Preço dos imóveis tem a maior queda mensal em 5 anos, diz FipeZap – G1

O preço anunciado do metro quadrado para venda dos imóveis residenciais em 20 cidades brasileiras caiu 0,16% em maio, segundo o Índice FipeZap, divulgado nesta sexta-feira (2).

No acumulado do ano, o preço dos imóveis tem leve recuo de 0,08%. Contudo, nos últimos 12 meses o valor sobe 0,46%, frente à inflação oficial acumulada de 3,75% no período, medida pelo IPCA.

Matéria completa em http://g1.globo.com/economia/noticia/preco-dos-imoveis-tem-a-maior-queda-mensal-em-5-anos-diz-fipezap.ghtml

9+

Você pode gostar...

Comments
  • Burbuja 2 de junho de 2017 at 13:03

    Pessoal, vou reproduzir aqui meu CVR pessoa que ficou no final do tópico passado. Agradeço ao Libertario, Antigo e Véio pelos posicionamentos!

    OFF: problemas no apto (CVR?)

    Em janeiro aluguei um apto que desde então mostrou ter várias problemas. Relatei alguns casos isolados aqui e a má fé com que o corretor sempre agiu, se isentando, se omitindo e ignorando mensagens. Ocorre que eu já estou bastante insatisfeito com o lugar devido a esses pequenos inconvenientes e a gota d’água (literalmente!) foi um vazamento que apareceu no box da suíte: tem uma mancha preta horrorosa que foi se formando aos poucos. Falei com o vizinho de cima e ele disse que o problema era normal e me mostrou que no dele também havia um vazamento de cima, que o condomínio deveria resolver isso, mas não moveu uma palha. Aparentemente ele sabe que deveria resolver o problema, mas como passa pelo mesmo e não se sente incomodado, também não vai mover uma palha por mim. Diante da negligência do corretor em casos anteriores, cogitei mandar um e-mail com o comprovante de pagamento do mês anterior (no dia 10) e relatar o problema, dizendo já de antemão que tentamos todas as vias para resolver o problema e temos sido ignorados, além de que a comunicação com o mesmo tem sido pouco efetiva. A ideia é mostrar que temos feito nossa parte em pagar tudo em dia, mas não vemos retorno nem custo-benefício para o que estamos pagando, e dar um prazo final até o dia 10 do mês que vem para termos o problema resolvido, sob pena de devolvermos o apartamento antes de findado o contrato.

    Sinceramente, como agiriam os bolhistas nessa situação? Meu pensamento pode estar equivocado e impulsivo? Lembro que o corretor é um verdadeiro pilantra e não há como negociar amigavelmente com o mesmo, então queremos colocar o pé na porta.

    12+
    • avatar
    • avatar
    • Ribs 2 de junho de 2017 at 13:43

      Fique feliz por poder simplesmente sair daí, tem gente que está preso a uma bomba e não pode sair.

      31+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Burbuja 2 de junho de 2017 at 15:01

        Se tem uma coisa que é certa é que sairei daqui quando o contrato vencer em janeiro. Outra é que nem tão cedo vou querer comprar uma bomba dessas. Minhas dúvida era como os bolhistas daqui reagiriam, se esperariam os 7 meses restantes do contrato ou sairiam colocando o pé na porta.

        12+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Coelho da pascoa 2 de junho de 2017 at 15:11

          Tire fotos da mancha e informe por email a imobiliária, se possível informe o dono ou exija uma prova de que eles informaram o dono. Senão amanhã eles podem querer te passar a perna dizendo que você deixou de avisar o problema no imóvel pra não pagar sua caução.

          Aluguei um imóvel recém reformado, aí o pedreiro fez uma obra porca e a umidade começou a atingir a pintura da coluna, pensa num cara que passou mais de 3 mãos de tinta naquela coluna e não adiantou nada! Aquela porcaria de coluna já estava esfarelando! às vezes é preciso pensar além do dinheiro, no meu caso estava virando uma questão de segurança! já imaginou aquilo ali desabar?

          Se possível alugue uma casa não pintada e não deixe o cara pedir a casa pintada, senão depois o cara vai fazer corpo mole sabendo que se você for sair vc vai ter que pintar, casa não pintada pode até não ser tão bonita mas é garantia de que o imóvel não tem maquiagem.

          10+
          • avatar
          • avatar
          • Burbuja 2 de junho de 2017 at 15:38

            Vou fazer isso! A cada mês que passa a mancha piora! O que me incomoda mais é saber que vem do ralo de cima, mesmo colocando algo embaixo pra depois escoar a água me dá nojo…

            3+
            • avatar
        • Cesar_DF 2 de junho de 2017 at 17:25

          Se ele não responde por email, telefone gravando a mensagem.
          Se abrir um processo no juizado especial, poderá ir depositando o aluguel em juizo, isso motivará eles a acelerar para resolver

          6+
      • Coelho da pascoa 2 de junho de 2017 at 15:04

        :/ Infelizmente tenho que concordar com o Burbuja, e digo mais: As vezes a imobiliária nem repassa o caso pro proprietário, as vezes é pior ainda, sempre mandei emails reclamando com a imobiliária de problemas da casa e nunca tive resposta, na hora de dizer que ia sair eles disseram que eu precisava ter avisado com um mês de antecedência, então disse que tinha avisado com um mês de antecedência por email e eles disseram que não tinham recebido a mensagem…

        Duas alternativas para eles não receberem a mensagem:

        1) Má fé.

        2) Ignorância de não saber configurar um serviço de email.

        Uma ou outra são terríveis, tive outro problema, a imobiliária que cuidava do aluguel de minha casa faliu, me repassou como cliente pra outra imobiliária e no final do contrato os caras não quiseram me devolver a calção, engraçado, corvos e imobolhárias são prepotentes e exigem porto seguro, caução e blablabla, aí vc dá três aluguéis e a imobiliária “gostosona da bala Chita” vai a falência, minha recomendação sincera, não negocie com corvo/ Imobolhária, não alimente esta raça, alugue de um proprietário idôneo, que mereça seu dinheiro e te dê um imóvel que você merece.

        12+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • anti_corvo 2 de junho de 2017 at 15:02

      Por que você está envolvendo o corretor? O condomínio é pago para imobiliária ou para administradora de condomínios? Eu tive problema com infiltração, fui pra cima da administradora de condomínios, se era o dono do ap, o de cima, ou o condomínio que iria pagar pouco me importava, fui pra cima deles, entreguei uma carta assinada informando que eu estaria suspendendo o pagamento do condomínio até que o problema fosse resolvido, e que se passassem mais de 90 dias sem solução eu estaria entrando com um processo. Problema resolvido.

      8+
      • avatar
      • avatar
      • Burbuja 2 de junho de 2017 at 15:43

        Não aluguei com imobiliária, mas com esta ratazana que só faz atrapalhar o caminho entre a proprietária e eu.

        5+
        • avatar
  • Diego F. 2 de junho de 2017 at 13:03

    FIRS – ops, blog errado.

    Sobre o assunto do tópico anterior, parece que o presidento melhorou um pouquinho o programa:
    https://ndonline.com.br/florianopolis/noticias/governo-anuncia-25-6-mil-novas-contratacoes-para-o-minha-casa-minha-vida

    Para as novas contratações, o governo estabeleceu como pré-requisito que o município a ser beneficiado não pode ter empreendimentos paralisados no FAR. Com isso, a intenção é evitar problemas como a distância entre o imóvel e as cidades beneficiadas, a ocorrência de unidades vazias e a paralisação de obras, entre outros gargalos identificados pelo ministério.

    Pelos novos critérios eliminatórios de seleção, serão priorizados os municípios com elevado déficit habitacional, propostas com empreendimentos próximos a centros urbanos, agências bancárias, lotéricas e pontos de ônibus. Serão excluídas cidades que tenham unidades concluídas e legalizadas há mais de 60 dias, com ociosidade superior a 5% do total contratado.

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 2 de junho de 2017 at 13:46

      Engraçado que parece que pro setor tanto fazia se tem demanda ou não, o importante é construir e auferir o subsídio
      SErá que? o MCMV assim como outras linhas de financiamento o importante é o dinheiro girar, no tópico passado alguém falou dum mega esquema por trás disto.
      Duvido nada, pelos montantes que vemos acontecer nos jornais, estamos vivendo uma grande fantasia, as peças se encaixam perfeitamente toda essa bandiagem e justo municipios do agronegócio os preços ainda mais absurdos de imóvel, ponta grossa por exemplo, no meio do nada, desculpa aí moradores vcs sabem que é longe de tudo mesmo, como pode ter aqueles preços, aquele monte de encalhe se não é muito dinheiro estranho irirgado ali?

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Cesar_DF 2 de junho de 2017 at 17:29

      Com a renda per capita em queda, ocorreu um aumento expressivo da situação “ônus excessivo do aluguel”, o que fez disparar o “deficit habitacional”
      Olha que legalllll. Em 10 anos construíram muito mais residências do que o crescimento vegetativo das famílias, e mesmo assim o falacioso “deficit habitacional” aumentou kkkkkk

      8+
      • avatar
      • avatar
  • Cadeludo 2 de junho de 2017 at 13:12
  • job 2 de junho de 2017 at 13:14

    Mais highlights do G1:
    Dinossauro:
    “Imóvel sempre foi o melhor investimento, essa conversa de aplicação é coisa de banqueiro…”

    Dinossauro(2):
    “Imóvel sempre sera o melhor investimento, mas pensem em comprar para alugar para terceiros, nao para revender – a nao ser que seja numa area nova, que possa valorizar.”

    Realista:
    “Quer dizer seu anunciar uma tampinha de garrafa por um milhão no e FipeZap. Esse vai ser o preço da tampinha de garrafa no índice ZipeZap?”

    Realista(2)
    “Distorção é pouco.. diria má intenção, por que nas negociações os vendedores estão fazendo qq negocio… as vezes até 30/40% de desconto pra vender!! A crise ainda esta batendo forte no setor imobiliário.

    Realista(3)
    “Acabou a fase de imóveis supervalorizados, com preços superiores aos Estados Unidos. Acordem bananenses, vivemos num país em último lugar em crescimento na economia, 14 milhões de desempregados, sem crédito para mais nada. É hora de comprar o arroz e feijão de cada dia. Imóveis somente para ignorantes que acham que é investimento. A bolha imobiliária está explodindo!!!!!BOOOMM!!!!!!!!!!!!!!!”

    Parece que vai mas não vai:
    “Tenho vários imóveis pra alugar e acompanho de perto essa oscilação pois faz parte da minha renda mensal. Digo com conhecimento de causa desde 2014 até hoje os imóveis caíram 20% o seu valor e se vender nesse momento se perde 30%. O valor Líquido que se ganha de aluguel, corresponde a 0,4% do valor do imóvel fora taxas e condomínios. Esse setor sempre viveu de momentos de picos seja de alta ou de baixa, isso não é novidade. Assim que o país voltar a crescer os preço disparam novamente é só saber esperar pra vender no melhor momento. Esse é o melhor momento pra se comprar e não vender.”

    27+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 15:42

      Várias pérolas, mas a grande maioria já acordou e não cai mais no conto dos vigaristas.

      3+
  • Bsbguy 2 de junho de 2017 at 13:16

    Vi na globonews hoje. Rindo sozinho. kkkk

    6+
    • avatar
  • Antigo 2 de junho de 2017 at 13:21

    FipeZap indicando queda é a mesma coisa que água causando sede.
    É surreal quando até o surrealismo retrata a realidade.
    Acho é pouco. Tá na hora de mudarem o índice né. MedianZap.

    24+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Observador 2 de junho de 2017 at 14:04

    LA VIVENDA NUNCA BAJA!

    22+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Intendente 2 de junho de 2017 at 14:32

    Meu amigo, se o índice de anúncios bolhudos está em queda, pense só na vida do “investidor” com dois bolhudinhos na planta?
    Agora é só manter no PMJ e aguardar o despair.

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Curioso 2 de junho de 2017 at 14:38

    FOOGOOO no CABARET!!!

    22+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Julius 2 de junho de 2017 at 14:43

    CVR:
    fui olhar um apartamento aqui em Brasília. Preço: 265 mil.
    Sugeri um desconto, o proprietário disse que era preço final, que não se acharia nada melhor naquele preço.
    O preço realmente era abaixo do mercado, porém pela intransigência, não fechei nada.
    Hoje, 2 meses depois, a pedida é 255 mil.
    kkkkkkkkkkkkkkkk
    Desconfio que tem bode nesse imóvel, algum problema com documentação etc.

    46+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • anti_corvo 2 de junho de 2017 at 14:58

      Ou desespero mesmo.

      14+
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 2 de junho de 2017 at 16:06

      ou é pq todo mundo odeia o cris?

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • EngenheiroDF 2 de junho de 2017 at 21:02

      De mais detalhes do Imóvel, Julius, por favor. Bairro, tamanho, vagas de gararem, elevador etc. Obrigado.

