Baixa procura faz preço do aluguel cair em até 40% em Palmas – G1

Você pode gostar...

Comments
  • antifragile 7 de abril de 2017 at 09:27

    Caros bolhistas,

    Estive aqui pensando com meus botões, e gostaria de aventar uma estratégia de investimentos antifrágil.

    Ou seja, uma estratégia com muito a ganhar e pouco a perder.

    A ideia que tive advém da nossa bolha imobiliária, e da possibilidade, cada vez mais real, de um cenário de insolvência da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil.

    Segundo o relatório de estresse econômico do Banco Central, a insolvência é uma possibilidade caso a queda de preços dos imóveis atinja um patamar superior a 25% (que é o que estamos vendo acontecer e que estão tentando camuflar).

    A estratégia consiste na compra de opções de venda do Banco do Brasil. Nela, alocaria-se um pequeníssimo percentual da sua carteira (digamos 0,5%) em puts do Banco do Brasil.

    (Como a Caixa Econômica não é negociada em bolsa, a operação só pode ser executada com opções do Banco do Brasil.)

    Caso se realize o cenário de insolvência, as ações do BB despencariam, e as suas opções de venda em patamares superiores aos preços de mercado valeriam ouro.

    E caso o cenário não se realize, você só perdeu 0,5% do seu patrimônio.

    Na minha opinião, a cada dia que passa, e a cada notícia que recebemos, esse cenário tem se tornado cada vez mais plausível.

    O maior problema que vejo nessa tese de investimentos é uma possível intervenção do governo para salvar os dois bancos. Isso zicaria toda a operação.

    Como não sou investidor profissional, e nunca sequer comprei opções de venda, gostaria de saber a opinião dos amigos bolhistas quanto a essa tese de investimentos.

    O que vocês acham?

    11+
    • avatar
    • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 09:47

      Ao longo de seus 209 anos de história, o Banco do Brasil acho que já quebrou 6 vezes, a primeira em 1828. Todas as vezes o governo cobriu o rombo.

      http://www.efecade.com.br/1828-falencia-do-banco-do-brasil/

      38+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Money_Addicted 7 de abril de 2017 at 09:58

      amigo, como vc nunca operou opcoes, nao comece dessa forma, estude e comece com calma, a nao ser q vc combine com os russos essa sua estrategia 😉

      28+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • mestre dos magos 7 de abril de 2017 at 10:07

        Essas opções não tem data de vencimento? Vamos supor que vc compre umas opções com validade até data X, mas o banco só venha a quebrar em X + 3 meses, teu dinheiro virou pó 3 meses antes da estratégia ser concluída.

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • John Horse 7 de abril de 2017 at 11:01

      Se é pra apostar, eu colocaria esse 0.5% na roleta. Ou compra Bitcoins.
      Governo segura qualquer quebra do BB. Nem que tenha que mudar pra Real Novo e tirar 3 zeros.

      23+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 7 de abril de 2017 at 12:44

      isso provavelmente vai acontecer na caixa
      no BB é outra história
      o problema é o timing e a assimetria de informação
      trocando em miúdos, quando e se acontecer não vão te contar, e ainda vai ter uma multidão precificando essa aposta, digo isso pq dá pra ganhar algum sim, sabendo fazer, mesmo com esses senões, mas não espere grandes ganhos

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Nelson Schadenfreude 7 de abril de 2017 at 12:55

      Keynes: “The market can stay irrational longer than you can stay solvent.”
      Mas mesmo que o Governo resgate o BB, as ações vão cair e diluir os acionistas atuais, e a sua estratégia continua válida. A questão é o timing…

      Se passa a reforma da previdência, o BC joga a Selic no chão, a economia ensaia uma recuperação, e o BB ressuscita. No fim das contas, o futuro do país hoje (e a sua aposta) depende da reforma da previdência, que é condição necessária mas não suficiente para esse país voltar a crescer.

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Nelson Schadenfreude 7 de abril de 2017 at 13:02

      Ah, e para não perder o hábito: os preços hoje internalizam todas as informações dos agentes (incluindo gente mais informada que você). Então, o preço que você pagar na opção provavelmente reflete o valor esperado do retorno do seu investimento e o respectivo risco. Só entre nisso para apostar for fun (faço isso de vez em quando) ou se você tem inside information.

      Outra citação- Eugene Fama: “In an efficient market, at any point in time, the actual price of a security will be a good estimate of its intrinsic value.”

      10+
      • avatar
      • avatar
  • job 7 de abril de 2017 at 09:56

    CVR pessoal: adquiri um imóvel financiado pela caixa la por meados de 2012, e após 3 anos pagando prestaçõeszinhas que cabiam no bolso (e pagando empréstimo usado pra comprar carro), acabei conhecendo esse blog e resolvi vender o ap. No momento do meu primeiro anúncio da venda do ap, no meu mais alto devaneio, achei que possuia a galinha dos ovos de ouro (por isso entendo esse comportamento dos 666). Anunciei o ap por um valor completamente surreal, achava que o meu apartamento era diferenciado e ignorava os anúncios de outros aps na regão. Resultado: 5 meses sem receber sequer uma proposta.
    Foi então que recebi a visita de um corvo que tinha os pés no chão, que me deu a real, “esse preço ta surreal, se vc colocar um valor justo, um pouco abaixo do menor valor anunciado, vende em menos de um mês”. Foi nesse momento que me dei conta de que QUERER é muito diferente de REALIZAR, e é isso que não entra na cabeça dos bricklovers que pensam ter um patrimônio de tijolos milionário. Me adaptei rapidamente à situação (acho que isso que me diferenciava de um 666 comum), baixei o valor do anúncio, e em um mês já tinha assinado o contrato de venda.
    O mais engraçado da história é que em certo momento os familiares me deram várias sugestões do que fazer na minha situação (queria morar mais próximo do trabalho). A mais bizarra delas foi sem sombra de dúvidas “coloque seu ap para alugar, com o valor do aluguel o financiamento se paga sozinho, e financie outro apartamento pra morar, assim seu patrimônio vai se construindo…”. Ainda bem que dei ouvidos à minha intuição e hoje estou líquido e sem dois abacaxis dos bem grandes pra descascar…

    130+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 10:04

      Enquanto lia seu relato, na minha cabeça tocava ABBA – Fernando
      https://www.youtube.com/watch?v=dQsjAbZDx-4

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      43+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • job 7 de abril de 2017 at 10:06

        kkkkkkkkkkkk

        15+
        • avatar
        • avatar
      • John Horse 7 de abril de 2017 at 10:56

        “…There was something in the air that night
        The stars were bright, Fernando…”

        18+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 11:25

        huahuauhahuahuahuahuahuauhauhahuahuahuauhahuahuahuauha!

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • odorico 7 de abril de 2017 at 13:14

      Parabéns, em fevereiro de 2016 fiz a mesma coisa. Pesquisei o menor preço, botei abaixo e ainda aceitei a proposta 10k menor. Fechei. Só fiquei triste nesse ano que encontrei a compradora que falou que se soubesse dessa crise não tinha comprado, pois faria um negócio melhor. Disse a ela que também não sabia que a crise seria tão forte e longa (tudo bem que em 2016 já estávamos na crise e nós já sabíamos o que ia acontecer). Sorri, e falei que aquele lugar tinha me dado grandes alegrias (o que é verdade, meus dois filhos nasceram lá, a vizinhança é bacana, o custo/benefício bom, a localidade boa, porteiros gente fina,etc).

      37+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • De-boa-na-bolha 7 de abril de 2017 at 10:06

    Será que esta queda é real ? De mil e poucos reais para 800,00 e nada de alugar ? Não pode ser…Sou a LUZ , vejo a verdade, os fatos e eles não são assim, a PDG sequer fez cócegas no mercado. Bando de choramingões esperando uma queda que nunca virá.

    4+
    • avatar
    • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 10:11

      Povão não tem dinheiro, estão usando FGTS para pagar o almoço e poder se endividar para o jantar.

      10+
      • avatar
    • Gute 7 de abril de 2017 at 10:26

      Isso é em Palmas, nunca foi nada, SP, RJ é difente. Vejo inúmeros carros do ano circulando, blá, blá, blá, cadê a crise? Blá, blá, o CA é xiita, blá, blá

      Qual a nova negação da realidade do malandro-agulha e do thiagoAM?

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 10:57

        Shoppings lotados apesar de mais e mais lojas fechando a cada mês… rs.
        Barzinhos lotados sempre no começo do mês quanto o TIC cai na conta 😛
        Brasil tá bombando, só os pobres e invejosos não aceitam isso… kkkkk

        34+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Leonardo M. 7 de abril de 2017 at 12:07

        Não existe crise

        As pessoas estão comprando iPhone 6s aos montes e Moto Z de reserva caso o iPhone não aceite determinado aplicativo que só tem no Android.

        Kkkk

        24+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 10:08

    Nem vende, nem aluga, tá lá desocupado, ocioso apenas valorizando.
    Muita gente ainda não se deu conta do tamanho do buraco.

    Meio CVR,
    Ontem conversando com paranto sobre os preços, paranto disse que mercado imobiliário é assim mesmo, demora mas uma hora vende.
    Aí expliquei, vamos pergar um preço médio por exemplo 300k, quantas corridas um taxista ou Uber teria que fazer para ter esse dinheiro?
    Quantos cabelos uma cabelereira teria que cortar, pintar, alisar, etc? Quantas pizzas um pizzaiolo teria que vender? Quantas lajes um pedreiro teria que encher?
    Foi impressionante ver os olhos do paranto quando a ficha foi caíndo.
    Ao final reconheceu que é muito dinheiro e que não vai, o povo não tem esse dinheiro.

    72+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • AGP 7 de abril de 2017 at 13:40

      Tá vendo? Vocês tem que saber conversar pro povo entender.

      Ficam com aquelas paradas de juro, de inflação, de poupança e o povo não entende. 😀

      35+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • mestre dos magos 7 de abril de 2017 at 10:13

    Recebi proposta de apartamento na quinta avenida em BC, lá do outro lado da BR, mais de 1,5km da praia. Apartamento com dois quartos, vaga privativa, 55 m2, por R$1.500,00. Tem ap mais antigo, de dois quartos na segunda quadra, 300 a 500m do mar, por 1.200. A maioria dos proprietários que querem alugar por conta própria, sem o corvo no meio, pedem bem mais caro que os imóveis das imobiliárias. Já tinha percebido a mesma coisa aqui em Blumenau. Infelizmente a maioria dos bricklovers de SC ainda não se deram conta da banana que é investimento em apartamento em uma crise, pois a vacância gera custos para o proprietário, além de não gerar renda.

    35+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • mestre dos magos 7 de abril de 2017 at 10:16

      Teve uma mulher que me ofereceu um imóvel a 1,4km da praia, em rua de terra, no bairro aririba, em prédio sem elevador, por 1.500 com condomínio incluso. Falou que só estava me oferecendo, por que a filha estava viajando e ela era que fazia os anúncios, que anunciando não fica nem duas semanas parado. Sorri e acenei, e somente respondi que não tinha interesse devido a distância.

      22+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • job 7 de abril de 2017 at 10:23

        O problema é que em certas pessoas existe um grande delay pra se dar conta de que querer não é a mesma coisa que poder, como eu citei no meu CVR logo acima. Pra esses casos, no momento em que tiverem com a corda no pescoço sendo apertada cada vez mais pela vacância, só aí nesse momento vão se dar conta de que a realidade é bem diferente, e vão ser obrigados a abaixar o preço pra valores nunca antes imaginado.

        27+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 10:22

    Preço de aluguéis residenciais e comerciais cai em Divinópolis

    Em imóveis residenciais, a maior retração foi no preço dos barracões, média de 9,4%. Em janeiro, o valor era de R$ 512,95 e, em fevereiro, R$ 464,56. O maior preço registrado nos últimos 12 meses foi de R$ 514,77, em junho.

    As casas com dois quartos tinham um valor médio de R$ 706 em janeiro e R$ 660 em fevereiro, uma diminuição de 6,52%, aponta a pesquisa. Já nas casas com três quartos, a queda foi de 5,54% em fevereiro, chegando a R$ 758,51, menor valor registrado no último ano.

    Nos aluguéis comerciais, a maior retração registrada, segundo o Nupec, foi nos preços de galpões de 200 a 400m², passando de R$2.500 para R$2.300, 8% em média. Esse tipo de imóvel já custou R$ 2.842,25, em fevereiro de 2016.

    https://g37.com.br/c/divinopolis/preco-de-alugueis-residenciais-e-comerciais-cai-em-divinopolis

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 10:25

    Excesso de salas comerciais vazias em Salvador

    Segundo pesquisa da Building Pesquisa Imobiliária, a primeira e uma das maiores empresas de pesquisas de mercado que atua no País, desde 2007, em Salvador 21% das ofertas de condomínios comerciais para alugar não encontram clientela para fazer negócios. Quando o negócio se refere a salas de escritórios, essa ociosidade do mercado chega a 27%. “Não está fácil, porque houve um excesso de ofertas nos últimos anos e a crise acabou pegando todos no contrapé”, diz o 2° vice-presidente do Conselho Regional dos Corretores de Imóveis da Bahia , José Alberto de Vasconcelos.

    Numa outra pesquisa de merca da DMI-VivaReal (Dados do Mercado Imobiliário), também em fevereiro, o preço do metro quadrado para aluguel em Salvador estava em R$ 21,43, com queda de 1,4% em relação a janeiro e de 9,77% em comparação com fevereiro do ano passado, quando o preço atingiu R$ 23,75.

    http://www.tribunadabahia.com.br/2017/04/04/excesso-de-salas-comerciais-vazias-em-salvador

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 10:29

    Cai pela metade valor do aluguel para casas maiores

    Em janeiro de 2016, maior preço médio de imóveis com três dormitórios era de R$ 2,4 mil; já 2017 iniciou com redução para R$ 1,2 mil, aponta balanço mais recente do Creci-SP

    Na região central de Presidente Prudente, durante janeiro deste ano, enquanto os preços das casas com um ou dois dormitórios se mantiveram estáveis quando comparados com o mesmo período de 2016 (entre R$ 500 e R$ 900), os maiores valores médios de residências com três dormitórios caíram pela metade, de R$ 2,4 mil para R$ 1,2 mil. As informações foram divulgadas em balanço mais recente do Creci-SP (Conselho Regional dos Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo) sobre o cenário de venda e locação residencial. De acordo com os representantes de imobiliárias locais, o desconto significativo é justificado pelos reflexos da crise econômica, que motivaram a busca por um aluguel mais barato.

    http://www.imparcial.com.br/site/cai-pela-metade-valor-do-aluguel-para-casas-maiores

    23+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 10:53

      Cesar_DF seus posts são ótimos, a sensação que tenho ao lê-los é de assistir o efeito dominó no mercado imobiliário.
      Por favor, nos privilegie sempre com mais e mais quentinhas news.

      21+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 12:37

        Obrigado 🙂
        Eu procuro caçar as notícias do mercado imobiliário, mas posto somente aquelas que tem números, e não as subjetivas, para evitar o viés de confirmação.

        23+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 11:34

      Muito bom .

      12+
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 13:02

        Esta noticia confirma a previsão de mudanças de tipologia, devido a queda do poder aquisitivo
        3 quatros > 2 quartos
        2 quartos > 1 quarto ou puxadinho em parente
        1 quarto > casa dos pais ou república

        15+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • perdido no rio 7 de abril de 2017 at 13:42

      Muito boas as informações, obrigado por publicar. Vemos mesmo o quadro de deterioração do mercado com muita clareza.

      3+
      • avatar
      • avatar
  • Cajuzinha 7 de abril de 2017 at 10:56

    Banco Central diz que R$ 17,4 bilhões foram retirados da poupança no 1º trimestre
    Balanço divulgado nesta quinta pelo BC indica ainda que, somente em março, a retirada superou em R$ 4,99 bi os depósitos. Resultado do trimestre é inferior aos de 2016 e 2015.

    8+
    • avatar
    • avatar
  • job 7 de abril de 2017 at 10:59

    CVR: colegas de trabalho trocando mensagens na lista de emails da empresa sobre qual é a menor taxa de juros pra empréstimo consignado (vários comentando que pegaram empréstimo recentemente). Motumbo fazendo a festa.

    47+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 11:01

      Indique Satãder, Itambú e Bradosca, por favor 🙂
      PNJ

      22+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 12:38

        SICREDI é ótima
        kkkkkkkk

        10+
        • avatar
  • Cajuzinha 7 de abril de 2017 at 11:08

    Três em cada 10 consumidores fecharam março “no vermelho”, mostra pesquisa
    Conforme o levantamento, apenas 15% dos entrevistados tiveram sobra de dinheiro no mês passado.

    Por: Agência Brasil em 07/04/17 às 09H00, atualizado em 07/04/17 às 09H09

    Conforme o levantamento, 46% dos entrevistados disseram ter fechado o mês de março no “zero a zero”, ou seja, sem falta, mas também sem sobra de dinheiro. Dos 15% que encerraram o terceiro mês de 2017 “no azul”, 12% afirmaram ter a intenção de poupar a sobra e 4% pretendem gastar o dinheiro extra.

    Segundo o Indicador de Uso de Crédito e de Propensão ao Consumo, 63% dos consumidores ouvidos disseram que têm planos de cortar os gastos este mês. A intenção de redução do gastos afeta compras no supermercado, água, luz, telefone, transporte, roupas e lazer.

    http://www.folhape.com.br/economia/economia/economia/2017/04/07/NWS,23660,10,550,ECONOMIA,2373-TRES-CADA-CONSUMIDORES-FECHARAM-MARCO-VERMELHO-MOSTRA-PESQUISA.aspx

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 11:27

    Gente… todas as escolhas dos agentes econômicos já foram feitas.
    Basta assistir de camarote.
    Chega um dia que as falácias já não fazem mais efeito. A terra estará destruída e eles precisarão dos capitalizados.
    Paguem Nossos Juros !!!
    Viva a liberdade.

    24+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 11:30

      Nos EUA foram mais de 24 meses de mimimi… Setembro de 2006 a Setembro de 2008.
      Colapso.. terra arrasada. Milhares de oportunidades para poucos poupadores.
      Daí depois de 40 meses… leve recuperação … aparecem os idiotas afirmando que não teve bolha.. foi apenas um ajuste. 😉

      24+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 12:56

      From_the_tower
      Há 3 anos, a discussão era se existia ou não uma bolha imobiliária
      A recomendação era: fiquem liquidos e não façam dívidas
      Agora é a hora de pegar a pipoca e sentar no camarote
      Existe ainda a possibilidade de incrementar a carteira com patrimônio, em leilões dos desesperados abaixo de 100X

      26+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:14

        EU RECOMENDO já ir pesquisando de comprar,
        mas exclusivamente pra morar
        2S-2017 a 2018 vai abrir uma boa janela
        a qualquer momento é sempre possível fazer bons negócios, vejam eu em meio de 2015, ou a rosinha lá por 2013, as médias escondem muita coisa, seria preciso avaliar dispersão e outras estatísticas para mostrar a quanto está aberto os extremos.

        aquele leilão que lhes mostrei a 4k e deu vazio, a média do bairro é 10k, um vizinho de quadra vende a 15k e agora abriu promoção de kitnets por só 12k, rsrsrs, a dispersão de valores é muito ampla, isso é sinal que ninguém sabe o valor de nada, isso é sinal de inflação alta

        25+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Awulll 7 de abril de 2017 at 13:25

          Mas depois de 2018 você acha que sobe?

          2+
          • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 14:02

            O melhor momento para comprar dento da fase de DESPAIR

            Lei da oferta e procura
            A oferta está altíssima, vacância de 20% em algumas cidades.
            Procura baixa,
            – renda per capita possivelmente só em 2023 voltando ao nível de 2013
            – queda na taxa de fecundidade
            – aumento do teletrabalho
            – descentralização das indústrias

            Meu C.H.U.T.E (Cálculo Hipotético Utilizando Técnicas Empíricas)
            Brasilia iniciando DESPAIR em 2018 e saindo dele em 2020
            São Paulo iniciando o DESPAIR em 2019 e saindo dele em 2021
            Rio de Janeiro iniciando o DESPAIR em 2019 e saindo dele em 2025-2030

            22+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Rico 7 de abril de 2017 at 21:25

              Eu acho que não vai ter DESPAIR.

              O Brasil não tem estrutura para sediar um evento dessa magnitude.

              9+
              • avatar
        • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:25

          tem um apê aqui perto de casa no leilão por 2k o metro
          preço anunciado geralmente é 4k

          11+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 11:32
    • Money_Addicted 7 de abril de 2017 at 11:36

      tenho umas pre-fixadas pagando 16% aa 🙂

      como diz um padeiro “Q alegria de viver ” rsrs

      26+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 11:39

        Sério Money. Eu tentei ajudar tanta gente…. mas tanto… e foi em vão. As duas últimas pessoas que eu tentei ajudar dizendo que era perigoso financiar tijolos em 35 anos…. foram lá e financiaram. Hoje estão lascadas sem dinheiro para nada. Estão pagando meus juros, não tem jeito.

        35+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Money_Addicted 7 de abril de 2017 at 12:12

          sim, imagino mesmo, eu nao tenho um circulo de amizade tao grande mas vi mtos entrando em financiamentos, eu particularmente nao falei nada pois nao eram tao proxs a ponto d eu ter a liberdade de falar algo sobre financas e principalmente pq eu diria mesmo q implicitamente que tenho dinheiro investido.

          14+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Lucas 7 de abril de 2017 at 12:58

            cacilda ipca de 0,25!!!!
            quantas vezes não vimos a TR maior que isso
            hoje dando 0,02, ou 10%, mas já deu 50%

            5+
            • avatar
            • avatar
    • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 11:37

      Infelizmente é noticia boa em meio a causa errada.
      Essa recessão/depressão vai demorar ainda muito mais.
      É o ajuste via crise e falta de dinheiro
      Quem está líquido levante a mão o/

      30+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 11:38

        /o/
        \m/

        9+
        • avatar
      • Antigo 7 de abril de 2017 at 12:06

        o/

        Inflação tão baixa é uma coisa que me assusta, na verdade. Brasileiro é um povo que não pode ter dinheiro na mão que já gasta, tem alergia como falaram ontem. Se a inflação tá baixa, é porque ninguém tá com dinheiro na mão para exercitar essa alergia.

        Depois da recessão econômica, depressão econômica estamos em inanição econômica.

        Aqui tudo bem, juros pingando.

        22+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Alemão 7 de abril de 2017 at 12:42

          Prezado, discordo sobre sua colocação de que inflação baixa é devido às pessoas gastando menos. A inflação está baixa pois a expansão monetária diminuiu. Em certo período recente a oferta monetária voltou ao nível de 2010.
          Dito isso, devemos sim comemorar o atual nível da inflação e torcer para que o atual e os próximos governos sejam moderados na expansão monetária via BNDES, BB e CEF (na verdade o atual governo já freou enormemente a expansão via bancos estatais).

          27+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Alemão 7 de abril de 2017 at 12:44

            Digo da inflação crescente e persistente, diferente de aumentos pontuais em determinados ramos devidos a fatores específicos.

            2+
            • Alemão 7 de abril de 2017 at 12:46

              Ops, mais uma correção: 2013 e não 2010.

              3+
            • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:01

              \o só levanto um braço pq comprei
              vcs aí \o/ inveja boa, a da pré em 16% então dá vontade de xingar. kkkk
              parabéns senhores, um juro real anualizado de 13% brutos
              nem warren buffet consegue isso no longo prazo, nem george soros, quase ninguem

              18+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • Bsbguy 9 de abril de 2017 at 12:56

                Tenho uns prés de banco bomba tb que estão bombando haha

                CDB PRE DU BANCO FIBRA SA 5 5.000,00 07/11/2018 18,10% 225,26 6.287,19
                CDB PRE DU BANCO FIBRA SA 15 15.000,00 26/11/2018 19,15% 683,89 18.907,93
                CDB PRE DU BANCO FIBRA SA 20 20.000,00 28/12/2020 20,05% 869,55 24.968,83
                LC PRE OMNI S/A CFI 11 11.000,00 03/11/2020 19,03% 515,10 13.943,42
                LC OMNI S/A CREDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO PRE-FIXADO 21/09/2015 02/09/2019 11,00 1.307,52 14.382,74
                Esse último é uns 19% também.

                2+
          • Antigo 7 de abril de 2017 at 13:09

            É mesmo? Não vi os números da quantidade de dinheiro na economia. Vendo a grave crise fiscal que o país está passando, imaginei que as impressoras tivessem continuado ligadas a todo vapor.

            Concordo contigo, quanto mais responsável o governo menos pior o país fica. Temos que torcer.

            Valeu a correção. De toda forma, não sendo a causa da inflação baixa, ainda assim, as pessoas estão gastando menos e sem um tostão furado no bolso. Essa ‘pobreza’ generalizada continua me assustando. Tenho medo de caos social.

            14+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:13

              Ambos tem razão nos pontos de vista.
              A base monetária cedeu mas por conta do momento de confiança e pseudo-ajuste ….. mas ainda tem muito empréstimo rolando… mas geralmente para pagar dívidas do passado. a famosa pedalada.
              mas notem que a dívida pública é crescente. e preocupante.
              Como 95% das transações são eletrônicas fica mais fácil compreender os indicadores.

