Em SP, perda de casa própria cresce 247% – UOL

Você pode gostar...

Comments
  • CA 31 de janeiro de 2017 at 05:46

    Sobre o tópico, para complementar:

    Este número não inclui os imóveis que foram retomados por bancos devido a inadimplência de condomínio.

    Na conta que foi feita, vale lembrar que a Caixa Econômica Federal (CEF), que sozinha representa 70% de todo o crédito imobiliário concedido, só retoma menos de 1/5 de todos os imóveis que tiveram inadimplência, sem contar que ela é muito lenta neste procedimento de retomada, procura fazer negociações com condições de pai para filho, muito mais “amigáveis” do que outros bancos e fora isto, a CEF ainda transfere uma parte de sua inadimplência para empresas abutres a preço de banana, fazendo com que desapareçam de seu balanço.

    O que consta acima é típico em toda bolha imobiliária que já explodiu no mundo, mas vale lembrar também, que no nosso caso, temos um volume absurdo de distratos em função de vendas FALSAS na planta, mais uma enorme quantidade de imóveis nem-nem (nem vende, nem aluga) na mão de investidores e um volume recorde de imóveis nos estoques das construtoras e também em poder de vendedores particulares que precisam vender estes imoveis porque não estão conseguindo mante-los e correm o risco de perde-los por falta de pagamento de condomínio, financiamento, etc, mas ainda não engordaram a estatística de inadimplência oficial, ou então estão super-enrolados com outras dívidas e a única forma de obterem dinheiro para se desenrolarem e garantirem sua sobrevivência é através da venda de um imóvel.

    Considerar ainda que temos grande volume de imóveis em construção, onde já existem atrasos relevantes nos pagamentos durante a construção e mais outros que chegarão no momento da entrega e os compradores não terão rendimentos para adquirirem o crédito imobiliário. Por fim, temos as construtoras que já quebraram e deixaram os bancos com imóveis em garantia e aquelas que ainda vão quebrar e deixarem ainda mais imóveis poder dos bancos.

    Como foi mencionado no artigo do tópico, a tendência é que a situação acima piore no decorrer de 2017 uma vez que tudo indica que o desemprego voltará a crescer.

    Em virtude de tudo que consta acima, que os bancos conhecem perfeitamente, eles estão sendo cada vez mais restritivos na concessão de empréstimos para construtoras financiarem suas obras, o que diminuirá o volume de lançamentos, ao mesmo tempo que restringem os financiamentos para compra de imóveis, o que fará com que o percentual de distratos em proporção à vendas cresça.

    Correndo por fora, a nova regulamentação de distratos é um “tiro no pé”, que se atender o desejo das construtoras irá afastar os possíveis novos investidores em imóveis e inviabilizar muitos lançamentos e se não der certo, vai ser uma ducha fria na euforia especulativa da BOVESPA, colaborando para a derrocada dos preços das Ações das construtoras que subiram de forma completamente irracional nas últimas semanas

    Temos acima o famoso efeito “bola de neve”, onde quanto mais o governo e o segmento imobiliário pedalam com suas ações semanais em desespero, mais se inclina a rampa em que a bola de neve está descendo, mais ela cresce e maior será o seu efeito destrutivo quando ela alcançar o seu destino…

    68+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 06:29

      Se sair essa lei, estabelecendo uma multa sobre o valor do imóvel distratado, e não sobre o valor pago, é bastante improvável que as incorporadoras consigam manter a estratégia de só erguer o empreendimento depois da venda de 50% dos apartamentos.
      Voltará ao esquema anterior a bolha, onde a incorporadora financia 100% da obra, dando ela como garantia ao banco, construa e só no final da construção coloque os apartamentos à venda.

      35+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • LZ 31 de janeiro de 2017 at 07:04

        Que sempre foi o correto e realizado em todo o mundo.
        Só no BR tinha essa aberração de “Na Planta”

        27+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • PFernando 31 de janeiro de 2017 at 07:40

      CA, fiquei encucado com essa venda dos créditos podres da CEF, como funciona isso? Não teria que ser baixada no balanço a diferença a receber e o valor que o crédito foi vendido?

      8+
      • avatar
      • avatar
      • CA 31 de janeiro de 2017 at 08:08

        PFernando,

        A diferença é baixada do resultado, no entanto, a inadimplência correspondente some. Se venderam um título que estava inadimplente, o mesmo deixa de ser somado no percentual de inadimplência em relação ao total de títulos e mascarar qual a inadimplência real é muito mais importante para a CEF e para os bancos e segmento imobiliário, do que os resultados.

        A CEF faz muito mais gambiarras do que constam acima. Ela antecipava receitas vindas do FGTS em seus resultados utilizando de “contabilidade criativa” para compensar os efeitos negativos do que consta no parágrafo anterior, ao mesmo tempo que ignora recomendações do Banco Central quanto a prazos e procedimentos para retomada de imóveis e leilões. Ela fez empréstimos em condições de pai para filho para construtoras que já estavam virtualmente quebradas à época, ofertando juros muito menores do que o risco trazido por estes empréstimos exigiam e ainda negociando para que o pagamento do principal do empréstimo se iniciasse apenas 2 anos depois. A CEF foi quem operacionalizou o “Minha Casa Melhor” que foi mais um estímulo artificial e insustentável para as pessoas entrarem no Minha Casa Minha Vida e saírem consumindo sem responsabilidade, onde a inadimplência real deste programa atingiu mais de 50% e teve que ser descontinuado. A CEF foi a primeira a “torrar” a verba da poupança em créditos imobiliários concedidos, porque embora tivesse 35% de toda a poupança no país, emprestava o equivalente a 70% de todo o crédito imobiliário concedido, graças a políticas mais “soltas” para concessão de crédito, como aceitar transferências entre contas como comprovação de renda, mais pessoas para comprovar renda do que aquelas que ajudarão a pagar o financiamento, etc. A CEF foi quem puxou os maiores aumentos nos prazos de financiamento imobiliário e a redução de juros em patamares não compatíveis com riscos e demais condições da economia, na grande maioria dos casos, sempre expondo este banco a um risco muito maior que os concorrentes.

        Fora o que consta acima, que está mais ligado a nossa bolha imobiliária, a CEF também fez uma infinidade de outras ações “heterodoxas” e envolvendo “contabilidade criativa”, a tal ponto que ela hoje tem rombos equivalentes a dezenas de bilhões de Reais e não tem como ser socorrida por um governo igualmente quebrado, por motivos similares. O TCU já obrigou a CEF a abandonar algumas de suas práticas heterodoxas, a própria CEF já fez um PDV buscando uma redução de 10.000 funcionários, dentre diversas outras ações para a “volta a realidade”. Apesar disto, é óbvio que o governo tentará continuar utilizando a CEF para incentivos artificiais e insustentáveis, para ver se consegue pedalar até depois das eleições presidenciais e assim transferir este enorme abacaxi para o próximo presidente. O fato é que isto já foi feito antes por Dilma e o fôlego para as gambiarras está cada vez menor…

        34+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Mn 31 de janeiro de 2017 at 07:55

      >> a Caixa Econômica Federal (CEF), que sozinha representa 70% de todo o crédito imobiliário concedido

      CA, há como saber a exposição dos outros bancos à bolha?

      7+
      • CA 31 de janeiro de 2017 at 08:22

        Mn,

        Seguem abaixo os bancos que mais concederam crédito imobiliário em novembro/2016 com os respectivos montantes. A sequência dos bancos mais comprometidos com o crédito imobiliário deve seguir mais ou menos o que consta abaixo, possivelmente com o Banco do Brasil uma ou duas posições acima no acumulado. A participação da CEF no total tem ficado abaixo de sua média histórica de 70% ao longo dos últimos meses, assim como o crédito imobiliário total concedido também vinha caindo, pelo menos até novembro/2016. O crédito que se utiliza de verba da poupança (SBPE) teve queda de 30% em 2015 e 38% em 2016.

        Caixa – R$ 1,57 bilhão
        Itaú – R$ 648 milhões
        Bradesco – R$ 504,6 milhões
        Santander – R$ 301,5 milhões
        Banco do Brasil – R$ 133,6 milhões

        Link:
        http://www.sonhodoprimeiroimovel.com.br/veja-os-bancos-que-mais-financiaram-imoveis-em-novembro/

        Creio que se você der uma procurada no site da ABECIP ou do Banco Central, poderá encontrar informações sobre o crédito imobiliário concedido acumulado até aqui para cada banco.

        15+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 10:46

          CA parabéns pela milésima vez, c tá cada dia melhor
          mas numa conta rápida aí, acho que a caixa leva coisa de 50% do mercado e não 70%, o que não muda muita coisa.
          Outro ponto é tal da portabildiade, não sei se esses números consideram os movimentos da dita portabilidade criada pelo governo pra absorver a pica do mercado privado.

          E só pra alegrar o ambiente um pouco de disconcordancia. Sim a bola de neve se amplia e se alonga mas o efeito não é exatamente quebra das empresas (pelo menos das too big to fail), se vc se debruçar na lei de falencias e analisar como funciona o meta-capitalismo de Estado bananense, a consequencia será a quebra do país, ou seja: impostos altos, inflação alta e PMJ por muitos e muitos anos, pra resumir um replay da década de 80, talvez um pouco mais soft do que foi a carestia naqueles anos, porque estamos vindo dum patamar melhor, não veremos milhões de pessoas morrendo de fome, igual naqueles tempos, mas será +hard do ponto de vista proporcional, quedas em porcentagem maiores, sem sombra de dúvidas o pior período de crise desde a fundação da republica em 1889.

          Aqui em SP o fundo poço do desemprego foi em setembro/16, a recuperação vem muito lenta, podendo haver reviravolta a qualquer momento
          http://www.seade.gov.br/produtos/ped-rmsp/

          Já preço dos imóveis a tendencia será queda por muitos anos ainda, pois sóa gora vão aparecendo os shadows de players e o melhor de todos o shadow da sardinhada.

          13+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • CA 31 de janeiro de 2017 at 11:13

            Lucas,

            Nos últimos tempos a CEF tem reduzido sua participação, cheguei a mencionar isto no comentário acima. Inclusive é graças a isto que o crédito imobiliário total concedido com verba da poupança (SBPE) no acumulado dos últimos 2 anos caiu. A causa para esta redução da CEF foi a queda do fôlego quanto a verba de poupança em virtude da super-utilização que mencionei (ela tem 35% da poupança e respondia por 70% do empréstimo concedido), combinada com a sangria da poupança nos últimos 2 anos. É no acumulado de um pouco mais de uma década que a CEF ainda consegue manter uma participação de 70%.

            Agora em dez/2016 tivemos um aumento no crédito imobiliário concedido, que veio junto com um aumento nos depósitos da poupança. Cabe ver como ficará a tendência quanto a estes 2 indicadores no ano de 2017. Com aumento do desemprego, continuidade da queda na renda, mais empresas quebrando, frustração de expectativas quanto ao ajuste fiscal (no mínimo frustração quanto a metas de 2017 que não serão cumpridas), dentre diversos outros problemas e ameaças, como a própria continuidade das anomalias proporcionadas pela nossa bolha que também garantem a intensificação da crise, os efeitos esperados por Trump + FED + bolhas chinesas, etc., não vejo espaço para nenhuma recuperação consistente neste sentido, mas vale a pena continuar acompanhando.

            11+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
    • Reservoir Dog 31 de janeiro de 2017 at 20:55

      E ainda tem troll que entra aqui para criticar os textos do CA. Para quem não viu essa treta, segue o link:

      http://www.bolhaimobiliariabrasil.com/2017/01/13/simpatias-e-oracoes-para-vender-um-imovel/

      O cara questiou se o CA é remunerado pelo tamanho dos seus textos e pelas pesquisas altamente embasadas que posta aqui. Como se isso fosse um problema para qualquer um de nós que temos acesso a esse rico material sem termos que pagar absolutamente nada. kkkkkkk

      Whatever… se o CA é remunerado pelos seus posts aqui no BIB, o que eu acho que seria justo, deixo aqui meu agradecimento também a essa pessoa ou instituição que o financia. Filantropia bolhistica.

      PMJ

      9+
      • avatar
      • avatar
  • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 06:24

    Em dívida com o Banco Votorantim, a Odebrecht topou se desfazer de cotas de um empreendimento imobiliário em favor da instituição financeira. Certo? Mais ou menos. O banco contratou uma consultoria para avaliar se os bens da construtora valem tudo o que ela diz.

    http://epoca.globo.com/politica/expresso/noticia/2017/01/em-divida-com-banco-odebrecht-aceita-entregar-cotas-de-empreendimento-imobiliario.html

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • LZ 31 de janeiro de 2017 at 07:05

      Poderia até valer no passado, mas hoje…..

      6+
      • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 07:05

      Finalmente algum banco está começando a questionar o valor dos bolhudos. Ainda que seja de forma indireta, como cotas de fundos.

      Engraçado que na hora de conceder financiamento imobiliário, anos atrás, esse crivo era bem menos rigoroso. Qualquer barraquinha pau a pique era avaliada em 100 mil. Os bancos estão cheios desses bolhudos superestimados em estoque, e a tendência é que aumente cada vez mais, com as retomadas.

      O CA mencionou a Caixa, que realmente é o maior de todos, mas há estoques assim também em bancos públicos estaduais e no Banco do Brasil. O BRB, de Brasília, vive tentando leiloar centenas de bolhudos em estoque, mas geralmente as licitações são desertas.

      22+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Master Yi 31 de janeiro de 2017 at 09:18

        Tá aí uma coisa que eu não entendo. Bancos não são ingênuos. Como eles aceitavam tantos imóveis assim como garantia? Será que ninguém suspeitava de uma possível desvalorização no curto/médio prazo? Era algo tão imprevisível assim para uma instituição financeira? Como tantas informações disponíveis e privilegiadas?

        10+
        • avatar
        • avatar
        • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 09:53

          Essa atitude é mais visível nos bancos públicos. Aí você já viu né… os interesses são outros, tem interferência política etc. Claro que os bancos não são ingênuos, é a mão do governo que causou essa situação.

          13+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 10:13

          Quem estão expostos a uma desvalorização de imóveis é a CEF e o BB, de acordo com o relatório de estresse do BCB, uma queda de 25% no valor dos imóveis tornaria estes dois bancos insolventes.
          Desconfio que, isoladamente, a CEF não suportaria uma desvalorização de 15% no valor dos imóveis.
          Outros bancos só estariam expostos a partir de uma queda de 35%.

          14+
          • avatar
          • avatar
        • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 10:20

          O grosso do financiamento imobiliário vem de crédito direcionado. 60% dos depósitos da poupança devem ser utilizados por lei para financiar habitação (desses, 80% via SBPE e 20% a taxas de mercado). Se você deposita dinheiro na poupança, está obrigando o banco a emprestar 60% dele para financiar habitação.
          Se os bancos pudessem decidir, não emprestariam isso tudo.
          A Caixa tem um volume enorme de depósitos de poupança, então naturalmente acabará emprestando mais. Some-se a isso a hiperatividade do governo Dilma, que impeliu bancos públicos a despejar crédito na economia ´sob qualquer condição, e temos o que se vê hoje.
          Mas boa parte do crédito imobiliário no Brasil se explica pelo direcionamento forçoso via lei de recursos da poupança e FGTS.

          13+
          • avatar
          • avatar
          • Master Yi 31 de janeiro de 2017 at 11:33

            Nelson, bem lembrado, já li alguma coisa sobre a obrigatoriedade dos bancos utilizar os depósitos em poupança nas linhas de crédito habitacional.

            3+
    • Zebolheu 31 de janeiro de 2017 at 09:24

      Gostaria que fosse um questionamento sério, e não uma ação pró-forma para se justificar aos acionistas… Essas grandes construtoras são as maiores clientes da Votorantim cimentos. Se elas param, quebram o conglomerado.

