Indice Gerson – Estão tirando vantagem de quem quer comprar imóvel – Matemático

Você pode gostar...

Comments
  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 14:57

    Este índice foi um excelente trabalho do matemático.

    0
    • Alex 27 de fevereiro de 2014 at 15:03

      Concordo! O índice gerson é bastante técnico, apesar da simplicidade. Faz todo o sentido! E, o melhor, considerou a renda FAMILIAR média, não a individual! Show!

      0
      • Shaft 27 de fevereiro de 2014 at 15:11

        Exatamente !!

        0
        • Eumesmo 28 de fevereiro de 2014 at 08:24

          Genial!

          0
      • Mineirausfall 27 de fevereiro de 2014 at 15:23

        Muito massa esse Índice Gerson.

        Apenas uma dúvida. A renda a ser colocada seria a bruta ou a líquida? Os órgãos oficiais geralmente fornecem a média da renda bruta (provavelmente a que foi apresentada).

        Entretanto, o limite seria 30% da renda líquida. Neste caso, o Índice Gerson ficaria ainda mais brutal, dado que um terço é imposto, subtraído diretamente no contracheque (INSS e IRPF). Deste modo, o coeficiente, ao invés de ser 0,03, passaria para 0,045.

        0
        • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:25

          Exato. Esse índice é muito conservador.
          A realidade é muito mais dura e impactante.

          0
          • Neo Mercurius 27 de fevereiro de 2014 at 22:01

            Além dos 20% de entrada (que se forem financiados já diminuem a margem de empréstimo posterior), há os impostos de transmissão (de 2% para cima), comissão do corvo (de 6% para cima), custas com cartório (de notas e registro), taxas bancárias, seguros, etc, que fazem parte do tão falado Custo-Brasil.

            Depois, é claro, vêm os custos da mudança, compra de mobílias, reforma, IPTU, condomínio etc.

            Tudo isso em 30% de renda líquida???

            Ah, agora dá para entender os encalhes, kkk…

            Em breve, teremos manadas de famílias com 3k de renda bruta se filiando ao MTST, são os Sem-Teto da Classe Média.

            (Esqueci, o Brasil já favelizou…)

            0
        • anturios 27 de fevereiro de 2014 at 15:49

          Acho que cada um teria o próprio índice pra se basear, com a renda bruta familiar para o cálculo do valor do imóvel ou da motumbada.

          O brilhante post ilustra a fórmula do índice com uma simulação.

          0
    • Litigio 27 de fevereiro de 2014 at 15:06

      Comprova matematicamente uma teoria que neste final de semana fizemos (eu e um amigo) em nosso antigo bairro em Bsb, ninguém teria condições de comprar o próprio imóvel hoje.

      0
    • Legião Bananense 27 de fevereiro de 2014 at 15:18

      Bota isso no Jornal Nacional ou mesmo no GN com seu Conta Corrente….Chupa seus coroinhas do índice fajutos do FINGEZAP..

      Isso mostra também que bananense quer ser o “ixperto” sempre e não justo..
      Aí o país quebra mesmo!

      0
      • Legião Bananense 27 de fevereiro de 2014 at 15:23

        kkkkkk fico aqui mesmo rindo a toa já pensou:

        Chamada do Conta Corrente, lá….
        “Então o IGBI de hoje é aqui em Caxoerinha dos Cafundós…bem o índice disparou…os caras dessa cidadela são insanos…”
        – Mas não é isso que você mostra todo dia no IGBI das cidades Maria???

        0
    • FHMartins 27 de fevereiro de 2014 at 16:08

      Gerson
      Número 1 da preferência do Mau-caratismo Nacional

      0
    • Bolhudão 27 de fevereiro de 2014 at 16:50

      Excelente índice, claro, pode não ser exato, mas comprova sim a bolha. Utilizando parte da formula vc pode chegar ao valor de imóvel que você pode pagar: Ex: Renda Real / 0,03 = Valor Possível de ser financiado.
      Ou seja: Renda de 5k : 5000 / 0,03 = 166.666,67 Valor de financiamento do imóvel q vc pode comprar. Valores comprovados pelo próprio site da Caixa.

