#BolaDeCristal – Previsões para a Economia e a Construção Civil em 2017 – Exame

Você pode gostar...

Comments
  • Bolha BOSS 1 de dezembro de 2016 at 21:00

    Países do Mercosul oficializam suspensão da Venezuela do bloco

    http://www1.folha.uol.com.br/mundo/2016/12/1837650-paises-do-mercosul-assinam-suspensao-da-venezuela-do-bloco.shtml?cmpid=facefolha

    Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai decidiram suspender a Venezuela do Mercosul nesta quinta-feira (1º), após o país não cumprir as obrigações assumidas quando se incorporou ao bloco, em 2012.

    Os chanceleres dos quatro países assinaram a notificação de suspensão nesta quinta. O texto determina que seja “cessado o exercício dos direitos [da Venezuela] inerentes à condição de Estado Parte do Mercosul”.

    14+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Carlos 1 de dezembro de 2016 at 21:07

      A Venezuela é o exemplo vivo que se pode sempre piorar, mas provavelmente segundo o amorinha e nossos políticos e jornalistas sonháticos tudo vai melhorar em 2017.

      Eu garanto que a minha situação vai melhorar 😀
      Avoa latinha e PMJ.

      15+
      • avatar
      • avatar
      • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 11:58

        outro exemplo vivo que pode sempre piorar é o BR

        olha, se realmente acontecer dos reds dar as mãos aos blacks
        E somado com isso uma quebra com a OPEP = nova crise do petroleo

        Se tudo isto que está andando vencer em 2018.
        SE… Senhores, Se o que se desenha acontecer mesmo
        Tudo o que eu previ, chamem de SOFT

        9+
        • avatar
        • avatar
        • Awulll 2 de dezembro de 2016 at 12:30

          Que mentira, a maravilhosa e grande filósofa Marilena Chauí disse que o petróleo será o bem mais valioso daqui a 20 anos.
          Temos o pré-sal, estamos ricos.

          7+
          • avatar
    • Faca na Caveira 1 de dezembro de 2016 at 21:23

      É Maduro, a coisa tá preta pro seu lado. Tchau querido! Vá pra PQP.

      10+
      • Carlos 1 de dezembro de 2016 at 21:26

        Esta gente nunca desiste, veja o caso do saco de m… do Fidel Castro, preferem matar todos primeiro.

        6+
        • Carlos 1 de dezembro de 2016 at 21:31

          Uma consequência positiva da crise bananense é que isto vai abreviar a ditadura de Maduro, Cuba teve suporte da URSS do bananistão e de outros soças para durar tanto tempo.
          Mas eu ainda aposto que os venezuelanos não aprenderam a lição e muito menos os bananenses vão aprender e assim caminha a américa latrina com seus caudilhos, ditadores e facínoras muitas vezes eleitos pelo povaréu.

          8+
          • avatar
  • Carlos 1 de dezembro de 2016 at 21:03

    2017 será o ano mágico, o “annus mirabilis”, segundo nossos “jênios” da economia, do governo e das redações dos jornalões.
    Eles não tem um fato concreto paras que se basear e ficam vendendo este leite de cobra, justamente o contrário, tudo pareçe indicar que o fundo do poço ainda está longe e que falar em recuperação só perde em idiotia para a conversa dos 30% ao annus dos corvos.

    Suponho que estejam tirando conclusões dos seus próprios annus. 😛

    8+
    • avatar
  • CarlosL 1 de dezembro de 2016 at 21:09

    “os primeiros setores a se recuperarem depois de uma crise costumam ser o automotivo e o imobiliário”

    Justamente aqueles setores que não voltam aos indicadores de antes devido a uma mudança de paradigmas em curso independente da crise. Quem diria……..

    11+
    • avatar
    • avatar
  • Carlos 1 de dezembro de 2016 at 21:23

    Por falar em oráculos, cadê o nosso? Pai Xicão onde está você? Precisamos de mais previsões escatológicas 😀

    8+
    • avatar
  • Labar 1 de dezembro de 2016 at 22:00

    Corvo é foda. Não sei se é preguiça ou falta de noção mesmo. Qual a dificuldade de bater umas fotos decentes pra colocar no anúncio?!? Não to nem pedindo pra contratar fotógrafo, mas tira pelo menos umas fotos que dê pra ver o ambiente todo. PQP! Pelo visto, pra ser corvo basta tirar o cresci e comprar uma tekpix. Ainda tira as fotos com o cel em pé! kkkkk http://www.wimoveis.com.br/propriedades/sqn-105-3-qt-st-dce-gar-vazado-vista-livre-2929153900.html

    4+
    • avatar
    • Labar 1 de dezembro de 2016 at 22:03

      Ainda botou a metragem errada, esse apê é 112m, não 120m. Acho que é herança do tempo em que os apês se vendiam sozinhos aqui no plano. Chegava na portaria tinha pilha de bilhetinho com gente querendo comprar. Agora a realidade é outra.

      7+
      • avatar
    • Margarida 2 de dezembro de 2016 at 11:03

      Quanto menos informações e fotos decentes no anúncio, maior a chance de você pedir mais informações ao corvo por telefone ou formulário de contato. Pra vincular a venda à corvolária e cobrar a comissão.

      5+
  • Alemon Fritz 1 de dezembro de 2016 at 22:03

    o frutinha não foi capaz , não previu nem o cenário do Trump ganhando muito menos o Brexit… sabe fasser previssão, sim abiguinhos!!
    a culpa é da pouca propaganda.. kkkkk esse é o momento de anunciar..
    Compre djá!! que vai aumentar após 2014, ou até 2039

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • RC 1 de dezembro de 2016 at 22:28

    “Atrasos em parcelas de imóveis triplicam; veja como negociar com os bancos”

    “A casa própria virou sinônimo de dor de cabeça para muitos brasileiros. Hoje, 15,2% das pessoas com dívidas estão com prestações de imóveis atrasadas há mais de 30 dias, contra 5,6% no ano passado, segundo uma pesquisa feita pelo Instituto GEOC, que reúne informações de 16 empresas de cobrança.