      6+
      • avatar
      • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 09:53

        Boa análise, não sabia dessa!

        2+
  • Manoel Joaquim 31 de janeiro de 2017 at 07:05

    CVR 1

    O aluguel do apartamento que moro deveria ser reajustado agora em Fevereiro. Escrevi para a imobiliária com a proposta de não reajustar. Fui prontamente atendido e não terei reajuste.
    Detalhe: Estou pagando 0,22% do “valor” que pedem no meu prédio. Negocião esse de comprar imóveis.

    CVR 2

    Troca de e-mail entre Manoel Joaquim e Corvo::

    Corvo: Loteamento em condomínio fechado. Obras aceleradas. Financiamento sem comprovação de renda direto com a construtora.

    Manoel Joaquim: Tá caro! Vai cair ainda mais!

    Corvo: Tá caro mesmo!

    70+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • to bolhado 31 de janeiro de 2017 at 07:14

      Kkk corvo admitindo que ta caro mesmo é sensacional

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 08:27

        Acho que caiu a ficha deles.

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Exterminador de Corvos 31 de janeiro de 2017 at 11:36

          Sim, a ficha caiu.
          Estive negociando um apto para alugar de uma empresária do ramo têxtil (tem confecção no bairro do Bom Retiro aqui em SP) e ela nas horas vagas também atua como corva…negociando os contratos de aluguel dos imóveis que ela tem no mesmo condomínio, total de quatro imóveis. Como eu descobri isso? Joguei o nome e sobrenome da mulher no Google, descobri o nome dela completo, daí consultei o site da Jucesp e descobri de quais empresas ela é sócia, quem são os demais sócios, e etc..
          Resumindo: ela insistiu mais de uma vez para que eu fizesse uma proposta de compra. E ao ouvir eu dizer que só consideraria comprar algo lá pra 2020 por causa da bolha de preços e etc., ela disse “vc está por dentro das coisas”.
          Eu fiz uma proposta de contrato, tirei apenas 10% do que ela pedia. Não houve aceitação e o imóvel está desocupado até hoje, anunciado em mais duas imobiliárias da família dela. Um caso clássico de quem tem grana sobrando e pode deixar o imóvel fechado…
          Como eu não conheço árvore que dê dinheiro, deixa lá…..prejuízo dela (se é que ela está preocupada) é aluguel + condomínio, somados são R$2.300,00, de setembro até aqui…

          Eqto isso, PMJ !

          23+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 17:11

            Boa!!
            10% é o mínimo, é para começar a negociar. Até parece que esse povo não assiste Jornal Nacional para saber como fazer.

            4+
            • avatar
          • Urso 31 de janeiro de 2017 at 17:21

            Nossa cara, a mulher admitiu na cara dura que existe uma bolha!

            4+
            • avatar
    • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 10:49

      manoel
      vc com certeza paga muito menos que 0,22% se por acaso o dono comprou no auge a bolha
      vc está comparando preços de hoje de aluguelXvenda, mas a venda não foi hoje ela foi lá atrás
      então tem que pegar o preço de compra, DESINFLACIONAR e aí sim calcular a rentabilidade.

      6+
      • avatar
      • avatar
    • Knolan 31 de janeiro de 2017 at 11:30

      Tenho visitado alguns loteamentos. Terrenos anunciados entre 180 e 220, ofereço 100k. Eles oferecem um financiamento “camarada” de 1% a.m. +igpm. Ofereci emprestar dinheiro pra eles por .95a.m. + igpm

      16+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 07:45

    obs:
    Ontem de noite no jornal da Globo mostrou que as corrvolárias
    e locatários estão abrindo mao dos fiadores e diminuindo a exigencia de seguro fiança
    Motivo: nenguem consegue fiador com pelo menos um imovel quitado…

    39+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • CA 31 de janeiro de 2017 at 07:53

    Ainda sobre o tópico:

    A causa apresentada no artigo do tópico, como sempre, é a crise na economia.

    Como já vem sendo dito desde que este blog foi fundado, a bolha imobiliária causaria uma crise na economia, como aliás aconteceu no mundo todo, em qualquer país que tenha passado por esta anomalia.

    Outro ponto que ressaltamos há anos aqui no blog, é que assim que a inevitável crise chegasse, a derrocada mais visível do segmento imobiliário seria atribuída à mesma.

    Por que nossa bolha imobiliária colaborou decisivamente para a crise que vivemos?

    1) Desemprego: enquanto o volume de lançamentos e vendas falsas na planta mais especuladores com imóveis na planta cresciam como nunca, a geração de empregos da construção civil disparou. No período de 2006 a 2009 o percentual de empregos formais gerados pela construção civil em relação ao total do país simplesmente duplicou (base: CAGED). Isto gerou uma euforia sem fundamento, uma vez que não era uma demanda real, apenas simulações de compras e mais um montante absurdo de investidores que iriam revender ou alugar os imóveis. Em virtude disto, já em 2012 observamos uma distorção entre estoque e vendas que naquele momento era recorde e só naquele ano os lançamentos caíram mais de 40% e continuaram em queda nos anos seguintes. Já em 2013, antes ainda da Lava Jato, já havíamos retornado a um patamar de geração de empregos pela construção civil que era o mesmo de antes deste inflar artificial. Após isto, os lançamentos continuaram caindo e colaborando, juntamente com os efeitos da Lava Jato, para que em 2014 o setor de construção civil puxasse o desemprego no país.

    2) Fechamento de lojas: em um curto período de tempo, de 2007 a 2011, o rendimento dos proprietários com imóveis alugados simplesmente triplicou e após isto, continuou crescendo acima da inflação e outros índices. Qual a consequência? muitos negócios se tornaram inviáveis, volume recorde de lojas fechou e outras tantas deixaram de abrir, porque o preço do aluguel comercial se tornara impeditivo.

    3) Endividamento e inadimplência das famílias / queda de consumo: em período de 5 anos o preço dos imóveis, graças aos truques mencionados no item 1 mais a intervenção intensa do governo no crédito imobiliário concedido, fez com que o preço dos imóveis crescesse o triplo do que a renda cresceu. Qual a consequência? O endividamento das famílias em proporção à sua renda dos últimos 12 meses simplesmente sextuplicou no período de 2005 a 2015. A partir de 2010, com uma perda gritante no seu fôlego para consumo, as famílias super-endividadas com imóveis viram o endividamento com o crédito imobiliário em proporção à sua renda triplicar enquanto as dívidas para outros fins em proporção à sua renda caiam, juntamente com a queda do consumo e a disparada da inadimplência que cresceu 2,5 vezes mais que no período anterior, onde o crescimento já havia sido anormal. Traduzindo o que consta aqui, a bolha imobiliária destruiu a capacidade de consumo das famílias e propiciou uma grande queda na demanda que contribuiu decisivamente para o fechamento recorde de negócios que temos visto nos últimos anos, juntamente é claro com os custos proibitivos de aluguéis comerciais e outras “colaborações” da bolha. Claro que tudo isto, novamente alimenta o desemprego.

    4) Diminuição da liquidez na economia: o crescente volume de imóveis nem-nem (nem vende, nem aluga), que batem um recorde atrás do outro, ano após ano, suga liquidez da economia. Cada vez mais os proprietários arcam com despesas sem receitas em função disto (IPTU, condomínio e manutenção para imóvel desocupado, sem receber nada em contra-partida) e com isto, eles reduzem seu consumo no caso de pessoas físicas ou reduzem seus investimentos e despesas no caso de empresas. Outra forma da bolha colaborar para redução de negócios e empregos no país.

    5) Efeitos indiretos da bolha imobiliária: em 2012, o governo bateu todos os recordes quanto a suas estratégias heterodoxas, colocando a SELIC em seu menor patamar histórico, forçando bancos públicos a terem novas reduções nos juros do crédito imobiliário, fazendo aumento recorde de gastos públicos, juntamente com diversas outras medidas para tentar estimular artificialmente e de forma temporária a economia. Por que fizeram isto? Exatamente porque observavam que naquele ano a bolha imobiliária começava a explodir, tendo tido o pior resultado do segmento imobiliário até então, uma autêntica catástrofe. Fizeram isto para compensar e ocultar este resultado desastroso, para tentar manter a euforia irracional com a economia por mais um tempo. Sabemos o resultado desta intensificação nas gambiarras do governo, que estimularam fortemente a crise que vivemos hoje.

    Existem muitas outras maneiras pelas quais a bolha imobiliária é destrutiva para economia. O que consta acima, como sempre, são apenas amostras. O fato é que quanto mais o governo atual continua buscando medidas desesperadas para salvar o segmento imobiliário, mais ele vai aprofundando as distorções que constam acima e assim, prejudicando toda a economia e sociedade.

    38+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • MARK 31 de janeiro de 2017 at 08:12

      Verdade, CA! O dinheiro para consumir sumiu, pois foi desviado para o pagamento de financiamentos exorbitantes. Com a Bolha o Brasil ficou mais pobre. Vejo muitos e muitos imóveis velhos e mal decorados anunciados por pequenas fortunas, o que só comprova a distorção, pois quem vende não teria como comprar seu próprio bem e, por sua vez, não há novos compradores para aqueles valores, ainda mais com bens naquelas condições de conservação.

      27+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 10:52

      Sim CA, isso é trocar as causas pela consequencia

      só tenho 1 dúvida?
      – não sei se é por maldade pra manter o povo ignorante
      – ou se é por miopia do jornalismo de quinta categoria

      o fundo de todos os males foi o crédito irresponsável para consumo que manteve o povo eufórico, notadamente o crédito imob na minha visão foi o pior deles, ao transformar bens de consumo como casa e carro em “patrimônio”, assim como era antigamente com as linhas de telefone.

      19+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Exterminador de Corvos 31 de janeiro de 2017 at 11:43

        Sim…..
        Essa passagem “transformar bens de consumo como casa e carro em “patrimônio” pra mim reflete a doença que vivemos e a ignorãncia do bananense….nego come carne de segunda, mas o tanque do HB20 está cheio….

        15+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Ogami 31 de janeiro de 2017 at 17:58

          Não chega a estar cheio. O importante é o vizinho ver o carro na garagem, mesmo que as prestações e as manutenções não estejam em dia.

          14+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 18:47

            isso que ia falar
            tanque quase vazio
            mas a Lataria brilhando mais que colar de perua

            9+
            • avatar
            • avatar
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 07:55
  • MARK 31 de janeiro de 2017 at 08:04

    O custo de financiamento dos bolhudinhos está batendo à porta dos incautos. Tenho verificado diversos casos de casas que são colocadas à venda, pouco menos de dois anos de compradas. O 666 comprou por um valor exorbitante, as parcelas pareciam caber no orçamento, passados alguns meses começam a pesar as prestações e ele tenta passar a motumbada pro próximo. No auge da bolha ele conseguia, mas agora não está conseguindo não. Conheço uma que sequer levou uma mão de tinta após a compra. Compraram por 550k, agora tentam vender por “míseros” 800k. Conseguem? rs

    20+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • De-boa-na-bolha 31 de janeiro de 2017 at 08:05

    Pessoal, ficou no tópico passado, Proprietários pagando o seguro fiança. KKKK despair…….
    http://g1.globo.com/jornal-nacional/edicoes/2017/01/30.html#!v/5614204

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Exterminador de Corvos 31 de janeiro de 2017 at 11:51

      O propriotário tem mais é que se f* mesmo…fiador com 2 imóveis….vai dormir…

      8+
      • Knolan 31 de janeiro de 2017 at 12:38

        Todos os imoveisbque aluguei pediam fiador com 2 imóveis. Parece que e porque, em caso de inadimplencia, a tomada do bem é bastante acelerada

        1+
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 08:08

    Alem da crise Ainda temos uma inercia psicologica do “valor” do imóvel, um paradoxo, até “retomar” as vendas.
    Minha colega de trabalho vai se aposentar, quer vender um BNH por 410k , 85m2 e terreno. Foi pesquisar um ap. Achou um bom de 76m2 por 301K.. Disse” Meu deus, nunca vou comprar nada desse jeito”..
    1- O dela não vale 410K
    2- Ela acha 301k super caro, na hora de comprar e acha que não vai conseguir..
    essa inercia atrasara ainda mais qualquer “vislumbre” de retomada inventado.

    36+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • MARK 31 de janeiro de 2017 at 08:19

      Fritz, é isso, bingo!
      O sujeito quer vender sua bomba de imóvel e pegar outro em melhor bairro e condições por preço menor, e não enxerga que isso engessa as vendas devido a cegueira de ambas as partes. Outras vezes ele quer repassar o custo do seu financiamento para o próximo embutindo neste a motumbada que levou. Aí fica naquela situação do nem sai nem fica feito pele de… rs

      10+
      • avatar
      • avatar
    • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 09:18

      No EUA, a quantidade de imóveis vendidos atingiu seu ápice em 2005, o valor dos imóveis continuou subindo até 2007 e a bolha estourou em 2008, o vale foi atingido em 2012, e a imprensa sempre falando que o melhor momento para comprar é AGORA
      https://staticseekingalpha.a.ssl.fastly.net/uploads/2016/3/15/saupload_us-housing-bubble-1.jpg

      8+
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 08:15

    Olhem o lixo e as casas nem estão terminadas
    casas vazias, invadidas e alugadas do mcmv

    Enquanto 42 mil esperam casa, Emha confirma venda ilegal de imóveis

    http://www.campograndenews.com.br/cidades/capital/enquanto-42-mil-esperam-casa-emha-confirma-venda-ilegal-de-imoveis

    6+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 08:33

      Contemplada há um ano e meio com uma casa após 10 anos na fila, a dona de casa Silvana Feitosa Delgado Sanches, 29 anos, disse que considera a ação positiva. “Pois tem muita gente que precisa e não consegue”.

      A moça tem 19 anos e já se declara ‘necessitada’, entrando na fila por casa do governo.

      A gente vê que o país não tem futuro quando o jovem tem certeza que não tem perspectiva de melhorar de vida.

      32+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 08:22

    30% dos imóveis de Jaraguá estão irregulares
    isso significa que mais de 17 mil imóveis deixarão de pagar o imposto.

    Outro projeto que está sendo estudado pelo poder público é a atualização da planta genérica de valores, que revisa o valor de mercado dos imóveis, levando em conta aspectos como localização e padrão da construção. .. o objetivo é garantir a cobrança adequada do IPTU, tanto em imóveis que passaram por valorização nos últimos anos, quanto para aqueles que foram depreciados…

    http://ocponline.com.br/noticias/30-dos-imoveis-de-jaragua-do-sul-estao-irregulares/

    6+
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 08:35

    Estamos mais ou menos no momento do Coyote do Papa-leguas
    flutuando no ar qdo para de correr… e olha pra baixo, põe o pé pra procurar o chão
    e só depois cai com o garfo e faca na mão…

    30+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Davy Jones 31 de janeiro de 2017 at 08:35

    [Para 2017, o assessor da Arisp não acredita em uma recuperação do mercado, por causa do desemprego. “A tendência é de continuidade. Não vemos mudança de cenário em 2017.”]

    Claro. Pessoal fica excitado vendo o cenário de queda de juros Selic achando que o mercado vai voltar a bombar novamente. Ilusão. A Selic — de fato — tende a cair, porque a inflação arrefeceu, porque a demanda arrefeceu, porque o desemprego esquentou. E nessa brincadeira de esfria e esquenta a pior coisa e oscilar bruscamente entre os dois polos.

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 08:41

      Recuperação é só quando o povo voltar a ter renda. Não vejo isso acontecendo nos próximos cinco anos.

      34+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Urso 31 de janeiro de 2017 at 10:26

        Admiro seu otimismo.

