Leilões de imóveis por inadimplência estão em alta no Paraná – Bem Paraná

Você pode gostar...

Comments
  • claudio 21 de julho de 2016 at 22:06

    e logico que os caras desistem de pagar, sao lixos ! e mais, cheio de pau mandado, que ouve a ambição da mulher e compra imovel na planta lixos, tipo aquele que desmoronou a area da xoxoteca master, não sei para que aquele saguão/recepçao imponente, em varias construçoes novas, carro altinho com maçaneta cromadas, viagem, restaurante caro, carteira com dez cartões de credito, ae quando o cara esta la no fundo do poço, ganha um par de enfeites na testa, leva um pe, e fica com o nome sujo e perde-se alguns anos de vida pagando a festa !!!

    http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,precos-de-locacao-comercial-caem-11-35-em-doze-meses,10000064166

    33+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 21 de julho de 2016 at 22:47

    se cada um valer 100k dá cerca de r$15.400.000 por mês, ao ano só nesse caso. 184milhões ao ano !!!

    7+
    • avatar
  • leofukui 21 de julho de 2016 at 22:50

    Off:
    “Melhor” anúncio de imóvel que já vi. O cara “seleciona” o inquilino e ainda se pergunta pq não apareceu intressado, rs.
    https://www.facebook.com/groups/471600149538217/permalink/1205052436192981/

    43+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • bolha real 21 de julho de 2016 at 22:53

      Kkkkkkk… Ele deve ser comediante, só pode.

      16+
    • markito 21 de julho de 2016 at 23:21

      ahahahahahha essa foi a melhor. Detalhe maior, comprou o bolhudo, nao tem como deixar habitável para o inquilino e ainda quer impor tudo isso? Alguém fala pra ele que nesse valor capaz da pessoa achar no mesmo prédio mobiliado e sem todas essas frescuras…

      26+
      • avatar
    • markito 21 de julho de 2016 at 23:24

      Já sei, só fazer voz de clodovil que vc aluga… vou treinar aqui e mando e-mail pra ele. Afinal, ta difícil arrumar imóvel para alugar atualmente.

      21+
      • avatar
    • Leonardo M. 22 de julho de 2016 at 00:29

      O cara só quer casal Gay e que ganhe R$10mil pra cima
      O faltou falar que quer bem dotado e a cor da cueca tb

      Cada maluco que aparece

      27+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Rampion 22 de julho de 2016 at 09:16

      Esperar o que de quem fez curso de corretor? 666 ele já era, pois, comprou na planta e pelo visto não tem um puto no bolso pra colocar um azulejo sequer no “investimento”. Agora delira encontrar um 666 maior para fazer o que ele não tem condições, que é o acabamento do apartamento. Ele acha que vai ser fácil na condições estabelecidas encontrar alguém pra fazer isso. E enquanto ocorre a obra onde o inquilino vai viver? Esse além de desonesto é um tremendo estúpido. As justificativas para alugar para casais gays também são grandes pérolas. kkkkk. Vou torcer aqui para que ele não encontre nenhum 666 maior do que ele e ainda por cima atrase os pagamentos das parcelinhas que cabem no bolso.kkkkk.

      29+
      • avatar
      • joselito 22 de julho de 2016 at 09:18

        Sabe aquela máxima de que “você pode ser o que você quiser”?
        Poisé, ele quer ser troxa.

        17+
        • avatar
    • Labar 22 de julho de 2016 at 11:32

      Hahahahaa… Pérolas do BIB!

      20+
    • Andradez 22 de julho de 2016 at 11:36

      Isso é zuação…só pode! O cara acaba de inaugurar mais uma modalidade: aluguel na PRANTA!
      Pq pelo que vi do apto ele nem foi entregue ainda ou está faltando bastante coisa pra fazer por lá…
      É cada um que aparece!

      38+
      • avatar
      • avatar
      • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 12:09

        KKkkkkk, aluguel na planta foi ótimo!!!

        19+
        • avatar
    • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 15:10

      Não resisti, e mandei esta mensagem para
      https://www.facebook.com/donizetedecastilho?fref=nf

      Deixe me ver se entendi sobre o apartamento para locação.
      A pessoa irá pagar pelo acabamento, taxa de condomínio e iptu, enquanto isto ele não irá poder morar lá até terminar esta “reforma”, dai quando terminar as obras lá pelo final do ano, ele se mudará e já começará a pagar o aluguel
      aaahhh tá kkkkkkkkkkkk

      32+
      • avatar
      • mr. bones 22 de julho de 2016 at 15:11

        hahahaha, posta a resposta depois, rs.

        9+
  • gmlinux 22 de julho de 2016 at 02:29

    Lendo mais do mesmo sobre a PDG http://m.infomoney.com.br/imoveis/noticia/5345892/caso-pdg-alerta-para-quem-pensa-comprar-imovel-planta

    o especialista disse para avaliar a saúde financeira da empresa antes de comprar na planta, fala sério, a merda se deu um curto prazo, o distraído poderia facilmente acreditar que a PDG estava bem a uns 3,5 anos…

    13+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cajuzinha 22 de julho de 2016 at 05:47
  • CA 22 de julho de 2016 at 06:34

    Sobre o tópico:

    Em todos os países que tiveram explosão de bolha imobiliária tivemos um aumento AMORMAL no número de imóveis tomados pelos bancos por falta de pagamento, levando à super oferta de imóveis e consequentemente queda nos preços.

    O que é um aumento ANORMAL no número de imóveis tomados por bancos? É um aumento de mais de 500% em 3 anos, como consta no artigo do tópico.

    Aqui no Brasil este é o nosso subprime 2.

    O subprime 1 se dá pelas vendas FALSAS na planta e recai sobre as construtoras. Da mesma forma que para bancos, aquelas vendas na planta para quem não terá condições financeiras para adquirir crédito imobiliário na entrega do imóvel, geram um outro crescimento AMORMAL, neste caso no volume de DISTRATOS, que também geram super estoques, neste caso em poder das construtoras, e que também forçam reduções relevantes nos preços.

    O que é um crescimento ANORMAL nos distratos? De acordo com relatórios trimestrais das construtoras, até 2010 os distratos representavam menos de 5% das vendas e sendo irrelevantes, sequer tinham destaque nestes relatórios. Mesmo antes destas construtoras terem feito abertura de Capital na BOVESPA, ao longo de décadas de existência estas construtoras NUNCA tinham tido um volume de distratos que fosse relevante a ponto de afetar seus negócios, o que tivemos mo passado foram casos como o da Encol, onde os distratos eram uma consequência de sua quebra e não uma causa para mesma, como tem sido agora.

    A partir de 2011 temos tido distratos que para algumas construtoras tem variado de 20% até mais de 60% das vendas brutas do ano e com percentuais que também são superiores a 20% quando falamos sobre a sua proporção em relação à época em que a venda na planta foi realizada.

    Enquanto isto, a imprensa continua com o seu papel de DESINFORMAR, tratando o aumento dos leilões como uma consequência da crise e sem mencionar toda a relevante colaboração da bolha imobiliária para a crise, ao mesmo tempo que FINGEM que a anomalia dos distratos também é uma consequência da “crise que se iniciou em 2015”, apesar desta anomalia ter se iniciado em 2011…

    29+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Loucodf 22 de julho de 2016 at 08:48

      CA, você tem alguma matéria/estudo que mostra a proporção entre pessoas que moram de aluguel vs pessoas que moram em imóvel próprio entre vários paises?
      Já tentei procurar isso no google, mas até agora sem um resultado eficiente.
      Se achar algo, posto aqui.

      6+
    • rogerio 22 de julho de 2016 at 17:13

      20% de vendas cobrem todas as despesas da construção de um prédio!!!!!

      (U)TÓPICO !!!!!

      6+
  • Cajuzinha 22 de julho de 2016 at 07:43

    ” ” a Bahia, segundo a Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), 220 mil lojas fecharam as portas por conta da crise no comércio. A inadimplência no estado dobrou e para estimular o devedor a voltar a comprar, os lojistas estão facilitando a negociação das dívidas.
    Uma pesquisa feita pela CDL aponta que o número de inadimplentes dobrou em um ano, na Bahia. Atualmente, são quase três milhões de devedores, que juntos somam uma dívida de R$ 7,5 bilhões – R$ 4,5 milhões só em Salvador.”

    http://g1.globo.com/bahia/noticia/2016/07/crise-no-comercio-causa-fechamento-de-220-mil-lojas-na-bahia-aponta-cdl.html

    7+
  • Cajuzinha 22 de julho de 2016 at 07:46

    Diferença pequena, rs.

    postado em 22/07/2016 07:37
    Agência Estado
    Brasília, 22 – O projeto do governo que permite que sejam vendidas no mercado, com desconto, as dívidas parceladas que a Receita Federal tem a receber de contribuintes deve colocar no caixa da União uma quantia bem inferior à estimada inicialmente. Essa operação, chamada de securitização, deverá envolver uma cifra de R$ 22 bilhões e não de R$ 80 bilhões, como se esperava.

    9+
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 22 de julho de 2016 at 08:13

    Chamado de securitização, o processo permite que o governo venda no mercado até R$ 60 bilhões de dívidas parceladas com a União, cujo total está estimado em R$ 1,5 trilhão. gov vai vender 60 a 80 pra receber 22bilhoes = 29%.
    http://www.portugaldigital.com.br/economia/ver/20104561-ministro-da-casa-civil-diz-que-temer-ve-com-qbons-olhosq-reducao-da-taxa-de-juros

    7+
    • avatar
    • Alemon Fritz 22 de julho de 2016 at 08:22

      Para
      Já na Itália, o esquema aprovado pela Comissão Europeia em fevereiro prevê a criação de um veículo de securitização, com uma gestão própria, que comprará o crédito malparado aos bancos, para depois reagrupá-lo noutros tipos de produtos financeiros, para serem por fim vendidos.
      Na Espanha foi criada uma sociedade composta por privados e por fundos públicos que gere e tenta vender os créditos maus dos bancos. O Governo espanhol garante ter conseguido reduzir os ativos “tóxicos” imobiliários em 15,3%.

      http://www.rtp.pt/noticias/economia/credito-de-risco-ultrapassa-os-30-mil-milhoes-de-euros-em-portugal_n910666

      8+
      • avatar
  • Tiago 22 de julho de 2016 at 08:24

    E com uma novidade: o banco não vai mais exigir que o construtor termine a obra para começar a financiar os compradores, uma prática da concorrência. Com 80% do empreendimento concluídos, a Caixa já vai financiar os tomadores interessados na compra das novas unidades.
    http://oglobo.globo.com/economia/caixa-vai-liberar-10-bilhoes-para-financiamento-de-obras-de-imoveis-19763051

    11+
    • avatar
    • avatar
    • Alemon Fritz 22 de julho de 2016 at 08:54

      kkk é muita criatividade pra ganhar grana de 666

      11+
      • avatar
      • joselito 22 de julho de 2016 at 09:22

        Se ganhasse a grana mesmo até poderíamos concordar.
        Mas e a inadimplência? Sem maquilagem já obrigaria uma provisão de fundos ai que teria capacidade de falir um banco desses (e ai, ótimo. Coloca os créditos podres num veículo qualquer e, ato contínuo, vende o ativo filé)

        7+
        • avatar
        • markito 22 de julho de 2016 at 11:38

          só faltou mencionar que o empreendimento é da PDG rs

          9+
          • avatar
  • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 08:30

    #BOLA DE CRISTAL

    Construtoras lançam imóveis de olho na demanda que virá depois de 2018

    São Paulo – Partindo do princípio de que o pior da crise já passou, construtoras começam a ensaiar um movimento de retorno dos lançamentos de empreendimentos. A estratégia, para economistas e empresários, é uma saída inteligente, já que o imóvel só será entregue quando, se tudo der certo, a economia voltar a crescer.

    https://www.abecip.org.br/imprensa/noticias/construtoras-lancam-imoveis-de-olho-na-demanda-que-vira-depois-de-2018

    18+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 08:39

      É sim claro, a solução está logo ali, basta todos darem as mãos e terem pensamento positivo que tudo se resolve… hahahahaha
      Essa crise vai durar décadas…

      28+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 09:13

        Imóveis vão bombar após a copa !
        Imóveis irão disparar após a olimpíada!
        Imóveis vão se recuperar em 2018!
        kakakaka

        28+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 09:24

          A hora é agora, aproveita porque depois vai ficar mais caro… kkkkkk

          21+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
        • Nuno Rj 22 de julho de 2016 at 11:59

          Brasil, o país do futuro! rsrs

          14+
          • avatar
    • fanfarraum 22 de julho de 2016 at 08:42

      “é uma saída inteligente, já que o imóvel só será entregue quando, se tudo der certo, a economia voltar a crescer.”