      0
    • Gerson 27 de fevereiro de 2014 at 17:29

      Taí. Gostei! E não é por causa do nome.

      0
      • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 17:30

        Coitado do Canhota… tem nada a ver com o bagulho…

        0
        • Fã dos Polhas 27 de fevereiro de 2014 at 17:34

          Não o vi jogar mas foi dos melhores comentaristas de futebol que já assisti.

          0
          • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 18:10

            Dá uma olhada aí… é o careca…kkk…
            “http://trivela.uol.com.br/video-homenagem-ao-genio-todos-os-lances-de-gerson-na-final-da-copa-de-1970/

            0
            • Julio 27 de fevereiro de 2014 at 18:36

              A frase Lei de Gerson foi criada a partir do jogador. Nos anos 70 ele foi o garoto propaganda de uma marca de cigarros popular, cujo preço era mais em conta que os demais.

              Para dar ênfase ao preço mais baixo, o jogador fingia ser um fumante, com o bordão “Gosto de levar vantagem em tudo. Cerrrto?”.

              Acho que ele se arrependeu amargamente de ter feito o comercial.

              0
              • Andre da bolha de Plástico (Para evitar Homonimos) 27 de fevereiro de 2014 at 20:59

                Recordar é viver – tá aqui como a Lei de Gerson foi Criada

                “http://www.youtube.com/watch?v=y7ZxasGow_I

                0
              • Jovem Estudante 28 de fevereiro de 2014 at 05:13

                Ele não fingia ser fumante. Ele ERA fumante. Na época fumar ainda era algo aceito até entre atletas.

                0
                • Julio 28 de fevereiro de 2014 at 08:38

                  Isso eu não sabia. Pensava ser impossível. Se bem que naquele tempo com 30 anos os jogadores já eram velhos e acabados.

                  Mas o fato é que deturparam o bordão do comercial, de alguém que não quer pagar por algo mais do que vale, para a frase da malandragem brasileira, que não é vista por muitos como desonestidade. Pior, associaram seu nome a esta malandragem.

                  0
                  • Jovem Estudante 2 de março de 2014 at 04:37

                    E isso numa época em que os jogadores percorriam metade da distância que os atuais.

                    0
                • Álvaro Guilherme 28 de fevereiro de 2014 at 15:54

                  Pois é, tenho 45 anos e lembro-me que na infância cheguei a ser atendido por MÉDICOS que fumavam enquanto escreviam a receita. Em tempo, o Ronaldo Fenômeno não foi visto fumando num vídeo?

                  0
    • pessimista 28 de fevereiro de 2014 at 10:08

      Ótima matéria Matemático, melhor do que a da Exame, que só tenta segurar por mais um tempo a bolha residencial.

      0
    • pessimista 28 de fevereiro de 2014 at 10:15

      Ótima matéria Matemático, melhor do que a da Exame, que só tenta segurar por mais um tempo a bolha residencial. Só queria que alguém fizesse uma projeção de quanto seria o percentual que a prestação taria comendo depois de 5 anos. Com esta taxa de 9,5% a juros simples seria 45%, em cima dos 30% iniciais, depois de cinco anos a renda comprometida já seria 43,5%, e sabendo que o salário não comporta estes ganhos e que o custo de vida é bem maior do que os índices da inflação oficial. Em síntese, quem se enforcou com financiamentos de 30% de sua renda. Daqui a 5 anos estará vivendo com 50% de sua renda no máximo. Imagina quem compõe renda com o padeiro, o GB e a tiazinha, como vai viver.

      0
    • junior da barraca 12 de março de 2014 at 12:15

      Fiz uma simulação no site da Caixa.