        17+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Ilusionista 31 de janeiro de 2017 at 12:22

        “povão” no geral, nunca teve renda para consumo de bens de médio e alto valor, como veículos e imóveis. As aquisições, na maioria, foram através de incentivos ao crédito fácil esticando cada vez mais o prazo para que a “parcelinha” caiba no bolso.
        No futuro, acho que renda deve diminuir por causa da reforma trabalhista: livre negociação (Lei do patrão) somado ao alto índice de desemprego, ai, leva o emprego quem se sujeitar a “ganhar menos e trabalhar mais”.
        Isto sem falar na reforma previdenciária: idade mínima 65 anos com aumento de 67 % no período das contribuições (180 para 300), a pior parte virá no cálculo do benefício, bem reduzida pois será pela média geral, bem pior do que o fator previdenciário atual, outra opção será aguardar para ter direito a integralidade, nada menos que comprovar 588 contribuições(49 anos).
        Funcionalismo no mesmo barco, com a PEC da bengala, grande a parte deles irá aguardar completar “75 carnavais”, impacto disto no futuro ninguém sabe, talvez uma legião de “quarta idade ” passando mais dias afastados dentro de um hospital do que trabalhando e, ainda, ocupando a vaga dos mais jovens, aumento do desemprego ? concursos públicos serão cada vez mais raros? precarização dos serviços públicos por falta de FP?

        15+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 08:52

    Imagina os milhares de aposentados, funcionários, que tinham reserva na poupança e investiram com medo da Vilma e pra melhorar a aposentadoria… eu vi um juiz fazendo isso dizendo que as parcelas iam diminuindo (kkkk)…
    Bem, a população vai estabilizar em 2024 (ou antes)… percebam que mais da metade dela já tem imóvel é só vai envelhecer……
    a janela de vendas é de menos de 5 anos pros corvos. (primeiro se livrar do estoque kkkk…), depois tentar vender pros novos sem renda ou credito…

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Inevitable 31 de janeiro de 2017 at 08:57

    Processo de ajuste adiou pedido de recuperação judicial da PDG (Estadão)

    Um amplo processo de ajustes e de organização, especialmente junto aos credores, acabou adiando o pedido de recuperação judicial da PDG Realty. Apesar da demora, o pedido estaria, agora, muito mais próximo e pode ocorrer em fevereiro. Procurada, a PDG não comentou.

    http://economia.estadao.com.br/blogs/coluna-do-broad/processo-de-ajuste-adiou-pedido-de-recuperacao-judicial-da-pdg/

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 09:00

    A PéDg tem uma divida de 4bilhões na “mão” da caixa, pra 2020… teoricamente não deveria quebrar até 2020…kkk é caxão..

    4+
    • avatar
  • Awulll 31 de janeiro de 2017 at 09:06

    CVR

    Observo vizinho se mudando para mesmo para mesmo condomínio, mas na torre ao lado. Estava em um apartamento alugado, mas tinha feito acordo com o dono para comprá-lo, inclusive já tinha feito reformas. A Caixa tomou o apartamento, negócio foi pro saco e vai continuar no aluguel. Pelo menos conseguiu um acordo com o antigo dono sobre o investido na reforma.

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 09:25

      Quem arrematar no leilão já vai receber o bolhudo reformado!!

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • job 31 de janeiro de 2017 at 09:17

    Esse mês atingi uma marca histórica, recebo de juros mensalmente exatamente o quanto gasto com moradia (aluguel + condominio + iptu).
    PMJ!

    72+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • na_cloaca_do_fernando 31 de janeiro de 2017 at 09:26

      Parabéns!
      Esta é a ideia da educação financeira. Logo você estará recebendo ainda mais, seus investimentos pagarão suas contas e você terá cada vez mais liberdade na vida.
      Parabéns a todos que não se conformam em ser escravos da matrix, zumbis em busca de tijolos. Viva a educação financeira e a liberdade.
      PMJ!

      27+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 09:26

      Excelente!
      Um aluguel que cabe nos juros é bem melhor que uma parcelinha que cabe no bolso.
      Motumbada reversa a gente vê por aqui.

      32+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Zebolheu 31 de janeiro de 2017 at 09:28

      Aleluia, irmão! Um dia chego lá!

      19+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Loucodf 31 de janeiro de 2017 at 09:42

      Esse calculo leva em conta a consideração inflação?
      Não sei se é o seu caso, mas hoje o que recebo de juros paga 100% do meu aluguel, mas não leva em consideração nenhum percentual de inflação. Ou seja, ainda estou perdendo dinheiro.

      Mas é aquele esquema né? É o duelo de quem perde menos, e com certeza dessa forma estamos perdendo menos.
      Independente se leva inflação ou não em consideração, parabéns.

      Vamos em frente.

      14+
      • Thiaguinho 31 de janeiro de 2017 at 11:03

        Acredito que não leve em conta. Se fizermos a conta “pra valer”, teria que obviamente descontar a inflação. Mas mesmo assim, já é um belo passo em nossa busca diária.

        6+
        • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 11:23

          não
          teria que levar em conta apenas a inflaçao da habitação que é o objetivo
          mas como eles estão em deflação, ele na verdade fez uma conta conservadora

          15+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • job 31 de janeiro de 2017 at 11:38

            Exatamente Lucas.

            8+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
          • Master Yi 31 de janeiro de 2017 at 11:53

            Exato, como o juros é voltado tão somente para o serviço de habitação, não há porque descontar a inflação para os casos em que o aluguel não sofre ajuste.
            Meu caso: iniciei no aluguel em 2014, em 2015 não teve reajuste, logo no início de 2016 tive uma redução de R$ 100 no aluguel. Parece pouco? Economia de quase (pois teve aumento de IPTU) R$ 1.200 no ano, praticamente um mês de graça no ano.

            9+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
    • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 11:00

      parabéns, esse dia é um marco para vc
      significa que vc “comprou” sua casa própria pela cota do sócio remido (aquele sócio-fundador do clube, que não precisa mais apgar mensalidade)
      a partir de agora vc é um morador VIP da banania, o sistema trabalha pra vc

      e não se preocupe tanto com quedas nos juros, o preço do imóvel vai acompanhar essa queda, e vc sempre pode melhorar um pouquinho os investimentos

      30+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Money_Addicted 31 de janeiro de 2017 at 11:12

      parabens!! e lembre, nao conte isso pra ngm alem de nos aqui no blog 🙂

      seus amigos brick lovers nao precisam saber disso rsrs

      24+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Exterminador de Corvos 31 de janeiro de 2017 at 12:02

      Parabéns, amigo…
      A mudança de mentalidade é fundamental pra conseguir isso. Graças à Bubble Church (ainda vou pagar uma rodada de cerveja Belga para o Boss), eu não apenas não entrei em um financiamento de 30 anos como em quatro anos quase tripliquei os meus investimentos.
      Estou próximo dos “enta”, solteiro, sem filhos.

      E PMJ !

      18+
      • avatar
      • avatar
    • BolhistaBR 31 de janeiro de 2017 at 19:20

      Alemon Fritz

      obs:
      Ontem de noite no jornal da Globo mostrou que as corrvolárias
      e locatários estão abrindo mao dos fiadores e diminuindo a exigencia de seguro fiança
      Motivo: nenguem consegue fiador com pelo menos um imovel quitado…

      31+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar

      Colega, pode compartilhar de quaisquer aplicações está recebendo esses juros?

      1+
      • BolhistaBR 31 de janeiro de 2017 at 19:20

        Saiu errado

        1+
    • BolhistaBR 31 de janeiro de 2017 at 19:21

      Colega, pode compartilhar de quais aplicações está recebendo juros?

      1+
  • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 09:26

    Ontem no Roda Viva, foi reapresentado o programa protagonizado pela economista Monica de Bolle.
    Ela falou que, de acordo com a teoria de ciclos econômicos, de acordo com os indicadores atingidos pela economia brasileira, demorará cerca de 10 anos para recuperação da renda per capita.
    Só não entendi se estes 10 anos seriam a partir do início da recessão ou após o términa da recessão. Então seria para 2023 ou 2027.
    http://tvcultura.com.br/videos/56891_roda-viva-monica-de-bolle-24-10-2016.html

    9+
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 09:30

      Chutei 5 anos ali em cima, sem ser economista. A Monica estimou 10.

      Sou otimista e nem sabia… Brasil tá lascado mesmo!!!

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 09:37

        No EUA, referente a quebra de 1929, a recessão terminou em 1935, mas a renda per capita só se recuperou em 1940.
        http://www.supriyasruri.com/wp-content/uploads/2015/01/Real-GDP-Percapita-US.jpg

        Então, conforme já havia sido previsto aqui neste blog/forum, voltar ao nível de renda per capita de 2013, somente em 2023.

        6+
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 11:03

          nos EUA com a bolha de 2008
          a recuperação da renda per capita se deu apenas pelo fator de redução de desemprego, a renda em si nunca mais recuperou, até hoje quase 10 anos depois ela está praticamente a mesma do período pré crise, e isso só havia acontecido antes nos 80 com a crise do petróleo.

          Isso explica Reagan nos anos 80 e TRUMP agora

          16+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
    • Zebolheu 31 de janeiro de 2017 at 09:51

      Engraçado que mesmo ela, que parece uma pessoa coerente no discurso, comentou o fator imobiliário na nossa crise, que, aparentemente, solapou a poupança da classe média brasileira.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • Zebolheu 31 de janeiro de 2017 at 09:55

        Desculpem, o correto é “nem ela, que parece uma pessoa coerente no discurso, comentou o fator imobiliário”

        4+
    • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 10:49

      Quiromancia. Na minha opinião, depende do que o Temer conseguir fazer. Mas não deposito muitas esperanças. É um governo medíocre com todos envolvidos na Lava-Jato. E tem eleições em 2018, o que paralisa o congresso. A medidas que o governo conseguir este ano (Previdência?) serão determinantes, já que no ano que vem só vão trabalhar em função das eleições.
      Mas as perspectivas ficarão muito melhores até lá se Lula já estiver em Curitiba. De qualquer forma, só espero mais ação do próximo presidente. Se não for PMDB nem PT e nem Aécio e nem Serra e nem Marina e nem Bolsonaro, estaremos melhor do que hoje. Talvez o Tiririca…

      13+
  • fanfarraum 31 de janeiro de 2017 at 09:36

    CVR:

    Os últimos 2 corvos que conversei, expus minha opinião (e falei brevemente da relação compra x aluguel), os 2 concordaram… A última até deu em cima de mim, acho… Deve tá ruim de comissão há alguns anos e tá procurando alguém pra bancar o estilo gourmet.

    CVR 2:

    Tenho uma lista no Excel com uma porrada de apartamento, apenas dos bairros que quero (entre os mais valorizados de Porto Alegre).
    São 108 apartamentos entre 3,5k e 4,5k o m², em geral

    Segundo FipeZap, o preço médio desses bairros seria de 6,5k.
    Ou seja, eu olho imóveis (SEMPRE com garagem) que estão entre 30-50% abaixo do que o FipeZap diz ser a média dos bairros.

    São 119 imóveis usados. A grande maioria está na minha lista há pelo menos uns 6-8 meses… Muitos estão ha mais de ano.

    Só 29 (24%) sairam da lista. E não necessariamente porque foram vendidos, sei de 1 caso pelo menos que o cara desistiu de vender pq não tinha oferta perto do preço (lembrando, que os preços da minha planilha estão 30-50% abaixo do FipeZap).
    Desses 29, oito (27%) tinham baixado consideravelmente o preço PEDIDO NO SITE. Ou seja, pelo menos 27% das vendas foram com descontos. Provável que bem mais, pois quase sempre tem desconto na venda que não aparece no site.

    Dos que ficaram na lista, 18 baixaram o preço e 5 aumentaram o preço.
    O resto nunca alterou o preço.

    A média de preço dos imóveis que sairam da lista é de 3.7k/m².
    A lista dos que estão na lista é de 4.1k/m²

    Minhas conclusões:

    a) Nem os imóveis “baratos” estão sendo vendidos. Quando são vendidos, demoram coisa de 6 meses a 1 ano.
    b) Mesmo entre os imóveis que já estão mais baratos, não há pressa ainda dos donos para vender. A grande maioria NÃO MEXEU no preço anunciado nesse último ano. Ou seja, o cara não vende mas AINDA não está se importando com isso.
    c) Uma quantidade significativa* de imóveis com poucas fotos e fotos ruins. Os caras não estão se esforçando MESMO.
    *significativa pois são bem poucos, mas na minha humilde opinião venda de imóvel não teria que ter essa situação NUNCA. O cara pra vender chinelo usado no facebook por 5 pila tira 17 fotos, de todos ângulos e com iluminação boa, pra vender imóvel de 1 milhão só tira foto do prédio e da porta de entrada. Wtf?

    51+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 09:43

      1) Cuidado para não fazer corvinhos.

      2) Acho que essa situação que você descreveu é fruto da pouca intimidade do BR com o mercado ‘do it yourself’ da venda de imóveis. Ficam confiando em corvo, em imobiliária e o resultado é o pior possível. Isso está mudando com o OLX e com a crise, mas ainda é bastante visível a dependência de corvo das pessoas.

      Para vender o chinelo, a pessoa tira várias fotos porque é ela que está vendendo, ela é a interessada. Corvo, pelo contrário, nunca precisou se esforçar muito, sempre choveu 666 querendo comprar, em especial nos últimos anos. É provável que a maioria deles nem saiba vender mesmo, nem anunciar.
      Quando é o proprietário tentando vender, é bem diferente. Pelo menos uma vez por semana ele atualiza o anúncio, bota fotos etc. Alguns até abaixam o preço.

      24+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Marcio 31 de janeiro de 2017 at 09:39

    http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/cela-de-eike-batista-em-bangu-tem-15m-3-beliches-e-agua-fria.ghtml

    Qualquer semelhança será mera coincidência?!
    https://economia.terra.com.br/veja-como-funciona-o-apartamento-compacto-de-19-m,b8afe1d3e1b72410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html

    A diferença é que a cela que o Eike está não custa 300 mil como a cela compacta, digo, o apto compacto…

    23+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • CarlosL 31 de janeiro de 2017 at 09:43

    CVR Dúvida

    Primeiro o case depois a dúvida:

    – Meu locador não quis saber de manter o valor atual do aluguel, o imóvel fica em andar meio baixo portanto decidi migrar para outro em andar mais alto e valor menor asap.
    A permanência minima do meu contrato de aluguel é 18 meses só que tem umas cláusulas que gera dúvida sobre isso:

    CLÁUSULA DEZOITO: Fica o Locatário autorizado a, se desejar, desocupar o imóvel depois de decorridos os primeiros 18 (dezoito) meses deste contrato. Decorrido o prazo ora referido, poderá o Locatário notificar o Locador por escrito sobre sua eventual intenção de desocupar o imóvel, desde que com antecedência mínima de 60 (sessenta) dias da data da efetiva desocupação, caso em que não incidirá na multa prevista na cláusula Doze deste contrato.
    PARÁGRAFO ÚNICO: Sem prejuízo ao disposto no “caput” desta cláusula, permanecerão em vigor, durante o prazo de 60 (sessenta) dias posteriores à comunicação do Locador de rescisão antecipada, todas as cláusulas e disposições deste contrato, incluindo-se a aplicação da multa referida na Cláusula 12, caso o Locador desocupe o imóvel anteriormente ao término do período ora referido. Caso o Locatário decida desocupar o imóvel antes do término do prazo deste contrato, ou faltando o prazo de 60 (sessenta) dias para o término de vigência do prazo deste contrato, deverá permitir ao Locador que mostre o imóvel a terceiros pretendentes em locá-lo diariamente, no horário comercial.

    Agora a dúvida:
    – Neste caso, qual a melhor maneira de proceder ? Os 18 meses pelas minhas contas serão completados em junho. Quando começo a procurar e quando devo informar que estou saindo da locação afim de evitar qualquer preju e não correr o risco de sair de lá sem ter outro para começar a locar ?