    — Os números mostraram que os atrasos no pagamento das parcelas da casa própria são causados pelo aumento do desemprego e pela diminuição de renda. Muitas famílias usavam, para o financiamento, a soma das rendas de marido, da mulher e dos filhos. Quando uma dessas pessoas perde o emprego, o comprometimento (com a prestação) fica além do orçamento da família — explicou Jair Lantaller, coordenador da pesquisa.”

    “— Tecnicamente, a pessoa só é dona da casa quando quita o financiamento. Mas vale lembrar que os bancos não têm interesse em retomar os imóveis para leiloar, ainda mais num momento como este. Então, estão predispostos a uma negociação melhor para ambas as partes.”

    http://extra.globo.com/noticias/economia/atrasos-em-parcelas-de-imoveis-triplicam-veja-como-negociar-com-os-bancos-20569585.html

    Créditos ao Antigo que já havia postado o sítio da notícia no tópico anterior, porém sem transcrição ou destaque.
    .

    Os bancos não tem interesse de leiloar o imóvel pois sabem que podem conseguir valores menores que o saldo devedor desses imóveis com preço bolhudo. Mas querer nada tem a ver com a necessidade de tomar estes ativos e diminuir o prejuízo.

    Se o mutuário perde o emprego e fica sem renda não adianta negociar a dívida, parcela menor não cabe no bolso de quem está sem receita. Só se o governo criar agora o “bolsa imóvel” que estende o seguro desemprego para aqueles que tiverem financiamento de imóveis o tempo que for necessário para o cidadão conseguir um novo emprego (nesse caso não teria incentivo de procurar).

    10+
    • avatar
    • avatar
    • chigo 2 de dezembro de 2016 at 09:56

      Não dá ideia

      6+
  • O Cramulhao de FHCigienopolis45 1 de dezembro de 2016 at 22:35

    73% dos compradores com atraso!
    Sendo que 37% atrasaram mais de 180 dias (quando a construtora começa a pensar em provisionar) , bem diferente da prática 2628 do BACEN, para considerar “default” acima de 90 dias.
    Nas ideias do pessoal, 90 dias ainda tá de boa, dá pra negociar!
    Probabilidade de 25%, dadas as características dos compŕadores, de aumentar o número de clientes de status com default.

    É o que podemos dizer de uma tal incorp. B , desde quando começamos a debruçar na bagunça.

    Espero que possamos garantir nosso ganha pão, antes de tudo ir para o colapso….

    Ps:73% de atraso…assustou todo mundo, até quem já devia saber que as coisas estavam nesse nível
    Ps2: Sim, para compras feitas na planta.
    Ps3: no fundo tá me dando tristeza ver essas coisas…

    25+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • CA 2 de dezembro de 2016 at 05:29

      Isto tem a ver com o que perguntaram outro dia, sobre uma “noticia” que dizia que aqui no Brasil não temos um volume de imóveis retomados pelos bancos nos mesmos patamares que ocorreram na explosão da bolha imobiliária americana.

      Não temos porque não consideram o total de imóveis distratados oficialmente de 2011 até hoje, que já superam os R$ 35 BILHÕES, isto só de uma parte das construtoras com Ações na BOVESPA, não consideram o volume de distratos absurdo que também vem ocorrendo ha anos com construtoras que não tem Ações na BOVESPA e que levou algumas delas a quebrarem, ou das que tem Ações ma BOVESPA e não declaram os distratos, não consideram um volume muito alto de distratos solicitados por ex-compradores de imóveis, mas que ainda não foram “reconhecidos” pelas construtoras, as vezes com uma “analise” que demora mais de 1 ano, não consideram um volume absurdo de imóveis que estão com o pagamento na planta já com atraso absolutamente ANORMAL, como no exemplo que você forneceu, não consideram o percentual do MCMV que está inadimplente há mais de 90 dias em que a CEF não está retomando o imóvel (MCMV faixa 1 com inadimplência de quase 30%), não consideram um volume enorme de crédito imobiliário podre que a CEF repassou a troco de banana para empresas abutres e saiu dos balanços dela, etc, etc, etc…

      O que temos acima é o cúmulo do absurdo e fica ainda pior quando você acrescenta as perguntas que não querem calar:

      Onde estão as auditorias, a CVM e as empresas de avaliação de risco internacional que avaliam estas construtoras frequentemente e tendo os dados acima visíveis não fazem um alerta com ênfase sobre a real gravidade do assunto? Onde está a imprensa que certamente tem profissionais que conhecem ao menos uma parte desta situação e nunca mencionam sua real gravidade, como por exemplo o “otimista” Ricardo Amorin mencionado no artigo do tópico de hoje? Como já disse antes, estão envolvidos até a raiz dos cabelos com esta situação, todos eles aprovaram um esquema de venda falsa na planta no passado, todos eles passaram ANOS fazendo de conta que não viam as gravissimas anomalias que so pioravam a cada dia, agora, se apontarem a real gravidade da situação, terão que reconhecer que são cúmplices do golpe aplicado ou que são extremamente incompetentes…

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Alemon Fritz 2 de dezembro de 2016 at 07:24

        imaginem a pessoa estar com dívida de uma coisa que não vai ser terminada no prazo…isso deve englobar + de 60% dos imóveis com menos de 4 anos.

        8+
        • avatar
      • O Cramulhao de FHCigienopolis45 2 de dezembro de 2016 at 08:50

        Eu vejo também que o problema começa ainda dentro das construtoras, com o nível dos profissionais contratados mesmo

        Você já vi u o nível do staff que trabalha em muitas dessas construtoras com receitas bilionárias ? Gente sem o menor know-how, sem o menor conhecimento de análise de risco e planejamento. Por ter tanta grana rolando, eu achava que a maioria dos contratados dessa empresas para gerir a parte estratégica e operacional de gestão eram no mínimo de instituições tops omo USP, ITA, IME, FGV e etc, e que cargos de chefia teriam vindo de Harvard, Princeton, Oxford, Cambridge e etc, que é o que se vê em empresas que miram o crescimento (mesmo que na maioria das vezes tenham receita muito menor que a dessas construtoras). Não estou julgando os profissionais apenas pela “alma matter”, mas também pelo currículo e histórico de trabalho…de fato, não me aparentam ser nada competentes para estarem em empresas de receita bilionárias.

