Estoque alto dificulta a retomada da construção – Estadão

Você pode gostar...

Comments
  • Neco 18 de março de 2016 at 09:02

    E isso não é só em cidades grandes, conheço pequenas cidades do interior do nordeste que tinham muitos projetos pequenos financiados pela CEF. Tudo parado, ninguém vende nada.
    Eram aqueles” condomínios verticais de meia duzia de casas, onde o sujeito ia construindo e vendendo, e com o dinheiro da venda de uma terminava a outra e assim por diante. dai tem uma ou duas prontas, uma com as paredes levantadas e outras na fundação… e tudo parado.

    E isso não aparece em nenhuma estatística.

    8+
    • avatar
    • avatar
    • FabianoSJC 18 de março de 2016 at 10:04

      Fico imaginando com o atual cenário politico e econômico cheio de incertezas , o que levaria alguém a se endividar por 30 anos sem ao menos saber o que vai acontecer na semana que vem rs ?

      17+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
    • Death 18 de março de 2016 at 15:49

      reclame aqui:

      ”Assinei um distrato com a PDG em 2015 e ate o momento (Abril 2016) nao recebi a devolucao do dinheiro que deveria ter sido pago em 2015! Mais uma das evidencias de que a PDG nao honra seus contratos! Alem de ter sido [editado pelo Reclame Aqui] ja na assinatura do contrato que previa a devolucao de apenas 70% do valor pago, agora levamos um bolo e nao recebemos nada. Na epoca deveria ter seguido o conselho do meu advogado e acionando um processo. Informo que estarei tomando as devidas providencias caso nao receba a devolucao do meu dinheiro em 5 dias uteis!”

      ”http://www.reclameaqui.com.br/17539644/pdg-incorporacoes/pdg-nao-honra-seus-contratos-e-distratos-total-descaso-com-s/

      7+
      • avatar
      • avatar
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 09:03

    ” postado em 18/03/2016 05:37
    Agência Estado
    São Paulo, 18 – O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação da cidade de São Paulo, teve alta de 0,94% na segunda quadrissemana de março, acelerando-se em relação à primeira leitura do mês, quando o IPC avançou 0,80%, segundo pesquisa divulgada hoje pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).”

    5+
    • avatar
    • avatar
    • Azufre 18 de março de 2016 at 10:19

      IGPM em 12% (!!!)

      nos últimos 12 meses

      5+
      • avatar
      • avatar
      • Boruto 18 de março de 2016 at 11:36

        Tá baixo, todos os aumento que tive esse ano foram em torno de 18~20%.

        3+
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 09:10

    “Em Manaus, devolução de imóveis na planta aumentou 72,3%, em fevereiro
    A rescisão de contratos por inadimplência chegou a 112 unidades em fevereiro, aponta associação

    http://new.d24am.com/noticias/economia/manaus-devolucao-imoveis-planta-aumentou-723-fevereiro/148788

    5+
    • avatar
    • avatar
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 09:13

    kkkkkkk

    “Empresários da construção civil criticam paralisia da economia
    Agência O Globo

    Os empresários da construção civil criticam a paralisia da economia, consequência da combinação da crise “ética” e turbulência na política. Em nota, a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (Cbic), informou que a entidade acompanha com preocupação a situação pela qual passa o país e texto cobra coragem e responsabilidade das instituições e de setores organizadores para restabelecer a normalidade.”

    http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2016/03/economia/488140-empresarios-da-construcao-civil-criticam-paralisia-da-economia.html

    7+
    • avatar
  • Azufre 18 de março de 2016 at 09:18

    Modo semnick: ON

    Me bateu um pressentimento MUITO RUIM hoje de manhã

    Muito medo dessas pessoas

    11+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • eam 18 de março de 2016 at 09:57

      Com relação a que, Azufre?

      2+
      • avatar
      • Azufre 18 de março de 2016 at 10:01

        Que no final toda uma possibilidade de evolução institucional seja abortada
        Que no final dê em nada
        Que o populismo fique ainda mais forte

        10+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • eam 18 de março de 2016 at 10:08

          Existe sim essa possibilidade. Você já leu a respeito da “Operação Mãos Limpas” lá na Itália e do resultado?

          Tbm tenho esse receio, mas tracemos nossos próprios caminhos, o desenrolar dos fatos nos mostrará qual caminho seguiremos, não vamos nos afligir por antecipação.

          8+
          • avatar
          • Awulll 18 de março de 2016 at 10:10

            Antes 4 ladrões presos e 4 soltos do que 8 ladrões soltos.
            O que vier depois pode ser pior ou melhor.
            Só penso em fazer o que acho certo.

            8+
            • avatar
            • avatar
            • Azufre 18 de março de 2016 at 10:45

              Verdade

              3+
              • avatar
              • avatar
            • eam 18 de março de 2016 at 10:58

              Com certeza, mas qdo a sensação de impunidade toma conta da gente, bate um desânimo, e nesse sentido eu acho q entendo o pressentimento do Azufre.

              2+
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 09:26

    “18/03/2016 08h08 – Atualizado em 18/03/2016 08h26
    ‘Inflação do aluguel’ desacelera na segunda prévia de março, diz FGV
    Índice ficou em 0,43%, depois de avançar 1,24% no mês anterior.”

    2+
    • avatar
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 09:30

    ““Medidas de injeção de crédito funcionaram em 2008, porque, naquele momento, havia espaço para endividamento, uma grande capacidade ociosa da economia e uma demanda pronta para ser estimulada”. ressalta o professor da FGV.
    “O problema é que, hoje, está todo mundo excessivamente endividado. Ninguém vai tomar crédito, porque precisa pagar dívida de imóvel, de carro que financiou em 20 anos”, diz ele.
    Segundo o Banco Central (BC), a proporção do endividamento das famílias do País sobre a renda acumulada em 12 meses era de 29,72% em janeiro de 2008 e saltou para 45,59% em novembro do ano passado.
    Nunes ressalta também que gastos públicos com crédito podem pressionar ainda mais a dívida bruta do Brasil que, atualmente, encontra-se no patamar de 67% sobre o Produto Interno Bruto (PIB). “As previsões já indicam que a dívida vai passar de 80% sobre o PIB em 2018.””

    http://www.contabeis.com.br/noticias/27280/com-lula-na-casa-civil-rumo-da-politica-economica-deve-mudar/

    9+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Abestado abc 18 de março de 2016 at 10:39

      Como alguem (governo), pode ir contra algo tão claro ???

      5+
      • avatar
    • From_The_Tower 18 de março de 2016 at 11:43

      Cansamos de avisar.

      3+
      • avatar
      • avatar
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 09:49

    Como se fala aqui em Aracaju:

    “eitha gota”!

    Brasil está à beira de uma crise constitucional, diz Financial Times
    Jornal britânico diz que os recentes fatos políticos são surpreendentes “mesmo para os padrões políticos brasileiros”

    http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/noticia/2016/03/brasil-esta-a-beira-de-uma-crise-constitucional-diz-financial-times-5114522.html

    7+
    • avatar
    • avatar
    • Leonardo M. 18 de março de 2016 at 11:47

      Esse FT é um Jornaleco de esquerda

      1+
      • JJJ_brasilia 18 de março de 2016 at 14:15

        É a bíblia da economia européia.

        2+
  • Neco 18 de março de 2016 at 09:53

    A mim me parece que o mercado esta dando como certo o fim deste governo e bem rapidamente.

    Eu ainda estou com um pé atras, ou podemos ter esperanças de que a coisa vai começar a mudar me breve. Ou pelo menos vai parar de piorar.
    Sei que mesmo que tenhamos em breve um novo governo as dificuldades criadas por este são imensas e vai dar muito trabalho para consertar.

    A questão é: mesmo sem guinada a esquerda, qual o risco da crise se agravar a ponto de contaminar os bancos?
    Qual o risco de termos muitas empresas quebrando?
    Será que só a troca de governo vai fazer a economia voltar a andar?

    Eu penso que o buraco é maior do que parece.

    6+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Awulll 18 de março de 2016 at 09:57

      OAB vai se posicionar a favor do impeachment.
      O número de entidades que aderiram aumenta a cada dia.
      Com muita gente graúda no meio, o que os deputados terão a ganhar com a manutenção do dilmo?

      9+
      • avatar
      • avatar
      • Bruna 18 de março de 2016 at 10:27

        Eu não sei até que ponto os rabos são presos. Mas também acho que o golpe de misericórdia vai ser dado.

        1+
    • Rolde 18 de março de 2016 at 10:59

      Tmb,estou preocupada,imagina se esses vermelhos vão cair,e dar sossego,não acredito.

      5+
      • avatar
      • avatar
      • Bolha de Tudo 20 de março de 2016 at 07:37

        Com certeza vão fazer muita resistência!
        Há receio que tenham armas escondidas, que entrarão via Venezuela e Bolívia.
        Dilma foi da luta armada.

        3+
    • CarlosL 18 de março de 2016 at 11:44

      Esta e dependendo do que ocorrer, sera fogo de palha ! O motivo eh simples: O belo dia que descobrirem os dados maquiados, a real saúde do BNDES, etc, jah sabe…. E isso pode ate explicar o tamanho desespero do PT sair do governo
      Aproveite para fazer manobras do tipo dólar quando ocorrer a “euforia da bolsa de novos tempos vindouros”

      5+
      • Nilson 19 de março de 2016 at 16:48

        eu mesmo estou vendendo aos poucos tudo que tenho em renda variável nessa euforia dos mercados, pois sei que a m* sobrará até pros bancos..