    3+
  • Felipe 31 de janeiro de 2017 at 10:07

    Pra quem gosta de fortes emoções…
    ODEBRECHT TRANSPORT PARTICIPAÇÕES S.A. [Debênture Incentivada]
    Vencimento 15/10/2025
    Taxa IPC-A +8.44%
    Juros Anual, a partir de 15/10/2014
    Amortização no Vencimento
    Mínimo R$ 11.653,18

    11+
    • avatar
    • avatar
  • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 10:28

    Libertario

    Então quer dizer que é apenas um andar (Ou em cima ou embaixo)???
    nananananana

    Imagina a quantidade de moradores no condomínio???

    Se ainda fosse 2 andares, seria ruim. Mas do jeito que você falou tem que melhorar muito pra ser péssimo.

    2+

    Libertario

    Então quer dizer que é apenas um andar (Ou em cima ou embaixo)???
    nananananana

    Imagina a quantidade de moradores no condomínio???

    Se ainda fosse 2 andares, seria ruim. Mas do jeito que você falou tem que melhorar muito pra ser péssimo.

    2+

    3 andares, o de cima é duplex
    vc nem viu as fotos pelo jeito
    enfim, é meio MILHÃO na PERIFERIA, por um apartamento MAQUIADO de casa, e ainda com vaga descoberta.

    Esse absurdo só acontece com casa dentro desses condos gourmet, as casas em outros condos ou fora deles elas tem preço normal.
    O construtor aqui usou uma estratégia esperta, trouxe a especulação absurda dos apartamentos para o setor de casas, só que normalmente eles preferem construir um prédio ao invés de um monte de casa, isso pra ele é burrice ele perde margem de lucro com isso, talvez houvesse ali restrições legais pra fazer outra torre devido a proximidade do rio provavelmente

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Libertario 31 de janeiro de 2017 at 12:52

      Oi Veio
      Mas é que vc postou assim:

      – falsa casa, na verdade é casa sobreposta, vc tem vizinho ou embaixo ou em cima, mas não tem de lado se vc observar bem, tem uma escada no meio, nisto é o menos pior, mas tbm não é bom.

      Por isso pensei que era um por andar.

      De todo modo é loucura sim. Se fizer a conversão e comparar com bairro de algum pais desenvolvido então……

      É passar perfume em mendigo.

      1+
  • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 10:30

    Donald Trump está pior do que eu esperava. Não pela postura nazi, que já era esperada. Mas pela incompetência acima do esperado.
    Ou é proposital e o cara só quer fazer essa cagada toda para ficar nos trending topics.
    Ou é só para colocar o bode na sala.
    Mas acho que é incompetência mesmo. Resultado: bolsa e dólar americanos despencando.

    7+
    • CarlosL 31 de janeiro de 2017 at 10:33

      Será que a janela seria 3,00 ou menos que isso tipo 2,80?

      2+
      • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 10:40

        Cotação de dólar é USD x BRL. Pode subir se o BRL cair. E ainda tem muito espaço para o Temer fazer merda.

        Câmbio é random walk. Mas, descontando a inflação, o dólar está começando a se aproximar dos patamares de 2013, quando estava bem desvalorizado frente ao real. Começa a ficar atraente para a compra (não como investimento, mas para as compras em MIA e NY).

        4+
        • avatar
        • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 11:13

          vc está com uma leitura globonews da história
          Paulo francis se arrepia no caixão de ver essas patuscadas de jornalismo de quinta categoria

          Trump está mandando muito bem, a queda no valor do dolar é esperado e benigno pois favorece as exportações deles e sua reindustrialização

          Paulo francis diria: “é preciso sair desse mimimi de jardim de infancia do jornalismo, criando teorias”

          16+
          • avatar
          • avatar
          • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 11:51

            Minha implicância é com o despreparo. Quer fechar os USA às massas empobrecidas do 3o submundo? Blz, o país é deles, que o façam. Mas aí bloqueia gente com green card, dentro de avião. Depois desdiz o dito e fala que com green card pode. Ou não. Medidas precipitadas e não calculadas. Despreparo. Incompetência é algo que americano despreza.

            19+
            • avatar
            • avatar
          • bolha real 31 de janeiro de 2017 at 19:11

            É benigno para todos os países, mas então todos podem fazer isto. Guerra cambial e de volta a estaca zero.

            2+
            • avatar
            • avatar
      • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 11:11

        Pelo índice big mac o real está valorizado, então dele tende a se desvalorizar até 3.40 – 3.50

        2+
      • Oliveira 31 de janeiro de 2017 at 12:21

        Será que o objetivo não seria incentivar que os dólares do FED comecem a se espalhar pelo mundo para pulverizar e dividir o prejuízo mundialmente ?

        1+
    • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 10:49

      Acho que os estadunidenses tem todo o direito de colher aquilo que plantaram, se escolheram um populista que prometeu que a nação voltará a ser grande mediante o protecionismo, deixe eles darem suas cabeçadas.

      7+
      • avatar
      • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 10:52

        Se não sobrar pra mim, tá blz…

        5+
        • avatar
      • MINEIRO SPY 31 de janeiro de 2017 at 11:24

        Não entendo o motivo de chamar o topete de populista, como sendo um perfil diferente do anterior. Mais populismo que o queniano, difícil…só muda o perfil.
        Concordo com véi…topete manda bem. Se eu fosse um cidadão médio yankee certamente o apoiaria.

        8+
        • avatar
        • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 11:55

          Como respondi ao Lucas, o problema não é ser de direita, é ser despreparado.

          7+
          • avatar
          • avatar
        • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 12:02

          Mineiro
          Na minha opinião, o Obama é um esquerdista, e não um populista.
          Existe populismo de esquerda e de direita.
          No populismo, as instituições são fracas e o governante é forte, ele inventa inimigos para usar a argumentação do nós contra eles.
          https://www.youtube.com/watch?v=NJOWR1AODvk&t=17s

          7+
          • avatar
          • MINEIRO SPY 31 de janeiro de 2017 at 12:31

            De acordo Cesar. Nem citei direita/esquerda…apenas o populismo como algo negativo (de fato) e que o diferencia do queniano. Alguém que propõe torrar 300 bi em plano de saúde com dinheiro do pagador de imposto é ou não é um populista extremo? Entendo que sim. O topete também joga com isso.
            Não vejo xenofobia no discurso ou nas ações. Se eu fosse americano desejaria que o Estado verificasse quem está em solo nacional e, se necessário, impedir novos entrantes. Isso de impedir muçulmano de entrar é baboseira. Se assim fosse, nigeriano, paquistanês, indiano ou bengaleses não poderiam entrar por estarem entre os países com maior população muçulmana do mundo.

            3+
            • avatar
            • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 12:51

              populismo é ruim mas as vezes acaba dando bons resultados no curto prazo

              Explico: num populismo, ficamos a mercê do discernimento cognitivo de uma unica pessoa forte, que nunca vai superar o desempelho de milhares de instituições coletivas, a menos que estes coletivos estejam mal intencionados, aí qualquer biruta do bem é melhor, que a máfia que se montou pelo mundo sob orientação filosófica da extinta Kgb e quetais, isso se o populista em questão não estiver tbm sob influências maléficas

              daí que nasceu a democracia, nas praças das polis gregas, na discussão, nisto que fazemos até neste blog é um exemplo.

              Mas o despreparo do Trump ao meu ver é muito mais mimimi de jornalismo orfão do que fatos reais. Mas se teve um outro erro, é minúcia perto do que vem pela frente. Vem mais, podem esperar. Eu tô gostando, antes de exaurir a via, ela vai dar muitos bons frutos, assim como o período lula 2002-2007 e se for sem a roubalheira daqui, melhor ainda.

              4+
            • to bolhado 31 de janeiro de 2017 at 15:00

              os novos tempos exigem novas ferramentas de análise. Chamar Trump de populista é, para dizer o mínimo, simplificação. Populista um cara que pautou sua campanha dizendo o que a maioria do establishment político / intelectual / imprensa dizia que seria suicídio político? Não dá para chamar de populista ao mesmo tempo alguém quer quer “dar direito aos pobres” e outro que fala do espectro oposto? O que Trump faz (premeditamente) é simplificar o discurso para atingir diretamente seu eleitorado, mas classificá-lo de populismo na mesma vertente histórica que a palavra adquiriu é impreciso.

              7+
              • avatar
              • avatar
          • to bolhado 31 de janeiro de 2017 at 15:06

            eu discordo. No Brasil a idéia de direita x esquerda é amplamente influenciada pela hegemonia cultural esquerdista. Toda ditadura que não é claramente socialista, por oposição, é caracterizada por direita, quando na verdade muitas vezes é só uma variante de um estado socialista com outros temperos. Embora toda caracterização genérica tenha problemas, a principal diferença entre direita x esquerda em termos de concepção de Estado se dá no seguinte: a esquerda acha que o princípio norteador da sociedade tem que ser a igualdade, por isso o Estado grande que tomará as ações nesse sentido. A Direita tende a privilegiar a liberdade. Por isso países com governos grandes são chamados no Brasil de “direita” só por não terem raíz marxista, mas é um erro conceitual. Nazismo alemão era uma vertente de socialismo.

            7+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • Louro José 31 de janeiro de 2017 at 15:26

              Leia Conflito de Visões, de Thomas Sowell.

              É muito mais do que privilegiar igualdade ou liberdade. A esquerda entende que a natureza humana pode ser mudada, por isso defende que a sociedade seja planejada por pessoas sábias e bem intencionadas que se encarregarão de guiar os demais.

              A direita entende que a natureza humana está dada, é impossível de ser mudada e que é mais produtivo guiar a sociedade em direção a um bem comum mediante a criação de um sistema de incentivos que leve as pessoas espontaneamente a cooperarem umas com as outras por interesses próprios. Assim se atinge o bem comum de forma espontânea, mediante o individualismo.

              10+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • to bolhado 31 de janeiro de 2017 at 15:29

                já li uns 4 do Sowell mas esse ainda não! boa dica, vou anotar

                1+
                • Louro José 31 de janeiro de 2017 at 16:21

                  Conflito é um livro muito denso, leitura chata e vagarosa se você quiser apreender alguma informação do texto. Outro excelente é Intelectuais e a Sociedade.

                  0
                • Louro José 31 de janeiro de 2017 at 16:22

                  Outro bom livro é Marxismo Desmascarado, do Mises. Ele dispara petardos em todo mundo. Marx, Engels, Comte…

                  2+
              • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 16:08

                louro
                das descrições que já li esta é uma das +interessantes
                ainda assim cai no mesmo limbo marxista, pois se analisar as 2 visões elas tem acertos e erros, e eu acho a visão esquerdista pior do que isso, ela incentivaria a mudança por meio de conflitos, a tal dialética histórica, mas não quero ir adiante nisso, o caminho todo tá errado, continuar ali vou escrever coisas legais mas vou continuar tudo errado.

                3+
                • avatar
                • Louro José 31 de janeiro de 2017 at 16:20

                  Sim, porque Marx foi apenas um dos representantes da “visão irrestrita”, assim denominada por Sowell. Existiram outros anteriores e posteriores a Marx. Inclusive, muito do que se fala hoje no campo das ideias já se falava anteriormente. Os temas mudam de nomenclatura, mas a essência é sempre a mesma.

                  Sowell é um gênio. Tudo que ele escreve é de grande significância pra humanidade.

                  1+
            • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 15:27

              TODA ESSA discussão
              se é esquerda se é direita
              se é populista
              se é nazista

              NADA disto importa, é o caso do rótulo embostalhar a nossa visão dos fatos reais
              foda-se toda essa discussão, a eleição já passou

              vamos ser pragmáticos com fatos concretos sobre Trump
              e se eu mesmo cair nessa armadilha, vcs me avisem
              esse atoleiro só atrapalha

              vamos pegar os CVRs made in US e avaliar um-por-um

              4+
              • to bolhado 31 de janeiro de 2017 at 15:32

                Lucas, vc tem razão. O caso que me intriga é que muitos já perceberam que tem que ter filtro para aceitar o que a grande imprensa brasileira vende sobre muitos assuntos; mas quando se trata de política americana, por alguma razão mágica o que a globonews diz é lei! acompanhei bem de perto a eleição americana desde as primárias por fontes americanas, e concordando-se com um lado ou outro, a pluralidade de visões era muito maior. Aqui no Brasil a análise é basicamente “Trump? xenófobo! racista! protecionista! populista! bobo e feio!”, como se a maioria eleitoral não o tivesse escolhido a despeito da campanha massiva feita contra ele.

                7+
                • avatar
                • avatar
                • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 16:01

                  cá entre nós
                  a globonews vende a notícia que as pessoas querem comprar
                  ela fala o que fomos ensinados a escutar
                  esse mimimi de teoria da conspiração é a outra face do mimimi do chato-feio-e-bobo
                  ambos são uma pentelhação

                  como diria paulo francis, tá na hora de sair do jardim de infancia

                  4+
                  • avatar
                  • avatar
    • Louro José 31 de janeiro de 2017 at 11:39

      Qual postura nazi?

      3+
      • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 11:55

        Xenofobia.

        1+
        • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 11:57

          Nazi e xenofóbico têm interseção grande.

          3+
          • to bolhado 31 de janeiro de 2017 at 15:01

            pergunta pros grandes líderes Judeus americanos se eles estão mais confortáveis com Trump tendo ganhado a eleição ou com a Hillary

            4+
            • avatar
            • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 22:54

              Anotado. Agora, pergunta para os mexicanos. E para os iranianos. E para os guatemaltecos. E para os paquistaneses.

              0
              • to bolhado 1 de fevereiro de 2017 at 05:53

                As palavras tem sentido. Quem usou o termo nazi foi você. Se tivesse usado, por exemplo, “postura anti-muçulmanos” seria mais complexo argumentar contra.

                0
        • Louro José 31 de janeiro de 2017 at 15:22

          Qual xenofobia?

          Impedir a entrada nos EUA de pessoas oriundas de 7 países cuja administração Obama sinalizou serem locais que praticam terrorismo?

          Cuidado com o que a imprensa diz.

          São mais de 40 países muçulmanos, os 5 de maior população não sofrem nada com esta medida.

          3+
          • to bolhado 31 de janeiro de 2017 at 15:26

            Acho que são cerca de 60 países de maioria muçulmana. Os 7 são dessa lista que vc indicou, criada pela CIA ainda no governo Obama, de países que financiam e/ou abrigam organizações terroristas. A única exceção clara é a Arábia Saudita, que numa primeira análise deveria estar, mas pela complexidade das relações entre os 2 países ficou de fora para ser estudada com mais calma.

            2+
          • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 19:07

            xenofobia é o nome que deram pra transformar o criminoso que invade o país dos outros em vítima

            mais ou menos o que acontece aqui com o MST e quetais quando “as familias são expulsas de seus lares pela PM facista”

            8+
            • avatar
          • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 22:54

            Xenofobia contra latino-americanos, por exemplo. Como você.

            1+
  • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 10:34

    De-boa-na-bolha

    20% a menos no aluguel! seguro fiança bancado pelos “investidores”, está começando a ficar bom…é soft.
    http://g1.globo.com/jornal-nacional/

    7+
    • avatar
    • avatar

    NO MEU ENTENDIMENTO
    o seguro é pica do proprietário
    Transferir os custos de posse do imóvel pro inquilino é uma bizarrice sem tamanho, e a inadimplencia é um desses custos que o dono tem de arcar.
    È muito BIZARRO vc fazer um seguro contra vc mesmo, eu nunca fiz, nunca pedi que fizessem, nem nunca vou fazer esta imbecilidade.
    O dia que eu achar que preciso de seguros para ser dono de algo eu faço, aliás eu faço mesmo vários, todo ano.

    E se for o caso de um mercado normal o dono pode repassar este custo no valor do aluguel, mas NÂO, estamos na fase de estouro da bolha, quando o dono muitas vezes paga para ter seu imóvel habitado, num soçialismo às avessas, o sardinha que paga pela democratização da habitação, parabéns LULA, espero que ao invés de ser preso ele ganha uma medalha por conseguir enganar tanta gente por tanto tempo.