        O que nos deparamos foi com uma gente despreparada, sem noção básica de matemática (quiçá estatística e mercado financeiro) e que não entendem muito pouco do próprio negócio. E a própria chefia, de quem se esperava altíssima competência, também passa insegurança.

        Minha grande dúvida é : como essa gente ganhou tanto dinheiro no setor de construção civil no Brasil ? Será que é essa realidade ? Tudo aqui é nivelado assim por baixo, e se você faz um “pouquinho” melhor do que o que se tem no Brasil, vc já vira gigante ?

        E o que mais irrita é saber que tais construtoras só vão procurar gente competente de verdade quando a bomba já estourou…

        Ps: a quem interessar ver o nível e a cara de “bunda” de quem tem altos cargos nessas incorporadoras, basta digitar o nome da mesma que esteja a beira de recuperação judicial no LinkedIn, analise o currículo de “tais equipes” estratégicas e entenda parte da derrocada…

        13+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • CA 2 de dezembro de 2016 at 10:00

          HOJE pode ser assim, mas no começo…

          Veja sobre Enrique Bañuelos e sua participação na PDG, quando entrou e saiu. Idem para Sam Zell na Gafisa. Eles entendiam perfeitamente o que estavam fazendo e suas consequências, é só ver o timing deles para entrada e saída nestas empresas. Junto com eles, alguns executivos de construtoras que entendiam de forma plena como funcionava o esquema e os sardinhas SORTUDOS, aqueles que sem entender nada do que se passava, entraram no começo e saíram a tempo. Depois disto, os “jênios” (sic) que ficaram nas construtoras ou foram contratados por elas, apenas foram replicando os golpes, alguns sem nem saber o que estavam fazendo, outros sabendo e achando que o golpe poderia durar para sempre (iludidos que não entendiam os mecanismos de auto-destruição do golpe, daqueles que acreditam em “querer é poder”, “o governo é todo-poderoso”, etc) e outros que sabiam que ia estourar e ficaram só por mais um tempinho enquanto ainda podiam, até achar alguma outra oportunidade…

          Não precisa ser um cara genial para dar continuidade a um golpe, como disse acima, a pessoa não precisa nem entender muito do golpe e às vezes, é estratégico trazer pessoas incompetentes, pois são exatamente estas que vão continuar com o golpe sem entendê-lo ou questioná-lo.

          Sobre o “enriquecimento” com a construção civil, enquanto existem TROUXAS e CONDIÇÕES MÍNIMAS para realizar o golpe, ele vai se perpetuando e quem está do lado que aplica o golpe vai faturando alto, novamente sem nem precisar de qualquer competência excepcional no assunto. O problema é agora, que o estouro se intensificou muito, os trouxas ainda existem (sempre existirão), mas não dá mais para pedalar e maquiar tanto com os efeitos colaterais como eles vinham fazendo ao longo de ANOS, não há gênio que vá resolver a situação da construtora. Lembrando: o golpe foi aplicado de tal forma que gerasse altas comissões e bônus para quem o idealizou no COMEÇO, em troca da destruição GARANTIDA da construtora, os próximos que entraram, como em toda pirâmide, viram os ganhos diminuírem e a base da pirâmide explodindo. É o mesmo que aconteceu com Lehman Brothers e outros agentes que serviram para ficar com os efeitos destrutivos do lucro excepcional das pessoas físicas que criaram o golpe…

          12+
          • avatar
    • Money_Addicted 2 de dezembro de 2016 at 08:39

      mas pera, compra na planta nao existe atraso 🙂 vc apenas esta deixando de adiantar o pagamento.
      desculpem o tom meio ironico mas se fossemos levar ao peh da letra estaria correto, pois se vc nao recebeu o bem, vc nao esta atrasado e sim deixando de adiantar o pagamento por algo q ainda nao recebeu

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 2 de dezembro de 2016 at 07:03

    ia melhorar em 2014..

    Preço dos imóveis têm queda real de mais de 6% em novembro
    http://g1.globo.com/economia/seu-dinheiro/noticia/preco-dos-imoveis-tem-queda-real-de-mais-de-6-em-novembro.ghtml

    8+
    • avatar
    • avatar
    • EngenheiroSP 2 de dezembro de 2016 at 07:08

      Mudou pra melhor. Já tava bom, falaram que ia melhorar porque não tava muito bom, tava meio ruim também, agora parece que piorou

      10+
      • avatar
      • avatar
    • Alemon Fritz 2 de dezembro de 2016 at 07:16

      A mediana é de 5,600 reais, a moda um pouco menos. ou seja a maioria das cidades está até 5k o m2 ( e está caro) pois está tudo parado mesmo nesse valor

      4+
  • Seguidor do Bolha BH 2 de dezembro de 2016 at 07:11

    “O consultor econômico aconselha que o melhor momento para investir é agora, em que o pessimismo domina quem está desinformado”
    kkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Este Amorinha é ótimo comediante.
    kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    21+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Antigo 2 de dezembro de 2016 at 08:03

    Em geral otimismo é bom. Faz sair da inércia e começar as coisas.

    Mas esse otimismo sem nenhum fundamento é irresponsável, quase criminoso. Vai que alguém acredita? Vai levar motumbada.

    Recuperação no automotivo e imobiliário? Isso é impossível no horizonte visível.

    8+
    • avatar
    • avatar
  • socrates 2 de dezembro de 2016 at 08:05

    “http://www.nytimes.com/2016/12/01/opinion/carrier-jobs-saved-by-government.html?_r=0”

    acho que já vi esse filme…

    Brazilian feelings

    4+
  • Alemon Fritz 2 de dezembro de 2016 at 08:07

    Horoscopo Frutinha na coluna do New York Times , Economist, e painel Bloombergui
    Aries
    Ariano! nao se irrite, vai melhorar até 2041, não seja pessimista
    Touro
    Vc Sabe lidar com dinheiro, compre 2 ou 3 Djá, pra investir..
    Gêmeos
    Compre um geminado pra investir, não tem crise
    Leão
    Compre uma chácara, uma casa na praia e um loft, pois vc é o rei
    Libra
    Se decida, saia do aluguel djá Leia mais os meus textos
    Capricornio
    Não bata cabeça, case e compre a casa dos sonhos.
    Virgem
    Seu periprocto se adapta virgem – a TR é zero virgula pouquinho.
    Aquario
    Invista no Le vue, não escute as cassandras, ou compre ações PDgesso

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Minions 2 de dezembro de 2016 at 08:08

    CVR contabilista
    Conversando com dono de escritório de contabilidade, este relatou que o desemprego só não está maior porque as empresas não tem $$$ para pagar as verbas rescisórias.
    Winter is coming!