      2+
  • Lucas 2 de junho de 2017 at 15:07

    não sei por quê tanto alarde
    caiu zero virgula qualquer coisa !!!
    já falei, por construção metodológica o fingezap vai arrastar esses zero qualquer coisa por anos
    aliás, vcs são testemunhas, falo disto desde quando dava “valorização”, mais facil que prever essa só a do W

    19+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 15:43

      Pode crer 🙂

      3+
      • avatar
  • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 15:44

    Típico bananense fazendo merda…
    Casal de empresários = Ferrados desempregados que estão tentando a sorte
    Carro bolhudo sem seguro, só para ostentar para bandido e virar alvo fácil… clap, clap, clap… Parabéns.
    Mas será que aprendeu alguma coisa com a lição?
    http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/encontrado-o-carro-da-empresaria-que-enfrentou-assaltantes-para-retirar-filho-do-veiculo-em-sumare.ghtml#G1-FEED-HARD-item-sel-2,rec-produto-24h,25865255386

    10+
    • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 2 de junho de 2017 at 15:48

    MAMV – Meu Aluguel Minha Vida

    Governo federal estuda aluguel social para população de baixa renda
    http://hojeemdia.com.br/primeiro-plano/economia/governo-federal-estuda-aluguel-social-para-popula%C3%A7%C3%A3o-de-baixa-renda-1.497020

    “A ideia é estimular a construção de empreendimentos, pela iniciativa privada, com garantia de 30 anos de aluguel a serem pagos pelo governo federal. Segundo Araújo, esse novo programa provavelmente terá uma divisão por faixas de renda, a exemplo do que é feito no Minha Casa, Minha Vida.”

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 15:54

      Taca fogo no incêndio para ver se apaga… É aquilo que digo do governo Dilmo… nada mudou, não existe nada que indique que vamos sair da crise.

      16+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 2 de junho de 2017 at 16:02

      uma das tantas maldades que o dono da máquina pode fazer para salvar seus amigos-do-Rei
      o duro é dar certo.

      9+
      • avatar
      • CA 2 de junho de 2017 at 16:13

        Lucas,

        Esqueça, dinheiro não é infinito nem aceita desaforo. Tolice acreditar que o governo tem poder para fazer isto em larga escala, só no 1T17 reduziram em 85% (OITENTA E CINCO POR CENTO) o repasse do Tesouro para o MCMV, de onde vai sair o dinheiro? Quando é financiamento imobiliário para compra, o dinheiro pago pelos compradores volta com juros para o FGTS (exceção para a singela inadimplência de 30% no MCMV faixa 1 que vira MAIS UM rombo do Governo e a taxa de inadimplência acima da média para MCMV faixas 2 e 3), aqui no caso do aluguel social é dinheiro a fundo perdido, jogado de helicóptero. É só uma especulação de um governo moribundo para tentar atrair um pouco da simpatia da população mais pobre…

        27+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 2 de junho de 2017 at 16:37

          ah sem dúvida que não ponho um vintém nessa “solução” CA.
          só estou comentando do pacote de maldades que o governo pode fazer para piorar mais ainda sua própria situação.
          Maldades travestidas de bondades pro povo ingnorante.

          4+
          • avatar
        • EngenheiroSP 2 de junho de 2017 at 16:46

          Todos sabemos do estado atual das finanças do país. Mas somos governados por esquizofrênicos, lembre que faz pouco tempo que foi aprovado o tal do “cartão reforma”. Dinheiro pra isso tirado vai saber da onde.

          É mais provável colocarem um motor na bicicleta do que aceitarem que não, não vai. A conta está chegando, mas ninguém acha que vai estar na ponta da mesa pra pagar

          8+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Lucas 2 de junho de 2017 at 16:53

            perfeito
            inclusive no funcionalismo. não adianta nada pensar em manter os privilégios a valor nominal, se a valor real todos vão perder pelo efeito inflação na moeda

            4+
            • avatar
          • anti_corvo 2 de junho de 2017 at 17:22

            Cara, dinheiro o país tem, o problema é que é usado para maracutaia. Então grana tem, só que escorre pelo ralo.

            2+
          • Lucas 2 de junho de 2017 at 19:04

            anti_corvo
            pior que isso, muito pior
            … não temos dinheiro não, temos déficti 200bi/ano
            acontece que do jeito que estamos indo vamos deixar o ralo aberto escancarado e “economizar” fechando na torneira, pra ficar na sua analogia

            4+
            • avatar
            • avatar
    • CA 2 de junho de 2017 at 16:09

      Seguidor do Bolha BH,

      kkkkkkkkk

      Quer dizer que estamos enfrentando a maior crise fiscal da história, tendo batido todos os recordes de déficit, sem termos ainda uma ideia concreta de se e quando isto poderia ser reequilibrado, no cenário mais otimista QUERENDO ACREDITAR que voltaríamos a ter superávit somente em 2020 e o pessoal já está inventando novos sorvedouros para o dinheiro público, para agravar ainda mais este cenário desastroso? Tudo isto para tentar, no DESESPERO, fazer com que a explosão da bolha imobiliária não se torne mais visível? Tudo isto porque hoje o valor de um salário mínimo em São Paulo não é o suficiente sequer para pagar o aluguel de uma QUITINETE minúscula, então ao invés de perceberem o quão absurdo é a distorção entre o preço do aluguel e a renda, porque não usar o dinheiro do governo como MAIS UMA bolsa especulação imobiliária?

      E a nossa fantástica mídia e os seus “especialistas” então? Ninguém se atenta do quão absurda e destrutiva é esta “brilhante” ideia? Do quanto ela é populista e desesperada ao mesmo tempo, só para tentar salvar um mandato moribundo? Por que o governo não paga também por medicamentos sem limites ou características específicas, por que não paga uma conta de luz social mais gás social mais condomínio social, afinal parte do motivo para inadimplência de mais de 30% no MCMV faixa 1 é que algumas famílias não estavam acostumadas a pagarem por isto e viviam a base de “gatos”? Por que o governo não paga também pelo meu carro minha vida para estimular o segmento automotivo? Depois poderia ter o “meu smartphone minha vida”, ou o “minha TV a cabo minha vida” e pela proliferação do dinheiro jogado de helicóptero em todo o país, poderia ter também o “meu helicóptero minha vida”.

      No mundo de ILUSÃO, sobre o qual comento mais abaixo também, o dinheiro é algo INFINITO e aumentar INFINITAMENTE os gastos de um governo não traz nenhum problema, como aliás pudemos observar a partir do início de 2015 quando a Dilma não conseguia mais pedalar com os gastos públicos, não é mesmo?

      37+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 2 de junho de 2017 at 16:48

        kkk CA tá inspirado hoje
        quando o governo se mete onde não deve ele causa distorções enormes as mais comuns: no juros real, na inflação e no cambio

        Mas também gera distorções no preço dos bens e no funcionamento das empresas.
        Diria que hoje quem não é amigo-do-Rei tem boas chances de fechar as portas, seja por feito da fiscalização de primeiríssimo mundo, seja por desequilibrio de concorrencia.

        No sistema comunista, as empresas e instituições tem um unico objetivo, que é o de prosperar elas mesmas, nada gera lucro externo à sua atividade.

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Cesar_DF 2 de junho de 2017 at 17:34

        Quando o gobierno promulga qualquer “direito social” vem as perguntas:
        1 – Quanto custará isso
        2 – Quem pagará a conta

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • CA 2 de junho de 2017 at 15:54

    O título mais correto para o artigo abaixo é: “agarrando-se ao ILUSIONISMO com todas as forças”, mas se falassem a verdade, não seria a Info171Money (by PXdPF):

    http://www.infomoney.com.br/mercados/politica/noticia/6580685/entre-respiro-temer-possivel-bomba-mercado-agarra-uma-conviccao-para

    O artigo acima fala sobre a possibilidade dos parlamentares, em caso de continuidade de Temer, aprovarem na reforma da previdência apenas a mudança quanto à idade mínima e deixar o resto para 2.019.

    Segundo alguns “especialistas”, a solução acima seria viável e o mercado “confiaria” que a reforma teria continuidade a partir de 2019, seguindo as diretrizes de buscar o retorno ao equilíbrio fiscal.

    Aliás, outros “especialistas” dizem que para o mercado, o simples fato de manter a PROMESSA que já dura ANOS quanto a reforma da previdência e outras reformas, já seria o suficiente, mesmo em caso de queda de Temer e entrada de novo governo.

    Só colocam como risco real se tiver ameaça de diretas e de eleição de quem prometa não dar andamento às reformas.

    Curiosamente, é como se eles assumissem que as reformas em si nunca tiveram nenhuma importância de VERDADE para a recuperação da economia no curto prazo e que foram apenas uma CORTINA DE FUMAÇA, afinal, tanto faz ocorrerem agora ou não… Interessante usarem este “discurso” agora, sendo que no momento imediatamente anterior, as reformas eram imprescindíveis e inadiáveis para a recuperação da economia, sendo que as mesmas tinham que ser efetivas…

    Aproveitando o que consta acima e também a notícia recente sobre a retomada do PIB, acho que vale a pena repassar o que venho comentando há tempos:

    A estorinha repetida mil vezes na mídia, de que as reformas da previdência e trabalhista são a PANACEIA para recuperação da economia, são conversinhas para boi dormir, não tem fundamento nenhum. Elas não resolvem uma INFINIDADE de gargalos para nossa economia, o único “benefício” é o quanto podem usar isto para ESPECULAR que é uma solução mágica e imediata que vai causar um Tsumoney sem precedentes, onde esta enxurrada de dinheiro vai impulsionar a economia, gerando o famoso otimismo UFANISTA. Por isto, sendo só um truque de ILUSIONISMO, tanto faz se as reformas vão ter efetividade ou não e até apelam para soluções “um quarto de boca” como as que estão especulando acima (soluções MEIA-BOCA já eram as da versão anterior que ia requerer revisão em 4 anos, estas especuladas agora que são só para Inglês ver são 1/4 de boca ou menos)…

    Sobre o crescimento do PIB no 1T17, como também reforcei várias vezes, é só uma outra forma de ILUSÃO quanto a ser um “marco” para o término da crise, afinal o principal motivador foi a melhor safra agrícola em mais de duas décadas (presente dos Deuses que não vai se repetir), combinada com mudança nos cálculos do PIB (que fazem o resultado crescer), alguns crescimentos de produção em setores estratégicos que geraram aumento de estoques, pois as vendas não acompanharam nos mesmos volumes (insustentável, tende a reduzir produção depois para reequilibrar oferta e procura), saques de contas inativas do FGTS que tem data certa para terminar e que também não continuará impulsionando o consumo no futuro, dentre outros fatores TEMPORÁRIOS que em hipótese alguma caracterizam uma retomada da economia.

    O discurso de que a redução dos juros é outro grande impulso para retomada do crescimento, é outra grande FALÁCIA. Os juros estão caindo como CONSEQUÊNCIA da queda relevante da inflação. A queda da inflação por sua vez, é relevante em virtude da intensidade da nossa CRISE na economia. É exatamente o contrário do que nossa mídia “especialista” divulga. Basta observar que ano passado tivemos queda da SELIC e ao mesmo tempo os juros finais cobrados dos clientes bateram todos os recordes. Onde ficou o “estímulo” à investidores e consumidores, se os juros finais bateram recorde? Aliás, só para corroborar, consumo e investimentos continuaram caindo pelo nono trimestre seguido, de acordo com números apurados referentes ao 1T17. Aqui o que prevalece são os gargalos trazidos pela combinação da explosão das bolhas imobiliária, de consumo e de corrupção institucional, efeitos estes que a mídia de forma geral FINGE que não existem: super endividamento de famílias e empresas, recorde de empresas quebrando e de lojas fechando, preços de imóveis e de aluguéis completamente incompatíveis com renda das famílias, recorde histórico de imóveis nem-nem e de perda de liquidez na economia como um todo, desemprego que continua crescendo, etc, etc, etc, e é este enorme conjunto de CONSEQUÊNCIAS das explosões destas bolhas que se torna um entrave ENORME para a recuperação da economia.

    Veremos ainda as mais variadas formas de DESINFORMAÇÃO, é assim que mantém vivos os BOATOS que estimulam os crescimentos de preços ou evitam o despencar no caso da BOVESPA, com efeito similar para manter o dólar sob controle. Vão PEDALANDO até nas mentiras e enganações, como no caso do artigo que coloquei mais acima, ou mesmo no pronunciamento do BC de que não existe bolha imobiliária, mas isto é só jogar mais gasolina no incêndio, só estão piorando as consequências negativas dos diversos problemas que não estão sendo encarados de frente…

    35+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • O Taliu 2 de junho de 2017 at 16:31

      CA

      Há muito tempo eu não comentava, mas há muito tempo mesmo.

