Por esses motivos eu tenho insistido que nada melhor que o tempo para impor a verdade, a qual pode tanto estar mais próxima do meu lado, quanto do lado de vocês. Resolvi nesse meio tempo colocar algumas coisas no lugar com o lance do IVG-R e quando dou por mim noto que meu nome e novo apelido alcançam mais de 150 ocorrências em três dias. É sério isso? Chega a ser estimulante debater com alguns de vocês, mas não estou acostumado e nem tenho tempo como o CA para ser o centro das atenções e muito menos para ser válvula de escape da clara frustração de alguns por aqui.

    Como já percebi que minha presença assídua no espaço causa alvoroço demais e redireciona o foco e a rotina do blog mesmo estando “off line” a maior parte do dia, vou evitar a partir de agora intervenções desnecessárias, até porque sei reconhecer que sendo o estranho do ninho e inimigo número 1 do blog, a maioria me julgará errado mesmo quando estiver absolutamente certo, como no caso citado. Não é necessário ser um bom entendedor para notar que são de fato poucos os que estão dispostos de verdade a reformar posições como eu fiz por aqui, considerando uma hipótese alternativa para o que de fato acontece lá fora.

    Isso não quer dizer obviamente que vá me calar ou sumir. Nem de longe. Devo apenas concentrar minhas intervenções a partir de agora quando tiver algum dado novo de utilidade para o blog, quando identificar uma nova tendência ou inflexão de movimento, para eventualmente me defender de possíveis inverdades atribuídas a minha pessoa, ou quando a mim forem direcionadas dúvidas realmente genuínas, sem sombra de provocação ou provação.

    Pra vocês pouco muda, portanto, já que enquanto houver BIB, sempre haverá CA para mantê-los entretidos e para manter vossa esperança sempre acesa.

    Abraço do Nefasto!

    7+
    • CA 14 de junho de 2017 at 06:28

      Nefasto,

      Você é tão DESESPERADO em provar o que não pode ser provado, que para tentar convencer que não existem super-estoques, mostra uma pesquisa que aponta estoques superiores a 12 meses, o que por princípio e usando os critérios do próprio segmento imobiliário, é super-estoque e você sequer percebe o que está fazendo de tão obcecado e doente…

      A sua doença é tão grave, que para não escrever a sigla FIPE, que todo mundo conhece aqui por ser autora do FINGE ZAP, coloca ela por extenso, achando que ao fazer isto, vai atribuir mais confiabilidade e pompa ao nome, só que o único estúpido que confia cegamente nisto e que ainda não enxergou os ABSURDOS nos estudos da FIPE do FINGE ZAP, foi você mesmo.

      Foi você que não entendeu que subir um preço porque vendeu o imóvel mais barato é um completo absurdo. Mais absurdo ainda se considerarmos que vender o imóvel mais barato é sempre o natural e esperado, não é mesmo?

      Foi você que não entendeu, que digitar um preço ANUNCIADO e ficar meses ou anos sem vender, não representou nem nunca representará a evolução de um preço de venda REALIZADA nem aqui nem na China, assim como algumas pesquisas baseadas em preços negociados demonstraram, com números diametralmente opostos aos do FINGE ZAP.

      Qualquer um ao ler os dois parágrafos acima e ao observar esta metodologia, entenderia o quão estúpido é confiar CEGAMENTE neste índice e em quem o criou e não tentaria, na base da apelação SUJA e sem fundamento, atribuir que eles são muito mais confiáveis porque o nome por extenso é mais “pomposo”, só alguém completamente sem-noção faria isto e portanto, não foi surpresa que você tenha feito…

      Você já distorceu até a matemática mais de uma vez e voltou a faze-lo: consultei os dados de 8 construtoras, 3 delas “quebradas”. 3 não é a maioria de 9, para ser a maioria, teria que ser pelo menos 5. Lamentável a subversão que você faz até quanto à aritmética mais elementar…

      Pior e eu já havia explicado isto: mesmo que a maioria das construtoras fossem quebradas, qual o problema? Ao analisarmos a bolha imobiliária americana, deveríamos excluir o Lehman Brothers do contexto, só porque ele quebrou? Talvez esta seja a sua metodologia e até a da turma do FINGE ZAP, não me surpreenderia, mas no mundo REAL e para se obter os dados mais representativos, sem dúvida estas empresas tem que ser consideradas.

      Aliás, você FUGIU, pela nogentesima decepcionésima vez de uma informação que foi apontada para você INÚMERAS vezes, assim como não encontramos esta informação no relatório da ABRAINC/ FIPE e eu já havia apontado esta falha grave, dentre INÚMERAS outras, antes mesmo de você fazer um copiar e colar dos dados deles: por que vocês afirmam queda de distratos, mesmo SABENDO que muitos distratos não tem sido registrados e portanto, esta queda é FALSA? A situação é tão grave, que já tem construtora reconhecendo isto até nos relatórios oficiais!

      Consultei as fontes primárias, as construtoras, porque você mesmo fez uma auto-crítica e assumiu que era amador dizendo que usar as fontes secundárias, como a pesquisa que você tinha usado da ABRAINC / FIPE era amador, qual o problema?

      Ninguém precisa “confiar cegamente” em mim, por isto que coloquei os links dos relatórios das construtoras, qualquer um pode conferir os dados que estão lá. Foram estes dados que DEMONSTRARAM que os estoques das construtoras equivalem há ANOS de vendas, o que é uma completa ABERRAÇÃO.

      É PATÉTICA esta sua carência absurda de que as pessoas reconheçam valor nos seus comentários e apele de todas as formas possíveis e imagináveis, até mesmo recorrendo a vitimismo e chantagens emocionais.

      É PATÉTICO, primeiro porque você já não cumpriu sua palavra, MAIS DE UMA VEZ, ao dizer que não voltaria mais a comentar no blog e retornou. Você quer que todos confiem CEGAMENTE em alguém que não tem palavra?

      É PATÉTICO você querer que as pessoas confiem CEGAMENTE em você, porque você já foi desmascarado ao tentar mentir e enganar as pessoas, em alguns casos, com o uso de suas próprias fontes de dados e critérios e pior, depois disto você ainda insistiu nas mentiras e tentou enganar as pessoas, acreditando que as evidências não seriam reapresentadas e quando elas foram demonstradas novamente, você FINGIU que não viu.

      É PATÉTICO você querer que as pessoas confiem CEGAMENTE em você, quando você deixa sem respostas uma infinidade de questões críticas relacionadas ao que você defende, só porque elas contrariam com muito conteúdo, as suas “teses”. Como exemplos, as questões que você FINGE ignorar quanto a aberração dos golpes da CEF combinados com a inadimplência muito elevada apontada pelo BC, as várias ações apelativas para lidar com isto, a aberração dos distratos que começou a ser ANORMAL em 2011, muito antes de qualquer crise econômica/ política, a participação mais do que suspeita dos pais das bolhas imobiliárias espanhola e americana neste esquema, os absurdos da metodologia do FINGE ZAP que apresentei acima, etc, etc, etc.

      Por fim, é absurda esta sua carência de que as pessoas confiem CEGAMENTE em você, porque todos já perceberam claramente que a razão de você retornar a este blog e continuar aplicando seus golpes de DESINFORMAÇÃO é uma só: você quer se vingar porque já foi desmascarado sucessivas vezes, então quer achar um detalhe aqui ou ali que esteja falho para daí super-valorizar isto e fazer de conta que você “descobriu a polvora”, mesmo que para isto, como demonstrado acima e também em “N” outras ocasiões, você tenha que FINGIR que não sabe que as suas “análises” e conclusões são completamente inválidas…

      19+
      • avatar
      • CA 14 de junho de 2017 at 06:35

        Ops: erro de digitação, o correto era: “3 não é a maioria de 8” e não “3 não é a maioria de 9” como digitado no comentário acima. É bom corrigir antes que o Nefasto afirme que descobriu um erro que vai abalar os pilares do blog (rs)…

        13+
        • avatar
        • CA 14 de junho de 2017 at 06:42

          Não sei porque e não tem NENHUMA relação com o assunto acima (qualquer similaridade será mera coincidência), mas me lembrei de uma piada.

          Atenção, proibido para os menores de idade e mais sensíveis, se este for o seu caso, não prossiga a partir deste ponto.

          Um caçador durante uma de suas excursões, matou um pequeno urso branco. Veio um urso maior e para se vingar da morte do colega da mesma espécime, deu um “crau” no caçador.

          Aparentando estar revoltado com a situação, o caçador voltou no ano seguinte e matou um urso maior. Veio um urso maior ainda e deu um novo “crau” no caçador.

          Novamente se fazendo de revoltado, o caçador voltou ao mesmo local e matou um urso maior ainda. Em seguida apareceu um urso gigante, o maior de todos até então e perguntou ao caçador: você não vem aqui para caçar, não é mesmo?

          33+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Lucas 14 de junho de 2017 at 12:10

            12+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
          • Lucas 14 de junho de 2017 at 12:11

            boa CA
            não conhecia essa

            3+
            • avatar
  • Babuíno 13 de junho de 2017 at 22:41

    Ontem postei o comentário abaixo, mas ficou mal elaborado. Eu queria traçar um pararelo dos argumentos com o setor imobiliário.
    Gostaria que me respondessem com base nas lentes abaixo, como está o setor imobiliário. Contudo, gostaria de agradecer quem se dispôs a responder no outro tópico.

    Babuíno

    Estava vendo o vídeo “Bitcoin é uma bolha” do canal Fernando Ulrich
    Nele, ele cita o livro “Boombustology” de Vikram Mansharamani.
    O autor sugere passar cinco “Lentes”, sobre um setor/ativo, para avaliar se há indicativo de bolha ou não.

    Tentei resumir as “lentes” abaixo, me ajudem a respondê-las (para o setor imobiliário):

    Microeconômica: Em tempos normais um ativo sofre as leis da oferta e damanda. Mas atualmente não está assim?
    Macroeconômica: Há alavancagem no sistema?
    Psicologia: “Dessa vez é diferente”, sendo assim justifica o preço do ativo. As pessoas pensam assim?
    Política: Políticas públicas e regulações influenciam o setor? Há risco moral: O governo pode soccorrer o setor em caso de crise?
    Epidemiologia/Emergência: Há uma corrida para comprar o ativo? Todo mundo tem o sonho de comprá-lo.

    Me ajudem aí
    vlw

    19+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    3+
    • CA 14 de junho de 2017 at 09:28

      Babuíno,

      Para muitos aqui, as questões acima pareceram retóricas, só para destacar as características da bolha imobiliária, talvez por isto que você não teve tantas respostas quanto ao esperado, as pessoas achavam simplesmente desnecessário responder.

      De qualquer forma, vamos lá:

      Microeconômica: Em tempos normais um ativo sofre as leis da oferta e damanda. Mas atualmente não está assim?

      Resposta: nos últimos ANOS as vendas vem em queda e os indicadores “oficiais” apresentando aumento nos preços. Temos hoje uma distorção absurda entre oferta e procura, como nunca antes na história do país. Fica mais do que claro que ao longo destes anos, o segmento imobiliário FAZ DE CONTA que a lei de oferta e procura não existe.

      Macroeconômica: Há alavancagem no sistema?

      Resposta: sim, de várias formas.

      Quando o governo praticamente TRIPLICOU o prazo de financiamento imobiliário, oferecendo volumes cada vez maiores de juros subsidiados, criou incentivos em dinheiro para o MCMV, foi aumentando o teto do preço de imóvel financiável nestas condições “especiais” num ritmo muito mais rápido que antes, criou “facilidades” através da CEF para que as famílias adquirissem o crédito imobiliário sem terem condições para isto, etc, criou uma alavancagem sem precedentes no sistema: no período de 2005 a 2015, a dívida das famílias com o crédito imobiliário em proporção à sua renda dos últimos 12 meses simplesmente SEXTUPLICOU, um crescimento completamente anormal e novamente sem precedentes em nossa história. Além disto, observamos que a concessão de crédito imobiliário com verba da poupança em 2014 chegou a ser de 25 vezes o que era em 2004. O prazo médio de financiamento imobiliário, que antes era algo pouco superior a 10 anos, hoje está em mais de 27 anos. A consequência natural desta super-alavancagem é o volume anormal de inadimplência do crédito imobiliário, muito superior ao 1% que é o considerado normal para esta modalidade de crédito, o que se traduz também nos 233.000 contratos de crédito imobiliário com inadimplência acima de 90 dias que foi apontado pelo BC.