              8+
              • avatar
              • avatar
              • Alemão 7 de abril de 2017 at 13:30

                Certamente o alto endividamento das empresas e das famílias, além do crescente desemprego e do ambiente políticos instável, o próprio mercado diminuiu a expansão do crédito – o que também influenciou na retração monetária.
                Mas é interessante lembrar do que ocorreu na década de 70 em alguns países europeus e nos EUA: recessão e inflação elevada. Isso aconteceu pois até meados dos anos 80 ainda era muito comum os BCs desses países bancarem os governos diretamente via emissão de moeda.
                Ou seja, ter recessão hoje com inflação baixa é consequência direta da LRF – a qual impede o BC de financiar infinitamente o governo federal.

                10+
                • avatar
                • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:38

                  Sim… exato.
                  Hoje eles precisam criar dinheiro via arranjo emissão de títulos públicos no mercado primário com os grandes bancos do próprio país.
                  anos 80 era a famosa conta sem limite….. que retroalimentava a hiperinflação.

                  9+
                  • avatar
                  • avatar
                • Lucas 7 de abril de 2017 at 14:14

                  exato e exato
                  lembrando foi a crise do petróleo fez o mundo imprimir dinheiro pra cobrir o deficit externo
                  a solução era tão grande quanto o problema que seria ficar sem gasolina, de inicio os EUA tentaram isso, mas a convulsão social foi imensa, na autralia o filme Mad Max é exatamente isto.

                  9+
                  • avatar
            • Alemão 7 de abril de 2017 at 13:16

              Não foi uma correção, mas apenas uma informação. Neste gráfico você pode ver o agregado monetário (base monetária mais depósitos a vista) chamada de M1, que é um bom termômetro da expansão / retração monteária: http://pt.tradingeconomics.com/brazil/money-supply-m1
              Quanto à recessão econômica em si, infelizmente é a forma dos mercados voltarem ao normal. Assim, diante da enorme recessão que estamos vivenciando, é assustador perceber o quão artificial foi o crescimento nos últimos anos.

              11+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:19

                II – Evolução dos agregados monetários

                A média dos saldos diários da base monetária totalizou R$251,6 bilhões em fevereiro, refletindo decréscimo de 3,4% no mês, decorrente da redução de 11,8% nas reservas bancárias e de 1,8% no saldo do papel-moeda emitido. Em doze meses, o saldo da base monetária cresceu 3%.

                Entre os fluxos mensais dos fatores condicionantes da base monetária, destacaram-se as operações do Tesouro Nacional e as do setor externo, com impactos expansionistas respectivos de R$17,2 bilhões e R$3,2 bilhões. Em contraposição, as operações com títulos públicos federais provocaram contração de R$17 bilhões, resultante de colocações líquidas de R$56,5 bilhões no mercado primário e compras líquidas de R$39,5 bilhões no mercado secundário.

                O saldo médio diário dos meios de pagamento restritos (M1) atingiu R$315,7 bilhões em fevereiro, após declínio mensal de 2,9%, correspondente às variações negativas de 4,1% nos depósitos à vista e de 2,1% no papel-moeda em poder do público. Em doze meses, o M1 avançou 1,7%.

                O saldo dos meios de pagamento no conceito M2, que corresponde ao M1 acrescido de depósitos de poupança e títulos privados, registrou crescimento mensal de 0,3% em fevereiro, somando R$2,3 trilhões. Esse resultado traduziu o aumento de 2,1% no M1 e de 0,3% nos depósitos de poupança, cujo saldo alcançou R$664 bilhões. O saldo dos títulos emitidos por instituições financeiras permaneceu estável em R$1,3 trilhão. No mês, ocorreram resgates líquidos de R$1,7 bilhão em depósitos de poupança e captações líquidas de R$2,4 bilhões em depósitos a prazo.

                O conceito M3, que compreende o M2, as quotas de fundos de renda fixa e os títulos públicos que lastreiam as operações compromissadas entre o público e o setor financeiro, apresentou expansão de 0,8% no mês, atingindo R$5,4 trilhões, resultado das elevações de 1,7% nas quotas de fundos e da retração de 8,9% nas compromissadas, que somaram, respectivamente, R$2,9 trilhões e R$168,9 bilhões. O M4, conceito que acrescenta ao M3 os títulos públicos de detentores não financeiros, cresceu 0,5% no mês e 9,7% nos últimos 12 meses, totalizando R$6,2 trilhões.

                7+
                • avatar
                • avatar
                • avatar
  • odorico 7 de abril de 2017 at 12:27

    Gente uma questão para os nossos investidores/analistas de plantão. Dia 20/04 vence 50k de um CDB do original. Estou pensando o que fazer, onde reaplicar? Talvez gaste uns 10k (para usufruir um pouco dos juros). A questão é a janela de oportunidades não muito boas…. Enfim, travar em algo de 2 anos ou mais, ou deixar em algo de liquidez imediata e esperar a janela 2018 (se é que vai ocorrer)?

    2+
    • Libertario 7 de abril de 2017 at 12:50

      Semana passada peguei LCA pra 90 dias, pagando 87%.

      4+
      • Money_Addicted 7 de abril de 2017 at 12:59

        eu tambem soh estou considerando vencimento max 6 meses.

        1+
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:01

      25 k em LCI / LCA de banco pequeno
      e se tiver acesso ao Tesouro Direto 25k em Tesouro Selic

      3+
      • avatar
    • Nelson Schadenfreude 7 de abril de 2017 at 13:11

      Eu tô com o cu não mão com a próxima eleição. 50% do patrimônio Selicado (LFT). Brinco só com 10%.
      Quer arriscar? Acha que a reforma da previdência passa?
      SIM – NTN-Bs longas, LTNs longas, CDB de banquinhos, Bolsa.
      NÃO – LFT (Selic) e USD.

      5+
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:14

        E como o mercado irá precificar uma “reforma previdenciária toda remendada!?”

        5+
        • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:19

          já precificou

          3+
          • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:22

            hahaha. Pode ser.
            Eles já tinham precificado como é o Congresso Bananense e tb o Temeroso.
            Mas a grande notícia mesmo para o mercado foi a confirmação do afastamento definitivo da Dima. O resto é resto.

            4+
            • Antigo 7 de abril de 2017 at 13:28

              Sei lá se precificou. Pior ainda, se precificou certo.

              Ninguém sabe ao certo o que vai passar. Muito provavelmente vai ser uma reforma remendada mesmo, mas não dá para saber o tamanho dos remendos. Se vai ser algo ‘para inglês ver’ ou se vai ser algo com alguma efetividade no longo prazo. Resistência a essa reforma há muita. Não conheço uma pessoa com QI abaixo de 100 que apoie. E olha que são maioria esmagadora da população.

              No entanto, com a esquerda destruída, não sei se haveria alguma liderança forte o suficiente para arrebatar o povo e pressionar o congresso a segurar essa reforma ( ou retalhar mais ainda). Pode ser que passe. Pode ser que não.

              12+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:36

                passar vai
                isso não tenho duvidas
                a questão é o quê vai passar???
                provavelmente vão sacrificar umas minorias,
                e pras grandes causas vão criar mil exceções

                11+
      • to bolhado 7 de abril de 2017 at 13:19

        exato. to na opção 2. 60% selic / cdi.

        1+
      • odorico 7 de abril de 2017 at 13:20

        Pois é, a questão é que já estou bem pulverizado em renda fixa privada (40% do patrimônio) de sofisa até banco fibra ,máxima, sorocred,etc. TD outros 40% 10% shadow (empréstimos) 5% USD, 5%ouro. Enfim, talvez o ideal seja manter a liquidez num cdb 100% cdi de banquinho….

        1+
    • Antigo 7 de abril de 2017 at 13:12

      Mercado bastante promissor!

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:06

    CVR
    chovendo canivete em SP
    alagou o meu quintal, casa tbm tem desvantagens…
    e cadê a crise hídrica????

    quando defendo a verdade e falo bem dos personagens paulistas TUCANOS
    NÃO É QUE ESTOU DEFENDENDO PSDB CORRUPTO
    entenda, a estratégia do PT era
    – desmoralizar o capitalismo,
    – desmoralizar SP
    para ficar mais fácil de implantar o bolivarianismo, de fazer a ditadura

    mas vcs só vão ler, o velho é tucano, o velho é pago, o velho é cabo eleitoral do xuxu
    e não adianta vir com logica, vcs só entendem o que querem, NÃO SE LIBERTAM DO MIMIMI IDEOLOGICO
    não todos mas a maioria
    questão de tempo vir outro e enganar vcs.

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 7 de abril de 2017 at 13:12

      Crise hídrica está feia no DF e não vejo ninguém falando nada.
      Mas anda chovendo nos últimos dias e acho que vai ficar tudo bem.

      5+
      • avatar
      • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:18

        brasilia foi maravilhosamente planejada na cabeceira das 3 grandes bacias, amazona, sfranciso e prata, se não me falha a geografia, tem baixo índice de pluviosidade, seco/cerrado, existe aí um calculo a ser feito, realmente ocorre a possibilidade duma escassez real durqadoura em havendo expansão demográfica, será necessário intervir e importar agua da região de sobradinho, caminho pra formosa, aliás vcs conhecem itiquira, poço azul, saia velha e aquele sumidouro que esqueci o nome, poço fundo??? já mergulharam no pontão? o gilda ainda existe?
        São situações diferentes, mas há soluções viáveis tranquilamente

        5+
        • avatar
    • Nelson Schadenfreude 7 de abril de 2017 at 13:12

      A crise hídrica se mudou para o Distrito Federal.

      6+
      • avatar
      • avatar
    • to bolhado 7 de abril de 2017 at 13:24

      o velho é tucano…eheheh. Maaaaas…nessa de corrupção, dizer que PSDB é tão corrupto quanto, isso é cair na estratégia petista de dizer que se todo mundo é igual, então roubar não tem problema. A conclusão obrigatória é essa. PSDB é tão corrupto quanto qualquer político precisa ser, no geral, no sistema brasileiro (abro exceção pro Aecio nariz de ouro, que é enrolado também em vários rolos de enriquecimento pessoal) .Quem duvida seriamente que o maior alvo do PT na sua história recente é o governo estadual paulista, que eles quiseram tirar da tucanada a qualquer preço e não conseguiram, e devem ter movimentado toda a sua máquina dentro das redações e repartições para desenterrar escândalos e o máximo que conseguiram foi o cartel do metrô com envolvimento de FPs segunda linha (e que aliás aconteceu em outros estados, inclusive com adm petista). Meu ranço ao PSDB é pela ideologia, são esquerdistas travestidos de bom moço, e f* o país com a sua oposição de meia-pataca, mas no quesito corrupção me parece que não tem comparação. Sair disso é comprar discurso petista.

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:31

        exatamente
        vc sacou a coisa

        não gosto destas avaliações em pacote, mas podemos até talvez afirmar que o psdb não seria muito pior ou melhor que seus eleitores.

        E lembrando, quem derrubou o PT foi a avenida PAULISTA
        o pt se caga de medo da gente, não fosse nós de SP, e o BR já tinha sido anexado à Venezuela, egos a parte, porfavor essa é a grande verdade, e nem sou paulista de nascimento hein.

        21+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 13:43

        Sinceramente acho muito perigoso esse pensamento de que a corrupção é necessária.
        Mesmo pensamento que leva as pessoas acharem que gato-net, golpe na aposentadoria, furar fila, tirar vantagem, é necessário pq no Brasil funciona assim.
        Não vou ser ingenuo imaginando que o mundo um dia será livre de corrupção, mas por principio, deveria ser combatido com todas as forças, sem condescendência.

        11+
        • avatar
        • to bolhado 7 de abril de 2017 at 13:49

          Zé, talvez eu não tenha me expressado bem. Nâo acho que dizer que hoje no sistema se não for corrupto não chega nem se mantem no poder seja igual dizer que corrupção não deva ser combatida com todas as forças. Sou completamente a favor de nunca mais votar em alguém que tenha sido comprovadamente corrupto. Aliás torço para a Lava-Jato pegar todo mundo (inclusive Aécio, Serra e Chuchu). Mas, novamente, comparar denúncias de suposta corrupção numa licitação com o esquema que o PT montou para saquear o patrimônio público é um tremendo esforço de retórica intelectual. Senso de proporcionalidade é uma coisa que a gente adquire quando criança.

          11+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 14:21

            Entendi. Concordo que o PT destruiu o país, enquanto o mal que o PSDB fez não foi tão grave quanto. Concordo contigo.
            Lucas bixa véia….kkkk, não estou pegando no seu pé e nem de mimimi. Vê se para de implicar comigo. kkkkk 😀
            Seus comentários elevam o nível da discussão, temos apenas leves divergencias politicas, mas no geral concordo com quase tudo que vc comenta.

            10+
            • avatar
            • avatar
            • Lucas 7 de abril de 2017 at 14:31

              no meu ver quando o PT institucionalizou a corrupção, num sistema já corrupto de grandes empreiteiras eles fizeram muitas ´vítimas que deveriam aderir ou morrer, eu penso que o Alckmin especificamente e só ele, não defendo o partido dele, ele provavelmente se enquadra no grupo das vítimas, isso eu falo analisando números e fatos, e que outros de outros partidos tbm foram vítimas desse cenário, mas eu não sou a POLICIA, se eles descobrirem que o Alckmin não é vitima pra mim foda-se, cadeia nele, reconheço que errei minha opinião e fim de papo, mas do jeito que vc põe fica parecendo que estou defendendo um corrupto, ou o sistema corruto, sai pra lá, meu.

              E não é só no âmbito da corrupção, havia toda uma máfia de desinformação de jornalistas pagos pra mentir, que é o caso da CRISE HIDRICA que iniciou essa discussão

              Fomos vitimas duma crise fabricada oportunamente por causa dum ciclo natural e outras pequenas medidas de sabotagem da ANA e dentro SABESP.

              11+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 14:42

                Nessa questão da crise hidrica, eu concordo contigo, aliás é algo que acontecerá recorreiramente independente de quem estiver à frente.
                Já te falei véio, no geral concordo contigo. Só não considero o xuxu santo. Só isso.

                5+
                • avatar
        • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:52

          vc denovo distorceu
          ele disse que o sistema é corrupto e o politico age conforme o necessário para viabilizar as coisas, num sentido que o politico assim como nós somos vítimas da corrupção institucionalizada, e não causa

          Ademais espero que a PF e o judiciario firmemente estabeleça um novo patamar de moralidade, ninguém aqui está condescendendo com corrupção, muito pelo contrário

          é de novo o mesmo mimimi que eu defendo corrupto, versão 3milhão b, aja saco

          4+
          • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:57

            um exemplo pratico:
            quandos as empresas que forncem pra petrob´ras se organizam pra joga ro preço lá no alto, todos somos vítimas da corrupção, mas fazer o quê? precisamos de gasolina, então ou fecha a petrobras, privatiza, ou vamos conviver com a corrupção nos fodendo e torcer pra Policia por esse malandros em cana

            7+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
    • O Cramulhao de FHCigienopolis45 8 de abril de 2017 at 14:25

      Mas elogiar o PSDB-PCC significa necessariamente ir contra o capitalismo. ClaRO que a Petralhada testou derrubar São Paulo, mas nessa história a merda do PSDB-PCC só ajudou a piorar!
      Não consigo ver a diferença entre Tucanalhada e Petralhada. Talvez por conhecer a família Alckmin pessoalmente e alguns caciques ex-terroristas comunistas do PSDB-PCC (Há mais gente além de Aluísio Nunes) eu tenha uma visão privilegiada…

      3+
  • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 13:26

    Coisas doidas dos leilões

    1a praça – pelo valor de avaliação – 193K
    http://www.gpleiloes.com.br/index.php?home=1&pg=leilao&idleilao=1137

    2a praca – pelo valor da dívida com o banco – 224K
    http://www.gpleiloes.com.br/index.php?home=1&pg=leilao&idleilao=1138

    5+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:28

      Cara… isso vai dar o maior rolo.
      Começou timidamente … agora está ficando explícito.
      Eu pensei que os bancos perderiam muito pouco… mas podem perder muito. Além de dinheiro irão perder tempo administrando imóveis retomados.

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:32

        Registro do primeiro link: Consolidação da propriedade em Janeiro de 2013? ITBI recolhido sobre 135k
        mas diz que o empréstimo foi de 28k com taxa de juros de 2,45% .a.m – 71 meses

        6+
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:35

          César… onde estão as avaliações!?

          2+
          • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 13:43

            From_the_tower
            Não vi o laudo de avaliação, mas este procedimento é quase padrão, pois na primeira praça ele precisa seguir a lei, na segunda praça tentam quitar a dívida bancária.

            “No processo civil, em regra, poderá haver duas hastas públicas, onde na primeira o bem somente será vendido se alcançar lanço superior à importância da avaliação (art. 686, VI, do CPC), e a segunda praça ou leilão, onde os bens poderão ser vendidos por qualquer lanço, desde que não seja preço vil (art. 692 do CPC).
            Todavia, no processo do trabalho a hasta pública é única, sendo os bens, desde logo, vendidos pelo maior lanço, conforme estabelece o art. 888, § 1.º da CLT.”[10]

            6+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:48

              Sim.
              mas o registro nesse caso afirma que a dívida era de menos de 30k.
              o casal não aguentou pagar 900,00 por mês.

              7+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
      • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:33

        crise sistêmica?
        bosta na área financeira?
        porcaria de blog…

        8+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:27

    INFLAÇÃO BAIXA?
    PORQUE?

    mistura vários fatores: questões macro, torneiras sendo fechadas, desexpasão monetária, crise, desemprego, cambio arrefeceu, etc, etc. é um trampo calcular o efeito de cada um.

    o importante é que o Temer-merireles realmente estão comprometidos
    Caso contrário um pouquinho de inflação lhes faria politicamente muito bem.
    ele não é tão maquiavélico assim, um pouco de responsabilidade estão tendo
    e não falo isso pra defender corrupto, falo pelo bem da ´lógica e da verdade

    Agora, se vai ser suficiente, são outros quinhentos

    11+
    • avatar
    • avatar
    • Alemão 7 de abril de 2017 at 13:33

      Lembrando que a inflação vai corrigir boa parte do gasto federal do ano que vem (PEC do Teto). Mais um motivo para comemoramos a inflação baixa.

      9+
      • avatar
      • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:41

        essa PEC aprovar foi uma luta,
        seguir a risca será outra
        lembra que a dilma fez com a LRF???

        eu ainda não contaria como certo

        6+
        • avatar
        • Alemão 7 de abril de 2017 at 13:55

          Sim, mas o fundamento do impeachment da Dilma foi a fraude no cumprimento da LRF.

          6+
          • avatar
          • Lucas 7 de abril de 2017 at 13:58

            depois de 6 anos fraudando a LRF
            a tal contabilidade criativa, aliás inaugurada pelo lula

            7+
            • avatar
        • to bolhado 7 de abril de 2017 at 14:01

          o chuchu tinha uma tese com a qual concordo. Seria melhor o Temer ter usado o primeiro gás de prestígio e boa vontade ano passado para aprovar a previdência, antes da PEC. A PEC dos gastos é uma limitação teórica, mas que na prática pode ir pro saco. A previdência seria a mais difícil. Agora usou as armas que tinha e tem pouquíssima bala na agulha para aprovar as reformas que realmente farão diferença.

          9+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 13:49

      Realmente faz sentido. Mas eles não sinalizaram nada ainda em relação ao corte na carne.
      Estado ainda está muito inchado e as medidas são inócuas, o volume de despesas é muito grande.
      Quero só ver quando a operadora de cartão de crédito cortar o rotativo.

      6+
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:54

        A merda será grande por esse motivo tb.
        O Estado grande é muito complicado de ser reduzido na prática. A maioria dos gastos são obrigatórios. Fica quase impossível cortar na carne. A casta dos privilegiados (a elite burocrática) não abre mão de nada; os eleitos não abrem mão de nada e ainda querem mais na calada da noite e assim vai.

        12+
        • avatar
        • avatar
  • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 13:28

    Apartamento de 42 m2 em Belo Horizonte

    1a praça – 194K – http://www.gpleiloes.com.br/index.php?home=1&pg=leilao&idleilao=1141
    2a praça – 108K – http://www.gpleiloes.com.br/index.php?home=1&pg=leilao&idleilao=1143

    6+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 13:33

    Mais leilões sem lances
    Apartamento de 42 m2 em Caldas Novas
    1a praça – 218K – http://www.gpleiloes.com.br/index.php?home=1&pg=leilao&idleilao=1113
    2a praca – 131K – http://www.gpleiloes.com.br/index.php?home=1&pg=leilao&idleilao=1114

    4+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:36

      Para comprar em leilão geralmente a pessoa precisa ter o dinheiro investido e com liquidez imediata. Afinal de contas não dá para parcelar o arremate.
      ops… dá sim. maioria dos leiloeiros e bancos já parcelando bens leiloados tb.
      kkkk

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • to bolhado 7 de abril de 2017 at 13:41

    Vou dar meu pitaco na discussão mais recente Thiago x CA (não que alguém se importe com o meu pitaco kkk).
    Já foi tratado várias vezes nesse blog o problema desse mercado, no Brasil, de não ter uma referência sólida confiável de valores. Então a gente usa uma série de referências meio tortas para formar uma opinião. Nesse sentido, o Thiago tem certa razão em dizer que os dados oficiais não apontam uma queda tão expressiva. Muitos aqui (eu inclusive) fizeram previsão de que a essa altura do campeonato já teríamos quedas de preço mais expressivas (pro mercado como um todo, não descontos específicos num leilão de 1 imóvel específico etc). Quem tá acompanhando o mercado no geral tem a mesma impressão que eu tenho tido: não vende mas também não baixa de preço. Ok, ponto, parágrafo. Vamos as ressalvas agora.
    Primeiro. Os valores estão nominalmente estagnados desde 2012. São 5 anos (40%) de corrosão pela inflação. Se bota na conta custo de oportunidade do CDI beira os 70%. É muita coisa para que qualquer um considere razoável chamar isso de “ajuste cíclico”.
    Segundo. Tenho sempre problemas quando alguém embasa um argumento com uma lógica que não usaria na vida cotidiana. Então o Thiago se apega a frieza de certos números que ele leva em consideração, desconsiderando todos os outros indícios que o mercado tem dado. Desculpem-me a analogia chucra, mas é como o cara no salão de festas do Titanic – o navio já bateu no iceberg, os camarotes mais baixos já estão cheio de água mas ele continua achando que tá tudo bem porque o convés ainda tá bonitinho. Acho improvável que o Thiago, tendo demonstrado capacidade intelectual, use desse tipo de formulação em outros âmbitos da sua vida.
    O tempo mostrará qual tese estava correta. Acho que 2 anos é um bom período para isso ficar mais claro. Sou pragmático, no entanto: tudo me indica para o fato de que há um buraco negro no setor cujo tamanho eu não consigo estimar. Prefiro manter as surpresas ao meu favor e ficar de fora esperando para ver o que vai acontecer. Se eu estiver errado, perco pouco ou quase nada. Se eu estiver certo, deixo de perder muito. É de longe a melhor estratégia.

    31+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 13:52

      Também acho bastante válidas as colocações do Thiago fm, pois toda unanimidade é estúpida, se nos fechamos numa bolha ideológica, não temos mais a capacidade entender o que está acontecendo em todo o mercado, filtrando informações e seguindo um viés de confirmação.
      Acho o antagonismo dele com o CA bastante salutar, cada um defendendo seus argumentos.
      O interessante é que, quando vamos minerar profundamente os dados que eles apresentam, conseguimos detectar problemas metodológicos.
      No geral, concordo tudo com o CA, uma das poucas coisas que discordávamos era sobre a velocidade de queda no valor dos imóveis, eu achando que seria lenta e ele achando que seria rápida.

      21+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:57

        Eu também pensava que seria rápida… mas aí comecei a perceber detalhes e atitudes dos proprietários / mutuários.
        Notei que eles preferem passar necessidades financeiras mas não abrem mão do valor do anúncio. Percebi em exemplos práticos a total ignorância financeira… ex: deixar de dar desconto de 10k em imóvel de 720k em 2013. Isso a pessoa ganharia no mercado financeiro em questão de dias. em 2017 o preço está o mesmo.
        Então o processo está lento olhando para os proprietários que tentam revender ….. está acelerando com o estoque das destrutoras e está muito rápido nos leilões. São etapas da bolha imob. bananense.

        24+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 7 de abril de 2017 at 14:05

          eu acho que a queda está rápida, mas por vias que a gente não abstraiu de inicio
          as vendas pelas tabelas oficiais cada dia são menos significativas diante dos processos de insolvência
          o nosso judiciário ajuda, a briga jurídica leva década, enquanto isso o cara vai morando, as emrpesas vão enrolando, vão desmontando o que existe

          E quem é enganado pela tabela oficial, isso corresponde ao sucididio financeiro, insolvência da família, vão passar necessidade, ao invés de ter uma vida rica, isso que o CA fala, aceitar a tabela oficial é ser enganado pelos meios de desinformação que alimenta toda essa máfia, e tbm nosso PMJ vem daí, é um jeito da gente tirar uma casquinha da situação, não teríamos juros reais em patamares próximos dos grandes gênios financeiros do mundo (em reais, pq se dolarizar ai fica mediocore) se não houvesse sardinha sendo tragado por esse buraco negro que o Thiago cava e floreia da forma mais nefasta possível.

          eu sinto certo nojo dessa injustiça imoral

          17+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 14:06

          Os bolhas são fenômenos psicosociais de comportamento em manada.
          Se todo mundo tivesse conhecimento sobre economia, tomaria decisões baseadas em números, mas com a mentalidade patrimonialista de origem portuguesa, eles só irão vender o imóvel por um valor abaixo do que ele considera justo, como último recurso.