      Mas esse seu comentário foi PERFEITO! cara, parabéns pela sua visão e atitude.

      Muito obrigado por colaborar conosco.

      Isso deixa claro que, infelizmente, nossos problemas ainda estão apenas no começo. O grande acerto ainda não ocorreu.

      24+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 2 de junho de 2017 at 16:41

      Sim CA aquela do BC foi de cair a rosca da unda, comentei lá que palhaçada, olha se alguém tinha dúvidas da desinformatzia oficial é só juntar as peças

      Agora mudando de pato pra ganso, neste seu comentário me ficou a impresssão que vc discorda das reformas, digo elas por elas mesmas, um fim em si, por exemplo o fim da obrigatoriedade do imposto sindical, flexibilização de jornada, acho que tudo isso é importante, tanto faz se na crise ou não.

      o Alex schwartzman, por exemplo, fez umas boas análises a esse respeito, segundo ele, as reformas não tem capacidade de reverter qualquer crise, mas em ela cessando pode ser que um melhor ambiente trabalhista poderia reforçar os efeitos benéficos.

      5+
      • avatar
      • avatar
      • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 16:45

        Véio, sabe o que acho das reformas?
        Não muda nada, ninguém estancou a sangria, ninguém sinaliza para diminuir o tamanho do ESTADO.
        Logo são medidas inócuas, sem efeito duradouro, vão dar uma breve sobrevida para explodir novamente em BREVE.
        A solução não é outra se não diminuir o tamanho do ESTADO. Sem isso, seguimos pedalando.

        17+
        • avatar
        • avatar
        • EngenheiroSP 2 de junho de 2017 at 16:54

          Por isso que não achei nada mal tacarem fogo em Brasília. Apesar de sabermos que era de um grupo mais preocupado com a volta do PT ao poder do que qualquer outra coisa, continuo acreditando que o Brasil só terá jeito quando tivermos a nossa tomada da Bastilha e colocarmos uma guilhotina no alto da rampa do Palácio do Planalto.

          Acreditar que tomando Av. Paulista num domingo vai levar a diminuição do Estado na amplitude que precisamos, é no mínimo inocente

          14+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
      • Lucas 2 de junho de 2017 at 16:51

        zé, algumas das reformas não é justamente isto???
        Estancar o crescimento do Estado e do para-Estado ??? (ieg: sindicatos,e statais e bancos oficiais)
        Não é por serem contra as reformas que as esquerdas se mobilizaram no Fora-Temer???
        Até mesmo se aliando com o lado de lá?

        3+
        • avatar
        • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 17:02

          Concordo em partes, apesar de necessárias as reformas, o gasto público e a má gestão continuam a todo vapor, ou seja, nossa relação Divida x PIB não para de aumentar e as reformas vão refrescar um pouco os gastos da previdência, onde os mais afetados serão os contribuintes do setor privado.
          As mordomias e as gastanças continuam, sinceramente acho que não existe outra via senão a quebradeira sistemica.
          Talvez o Baniniil percise quebrar para realmente surgir algo novo. O remédio amargo ninguém está querendo aplicar.
          Veja, sou totalmente a favor das reformas, desde que sejam amplas e profundas e acabem principalmente com as mordomias públicas, mas apenas acho que elas são insuficientes para nos tirar da crise, as vejo mais como BullTrap.
          Seguimos pedalando.

          6+
          • avatar
          • avatar
        • Lucas 2 de junho de 2017 at 17:14

          só complementando vc Zé
          não é nem de longe uma questão publico x privado
          no Brazil s/a da avacalhação essas esferas se imiscuem, vc pode obter privilégios do governo esteja do lado de lá ou de cá do balcão

          10+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 17:36

            Perfeito!

            5+
            • avatar
            • avatar
        • socrates 2 de junho de 2017 at 18:08

          o para-estado… Esse é muito maior do que o aparente. Aqueles que contam com informações privilegiadas; aqueles que vivem de benesses de conhecidos na justiça; aqueles apoiados nos irreais direitos tributario e trabalhista; aqueles que existem devido à falta de infra-estrutura básica de transportes… Estamos falando ai de 70,80% das grandes empresas????

          9+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Lucas 2 de junho de 2017 at 19:01

            exatamente
            + sindicatos, autarquis, economias mistas, fornecedoras de agua, gas, as tais elétricas e telefonicas que nunca deixaram de ser para-estatais, as que vivem de subsídios: de açougue a construtora, de pasto a cimento

            põe aí até mais, talvez 90% do BR pendurado em algum esquema promiscuo entre publico x privado.
            Brazil s/a.

            7+
            • avatar
            • avatar
  • Lucas 2 de junho de 2017 at 16:00

    Todo dia um 7×1
    prejuízo no maracanã
    olha aqui o resultado do aluguel do maracanã em dia de classico
    http://espn.uol.com.br/post/700056_o-inviavel-maracana?utm_content=buffer00f4c&utm_medium=social&utm_source=twitter.com&utm_campaign=buffer
    Vai?

    5+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • socrates 2 de junho de 2017 at 18:12

      se tivesse lucro, aparentemente teria um valor destinado aos escoteiros também…
      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Vai çim!!!!

      3+
  • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 16:12

    É tudo desvio de verba pública, venda dos imóveis é um mero detalhe.
    https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2017/06/02/governo-altera-minha-casa-minha-vida.htm

    4+
    • avatar
  • calango_df 2 de junho de 2017 at 16:37

    Novo jeito que explico aos amigos pq não compro apê: “já perdi mto dinheiro em imóveis. Qdo o preço estava baixo, não tinha dinheiro para comprar. Qdo o preço subiu, não tinha imóveis para vender…até hj corro atrás do prejuízo”.

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 16:48

      Tem uma incoerência na sua sentença. Se quando estava baixo vc não comprou e quando subiu vc tb não comprou, como pode ter perdido dinheiro com imóveis? Entendi a idéia, mas precisa reformular a frase.

      4+
      • Zebolheu 3 de junho de 2017 at 10:37

        Perdeu com o custo de oportunidade, é correto o raciocínio! Ao mesmo tempo, induz a “pulga atrás da orelha” do do ouvinte brick-lover, que está perdendo justamente por deixar o $ parado em imóveis.

        3+
  • Lucas 2 de junho de 2017 at 16:57
    • From_The_Tower 2 de junho de 2017 at 16:59

      hahahahaaha
      HABEMUS ESTADO !!!

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 17:06

      Temer tem condições de governar?
      Quando a Dilma caiu, eu realmente achava que o Temer iria querer fazer algo poisitivo e realizar as verdadeiras reformas.
      Na melhor que o tempo para trazer luz as dúvidas, o cara tem se provado um Dilmo, está seguindo a cartilha petralha, não faz nada direito.
      Negocia com o Satã se necessário para se manter no poder.

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 2 de junho de 2017 at 17:12

        WFH como diria o falido
        aliás cad~e ele?

        4+
        • avatar
        • Margarida 2 de junho de 2017 at 19:21

          shhhh!

          4+
      • socrates 2 de junho de 2017 at 18:13

        parece que a única função que sobrou para ele foi fingir tentar que não quer ser preso…

        Digo fingir porque ali não tem inimigos, só grandes atores…

        5+
        • avatar
  • Bolhudo 2 de junho de 2017 at 16:59

    OFF Humor, este cara explica bem nossa situação !
    https://www.youtube.com/watch?v=VX3lz5ph8A0

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 2 de junho de 2017 at 17:03

      Eu gosto desse tiozinho para explicar os setores da Banânia
      https://www.youtube.com/watch?v=sfAL4NPqWik

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 17:11

        Caraca From como vc acha essas coisas bizarras???… kkkkkk

        2+
        • avatar
        • From_The_Tower 2 de junho de 2017 at 17:25

          Tenho tempo né!?
          Os tijolos mágicos permitiram a acumulação de capital
          kkkk

          10+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
      • Lucas 2 de junho de 2017 at 17:21

        tasqueopariu kkkkk
        from do céu que porra é essa
        só não duvido que ele tenha sido prrofessor, kkk
        (no ninponiques ele estava contando, chegou até 60, confira na imagem)
        http://4.bp.blogspot.com/-9u2ux9QSnkQ/VjFwkiBwJhI/AAAAAAAAAoE/jHV_Kqlzmb8/s1600/nos_0-100.jpg

        4+
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 2 de junho de 2017 at 17:25

          aham
          hahahahahaha
          esse tiozinho tem um pouco de capacidade de memória ….. e dá um tom de entendido dos assuntos …

          5+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • Lucas 2 de junho de 2017 at 17:28

          Aprendeu na aula de judô do sobrinho

          3+
          • avatar
          • avatar
      • Antigo 2 de junho de 2017 at 17:28

        Acredite se quiser, ele estava contando mais ou menos certo em japonês kkk

        Ele é a cara do Brasil mesmo. Gente pouco estudada (ou muito estudada e pouco aprendida) que não sabe nada mas que fala com propriedade de tudo que deve e que não deve.

        13+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 17:07

      KKKKKK excelente

      1+
  • O Taliu 2 de junho de 2017 at 17:17

    Há um tempo atrás no blog, lá no seu início, eu via o pessoal tacando-lhe pedra no PT e sua gangue como se fosse os únicos bandidos da história. Falava que o PSDB, PMDB e outros Ps quaisquer eram iguais a ele, não havia diferença. Todos se escondiam atrás de pseudo ideologias para mandar a mão grande na máquina pública. Mas ninguém concordava, hoje acho que não resta dúvida que são todos iguais e igualmente bandidos e salafrários.

    Para mim essas reformas não darão em nada, tenho medo é da reforma trabalhista pq se vier no mode hard vamos acentuar a desigualdade absurda que já nos assola. A única reforma que daria jeito, seria a reforma da educação, onde essa passasse a ser e ter o protagonismo necessário para se criar bons cidadãos que seriam capazes de construir uma grande nação.

    Enfim, não acredito que isso esteja em pauta e nem muito menos fosse viável de ser feito, pois não há como dá aquele primeiro passo, tamanho a paralisia de todo brasileiro que só aceita a bandidagem com esperança que seus dias épicos de fartura corrupta tb cheguem, só na base do oportunismo. É apenas criticar os outros, quando que as leis fossem feitas apenas para os outras e não se aplicassem a mim.

    Dessa forma, quem apostar no quanto pior melhor parece que sairá vencedor. Melhoras por aqui, apenas individuais nos raríssimos casos observados.

    29+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 17:27

      Concordo com boa parte do que disse, apenas não tenho medo da reforma trabalhista, acho que se ela vier no modo ULTRA HARD ainda seria muito positivo.
      Quem tem empresa ou já tentou ter uma pode lhe explicar como é desanimador contratar “trabalhadores” coitados e oprimidos nesse país.
      Acho que a reforma fará uma mudança social pra melhor, empregado bom fica, empregado ruim é rua. Hoje o patrão precisa agir em favor dos bons e dos maus. Infelizmente o bom funcionário paga pelo mal. Chega de recompensar os maus individuos. A conta não fecha.

      20+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • O Taliu 2 de junho de 2017 at 17:33

        Zé do Brejo
        Nem essa reforma no modo ultra ultra hard dá jeito nesse bando de nó cego bananense. Funcionalismo público então rsrs….

        6+
        • avatar
        • avatar
    • Libertario 3 de junho de 2017 at 16:25

      Poderia desenvolver mais a sua frase, que reduzir as leis trabalhistas iria aumentar a desigualdade?

      2+
    • Paulo Avelar 4 de junho de 2017 at 01:37

      Acho que já passou do tempo dele estar preso, obviamente o LULA sabia do propinoduto desde o mensalão, os delatores deixam entrever esse fato.Quanto ao Aécio ele se comporta como um petista, ou seja, como um membro Comando Vermelho, e até o jeito de falarem é parecido.

      1+
  • Lucas 2 de junho de 2017 at 17:26

    já que todo mundo resolveu dar palpites segue o
    NOVO BRASIL MOLHADO
    https://www.youtube.com/watch?v=y9NPfI7Xapk

    3+
    • avatar
  • From_The_Tower 2 de junho de 2017 at 17:27

    DOLAR NEWS
    a região dos 3,20 formando um belo suporte….
    teve payroll hoje cedo (dado da empregabilidade americana)
    dólar caiu forte …mas recuperou tudo….
    atenção para os próximos meses….