      Temos ainda, uma outra forma de alavancagem que antecede a do crédito imobiliário e que também tem indicadores absolutamente anormais e sem precedentes, neste caso, nem na nossa história, nem na história de qualquer país do mundo: trata-se do esquema das vendas FALSAS na planta. Quando as famílias compram seus imóveis sem terem a menor condição de adquirir o crédito imobiliário no ato da entrega dos imóveis, com isto ocorrendo em um volume sem precedentes na história do país ou do mundo, para NENHUM segmento de negócio, isto é uma forma de alavancagem ARTIFICIAL e INSUSTENTÁVEL: as construtoras se apoiam neste “crescimento” de vendas para “subsidiar” aumentos nos preços dos imóveis aumento de forma igualmente artificial e insustentável no volume de especuladores (investidores na planta que QUADRUPLICARAM), que também praticam muitas vezes a alavancagem para adquirir estes imóveis, o volume de crédito que as construtoras obtinham com o banco e tudo que estava relacionado a este assunto também cresce com base nas “vendas garantidas na planta”, significando outro aumento na alavancagem. As consequências ANORMAIS de toda esta alavancagem? Em 2011 começam a aparecer distratos em volume ABSURDO e sem precedentes para as empresas que lideraram este esquema, sem que houvesse qualquer “crise política / econômica” para justificar isto. Em 2012 o volume que já era anormal de distratos mais do que DOBROU, com outras construtoras passando a apresentar a mesma ANOMALIA, o que levou ao pior resultado do segmento imobiliário de todos os tempos, novamente sem NENHUMA relação com qualquer crise política / econômica. Um volume sem precedentes de famílias que se endividaram para comprar imóveis e “na hora H”, na tentativa de obterem o crédito imobiliário, não conseguiram. Como disse acima, as construtoras, motivadas por este esquema, também operaram super-alavancadas junto a bancos, o que por sua vez fez com que as líderes dos golpes aplicados fossem quebrando. Isto dentre diversas outras alavancagens em cascata.

      Psicologia: “Dessa vez é diferente”, sendo assim justifica o preço do ativo. As pessoas pensam assim?

      Resposta: sim, sem dúvida. Este é o discurso e o “racional” principal praticado pelo segmento imobiliário e demais beneficiários diretos pelos aumentos dos preços. Os preços cresceram completamente sem fundamento, ou seja, descolados por completo do crescimento da renda, da evolução das aplicações financeiras, do custo de construção ou de qualquer indicador que você queira comparar, em um ritmo e intensidade de crescimento de preços que bateu o recorde mundial e que novamente não teve nenhum precedente no país. Apesar de tudo isto, a prática mais comum do mercado é a NEGAÇÃO. Procura-se tudo e qualquer coisa que tenha sido diferente em outros países, desde índice de cimento, participação percentual do crédito imobiliário em relação ao PIB, etc, para justificar o injustificável e deixar de responder as perguntas mais BÁSICAS: por que preços cresceram completamente descolados dos fundamentos? por que o crescimento de preços bateu o recorde mundial, superando crescimento de preços de qualquer bolha imobiliária já reconhecida no resto do mundo? Por que o preço cresceu absurdamente ao mesmo tempo que foi gerada uma distorção sem precedentes entre oferta e procura?

      Política: Políticas públicas e regulações influenciam o setor? Há risco moral: O governo pode soccorrer o setor em caso de crise?

      Resposta: amplamente respondido acima, na questão sobre alavancagem. Adicionalmente, o governo tem feito medidas semanais desesperadas para socorrer o setor. Já há anos, CEF e BB fazendo empréstimos com condições de pai para filho para empresas quebradas do setor que foram líderes no esquema das vendas FALSAS na planta. Há uma infinidade de evidências de intervenções do governo na crise vivida HÁ ANOS pelo segmento imobiliário.

      Epidemiologia/Emergência: Há uma corrida para comprar o ativo? Todo mundo tem o sonho de comprá-lo.

      Resposta: sim. Tivemos filas e mais filas nos stands de vendas na planta a partir de 2008 e por alguns anos. Havia uma emergência muito grande em se comprar o imóvel, alguns empreendimentos que se orgulhavam de terem vendido 100% dos imóveis (para especuladores que depois revenderiam) em menos de 24 horas.

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Babuíno 14 de junho de 2017 at 11:08

        Muito bom CA, Muito obrigado!!!

        4+
      • Lucas 14 de junho de 2017 at 12:23

        babuino, acho meio chato isso de ver bolha em tudo
        são assuntos muito diferentes
        a principio não vejo bolha em criptomoedas, em moeda nenhuma
        teria que pensar mais nesse assunto

        1+
  • Alemon Fritz 14 de junho de 2017 at 00:19

    Referencias Bolhograficas
    como o fgts circula, a parte final émais interessante..

    O FGTS e o mercado de títulos de base imobiliária: relações e tendências
    2016
    http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2236-99962016000100033
    interessante que
    O FGTS (na caixa) pode comprar CRI, emitidos pela propria CEF… com base em financiamentos feitos. são10bilhoes ou mais na compra de CRIs, que podem dar prejuizo.
    o banco vendeu parte de seu portfólio de crédito habitacional, via Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI), para o FGTS, abrindo espaço para concessão de novos créditos. Foram cerca de R$ 3,3 bilhões.
    a Caixa tem um forte volume mensal de recursos de poupança que “voltam” a ficar disponíveis para empréstimos. São cerca de R$ 18 bilhões que voltam dessa maneira todo mês !! para o banco.
    a Caixa vem tentando antecipar o momento em que o banco assume o financiamento do cliente final, como forma de reduzir os distratos. Normalmente, o banco só passa a financiar após a entrega das chaves, mas a Caixa tem financiado mais cedo.

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 14 de junho de 2017 at 09:02

      Desde 2015, Banco Central e governo adotaram medidas para assegurar recursos ao segmento, como a alteração nas regras de depósitos compulsórios e o uso do FGTS para compra de Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI). A última ação nesse sentido foi tomada no fim de abril, com o início das tratativas para regulamentar a Letra Imobiliária Garantida (LIG)

      Poupança: A captação líquida do mês se soma ao rendimento de R$ 3,303 bilhões, elevando o patrimônio total da poupança de R$ 661,912 bilhões em abril para R$ 665,507 bilhões no mês passado. (quase 666 bi cabalisticos, será um vislumbre amorinha do fim).

      O assunto ficou em audiência pública até o fim de maio e a expectativa é que até o encerramento do semestre o novo instrumento de funding para o setor já esteja funcionando.

      http://www.valor.com.br/financas/4994802/poupanca-tem-captacao-liquida-pela-primeira-vez-no-ano-em-maio

      2+
  • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 07:46

    Preço do m2 dos imóveis usados cai quase 1% em maio em 50 cidades

    O preço médio do metro quadrado de imóveis usados à venda em 50 cidades brasileiras caiu 0,95% em maio em relação a abril. Ante maio do ano passado, os preços tiveram uma alta de 1,08%. Os números são do índice Properati-Hiperdados, com base em um levantamento envolvendo mais de um milhão de imóveis usados anunciados no portal Properati.

    Custos. Porto Alegre é a capital onde o custo médio em 12 meses até maio apresentava a maior queda, de 10,33%, descontando a inflação. Na outra ponta, Fortaleza registrou a maior variação positiva, de 7,62% em 12 meses até maio, também sem considerar a inflação do período. Em São Paulo, o custo médio do metro quadrado usado, excluindo a inflação, caiu 3,59%. Já no Rio de Janeiro, os imóveis usados tiveram o metro quadrado desvalorizado em 0,64% em 12 meses até maio.

    http://economia.estadao.com.br/blogs/coluna-do-broad/preco-do-m2-dos-imoveis-usados-cai-quase-1-em-maio-em-50-cidades/

    5+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 07:46

    Boletim mostra trajetória de queda nos valores dos imóveis
    Estudo traz panorama completo sobre o mercado imobiliário nacional com dados consolidados do país e informações sobre as principais capitais

    Boletim da Construção Civil Ceper/Fundace divulgado nesta segunda-feira (12/6) mostra que os valores dos imóveis nas principais capitais do país seguem em queda. O estudo, elaborado por pesquisadores da FEA-RP/USP, traz dados relativos ao preço de venda e lançamento de imóveis, bem como o crédito do setor imobiliário e o PIB da Construção Civil.

    http://www.segs.com.br/economia/68327-boletim-mostra-trajetoria-de-queda-nos-valores-dos-imoveis.html

    6+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Carlos 14 de junho de 2017 at 08:49

    OFF – Bananistão é seus “doutores”

    Como o Brasil poderia dar certo se tem gente com este grau de retardamento nos postos mais elevados da república?
    Vejam aquilo que esta excremência escreveu:

    O automóvel é um produto fora da lei?

    A questão que coloco, então, envolve conforme antecipei um dos paradoxos da sociedade capitalista, assim como aponta para um problema de implementação efetiva dos elementos lógicos que deveriam dar base ao sistema jurídico. Explico: Se a velocidade máxima permitida para trafego por rodovias no Brasil – não só no Brasil, mas é o que nos interessa – é de 120km por hora, como é que se pode permitir que a indústria automobilística produza e venda veículos que alcancem velocidades muito superiores a isso? (Grifei o muito porque, efetivamente, na atualidade qualquer automóvel consegue atingir velocidades de 150, 180, 200 Km por hora e mais).

    Sim o doutô Luiz:
    Luiz Antônio Rizzatto Nunes é professor de Direito, Mestre e Doutor em Filosofia do Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP); Livre-Docente em Direito do Consumidor pela PUC-SP e Desembargador aposentado do Tribunal de Justiça de São Paulo.

    Quer que se façam carros que não possam violar os limites de velocidade e quer responsabilizar os fabricantes se algum 666 usa o veículo de forma indevida, como o nobre dotô pode escrever tanta merda?
    Este é um dos principais problemas com leis no Brasil: gente que acha que pode controlar coisas que não sabe nada a respeito.
    Realmente um idiota com pôder pode causar muito estrago mesmo.
    Leiam se tiverem estômago para tanta besteira junta.

    http://ucho.info/2017/06/14/o-automovel-e-um-produto-fora-da-lei/

    Véio, sentiu o cheiro do ranço marxista?

    9+
    • avatar
    • avatar
  • Carlos 14 de junho de 2017 at 09:16

    Esta gente é criminosa, episódio nr 130004443666

    Entrega de casa de programa habitacional está atrasada há anos em Ibirarema e Salto Grande

    http://g1.globo.com/sp/bauru-marilia/tem-noticias-2edicao/videos/t/edicoes/v/entrega-de-casa-de-programa-habitacional-esta-atrasada-ha-anos-em-ibirarema-e-salto-grande/5938098/

    5+
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 14 de junho de 2017 at 09:26

      Reparem no custo de cada casa: 24.000 reais
      A infra-estrutura e o terreno foram doados pelas prefeituras mas não creio que em caso contrário o custo chegaria a ser o dobro, ouso chutar uns 30% a mais ou coisa de 31.000 reais.
      Vejam que 31K / 120 meses é aproximadamente 260 reais que é quanto uma família teria que poupar por mês em 10 anos para ter o total necessário para o pagamento.
      Isto é aproximadamente 27% do salário mínimo de uma pessoa.
      São obviamente cálculos grosseiros e simplificados mas reforçam aquilo que várias pessoas já apontaram neste blog.
      Com alguma econômia uma família pobre poderia ter sua casinha em um prazo entre 5 e 10 anos, sem pagar o salário de nefastos e engordar bandidos.

      5+
      • avatar
  • SP 14 de junho de 2017 at 09:24

    Enquanto isso a criminalidade cresce…
    “#MapaDoCrime: número de roubos bate recorde no Rio, e Copacabana tem aumento de 213% em 2 anos
    Crimes na região da 12ª DP passaram de 165 para 516, na comparação entre os quatro primeiros meses de 2015 e de 2017. G1 publica uma série com dados sobre a violência na cidade.
    Fosse Copacabana a Princesinha do Mar – seu mais famoso apelido – deixaria a coroa guardada ou provavelmente já a teria perdido num roubo. O crime bateu o recorde histórico em abril no Rio – 12.089 casos registrados pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) – e atingiu em cheio as áreas turísticas da cidade, em especial Copacabana. O bairro viu um crescimento de 213% nos registros de roubo em dois anos.”
    http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/mapadocrime-numero-de-roubos-bate-recorde-no-rio-e-copacabana-tem-aumento-de-213-em-2-anos.ghtml

    5+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 14 de junho de 2017 at 09:27

      Se protege aí SP, isto aí está virando mundo de Mad Max.

      Criminosos explodem caixas eletrônicos e bloqueiam estrada com carreta em chamas na fuga em Bofete
      http://g1.globo.com/sp/bauru-marilia/noticia/criminosos-explodem-caixas-eletronicos-e-bloqueiam-estrada-na-fuga-em-bofete.ghtml

      4+
      • avatar
      • avatar
    • Carlos 14 de junho de 2017 at 09:41

      Outra coisa, estes mapas do crime não são uma boa referência pois consideram somente quem vai nas delegacias e presta queixa normalmente porque precisa do BO para pedir cancelamento de débitos e outras coisas, nem sei se isto é necessário para cartões, era comum nos tempos pré-historicos dos cheques.
      Muita gente nem faz BO porque é normalmente perda de tempo.

      3+
      • avatar
      • Louro José 14 de junho de 2017 at 10:06

        Num país que não resolve mais de 95% dos crimes, BO é perda de tempo mesmo

        12+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • socrates 14 de junho de 2017 at 20:11

      A cidade aposta no turismo de aventura

      3+
      • avatar
  • SP 14 de junho de 2017 at 09:52

    sim a maior parte não faz o BO, sendo que até os casos registrados aumentaram com uma tendência espantosa.

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 14 de junho de 2017 at 10:00

      Um fato que me preocupa muito é que a crise está chegando no crime, de assaltantes partindo para roubos com toques de terrorismo islâmico com bombas e pessoas amarradas em carros até drogaditos de bicicleta assaltando idosas que estão a caminho da padaria com 5 ou 10 reais no bolso.
      Já fomos mais pobres no passado, muito mais pobres mas a população era muito mais pacata, agora existe muito mais “revolta” fomentada pelas ideologias do fracasso e pelas drogas.
      Pessoal está indo para o tudo ou nada literalmente e quem perde é sempre o cidadão de bem, armado ou não.
      O Brasil além do risco de virar uma Venezuela pode realmente se transformar em terra de ninguém, inclusive muitas partes das do hell já estão neste estado de governo paralelo de milícias, traficantes e outros grupos, coisa aliás muito parecida com o México atual e a Colombia de alguns anos.