        0
    • AndersonSilva 18 de março de 2016 at 15:38

      eu não consigo ver fim desse governo com o PMDB (partido moderador do brasil) assumindo. o impeachment seria trágico. o correto é cassar a chapa toda e convocar novas eleições. não podemos dar espaço pra PT, PMDB, PSDB.

      10+
      • avatar
      • avatar
      • Awulll 18 de março de 2016 at 16:31

        O impeachment ocorrendo antes da metade do mandato incorre em novas eleições.
        Cassação da chapa dá vítória ao segundo colocado. A Roseana Sarney já ganhou no tapetão assim.

        1+
        • AndersonSilva 18 de março de 2016 at 17:01

          desculpe , mas vc está incorrendo em erro grave.

          Segundo a Lei 1.079/50, caso o processo de impeachment seja julgado e considerado procedente, quem assume é o vice, no caso, Michel Temer (PMDB-SP), que permanece até o fim do mandato. Caso o vice também seja afastado ainda durante a primeira metade do mandato, serão convocadas novas eleições. Caso ele seja afastado a partir da segunda metade do mandato, as eleições são indiretas, no caso, apenas os membros do Congresso Nacional podem votar nos candidatos. Enquanto as eleições acontecem, quem assume é o terceiro na linha sucessória, o presidente da Câmara dos Deputados, atualmente o peemedebista Eduardo Cunha.

          O impeachment entrega tudo na mão do PMDB e seria a chance de o PSDB em acordo assumir o controle do país. É necessário cassar toda a chapa. Daí arrebenta tudo PT e PMDB. O PT será quase que extinto. E o povo tbém já não aceita mais os tucanalhas. Veja o que ocorre em São Paulo. O safado do Alckimim com Doria tão acabando com o partido – fazendo compra de votos igual o PT. vereador Andrea Matarazzo se desfiliou do partido.

          8+
          • avatar
          • Awulll 18 de março de 2016 at 22:36

            Perdão Spider!

            1+
            • avatar
  • Rolde 18 de março de 2016 at 11:00

    Entrei aqui mais cedo,para postar essa noticia para o CA,dei com a cara na porta.kkkkk

    2+
    • avatar
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 11:03

    “O presidente da Riachuelo, Flávio Rocha, avalia que a convocação de novas eleições seria a melhor saída para o impasse que paralisa o Brasil, mas pondera que as saídas mais viáveis politicamente são a renúncia ou o impeachment de Dilma.

    Ele defende que o vice-presidente Michel Temer assuma o comando do país, apesar do seu envolvimento com a Operação Lava Jato. “Ele é muito preparado e tem um bom programa de governo”.

    Para o executivo, que comanda um dos maiores grupos de varejo do país, “não temos mais tempo a perder” e a chegada do ex-presidente Lula ao comando da Casa Civil é “uma tentativa desesperada de sobrevida para um ciclo que se esgotou”.”

    5+
    • avatar
    • avatar
    • rogerio 18 de março de 2016 at 21:57

      Michel Temer?? Tá de brincadeira??

      2+
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 11:17

    É… crise até para os ricos:

    “SÃO PAULO ­ A Restoque, varejista de moda dona das marcas Le Lis Blanc, Bo.Bô, Rosa Chá,
    Dudalina e John John, encerrou o quarto trimestre de 2015 com prejuízo líquido de R$ 12,7 milhões,
    ante lucro líquido de R$ 732 mil no mesmo intervalo do ano anterior.”

    http://www.valor.com.br/empresas/4487800/dona-da-le-lis-blanc-e-dudalina-reverte-lucro-e-tem-prejuizo-no-4-tri

    3+
    • avatar
    • JJJ_brasilia 18 de março de 2016 at 14:18

      Má administração, empresa ruim, nunca foi boa na bolsa, não tem lucros consistentes, muito pelo contrário, só prejuízo a 3 anos.

      2+
  • Awulll 18 de março de 2016 at 11:17
  • Lucas 18 de março de 2016 at 11:33

    27 mil em estoque são 15 meses de vendas somente na mão das construtoras?
    confere CA

    fora o estoque na mão da sardinhada, pode colocar aí o dobro
    fora os tantos “vendidos” no age do perído de euforia (2012) que ainda estão terminando de entregar

    neste mercado, 12 meses em estoque é um patamar máximo que equivale aos tais 42 dias do setor de autos
    um estoque saudável para que se tenha boa diversidade de escolha é 6 meses (ou 29 dias para autos) fonte: os próprios setores

    Só o que está aí a crise imobiliária está comprada até fim de 2016, mas pode piorar caso as vendas recuem ainda mais e o estoque oculto seja melhor avaliado. Em tempo, na Região metropolitana de SP, devidos às sacanagens que o prefeito Radares fez, ainda há muita necessidade por comprar na capital, portanto o estoque ali é menor que nas cidades do entorno.

    Não tenho os dados, nem fiz as contas mas um chute bem calibrado eu diria no mínimo 30 meses em estoque, 2 anos e meio de mercdo imob em crise, até 2017 ano de eleição.

    7+
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 18 de março de 2016 at 11:41

      Eu avisei !
      Quando os preços começassem a cair , seria o período que menos venderia.
      Os distratos estão motumbando as construtoras e ao mesmo os brick-lovers “investidores” que não conseguem repassar os tijolos mágicos.

      Enquanto isso ! A gente surfa nos juros !!!
      PNJ!

      12+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
  • Bolha BOSS 18 de março de 2016 at 11:45

    Entenda por que 10 mitos muito comuns sobre investimentos não passam de mentiras

    http://www.infomoney.com.br/onde-investir/renda-fixa/noticia/4766435/entenda-por-que-mitos-muito-comuns-sobre-investimentos-nao-passam

    1º Mito: Imóvel é sempre um bom investimento

    Marina Boité, assessora de investimentos da Inove Investimentos, comenta que, de fato, imóveis já foram um excelente investimento. “Entre 2010 e 2012 vivemos um “boom” imobiliário, quando o mercado se deu conta que os preços no Brasil estavam muito abaixo de seus pares globais e começou a ajustar rapidamente, combinado a uma taxa de juros inferior à que temos hoje”, atesta.
    “Como a taxa Selic subiu nos últimos anos, a renda de alugueis foi deixando de ser tão interessante e muitos passaram a substituir uma renda mensal de 0,35% ou 0,40% ao mês liquido, por 1,1% líquido em ativos conservadores atualmente. Com isso, além de não comprarem mais imóveis, passaram a vender alguns de seus imóveis, gerando esse recuo dos preços”, completa Ronaldo Bella, da Allux Investimentos.

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • From_The_Tower 20 de março de 2016 at 10:23

      Quando os brick-lovers dessa nova geração eufórica perceberem isso será tarde demais.

      0
  • Leonardo M. 18 de março de 2016 at 11:57

    Já vejo muitas pessoas abaixando os preços de “Kitnets” vagabundas que são construídas no norte da Floripa.
    Aqueles “muquifos” ou “puxadinho” não valem R$40mil
    Mas estão sendo ofertados por R$95mil

    Kkkkkkkkk ainda não chegou o dispair na ilha da Fantasia

    8+
    • avatar
    • avatar
    • Rolde 18 de março de 2016 at 12:10

      Em Santos 160,290K 25m2,só louco.

      6+
    • AndersonSilva 18 de março de 2016 at 17:39

      falando em kit em floripa, eu me hospedei em uma no jurere beach village em novembro. achei a estrutura do condomínio show. na realidade é um condohotel. eu tava de férias por lá e aluguei de um particular pelo alugue temporada. diaria de 175,00. se fosse alugar pelo hotel seria uns 400k. tem kits a venda lá, mas não sei precisar o preço. se for uns 80k eu acho que dá pra comprar.

      1+
  • CA 18 de março de 2016 at 12:16

    Sobre o tópico:

    A desproporção entre estoque e vendas em poder das construtoras não para de crescer ao longo dos anos, não foi só de 2014 para 2015, pois de 2013 para 2014 já tinha piorado muito mais em São Paulo e para total do Brasil esta piora já vem de antes (*). Esta situação tem tudo a ver com a anormalidade dos distratos, que alimentam “naturalmente” os estoques.

    (*) Em 2013 em São Paulo o excesso de especulação na planta MAQUIOU simulando uma “recuperação inexistente” na proporção entre estoque e venda, como se “do nada” tivesse voltado ao normal, mas na REALIDADE (tirando a maquiagem do volume ainda mais anormal de especuladores), a piora em São Paulo na desproporção entre estoque e venda já vem desde 2011 sem interrupções. Não esquecer que se teve uma super maquiagem de venda na planta para investidores em 2013, isto se refletirá agora em 2016 em um volume ainda mais anormal de distratos por estes mesmos investidores em São Paulo…

    Não mencionaram, é óbvio, no entanto esta desproporção entre estoque e vendas aumenta HÁ ANOS apesar de reduções relevantes nos lançamentos, em especial em 2012 e depois em 2014 e 2015.

    Como em toda bolha imobiliária, o que consta acima é uma anomalia que muitos fingem não ver: lançamentos se reduzem ao máximo, fazem várias promoções que de fato reduzem os preços (*), no entanto, a desproporção entre estoque e vendas e a pressão por novas reduções em lançamentos e preços não param de crescer, impulsionados pelos cancelamentos (em outros países, cancelamentos de financiamentos, aqui o cancelamento das vendas na planta MAIS os cancelamentos dos financiamentos).

    (*) Veja diversas notícias sobre desistência de investidor na planta porque ágio na entrega ficou inviável, em virtude de construtora vender mais barato na entrega do que na planta.