    3+
    • avatar
    • From_The_Tower 2 de junho de 2017 at 17:28

      se ficar na região dos 3,40 a 3,50 estará ótimo (do ponto de vista da moeda bananeira)
      precisamos saber o comportamento da moeda do FED

      6+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 17:34
  • From_The_Tower 2 de junho de 2017 at 17:36

    Milton Guardião Universal e sua testa de ferro
    https://www.youtube.com/watch?v=_UT5-6C5l00

    3+
    • avatar
    • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 17:50

      Isso é Bananil

      3+
  • Lucas 2 de junho de 2017 at 18:06

    To aqui calculando nesses flybirdview
    se o governo tá com um déficit recorde colado no teto ano após ano
    o unico meio de rolar a conta é fazendo mais dívida ou imprimindo papel
    então ou descamba na inflação ou no cambio

    Se inflação tá em queda, deveria descambar no cambio, mas o cambio tbm tá parado, até no juros tá caindo
    a Lógica não fecha, no curto a médio prazo um dos 3 tem que explodir… NECESSARIAMENTE < \strong>

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar

    • Lucas 2 de junho de 2017 at 18:07

      ops

      2+
    • Intendente 2 de junho de 2017 at 18:38

      Uma opinião bem intuitiva da minha parte, ok?

      O câmbio seria uma boa saída para o governo. Mesmo que ele encareça as importações, no cenário atual, com a queda da renda interna, a Conta Corrente tenderá sempre a crescer ( exportações – importações).

      Com mais reservas, o Bacen vez ou outra segura um pouco a onda de desvalorização do dólar.

      http://www1.folha.uol.com.br/colunas/vaivem/2017/01/1850383-com-crise-brasil-reduz-importacoes-de-carnes.shtml

      http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/economia/2016/03/04/internas_economia,520483/crise-economica-e-inseguranca-reduz-o-consumo-das-familias-brasileiras.shtml

      Com essa indisponibilidade de consumo da produção do país, o excedente passa a ser exportado, importando, assim, poupança externa.

      Resumindo: AGORA VAI.

      5+
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 2 de junho de 2017 at 18:57

        pode ser sim.
        ainda mais com essa crise, o cambio perdeu a capacidade de gerar inflação interna
        as pessoas simplesmente estão parando de consumir, ou voltando pra qualidade tão baixa que os produtois consumidos aqui só são aceitos como consumíveis aqui.
        voltaremos àquela cena de mercados com produto de vigésima categoria, e nos deslumbrar sempre que vamos pra fora.

        10+
        • avatar
        • avatar
    • Nelson Schadenfreude 2 de junho de 2017 at 19:31

      Acho que o mercado está com a mesma impressão que eu: reforma fiscal (Previdência) só em 2019, com o novo presidente. Até lá, só medidas meia-boca. (O Temer tá até aceitando manter o imposto sindical. PT e PMDB em abraço dos afogados). Mas a perspectiva de um governo bolivariano em 2019 está cada vez mais remota, então o mercado está mais tranquilis. Dá para empurrar com a barriga até lá. Mesmo que o Temer tenha que sair, colocam um Maia no lugar e a vida prossegue.
      A resposta política a esse tumulto recente com o Temer me deu a impressão que a galera no governo (PMDB, PSDB et caterva) vai se mostrar mais competente que o PT para se desviar da Lava-jato e se manter no poder. Se fortalecem para a eleição. E enterram o PT na eleição. Por ora, uma aliança tácita entre PT e PMDB para enterrar a Lava-Jato.
      PT é Lula. E a preocupação principal do Lula hoje é escapar do Sérgio Moro. Sabe que a era PT acabou. Quer apenas garantir a aposentadoria tranquila com o que já roubou e uma vida tranquila para os filhos.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Nelson Schadenfreude 2 de junho de 2017 at 19:35

      Em poucas palavras: o câmbio só vai disparar quando o mercado achar que a crise fiscal vai descambar para o caos, gerando fuga de capitais. Não haveria outro motivo para desvalorização cambial. O câmbio calmo sugere que o mercado ainda não se desesperou.
      Com a inflação sob controle e o país em recessão, os juros só podem cair. O que ajuda no problema fiscal e na recuperação da atividade.
      Mas, na dúvida, ainda mantenho uma posição em câmbio, just in case.

      5+
      • avatar
      • Deralian 2 de junho de 2017 at 21:46

        “Do not go gentle on that Cambial…”

        2+
        • avatar
  • Luladranus 2 de junho de 2017 at 18:47

    Vem aí outra imensa bomba de melda, os próximos capítulos serão bem excitantes.

    http://istoe.com.br/palocci-prepara-bomba-contra-o-pt/

    “Além de Lula, Palocci já contou aos procuradores que vai detalhar como funcionava a venda de Medidas Provisórias para grandes bancos. Ele vai dar o nome de ao menos 20 empresas que pagaram subornos ao PT. Esses grupos teriam se beneficiado de esquemas de corrupção no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf). Outro grupo que está na alça de mira das delações de Palocci é o empresário Abílio Diniz. O ex-ministro vai contar os bastidores de como o grupo de Diniz manobrou para levar vantagens na disputa que enfrentou com o grupo francês Casino pelo controle do Pão de Açúcar. Os detalhes da delação estão sendo tratados por seus advogados Adriano Bretas e Tracy Reinaldt.”

    7+
    • avatar
    • avatar
  • CA 2 de junho de 2017 at 19:19

    Lucas,

    Sobre este trecho do seu comentário que ficou mais acima:

    “Agora mudando de pato pra ganso, neste seu comentário me ficou a impresssão que vc discorda das reformas, digo elas por elas mesmas, um fim em si, por exemplo o fim da obrigatoriedade do imposto sindical, flexibilização de jornada, acho que tudo isso é importante, tanto faz se na crise ou não.”

    Respondendo ao ponto acima, eu concordo quanto ao “espírito” INICIAL das reformas e não com este 1/4 de boca (sim, porque não chega a ser nem meia-boca) que estão propondo agora. Dois exemplos:

    Reforma da previdência:

    http://www.infomoney.com.br/mercados/politica/noticia/6580685/entre-respiro-temer-possivel-bomba-mercado-agarra-uma-conviccao-para

    Pelo link acima, dizem que os “aliados” de Temer já planejam passar uma “reforma” da previdência que trate EXCLUSIVAMENTE da idade mínima! Isto merece o nome de “reforma”??? Este ponto da idade é importante, mas não resolve uma infinidade de itens. Aliás, na versão anterior, a MEIA-BOCA, já deixava de lado VÁRIOS assuntos críticos e espinhosos, novamente, perdendo MUITO de sua eficácia.

    Outro link, que você mesmo colocou acima:

    http://www.oantagonista.com/posts/temer-vai-manter-imposto-sindical-obrigatorio

    A reforma trabalhista remendada não resolve VÁRIOS dos gargalos que impedem a produtividade nas empresas. Não é só o imposto sindical que aparentemente, pelo que consta acima, vai continuar. Outro exemplo:

    Falando sobre a Terceirização, que já foi aprovada:

    Por acaso a lei impede um terceiro que presta serviço “quarteirizado” em uma empresa de processar aquela empresa? Se a empresa de consultoria para quem ele emite NF não tiver condição de pagar os “direitos trabalhistas” dele, ele poderá processar a empresa em que ele está alocado prestando serviços! Isto reduz MUITO POUCO o risco trabalhista da empresa contratante, ou seja, não é incentivo suficiente para estimular contratação de terceiros.

    Outra: se a empresa contratar diretamente o terceiro sem intermediário e ele tiver uma micro-empresa, por exemplo, é a contratante que vai ser processada diretamente, como aliás sempre foi! Isto não resolve absolutamente NADA dos riscos trabalhistas e assim não estimula em nada os negócios!

    Sabe o que o pessoal elogia nesta lei da terceirização? Que ela formaliza muito do que já era prática comum por juízes trabalhistas! Daí eu pergunto: em que isto colabora para as empresas ganharem produtividade, para que surjam mais oportunidades de SERVIÇOS a serem realizados ou “N” outros fatores esperados de uma reforma trabalhista DE VERDADE???

    Como exemplo do que consta acima, mesmo com a nova lei, as pessoas que trabalham para o Uber poderiam continuar entrando com processo trabalhista na justiça exigindo seus “direitos CLT” e vencendo os processos do mesmo jeito!

    Se quisessem resolver o problema, deveriam institucionalizar que o serviço terceirizado é uma prática aceita sem restrições e que NUNCA enseja qualquer tipo de vínculo empregatício, sendo ambas as partes (contratante e contratado) cientes disto contratualmente desde o primeiro momento da contratação. Ocorre que NUNCA farão isto, pois as verbas de impostos e contribuições do governo federal e outros entes relacionados iriam SECAR da noite para o dia!

    Sendo assim, continuam mantendo, não só este, como vários outros pontos (flexibilização de jornada, de férias, etc) da reforma da mesma forma INCOMPLETA, INSUFICIENTE, INEFICIENTE, o que coloquei acima foi só um exemplo.

    Aqui, até mesmo, ou principalmente, ex-presidentes de BC e outros medalhões cometem os mesmos pecados de sempre: fazem uma leitura SUPERFICIAL, GENERALISTA, sem se aterem aos detalhes. É como quando dizem que não temos bolha imobiliária ignorando uma INFINIDADE de fatos e dados, ou quando dizem que reformas trabalhistas e de previdência por princípio são boas, sem olhar em NADA o que está sendo proposto, que muitas vezes é TACANHO de tão LIMITADO…

    Outro ponto que eu critico, é dizerem na imprensa e via “especialistas”, que estas reformas são a PANACEIA, ou seja, que resolverão TODOS os problemas da economia, quando em conjunto com a queda de juros. Isto é uma IMENSA DESINFORMAÇÃO, pois GRANDE parte dos problemas não tem NENHUMA relação com estas reformas e são consequências de BOLHAS.

    Por fim, mesmo que fizessem uma reforma da previdência intensa como deveria e idem para a reforma trabalhista (MUITO diferente das versões PÍFIAS em votação), seria sem dúvida muito bom para o país, mas mesmo assim nunca seria algo milagroso e que representaria uma recuperação intensa e rápida para economia, simplesmente porque a causa raiz dos problemas mais graves enfrentados não tem nenhuma relação direta com os objetos destas reformas. Aliás, no caso da reforma da previdência, se ocorresse de forma intensa, seus efeitos de curto prazo seriam contracionistas para economia…

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 2 de junho de 2017 at 19:22

      exato CA, acabei de escrever sobre isso 3 coments abaixo
      a situação é absurdamente caótica
      a REforma está virando uma DEforma, tá parecendo a deforma ortográfica, só vai passar o que não presta.

      4+
      • avatar
  • Nelson Schadenfreude 2 de junho de 2017 at 19:19

    OFF. Pergunta para os especuladores neoliberais rentistas opressores:
    Quero me livrar da taxa de administração do meu fundo cambial. Estou pensando em vender as cotas, comprar umas LFTs e comprar contratos futuros de dólar da BMF para replicar a posição usando derivativos. Alguém aí mais experimentado pode dizer se compensa em termos de custos de transação? O maldito fundo cambial me toma 1%. Ou pode sugerir alternativas cambiais mais vantajosas, que me paguem também um jurinho merraca em USD?

    2+
    • Lucas 2 de junho de 2017 at 19:24

      tbm, tenho essa curiosidade
      na minha experiencai o fundo cambial de grandes bancos no LP dá na mesma que qualquer CDB e pior que as TDs

      3+
    • SampaBoy 2 de junho de 2017 at 21:44

      Juros em USD é dificil hein. Na minha conta BB americas em miami perguntei sobre poupança e eles me passaram um rendimento de 0,25% ao ano …..não estamos acostumadas com essa miseria de juros….kkk

      7+
    • From_The_Tower 3 de junho de 2017 at 09:37

      Você teria que partir para operações de contratos futuros de dólar no swing trade (pode ser mini contratos ou dólar cheio)

      MND :
      “Para segurar uma posição de um dia para o outro, é necessário um depósito de margem na corretora. Mas, ao contrário do day-trade, esse valor é maior e fica realmente “travado”. Só é liberado de volta para a sua conta em D+2 após o fechamento da posição.
      O tamanho da margem varia de acordo com parâmetros de risco definidos pela própria BM&F, e cabe a cada corretora simplesmente repassar esse valor ou então solicitar um valor maior. Hoje, os mínimos da BM&F estão na casa de R$4800,00 por WDO e R$2500,00 por WIN.

      Os ajustes diários são debitados (ou creditados) da sua conta na corretora de acordo com a variação diária do preço. São calculados com base no seu preço de entrada e o preço de ajuste diário divulgado pela BM&F no fim do pregão (as regras de cálculo desse valor estão definidas no site da BM&F, no dólar é uma média ponderada dos negócios realizados entre 15:50 e 16:00, no índice é parecido, só que em outro horário que não lembro agora de cabeça). Os ajustes são o mecanismo de controle de risco da contra-parte, é a forma que bolsa faz para evitar calotes, pois o resultado da operação é ajustado dia após dia, sem “surpresas” no fechamento da operação.

      Enquanto algumas corretoras aceitam valores aplicados em títulos públicos (TD, por exemplo) como lastro para a margem inicial, o ajuste é debitado do saldo líquido na conta da corretora (caso seja negativo). Então, para manter a posição em aberto, é importante manter um montante líquido disponível na conta da corretora para absorver os ajustes conforme o necessário. Se não tiver dinheiro disponível suficiente para cobrir o ajuste, a corretora pode fechar a sua posição ou então te enviar uma chamada de margem (solicitação de depósito para cobrir o que faltar).