      Translate-kids:
      “Uma criança comprar um jogo de XBOX One mesmo não tendo videogame É INTELIGENTE, pois se tudo der certo, a mãe dele vai dar pra ele um XBOX One de natal (embora a mãe não tenha dinheiro, tenha preferência pela Nintendo e já tenha comprado uma meia de natal pra cada filho)”

      41+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cajuzinha 22 de julho de 2016 at 08:48

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

        “só será entregue quando, se tudo der certo,”

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

        17+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Alemon Fritz 22 de julho de 2016 at 09:16

          “em maio, o estoque no mercado era de 114,8 mil unidades, equivalente a 14 meses de vendas !!. Em abril, o estoque era de 113 mil unidades. (o estoque subiu 2k !!)
          Nos últimos 12 meses, foram vendidas 105.408 unidades, volume 13,6% inferior se comparado ao total de vendas em 2015. ”
          -Estoque pra 1 ano e meio de novos… e outro tanto pra usados

          13+
          • avatar
          • avatar
          • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 10:20

            Os distratados entram nessa contabilidade ou vão parar numa maquiagem contabil para garantir a solvência?

            14+
            • avatar
            • avatar
    • Labar 22 de julho de 2016 at 11:34

      O que vem depois de 2018? O mulla? kkkkk

      8+
    • markito 22 de julho de 2016 at 11:43

      só faltou mencionar que o empreendimento é da PDG rs

      7+
      • avatar
    • gmlinux 22 de julho de 2016 at 18:01

      ótima notícia, evita que ocorra queda de estoque contabilizado (36 meses) no futuro ao alimentar este indicador com novos imóveis.

      4+
  • Lord of All 22 de julho de 2016 at 08:32

    “Na maioria das vezes, o mutuário sabe que deve, mas não tem a consciência de que pode perder a propriedade de forma muito rápida”, explica o presidente.”

    Pô, mas esse tal “mutuário” nunca sabe de nada: não sabe como funcionam as vendas na planta, não sabe como funcionam os juros, não sabe que não pode deixar de pagar.

    Só tem 3 momentos que esses “mutumbários” (pessoas mutumbadas), sabe de alguma coisa:

    1) Quando é pra levar vantagem em alguma coisa;
    2) Nas reuniões de família ou amigos, quando estão dando sua opinião.

    44+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 08:35

    Sobre o tópico:
    Sinceramente quero que os bancos se explodam (principalmente a CEF), eles criaram o problema e agora estão desesperados pela solução.
    Se eles não tivessem retroalimentado a bolha, a situação seria bem diferente e certamente mais saudável financeiramente.
    Pra mim os leilões podem explodir em números, já disse aqui que não me interesso mais por imóveis e tijolos mágicos?
    Alguns anos atrás eu escutava tudo quanto era economista dizendo que brasileiro era bom pagador… chupa essa manga e agora aguenta o motumbo.

    27+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Rampion 22 de julho de 2016 at 09:30

    Quem tem dinheiro hoje não compra imóvel! Pra ser mais exato, mesmo antes dessa crise quem tinha dinheiro não pagava esses valores absurdos. Apenas os muito 666, pois 666 com dinheiro faz grandes merdas, pois, eles odeiam dinheiro e querem se livrar o quanto antes dele. Pagar esses preços cobrados atualmente é pra quem não tem nada de reserva e vê nas parcelinhas uma forma rápida pra cair dentro de algo pra chamar de seu. Mesmo que leve mais de 30 anos pra que isso seja um fato consumado. Mas até pra quem é 666 e quer fazer 666tice hoje a situação não está favorável, bancos estão sem dinheiro, já devem estar com a corda no pescoço depois de tanto crédito concedido aos 666s nesses últimos 8 anos. Todo dia rio à toa quando penso na roubada que escapei em não financiar imóvel. E como é gostoso dormir sem ter preocupação! Não há dinheiro que pague. Quer dizer, há sim. O dinheiro dos 666s que pagam seus juros em dia. kkkkkk

    26+
    • avatar
    • avatar
  • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 09:33

    MOMENTO DE FILOSOFIA 666

    A maneira mais segura de se ser enganado é julgar-se mais esperto do que os outros.
    François La Rochefoucauld

    Se você é constantemente enganado, o problema não está nas pessoas. O problema está em você que se ilude facilmente.
    Lorena Deijanira

    Há duas maneiras de ser enganado. Uma é acreditar no que não é verdade; a outra é recusar a acreditar no que é verdade.
    Soren Kierkegaard

    Quem é enganado por um longo tempo, fica cego às evidências; não consegue aceitar a verdade. É doloroso demais admitir ser trouxa a esse ponto!
    Vinícius Tadeu

    O ser humano é um bicho engraçado: sabe que está sendo enganado, mas prefere enganar-se também à admitir que ainda não foi dessa vez.
    Rani Baby

    Se uma pessoa te enganar ela merece uma surra, se esta mesma pessoa voltar a te enganar quem merece a surra é você.
    Provérbio Chinês

    29+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Ilusionista 22 de julho de 2016 at 10:30

      Walt Disney, lá no início dos anos 40, já havia identificado o comportamento de algumas pessoas em terras tupiniquins. Serviu de inspiração para um de seus personagens mais famosos, o Zé Carioca, retratando do típico malandro carioca, sempre tentando levar vantagens em cima de outros, escapando dos problemas na hora certa com o “jeitinho” característico.
      “todo dia de casa um malandro e um otário, quando eles se encontram sai negócio”.

      Brasil é, por natureza, um país instável. Se você quiser viver tranquilo, viva com o pouco que tem e, na medida do possível, junte dinheiro e, com o tempo, compre à vista, não assuma grandes compromissos financeiros à longo prazo. O país historicamente nunca ofereceu garantias para ninguém, seja na política ou na economia.

      Na política…..
      Enquanto a “casa grande festeja” a “senzala” discute..
      enquanto isto, a maior parte da população vem vivendo na “merda”, acreditando e tendo fé que aqui é o país do futuro desde Cabral.

      24+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 12:09

        O fato de que muitos políticos de sucesso são mentirosos, não é exclusivamente reflexo da classe política,é também um reflexo do eleitorado. Quando as pessoas querem o impossível somente os mentirosos podem satisfaze-las

        Thomas Sowell

        52+
        • avatar
        • avatar
        • From_The_Tower 22 de julho de 2016 at 13:43

          Perfeito !!!
          clap,clap, clap.

          13+
    • Rampion 22 de julho de 2016 at 13:15

      “Se uma pessoa te enganar ela merece uma surra, se esta mesma pessoa voltar a te enganar quem merece a surra é você.”
      Provérbio Chinês

      Haja braço pra surra tanto 666. E mesmo que se crie uma máquina que execute a tarefa, ela queimará de sobrecarga. O estoque de 666 no Brasil é infinito!

      14+
  • Azufre 22 de julho de 2016 at 10:12
    • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 10:51

      GASTANDO TUDO NO PRESENTE E NÃO GUARDANDO NADA PARA O FUTURO

      Joana Fomm, moradora de um grande apartamento alugado no Leblon, condomínio em atrasa, moram juntos seu filho Gabriel Golveia que faz free lancer na noite carioca e seu gato Tom Jobim.

      A atriz Joana Fomm conversou com a revista Contigo e falou que está pensando em se mudar de seu amplo apartamento no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro, para um mais simples em Ipanema.
      “Estou querendo sair do Leblon para garantir que não vou para o Retiro dos Artistas. Quero ter uma velhice legal”, disse ela.
      A atriz ainda contou que toma antidepressivos desde que seu filho de 40 anos nasceu. Aos 76 anos, Joana Fomm está solteira e mora com o filho em um apartamento no Leblon, Rio de Janeiro.

      “Amigos, estou precisando trabalhar. Tem horas que fica difícil. Ainda não tinha encarado essa. Alguém precisa de mim?”. O apelo desesperado feito pela atriz Joana Fomm, de 75 anos, em seu Facebook, mobilizou as redes sociais e retomou a discussão sobre a falta de espaço para veteranos na TV. Sem contrato com nenhuma emissora e passando por dificuldades financeiras — ela não tem dinheiro para pagar o condomínio, por exemplo — a artista, conhecida do grande público por papeis como Yolanda Pratini de “Dancin’ Days” (1978) e a viúva Perpétua, de “Tieta” (1989), prefere, no entanto, não alimentar polêmicas.

      — Sou apenas mais uma desempregada brasileira. Milhões estão passando por isso. Não quero fazer nenhuma crítica porque não é legal. Estou disposta a trabalhar, não tenho preferências por lugar — afirma.

      http://epoca.globo.com/colunas-e-blogs/bruno-astuto/noticia/2016/07/joana-fomm-sobre-desemprego-estou-com-corda-no-pescoco.html

      12+
      • avatar
      • avatar
      • Labar 22 de julho de 2016 at 11:49

        Meu Deus! Essa merece o título 666 mór do século XX. Era artista e ganhava bem pra kct. Criou filho 666 que deve ter passado a vida toda torrando o dinheiro da mãe em balada em ipanema e hoje com 40 anos ainda mora com a véia… que vida!

        Trechos interessantes que comprovam que mesmo boa educação e boa renda não garantem educação financeira:
        “Estou com a corda no pescoço. O dinheiro do empréstimo que fiz no banco está terminando e já estou devendo o condomínio. O síndico já veio falar comigo”
        Com as dívidas que contraiu no último ano, a atriz tem medo de perder seu apartamento. “Acho que o ideal seria vendê-lo, ele está em bom estado, mas não dá para ninguém se mudar no dia seguinte. Com a recessão, está desvalorizando. Eu não posso contar com ninguém. Meu filho é músico, tem algo que pague menos? Se ele fizesse uma música sertaneja, mas não tem a ver com ele, é saxofonista. E muito bom, aliás”

        21+
        • avatar
        • avatar
        • rogerio 22 de julho de 2016 at 13:11

          Muito fácil criticar sem conhecer a história….colocar tudo no mesmo saco….esse é um grande problema, julgar sem conhecer.

          12+
          • avatar
        • Rampion 22 de julho de 2016 at 13:22

          O humilhante não é nem o fato do cara morar com os pais, pois, morar com os velhos e ajudar nas contas é uma tremenda ajuda, mas, o que acho o fim da picada é o sujeito fracassar na vida (casa, tem filhos, separa, deve pensão) e estar na companhia dos pais por não ter como se sustentar. No Brasil de hoje isso é comum, filhos voltam pra casa nessas condições que descrevi e filhas voltam na condição complementar, como os filhos para os avós sustentarem e em muitos casos um de cada pai porque fracasso pouco é besteira.

          16+
          • avatar
  • GauchoBolhista 22 de julho de 2016 at 10:19

    Pessoal, atualmente invisto em LCI e fundos de renda fixa DI, estou pensando em começar a aplicar no Tesouro Direto, vi que alguns titulos renderam mais de 30% em 12 meses, os titulos IPCA + 6% ao ano com horizonte de aplicação para medio prazo ( 1 ano, talvez um pouco mais) seriam interessantes ainda?

    5+
    • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 10:21

      Sim, o governo vai precisar de financiadores da máquina pública por muito tempo ainda.

      10+
      • avatar
    • MINEIRO SPY 22 de julho de 2016 at 10:23

      Depende do que vc acreditar. Vários aqui que compraram ipca 2035 há 6 meses estão, hoje, com ganho de 45% (Se realizar).

      9+
    • Pantaneiro_cba 22 de julho de 2016 at 10:43

      Neste caso, você está avaliando especular no TD? Acho que a grande maioria dos pequenos investidores do TD, somente especulam acidentalmente.

      16+
      • avatar
      • avatar
    • Observador 22 de julho de 2016 at 10:50

      Ganhei 25% em 45 dias…Comprando a 7,78 e realizando…

      Se tivesse segurado já teria 46% em 6 meses e com uma bela taxa travada…

      Sobre a sua questão, acredito que ainda tenha “prêmio” nessa taxa de 6% se tudo correr bem e pode ser uma bela taxa para o longo prazo, mas também pode degringolar e as taxas voltarem a subir, o que vai te levar a ficar com uma perda considerável se tiver que resgatar antes do vencimento.

      8+
      • CarlosL 22 de julho de 2016 at 11:14

        No momento tem 2019 NTNB mais o IPCA a 6.30 …. Acho que vale o tento pelo visto já que o futuro esta mais baixo (?!?)