    8+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • CA 18 de março de 2016 at 12:33

      Complemento:

      Como o Lucas colocou acima, um estoque de 12 meses já é o MÁXIMO “aceitável”, ainda assim, muito ruim para o segmento. O estoque comentado pelo SECOVI é superior a 15 meses pelas contas deles e na média de todos os tipos de imóveis, no entanto, para 3 e 4 dormitórios o estoque existente já é superior a 2 anos e piorando, pois é onde as vendas mais despencaram e eles ainda tem muito estoque do passado que não conseguem repassar.

      Um ponto importante é que este estoque do SECOVI SP é só uma mínima parcela de tudo que está ofertado no mercado. Vejamos o “estoque oculto”, aquele que eles nunca mencionam nestas “notícias”:

      1) SECOVI SP: OMITEM no estoque os imóveis com mais de 36 meses do lançamento. Como o prazo entre lançamento, construção, entrega e distrato registrado (aceito por construtora, só aceite pode demorar mais de 1 ano) em 90% dos casos passa de 36 meses, isto significa que este enorme crescimento no volume de distratos que temos observado sequer consta nesta “estatística” de estoque do SECOVI SP e para piorar, estamos falando de imóveis prontos que eles simplesmente FINGEM QUE NÃO EXISTE. Para agravar ainda mais esta situação, temos também um volume crescente de lançamentos que chegaram a entrega sem serem vendidos e que também DESAPARECEM do estoque do SECOVI SP por completarem mais de 36 meses do lançamento;

      2) Estoque em poder de investidores: temos 40% das vendas para investidores, uma parte destas vira distrato e desaparece do estoque do SECOVI SP pelo mecanismo descrito no item 1 acima, para aqueles investidores que não desistem do negócio, não aparece no estoque do SECOVI SP porque já saiu da mão da construtora, mas foi parar na mão de outro revendedor, é estoque que entope o mercado e não aparece nas “estatísticas” também;

      3) Estoque de imóveis usados ofertados para vendas: muitos destes em que o vendedor PRECISA vender porque não consegue mais se manter ou tem que pagar dívidas, ou até porque precisa usar o dinheiro para quitar um novo, sendo que o número de ofertas de imóveis usados não para de crescer enquanto o número de compradores não para de cair e isto ocorre apesar de quedas sensíveis nos preços, como a redução de 29% no preço médio do M2 de usado (nominal, sem contar inflação) que aconteceu em São Paulo nos últimos 24 meses;

      4) Estoque de imóveis em poder de bancos: outro que não entra nas estatísticas, mas é bom lembrar que só em 2015 as apreensões de imóveis para serem leiloados por bancos mais do que DOBRARAM, sendo que tivemos altíssimo volume de imóveis em leilão que não foram vendidos nem mesmo na segunda praça;

      5) Imóveis que foram “vendidos” para corretores de imóveis: outra modalidade de venda FALSA na planta, ocorreu muito, por exemplo, no caso das kitinetes milionárias de São Paulo, onde corretores SIMULAVAM que estavam comprando algumas unidades por vez porque “acreditavam” em alto lucro na revenda, quando na prática, sequer pagavam durante a construção ou ainda pagavam um mínimo e no contrato dizia que não teriam nenhuma perda em caso de distrato, ou seja, apenas outra forma de FINGIR que estavam vendendo;

      6) “Reserva das construtoras”: outro grande papo-furado, onde em muitos empreendimentos anunciam logo após o lançamento que tudo foi vendido e no ato da entrega surgem do nada outros imóveis à venda, que a construtora disse que reservou esperando vender com maior valorização na entrega. Em tese não afeta os números específicos do SECOVI SP, mas esta estratégia é muito usada como parte da simulação do “vendeu tudo em tantas horas”, ou mais atualmente “vendeu tudo em tantos meses”;

      7) Revenda para empresas que não prestam informações para o SECOVI SP ou outras: repasses de imóveis para imobiliárias, empresas especializadas em revenda, empresas sem Ações na BOVESPA, muitas destas que não prestam nenhuma informação para o SECOVI SP e que compõem o estoque total do mercado, outra forma de ESCONDER estoque que nunca é considerada nas estatísticas.

      Existem muito mais situações que estas, na prática, em estudos anteriores para São Paulo já havia constatado que a oferta total de imóveis é suficiente para uns 9 anos de vendas, sendo que se pensarmos em imóveis de 3 dormitórios deve ser o suficiente para mais de 20 anos e no caso de 4 dormitórios o suficiente para mais de 30 anos de vendas.

      Uma anomalia tão gigantesca como a que consta acima, novamente, típica de toda bolha imobiliária. Por isto que o segmento imobiliário tem que continuar se esforçando para esconder o máximo possível de estoque e ainda vemos a extrema cara-de-pau deles dizendo que a redução de lançamentos vai fazer com que haja “escassez e novos aumentos de preços”, quando os fatos e dados dos últimos anos tem DEMONSTRADO exatamente o contrário, como consta no artigo do tópico de hoje ou no meu comentário logo acima.

      14+
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • avatar
      • Minions 18 de março de 2016 at 13:47

        Gostaria, é muito, de ver o desespero dos corvos quando leem uma análise do CA. Mas acho que o texto é longo demais pra eles.

        12+
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
        • avatar
      • Lucas 18 de março de 2016 at 18:54

        Levando em contas as considerações muito pertinentes do CA conclui-se que:
        O estoque alegado de 15 meses que eu calculei acima mais o oculto não dá apenas 30 meses de encalhe
        Minhas contas foram muito pessimistas,
        É muito mais, sinceramente não sei quantificar isso, pode ser 100 meses, acho que até o próprio setor está perdido.

        A Bolha foi longe demais, o PT foi longe demais.
        podemos ter uma nova década perdida.

        4+
        • avatar
        • avatar
  • Sardinha 18 de março de 2016 at 12:22

    CVR OFF – Amazon

    Procurei alguns livros sobre investimentos aqui no Brasil (temas específicos) e não achei.

    Fui encontrar na Amazon americana, pq nem no site da Amazon .com.br tinha.

    Comprei no domingo 4 livros, que devem pesar +- 1 quilo. Frete de R$ 100,00.

    Pra minha surpresa chego agora em casa (sexta-feira) e… os livros já estão aqui! PQP!!!

    Rastreamento dos livros: Ontário – Los Angeles – Cincinnati – Miami – Viracopos – São Paulo – Curitiba

    Quando eu mando 1 (uma) página de A4 por SEDEX pra Brasília ou Cuiabá demora 2 ou 3 dias pra chegar e custa R$ 50,00.

    Privatizem os Correios com URGÊNCIA!!!

    32+
    • avatar
    • avatar
    • Money_Addicted 18 de março de 2016 at 13:08

      eh serio q vc quer comparar os servicos de uma das maiores empresas do mundo com algo estatal bananense?? 🙂

      14+
      • avatar
      • avatar
      • John Horse 18 de março de 2016 at 14:24

        Já comprei no Amazon 11:50 e entregaram 15:30 na porta de casa no mesmo dia. Impressionante. Foi entregue por um cara de carro comum, devia ser um funcionário da loja que deve ter acordo com a Amazon.

        3+
        • LucianaSilva 18 de março de 2016 at 15:14

          Serviço dos Correios péssimo!!!
          Comprei 4 itens pela internet, recentemente. A primeira foi despachado pelo Sedex, as duas outras pelo PAC e a última compra foi feito na Americanas.com.
          Resultado: a compra das Americanas.com chegou primeiro (demorou 3 dias úteis), pois veio por transportadora. Os demais itens que foram via Correios, TODOS atrasaram!!. Um demorou 15 dias, o outro demorou 14 dias e o último nem chegou (por enquanto está dando 24 dias).
          E aí??? Serviço do Correios é bom?!?!

          4+
    • Azufre 18 de março de 2016 at 13:11

      Uma vez eu comprei um livro na Índia, sendo que tinha comprado um nacional um dia antes.

      Adivinha qual chegou primeiro…

      (Via DHL, claro)

      14+
  • Leonardo M. 18 de março de 2016 at 13:08

    Off

    Juros do TD caindo e muito!!!
    Mercado precificado saída do pt??

    4+
    • avatar
    • Azufre 18 de março de 2016 at 13:14

      Para qual prazo?

      Podem estar precificando a intervenção no BC tb

      3+
  • Coelho da pascoa 18 de março de 2016 at 13:37

    Tem uma coisa que me chama muito a atenção nestes estoques de vendas: Os apartamentos de 4 dormitórios tem estoque de vendas para 30 anos que tenham o mesmo desempenho de 2015, daqui 30 anos estaremos em 2046 e jabteremos atingido a inversão demográfica! As famílias que possuem 3 filhos ou mais serão muito mais raras, o estoque de quatro dormitórios possui venda infinita ou ate que o imóvel se deteriore e fique inabitável. Vale o mesmo para os imóveis de três dormitórios, que em 20 anos estarão extremamente próximo da inversão demográfica… Ao meu ver, olhando sobre este prisma entendo que casais sem filhos e com apenas um filho irão morar em imóveis maiores que suas necessidades. Também acontecera de família maiores, com três filhos, podem morar em imoveis de dois dormitórios… Os estoques de imóveis com apenas um ou dois dormitórios estão mais enrascados do que se imagina, pois enfrentarão a concorrência de imóveis maiores. A crise de demanda bate as portas com uma violência exponencial que supera qualquer cálculo.