      O ajuste funciona assim. Se você está comprado e o ajuste vem acima do seu preço de entrada, a diferença é creditada na sua conta em D+1. Se o ajuste sair abaixo do seu preço, a diferença é debitada. O inverso ocorre para posições vendidas (ajuste acima da entrada = débito, ajuste abaixo da entrada = crédito).

      Quanto você fecha a posição, a diferença relativa ao preço de saída e o ajuste do dia anterior é creditada (ou debitada) em D+1 também. Ou seja, se você fechar uma compra abaixo do ajuste do dia anterior, em D+1 na verdade você terá um débito na sua conta, justamente relativo à essa diferença.

      No vencimento dos contratos, se você não fechar a operação, em D+1 é feito o crédito/débito referente ao último ajuste do contrato e em D+2 você recebe de volta a garantia depositada inicialmente (isso se não abrir outra posição). Como o resultado da operação já veio sendo ajustado dia após dia, no vecimento resta apenas a diferença final para ser ajustada. Mas isso para os contratos com liquidação financeira (índice e dólar, por exemplo). Alguns agrícolas possuem liquidação física, que envolve a entrega da mercadoria em si no vencimento, então é um pouco mais complicado o processo… 😉

      A famosa “rolagem” é simplesmente fechar a posição no contrato vincendo e abrir uma nova posição, de mesma direção, no contrato que entra em vigor. O custo é apenas das corretagens + taxas bolsa envolvidas nas duas operações.

      Não sei se você já percebeu, mas todo contrato futuro possui um valor referentes a juros embutidos. No dólar isso é mais evidente. No primeiro dia de negociação do contrato, a diferença do DOLFUT em relação ao comercial é justamente os juros. Com o passar dos dias, essa diferença vai diminuindo até que no vencimento, o valor do DOLFUT iguala o comercial (juros zero). Ou, sendo mais específico, o ajuste final do contrato DOL é exatamente a PTAX final do mês.

      No índice funciona igual, mas é um pouco menos evidente. Porém, muitos fundos fazem uma operação chamada cash-and-carry que é justamente para ganhar esse diferença. Resumidamente, eles vendem IND e compram IBOV à vista (via compra direta das ações na mesma proporção em que compõem o IBOV).

      Falo dos juros pois é uma espécie de “decaimento” do preço ao longo do tempo, e mais um fator para levar em conta no swing-trade, principalmente em operações compradas. Mas o impacto é pequeno, no DOL os juros tem começado em 30 pontos no primeiro dia do mês. Ou seja, se você comprar um contrato de dólar no primeiro dia do mês e segurá-lo até o vencimento, e considerando que a cotação do comercial não se altere em nada, o ajuste final do contrato seria 30 pontos abaixo da sua entrada, justamente devido à parcela de juros progressivamente menores.”

      4+
      • avatar
    • to bolhado 3 de junho de 2017 at 11:52

      Fiz isso em 2014/2015. Do ponto de vista de custo de transação é melhor melhor que fundo. Tem q ter estômago pros ajustes diários

      3+
  • Lucas 2 de junho de 2017 at 19:20

    Zé do Brejo

    Concordo com boa parte do que disse, apenas não tenho medo da reforma trabalhista, acho que se ela vier no modo ULTRA HARD ainda seria muito positivo.
    Quem tem empresa ou já tentou ter uma pode lhe explicar como é desanimador contratar “trabalhadores” coitados e oprimidos nesse país.
    Acho que a reforma fará uma mudança social pra melhor, empregado bom fica, empregado ruim é rua. Hoje o patrão precisa agir em favor dos bons e dos maus. Infelizmente o bom funcionário paga pelo mal. Chega de recompensar os maus individuos. A conta não fecha.

    Zé, eu estou na administração do meu condomínio
    não só funcionários, estamos com meia duzia de ações trabalhistas de empresas terceirizadas que faliram e a conta “trabalhista” caiu no colo da gente.
    é um escandalo cara, é muuuuito pior, isso que somos uma pequininha na periferia que muitas vezes fazemos nós mesmos vários serviços.

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • CA 2 de junho de 2017 at 19:23

      Lucas,

      Então, a “reforma trabalhista”, no item específico quanto a TERCEIRIZAÇÃO, não resolve NADA destes seus problemas, por isto que crítico as reformas no formato apresentadas, que são PÍFIAS e que não resolvem nada quanto a improdutividade e custos ocultos das empresas, ao mesmo tempo que não estimulam em nada o aumento na contratação de serviços. Ver meu comentário logo acima onde falo sobre isto.

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 2 de junho de 2017 at 19:25

        esclarecidissisissimo

        3+
        • avatar
    • Leonardo M. 2 de junho de 2017 at 19:24

      Agora vai explicar para um 666 que ter “,direiros*” no Brasil é ruim…

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 2 de junho de 2017 at 19:25

        sorrio e aceno

        4+
        • avatar
    • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 19:25

      CLT é uma vergonha… Essa regra do século passado inviabiliza qualquer empresa pequena.
      Os grandes fazem vários cambalachos e depois compram os juízes pq saí mais barato.

      9+
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 2 de junho de 2017 at 19:49

        compram juiz com verba subsidiada
        na verdade os grandes até gostam desse caos, só eles conseguem ter um aparato jurídico eficiente, isso destroi o médio empresário
        resta o pequeno e micro que se esconde pra sobreviver.

        17+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Alemon Fritz 2 de junho de 2017 at 22:14

        Eu vi um pirralho explicando pra mãe dele na fila do supermercado a vantagem de ele sair de uma empresa, ele “ia botar no pau” e já tinha outra em empresa engatada e a mãe depois concordou com estratégia do espertalhão, aí sim disse ela. O cara sabia mais das regras e seus dereitos que eu na minha vida toda..

        21+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • socrates 3 de junho de 2017 at 12:23

          Todos podemos tudo em cntp. Ao invs de focar o pais para atividades uteis, o governo nos leva todos a sermos Iixpecialixtas em direito de todas as naturezas. A questaoé: é de proposito?

          3+
  • Zé do Brejo 2 de junho de 2017 at 19:27
    • Nelson Schadenfreude 2 de junho de 2017 at 19:38

      Ofensa ao Brasil é a CNBB

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 2 de junho de 2017 at 20:15

    Hoje estou propenso a rever minha posição de apoiar liberação de armas
    (até ontem era convicto que o Estado não deveria se meter nunca nesse assunto, que isso só favorece o bandido)
    Explico:
    um pisão no pé no Metro de SP, briga depois o caos, velhinhas pisoteadas, mulheres sendo roubadas, 14 foram parar no hospital
    bananense mesmo o honesto não tem condição de sair na rua sem licença, imagina se facilita. Tem que abrir mas não muito, precisa sim filtrar esses zé-ruela, ainda mais quando estão ao volante ou em publico.

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 2 de junho de 2017 at 20:17

      isso se não foi uma armação petralha
      por coincidencia doria esteve lá na mesma estação hoje 6 da manhã pra testar o sistema e a própria população elogiou bastante. Defato é um lugar que invejo quem usa.

      4+
      • avatar
      • avatar
    • Margarida 2 de junho de 2017 at 20:34

      Parece que as propostas mais recentes são pra liberar pras pessoas comuns (sem ficha criminal, etc) terem em casa. Posse continuaria com regras mais duras mesmo. E é importante que tenham, eu acho, não tanto porque eu temo acidentes como esse que você achou que podia ter acontecido hoje, mas receio uma dessas armadilhas mesmo, alguém faz um estrago intencional pra tudo voltar a ser como antes ou pior.

      Ultimamente tá batendo um desânimo geral e aquela sensação de que tudo sempre vai voltar a ser pior. É o ânimo geral, conquista de Temer.

      9+
      • avatar
      • Alemon Fritz 2 de junho de 2017 at 22:28

        Agora imagina que meu tio tinha uma pistola italiana com cabo diferente, bonitona
        ele caiu na conversa e “deu a pistola pro Sarneey” como diz a minha mãe… acreditando na campanha, adivinhem se a dita cuja foi derretida ou esmagada… kkk até parece, anos depois ele se arrependeu…

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • socrates 2 de junho de 2017 at 21:15

      o problema, NMHO, é o que o desarmamento foi feito para NAO FUNCIONAR no Brasil (assim como é o serviço público). Se não pode ter arma não registrada, quem a tem não é apenas criminoso; é terrorista. Em um lugar aonde só a ploicia pode andar armada nas ruas, a pena para quem porta arma não registrada deveria ser de uns 30 anos para cima. Pesada mesmo para ninguém fazer. Se o meliante utilizasse a arma então… Pena de morte. Sem mimimi. Só que, Lucas, nós sabemos que isso NUNCA irá acontecer por aqui. Para poderem roubar lá nos camarotes eles precisam que nos distraiamos com a muvucada aqui na geral.

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Ilusionista 3 de junho de 2017 at 17:36

        “Para poderem roubar lá nos camarotes eles precisam que nos distraiamos com a muvucada aqui na geral”

        quando assisti este vídeo a 3 anos atrás achei um pouco lunático. Hoje percebo algo mais realista.

        “Armas silenciosas para guerras tranquilas”

        https://www.youtube.com/watch?v=xBVUBJXWXWY

        3+
        • avatar
    • Leonardo M. 2 de junho de 2017 at 23:55

      Até 2003 milhões de brasileiros andavam armados e não acontecia isso. Pq será?

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • chigo 2 de junho de 2017 at 20:49

    Assistindo:
    http://www.brasilparalelo.com.br/impeachment/
    Já estava revoltado com o Brasil e o brasileiro, mas assistindo fiquei mais ainda.
    A saída é sair fora da banânia mesmo. O quanto antes.

    7+
    • avatar
    • avatar
  • Poeteiro Bolhista 3 de junho de 2017 at 02:01

    Fala pessoal tranquilidade?
    Sou leitor do blog há muitos anos e acompanho as postagens diariamente.
    Nunca tinha parado pra postar aqui, mas depois do poeminha do Fernando ontem eu tive que parar tudo pra dar os parabéns!
    Ri muito daquilo!
    Morador de Brasília, bolhista, moro muito bem de aluguel, solteiro e sem carro há uns 2 anos já.
    Juntando de pouquinho em pouquinho a gente vai vivendo de PNJ.
    Tenho trazido uns 666 pro lado rentista da força.
    Me desculpem por isso, rsrrsrsrs
    Tamo junto aí na caminhada!!!!!
    Ps: Fernando, te curto bro!!!

    28+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 3 de junho de 2017 at 09:26

    Preço de venda do imóveis em Florianópolis tem a maior queda dentre as capitais

    dc.clicrbs.com.br/sc/noticias/noticia/2017/06/florianopolis-tem-maiorqueda-em-preco-de-imoveis-entre-capitais-9806599.html

    6+
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 3 de junho de 2017 at 09:38

      A.R.D.A.M. manézinhos brick lovers
      P.S. grande parte dos imóveis são irregulares… (posse, construção irregular e sem averbamento)
      fora as áreas da Marinha

      5+
    • EngenheiroDF 3 de junho de 2017 at 13:06

      Só achei essa notícia com data de fevereiro.

      1+
    • Leonardo M. 3 de junho de 2017 at 15:06

      Cara, Florianópolis é a capital mais desorganizada quando se trata de imóveis regulares.

      Eu diria que entre 30% e 50% dos imóveis em Floripa estão, são em partes tudo irregular, invasão, puxadinho, etc…

      4+
      • avatar
  • From_The_Tower 3 de junho de 2017 at 09:40

    OFF
    Prenderam o ex-assessor de Temer e ex-deputado Rodrigo Rocha Loures

    Essa semana tem o julgamento do TSE e um possível pedido de denúncia da PGR em relação ao Temer
    eita Banânia… sempre emocionante …….

    ” A Banânia é um lugar para quem gosta de fortes emoções” – Bonequinho do Anonymous
    😉

    7+
    • avatar
  • antifragile 3 de junho de 2017 at 11:10

    Vamos aos fatos:

    1) Em 2013 o Banco Central do Brasil criou o IVG-R, um índice para acompanhar o preço dos imóveis no Brasil e verificar a possibilidade de uma bolha imobiliária no país.

    2) Por 18 meses consecutivos, o IVG-R apontou quedas de 1% ao mês no valor do financiamento imobiliário.

    3) Após esse período de queda, o Banco Central cessou a divulgação do IVG-R. Não foram dadas explicações sobre os porquês. O último dado disponível é de novembro de 2016.

    4) Em junho de 2017, após mais de 6 meses de silêncio sobre o IVG-R, o Banco Central veio a público pra anunciar a criação de um novo índice, o MVG-R, para acompanhar o preço dos imóveis no Brasil. Segundo esse novo índice, “não existe perda generalizada no valor de imóveis”.