        5+
      • Andradez 22 de julho de 2016 at 11:42

        Cara, por mais que eu leio, não consigo entender essa estratégia de especular no TD. Alguém tem um manual ai? Hehe

        Esse ganho já considera o desconto do IR e taxas??

        Abs!

        5+
        • MINEIRO SPY 22 de julho de 2016 at 11:56

          Sugiro leitura do material do Carteira Rica. É boa fonte para entendimento de como especular com TD

          7+
        • CarlosL 22 de julho de 2016 at 12:23

          Entao, 6.30 mais a medição do ipca ai se a taxa de 6.30 cair, o valor do titulo sobe e se esperar até o vencimento é o valor do simulador de projeçao que vale…..

          6+
        • Lord of All 22 de julho de 2016 at 13:38

          O esquema é o seguinte: pense ao contrário das ações. No mercado de ações vc tem lucro se compra em valor baixo e vende com valor alto. Nos TD´s, o esquema é comprar com ÍNDICES altos (eu escrevi ÍNDICES e não valores) e vendê-los com índices baixos.
          Claro, isso para as pré-fixadas e as pré + alguma coisa. O título atrelado à Selic é outra conversa.
          Exemplo: compra uma pré a 17% e mês q vem o mesmo título q vc comprou está a 14% (sonho), vc vende e tem lucro. Isso porque quanto menos o título paga, (o que está a venda, não o seu), menos ele vale em relação ao seu, ou seja, seu título é “melhor” que o q está a venda e por isso vale mais.

          Claro que usei um raciocínio tosco, mas é só pra começar a entender.

          17+
          • avatar
          • Andradez 22 de julho de 2016 at 15:54

            Lord, valeu pelas infos. Deu sim pra dar uma clareada! Mas por exemplo: os caras falam que tiveram uma margem de 45% desde janeiro…como que vocês chegam nesse % ganho?

            Pode ser uma pergunta meio besta mas é pq eu sou totalmente cru em TD.

            3+
        • Pantaneiro_cba 22 de julho de 2016 at 17:45

          http://andrebona.com.br/como-especular-no-tesouro-direto/
          Fácil de entender a especulação!

          4+
  • Leonardo M. 22 de julho de 2016 at 11:37

    Data 22/07/2016 11:22:00
    Caixa vai liberar R$ 10 bilhões para indústria da construção

    A Caixa Econômica Federal lançará um pacote de crédito para as construtoras na segunda-feira, 25, quando as linhas de financiamento estarão em vigor. O banco pretende liberar, no mínimo, R$ 10 bilhões, informou o vice-presidente de Habitação do banco, Nelson Antônio de Souza.
    Ele afirmou que os recursos virão de um mix de fontes, que inclui o retorno da carteira de habitação, captações da poupança, FGTS e Letras de Crédito Imobiliário (LCI). Ao ampliar os financiamentos para as construtoras, a Caixa quer estimular o setor, cujo nível de atividade ainda se encontra muito abaixo do usual. A medida está em linha com o pedido do presidente em exercício, Michel Temer, de destravar o crédito como forma de impulsionar a economia. O principal problema do setor, porém, é a falta de demanda.

    Na última segunda-feira, 18, a Caixa divulgou que dobrou o teto de financiamento para R$ 3 milhões no âmbito do Sistema Financeiro Imobiliário (SFI). As construtoras poderão pegar esse crédito para financiar obras que se enquadram nesse limite, mas também para moradias mais populares, enquadradas no Sistema Financeiro de Habitação (SFH), que tem limite de R$ 750 mil para grandes centros urbanos. Com isso, a parcela de financiamento subiu de 70% para 80% para imóveis novos e de 60% para 70% no caso dos usados. Essas mudanças também entram em vigor na segunda.

    Dentro do pacote para as construtoras, a Caixa vai facilitar o acesso ao crédito para as empresas. Será possível contratar a operação tanto para a construção – desde que 20% das unidades estejam vendidas, o que cobriria o custo da obra – quanto para financiar potenciais compradores (neste caso, bastará que 80% do empreendimento esteja concluído).

    10+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • rogerio 22 de julho de 2016 at 13:35

      Vem aí….Bull Trap!!

      a primeira do Brasil!!!

      13+
      • avatar
  • Wolf 22 de julho de 2016 at 11:40

    Meio -OFF

    Sobre ontem que eu disse que a Bolsa esta começando a ficar interessante.
    para quem não opera, lembre-se a Bolsa SEMPRE se antecipa aos movimentos do mercado.
    Alguns gráficos da Bolsa e do Dolar.
    “https://dl.dropboxusercontent.com/u/6106887/Geral/ibov-mensal.png”
    “https://dl.dropboxusercontent.com/u/6106887/Geral/ibov-semanal.png”
    “https://dl.dropboxusercontent.com/u/6106887/Geral/ibov-diario.png”

    “https://dl.dropboxusercontent.com/u/6106887/Geral/dolar-mensal.png”
    “https://dl.dropboxusercontent.com/u/6106887/Geral/dolar-semanal.png”

    Sobre o carro, que eu falei, vendi meu Cruze 2012 por 48k e estou de olho em um 308 THP Griffe 2014, completo por 51k até 49k pouco rodado, achei o melhor custo x beneficio até o momento.

    7+
    • avatar
    • avatar
    • Andradez 22 de julho de 2016 at 11:46

      Wolf..to pensando o mesmo…mas estou achando um bom CxB o C4 Lounge exclusive 2014 na casa dos 55k negociáveis. Pra mim, a vantagem do C4 é que esse é o modelo mais atual, enquanto o 308 já fez um face lift acho que ano passado.

      3+
      • Wolf 22 de julho de 2016 at 13:26

        É que eu quero um carro hatch, ou pouco menor para que eu e minha esposa possamos dirigir, e ela tem pavor de carro sedan.

        Cheguei a cogitar a pegar um DS3 por até 45k, mas é um carro que hora me agrada esteticamente hora não, sem falar que ele não tem quase nada de acessórios e é 2 portas, o que para mim atrapalha muito.

        3+
        • Andradez 22 de julho de 2016 at 13:38

          Pra mim o que pega no DS3 é ser manual…o Lounge tem camera de ré…hehe…já ajuda! Mas nesse caso o 308 é uma boa mesmo….só tentar achar algum ainda na garantia de fábrica pra evitar maiores problemas!

          4+
  • Cajuzinha 22 de julho de 2016 at 11:42

    Bomba! ESTIMULAR COMPRAR NA PLANTA

    “Dentro do pacote para as construtoras, a Caixa vai facilitar o acesso ao crédito para as empresas. Será possível contratar a operação tanto para a construção – desde que 20% das unidades estejam vendidas, o que cobriria o custo da obra – quanto para financiar potenciais compradores (neste caso, bastará que 80% do empreendimento esteja concluído).”

    https://www.noticiasaominuto.com.br/economia/256008/caixa-vai-liberar-pacote-de-credito-bilionario-para-industria-da-construcao

    12+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Cajuzinha 22 de julho de 2016 at 11:43

      “A Caixa Econômica Federal lançará um pacote de crédito para as construtoras na segunda-feira, 25, quando as linhas de financiamento estarão em vigor. O banco pretende liberar, no mínimo, R$ 10 bilhões, informou o vice-presidente de Habitação do banco, Nelson Antônio de Souza.”

      DEMANDA!!!!!

      “A medida está em linha com o pedido do presidente em exercício, Michel Temer, de destravar o crédito como forma de impulsionar a economia. O principal problema do setor, porém, é a falta de demanda.”

      10+
      • Observador 22 de julho de 2016 at 11:49

        Nem sacramentou em definitivo o impeachment e já vai começar a cometer os mesmos erros?

        18+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 12:17

          IMPEACHMENT AGAIN!!!

          16+
          • avatar
          • avatar
        • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 13:02

          Sendo apolítico:

          Todo o governante sofre pressões de diversos setores da sociedade e de agentes econômicos e o setor imobiliário é um deles que se organiza por meio de CRECIs, SevoRvos, sindicatos e associações para defender os seus interesses, e o governo vai cedendo aos interesses, funciona assim, se o presidente for contra um interesse, ele ganha um inimigo e se forem muitos inimigos, o governo cai, simples assim!!!

          9+
          • joselito 22 de julho de 2016 at 13:06

            Por isso um governante que tenha VOTO tem mais força que o que não tem…….

            10+
            • avatar
            • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 13:09

              Isto é verdade Joselito, mas nossa realidade agora é outra.

              5+
              • joselito 22 de julho de 2016 at 13:13

                Sem dúvida. Nossa realidade agora é calamidade, rsrsrs.

                8+
        • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 13:07

          O que vc faz quando alguém que te deve bastante dinheiro e não tem condições de pagar, pede mais dinheiro emprestado? Empresta mais, claro!!!
          Isso é muito nítido que estão metendo a mão no dinheiro público via CEF e depois ficam implorando pra investir em Tesouro Direto pra cobrir o rombo.

          23+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 13:09

            Zé do Brejo,

            Ótima observação.

            9+
            • avatar
            • avatar
        • Rampion 22 de julho de 2016 at 13:31

          Estamos na mesma situação do que na época da Anta, só cego que não vê.
          Aproveitando o post do colega acima, tem uma frase que descreve perfeitamente o que acho sobre as declarações sobre o Temer ser a solução para algo, segue abaixo:
          “Há duas maneiras de ser enganado. Uma é acreditar no que não é verdade; a outra é recusar a acreditar no que é verdade.”
          Soren Kierkegaard

          Como alguém pode acreditar que esse cara é a solução se ele governou com a Dilma. Está sendo e será a mesma política e pronto.

          11+
          • wing 22 de julho de 2016 at 15:42

            Pois é, acho a mesma coisa.
            E ainda o defendem com unhas e dentes…
            Povo cego.

            5+
          • gmlinux 22 de julho de 2016 at 18:36

            Concordo quase 100%
            Uma coisa que parece bastante.
            BC regula a quantidade de dinheiro no mercado usando a SELIC, que dentre outras coisas, eleva taxa de financiamento.
            Então, libera via CEF, dinheiro no mercado… parece a Dilma oferecendo benefícios para alguns setores e outros não…

            5+
    • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 11:56

      PERA AI, PERA AI – 20% PAGA O CUSTO DA OBRA E 80% É O LUCRO BRUTO DA CONSTRUTORA ????

      31+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar

      • CarlosL 22 de julho de 2016 at 12:25

        Aumenta a fonte pq só em negrito é pouco…… Já venho dizendo isso a tempos mas não nessa proporção; Apostava no 30 – 70

        9+
        • avatar
        • avatar
        • Rampion 22 de julho de 2016 at 13:32

          Desconheço empresário que entre em negócio que não seja para ganhar no mínimo três vezes o que investiu!

          7+
          • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 13:41

            Já perguntei em loja de roupas, colocam 100% em cima do custo.
            Supermercados colocam 5%-10%
            Construtoras até 10 anos atrás, colocavam 40% em cima do custo

            10+
            • avatar
            • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 14:06

              Montadoras colocam 300% a 400%

              13+
              • avatar
              • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 14:06

                Se colar colou

                12+
                • avatar
              • joselito 22 de julho de 2016 at 17:08

                E quando o mercado esfria, (além de mandar todos embora), pede ao governo isençao de IPI, Ipiroca, Iporreta, Ietc, pois os “tributos” encarecem muito.
                Até que vem uma nota de rodapé em algum veículo de comunicação mostrando que um carro fabricado no Brasil custa 2x aqui do que o mesmo carro fabricado no Brasil vendido no méxico. rsrsrsr

                15+
                • avatar
                • avatar
                • rogerio 22 de julho de 2016 at 17:21

                  bem isso…lucram os olhos da cara e depois vão chorando pro colo do governo, depois querem que defenda os GRANDES empresários que geram EMPREGO e DESEMPREGO.

                  12+
                  • avatar
                  • avatar
          • EngenheiroDF 22 de julho de 2016 at 23:53

            Sou empresário e convivo com dezenas de empresários diariamente. Desconheço empresário que ganhe três vezes o que investiu em um ciclo. ACho que vc ta dando uma orelhada brutal.

            4+
        • EngenheiroDF 22 de julho de 2016 at 23:11

          NUNCA!!! Você ta viajando.

          2+
      • fanfarraum 22 de julho de 2016 at 12:53

        E conseguem quebrar

        13+
        • avatar
        • joselito 22 de julho de 2016 at 13:08

          Mas o recebedor de dividendos, tá quebrado também?:

          P.s.: no tópico passado me deu curiosidade. Quem entrou no lugar do banuelos?