    29+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Shrek Oriental 2 de dezembro de 2016 at 08:29

      Tenho um CVR sobre isso tenho um amigo que trabalha para um cara que tem várias empresas uma é referência na área de atuação, o cara quer vender os bolhudos (casa e uma fazenda), contratou um consultor que disse que a família do cara já foi uma das mais ricas do ABC, hoje ele não tem dinheiro para mandar o pessoal embora, o meu amigo saiu de férias agora em novembro e não recebeu as férias, ele quer ser mandado embora, mas a empresa não tem dinheiro para mandar ele. Teve uma época em que ele ia na fazenda pegava um monte de frutas (abacate, limão e laranja) e mandava os peão que não tinha o que fazer ir vender na feira que tem na região. Hoje ele tem pessoal sobrando atrasa salário e mal consegue dormir. Ele tem uma divida de 8 dígitos.

      Toda semana eu vou beber com este meu amigo, eu trouxe ele para o lado negro da força transformei ele num bolhudo, apesar que ele ainda tem medo, mas já tirou o dinheiro da poupança e aplicou num CDB do Itaú.

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • CBo 2 de dezembro de 2016 at 08:16

    Não é uma materia, é uma propaganda. Veja a nota no alto da pagina:

    “Este conteúdo de divulgação comercial é fornecido pela empresa Dino e não é de responsabilidade de EXAME.com”

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 2 de dezembro de 2016 at 10:00

    Geração Canguru

    Em paralelo, um outro fenômeno foi observado pelos pesquisadores do IBGE. A proporção de brasileiros de 25 a 34 anos de idade que ainda moram na casa dos pais aumentou de 21,7% para 25,3% entre 2005 e 2015.

    A “geração canguru”, como essa faixa etária é conhecida, é composta majoritariamente por homens (60,2%).

    Para os especialistas do IBGE, a opção de permanecer na casa dos pais está ligada ao prolongamento dos estudos e ao encarecimento do custo de vida atual.

    No entanto, permanecer com a família não significa estar desempregado. Pelo contrário. Cerca de 6 em cada 10 pessoas que vivem com os pais estão empregadas. Além disso, a pesquisa mostra que o nível de instrução desse grupo também é elevado: 35,1% tinham ensino superior completo ou nível mais alto e 37,6% tinham ensino médio completo.

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Alves 2 de dezembro de 2016 at 10:48

      Como se sai de casa com os preços pornográficos dos imóveis? Particularmente vou demorar a sair, rs.

      14+
      • avatar
    • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 12:03

      quero ver a proxima geração canguru num Mrvê de 40 metro quadrado

      13+
      • avatar
      • avatar
  • Moreira 2 de dezembro de 2016 at 10:01

    Percebo que está crescendo o número de pessoas que já reconhecem o alto custo de se manter um carro, ainda que “popular”, e a inviabilidade de se manter esse padrão de comportamento baseado no uso excessivo do automóvel. Não porque leram sobre o assunto, mas sim porque a crise (desemprego, inflação, parcelinhas) está fazendo com que o bananense adie a troca do veículo,a manutenção, a troca do pneu buchudo, a renovação do seguro. Enfim, Manutenção, seguro, multas, estacionamento, gasolina e – claro – DESÁGIO estão comendo boa parte do orçamento do brasileiro. Automóvel custa quanto na renda da sua família? Eu conheço inúmeras pessoas que a parcela, só a parcela, é quase metade da renda. Conheço vários casais sem filho com dois carros. Pra nada, só por vaidade, pra tirar onda entre amigos, pra pagar nossos juros. Sem crédito, sem emprego, juros que incomodam o bolso, multas mais caras, tá lascando o bananense. E claro, essa indústria está não será como antes.

    25+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Money_Addicted 2 de dezembro de 2016 at 10:15

      sim, eu conheco um casal tambem q esses dias estavam contando como vantagem q compraram o segundo o carro e q ainda estavam alugando uma segunda garagem.

      O interessante eh q contam isso como vantagem, eu soh pensando, vantagem pra mim q to financiando suas bestices 🙂

      PMJ

      18+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Money_Addicted 2 de dezembro de 2016 at 10:17

        eh meio obvio, mas pra ficar claro, o bolhudo movel e tambem o bolhudo imovel sao devidamente financiados 😉

        9+
        • avatar
        • avatar
  • Labar 2 de dezembro de 2016 at 10:03

    CVR

    Apê que visitei há 2 anos: proprietário pedia 1.050.000. Na época, teve proposta de 900k e recusou, então a minha de 800k ele nem levaria pro dono. Suspendeu a venda pra “esperar que o mercado reaja”. Esse mês, 2 anos depois, voltou com a placa de vende-se. Agora pede 950k e está disposto “a negociar”. Detalhe: na época só havia o dele a venda no prédio, agora são 3. Kkkkk. O dinheiro segue investido e agora nem 800k não ofereço mais, acho muito. Pago 800k, mas daqui uns 3 anos…

    34+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Awulll 2 de dezembro de 2016 at 10:32

      Moro há uns três anos no meu prédio. Não costumava anúncios no mural de aps à venda.
      Agora são 3. O único com preço é 260k, ap de uns 70-80 m² útil. Pago aluguel de 850/mês em um no mesmo prédio.