      22+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Louro José 14 de junho de 2017 at 10:05

        O hell já é terra de ninguém desde antes da “redemocratização”. O processo se iniciou no governo Brizola (ditadura militar à la banânia, com eleições estaduais em que a oposição vence a disputa em todos os estados) e foi consolidado nos anos 90.

        8+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Carlos 14 de junho de 2017 at 10:07

          Sim, a “revolução” comunista particular do Brizola, bem nas barbas da dita-dura.

          4+
          • avatar
        • Lucas 14 de junho de 2017 at 11:58

          tenho colega ligado aí a atividades próximas ao IML RJ
          bombando de serviços.
          uns choram outros vendem lenços

          3+
          • avatar
          • avatar
      • loureiro_bsb 14 de junho de 2017 at 15:25

        Na época das manifestações populares de 2013, o sociólogo FHC deu uma entrevista a uma rede internacional, salvo engano BBC, e comentou que muitos dos manifestantes eram jovens que conheceram apenas o “crescimento de consumo” ocorrido nos 10 anos anteriores: jovens que viram os pais melhorarem de emprego, comprar geladeira nova (linha branca), carro zero, apartamento, computador, viagem para a Disney…
        Agora o país atravessa o caminho inverso, e os da nova geração (geração Rivotril) não sabem lidar com uma queda no padrão de vida…

        9+
        • avatar
        • avatar
        • socrates 14 de junho de 2017 at 20:13

          Tirando as viagens para disney, o governo nao precisa ser muito competente para garantir a quem quer trabalhar facil acesso a todos outros bens e servicos.

          0
  • Oreia 14 de junho de 2017 at 10:07

    CVR
    Cunhada e marido comprou na planta bolhudinho na faixa de 190k … esse fds teve chá de bebe pro sobrinho que vem ai… cunhada reclama que não consegue descansar com o barulho dos vizinhos,… com o tempo frio todo dia cedo o casal tem que secar as paredes que amanhecem escorrendo,… infiltração no banheiro,… áreas comuns com 2 anos de condominio já vandalizadas (nem consegui jogar um bilhar na mesa do salão kkk), fora as não sei oque lá TECAS que não sairam da planta.
    Minha sogra disse que a filha grávida quer mudar e o apto vale 270k pois o do fulado que nao tem nada ta por esse valor… ainda falta 80k de financiamento… não entendi direito a história mas parece que so podem vender depois de quitado.
    Trocaram de carro recentemente (outro financiamento)… e pelo cheiro da conversa sogra ta querendo ajudar
    E eu e a filha mais nova que estamos quebrados no aluguel kkkkkk

    46+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 14 de junho de 2017 at 10:12

      Mas era para ser a realização de um sonho não era?

      11+
      • avatar
      • avatar
      • Oreia 14 de junho de 2017 at 10:17

        Era, teve agradecimento e comoção geral na missa em família ….comemoração na pizzaria no dia da assinatura … e muitos “tá vendo, quando quer dá certo !”

        36+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • tmarabo 14 de junho de 2017 at 11:09

          Essa é pra escrever em Bronze 666: “tá vendo, quando quer dá certo !”
          Rindo muito aqui kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

          31+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • Louro José 14 de junho de 2017 at 10:08

    http://internacional.estadao.com.br/noticias/geral,incendio-consome-predio-de-apartamentos-em-londres,70001840084

    Por isso é importante SEMPRE ter um seguro residencial. Nestes casos, morar de aluguel também é vantagem.

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 14 de junho de 2017 at 10:09

      Mas tijolo não pega fogo 😛

      4+
      • avatar
    • From_The_Tower 14 de junho de 2017 at 10:19

      eu moro de aluguel e tenho seguro contra incêndio

      5+
      • avatar
      • avatar
      • Carlos 14 de junho de 2017 at 10:21

        Mas você é ou era padeiro, nunca se sabe quando pode ter uma recaída e querer queimar algumas coisas 😀

        4+
        • From_The_Tower 14 de junho de 2017 at 10:22

          Sou mais uma fritura. Tenho até hoje minha Escumadeira Opressora.
          😉

          11+
          • avatar
          • Carlos 14 de junho de 2017 at 10:24

            Então continua oprimindo somente com o sorriso mas em casos mais estremos acaba usando a escumadeira?

            1+
  • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 10:23

    “Ninguém jamais fez uma máquina de corrupção como essa”, diz revista americana sobre Odebrecht
    Reportagem diz que ex-presidente Lula era “mina de ouro” para empreiteira
    http://noticias.r7.com/brasil/ninguem-jamais-fez-uma-maquina-de-corrupcao-como-essa-diz-revista-americana-sobre-odebrecht-14062017

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 14 de junho de 2017 at 10:25

      #condenados
      André Vargas, Eduardo Cunha, Pedro Correa, Sérgio Cabral e em breve Luis Inácio.

      5+
      • avatar
      • Cadeludo 14 de junho de 2017 at 10:31

        a Adriana Ancelmo que se deu bem, bem demais… deve estar tendo tremiliques louca pra ir gastar uma grana surrupiada aproveitando a liberdade
        não sei por quanto tempo ela escapará do reformatório, talvez pra sempre

        6+
        • avatar
        • From_The_Tower 14 de junho de 2017 at 10:32

          mas ela não responderá processos na Vara Federal do RJ!?

          3+
          • avatar
          • Cadeludo 14 de junho de 2017 at 11:01

            Se o Marcelo Bretas der uma de Moro ela escapa, tomara que ele enquadre ela de forma exemplar

            5+
  • Cebola 14 de junho de 2017 at 10:43

    Idéias estapafúrdias como essa da PDG não resolvem nada, apenas prolongam indefinidamente o caos do mercado imobiliário, com construtoras quebrando sucessivamente.
    Encontrei um artigo interessante na internet sobre as cidades fantasma chinesas, vide https://www.nexojornal.com.br/expresso/2017/05/20/Por-que-a-China-constr%C3%B3i-cidades-fantasma
    Fala-se atualmente que o Hell de Janeiro caminha para se transformar em uma Detroit, com bairros inteiros desocupados em decorrência da crise econômica, mas minha impressão é que a região da Barra da Tijuca e Recreio estão copiando é o fenômeno das cidades fantasma chinesas. No artigo lê-se “O investimento é feito preferencialmente em imóveis de padrão alto, o que faz com que as parcelas da população entre as quais há maior déficit de habitação continuem sem acesso a moradia” e “O ganho obtido com aluguéis é baixo quando comparado com os preços dos imóveis”, situação semelhante à que temos por aqui.

    6+
    • avatar
    • avatar
    • tmarabo 14 de junho de 2017 at 11:06

      o problema é que o preço é de alto padrão mas o imóvel em si é de MCMV “melhorado”.
      aí é “cidade deserta” mesmo.
      já nas cidades fantasmas chinesas há casarões que seriam de alto padrão mesmo nos EUA, quanto mais na China.

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 11:40

      A DETROITIZAÇÃO ocorre por efeito manada

      Hell de Janeiro – queda na renda per capita e arrecadação pela queda nos royalts do petróleo

      Detroit – queda na renda per capita e arrecadação por fechamento das fábricas de carros
      – Queda no policiamento por conta da queda na arrecadação gerou incremento na violência
      – Violência provoca fuga de cérebros
      – Fuga de cérebros incrementa queda na renda per capita (processo de des-gentrificação)
      – Menor consumo provoca fechamento de empresas locais de serviços

      https://pt.wikipedia.org/wiki/Gentrifica%C3%A7%C3%A3o

      19+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Cebola 14 de junho de 2017 at 10:47

    Sensacional a iniciativa do Estadão de celebrar o “Top Imobiliário”, parece até que é um jornal chinês – vide http://www.estadao.com.br/tudo-sobre/top-imobiliario
    Pra mim, está mais para “top top top imobiliário”, representando aquele movimento de mãos que usamos quando as coisas não vão nada bem.

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • lamense 14 de junho de 2017 at 10:49

    https://www.reclameaqui.com.br/busca/?q=distrato

    19 reclamações por distrato registradas no Reclame Aqui, apenas no dia 13/06/2017. E advinhem qual é empresa líder em reclamações…

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Oreia 14 de junho de 2017 at 11:18

      o primeiro relato do link chega a dar dó do cidadão …

      3+
      • avatar
      • avatar
  • antifragile 14 de junho de 2017 at 11:24

    Na V Semana da Liberdade que aconteceu em Fortaleza, duas semanas atrás, um empresário do ramo de arquitetura/engenharia foi homenageado, chamado Jayme Leitão, da Reata Engenharia.

    Na sua palestra, ele mencionou algo que costumamos citar com frequência aqui, que no Brasil até o passado é incerto. Ele disse isso em referência a um empreendimento que construiu na orla de Fortaleza, chamado Yacht Plaza, de 232 apart-hoteis.

    Pois bem, esse prédio foi construído num terreno legalmente comprado de órgão público federal, com alvará e habite-se emitidos pela prefeitura. Pessoas moram lá já há muitos anos.

    Acreditem se quiser, esse ano o Ministério Público Federal aplicou multa e mandou DERRUBAR esse prédio que ele construiu (e outros quatro que tem ao lado), alegando crime ambiental.

    Poxa, se havia alguma coisa errada, por que as autoridades competentes não disseram isso ANTES de emitir os documentos???

    A notícia sobre isso está aqui: http://www.opovo.com.br/jornal/cotidiano/2017/03/mpf-quer-a-demolicao-de-cinco-predios-na-orla-de-fortaleza.html

    Quem quiser conferir a palestra onde ele conta essa e outras histórias com mais detalhes, ela foi disponibilizada no Youtube: https://youtu.be/X3rTnxYIHmU

    Quem se interessa por Libertarianismo, Escola Austríaca de Economia e o canal Ideais Radicais vai curtir a maioria das palestras disponibilizadas no iutubiu do Instituto Liberal do Nordeste. Recomendo.

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Leonardo M. 14 de junho de 2017 at 11:43

    Mais alguém aqui é de fazer em casa do que comer fora coisas simples?

    Tipo hambúrguer
    Eu compro bons pães, boa carne, queijo,salada etc e faço em casa. Batata eu compro semi pronta e só frito.
    Geralmente o preço por hambúrguer sai R$5 no máximo enquanto com ele fora me custaria R$25 o hambúrguer gourmet.

    Subway faz anos que não compro, pego um bom pão, queijos, alface, tomate, presunto e coloco dentro e já era…sai 50%maia barato e o gosto é o mesmo ou até melhor.

    Mais alguém pensa assim como eu? Bolhista até nessas pequenas coisas ?

    27+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 14 de junho de 2017 at 11:55

      aqui em SP a moda agora é contratar cozinheira por diária, as redes soçiais ajudam muito nisso.
      custo de 1 jantar fora, ela te prepara de 7 a 15 pratos tamanho familiar, dependendo da sorte vc consegue uma nível programa master-chef PRO
      ok, que congelado não fica a mesma coisa e custos de material são seus, que aliás vc controla a qualidade como quiser.
      A economia disso é monstra, ainda mais pra quem faz 60 refeições fora/mês, muito comum na capitar.

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • bolhista fulano de tal 14 de junho de 2017 at 12:02

        Em Salvador essa prática já existe há um tempo
        A cozinheira recebe pela qtde de quilos que ela produz. Cada quilo de comida feito vale tanto.

        4+
        • avatar
        • avatar
    • Babuíno 14 de junho de 2017 at 11:59

      Costelinha do Outback. Caríssima.
      Peça uma boa costelinha, cozinhe primeiro, selando-a em óleo quente com temperos que você gostar.
      Depois é só assar no forno coberta com molho bbq.
      Além disso, evito ao máximo comer em restaurantes da moda, entretanto busco aprender as receitas.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 14 de junho de 2017 at 12:07

      boa
      uso vinho tinto de molho, tempero básico com creme de alho, cebolas tiquinho de sal grosso e 1 ou outra coisinha +se tiver fácil
      minha hora finalmente começou a dar alecrim e outros, morar em casa é assim.
      o barbie kill e outros temperos +sensíveis eu jogo depois de pronto, senão reduz demais ou queima
      aluminio, paciencia e ir regando, seja no forno seja na churrasqueira.
      Acompanha muita cerveja

      2+
      • avatar
    • From_The_Tower 14 de junho de 2017 at 12:11

      Eu faço 80% das refeições em casa…..
      quando estou com preguiça e ou nos finais de semana…. comemos fora.

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 14 de junho de 2017 at 12:29

      from_ seu pobretão opressor, rsrs

      6+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 14 de junho de 2017 at 11:47

    caramba o nefasto está passando de todos os limites
    se estão ADMITINDO até NO relatóirio oficial da PDG entrega à bolsa para informação de seus sócios, obrigação em LEi.
    como que o “obscuro” consegue ter a cara de pau de fingir que não viu

    A SABER: A PDG está deixando de registrar os distratos por falta de Caixa.
    leia-se: GOLPE nos clientes.