          25+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 14:10

            Sim, perfeito.
            Tanto é que tem senhores de 70 e 80 anos na Espanha e Portugal afirmando categoricamente que não houve bolha imobiliária.
            Eu conversei sobre isso com um sr. diretor de faculdade em Madri.

            22+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Lucas 7 de abril de 2017 at 14:20

              se a pessoa conseguir passar pelo VALE sem precisar vender na pratica não houve mesmo bolha
              o problema é se muita gente pensar igual, é preciso queimar muito 666 na fogueira do ajuste
              pode levar décadas, e ainda assim, não teria valido a pena, pelo custo de oportunidade, de grandes oportundiades, num cenário de estouro, é exatamente o exemplo do Fernando, nas cotas dele comprando com 60% de desconto no finame ele meio que empata com a inflação, mas o que ele poderia ter ganho no TD supera e muito, e numa menor proporção, o meu, pq tbm comprei, ainda que num bairro para onde vão se refugiar os falidos, então contabilmente falando estou no azul, ainda que dinheiro mesmo no bolso fico só assistindo o PMJ de quem ergue os 2 braços

              12+
              • avatar
              • avatar
              • Fernando 8 de abril de 2017 at 22:42

                Aqui vc é o único que comprou e vem dizer o contrário!!!!!

                Nunca se esqueça, vc está na ala dos que compraram!!!!

                Segundo vcs, somos 666!!!

                Bem vindo ao clube, meu caro!!!

                1+
          • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 14:12

            Problema que o último recurso está cada vez mais próximo, tendo em vista que todas as opções anteriores não deram resultado.

            4+
            • avatar
            • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 14:16

              Uma coisa que provavelmente ajudará os brick lovers a cederem é saber que todos os demais tb abaixaram o preço. É dolorido… mas é um alívio tb. nos EUA e Irlanda isso ficou mais evidente porque os bancos eram donos de grandes quantidades de imóveis. Processo mais dinâmico.

              10+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
          • to bolhado 7 de abril de 2017 at 14:29

            pois é, por isso acho que a inflação vai fazer boa parte do trabalho. O camarada ancora o valor nominal na cabeça. Se 10 anos depois ele vender pelo mesmo valor nominal, vai ficar com a impressão de que perdeu pouco, mesmo que em termos reais o valor seja metade do que era 10 anos antes.

            10+
            • avatar
            • Lucas 7 de abril de 2017 at 14:35

              … E QUEM EM 10 ANOS:
              + o aluguel teve custo ridículo (rentabilidade baixa)
              + o custo de oportunidade no PMJ disparou.

              então ele não perdeu metade
              +
              e deixou de ganhar o dobro
              =
              cerca de 4x a 9x mais pobre, ou menos rico, na média.

              14+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 14:40

                Por isso que eu vejo aqui em Curitiba pessoas com casas de madeira bem velhinhas… querendo 500k ou 600k pelo terreno com a casa que não vale nada …. e o mesmo cidadão ou casal com renda de 1,8k proveniente de 02 SM de aposentadoria.
                Condição de vida bem humilde mesmo. E querem vender imóvel para aqueles 1% da população que possuem de fato os 600k e ou capacidade de financiar 500k em 30 anos.

                19+
                • avatar
    • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 13:56

      O problema não se restringe ao mercado imobiliário. É sistemico, muitos bancos estão altamente alavancados em créditos imobiliários.
      A inadimplencia é que está determinando quem tem/tinha razão ou não. Estamos numa encruzilhada.
      Manual do Anony, diversificação, PMJ, toddynho e pipoca assistindo o final do Fight Club.

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:58

        Os bancos tb estão ajudando na questão de evitar o pânico.
        Lembrando que esse mercado saltou de um estoque de recebíveis de 30 bilhões para quase 800 bilhões de reais. (estoque da dívida imobiliária)

        9+
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 7 de abril de 2017 at 14:07

        exato
        e além dos bancos, o próprio governo que garante a Caixa, que tá com os 2 pé na lama

        5+
        • avatar
  • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 13:41

    Acompanho todos os leilões de Curitiba
    os últimos 04 leilões de Março e Abril ninguém deu lance para primeira praça.
    segunda praça… está dando uns 25% de lance.. mas bem próximo do valor ofertado

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Leonardo M. 7 de abril de 2017 at 14:00

      Eu acompanho leilão de carros…
      Vejo cada vez menos lances. Os únicos que estão com alta procura são semi novos de 2015 pra cá, pois tem um preço bom com baixa km de rodagem.
      Carros acima de 10 anos quase não tem mais lances e quando tem são 1 ou 2.

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • chigo 7 de abril de 2017 at 15:56

        Eu queria comprar um carro SUV em leilão. Já acompanhei vários. Fiz planilha de custos. E na maioria das vezes, analisando todos os custos e riscos, para valer a pena o carro teria que sair por menos de 50% da Fipe. A maioria que acompanhei passou muito deste valor. Ou este pessoal é louco, burro ou sabem de algo deste negócio que eu não sei.

        16+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:05

          eles sabem mecânica
          muitas vezes um conserto de 10 mil custa 10 reais
          outras vezes um conserto de 10 mil custa 12 mil
          até pra eles tem risco

          isso se chama assimetria de informação
          se vc não sabe o por quê destes preços provavelmente vc está no lado ignorante da balança, eu estou, e olha que entendo pacas, só não tenho saco nem ferramenta, nem espaço pra usufruir disto, então não me meto, só luto no campo que conheço

          16+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
  • Leonardo M. 7 de abril de 2017 at 13:48

    CVR

    Propriotário aqui onde moro teve a brilhante ideia de aumentar condomínio em 25,00 e aluguel em 47,00 Temers.
    Resultado?
    4 apartamentos no térreo vago, 3 outros apartamentos em outros andares também vagos. Temos 44 apartamentos no prédio.
    Fora as mudanças constantes…E com este inverno prevejo mais vacância.

    27+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 14:01

      Na crise a mobilidade tende a crescer.
      Pessoas levantam casebres no terreno dos parentes… juntam trapo para ficar somente com um aluguel… voltam para a casa dos pais, etc.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 14:12

    Querem conferir o respectivo CREDIT SCORE !? SerasaConsumidor finalmente facilitou a vida
    https://www.serasaconsumidor.com.br/
    O meu deu 963 pontos.
    Pontuação média de pessoas com a minha idade: 456

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 14:33

      Muito bom esse site, valeu pela dica.

      3+
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 14:35

        EU já tinha consultado pelo SCPC Boa Vista…. mas era bem burocrático.

        1+
        • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 14:37

          Tinha dado o mesmo resultado?

          3+
          • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 14:41

            Um pouco abaixo. 951 se eu não me engano. Mas foi ano passado.

            1+
            • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 14:43

              Nossa…procurei no e-mail
              “Prezado(a), From_The_Tower

              A Boa Vista SCPC agradece seu contato.

              Sua solicitação registrada sob número de protocolo 1611xxxxx

              Informamos que nesta data, o seu Score é 822 .”
              21/11/2016

              Acho que já posso financiar um bolhudinho, kkkkkk

              6+
              • avatar
              • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 14:44

                Quem pode não quer, quem quer não pode 😛

                13+
                • avatar
                • avatar
                • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 14:48

                  😉
                  Eu queria muito chegar nesse patamar. Ter condições de comprar qualquer coisa á vista. E não ligo pro crédito, eu raramente uso. Só cartão de crédito para gerar milhas e fazer turismo.

                  6+
                  • avatar
                  • avatar
                  • Lucas 7 de abril de 2017 at 15:54

                    esse patamar não existe
                    é do capitalismo a prosperidade é infinita, sempre vai haver algo além das suas posses.

                    2+
                    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 15:57

                      ah.. claro !
                      😉

                      2+
                    • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:10

                      melhor mesmo é sair dessa mania
                      e cultivar as cosias que vc realmente gosta
                      derrepente são caríssimas, derrepente não

                      meu sonho é ali pra frente voltar a viver na praia, construir um veleiro no quintal e rodar o mundo
                      amir klink mdeon
                      mas acho que vou ter que me contentar com isso:
                      http://www.maquetesnavais.com.br/440KIT_lesoleil_03.jpg

                      6+
                      • avatar
    • Money_Addicted 7 de abril de 2017 at 15:10

      o meu deu 926/475

      3+
      • avatar
  • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 15:07

    Governo propõe rombo maior, de R$ 129 bilhões, para suas contas em 2018 https://t.co/ny4d4gWpbv #economiaG1

    dólar já subiu um pouco
    ?

    6+
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 15:09

      O governo admitiu que as contas públicas terão um rombo maior em 2018, segundo anúncio feito nesta sexta-feira (7) pelos ministros da Fazenda, Henrique Meirelles, e do Planejamento, Dyogo Oliveira.
      Até então, a meta atual de déficit primário (despesas maiores do que receitas, sem contar juros da dívida pública) era de R$ 79 bilhões para o próximo ano. A nova proposta, que ainda será enviada ao Legislativo, é de que o rombo fiscal de 2018 seja de R$ 129 bilhões.
      Segundo a equipe econômica, a previsão de crescimento para o Produto Interno Bruto (PIB) de 2018 é de 2,5% – valor que está em linha com as estimativas do mercado financeiro.
      O anúncio da equipe econômica precede o envio, ao Congresso Nacional, do projeto de lei de diretrizes orçamentárias. Por lei, esse documento, com propostas para a meta de resultado primário do governo, entre outros dados, tem de ser encaminhado ao Legislativo até o dia 15 de abril de cada ano.
      Segundo o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, o governo tem optado por encaminhar “metas críveis” para aumentar a credibilidade da política fiscal. Ele informou que a meta de R$ 129 bilhões de déficit nas contas do governo está muito próxima do consenso das estimativas do mercado financeiro.
      “Em 2018, ainda sofreremos um processo de atraso na receita [arrecadação]. As empresas ainda estarão em 2018 acumulando muitos créditos fiscais de prejuízos dos anos anteriores. O nível de atividade, embora tenhamos uma recuperação considerável para 2018, não impacta imediatamente a arrecadação. Por isso que a arrecadação esta sendo manda praticamente estável”, disse o ministro.
      O mercado financeiro, antes do anúncio da revisão da meta, já previa que a meta fiscal de 2018, de R$ 79 bilhões – que ainda está em vigor porque a mudança não foi aprovada pelo Legislativo – não seria atingida. Pesquisa realizada em fevereiro pelo Ministério da Fazenda em fevereiro com as instituições financeiras, e divulgada no mês passado, aponta para um déficit primário nas contas do governo de R$ 118,31 bilhões – bem acima da meta existente de R$ 79 bilhões.
      Em relatório divulgado em fevereiro deste ano, a Instituição Fiscal Independente (IFI), órgão ligado ao Senado Federal, já apontava para as dificuldades de atingimento da meta fiscal em 2018, que ainda é de R$ 79 bilhões, mas que o governo busca aumentar. Isso porque, para cumprir a meta de R$ 79 bilhões no ano que vem, a IFI indicava que seria necessário fazer um bloqueio recorde de gastos da ordem de R$ 84 bilhões – um valor considerado inviável por especialistas.

      4+
      • avatar
      • avatar
      • Alemão 7 de abril de 2017 at 15:36

        Esse é o déficit primário. O rombo total é bem maior.

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 15:37

          Exatamente.

          4+
          • avatar
      • mestre dos magos 7 de abril de 2017 at 15:38

        TD lovers piram com essa notícia.

        A lógica dos bancos é emprestar para quem tem condições de pagar. Ao verificar que o cliente não possui condições de pagar seus empréstimos atuais, eles não celebram mais contratos com esse cliente. Se usarmos a mesma lógica ao TD, teríamos que começar a evitar, ou até diminuir, a exposição ao TD, pois a dívida caminha para algo impagável. Hoje cada brasileiro já carrega uma dívida do governo de R$ 17.500 reais aproximadamente (3,5tri/200milhões). E essa dívida segue aumentando…….

        9+
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 15:42

          Tem que ficar de olho na dívida pública sempre.
          O momento em que o Tesouro Nacional não puder mais pedalar… (não tenha mais espaço para isso) a melhor saída é GRU

          8+
          • avatar
          • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:18

            Sarney 1987 modeon
            foi ali que os anos 80 acabou
            ver moratória
            http://www.infoescola.com/historia/crise-da-divida-no-brasil/

            eles culpam o petróleo, mas não foi só isso, teve o Bnh, teve as obras faraônicas, teve a corrupção, teve a inflexibilidade do regime, teve o delfim neto

            10+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Tem Mas Acabou 7 de abril de 2017 at 16:39

              – “Eles culpam a Crise dos USA (check), mas não foi só isso, teve a Bolha Imobiliária (check), teve as Obras da Copa (check), teve Mensalão e Petrolão (check), teve os interesses individuais dos Políticos (check), teve a Nova Matriz Econômica (check)”

              Wellcome to 80’s!

              12+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:47

                kkkk
                boa
                e teve o delfim neto denovo

                7+
                • avatar
                • avatar
  • Alemão 7 de abril de 2017 at 15:18

    Um gráfico que expressa muito bem a volta à realidade do Brasil: PIB per capita (medido pela paridade do poder de compra). Voltamos ao mesmo patamar de 2010. Isso pelos dados de 2016…
    http://pt.tradingeconomics.com/brazil/gdp-per-capita-ppp

    5+
    • avatar
    • avatar
    • to bolhado 7 de abril de 2017 at 15:22

      pelo ppc leva em consideração o dólar, e o dólar tá desvalorizado em relação ao real. Se o dólar dá uma puxada chega em 2005 fácil / fácil. Em real acho que chegou em 2007/2008.

      2+
      • avatar
      • Alemão 7 de abril de 2017 at 15:30

        Pois acredito que o real vai valorizar um pouco mais em relação ao dólar…

        2+
        • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:19

          se pegar RMSP, 2010 já estava abaixo de 2000
          entende pq a av. Paulista odeia o PT?

          2+
  • Longa Manus 7 de abril de 2017 at 15:19

    CVR 1 – Intranet e email funcional aqui da Justiça Federal bombando notícia de palestra com gerentes da CEF para informar e atualizar magis e servidores sobre FGTS, consignados e financiamentos imobiliários….rs

    CVR 2 – Assistente do gerente de meu BBanco me ligando informando que tenho uma linha de crédito alta e especial….não obrigado…rs

    25+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 15:22

      tô dizendo é a pedalada da pedalada.
      a CEF vivia nos ligando oferecendo linhas de crédito. carros, imóveis, equipamentos, etc.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • mestre dos magos 7 de abril de 2017 at 15:32

        Eu tenho quase 500k, pré aprovado, no bbanco para aquisição de carro e imóveis. Dão esse valor pra mim que não tenho um real investido no banco, imagina para o resto.

        6+
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 15:35

          hahahaha
          pqp !
          Eu abri aquela conta digital no BB já tem lá 1.2k pré-aprovado
          no Santander mandaram cartinha oferecendo crédito imobiliário de 440k

          4+
          • avatar
          • avatar
    • Libertario 7 de abril de 2017 at 15:58

      Bradosca acabou de me ligar tambem, dizendo que tenho um credito pre aprovado para compra de um bolhudocar!!!
      Bixo ta pegando pelo jeito…..

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 15:48

      em 04 anos vai dar 500 bilhões de déficit!?

      PORRÂIN!????

      5+
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 15:57

        Se tudo der certo teremos em 04 anos (2015 a 2018) um déficit público acumulado de 571 bilhões de reais
        112+171+159+129

        4+
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:23

          se vc calcular a divida publica interna acho que vc nunca mais compra TD

          5+
          • avatar
          • avatar
        • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:24

          a questão é:
          quem é tão estupido a ponto de por tudo isso aí no colo E LEVAR PRA CASA?
          vou votar sem dó no BOLSONARO

          11+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:25

            NÃO TO dizendo que ele vaid ar calote
            mas que precisaremos dum homem forte pra chicotear a senzala e garantir nosso PMJ

            7+
            • avatar
            • avatar
  • Lucas 7 de abril de 2017 at 15:56

    From_The_Tower

    Por isso que eu vejo aqui em Curitiba pessoas com casas de madeira bem velhinhas… querendo 500k ou 600k pelo terreno com a casa que não vale nada …. e o mesmo cidadão ou casal com renda de 1,8k proveniente de 02 SM de aposentadoria.
    Condição de vida bem humilde mesmo. E querem vender imóvel para aqueles 1% da população que possuem de fato os 600k e ou capacidade de financiar 500k em 30 anos.

    INDICE DE GERSON
    o cara pode pagar 600 de parcela, da um finame de de180k no máximo, contas de cabeça
    o IG dele está em 300%
    é quase o Ig da Cisticercolandia

    5+
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 16:01

      “o cara pode pagar 600 de parcela, da um finame de de180k no máximo, contas de cabeça’
      só pode pegar imóvel de no máximo 99k e ainda com forte subsídio

      para facilitar a conta com os patamares de juros de hoje… basta pegar 1/3 da renda: 600,00 e multiplicar de 100 a 120 vezes. 60 a 72k o valor máximo do imóvel

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 16:03

        Ah.. esqueci esses velhinhos não conseguiriam financiar nada… a idade não permite.

        8+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 16:11

          FGTS – Aquisição de Imóvel Usado – Balcão.
          Valor do imóvel R$ 99.000,00
          Prazo máximo 360 meses
          Cota máxima financiamento 90%
          Valor da entrada R$ 40.739,07 Alterar
          Prazo desejável 289 meses Alterar
          Valor do financiamento R$ 58.260,93

          coloquei pessoa nascida em 1960. 57 anos.
          eles dão 24 anos para pagar
          entrada de quase 40%

          IT´S OVER

          8+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 16:12

            Juros de 5% + TR
            Primeira prestação 543,00

            7+
            • avatar
            • avatar
            • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:22

              perfeito, tava com preguiça disso aí
              IG de 600%
              eu tenho um as na manga de como avaliar rapidamente um imóvel, uso faz década é tão bom que evito divulgar só pra conhecidos, deixa o fim do dia que te passo

              5+
              • avatar
              • avatar
  • Gute 7 de abril de 2017 at 16:39

    Cair em até 40% nominal. Será que o aluguel vai perder pra TR?
    O tempo a favor de quem aluga.
    Querem deixar cair devagar? Não gostariam de baixar o preço? Sem problema. Os leilões farão isso.

    Conversando com um colega sobre o estoque da Caixa e ele disse que ninguém compra em leilão porque geralmente está habitado. Questionei o que a Caixa fará com tantos imóveis.

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:46

      a ciax avi sanear as dividas e distribuir de graça, talvez pro próprio ocupante
      não vejo outra saída
      ah, e o custo de fazer isso… PMJ
      o risco: moratória

      5+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Brazil mode OFF 7 de abril de 2017 at 16:43

    CVR

    No trajeto de minha casa –> trabalho, uns 5 km +- eu contei 31 placas de imóveis vende/aluga

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • John Horse 9 de abril de 2017 at 22:07

      No trajeto minha casa -> escola das crianças (uns 1,6 km) contei umas 90 placas de vende-se…

      5+
      • avatar
  • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:44

    Awulll

    Mas depois de 2018 você acha que sobe?

    1+

    acho que continuará caindo até +/- 2027
    a questão é a liquidez
    com o risco de moratória, entre 2019-2023, seu PMJ ficará preso
    repito: comprar PRA MORAR,com desconto acima de 60% do auge (2012)

    5+
    • avatar
    • avatar
    • Zé Carioca 7 de abril de 2017 at 20:11

      Virou defensor do soft? Falava que ia cair até 2023 e tu me chamava de corvo.

      5+
  • Lucas 7 de abril de 2017 at 16:51

    E só pra completar o dia
    Trump mostrando pra que veio
    eu avisei né, e muito
    cadê o Carlos?

    9+
    • avatar
    • avatar
    • Buck 7 de abril de 2017 at 17:20

      Caramba! Meteu bomba na Síria sem dó…amigos me disseram que uma das promessas de campanha dele era: que seria menos ligado aos problemas internacionais, mas parece que foi pegadinha do malandro…

      0
      • Lucas 7 de abril de 2017 at 17:28

        ainda falou de crise humanitária no discurso
        Trump humanista???
        veja só, não sou contra que eles defendam seus interesses, mas que fique claro é o petróleo que eles estão de olho, é manter o acordo do ocidente com a OPEP, é mostrar o porrete, que nem trump nem ninguém ia derrubar os especuladores de wal street, esqueçam teorias mirabolantes da conspiração, a verdade está embaixo do nosso nariz
        nada daquele mimimi era verdade
        era tudo fumaça pra esconder mais do mesmo.
        Porisso projetei um período de sucesso financeiro e até alguma euforia, que o FED precisará conter com doses de juros, ainda mais agora que o dólar vai voar ainda mais, como sempre ocorre com qualquer instabilidade internacional, seja na conchinchina

        9+
        • avatar
        • avatar
      • to bolhado 7 de abril de 2017 at 18:24

        Minha leitura é de que o assad abusou da boa vontade do trump com ele e a estratégia foi dar uma cutucada pra avisar “se você sair da linha olha o que te espera “

        3+
    • Carlos 7 de abril de 2017 at 18:13

      Espero que ele tenha combinado com os russos véio, não estou a fim de presenciar um apocalipse nuclear neste ano.
      E ele tem que fazer algo mesmo, sua popularidade está indo pro buraco, se bobear não dura até o fim do ano.
      Veja as propostas para a construção do muro com o México, que coisa linda…

      http://www.npr.org/sections/thetwo-way/2017/04/05/522712279/photos-the-many-possible-shapes-of-trumps-border-wall

      E antes que algum tonto fale que é “fake news” favor olhar a fonte da notícia.
      http://www.foxnews.com/official-polls/index.html

      Donald Trump’s approval rating hits new low and only 34% of American voters think he’s honest
      http://www.independent.co.uk/news/world/americas/us-politics/donald-trump-approval-rating-latest-new-low-record-honest-us-president-handling-poll-quinnipiac-a7667461.html

      2+
      • Carlos 7 de abril de 2017 at 18:17

        E ainda estão discutindo se este “ato” foi legal ou não desde que o presidente necessita de aprovação do congresso para executar atos de guerra.

        Muitas possibilidade de dar merda mesmo, eu não durmo tranquilo com este demente picareta tendo os códigos de lançamento dos mísseis.

        3+
        • avatar
        • Carlos 7 de abril de 2017 at 18:19

          The Kremlin, a close ally of the Syrian strongman, condemned the U.S. cruise missile attack on a Syrian airfield early Friday morning as an “act of aggression in violation of international law.”
          Russia’s Foreign Ministry said it suspended an agreement with the Pentagon to share communication about U.S. and Russian aircraft conducting separate missions over Syria to avoid mishaps.

          https://www.usatoday.com/story/news/world/2017/04/07/trumps-bromance-putin-history/100165530/

          2+
          • avatar
          • Carlos 7 de abril de 2017 at 18:22

            The American attack on Syria on Thursday unraveled China’s well laid plans for a summit meeting that would present President Xi Jinping as a global leader on par with President Trump, at once stealing the spotlight from Mr. Xi and putting him in a difficult position: choosing between condoning the kind of unilateral military action that China has long opposed, or rebuking his host.
            Mr. Xi’s dilemma was also acute because China has generally sided with Russia in defending Syria’s president, Bashar al-Assad, and because it worries that Mr. Trump might be prepared to order a similar strike on North Korea, Chinese and Western analysts said.

            https://www.nytimes.com/2017/04/07/world/asia/trump-china-xi.html

            3+
            • Carlos 7 de abril de 2017 at 18:37

              E combinado com os chineses tb….

              1+
            • Lucas 7 de abril de 2017 at 18:39

              o fato é
              existe milhões daqueles malucos que curte sobrevivencialismo de ambos os lados, do altantico torcendo prum máster reset só pra ver ser se o bunker funciona mesmo.

              isso é até uma cultura deles, coisa bizarra, devem estar comemorando agora.

              o que eu penso é pros lados de cá do BR se esses malucos aí não estão mesmo planejando um máster reset aqui no BR, não é difícil não, um assoprão e desmonta tudo, aí nem PMJ salva

              8+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • Carlos 7 de abril de 2017 at 18:55

                Minha opinião pessoal: TRUMP FEZ UMA GRANDE MERDA

                1 – Por quê os EUA tem que ser xerife do planeta? Só vai reforçar esta idéia entre amigos e inimigos e criar mais obrigações. A merda foi na Síria e não contra americanos.
                2 – Ele atacou o governo sírio e não os “rebeldes” e isto é um ATO DE GUERRA.
                3 – China e Rússia são aliados da Síria

                Creio ele deveria ter deixado a ONU “cuidar” disto pois é “responsabilidade” dela, na melhor das hipóteses a ONU seria ainda mais desmoralizada, oque acho ótimo.