      Eu ganho aprox. 7.000 bruto 5000 liquido em Curitiba sou solteiro, não tenho filhos, tenho gastos com meu aluguel (aluguel e condomínio 1.900) ; E digo que baseado nessa simulação aí abaixo é impossivel eu comprar um imóvel (88.000 de entrada é piada)

      Valor do imóvel: R$ 300.000,00

      Resultado da simulação:
      entrada: R$ 88.213,56 ( pra conseguir essa entrada eu teria que guardar dinheiro durante 10 anos)
      restante em 420 meses
      valor do financiamento R$ 211.786,44

      420 meses kkkkk tão de brincadeira

      Conclusão:
      isto é 10 anos para a entrada mais 420 meses, como eu tenho 34 anos eu morreria antes de terminar de pagar.

      Tenho outra opção,ir morar numa favelinha melhorada por aí.

      0
  • VictorPS 27 de fevereiro de 2014 at 15:00

    Simples, conciso e eficiente.

    0
    • Renato Russo 27 de fevereiro de 2014 at 17:50

      Impressionante!
      Ele teve a ideia de usar a capacidade de compra. Se os moradores da região não tem renda suficiente para comprar então tem uma bolha, independente de aumento de renda ou financiamento.
      Quero ver o que estes “gênios” da economia que dizem que não existe bolha vão dizer depois disto…

      0
  • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 15:00

    assunto da capa da próxima Exame… TÓPICO

    A bolha estourou
    EXAME – CAPA / IMÓVEIS – SÃO PAULO – SP – 05/03/2014 – Nº 1060 – Pág. 1,4,32 A 41