          8+
          • avatar
          • avatar
      • Alemon Fritz 22 de julho de 2016 at 12:53

        se o cub tá em 1k e a galera paga 7,5k, deve ser por aí…

        10+
        • avatar
        • avatar
        • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 13:03

          Mas além do CUB tem o terreno e os custos financeiros.

          8+
          • avatar
        • EngenheiroDF 22 de julho de 2016 at 23:18

          Alemon, vou te dar um exemplo do Noroeste aqui em Brasilia. O custo de construçao das obras do noroeste está em MAIS de 2 mil reais por m2. acontece que pra cada metro vendido (area de vassoura) existe cerca de mais um metro construido de area comum (garagem, Pilotis, elevador, escadas etc). Isso significa que se gastou 4 mil reais por metro (no minimo) pra se construir aquele imóvel. Participei pessoalmente de licitações da terracap em que lotes no Noroeste foram vendidos por 23 milhoes de reais. Pode colocar no mínimo um custo de mais 3 mil reais por m2 em cada apartamento pra pagar o lote. Mais documentação e o tempo absurdo que se gasta pra tirar alvara, habite se, resolver ceb, caesb, bombeiro, novacap, agefix etc, pode ter certeza que quem vende noroeste por menos de 8 mil reais o m2 esta PERDENDO DINHEIRO.

          5+
      • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 13:07

        Cesar,

        Pode explicar os lucro de 80℅, gosto muito dos seus comentários.

        9+
        • avatar
        • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 13:15

          “Dentro do pacote para as construtoras, a Caixa vai facilitar o acesso ao crédito para as empresas. Será possível contratar a operação tanto para a construção – desde que 20% das unidades estejam vendidas, o que cobriria o custo da obra – quanto para financiar potenciais compradores (neste caso, bastará que 80% do empreendimento esteja concluído).”
          Esse número vem deles mesmos.

          http://atarde.uol.com.br/economia/noticias/1788376-caixa-vai-liberar-r-10-bilhoes-para-industria-da-construcao

          10+
          • avatar
          • avatar
        • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 13:37

          A própria notícia indica que com 20% do valor de venda, eles pagam o custo de construção. 80% de lucro bruto.
          Transformando isto em números, utilizando a região de Águas Claras – DF
          Residencial Top Life Aguas Claras, com cerca de 10 torres e 1100 apartamentos.
          Valor atual do terreno = R$ 2.000 / m2
          Valor atual do CUB DF normal R8 = R$ 1.158/m2

          Pegando o CUB, acrescentando 30% referente áreas comuns (elevador, piscina, estacionamento, etc) e distribuindo a fração ideal do terreno, temos um custo de construção de R$ 1.905/m2, que num apto de 70m2 seriam R$ 133.350
          Como a construtura ainda tem algumas unidades distratadas, sendo comercilizadas por 300K, sobram então R$ 166.650 para o lucro bruto (lucro liquido + administração + impostos).
          O lucro então foi de 125%. ( R$ 2.378 de lucro/m2 X 70 m2 X 1100 unidades) = LUCRO DE 183 MILHÕES

          18+
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar
          • avatar

          • CarlosL 22 de julho de 2016 at 14:07

            Essa “pequena” discussão por si só pode ser considerada o tópico do dia, talvez até do mês, visto que indiretamente escancaram a margem de lucro do segmento.

            O que posso afirmar, é que normalmente uma industria de bens de consumo que trabalha com descontos, trabalha na proporção 40 -> 60 portanto o máximo que ela consegue conceder de desconto para cobrir o custo de produção é 60%, óbvio que sempre focando no menor desconto possível para majorar o lucro….

            12+
            • avatar
            • avatar
            • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 14:18

              O detalhe, é que neste caso concreto, eles vendiarm por 6K/m2 há 4 anos e agora vendem por 4K/m2
              Eu usei valores atuais de CUB e terreno. Se fôssemos fazer a conta em 2011, daria mais de 200% de LUCRO BRUTO.

              9+
              • avatar
            • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 14:27

              Exemplo de margem de lucro das construtoras

              Exército comprou um terreno de 1000 m2 por 11KK
              Iriam construir um edifício, principalmente para seus generais.
              Valor de venda dos apartamentos por 5K/m2
              Fiz os cálculos e o custo agregado de construção (apto + áreas comuns + estacionamento + etc) sairia por R$ 3.3k/m2
              Fizeram diversos protestos, pois estavam vendendo os apartamentos por MENOS DA METADE DOS OUTROS.
              Fiz as constas, mesmo vendendo por menos da metade, construtora ainda teria um lucro bruto de 20 milhões.

              http://noticias.r7.com/distrito-federal/exercito-vai-construir-predio-de-luxo-para-generais-no-bairro-mais-caro-de-brasilia-pela-metade-do-preco-de-mercado-08092013

              13+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • EngenheiroDF 23 de julho de 2016 at 00:37

                Prezado Cesar, Se o lote foi comprado por 11 milhões e serão executados 48 apartamentos, tempos um custo médio de R$ 229.166 por apartamento. A reportagem que vc anexou fala de apartamentos entre 120 e 180 m2. SUPONHO que os de 180 são as coberturas e 120 é o apartamento TIPO. R$ 229.166 dividido por 120 = R$ 1.909 por m2.

                Segundo amigos que já construiram no Noroeste, o índice médio de construção é 1,9, isso significa que pra cada metro de vassoura (área interna de apartamento) é feito 0,9 m quadrado de área comum (garagem, pilotis, elevador, escada, hall etc). O custo de construção do m2 no Noroeste é de cerca de 2 mil reais . Isso significa que a área privativa custa (mão de obra e material) cerca de 3.800.

                Somando lote (1.909) com custo de construção (3.800) já temos 5.709 reais por m2. Colocando doumentação (cartorio, alvara, habite se, CND, propinas, RIT), colocando o impostos, colocando o cronograma que não vai ser cumprido (principalmente por causa do GDF-agefis e concessionárias), processos na justiça etc, não tem como vender por menos de 8.000 por m2 no noroeste e ter lucro.

                4+
                • JJJ_brasilia 23 de julho de 2016 at 10:31

                  Engenheiro,

                  Você é do ramo, pelo Nick, mas uma dúvida? Se o CUB é de 1k porque no Noroeste vo e calculou 2K, como é um bairro mais caro o acabamento deve ser mais caro, OK, mas o dobro achei caro, pode explicar.

                  Outra pergunta, no CUB já não está incluso os custos de documentação é cartório?

                  2+
                  • EngenheiroDF 23 de julho de 2016 at 11:33

                    JJJ_Brasilia, falo baseado no que amigos meus que constroem no DF calculam. Tenho um amigo com quem convivo quase diariamente, engenheiro tambem, ele foi gerente de umas da maiores empresas de construção civil do DF, empresa esta que tem obras em quase todas as cidades do DF. Ele me diz que o custo por m2 no Noroeste é de 2.200 e em Samabaia é 1.400. as Outras variam entre estes dois valores.

                    2+
                    • JJJ_brasilia 23 de julho de 2016 at 11:41

                      Engenheiro,

                      Obrigado pela resposta, mas entendo que o ramo da construção civil não controla direito os seus custo, não inova para reduzir custo, e quer repassar tudo para o consumidor, só que o bolso do consumidor tem limite, ainda mais para um bem caro como imóvel.

                      Agora se as empresas de construção pagaram caro pelo terreno, assumam os seus erros e suportem o prejuízo, não tentem repassar a sua ineficiência para o mercado, empresas que não tomam boas decisões merecem prejuízo, capitalismo é assim, a outra opção é o socialismo e sabemos que não funciona.

                      6+
            • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 14:28

              Carlos concordo, Boss a o post do César_df poderia ser tópico, é minha sugestão, mais um prata da casa.

              Este blog mequetrefe cria monstros (no bom sentido) financeiros.

              15+
              • avatar
              • avatar
              • avatar
              • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 14:37

                JJJ_brasilia, agradeço o elogio
                Estes números servem para demonstrar o porquê o meu apartamento está com Fator X de 363, os investiotários deram um lucro enorme para as construtoras pagando uma importância que não valia e agora tem uma rentabilidade ridícula com o aluguel.
                O duro é que isso vicia igual crack, lucro farto distribuído para os acionistas, premiações para vendedores, gerentes e diretores.
                Semelhante a uma pirâmide, os que entraram primeiro tiveram lucro e os que entraram por último estão tendo prejuízo.
                No EUA esta pirâmide ruiu rápido, e em 5 anos, o mercado já se ajustou.
                Na Espanha, o governo não deixou ruir, e está desinflando bem lentamente, ao mesmo tempo que corroi a economia.
                No Japão, devido a queda da fertilidade e os altos impostos sobre herança, faz 25 anos que o mercado só cai.

                18+
                • avatar
                • avatar
          • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 14:25

            Cesar,

            Muito boa a sua informação, só acrescentaria o custo financeiro, como destrutoras trabalham com capital dos bancos, este custo pesa bastante, mas sua conta está muito boa.

            Obrigado.

            7+
            • avatar
            • gmlinux 22 de julho de 2016 at 18:40

              e adicona o custo de oportunidade…

              4+
      • CarlosL 22 de julho de 2016 at 13:20

        Tai o porquê que do dia pra noite surgiram toneladas de incorporadoras no mercado….Trabalho relativamente simples, mão-de-obra barata, sem necessidade de tecnologia avançada, sem necessidade de pesquisas de desenvolvimento, sem necessidade de sustentabilidade, sem necessidade de R&D………. = $$$$$$$$$$$
        Porque consegue quebrar ? Porque ninguém contava com o distrato…..
        E agora passada a validade (ou não), começa a quebrar o produto vendido por 80% mais caro que o valor de custo……..

        19+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 14:30

          Bingo, grande comentário.

          9+
        • Ilusionista 22 de julho de 2016 at 16:40

          grande parte dos terrenos onde são construidas as torres sai a custo zero para as incorporadoras . Dão em permuta uma ou mais unidades para o “dono da terra” depois de pronta, dependendo de quanto podem lucrar pelas vendas das demais unidades, variando pela localização.
          O lucro deve ser bem maior em algumas localizações mais TOP…

          9+
          • avatar
          • JJJ_brasilia 23 de julho de 2016 at 11:44

            Sobre terreno, quando há permuta, o custo da obra do apartamento dado em permuta corre por conta da construtora, não é grátis, mas deve ser mais barato que pagar o terreno com empréstimo bancário.

            3+
      • EngenheiroDF 22 de julho de 2016 at 23:11

        Sou empresário da construção civil e posso te dizer com toda a certeza que isto não existe.

        4+
    • Alemon Fritz 22 de julho de 2016 at 12:57

      isso é pra dar folego e o mercado não desabar, quem sabe em 1 ano a economia
      volta, a bolsa tá subindo, etc etc… até 20% ficarem prontos já foi 1 ano pelo menos.
      kkk, igual portugal, deu uma subidinha e caiu o dobro 2 anos depois..

      15+
      • avatar
      • avatar
  • Mr.Brightside 22 de julho de 2016 at 13:20

    CVR
    Tenho um amigo está com prestação atrasada
    no segundo mês indo para o terceiro
    usou FGTS para reduzir a parcela de R$610,00 Temers para R$ 350,00 Temers, que eu entendi que ele reduziu um ano e amortizou a prestação e não juros. por que sei disso, pois ele pediu grana emprestada disse que não tinha, e perguntei o que aconteceu…
    Ganha mesma coisa que eu mulher está empregada. por qual motivo está atrasado….
    Motivo 1 : Igreja 10% ser caloteiro no banco , mas não na igreja né
    Motivo 2 : Tem filho que mima bastante diz que deve coisas como roupas e brinquedos.
    Motivo 3: Houve falecimento na família sei pai morreu, isso faz quase 1 ano já, ainda tem dividas disso, os custo foram divididos em três filhos sem reserva financeiras nem plano funerário
    Motivo 4: Cartão de crédito estourou. o cara reduziu a prestação da caixa e a caixa deu um cartão de credito plus e cara usou e se ostentou com ele.
    Motivo 5: Redução de carga de trabalho trabalho, redução de 5 para 4 dias. com isso salario menor. sexta-feira livre mais um dia para um 666 gastar.
    Dai a pergunta por que eu não emprestei???
    Resposta: se o idiota deixou prestações reduzidas com risco de perder a casa atrasar, imagine comigo que sou amigo dele, não vou ser salvador de ninguém
    regra 17 do filme Zumbilandia (Don’t) be a hero” (Não seja um herói)

    30+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Rampion 22 de julho de 2016 at 13:35

      666 não tem amigo. Por quaisquer trocados eles esquecem que você existe fácil, fácil.