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • gabi 2 de dezembro de 2016 at 10:28

    CVR
    Conhecido dono de pequena empreiteira que trabalha na obra do Riserva golf da Cyrela diz que as frentes de obra estão recebendo com atraso de 3 a 4 meses. O filho estudante de engenharia civil diz que assim que terminar fará engenharia de produção 🙂

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • EngenheiroSP 2 de dezembro de 2016 at 11:13

      Vai continuar desempregado cpmo produteiro

      Melhor terminar a civil e ir pra banco

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Baby Boy 2 de dezembro de 2016 at 10:28

    A Banania ainda não afundou este ano, acho que houve por pequeno engano, existem os 666 clássico e os 666 classe merda, Os 666 classicos estão sendo motumbados, já os 666 classe merda achei não tinha reserva financeira, mas acho que deve ter uns trocados na poupança ou nos fundos de investimentos.. que devem durar uns 6 meses de salário.

    contando que a crise vai perdurar os próximos 10 anos, essa fina camada de gordura secará nos próximos 2 anos.

    666 classe mérda sua hora vai chegar!

    6+
    • avatar
    • Cesar_DF 2 de dezembro de 2016 at 10:52

      Seguindo um modelo matemático de ciclos de recessão, se repetir o ocorrido com a Grécia, Espanha, Estados Unidos, Finlândia e Suécia, no Brasil o fundo do poço será atingido em 2018-2019 e a recuperação do PIB ao nível anterior ao início da crise seria em 2023-2024

      http://cdn.static-economist.com/sites/default/files/images/2015/02/blogs/graphic-detail/20150221_gdc500.png
      http://www.financialsense.com/sites/default/files/users/u163/images/2015/0514/06-recession-model.png
      https://snbchf.com/wp-content/uploads/2013/01/rr_employment.jpg

      19+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Minions 2 de dezembro de 2016 at 12:27

        Se precisasse dar meu chute, com base no que vejo e leio diariamente, estaria de acordo com essa “previsão”. 2017 deve ser pior que 2016; temer vai balançar bastante e cair ou não dependerá se o psdb deixar de “apoiar” o governo; 2018 ano de eleição com economia falida e fundo do poço; 2019 e 2020 economia começando a girar um pouco.

        5+
        • avatar
    • EngenheiroSP 2 de dezembro de 2016 at 11:10

      Muitos ainda tinham um FGTS gordo (50~100k), que com a onda do desemprego está sendo gasto. Mas relaxa que até 2017 desanda de vez

      6+
      • avatar
    • gabi 2 de dezembro de 2016 at 11:21

      Não creio em poupança.
      Acredito numa queima de FGTS e verba rescisória.
      Primo do marido por exemplo foi mandado embora de empresa com 20 anos de trabalho. Nesse caso ele ainda recebeu um ano de salário também. Hoje com solteiro com 50 anos quase, está construindo uma casa no meio do mato e quando vem pra cidade fica na casa da mãe.
      Além disso, tenho uma outra teoria provável.
      Acredito que os pais dessa geração têm mais condições financeiras que os pais da geração anterior. Muitos são aposentados e ainda continuam trabalhando. Muitos tem casa pŕopria inclusive.
      Na geração passada ainda haviam muitas esposas do lar ainda, e com 2 pessoas no mercado de trabalho, uma segura um pouco mais ou são 2 rescisões a receber.
      O irmão do exemplo anterior é Contador e casado com dois filhos. Ficou 2 anos desempregado com a mulher também contadora trabalhando e sustentando a casa.
      Outro conhecido engenheiro e esposa assistente administrativa foram mandados embora quase no mesmo dia. Foram pra casa dos pais dela e alugaram o apto deles.
      A hora da classe media já chegou.
      O lance é que é um pouco lento aos nossos olhos. Mas acredite, a crise bate na porta deles sim , mas vão dando jeitinho, se amontoando e vivendo de aparências enquanto podem.

      20+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Rampion 2 de dezembro de 2016 at 11:44

        Um sinal de que as coisas esta bem ruim é quando o sujeito dito “classe média” vende o carro. O carro é o simbolo de status da classe média e eles não se desfazem fácil, primeiro vendem e compram um mais antigo e embolsam a diferença. Quando até o mais antigo foi vendido é que já chegou o fundo do poço. Diria, que viver de aparência na casa dos pais é até normal enquanto se “reerguem”. Mas, não considero esse pessoal como classe média mesmo. Acho que classe média são aqueles que mesmo sem emprego ainda tem reservas para suportar os tempos de vacas magras mesmo de aparência. Quem perde o emprego e fica na merda é porque sempre foi pobre, mas, não queria dar o braço a torcer, caiu no conto das estatísticas do governo. kkkkk

        20+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Money_Addicted 2 de dezembro de 2016 at 11:58

        em resumo, obviamente a classe media tem mais gordura pra queimar, no entanto, o padrao de consumo/gasto eh maior

        7+
        • avatar
        • avatar
  • CarlosL 2 de dezembro de 2016 at 10:46

    Dúvida curiosa

    Alguém saberia informar o que gera mais custos: O esqueleto/estrutura ou o acabamento ?

    4+
    • Cesar_DF 2 de dezembro de 2016 at 10:54

      Normalmente a conta é 1/3 para cada: estrutura, acabamento, mão de obra.

      7+
      • avatar
      • avatar
      • CarlosL 2 de dezembro de 2016 at 10:58

        Just wondering se valeria a pena vender o máximo que puder na pr-anta, subir o esqueleto e durante essa etapa vender o que puder…. E depois parar a obra por ai….

        3+
        • avatar
        • joselito 2 de dezembro de 2016 at 13:32

          Até onde sei, sim, pois o tempo gasto no acabamento é maior que subir os esqueletos (tive informação de que dá para subir 1 andar por semana), especialmente se o imóvel em questão tiver módulos distintos (compra na planta e já muda o projeto do apto).
          Assim, o “grosso” da hora/homem ficaria no acabamento…..

          1+
        • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 15:02

          carlosL

          logico que vai depender da estrutura e do acabamento
          num imovel tipico pédegesso um acabamento simples custaria por volta de 20% do custo da obra ou 10% do preço, considerando margem de 100%
          incluso aí: tempo, materiais e mão…

          Numa estrutura simples como numa casa mas com acabamento de primeira, pode chegar a 50%.