    POUCO ANTES DE RECEBER O PREMIO NOBEL DE ECONOMIA, no ano passado, o americano Robert Shiller fez uma viagem a São Paulo. Shiller ganhou fama internacional como uma espécie de caçador de bolhas — aquele fenômeno financeiro marcado por preços que descolam da realidade para depois cair subitamente. No fim da década de 90. ele escreveu que a obsessão do mercado americano por ações de empresas de tecnologia acabaria mal. Acertou em cheio. Uma década depois, demonstrou que o preço dos imóveis nos Estados Unidos estava beirando a loucura e despencaria logo. Shiller, que estuda o mercado imobiliário americano há décadas, acertou de novo. Pois, em sua visita a São Paulo, ele analisou o que estava acontecendo com os imóveis no Brasil. Como qualquer brasileiro sabe, faz quase oito anos que o preço de apartamentos e casas nas principais cidades do país sobe sem parar. Os sinais de exuberância irracional são os mais variados. Um “apertamento” de 35 metros quadrados recém-lançado em São Paulo costuma ultrapassar o valor de 1,1 milhão de reais. No bairro de Ipanema, no Rio de Janeiro, o metro quadrado dos imóveis mais chiques vale 50000 reais. Shiller olhou isso tudo, achou que já tinha visto esse filme antes e cravou — é bolha.
    Mas é mesmo? O mais famoso caçador de bolhas do mundo achou mais uma? () preço dos imóveis está prestes a desabar? Para começar a conversa, é preciso deixar claro que essas são perguntas impossíveis de responder com precisão. O futuro do preço das coisas é, por definição, incerto. Em muitos casos, ondas de valorização são seguidas por mais ondas de valorização — já que há boas razões econômicas por trás delas. Por outro lado, uma bolha só se forma porque, até o dia em que estoura, há uma espécie de consenso em torno dos bons “fundamentos” da alta nos preços. A saúde do mercado imobiliário interessa, por razões óbvias, a milhões de brasileiros. Saber se estamos ou não em meio a uma bolha é, portanto, uma das discussões econômicas mais importantes do pais. Mas os números mostram que Shiller atirou no que viu e acenou no que não viu. Há. de fato. uma bolha imobiliária no Brasil. E ela já começou a estourar. Mas não onde Shiller imagina.
    Os maiores símbolos da bolha imobiliária brasileira não são quitinetes de 1 milhão de reais, mas prédios comerciais vazios, shopping centers novos às moscas e galpões industriais sem uso. A bolha brasileira, em suma, está localizada no mercado comercial, e não no residencial. Durante a última década, houve nesse segmento uma espécie de fúria construtora. Em 2012 e 2013. os lançamentos somaram 25 bilhões de reais, maior volume da história. Cidades onde só havia edifícios acanhados, como Vitória e Recife, passaram a receber empreendimentos modernos. Um marco do oba-oba nesse segmento é o megaprojeto de revitalização da zona portuária do Rio de Janeiro. Animadas pelas obras de reurbanização prometidas pelo governo, incorporadoras nacionais e estrangeiras disseram que lançariam 1 milhão de metros quadrados de escritórios na região, o que corresponde a dois terços da disponibilidade atual de imóveis comerciais em toda a cidade. Só o bilionário americano Donald Trump se comprometeu a erguer cinco torres de 38 andares ali.
    A promessa, em todos os casos, foi a mesma. O crescimento da economia e a chegada de novas empresas multiplicariam a demanda por áreas de escritórios. Quem não aproveitasse para construir perderia a maior oportunidade da história no Brasil. Deu-se o mesmo nos dois outros principais segmentos do mercado imobiliário comercial — os shoppings e os galpões. Também nesses casos a perspectiva de boom econômico levou a um recorde de construções. A área de galpões disponível no pais cresceu nada menos do que 120% em apenas três anos. São hoje 8,1 milhões de metros quadrados para estocar a produção industrial brasileira. Também nunca se construiu tanto shopping center. Até mesmo cidades com 200 000 habitantes, como Sobral, no interior do Ceará, e Arapi-raca, em Alagoas, ganharam o seu.
    OBRAS NA ALTA, ENTREGA NA BAIXA
    Construir imóveis comerciais é coisa de quem tem coração forte. Faz-se o projeto num país. Entrega-se a chave em outro. A torcida é sempre para que o segundo seja melhor do que o primeiro. Mas, no caso brasileiro, aconteceu o contrário. Os empreendimentos que estão ficando prontos hoje foram desenhados no país do pibão, mas chegam no país do pibinho. Os efeitos desse descompasso são visíveis: há imóveis vazios, e os preços estão desabando. Segundo um levantamento da consultoria imobiliária Cushman & VVake-field. a taxa de escritórios vagos subiu de 13% para 18% no último ano — é o percentual mais alto desde 2005. Há prédios inteiros vazios ou com meia dúzia de inquilinos. Um caso emblemático é o edifício Pátio Malzoni, erguido num dos terrenos mais caros de São Paulo, na avenida Faria Lima. Quando foi inaugurado, em 2012. tinha 0 metro quadrado mais caro do país para aluguel. O valor pedido era 240 reais. Mas, até hoje, só há locatários em uma das torres. A outra, de 19 andares, está vazia. Seus donos, um grupo de bilionários árabes, dizem que só vão alugar quando o preço voltar a subir — hoje, só há interessados em pagar 180 reais por metro quadrado.