    17+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • Minions 18 de março de 2016 at 13:44

      Imagine quando a mão de obra das domésticas ficar ainda mais caro? Melhor estar em um imóvel menor ou para pagar menos ou para ter menos trabalho

      5+
      • avatar
      • avatar
      • Mr.Brightside 18 de março de 2016 at 13:59

        japones de classe media alta no japão nao tem diarista por que o brasileirão classe c menos precisa ter

        5+
        • avatar
    • Cesar_DF 18 de março de 2016 at 19:32

      Nos países de origem romana, quando a taxa de fertilidade chega a 1.5 o filho único nunca sairá da casa dos pais. Hoje estamos em 1.7

      3+
  • guilherme_silva 18 de março de 2016 at 13:54

    O caso 5, parece o “imóvel do Vampeta”. Da época que foi contratado pelo Flamengo. Dizia ele, a diretoria finge que me paga e eu finjo que jogo. KKKK
    Só um adendo CA, não leve a mal.

    3+
    • avatar
    • avatar
  • odorico 18 de março de 2016 at 14:28

    Alguma dica do que fazer com 100K hoje, onde aplicar? Ou melhor esperar?

    1+
    • Azufre 18 de março de 2016 at 15:12

      Prazo?

      Se eu ganhasse 100k hoje eu colocaria na LCX do Banco Daycoval

      2+
    • Maresia 19 de março de 2016 at 09:51

      Você pode dividir:
      Um pouco, vc separa e espera uma janela para o dolar abaixo de R$ 3,50.
      Outra parte vai de qualquer LCI / LCA de curto prazo pra você poder escolher quando as taxas do TD ficarem melhores.
      Estão especulando que as taxas de juros vão cair. Se isto acontecer a inflação vai contnuar fora da meta e os pre fixados são uma roubada.
      No cenário atual, qualquer IPCA com maior que 6,5% é interessante.
      Divida em diversas cestas ao seu critério

      2+
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 14:31
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 14:34

    ” Em meio às turbulências políticas, os diretores do Banco Central praticamente chegaram ao consenso: todos, sem exceção, devem votar pela manutenção da taxa básica de juros (Selic) em 14,25% ao ano na próxima reunião do Comitê de Política Monetária (Copom). Será o início da pavimentação para a queda dos juros no segundo semestre.”

    http://blogs.correiobraziliense.com.br/vicente/consenso-no-bc/

    3+
    • bolhista cearense 19 de março de 2016 at 09:45

      Queda dos juros no próximo semestre? Sei…

      0
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 14:43

    Cara de pau!

    “A presidenta Dilma Rousseff disse nesta sexta-feira (18) que o governo federal irá lançar, até o final deste mês, mais 2 milhões de moradias a serem contratadas pelo Programa Minha Casa, Minha Vida. “Serão selecionadas e distribuídas para aquelas pessoas que mais precisam. Isso é fruto de uma decisão do governo federal de usar o dinheiro dos impostos para garantir que mais famílias tenham acesso ao Minha Casa, Minha Vida”, disse.

    “Muitas pessoas se incomodam com o programa, acham que estamos exagerando. Nós só não vamos cortar, como vamos aumentar para mais dois milhões de famílias”, completou a presidenta.”

    http://www.ribeiraopretoonline.com.br/politica/governo-vai-lancar-mais-2-milhoes-de-moradias-no-minha-casa-minha-vida/99445

    2+
    • Luladranus 18 de março de 2016 at 15:10

      É graças a essas asneiras que esse povo se perpetua no poder, não subestimem o tamanho da capacidade de ignorância do povo bananense. Infelizmente, se essa anta não for arrancada a força do Planalto e o câncer não levar o jararaca mor, em 2018 ele será canonizado e é capaz de fazerem uma estátua maior que a do Cristo na praça dos três poderes.

      2+
      • avatar
    • Coelho da pascoa 18 de março de 2016 at 19:09

      Nada como colocar mais lenha na fogueira.

      0
  • Master Yi 18 de março de 2016 at 14:54

    CVR

    Postei a uns dias atrás que enviei propostas de aluguel R$ 1,6k aos anunciantes da OLX referente a aps meu condomínio (que em média fica em R$ 2k e eu pago R$ 1,9k) e que ninguém tinha aceitado. Bem, hoje vi q um anunciante abaixou o valor do aluguel para R$ 1.750. Ainda não é o ideal, mas vou continuar monitorando os anúncios.

    4+
    • avatar
  • Pao de queijo com cafe 18 de março de 2016 at 16:22

    Vizinha, sobre isso, do lado de lá rolou um debate bom na linha:

    Saída deles do poder (provável) vis s vis “permanência das bases do projeto vivas, ainda que latentes”.

    Eu, Lucas véio, Papirante e ALBarra escrevemos umas coisas.

    E o Lucas véio promete um texto bomba pra breve…

    Azufre

    Modo semnick: ON

    Me bateu um pressentimento MUITO RUIM hoje de manhã

    Muito medo dessas pessoas

    6+
    2+
    • Azufre 18 de março de 2016 at 17:15

      Tá muito ruim ficar dividido, vizinho

      3+
    • Semnick 19 de março de 2016 at 06:28

      O jogo nem começou.
      Oremos.

      2+
  • Krusty 18 de março de 2016 at 16:51

    Quase uma década de estoque de imóveis.

    Em cinco anos sem manutenção o imóvel fica podre. Se for na região Norte esse tempo pode ser abreviado devido às intempéries mais extremas.

    4+
    • avatar
    • Azufre 18 de março de 2016 at 17:14

      Sempre que eu o vir Krusty eu vou pedir:

      notícias da Pequena Veneza?

      0
    • rogerio 18 de março de 2016 at 22:04

      No sul tb…clima umido

      0
  • AndersonSilva 18 de março de 2016 at 17:21

    tava seriamente pensando em me transferir de sampa pra ribeirão preto. cansado já do transito caotico daqui. cheguei até a ver alguns imóveis lá pra compra, mas talvez eu fique só no aluguel.

    verifiquei este imóvel de 430k
    – o proprietário aceita fechar em 400k sendo 380k pra ele e 20k da imob (os caras querem pelo menos 5%). o proprietário é amigo da imob e não negocia por fora.

    “http://www.vivareal.com.br/imovel/apartamento-3-quartos-vl-seixas-bairros-ribeirao-preto-com-garagem-133m2-venda-RS430000-id-62475208/

    se algum amigo aqui do blog conhece a região melhor e puder dar uma opinião.

    1+
    • rentista opressor 18 de março de 2016 at 23:13

      Olá Anderson, trabalhei há 4 quadras daí por algum tempo. Sinceramente, na minha humilde opinião, escolheria outro lugar. Não é uma região ruim, mas é mais pra parte velha da cidade, apertada, barulhenta, não das mais tranquilas. Se puder descer mais para a parte sul da cidade, irá ser muito melhor, inclusive para fazer as coisas à pé. Quanto ao trânsito, acho muito bom para uma cidade de 650k hab, com as principais vias dentro da cidade tudo em pista dupla que flui bem na maior parte do dia. Fazia tudo em 10min. Ribeirão é espetacular para os padrões brasileiros. Saí ano passado e já quero voltar. Já rodei esse Brasil desde o Amapá e não conheço cidade melhor (e eu sou paranaense).

      3+
      • avatar
    • JonassBR 19 de março de 2016 at 07:07

      Anderson, alugue para conhecer melhor a cidade.
      Nao faltarão imoveis em Ribeirao nos proximos 5-10 anos.
      No mais, é um predio mais antigo numa regiao que se nao é ruim tb nao está entre as mais top da cidade.

      2+
      • avatar
      • AndersonSilva 19 de março de 2016 at 12:32

        fiquei uma semana em Ribeirão a trabalho e deu pra ter uma pequena noção da cidade. o preço do metro quadrado em torno de 3k parece interessante pra compra quando eu comparo com são Paulo que nos bairros mais centrais tah tudo acima de 5k. Veio uma oportunidade de transferência no órgão que eu trabalho eu to avaliando a hipótese. Pensei em regiões mais centrais pra ficar próximo do trabalho, mas como lá o transito é outra pegada bem diferente das marginais daqui , acho que de qualquer lugar em Ribeirão chego rapidamente ao centro. Mas com certeza se eu fizer a mudança vou ficar ao menos 1 ano no aluguel.

        1+
        • Minions 19 de março de 2016 at 19:25

          Adoro Ribeirão, se não fosse o infernal calor seria uma cidade pra se viver. Em relação ao trânsito, piorou muito nos últimos anos! Eu moraria perto da região da Fiusa.

          1+
          • rentista opressor 19 de março de 2016 at 20:01

            Ali é perfeito, melhor que a Califórnia….rsrsrsr! Tirando a brincadeira mas essa região é demais!!!

            0
  • Cajuzinha 18 de março de 2016 at 17:27

    ” postado em 18/03/2016 16:49
    Agência Estado
    São Paulo, 18 – A Fiat informou nesta sexta-feira, 18, que parou, por cinco dias úteis, três de suas quatro linhas de produção da fábrica instalada em Betim, em Minas Gerais. A suspensão ocorrerá entre esta sexta-feira e o próximo dia 24 (quinta-feira) e tem como objetivo ajustar a produção à demanda do mercado.”