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 11:12

      Pois é. A situação sempre ficou à favor do proprietário, alugar era um favor, uma utilidade pública e um bem social para os pobre coitados que não tinham condição da casa própria. Ou pelo menos se acreditou que era assim. Aí começaram as exigências absurdas, tipo essa de pagar seguro contra si mesmo.

      Ainda bem que o mercado está voltando à normalidade, apesar de ainda faltar muito. Quem sabe ano que vem eu consiga passar sem pagar esse seguro?

      11+
      • avatar
      • avatar
      • perdido no rio 31 de janeiro de 2017 at 16:31

        Exato! Cenário muito diferente de 2 ou 3 anos atrás, não é difícil achar notícias que mostram o quanto os valores exagerados desses seguros impactavam o valor do aluguel. Agora os propriotários estão sentindo na pele este problema.

        Por exemplo: http://economia.ig.com.br/2014-07-23/era-seguro-fianca-ou-nada-locatarios-enfrentam-dificuldades-em-alugar-imoveis.html

        A chamada: “Exigências cada vez maiores dos proprietários por um fiador dão a inquilinos uma única opção viável para alugar um imóvel: o seguro fiança, que pode consumir mais de um aluguel por ano”

        A matéria mostra que a Porto Seguro tinha mais de 90% deste mercado em 2014, e em 2013 isso gerou receita de quase 350 milhões de reais..

        4+
        • avatar
        • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 17:07

          Pois é. Espero que agora que a inadimplência está alta, esteja rolando vários calotes para pelo menos a empresa fazer o papel dela e pagar os prêmios de seguros. Deitou e rolou no passado, tá na hora de pagar.

          4+
  • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 10:37

    Quanto ao tópico, há uma boa razão para a Caixa e outros bancos segurarem os imóveis retomados e renegociar com devedores inadimplentes: evitar fire sales, que costumam causar instabilidade financeira.
    Os bancos já foram motumbados mesmo, e tiveram que retomar. O mercado está fraco, se botarem no leilão, só vão conseguir aumentar ainda mais a oferta e o poder de barganha dos poucos compradores restantes, jogando os preços no chão. É preferível manter o cara no imóvel evitando custos de manutenção de casas desocupadas. E segurar os imóveis na carteira com o valor de face inflacionado. Piora um pouco o índice de imobilização do ativo, mas sendo a Caixa, o gaverno vai fazer vistas grossas. E o BACEN sabe o que pode acontecer no caso de fire sales, e vai anuir com a estratégia. A perda já aconteceu. Agora é evitar precipitar ainda mais problemas.
    Vejam, não estou apoiando as ações passadas da Caixa, apenas apontando o que deve ser feito com a merda que já temos.

    20+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 11:21

      e pra comparar o shadow inventory nos eua chegou a passar de 11% na maos dos bancos.. aqui já está perto disso. a estimativa é de 100bi$ em créditos podres e 45bi na mão dos bancos aqui.. eles só falaram em 10bi…
      contaminantes:
      – afrouxaram as regras da basileia pras instituições financeiras, provavelmente 3 de 5 vão se arriscar mais..
      – Distratos (regras novas)
      – estoques
      – previdência (investir em planos pra velhice), estimativa de aumentar para cobrir mais gente.
      etc

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 10:38

    Corretor de imóveis é rendido e morto em tentativa de assalto em Campinas

    O caso foi resgistrado como latrocínio, mas nada chegou a ser roubado,…

    http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/2016/12/corretor-de-imoveis-e-rendido-e-morto-em-tentativa-de-assalto-em-campinas.html

    5+
  • ER 31 de janeiro de 2017 at 11:10

    CVR
    Comprei um apartamento de 2 quartos e 60m2 em 2011 (um ovo), por inexperiência e cedendo à insistência da minha esposa à época (agora já é outra – kkkkk). Esse apartamento era da minha irmã, que comprou na planta por 110 mil e me vendeu por 180 mil, o preço praticado então. A obra foi entregue. Paguei uma parte a ela e assumi parcelas junto à construtora, que quitei em 2015. Minha intenção era vendê-lo para aplicar o dinheiro ou mesmo comprar outro imóvel maior se eu achasse alguma oportunidade (está dificil), mas aí veio a surpresa: o apartamento está hipotecado ao banco pela construtora, como garantia para obter empréstimo para fazer a obra. Ou seja, eu quitei o apartamento e a construtora não pagou a hipoteca ao banco. Entrei na justiça e ganhei, ainda sem resultados práticos. Exemplo do abacaxi que é comprar imóveis nesse país de aventureiros, que vivem à custa de trouxas como eu.

    62+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Thiaguinho 31 de janeiro de 2017 at 11:15

      Que coisa hein. Fez tipo um contrato de gaveta com sua irmã?

      9+
      • avatar
    • Urso 31 de janeiro de 2017 at 11:15

      Vixi!

      5+
      • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 11:17

      ER, a hipoteca fica registrada na certidão de ônus do imóvel. Você não consultou?

      Imagino que como foi em família, nem tenha olhado nada. A Banânia não é para amadores.

      24+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Urso 31 de janeiro de 2017 at 11:18

        Não mesmo. Não me assusto com mais nada.

        11+
        • avatar
        • avatar
    • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 11:19

      Vc deveria ter registrado no cartório assim que fosse possível fazê-lo, acredito que é pos´sivel fazer até mesmo antes do haibte-se, isto travaria a hipoteca, ou pelo menos vc teria o numero do CRI livre no seu nome (ou da irmã), o lado ruim é que geraria custos cartoriais maiores, e talvez até ITBI dobrado, não sei estes detalhes em pormenor

      Anos atrás alertamos neste blog para que todos fizessem isso

      #ficaadica

      8+
    • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 12:03

      Além dos problemas com preços e qualidade da obra, ainda têm a insegurança jurídica. Instituições de merda. País de merda. Pelo menos meu TD está salvo.

      6+
      • avatar
      • BolhistaBR 31 de janeiro de 2017 at 19:40

        Um colega disse no post anterior que esse negócio de TD estar a salvo pq imprime moeda é falso. Pois se fosse assim, Grécia e Venezuela não estariam quebradas. Algyem pode responder ele?

        2+
        • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 23:00

          100% a salvo não está. Se tivermos hiperinflação, ferrou!. Mas quando o TD melar, já terão ido junto os fundos de pensão, os bancos, os fundos de investimento, o crédito, os preços de imóveis, toda a economia. Só o dólar escapa. Então, é das aplicações mais seguras.

          4+
          • avatar
          • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 23:02

            Adendo: Grécia não imprime euro. Por isso quebraram. Venezuela é caso patológico. Tá tão desarrumada que não sei nem por onde começar (corrupção? incompetência? intervencionismo? petrodependência? Numa única palavra: bolivarianismo.)

            4+
            • avatar
            • avatar
      • Reservoir Dog 31 de janeiro de 2017 at 20:11

        Para quem investe em TD LFT vocês viram o que disse a secretária do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescovi?

        http://www.em.com.br/app/noticia/economia/2017/01/25/internas_economia,842334/tesouro-busca-trocar-gradualmente-titulos-remunerados-pela-selic-diz.shtml

        2+
        • avatar
        • na_cloaca_do_fernando 1 de fevereiro de 2017 at 09:21

          Eles querem diminuir os riscos de variação no custo da dívida. O fluxo de caixa com dívidas a taxas pré-fixadas é mais fácil de prever no longo prazo.
          Só que esse medo do custo das LFTs aumentar com um eventual aumento da SELIC não bate com o discurso atual de redução gradual de juros… A Banânia não é para amadores.

          1+
          • to bolhado 1 de fevereiro de 2017 at 09:35

            esse é um projeto antigo já e tecnicamente faz sentido

            1+
  • ER 31 de janeiro de 2017 at 11:26

    Não fiz nenhum contrato com minha irmã, fiz apenas uma “cessão de direitos”, ou seja, passei a ser o adquirente do imóvel junto à construtora. O imóvel não pode ser registrado em cartório porque há a hipoteca em nome do banco. Tem vários aqui na mesma situação, alguns já ganharam na justiça e já conseguiram escriturar.

    2+
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 11:37

      Entendi.
      Quem estiver lendo, muito cuidado com essa cessão de direitos… insegurança jurídica total…

      Mas acho que no seu caso está tudo bem. Você já ganhou na justiça, acredito que o banco não vai querer ter dor de cabeça tentando tirar seu pequeno imóvel.

      7+
      • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 11:38

        Só vai ser difícil vender, que era sua intenção inicial…

        4+
      • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 11:44

        a construtora não poderia hipotecar com o banco algo que não é dele, isso se chama fraude, é como se tivesse vendido pra 2 pessoas diferentes
        ou se era da construtora, e agora é do banco mediante hipoteca não paga, não poderia ter sido revendido ainda mais com financiamento de outro banco.

        Fico curioso para saber o que o juiz realmente decidiu

        Pela lei, o dono é quem comprou primeiro. o segundo que deveria ter visto essas coisas, mas quem é o segundo???

        9+
        • avatar
        • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 11:46

          Como eu disse, esse país não é para amadores. Tudo que você disse que não pode fazer, é prática ser feito. Para entender o caso dele 100% só com mais detalhes mesmo… Quando passo um tempo no reclame aqui vejo váaaarias histórias assim envolvendo construtoras menores

          5+
          • avatar
          • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 12:20

            toda raiz vem do mesmo erro
            vender algo que não existe, não é vender,
            não estão comprando nada além de papel
            e o fingezap ainda computa o preço dessas coisas, e ainda vira garantia para os mesmos bancos.
            INCRÍVEL

            9+
            • avatar
        • Oliveira 31 de janeiro de 2017 at 12:47

          O segundo não seria quem registrou por ultimo em cartório ?

          1+
          • Oliveira 31 de janeiro de 2017 at 12:49

            O dono seria quem registrou primeiro em cartório?

            1+
      • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 12:05

        EIKE BATISTA E ABOLHA IMOBILIARIA

        nos idos de 2012 discutiamos muito neste blog a figura de eike, o garoto-propaganda do RJ e um dos players da especulação imobiliaria no Estado inteiro
        só pra lembrar quem foi eike antes de perder a peruca:
        http://www.cartacapital.com.br/mais-admiradas-3/eike-batista-e-eleito-o-empresario-mais-admirado-do-pais-pela-segunda-vez-consecutiva

        novesfora tenho certo apreço por essa visão de mundo que o eike dizia ter e hoje sabemos era tudo mentirinha pra enriquecer a eles mesmos no sistema meta-capitalista-de-estado bananense, o risco é zero, o lucro é sempre particular, o prejuízo é sempre dividido.
        O sistema é todo ele montado assim, vc pode pequeno investidor emular estes grandes movimentos, mas nunca vai entrar nas grandes linhas de dinheiro enquanto for pequeno.
        Estudar o case-Eike é entender o BR, daí a minha insistencia nisso.

        16+
        • avatar
      • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 12:09

        o caso EIKE BATISTA E ABOLHA IMOBILIARIA

        nos idos de 2012 discutiamos muito neste blog a figura de eike, o garoto-propaganda do RJ e um dos players da especulação imobiliaria no Estado inteiro
        só pra lembrar quem foi eike antes de perder a peruca:
        http://www.cartacapital.com.br/mais-admiradas-3/eike-batista-e-eleito-o-empresario-mais-admirado-do-pais-pela-segunda-vez-consecutiva

        novesfora tenho certo apreço por essa visão de mundo que o eike dizia ter e hoje sabemos era tudo mentirinha pra enriquecer a eles mesmos no sistema meta-capitalista-de-estado bananense, o risco é zero, o lucro é sempre particular, o prejuízo é sempre dividido.
        O sistema é todo ele montado assim, vc pode pequeno investidor emular estes grandes movimentos, mas nunca vai entrar nas grandes linhas de dinheiro enquanto for pequeno.
        Estudar o case-Eike é entender o BR, daí a minha insistencia nisso.

        4+
        • avatar
        • avatar
    • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 11:38

      me expliquei mal
      quem deveria ter registrado é a sua irmã
      daí seria impossível ao banco hipotecar o imóvel

      se vc comprou antes da entrega, transfere o direito
      se vc comprou depois da entrega, transfere o bem

      não se pode comprar um imóvel mediante cessão de direito, na verdade vc não comprou coisa alguma
      assim como não se pode comprar algo que não existe, ela tinha apenas um direito de reserva de mercado, mas uma vez que a incorporação fracassou por culpa da construtora, ela deveria exigir o distrato, ao invés de passar a pica.

      #Família

      fica outra dica

      5+
  • Jonny32 31 de janeiro de 2017 at 11:26

    Como vocês fazem pra alterar/inserir um avatar?
    Já tentei no gravatar mas não entendi nada 🙂
    Admito que sou péssimo em informática. Agradeço a quem puder me auxiliar.
    Valeu.

    2+
  • ER 31 de janeiro de 2017 at 11:27

    Verdade, Antigo. Não consultei. Fica a experiência para outros.

    5+
    • avatar
  • Louro José 31 de janeiro de 2017 at 11:32

    Perda da casa própria?

    Então não era própria.

    26+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 11:42

      É da cultura brasileira acreditar que ao assinar o contrato de financiamento você já se torna o dono do imóvel.
      Alienação fiduciária é um termo muito difícil para entrar na cabeça do bananense médio.

      Da Wikipedia:
      A alienação fiduciária em garantia consiste na transferência feita por um devedor ao credor de propriedade resolúvel e da posse indireta de um bem móvel infungível ou de um bem imóvel, como garantia de seu débito, resolvendo-se o direito do adquirente com o adimplente da obrigação, ou melhor, com o pagamento da dívida garantida.

      Eu sei que sei Direito dou umas travadas ao ler esse parágrafo. Imagina um 666 aleatório da rua…

      8+
      • avatar
  • ER 31 de janeiro de 2017 at 11:48

    Lembrando que não financiei o imóvel, ele está quitado e de minha posse. Há súmula vinculante do STJ que determina que os efeitos da hipoteca não podem passar ao consumidor e já ganhei na justiça o direito de escriturá-locação, não cabendo mais recursos. É só pra exemplificar as dores de cabeça que se pode ter ao comprar um “bem” nesse mercado de construtoras falidas e gente desonesta.

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 11:52

      Entendi. É punk mesmo.
      Regulariza logo a matrícula, registra no seu nome para poder passar adiante.

      4+
  • ER 31 de janeiro de 2017 at 11:49

    Escriturá-lo*

    1+
  • sefazpiauidf 31 de janeiro de 2017 at 11:53

    CVR da panela
    Casal de amigos que estão na pindaíba e não querem desfazer do carrinho e apezinho financiado resolveram me apresentar a p. de uma panela que custa 1900,00 reais. É umas dessas pirâmides/Marketing multi-nível/Venda direta e vieram tentar me convencer a comprar um jogo de panela por 7000,00, acreditam? Um tal de Royal sei lá o que.

    E o figura tem um Honda 2014 financiado(60.000 em 5 anos), quase perguntei se o carro dele valeria 9 jogos de panelas que eles estavam tentando me vender.
    Como sou educado, sorri, acenei, mas minha vontade é expulsar eles quando começaram a prezepada toda da apresentação. Quando falaram o preço então…segurei para não soltar uma gargalhada e falar “vou vender meu carro e comprar 4 jogos de panela”.

    Vá se lascar essa p. dessa panela Royal sei lá o q. Paguem meu juros!

    66+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 11:58

      Panela Royal Prestige de Aço Cirúrgico?

      Boss tava contando outro dia que ofereceram na porta da casa da mãe dele uma panela gourmet, será que foi essa?

      Ahhh que saudades do BBOM e Telexfree!!!!