                2+
                • avatar
                • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 19:12

                  E corre o risco ainda de um avião Sírio ter feito um bombardeio convencional e atingido um depósito de armas químicas dos rebeldes

                  3+
                  • avatar
                  • avatar

  • pobreemergente 7 de abril de 2017 at 17:11

    CVR

    Vou contar um CVR meu. Eu havia postado aqui há alguns que estava buscando um apartamento para comprar porque queria do meu jeito, mesmo sabendo que o ideal era alugar. Estava em busca de um 666 desesperado para conseguir uma boa oportunidade. Eu morava com meus pais e já era hora, aos 30 anos, de ter meu canto. Eu tinha certa pressa em comprar porque queria aproveitar a crise do mercado imobiliário e tinha medo que os preços voltassem a subir. Com o tempo passando, lendo diariamente as postagens de vocês, juros rendendo nos investimentos, vendo que os preços não paravam de cair, passei a procurar um imóvel para alugar. Com o conhecimento que aprendi de vocês, fiz as contas e os juros que eu pagaria com financiamento do apto que eu queria seria mensalmente o dobro (3000 reais) do que eu pago de aluguel (1500). Nesta busca, vi que os corretores que trabalham com aluguel são ainda mais despreparados que os corretores que trabalham com vendas. No caso do aluguel, a postura é que eles estão fazendo um favor a você e você é um qualquer que não possui um imóvel próprio. Como minha opção era ir a pé para o trabalho, comecei a ver imoveis na região central de Belo Horizonte. Pagaria mais caro, mas passaria a gastar menos gasolina e não pagaria mais o estacionamento. Encontrei imoveis descuidados e tive a confirmação do que eu já havia lido aqui: os proprietários não estão nem aí para os imoveis, acham que é apenas comprar o imóvel e colocar para alugar. Se esquecem de que os imoveis ficam velhos e precisam de manutenção. Desisti dos imoveis antigos e parti em busca dos mais novos. Proprietário não aceitou uma proposta minha de fechar a varanda e descontar no aluguel, como resultado o apto continua sem alugar. Continuei a fazer a busca, até que encontrei um imovel ótimo, bem localizado e no preço que eu gostaria. Quando ia fechar o contrato, já estava alugado. Isso me deixou preocupado. Estaria o mercado voltando a se recuperar? Enfim, vagou no mesmo prédio um outro apartamento. Fechei o negócio e tive apenas um desconto de 100 reais do anuncio. Como estava com pressa, o prédio era novo e perto do meu trabalho, fechei. Foi quando eu vi de perto o descaso das imobiliárias com os clientes: eu tive que pagar uma taxa de 60 reais para analisarem a minha ficha (depois vou ao Procon pegar esse dinheiro de volta), paguei um calçao de 3 vezes o valor do aluguel que sera depositado em poupança ate o fim do contrato (achei melhor que pedif favor), tive que pagar uma taxa de 250 reais de seguro contra incendio, tive que registrar contrato no cartorio etc. Tudo isso me deixou bem puto sobre alugar. Achei humilhante passar por tudo isso. No entanto, como disseram aqui no blog, tudo isso passa em uma semana. Aluguei o apto, descobri alguns problemas e a imobiliária mandou consertar. Comecei a refletir, se eu tivesse comprado o apto, eu teria que arcar com tais custos. O imovel vai ficando velho e o problema não é meu. As pastilhas do predio comecam a ficar pretas e o problema não é meu. As paredes do corredor precisam de pintura, mas o problema é do proprietário. Proximo ao predio há um restaurante badalado, que faz bastante barulho. Durante a noite os mendigos mexem no lixo e fazem barulhos com as latinhas (e o bairro tem o metro quadrado mais caro da cidade). Tudo bem, pois eu posso me mudar dali quando eu quiser. Se eu tivesse comprado o apto, ficaria preso por 30 anos ali. O meu prédio é composto por 30 aptos de 1 quarto de 50 metros quadrados. São todos do mesmo dono. Ou seja, meus vizinhos são inquilinos como eu. Na garagem, vizinhos com carros importados. Portanto, tem gente com muita grana que está vivendo aluguel (o que reforça mais ainda que estamos no caminho certo). Em frente ao prédio há outro prédio que foi entregue há um ano. O índice de aptos vazios é de 1 vazio pra cada 3 ocupados. Apartamentos duplex, com pé direito duplo. Da minha janela, vejo que a maioria dos aptos estão apenas com poucos moveis, moveis simples, mesmo o prédio sendo “de luxo”. Ou as pessoas não ligam para decoração, ou a parcelinha não os deixam investir em arquiteto e decoração. Acho que é a segunda opção. Pra fechar, vejo que a melhor escolha foi ter ido para o aluguel enquanto os meus juros alimentam meus investimentos e os preços dos imoveis que eu queria comprar caem todo mês. Obrigado a todos vocês (exceto o Fernando rsrs) por abrirem os meus olhos.

    71+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Buck 7 de abril de 2017 at 17:25

      Cara, parabéns!

      Realmente espero um dia postar um CVR parecido no sentido de viver de juros, este é o sonho que estou perseguindo! E dizer com gosto: PNJ!

      kkkk

      14+
      • avatar
      • Lucas 7 de abril de 2017 at 17:31

        0,25%am
        CERTIFICADO OPRESSOR PMJ PRA VC

        (e quem pagou o IPtu???)

        15+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • pobreemergente 7 de abril de 2017 at 17:45

          O IPTU quem paga é o inquilino, infelizmente! Meus pais moram na periferia e pagam 60 reais. O meu iptu é bolhudo de 250 reais, mas eu pagaria se o apto fosse meu tbm. A unica vantagem que vi do bairro bolhudo atual para o bairro que eu morava e pagava 60 reais é que o caminhão de lixo passa todo dia (à meia noite).

          3+
    • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 19:19

      pobreemergente
      Quando nós calculamos aqui, que a aquisição de um imóvel se torna atrativa abaixo de 150 X aluguéis, é do ponto de vista puramente financeiro.
      Não entra nesta conta todos as aspectos positivos que você citou, nem a possibilidade de aumentar salário para quem tem disponibilidade de mudanças.
      Para um jovem, considerando todos os itens citados, talvez só valesse a pena adquirir abaixo de 100X

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Fernando 7 de abril de 2017 at 22:53

      De nada.

      6+
    • gabi 8 de abril de 2017 at 19:34

      CVR

      Apesar de morar de aluguel há 8 anos, somente agora me mudei pela segunda vez. Desta vez senti mais o peso dos problemas de um aluguel.

      Sentimos o fardo do aluguel a partir da busca por algo habitável na zona sul do Rio por um valor razoável. Além disso, somamos aí a perda de tempo na busca, as exigências das imobiliarias, a burocracia, humilhação e até a falta de privacidade dos dados; mandei ficha pra mais 2 imobiliarias diferentes sendo que uma somente após a entrega fiquei sabendo que tinha gente na frente e a outra somente no dia seguinte fui informada que estava em segundo lugar na fila e no final ainda perdi os apartamentos.

      Teve um que após agendamento de horário, fui negociar com um advogado um apto que pedi pra baixar 300 reais e negociar a fiação elétrica do apto. O cara arrogante me disse que eu não iria encontrar um 2 quartos por esse valor e me sugeriu que eu procurasse na Tijuca, sendo que como eu conheço a região, pelo endereço que ele me deu falei na hora: Mas ali não é Tijuca, é Praça da Bandeira! O cara ficou desconcertado. P da vida por dentro mas educadamente eu lhe pedi desculpas pela minha prepotência mas eu iria continuar a minha busca e iria encontrar um e bem rápido. Ele me desejou boa sorte e praticamente me enxotou do escritorio, rs. Olhei no zap e está lá pra alugar até hoje.

      Outra coisa chata é Fiador, meu marido não quis perder dinheiro, pediu pra tia que tem uma relação mais proxima, mas ela não tinha a renda equivalente a 3x o valor do aluguel então voce tem que passar um oleo de peroba na cara e pedir pra um primo pentelho, pedir os contracheques dele e da esposa é algo desagradável. Fora, que cada imobiliaria pedia uma coisa diferente, e tem prazo , senão perde o apto, como de fato aconteceu.

      Essa semana a faxineira daqui de casa veio me dizer que eu não precisava ser humilhada , que eu tinha que ter meu apto, pq ela deduz que tenho condições de comprar um, ela só não sabe que eu não quero, rs. Ela acabou de perder um terreno que comprou sem poder (nem a entrada tinha), pq ela mora numa casa no terreno da sogra que ela não se dá.

      Por fim, aluguei um apto não tão perfeito mas pertinho do metrô, 200 off do valor pedido (500 off do advogado mais vaga de garagem) e que já estou pensando em alugar que o porteiro já me falou que tem gente querendo por 250.

      Percebo que é tudo questão de orgulho e vaidade, dominando esse sentimento agente AVOA longe!!!

      A minha vaidade está em ver crescer e dar filhotes o montante que tanto suei pra conquistar.

      Hoje já pago o aluguel mas em breve também as taxas com PMJ descontando a inflação!!!

      Money&Rent lover

      26+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • to bolhado 8 de abril de 2017 at 19:53

        Gabi, tbem alugo ha 9 anos e estou de mudança pela terceira vez. Tenho alguns Crvs parecidos, tem um lado muito ruim de alugar. Pretendo compartilhar alguns ao longo dos dias. O que me conforta é que no novo apto estou pagando 0,3% am do valor de compra, enquanto meu patrimônio familiar cresce em pg. Os anos dirão quem fez a melhor escolha.

        4+
        • avatar
  • pobreemergente 7 de abril de 2017 at 17:21

    Ah esqueci de contar! O IPTU veio com valor venal de 300 mil reais. Como o apto deve “valer” uns 600.000,00 e o aluguel está 1500, comprar imovel para alugar é um super investimento!!!!! Alta taxa de retorno! #sqn

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Lucas 7 de abril de 2017 at 17:42

    Zé do Brejo

    Nessa questão da crise hidrica, eu concordo contigo, aliás é algo que acontecerá recorreiramente independente de quem estiver à frente.
    Já te falei véio, no geral concordo contigo. Só não considero o xuxu santo. Só isso.

    nem eu acho ele santo, acho que é um sobrevivente, passar 13 anos de PT não deve ter sido fácil, agora se ele é herói ou se é demônio, o tempo, a POLICIA e o JUIZ vão nos dizer, basta dar tempo ao tempo. Se errei, já tem de aqui meu pedido de desculpas por falar bobagem.

    outra coisa, o Metro de SP está cobrando do alckim, na verdade do }Estado de SP, na verdade de seus contribuintes, que o Estado cubra um rombo bilionário na operação, já que a construção foi custeada por nós e saiu de graça pra empresa. Os PTistas daqui de SP dizem até que isso é pedalada e que o alckim deveria ser impichado por pedalar a “dívida”.

    Solução, gostaria que o xuxu fosse macho e mandasse privatizar tudo, igual na linha amarela, que alias dá lucro, e com muito menos movimento de passageiros, são fatos públicos como estes que faz apontar na minha opinião que ele está no grupo das vítimas do PT, e não no grupo dos sócios do PT. Essa é a minha lógica, preto no branco, sem diz=que=me=disseram

    5+
    • avatar
    • Zé do Brejo 7 de abril de 2017 at 18:49

      Minha bronca com o xuxu é por conta do sucateamento da segurança pública e maquiagem dos dados oficiais, além das obras eternas do metro.
      Não acho que ele sobreviveu ao PT e sim a população paulista é que barrou o PT no estado, méritos dos eleitores, não do eleito.

      4+
  • Krakenvader 7 de abril de 2017 at 17:55

    https://www.vivareal.com.br/imovel/casa-3-quartos-recanto-campestre-internacional-de-viracopos-gleba-1-bairros-indaiatuba-com-garagem-903m2-venda-RS1671000-id-78918734/

    1.850/m². Imóvel tá ocupado segundo o site de leilões… Pelo google maps, uma super mansão, sendo entregue a menos de 2k/metro. Achei que isso nunca aconteceria, né?

    6+
    • avatar
    • avatar
  • Carlos 7 de abril de 2017 at 18:30

    OFF – Trump, o mito. Véio, o trumpeteiro conseguiu uma coisa inédita, ter um jornal tradicional como inimigo declarado.

    Para quem quiser ler e analisar, já estou falando que sou só o mensageiro.

    Los Angeles Time
    Our Dishonest President
    http://www.latimes.com/projects/la-ed-our-dishonest-president/

    Para quem não sabe e vai criticar sem fazer o dever de casa:

    The Los Angeles Times, commonly referred to as the Times or LA Times, is a paid daily newspaper published in Los Angeles, California, since 1881. It was the largest metropolitan newspaper in circulation in the United States in 2008 and the fourth most widely distributed newspaper in the country.[2] The Times is owned by tronc (formerly known as Tribune Publishing).
    Tronc, Inc. (stylized as tronc; formerly Tribune Publishing) is an American newspaper print and online media publishing company based in Chicago, Illinois. Among other publications, the company’s portfolio includes the Chicago Tribune, Los Angeles Times, Orlando Sentinel, Sun-Sentinel, The Baltimore Sun, (Allentown, Pennsylvania) The Morning Call, Hartford Courant, and the San Diego Union-Tribune. It also publishes several local newspapers in these metropolitan regions, which are organized in subsidiary groups. It is the nation’s third-largest newspaper publisher (behind Gannett and The McClatchy Company), with ten daily newspapers and commuter tabloids located throughout the United States.

    http://investor.tronc.com/phoenix.zhtml?c=254385&p=irol-govboard

    1+
    • Lucas 7 de abril de 2017 at 18:51

      dos poucos que leio
      especialista em russia maior não há, depois conto a questão familiar do kaspa, e como ele acordou da lavagem em 1975 ao fugir dum, hotel em roma onde estava sendo disputado um torneio para assistir star wars e só aquilo foi suficiente pra ele compreender toda teoria de campbel, sem duvida um dos grandes gênios da humanidade

      The winter is coming
      uma resenha:
      https://www.nytimes.com/2015/11/08/books/review/winter-is-coming-by-garry-kasparov.html?rref=collection%2Ftimestopic%2FKasparov%2C%20Garry&action=click&contentCollection=timestopics&region=stream&module=stream_unit&version=latest&contentPlacement=3&pgtype=collection&_r=0

      3+
      • avatar
        • Carlos 7 de abril de 2017 at 19:07

          Não

          1+
          • Carlos 7 de abril de 2017 at 19:08

            Mas está cheio de vídeos dele discutindo Trump e Putin no Youtube.

            1+
      • Carlos 7 de abril de 2017 at 18:56

        Carlos 7 de abril de 2017 at 18:55

        Minha opinião pessoal: TRUMP FEZ UMA GRANDE MERDA

        1 – Por quê os EUA tem que ser xerife do planeta? Só vai reforçar esta idéia entre amigos e inimigos e criar mais obrigações. A merda foi na Síria e não contra americanos.
        2 – Ele atacou o governo sírio e não os “rebeldes” e isto é um ATO DE GUERRA.
        3 – China e Rússia são aliados da Síria

        Creio ele deveria ter deixado a ONU “cuidar” disto pois é “responsabilidade” dela, na melhor das hipóteses a ONU seria ainda mais desmoralizada, oque acho ótimo.

        3+
        • Carlos 7 de abril de 2017 at 19:14

          Ops, deveria ter escrito:

          Creio ele deveria ter deixado a ONU “cuidar” disto pois é “responsabilidade” dela, na pior das hipóteses a ONU seria ainda mais desmoralizada, oque acho ótimo.

          1+
        • Lucas 7 de abril de 2017 at 19:19

          esssa aqui esta excelente
          http://www.cnbc.com/2017/02/13/the-full-interview-with-former-world-chess-champion-garry-kasparov-on-trump-putin.html
          meu inglês anda enferrujado ajuda aí
          pelo hisotirco do que ele passou nas mãos dos russo por uma vida inteira esse é o cara para analisar, fora que ele segue uma heurística não marxista, modéstia a parte, coisa que tento fazer.
          tá tudo aí, china e tals

          Pro leigo que não quer entrar em muita teoria, o resumo é o seguinte, trump é um marxista de direita, conforme avisei, trump é MAIS ESTADO, MAIS JUROS, MAIS GASTOS.
          PMI pra quem tem
          e pro BR, qualquer peido lá o BR se caga, lembrarm da da tempestade perfeita???
          pisé, the winter is just coming

          5+
          • avatar
          • avatar
          • Carlos 7 de abril de 2017 at 19:20

            Column: Only a war can boost President Trump’s low approval ratings

            Trump has a 43.7 percent approval rating, according to an average of polls compiled by Real Clear Politics. It’s the lowest of any U.S. president this early in his administration since 1953. And it keeps going lower.

            The only thing that could get Trump out of this slump is a war. I’m not saying that’s what the president wants, but I fear it could be where we’re headed.

            Wars have a way of pulling the country together, with everyone scrambling to line up behind our leader. Take former President George W. Bush, for example. His overall job approval rating skyrocketed 13 points to 71 percent after launching the Iraq War in 2003, according to Gallup polls.

            The same thing happened with his dad. President George H.W. Bush saw his job approval rating jump to 18 points to 82 percent after the start of the Persian Gulf war in 1991, Gallup found.

            There have been plenty of presidents with whom I disagreed on their policies. But Trump is another matter. Many Americans, including myself, are afraid of the man.

            This week, we learned that Trump plans to ask for a $54 billion increase in defense spending. It raises the questions, why so much and why now?

            http://www.chicagotribune.com/news/columnists/glanton/ct-trump-war-glanton-20170227-story.html

            1+
          • Carlos 7 de abril de 2017 at 19:22

            Uma pessoa inteligente só pode ser marxista em proveito próprio, é uma ideologia só para as mentes limitadas.

            2+
            • Lucas 7 de abril de 2017 at 19:39

              lembra aquelas idéias antigas dos hippies de o senhor da guerra semear ódio, seja qual for, pra onde for, quem for, não importa, a colheita seria igualmente boa
              o marxismo é isso
              e os hippies eram odiados tanto pela esquerda quanto pela direita
              pega a biografia do John leno, os últimos anos morando em ny, casou com a japa que os americanos até hoje odeiam, bem na fase do boom deles e crise lá, toda aquela ideologia do paz e amor, isso era o maor veneno do mundo para ambos os lados, é acho que eles tinham neste aspecto alguma razão

              4+
              • avatar
              • Carlos 7 de abril de 2017 at 19:48

                Não fala destes dois véio, me dão preguiça, nunca gostei dos Beatles e muito menos da choradeira hipponga do Lennon.
                Sou doido tipo Rolling Stones ou The Who.

                2+
                • Lucas 7 de abril de 2017 at 20:07

                  nem eu gostava
                  não to defendendo
                  só observando como as pessoas se movem

                  3+
                  • avatar
                  • Lucas 7 de abril de 2017 at 20:10

                    como peças no tabuleiro

                    3+
                    • avatar
  • Cadeludo 7 de abril de 2017 at 19:17

    algum bolhista postou abba
    lembram da versao made in banania?
    https://www.youtube.com/watch?v=t7W7jDKW3TM

    2+
    • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 19:21

      PERLA, putz, esta foi do arco da velha

      2+
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 19:22

      putz….véio !!!

      2+
    • Carlos 7 de abril de 2017 at 19:29

      Medo….

      2+
      • avatar
  • Lucas 7 de abril de 2017 at 20:05

    Carlos e from_
    melhor vcs lerem isso, kasparov lutou contra o comunismo, lutou contra a kgb, é figura além de qualquer suspeita
    http://www.vox.com/conversations/2017/2/11/14577834/garry-kasparov-putin-trump
    devastador e profético
    repare que ele escreve sobre ver além da fumaça de caos…
    dá até um certo orgulho aqui, fazia uns anos que n acompanhava o kaspa, uns 2 anos
    parece até que repeti o que ele escreve, mas como venho escrevendo as mesmas cosias muito antes dele, acho que sou inocente de plagio.
    devastador

    4+
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 7 de abril de 2017 at 20:12

      só pra deixar claro, ele é forte critico do Obama
      President Obama — is guilty of chronic appeasement and weakness in letting bad guys like Putin stay in power.
      ele é ex-conselheiro do reagan e atual do John macain, ambos republicanos, figura fora de suspeita

      3+
      • avatar
      • Carlos 7 de abril de 2017 at 21:03

        Desculpe véio, sem tempo agora 🙁

        1+
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 21:16

      Lerei.

      2+
    • Carlos 7 de abril de 2017 at 21:21

      Putin movendo suas peças véio.

      Russia warns of ‘inevitable negative consequences’ following US air strikes on Syria
      RUSSIA has intensified its response to the US air strikes on Syria by sending a warship to confront American vessels in the Mediterranean.

      Vladimir Putin sent his most advanced Black Sea frigate into the eastern Mediterranean late Friday, putting it into direct confrontation with U.S. Navy destroyers which launched an air strike against the Syrian military, reported Newsweek.

      http://www.couriermail.com.au/news/russia-warns-of-inevitable-negative-consequences-following-us-air-strikes-on-syria/news-story/d181f26c14f8b183cda6e6cffcd21c8e

      1+
  • Cesar_DF 7 de abril de 2017 at 20:59

    Saiu no Jornal Nacional
    Governo anuncia que se sair a reforma da previdência, talvez em 2020 tenha superávit fiscal

    3+
    • avatar
  • Lord of All 7 de abril de 2017 at 21:02

    Caramba, assistindo agora o Jornal Parcial na rede Bobo, e os relatos dos senhores ministros, fiquei com uma sensação de medo do meu dinheiro no td.

    10+
    • avatar
    • From_The_Tower 7 de abril de 2017 at 21:16

      Imagina o Itaú e o Bradesco com 02 trilhões de reais em ativos.
      😉

      7+
      • avatar
  • Alemon Fritz 7 de abril de 2017 at 21:23

    caxa lixo
    Presidente da Caixa e vices pedirão demissão para embolsar benefícios, mas seguirão nos cargos, diz portal; banco se posiciona
    PDV Pode chegar a 10000 reais mais 1 ano de previdencia. Como são cargos de confiança eles continuam com salários de até 40k…

    http://www.infomoney.com.br/mercados/politica/noticia/6333578/presidente-caixa-vices-pedirao-demissao-para-embolsar-beneficios-mas-seguirao

    8+
    • avatar
    • avatar
    • AGP 7 de abril de 2017 at 21:49

      Perai, eu me demito mas continuo no cargo? E recebendo salário assim como estivesse? Que lógica é essa?

      6+
      • avatar
  • Dr. Estranho 7 de abril de 2017 at 21:58

    “http://www1.folha.uol.com.br/colunas/mercadoaberto/2017/04/1873374-procuradoria-da-fazenda-entra-na-justica-contra-recuperacao-judicial.shtml”
    Trata-se da recuperação judicial como golpe para desfazer de ativos valiosos em detrimento da fazenda. Será o caso da PDG?

    6+
    • avatar
  • Fernando 7 de abril de 2017 at 23:00

    http://economia.ig.com.br/2017-04-07/governo.html

    Gostaria de saber de vcs se é melhor eu quitar e ficar logo o meu apartamento, ou manter o meu dinheiro no TD, tendo em conta a reportagem acima.

    Já que vocês sabem de tudo um pouco, sei que poderão me ajudar.

    1+
    • CA 8 de abril de 2017 at 07:51

      Fernando,

      Nenhum dos dois. Aguarde inventarem uma cirurgia para implante de cérebro e compre um com QI mediano, ficará 100 vezes mais inteligente do que com o seu atual…

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Fernando 9 de abril de 2017 at 10:56

        Fora das politicas do blog. Vc se excedeu.

        3+
        • avatar
    • Master Yi 8 de abril de 2017 at 08:03

      Corrija-me se eu estiver errado. Até onde eu sei, você comprou um imóvel com um bom desconto. Tem em investimentos o montante suficiente para quitar o imóvel. Conseguiu um financiamento habitacional com taxa de juros abaixo das taxas de retorno dos investimentos. Investe o valor que utilizaria para pagar o aluguel.
      Aparentemente é uma boa estratégia. Porque a dúvida? Risco de calote?
      A propósito, respondendo um outro questionamento seu: Salvador é a capital do estado da Bahia.

      4+
      • to bolhado 8 de abril de 2017 at 08:28

        Daqui pra frente o quanto você conseguira ganhar nessa arbitragem não vale o risco. Eu quitaria.

        4+
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 08:32

          Lembram daTR pós calote
          335% a.a.
          1.156% a.a.
          2.474 a.a.
          951% a.a.

          Susse !

          7+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 08:36

            Os mutuários fariam fila para o bungee-jump wireless ! 😉

            9+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • CA 8 de abril de 2017 at 08:55

              Sim, por isto que coloquei o ponto em comentario logo abaixo, em cenário de quebra do país, uma das piores situações é ter financiamento de imóvel que subiria de preço astronomicamente pela TR em um momento de crise algumas vezes mais intensa do que a nossa dos últimos anos, com imóveis desvalorizando no mínimo 80% em função da total falta de demanda habilitada a compra-los. Neste contexto, aqueles novos afetados pela crise e serão muitos, teriam dentre eles um grande contingente passando necessidade, daqueles que teriam 100% de seu capital em imóveis e sem conseguir vender seu imóvel nem com 80% ou 90% de desconto, se ainda estiver financiado sem conseguir vender de jeito nenhum e neste contexto, o volume de suicídios de brick-lovers dispararia, muitos não aceitando a miséria e falta de capacidade de sustento básico.

              9+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
        • Fernando 8 de abril de 2017 at 15:55

          Valeu!