    2+
    • Azufre 18 de março de 2016 at 17:40

      Para o bolhista com imóvel lá

      Vende assim que puder

      0
  • Lucas 18 de março de 2016 at 18:36

    BOMBA BOMBA

    em UM empreendimento PDG 100% vendido, lançado em 2011, entregue em 2015

    Acompanho lá, há uma guerra dentro do condomínio pra derrubar o síndico

    O maior proprietário é a própria PDG, o segundo maior um grupo investidor tem 72 imóveis de uma das 3 torres com cerca de 96 apartamentos

    veja o que uma das moradoras escreveu

    Atenção !
    Informo que, hoje entrou em vigor o Novo Código de Processo Civil, no qual consta mudanças importantíssimas para o procedimento das cobranças das cotas condominiais em atraso.
    No novo código, as cotas condominiais passarão a ter natureza de título executivo extrajudicial, o que tornará mais rápido o andamento das ações judiciais. Ao distribuir uma ação, o condômino será citado para pagar o débito, que inclui cotas atrasadas, despesas processuais e honorários, em pouquissimos dias, a contar da data da citação e caso não satisfaça, começará a fase de expropriação de bens.
    Isto significa que está chegando ao fim a morosidade desgastante das ações de cobrança, que disponibilizava ao condômino inadimplente os meios de defesas e recursos processuais, e com isso, o condomínio aguardava meses ou até anos para receber seu crédito.
    Isso também significa que a maior devedora de nosso condomínio – PDG – não terá mais muitas alternativas em não nos pagar !!!
    Sendo assim, sugiro aos condôminos que possuem cotas condominiais em atraso, e que tenham interesse na solução amigável, que entrem em contato com a LLOYD, evitando a adoção de medidas, através da nova legislação. Bom final de semana a todos !

    25+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • avatar
    • JJJ_brasilia 18 de março de 2016 at 19:35

      Muito boa Lucas, a PDG para de enrolar os pagamentos do condomínio, aí o custo da empresa sobe e a solução é simples, baixa o preço é vende os imóveis ou morre abraçada com tijolos.

      4+
      • Lucas 18 de março de 2016 at 20:24

        Em pouquíssimos dias começa a fase de expropriação de bens
        o estoque oculto será jogago no mercado aos montes
        mais um alfinete do tamanho duma rolha na bolha

        Cadê o CA pra calcular o efeito disto???

        9+
        • avatar
        • avatar
        • Lucas 18 de março de 2016 at 20:25

          e o DRN?

          adêvogados cadê vcs?

          2+
        • CA 18 de março de 2016 at 21:33

          Lucas,

          Para as construtoras, daquelas que já estavam em péssima situação financeira, por um lado irão optar por aumentarem suas pedaladas para credores, preferencialmente estendendo ainda mais o prazo para análise de distratos, por outro, terão que aumentar muito os descontos porque aqui falamos de imóveis já prontos gerando despesas “inadiaveis” sob o risco de se gerar uma perda muito maior, se não derem estes “descontos” ainda maiores, perdem os imóveis. Isto intensifica o círculo vicioso, fazendo com que mais compradores desistam, aumentando o estoque das construtoras e pressionando ainda mais o caixa delas.

          Só não pode esquecer que construtoras já aprovaram no fim de dezembro uma lei para restituirem parcela menor em caso de distrato, o que vai aliviar um pouco a situação acima, mas não o suficiente.

          2+
          • avatar
          • Semnick 19 de março de 2016 at 06:27

            A situação economica pode ficar mais evidente no setor imobiliario, entretanto não pára por aí.
            Baseado no que vc já analisou CA, pode esperar que a economia que já está de joelhos deve perder as duas pernas até o final do ano.
            O que assusta é a falta de perspectiva e a lerdeza em se redirecionar e adotar preceitos mínimos de estabilização.
            Enquanto isso não ocorrer, setor por setor será esfacelado e o PIB do país continuará encolhendo.
            A partir do momento que medidas corretivas sejam adotadas, e dependendo do que já foi esfacelado, o mercado começa a reconstruir, o que pode levar entre 3 a 5 anos para que se observe mudanças. Os especuladores externos, neste ínterim, sangrarão o que puderem.
            Temos ainda que observar que a situação atingirá em cheio as classes menos favorecidas, mas não deixará os mais qualificados impunes. A pobreza ficará explicita, e quem se garantiu terá oportunidades somente se o ranço da corrupção não impedir a retomada, caso contrário não haverá qualquer segurança de retorno em investimentos mais qualificados.
            Oremos.

            3+
            • From_The_Tower 20 de março de 2016 at 10:22

              IN SEMNICK WE TRUST !

              0
          • bolhista cearense 19 de março de 2016 at 09:19

            CA, que lei é esta? Não sabia.

            1+
  • CarlosL 18 de março de 2016 at 18:49

    CVR

    Saudações bolhistas mineiros!!

    Ontem estive em vossas terras, e fui almoçar no shopping Del Rey e guess what ?! Na entrada do estacionamento panfleteiros de algum empreendimento imob da Lopes….
    Ai eis que dentro shopping vejo um super mega stand de vendas no andar inferior; Estava lotado de …. corvos ;
    Havia apenas um interessado dentro do stand na hora do almoço que eh quando o shopping normalmente tem o maior fluxo….

    1+
    • avatar
    • Skidwasted 18 de março de 2016 at 19:19

      A cada dia a franquia “Aluga-se” só expande em BH.
      Eles devem ter se arrependido amargamente de ter gastado para montar um stand em Shopping para catar otários.
      O que venho notando é que estão retirando os anúncios de compra/venda.

      4+
    • Krusty 19 de março de 2016 at 15:22

      Logo logo corvos vao andar de Del Rey

      3+
  • Cajuzinha 19 de março de 2016 at 06:25

    “Dilma vai lançar na segunda-feira (21) um pacote de medidas com o qual espera jogar R$ 15 bilhões na economia no segundo semestre e indicar que as contas públicas vão voltar ao azul nos próximos anos.

    Além da aprovação dessas medidas, a equipe econômica acredita que haverá espaço para queda da taxa de juros também no segundo semestre, contribuindo para estimular a economia.”

    http://m.folha.uol.com.br/mercado/2016/03/1751754-governo-lancara-pacote-de-medidas-para-aumentar-estimulo-a-economia.shtml

    2+
    • bolhista cearense 19 de março de 2016 at 09:17

      É mais corda pros motumbados enforcarem-se.

      3+
  • Cajuzinha 19 de março de 2016 at 06:29

    Kkkkkkkk IMPERDÍVEL!

    “Amorim é considerado pela revista Forbes, um dos economistas mais influentes do mundo, e irá ministrar a palestra “Como prosperar na crise – Descubra a real situação da economia brasileira e quais as melhores oportunidades de investimentos agora”. Amorim vai explicar como se encontra a economia brasileira e mundial no momento, e quais as melhores oportunidades de investimento, de forma prática para que seja possível tomar decisões inteligentes sobre o dinheiro.”

    http://economiasc.com.br/ricardo-amorim-fala-neste-sabado-sobre-perspectivas-da-economia/

    5+
    • bolhista cearense 19 de março de 2016 at 09:17

      Este Amorim de quem você se refere é o Amorim que previu um excelente investimento em imóveis lá pelos anos de 2010, 2011? Queria olhar para cara dele hoje e perguntar sobre os estudos feitos por ele naquela época. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      5+
    • JJJ_brasilia 19 de março de 2016 at 19:31

      Kkkkkk,

      É o amorinha, ele vai dizer para comprar imovel.

      Um dos economistas mais influente das destrutoras quebradas, kkkkkk.

      0
  • Azufre 19 de março de 2016 at 06:29

    Blog do Noblat
    Bala de prata capaz de matar Lula: uma gravação onde ele cita um cara, desses capazes de tudo, q poderia ser usado P/dar um jeito em Moro.

    5+
    • Semnick 19 de março de 2016 at 06:37

      Se houver, além de tudo, mais isso, infelizmente deixe ligado o modo semnick mesmo.
      Abs Azufre, gosto de suas dicas, acompanho como posso, mas sempre são impecaveis.
      Não vi nenhum post da hanna, sumiu?

      3+
      • avatar
      • Azufre 19 de março de 2016 at 09:59

        Essa coisa do blog dividido ficou ruim, tá todo mundo espalhado

        Mas não sei se ela anda postando no outro

        2+
      • Azufre 19 de março de 2016 at 10:00

        Eu queria lhe conhecer pessoalmente

        Vc deve ter histórias da banca incríveis

        0
        • Semnick 19 de março de 2016 at 11:38

          Vc já tem meu contato. Se puder ajudar em algo, posso demorar pra responder, mas respondo sim.
          Quem sabe um dia, mais no futuro, possamos marcar um café na cozinha?!

          0
          • Azufre 19 de março de 2016 at 12:24

            Nesse caso, depois olhe seu email, queria uma opinião…

            🙂

            1+
    • Cajuzinha 19 de março de 2016 at 06:42

      “LUCAS HIRATA FERNANDA GUIMARÃES

      19/03/2016 | 05h00 0

      Com balanços já afetados pelo maior número de desistências na compra de imóveis e diante das taxas crescentes de desemprego, empresas aumentam reservas para possíveis perdas com inadimplência, principalmente na baixa renda, e com novos distratos”

      ““É diferente de antigamente, quando o imóvel distratado era revendido a um preço muitas vezes superior (ao original). Agora já não é mais essa dinâmica e (o novo cenário) pode gerar algumas perdas. É isso que estamos tentando refletir de uma forma realista”, afirmou o diretor financeiro de Gafisa, Andre Bergstein. A companhia fez uma provisão adicional de R$ 5 milhões relacionada a distratos nos últimos meses de 2015.

      Preço menor. O sócio responsável pela área técnica de auditoria da Deloitte, Wanderley Olivetti, explica que, no caso de distratos, pode ser necessário fazer uma provisão quando o imóvel volta – ou há previsão de devolução – para a carteira da companhia com um possível preço de venda abaixo do valor de custo. “O mercado teve uma experiência negativa (com distratos) em 2014, que foi confirmada com um volume maior em 2015. Então, chegou a necessidade de revisitar o tema com a quantidade que foi se avolumando.””