    Com a nossa justiça esculhambado levaremos décadas pra desfazer esse enrosco]
    Todo e qualquer índice elaborado em cima de dados falsos em cima de golpe perdeu completamente a CREDIBILIDADE!
    leia-se esses gráficos coloridos do nefasto não serve nem pra limpar a bunda do próprio
    isso ponho para César e meia duzia que ainda insiste em invocar o nome da figura.
    taí, dados oficiais César, vc agora não pode tratar desiguais como iguais sem incorrer na cumplicidade com isto. Te chamo à responsabilidade
    sua participação no blog é maravilhosa, leio quase todos os dados que vc traz.
    lembre-se, exceto na africa é o rio que corre pro mar
    (a bem da verdade, a idéia central é que o mar nunca vai correr pro rio, mas tem a maré alta pra confirmar a regra, abrax adorei aquela).

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 14 de junho de 2017 at 11:48

      obs: “A SABER: A PDG está deixando de registrar os distratos por falta de Caixa” (golpe)
      fonte: relatorio trimestral da PDG

      7+
      • avatar
      • avatar
      • LZ 14 de junho de 2017 at 11:57

        Ou seja imagina o tanto de imóvel não contabilizado como “em estoque”.
        Imagina isso tudo junto com a caixa pedalando a inadimplência.

        Quanto mais você adia o inevitável, mas forte é a pancada.

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • joselito 14 de junho de 2017 at 13:35

          Dúvida:
          Se o imóvel “voltar” para construtor após 3anos de habite-se, ele entra como estoque?
          Posso estar confundindo aqui coisa de imóvel velho x imóvel novo, mas tinha uma coisa que depois de 36meses os imóveis saiam do “estoque” ou é viagem mesmo? rsrsrs

          4+
          • avatar
          • avatar
          • rafa_fv 14 de junho de 2017 at 13:56

            Joselito depois de 3 anos do ‘habite-se’ ele não volta para o construtor. A partir do ‘habite-se’ o ex na planta vai para o proprietário no caso de ser a vista, para o banco se for financiado, ou permanece com o construtor/incorporador em caso de distrato ou não comercialização da unidade.

            1+
          • rafa_fv 14 de junho de 2017 at 14:00

            Joselito pelo que me lembro não é que saem do estoque, segundo ‘critérios’ eles passam de novos para usados, deixando de fazer parte de certos números da estatística. Isto tudo sem nenhum interesse escuso por trás, kkk.

            4+
            • avatar
            • avatar
            • joselito 14 de junho de 2017 at 14:30

              Ah sim, maravilha.
              Quando falava de “voltar” era realmente isso que queria falar: Distrato.
              Mas reformulando a pergunta, e considerando sua explicação, efetivamente depois do habite-se já tem quitação com a construtora, e o dono do imóvel de fato, agora, é o banco.
              Enfim, é que me lembro em algum relatório de estoque que só eram considerados imóveis lançados até 36meses, ou seja, imóveis de 37meses ou mais não entravam naquele relatório (agora não sei qual, rsrsrs)

              4+
              • avatar
              • avatar
  • Lucas 14 de junho de 2017 at 12:21

    CVR
    satã desovando estoque em 420x lá nos pampas
    obviamente ainda tudo em primeira praça, tudo muito caro
    ver ex1:
    http://www.sold.com.br/lote/ver/932149

    desconfio que pra baratear a operação os bancos fazem essas “maldades” em pacotes

    6+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 14 de junho de 2017 at 12:28

      reparem neste link nas fotos das 2 piscinas
      uma BURRADA que acontece muito em SP e pior ainda no RS
      a piscina pega sol apenas alguns minutos por dia, ou seja um frio de lascar, ou seja piscina inutil só serve pra enfeitar e dar gastos
      esse é o reflexo da IMBECILIDADE IMOBILIARIA

      piscinas ostentação e tantas outras xoxotecas pior que inúteis, ATRAPALHAM.
      gosta te de piscina? OK, tbm gosto. clube ou academia serve pra isso, feita por profissionais para serem realmente usadas.

      22+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 13:23

        3+
        • Babuíno 14 de junho de 2017 at 13:59

          Como fica a questão de toxinas que plásticos soltam ao serem aquecidos?

          2+
          • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 15:00

            As dioxinas do plastico se formam a partir de 900 graus celcius

            5+
            • avatar
            • Babuíno 16 de junho de 2017 at 09:55

              Li em um artigo (tese de doutorado) que o Bisfenol-A se desprende dos plásticos por meio da lixiviação e não por meio de temperatura. Resta saber se a quantidade desprendida é danosa ou não.

              0
      • Lucas 14 de junho de 2017 at 13:40

        resolve metade da questão,
        continuará muito frio fora da piscina.
        fora a platéia que no meu caso seria um grande constrangimento

        6+
        • avatar
  • Ilusionista 14 de junho de 2017 at 12:35

    boa matéria da comentarista da Globo alertando sobre os riscos de investir em consórcios…….estará pagando por algo que não tem posse e disponibilidade para qualquer uso e, se desistir, poderá perder até 40 % do que já investiu, similar a aquisição de imóveis na planta.
    nos comentários, vendedores apavorados, vai que cai na “boca do povo” …

    http://g1.globo.com/jornal-da-globo/blog/mara-luquet/post/consorcios-estao-em-alta-este-ano.html

    22+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • rafa_fv 14 de junho de 2017 at 13:20

      kkk, o nível das mentiras e meias verdades dos vendedores de consórcios nos comentários é incrível. O maior problema é que o povão é fácil de enganar.

      7+
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 14 de junho de 2017 at 15:11

        O melhor argumento é que é impossível juntar grande quantidade de dinheiro sem cair na tentação de gastar.
        Brasileiro é muito burro mesmo, parece que vive como um animal guiado por instintos.

        22+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • socrates 15 de junho de 2017 at 20:24

          like para você, Antigo. Só não poupo temo e clico direto no ícone porque não quero ser o décimo-terceiro

          3+
  • Buck 14 de junho de 2017 at 12:45

    Gosto dos comentários do Lucas, eles expressam o que todos nós pensamos, mas nem sempre falamos…kkkkkkkkk

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Leonardo M. 14 de junho de 2017 at 13:07

    FTT

    15h é o horário que o Fed aumenta ou não o juros por lá.
    Se aumentar ficar comprado no $$$$$ e partir para o abraço!

    4+
    • avatar
    • avatar
  • Libertario 14 de junho de 2017 at 15:15

    Qual a semelhança desses leilões, além de serem no mesmo site e os imoveis em balneario Camboriu ?
    https://www.zukerman.com.br/apartamento-centro-balneario-camboriu-sc-10875-109076
    https://www.zukerman.com.br/apartamento-centro-balneario-camboriu-sc-10875-109079
    Dica: Precisa olhar a matricula.
    Seria o cidadão um investidor ?
    http://www.empresascnpj.com/s/socio/odilson-da-luz

    5+
    • avatar
  • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 15:27

    Eu e meu marido, resolvemos em 2015 iniciar a busca por um imóvel na planta. Acabamos indo a um stand de vendas da MRV e fazendo simulações de venda. Dia 15 de fevereiro de 2015 fomos novamente e assinamos um contrato com a corretora para uma unidade em Rio das Ostras. Foi dividida uma entrada em 1 de 2.295,00 + 2 x R$765,00 que foi pago rigorosamente em dia, e o restante em parcelas de R$604,00.
    Eu e meu marido ficamos desempregados e assinamos um distrato com a MRV. Após 2 meses de assinatura do distrato meu marido começou a trabalhar na construtora no setor de assistência técnica, e por lá após um ano ele descobriu que a unidade já tinha sido vendida. Obviamente ligamos no SAC afim de solicitar o reembolso, e a atendente alega que não foi vendida, Já se passaram 2 anos e meio desde a compra e nada de reembolso, sendo que nunca assinamos contrato com a caixa econômica, somente com a corretora.Reclamo aqui somente para alertar novos compradores que não caiam nesta empresa!!!

    https://www.reclameaqui.com.br/mrv-engenharia/distrato-com-a-mrv_KOYp5u8XCtg7UZ5z/

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 14 de junho de 2017 at 16:21

      Corvo e mentira são duas que sempre andam juntas.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • CA 14 de junho de 2017 at 17:42

      Cesar_DF,

      Este é UM dos motivos pelos quais os números da MRV estão inflados de forma FICTÍCIA.

      Ao ler os relatórios antigos da MRV, o que eles diziam? Que faziam uma análise prévia da aprovação do crédito imobiliário junto à CEF e que embora não fosse oficial, eles davam muito mais segurança ao processo e isto faria com que os distratos caíssem muito.

      Na prática, o que aconteceu depois da promessa acima? Em 2015 a MRV bateu o recorde nacional de distratos, superando PDG e outras líderes.

      Por que?

      Porque embora ela dissesse que fazia a simulação, muitas vezes simplesmente não fazia, em outras, fazia com parâmetros errados, sem comprovação de renda, sem considerar o reajuste pelo INCC que ocorreria durante a construção, etc, etc, etc… Sabíamos há anos disso, só pela leitura do ReclameAqui, mas se tornou mais visível com o recorde de distratos acima.

      Apesar da MRV já ter enganado a todos com a primeira promessa não cumprida, isto aparecer quanto ao volume de distratos recorde nacional e ainda, termos diversos relatos no ReclameAqui que davam os detalhes de como eles não cumpriam o prometido, eles simplesmente vieram com uma nova promessa:

      Agora a CEF iria fazer uma aprovação “definitiva” durante a construção, processo a ser implementado “gradualmente”.

      Ocorre que o modus operandi mencionado acima, continuou o mesmo, só mudou o nome do que eles fingiram que estavam fazendo, mas não faziam, que era a aprovação de crédito prévia com o banco: você encontrará vários depoimentos no ReclameAqui onde as pessoas reclamam da MRV e que ela PRIMEIRO fazia o cliente assinar o contrato de compra e venda para depois “deixar em aberto” uma agenda para fazer a aprovação oficial com a CEF. Em alguns casos relatados, passam-se MESES sem que isto aconteça, ou às vezes, dentro dos moldes antigos, o cliente só descobre no ato da entrega que ele não tem renda para o crédito imobiliário.

      Em outras palavras, eles mudaram a PROMESSA, só que na prática, estão enrolando do mesmo jeito e gerando o mesmo volume de distratos de antes.

      Ah, mas daí vem os “especialistas” e dizem: “Não é verdade, a MRV, graças a este novo processo, está CONTABILIZANDO muito menos distratos”… Você volta ao ReclameAqui e pesquisa “Distrato MRV”, onde você acha um GRANDE número de casos onde o cliente já pediu o distrato HÁ MESES ou ANOS, mas a MRV se nega a “conceder” o distrato, alegando que só poderá distratar depois de achar um novo comprador para aquele imóvel, como no exemplo que você colocou acima.

      Desta forma, o número REAL de distratos fica MAQUIADO, o estoque fica MUITO MENOR do que a realidade, porque de um lado tem novas vendas FALSAS na planta sendo feitas que no Mundo REAL não vão se concretizar, mas já abateram do estoque, ao mesmo tempo que tem volume relevante de devoluções que além de não abaterem das vendas, também não somaram no estoque e com isto, a distorção entre oferta e procura demonstrada nos relatórios oficiais fica muito menor do que a realidade (apesar de todas estas gambiarras e outras citadas abaixo, eles ainda tem em estoque o equivalente a mais de 1 ano de vendas, o que caracteriza SUPER-ESTOQUE).

      Não bastasse tudo isto, eles ainda conseguem repassar um grande volume de crédito podre do MCMV para a CEF.

      É este UNIVERSO PARALELO que sustenta o “sucesso” da MRV, o mesmo que sustentou o “sucesso” da PDG por tanto tempo e no final, sabemos no que deu…

      OBSERVAÇÃO:

      Não somos adivinhos, portanto, quando foi falado ao longo de ANOS que a PDG revendia distratos com grande descontos e que tinha começado a revender todo o restante do estoque da mesma forma e depois isto passou a aparecer nos relatórios oficiais da mesma, não foi adivinhação, apenas estamos observando o que divulgavam com espírito crítico e analisando outras fontes para comparar;

      Não somos adivinhos, portanto, quando dizíamos já desde 2012 com o Ricardo Eng, ou quando eu alertava desde 2013, de que este esquema de vendas na planta já estava gerando um grande problema para construtoras e iria se agravar muito mais quanto aos distratos, era porque já olhávamos o tamanho do estrago que apareceu a partir dos resultados divulgados referentes a 2011 e sabíamos a causa real pela análise completa da situação, assim podíamos projetar o resultado da continuidade desta “estratégia”;

      Não somos adivinhos, portanto, quando falávamos ao longo de ANOS que a PDG estava continuando com as vendas FALSAS na planta, ao mesmo tempo que ela estava adiando ao máximo o reconhecimento destes distratos e depois esta informação sobre o adiamento do reconhecimento dos distratos passou a constar até nos relatórios oficiais da PDG, não foi adivinhação, apenas estávamos observando o que divulgavam com espírito crítico e analisando outras fontes para comparar;

      Não somos adivinhos, portanto, quando dizíamos que Viver ia quebrar, que PDG ia quebrar e que Rossi VAI QUEBRAR, mais uma vez era porque analisávamos os indicadores das ANOMALIAS que já apareciam HÁ ANOS, desde os dados de 2011 para parte das construtoras, agregando outras a partir de 2012, ou seja, novamente não eramos adivinhos.