      18+
      • avatar
      • avatar
      • From_The_Tower 22 de julho de 2016 at 13:45

        Bingo Plus MAster.
        Vocês estão muito sábios !!!

        11+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • joselito 22 de julho de 2016 at 17:13

        Quando você negou ele continuou seu migo? rsrsrs

        8+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Lord of All 22 de julho de 2016 at 13:50

      Eu não resisto, tenho q insistir na historinha da formiga e da cigarra.

      As cigarras q morram de frio e fome.

      9+
      • avatar
      • avatar
      • Mr.Brightside 22 de julho de 2016 at 13:56

        No Brasil é diferente: Algumas Cigarras se evoluem para BULBASSALTOS ferozes e furiosas

        10+
        • avatar
        • avatar
    • fanfarraum 22 de julho de 2016 at 17:03

      Valeu o CVR, mas tem umas frases sofríveis em termos de português 😛

      8+
  • Observador 22 de julho de 2016 at 13:54

    Voltando à realidade aos poucos, oremos à bola 8!!!

    4+
  • Lord of All 22 de julho de 2016 at 14:01

    CVR dentro dessa linha de pessoas endividadas:

    Tio da minha mulher, senhor com casa própria quitada, casa na praia quitada e outro terreno quitado e alugado, carro velho quitado, além de pensão de mais de 2 paus.
    Tudo isso são coisas simples, nada de luxuoso ou novo, família matunga mesmo.
    Vendeu um caminhão velho q tinha e usava pra trabalhar e torrou o dinheiro em questão de dias.

    Vive pedindo dinheiro emprestado, diz que o q ganha não é suficiente, que tá passando necessidade, chegou a pedir pro meu sogro doar um dos carros pra ele.
    Interessante que a filha tem tudo do bom e do melhor, não passa um fds sem ir a balada. Interessante (2) que não vende as coisas q tem e não usa, como a casa na praia, p. ex.

    É um senhor de idade, com problemas de saúde, tinha tudo pra eu ter dó, mas não tenho. Primeiro pq tem coisas pra vender. Segundo pq não pensa em reajustar o modo de vida (parece o governo federal). Terceiro pq não vou tirar dos meus (eu e minha mulher) pra dar pros outros gastarem né, ou, em outras palavras, não vou deixar de viajar, de comer bem, pra que outra pessoa faça isso em meu lugar.

    41+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Andradez 22 de julho de 2016 at 15:48

      Eu hein! Avisa pra ele que quem empresta dinheiro é BANCO! hehe

      E se eu fosse ele já começava a vender as coisas pq plano de saúde de idoso é uma facada e todo ano aumenta bem mais do que a inflação.

      6+
      • avatar
      • avatar
  • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 14:02

    CRV OFF,

    A concorrência é tudo, com a chegada o UBER, taxistas do Rio estão lançando o serviço de Taxi rosa, para atender mulheres que não se sentem bem ou inseturas em ser transportadas por taxistas homens, isto já ocorrem em vagões do metro.

    Tenho que admitir, nesta o UBER ficou para trás.

    Santa concorrência, melhores serviços e melhores preços, isto sim é capitalismo.

    20+
    • avatar
    • avatar
      • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 14:09

        Apenas um alvo facilitado

        14+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
    • Mr.Brightside 22 de julho de 2016 at 14:13

      com o táxi rosa, a taxista pode vender produtos Mary Kay para as mulheres???

      24+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Cesar_DF 22 de julho de 2016 at 14:20

        KAKAKAKAKAKA BOA

        2+
      • JJJ_brasilia 22 de julho de 2016 at 14:32

        Não defendendo o meu post, mas conheço mulheres que tem medo dos taxistas, a minha mesmo só anda nisto se eu estiver junto.

        8+
        • avatar
    • Rampion 22 de julho de 2016 at 16:27

      Na crise surge a criatividade. Utilizando um jargão tire o “S” da palavra crise e fica “CRIE”. Esse serviço de taxi rosa é uma demonstração disso. A grande maioria que utiliza taxi são mulheres e muitas delas não se sentem bem sendo atendidas por taxistas brucutus que quando não abrem a porta ou ajudam com malas pesadas. Não tenho dúvidas que essa categoria de serviço irá crescer bastante e incomodar os outros taxistas.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • fanfarraum 22 de julho de 2016 at 16:59

        “A grande maioria que utiliza taxi são mulheres”
        Não sei daonde tu tirou essa informação, mas com certeza não.
        A maior parte dos utilizadores de táxi são homens.

        7+
      • joselito 22 de julho de 2016 at 17:18

        Sei não. Sou de MG.
        Todas mulheres que conheço, hoje, de MG, só pegam taxi no RJ se não houver outra opção (onde o UBER não atende, tipo rodoviária, ou não haja um translado até um ponto atendido pelo UBER).
        Infelizmente, o espírito Zé Carioca já contaminou os taxistas. Acho que só reset master plus resolveria.

        4+
  • CarlosL 22 de julho de 2016 at 14:26

    Historinha prefácio / CVR

    Lembrei ontem de como cheguei a esse blog e ao estamosricos.com
    Aqui em SP lançaram a uns 3 anos atrás no Centro uma casa de bonecas de enormes 18 m2 intitulados Setin Downtown…
    Sequer estava pesquisando imóveis para compra, mas fui por curiosidade ao stand perguntar o valor desse e me responderam de prontidão na maior normalidade: Na pré-venda a partir de 16k m2 (o que equivale a uns 288k pelo grandioso e incrível imóvel)
    Óbvio que tomei o maior susto e ai pensando / refletindo googleei, achei o estamosricos e quase em seguida essa aldeia aqui (A antiga) e comecei a entender melhor (ou talvez ainda não) o que estava/esta acontecendo….

    Pois bem, esse belíssimo abrigo de casa de bonecas gourmet com apenas 200 (?!?) aptos, vizinho a prédios tomados pelo MTST, bocas de fumo, o bar do Estadão (só isso que salva rs) etc está em fase de obras….

    Ontem passando próximo da República, eis que vi que montaram um puxadinho do stand de vendas original e…. Advinha ?! Uma faixa enorme no vidro dizendo que estava por 188k a vista. Uma queda de 40% ainda em fase de obras e….. Advinha ?! Como se era de esperar, o stand-puxadinho vazio de interessados

    37+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • wing 22 de julho de 2016 at 15:35

      Ainda é 10k m2
      Tá louco….isso sim é rasgar dinheiro. ..
      Ninguém compra depois esse tipo de imovel. Põe uma cama ,e acabou o ap.

      9+
      • CarlosL 22 de julho de 2016 at 19:35

        Eu ainda dei uma olhada no decorado para ter uma ideia da bizarrice… Bom, vou resumir: Imagine que o corredor da entrada do imóvel que você mora até a parede da sala seja um apartamento. É exatamente isso o que eles estão vendendo.

        6+
        • avatar
        • wing 22 de julho de 2016 at 23:02

          Vou dar um pulo la de curiosidade. Rs

          4+
    • markito 22 de julho de 2016 at 15:55

      Cara se vc montar para ganhar dinheiro tipo um air bnb até vira… tem muita demanda nessa região. Da pra fazer uns 120 reais a diária e tem boa procura. Seria uma forma de diversificar um investimento por exemplo. Mas para morar ou alugar mesmo não vale.

      5+
  • alemonbnu 22 de julho de 2016 at 15:40

    Amigos bolhistas, fiz umas contas usando como exemplo o predio onde resido. 400k preco de venda, 1400 aluguel + 600 cond. Coloquei 240 ref luz+ internet.
    Aplicacao: LCI liquidez diaria, 80% do CDI.
    Conclusao: com CDI a 8,4%aa, ja nao é mais tao interessante pagar aluguel com juros. Nesta taxa, os juros de 400k empatam com os gastos mensais, nao sobra nada…Lembrando q com o passar do tempo temos inflacao….pior ainda…
    O q vcs acham deste cenario? O governo quer pq quer reduzir a selic….

    6+
    • Luke Bolha 22 de julho de 2016 at 15:56

      Eu acho que mesmo você comprando vc ainda terá que pagar condominio e outras contas, e se vc alugar vc só vai receber os 1400 do aluguel e no melhor dos casos alugar os 12 meses.

      Enfim, se vc comprar, vc só vai empatar msm quando o cdi estiver uns 5.5% a.a.

      10+
      • avatar
      • avatar
    • Rampion 22 de julho de 2016 at 16:32

      Como assim? Os juros de uma LCI que renda 0,8% ao mês em cima de 400k seria algo em torno de 3.200,00 como que isso empata com o aluguel e não compensa a aplicação?

      6+
    • Pantaneiro_cba 22 de julho de 2016 at 18:23

      Se você deixa investido à 80% da taxa de CDI(hipotética) de 8,4%, vc “ganha” R$ 2.240,00 ao mês, que paga suas despesas de moradia.
      Se você compra o imóvel, imobiliza os 400k e ainda terá que gastar os 840 de Cond+luz+internet

      5+
  • alemonbnu 22 de julho de 2016 at 15:41

    Empatam com os gastos anuais. Fiz a conta anual

    5+
    • Observador 22 de julho de 2016 at 17:35

      Mas nas suas contas se comprar o imóvel para de pagar condomínio, água, luz, internet?

      6+
    • From_The_Tower 23 de julho de 2016 at 07:44

      alemonbnu, recomendo a compra.
      Sério.
      É bom ter imóveis. Eu mesmo já tive vários.
      Tijolo é moeda forte.
      Nunca desvaloriza.
      😉

      12+
      • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 22 de julho de 2016 at 15:54
    • Marc 22 de julho de 2016 at 16:03

      Recebam! (negativamente)

      6+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Cajuzinha 22 de julho de 2016 at 18:00

    A venda de veículos novos em Catanduva teve uma queda de 45,2% nos últimos dois anos. No comparativo entre 2014 e 2016 foram 858 emplacamentos de modelos zero quilômetro a menos, reflexo da crise financeira que se alastra por todo país desde o ano passado. No primeiro ano (2014), de janeiro a junho foram 1897 emplacamentos, sendo que no mesmo período deste ano o número caiu para 1039. A informação é do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).”

    7+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Cajuzinha 22 de julho de 2016 at 18:08


    ROSANA HESSEL

    A situação das finanças públicas está pior do que o governo vem dizendo. A equipe econômica já prevê rombo de R$ 186,9 bilhões para este ano nas contas do governo central (que inclui Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central), o equivalente a 3% do Produto Interno Bruto (PIB). Esse deficit, previsto na reavaliação bimestral de receitas e despesas, está R$ 16,5 bilhões acima da meta prevista na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) alterada em maio, de um buraco de até R$ 170,5 bilhões (2,7% do PIB).

    Não por acaso, a equipe econômica tentou fazer um contingenciamento de R$ 18 bilhões para ser anunciado nesta sexta-feira, mas acabou prevalecendo a visão da ala política do Palácio do Planalto, de que não havia porque impor um novo arrocho à economia, que está mergulhada em um profunda recessão. O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, foi derrotado na proposta, mas, para demonstrar força, vem dizendo que partiu dele a ideia de adiar o anúncio de cortes.”

    2+
    • Zé do Brejo 22 de julho de 2016 at 18:21

      Comprem tesouro direto!

      6+
      • avatar
  • Curioso 22 de julho de 2016 at 18:30

    Meu sogro ofertou 800k em apto anunciado por 950k…
    Eu disse pra oferecer 400k… (rs)
    Proposta foi recusada.
    Hoje ele ligou pra oferecer 850k… e me ligou em seguida dizendo muitos desaforos, porque o apartamento foi vendido…
    Moral da história 1: Fui salvo por um desconhecido.
    Moral da história 2: Ainda há vendas, mesmo nos preços malucos.

    15+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • wing 22 de julho de 2016 at 18:33

      Por isso qnainda está caro, se não fosse isso…
      Ou pode ser q o cara não queira mais vender ora ele é disse isso rsrs…vai saber

      5+
      • avatar
      • avatar
      • Curioso 22 de julho de 2016 at 18:40

        Existe uma consciência coletiva maquiada no sentido de que estamos no fundo do poço dos preços. Tenho ouvido repetidas vezes esse assunto em diversas rodas de papo, inclusive em família. Mesmo com o custo de oportunidade/imobilização altíssimo, alguns conhecidos retornaram as buscas para compra porque imaginam que este será o melhor momento em anos… Dois apartamentos que eu monitorava há alguns meses foram vendidos recentemente…

        Moral da história 3: A espera não acaba… pra quem luta contra o mercado e contra a família, desejo mais paciência.