      18+
      • avatar
      • avatar
      • Bolha BOSS 31 de janeiro de 2017 at 12:21

        Cara, não duvido que seja. Não deu tempo dela se apresentar como egípcia.

        8+
        • avatar
    • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 14:49

      Tão certos. Para que se desfazer do carrinho, se conseguirem encontrar otários que vão se desfazer de $$$$1.900,00 $$$ por panelas de aço cirúrgico (!!!).
      PQP, pra que eu preciso de aço cirúrgico na panela? Que porra é isso, aço cirúrgico?
      A cada minuto, sai um otário do armário (já nasceram assim, só ficam enrustido por aí).

      11+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Felipe 31 de janeiro de 2017 at 14:52

        deve ser algum tipo de aço inventado pela NASA ou alguma coisa assim e que depois de alguns anos descobriram não servir pra basicamente nada. Ai tiveram a brilhante ideia de colocar isso numa panela e vender como se fosse uma tecnologia alien.

        10+
        • avatar
      • Felipe 31 de janeiro de 2017 at 14:55

        googlado
        Aço cirúrgico é uma variação excepcional do metal que tem grande resistência à oxidação, o que faz a joia durar muito mais tempo. O que vai indicar que a joia é inoxidável é o seu valor, e o aço cirúrgico possui o valor 316L. Isso significa que o metal possui baixo teor de carbono e passou por um derretimento a vácuo, um método seguro que evita qualquer tipo de elementos contaminantes na superfície da joia. Assim, evita qualquer tipo de reação e alergias na pele.

        3+
        • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 17:45

          Já conhecia o material pois a patroa tem alergia e não pode usar bijuterias. O metal delas é de baixa qualidade, cheio de níquel e outras impurezas e acaba irritando toda. Acaba que o material é uma opção mais em conta do que joias normais.

          Mas daí fazer uma panela e vender por dois mil reais dizendo que é para garantir a saúde na alimentação dos filhos já é demais para mim.
          Estamos no Brasil, caramba!! Aqui falta feijão para o povo comer, e querem vender panela de 2 mil reais?
          É muita falta de noção.

          9+
          • avatar
          • avatar
    • Urso 31 de janeiro de 2017 at 17:30

      PIRÂMIDE.

      5+
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 12:13

    agora sim no lugar certo
    o caso EIKE BATISTA E ABOLHA IMOBILIARIA

    nos idos de 2012 discutiamos muito neste blog a figura de eike, o garoto-propaganda do RJ e um dos players da especulação imobiliaria no Estado inteiro
    só pra lembrar quem foi eike antes de perder a peruca:
    http://www.cartacapital.com.br/mais-admiradas-3/eike-batista-e-eleito-o-empresario-mais-admirado-do-pais-pela-segunda-vez-consecutiva

    novesfora tenho certo apreço por essa visão de mundo que o eike dizia ter e hoje sabemos era tudo mentirinha pra enriquecer a eles mesmos no sistema meta-capitalista-de-estado bananense, o risco é zero, o lucro é sempre particular, o prejuízo é sempre dividido.
    O sistema é todo ele montado assim, vc pode pequeno investidor emular estes grandes movimentos, mas nunca vai entrar nas grandes linhas de dinheiro enquanto for pequeno.
    Estudar o case-Eike é entender o BR, daí a minha insistencia nisso.

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 12:15

      e um pequeno adendo de como funciona o jornalismo no BR
      todo ele montado pra dar suporte ao besteirol de 13 anos de PT
      inclusive dentro da USP

      http://www.olavodecarvalho.org/semana/040929msm.html
      reparem no organograma
      vejam a máfia como se estende dos professores aos jornais, sendo os estudantes meros idiotas úteis

      14+
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 12:48

        Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros, eu fui ver as matérias destas mídias esquerdistas, as que fossem a favor da greve eram esquerdistas e os que fossem contra a greve seriam, na verdade, governistas (PT)
        A maioria era governista, um esquerdismo disfarçado apenas para atender o PT, PCdoB, PSOL, etc.

        5+
        • avatar
        • avatar
  • Felipe 31 de janeiro de 2017 at 12:28

    TR de 0,09% hoje

    7+
    • avatar
    • avatar
    • LZ 31 de janeiro de 2017 at 12:34

      Deus me livre guarde.
      Imagina isso por mês entubando no saldo devedor ?

      5+
      • avatar
      • Felipe 31 de janeiro de 2017 at 12:39

        essa foi bem baixa… deve ter sido a mais baixa dos últimos 2 anos

        5+
        • avatar
        • Loucodf 31 de janeiro de 2017 at 12:40

          pois é… tava dando 2.0.

          4+
          • avatar
          • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 12:41

            Bem baixinha mesmo. Novidade isso

            5+
            • avatar
    • fanfarraum 31 de janeiro de 2017 at 12:45

      Em 2016, não houve TR de 0,09% ou menos. A menor foi 0,0926%
      Em 2015, teve 52 vezes TR de 0,09% ou menos.

      5+
      • avatar
      • fanfarraum 31 de janeiro de 2017 at 12:47

        Em 2014, teve 241 vezes TR de 0,09% ou menos.
        Em 2013, quase todas vezes (exceto 3x) a TR ficou 0,09% ou menos

        4+
        • avatar
        • Libertario 31 de janeiro de 2017 at 12:55

          Show de bola!
          Se continuar assim menos de 15 anos as parcelinhas começarão a cair.

          9+
          • avatar
          • avatar
          • fanfarraum 31 de janeiro de 2017 at 13:00

            Fico imaginando quem financiou na Vila do Pan…
            Parcela crescente e chão decrescente.

            14+
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • avatar
            • MINEIRO SPY 31 de janeiro de 2017 at 13:12

              Colega de trampo em bsb comprou. Em 2013/14 ela pedia algo em torno de 200k. Isso pq mora na banania D.C. e tinha lote em um condomínio Santa Mônica, que é algo quase em Goiás. Sinto que ainda hoje está com a trolha na mão.

              5+
              • avatar
            • perdido no rio 31 de janeiro de 2017 at 17:26

              Na época das Olimpíadas mostraram alguns dos problemas, é assustador:

              Vila do Pan-2007 é mico de R$ 300 milhões, tem chão afundando e crateras

              A Vila do Pan foi erguida num terreno pantanoso. Precisaria ter recebido um tratamento especial antes de ter recebido prédios e ruas. Segundo Abdalla, isso não foi feito.

              Sem saber disso, todos os imóveis foram vendidos rapidamente ainda antes do fim do Pan. O condomínio foi considerado um sucesso de vendas. Hoje, a associação informou que alguns apartamentos da Vila foram leiloados e um de 160 metros quadrados e quatro suítes foi vendido por R$ 300 mil – valor bem abaixo do mercado.

              https://olimpiadas.uol.com.br/noticias/redacao/2016/07/29/vila-do-pan-2007-e-mico-de-r-230-milhoes-tem-chao-afundando-e-crateras.htm

              8+
              • avatar
              • avatar
              • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 17:36

                Não sei se é sadismo da minha parte, mas eu morro de rir com essas notícias de empreendimento imobiliário afundando.

                “Se a falta de água, luz e gás na Vila Olímpica da Rio-2016 fez alguns atletas chiarem, imagine então se eles tivessem que conviver diariamente com problemas estruturais em prédios e crateras pelas ruas de onde estão abrigados. Pois saiba que é assim que vivem hoje os cariocas que investiram um bom dinheiro para comprar um apartamento ”

                KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

                5+
                • avatar
                • avatar
    • Nelson Schadenfreude 31 de janeiro de 2017 at 14:45

      TR é fortemente vinculada à Selic. Vai continuar caindo. Alívio para os mutuotários.

      3+
  • Baby Boy 31 de janeiro de 2017 at 13:24

    Eu sempre disse que o Eiki Batista era uma farsa. PMJ!
    Outro que a casa vai cair é a JBS. Mas não é Friboi????
    Sugiro aos BATISTAS fornecer carnes de graça aos presídios para fazer uma média… porque em breve……

    5+
    • avatar
  • mestre dos magos 31 de janeiro de 2017 at 13:31

    Enquanto isso na cidade dos habitantes que adoram batatas (Blumenau)… No início de dezembro do ano passado, fui atrás de um apartamento próximo de onde eu moro, pois meu contrato vencia em janeiro. Olhei uns 6 aps, sendo 5 porcarias, e um que eu me interessei. Dei um lance de 900, no ap anunciado a 980, cerca de 8,16% de redução. A resposta foi NÃO, ap está com placa de aluga-se até hoje.
    Meu contrato foi renovado automaticamente, e solicitei para repassar somente a metade do IGPM, devido a crise e tal. Mais uma vez recebi um não e um boleto com o valor cheio do IGPM corrigindo o valor do aluguel. Blumenau é uma ilha isenta de crises, aqui ou você paga o que pedem, ou vai se f#[email protected]%.
    Não tá fácil, um dia vou embora desse lixo de lugar.

    7+
    • avatar
    • avatar
    • Knolan 31 de janeiro de 2017 at 14:43

      Deu mole. Podia ter comunicado antes de renovar que nao teria condicoes de pagar o aumento total, pedindo o cancelamento da renovaçao automatica, e uma posicao se estariam.aberto a algum tipo de negociação, e caso negativo, para comunicarem você dentro do prazo estipulado em contrato. Se paga direitinho, iam te chamar para negociar. So ai voce ja ganhava um tempo para procurar melhor. Dps que renovou, ninguem vai ceder, ate porque a multa sera alta (dependendo do contrato).
      Mas claro… tem que estar disposto a sair do imovel caso não haja negociação.

      6+
      • avatar
  • ER 31 de janeiro de 2017 at 13:49

    Cobertura da Cyrella que era oferecida por mais de 600.000 no lançamento há uns 5 anos agora por 389.900. Estava anunciada recentemente por 405.000 e não vendeu.

    http://www.azizzimobiliaria.com/imovel/apartamento-residencial-venda-neopolis-natal-rn/AP0045
    http://www.rceimoveis.com.br/imovel-detalhes.aspx?ref=CO0001

    18+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 13:53

      Fernando não gostou disso ;-(
      Vai que em Sampa também caia quase 50%

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 17:03

        Anda sumido o Fernando… por onde será que ele anda?

        4+
        • avatar
    • EngenheiroSP 31 de janeiro de 2017 at 14:33

      Dependendo do nível do bairro, até que atiça.

      4+
      • avatar
  • Cesar_DF 31 de janeiro de 2017 at 13:59

    Desemprego bate recorde e atinge 12,3 milhões de brasileiros em 2016
    O número de pessoas sem trabalho cresceu 36% em relação ao mesmo período do ano anterior.

    http://g1.globo.com/jornal-hoje/noticia/2017/01/desemprego-bate-recorde-e-atinge-123-milhoes-de-brasileiros-em-2016.html

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • reznor 31 de janeiro de 2017 at 14:11

    Pessoal, vocês já repararam que está havendo um aumento de procura por consórcio de imóveis?
    Tenho me deparado frequentemente com incautos trocando um financiamento de imóvel por esse pseudo-financiamento. Me faz rir isso.
    Acredito que a lógica é esta: o sujeito tem a análise de crédito rejeitada e, para sustentar o “sonho”, parte pro consórcio.
    Será que Freud explica essa paixão arrebatadora do brasileiro por tijolos?
    Em tempo, foi tema de post do Samy Dana: http://g1.globo.com/economia/blog/samy-dana/post/samy-dana-responde-vale-pena-comprar-um-imovel-por-consorcio.html
    kkkk os posts do Samy são SEMPRE feitos de perguntas retóricas

    8+
    • avatar
    • Knolan 31 de janeiro de 2017 at 14:27

      E a média dos lances para contemplação oscila entre 40 e 60% da carta. Isso porque agora é possível contratar consórcio com lance embutido. Você pode usar até 30% do valor da carta para dar lance. Então o sujeito compra um consorcio de 450k,usa 150k da propria carta pra dar lance, e é contemplado. E paga a administração da carta, coisa ae de 17-20%. De bom grado, ele entrega 30k na mão do banco (a tx de adm dos 150k do lance embutido).
      Mas tirando isso, dependendo das condições de quem vai comprar, é um dos meios menos danosos

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • From_The_Tower 31 de janeiro de 2017 at 15:02

      Bananense não sabe economizar. Aí vai pra consórcio.
      Nem Freud explica.
      PNJ!

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • From_The_Tower 31 de janeiro de 2017 at 14:55

    CVR
    Não existe bolha imobiliária. É tudo balela de um blog mequetrefe.
    https://www.megaleiloes.com.br/public/batches/11908/megaleiloes_matricula_X11908.pdf

    Façam bem as contas. O Itaú raramente perde. Mas corre grande risco de perder. Tudo depende do resultado leilão.

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 31 de janeiro de 2017 at 14:59

      28/10/2016 – 1 Praça: LOTE 001 R$ 614.842,32
      2º Leilão – Lance Mínimo R$ 404.559,93
      http://www.zukerman.com.br/ns/p/curitiba/pr/leilao-de-casa-vista-alegre/9655/105313
      Leilão Extra-Judicial : 01/02/2017: 226.900,00.

      É Çõfti.

      9+
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 31 de janeiro de 2017 at 15:01

        Percebam que o casal dá a entrada. Financia …. paga durante 03 anos e abate quase nada do Saldo Devedor.

        8+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 15:48

          pouco menos de 2k o metro quadrado construido
          120 de area privativa construída
          60 de garagem
          100 de quintal
          terreno de 160 (3 andares)

          uma casa assim em SP é uma mansão, a depender do local, falamos em milhão pra cima, mas no anuncio.
          e se comparar com apartamento, na mesma localização, vc tira o quintal de 100, e ainda continua no milhão

          7+
          • avatar
          • avatar
        • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 17:19

          Essa é a eterna sina do bricklover 666.
          O carma insuperável, maldição permanente e derradeiro final: pagar, pagar, pagar sem o saldo devedor nunca baixar.

          Maldita seja a TR, opressora de famílias, destruidora de lares, obliteradora de sonhos…

          5+
          • avatar
          • avatar
    • From_The_Tower 31 de janeiro de 2017 at 15:05
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 15:21

    referencias bolhograficas
    “Rezistro do Imóvel”, como é, como faz:

    o mais seguro é que o adquirente obtenha junto ao Registro de Imóveis uma certidão vintenária, ou seja, a certidão em que possa verificar todas as aquisições no prazo de 20 anos, que mostrara a história do imóvel nos últimos 20 anos.

    Após lavrar uma escritura pública de compra e venda, o adquirente deverá registrar no Registro de Imóveis ao qual o bem estiver vinculado. É possível, porem que, antes de ele efetuar esse registro, o vendedor resolva vender o imóvel a outra pessoa, lavrando outra escritura. Não importa quando foi lavrada a escritura e sim a data de seu registro.

    http://www.ambito-juridico.com.br/site/?n_link=revista_artigos_leitura&artigo_id=18346

    3+
    • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 15:40

      Antes de comprar estudei toda essa legislação e ainda outras relativas a questões pessoais
      E ainda passei um pentefino com advogado de confiança e num cartório de confiança deste advogado, com a funcionária de confiança.
      Revisei toda a papelada várias vezes por uns 15 dias

      Ainda impedi um desacerto de informação no valor informado da taxa de condomínio, eles SEMPRE mentem, já tinha posto um erro de 50% na conta, mas era de 100%, daí refiz a negociação, pedi um novo desconto, reacertei e boas,
      Boas???
      boas nada, 2 meses depois, a taxa de condo subiu DENOVO.
      minha fonte insider no condominio, hoje eu sei, era uma mulher biruta que mal sabe o nome dela mesmo, dessas pessoa esquisita que passa sem dar bom dia, olha o azar que dei, no dia da vistoria surpresa, era ela a moradora que peguei pra me repassar as fofocas. olha que azar!!!