      Incrível que temos pessoa que acompanhou todas as previsões acima se concretizarem, mas a CARA-DE-PAU é tão extrema que até hoje ainda diz que tudo isto ocorreu “por outros motivos”, insinuando que eramos adivinhos ou pessoas de extrema sorte que dizem o que vai acontecer, aquilo acontece, mas por motivos completamente diferentes. O pior são as “explicações” escatológicas por traz disto, como por exemplo, dizer que a crise política / econômica é a culpada por anomalias que já apareciam desde 2011 (?!). Corrigindo: o pior mesmo é quem ainda acredita nestas teorias pra lá de esdrúxulas…

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 14 de junho de 2017 at 18:23

        inclusive sou testemunha disto
        a tal nova governança da mrv cheguei a acreditar
        a bolsa deu um soluço, e só!
        o tempo mostrou, mais do mesmo.

        6+
        • avatar
      • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 20:00

        CA
        Este detalhe confirma a situação de NÃO ESTAREM DEVOLVENDO O DINHEIRO DOS DISTRATOS:
        “Já se passaram 2 anos e meio desde a compra e nada de reembolso”

        4+
        • avatar
        • CA 14 de junho de 2017 at 20:55

          Cesar_DF,

          É mais que isto, eles estão omitindo distratos para simular mais vendas, menos estoque e menos distorção entre oferta e procura, o que PDG, Viver e outras estão fazendo há ANOS e que inclusive chegou a um montante tão absurdo que a esta altura a PDG já foi obrigada até a reconhecer isto nos relatórios oficiais…

          Análogo ao que a CEF faz com a inadimplência…

          Daí um “jenio” (sic) poderia dizer: “nossa, como nós somos geniais, é só mentimos mais que os outros que superamos todos os problemas!”. Pois é, não é bem assim, basta ver o que está acontecendo com a PDG, a campeã nestas mentiras…

          7+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • Lucas 14 de junho de 2017 at 16:33

    olha esse rolo from_ e CA
    http://www.valor.com.br/financas/5003476/venda-do-original-pode-esbarrar-em-divida-com-fgc

    enquanto isso D. Dilmo por baixo dos panos acobertando acordos de leniencia no setor financeiro
    FGC pra quê??? cinismo é muito mais eficaz nessa esculhambocacracia

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Lucas 14 de junho de 2017 at 16:37

    OSX nem sabia que ainda existia
    vejam o show de horror
    http://www.valor.com.br/empresas/5004106/prejuizo-da-osx-mais-do-que-dobra-em-2016-para-r-14-bilhao
    preju de 600 mi pra 1 bi
    receita de 100 mi pra 1 milhinhou ou um flat em copacabana, do ano inteiro

    de brinde, rolos com a lava jato, com a CVM e o audtor não apenas se recusou a assinar como tmbém a emtir qualquer opinião sobre a zorra total.

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Lucas 14 de junho de 2017 at 16:41

    os jornalões dando recuperação na economia, glbonews, até o valor
    daí vc vai elr e descobre que é ao contrário
    dai vc vai afundo e desocbre uma denuncia dos esquerdsitas da cartacapital
    bem, eles fizeram isso, eles sabem como fazer

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 14 de junho de 2017 at 16:42

      https://www.cartacapital.com.br/sociedade/o-ibge-esta-mudando-suas-estatisticas-economicas-contabilidade-criativa
      não é de jeeeeeeeito nenhum recomendação deste aparelho comuna
      apenas observando o movimentar das peças

      6+
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 20:04

        Apenas dando continuidade ao legado da Dilma

        Mudança de cálculo pode evitar recessão em 2014

        A alteração na metodologia criou no governo a expectativa de que o resultado da economia em 2014 não seja negativo, segundo reportagem da “Folha de S.Paulo”.

        No ano passado, a economia do país encolheu em dois trimestres (0,2% no primeiro e 0,6% no segundo). No terceiro trimestre, cresceu 0,1%.

        O resultado do quarto trimestre, fechando o ano, só será divulgado no dia 27 deste mês.

        Estimativas do Banco Central, porém, apontam que a economia brasileira recuou 0,15% em 2014.

        Com a revisão, o PIB pode aumentar, a exemplo do que aconteceu com os resultados de 2010 e 2011, já que o novo cálculo considera como investimentos itens que anteriormente eram classificados como despesas. Assim, o país não registraria recessão em 2014.

        https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2015/03/11/pib-cresceu-76-em-2010-e-39-em-2011-segundo-novo-calculo-do-ibge.htm

        2+
        • avatar
  • Bruno.12 14 de junho de 2017 at 16:43

    CVR
    Perdi a compra de um AP. (que tristeza)..vejam como: enquanto eu estava negociando com o corvo (não consegui me livrar…), uma outra imobiliaria, que tinha procuração do dono, alugou o imóvel. Só vieram a me comunicar com pressão, e quando a locatária mudou para o local. Claro que cancelei a negociação…o vendedor me procura desesperado, perguntando se eu podia esperar 90 dias para a desocupação do imóvel…não somente chamei ele de irresponsável, como disse que havia me desrespeitado. Desliguei o telefone e sorri…como é dificil negociar no Brasil! O mercado imobiliário é escuro e cheio de horrores.

    30+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 14 de junho de 2017 at 16:48

      Reze dois terços para Nossa Senhora do Livramento por ter te livrado desse pesadelo que é comprar um imóvel na conjuntura atual do país. Se o proprietário é irresponsável a esse ponto, imagine a situação documental do imóvel… Deve ser rolo em cima de rolo.

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 14 de junho de 2017 at 17:00

        quando comprei foi essa a minha maior dificuldade.

        3+
        • avatar
        • Bruno.12 14 de junho de 2017 at 17:21

          Antigo, fiquei tranquilo por minha parte, já a 1ª dama…nem tanto. Esqueci de dizer: o pagamento seria à vista, 170 bolhas.
          Lucas, poderia me dizer o que houve e como resolveu? O imóvel é muito bom…o pai dela ajudando, etc

          5+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Antigo 14 de junho de 2017 at 17:46

            Mulher tem tendência maior a amar tijolos, e muitas vezes leva o marido junto.

            170 bolhas em um bom imóvel não parece um mau preço
            Mas como eu disse, reforço total na verificação dos documentos, que um proprietário desse naipe pode tentar até vender o mesmo apto para mais de uma pessoa

            4+
        • Lucas 14 de junho de 2017 at 17:39

          adêvogado da mais estrita confiança
          desses que dinheiro nenhum paga, tão caro e tão bom que me fez de graça, Famiglia nostra!!!!
          +manual da compra sem corvo, mesmo com corvo
          verificação e reverificação de todas as informações direto das fontes primárias.
          fugi de qualquer coisa estranha ou mal contada, inclusive dessas construtoras.
          estudo de leis e regras as +variadas
          foram 5 anos de pesquisa, inclusive um teste drive de aluguel próximo ao bairro pretendido, um total de quase 7 anos trabalhando nessa compra
          (+ a questão do preço que não inclui aqui)
          achado o produto: em cerca de 60 dias fiz toda a papelada, impossível fazer mais rapido
          inclusive recomendo tbm um tabelião de confiança que vc deve consutlar antes de fechar a compra, eles costumam ter dicas nível altíssimo e fazem questão de te assessorar pelo reles preço das taxas de tabela.
          Se vc quer fazer direito uma simples compra nesse país hoje é quase uma faculdade.
          em 2001 nossa primeira compra, foi muuuuito mais simples.

          12+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • Lucas 14 de junho de 2017 at 17:11

    Maldito Lafer, a parca recuperação do Pib se concentra em áreas que não geram arrecadação, pelo contrário, em áreas subsidiadas.
    o governo temer acabou faz tempo, é só mais um saco de terra no defunto
    http://www.valor.com.br/brasil/5003682/arrecadacao-de-impostos-cai-mais-e-dificulta-ajuste

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Felipe 14 de junho de 2017 at 17:38

      Acabou quando divulgaram a ligação. Agora o turquinho tá bravo e dando grana pra todo mundo.
      Vai zoar a LRF, pedalar, dar mais prazo e os cara#[email protected]#, isso se não cair antes. O amigão Aécio morrendo de medo de ser preso e os quem estão em volta morrendo mais ainda, porque têm medo dele delatar. Aliás, manter a irmã dele presa é uma forma de pressão psicológica absurda. Se esse cara for preso, ou melhor, na semana que vem, quando ele for preso, vamos ver no que vai dar.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Felipe 14 de junho de 2017 at 17:41

        Como ele é do tipo leite com pêra, assim como o homem da mala, num aguenta muito. Dizem que preso da Lava-Jato tem tratamento VIP. É ré no kibe todo dia.

        8+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 14 de junho de 2017 at 17:44

        “Aliás, manter a irmã dele presa é uma forma de pressão psicológica absurda”.
        olha, temos os mesmos objetivos, queremos ver todos eles mofando na cadeia
        mas lendo essa sua frase eu relembro que só estamos trocando de bandido!
        também vou gostar mais desses novos, mas não me satisfaz, fins nunca vão justicar meios, seja lula seja quem for.
        lá na frente isso tudo vai dar bosta denovo. PMJ.

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Felipe 14 de junho de 2017 at 18:01

          Eu não sou entendido de direito nem pretendo ser. Aliás não sou entendido em nada kkkkk sou só um curioso que gosta de escrever algumas besteiras e bater papo, mesmo que seja digitando.
          De qualquer forma cara, eu admiro o Moro e demais envolvidos pela frieza. E, pelo que me parece, até pelo perfil, na forma que age e de como ele simplesmente ignora qualquer fato desestabilizador, ele (Moro) é um cara realmente imparcial e que realmente quer fazer uma limpeza geral e irrestrita, seja quem for. E o cara sabe aonde o calo dos outros dói. Sabe que se vc colocar um ser desses numa jaula, vc mata o espírito dele. Aécio pode ser um delator bomba em potencial. Só mais um e desde que traga fatos novos. Estratégia irretorquível.
          A irmã dele tá presa. Se ele delatar o colega, de repente pode soltar a irmã. De repente a própria irmã pode delatar… Cara, isso é muiiiiito foda, coloca uma pressão extraordinária na pessoa e, como disse o ministro ontem, o povo quer ver sangue, quanto mais presos e quanto mais longa for a prisão, melhor!

          POOORÉM, tenho medo de FDP’s que sabem manipular esse tipo de gente extremamente competente, mas cega. Pode ser realmente que esteja rolando uma gigante manipulação do tipo “vamos salvar um que vai salvar a todos nós”. Claro que se trata do barbudo.
          Eu não acredito, mas….

          3+
          • Lucas 14 de junho de 2017 at 18:15

            poisé cara fica dezoreia em pé sim!!!
            reparou que a JBS se enriqueceu pelo barbudo, mas de concreto quem foi preso foi seu exato opositor? bem feito pro babaca ficou zanzando com mala de dinheiro se achando o rei da cocada.
            não estava falando do moro, quem prendeu a irmã dele pelo que entendi foi o janô.

            Aí existe um troço chamado heurística, que reune técnicas de raciocínio.
            eu tbm entendo porra nehuma de leis, mas entendo de lógica
            e te sugiro aplicar uma técnica simples: E se os mesmos méotdos fossem aplicados por um juiz vermelho contra nós???
            reparou na venezuela, a juizada toda prendendo a oposição (nós!!!)???

            Então se hoje temos raiva e urramos de alegria de ver essa gente se foder (acredite eu tbm)
            amanhã a bosta pdoe virar na cara da gente
            e eu me preocupo muito com métodos, sou um cara assim, mês passado gastei 600 reais num delhezinho burocrático minusculo que ninguém neste país esculhambado se importa, fiz por mim mesmo, para eu me ver satisfeito comigo mesmo.

            Posso estar sendo um grande babaca inocente, eu sei desde anos atrás que derrubar uma máfia dessas não seria no método paz e amor, mas até pra transgredir vc tem que ter regras, aliáas regras muito mais duras, e acho que a turma do janô não tem essa capacidade, que é somente raivinha.

            neste sentido prefiro muito mais o Moro, momento nenhum daquela critica eu me referia a ele, mas agora se vc quer minha referencia a ele, te digo que ele está além da minha capacidade de análise num sentido muito positivo, que percebi isso faz vários meses, portanto denovo me calo. Já os satélites, destes ah temos sim muito que ficar de zoreia em pé SIM!

            11+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Felipe 14 de junho de 2017 at 18:19

              não sei o que pensar desse Janot, mas acho que ele pegou emprestado o martelinho e o método do Moro, que por sua vez também já viu isso aplicado em algum lugar fora do Brasil.

              2+
              • Margarida 14 de junho de 2017 at 20:08

                Felipe, ninguém chega a um cargo dessa importância e poder, que envolve nomeações políticas, pela dedicação ao trabalho árduo e à justiça. Janot e qualquer um em cargo desses tem muitos interesses a defender. A gente muitas vezes fica confuso porque não sabe exatamente qual está sendo atacado ou defendido naquela hora. Nem com muita imaginação poderíamos deduzir tudo.

                Olhar tudo (tudo mesmo) que eles fazem com essa lente é o que a gente devia fazer.