        13+
        • avatar
        • Zé Carioca 22 de julho de 2016 at 18:57

          Ainda tem vendas, mas são bem poucas, e tem muitos proprietários endividados abertos a propostas. Há uma semana fui visitar um apartamento e falei pro corvo que ia esperar um pouco mais, pois os preços estavam altos e acreditaria que iriam cair, ele concordou comigo e falou que achava que ainda teríamos mais quedas até o final do ano. Aos poucos a realidade está chegando.

          Por que você vai comprar se você não quer comprar? Pelo que entendi o sogro vai dar parte do dinheiro, mas não tem como falar pra ele doar a quantia pra sua esposa para vocês comprarem daqui a um ou dois anos?

          3+
          • wing 22 de julho de 2016 at 22:44

            Depende muito do lugar ainda, moro em SP capital e monitoro os preços e não vi muita queda que caiba no bolso mas percebi que ja caiu ou parou de subir e os imóveis mais baratos vendem rápido.
            Quero um de 300/350 k 3 dorm, até tem mas só em lugar que se vc colocar dinheiro la sabe q vai sair perdendo( periferia, perto de favelas e bairros muito violentos, muito longe do cenrro), se não tá vendendo agora, imagina daqui a 5 anos já q imovel sofre depreciação tb é a tendendia é quEda.
            Então quero algo decente, mas ainda está inacessível para mim.

            O pessoal que saiu pra procurar agora não monitora os preços, acham q caiu o bastante já e mal sabem q pode ter até subido. Eles que estragam o mercado, pois são aqueles q pagam qualquer valor.

            7+
          • wing 22 de julho de 2016 at 23:11

            Ahhh, já falei isso pra um corvo…que vai cair mais ,quase riu de mim
            Aqui ainda defendem os preços altos com unhas e dentes.
            Vejo tanto anúncio escrito ABAIXO DO VALOR DO MERCADO pra chamar atenção ..qual critério estão usando? pra quem pesquisa e monitora sabe q ainda está alto

            4+
          • Curioso 23 de julho de 2016 at 11:00

            Zé,
            Esse é o meu discurso há 5 anos, desde que casamos… mas a condição de compra ideal ainda não chegou….
            A esposa tem sido paciente, mas a insatisfação é latente. Esse assunto vem a tona praticamente todos os dias.
            Quando sou questionado “quanto tempo ainda vamos ter que esperar”, sinceramente, não sei a resposta e isso só gera mais angústia.

            8+
            • avatar
            • Rampion 25 de julho de 2016 at 10:03

              Terminei um relacionamento por causa disso. Quando percebi que ela não iria mudar a opinião sobre financiamento de apartamento com preços exorbitantes e parcelinhas que cabem no bolso achei melhor colocar a barba de molho e dormir sozinho por um tempo mas com paz de espiríto.

              1+
    • markito 22 de julho de 2016 at 19:13

      fala pra ele procurar apartamento no mesmo condomínio daqui 1 ano, 1 ano e meio e esses desaforos se transformarão em vários elogios… printa isso e daqui um ano nos fale o que aconteceu com o preço.

      6+
      • avatar
  • CarlosL 22 de julho de 2016 at 19:40

    Voltando um pouco na questão levantada de tarde sobre o cálculo mágico do custo da obra:

    -Eu monto um projeto de 10 andares com 2 aptos por andar pedindo 1 milhão por imóvel
    -Vendo 4 aptos, o custo está resolvido (4 milhões) e o $ já na mão para tocar a obra toda.
    -Me restam ainda 16 imóveis que são por si só considerados lucro.
    -Desses 16 imóveis restantes, por alguma força quântica, ou por causa do desespero de alguns doleiros em se livrar de $, consegui vender todos.
    -Gastei 4 milhões, ganhei 16, ou melhor, tive 400% de lucro.
    -Que coisa não ?!

    8+
    • avatar
    • EngenheiroDF 22 de julho de 2016 at 23:45

      Nem em sonho é dessa forma. Hoje em dia em Brasilia muitas construtoras estão vendendo abaixo do valor de custo. As 9 torres da PDG em frente ao cemitério de taguatinga é um exemplo: apartamentos de 50 m2 por 160 mil reais. tenho amigos empresários que construiram em Samabaia, Aguas Claras e Taguatinga, e todos estão penando pra EMPATAR. Mas alguns já sabem que vão ter resultado negativo quando comparado a uma TMA de 0,5% ao mês.

      6+
      • avatar
      • JJJ_brasilia 23 de julho de 2016 at 11:02

        Engenheiro, não vou fazer contas, mas no capitalismo que empreende pode ganhar ou perder, é do jogo.

        Mas tem imóvel em samambaia de 3 quartos 70m2 que pedem 270k, por 300k da para comprar um JK na Asa Sul, 50m2 , é menor e não tem garagem, mas comparar a localização da Asa Sul com Samambaia é duro.

        Os preços estão distorcidos.

        3+
        • EngenheiroDF 23 de julho de 2016 at 11:08

          Sem dúvida os preços estão distorcidos, sem dúvida o custo não tem relação com valor (valor depende da relação oferta / demanda) e sem dúvida todos os preços estão caindo. E muitos empresários estão em dificuldade e/ou quebrando.

          4+
          • avatar
          • CarlosL 23 de julho de 2016 at 11:46

            EngenheiroDF, me desculpe mas omiti um fator importante:

            -Essa historinha é de meados de 2008 !

            2+
  • Alemon Fritz 22 de julho de 2016 at 21:43

    cristo decolando kkkk
    O BTG Pactual e a KPMG estimam que US$ 50 bilhões entrarão no País por meio de fundos dispostos a investir em projetos de longo prazo e em fusões e aquisições, assim que o impeachment for aprovado. A gestora canadense Brookfield, que tem US$ 225 bilhões em ativos, está de olho na infraestrutura e no mercado imobiliário brasileiros…..
    vejam essa kkk
    http://www.istoedinheiro.com.br/noticias/economia/20160722/entenda-por-que-falta-pouco-para-brasil-decolar/395836

    6+
    • avatar
  • Cajuzinha 22 de julho de 2016 at 22:14

    Kkkkkkkkkkkkk

    Ah, tá. Agora sim. 3kk é o que vou financiar. Vou comprar 2

    ” G1 errou ao informar, em reportagem publicada na última segunda-feira (18), que a Caixa elevará para R$ 3 milhões o teto do preço de um imóvel a ser financiado.
    Na verdade, R$ 3 milhões é o valor máximo da fatia financiada. O imóvel pode ser mais caro.
    A informação errada foi publicada com base em comunicado divulgado pela Caixa, que posteriormente corrigiu o dado.”

    6+
    • avatar
    • avatar
  • Cajuzinha 23 de julho de 2016 at 06:18


    Se existe dinheiro para financiar a compra de um apartamento de R$ 3 milhões, há recursos para a negociação de dez unidades de R$ 300 mil. Esta é a conta que estão fazendo construtores e corretores de imóveis após o anúncio feito esta semana de que a Caixa Econômica Federal dobraria o teto do financiamento, que antes era R$ 1,5 milhão.

    Com menos de 5% do mercado baiano, os imóveis de alto luxo não devem causar tanto impacto na retomada de vendas. Mas as unidades voltadas para a classe média são vistas como o setor que mais pode impulsionar a retomada do crescimento.

    “A Caixa Econômica Federal não é uma instituição excludente, então, se vai ter dinheiro para financiar apartamentos de alto luxo, também vai ter para apartamentos de classe média”, estima o presidente do Sindicato da Indústria da Construção do Estado da Bahia (Sinduscon-BA), Carlos Henrique Passos.

    Ele assinala que apartamentos que custam R$ 3 milhões são raridades em Salvador, como as unidades da Mansão Wildberger, no Largo da Vitória, e alguns empreendimentos isolados no Horto Florestal.

    O grosso do mercado imobiliário baiano já estava contemplado no teto de financiamento de R$ 1,5 milhão. A diferença é que a decisão de dobrar o limite aponta para a uma maior disponibilidade de recursos, que pode beneficiar a negociação de imóveis que são mais baratos.

    Também animado com o anúncio, o presidente da Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário da Bahia, Luciano Muricy, afirma que o principal é que essa decisão aponta para uma reversão na tendência de escassez de crédito.

    “É uma notícia que sinaliza uma nova tendência. Vamos torcer para que os outros bancos sigam o exemplo da Caixa”, afirmou Muricy.”

    4+
    • From_The_Tower 23 de julho de 2016 at 07:41

      Credit LOVERS.

      Reafirmo o que eu sempre disse: “Se todos os imóveis caíssem 60% do preço mas o com o pagamento á vista – não se venderia nada. ”
      Bananense não consegue juntar nem 30k para a entrada quem dirá mais que isso.
      Nação movida a crédito.
      Enquanto isso PNJ !!!!

      22+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Alemon Fritz 23 de julho de 2016 at 09:21

    bolha no leilão
    A mesma especulação fervilhante que instigou a bolha de preços das casas está reaparecendo na parcela exagerada de imóveis tomados por falta de pagamento que são arrematados em leilão por agentes interessados na revenda. Essa parcela chegou ao recorde de 31% em junho,
    Muitos desses especuladores são pessoas físicas inexperientes,
    “Quando se vê elevado percentual dessas propriedades indo para interessados na revenda, é um sinal de que esses especuladores talvez estejam inflando exageradamente o mercado.”
    As vendas de imóveis com hipotecas executadas corresponderam a 8% de todas as vendas de propriedades residenciais em junho,
    Estudo aponta que Estados Unidos podem ter nova bolha imobiliária
    http://www.acheiusa.com/Noticia/estudo-aponta-que-estados-unidos-podem-ter-nova-bolha-imobiliaria-36409/

    7+
    • avatar
  • Alemon Fritz 23 de julho de 2016 at 10:09

    como a inadimplencia está em 1,9%, em 2015 foram 13000 imóveis leiloados e 755mil financiados aproximadamente, isso dá quase 2%. não é mais pois a galera não tem dinheiro pra leilão e não é tradição.

    5+
    • avatar
    • avatar
  • EngenheiroDF 23 de julho de 2016 at 11:47

    JJJ_brasilia

    Engenheiro,

    Obrigado pela resposta, mas entendo que o ramo da construção civil não controla direito os seus custo, não inova para reduzir custo, e quer repassar tudo para o consumidor, só que o bolso do consumidor tem limite, ainda mais para um bem caro como imóvel.

    Agora se as empresas de construção pagaram caro pelo terreno, assumam os seus erros e suportem o prejuízo, não tentem repassar a sua ineficiência para o mercado, empresas que não tomam boas decisões merecem prejuízo, capitalismo é assim, a outra opção é o socialismo e sabemos que não funciona.

    0

    JJJ_Brasilia,

    Concordo totalmente com vc. Não estou defendendo socialismo de maneira nenhuma e estou certo que teremos uma bela correção no mercado nos próximos anos. Só estou deixando claro que os custos de construção são bem mais altos do que alguns podem pensar. E quem define preço é oferta e demanda, nunca os custos.

    6+
    • JJJ_brasilia 23 de julho de 2016 at 12:11

      Engenheiro,

      Acho que forcei um pouquinho a barra em falar de socialismo, me desculpe, mas como o papo tá bom as vezes agente se exede um pouco, e da vida.

      Mas vamos pegar o exemplo americano, na crise eles baixarem o preço é o mercado se reorganizou, na Espanha não, e os espanhóis continuam em crise, me parece que aqui os “espertos” querem optar pela opção espanhola, de não assumir que erraram e manter o mercado parado.

      O setor da construção está se auto destruindo, eu, como muitos brasileiros só enxergava o investimento imobiliário como o único para o meu dinheiro, mas com a alta dos preços ficou inviável comprar para lucrar com a locação, então fui estudar e com ajuda do blog descobri o Tesouro Direto, depois a bolsa e vi que dá para ganhar mais e com custos muito menores do que com imóveis.

      Ainda somos poucos que procuramos o mercado financeiro para formar patrimônio, mas cada 1 que sai é diminuí os clientes do setor imobiliário, e o lucro de qualquer negócio não está nos primeiros clientes, que são responsáveis pelo custo, já os últimos dão os lucros.

      Só para ter um ideia, investir 3 milhões no TD custa R$ 4.500,00 por ano que dá R$ 375,00 por més, agora investir 3Kk em kitinetes custa muito mais, tem corretor, pedreiro, pintor, advogado, rolo na justiça, taxa extra, vacância, com o preço dos imóveis fugindo da rentabilidade do aluguel não dá para investir.

      A ganância está matando a galinha dos ovos de ouro.