          0
    • chigo 2 de dezembro de 2016 at 13:46

      Minha experiencia (não consegui tabular):
      Material Basico
      Aberturas
      Pisos
      Granitos
      Eletrica
      Gesso
      Hidraulica
      Sanitarios
      Pintura
      Persianas
      Revestimentos
      Pintura Externa

      44,69%
      20,53%
      5,36%
      6,22%
      4,73%
      3,92%
      3,28%
      2,73%
      2,38%
      2,51%
      1,77%
      1,07%

      2+
      • chigo 2 de dezembro de 2016 at 13:49

        Laje 0,00, Fundações
        Laje 2,85, estrutura 1o. Piso
        Laje 5,70, estrutura 2o. Piso
        Cobertura
        Reboco Externo
        Reboco interno 1o. Piso
        Reboco interno 2o. Piso
        Reboco Cobertura e S. Maquinas
        ContraPisos e Outros
        Hidraulica
        Impermeabilização
        Pisos e revestimentos
        Pintura Interna 1o. P
        Pintura Interna 2o. P
        Pintura Externa, selador
        Pintura Externa, acabamento
        Eletrica
        (%)
        9,04
        13,23
        17,20
        2,87
        7,28
        6,83
        6,83
        2,65
        4,52
        2,09
        0,88
        10,14
        3,97
        3,97
        1,18
        1,46
        5,88

        1+
  • Cesar_DF 2 de dezembro de 2016 at 11:08

    These 6 Charts Tell You Everything You Need to Know About the Real Estate Market
    http://fortune.com/2016/07/14/real-estate-charts/

    Considerando que a bolha explodiu em 2008

    Desde 2006 caiu o interesse em adquirir residências.
    https://fortunedotcom.files.wordpress.com/2016/07/screen-shot-2016-07-13-at-4-41-18-pm.png?w=1024&h=743

    Os construtores demoraram para se adaptar ano novo cenário, continuando a lançar empreendimentos por 3 anos.
    https://fortunedotcom.files.wordpress.com/2016/07/screen-shot-2016-07-13-at-3-20-56-pm.png?w=1024&h=790

    Desde 2002 disparou a vacância para residências alugadas e a partir de 2005 disparou a vacância em residências próprias.
    https://fortunedotcom.files.wordpress.com/2016/07/screen-shot-2016-07-13-at-3-09-45-pm.png?w=1024&h=790

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 12:04

    CVR
    discutindo ontem a noite com uns fodões em investimentos
    eles tem a menor idéia do que é TD de qual o funcionamento mínimo das coisas.
    Deuses salvem este blog, deêm valor

    27+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Awulll 2 de dezembro de 2016 at 12:13

      Que um suposto deus hipoteticamente abençoe o Boss pela criação deste blog.

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 2 de dezembro de 2016 at 12:22

        Nhandevuruçu – o criador dos deuses, poderia criar um para este blog/forum

        https://pt.wikipedia.org/wiki/Nhanderuvu%C3%A7u

        5+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 12:33

          que estejamos sempre livres dos anhangueras e dos corvos

          4+
          • avatar
          • avatar
    • Labar 2 de dezembro de 2016 at 16:01

      Esse blog mequetrefe? Ah, isso aqui não sabe de nada não…
      Rsrs

      2+
  • CA 2 de dezembro de 2016 at 12:20

    Sobre o tópico:

    Vamos rever algumas previsões de Ricardo Amorin.

    1) BOVESPA a 200.000 pontos, motivos para otimismo com o Brasil e Inflação não incomoda: previu que teríamos crescimento expressivo, a previsão foi em 2009, dizendo que em 5 anos a BOVESPA alcançaria os famosos 200.000 pontos, quando chegou na época, a BOVESPA estava em quase 1/4 disto, quanto a economia e inflação, já vinham degringolando desde antes disto e explodiram de forma mais visível a partir de 2015.

    Link: http://www.infomoney.com.br/carreira/emprego/noticia/1596853/otimista-ricardo-amorim-ecirc-bolsa-200-mil-pontos-cinco-anos

    Trechos do link acima:

    “Otimista, Ricardo Amorim vê bolsa a 200 mil pontos em cinco anos
    Economista explica fundamentos para previsão de forte retomada do PIB brasileiro já em 2010 e dólar cada vez mais barato
    POR EQUIPE INFOMONEY 15 jun, 2009 11h00
    SÃO PAULO – “Acredito que em cinco anos o Ibovespa estará no patamar de 200 mil pontos.” O economista e presidente da Ricam Consultoria, Ricardo Amorim, é enfático ao justificar suas perspectivas otimistas para a economia brasileira.

    Em entrevista à InfoMoney TV, Amorim relaciona e explica as características da recuperação da economia doméstica, que, segundo ele, viabilizará um PIB (Produto Interno Bruto) com crescimento de 5% em 2010. Confira.

    [video]1596853[\video]

    PARTE 1 – Motivos para otimismo com o Brasil

    PARTE 2 – Inflação não incomoda”

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 2 de dezembro de 2016 at 12:24

      Uma vez eu fiz uma busca no google sobre “Ricardo Amorim” e previsão e fui ler as previsões dele, acho que não chegou a 50% de acerto.
      Um estagiário chutando qualquer coisa acertaria mais.

      8+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • joselito 2 de dezembro de 2016 at 13:35

        polvo paul foi muito melhor

        13+
    • CA 2 de dezembro de 2016 at 12:25

      2) Depois da Copa do Mundo o mercado imobiliário vai melhorar…

      Link: http://ricamconsultoria.com.br/news/entrevistas/palestra_infomoney_oportunidades

      Nas palavras de Ricardo Amorin, em junho/2014:

      “Depois da Copa vai ter a demanda natural de quem é comprador e vai ter a demanda de quem esperou o estouro de bolha que não veio. Então acho que o mercado imobiliário vai, na verdade, ganhar força depois da Copa – e isso não está na conta de ninguém.”