      5+
      • avatar
  • Semnick 19 de março de 2016 at 06:34

    Espero que a limpeza e redirecionamento comece logo e que sobrem políticos com vontade de reconstruir.
    Se houver acordo nesse sentido (o que ainda não visualizo) a infra estrutura será a pedra fundamental para que um novo ciclo se inicie, caso contrario não haverá chance para recuperação sustentavel nem no longo prazo.
    O páis já tem uma defasagem de 30 anos (sendo otimista), então alcançar estabilidade para crescimento sólido, neste momento é impensável.
    Economia de base, industria tem que se recuperar, mas o custo vai além do economico, e o redirecionamento educaicional é muito mais lento.
    Se começarem agora. em duas ou tres gerações, quem sabe, a lama baixe o suficiente para se respirar.
    Reconquistar respeito internacional, está, ainda, longe de acontecer.

    4+
    • avatar
  • bolhista cearense 19 de março de 2016 at 09:09

    caros colegas bom dia:
    vejam este vídeo no youtube feito a partir de reportagens de televisão e explicando o surgimento da bolha imobiliária:
    https://www.youtube.com/watch?v=Cy4L0jV2ImU

    1+
  • ff 19 de março de 2016 at 11:38

    OFF – Eletricista
    Pessoal, me dá uma luz.
    Moro no suburbio do Hell de Janeiro e vou trocar a fiação do meu quarto e 3 tomadas (uma com interruptor) e a lâmpada que acende com esse interruptor.
    A casa é antiga, a fiação é bem bagunçada. Mas vai ser só realmente passar fio, não vai quebrar nada.
    Chamei um cidadão para o orçamento e ele cobrou 600 reais pelo serviço (material por fora).
    Isso é caro? Eu realmente não tenho a menor noção, nunca contratei eletricista.
    Sinceramente, me parece serviço para um ou dois dias no máximo.
    Agradeço quem puder dar a opinião!

    1+
    • The End 19 de março de 2016 at 13:27

      http://www.getninjas.com.br
      É um site que funciona tipo um banco de dados de diversos tipos de profissionais e os clientes podem deixar referências também.
      Você determina sua área, o serviço que precisa (nesse seu caso um eletricista) e o sistema escolhe alguns.
      Eles recebem um alerta ou você pode entrar em contato com eles.
      Caso esses profissionais não atendam suas expectativas, repita a busca que o sistema vai apontar outros novos profissionais.
      Eu encontrei um excelente técnico de TV LCD dessa forma.

      3+
      • avatar
      • avatar
      • ff 19 de março de 2016 at 22:34

        Nossa! Muito obrigado. Não conhecia o site.
        Já fechei com outro cara por 200 reais!
        Mais 400 opressores no meu bolso e o outro que queria me cobrar 600 ficará com nada 🙂

        2+
    • JJJ_brasilia 19 de março de 2016 at 19:33

      Cara, acho que tão te roubando, pelo que falou não é difícil.

      0
  • Cajuzinha 19 de março de 2016 at 13:10

    “Em 2016,os preços de imóveis à venda tiveram queda de até 10%. Já com relação aos aluguéis essa redução chegou a 30%. Para quem trabalha na área, o conselho é diminuir o valor cobrado,mas manter a receita mensal.Já para quem está interessado em comprar um imóvel, a hora é boa. Porém, quem precisa vender, deve esperar um pouco.”
    http://e-tribuna.com.br/ler/–aluguel-tem-reducao-de-ate-30-na-cidade/1294

    2+
    • avatar
    • Rolde 19 de março de 2016 at 15:23

      Isso!!! espera que vai cair mais.kkkk

      1+
  • Cajuzinha 19 de março de 2016 at 13:16


    Barbosa participou da 4ª edição do Fórum Brasil, realizado pela revista “Carta Capital”. O ministro destacou que o governo também vem trabalhando para normalizar a oferta de crédito nos setores imobiliário e agrícola. Ele citou os recursos liberados pelo Conselho Curador do FGTS para a compra da casa própria, via Caixa Econômica Federal. O banco ampliou o limite de financiamento de imóveis usados para até 80% do valor.”

    http://m.extra.globo.com/noticias/economia/governo-estuda-usar-compulsorio-para-expandir-credito-diz-barbosa-18914886.html

    2+
    • avatar
  • Awulll 19 de março de 2016 at 14:54

    ‘Folha de S. Paulo:

    “Incomodada com as especulações sobre troca de comando na Fazenda, a equipe econômica da presidente Dilma vai lançar na segunda-feira um pacote de medidas com o qual espera jogar R$ 15 bilhões na economia no segundo semestre e indicar que as contas públicas vão voltar ao azul nos próximos anos.”

    Riam conosco’

    By Antagonista

    3+
    • avatar
    • FabianoSJC 19 de março de 2016 at 16:26

      A ta só se criarem o Imposto de Renda as Avessas rs , o cidadão fica com 27,5 % dos seus rendimentos e o resto do salário é do governo rs

      4+
      • avatar
  • Pao de queijo com cafe 19 de março de 2016 at 15:36

    Chato mesmo ne

    Azufre

    Tá muito ruim ficar dividido, vizinho

    2+
    0
  • Pao de queijo com cafe 19 de março de 2016 at 15:37

    Semnick, vc nunca fez tanta falta !!!!
    some nao

    Sobre a Hanananananana: ela não está do outro lado lado, nem no bolha.net (este é muito vazio, quase ninguem)………. por enquanto perdemos a Hannnaa

    2+
  • Krusty 19 de março de 2016 at 16:20

    Azufre

    Sempre que eu o vir Krusty eu vou pedir:

    notícias da Pequena Veneza?

    0

    Falta de energia geral. Cortando a energia de Roraima, que depende dela. Hidrelétrica de Guri com nível muito baixo. Estiagem

    5+
    • avatar
    • avatar
    • Azufre 20 de março de 2016 at 09:57

      Obg!!!

      0
    • Azufre 20 de março de 2016 at 09:57

      Parece que a zika (doença) está alastrando lá, né?

      0
  • Bolhudo 19 de março de 2016 at 16:42

    Obrigado BOSS .
    Segue o link da BOMBA que véio LUCAS falou acima.
    Novo Código Civil entra em vigor
    http://g1.globo.com/jornal-hoje/noticia/2016/03/novo-codigo-civil-entra-em-vigor.html

    O novo Código Civil, um conjunto de 1072 artigos, traz ferramentas que podem tornar a execução e cobrança de dívidas, mais rápidas e mais fáceis. Agora tem computador onde antes se usava papel.
    “Juiz enviava ofício. Recebia depois de meses a informação se havia imóvel, se havia um carro e então, determinava que bens fossem penhorados. Hoje, a partir da lei nova, juiz pode determinar eletronicamente, ele mesmo vai fazer esses bloqueios de forma imediata”, fala o conselheiro da AASP, Ricardo de Carvalho Aprigliano.
    Nos condomínios haverá também a cobrança com as próprias mãos ou com o próprio boleto. “O condomínio pode ir ao Judiciário com apenas um mês de atraso e já promover execução do condômino”, explica Ricardo.

    E mais, para quem ganha acima de 50 salários mínimos a cobrança poderá ser descontada diretamente do salário como acontece com as pensões alimentícias. Parte do faturamento das empresas também pode ser bloqueado para o pagamento de dívidas.
    “Fugir das dívidas vai ficar mais difícil por causa da nova legislação por causa dos honorários dos advogados que serão fixados em várias etapas do processo”, explica Ricardo.
    No fórum de São Paulo é como se tudo estivesse congelado nesta sexta-feira (18), para evitar confusões entre o velho e o novo código a contagem nos prazos dos processos ficou congelada. Novas decisões, mesmo que tomadas sobre processos antigos levarão em conta o novo código e isso vai afetar boa parte dos processos correm hoje na justiça brasileira.
    Para os processos novos antes de sentar na frente do juiz, as partes serão obrigadas a tentar resolver a questão com auxílio de mediadores ou conciliadores. Quem recorrer só para arrastar o caso poderá ter que pagar custas do vencedor da ação. Tudo isso pode mudar o jeito brasileiro de se fazer justiça.
    “Mais franca, ele não pode iludir o cliente. Não pode pintar um futuro dourado, quando realmente a causa está perdida”, diz o presidente da Comissão de Processo Civil da OAB-SP, José Rogério Cruz Tucci.

    7+
    • avatar
    • avatar
  • Felipe 19 de março de 2016 at 17:06

    Srs, boa tarde.
    Ouvi dizer que o avião que caiu está ligado ao ex-presidente da Vale do Rio Doce.
    Confere aí, produção?

    4+
    • avatar
    • Marcus A 19 de março de 2016 at 21:49

      TRAGÉDIA
      QUEDA DE AVIÃO MATA AGNELLI, EX-VALE, MULHER, FILHOS, NORA E GENRO
      EMPRESÁRIO QUE PRESIDIU A VALE MORRE AOS 56 ANOS DA IDADE

      “http://www.diariodopoder.com.br/noticia.php?i=51676156310

      2+
    • Marcus A 19 de março de 2016 at 21:49

      Queimas de arquivos voltaram?