                14+
                • avatar
                • avatar
            • Lucas 14 de junho de 2017 at 18:38

              e eu não sei o que pensar de toda essa situação entre vcs
              eu sei que lafer esta batendo forte
              este juiz é infalível

              4+
      • Lucas 14 de junho de 2017 at 17:55

        já na época da gravação era insustentável tecnicamente como falavamos no blog
        ele tinha se transformado num dilmO
        aquela porra toda, acabou com as bases morais já bem abaladas.
        a politica de terra arrasada lembra exatamente a dilma nos seus ultimos dias de desespero
        coitado do próximo eleito.
        E pra vcs juízo. A idéia dum governo sem bases por trás é uma idéia alternativa já testada e falhada n vezes na história.
        Sou um dos críticos do sistema dessa esculhambocracia, mas não dispenso algum sistema, mesmo ruim, ainda é melhor que a lei da selva. ou estou enganado?

        11+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Felipe 14 de junho de 2017 at 18:09

          “já na época da gravação era insustentável tecnicamente como falavamos no blog”
          Cara, até essa época, para o mercado, estava tudo uma maravilha. Lembro que, por exemplo, o TD Pré2023 tava pagando 9% e uns quebradinhos e mais deflação, reformas previstas e seguindo, Dória despontando e respondendo até a Amazon e etc. Até ali tínhamos um horizonte começando a aparecer.
          Depois da ligação e do estardalhaço que foi feito em cima delas, parece que tudo voltou ampliado, parece que estamos em junho de 2015.

          7+
          • avatar
          • avatar
          • Lucas 14 de junho de 2017 at 18:18

            não nesse blog,
            Se vc consultar dias antes vc vai ver o CA cacetando o Dilmo

            pela ponta do dedo se reconhece o gigante, o CA acertou na mosca ele viu uma série de contradições nas atitudes dele, eu que raramente me surpreendo tomei um susto ao ver que ele tinha razão, no inicio até debati, ams vio que ele estava certo até escrevi algo imenso sobre isso, digo coisas escritas lá por fevereiro/março.

            quanto ao mercado, verdade, o focus estava sorrindo ainda para o Temer.

            20+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Felipe 14 de junho de 2017 at 18:23

              nem li o CA, e nem to falando desse ou daquele individuo. Disse que os donos da grana estavam em festa e ela só acabou quando apareceu um batom na cueca do turquinho que não era doninha dele

              4+
            • Lucas 14 de junho de 2017 at 18:28

              aqui no blog a gente viu uam janela rpa vender TD IPCA
              jopgar no tesouro selic
              e aguaradar o IPCA subir denovo.

              a gente apelidou de estratégia boca-de-jacaré
              eu mesmo fiz ela, pouquinho mas fiz, from_ foi nessa tbm
              leonardo daqui que bombou forte nessa.

              O temer enganou muita gente, mas neste blog, nós vimos isso com larga antecedencia em relaçao ao mercado.
              as gravações não foram tão supresa por aqui nesse blog, pelo menos pra mim, me surpreendi muito mais com as 2 semanas anteriores.

              aliás vice da dilma não podemos esquecer nunca desse pequeno grande detalhe

              12+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
            • Lucas 14 de junho de 2017 at 18:36

              e de nvo vc vai me desculpar
              eu estava falando de lafer e de economia na sequencai aqui dos debates da bolha imobiliaria.
              já não é a primeira vez que vc tenta emplacar esse debate, que se fodam todos eles ué, um dedurando o outro

              5+
              • avatar
              • Felipe 14 de junho de 2017 at 18:57

                cara, falar de bolha mesmo nem me interesso tanto. já é assunto passado. Nem quero emplacar debate nenhum, só conversar

                3+
                • avatar
                • Lucas 14 de junho de 2017 at 19:13

                  to aqui olhandoa tabela do TD
                  voltou aos mesmos 9% de antes do baton na cueca, uns quebrados a mais apenas
                  o mercado gosta do turco
                  o mercado está errado
                  BOCA-de-jacaré

                  e complementando, eu pretendo sair da periferia,
                  moro aqui pq fui expulso pela bolha,
                  construi uma estratégia de absorção de impacto
                  lá na frente no fundo do poço pretendo voltar pra cidade

                  18+
                  • avatar
                  • avatar
                  • avatar
                  • avatar
                  • avatar
                  • Felipe 14 de junho de 2017 at 19:23

                    boa veio

                    2+
                  • cesarkebrado 14 de junho de 2017 at 20:57

                    E aí Lucas, o legal é isso aqui, bolhista é um ser racional. O seu raciocínio, acima, quanto ao Aecio e o Temer é o mesmo que eu faço, os caras não eram os donos do talão de cheques do BNDS que encheram os bolsos da JBS nos últimos 13 anos e como é que eles é que são implicados na delação e gravações? Com absoluta certeza tem Coelho nesse mato, e falo mais, tem vários ministros do STF comprometidos com $ da JBS além do PGR e por isso trataram de enterrar qualquer tipo de investigação ali, aceitando a toque de caixa uma delação muito estranha, que incrimina os tontos da oposição. O Sérgio Moro nada tem haver com isso, ele cuida da PARTE da lava jato em 1ª instância e esse cara sim não errou em nada, todas as prisões dele são muito bem embasadas, já as prisões do STF são um escarnio a lei, se aproveitam é da legitimidade do Sérgio Moro com o Povo e da confusão que todos fazem em não saberem diferenciar uma lava jato da outra.
                    Agora a verdade é que o Temer foi um trouxa em se deixar gravar e agora vai ficar na berlinda, eu estranho e a redebobo e a veja estarem fazendo tanta força pra derrubar ele, da até pra desconfiar que também estariam implicados junto com a JBS ou numa investigacao ao BNDS. O que interessa pra nós no fim é como ganhar dinheiro certo? Eu estou no aguardo de uma turbulência grande pra comprar uns 50k de ações em baixa como na que antecedeu o Impachement da Dilma, será que vira?

                    8+
                    • avatar
        • Margarida 14 de junho de 2017 at 20:18

          Véio, tem uma coisa sobre isso que eu tenho pensado. Talvez se o governo atual tivesse conseguido uma leve recuperação fosse até pior. Porque a gente precisa correr no dobro da velocidade agora, e se a percepção de que essa moleza não funciona ficasse clara no fim de 2018 com tudo igual ou pior, haveria, talvez (força nesse talvez) uma oportunidade de transformações maiores. Reformas e mudanças que a princípio todos sabem ser impopulares, mas que finalmente fossem consideradas necessárias.

          Pensei isso porque lembrei de todas as barbaridades dos planos da época do Sarney, do Collor… Lembra? Todo mundo irado por não ter produtos, pela inflação, pelo congelamento do dinheiro todo, mas todo mundo torcendo pra o sacrifício dar certo; que se fosse pra viver melhor depois, valeria a pena. Eu era muito nova, mas eu tinha essa percepção. Será que estou errando aqui? (posso estar, a gente tem impressões diferentes quando é mutiio novo).

          A idéia básica é: se as coisas melhorassem minimamente, talvez fosse bom pra quem pretende continuar a manter as coisas só minimamente boas.

          7+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • cesarkebrado 14 de junho de 2017 at 22:10

            O comércio melhorou nitidamente em maio, no meu os números melhoraram e eu perguntei pros vizinhos e todos confirmam que melhorou um pouco. Agora o povo eu vou te falar viu! o que mais tem é gente sem futuro nesse País, gente que não estudou, não se qualificou, e cujo único ideal de vida é se aposentar para ser sustentado pelo governo, esses medíocres são 80% da força de trabalho da banania. Não tenho nada contra aposentados, mas, pessoas que têm como objetivo de vida “aposentar” é miséria de +, é muita preguiça, é muito comodismo, e no Brasil esse é o ideal, aqui ninguém pensa em guardar capital para o amanhã, e quando falo em capital eu digo bens, dinheiro, estudo, conhecimento, tudo que você se esforça e abre mão hoje para ganhar mais e usufruir amanhã quando for sustentável. Aqui a regra é gastar tudo e pagar juros em tudo.

            18+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Margarida 14 de junho de 2017 at 22:59

              Exato. Enquanto as coisas estiverem “melhorando um pouquinho” o povo vai sossegado empurrando com a barriga, e deixando tudo do mesmo jeito.

              10+
              • avatar
              • avatar
  • Cadeludo 14 de junho de 2017 at 18:53

    Tenho alguns instrumentos anunciados no olx e no mercado livre
    agora recebi essa mensagem estapafúrdia
    ‘Boa tarde. Baixo animal, tu não teria interesse em uma carta de crédito? É para veículo, tem 12.000,00 nela. To precisando de grana, aceito teu baixo por R$2000,00 inclusive. Obrigado pela atenção e bons negócios”

    minha resposta:
    Pelo jeito tu quer se livrar duma fria e ainda ficar com meu baixo de graça e eu engatado pagando essa naba e ainda quer me levar mais 10 mil em cash?
    Mesmo que eu topasse um negócio ridículo desse tipo não poderia fazer por causa do risco de ser interditado pela minha família.
    Não vou nem agradecer a tua proposta.

    47+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • BOLHA JOKER 14 de junho de 2017 at 19:14

    CVR CEF – IMOVEL NA PLANTA

    Em atendimento essa semana, hein que me surge um casal para simular um financiamento.

    Clientes: Ah nos compramos um imóvel de 300 k e precisamos de 250k de financiamento.

    Joker: Qual a renda de voces?? 3 mil reais (KARAIO 250k de financiamento com 3 mil de renda???))), simulei, e como PRO-COTISTA está suspenso teria que ser a linha SBPE Juros mais alto, e nessa linha de credito eles não conseguiram nem o minimo de financiamento que é 80k.

    Clientes: Ah que pena agente penso que conseguiria, enrao vamos ter que devolver o imovel.

    Aqui confirmamos duas coisas, construtora nao tem dó de ninguém, vende pra quem nao tem renda e nao conseguira financiar, só pra nao deixar peteca cair, e bananense nao possui planejamento nenhum, compra algo que não possui a minima condição de pagar.

    69+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Loucodf 14 de junho de 2017 at 19:21

      Caralho bixo!
      Um financiamento para que tem condições de pagar ficaria na faixa de uns 2.500 a parcela inicial.
      Esse pessoal não come não?

      Meu deus!

      27+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Krakenvader 17 de junho de 2017 at 11:27

      Isso me assusta menos do que deveria… Renda de 3k comprando imóvel de 300k. E estão falando que não existe bolha.

      3+
    • anti_corvo 18 de junho de 2017 at 22:39

      Olha, mercados e mercados, por aqui na serra gaúcha os corvos se esforçam pra subir a renda da pessoa, mas não tem milagre, eles falam na lata quando não tem como financiar, e ainda avisam, se a pessoa comprometer 30% da renda com financiamento imobiliário, que não tenha mais nenhum financiamento, senão vai passar fome.

      0
  • BOLHA JOKER 14 de junho de 2017 at 19:35

    São esses incautos, que dão algum folego para as construtora, vendo pra quem não tem condição de pagar, pensando em receber um qualquer durante as obras, e depois que tiver ponto agente ve se vende pra alguem que realmente tenha condição, enquanto aquele incauto estará brigando na justiça para reaver o valor pago, negócio da china.

    37+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 14 de junho de 2017 at 23:06

      corvos narigudos :
      uma dupla começou a “vender” um na planta na entrada supermercado no sábado.
      Hoje passei e vi que todas as sacadas da frente da maquete estavam com a etiqueta vendido, menos 2 aps no penultimo andar.. e 1 no quinto andar.kkkkk.. quem olha parece que já está tudo vendido.
      Nas laterais (sem sacada) so 2 plaquinhas de vendido..e mais algumas na outra ponta… kkk mentirosos.. venderam a fachada inteira em 6 dias… amanha vou perturbar eles (no feriado eles no “plantao” do supermercado).. vou passar com um milho na frente…

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Carlos 15 de junho de 2017 at 08:28

        Dá uma de migué nos corvos, diz que adoraria comprar mas é muito supersticioso / foi na vidente / queria algo com vista naquele lado / etc
        Mas “infelizmente” o ap que te interessa já está vendido, podemos fazer um bolão aqui apostando quanto tempo o corvo vai sustentar a mentira e qual vai ser a solução “jenial” que ele vai tentar te empurrar 😀

        17+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • thiago fm 14 de junho de 2017 at 20:15

    Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 07:38

    Thiago fm

    Se eles alegam que representam 55% do mercado e dizem que existem 4.000 imóveis a venda, então no mercado deveriam existir 7.300 imóveis
    Mas, só das empresas ligadas ao SECOVI-DF são 41.897 imóveis a venda
    http://www.secovidf.com.br/novoportal/images/arquivos/pdf/boletins/2017/Boletim-Imobiliario-Maio-2017.pdf

    Para validarmos esta quantidade, somente em 1 imobiliária, que faz filtro para não duplicar anúncios, são 49.667 imóveis a venda + 14.566 par alugar
    http://www.wimoveis.com.br/imoveis-venda-distrito-federal-goias.html
    http://www.wimoveis.com.br/imoveis-aluguel-distrito-federal-goias.html

    Pressupondo que ninguém esteja mentindo, então a ADEMI DF está replicando a metodologia do FIPE-ZAP, que expurga os imóveis com mais de 36 meses.