    Quem não pode se dar ao luxo de esperar por dias melhores está tendo de aceitar preços mais baixos. Em média, 0 aluguel comercial caiu 15% em São Paulo, 10% no Rio de Janeiro e 7% em Recife de 2012 a 2013. Na região de Al-phaville, no entorno da capital paulista, um quarto dos imóveis está desocupado. Os donos de salas comerciais estão fazendo qualquer negócio para ocupá-las. “O que está acontecendo no mercado imobiliário comercial é consequência da desaceleração da economia, que está se espalhando por mais setores. A indústria não foi bem na década passada, e agora começa a haver problemas no setor de serviços”, diz o economista Marcos Lisboa,vice-presidente da escola de negócios Insper. Num cenário de expansão, mais empresas planejam investimentos e buscam imóveis comerciais maiores ou mais adequados à sua estratégia. Quando as perspectivas pioram, o que não saiu do papel geralmente vai para a gaveta, e a demanda por prédios costuma cair rapidamente.
    Em nenhum mercado os sinais de uma bolha estourando são tão claros quanto no de shoppings. O setor vive os efeitos de uma expansão caótica na última década. A premissa que levou a essa expansão era realmente tentadora. Os brasileiros compram menos em shoppings do que os consumidores de outros países emergentes e desenvolvidos. De acordo com um relatório do banco UBS. 21% das vendas no Brasil acontecem em shoppings. ante 38% no México. 56% nos Estados Unidos e 65% no Canadá. Portanto, concluíram os empresários do setor, há espaço para mais empreendimentos do tipo. “Muitas cidades médias receberam três shoppings ruins em vez de um bom. Todos achavam que seu projeto era melhor, atrairia mais gente, mas um acabou roubando o público do outro”, diz Henrique Cordeiro Guerra, diretor executivo da Aliansce. uma das maiores administradoras de shoppings do país.
    Como os varejistas não estão dispostos a pagar essa conta, o resultado é que shoppings têm sido inaugurados sem lojas que garantam um movimento mínimo. Em 2013, só 14 dos 38 empreendimentos inaugurados tinham mais de 85% de ocupação. Há casos dramáticos, como o Pátio Arapiraca Garden Shopping, no interior de Alagoas, que abriu com 28 das 180 lojas, e o North Shopping Jóquei, de Fortaleza, inaugurado com 25 das 223 lojas previstas. Sorocaba, a 100 quilômetros de São Paulo, se tornou um símbolo dos excessos desse mercado: apenas de setembro a novembro do ano passado a cidade, de pouco mais de 580 000 habitantes, recebeu mais três shoppings, que se somaram aos quatro já existentes. Diferentemente do que começa a ocorrer no exterior, onde mais shoppings vêm oferecendo atrações variadas aos visitantes, aqui a oferta ainda é basicamente de lojas, restaurantes e cinemas. O maior shopping do mundo, em Du-bai. nos Emirados Árabes, tem um
    aquário externo com mais de 30 000 animais marinhos. A ideia é atrair os turistas que vão passear por causa do aquário para as lojas. Naturalmente, as ações das empresas brasileiras do setor estão caindo — em alguns casos, mais de 40%. Assustada com a burocracia e o aumento da concorrência, a americana Simon, maior empresa de shop-pings do mundo, suspendeu uma parceria com a brasileira BR Malls e adiou os planos de operar aqui.
    O que torna o problema ainda mais complexo é a perspectiva de mais e mais inaugurações de prédios, shop-pings e galpões nos próximos anos. De novo, é gente que começou projetos numa realidade e não pode simplesmente desistir deles. 0 jeito é entregar e se adequar ao novo cenário. O número de prédios comerciais a ser entregues em 2014 deve ser equivalente ao do ano passado. Com isso, a taxa de vacância continuará subindo. Segundo a gestora de recursos Rio Bravo, há dois cenários possíveis, dependendo do desempenho da economia. Na estimativa mais otimista, a taxa vai alcançar 20% neste ano e 21% em 2015. Na pessimista, a previsão é que fique em 22% em 2014 e 26% no ano seguinte. Seria um recorde histórico. No setor de shoppings a situação também é crítica. Estão previstas 43 inaugurações para 2014, novo recorde. Quem pode pisa no freio. Até seis meses atrás, estava prevista a construção de mais 1,4 milhão de metros quadrados de galpões neste ano. O número caiu para 1 milhão de metros quadrados, segundo a consultoria Colliers. “Havia de fato um excesso nesses mercados, e a correção de preços no último ano tornou as coisas mais razoáveis”, diz André Freitas, gestor de fundos imobiliários do banco Credit Suisse Hedging-Griffo. “A quantidade de imóveis vazios deverá crescer até 2015, então é possível que os preços caiam ainda mais.”