      1+
  • Nilson 19 de março de 2016 at 17:12

    gente é ridículo como a esquerdeopatia atinge jornalistas americanos:
    https://theintercept.com/2016/03/18/brazil-is-engulfed-by-ruling-class-corruption-and-a-dangerous-subversion-of-democracy/
    Vamos dar um choque de realidade, deixando lá nos comentários do que está acontecendo no país

    4+
  • Abutre v. 2.0 - Agora mais opressor!!! 19 de março de 2016 at 17:24

    CVR

    Hoje minha esposa me matou de rir. Andando pela Av. T-63, importante avenida de comércio daqui de Goiânia, ela me solta: “nossa, isso aqui é cemitério de placas de aluga-se???”.

    Quem era pessimista bando de putistas enrustidos??? Quem???? Lacrou 13??? Chola mais!!! Agora todo mundo é anti-PT, é moleza! Quero ver essa bando de chorão confessar os anos e anos de “lacra 13”!

    7+
    • avatar
    • Nilson 19 de março de 2016 at 17:43

      Complicado é os esquerdinhas falar que é a crise internacional..

      2+
  • Palmeirense Bolhudo 19 de março de 2016 at 17:52

    Após onda de imóveis devolvidos, incorporadoras aumentam provisões – Economia – Estadão

    O mau momento do setor imobiliário começa a ganhar contornos ainda piores diante da falta de horizonte de melhora para a economia brasileira, principalmente com o aumento das incertezas políticas. Depois de uma onda de desistência de compra de imóveis – os chamados distratos – afetar negativamente os balanços das incorporadoras, agora os indicadores econômicos ainda mais fracos começam a bater nas linhas de provisões, em especial por causa da expectativa de que a crise do País trará um impacto direto nos pagamentos dos clientes.

    Preço menor. O sócio responsável pela área técnica de auditoria da Deloitte, Wanderley Olivetti, explica que, no caso de distratos, pode ser necessário fazer uma provisão quando o imóvel volta – ou há previsão de devolução – para a carteira da companhia com um possível preço de venda abaixo do valor de custo. “O mercado teve uma experiência negativa (com distratos) em 2014, que foi confirmada com um volume maior em 2015. Então, chegou a necessidade de revisitar o tema com a quantidade que foi se avolumando.”

    http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,apos-onda-de-imoveis-devolvidos–incorporadoras-aumentam-provisoes,10000022125

    2+
  • Pao de queijo com cafe 19 de março de 2016 at 21:37

    confere, e e ele estava a bordo…

    curioso, não?

    Felipe

    Srs, boa tarde.
    Ouvi dizer que o avião que caiu está ligado ao ex-presidente da Vale do Rio Doce.
    Confere aí, produção?

    2+
    1+
    • Marcus A 19 de março de 2016 at 23:51

      Sim. leia acima ^^^

      0
  • Moreira 19 de março de 2016 at 21:38

    Sujeito perde o ap para o condomínio pq já não tem grana para pagar o condomínio em atraso. Tenta vender e não consegue. Condmínio fica cm a propriedade. Uma vez do condomínio, o valor de venda será definido ou pelo menos apresentado em reunião de condomínio. Opa, mas nessa reunião vai ter o cara que pagou, na era da desgraça, 500k e ainda tá nos 25% do contrato do financiamento. Só que o ap remanscente não passa agora de 400k. A reunião de condomínio vai gerar guerra e desilusão entre os presentes. Em um primeiro momento não aceitarão a realidade e provavelmente vão anunciar pelo mesmo valor que pagaram. Não vão vender! Vão baixar, baixar, baixar e aí – quem sabe – encontra um comprador, que aceita pagar pelo menos 35%. Moradores proprietários ficarão chateados e com o coração ferido: “Tomei ré de 100 mil”. Afirmo categoricamente que tem gente morando onde não tem condições e estava se aproveitando da morosidade da justiça. Eu mesmo conheço uma pessoa na família que não baixa o padrão. Mas não tem condições nenhuma de morar onde mora.às vezes me pergunto: como tem cara de pau de morar em um lugar em que muitos sabem que a fulana é devedora contumaz de vários, VÁRIOS, condomínios. Enfim, as novas regras vai atingir em cheio uma pessoa da família. Presumo que – como ela – deva existir vários. Teremos mais imóveis, mais oferta!!!!

    16+
    • avatar
    • avatar
    • avatar
  • Moreira 19 de março de 2016 at 21:40

    “as novas regras vão…”

    1+
  • parangaricutirimicuaro 20 de março de 2016 at 04:30

    Quase CVR – Passeio de leve na Barra da Tijuca e adjacências.
    Prevejo uma catástrofe com aquele Ilha Pura. Passei por lá agora à noite e ao ver todos aqueles prédios no breu total, como ainda não venderam nem 20% das unidades, imagino que após a entrega eles devem ficar do mesmo jeito que estão hoje, no breu, desertos, igual àquelas cidades fantasmas na china. Será q virá uma liquidação hard por lá?
    Pior q é longe de tudo, nem com uma mega liquidação chega a ser vantagem comprar lá.

    7+
    • avatar
  • Cajuzinha 20 de março de 2016 at 08:23

    TÓPICO

    “O telhado de vidro do mercado imobiliário vem tirando o sossego de compradores que tiveram financiamentos aprovados pela Caixa Econômica Federal, mas ainda aguardam as assinaturas de suas escrituras e a liberação do dinheiro. A espera pode chegar a três meses, caso a aquisição seja pelo Programa Especial de Crédito Habitacional ao Cotista do FGTS — a linha Pró-Cotista — que tem recursos para financiamentos destinados a trabalhadores com contas vinculadas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, para a compra ou a construção da casa própria de até R$ 750 mil. A linha tem taxas de juros que variam de 7,85% a 8,85% ao ano.

    Fontes da instituição financeira informaram que gerentes de todo o país enfrentam dificuldades para “rodar” os contratos de financiamento pelo sistema online devido à carência de recursos do banco, e muitos interessados já têm propostas aprovadas, porém, sem prazo para a emissão de seus contratos.

    — Quando vem a verba, quem chega primeiro é quem pega. Sem a verba, você não pode concluir a negociação. A consequência é que a remuneração (do corretor que vende o imóvel) está diretamente ligada ao sucesso da negociação e é totalmente afetada — disse o diretor do Sindicato dos Corretores de Imóveis do Município do Rio (Sindimóveis Rio), Zaldo Natzuka Júnior.”

    http://m.extra.globo.com/noticias/economia/caixa-nao-libera-recursos-de-financiamentos-imobiliarios-ja-aprovados-18916208.html

    7+
    • avatar
    • avatar
    • Cajuzinha 20 de março de 2016 at 08:30


      — Eu trabalhava com um prazo de 60 dias, mas, agora, passei para 90 dias, podendo ser prorrogado por mais 60 — contou Márcio Cardoso, corretor de uma imobiliária na Ilha do Governador.”


      — Depois de todo o sucesso (do boom imobiliário), os recursos (da Pró-Cotista) foram contingenciados, frustrando o direito do cliente. Isso tem um reflexo em cadeia, porque o dono do imóvel pode estar aguardando a liberação do dinheiro para comprar outro. O comprador já pagou as custas, e o corretor espera por sua remuneração — disse Gilberto Braga, professor de Finanças do Ibmec/ RJ.”

      “Eles (funcionários) dizem que o problema não é da Caixa, mas do governo federal, que não libera o dinheiro”.”

      4+
  • Cajuzinha 20 de março de 2016 at 09:38

    Esse jornal é Bolsista
    http://m.extra.globo.com/noticias/economia/taxas-de-condominio-superam-valor-de-aluguel-em-bairros-do-rio-18914356.html

    — Na Barra da Tijuca, alguns edifícios comerciais já estão oferecendo isenção de aluguel apenas para que as salas se mantenham ocupadas. O mercado imobiliário inflou muito. Agora, a oferta é grande, e a demanda, pequena.

    2+
    • Cajuzinha 20 de março de 2016 at 11:55

      *Bolhista

      0
  • Seguidor do Bolha BH 20 de março de 2016 at 09:39

    Pessoal,
    Diante do quadro atual, vocês acham possível um confisco de dinheiro pelo governo? Se isso ocorrer, dinheiro aplicado em LCA, LCI, tesouro direto, RF etc. poderão seguir pelo mesmo caminho? Ou seja, é possível confiscar aplicações além da poupança?

    0
    • Awulll 20 de março de 2016 at 10:36

      Não

      1+
    • From_The_Tower 20 de março de 2016 at 10:45

      Cansamos de explicar isso aqui.
      Esse medo de confisco é completamente emocional e irracional.
      O montante de títulos públicos para pessoas físicas não passa de 2% de todos os títulos existentes no mercado. O grosso dos títulos estão com os compradores no mercado primário (bancos, empresas públicas, financeiras) , etc. Confisco = extermínio do mercado financeiro.

      4+
      • From_The_Tower 20 de março de 2016 at 10:48

        O confisco moderno passa por essas aplicações:
        * Rendimento da caderneta de poupança (7% a.a.)
        * Rendimento do FGTS (3% + TR)
        * IPCA a 10,5% a.a.
        * Bolsa empresário via BNDES (4,5% TJPL a.a.)
        * Desvalorização da moeda nacional.
        Dar calote no TD é burrice e não possui efeitos práticos.

        Dar calote sistemático ajuda e muito nos planos do Governo Federal. (exemplos que citei)

        5+
        • CA 20 de março de 2016 at 12:21

          From_The_Tower,

          Complemento:

          1) Tinha que colocar a palavra “confisco” como proibida aqui no blog, afinal todos que a usam sempre alegam frequentar aqui há anos, então já viram as explicações DEZENAS de vezes;

          2) O Confisco do Collor foi um dos grandes impulsionadores para o seu impeachment, para que a ministra da Fazenda passasse a viver no ostracismo, para que o PIB tivesse recorde histórico de queda, dentre outros resultados funestos. Em uma situação em que a presidente já está ameaçada de impeachment, já iremos bater o recorde de queda de PIB do Collor e os ministros já estão mais do que queimados, um Confisco não faz o menor sentido!