      9+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • CA 2 de dezembro de 2016 at 12:37

        3) Recuperação em 2016 ou 2017 muito mais vigorosa do que projetada pela maioria dos economistas e empresas:

        http://ricamconsultoria.com.br/news/artigos/vem-surpresa-boa-por-ai

        Trechos do link acima, palavras de Ricardo Amorim::

        “Ao menos na economia, 2016 pode ser um ano não tão ruim quanto a maioria teme”

        “Portanto, ainda que com timing, ritmo de recuperação e consequências de médio e longo prazos, bastante distintos, nos dois casos é provável que em algum momento de 2016 ou, na pior das hipóteses, ao longo de 2017, a economia brasileira inicie um processo de recuperação. É ainda mais provável que, uma vez iniciada, a recuperação seja muito mais vigorosa do que a atualmente projetada pela maioria dos economistas e empresas.”

        9+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 12:29

      certas coisas precisamos entrar nos detalhes
      Bovespa no Br não tem correlação com economia conforme uma primeira visão
      Tenta comprar ações da GM no bovespa?

      a nossa bolsa reflete comodities, financeiro, energia (seja oleo,gas,eletrica), cerveja e nãoi muito mais que isso e todo o resto amarrado nestas blues

      Tenho entrando em contato com o setor industrial de SP: o pior já passou, mas melhorar, esqueçam, todo mundo prendendo a respiração esperando, aí vai um pensamento meu sobre eles: uns esperando 2017, outros 2018 que é ano eleitoral, outros um milagre.

      Pelos próximos 2 ou 3 anos provavelmente vamos continuar patinando no fundo, isto se as coisas não piorarem, e o risco é grande vide “off politica”
      Minha estratégia: ficar atento às janelas de oportunidades, e se mexer com muita prudencia, o que parece ser maravilhoso hoje, amanhã pode ficar medíocre.

      Pra comprovar a tese: o Governo chamou o Armínio pra conversar.
      eu tenho esse cara como um dos maiores genios economicos da humanidade junto com WB e aquela turma toda.

      7+
      • avatar
      • Cesar_DF 2 de dezembro de 2016 at 12:34

        Concordo
        2017 será um ano morto.
        2018 é ano de eleição para presidente, investidores vão esperar para investir. Para fins de investimento são completamente diferentes os cenários de uma Marina Silva para um Bolsonaro.

        7+
        • avatar
      • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 12:41

        me mexer, doeu

        4+
        • avatar
  • Lord of All 2 de dezembro de 2016 at 12:21

    Gestão Temer remando* sem sair do lugar**, vc viu antes aqui no BIB.

    *remando, pq a expressão “pedalando” já possui outra conotação mais específica.
    ** vide os números pífios da economia que foram divulgados nessas duas últimas semanas.

    5+
    • avatar
    • avatar
  • Minions 2 de dezembro de 2016 at 12:22

    CVR #dia da choradeira #666éphoda
    #diadachoradeira
    já relatei a conversa com um contabilista sobre a não rescisão em virtude da falta de $$$ para pagamento das verbas rescisórias; conversei hoje, também, com um dono de academia que dos 6 funcionários que tinha, mandou 2 este ano e vai mandar mais 2 no começo do ano; disse que, em 10 anos, nunca passou por nada assim mas que, em 2017, as “coisas vão melhorar”;

    #666éphoda
    outro empresário com quem conversei quase chorou perguntando quando o governo vai liberar um novo parcelamento especial com desconto para ele acertar os impostos atrasados; depois quando a conversa muda o rumo para família, ele começa a falar dos filhos e mostrar as fotos de passeio em shopping bolhudo e na Disney. VTNC! Diz não ter dinheiro para impostos mas tem $$$ pra ir a Disney?!

    28+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cesar_DF 2 de dezembro de 2016 at 12:31

      Acontecerá em janeiro de 2017 mas os efeitos só aparecerão em março de 2017.
      – Demissão dos temporários do comércio
      – Demissão dos funcionários públicos municipais (novos prefeitos + LRF)
      – Matrículas em escolas particulares + material escolar
      – Pagamentos de IPTU, IPVA, seguro e licenciamento, etc.

      As rescisões darão fôlego por poucos meses, depois a inadimplência baterá no desespero.

      15+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • joselito 2 de dezembro de 2016 at 13:41

      Tem a parábola do jovem econimista falando do “moral hazard” da renegociação de dívidas dos Estados e da LRF.
      REFIS taí para incentivar ninguém pagar imposto nenhum.
      REPATRIAÇÃO batendo a piro#[email protected] na sua cara.

      Enfim, quem paga em dia pode ser considerado trôxa.

      6+
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 12:39

    CVR off pessoal Mitologia

    sabe, estas discussões aqui no blog acabaram por me levar a reavivar antigos interesses que estavam meio que de lado.
    falo de Mitologia, por culpa de vcs, voltei a me mexer e consegui recentemente acesso a alguns trabalhos magnificos, algusn deles bastante fundamentados em metodologia cientifica, PhD em yale, outro no campo da astrofisica, outros coisa interessantíssimas, estou levando a brincadeira a um OUTRO nível.

    Vcs me estimulam, obrigado!

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Libertario 2 de dezembro de 2016 at 14:08

      A reciproca é verdadeira.

      3+
      • avatar
      • desplein 2 de dezembro de 2016 at 21:46

        Da umas pistas ae pra gente achara Lucas! (Engraçado que o tema reapareceu umas varias vezes na minha vida nos ultimos dias…)

        0
        • Lucas 5 de dezembro de 2016 at 13:22

          dica não
          dou nome, sobrenome e edição
          se qusier mesmo
          diga no quê te interessa?

          0
  • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 13:01

    Alemon Fritz

    “Construtoras entram em recuperação judicial e deixam famílias sem casa”
    Mais de 600 famílias precisaram ter o sonho da casa própria interrompido.

    Houve até quem ficou doente com a situação. Caso da bacharel em Direito Deyse Manente Gomes, 31 anos. “Estou com arritmia, causada pelo estresse. Comprei o apartamento para morar, seria meu primeiro imóvel. Investi (!!!!!!) R$ 75 mil e acho que vou perder tudo”.

    http://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/2016/11/construtoras-entram-em-recuperacao-judicial-e-deixam-familias-sem-casa.html

    3+

    vale tópico

    4+
    • avatar
    • Awulll 2 de dezembro de 2016 at 13:26

      Bacharel em Direito, rs. Sifu com força

      7+
      • avatar
  • markito 2 de dezembro de 2016 at 14:32

    “Ricardo Amorim é autor do bestseller Depois da Tempestade, apresentador do Manhattan Connection da Globonews, presidente da Ricam Consultoria, o brasileiro mais influente no LinkedIn, único brasileiro na lista dos melhores e mais importantes palestrantes mundiais do Speakers Corner e o economista mais influente do Brasil segundo a revista Forbes.”