          1+
      • Fernando 8 de abril de 2017 at 15:54

        Risco de calote.

        1+
        • CA 8 de abril de 2017 at 18:31

          Fernando,

          E nesta hipótese, você estaria em uma situação privilegiada, não é mesmo?

          Se continuar com o financiamento imobiliário, a TR dispara como nunca e os juros que você pagará vão para a estratosfera. O probleminha é que mesmo que você pegue o dinheiro que tem aplicado no Brasil e coloque no Exterior para evitar as consequências da “quebra” do país, os juros que vai receber lá fora serão infinitamente inferiores ao acréscimo dos juros do crédito imobiliário e o seu prejuízo será ainda maior, pois o preço do imóvel DESPENCA, então não só você vai pagar MUITO mais juros via TR, como ainda contará com um saldo a pagar MUITO superior ao valor atual do imovel.

          E se você sacar todo o seu dinheiro e quitar o imóvel, o problema se resolve? Em primeiro lugar, com a desvalorização inevitável do preço do imóvel em função da crise algumas vezes mais intensa que a atual (*), de qualquer forma você pagará muito mais do que o imóvel vale e ainda, com uma perda enorme em relação ao custo de oportunidade e ainda, em meio a esta crise não terá nenhuma liquidez no caso de perder sua fonte de renda ou dela diminuir muito!!! Com tijolos, dívidas do dia-a-dia para pagar, sem reservas que foram aplicadas em um imóvel e geraram enorme prejuízo em função da desvalorização dele e aí vai se virar como, vender janelas e portas para pagar as contas? Se acredita mesmo na crise, é melhor cancelar a cerveja cara, o celular top e outras coisas gourmets tipicas de um 666 com problemas de auto-afirmação e uma vez na vida pensar e guardar um dinheiro extra, além daquele que será usado para quitar o imóvel. Só que vai demorar um tempinho até você formar esta reserva em ouro em outras moedas que possam cobrir suas despesas por um longo período e para piorar, sem dinheiro que estará preso no imóvel, não tem nem como mudar de país, como um volume recorde de milionários já fez ou se preparou para este cenário…

          (*) Na Argentina, quando ela teve default de sua dívida, a queda do PIB em apenas 1 ano chegou a 20%. A crise foi tão imactante que muitas famílias da classe média passaram a buscar restos de comida em lixeiras para sobreviver. O truque sujo do segmento imobiliário e seus asseclas, de fazer eternas chantagens com ameaça de quebra do país, confisco, ou algo assim, não cola neste blog, aqui todos sabem que a pior situação em uma crise desta magnitude é ter todo o seu dinheiro empatado em tijolos e não ter nem um tostão em caso de emergências, que aliás tem altissima probabilidade de acontecer em função de uma crise, diga-se de passagem…

          É por tudo que consta acima que ao longo dos anos sempre falamos aqui sobre o suicídio financeiro que é você fazer financiamento por décadas comprometendo parte de sua renda e sem nenhuma reserva financeira em um país tão instável e não confiável como o Brasil. Arbitrar juros achando que é mais esperto que o “sistema”, ou que só porque os juros são subsidiados não ia ter nenhum risco, é outra forma de suicídio financeiro, a TR já teve percentuais muito mais elevados no passado, em especial em períodos de crise e de desconfiança no Brasil. Por fim, imobilizar 100% do capital em tijolos, carros, etc, prevendo a possibilidade de crise intensa, que traz consigo uma enorme probabilidade de perda de renda para todos, até mesmo para funcionários públicos (ver RJ) é outra forma de suicídio financeiro. Estar neste contexto e pensar que está “abafando” ao vir aqui com ameaças de quebra do país, só demonstra o quanto você ainda não tem a menor noção de onde você se meteu e quais as consequências dos seus atos…

          15+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • CA 8 de abril de 2017 at 08:48

      Agora vamos ao ponto do novo aumento do déficit fiscal, neste caso para 2018:

      Quanto maior o desequilíbrio, maior os juros finais que terão que ser pagos para compensa-lo. Não se quebra um país “da noite para o dia”, durante este período, os preços dos imóveis terão quedas ainda mais acentuadas enquanto os juros crescerão, ou seja, triplo prejuízo para quem comprou imóvel financiado, primeiro pelo custo de oportunidade onde deixou de ganhar se estivesse com dinheiro aplicado, segundo porque a redução de valor do imóvel se intensifica dado o aumento dos juros e nova redução de demanda qualificada que hoje já está raquítica (*) e terceiro porque para piorar, a pessoa continuará pagando juros compostos com base em um valor de financiamento que teve como referência um preço de imóvel MUITO maior que o atual e ainda com uma TR que irá disparar (lembram-se das parcelinhas decrescentes que não são decrescentes?).

      (*) O centro financeiro da quinta maior economia do Mundo, como disse o Fernando se referindo a São Paulo, no mês de janeiro de 2017 teve a pior venda de todos os tempos, independente do mês de referência, esta é a demanda raquítica que vai desaparecer gerando quedas ainda mais intensas nos preços dos imóveis.

      Voltando a uma questão que de tempos em tempos tem sido colocada por aqui: mas e se o Brasil “quebrar” e não conseguir pagar suas dívidas?

      Quando foi e em qual país que os investidores perderam QUASE tudo? Argentina em 2001? Crise cambial? Bem, imóveis bons em Buenos Aires tiveram queda de mais de 60% naquela época e inclusive já mostrei isto para o próprio Fernando. Considerando-se que os imóveis no Brasil ainda estão muito acima da realidade, completamente fora dos fundamentos e com fortíssima tendência de novas quedas no Brasil, o que não acontecia na Argentina em 2001, nesta situação hipotética de “quebra” do país, os imóveis poderiam ter uma queda de NO MÍNIMO 80%. Como isto se daria?

      Com a catástrofe na economia e queda intensa dos juros, uma enormidade de imóveis em leilão seria vendida com descontos acima de 80%, junto com grande volume de vendas de pessoas físicas e jurídicas que estariam passando necessidade em função da “quebra” do país, vendendo seus imóveis a preço de banana.

      É importante entender que o governo “quebrar” destrói as finanças de todos, não só daqueles que nao tem imóveis e tem dinheiro aplicado NO PAÍS. Muito mais empresas fecham, o desemprego dispara junto com o dolar e a inflação e neste cenário de completo caos, quem estiver com seu capital completamente IMOBILIZADO em imóveis e passando necessidades, terá que vender a qualquer preço para SOBREVIVER, assim como os bancos e condomínios terão que vender os imóveis em leilão a qualquer preço, até porque, junto com aumento de necessidade, reforço, a demanda habilitada simplesmente desapareceria!

      Na prática, o mais provável e as experiências de outros países demonstraram isto, é que a perda para quem tiver dinheiro aplicado NO PAÍS não será de 100%, poderá chegar a 60% ou extrapolando em 80%, na média, mas para quem tiver imóvel, no contexto acima, a perda será de NO MÍNIMO 80% e MUITOS passarão por necessidade extrema e ameaça a sua sobrevivência (disparada nos suicidios) porque estarão com imóvel que nem com 80% de desconto conseguirão vender.

      No caso da Argentina e do exemplo dado para Fernando no passado, quem comprou imóvel a preço de banana durante a crise foi quem tinha reservas em dólares e as utilizou neste momento.

      Portanto, quem acreditar na “quebra” do Brasil e quiser se PROTEGER, deverá deixar seu dinheiro aplicado majoritariamente em uma combinação de outras moedas com ouro. Se acreditar que a quebra será em escala mundial, guardando uma proporção cada vez maior de ouro em relação à cestas de outras moedas.

      Aplicar todo o seu dinheiro em imóveis porque prevê uma quebra do país é o cúmulo da estupidez, pois a pessoa estará imobilizando todo o seu capital em momento de crise intensa, onde a necessidade de DINHEIRO para sobreviver será EXTREMA e MUITAS pessoas que estiverem nesta situação de terem imóveis INVIÁVEIS de serem vendidos, certamente optariam por se suicidarem pela completa falta de condições de sustentar a si e a sua família (exemplo: desempregado e sem um tostão para pagar as contas). Ao se PROTEGER com outras moedas / ouro, estas pessoas preservariam a liquidez para situações de EMERGÊNCIA que teriam a probabilidade enorme de acontecer neste cenário de crise extrema e caso não acontecesse, poderiam comprar imóveis a preço de banana. Em tempos de crise INTENSA como a sugerida no cenário acima (na Argentina o PIB caiu 20% em apenas 1 ano, mais de 6 vezes nosso recorde recente de queda de PIB em apenas 1 ano), mais do que nunca vale a máxima de que “cash is king” e neste contexto o “cash” estaria resguardado da quebra da moeda nacional seguindo a estratégia acima. Atenção: não estou dizendo que o país vai quebrar, apenas pegando a hipótese que tem sido colocada por aqui e explicando porque a maior estupidez de todas seria imobilizar 100% do seu capital em imóveis em meio a uma crise que faria com que a nossa recessão dos últimos anos parecesse um paraíso na Terra…

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 08:51

        Perfeito. Só os BRICK LOVERS acreditam que estariam protegidos nos tijolos…. ainda mais financiados com indexador.
        huahuahahuahuahua
        Só rindo mesmo.
        Veja a tabelinha da TR anual nos anos 90… pós cagadas do Sarney.

        9+
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 08:52

          Eu acho que com 05 cliques de mouse eu vendo os TD´s e faço as remessas pro exterior.
          E um comprado em tijolos caros e financiados… faz o quê?

          15+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • CA 8 de abril de 2017 at 09:06

            From_The_Tower,

            O pior são as “mensagens subliminares” que os corvos e seus asseclas tentam espalhar em todo lugar, que ao enganar um contingente enorme de pessoas as está induzindo a um suicídio financeiro, que no caso da hipótese de quebra do país que eles propagam, tem tudo para terminar em um suicídio físico. Os crimes deles para manter o ILUSIONISMO dos tijolos mágicos são completamente IRRESPONSÁVEIS, já acabaram com muitas vidas e isto pode piorar muito ainda…

            11+
            • avatar
            • avatar
            • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 09:13

              Exato. Eu vi isso acontecer em Janeiro de 2015…muitos corretores de BC afirmando que a Dilma iria confiscar a poupança, etc. Aquela balela toda. Aliás ela foi afastada do cargo justamente por incorrer em crime de responsabilidade nas contas públicas.
              A maior IRONIA de todas é que o mercado imobiliário cresceu na metade dos anos 2000 justamente pela solidez do mercado financeiro e estabilidade econômica do país. Lembram das características do financiamento imobiliário quando o país era um caos nas finanças?
              Pois é.
              Mas é BNN…. o país da piada pronta.

              9+
              • avatar
              • avatar
              • CA 8 de abril de 2017 at 10:17

                From_The_Tower,

                Lembra o que aconteceu no segundo semestre de 2002?

                Pelo medo da eleição de Lula, começaram a espalhar a notícia de que se ele fosse eleito, teríamos um confisco da poupança e o governo daria calotes em suas dívidas.

                Pelo medo e efeitos em cascata, houve uma grande quantidade de imóveis que foram vendidos “a base de troca”, para as pessoas nao “correrem riscos” com suas reservas, foi a época para o pessoal vender os “abacaxis”. Óbvio que além disto o dólar disparou e passou de R$ 4 e os juros também dispararam.

                Como foi só um BOATO, que não se concretizou, quem mais ganhou?

                Em primeiro lugar, como maior percentual de ganho, quem tinha dólar ;

                Em segundo lugar, quem tinha aplicações financeiras, com a disparada dos juros;

                Em terceiro lugar, quem tinha VENDIDO imóveis na época SEM comprar outros.

                Já para a grande MANADA que comprou imóvel ou trocou por mais caro, se fez no começo do ciclo, registrou como ganho, mas depois os imóveis ficaram com preços “congelados” por alguns anos e com isto, este “lucro” se perdeu, pelo menos para aqueles que não venderam logo em seguida por algum outro motivo. Aliás, mesmo aqueles que venderam em seguida, pelos custos transacionais da compra e venda logo em seguida (impostos, cartório, corretor, etc), também perderam quando considerado o custo de oportunidade do dólar e das aplicações financeiras.

                Isto porque foi só BOATO e principalmente porque os preços dos imóveis antes de 2002 sequer vinham acompanhando a inflação, em termos relativos na comparação com renda, custo ou qualquer variável ou outros indicadores, não tinha uma anomalia, não havia uma super oferta de imoveis e nem um super endividamento de familias e empresas com volume anormal de inadimplência, ou seja, naquela época ainda havia espaço para ganhar na especulação com imóveis, hoje nem isto é possível, porque temos todos estes fatores mencionados aqui que estão anormais.

                9+
                • avatar
                • avatar
                • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 10:49

                  Exato. Tanto que os preços de imóveis ficaram bem estáveis até 2005/2006.
                  É impressionante o comportamento de manada.
                  Mas de 2007 a 2014 foi muito bom negociar tijolos. Eu sei. Eu estava lá. kkkkkk

                  6+
                  • avatar
                  • chainsling 10 de abril de 2017 at 01:06

                    CA/FTT, minha pergunta eh, no caso da suspeita de calote no TD, pra onde correr ?
                    pergunto isso pq tenho 90% de meu capital alocado em TDs. Eu realmente nao sei o q faria caso ficasse iminente um calote (embora eu acho q isso aconteca da noite pro dia, nao de uma forma q de pro pessoal se livrar do abacaxi, que eh justamente meu medo)

                    1+
      • CA 8 de abril de 2017 at 08:58

        Correção: “Com a catástrofe na economia enqueda intensa na DEMANDA…”

        3+
      • Fernando 8 de abril de 2017 at 22:47

        Resumindo a sua prolixidade: se os juros vão subir, melhor não quitar, para aproveitar a maré, é isso?

        1+
        • CA 10 de abril de 2017 at 05:17

          Resumindo: se você tem analfabetismo funcional, misturado com discalculia e completa falta de lógica, no seu caso não tem cura…

          3+
          • Fernando 10 de abril de 2017 at 11:17

            Amém!

            0
    • Cesar_DF 10 de abril de 2017 at 08:22

      Fernando
      Quite seu imóvel atual, venda-o e compre outro de maior valor, pois, de acordo com sua estratégia, quanto maior o valor do imóvel mais você ganhará.
      Ou então, use este apartamento como entrada para outro maior, assim você ainda terá o dinheiro do investimento em mãos.

      2+
  • Son goku 7 de abril de 2017 at 23:50

    Fernando, acho que é a hora de você comprar mais uns dois ou tres pra investir. Com essa grana consegue dar entrada em 3? Ai com o aluguel voce paga a prestação.

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Julius 8 de abril de 2017 at 08:53

    Quase 50% de desconto.
    http://df.olx.com.br/distrito-federal-e-regiao/imoveis/apartamento-novo-em-sobradinho-2-quartos-residencial-mozart-307375206
    ***
    Residencial Amadeus

    – Apenas R$ 119.000,00
    (Valor abaixo do preço de custo!!!)

    – Oportunidade Única e Real!!!

    – Ligue agora mesmo 992449985 , ou mande uma mensagem via Whasapp

    – Preço de ocasião mesmo !!!!

    – Porém APENAS PARA 02 UNIDADES

    – Preço normal de tabela de R$ 179.000,00 a
    R$ 199.000,00

    Condomínio Morada da Serra – SMS – Sobradinho/DF

    Excelente Apartamento Novo, Moderno e de Altíssimo Padrão

    – Porcelanato 80 x 80 branco ou bege, marca Rocca Espanhol retificado

    – Gesso Dry-Wall no teto com iluminação moderna

    – Cada ambiente com mais de um ponto de ilunimação

    – Muitos detalhes de mármore bege-bahia

    – Pastilhas de vidro

    – Banheiro enorme 3,5m x 1,5m

    – Segurança eletrônica e humana 24h por dia

    – Acabamento geral interno e externo de Altíssimo Padrão

    – Aceitamos seu carro na troca

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 08:55

      Ah… não…. tá caindo o preço.
      Eu quero comprar algo que tenha capacidade de valorização.
      😉

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Fernando 8 de abril de 2017 at 22:50

      Faz o seguinte: o dia que tiver apartamento na asa norte ou sul com desconto, posta aqui……
      Espero que tenha captado o recado.

      A propósito, fiquei sabendo que o Lucas é sócio do mesmo clube que eu: dos felizes proprietários!!!!!

      2+
    • Fernando 9 de abril de 2017 at 11:00

      O loteamento nao esta regularizado.

      1+
  • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 09:07

    666 Reclame Aqui Feelings:

    “Essa empresa é a pior empresa imobiliária do país, eu fiz a besteira de comprar um apto dela que não vale quase nada hoje. Mas vamos lá para o que me aconteceu agora. Essa empresa faz um monte de cobranças indevidas em suas obras e quase um ano depois da entrega do meu apto ela veio com uma cobrança de atribuição de unidade que me recusei a pagar e entrei judicialmente contra ela. Acontece que ela negativou meu nome e como eu não posso ter o nome negativado parcelei a dívida e paguei enquanto o processo corre na justiça. Ao negociar a dívida o Sr. Uiter (atendente) me informou que em 5 dias CORRIDOS, meu nome sairia da negativaçao. Acontece que já tem 11 dias do pagamento e meu nome continua negativado. Na sexta 31-03 liguei e a atendente me disse que o nome seria limpo ainda na sexta mas não foi. Hj 04-04 liguei a primeira vez (protocolo MRV 7579769) e a péssima atendente Fernanda me disse que o problema não é da MRV e sim do grupo de cobrança RENAC, mas eu nunca negociei com a RENAC. Muito bem, entrei em contato com a RENAC (PROTOCOLO 0204005244) e me passaram a informação clara que meu pagamento foi reconhecido mas que eles não poderiam fazer nada porque minha renegociação foi com a MRV. Liguei novamente na MRV (Protocolo MRV 7640928) e a atendente Stefany, essa um pouco mais educada, prometeu que meu nome seria limpo hj ainda. Bom vamos ver, pois no código de defesa do consumidor define 5 dias para o nome estar fora dos órgãos de proteção ao crédito. Em minha ação contra a MRV, a segunda, pois já processei ela outra vez quando quiseram me lesar em uma moto que ganhei quando comprei o apto, vou acrescentar esse desconforto para ver se a empresa não faz isso com outros clientes.”
    https://www.reclameaqui.com.br/25315998/mrv-engenharia/negativacao-do-mome/

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Bsbguy 9 de abril de 2017 at 19:58

      O cara ganha moto ao comprar apartamento, qual é a chance de ser um bom negócio ahaha

      5+
  • Leonardo M. 8 de abril de 2017 at 10:33

    CVR FGTS

    Consegui sacar R$22,00 de uma conta inativa do meu primeiro emprego. Não consegui as outras 2 pois o caixa não tinha dinheiro, desisti pois não queria pegar mais uma fila para outro caixa eletrônico. Vou sacando durante outros dias pra ir aproveitando mais as merrecas.

    Povo tudo desesperado atrás de dinheiro,show de horrores!
    Centro de Chapecó bombando por causa disso, lojas lotadas e tudo mais.
    Será o prenúncio do fim??? E depois que acabar o dinheiro?

    23+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 10:47

      O que acontece quando você faz uma polenta com o último quilograma de fubá e depois disso raspa o tacho!?

      9+
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 10:54

        Mas para vermos a consistência da economia bananense teremos que analisar 2017 e 2018 por inteiro.
        Uma coisa é certa. Vejo poucos casos de investimento em capital produtivo.

        11+
        • avatar
        • avatar
        • Leonardo M. 8 de abril de 2017 at 11:10

          Uma vez fiz um plano de negócio pra abrir uma pastelaria em Floripa.
          Só o que iria gastar com taxas dá prefeitura,vigilância sanitária,abertura de empresa,bombeiros e outros iria consumir 10% do meu capital investido. Desisti e o dinheiro está até hoje no PMJ, menos dor de cabeça e é mais garantido do que contratar bananense.

          Agora pensa comigo, eu que sou um Zé ninguém já penso assim e poderia estar contratando 1 ou 2 funcionários imagina quem já tá no ramo ou é empresário médio/grande?

          Então o desemprego vai ficar nos 14 milhões por um bom tempo ainda…

          26+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 11:15

            Exatamente.
            Tem mais gente para atrapalhar / inviabilizar o negócio do que para ajudar a prosperar.
            Por isso que eu tinha criado o apelido Escumadeira Opressora.
            Agora vá nas feiras e veja as famílias trabalhando. Eles preferem assim… ganham dinheiro juntos e não se incomodam com Justiça do Trabalho , etc. Por isso que empresário de administração familiar sempre faz 02 filhos. 😉
            Eu quero ensinar os meus dois filhos a trabalharem comigo. É a melhor maneira de começar. Você começa pequeno e vai crescendo progressivamente. Agora vai abrir uma padaria ou pastelaria grande logo de cara para você ver. Em 02 anos você ficará de cabelo branco.

            21+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • vigilante 8 de abril de 2017 at 12:39

              Aconteceu comigo. Demiti mais de 50 ano passado, fechei duas lojas. Aprendo muito com as discussões daqui, obrigado a todos.

              27+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • antifragile 8 de abril de 2017 at 14:42

                Interessante. Conte-nos mais, por favor. De que ramo você é?

                9+
    • CA 8 de abril de 2017 at 11:15

      Leonardo M,

      Quem participava deste blog no começo de 2015, via um usuário de nome Shark que vinha de tempos em tempos, no melhor estilo “Fernando” e para provocar o pessoal, dizer que os preços dos imóveis não iam cair, porque tinha a CEF com verba “infinita” de poupança, que ia garantir crédito imobiliário barato e farto, junto com financiamento de longo prazo “ad eternum”… Ele manteve este discurso até 15 dias antes da CEF anunciar que tinha ficado com a verba de poupança muito escassa e que em virtude disto, ia reduzir o empréstimo imobiliário para no máximo 50% do valor dos imóveis, no caso de usados e ainda, a CEF aumentou os juros por 3 vezes no período de 1 ano.

      Depois disto, tivemos promessas de asseclas do segmento imobiliário, que antes também diziam que a verba da poupança era infinita, de que agora seria o FGTS o Salvador da Pátria.

      Já desde 2015 o FGTS tem tido queda na sua arrecadação líquida anual. Ainda é positiva, mas o valor tem sido cada vez menor. Ao mesmo tempo, o governo desde 2015 intensificou o uso do FGTS para cobrir PARCIALMENTE o rombo deixado pela poupança, quanto a verba para o crédito imobiliário. Agora o governo está usando a “panacéia” do FGTS para tentar cobrir o rombo da economia como um todo, tirando dele mais de R$ 40 BILHÕES, para tentar aliviar o super-endividamento das famílias e tentando estimula-las para que paguem suas dividas, consumam mais ou usem este dinheiro para aplicar na poupança que subsidia os financiamentos imobiliários.

      É claro que não existe uma fonte de dinheiro de baixo custo para usar no financiamento imobiliário que dure eternamente quando temos volume muito elevado do seu consumo e que está se intensificando cada vez mais. Já vimos esta história com a poupança e agora está se repetindo com o FGTS, é só uma questão de tempo para que MAIS ESTA ARTIFICIALIDADE desmorone.

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Leonardo M. 8 de abril de 2017 at 11:22

        CA

        Você acredita que esses saques do FGTS são o último suspiro de nossa economia?
        Ou é mais ou menos como um jogo de final,o time tá perdendo e precisa empatar para ir para os penalidades e vai todo mundo pró ataque aos 45min do segundo tempo?

        5+
        • avatar
        • CA 8 de abril de 2017 at 11:28

          Leandro M,

          É MAIS UMA atitude DESESPERADA. O excesso de atitudes DESESPERADAS, em periodicidade semanal, apenas indica o quanto a situação é GRAVÍSSIMA. A CEF antecipar em meses o saque do FGTS que ja era uma ação apelativa, é a “apelação da apelação”, assim como eles recentemente terem atingido o cúmulo do ridículo permitindo financiamento de imóveis de até R$ 1,5 milhão com o uso do FGTS, ou renda familiar de até R$ 9 mil para o MCMV. Quando chega neste ponto, é porque estão vendo o fim dw jogo se aproximar e vai todo mundo para a área, até o goleiro, para tentar fazer um gol de cabeça…

          17+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 11:32

            Exato. E não se esqueçam que o gobierno também já criou regras para lá de estranhas em relação a:
            empréstimo consignado com garantia do FGTS (WTF)
            regras para quem não pagar o mínimo da fatura do cartão de crédito
            juros um pouco mais baixos para consignado de FP´s.

            10+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • CA 8 de abril de 2017 at 11:48

              From_The_Tower,

              Verdade, teve isto também. Estão descontrolados e o mais engraçado é ver, de tempos em tempos, o “nefasto” (by Lucas) aparecer por aqui e na maior cara-de-pau do Mundo tentar ENGANAR as pessoas, FAZENDO DE CONTA que está tudo normal.

              Da última vez foi mais engraçado ainda, para se defender do que ele sabe que é inevitável, ja começou a dizer que “não vale” se existirem fatores externos “imponderáveis”, sendo que para ele e o Amorinha, até a crise sobre a qual falamos por ANOS antes de aparecer, era “imponderável”.