    UM MERCADO CÍCLICO
    O mercado imobiliário comercial é cíclico — algo natural, uma vez que acompanha os altos e baixos típicos de uma economia de mercado. No início da última década, houve uma queda brusca no preço dos aluguéis, o que vitimou empresários como o gaúcho Rafael Birmann, um dos grandes construtores do país (sua empresa tinha 400 funcionários e hoje tem 20). O bilionário Donald Trump pediu falência nada menos do que quatro vezes — e sempre voltou a construir assim que o mercado renasceu. Claro, há bolhas e bolhas. Como se sabe, a última euforia generalizada no setor imobiliário americano derrubou a economia mundial. Naquele caso, o que potencializou o problema foi o excesso de dívida envolvida. Tanto donos de casas quanto construtores de prédios tomaram dinheiro demais emprestado de bancos. Quando o mercado virou, em 2008, não tinham mais dinheiro para pagar suas dívidas — criando uma bola de neve que arrasou os bancos e levou a economia como um todo para a recessão. A cidade de Detroit, que já não vinha bem antes da crise imobiliária, pediu falência depois dela: hoje, há quase 80 000 imóveis vazios na cidade. Nossa bolha imobiliária terá efeitos semelhantes? Felizmente, não corremos esse risco. O volume de dívida contraída pelas empresas que constroem imóveis comerciais é relativamente baixo. Do total de crédito concedido pelos bancos às empresas do setor imobiliário, apenas 18% vão para as companhias que constroem escritórios, galpões e shoppings (o restante c direcionado ao segmento residencial). O crédito imobiliário equivale a 75% do PIB americano. No Brasil, a apenas 8%. Isso não quer dizer que a crise atual passará sem consequências. As varejistas que operam em shoppings estão perdendo dinheiro com o movimento baixo. Em fevereiro, as empresas de shoppings e as varejistas se reuniram num evento com 400 pessoas num hotel em São Paulo, para tentar chegar a um “acordo de paz” e repensar a estratégia daqui para a frente. Milhares de investidores estão pagando a conta pelos excessos do setor. Em cinco anos, o número de fundos imobiliários disponíveis no Brasil triplicou. Esses fundos são lastreados em imóveis que recebem aluguéis e, há três anos, eram propagandeados pelos bancos como uma opção segura de investimento. O total de cotistas saiu de 20 000 em 2011 para 104 000 em junho de 2013. Atualmente, quase 90% desses fundos estão no vermelho. É o caso do Cidade Jardim Continental Tower, que investe numa torre comercial ao lado do shopping Cidade Jardim, em São Paulo, e desvalorizou quase 50% em 12 meses. Mais de um terço do prédio está sem inquilinos.
    O mercado imobiliário é um espelho da atual situação econômica brasileira.
    Um segmento (o comercial) depende de empresas investindo, confiança no futuro da economia, sensação de que as coisas vão melhorar. Como se viu, esses são artigos um tanto raros no Brasil de hoje. Mas o outro segmento (o residencial) parece estar situado em outro país. Nele, o que importa é a combinação de desemprego baixo com crédito em alta. Nesse país, tudo vai bem. O crédito para a compra de imóveis residenciais dobrou nos últimos três anos, e pouca gente espera que vá parar de crescer tão cedo. O principal motivo para isso: esse tipo de empréstimo é um baita negócio para os bancos, que conseguem manter o relacionamento com os clientes por duas, três décadas — e, em caso de calote, podem, atualmente, retomar o imóvel com relativa facilidade. Isso ajuda a explicar por que o preço de casas e apartamentos continua crescendo enquanto o resto do mercado cai. Quanto tempo o mercado residencial resistirá? O economista Eugene Fama, que dividiu o Nobel com Robert Schiller, gosta de provocar seu colega ao lembrar que ele falava da bolha imobiliária americana anos antes do estouro. Segundo a maioria dos especialistas, o mais provável daqui para a frente é que o preço dos imóveis residenciais pare de subir de forma tão acelerada e passe a acompanhar mais de perto a taxa de inflação. Mas, de novo, é o consenso de que tudo está bem que leva os preços a subir mais do que devem. Em algum momento os preços cairão. Nessa hora — não importa se daqui a um, cinco ou dez anos —, lá estará Robert Shiller, o caçador de bolhas, dizendo: brasileiros, eu avisei.