    Se na tabela 7 está indicando que foram vendidos, no Distrito Federal, 1.934 imóveis durante 2016 e que eles representam 55% do mercado, ou seja, 3.516 imóveis vendidos em todo o mercado do DF, então para comercializar todo o estoque seriam 11,9 anos (41.897 / 3.516), ou seja 143 meses.
    http://i.imgur.com/r0BKw9y.png/

    ENTÃO, UTILIZANDO APENAS OS NÚMEROS OFICIAIS, QUE VOCÊ MESMO DISPONIBILIZOU, CHEGAMOS A CONCLUSÃO QUE EXISTE UM ESTOQUE PARA 12 ANOS NO DISTRITO FEDERAL

    ——————————————————————————————-

    César,

    A respeito do seu cálculo de estimativa de duração da oferta citado acima, devo informá-lo que o mesmo chega a conclusões erradas, sobretudo por não observar princípios básicos de enquadramento das variáveis:

    1- Em primeiro lugar não ouso mais tentar estimar estoque real com número de ofertas em portais de internet, já que não há meios de depurar a multiplicidade de anúncios ou se os mesmos são descartados de forma tempestiva. No Vivareal e Imovelweb por exemplo vejo anunciados ainda hoje imóveis no meu bairro que sei que já forma vendidos há mais de um ano. Se você o faz se sinta à vontade, pra mim não passa de um grande chute.

    2 – Não sei da onde você tirou os 41,9 mil imóveis em oferta segundo o Secovi -DF, já que na página 27 do Boletim do Secovi que você postou constam como oferta de venda residencial total 36,7 mil imóveis, excluindo logicamente os imóveis no mercado de locação, que não devem ser misturados nesse caso. Pelo que entendo o mais adequado é considerar o estoque de novos de aproximadamente de 7 a 8 mil imóveis cobertos pela pesquisa IVV da ADEMI/Sinduscon dentro desse universo ofertado nas imobiliárias do Secovi-DF.

    3- Tudo indica que os dados de venda divulgados pela pesquisa CBIC já filtram os distratos realizados no ano de 2016. Tanto é assim que em vendas brutas chega-se a mais de 2633 unidades vendidas naquele ano dentro do universo de empresas que representam 55% do mercado na pesquisa IVV da qual divulguei o link, ou 4787 vendas brutas numa projeção anual simples.

    3.1 – Mesmo sabendo que metodologicamente o ideal é partir das vendas líquidas de distratos para a estimativa, é preciso ressaltar que considero muito pouco provável que o nível de distratos de 2016 permaneça nesse patamar no médio e longo prazos e talvez nem mesmo o ritmo vendas, que pode se recuperar em algum momento com a melhora da economia. Nessa hipótese o VSO atual aumentaria e consequentemente diminuiria o tempo necessário para consumo da oferta.

    “então para comercializar todo o estoque seriam 11,9 anos (41.897 / 3.516), ou seja 143 meses.

    4- Note que os dados de venda da pesquisa IVV do DF só cobrem a comercialização de unidades novas. Nesse caso você só poderia ter comparado a projeção de vendas 3.516 unidades novas com as 7.300 unidades também novas que você projetou como estoque de lançamentos, visto que não se tem os dados de vendas de imóveis usados que compõem o universo total divulgado pelo Secovi-DF e que representam a imensa maioria dos imóveis à venda na região partindo da perspectiva da referida instituição. Na prática são vendidos muito mais que 3,5 mil imóveis por ano no DF, que por conseguinte significa que o tempo de escoamento da oferta seria muito menor que aquele estimado por você.

    5 – Por fim não acho prudente cruzar o levantamento de imóveis vazios do IBGE com oferta de venda e locação, pois não são necessariamente coincidentes. Se quiser fazê-lo melhor terá de esperar o próximo censo para perceber quaisquer mudanças estruturais.

    2+
    • Cesar_DF 14 de junho de 2017 at 20:28

      Thiago fm
      1 – Somente em 2021 o IBGE irá divulgar o número de imóveis vagos, até lá não dará para precisar um número, mas se o próprio SECOVI-DF que apenas considera o universo das empresas associadas falou que existem 41,9 mil imóveis em oferta, então considerando todos os particulares, podemos afirmar que este número É BEM MAIOR.
      2 – 36.693 imóveis residenciais + 3.033 imóveis comerciais
      3 – Um universo de 4.787 significa apenas 11% do mercado do SECOVI e menos de 5% do universo estimado do total.
      4 – Como você mesmo diz “só cobrem a comercialização de unidades novas”, ou seja, quando completar mais de 36 meses e não for vendido, irá cair fora do universo estatístico
      5 – Concordo para a maior parte das cidades, pois em São Paulo, por exemplo, existem muitos imóveis abandonados que não estão à venda, mas este não é o caso de Brasília, que tem apenas 57 anos de idade. Além disso, o IBGE considera apenas os imóveis residenciais e não os comerciais.

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • thiago fm 14 de junho de 2017 at 20:44

        1- Só abordo aquilo que tenho dados para sustentar, mas como disse Cesar, esse sou eu. Fique à vontade para fazer o que achar pertinente;

        2 – “36.693 imóveis residenciais + 3.033 imóveis comerciais”

        Você não pode considerar os imóveis comerciais dentro do estoque e do seu cálculo se a pesquisa que ter serviu de base só cobre as vendas residenciais. É óbvio que haverá distorção no resultado;

        3- 4787 vendas brutas num universo estimado de 7 a 8 mil unidades novas abrangido pela pesquisa. Se de fato houver um estoque de novos maior que este, dentro de uma amostra mais ampla, também maior seria a amostra de vendas da pesquisa. Se quiser somar algo na equação deve ser dois dois lados;

        4 – Como você mesmo disse, ao escapar do universo de estoque de lançamentos, o imóvel será mapeado pelas imobiliárias que fazem parte da amostra do Secovi-DF que nós dois consideramos como parâmetro. Dentro do seu cálculo pouco importa se é novo ou usado. Oferta é sempre oferta.

        2+
        • Carlos 14 de junho de 2017 at 21:26

          Qual é a finalidade de se ficar debatendo “dados oficiais” se até às pedras sabem que eles não são confiáveis ou são simplesmente fajutos?

          26+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • antifragile 14 de junho de 2017 at 23:26

    Número de imóveis financiados pela Caixa Econômica é o mais baixo desde 2011
    Números entre janeiro e maio:
    2011 –> 223.976
    2013 –> 284.497 (pico)
    2017 –> 181.140
    Link pra matéria em vídeo da Globo News: https://glo.bo/2sqlTOG

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 15 de junho de 2017 at 08:50

      Queda de 100 mil somente. Isso no Caixão que tem juros de pai para filho.
      No RJ teve queda de 50% com relação ao pico.

      Detalhe que a reportagem só conseguiu esses dados usando a Lei de Acesso à Informação, se fosse depender da transparência da Caixa estaria tudo estável com leve tendência de queda, como eu li aqui esses dias.

      Reportagem muito bonita essa mostrando figuras do segmento imobiliário meio desanimadas, com pessimismo na fala.

      19+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 15 de junho de 2017 at 09:23

        Mas a própria Globo News estava contando que em São Paulo teve um leve aumento de imóveis financiados (+ 1,34%)
        mas são aquelas matérias pontinha de viagra ….. para tentar ressuscitar o falecido….
        saudades de 2003 a 2006 …. as pessoas trabalhavam, produziam, compravam e quitavam tranquilamente os imóveis. Não tinha tanto olho gordo … no sistema …. o cinismo ainda era muito pequeno. Havia até uma ingenuidade no ar.

        21+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 15 de junho de 2017 at 09:27

          ah… sim… assisti agora….
          era essa mesma matéria com a mesma jornalista e o mesmo economista da FIPE. (mas pegando só SP)

          7+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
      • CA 15 de junho de 2017 at 10:58

        Antigo

        É sempre assim, para você arrancar a verdade da CEF, do segmento imobiliário e dos asseclas de CEF e do segmento imobiliário , somente mediante a força da lei, ou de uma auditoria que exija a revelação da verdade, sob forte ameaça de denúncia com efeitos muito mais catastróficos.

        Eles são os criminosos de colarinho branco, que acham que podem mentir, aplicar golpes e enganar acreditando que nunca descobrirão, que nunca haverá punição, etc…

        Como descobriram que o MCMV faixa 1 tinha mais de 20% de inadimplência?

        Porque a veja usou a mesma lei de acesso a informação, caso contrário a CEF continuaria mentindo e enganando a todos.

        Como descobriram que o dinheiro do FI FGTS estava sendo desviado em maracutaias pela CEF?

        Porque a Polícia Federal fez investigação onde prendeu inclusive o vice-presidente da CEF.

        Com o descobriram que em meio a títulos podres sendo vendidos pela CEF, haviam também títulos bons, mas que eram vendidos como podres, com “descontos de 90%” para a BTG e portanto, com altíssimo prejuízo para a CEF e o dinheiro público?

        Porque o tribunal de contas da União fez uma investigação e constatou este golpe.

        Como descobriram o golpe conjunto entre CEF e BTG no esquema do Panamericano, onde mais uma vez a CEF teve um prejuízo enorme para que o BTG pudesse lucrar?

        Foi uma investigação da polícia federal que descobriu isto.

        Como chegamos a mais de 300 processos de investigação quanto a esquemas de corrupção envolvendo o minha casa minha vida em todo o país, alguns com participação direta de funcionários da CEF?

        Denúncias de pessoas que foram prejudicadas pelo esquema de corrupção, investigacao de crimes relacionados que acabaram esbarrando nestes crimes, etc.

        Por que a PDG foi obrigada a reconhecer em seus relatorios trimestrais uma queda relevante nos preços de imóveis em estoque, depois de anos em que já constatavamos isto através de diversas fontes?

        Porque a auditoria OBRIGOU a PDG a reconhecer aquilo.

        Por que a PDG reconheceu em seu relatorio oficial do 11T17 que os distratos só caíram porque eles não tinham caixa para pagar os distratos e portanto, muitos distratos deixaram de ser registrados (queda FALSA), após ANOS que nós já apontavamos que isto estava acontecendo para a PDG e algumas outras construtoras?

        Porque ela foi OBRIGADA a fazer isto pela auditoria, pois esta realidade estava muito gritante para continuar sendo mascarada.

        Esta história já vem de bem antes… Em meados de 2011 Enrique Bañuelos vendeu sua participação na PDG com lucro bilionário. Foi só no relatório de 2012 que a PDG revelou que no ano de 2011 os distratos tinham superado a barreira de R$ 1 BILHÃO, algo completamente ABSURDO, sem precedentes em nenhum lugar do Mundo. Por que foram obrigados a reconhecerem isto, novamente com forte atraso?

        Porque tiveram distratos de mais de R$ 1 BILHÃO também em 2012 e com isto, o prejuízo líquido ficou próximo a R$ 2 BILHÕES, a dívida líquida sobre o patrimônio líquido passou e bem de 100%, o estoque ficou MUITO acima do máximo que era considerado normal, vendas líquidas de distratos DESPENCARAM, etc, e a empresa entrou em uma espiral destrutiva “impressionante” para quem até o ano anterior era a maior empresa de capital aberto do segmento em valor de mercado nas Américas e ainda, a líder em lançamentos e vendas no Brasil. Não tinha mais como a PDG mascarar a causa de todos estes resultados CATASTRÓFICOS…

        Ainda há MUITAS mentiras, omissões, golpes e DESINFORMAÇÃO a serem desmascarados, dentre eles, só como AMOSTRA (tem muito mais):

        A inadimplência REAL da CEF no crédito imobiliário, que caiu de forma MIRACULOSA a partir do 4T16, depois de ter 8% de inadimplência abaixo de 90 dias e 2% de inadimplência acima de 90 no 3T16 e mediante aumento em desemprego, queda na renda, queda no PIB, recorde histórico de fechamento de lojas no país, etc, etc, etc.

        Isto sem contar que o BC aponta que no total dos bancos eles tem 233.000 contratos de crédito imobiliário inadimplentes há mais de 90 dias e a CEF, que detém 70% de todo o crédito imobiliário concedido e que pelas “facilidades” na concessão deste crédito deveria ter ainda mais que estes 70% em inadimplência, ou seja, deveria ter retomado mais de 186.000 imóveis, tem apenas 25.000 imóveis retomados e alega que tudo está “sob controle” e que a inadimplência está até “melhorando”.

        “Curioso” que apesar deste resultado “excepcional”, a CEF teve que prorrogar o uso do FGTS que antes servia para quotar até 3 parcelas atrasadas, para 12 meses de atraso. Ué, se a inadimplencia está se resolvendo de forma tão MIRACULOSA, para que ampliar o prazo? Depois de 3 mes3s eles ja podem retomar o imóvel e como a inadimplencia esra caindo, isto não seria nenhum problema, aliás, seria uma NECESSIDADE para grantir o equilíbrio financeiro da CEF, para que esta APELAÇÃO, se tudo está melhorando de forma tão INCRÍVEL? Para que contratar vendedores em todo o pais para deslocarem o estoque de imóveis leiloados? Para que pensar em criar a sua própria empresa abutre para desovar creditos podres, se a inadimplencia esta caindo de forma impressionante? Um grande conjunto de ações completamente incoerente com os números OFICIAIS da CEF, não é mesmo?