    5) O Banco Central nada diz sobre o atraso nos dados do IVG-R.

    Diante desse ACOBERTAMENTO da bolha e MANIPULAÇÃO dos dados para sustentar uma MENTIRA, eu pergunto: Banco Central, cadê o IVG-R?

    O que você está escondendo do povo brasileiro?

    35+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 3 de junho de 2017 at 13:04

      Em amarelo temos o índice fipezap desinflacionado, e podemos ver a queda dos apartamentos de 2 quartos, no rio de janeiro, de fevereiro de 2015 a abril de 2017.
      Como a queda é de 45% e o banco central em seu relatório de estresse econômico falou que os banco quebrariam a partir de 35% de queda, dá para saber porque não publica mais o IVG-R
      Para que o fipezap volte a se equilibrar com o igp-m, os preços anunciados ainda precisarão cair mais 56,7%

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • EngenheiroDF 3 de junho de 2017 at 13:07

        Excelente. Mas podia fazer o mesmo gráfico colocando o marco zero em 2005. Tem jeito ?

        2+
        • avatar
        • Cesar_DF 3 de junho de 2017 at 13:10

          Os dados do fipezap começam em janeiro de 2008

          4+
          • avatar
          • avatar
        • Cesar_DF 3 de junho de 2017 at 13:21

          Em janeiro de 2015 foi o ápice do índice fipezap para apartamentos de 2 quartos no RJ, por isso que o zero começa neste mês, para demonstrar quanto já desvalorizam neste período

          3+
          • avatar
    • Cesar_DF 3 de junho de 2017 at 13:08

      Neste gráfico, dos apartamentos de 2 quartos no rio de janeiro, podemos ver que até a linha amarela encontrar a linha vermelha, ainda precisará cair 56%

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • EngenheiroDF 3 de junho de 2017 at 13:10

        Excelente!!!!!

        3+
      • EngenheiroDF 3 de junho de 2017 at 13:15

        Um gráfico como esse colocando IVGR no lugar do ZAP seria excelente, como IVGR é mais próximo da realidade, a queda dos preços seria ainda mais aguda.

        5+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Cesar_DF 3 de junho de 2017 at 13:18

          Mas quando a queda no valor estava ACELERANDO o BC parou de publicar o IVG-R

          8+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • jodorowsky 4 de junho de 2017 at 21:02

      Daqui a pouco nem fipezap vai ter mais. Já faz um mês que retiraram os gráficos de aluguel e de compra de alguns bairros. Praça da Bandeira, Santa Teresa e outros sumiram com os gráficos. É ridículo ou eles perderam os dados, o que seria ridículo também.

      0
  • Alemon Fritz 3 de junho de 2017 at 12:16

    eles pararam de publicar qdo o IVGR deflacionado cruzou sobre o IVG “normal” estão iguais… ou seja a inflação comeu toda diferença que tinha..
    Fazendo a projeção o IVGR estaria em 400 ou menos,mesmo valor de 2008-009!!! 9 anos atrás.!!

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • EngenheiroDF 3 de junho de 2017 at 12:31

      Quer dizer que segundo o IVGR nós já estamos praticando os mesmo preços de 2008 só corrigindo a inflação? Acho que não.

      3+
      • avatar
  • Cesar_DF 3 de junho de 2017 at 12:58

    Maior portal brasileiro de criptomoedas
    http://www.criptomoedasfacil.com/

    1+
    • EngenheiroDF 3 de junho de 2017 at 13:04

      Acredito que seja outra bolha.

      3+
  • EngenheiroDF 3 de junho de 2017 at 13:19

    CVR

    Há alguns bons posts atrás eu fiz um CVR falando de alguns imóveis cujos preços eu acompanho no DF. Um deles é o dos empreendimentos ATRIUM da João Fortes no Noroeste (Atrium platinum, atrium Doro, Atrium Dargent). COmentei que no ano passado estive presente na SUPERCHANCE da João Fortes e a corretora disse que conseguiria o imóvel mais barato destes 3 empreendimentos por 312 mil. Fiquei acompanhando pela Wimoveis e os preços só caindo, chegando inclusive a serem ofertados por 270 mil. NEsta semana um amigo meu recebeu a ligação de um corretor da Lopes e lhe foi oferecido o imóvel atrium por 244 mil.

    E vai cair mais.

    28+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Margarida 3 de junho de 2017 at 13:43

      Aqui na região onde eu acompanho preços mais ou menos desde 2014, tudo que eu via minimamente decente e habitável era anunciado acima de 300 mil. Por menos que isso às vezes aparecia algum lixo. Alguns condomínios maiores, como sempre tem alguma unidade à venda, eu conseguia monitorar e o preço era o mesmo, sempre o mesmo há três anos, no mínimo.

      Essa semana começou um movimento interessante: encontrei alguns apartamentos habitáveis por 260 a 280 mil (anúncios). Parece que a “ilusão dos 300” foi rompida, e agora vai ser bom observar a velocidade das quedas e mais anúncios tendo os valores derrubados pra essa nova faixa.

      Um caso interessante é de um condomínio grande cujas unidades de 50m2, aproximadamente, são anunciados há anos por mais ou menos 350 mil (variam de 330 até 380). Essa semana apareceu uma unidade anunciada por 265, e um em leilão judicial por 185 mil.

      Vou ficar olhando.

      19+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • job 3 de junho de 2017 at 14:53

        Unidades de 50m2 por 350k… meu Deus esse povo perdeu a noção da realidade…. um apartamento desse tamanho não era pra custar mais de 150k, e olhe lá… e tem gente ainda que acha q os preços sobem pra sempre, valorizando ao menos a inflação todos os anos. Vamos ficar todos atentos aos próximos capítulos pra ver o que esse pessoal diz a respeito dessas quedas, e divulgar os CVRs por aqui…

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • mestre dos magos 5 de junho de 2017 at 10:05

          Tem studio, com menos de 30 metros, em BC, por 600k rsrsrs.

          1+
    • Cesar_DF 3 de junho de 2017 at 16:45

      Acredito que só abaixo de 5k/m2 no Noroeste para ser considerado DESPAIR

      4+
      • avatar
      • avatar
  • João Adamastor 3 de junho de 2017 at 14:33

    Sobre o tópico.
    Essas quedas de 0,6 – 0,7 – 0,73 … e por aí vai estão totalmente fora da realidade.
    Tio professor universitário comprou um ap 3/4 de 13 anos e local bom, mas preço salgado. Dono antigo queria 580k, fecharam por 450k no cascalho.
    Muito estranho esse índice!

    4+
    • avatar
    • avatar
    • CA 3 de junho de 2017 at 16:30

      João Adamastor,

      FINGE-ZAP: se vender mais barato, o índice de preços aumenta!

      Exemplo:

      5 imóveis idênticos de 100 m2, 4 deles anunciados a R$ 500 mil, 1 deles anunciado a R$ 400 mil.

      Preço médio do m2 do FINGE ZAP no caso acima? R$ 4,88 mil.

      Daí ocorre o mais provável, aquele anunciado por R$ 400 mil é vendido por R$ 350 mil e o vendedor retira o anúncio.

      Restaram 4 imóveis de 100 m2 anunciados por R$ 5 mil cada um, ou seja, o preço médio subiu para R$ 5 mil o m2, apesar se ter vendido o mais barato e ainda com desconto!

      O índice FINGE ZAP varia muito pouco porque no contexto acima, ainda assim são vendidos muito poucos imóveis e o restante continua anunciado por meses ou anos baixando muito pouco o anúncio e se iludindo que “os preços não baixam muito”.

      Esta é uma ferramenta de ILUSIONISMO criada pelo ZAP Imóveis que pertence à Globo, porque o eterno crescimento dos preços estimula mais anumvios e eles faturam mais, em parceria com pessoal do NRE da POLI USP, onde 100% deles tem os ganhos dependentes do segmento imobiliário e precisam estimular Est a UTOPIA também…

      25+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Leonardo M. 3 de junho de 2017 at 15:12

    CVR

    Em novembro passado quando precisava me mudar de Floripa para Chape o negociei com um rapaz que gostaria de transferir seu AP alugado da imobiliária para mim.

    Na época(8 meses atrás) o aluguel era R$830 + condomínio, o aluguel já venceria em Janeiro e ele queria se mudar é passar a o aluguel para outro e cair fora.

    Bom estamos em junho e o rapaz Dee ter saído em dezembro ou janeiro e até agora nada de locar.

    http://www.feniximoveis.com.br/properties/apartamento-24318/

    Hoje continua na corvolaria e pelo preço de R$710,00

    Ahhhhh mas o imóvel sempre valoriza, aluguel sempre aumenta …Ahhhhh o preço de oportunidade!!!!!

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Gute 3 de junho de 2017 at 15:16

    Respondendo pergunta do outro tópico:

    https://www.bcb.gov.br/pt-br/#!/home
    Economia e Finanças
    Séries Temporias
    Acesso ao SGS (Sistema Gerenciador de Séries Temporais)
    Dê um “ok” e preencha “ivg” em ” Pesquisa textual (nome da série)”

    Modificaram o retorna da busca. Antes retornavam-se 2 resultados: IVG-R e IVG-R deflacionado.

    2+
  • Seguidor do Bolha BH 3 de junho de 2017 at 17:24

    “Retomada” do crescimento
    Boas perspectivas para o mercado imobiliário em 2017

    http://estadodeminas.lugarcerto.com.br/app/noticia/noticias/2017/06/01/interna_noticias,49751/boas-perspectivas-para-o-mercado-imobiliario-em-2017.shtml

    “Alguns fatores podem favorecer a recuperação do setor imobiliário em 2017:
    A queda na taxa de financiamento interbancário;
    Inflação em desaceleração;
    Redução da taxa de juros;
    Retomada (ainda que tímida) do crescimento da economia;
    Expectativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), já que desempenha o papel de medir o comportamento da economia brasileira. O Banco Central e o Fundo Monetário Internacional (FMI) veem um crescimento do PIB para este ano;
    Novos investimentos no Brasil. ”
    kkkkkkkkk
    Parece até piada.

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • perdido no rio 4 de junho de 2017 at 10:34

      A hora é agora! 🙂

      2+
  • Money_Addicted 3 de junho de 2017 at 20:47

    Cvr – fundo do poço, KD?

    Na galeria do lado da casa q mudei tem uns 8 meses, não tinha nenhuma loja fechada, agora já são duas

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 3 de junho de 2017 at 21:03

      fui dar uma volta hoje e tbm fiquei assustado, cada quadra tinha uma ou 2 lojas fechadas aqui em itajai.. lojas de mais de 15 anos a maioria. e por outro lado surgindo varios prédios com térreo comercial (isso não vai dar certo)..
      Fui comprar uma gaita Hering C, não tinha, o cara da loja fisica disse que era mais facil pegar na internet!!! eu disse que queria física exatamente pelo emprego deles… não acreditei no que escutei… ou era pra esperar encomendar ali..

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Carlos 3 de junho de 2017 at 21:41

        O mais irônico disto tudo é que aparentemente os gigantes virtuais estejam reinventando as lojas físicas.
        https://www.google.com.au/amp/amp.timeinc.net/fortune/2017/04/28/5-reasons-amazon-physical-stores/%3Fsource%3Ddam

        2+
        • FabianoSJC 4 de junho de 2017 at 11:54

          Carlos é dificil prever , mas imagino que as novas gerações plugadas 24 horas por dias na internet e as vendas via web aumentando a cada ano muitas lojas fisicas tendem a desaparecer.
          Vejo o exemplo disso aqui na minha cidade , existia uma loja de informática e eletronicos chamada Premium no auge chegou a ter unidades fisicas em varias cidades aqui do Vale do Paraiba inclusive dentro de shoppings , a pouco mais de um mes a unica loja deles que restava fechou as portas e na entrada uma faixa enorme dizendo que agora só vendas online.
          Imagino que muita gente vai fechar as portas e focar somente em vendas online , menos dor de cabeça com funcionários , não tem que pagar alugueis bolhudos , e com isso conseguem praticar preços competitivos.
          Inclusive encontrei uma reportagem de 2014 da revista exame que já previa esse tipo de coisa :

          http://exame.abril.com.br/pme/se-seu-negocio-nao-esta-na-internet-tendencia-e-desaparecer/

          Imagino que tirando alimentação , vestuário e alguns nichos de prestação de serviços o resto vai passar apertado hoje você pode comprar tudo pela web , desde um parafuso até imovel , carro rs …

          7+
          • avatar
          • Rico 4 de junho de 2017 at 16:17

            Faltam chegar os drones de entregas.

            4+
            • avatar
        • AGP 4 de junho de 2017 at 13:40

          Carlos, não é tão irônico. Se você ler as entrelinhas do link que você postou, é perceptivel que a amazon quer usar as lojas como chamativo para novos clientes. Basta ver o modus operandi dessas lojas: livros expostos com a capa para frente ao invés de empilhados de lado (chama mais atenção), áreas para uso do kindle (segundo eles, é para converter novos usuários), etc.