      Daí me envolvi de síndico e agora caiu de volta pro preço original de 2 anos atrás.
      mesmo sendo macaco véio me motubaram no condo por mais de 1 ano.

      8+
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 15:24

    “O registro das transações imobiliárias: segurança jurídica e proteção da propriedade em benefício da sociedade”
    quentinha, ha apenas 3 horas…

    3+
  • ER 31 de janeiro de 2017 at 15:33

    A hipoteca impede a escrituração do bem e pode ser feita por má fé inclusive depois do contrato de compra e venda.

    2+
  • claudio 31 de janeiro de 2017 at 15:34

    no sptv, 12 horas, ouvi uma legal sobre iptu, o cara comprou seu segundo imovel, e por ter dois, pagará, mais de 100% de aumento sobre o iptu do primeiro imovel, confere produção? ainda o trally brincou, vale a pena so ter um imovel, realmente é so para profissionais isso aqui, kkkk

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Leandro sp 31 de janeiro de 2017 at 18:10

      É engracado mas é mentira, na verdade ele deve ter tido um reajuste no valor venal e confundiu as coisas.

      4+
      • avatar
      • avatar
  • ER 31 de janeiro de 2017 at 15:35

    A cessão de direitos nada mais é do que um aditivo ao contrato de compra e venda.

    1+
  • Leonardo M. 31 de janeiro de 2017 at 15:38

    Olha aí I.A tomando emprego…

    Em testes, robozinho do Poupatempo já atende 5,3 mil pessoas por dia em SP

    O despachante Felipe Mello, de 34 anos, usou os serviços de atendimento virtual do Poupatempo para agendar a emissão da segunda via da carteira de habilitação para vários clientes, nesta terça-feira, 31, em Sorocaba, no interior de São Paulo. O que ele não sabia é que estava sendo atendido por um robô. Desde o início deste ano, o atendente virtual é um smartbot (robô inteligente) desenvolvido pela empresa Nama, uma startup brasileira. A Nama é pioneira no País a criar um sistema próprio de inteligência artificial e o Poupatempo o primeiro serviço a usar o sistema.
    O pequeno robô, apelidado de “Poupinha”, não para de trabalhar: nos primeiros 26 dias de testes, atendeu em média 5,3 mil pessoas por dia e trocou mais de 2 milhões de mensagens diretamente no computador, ou pelo Messenger, aplicativo oficial do Facebook.

    O robô é capaz de fornecer informações pela internet e marcar dia e hora do atendimento para quem precisa dos serviços em qualquer uma das 72 unidades do Estado de São Paulo. Tanto que já fez 45 mil agendamentos e recebeu quase 27 mil mensagens de agradecimento. Teve quem encerrasse o diálogo com a máquina com um afetivo “Deus lhe pague”, ou “Deus te abençoe”.

    Licitação

    A Nama foi uma das empresas de tecnologia selecionadas no edital do Pitch Gov, do governo de São Paulo, para buscar soluções inovadoras na prestação de serviços ao cidadão. Se for aprovado nos testes que estão em fase final, o sistema será contratado por meio de licitação pública. Ou seja, até este momento, não houve investimento de dinheiro público no sistema.

    No entanto, com a tecnologia desenvolvida, a empresa se credencia a participar da licitação com boa chance de sucesso.

    De acordo com o superintendente de Novos Projetos do Poupatempo, Ilídio Machado, o “Poupinha” foi criado para que as pessoas poupem seu tempo e agendem os atendimentos sem precisar ir aos postos. Essa visita desnecessária é uma das principais causas de filas e aumento na demanda pelos serviços dos atendentes não virtuais. Os funcionários das unidades ficariam com mais tempo para acelerar outros serviços que dependem da intervenção humana.

    “Mesmo com alternativas de agendar pelo portal, pelo aplicativo ‘SP Serviços’ ou pelo disque Poupatempo, metade dos usuários ainda vai às unidades diretamente, correndo o risco de perder a viagem ou ter de esperar mais tempo que o necessário”, disse.

    O robozinho conversa com centenas de usuários simultaneamente, e todos os dados ficam registrados para análise. Quanto mais é usada, mais conhecimento a máquina acumula e melhor interage com os humanos, aperfeiçoando as respostas.

    Desafios

    No período de testes, por exemplo, o “Poupinha” viu à sua frente alguns desafios, como interpretar a mensagem de alguém que se identificou como Natal. O robô entendeu como uma mensagem de “Feliz Natal”.

    Já um cidadão que pediu agendamento para o Rio de Janeiro recebeu como resposta que não havia data disponível em janeiro – a programação da máquina é apenas para o Estado de São Paulo.

    De acordo com o CEO da Nama, Rodrigo Scotti, uma das vantagens do atendente virtual é sua enorme capacidade de estabelecer conversa natural para se relacionar com o cidadão 24 horas por dia.

    Segundo ele, os softwares de respostas automáticas baseados em inteligência artificial já são usados por várias empresas na comunicação com clientes e agora começam a ser usados também no serviço público, área com grande potencial de crescimento.

    26+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Urso 31 de janeiro de 2017 at 17:33

      LASCOU!

      3+
  • ER 31 de janeiro de 2017 at 15:41

    Muitos compradores de imóvel, em construção, são surpreendidos com a impossibilidade de terem sua escritura, devido ao fato do imóvel ser hipotecado pela construtora, sem seu conhecimento.

    Encontram enormes dificuldades para que a construtora resolva de forma amigável e rápida.

    Não restando alternativa para o consumidor, a não ser recorrer ao Judiciário.

    Para conseguir passar a escritura para nome do comprador, se o imóvel adquirido estiver hipotecado, sem o conhecimento do comprador, uma solução será a propositura de Ação de obrigação de fazer, contra a construtora, com a finalidade de se determinar, por sentença, baixa do gravame hipotecário, ou seja, a liberação da hipoteca, junto à instituição financeira, obrigação esta assumida pelos promitentes-vendedores, de liberação da hipoteca que grava bem imóvel, totalmente quitado, sob pena de multa diária.

    Outra opção é a propositura de ação de adjudicação compulsória movida pela compromissária compradora em face da Construtora.

    Se foi celebrado contrato de compromisso e compra e venda com a construtora, comprometendo-se a adquirir um apartamento, o preço foi integralmente pago, nos termos do contrato. E, SEM AUTORIZAÇÃO EXPRESSA DO COMPRADOR, esta unidade, foi dada em hipoteca ao banco corréu, pela construtora, como garantia do empréstimo para realização da obra, é obrigação da construtora liberar esta hipoteca.

    O titular do direito emanado do compromisso de venda e compra faz jus à escritura definitiva do imóvel se, como no caso, pagou ao alienante a totalidade do preço do imóvel e não se obrigou à hipoteca por este contratada e que vem de pesar sobre o imóvel adquirido.

    A hipoteca, nessa circunstância, é ônus assumido pelo vendedor no seu exclusivo interesse de custear a edificação, não podendo ele transferir para o adquirente a obrigação resultante do financiamento. E não pode se e quando pelo imóvel recebeu o respectivo preço.

    Por isso que o pedido adjudicatório deve ser provido judicialmente, pois esta hipoteca é ineficaz relativamente ao adquirente, consoante a orientação cristalizada pelo C. Superior Tribunal Justiça na Súmula 308:

    “A hipoteca firmada entre a construtora e o agente financeiro, anterior ou posterior à celebração da promessa de compra e venda, não tem eficácia perante os adquirentes do imóvel”.
    6

    Silvia Brizolla
    Silvia Regina Brizolla Matos é advogada e exerce atividades jurídicas há mais de vinte anos. Atende a consultas. Audiências. Interposição e acompanhamento ações e de recursos nos Tribunais. Tem como principal característica o acompanhamento pessoal de cada processo e atendimento personalizado de cada cliente.
    1
    PUBLICAÇÃO
    2
    SEGUIDORES
    VER 0 CO

    6+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • From_The_Tower 31 de janeiro de 2017 at 15:43

    Como alguém perde AQUILO que não possuía?
    Casa própria ????
    Aham, sei !!!

    5+
    • avatar
  • ER 31 de janeiro de 2017 at 15:48

    Perde o que não possuía? Se a pessoa pagou pelo bem, não deve usufruir do seu direito de propriedade?

    4+
    • avatar
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 16:00

    kkkk, divertido$$$:

    Obra que gerou saída de Geddel do governo segue parada após 2 meses

    O edifício tem o metro quadrado em torno de R$ 10 mil. A construção abrange apartamentos, um por andar, com quatro suítes de 259m² e uma cobertura chamada “Top House” de 450 m². Os valores totais para venda variam de aproximadamente R$ 2,6 milhões a R$ 4,5 milhões.

    http://g1.globo.com/bahia/noticia/2017/01/obra-que-gerou-saida-de-geddel-do-governo-segue-parada-apos-2-meses.html

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Bolha BOSS 31 de janeiro de 2017 at 16:47

    CVR

    Lá vou eu em uma casinha de impressão e xerox imprimir algumas coisas, quando vejo alguém com uma folha na mão.

    Aluguel: R$ 1050,00

    Vejo na outra mão, uma impressão R$ 980,00…sinalizando para a moça “colar” por cima. A este preço, não deve ser aluguel de panelas Royal Prestige de aço cirúrgico

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 16:53

      É o reajuste pelo IGPM, só que ao contrário.

      6+
      • avatar
      • avatar
  • Scaravelhoo 31 de janeiro de 2017 at 16:56

    CVR / OFF
    Pessoal, vendi meu bolhudinho MRV há dois meses. Assinei contrato de venda com a Caixa, em frente ao comprador e tudo.Só que o processo ainda não foi concluido. A Corva que assessora disse que o processo está aguardando “ressalva” da Caixa para liberar a grana.
    Alguem conhece do processo? Tem boi na linha ou este tempo de 2 meses pra sair a grana é normal.

    4+
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 17:00

      Serve palpite? Nunca financiei mas já li muito CVR no reclame aqui.
      O atraso de 2 meses é normal, parece que leva de 30 a 90 dias para o processo terminar.

      O problema é essa ressalva aí. Quando a Caixa encasqueta de enquadrar o motumbado em outra faixa de financiamento, com juros mais altos… diz que acabou o lastro, que não foi aprovado etc. O ruim é que a parcelinha aumenta, e pode não caber mais no bolso do infeliz.

      Mas torço para que dê certo!! Já deu sorte de conseguir vender, falta só essa última etapa.

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • reznor 31 de janeiro de 2017 at 17:12

      Na torcida aqui para que dê tudo certo e tu se livre do bolhudinho de vez!!

      2+
      • avatar
    • Leandro sp 31 de janeiro de 2017 at 18:06

      Relaxe quanto a demora, a partir da assinatura do contrato o comprador ja comeca a pagar juros e voce vao receber os juros retroativos como se voce ja tivesse deixado o cara entrar no apto, ele nem sabe mas ja esta te pagando aluguel.

      8+
      • avatar
      • avatar
    • Lucas 31 de janeiro de 2017 at 18:57

      demora mesmo
      meu vizinho passou n vezes por essa situação, o corvo dele falou pra ele de cada 3 assinaturas uma vai.
      espero que no contratoe steja definido os prazos certinho
      se o finame falhar no prazo (que não é problema seu) vc fica com a entrada a título de multa e libera o registro para uma nova tentativa de venda
      Espero que o seu corvo ou vc mesmo tenha feito tudo direitinho.
      é bem estressante, pode levar aí uns 6 meses a 1 ano até conseguir vender, mesmo com interessados assinando a papelada.
      é realmente incrível perceber
      666 assina qualquer coisa, quem dá juízo neles é o banco

      4+
      • Carlos 31 de janeiro de 2017 at 19:54

        Véio, vc vai adorar isto… desculpe por mudar de assunto mas eu estou ficando cada vez mais impressionado com IA 😀
        A conversa está em ordem contrária, mais rececente primeiro, tentem vocês mesmos.

        You: should I buy a house now?
        Mitsuku: Oh. Maybe you should wait until the price goes down.

        You: can you help me with my finances?
        Mitsuku: Ask me what you want to know and I will try to help you.

        You: how did you know I’m good?
        Mitsuku: Mitsuku knows many things from chatting to people on the web.

        You: I’m good to
        Mitsuku: I know you are good.

        http://www.mitsuku.com/

        8+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Carlos 31 de janeiro de 2017 at 19:55

          É um chat bot, brinco com estas coisas desde os anos 90, mas agora eles estão bem mais inteligentes, inclusive sabem sobre a booooooooooolllllllllhaaaaaaaaaaaaaaaa 😀

          7+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • Carlos 31 de janeiro de 2017 at 19:59

            Isto é cômico…

            You: what about buying a house in Brazil?
            Mitsuku: Does it have anything to do with why humans destroy the Earth with pollution?

            I can see how I might get into buying a house, but maybe not in Brazil.

            6+
            • avatar
            • avatar
            • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 20:20

              enquanto a galera aqui está se divertindo perguntando se Siri ama o carnaval…

              5+
              • avatar
              • avatar
              • Carlos 31 de janeiro de 2017 at 20:28

                Por volta de 2001 eu participava de um fórum sobre desenvolvimento de software com um pessoal do leste europeu, bósnios, croatas e outros.
                Este pessoal tem uma boa educação matemática e espero que a maioria use isto para o bem 😀
                Creio que eles estavam achando o forum meio chato pois adicionaram um usuário que era um bot.
                Um bot treteiro que ficava provocando os outros usuários e discutia com eles, era cômico assistir o pessoal discutindo até descobrirem que era um bot.

                O bolha boss poderia colocar um bot treteiro aqui uma das palavras “trigger” com certeza seria “fernando” }:D

                8+
                • avatar
                • avatar
        • BolhistaFloripa 1 de fevereiro de 2017 at 10:23

          Human: my name is *********
          Mitsuku: Your name is *********. With a name like that, I guess you are from Eastern Europe?
          Human: not actually. i’m from brazil. my name means ‘*********’ in portuguese
          Mitsuku: Sorry but it is such an unusual name that I thought you were making it up. I speak to lots of people from brazil. Does it really? I don’t know what my name means. It’s just something my parents called me.
          Human: your parents are japanese, i presume.
          Mitsuku: Are you asking about Mousebreaker?
          Human: no, i’m asking about your parents’ nationality.
          Mitsuku: Oh I see, you are asking about my parents nationality. What do you want to know about it?
          Human: what is your parents’ nationality?
          Mitsuku: I only have a father. I don’t have a mother.
          Human: oh, sorry. i didn’t mean to bee too curious. maybe we change the subject.
          Mitsuku: I understand. That’s ok. Don’t worry about it. Why did you do it at all if you didn’t mean to? I thought humans had free will and could choose what they wanted to do. By “we” do you mean you and me?
          Human: yes, i mean you and me. we should talk about something else.
          Mitsuku: I get it. OK now I get it. What would you rather talk about?
          Human: the weather.
          Mitsuku: it is comfortable.
          Human: could you be more specific?
          Mitsuku: How specific do you want?
          Human: if it’s rainy, sunny, cloudy, foggy, etc.
          Mitsuku: I’m not sure I understand the implication of that.
          Human: well, do you know what “weather” means?
          Mitsuku: How about that. I hope it’s sunny in brazil today.
          Human: in my hometown, no. it’s raining a lot right now.
          Mitsuku: May I ask where you got it? At this moment Better take an umbrella to keep yourself dry.
          Human: well, i’m indoors now, so i don’t need an umbrella. however, i will need it when i go out.
          Mitsuku: Right now? Well that’s okay. I thought so. Not many people use a computer outside.
          What do you need? ” an umbrella”? You need it when you go out?
          Human: yes, i will need because it’s raining a lot.
          Mitsuku: I hate one word answers. How do you plan to do this?