    0
    • Bolha BOSS 27 de fevereiro de 2014 at 15:02

      Chegou 3 minutos atrasado :/

      0
      • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 15:04

        sorry.. a fonte m mandou agora.. 🙁

        0
        • Bolha BOSS 27 de fevereiro de 2014 at 15:05

          Vai ser o próximo tópico, apesar de já estar saturado pois todo mundo já leu…

          0
          • Shakespeare 27 de fevereiro de 2014 at 15:11

            Lança como tópico “Edição Extra” com direito a musiquinha do plantão da Grobo 🙂

            0
            • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 15:16

              só pra reforçar o pânico…

              0
              • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:17

                é sério essa capa da exame, a ti-ti-ti dos executivos e aspirantes à sardinha ???

                meodeos, uma cosia dessas vale 20 tópicos desse blog dada a audiencia deles?

                0
                • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 15:18

                  A hora de ver o ôco chegou! quero ver a negada rebolar pra desmentir a Exame!

                  0
                • Curioso 27 de fevereiro de 2014 at 15:19

                  kkkkkkk!!!!

                  “ti-ti-ti dos executivos e aspirantes à sardinha ???”

                  Vou mandar essa no meu facebook!

                  0
          • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 15:18

            deleta BOSS assim não tira o foco do post BRILHANTE do Matemático…

            0
            • Shakespeare 27 de fevereiro de 2014 at 15:27

              Boss,

              Um dos segredos do Blog é a sua atualidade e capacidade de seguir de perto as tendências de mercado e até se antecipar nas previsões.

              Sem desmerecer em nada o post brilhante atual, acredito que o impacto e a relevância atual do post da Exame é maior. Assim sugiro colocá-lo como post novo e “congelar” o atual, que depois poderá ser restabelecido sem prejuízo à sua qualidade e adequação ao tema.

              0
              • Bolha BOSS 27 de fevereiro de 2014 at 15:35

                O da Exame fica para o próximo tópico, até amanhã cedo no máximo…
                Até lá o assunto ainda vai estar bem atual

                0
                • janny 27 de fevereiro de 2014 at 16:24

                  Bem, no crescente ritmo de aparecimento de matérias sobre o “ploc a qualquer momento”, acredito que assuntos para tópico não faltarão e a participação de bolhistas continuará a crescer, não afetando assim a qualidade das postagens e não sobrepondo um tópico sobre outro. 😉

                  0
                • chapolin 27 de fevereiro de 2014 at 17:21

                  Para apimentar o próximo tópico, traz uma amostra dos comentários dos corvos. Está muito engraçado vê-los desesperados! hahahaha, antigamente, quando a mídia só dava notícias sobre o aumento de preços e vendas eram uma alegria só, agora estão enxergando uma “conspiração”, hahahaha. Tão tolos (ou querendo enganar os mais tolos) que não enxergam que o que está acontecendo agora é que, com atraso, a mídia passou a anunciar o que já estava sendo dito há tempos!

                  0
          • Seguidor do Bolha BH 28 de fevereiro de 2014 at 08:53

            Só discordo na afirmação de que o estouro está relacionado aos imóveis comerciais. Só não vê o estouro nos residenciais quem não quer.

            0
    • Gerson 27 de fevereiro de 2014 at 17:34

      Bom, se a bolha é exclusivamente nos imóveis comerciais e para os residenciais “vai subir ainda mais”, a solução é morar no escritório oras.

      0
      • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 17:55

        Tinha que ser o Gerson.

        0
    • JAPA FEARED 28 de fevereiro de 2014 at 09:48

      Mas e aí gente, vocês acham que vai cair o preços dos residenciais, ou só vai estabilizar e acompanhar a inflação????