        Aliás, frente a piora sensível na economia, não foi só a inadimplência do crédito imobiliário que melhorou MILAGROSAMENTE, TODAS as linhas de crédito tiveram “redução” na inadimplência OFICIAL da CEF…

        Um aspecto “engraçado”: de tempos em tempos o Nefasto não consegue conter a suua satisfação ao dizer que a verdade não vai aparecer e que mesmo que o esquema vá para o buraco, ninguém vai associar com as causas que colocamos por aqui e com tudo que já havíamos previsto com antecedência. Isto pouco importa para nós, mas o interessante é notar o “caráter” de quem pensa assim…

        22+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Cesar_DF 15 de junho de 2017 at 12:54

          CA
          Quando o preço está bom, eles anunciam o valor
          Quado o negócio está indo bem, os dados são apresentados de forma transparente
          Quando estão contando a verdade, não existe motivo de mentir

          9+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • CA 15 de junho de 2017 at 16:41

            Cesar_DF,

            A bola de neve de mentiras, omissões, DESINFORMAÇÃO, etc, não tem fim. É natural que frequentemente encontremos “surpresas” como as que constam acima.

            Falar a verdade? Nunca foi a regra, a não ser que fosse uma “meia-verdade”, uma verdade pequena e sem importância para dar mais confiabilidade para uma infinidade de mentiras…

            10+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • socrates 15 de junho de 2017 at 20:41

              ora, nao me lembro exatamente quem foi, mas aqui mesmo no BIB alguem conseguiu arrancar de um orgao estatal inforações sobre um indice oficial que estava “sumido” (sem a devida atualização).

              5+
              • avatar
              • avatar
        • Jean Cherem 15 de junho de 2017 at 13:09

          Eu fico tentando imaginar o tamanho e velocidade da deterioração do mercado imobiliário. Se temos um volume de veículos e imóveis desproporcional às necessidades, ambos os mercados não tem como reviver o volume de produção anterior a 2013. Isto já basta para não termos mais os mesmos níveis de emprego. Se estão liberando o FGTS, a CEF perde capacidade de colocar lenha na fogueira. Como será o estouro da bolha? As construtoras nem tem mais como desovar o estoque. Será que teremos um colapso histórico mundialmente reconhecido?

          11+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
      • Cesar_DF 15 de junho de 2017 at 12:49

        O Thiago fm, por que a CEF só está entregando estes dados mediante imposição da LAI?

        10+
        • avatar
        • avatar
  • Alemon Fritz 15 de junho de 2017 at 09:47

    Uber no “mais você”, Ana braga fazendo propaganda… kkk
    ganhe 20$ pra primeira corrida.

    8+
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 15 de junho de 2017 at 09:51

      Tenho passado raiva com Uber ultimamente. Tem vindo muito zé ruela.
      Uma coisa que não gosto é pedir Uber e o infeliz ficar me ligando para perguntar onde eu estou.
      Caramba, não sabe ver no aplicativo?

      Acho que é o desemprego, qualquer despreparado tá tentando ganhar a vida com isso.

      Quando estou em cidades maiores acabo pedindo o Uber Select que costuma vir pessoas melhores.

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • EngenheiroSP 15 de junho de 2017 at 14:17

        No começo, o Uber exigia um curso de 2 semanas. Agora, é um videozinho que assiste online, por isso o tanto de aventureiro.

        Pena que SJC não tem Cabify

        7+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • to bolhado 15 de junho de 2017 at 15:28

        Uber piorou demais mesmo. Que aplicativo vcs preferem? Tenho ouvido falar muito bem do cabfy

        7+
        • avatar
        • fanfarraum 16 de junho de 2017 at 08:29

          Tenho usado bastante Cabify.
          Sou de Porto Alegre e minha experiência com Uber foi terrivel em Sao Paulo.

          Carro sem ar condicionado NEM ventilador funcionando (e o motorista fingindo que tinha acabado de descobrir o problema). Carro mal conservado.
          Peguei uber umas 6 ou 7 vezes, todas vezes sem ar condicionado ligado. Tivemos que pedir todas as vezes, ai nesse CVR de cima não adiantou pedir.

          Cabify exige mais do motorista e do carro (tem que ser mais novo que os aceitos no Uber).

          Mas acho que a tendência é eles piorarem o serviço, tal como o Uber.
          Por enquanto, tenho usado apenas Cabify.

          4+
          • avatar
      • Carlos 15 de junho de 2017 at 19:38

        Provavelmente o mané que te atendeu queria economizar o plano de dados dele.

        3+
    • Antigo 15 de junho de 2017 at 11:34

      Interessante, vão melhorar a remuneração do FGTS de 3% para 5.5%, e dar a correção retroativa mesmo para quem já retirou.

      Mesmo sacando tudo vou voltar a ter saldo?
      Tá na hora de eu comprar o meu imóvel na linha pró cotista! Agora vai!
      Opa, vai não que acabou o funding…

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Gute 15 de junho de 2017 at 12:00

        Pra algumas pessoas essa nova remuneração desfavorece a compra. %%
        Aluguel < FGTS < Juros do financiamento Nesse caso, se o saldo do FGTS for superior ao valor do imóvel pode ser mais vantajoso continuar no aluguel. Antes, para alguns casos ocorria %%: FGTS < Aluguel < Juros do financiamento Nesse caso, se o saldo do FGTS for superior ao valor do imóvel pode ser mais vantajoso sair do aluguel. Nota: Em pouquíssimos casos o saldo de FGTS se aproxima do valor do imóvel.

        1+
      • Cadeludo 15 de junho de 2017 at 12:50

        e aquela correção de longo prazo no fgts como ficou? não me diga que deram cambão de novo nos trabalhadores…

        2+
  • Son goku 15 de junho de 2017 at 10:20

    Vi que estão fazendo uma lei e o uber vai ser igual taxi com as mesmas exigências. Esses politicos nao tem noção de que o desemprego só não bateu perto dos 20% por causa da uber? Tem muito ze mané e eu conheco um que paga prestação do tijolo trabalhando no uber pois perdeu emprego de vendedor.

    19+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 15 de junho de 2017 at 17:31

    Qual o processo político por trás da construção de prédios em São Paulo

    https://www.nexojornal.com.br/academico/2017/06/14/Qual-o-processo-político-por-trás-da-construção-de-prédios-em-São-Paulo

    “A autora busca saber se existe um padrão único de relação público-privado na política de uso e ocupação do solo urbano que explique as vitórias do setor imobiliário.”

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Rodrigo ABCDM-SP 15 de junho de 2017 at 23:59

    rafa_fv

    Rodrigo depois você posta a continuação deste CVR, se ele colocou tudo nas cotas, não dou 12 meses para ele começar a tentar vender com deságio. Estes espertos não conhecem o produto e caem no conto do corvo do banco, não tem juros só uma taxinha de adm, kkk.

    5+
    • avatar

    Posto sim!

    4+
    • avatar
  • Cadeludo 16 de junho de 2017 at 00:49
    • Antigo 16 de junho de 2017 at 08:25

      É o francês bureau aportuguesado. Feio demais o nome.

      Achei engraçado o fato desse novo empreendimento concorrer com o SPC e com o SERASA.
      Tem tanto caloteiro que o mercado tá aquecido! kkkkk

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Zé do Brejo 16 de junho de 2017 at 08:00

    Ninguém avisou que haveria FAVELIZAÇÃO das cidades… Cadê a demanda reprimida??? kkkkk
    Rio de Bosteiro segue firme e forte rumo a DETROITIZAÇÃO
    https://economia.uol.com.br/noticias/bbc/2017/06/15/crise-falencia-estatal-e-desemprego-levam-a-explosao-no-numero-de-moradores-de-rua-no-rio.htm
    NÃO HÁ RENDA, aliás, NUNCA TEVE.

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 16 de junho de 2017 at 08:28

      “O número de moradores de rua teve um aumento vertiginoso nos últimos anos, tendo praticamente triplicado de 2013 para cá. Em abril deste ano, o número de pessoas vivendo nas ruas da cidade chegou a 14.150, de acordo com a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos – contra 5.580 em 2013….”

      Estão vendo? Isso significa que triplicou a demanda por moradia.
      Vocês ficam falando que não tem demanda, não tem demanda. Claro que tem, os corvos tinham razão.

      20+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Cesar_DF 16 de junho de 2017 at 08:28

      A não ser que ocorra uma guerra no oriente médio, que mande o barril de petróleo para US$150, o Hell do Bosteiro caminha inexoravelmente para a pocilga econômica e social, a queda na renda per capita será contínua, gerando o caos social, pois criaram despesas com aumentos artificiais dos salários e aposentadorias, e tal qual um viciado em crack, se entrar na abstinência fará qualquer coisa para conseguir sua pedrinha.

      Da mesma forma que pessoas comprometeram sua renda por 30-35 anos, com suas parcelinhas da casa própria, o governo do Hell do Bosteiro “vendeu” diversos dos seus recebíveis no futuro, tanto que criaram a Companhia Fluminense de Securitização, como o dos royalts do petróleo, e a medida que chegamos a este futuro e esse dinheiro não está disponível, o caos se aprofunda. O governo estadual fez como uma otário qualquer, que antecipou o recebimento do seu 13º salário para pagar a festa a filha de 15 anos, e quando chega em dezembro entra no cheque especial para sair presenteando todo mundo. O cheque especial dos governos estaduais se chama “Fundos de Investimento em Direito Creditório (FIDC)” .

      Como RJ foi o que mais usou este “cheque especial” o problema não é apenas uma situação temporária de queda de arrecadação e aumento dos gastos salariais, todo o futuro já está comprometido, reforçando mais ainda o processo de DETROITIZAÇÃO

      http://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/471126/noticia.htm?sequence=1
      https://www.selene.blog.br/single-post/2016/08/11/Securitiza%C3%A7%C3%A3o-uma-opera%C3%A7%C3%A3o-de-cr%C3%A9dito-de-elevado-risco
      http://www.blogdogarotinho.com.br/lartigo.aspx?id=20417

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 16 de junho de 2017 at 08:33

        “O PLS nº 204/2016 pretende alterar a Lei nº 4.320/1964 para que todos os entes da Federação possam vender para o setor privado os direitos sobre créditos a receber tributários e não tributários, objeto de parcelamentos administrativos ou judiciais, inscritos ou não em dívida ativa. A ideia da proposta é permitir um “alívio” no caixa dos entes da Federação e, simultaneamente, gerar resultado primário na União. Por essa razão, os defensores procuram caracterizar a securitização como uma cessão de ativos, uma receita genuína e, não, uma operação de crédito.”

        Bastante interessante a proposta. Caótica, mas interessante. Basicamente uma privatização do poder de tributar do estado, por sei lá quantos anos.
        Como envolve risco de queda de arrecadação e calote, com certeza esses títulos serão vendidos por preço de laranja lima (a banana anda cara).
        Fico imaginando até quando vão conseguir empurrar para frente as dívidas e o modelo insustentável de estado gastão.

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Antigo 16 de junho de 2017 at 08:43

          Só fazendo uma correção, ao que parece a proposta envolve mais a venda das dívidas tributárias do que arrecadação futura. Na prática dá na mesma, é dinheiro de tributo que deveria ter entrado e que em teoria vai entrar no futuro, sendo vendido para a iniciativa privada com descontos a título de antecipação de receitas.

          Chega a me assustar os malabarismos contábeis e financeiros que inventam para pedalar as dívidas.

          13+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Zé do Brejo 16 de junho de 2017 at 08:47

            A crise fiscal é tão série que não vejo regulação no curto e médio prazo.
            Inevitavelmente vamos piorar muito (desemprego, recessão, depressão, inflação, juros altos) antes que possamos melhorar.
            Ainda vai piorar muito, antes de melhorar.

            11+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
      • Carlos 16 de junho de 2017 at 08:35

        Os EUA não são tão dependentes dos árabes como no passado, tem o shale gas, fracking e outras tecnologias. Fora isto só estão esperando a Venezuela explodir de vez para manda a exon, shell e outras de volta para lá.

        17+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Zé do Brejo 16 de junho de 2017 at 08:37

        Cesar,
        O que me deixa ainda abismado é a quantidade de pessoa que não fazem a menor idéia do tamanho do buraco que o Bananil está atolado.
        Vejo muita gente achando que ano que vem será melhor… Povo ainda vive num mundo de fantasia.
        A realidade se impõe, mas o grau de cegueira coletiva, idiotização generalizada ainda é enorme.
        Essas pessoas acabando sofrendo muito mais. Mas infelizmente não adianta explicar, não há inteligencia cognitiva para acompanhar o raciocínio.

        24+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Cesar_DF 16 de junho de 2017 at 08:45

        Lembrando que o RJ pegou e terá que devolver ainda

        3.2 bilhões dos depósitos judiciais
        http://www.conjur.com.br/2017-fev-14/stf-suspende-tranferencia-depositos-judiciais-governo-rio

        20 bilhões do BNDES referente copa e olimpíada
        http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/rj-precisa-de-mais-r-10-bilhoes-para-quitar-pagamentos-diz-economista.ghtml

        18.5 bilhões Títulos de antecipação de recebíveis dos royalts do petróleo, emitidos pelo Rio Previdência em 2012
        http://www.jb.com.br/rio/noticias/2017/02/13/tribunal-de-contas-do-estado-constata-divida-bilionaria-do-rioprevidencia/

        13+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Antigo 16 de junho de 2017 at 08:53

          Não vejo saída para o RJ mesmo. Embora outros estados estejam em situação quase tão calamitosa quanto, a situação do RJ é mais grave por causa dos funcionários públicos e dívida da copa.

          13+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Zé do Brejo 16 de junho de 2017 at 08:55

            E das Olim-píadas 🙂

            5+
            • avatar