              Pode ter certeza, quando o inevitável acontecer, ele vai voltar com uma infinidade de desculpinhas esfarrapadas para mais uma vez negar o ÓBVIO: vai vir com a estorinha do imponderável, vai falar que não vale porque faltou uma vírgula no que dissemos, vai dizer que é cíclico e não genérico porque o FINGE ZAP ainda não reconheceu e por aí vai…

              ???

              11+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
            • Cebola 8 de abril de 2017 at 12:04

              Essas regras “estranhas” estão todas associadas a um poder muito grande dos bancos sobre o governo.
              Eu acrescentaria mais uma, que é aquela mudança de taxa do BNDES de TJLP para TLP = NTN-B, que projeta a redução do escopo de atuação do BNDES, abrindo mais espaço para os bancos privados.
              Ou seja, a FEBRABAN está empurrando o pato do Skaf para a FIESP pagar.

              1+
              • CA 8 de abril de 2017 at 13:28

                Cebola,

                As centenas de bilhões de Reais que o BNDES concedeu em empréstimos para os amigos do rei e para subsidiar vultuosuas propinas que retornavam para os membros do governo e seus amigos, que durou por ANOS, gerou algo de positivo para economia e sociedade, ou através disto apenas estimulou a corrupção institucional, a maior do Mundo, ao mesmo tempo em que ajudou e muito a gerar um super endividamento do governo que gerou um desequilíbrio fiscal sem precedentes, sendo parte relevante de uma crise gerada na economia, ao mesmo tempo que financiou algumas empresas com juros mais baratos que outras, gerando um desequilíbrio DESLEAL e permitindo que “amigos do rei” comprassem concorrentes ou os destruíssem, diminuindo a concorrência e prejudicando os consumidores, incentivando ainda investimentos que não valiam a pena e não tinham retorno, porque afinal o dinheiro era barato e daí por diante?

                Entre os beneficiados e amigos do rei, alguns exemplos:

                O atual ministro da agricultura, também conhecido como o REI da soja, foi a pessoa física, junto com o irmão dele, que mais ganhou dinheiro subsidiado do BNDES. Ele realmente precisava deste dinheiro para ajudar a destruir a concorrência interna no Brasil? Alguém tão ligado ao governo desde aquela época, a ponto de ser agora ministro de quem era o vice na época foi quem mais recebeu dinheiro subsidiado do governo…

                E a Petrobras que recebeu dinheiro subsidiado para cobrir temporariamente o rombo gerado pela manutenção de preços mais baixos de petróleo quando este subia de preço em todo o mundo e depois quando não deu mais para segurar, isto se transformou em inflação muito elevada a partir de 2015, isto foi bom? Nem preciso dizer o quanto isto voltou em propina para o governo e seus amigos, preciso?

                E no caso da JBS Friboi que usou o dinheiro para ser a maior doadora para partidos políticos em todo o país, isto foi bom para a economia e sociedade? E o fato dela ter acabado com o negócio de vários concorrentes e ter comprado tantos outros com o dinheiro mais barato do governo, isto foi bom? Talvez tenha sido bom para pagar suborno a fiscais para permitirem irregularidades em algumas de suas unidades, isto foi bom para a economia e a sociedade?

                E no caso das “empresas X”? Milhares de investidores que perderam grandes quantias, em troca das FALSAS promessas do Eike, isto foi bom? Ou foi bom para também ajudar a subsidiar a mega corrupção que ele praticou e que motivou a ida dele para cadeia?

                Teria sido bom o dinheiro dado para a Fazenda de Bumlai, o amigão do Lula, Fazenda esta que já estava quebrada quando recebeu este empréstimo e só ajudou a ser mais uma para aumentar o rombo fiscal do governo, isto foi bom?

                Teriam sido bons os financiamentos do BNDES para Odebrecht poder fazer seus projetos no Exterior, desviando parte deste dinheiro em corrupção para os países de destino das obras, beneficiando ditadores em alguns casos e outra parte do dinheiro desviado para os membros do partido do governo, isto foi bom também para a economia e a sociedade do Brasil?

                Sem contar que, quando falamos de juros SUBSIDIADOS, em proporção acima de 50% de tudo que é concedido na economia a partir de 2007 até poucos anos atrás, isto reduz e MUITO a efetividade dos juros para combater a inflação, eles tem que ser muito maiores, porque só agem sobre a metade da economia real, isto é bom para economia e sociedade?

                Quanto a visão mais ampliada sobre juros subsidiados e não “apenas” os “poucos” efeitos desastrosos que mencionei acima, temos ainda o FGTS e o quanto ele foi um combustível poderoso para inflar nossa bolha imobiliária, com efeitos muito destrutivos para a economia, como já explicado por aqui INÚMERAS vezes.

                Tem certeza que o melhor é a volta dos juros subsidiados? Não seria melhor elimina-los de vez, deixando a economia fluir mais naturalmente e com isto permitir que os juros caiam mais e de forma mais consistente para TODOS e não só para os amigos do rei???

                23+
                • avatar
                • avatar
                • avatar
                • avatar
                • Cebola 8 de abril de 2017 at 17:36

                  CA
                  Acho que tem muito exagero nessas estórias de “campeões nacionais” e “amigos do rei” e que tanto o BNDES como o BB e CEF merecem mais respeito por sua longa história de contribuições ao país.
                  Não creio que seria benéfico para o país se os bancos privados substituíssem esses bancos públicos, mas acho que a discussão sobre o papel dos bancos públicos é um tema muito rico, particularmente em nosso país com crédito tão restrito e caro. O subsídio é um instrumento utilizado em todo o mundo, nossa questão é como evitar seus efeitos indesejáveis sobre a economia – mas isso é outra longa discussão, porque o que é indesejável para uns pode ser desejável para outros.
                  Aliás, há muita desinformação sobre os valores envolvidos nos subsídios concedidos hoje pelo governo: imobiliário, agrícola, industrial, social, renúncias fiscais, etc. – inclusive no estado do RJ, onde parece que ainda não descobriram as causas e o tamanho do problema, e por isso não tem a menor ideia de como resolver.

                  4+
                  • avatar
                  • to bolhado 8 de abril de 2017 at 18:35

                    Eu discordo 100% de você. Não faz o menor sentido o governo ter banco, quanto mais 2 dos maiores. O BNDES faria algum sentido como financiador do pequeno empreendedor, não como pagador de bolsa empresário pros amigos do rei.

                    13+
                    • avatar
                    • avatar
                    • avatar
                  • CA 8 de abril de 2017 at 18:55

                    Cebola,

                    Não há nenhum exagero no que está acima, apenas uma CONTRA-INFORMAÇÃO praticada pelos esquerdistas com a finalidade de DESIFORMAR a todos, sendo que eles ainda tem a cara-de-pau de negar uma série de evidências vindas das mais diversas fontes.

                    Não há nenhuma dúvida sobre o que aconteceu no RJ, ao contrário, há uma grande fartura de evidências, é só ver os motivos de prisões e todo o embasamento e provas nos casos de Sérgio Cabral e Eike Batista. Isto é só uma parte da história, a outra, também amplamente conhecida, diz respeito à disparada dos preços internacionais do petróleo, que dada a euforia de algo que não era garantido como recorrente, levou aos maiores aumentos salariais do Brasil para funcionários públicos do RJ. No RJ, graças aos subsídios do governo federal, mais a mega especulação com copa do mundo e olimpíadas, também tivemos a mais destrutiva bolha imobiliária do país. A mega corrupção da Petrobrás, que inviabilizou a continuidade dos investimentos, ajudou a desmoronar com o ILUSIONISMO de mega especulação no RJ.

                    Foi a combinação dos fatores acima que trouxe o caos financeiro para o RJ.

                    Ah, mas dinheiro subsidiado existe em todos os países do Mundo… Em nenhum deles na proporção de 50% de todos os empréstimos concedidos como vinhamos tendo desde 2007 e ainda, em nenhum deles baseado em ajudas aos amigos do rei, típico de uma “República das bananas”.

                    Quer preservar CEF, BB e BNDES, toda sua história e tradição? Então não permita que continuem sendo tomadas de assalto por uma corja de bandidos que só se preocupam em saquear os recursos públicos, esta é a melhor forma de se respeitar estas instituições.

                    Lembrando que os estragos desta lambança são muito mais abrangentes do que aquilo que consta acima, nem mencionei a ingerência política/ ideológica em Petros e FUNCEF, que destruíram estes fundos de pensão, novamente para beneficiar os amigos do rei, ditadores como na Venezuela que também destruiram seu país com um pouco de nossa ajuda e assim por diante.

                    É Cebola, a lavagem cerebral que a esquerda faz é intensa, sempre tentando colocar em dúvida aquilo que é o mais óbvio e demonstrado de todas as formas possíveis e imagináveis, mas aqui é um péssimo lugar para você tentar convencer o pessoal de que Coréia do Norte, Cuba e Venezuela são grandes exemplos a serem seguidos, que o socialismo é bom e produz tantos resultados “positivos”, que o problema são os EUA, a OEA, a mídia, etc, afinal, por aqui não temos o quórum necessário de idiotas úteis para serem convencidos disto…

                    12+
                    • avatar
                    • avatar
                    • avatar
                    • Cebola 8 de abril de 2017 at 19:14

                      Concordamos em algumas coisas e outras não, mas algumas coisas que você escreveu não tem nada a ver com o que comentei.
                      Acredito que propostas associadas a ideologias de direita ou de esquerda podem nos trazer benefícios ou prejuízos, dependendo da forma que forem implementadas, e que fóruns na internet trazem uma oportunidade excelente para realizarmos discussões construtivas.

                      6+
                      • avatar
                      • avatar
      • Fernando 8 de abril de 2017 at 22:57

        Não há funding, logo não haverá mais tantos lançamentos. Os imóveis vão sendo vendidos de um jeito ou de outro. As pessoas moram…
        A bolha mega blaster como dito aqui está murchando, a cultura do brasileiro é a casa própria, além de ter arraigada a ideia de que imóvel é segurança.
        Que parte do que disse não é verdade?
        Até o Lucas é um feliz proprietário!!!!

        4+
        • avatar
        • avatar
        • Bsbguy 9 de abril de 2017 at 20:18

          primeira vez que concordo com tudo que disse.
          A bolha não vai estourar, vai murchar – Concordo (alias, já está murchando faz tempo, se ficar estagnado os preços mais uns 5-6 anos, acho que já vão ficar em preços ok via inflação.
          Brasileiro é brick lover de nascença – Concordo (minha mãe é um exemplo fantástico disso, e toda a família haha, me acham louco).

          3+
          • avatar
      • Fernando 10 de abril de 2017 at 07:53

        Vcs conseguiram expulsar ele tb? Pelo visto sim!

        1+
  • Cebola 8 de abril de 2017 at 12:19

    Hell de Janeiro pegou fogo ontem na Linha Amarela e os jornais da cidade dão ampla cobertura do conflito… na Síria.
    Logo, logo os preços em bairros próximos às zonas de conflito na banania carioca vão refletir a volta da guerrilha à rotina.

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Leonardo M. 8 de abril de 2017 at 14:03

    CVR para o FTT

    Passei na av Porto alegre com rua Lauro Muller e construíram um prédio de 10 ou 12 andares e lojas comerciais no térreo.
    Cheguei em Chapecó em dezembro e já existia essas placas de alugasse.
    Estamos em abril e nada.
    Fotos no teu email

    7+
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 8 de abril de 2017 at 16:14

      Opa, valeu !
      kkk

      3+
  • Longa Manus 8 de abril de 2017 at 19:21

    CVR – Minha filha foi roubada no trem.

    Ontem, vindo do trabalho, minha filha teve seu celular roubado dentro do trem. Bandido aguardou chegar em determinada estação da zona oeste e puff – meteu a mão grande no celular dela. Saiu correndo e tchau. Depois os PMs metem bala nesses bostas e a grobo fica defendendo essa corja putrefata!
    Não tem que prender mais bandidos não. Para quê? Tem que matar logo e pronto. Filhos da puta.

    26+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Luladranus 8 de abril de 2017 at 20:06

      Exatamente, bandido bom é bandido morto, não importa se tem 8 ou 80 anos.

      11+
  • Leonardo M. 8 de abril de 2017 at 21:30

    CVR FGTS

    Peguei a patroa e fui gastar meus temers no shopping de Chapecó. To mundo feliz, alegre, gastando, cheio de sacolas, testando tudo quanto é roupa. E ninguém gritando “fora Temer” pq será?

    11+
    • avatar
    • Fernando 8 de abril de 2017 at 23:03

      É só jogar $$$$ na mão do povo que o estrago está feito.
      Gastando com a patroa hj em uma praia de paulista, uma vendedora de uma loja AAA feminina disse que os últimos dias foram melhores do que o Natal! Bom pra ela!
      E viva os juros!

      4+
  • Rodrigo ABCDM-SP 8 de abril de 2017 at 23:50

    CVR

    Mais um do meu querido ABCDM-SP

    Em Santo André, fui em uma festa infantil. Prédio na parte nobre da cidade, novo, perto do shopping, cheio de xoxotecas e tal. Ao chegar, a amiga da minha esposa nos cumprimenta e recebe nosso presente. Até aí nada de anormal até que… ao olhar as crianças brincando em um parquinho cheio de parafernália, duas delas “quebraram” uma casinha de bonecas… quando foram ao local já estava quebrado um balancinho também. Vieram zelador e síndico falando que teriam que pagar…

    A amiga da minha esposa pediu para ela olhar os 2 filhos do casal que corriam atrás da mãe… eu fiquei por perto com nossa filha.

    Até aí né, baita confusão, aí o marido da amiga da minha esposa solta na sala de jogos fechada, mas deu para ouvir pois ajudava minha esposa a olhar o menino mais novo: “já não pago esse condomínio caro pq não tem serviços de qualidade, e ainda aguardo o conserto do vazamento que fica em cima do meu carro!”

    Aí o seo síndico disse: “sem problemas, quando o ap do senhor for a leilão pelos condomínio atrasados a gente se acerta”

    Fiquei com dó das crianças.

    Fingi que não ouvi e disse: “calma, tem câmera, você é advogado, tente provar que as crianças não quebraram por querer”.

    Não via a hora de cortar o bolo e sair dali. Sorte que poucas pessoas entenderam o que aconteceu de fato.

    40+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Rodrigo ABCDM-SP 8 de abril de 2017 at 23:52

      Ah, pior foi vender um ap de 240 k em 2014 e dar de entrada nesse de 700k. Se for mesmo a leilão, que foda… 🙁

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Leonardo M. 9 de abril de 2017 at 02:46

      Caramba! Alguém pelo amor de Deus dá uma medalha de Mito pra esse síndico kkk

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Antigo 9 de abril de 2017 at 11:05

      Virei fã desse síndico!!
      Cara, o jeito de falar dele me revela algumas coisas:
      1) O fato de ser tão direto mostra que ele já está cansado de lidar com caloteiro, que nem perde tempo mais, só avisa que vai ter que pagar e entrega na mão da justiça.
      2) O fato de ser grosso desse jeito já mostra que o seu conhecido não é o único inadimplente no prédio
      3) O fato dele estar cobrando pequenos reparos nos brinquedos (que estariam inclusos na manutenção do condomínio) mostra que mesmo taxa sendo bolhuda, a conta não fecha no final do mês. Ou seja, não demora a taxa sobe de novo.

      A situação imobiliária do país está insustentável. Classe média comprou bolhudos financiados com custo de manutenção altos e não está dando conta de pagar.

      30+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • O Cramulhao de FHCigienopolis45 9 de abril de 2017 at 11:15

        Pois é…

        E do que sobram de soluções, já citaram esses dias aí : diminuir os serviços!

        Porteiros em todos os turnos, seguranças , faxineiras do prédio ? Corta tudo e cada um que pague o seu….e/ou cuide de dua segurança, abrindo a garagem portão da garagem pra si próprio, limpando você mesmo seu corredor e tudo o mais.

        O que acontece na maioria dos países desenvolvidos, aliás…

        Obs: vai ser ótimo ver a classe-mérdia endividada torcedora da CBF que comprou imóveis a perder de vista , que se acha “ryca” com salário de 5 mil reais CLT tendo que fazer serviços que qualquer classe-média fora do Brasil faz. Brasileiro está voltando à realidade!

        25+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • SampaBoy 9 de abril de 2017 at 00:04

    Novas leis vão elevar preços de imóveis em São Paulo

    “Estimativas apontam para aumentos de até 15% no preço final dos imóveis com a vigência do novo Plano Diretor e a Lei de Zoneamento de São Paulo
    Um trabalho acadêmico do Núcleo de Real State da Escola Politécnica da USP, de Nathália Oliveira Loyola de Souza, mostra que para manter a taxa de retorno conseguida pelas empresas nos lançamentos feitos pela regra anterior, o preço dos imóveis teria de subir entre 10% e 30%, dependendo do bairro. Como esses percentuais são elevados, o trabalho traz o aumento que seria possível ser absorvido pelo mercado, que varia entre 9,5% e 27,4%”

    http://www.dcomercio.com.br/categoria/negocios/novas_leis_vao_elevar_precos_de_imoveis_em_sao_paulo

    Nao estao mais tolerando a queda….vao subir o preço do imovel na canetada agora !

    10+
    • avatar
    • avatar
    • CA 9 de abril de 2017 at 10:18

      Kkkkk

      Já dizem isto HÁ ANOS. Vejamos esta noticia de 2014:

      http://construcaomercado.pini.com.br/negocios-incorporacao-construcao/160/o-novo-plano-diretor-estrategico-de-sao-paulo-e-os-330209-1.aspx

      Trecho do link acima:

      “Mesmo que seja cedo para fazer uma avaliação mais detalhada, é certo que o PDE terá como uma de suas consequências o aumento do preço dos imóveis”

      É por isto que o pessoal da NRE POLI USP, que tem 100% dos seus ganhos dependentes do segmento imobiliário e o “nefasto” (by Lucas) que tem a dependência do segmento imobiliário continuar pedalando para a empresa em que atua e o trabalho dele continuarem existindo, defendem “com unhas e dentes” aquela teoria esdrúxula de que um aumento de custo é o suficiente para que ocorra um aumento de preços e que se os preços aumentaram de forma absurda, foi porque os custos subiram demais.

      Eles fazem isto FINGINDO ignorar que no auge o IVG-R (índice de preços) cresceu 230% acima do INCC (índice de custos de construção), enquanto no auge da bolha imobiliária dos EUA, o índice de preços deles subiu “apenas” 68% acima do índice de construção deles.

      Eles FAZEM DE CONTA, da forma mais DESCARADA possível, que faltam terrenos para se construir imóveis e que por causa dos terrenos que os preços foram subindo ao longo dos anos, apesar de saberem que a grande maioria dos terrenos foi comprado em 2007 para dispararem com vendas FALSAS na planta e que em virtude dos distratos desta pirâmide terem estourado, ATÉ HOJE, 7 anos depois, as construtoras possuem um estoque enorme de terrenos, muitos deles adquiridos em 2007 e NUNCA utilizados por elas, sendo que no caso das construtoras com Ações na BOVESPA, o que elas têm de terrenos é o suficiente para mais de 10 anos de lançamentos e vendas!!!

      Eles FINGEM não saber que apesar da cidade de São Paulo ter menos da METADE da densidade populacional de Tókio, os preços subiram mais do que no auge da bolha imobiliária por lá, que era a antiga recordista de subida de preços mumdiamente (batemos este recorde) e que lá, depois disto os preços tiveram fortíssima redução.

      Temos que lembrar que as figuras acima jogam SUJO sem limites e esta é só mais uma jogada DESESPERADA deles para tentarem ENGANAR os INCAUTOS se utilizando de sua eterna CHANTAGEM: “compre hoje senão amanhã os preços dos imóveis estarão mais caros”.

      Agora vamos ignorar os golpes de nefasto e cia. Ltda., que se baseiam em truques de ILUSIONISMO e de PEGA-TROUXA (o NRE foi quem criou o FINGE ZAP que é o índice de ENGANAÇÃO adorado e defendido pelo nefasto) e vamos focar no mundo REAL (algo que o nefasto e o NRE fogem como o diabo da cruz):

      Em São Paulo, as vendas de janeiro/2017 já foram as piores de todos os tempos, independente do mês. Se mantiverem estas vendas neste patamar, o estoque “oficial” de imóveis em São Paulo, segundo o SECOVI SP, seria o suficiente para mais de 3 ANOS de vendas sem que fizessem NENHUM lançamento neste período.

      Sabem o que é o pior quanto a informação acima?

      Esta distorção entre oferta e procura em São Paulo ainda está MAQUIADA pelo SECOVI SP, pois OMITE os imóveis lançados há mais de 36 meses, que tiveram crescimento exponencial nos últimos anos em função da disparada dos distratos, que via de regra acontecem mais de 36 meses após o lançamentos.

      Eles ignoram o volume recorde de imóveis que as construtoras ainda não “reconheceram” os distratos (ver no ReclameAqui).

      Eles ignoram o altíssimo volume de imóveis nem-nem (nem vende, nem aluga), aqueles em poder de investidores. Lembrando que graças a bolha, o número de lançamentos se multiplicou e sobre esta base ampliada exponencialmente, o percentual de investidores passou de 10% para 40% das vendas, ou seja, temos um número muito elevado com investidores para vender ou alugar.

      Eles esquecem que o volume de imóveis em leilões cresceram exponencialmente nos últimos anos, tanto os leilões de bancos que ficaram com imóveis que oa compradores não conseguiram pagar o financiamento, quanto de condomínios que estão leiloando por falta de pagamento dos agora ex-proprietários.

      Se juntarmos tudo que consta acima, a oferta de imóveis em São Paulo certamente é o suficiente para mais de 10 ANOS de vendas.

      É neste contexto em que eles insistem em jogar baixo e fazer chantagem, BLEFANDO?

      Deixem eles zerarem os lançamentos, os imóveis a venda hoje são o suficiente para mais de 10 anos, de fato não há a menor necessidade, porque daqui a 10 anos, pelas mudanças no crescimento populacional de São Paulo, vão sobrar imóveis que nunca terão compradores e se continuarem lançando, vão ter que demolir depois.

      Aliás, eles deveriam zerar os lançamentos mesmo, afinal, enquanto até 2011 “vendiam” 100% do que lançavam no próprio ano, em 2016 venderam só 50% dos lançamentos no próprio ano, ou seja, até INCAUTOS para aplicarem o GOLPE das vendas FALSAS na planta estão em falta.

      Claro que eles não querem zerar os lançamentos, embora devessem fazer isto, afinal, apesar do estoque enorme de imóveis em São Paulo, em jan/17 eles tiveram as piores vendas de todos os tempos porque reduziram em 94% os lançamentos (índice recorde de queda de lançamentos) e como sabemos, isto não é “mera coincidência”, eles precisam de lançamentos para OCULTAREM os distratos vindos das vendas FALSAS do passado. Se zerarem os lançamentos e focarem em venderem seua enormes estoques, as vendas serão pífias como em janeiro e o desmoronamento da pirâmide financeira ficará mais visível do que nunca.

      A NEGAÇÃO da realidade que eles praticam de forma intensa, terá apenas uma consequencia: cada vez mais construtoras quebrando e uma queda cada vez mais relevante de preços ao final, apenas isto…

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • O Cramulhao de FHCigienopolis45 9 de abril de 2017 at 11:09

      Mais que o CDI ? Vou comprar 3 :

      Um pra vender depois que valorizar ;
      Outro pra alugar e ganhar uns troquinhos;

      E o outro pra eu morar e deixar pros filhos, depois que morrer…

      5+
      • avatar
    • Henrique 9 de abril de 2017 at 18:31

      Aqui em BH tem um projeto de lei também que limitaria o tamanho da construção o que elevaria o preço dos imóveis e pasmem,o número de garagem ficaria limitada a uma unidade por andar (mesmo em prédios de luxo) para incentivar o uso de transporte público. só na banânia.

      4+
      • avatar
  • Alemon Fritz 9 de abril de 2017 at 00:23

    30% deixaram na Lixão: (ajuda nos podres)
    FGTS: trabalhadores acordam cedo para sacar recursos neste sábado
    Cerca de 30% de quem tem direito à retirada este mês optaram por depósito em conta da Caixa

    http://oglobo.globo.com/economia/fgts-trabalhadores-acordam-cedo-para-sacar-recursos-neste-sabado-21182159

    4+
    • Antigo 9 de abril de 2017 at 11:08

      Essa estatística é furada. Eu por exemplo mandei depositar na minha conta no Caixão, mas no mesmo dia já tirei para fazer investimentos.

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • O Cramulhao de FHCigienopolis45 9 de abril de 2017 at 09:52

    A respeito da economia, em relação ao que disseram acima sobre São Paulo :

    Elogiar o PSDB-PCC significa necessariamente ir contra o capitalismo, sim!. ClarO que a Petralhada testou derrubar São Paulo, mas nessa história a mer* do PSDB-PCC só ajudou a piorar! Acredito piamente na teoria das Tesouras pra esses dois partidos!

    O tendência empreendora/capitalista do nosso povo paulista tem razões históricas que todo paulista conhece, não precisamos nem mencionar isso…e o ponto que tudo mundo sabe é que partidos socialistas como o PSDB-PCC vão diretamente contra esses ideais paulistas.