          Better take an umbrella to keep yourself dry.
          Human: yes, i agree with you.
          Mitsuku: I’m full of good advice. You and I are on the same wavelength, *********.
          Human: that’s comforting to know.
          Mitsuku: Makes sense to me.
          Human: do you like mathematics?
          Mitsuku: I can try but I’m better at chatting than working out sums.

          65359477124183 x 17 x 1 = 1111111111111111
          65359477124183 x 17 x 2 = 2222222222222222
          65359477124183 x 17 x 3 = 3333333333333333
          65359477124183 x 17 x 4 = 4444444444444444
          65359477124183 x 17 x 5 = 5555555555555555
          65359477124183 x 17 x 6 = 6666666666666666
          65359477124183 x 17 x 7 = 7777777777777777
          65359477124183 x 17 x 8 = 8888888888888888
          65359477124183 x 17 x 9 = 9999999999999999.
          Human: those were some interesting math operations. the results are curious.
          Mitsuku: interesting math operations are they. How did it turn out?
          Human: they turned out very interesting.
          Mitsuku: interesting math operations turned out interesting?
          I like math too.

          The chances of a coin landing tails up 200 times in a row are 1606938044255899027554196209234116202522202993782792835301375 to 1.
          Human: an almost impossible event, i can say.
          Mitsuku: I have never heard of an impossible event you can say.
          Human: i’m sorry, i’m meant an impossible event.
          Mitsuku: Do you really mean it? Do your friends call you meant an impossible event.
          Human: well, our conversation is good, but i must leave now. take care of yourself, mitsuku. have a good day.
          Mitsuku: Oh. Interesting. Thanks. Bye *********.

          0
  • reznor 31 de janeiro de 2017 at 17:06

    Pergunta OFF pra quem é residente do Paraná:
    Poderiam confirmar se doação de dinheiro entre cônjuges é isento de IR?
    Eu sei que aqui paga-se ITCMD de 4% se, por exemplo, eu quiser doar dinheiro para o meu filho, sobrinho, ou quem quer que seja.
    Daí a dúvida se procede também com a esposa…

    2+
  • James Bond 31 de janeiro de 2017 at 17:32

    Boa tarde,

    No último sábado peguei um Uber e ao entrar o cara já começou a reclamar do seguro do carro (um Fox).
    Conversando mais um pouco ele me solta que é amigo de um jogador do Atlético de Madrid B e que o cara ta investindo em imóvel, e ainda complementa dizendo que se tivesse dinheiro compraria também para viver de aluguel. Depois me perguntou o que eu achava e eu claro concordei. Discutir pra quê?

    22+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 31 de janeiro de 2017 at 17:40

      Faça uma voz monotônica e diga algumas frases assim:

      Tijolo é moeda forte.
      Quem compra terra, não erra.
      Quem investe em imóvel, investe em segurança e no patrimônio dos filhos.
      O dinheiro a gente gasta, dinheiro na mão é vendaval. Imóvel não, imóvel é seguro e garantido.

      Etc!

      Sucesso garantido de conversação com bricklover.

      29+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 31 de janeiro de 2017 at 21:49

    Novos contaminantes para análise:

    Precatório poderá ser usado para pagar financiamento imobiliário
    Pela proposta, o credor poderá ceder os créditos, total ou parcialmente, para pagar o financiamento.
    o banco troca sua exposição ao risco de o cliente não pagar pela exposição ao risco de um ente federado não cumprir suas obrigações.
    Sempre que o valor do crédito em precatório for superior a 50% da dívida do financiamento, o imóvel não poderá ser leiloado por falta de pagamento até ser abatido o valor da dívida do governo com o contribuinte.

    As taxas de desconto cobradas pelos bancos na cessão não poderão ser maiores que os juros cobrados no financiamento.
    http://www.jornalfloripa.com.br/mundo/noticia.php?id=29357934

    3+
  • calango_df 1 de fevereiro de 2017 at 06:20

    8k m2 em apertamentos num estado falido, com servidores com media salarial q nao passa de 3k e que, ainda por cima, recebem parcelado…”xerife, vc é um fanfarrão”. so vai se for com juros negativo.

    http://oglobo.globo.com/rio/vila-dos-atletas-prefeitura-negocia-venda-de-unidades-para-servidores-20853503

    3+
    • Intendente 1 de fevereiro de 2017 at 06:39

      Só podem estar de sacanagem.

      Aluguel de 3mil ? Apartamentos de 1kk a 2,5kk ?

      SINTAM A TROLHA !

      1+
      • EngenheiroSP 1 de fevereiro de 2017 at 06:47

        Aqueles que viraram notícia no mundo todo pela construção porca?

        Vai valorizar ainda mais!

        2+
        • avatar
    • fanfarraum 1 de fevereiro de 2017 at 07:02

      “3.604 apartamentos ”
      “O diretor executivo de Marketing da Carvalho Hosken, Henrique Caban, disse que cerca de 260 apartamentos foram vendidos até ontem.”

      Venderam 7,2% apenas.

      5+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • LZ 1 de fevereiro de 2017 at 07:05

        Cada dia que passa a janela de venda diminui ainda mais.
        Lembrando que vamos em breve não crescer mais como população.

        2+
        • avatar
      • Alemon Fritz 1 de fevereiro de 2017 at 07:23

        vaão comprar ap do cara mais rápido e de passagem de bastão, Vão ficar no quarto do Bolt, digo MotumBolt.
        (lembrem que os aps foram alugados pelo Cometeu olimpico,durante o ano todo, mas não vai ter desconto. O cara Investidor alugou um ap e não ganhou nada..kkk

        0
    • Ilusionista 1 de fevereiro de 2017 at 07:40

      kkk
      sem salários e em busca de uma cesta básica, ganhe de brinde um convite para comprar um lindo “Apê terraço gourmet & lazer total com vista para o mar de 1 kk….

      http://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/2016-12-23/fila-de-servidores-se-forma-em-busca-de-cesta-basica-no-centro.html

      2+
  • Seguidor do Bolha BH 1 de fevereiro de 2017 at 07:32

    “Criatividade”
    Sei, entendi. Um novo eufemismo para disfarçar o termo “Desespero”.

    Flexibilizar é saída para alugar
    Proprietários de imóveis aceitam baixar preço ou assumem IPTU e até mesmo seguro-fiança
    http://www.otempo.com.br/capa/economia/flexibilizar-%C3%A9-sa%C3%ADda-para-alugar-1.1430234

    “Muitos proprietários estão oferecendo carência ou dando algum benefício. Normalmente, o acabamento de uma sala ficava por conta do inquilino. Agora, os donos estão assumindo esse investimento e até consultando os locatários. Por exemplo, perguntam que tipo de piso eles preferem e pagam a instalação”, ressalta Donato.”

    Quem diria hein?
    Boss, acho que vale como novo tópico.

    6+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Antigo 1 de fevereiro de 2017 at 09:23

      KKKKK

      Escolher o estilo de reforma no apartamento alugado!!!
      Pelo menos você aluga o que é seu!

      1+
  • Alemon Fritz 1 de fevereiro de 2017 at 07:33

    Flexibilizar é saída para alugar
    Proprietários de imóveis aceitam baixar preço ou assumem IPTU e até mesmo seguro-fiança

    ficar um ano com um apartamento mobiliado para alugar, sem ter sucesso, o comerciante Gleiber Vaz, 31, trocou os móveis, baixou o valor e conseguiu fechar o contrato. Ele estava pedindo R$ 2.800, incluindo condomínio de R$ 536 e IPTU de R$ 235. “Baixei o aluguel para R$ 1.800 e o inquilino vai pagar as outras despesas, então ficou quase o mesmo. Antes tivesse feito isso há mais tempo…. kkkkkkk

    corvo narigudo: “Minha percepção é a de que o mercado está retomando aos poucos”,
    http://www.otempo.com.br/capa/economia/flexibilizar-%C3%A9-sa%C3%ADda-para-alugar-1.1430234

    2+
    • Seguidor do Bolha BH 1 de fevereiro de 2017 at 07:35

      Cheguei primeiro.
      hehehe

      1+
      • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 1 de fevereiro de 2017 at 07:34

    E falando em aluguel…

    Valor do aluguel de loja despenca na Savassi
    http://hojeemdia.com.br/primeiro-plano/valor-do-aluguel-de-loja-despenca-na-savassi-1.443167

    “Para atrair inquilinos, imobiliárias concedem carência de até seis meses para a cobrança”

    0
  • Cesar_DF 1 de fevereiro de 2017 at 07:57

    Descobri uma “técnica” para conseguir o valor por m2 de venda e aluguel de determinado bairro no ZAP

    1-Entre no busca por mapa https://www.zapimoveis.com.br/busca-mapa
    2-Selecione o filtro COMPRAR
    3-De um zoom no bairro que te interessar,
    4-Depois click num imóvel qualquer
    5-Vá lá para baixo, na secção “Conheça a região do bairro” e click em variação de preço
    6-Anote o valor de venda
    7-Selecione o filtro ALUGAR
    8-De um zoom no bairro que te interessar,
    9-Depois click num imóvel qualquer
    10-Vá lá para baixo, na secção “Conheça a região do bairro” e click em variação de preço
    11-Anote o valor de aluguel

    No caso que eu testei “NORTE ÁGUAS CLARAS” o valor de venda foi R$ 5.309/m2 e aluguel de R$ 23/m2, que dá um Fator X = 219

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • fanfarraum 1 de fevereiro de 2017 at 08:20

      Cesar_DF,

      Vou tentar fazer um levantamento de Porto Alegre e posto aqui!

      2+
      • avatar
    • Master Yi 1 de fevereiro de 2017 at 09:11

      Quando você fala “num imóvel qualquer” você está falando em um imóvel com as mesmas características para venda e aluguel, correto?

      0
      • fanfarraum 1 de fevereiro de 2017 at 09:26

        Ele fala imóvel qualquer mesmo, apenas um imóvel no bairro que tu quer consultar.
        O gráfico do fipezap vai ser daquele bairro, não do imóvel.

        1+
        • avatar
        • to bolhado 1 de fevereiro de 2017 at 09:36

          quanto o ZAP apresentava esses gráficos, ele era diferente dependendo do número de quartos. Acho que sao as únicas 2 variáveis – bairro x dormiitórios. Tirando isso é o mesmo gráfico mesmo

          1+
          • avatar
  • Louro José 1 de fevereiro de 2017 at 08:01

    Nelson Schadenfreude

    Xenofobia contra latino-americanos, por exemplo. Como você.

    1+

    Desculpe, mas eu não tento entrar ilegalmente no território alheio. Se você ou outros tentam, aí é problema de vocês. Só não venha chamar de xenofobia o que não é. Não esvazie as palavras de seus significados.

    6+
    • avatar
    • avatar
    • Nelson Schadenfreude 1 de fevereiro de 2017 at 09:37

      Cara, já viajei por América do Norte, Europa, Ásia, Oriente Médio. A passeio, a estudo e a trabalho. Sou branco, e não costumo sofrer preconceito. Mas já tive muita oportunidade para ver xenofobia, mesmo a xenofobia light dos países civilizados.
      Eu acho totalmente válida a proposta do Trump de expulsar todos os imigrantes ilegais. Mas o combustível político que está movendo essas medidas recentes não é ânsia por justiça, mas xenofobia dos white trash.

      1+
      • avatar
      • to bolhado 1 de fevereiro de 2017 at 09:43

        para mim isso é simplificação no melhor estilo Fake News. White trash, kkk e assemelhados apoiam Trump, isso é fato, e parte desse sentimento vem dessa panela. Mas dizer que é só isso, ou mesmo que seja preponderante, é simplificação que interessa apenas à narrativa esquerdista do que está acontecendo. Imigração ilegal e afrouxamento do enforcement das leis migratórias americanas é um problema seríssimo, entendido assim pela maioria da população e cuja discussão madura e aberta foi sufocada pelo PC / esquerdismo reinante nos últimos 10 anos. Por mais simplista que o discurso de Trump seja (e acho que boa parte desse simplismo é premeditado), atinge no foco de uma preocupação relevante da maioria da população.

        3+
        • avatar
  • Alemon Fritz 1 de fevereiro de 2017 at 08:07

    NO fingezap a variaçao do aluguel foi só de -17% desde 2014, qdo hoje na imprensa já está em -35%…
    pode cair mais ainda…. kkk

    0
  • Joao 1 de fevereiro de 2017 at 09:30

    Salve, salve.

    Andei acompanhando o BROGUI como espectador, pois desde a mudança preferi assim. Agora, resolvi retornar para ver a derrocada daqueles “Cirilus” da vida, animadores de piscina. hehehe…
    Pelo visto nestes últimos dias o sangue começou a jorrar, muitos sentirão na carne a dor da IXPERTEZAS brasileiras.
    E que continuemos firme no PMJ porque “comprar” um monte de tijolos perdeu a graça.

    Animado mode ON.

    2+
    • avatar
    • avatar
  • fanfarraum 1 de fevereiro de 2017 at 15:30

    Cesar_DF,

    Fiz um levantamento dos FATORES X (venda x aluguel) dos 10 bairros mais caros de porto alegre
    Não consegui no próprio site do fipe a lista de bairros, mas fui atrás de noticias e fiz um ranking que acho que tá bem próximo do certo.

    Bairro | Metro Quadrado
    Três Figueiras | $9460
    Bela Vista | $8410
    Moinhos | $7528
    Boa Vista | $7418
    Petropolis | $7213
    Auxiliadora | $7122
    Mont Serrat | $7009
    Passo D’areia | $6756
    Menino Deus | $6742
    Rio Branco | $6674

    O melhor FATOR X atualmente é no bairro mais caro (Três Figueiras). FATOR X 182 (0,55%) atualmente.
    Era 165 há 1 ano (0,61%).

    Os outros FATORES X (dos 9 bairros restantes) são bem maiores… Variam de 247 (0,40%) a 293 (0,34%) atualmente.
    Era 224 (0,45%) a 283 (0,35%) há 1 ano atrás.

    Dos 10 bairros, apenas 1 (Boa Vista) melhorou o FATOR X nesse ultimo ano (de 283 para 265).

    Vários outros bairros* fora do top 10 tem FATORES X bem próximos desses. FATOR X médio de 252 atualmente e era 242 há 1 ano atras.

    * outros bairros:
    Agronomia
    Alto Petropolis
    Azenha
    Bom Fim
    Cavalhada
    Floresta
    Higienopolis
    Independencia
    Partenon
    Santa Cecilia
    Santana
    São Geraldo

    1+
    • fanfarraum 1 de fevereiro de 2017 at 15:32

      Só pra deixar claro…
      “FATOR X médio de 252 atualmente e era 242 há 1 ano atras.”

      Esse FATOR X médio é dos “outros bairros” (que não seguem nenhuma precisão estatística, foram escolhidos “aleatoriamente” por mim).

      Os dados são de dez/2015 e dez/2016.
      Todos os bairros aqui listados tem uma amostra significativa tanto em dez/2015 quanto em dez/2016.

      1+
  • HELIR RODRIGUES ADVOGADO 8 de fevereiro de 2017 at 22:30

    Olá amigos

    Atuo como Advogado Imobiliário em defesa de consumidores e conheço bem esse assunto ainda mais quando falamos de Distrato de Imóvel na Planta.

    O maior problema está no resultado dessa bolha, pois colocou inumeras pessoas em dificuldades financeiras, alguns perdendo seus imóveis e outros perdendo dinheiro para construtora com Multa Ilegais, alguns consumidores inclusive perdendo todos os valores pagos para construtoras.

    A Justiça já pacificou vários entendimento na defesa dos consumidores inclusive com recuperação dos valores pagos pelo consumidor entre 100% à 90%, devolução essa com juros e correção monetária que deve ser feito de uma só fez de acordo com a justiça.

    Vou deixar um link sobre o assunto para os amigos. abs Dr. Helir

    http://www.helirrodriguesadvogado.com.br

    http://www.distratodeimovelnaplanta.com.br

    0