          Eles próprios admitem que não vendem uma variedade muito grande do acervo porque sabem que o usuário pode fazer isso pelo Kindle.

          Ou seja, a loja física deles não tem o intuito de ser um ponto de venda e sim um chamariz de novos clientes. É um uso estratégico. Da mesma forma que algumas livrarias intalaram cafés (bolhudos, mas ainda assim) dentro de suas lojas para chamar atenção. O intuito não é vender café, é atrair clientes.

          8+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Carlos 4 de junho de 2017 at 19:11

            Concordo, Kauê eu acho irônico é o fato de um gigante virtual criar lojas físicas possivelmente viáveis enquanto o pessoal das redes tradicionais que tem décadas de experiência e dados acumulados para tentarem fazer isto ficarem sentados sobre seus rabos reclamando e em alguns casos pedindo interferência governamental.
            Existe uma parcela representativa de pessoas que preferem tocar e sentir os produtos antes de compra-los é uma boa gama de produtos que se encaixa nesta categoria, isto é meio que independente da geração. A Amazon e outras redes vem tentando eliminar esta “necessidade” já faz algum tempo mas creio que chegou em um limite. Vale lembrar que eles vendem praticamente de tudo nos EUA incluindo coisas como carne e verduras frescas.
            Pessoal do ramo de lojas de eletrônicos e até os supermercadistas estão desesperados aqui, prevêem quedas entre 30 e 40% nas vendas com a inauguração das lojas físicas e armazéns da Amazon.
            Afinal estamos muito mais perto da China 😀
            http://www.smh.com.au/technology/technology-news/just-walk-out-amazons-physical-grocery-store-has-no-checkouts-20161205-gt4pht.html

            1+
            • Carlos 4 de junho de 2017 at 19:13

              Maldito corretor ortográfico, mal posso ver seus movimentos…
              De onde veio este Kauê, deveria ser Agp 😁

              2+
            • AGP 4 de junho de 2017 at 20:18

              Problema mesmo é como você disse. O pessoal se acomodou no mesmo modus operandi.
              Lojas de eletrônicos física no bananil tem dois problemas: ou não sabe atrair cliente (empilha produto em tudo que é canto, parece mais um armazem) ou tem preço muito bolhudo (as pessoas sabem que conseguem preços bem menores online), ou os dois.

              Sem falar que os caras enfiam lojas em cada buraco, tem pouca comodidade para chegar, entrar, etc. Também não tem nenhum incentivo pro cara ficar muito tempo na loja (por exemplo: seria bacana se o cara pudesse experimentar um fone de ouvido especifico antes de comprar).

              Alias não só isso, mas há vários outros fatores envolvidos. O supermercado extra, por exemplo, abusa das luzes e do chão branco (suponho ser alguma regulamentação governamental), o que deixa a loja muito clara e não dá enfase nos produtos que eles querem vender. Além do fato desse tipo de ambiente ser extremamente cansativo. Loja de roupa tem exatamente o mesmo problema. As vezes eu rezo para eles terem bom sofá.

              Meio off, mas já vi na tv os caras mostrando como até a cor que você pinta o seu restaurante pode influenciar na quantidade de comida que as pessoas pegam.

              4+
              • avatar
              • Carlos 4 de junho de 2017 at 21:11

                Sim, carne, vegetais e outros produtos precisam de iluminação adequada senão podem aparentar ser velhos ou de qualidade inferior.
                Lojas de roupas e acessórios normalmente usam iluminação dicróica pois ela não mascara as cores, são equipamentos caros e que consomem bastante energia gerando muito calor, necessitam de instalação própria. Não sei até que ponto elas podem ser substituidas por led mas a techologia dos leds está em pleno desenvolvimento.

                1+
          • socrates 4 de junho de 2017 at 19:45

            é verdade, você tem razão. Parece uma estratégia de marketing interessante. As lojas são atraentes e deve ter pessoal treinado para instruir aquelas pessoas atraidas pelo fisico mas que ainda nao tem confiança de comprar pela internet a tomar esta decisão.

            2+
            • avatar
  • perdido no rio 4 de junho de 2017 at 10:35

    O DIA, edição de hoje: Valor do aluguel de imóveis no Rio baixou em um ano
    http://odia.ig.com.br/economia/2017-06-04/valor-do-aluguel-de-imoveis-no-rio-baixou-em-um-ano.html

    3+
    • avatar
    • Cesar_DF 4 de junho de 2017 at 16:23

      Uéé, por que será que na época que valorizava eles colocavam o índice REAL (com inflação), e agora eles só colocam o NOMINAL???

      6+
      • avatar
      • avatar
    • jodorowsky 4 de junho de 2017 at 20:21

      Baixou, mas continua ridículo, quase impossível encontrar um imóvel que não seja um espelunca em um lugar que tenha o básico do básico, mercado decente e transporte. Semana passada liguei para uma corretora pois queria olhar um apartamento, pegaram nome e telefone e disseram que iam entrar em contato para agendar. Não ligaram até agora e se ligarem vou dizer que não lembro qual apartamento. Essa gente não cansa de ser ridícula.

      6+
      • avatar
  • andy.gamme 4 de junho de 2017 at 11:47
  • Alemon Fritz 4 de junho de 2017 at 12:11

    Aqui em Itajaí os corvos estão voltando pros supermercados e shoppings com “promoções”.

    Aproveitando, eu estava esperando o supermercado abri e vi um folheto de ap aqui. 230k por 66m2. Nisso aparece a corva pra trabalhar e oferece o ‘empreendimento”. Inclusive no primeiro andar tem um com área externa pelo mesmo preço dos outros.. kkk… Eu disse: vi que no zapi os preços estão despencando e desvalorizando, vou esperar mais um pouco… kkk
    bom dia corva, se exploda.!!

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • mestre dos magos 5 de junho de 2017 at 09:49

      Alemon vi um outdoor em Blumenau divulgando apartamento de 2 quartos, por 142.000, parcelado em 100x, sem juros. Certo que o bairro não é tão bom (bairro Fortaleza), é o primeiro a encher quando chove demais. Mas olha o preço, isso era impensável a uns dois anos atrás.

      1+
      • avatar
  • Leonardo M. 4 de junho de 2017 at 13:37

    Mercado(Brasão) bolhudo aqui da minha cidade colocou 4 caixas de auto atendimento em uma unidade no centro da cidade + uma moça para explicar como funciona.

    É o futuro chegou e daqui uns anos não existirá nem emprego para caixa do supermercado.
    Afinal a máquina não bota atestado,não falta, não tem 13, não processa a empresa, não vai ao banheiro e faz até um serviço melhor.

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • AGP 4 de junho de 2017 at 13:42

      E ainda tá atrasado. Já vi modelos em que a máquina para pagar fica no próprio carrinho. Você não pega fila.

      5+
      • avatar
      • avatar
    • Rico 4 de junho de 2017 at 16:16

      Em Portugal isso funciona que é uma beleza. Mas lá você coloca o produto na balança e escolhe qual produto que é na tela para ser pesado. Esse ponto não sei se daria certo aqui.

      Isso não mandou embora os caixas. Continuam existindo. Quem quiser vai neles.

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Rico 4 de junho de 2017 at 16:14

    CVR:
    Casal conhecido comprou apartamento na planta e na hora de financiar não conseguiram renda. A imobiliaria sugeriu parcelar o valor restante entre o valor conseguido do financiamento e o valor do apto em 12 x de 7k. Isso é maior que a renda deles.
    Coloca um fator x 1 milhão e esse aí é o padrão do consumidor de imóveis de hoje.
    Sim eu sei, nenhuma novidade.

    Fim.

    27+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • socrates 4 de junho de 2017 at 19:47

    Em San Francisco, EUA, um storage locker por 160k dolares.
    https://finance.yahoo.com/news/san-francisco-160000-gets-storage-locker-141346453.html

    2+
    • avatar
    • Carlos 4 de junho de 2017 at 20:07

      Pessoal usa muito aqui tb, pode até alugar um container para móveis e eletrodomésticos que as empresas colocam na tua casa e recolhem alguns dias depois.
      Normalmente que usa este tipo de serviço vai estar fora do estado ou do país por algum tempo e pretende alugar o imóvel ou estava alugando um.
      Mais um serviço que ajuda os bolhistas.

      3+
      • avatar
  • Cesar_DF 4 de junho de 2017 at 20:53

    2+
  • Carlos 4 de junho de 2017 at 22:42

    OFF – Spam do dia, bairro tendência 😀

    Boa tarde!
    Viver em tempo com o seu tempo é estar sintonizado com a tendência de morar bem, viver bem. Barra Funda, um bairro tendência que desponta na cidade e atrai olhares interessados em arte, cultura e boas opções de investimento.
    A incorporadora yuny te convida para conhecer os melhores empreendimentos no melhor da Barra Funda..
    Apartamentos de 2, 3 e 4 dormitórios, lazer completo com acabamento de primeira linha..
    PATEO BARRA ( pronto pra morar)
    plantas dê: 88, 117 e 145 m² 3 e 4 dormitorios
    Link com apresentação Pateo barra
    *********************************************
    UNITED HOME ( em construção )
    plantas tipo dê: 69 e 100 m² 2 e 3 dormitórios com terraço gourmet
    coberturas duplex dê: 167 m² 3 suíte.
    link com apresentação UNITED HOME.
    ********************************************
    Aguardo seu retorno para mais informações:
    Ligue: 011 ***************
    ***** da yuny
    crecisp: ********

    2+
  • Cesar_DF 4 de junho de 2017 at 23:50

    #OFF FAKE NEWS

    Gente, por favor, vejam este lixo de reportagem que saiu no Fantástico.

    Eu achei tão estranha esta história de um policial chegar do nada numa sala de aula e “agredir um aluno sem motivo”

    De cara estranhei que não foi mostrado o outro lado da história, o lado da polícia.

    Vê-se claramente a reportagem foi montada para denegrir a polícia.

    Eles não falaram que a polícia foi chamada pelo professor, por causa de tráfico de drogas e porte de armas na sala de aula.

    Comparem com a reportagem de um jornal local
    http://gazetaweb.globo.com/portal/noticia/2017/05/confusao-dentro-de-escola-termina-com-pm-agredido-por-alunos_33883.php

    Abordagem policial dentro de escola termina com PM agredido por alunos

    Militares foram acionados após denúncias de tráfico de drogas dentro da unidade escolar

    Policial teve o braço quebrado em confusão em abordagem

    Uma confusão durante uma abordagem policial na Escola Estadual Campos Teixeira, na Ponta da Terra, na noite desta quarta-feira (24), terminou em agressão a um policial militar. De acordo com informações do Batalhão de Polícia Escolar (BPEsc), os oficiais de operação da Polícia Militar determinaram que a guarnição fizesse rondas na região após denúncias de tráfico de drogas dentro da unidade escolar.

    A guarnição também foi informada que os estudantes estava portando armas de fogo dentro da escola. Durante a abordagem de dois policiais, uma estudante começou a discutir com um dos militares, identificado como cabo Rivelino. Segundo o BPEsc, ela é apontada como a líder do tráfico na escola.

    Na sequência, um outro aluno, que se identificou como irmão da estudante, tentou agredir o policial, que para se defender, o imobilizou. A ação, ainda de acordo com o cabo, resultou em uma confusão generalizada entre os estudantes.

    “Uma garota jogou uma cadeira, que bateu e quebrou meu braço. Outra me deu um tapa na cara e cerca de uns 40 alunos começaram a nos agredir”, conta o policial. Segundo ele, foi solicitado o apoio de outras guarnições.

    O policial ferido foi encaminhado para o Hospital Geral do Estado (HGE) e um grupo de estudantes foi levado para a Central de Flagrantes I, no bairro do Farol.

    O policial explica que um dos problemas da unidade escolar é a falta de controle de acesso. “Os estudantes não usam uniforme, não se sabe quem é aluno e quem não é”.

    Curta a página oficial Gazetaweb no Facebook e @gazetaweb no Twitter.

    http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2017/06/fantastico-mostra-novas-imagens-de-agressao-de-pm-aluno-em-maceio.html

    10+
    • avatar
  • Cesar_DF 5 de junho de 2017 at 00:27
  • Virgulino Lampiao 5 de junho de 2017 at 00:31

    Boa noite amigos bolhistas , hoje vou contar dois CVR.1 cunhado trabalha em empresa terceirizada prestadora de serviço de limpeza e manutençao dos hospitais do municipio de Sao Paulo, pois bem a empresa renovou sua frota de veiculos. Comprou quase 50 veiculos 0 km ano modelo 2014 e ai vai? CRV.2. Muito parecido com o primeiro ,amigo servidor estadual , trab na empresa fornecedora de agua do estado de SP. Renovaçao de frota da empresa terceirizada que fornece os veiculos para a empresa do estado , veiculos 0 km, caminhonetes 2014 todas zero ja estamos chegando em 2018 e existem veiculos. 2014. 0 km e ai vai? Economia melhorando 14 milhões de desempregados … Forte abraço

    22+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • mestre dos magos 5 de junho de 2017 at 09:37

      Estão fazendo no BR o mesmo que na europa. Montando carros e deixando estocados ao relento. Há várias fotos do google earth na internet mostrando essa aberração, de montar carros e estocar, para que a economia continue pedalando.