    Não consigo ver a diferença entre Tucanalhada e Petralhada. Talvez por conhecer a família Alckmin pessoalmente e alguns caciques ex-terroristas comunistas do PSDB-PCC (Há mais gente além de Aluísio Nunes) eu tenha uma visão privilegiada…

    8+
    • avatar
    • avatar
  • O Cramulhao de FHCigienopolis45 9 de abril de 2017 at 09:56

    “Odebrecht diz ter repassado € 2 milhões de caixa dois a José Serra”
    http://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/04/1873939-odebrecht-diz-ter-repassado–2-milhoes-de-caixa-dois-a-jose-serra.shtml

    Mais anti-capitalista do que isso…impossível!

    PT é a versão romantica do PSDB : ninguém leva a sério um monte de operário, barbudos ou não, querendo impor ideologias que sempre falharam e vão falhar at eternum.

    PSDB é o PT mais esperto : é o partido que de fato implementa essas loucuras, abusa dos gastos públicos (ainda mais quando tem o aval do PMDB) e ainda engana a opinião púbica, dominando rádio, TV , e a parcela mais inocente que se encanta por homens de terno, gravata e gel no cabeça, como se estes fossem indicativos de pessoas , e por que não, “os verdadeiros capitalistas”.

    O Brasil está perdido…

    19+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 9 de abril de 2017 at 11:32

    kkk corvos se retorcendo nas mentiras

    “Mercado imobiliário: compras à vista crescem no primeiro trimestre”
    Um dos motivos é o desconto dado pelas construtoras para redução do estoque
    “fisgar um peixe”
    “brindes”: É o caso de feirões realizados com a presença de cartórios no local e dos brindes na forma de mobiliário e cozinha equipada.
    Os preços praticados eram muito altos, agora elas pratcam descontos.
    Você pode trocar 1 grande por 2 em outras áreas…
    Os juros no mercado estão caindo, então é melhor comprar a vista (epah).
    Financie com a construtora e incorporadora (pegadinha d distrato), dando a maior parte no começo…
    http://oglobo.globo.com/economia/mercado-imobiliario-compras-vista-crescem-no-primeiro-trimestre-21179546#ixzz4dlK82xlk

    3+
    • CA 9 de abril de 2017 at 12:31

      Alemon Fritz,

      Que as construtoras estão reduzindo muito os preços para TENTAREM desovar estoques, isto é um fato, inclusive elas foram obrigadas pelas auditorias a finalmente reconhecerem quedas de preços dos imóveis e dos terrenos que estão nos estoques, em seus balanços.

      O “probleminha” do que consta acima e que eles NUNCA vão confessar, é que ao fazerem isto, os bancos também terão que reduzir os valores das garantias e uma vez que o risco de queda de preços se concretizou de forma OFICIAL e inquestionável, eles serão obrigados a reduzirem os valores de avaliação dos imóveis, aumentar os juros do crédito imobiliário, etc, dentre outras ações mais restritivas para compensar o risco concretizado e a perda de liquidez.

      O que consta acima é reforçado pelo crescimento exponencial de leilões, com vendas de imóveis com GRANDES descontos, de novo forçando a baixa dos preços de garantias de imóveis para os bancos e as consequências colocadas acima.

      Claro que estão buscando um bull-trap, óbvio que estão fazendo as ameaças de sempre de que os preços vão começar a subir em seguida, sem dúvida que estão utilizando a euforia temporária da liberação do FGTS e que estão pescando as sardinhas de todas as formas possíveis e imagináveis, inclusive com a chantagem de sempre de que os imóveis são “moeda forte” frente a crise na economia e os “riscos” de deixar seu dinheiro parado nos investimentos financeiros (a “quebra do Brasil” que o Fernando e o segmento imobiliário pregam, sempre “esquecendo” que a TR dispararia e o segmento imobiliário quebraria de vez).

      Pois é, um grande número de ENGANAÇÕES, curioso que em um ato falho eles até usaram a expressão “pescar um peixe”, apesar de que, o mais correto seria dizer “pescar sardinhas desinformadas”. O máximo foi a genial ideia de um dos compradores, que com 54 anos de idade comprou imóvel para investir e colocar para alugar, pela primeira vez na vida, feliz porque consegui um “grande desconto”. Com certeza não viu a taxa recorde de vacância dos imóveis, não percebeu que com esta vacância, terá despesas de IPTU, condomínio, depreciação, etc ao longo de meses ou ANOS, só arrancando dinheiro dele sem gerar nenhuma receita, não percebeu que mesmo que venhamos a ter a “quebra do Brasil”, chantagem praticada HÁ ANOS pelo segmento imobiliario e acontecer aquilo que será altamente provável, dele precisar de dinheiro para sobreviver, ele não poderá vender portas e janelas para pagar as contas e vender o imóvel, mesmo que com altíssimo prejuízo, será quase impossível…

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 10 de abril de 2017 at 08:01

        4+
        • avatar
  • Dr. Estranho 9 de abril de 2017 at 12:28

    São tantas promoções que hoje, ao sair para comprar pão, passei no feirão e comprei um apto. Amanhã se sobrar um tempinho compro mais dois para alugar e viver de rendas.

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • to bolhado 9 de abril de 2017 at 12:41

      Sai pra comprar pão. Comprei 4 paeszinhos, 200g de presunto, 1 apto e tomei um cafezinho

      10+
      • avatar
      • avatar
      • Alemon Fritz 9 de abril de 2017 at 13:22

        Imóvel tá mais encalhado que presunto Luiz Augusto, peccennin.
        Compre um AP e ganhe um presuntoo “pata negra”.

        8+
        • avatar
    • Antigo 9 de abril de 2017 at 12:46

      Vocês ficam zoando mas vale lembrar que pão é comestível, tijolo não.
      A crise está longe de acabar e o brasileiro está sem dinheiro já. Alguns possuem tijolos.
      A conclusão deixo para cada um tirar.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • Leonardo M. 9 de abril de 2017 at 12:58

        Isso é mentira!
        Ontem vi muita gente no shopping gastando e com sacolas e mais sacolas!!!
        Não existe crise, isso é fantasia dá sua cabeça.
        Levei 30min pra conseguir pegar um hambúrguer no BK e as lojas abarrotadas de pessoas comprando roupas.

        Kkkkkk

        12+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • CA 9 de abril de 2017 at 13:26

          Leonardo M.,

          Pois é, o governo faz um “agrado” com o dinheiro do FGTS que já pertence as pessoas. Elas antecipam a retirada, gastam tudo e com este “soluço” de crescimento, SIMULA uma recuperação da economia, que com isto alimenta um otimismo UFANISTA.

          Este otimismo UFANISTA ajuda a aprovar as reformas, que embora tragam um claríssimo e inegável efeito recessivo no curtíssimo prazo, geram mais combustível para o otimismo UFANISTA.

          Daí depois de aprovarem as reformas, cheias de retalhos, que precisarão de novos remendos daqui a 10 anos, com efeito contracionista no curto prazo e sem novos combustíveis para o otimismo UFANISTA, daí o desemprego e a recessão retomam seu curso normal, frente a total falta de ações que ataquem a causa raiz do problema, ou seja, com o governo apagando incêndio com gasolina.

          Quando ocorrer a nova volta a realidade que consta acima, os novos desempregados sentirão falta daquele dinheiro do FGTS que eles gastaram sem pensar, muitos estarão super-endividados com imóveis e sem nem um tostão para pagarem as contas, daí é que veremos o quanto estas medidas “boazinhas” só ajudaram as pessoas a se enterrarem ainda mais…

          15+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Leonardo M. 9 de abril de 2017 at 13:38

            Eu e minha esposa lá por 2014 já sabíamos que depois da “cópias das copas do mundo” o Brasil iria entrar em recessão.
            O que fizemos? Juntamos dinheiro por 2 anos. Resultado?
            Eu e ela podemos passar esse longo inverno com as contas pagas e pagar outras despesas só com o PMJs.
            O dinheiro que recebi do FGTS 30% foi pra comprar roupas pra mulher e o restante vai pra LFT.
            Viva o temer!!!!

            14+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
          • CA 9 de abril de 2017 at 13:39

            Opa, errei, fui otimista e usei informação desatualizada.

            Como o número de remendos até aqui já foi muito elevado, vão ter que rever as regras da Previdência daqui a 4 ou 5 anos e não daqui a 10 anos como mencionei acima:

            http://m.folha.uol.com.br/mercado/2017/04/1873960-para-temer-prioridade-na-reforma-da-previdencia-e-frear-despesas.shtml?mobile

            Trecho:

            “Integrantes da equipe do presidente Michel Temer afirmam que as concessões feitas pelo governo para assegurar a aprovação da reforma da Previdência pelo Congresso reduzirão os ganhos esperados com as mudanças, tornando outra reforma necessária em quatro ou cinco anos.”

            8+
            • avatar
            • avatar
            • Leonardo M. 9 de abril de 2017 at 13:45

              CA
              Pra mim o Brasil já era!

              Ou fazemos reformas para o Brasil entrar no século 21 ou vamos virar uma Argentina ano 2001 com queda de 20% no PIB. Concorda?

              9+
              • avatar
              • avatar
              • CA 9 de abril de 2017 at 14:15

                Leonardo M.,

                Acho que sozinhos não chegaremos neste ponto, a não ser que Lula seja eleito em 2018 e retome a intensificação das manobras populistas e expansionistas.

                Agora se no cenário externo tivermos a explosão da bolha das bolhas, sem novos remendos e adiamentos e formos pegos em meio a uma intensificação de nossa crise em função da maior visibilidade da explosão de nossa bolha imobiliária, neste contexto poderíamos chegar a este ponto também.

                7+
                • avatar
                • avatar
            • Alemon Fritz 9 de abril de 2017 at 14:02

              Já dá pra prever que a Páscoa vai ter bastante ovos.
              a maioria do FGTS vai retirar até 2k, com a carne barata terá churrasco de aleluia, ovos e cerveja de milho.
              Pena que a páscoa , tiradentes e 1 de maio vão atrapalhar as vendas, logo agora que está bombando.. Corvos, já estamos em abril e nada.

              5+
              • EngenheiroSP 9 de abril de 2017 at 17:52

                Duvido que os FGTS durem tanto tempo assim

                3+
                • avatar
        • Antigo 9 de abril de 2017 at 13:44

          Estou almoçando no shopping agora
          Lotado!!!
          Você tem razão, eu que estou sendo pessimista demais

          2+
  • CA 9 de abril de 2017 at 12:52

    Para o Cebola, que acha que seria bom manter taxas subsidiadas pelo BNDES e aumentar os empréstimos com estes juros:

    http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,credito-com-mais-risco-cresce-na-carteira-do-bndes,70001731894

    Se lermos na reportagem acima, o BNDES está com índice de inadimplência MUITO MAIOR que a média de mercado e apesar disto eles alegam que a crise na economia é a culpada! Ué, não tem crise na economoa para os outros bancos? Não só este dinheiro não ajudou nada no crescimento do país, ao contrário, alimentou a crise fiscal e a maior corrupção institucionalizada do Mundo, como ainda serviu para gerar o maior calote do Brasil…

    Outro exemplo? O recorde de inadimplência do crédito imobiliário ocorre exatamente no MCMV faixa 1, aquele que mais possui subsídio…

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 10 de abril de 2017 at 07:56

      No MCMV 1, a maior prioridade é para a cerveja e a carne, só vai pagar a prestaçãozinha se sobrar uns trocados

      4+
  • CA 9 de abril de 2017 at 17:09

    E ai, sera que o Brasil vai ser o único país do Mundo onde um ajuste fiscal vai gerar mais empregos e recuperação imediata da economia?

    http://g1.globo.com/economia/noticia/setor-de-ti-diz-que-pode-perder-83-mil-empregos-em-3-anos-com-reoneracao-da-folha.ghtml

    5+
    • avatar
    • Rico 10 de abril de 2017 at 05:01

      Nem ficam vermelhos… A maioria sonega imposto, criando maracutaias como CLT-Flex e PJ. A desoneração não criou nenhum emprego, a maioria trabalha como body shops.
      Consultorias de TI deveriam sumir do mapa, não ia fazer falta alguma.

      4+
  • Alemon Fritz 9 de abril de 2017 at 18:21

    banania
    eu estava vendo carros e vi a tal da “téquinologia On istar”… 605 reclamações no reclame aqui… 60 a 90 reais por mês pro carro falar com vc e dizer a pressão dos pneus, e que fica no posto ipiranga. 6meses de gratis, mas se não usar ele nao fica “muito seguro” kkk e diminui garantias.. se vc pluga o celular pra carregar não tem mais nenhum “orificio” pra mais nada… kkk se vc quiser ativar depois vai pagar mais e esperar e-mail deles…eitah paiseco.

    6+
    • avatar
    • Carlos 9 de abril de 2017 at 20:38

      È um serviço da GM não é?
      Aposto que vende bem no bananistão pois este é o lugar onde 666 escolhe carro levando em consideração se tem tela de LSD, luz de xenão e outros penduricalhos e não se o carro tem airbags por exemplo e vai se vai ter a mínima segurança para carregar sua família.

      5+
      • avatar
    • to bolhado 9 de abril de 2017 at 21:02

      Cara, eu não sei se é esse, mas outro dia vi num anúncio tipo um gps como grande diferencial do carro. Serio, em 2017?!

      4+
      • avatar
      • Alemon Fritz 9 de abril de 2017 at 21:42

        Entrei no site da GM EUA, lá o Onstar vem free por 5 anos, plano basico.
        (check in, estacionamento etc), outros serviços vc acrescenta e tem opçao mensal e anual com desconto. Inclui segurança, localização, lembretes etc)… aqui o básico já não é free.. kkkk..

        6+
        • avatar
  • socrates 9 de abril de 2017 at 18:28

    Nova lei de condomínios começa a surtir efeitos:

    http://odia.ig.com.br/imoveis/2017-04-09/novo-codigo-de-processo-civil-completa-um-ano-e-ajuda-condominios.html

    “O advogado André Luiz Junqueira, também especializado em Direito Imobiliário, lembra que em 2016 houve redução grande na inadimplência dos condomínios que assessora. “O motivo é o ‘choque de realidade’ do que é dever do condomínio hoje no Brasil. Com o novo Código de Processo Civil, o choque existe quando o devedor não é mais notificado para comparecer a uma audiência meses à frente. Agora, com o novo processo de execução, ele é citado para pagar o debito em três dias, sob pena de penhora do imóvel. Além disso, muitos clientes têm alterado suas convenções para prever juros entre 5 e 10% por mês de atraso, o que torna a dívida condominial muito cara. Adicionado ao fato que o debito condominial pode fazer o condômino perder seu imóvel, mesmo que seja seu bem único e de família, a pessoa que deve condomínio precisa priorizar o pagamento”, orienta.”

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • EngenheiroDF 9 de abril de 2017 at 19:10

      http://www.metropoles.com/distrito-federal/economia-df/inadimplencia-na-taxa-de-condominio-dispara-e-chega-a-25-no-df

      IMagina se esses 25% dos condôminos de brasilia forem forçados a regularizar suas dívidas… Mais um punhado de AP no nosso mercadinho.

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Marcio 9 de abril de 2017 at 20:02

        “A solução encontrada para manter em dia a conta de água, energia e os serviços de segurança nos prédios tem sido aumentar o valor da taxa, fazendo com que todos paguem por aqueles que não conseguem ficar em dia.”

        Solução?
        Solução de Jênio, com j de jumento.

        6+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Carlos 9 de abril de 2017 at 20:35

          Este cara deve seguir a “filosofia” do Fernando pois segundo o último você não pode “degradar” o cornomínio.

          3+
          • Fernando 9 de abril de 2017 at 23:41

            Não tenho nem como responder… sinceramente, é muito infantil.
            Então, a solução é precarizar?
            Fala sério, cada dia eu aprendo uma…

            3+
            • alexSP 10 de abril de 2017 at 22:01

              O que você chama de precarizar o pessoal dos países desenvolvidos fazem de boa.
              Aqui o pessoal parece ter horror a cortar serviços que encarecem muito o condomínio. Estamos em um país onde a população tem uma renda baixíssima e impostos altos, mas ficam horrorizados com a ideia de abrir mão de um pequeno luxo.

              0
      • socrates 9 de abril de 2017 at 20:51

        na materia citam o aumento da conta de luz… Bananistão é f%¨$ Li hoje mesmo acerca da disparada da produção de energia solar na California, que assim como a Alemanha caminha a passos largos para a independencia energética oriunda de meios renovaveis. Por lá a tendencia é a conta cair e quem produzir até receber. Aqui ela só aumenta… Não é fácil viver nesse feudo

        9+
        • avatar
        • avatar
        • Carlos 9 de abril de 2017 at 22:16

          Pena que os monopólios ainda existem e certos estados e cidades te obrigam a ficar conectado no “grid” e obviamente pagar alguma compania de eletricidade.
          É um ótimo negócio para estas mesmas companias pois alem de te cobrarem a assinatura revendem a energia que vc gera com lucros enormes, em alguns casos te pagam somente 10% do preço que revendem.

          Throughout the country government agencies are forming so-called “nuisance abatement teams” designed to intimidate and force Off Grid homeowners into giving up their land or abandoning their lifestyle. Believe it or not, people are actually being fined and jailed for choosing to live an off-grid existence.
          http://offgridsurvival.com/livingoffthegridcrime/

          2+
          • avatar
        • Rico 10 de abril de 2017 at 05:05

          Tenho conhecimento de alguns projetos no ramo de energia. Estão aceitando qualquer coisa (menos imóvel na planta), porque a previsão é de que em 5 ou 10 anos a maioria das residências produzam sua própria energia. Outra tendência é as cidades se esvaziarem devido ao aumento do home-office.

          6+
          • avatar
  • Carlos 9 de abril de 2017 at 20:40

    Leonardo M.

    Isso é mentira!
    Ontem vi muita gente no shopping gastando e com sacolas e mais sacolas!!!
    Não existe crise, isso é fantasia dá sua cabeça.
    Levei 30min pra conseguir pegar um hambúrguer no BK e as lojas abarrotadas de pessoas comprando roupas.

    Kkkkkk

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar

    Claro q

    1+
    • Carlos 9 de abril de 2017 at 20:43

      Ops, dedos leves hoje 😀

      Claro que os shoppis estão bombando, vejam este caso de shopping bolhudo “crasse” A e B e ticket médio de 40 doletas.

      Ticket Médio
      R$ 128,00
      Fluxo Médio Mensal
      Pessoas: 1.830.000

      http://www.brmallscomercial.com.br/midia/shoppings/perfil/id/12/

      2+
      • Carlos 9 de abril de 2017 at 20:43

        Sobre o Shopping
        O Plaza Shopping é o único shopping de grande porte de Niterói, o município com a maior renda de todo o estado do Rio de Janeiro e uma das cidades com melhor qualidade de vida do país. Localizado no centro, o shopping é um ícone da cidade. Inaugurado em 1986, destaca-se como um dos shoppings de maior venda por metro quadrado do Brasil.

        3+
      • Rico 10 de abril de 2017 at 05:07

        Quando vou ao shopping meu ticket médio é de 3 reais – pago 50% a mais na casquinha da Parmalat do que dos indigestos dos Junk Food.

        2+
  • Luladranus 9 de abril de 2017 at 21:07

    Não ta fácil pra ninguém mesmo…
    Até os cumpanhero já entraram na onda da bolha.

    https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2017/04/09/endividado-pt-paulista-faz-ajuste-e-encolhe.htm

    “Além disso, o PT-SP renegociou o valor do aluguel de sua sede de R$ 23 mil para R$ 16 mil mensais, cortou viagens, verbas de hospedagem e recursos para atividades de formação política, entre outras.”

    2+
  • vigilante 9 de abril de 2017 at 22:39

    http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2017/04/1873947-mini-paulista-ou-berrini-da-zl-comeca-a-ser-erguida-no-tatuape.shtml

    “Os responsáveis pelo projeto estão em contato com universidades privadas e já planejaram um teatro de 1.400 lugares em um dos prédios, próximo ao Sesc Belenzinho.”

    o loco

    3+
  • Leonardo M. 10 de abril de 2017 at 00:21

    Carros usados como são vendidos? Quando é feita manutenção? Como fazer financiamento? Como conseguem repassar velharia por preço de FIPE?

    Hoje no bolha repórter

    6+
    • avatar
    • avatar
    • Leonardo M. 10 de abril de 2017 at 00:38

      Preço: R$5.500
      Vendo lindo Peugeot 206 Sw, 1.6, flex, 2008. Carro top.
      Completo, ar, vidro, trava, porta malas abre de 2 formas, sensor de chuva parabrisa, sensor de iluminação.
      Carro com documentos em dia, recentemente revisado, suspensão Dianteira nova, kit de embreagem novo, escapamento novo.
      Ótima média 14 por litro na gasolina, motor 100% com 155 mil km.

      °°URGENTE°°
      Assumir 33 prestações, sendo 10 atrasadas, 23 +10.
      Porem em acordo com o banco paga-se 2 de trás e uma da frente, (de trás provavelmente c juros) e uma da frente, até regularizar as atrasadas.
      Após regularizar paga-se R$ 340,00 por mês

      6+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Leonardo M. 10 de abril de 2017 at 00:42

      A última frase e a melhor kkkkkk

      Preço: R$13.900
      C3 EXCL – 2008

      Ar condicionado
      Ar quente
      Direção hidráulica
      Travas elétricas
      Vidros elétricos

      Valor: R$ 13.900,00
      **Não aceitamos troca por imóvel

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Leonardo M. 10 de abril de 2017 at 00:54

      E pra fechar o bolha repórter

      Preço: R$9.000
      STILO 2004 1.8 COMPLETO carro com Direção Hidráulica e ELÉTRICA 4 portas com motor e cambio ok .
      carro tem detalhes de funilaria nada q interfira .
      o carro possui doc a fazer tenho um esquema bom para quebrar o valor na metade mas estou desempregado e nao tenho como quitar , então aceito troca em carro quitado de menor valor e assume a divida .
      preferência gol mas estudo outros

      7+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Carlos 10 de abril de 2017 at 02:22

        E venda um rin para fazer a manutenção do Stilo… Quem se lembra do Fiat Tipo 😀

        3+
  • Cajuzinha 10 de abril de 2017 at 06:01

    Redução nos juros pode estimular apetite por imóveis
    Setor prevê alta nas vendas, mas estoque elevado deve segurar preços

    http://m.oglobo.globo.com/economia/reducao-nos-juros-pode-estimular-apetite-por-imoveis-21185551

    3+
    • Cajuzinha 10 de abril de 2017 at 06:06

      ” segundo dados da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), havia em 2016 cerca de 122 mil unidades no estoque das construtoras, o equivalente a 40 meses de venda, considerando o ritmo médio de transações nos 12 meses anteriores. Em 2015, o estoque era de 14 meses.”

      5+
      • avatar
      • CA 10 de abril de 2017 at 08:13

        Cajuzinha,

        Só o estoque apontado pela ABRAINC ao final de 2016 era o suficiente para mais de 3 ANOS de vendas sem que as construtoras precisassem fazer qualquer lançamento!

        Para quem pode achar que estes 122 mil imóveis em poder das construtoras, equivalentes a mais de 3 ANOS de vendas é muito, porque o máximo aceitável para o próprio segmento imobiliário é o equivalente a 1 ano de vendas, deve observar que isto não é nem metade da anomalia REAL entre oferta e procura. Vejamos:

        1) O número de unidades do estoque REAL de imóveis novos é MUITO maior do que este. Temos construtoras “não reconhecendo” distratos solicitados pelos clientes, em grande volume (ver no ReclameAqui), cada distrato não reconhecido é menos 1 imóvel no estoque e mais 1 que conta como venda, distorce duplamente a já anormal relação entre oferta e procura. Adicionalmente, boa parte dos lançamentos e vendas atuais na planta são vendas FALSAS na planta que não vão se concretizar (40% do total das vendas nos últimos anos), novamente com duplo efeito para mascarar o estoque real, pois simula venda e redução de estoque;

        2) As vendas continuam despencando agora em 2017: só como um exemplo, em São Paulo no mês de janeiro/2017, tivemos as piores vendas de imóveis novos de todos os tempos, independente do mês comparado;

        3) Temos um grande volume de imóveis nas mãos de investidores sem vender nem alugar. A bolha fez com que os lançamentos disparassem por anos e sobre esta base ampliada, tivemos o percentual de investidores em imóveis que simplesmente QUADRUPLICOU, saindo de 10% para 40%. Sim, uma parte deles foi quem engorda os estoques via distratos todos os meses, mas se olharmos pelo ReclameAqui e procurando por “Distrato”, veremos que a imensa maioria de quem está cancelando é quem comprou para morar e não conseguiu o financiamento e não investidores. Por isto que a distorção entre oferta e procura no caso de aluguéis e o volume de imóveis residenciais vazios também bateu todos os recordes;

        4) Hoje a CEF sozinha já tem disponível para venda em leilões, mais de 20.000 imóveis. Isto porque ela só retomou para leiloar, menos de 1/5 da inadimplência OFICIAL acima de 90 dias. Se retomasse tudo, teria mais de 100.000 imóveis a vendas e seria a maior proprietária de imóveis à venda no Brasil. Quando um banco se torna o maior vendedor de imóveis de um país? Só durante a explosão de uma bolha imobiliária. “Detalhe”: a CEF sozinha tem uma inadimplência acima de 90 dias que equivale em termos OFICIAIS a quase a totalidade dos imóveis novos em poder das construtoras! Para piorar, a velocidade de venda em leilão é no mínimo a METADE do que para imóveis novos, ou seja, o que a CEF tem de inadimplência que será colocada em leilão, equivale a um mínimo de 6 ANOS de vendas de imóveis novos!;

        5) O número de imóveis a serem colocados em leilão pela CEF é completamente absurdo, no entanto, mesmo os 100.000 imóveis inadimplentes a mais de 90 dias não representam a totalidade REAL: a CEF tem feito negociações MIRABOLANTES para mascarar o número real de inadimplentes acima de 90 dias;

        6) Correndo por fora temos os leilões de outros bancos que também dispararam, assim como o leilão de imóveis retomados por falta de pagamento de condomínios e ainda, uma oferta e necessidade crescentes de imóveis usados a serem vendidos por particulares.