          2) Para que ocorra Confisco, é necessária uma grande maioria na câmara, o governo não pode fazer isso via medida provisória ou qualquer outro mecanismo. O que é urgentíssimo para o Brasil são reformas de previdência, despesas vinculadas e CLT, temas muito difíceis de serem aprovados e impopulares. O foco de qualquer novo governo será na aprovação destas medidas e não na aprovação de um Confisco, que além de ser um desastre e não resolver nada como consta acima, ao contrário, só piorar, seria mil vezes mais impopular e levaria a revolta popular a disparar de vez, algo que não faz nenhum sentido, por nenhum motivo, até porque se lembrarmos, o Confisco não resolveu em nada a inflação da época, que era muito maior que a atual. O Confisco prejudica inclusive o equilíbrio fiscal e de forma intensa, pois a arrecadação de impostos também cai e mesmo que de forma tresloucada alguém quisesse cobrir o rombo com dinheiro confiscado, seria apenas no primeiro ano, com quedas em arrecadação muito maiores e piores nos anos seguintes, até porque hoje é mais fácil para quem tem poder aquisitivo fugir do país ou expatriar legalmente seu dinheiro. O cenário atual é diferente e um confisco levaria a uma fuga de dólares sem precedentes e imediata, levando por sua vez a uma disparada da inflação.

          3) A polícia federal sempre está buscando quem está cometendo este crime contra a economia popular de espalhar boatos sem NENHUM fundamento como o do confisco, permitir a continuidade disto neste blog é arriscado. O motivo é que boatos como estes levam a corrida aos bancos para retiradas, podendo gerar uma crise sistêmica.

          4) Quem espalha boatos sobre o Confisco via de regra são os corretores, que de má fé tentam chantagear as pessoas para tirarem dinheiro de aplicações financeiras e comprarem imóveis, este é exatamente o tipo de atitude que combatemos aqui e mais um motivo para não se dar espaço para estes boatos.

          4+
          • From_The_Tower 20 de março de 2016 at 17:25

            Perfeito CA. Chega de desinformação !

            1+
  • Cajuzinha 20 de março de 2016 at 09:45

    http://www.jornalfloripa.com.br/noticia.php?id=4517238
    De fato, apesar dos elevados preços que imperaram no país nos últimos anos, Moura ressaltou que a queda dos valores não significa uma diminuição da bolha porque nunca houve uma especulação desse tamanho.

    “Houve uma valorização dos imóveis por conta do aumento do crédito e à melhora dos prazos de financiamento, o que introduziu muitas pessoas no mercado e aumentou a demanda, mas não houve uma bolha”, comentou Moura.

    Os valores alcançaram níveis inusitados, sobretudo no Rio de Janeiro, em São Paulo e em Brasília, mas os preços iniciaram uma rota descendente que se refletiu especialmente em 2015.

    O preço médio da oferta caiu cerca de 9% em termos reais em 20 cidades brasileiras em 2015, mas a contração ainda pode ser maior (entre 15% e 20%), já que o valor anunciado dos imóveis é superior ao montante pelo qual são vendidos, segundo explicou a vice-presidente e analista do Moody’s, Cristiane Spercel.

    1+
    • avatar
  • Cajuzinha 20 de março de 2016 at 09:55

    Mas claro que as vendas de imóveis vão aumentar! SQN. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ““As famílias estão no limite”, diz o economista-chefe da Opus Investimentos, José Márcio Camargo. O que mais preocupa é que não há perspectiva de melhora à vista. Os especialistas são unânimes em dizer que, com o acirramento da crise política e a abertura do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, o que já está ruim ficará pior. Mais gente será demitida, o salário continuará encolhendo, a inflação permanecerá distante do limite de tolerância previsto em lei, de 6,5%, e os juros, em patamares insuportáveis. É o pior ambiente para as famílias, especialmente as de menor poder aquisitivo.”

    http://www.em.com.br/app/noticia/economia/2016/03/20/internas_economia,745337/devo-sim-pago-quando-puder.shtml

    3+
    • avatar
    • avatar
    • Ilusionista 20 de março de 2016 at 11:14

      o “modismo” dos novos estilos de moradia verticais: terraço gourmet, piscina aquecida, academia e SPA, são lindos para conforto e ostentação, mas muita gente não se deram conta do alto custo mensal que é eterno.
      Bateu a crise, renda caiu, inadimplência aumentou, vizinhos tendo que pagar mais caro para compensar os que não pagam.
      O clima de pessimismo dentro da maior parte dos condomínios vem piorando a cada dia, reuniões cada vez mais tensas e ofensivas aos vizinhos caloteiros, áreas de lazer cada vez mais vazias, moradores de cabeça baixa dentro dos elevadores, crianças trancadas olhando pela janela lá de cima o playground…
      como fazer festas alegres, relaxar na sauna..

      “A aposentada Carmen Lucia, de 60 anos, é síndica de um condomínio de 120 apartamentos há quatro anos. O total acumulado de inadimplência neste mês chega à R$113.871,68. Ela conta que a situação é complicada e que afeta a todos no edifício, uma vez que o valor cobrado inclui o pagamento de água e gás. “Arcamos até com o banho de quem não está pagando”, reclama. Ela conta que a situação é desconfortável para todos, pois os devedores ficam chateados com as cobranças e as restrições – no prédio em questão, os inadimplentes ficam sem usar todos os serviços que sejam necessárias reservas e autorizações, como salão de festas, sala de estudos, academia e sauna.

      3+
      • avatar
  • From_The_Tower 20 de março de 2016 at 10:18

    Bom dia. Check-in.
    Segunda feira esse blog voltará a crescer 30% por semana. Boss, teu sossego vai acabar. kkkkk

    6+
    • avatar
    • Johnrmless 20 de março de 2016 at 10:25

      Rssss, boa From… Vai mesmo.

      0
      • Johnrmless 20 de março de 2016 at 10:27

        A propósito, Bom dia.

        1+
        • avatar
    • Pao de queijo com cafe 20 de março de 2016 at 12:07

      Confere, produção.

      0
  • Alemon Fritz 20 de março de 2016 at 10:37

    Brasil entra no caminho da desaceleração imobiliária

    caiu cerca de 9% em termos reais em 20 cidades brasileiras em 2015, mas a contração ainda pode ser maior (entre 15% e 20%)

    http://www.jornalfloripa.com.br/noticia.php?id=4517238
    mas não houve bolha, kkk, corvo negou 3 x igual na bíblia.

    3+
    • From_The_Tower 20 de março de 2016 at 10:42

      Quanto mais negarem , pior será. Seria preciso uma grande quebra de paradigma para que as pessoas voltasse a negociar entre si.
      Eu que agora sou rentista opressor não aceito pagar os preços anunciados. Ganho múltiplas vezes na renda fixa, especulação no TD e variação do dólar. Quem vai me convencer a mudar isso para imobilizar um bom montante de capital em tijolos?
      E os que não entendem muito de finanças e a relação aluguel x valor do imóvel não conseguem ter renda ou poupança pessoal para comprar. Mercado estagnado e muito çannguiiii.

      5+
      • avatar
      • Death 20 de março de 2016 at 11:53

        Aqui se o valor nominal caísse uns 60% generalizado aí eu pensaria em comprar…
        Como acho que o imóvel que quero não cairá assim nunca, o negócio é ir ficando no aluguel mesmo e esperar um bom leilão que pode demorar anos por ser em cidade do interior…

        3+
        • avatar
        • avatar
  • From_The_Tower 20 de março de 2016 at 10:46

    Véio Lucas, começaram a aparecer ótimas promoções para Punta Cana. Te liga !

    2+
    • avatar
  • Seguidor do Bolha BH 20 de março de 2016 at 11:59
  • Cajuzinha 20 de março de 2016 at 12:10

    “Uma coisa é a empolgação, outra bem diferente é a transação imobiliária, que dificilmente vai ter grandes saltos apenas com esta medida.”

    http://m.oglobo.globo.com/economia/medidas-da-caixa-reacendem-mercado-imobiliario-18903845

    1+
  • Alemon Fritz 20 de março de 2016 at 13:42

    parece que não tá fácil..

    1.Corretor de imóveis é morto a tiro durante assalto a bar, em Goiás;
    Imagens mostram quando 4 homens chegam ao local e rendem clientes.
    Após os roubos, um dos suspeitos atira na vítima; grupo fugiu em seguida
    http://g1.globo.com/goias/noticia/2016/03/corretor-de-imoveis-e-morto-tiro-durante-assalto-bar-em-goias-video.html

    2.Corretora de imóveis volta a ser presa por suspeita de golpes no Sul de MG
    Em 2012, foi detida por supostos golpes em Poços e Carmo do Rio Claro.
    Em Pouso Alegre, ela é investigada em pelo menos quatro inquéritos.
    http://g1.globo.com/mg/sul-de-minas/noticia/2016/03/corretora-de-imoveis-volta-ser-presa-por-suspeita-de-golpes-no-sul-de-mg.html

    3. homem é assassinado a marretadas em casa de praia no litoral Sul do RN
    vizinhos também disseram que a vítima trabalhava como guia turístico e corretor de imóveis”,
    http://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/2016/03/homem-e-assassinado-marretadas-em-casa-de-praia-no-litoral-sul-do-rn.html

    1+
  • Captain Neo 20 de março de 2016 at 14:45

    Tópico novo!

    0