    O mais influente do Brasil segundo a Forbes? O que dizer? Estudar no lugar X ou Y por si só não cria nenhum “gênio”. Prova que esse senhor deve ganhar um belo $$$ para influenciar as pessoas (imagina se construtora não paga X valor para esse senhor dar dicas de investimento). Ser o economista mais influente do Brasil não quer dizer o melhor, e sim, o que mais tem poder de fazer com que as pessoas façam o que ele quer.

    7+
    • avatar
    • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 14:57

      isso que eu digo, somos uma gota no oceano,
      uma gota de malucos revoltados invejosos, esquerdistas … seiláoquê

      em breve vou publicar um livro tbm:
      DEPOIS da tempestade a BOSTA

      9+
      • avatar
      • avatar
  • Lucas 2 de dezembro de 2016 at 15:20

    TEORIAS DA CONSPIRAÇÃO

    a GRANDE QUESTÃO:
    mas e então velho esquerdista, todas as teorias da conspiração são falsas, é sempre tudo mentira????

    Eu: Não senhores, algumas teorias da conspiração realmente são verdadeiras e ocorrem embaixo do nosso nariz
    uma delas, eu já desconfiava, mas tive certeza quando passei a participar ativamente num outro esporte com OUTRO nível ético, aí a comparação ficou inevitável.

    PROVA:
    este video que os senhore vão ver já está rolando na net aos montes, esse e outros
    https://www.facebook.com/LuisMirandaUSA/?hc_ref=NEWSFEED&fref=nf
    tirem suas próprias conclusões, verdade? mentira?

    OBSERVAÇÃO:
    estes videos são apenas “parte” da história,
    Quem são os tais “eles” que pouco estão se cagando???
    Juntem os pontinhos e encontrarão uma teoria da conspiração internacional…
    Juntem outros pontinhos e vão entender porque tudo isso ocorre embaixo do nosso nariz e ninguém fala nada,
    dica1: Pão e Circo
    dica2: orgulhos nacionais
    dica3: dinheiro

    Outra teoria da conspiração verdadeira envolve OPEP, EUA, Wall street, mas essa aí exige um nível de abstração maior que somente um desastre em escala mundial será capaz de acordar as pessoas. Tragédias tem esse dom. E não se enganem, muita gente esta de braços abertos felizes e torcendo pela ww3, mas isso fica pra outro dia.

    1+
  • tmarabo 2 de dezembro de 2016 at 15:20

    CVR de Rio Grande-RS

    Reelegeram prefeito petista pensando no “pólo naval” que não existe mais como já existiu. Demissões e mais demissões e o que haviam prometido não vai acontecer.

    Com isso, preço dos imóveis já despenca: os de 03q em prédios bons (antigos, mas bons pro baixo padrão da cidade), de 650k há dois anos, agora já estão por 500/550k.

    Os de 01kk já estão por 800k.

    E assim vai.

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • EngenheiroSP 2 de dezembro de 2016 at 16:58

      Rio Grande dificilmente acha algo decente dentro de um preço razoável. Tentei baixar meu aluguel aqui em setembro no truco, mas proprietária não aceitou e também não achei nada que prestasse. Ainda bem que deu certo baixar trocando de imobiliária (descobrimos que a Marcos Otero cobra comissão bem maior do que as outras).

      Agora, se vc acha que teve demissões, espera pra ver quando chegar março/abril

      3+
      • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 2 de dezembro de 2016 at 15:21

    A torre da crise política e a preservação das cidades
    https://br.noticias.yahoo.com/a-torre-da-crise-politica-e-a-preservacao-das-cidades-095423688.html

    Este texto traz a reflexão que faltava na confusão do ministro Geddel (aquele ministro que entrou para a história da banânia como o primeiro ministro a ser tombado pelo Iphan. hahahahaha) com o empreendimento imobiliário em Salvador. Boa leituras guys.

    5+
    • tmarabo 2 de dezembro de 2016 at 15:43

      é difícil, assim como há especuladores se lixando para o patrimônio público e de outro lado há mentalidade anti-capitalista, que usa como desculpa a defesa do meio ambiente (no qual se inclui o patrimonio historico) para dar vazão aos seus preconceitos contra o mercado, empresas, enfim, contra o capitalismo.
      já acompanhei muita discussão de pessoas “preocupadas com o que é melhor pra cidade” e é só ranço e inveja.

      e quem se rala é o povo, pois as restrições só fazem tornar mais caros os imóveis.

      2+
  • Awulll 2 de dezembro de 2016 at 15:51

    Brasileiro gasta muito com aluguel.
    Comprem , comprem, comprem agora mesmo!

    http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2016/12/1837740-quase-30-dos-brasileiros-tem-gasto-excessivo-com-aluguel.shtml

    4+
    • Abestado abc 2 de dezembro de 2016 at 16:43

      Matéria fdp… “Cerca de 30% dos brasileiros têm gasto excessivo com aluguel”
      Dos valores dos financiamentos da “casa própria”, esse sim que compromete a renda da população, eles não falam….

      9+
  • RicardoNT 2 de dezembro de 2016 at 16:57

    Boa noite pessoal,

    CVR1: Moro de aluguel a uns 6 anos no mesmo imóvel. Com isso o valor do aluguel sempre foi mais baixo que todos os outros cobrados no mesmo prédio. Agora tem um apartamento no mesmo andar e igual ao meu apenas por R$50 a mais do que eu pago, isso anunciado. E agora está fazendo 8 meses que está fechado. ( acho que em janeiro data do final do meu contrato vai me dar boa oportunidades !) . Imóvel em SP capital.

    CVR2: Na cobertura mora o dono de uma imobiliária que sempre desfilava com seu Land Rouver ( acho que um Discovery). Agora está desfilando de Renault Logan… Acho que a queda é descomunal e caiu a realidade.

    10+
    • avatar