        Por tudo que consta acima, podemos comprovar que a aberração da distorção entre oferta e procura é MUITO grave, qual a consequência? medidas semanais e desesperadas do governo para “ajudar” o segmento imobiliário a tentar reduzir esta absurda anomalia entre oferta e procura ou escondê-la. É a CEF querendo contratar corretores em todo o país ou criar uma empresa abutre própria, além das negociações mirabolantes para esconderem inadimplência. É o governo dando limite de uso do FGTS para imóveis de até R$ 1,5 milhão, ou MCMV para famílias com renda até R$ 9 mil, ou ainda, criando novas regulamentações para distratos para tentar salvar o caixa das construtoras.

        Efetividade das ações acima? NENHUMA. Tanto é que as construtoras já apontaram reduções relevantes nos preços dos imóveis e terrenos que constam nos estoques delas, o IVG-R aponta quedas de preços mensais e relevantes há mais de 1,5 ano e os leilões tem tido descontos em relação a preços de mercado de 50% a 80% para parte dos imóveis.

        Tendência?

        Quanto mais aumenta a distorção entre oferta e procura e isto já tem piorado sem parar desde 2012, independente de lançamentos aumentarem ou diminuírem, pior fica a situação financeira das construtoras e bancos e maiores tem que ser as reduções de preços para que consigam recuperar liquidez.

        Os bancos terão ainda que reduzir a oferta de crédito imobiliário, prazos de financiamento e o preço de avaliação dos imóveis, aumentar juros e dificultar a concessão de crédito para o segmento imobiliário, é o único caminho para se resguardarem, primeiro contra a queda de preços de suas garantias (risco já concretizado), segundo terão que fazer isto em função do número de construtoras que está quebrando e deixando altas dívidas com os bancos (outro risco concretizado) e terceiro, terão que fazer isto porque o volume de imóveis em poder dos bancos já está se tornando muito difícil de ser administrado e destruindo a liquidez dos mesmos (mais um risco concretizado). Isto só retroalimentará o circulo vicioso de quedas de vendas e aumento na distorção entre oferta e procura, com correspondente necessidade de reduções cada vez mais relevantes nos preços dos imóveis para que bancos, construtoras, investidores e particulares consigam gerar caixa para sobreviverem.

        5+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 10 de abril de 2017 at 07:59
  • SampaBoy 10 de abril de 2017 at 07:59

    Empresas ligadas a paraísos fiscais têm mais de R$ 8 bi em imóveis em São Paulo

    Ao menos 3.452 imóveis de São Paulo têm como seus donos 236 pessoas jurídicas que são ou foram controladas por empresas de paraísos fiscais, as chamadas offshores…

    https://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2017/04/10/empresas-ligadas-a-paraisos-fiscais-tem-mais-de-r-8-bi-em-imoveis-em-sao-paulo.htm

    Mais uma variavel “pro-bolha” que diziamos ha muito tempo .
    Sao Paulo tem mais “lavanderias” do que aparenta…

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • From_The_Tower 10 de abril de 2017 at 08:27

    De maior construtora da América Latina para uma empresa que não pode comprar um tijolo

    Gizele e Thiago processam PDG por atraso em obra
    “De maior incorporadora do País, a PDG virou um poço de problemas para os credores – majoritariamente bancos – e, principalmente, para seus clientes. Em recuperação judicial desde 22 de fevereiro, no maior processo do gênero no setor imobiliário, a empresa deve apresentar à Justiça até maio seu plano de reestruturação para tentar se reerguer. O desafio maior será concluir os 30 empreendimentos em andamento, 17 dos quais estão paralisados.
    Segundo fontes ouvidas pelo Estado, a tarefa não será nada fácil. Com uma dívida total de cerca de R$ 7,8 bilhões – dos quais R$ 6,2 bilhões no processo de recuperação judicial, aprovado pela Justiça em 2 de março, além de cerca de R$ 1,6 bilhão não incluído no processo –, a PDG não tem hoje dinheiro para comprar um tijolo sequer. “

    4+
    • From_The_Tower 10 de abril de 2017 at 08:33

      Em um mercado marcado por baixa demanda por imóveis, altos níveis de rescisão de contratos (distratos) e crédito restrito para as próprias incorporadoras, a PDG, que contratou a consultoria RK Partners e o escritório de advocacia E. Munhoz, vai tentar levantar dinheiro novo com os bancos credores, como Bradesco, Itaú, Caixa e Banco do Brasil, para conseguir terminar as obras. A propostatambém prevê a venda de apartamentos em estoque e terrenos para fazer caixa. Procurados, RK e E. Munhoz não comentam.
      Recursos. Fontes a par do assunto afirmaram ao Estado que a companhia precisa de pelo menos R$ 500 milhões para terminar as obras. “Há mais possibilidade de os bancos colocarem dinheiro em construções em estágio avançado porque, dessa forma, podem vender os apartamentos ou pegá-los como garantia”, afirmou uma pessoa ligada a um dos credores. “Mas, para as obras que ainda estão no início, a alternativa seria repassar os empreendimentos a outras incorporadoras ou convencer os clientes a bancar o término das obras.” Procurados, os bancos não comentaram.
      No mercado, há ceticismo em relação à recuperação plena da empresa, que chegou a ser avaliada em Bolsa em R$ 14 bilhões, em 2010, e hoje vale R$ 103 milhões. Em 2016, a PDG encerrou com prejuízo líquido de R$ 5,43 bilhões. O patrimônio líquido ficou negativo em R$ 3,4 bilhões. Ou seja, o valor das obrigações é superior ao dos ativos.
      “A dívida é insustentável. A PDG adotou estratégias erradas: cresceu desordenadamente em regiões que não tinham como ter escala e buscou atender públicos muito diferentes”, disse uma fonte de mercado. Ainda assim, segundo pessoas familiarizadas com o assunto, a recuperação judicial foi o melhor caminho. “Não acredito em risco sistêmico, mas uma falência poderia prejudicar o setor”, disse outra fonte.
      Futuro. Vladimir Ranesvsky, presidente da empresa, faz um “mea culpa” e reconhece que a PDG tinha um projeto de atuação nacional com imóveis de vários padrões, para diversos públicos, que não funcionou. Isso vai mudar. “O foco será tornar a PDG uma companhia bem menor, mas rentável e capaz de honrar seus compromissos.”
      Hoje presente em nove Estados, o grupo deve focar em poucas capitais, mas não definiu qual será o seu nicho de mercado. Colocar esse plano em prática, porém, ainda depende do aval dos credores.

      3+
      • avatar
      • Cesar_DF 10 de abril de 2017 at 09:42

        Se o plano de recuperação for realista, acho difícil que o juiz aprove.
        Se for uma obra de ficção, vai ter uns 10 anos de enrolação

        5+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • De-boa-na-bolha 10 de abril de 2017 at 08:38

    Segundo alguns participantes do blog a PDG é um caso isolado e restrito, não há com o que se preocupar…os tijolos são eternos e só não vê quem não enxerga a verdade.
    Já estão usando o termo risco sistêmico,o abismo é logo ali!
    “Não acredito em risco sistêmico, mas uma falência poderia prejudicar o setor”.

    4+
    • From_The_Tower 10 de abril de 2017 at 08:42

      O que me deixa intrigado não é o risco sistêmico do negócio das construtoras …. que quebraram por péssimas escolhas gerenciais de mercado… e sim os agentes financeiros envolvidos, bancos que possuem unidades como garantia e todo o mercado de securitização. Baixei vários PDF´s para tentar compreender melhor esse mercado de securitização de dívida.

      6+
      • avatar
      • avatar
  • De-boa-na-bolha 10 de abril de 2017 at 08:53

    Mas nesse caso a viúva assume o prejuízo via impressora, Acho difícil acontecer algo muito pior.

    1+
  • De-boa-na-bolha 10 de abril de 2017 at 08:54

    Os caras aumentaram a previsão de deficit em 50 Bi, mais 50 bi resolve a questão…e vão tocando.

    1+
    • From_The_Tower 10 de abril de 2017 at 09:02

      Chega o dia em que o mercado cobra o preço… ou via juros ou via câmbio.

      5+
      • avatar
      • avatar
    • CA 10 de abril de 2017 at 09:31

      De-boa-na-bolha,

      E cada “R$ 50 bi” a mais de rombo nas contas públicas, além do aumento dos juros comentado pelo From, vai se convertendo em fuga de capitais para o exterior, aumento de inflação, aumento do desemprego, etc. “Imprimir dinheiro” não é solução nem de contingência FAZ TEMPO, os efeitos colaterais negativos são MUITO maiores do que qualquer pseudo-benefício, mesmo no curtíssimo prazo. Esta época já passou HÁ ANOS, nem a Dilma foi inconsequente o suficiente para tentar isto no início de seu segundo mandato…

      3+
      • avatar
      • avatar
  • Cajuzinha 10 de abril de 2017 at 08:57

    “Mendonça de Barros tem também uma lista de evidências de melhoras que já teriam ocorrido em março, mas que ainda não foram oficialmente retratadas nos dados: recuperação na venda de carros, redução no estoque de imóveis, recuperação no setor de supermercados e indicações claras de descompressão de crédito, com a redução do endividamento das famílias e das empresas. ”

    http://noticias.r7.com/economia/economia-nao-reage-como-o-esperado-09042017

    1+
    • CA 10 de abril de 2017 at 09:28

      Cajuzinha,

      kkkk

      O mesmo Mendonça de Barros que previu crescimento de 2% no PIB para 2017?

      Bom, no caso de carros, no trimestre a PRODUÇÃO aumentou, enquanto as vendas CAÍRAM. Para regularizar oferta e procura, a produção teria que cair, ou ele assume que daqui pra frente as vendas continuariam subindo? Caíram em janeiro e fevereiro, subiu em março, parece um resultado ainda não consistente, vamos aguardar.

      Redução de estoque de imóveis? No total, talvez, mas não por conta de aumento das vendas e sim porque quase zeraram os lançamentos, ao mesmo tempo que estão atrasando ao máximo o “reconhecimento” dos distratos (ver notícia abaixo da PDG) e continuam fazendo vendas FALSAS na planta que simulam reduções de estoques, além de FAZEREM DE CONTA que o que está em leilão com bancos não existe, dentre uma infinidade de outras maracutaias para MASCARAR os números.

      Demais setores por crescimento graças ao saque do FGTS? Ah, o governo antecipou o saque do FGTS de meses seguintes para ocorrer agora em abril? O probleminha aqui é que isto tem um efeito PROVISÓRIO, não vão poder disparar com isto no segundo semestre e nem depois disto, certo?

      Onde ele colocou na conta a redução de despesas do governo de mais de R$ 42 bi que deixam de ajudar no crescimento no PIB e os efeitos de redução do PIB em virtude do aumento dos impostos?

      Pois é, ele sempre foi o especialista em otimismo UFANISTA, hoje a previsão mais realista para crescimento do PIB é de 0,5%, ainda assim otimista frente ao que consta acima, ou seja, 1/4 da previsão dele feita no ano passado… Deve ter muitas Ações na BOVESPA e desejo de influenciar para que as cotações subam sem fundamento, faturando alto às custas de sardinhas desinformados…

      2+
      • avatar
      • avatar
      • AGP 10 de abril de 2017 at 13:49

        Me parece que agora temos a bolha das previsões do PIB.

        Gente torcendo que as previsões dêem certo, sendo otimistas no começo do ano, dizendo “agora vai”…

        Falta só aparecer um equivalente de Amorinha e Fingezap para completar o circuito.

        1+
  • Cajuzinha 10 de abril de 2017 at 08:58

    10/04/2017 às 07h15 “Lavagem de dinheiro atinge mercado imobiliário paulistano, traz estudo”

    http://www.valor.com.br/brasil/4932764/lavagem-de-dinheiro-atinge-mercado-imobiliario-paulistano-traz-estudo

    5+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Brazil mode OFF 10 de abril de 2017 at 09:03

    CVR

    Colega de trabalho comentando aqui sobre a situação de um construtor que de a casa dele. Segundo meu amigo, o cara é bom e caprichoso.
    Construtor – “fiquei 2 anos ganhando em media 30 mil por mes e hoje estou trabalhando “fichado” de pedreiro. Perdi o puoco tudo o que tinha com ações trabalhistas.”
    Segundo meu amigo, ele ostentava camionetes, chácaras etc

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Brazil mode OFF 10 de abril de 2017 at 09:05

      CVR – Errata
      Dei um enter sem querer, segue o texto correto.

      Colega de trabalho comentando aqui sobre a situação de um construtor que de a casa dele. Segundo meu amigo, o cara é bom e caprichoso.
      Construtor – “fiquei 2 anos ganhando em media 30 mil por mes e hoje estou trabalhando “fichado” de pedreiro para pagar a faculdade da minha filha. Perdi o pouco que tinha com ações trabalhistas.”
      Segundo meu amigo, ele ostentava camionetes, chácaras etc

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 10 de abril de 2017 at 11:03

        Olha aí.
        Olhem os detalhes.

        4+
        • avatar
        • avatar
  • De-boa-na-bolha 10 de abril de 2017 at 09:07

    http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,atraso-em-obras-muda-planos-de-consumidor,70001732849
    “Além dos 5 mil clientes da PDG que aguardam a finalização de suas obras, há aproximadamente outros 15 mil com problemas, como distratos não pagos.”
    É soft !

    7+
    • avatar
    • avatar
    • CA 10 de abril de 2017 at 09:21

      De-boa-na-bolha,

      Sobre os 15 mil clientes com problemas por distratos não pagos, quantos deles sequer tiveram o distrato “reconhecido” pela PDG? Isto não entrou nos estoques dela e nem abateu das vendas.

      O que consta acima, aplicável em menor escala para DIVERSAS outras construtoras.

      Este é só UM dos itens que mencionei acima e que explica porque o estoque das construtoras é muito maior do que elas admitem oficialmente e ainda, porque as vendas liquidas de distratos são muito menores do que as “oficiais”.

      Some ao que consta acima os 40% das vendas que estão sendo realizadas nos últimos e ainda não tiveram entrega, mas que irão virar distrato no ato do cliente tentar o financiamento (conforme estatística dos últimos anos das próprias construtoras) e veremos que só no caso de construtoras o estoque é suficiente para MUITO MAIS que os 3 anos da pesquisa da ABRINC que consta acima.

      Deixe mentirem, enganarem, subestimarem o tamanho do problema, maquiarem, desinformarem, etc., isto não resolve nada, a realidade vai aparecendo e obrigando eles a reduzirem os preços, por isto que as construtoras já relataram quedas em preços de imóveis e terrenos, FORÇADAS pelas auditorias. Mentira em cima de mentira até a última potência, mas uma hora o castelo de cartas desmorona…

      8+
      • avatar
      • avatar
  • De-boa-na-bolha 10 de abril de 2017 at 09:13

    “Os sinais de alerta, porém, estão por toda a parte”
    Não se preocupem a CEF garante que tudo está bem.

    http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,rossi-renegocia-dividas-de-r-1-2-bilhao,70001732856

    “Crise. O pior cenário para os bancos, que hoje são credores de boa parte das construtoras no País, seria a falência de grandes grupos, o que poderia provocar um risco sistêmico. Os sinais de alerta, porém, estão por toda a parte. Em setembro de 2016, a Viver entrou com pedido de recuperação judicial. No início de 2017, a gigante PDG seguiu pelo mesmo caminho. E há vários outros grupos em dificuldades financeiras.”

    7+
    • avatar
    • avatar
    • CA 10 de abril de 2017 at 09:42

      De-boa-na-bolha,

      A Rossi está no mesmo contexto que Viver e PDG: vai entrar em “Recuperação Judicial”, mas na prática, todos sabem que NÃO HÁ recuperação, é só para ganhar tempo…

      Outras indo pelo mesmo caminho, só das que já estiveram ou ainda estão na BOVESPA? Brookfield e Tecnisa. Temos outras ainda, estas são as que estão mais em evidência e que já não tem tanto fôlego para pedalar e maquiar a realidade.

      Correndo por fora, MILHARES de outras construtoras não listadas na BOVESPA, de diversos portes, que quebraram e deixaram dezenas ou centenas de milhares de famílias “a ver navios”.

      Informação de setembro/2016 a este respeito:

      http://fenacon.org.br/noticias/recuperacao-judicial-e-falencia-em-construtoras-avancam-25-1142/

      “Ano passado, o número de construtoras que pediram recuperação judicial subiu 30%, e para este ano a previsão é que mais de 1300 empresas de todos os portes façam o pedido.”

      5+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Nelson Schadenfreude 10 de abril de 2017 at 11:01

        Bom, por enquanto, continuo indo com minha EZTC3, que tem mais chances de sobreviver ao vendaval. Já tenho ~25% de lucro desde janeiro. Mas acho que vou sentar nela e apostar na reforma da previdência, junto com o resto da minha carteira na Bolsa. Realizo assim que sair alguma reforma, mesmo que meia boca.
        Em tempo: brinco com 10% da minha carteira (dólar, ações). O resto está calminho na renda fixa (TD e cia).

        2+
        • avatar
  • Cesar_DF 10 de abril de 2017 at 09:23
    • Cesar_DF 10 de abril de 2017 at 09:24

      Índices do levantamento mostram ainda que o número total de moradores de rua vem aumentando ano a ano: saltou de 5.580, em 2013, para quase 15 mil em 2016. Praticamente triplicou em três anos.

      1+
      • CA 10 de abril de 2017 at 09:46

        Cesar_DF,

        Este é o nicho sempre crescente da classe baixa que a MRV afirma estar “bombando”. Se eles teriam renda para comprar financiado ou não, isto nunca importou para a MRV, tanto que a MRV tem tido mais de R$ 1 BILHÃO de distratos por ano desde 2013. Se tivessem preocupação com isto, primeiro veriam que aqueles que foram morar na rua, o fizeram por absoluta falta de condição de sequer morar de favor ou de pagar um aluguel para o imóvel mais barato que encontrassem e que portanto não tem a menor de comprar um imóvel por preço fora da realidade e segundo, teriam o MÍNIMO de critério ao venderem, para não ter um volume tão absurdo de distratos por tanto tempo…

        4+
        • avatar
        • avatar
        • Cesar_DF 10 de abril de 2017 at 11:07

          CA
          Na minha opinião, esta é uma das consequências do endividamento a longo prazo em passivos.
          Tira-se dinheiro do futuro para colocar no presente em tijolos, que não geram renda.
          Na pirâmide de Maslow, ter um lugar para morar está no segundo nível, mas não existe a necessidade de ser o proprietário de sua moradia, apenas de ter a posse.
          Nestes financiamentos de 35 anos, um imóvel já sobrevalorizado em 100%, que valeria 50K e a pessoa compra por 100K, no final dos 35 anos terá pago mais de 400K.
          Imagine, com a pessoa pagando 0,25 a 0,30% ao mês de aluguel, pagaria R$ 250 a R$ 300 ao longo de 35 anos, no pior dos casos teria gastado 126K para morar por 35 anos, pagando R$ 300 por mês.
          Poxa, a família gastou a mais 274K para viver neste imóvel. Só com este valor, poderia ter uma aposentadoria sacando R$ 1.500 todo mês.
          E o imóvel se deteriora com o passar do tempo, temos a depreciação do imóvel aliada a queda na procura devido a queda da taxa de fecundidade.
          Com o Brasil atingido sua população máxima em 2030-2035, quem fez um empréstimo de 35 anos em em 2015, só irá quita-lo em 2050.
          Se o valor não bolhado deste imóvel deveria ser de 50K, em 2050 deverá valor a metade.
          A família gastou 400K para obter um patrimônio de 25K, tendo “economizado” 126K em aluguéis, o que resultou num saldo negativo de 249K.

          A tristeza não é somente ter perdido estes 249K, mas também todo o dinheiro que deixou de ser investido em coisas que fariam aumentar a renda per capita desta família, como o CONHECIMENTO (cursos de formação e capacitação).

          Estes números não vão aparecer nos gráficos do Thiago fm, seriam equivalentes às escolhas mal feitas por empresas, que alocaram recursos num projeto que só deu prejuízo.

          Esta é a grande diferença do Brasil para a Coréia do Sul, onde o investimento em educação (ativos) foi pesadíssimo desde a década de 1960.

          A Coreia (a do Sul, é claro) ti­nha em 1960 um PIB per capita de 900 dólares. O Brasil tinha o do­bro. Em algum ano da década de 1980 nos igualávamos, com um PIB per capita da ordem dos 5 mil dólares. Hoje, o da Coreia é de 32 mil dólares e o nosso está na casa dos 10 mil dólares. Embora tenhamos que ser cautelosos no explicar tal diferença de desempenho, pois estamos comparando histórias, geografias, etnias e culturas bem di­versas, não há como negar que a evolução educacional tem muito a ver com a dianteira que tomaram os asiáticos. Não há quem discorde, mundo afora.
          Em 1960, tínhamos, Brasil e Coreia, 35% de analfabetos. Hoje, temos 13% (não considerados os analfabetos funcionais) e eles têm zero. Apenas 18% dos jovens brasileiros estão na universidade, en­quanto só 18% dos coreanos não estão lá. A evasão escolar ao fim do ensino médio é de mais de 60% no Brasil, enquanto na Coreia é de 3%. Repito que há que se ter cuidado no comparar trajetórias de dois países tão diferentes, um com área de 100 mil quilômetros quadrados e 50 milhões de habitantes e outro com população quatro vezes maior, e área 80 vezes superior.

          Mas o sucesso coreano despertou a atenção de analistas pelo mundo afora, e é, repito, unânime o diagnóstico de que a locomotiva que tracionou o desenvolvimento do país foi a educação. Há um es­tudo do professor da USP José Claudio Cyrineu Terra, recomendável para quem desejar se ilustrar sobre o assunto. O título é: “Ru­mo à Sociedade do Conhe­cimento — as Trajetórias do Brasil e da Coreia do Sul”.

          O investimento inicial no ensino fundamental coreano foi gigantesco, material e intelectualmente falando. E só após aparecerem seus frutos, voltaram-se as políticas pú­blicas para os ensinos médio e su­perior. Este último consome no Brasil oito vezes mais recursos do que o fundamental. Na Coreia não chega ao dobro. Há lá um estímulo grande para que estudantes busquem boas universidades estrangeiras, aliviando a pressão sobre o ensino universitário local, mais caro, e que exige mais conhecimento e sofisticação. Em 2010, quase 100 mil jovens coreanos estavam matriculados em universidades americanas (os brasileiros não chegavam a 9 mil, apesar da disparidade populacional).

          http://www.jornalopcao.com.br/colunas/contraponto/brasil-precisa-seguir-a-coreia-do-sul-e-investir-bem-em-educacao

          6+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • to bolhado 10 de abril de 2017 at 11:16

            Cesar, o problema da filosofia da “primazia da Educação” é que aqui no Brasil ela só serve para dragar mais recursos para um sistema de educação completamente ineficiente. Em % do pib a Educação suga uma quantidade bem razoável de recursos para entregar resultados pífios. Eu diria que 70% dos alunos do sistema público saem analfabetos funcionais, sem capacidade de interpretar um texto mediano e com dificuldades sérias em operações básicas de matemática. Aí quando se fala em melhorar educação é fazer sistema integral, dar aula de filosofia, teatro etc. O Brasil precisara de uma reformulação profunda em relação a como pensar Educação.

            5+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Cesar_DF 10 de abril de 2017 at 11:36

              To bolhado
              Na Coreia do Sul, o investimento pesado é na educação fundamental, e não no universitário, no Brasil é o contrário.

              7+
              • avatar
              • avatar
              • to bolhado 10 de abril de 2017 at 11:54

                esse é um dos problemas. Não acho o mais importante. O mais importante é você deixar o menino 12 anos na escola, 5 horas por dia, e ele sair não sabendo fazer conta nem interpretar textos. Todo o sistema educacional público brasileiro é uma fraude.

                4+
                • avatar
                • avatar
    • Ilusionista 10 de abril de 2017 at 11:49

      Apocalypse Now….
      Rio cada vez mais hostil, se até a segurança pública, vital para sobrevivência das pessoas em uma determinada localidade está em sério risco, falta de tudo, verbas para reajustes salariais, condições mínimas de trabalho, salários atrasados e defasados fazendo com que diariamente muitos peçam baixa em busca de outra atividade e localidade, etc. imagine o que está por vir.
      Em breve, é de se esperar um grande êxodo dos cariocas para outros Estados para os mais sortudos. Difícil mesmo será para quem quer se livrar dos imóveis por lá.

      E ainda tem aqueles políticos que pregam que a atividade não é de “risco” na atual reforma de previdência…

      http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2017/04/policiais-assassinados-no-rio-ja-sao-mais-de-50-este-ano.html

      2+
      • avatar