      15+
      • avatar
      • EngenheiroDF 23 de julho de 2016 at 12:23

        JJJ_Brasilia,

        Acredito que a maioria dos empresários da construção civil do DF entende perfeitamentre o que está acontecendo e estão arrependidos de terem começado seu último ciclo de construção, ciclo esta que resultará em prejuízo e/ou empate com a TMA. Acontece que eles estão fazendo as contas do custo/benefício de baixar radicalmente o preço pra queimar seus estoques com prejuízo e com isso aumentar ainda mais seus distratos, ou tentar manter um posicionamento mental na maioria das pessoas de que imóvel é um bom investimento (desinformação) enquanto vão queimando aos poucos seus estoques pelo preço caro.

        Mas certamente estão reduzindo drasticamente seus lançamentos.

        9+
        • JJJ_brasilia 23 de julho de 2016 at 13:03

          Redução de lançamentos:

          Engenheiro,

          O imóvel tem uma diferença de outros bens, se as montadoras de automóveis diminuem a produção, em um dado momento os carros das pessoas ficam velhos e compensa trocar por um novo, digamos em 5 anos, ou na indústria do vestuário, de bens semi duráveis, a roupa fica velha e as pessoas compram outras.

          Já no mercado imobiliário está estratégia de reduzir a oferta tem um alcance limitado, pois um imóvel é um bem que demora muito para trocar, com manutenção muito menor do que dos automóveis, um imóvel dura muito tempo, ou seja, se uma construtora constrói um prédio em um determinado lugar e depois de 5 anos vai construir outro prédio ao lado, os imóveis do 1o prédio são concorrentes do no prédio, pois compradores podem escolher comprar no prédio pronto ou na pRanta.

          Veja o exemplo aqui de Brasília, prédios da 308 Sul são da década de 60, e após mais de 56 anos, são imóveis desejados pelos compradores.

          Moral da história: um imóvel construído é concorrente dos novos por 100 anos, as construtoras podem reduzir a oferta, mas o mercado secundário ( imóveis prontos) continuam a existir e os compradores tem opção para a redução de lançamentos, cada ramo da atividade econômica tem suas peculiaridades e está é uma do mercado imobiliário.

          Sobre os distritos mencionados no seu post, e uma consequência desta jabuticaba que é a venda de imóveis na pRanta.

          7+
          • avatar
        • JJJ_brasilia 23 de julho de 2016 at 13:33

          Engenheiro Df,

          Está ideia de empatar investimento é típica de quem não sabe investir (investidor profissional sabe), um mal investimento não se tenta empatar, é um apego que o investidor amador tem, podendo ser empresário ou não, investimento ruim é para sair logo, o quanto antes, ficar em investimento ruim tentando empatar é aumentar o prejuízo, no caso de imóveis gerando custos grandes com manutenção, marketing, juros. Investimento ruim é como erva daninha, não se administração, líquida e põe o dinheiro em investimento bom.

          O 1o prejuízo em um mal investimento normalmente é o menor, está ideia de empatar só amplia o prejuízo, sei que não é fácil, mas é a decisão que dá menos prejuízo, para o investidor não é fácil admitir que errou, mas é o que dá menos prejuízo, bata no peito e fale eu errei, simples assim é parta para um investimento melhor, remoer mal investimento não vai torna-lo bom, só trara mais prejuízo, é isto que diferencia o bom do mal investidor, ou você acha que Warren Buffet nunca errou? Claro que errou, mas ele põe uma pedra no prejuízo, aprende com ele e coloca o dinheiro em investimentos bons.

          10+
          • avatar
          • EngenheiroDF 23 de julho de 2016 at 13:50

            Eu só estou dizendo, que eles estão calculando a forma de sair do mercado, ou no mínimo diminuir sua exposição, com o mínimo de prejuízo possível. Certamente não sou eu nem vc quem vai ensinar Gil da Emplavi, Zé celso da JC Gontijo, Fernandão da VIA, Ósorio Adriano da Brasal entre outros a ganhar mais ou perder menos. Minha opinião.

            5+
            • JJJ_brasilia 23 de julho de 2016 at 14:23

              Engenheiro DF,

              São empresários de porte em Brasília, mas eu gosto dos GRANDES como Warren Buffet, que tem mais de 50 bilhões de dólares em patrimônio, sendo que ele já doou 25,5 bilhões de dólares, as empresas dele faturam mais que o PIB de Portugal, ele sabe ganhar $$$, como você citou Osório Adriano, o Buffet é o maior acionista da Coca Cola, eu me espelho nos melhores do mundo, não nos dá banania.

              Os tubarões da construção civil brasileira estão presos, Odebrecht e outros, não me espelho nesta gente, me espelho em quem sabe.

              9+
            • JJJ_brasilia 23 de julho de 2016 at 14:26

              Este é um local de troca de idéias, não vamos arrumar a solução do mundo, mas pelo menos tirar o nosso da reta.

              Agora a nossa situação é melhor que a da PDG, KKKKK

              9+
              • avatar
  • Leonardo M. 23 de julho de 2016 at 14:16

    Antigamente acharia justo pagar R$2mil o m²
    Com o aumento da violência, asfalto cada vez pior, falta de água e luz na minha cidade(Florianópolis capital de SC) estou achando isso caro.
    So compro casa/AP agora se tiver R$750 o m² em local bom. Se for bairro Novo aceito pagar no máximo R$450 o m².

    7+
    • avatar
    • avatar
    • Luke Bolha 23 de julho de 2016 at 14:56

      Pré MCMV esse era o preço do m2.

      7+
      • avatar
    • Cambura-SC 24 de julho de 2016 at 01:06

      isso ocorre na ilha, certo?

      2+
      • Leonardo M. 24 de julho de 2016 at 01:27

        Exato
        E olha que nem no verão estamos. Geralmente no verão piora uns 600%.
        Agua do meu bairro é remanejado pro norte da ilha, obra do aeroporto que nunca termina e fica um caos Pará quem entra no bairro do aeroporto, falta de luz constante, água e segurança.

        E depois falo que isso aqui é ilha da magia… So se for magia negra

        4+
  • zedabolha 23 de julho de 2016 at 16:08

    Leonardo M.

    Antigamente acharia justo pagar R$2mil o m²
    Com o aumento da violência, asfalto cada vez pior, falta de água e luz na minha cidade(Florianópolis capital de SC) estou achando isso caro.
    So compro casa/AP agora se tiver R$750 o m² em local bom. Se for bairro Novo aceito pagar no máximo R$450 o m².

    2+

    Caro Leonardo, seu comentário provocou um volta minha a um passado. Tinha um colega de facu que foi morar em Floripa e virou corvo. Mudou de profissão. E nós nos falavamos pelo facebook. Ele sempre me dizendo que estava bem, ganhando bastante dinheiro (família de Judeus), que os negócios com tijolos nunca estiveram tão bem em 2015. Eu sempre envergonhado, metia meu rabo entre as pernas e ficava ouvindo. Um bolhista não pecisa ficar cagando goma por aí. Acho que ele acabou descobrindo que sou bolhista e desde então passou e me agredir de graça no facebook pelos assuntos que eu abordava. Acabou me excluindo. Não sei como ele está. Acho que já deve ter dado um tiro na cabeça. Que pena! Ele um bom rapaz.

    8+
    • JJJ_brasilia 23 de julho de 2016 at 16:14

      Ser excluído do Facebook por um coRvo é uma benção, parabéns.

      9+
      • avatar
  • Cajuzinha 23 de julho de 2016 at 22:28

    É o preço, estúpido!

    ” A linha será relançada, no entanto, com um diferencial em relação ao mercado: o financiamento poderá ser concedido às construtoras para conclusão de empreendimentos que estejam com até 80% de obras executadas”, informou a Caixa, ”


    Publicidade

    ECONOMIA
    CEF relança programa voltado às construtoras
    Plano Empresário da Construção Civil estava parado desde 2015 e volta a partir de segunda-feira

    twitterwhatsapplinkedin
    Sat Jul 23 06:00:00 BRT 2016 – Marina Barbosa, da Folha de Pernambuco
    Flávio Japa/Arquivo Folha

    Banco oferece recurso para conclusão de empreendimentos com até 80% de execução
    Para estimular o reaquecimento da construção civil, a Caixa Econômica Federal (CEF) vai ampliar a oferta de crédito para consumidores e construtoras. Uma semana depois de ampliar o teto e o limite do financiamento oferecido para a compra de imóveis, o banco vai reabrir o Plano Empresário da Construção Civil. Parado desde 2015, o programa oferece crédito diretamente às construtoras e será relançado na segunda-feira, liberando recursos para a conclusão de empreendimentos que têm até 80% das obras executadas.

    “No Plano Empresário, a instituição financia o custo da obra diretamente à construtora, para que, após concluído o empreendimento, a dívida seja liquidada por meio da venda e do financiamento das unidades habitacionais. A linha será relançada, no entanto, com um diferencial em relação ao mercado: o financiamento poderá ser concedido às construtoras para conclusão de empreendimentos que estejam com até 80% de obras executadas”, informou a Caixa, destacando que os recursos valem tanto para imóveis do Sistema Financeiro da Habitação (SFH), de até R$ 750 mil; quanto para do Sistema Financeiro Imobiliário (SFI), de valores mais elevados.

    As condições, segundo construtores pernambucanos, estão de acordo com o atual cenário da economia e da construção civil brasileira. Eles explicam que, com a crise, muitas compras foram desfeitas, o que reduziu o caixa das empresas, obrigando-as a retardar o ritmo das construções. Agora, com o crédito da Caixa, será possível concluir estes projetos. “Muitas empresas ficaram sem dinheiro e tiveram que baixar o preço dos imóveis para concluir as obras. Agora, não será mais preciso queimar estoque”, disse Avelar Loureiro Filho, diretor da ACLF Empreendimentos. “Vários projetos serão impactados com isso, fazendo o mercado girar com mais força”, completou o vice-presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Pernambuco (Sinduscon-PE), José Antônio Simon.

    Os empresários lembram, porém, que, para salvar o mercado, também é preciso ofertar crédito aos consumidores. Afinal, as vendas continuam baixas. “É importante ter liquidez para as construtoras, mas o principal é ter crédito para os clientes; porque, hoje, o que mais trava o mercado é a falta de demanda”, disse Avelar. “O grande empecilho do setor tem sido a condição econômica da população”, concordou Simon.”

    http://www.folhape.com.br/economia/2016/7/cef-relanca-programa-voltado-as-construtoras-0228.html

    7+
    • avatar
    • wing 23 de julho de 2016 at 23:43

      Esse povo quer pq quer continuar com a farra do crédito beneficiando as construtoras … c
      O mercado precisa ajustar o preço, njnguem consegue mais comprar pq o preço está descolado com a renda.

      Quantos conseguirão comprar um imo vel ?

      Parece q querem q volte àquela valorização maluca dos últimos anos pra beneficiar meia dúzia.

      13+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • carioca_real 24 de julho de 2016 at 00:29
    • Alemon Fritz 24 de julho de 2016 at 09:28

      kkk, la vivienda nunca baja, sqn

      1+
  • Cambura-SC 24 de julho de 2016 at 00:32

    Construtora TABAJARA lança super empreendimento…
    Seus problemas acabaram…
    Você compra um imóvel na planta, ganha um automóvel DeLorean DMC 12 e “viaja” para o ano de 2046.
    Lá acabou seu financiamento e seu imóvel valorizou 30%(*)
    (*) menos inflação acumulada do período.
    Compre, compre, compre….kkkkk
    E a “corrida dos ratos” continua.

    11+
    • avatar
  • Carlos 24 de julho de 2016 at 08:13

    Olim-piadas da bostha.
    Canos vazando, vasos entupidos, alagamentos, escadas sem iluminação.

    Como dizia a bruxa: Constroem lixos!

    “Early reports said the International Olympic Committee were concerned about “safety”. It is the AOC’s understanding that the safety issues are to do with amenity. A spokesman said there were issues with leaking pipes, spot flooding, blocked toilets and unlit stairwells, for instance. The Rio organising committee has sent in large teams of cleaners and repair staff, but could not say when the village would be open.

    The AOC arrived in Rio on the weekend, hoping to move into its village digs on Sunday. Instead, staff will continue to work from a nearby hotel. The first Australian athletes, boxers and canoeists, also were scheduled to move into the village on Sunday. Contingency arrangements were being made as dawn broke in Rio. “From what we’ve seen,” said a spokesman, “you wouldn’t put people in there yet.” Other countries found themselves in the same boat as Australia.”

    http://www.brisbanetimes.com.au/sport/olympics/rio-2016/rio-olympics-2016-athletes-village-unliveable-20160724-gqcqxy.html

    4+
    • avatar
    • Carlos 24 de julho de 2016 at 10:27

      20% dos lixos foram entregues com problemas.