      7+
      • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 5 de junho de 2017 at 08:02
    • Cesar_DF 5 de junho de 2017 at 08:26

      E justamente em baixo da antena é o ponto de menor potência radiante kkkk

      7+
      • avatar
      • mestre dos magos 5 de junho de 2017 at 09:34

        Também prefiro ficar bem longe disso. Essa antena é um micro ondas a céu aberto cozinhando seu corpo e cérebro.

        3+
  • Cesar_DF 5 de junho de 2017 at 08:35

    Polícia prende suspeitos de quadrilha que fraudava a venda de imóveis em Itapema e Porto Belo
    http://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/policia-prende-suspeitos-de-quadrilha-que-fraudava-a-venda-de-imoveis-em-itapema-e-porto-belo.ghtml

    Casal é preso após se passar por corretores de imóveis para aplicar golpes; 15 vítimas prestam queixa
    http://g1.globo.com/bahia/noticia/casal-e-preso-apos-se-passar-por-corretores-de-imoveis-para-aplicar-golpes-15-vitimas-prestam-queixa.ghtml

    3+
    • avatar
  • Cesar_DF 5 de junho de 2017 at 08:42

    Depois do “SUCESSO” do feirão da Caixa, vendendo 100% dos imóveis, agora temos a notícia:

    Rio – Quem não conseguiu comprar o imóvel na 13ª edição do Feirão Caixa da Casa Própria no Rio ainda tem uma última chance de conquistar a casa própria. Construtoras que anunciaram unidades durante o evento no fim de semana passado oferecem as mesmas condições de venda neste mês.

    O Feirão Caixa da Casa Própria recebeu mais de 16 mil pessoas no Riocentro, em Jacarepaguá, no último fim de semana. De sexta-feira a domingo, foram realizados ou encaminhados 4.830 negócios, o que movimentou mais de R$ 890 mil.

    http://odia.ig.com.br/economia/2017-06-02/promocoes-para-imoveis-continuam.html

    6+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • LZ 5 de junho de 2017 at 08:47

      Isso tá certo 890Mil em quase 5 Mil negócios ?
      Nego só assinou papel desse jeito heuheue

      5+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 5 de junho de 2017 at 08:50

        Supondo que seja 890 milhões, em 4.830 imóveis dá 184K por imóvel, tudo MCMV

        2+
        • avatar
        • LZ 5 de junho de 2017 at 08:55

          Ou seja se o MCMV morrer ngm compra porra nenhuma.
          E isso baliza a merda dos preços pra cima.
          Esses pombais fazem o preço dos imóveis bons custarem caro.
          Mas os acima não vendem, vão pressionar de forma contrária.
          Pq o cara vai comprar um MCMV se haver imóveis bons no preço do MCMV ?

          9+
          • avatar
    • Margarida 5 de junho de 2017 at 22:01

      Nas mesmas condições só neste mês!

      No próximo as condições devem ser melhores.

      0
  • Libertario 5 de junho de 2017 at 09:43

    https://www.terra.com.br/diversao/gente/purepeople/emilly-teme-investir-mais-da-metade-do-premio-do-bbb17-em-imovel,b2703a542f738c874160a6a5c5cf5d93d3bx8ez4.html

    Emilly, vencedora do “BBB17”, teme desembolsar mais da metade do prêmio ganho no reality, apesar de ter se interessado por um imóvel de R$ 1 milhão na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Por enquanto, a gaúcha mora de aluguel e o contrato do imóvel, no qual mora com o pai e a irmã gêmea, Mayla, é de seis meses. “Emilly está com medo de investir mais da metade do prêmio em um imóvel no Rio e depois não conseguir arcar com as despesas porque o custo de vida aqui é bem mais caro do que em Porto Alegre, por exemplo. Lá, com o valor de 1 milhão, ela compra um bom apartamento e um ponto comercial para se manter”, explicou pessoa próxima à campeã ao UOL.

    Imóvel tem dois banheiros e três suítes
    No valor do aluguel da cobertura de 180 metros quadrados está incluso faxina mensal e piscineiro duas vezes por semana. Emilly, que ouviu “não” de uma tia ao chamá-la para trabalhar no local, desembolsa R$ 4.900 pelo aluguel, além de R$ 1.810 de condomínio e R$ 232 de IPTU. A propriedade tem cozinha gourmet, lavabo, varanda, salão, churrasqueira, terraço, piscina, dois banheiros e três suítes.

    7+
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 5 de junho de 2017 at 10:38

      tipo..1 milhão não dá pra comprar mais nada, nem cobertura e nem sobra. …kkk
      qualquer muquifo é 150mil… (e já é muito dinheiro, a galera perdeu os parâmetros).

      10+
      • avatar
      • avatar
  • tmarabo 5 de junho de 2017 at 10:29

    hahahaha agora vai:

    Quem tiver R$ 231,4 milhões, levará os shopping centers de Gravataí e Lajeado. Leilão judicial será dia 22.
    Será na quinta-feira, dia 22, o leilão judicial dos shopping centers de Gravataí e Lajeado, empreendimentos que pertenciam ao M. Grupo.

    Quem pagar pelo menos R$ 231,4 milhões, leva tudo, pelo menos na primeira praça. Se não houver interessados neta fase, a segunda praça coimeçará por R$ 207,6 milhões.

    http://polibiobraga.blogspot.com.br/2017/06/quem-tiver-r-2314-milhoes-levara-os.html?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+JornalistaPolibioBraga+(Jornalista+Polibio+Braga)

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • tmarabo 5 de junho de 2017 at 10:31

      Empresa que planejava construir prédio mais alto do RS, Magazine Incorporações, carro-chefe do conglomerado, teve falência decretada:
      Em 2012, quando começou o plano de expansão no Rio Grande do Sul, a promessa do conglomerado paulista M.Grupo era investir R$ 1 bilhão com operações de shoppings, indústria, hotéis, construção civil, a segunda maior empresa de táxi aéreo do Brasil e até o futuro prédio mais alto do Estado.
      http://zh.clicrbs.com.br/rs/opiniao/colunistas/marta-sfredo/noticia/2017/02/por-que-o-multimilionario-m-grupo-dos-shoppings-de-gravatai-e-lajeado-enfrenta-problemas-financeiros-9722511.html#showNoticia=YUNMTntFRyE4OTcxMzEyNTE2NDQ5Njk3NzkyYiomNTI5NDg4OTUwNTQ2ODY4MTkzOEFWczc3NTQ3MzI1ODcxMjk1MDM3NDQybTQzJDppYVQubCk8bSM+dWo=

      5+
      • avatar
      • avatar
    • tmarabo 5 de junho de 2017 at 10:31

      é soft, pessoal. senta que o leão é manso.

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 5 de junho de 2017 at 10:49

        Todo dia são dezenas de notícias demonstrando a decadência absoluta do mercado imobiliário.

        Só não vê quem não quer. Eu comecei a procurar imóvel aqui em Brasília tem aproximadamente um ano. Consegui alugar um legal no fim do ano passado.

        Hoje por curiosidade fui olhar novamente os aptos à venda e nenhuma surpresa: a maior parte dos imóveis de um ano atrás que eu vi (alguns visitei!) continuam anunciados e encalhados. Quatro deles já estavam com descontos, o resto tava empacado no mesmo preço.

        Isso porque essa cidade é uma distorção absoluta das leis do mercado e mesmo assim dá para ver a desvalorização persistente e claramente.

        Pode até ser soft, mas é um soft tão longo que acaba ‘hardeando’…

        13+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 5 de junho de 2017 at 10:52

          Quem tem dinheiro e um pouco de esclarecimento não compra.
          Quem não tem dinheiro e é brick lover faz besteira e tenta comprar
          Quem não tem dinheiro e é brick lover MAS possui crédito compra e aceita esses preços fora da realidade

          8+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Antigo 5 de junho de 2017 at 10:56

            Aqui em Brasília o sujeito pode ser um History Lover, porque muitos apartamentos são do tempo do JK, sem reformas.

            Os tijolos com história valem mais. Bidezinho azul clássico, cobogó desgastado, pilotis sujo. Alguns possuem até arte popular de rua, conhecida como pichação.

            Passo longe. Se um dia leiloarem um desses bem baratinho quem sabe eu anime pegar para reformar, enquanto isso, seguem os juros, que o o aluguel tá super tranquilo no bolso.

            11+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
  • Alemon Fritz 5 de junho de 2017 at 10:55

    potencial construtivo na Bolsa, a pegadinha
    A crise
    O segundo problema surge quando se entende a natureza das Cepacs. Esses potenciais construtivos são, na verdade, títulos, que inclusive estão na Bolsa de Valores. Ou seja, tem o valor flutuante de acordo com o mercado e a economia. Isso permite, por exemplo, que um investidor especule apenas no mercado de ações, sem interesse em construir algo na região do Porto, comprando e revendendo de acordo com a valorização e desvalorização dos títulos – o potencial construtivo, então, vira uma moeda.
    E como fazer com que o poder público especifique para onde vai o dinheiro, além de regular essa compra e venda de potencial construtivo? Para isso, a então Prefeitura do Rio criou a Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp), instituída pela Lei Complementar 102/2011. Entretanto, a Cdurp terceirizou a própria função, criando o consórcio Porto Novo — a maior parceria público-privada do País –, que nesse caso é formada pelas empreiteiras Odebrecht, Carioca Engenharia e OAS, todas envolvidas na Operação Lava Jato. Ou seja, o Cdurp, por mais que, oficialmente, seja um órgão vinculado à prefeitura, todas as decisões tomadas por ele, na verdade, vêm da concessionária Porto Novo, que é privada.
    caixa…
    O FGTS se comprometeu com o valor de R$ 7,609 bilhões.“Porém, eles [a Caixa] estavam planejando que os Cepacs valorizassem a ponto de cobrir esse valor, como também remunerar o FGTS..
    Mas a Caixa não cumpriu o ritmo de repasses acordado na compra dos títulos da Prefeitura, que usa o dinheiro para pagar a concessionária Porto Novo. O mercado imobiliário do Rio se aqueceu como um todo em 2011 por conta da alta do preço do petróleo, e quando o valor do petróleo caiu e a crise econômica disparou, os potenciais compradores desapareceram, e a demanda por novos empreendimentos não existiram mais. Com isso, menos de 10% dos Cepacs foram revendidos. Além disso, o banco também firmou acordos para obter participação em empreendimentos usando os títulos como ativo – o que eleva esse percentual para cerca de 34%. O projeto ainda foi modificado 13 vezes aumentando o tamanho da parceria público-privada (PPP). ..
    http://www.jb.com.br/rio/noticias/2017/06/04/porto-maravilha-o-fracasso-de-um-projeto-bilionario-que-excluiu-os-menos-favorecidos/

    5+
    • avatar
  • Alemon Fritz 5 de junho de 2017 at 10:57

    90000 pessoas afetadas e nada resolvido.

    5+
    • avatar
    • Antigo 5 de junho de 2017 at 11:04

      Até que revitalizar a área do porto é uma boa ideia, mas acho que o momento foi ruim. A região é bem central no RJ, localização boa. Não tem sentido tanta gente morar longe com tanto território desocupado no centro.

      Mas acabou que o projeto deu nisso aí… com a crise completa do RJ é possível que a região se reverta no lixo que era antes..

      6+
      • avatar
      • avatar
  • antifragile 5 de junho de 2017 at 11:30

    Notícia do Valor abaixo.

    PIB per capita cai 11% e vai levar cinco anos para voltar ao nível antes da recessão

    Embora o Produto Interno Bruto (PIB) e mesmo o PIB per capita tenham crescido no primeiro trimestre deste ano, após dois anos de recuos, isso provavelmente teve poucos reflexos para a sensação de bem-estar das famílias brasileiras, sobretudo para aquelas que ainda buscam trabalho. Estimativa da consultoria LCA aponta que o PIB per capita cresceu 0,

    Este trecho é parte de conteúdo que pode ser compartilhado utilizando o link http://www.valor.com.br/brasil/4992132/alta-do-pib-refletiu-pouco-no-bem-estar

    4+
    • avatar
    • Cesar_DF 5 de junho de 2017 at 12:40

      Como a população aumenta 0,8% ao ano, para atingir este objetivo o PIB precisará crescer 3% AA acima da inflação.
      Alguém acredita nisso ?

      5+
      • avatar
      • avatar