      “De acordo a coluna do Ancelmo Gois, em “O Globo”, na última sexta-feira (22), a Carvalho Hosken e a Odebrecht entregaram o condomínio com cerca de 20% dos apartamentos com problemas de acabamento, como infiltrações ou reboco caindo. ”

      http://www1.folha.uol.com.br/esporte/olimpiada-no-rio/2016/07/1794835-descontentes-delegacoes-estrangeiras-bancam-obras-na-vila-olimpica.shtml

      4+
      • avatar
      • avatar
      • SampaBoy 24 de julho de 2016 at 10:47

        Padrao brazuca de qualidade de construção !
        Oras, só uma construtora muito otaria entregaria um imovel em perfeitas condições ! Pra que esse gasto?
        Seria provavelmente até vergonhoso ,no meio, alguma construtora entregar tudo 100 %, significaria que ela não tem nenhum “jogo de cintura “, nenhuma “malícia ” pra poder ganhar um pouco mais na entrega. Significaria que “ganharam em cima dela”, porque entregou tudo perfeito a troco de somente o que foi acordado… Certamente só uma construtora condenada ao fracasso faria isso.

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
  • Alemon Fritz 24 de julho de 2016 at 09:23

    kkk ..Quem vai comprar esses lixos usados, entupidos, sujos e roubados (tampa, lampada, maçaneta,torneiras..).. por isso na planta é melhor, sqn.

    3+
    • avatar
  • Alemon Fritz 24 de julho de 2016 at 09:58

    investidores fora e Pra não perder o costume
    Corretor com nove processos na Justiça é preso em JP suspeito de golpes de R$ 600 mil. Segundo delegado, 11 pessoas já compareceram a polícia..
    http://portalcorreio.uol.com.br/noticias/policia/crime/2016/07/21/NWS,281558,8,153,NOTICIAS,2190-CORRETOR-PROCESSOS-JUSTICA-PRESO-SUSPEITO-GOLPES-600-MIL.aspx

    -Corretor diz que Nexus não está embargado e que decisão judicial é para “políticos aparecerem”
    empreendimento continua sendo vendido.
    http://www.jornalopcao.com.br/ultimas-noticias/corretor-diz-que-nexus-nao-esta-embargado-e-que-decisao-judicial-e-para-politicos-aparecerem-70873/

    -Família de estelionatários é presa tentando mais um golpe na Caixa Econômica Federal.
    mãe, artesã de 60 anos, o filho, corretor de 38 anos e a nora, cabelereira com 33 anos.
    http://www.folhadobico.com.br/07/2016/araguatins-familia-de-estelionatarios-e-presa-tentando-mais-um-golpe-na-caixa-economica-federal.php

    6+
    • avatar
    • avatar
  • Alemon Fritz 24 de julho de 2016 at 10:00

    Não tá fácil
    Conselho vai cancelar registros de corretores de imóveis inadimplentes
    Na Paraíba há 8.005 inscritos, sendo 5.250 ativos. Destes, 1.018 inativos e 2.018 ativos encontram-se em débito. (quase metade kkkk)
    http://www.paraibatotal.com.br/noticias/2016/07/22/87207-conselho-vai-cancelar-registros-de-corretores-de-imoveis-inadimplentes

    7+
    • avatar
    • avatar
  • Cajuzinha 24 de julho de 2016 at 12:37

    “O diretor-executivo da Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias), Luiz Fernando Moura, classifica as retiradas da caderneta como “nocivas” para o mercado de imóveis.

    — A análise de crédito ficou mais rigorosa e surgiram critérios que criam uma seletividade maior. Quando o recurso é mais abundante, esses critérios são um pouco mais flexíveis e acabam favorecendo os tomadores desses financiamentos.

    A afirmação dos especialistas já é comprovada pelos dados da Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança). O último relatório da entidade, datado do mês de maio, mostra que o montante de financiamentos nos primeiros cinco meses deste ano foram 52,9% menor que o verificado no mesmo período de 2015.

    Para Luiz França, presidente da França Participações, consultoria especializada no ramo imobiliário, os saques da poupança interrompem o funcionamento da engrenagem do mercado de financiamento. Ele avalia que a escassez da oferta de crédito é danosa principalmente para os empreendimentos em fase de construção, que aguardam por compradores.

    — É fundamental ter crédito para que as pessoas físicas tenham a capacidade de financiar, as incorporadoras recebam esse dinheiro e paguem para os bancos. É muito importante que a gente tenha dinheiro para esse ciclo.”
    O diretor-executivo da Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias), Luiz Fernando Moura, classifica as retiradas da caderneta como “nocivas” para o mercado de imóveis.

    http://www.olhardireto.com.br/noticias/exibir.asp?noticia=saques-recordes-da-poupanca-dificultam-financiamento-da-casa-propria&edt=22&id=423975

    4+
    • avatar
    • avatar
  • Cajuzinha 24 de julho de 2016 at 12:43

    postado em 24/07/2016 08:13
    Agência Estado
    São Paulo, 24 – O aumento do consumo no Brasil, que deverá vir quando a economia apresentar seus primeiros sinais de melhora, será insuficiente para interromper a trajetória de desaceleração da inflação. Segundo especialistas ouvidos pelo Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, fatores que ainda comprometem a renda do brasileiro, como o desemprego e o endividamento devem retardar o avanço da demanda, impedindo os empresários de elevar os preços para recuperar prejuízos registrados durante a crise.

    3+
    • avatar
  • Cajuzinha 24 de julho de 2016 at 12:46

    “”Embora haja sinais de início de recuperação da economia, ela será muito tímida e não conseguirá reduzir o desemprego no curto prazo”, afirma Thiago Curado, da 4E Consultoria. Na sua avaliação, a taxa de desocupação deve terminar 2016 com uma média de 12,1%, subindo para 13,6% no ano que vem. “Então, até 2018, será limitada a capacidade das empresas de repassarem maiores aumentos de preços”, disse.

    O economista André Braz, pesquisador do Instituto Brasileiro de Economia (Ibre), da Fundação Getúlio Vargas (FGV), chama a atenção também para o baixo nível de poupança dos brasileiros, que ficou ainda menor após a crise econômica. “Estamos vivendo um período de ‘despoupança’ enorme”, observou Braz. “As reservas que foram construídas estão sendo retiradas pelas pessoas que estão passando por esse período de turbulência, principalmente aqueles que perderam o emprego”, afirmou o pesquisador do Ibre. Com a poupança comprometida, os brasileiros não teriam folga para voltar a consumir como antes.

    Para ele, quando o mercado de trabalho melhorar, o primeiro passo do consumidor será pagar as dívidas em atraso, para só então recompor as reservas. “Não vai haver espaço para aquecimento abrupto da demanda, ela vai se aquecendo lentamente”, prevê o economista. No primeiro semestre de 2016, a retirada líquida da poupança alcançou R$ 42,606 bilhões, o maior volume da série histórica do Banco Central (BC) iniciada em janeiro de 1995 (21 anos). Até então, a primeira metade de 2015 era a responsável pelo pior resultado, com um volume de saques R$ 38,542 bilhões superior ao de depósitos.”

    3+
    • avatar
    • wing 24 de julho de 2016 at 13:42

      Pq que ninguém ainda fala de preço? Eles só pensam neles mesmos quando falam da importância do crédito e etc. São poucos como o samy que falam.
      A impressão que dá é q põe a culpa nos bancos e governo pela falta de crédito e consequentemente Distrito e mercado parado.
      Pq não cobram então um incentivvo fiscal nio setor para ajustarem o preço e tentar aquecer o mercado? Demanda tem, mas a capacidade financeira dessa demanda q não é compatível.

      Isso q não consigo entender.

      3+
      • avatar
  • Alemon Fritz 24 de julho de 2016 at 13:38

    Vendas líquidas totais da Rodobens recuam 81,9% no 2º trimestre

    Os distratos no segundo trimestre se concentraram nos projetos imobiliários destinados a famílias de média renda, com financiamento originado em recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), que responderam por R$ 53 milhões das vendas canceladas. Já os projetos dentro do Minha Casa Minha Vida (MCMV) tiveram R$ 20 milhões em distratos, enquanto os lotes de urbanismo, R$ 18 milhões.
    http://www.istoedinheiro.com.br/noticias/negocios/20160719/vendas-liquidas-totais-rodobens-recuam-819-trimestre/394728

    3+
    • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 24 de julho de 2016 at 15:26

    Delegação australiana afirma que atletas não ficarão na Vila Olímpica
    Segundo chefe de missão da delegação australiana, o complexo localizado próximo ao Parque Olímpico da Barra contém inúmeros problemas de gás, encanamento e eletricidade
    http://www.otempo.com.br/hotsites/olimp%C3%ADadas-2016/2.3654/delega%C3%A7%C3%A3o-australiana-afirma-que-atletas-n%C3%A3o-ficar%C3%A3o-na-vila-ol%C3%ADmpica-1.1343061

    E depois irão vender tudo como se fossem “sonhos”.

    1+
    • Seguidor do Bolha BH 24 de julho de 2016 at 15:36

      Austrália reclama de infraestrutura e desiste de entrar na Vila Olímpica
      http://hojeemdia.com.br/esportes/austr%C3%A1lia-reclama-de-infraestrutura-e-desiste-de-entrar-na-vila-ol%C3%ADmpica-1.400447

      “[…] os problemas incluem vasos sanitários quebrados, vazamentos em tubulações, fiação expostas, escadas escuras sem iluminação instalada e pisos sujos que “precisam de uma limpeza pesada”
      […]
      No sábado à noite, eles fizeram um “teste de stress”, ligando vasos sanitários e torneiras de todos os apartamentos ao mesmo tempo. “O sistema falhou”, contaram. Água escorreu pela escada e um forte cheiro de gás entrou nos apartamentos.

      Vila Olímpica da banânia.

      5+
      • avatar
      • avatar
      • Alemon Fritz 24 de julho de 2016 at 15:47

        tbm é um teste de stress pros corvos… será que vai valorizar o “investimento” após as olimPiadas, ou olimpicadas.
        .

        2+
        • avatar
        • Seguidor do Bolha BH 24 de julho de 2016 at 15:52

          Vai sim, com certeza. Irão dizer coisas maravilhosas a potenciais 666s.

          2+
          • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 24 de julho de 2016 at 15:57
  • Alemon Fritz 24 de julho de 2016 at 16:08

    esse é o espaço esgoto “private”.
    tem fonte nas escadas e vaso entupido (bidê), esses australianos não entendem nada. ..
    ou será prenúncio é a Famosa GOME do Pai Chicão

    3+
    • avatar
  • guiguigoiano 24 de julho de 2016 at 18:29

    CVR Mutumbos de Goiás:
    https://m.facebook.com/ibedec.goias/photos/a.377468529042282.1073741828.325786794210456/923169017805561/?type=3&source=48
    Esse Borges Landeiro era conhecido em Goiânia como a construtora da atriz Glória Pires…. kkkkkkkk
    Vejam os comentários do post aí kkkkkk

    3+
    • avatar
  • Alemon Fritz 24 de julho de 2016 at 19:13

    caxão
    Setor imobiliário espera recuperar vendas com mudanças no financiamento da Caixa
    “Isso quer dizer que, daqui a pouco, o mercado vai começar a reverter. Muitos prédios que estão parados vão começar a andar de novo”, previu Martins.

    http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2016-07/setor-imobiliario-espera-recuperar-vendas-com-mudancas-no-financiamento-da

    2+
    • avatar
  • Alemon Fritz 24 de julho de 2016 at 19:20

    chooora corvo

    Confira como está o perfil do mercado imobiliário de Joinville
    -Ao longo destes meses todos, a choradeira dos corretores era natural. Não havia muitos interessados em comprar.
    -os proprietários de imóveis pensam como se estivessem na Suíça; os compradores pensam como se morassem na Venezuela.
    -um alerta: atualizar o valor dos imóveis pelo CUB, mês a mês, tende a ser um tiro no pé. Ao menos por enquanto. O valor sobe, mas não há cliente disposto a pagar mais
    http://anoticia.clicrbs.com.br/sc/economia/noticia/2016/07/confira-como-esta-o-perfil-do-mercado-imobiliario-de-joinville-6797053.html.

    2+
    • avatar
    • Luke Bolha 24 de julho de 2016 at 20:44

      Pelo andar da carruagem o mercado será ajustado via inflação mesmo, o resto da década está perdida, só em cyberpunk 2020 msm.

      1+