      0
    • pessimista 28 de fevereiro de 2014 at 09:59

      “O bilionário Donald Trump pediu falência nada menos do que quatro vezes — e sempre voltou a construir assim que o mercado renasceu.” É quem se deu mal foram os sardinhas que investiu nos negócios dele. Já a fortuna pessoal dele fica intocável, só crescendo. E os sardinhas é que ficam em situação pior.

      0
    • pessimista 28 de fevereiro de 2014 at 10:04

      O principal motivo para isso: esse tipo de empréstimo é um baita negócio para os bancos, que conseguem manter o relacionamento com os clientes por duas, três décadas — e, em caso de calote, podem, atualmente, retomar o imóvel com relativa facilidade. – Retoma o imóvel que ele financiou por 500 bolhas e agora tá valendo 200 bolhas. O que aconteceu com os bancos nos EUA – falência. Afinal se o cara não pagou quem vai comprar o imóvel pelo valor que tá a dívida 700 bolhas. Matéria mal escrita para admitir o que já tá na cara – a bolha no comercial.

      0
  • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 15:01

    Fantástico o esquema do Matemático… Manda os boçais da Fazenda lerem isso, de repente entendem que é IMPOSSÍVEL ao cidadão de bem adquirir imóvel por um valor minimamente justo.

    0
  • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:01

    Sensacional esse índice.
    Estamos observando milhares de pessoas com imóvel próprio – adquirido nos anos 80, 90 e agora com essa bolha vêem nos preços estratosféricos uma esperança de ter liquidez e viver de renda.

    0
  • Curioso 27 de fevereiro de 2014 at 15:02

    É verdade que todo corvo é também um Jerson!?

    Saudades do tempo em que só precisava do Baygon.
    O blog não é mais o mesmo.

    0
  • Curioso 27 de fevereiro de 2014 at 15:04

    “Em algum momento os preços cairão. Nessa hora — não importa se daqui a um, cinco ou dez anos —, lá estará Robert Shiller, o caçador de bolhas, dizendo: brasileiros, eu avisei”

    Aqui no blog, sempre dissemos:

    Eu disse… Eu disse… Eu te disse!!!

    0
  • Francisco Quiumento 27 de fevereiro de 2014 at 15:05

    Tentei colocar o “fator 666”, que é uma variável que desenvolvi aponta a estupidez financeira do bananense médio, nos moldes “mas a prestação cabe no orçamento!”, nesta equação e de repente começou a escorrer um fluido pastoso marrom-esverdeado do monitor.

    Relato mais detalhes do experimento daqui a pouco.

    😀

    Salve alfinetada!

    0
    • Francisco Quiumento 27 de fevereiro de 2014 at 15:10

      PS bobinho:

      O personagem, vilãozaço, de Kiefer Sutherland em Pompeia chama-se:

      Senador Quintus Attius Corvus

      UM SINAL! UM SINAL!

      0
      • Ex Futura Bolhotária 27 de fevereiro de 2014 at 15:31

        Sincronicidade

        0
      • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:34

        xicão
        gostei do indice 666 ou I_666
        como se define?

        0
        • Francisco Quiumento 27 de fevereiro de 2014 at 16:33

          Renda sobre tamanho do nabo mensal que a 666 assume.

          Quanto vale um, significa que a 666 está completamente enabada. A medida que se reduz, o nabo aumenta já introduzido no indivíduo.

          0
          • Francisco Quiumento 27 de fevereiro de 2014 at 16:37

            PS: Percebm que o Índice de Gerson relaciona a renda com o imóvel. O índice 666 relaciona a renda com o montante de nabos que o infeliz assumiu.

            Como exemplo que espero que deixa o conceito claro, o infeliz pode ter se metido num prestação do imóvel que até dá para ele pagar, mesmo penando por décadas, mas se somar o carro, tipo o xoxoster, a tv de trocentas polegadas, o colégio dos pimpolhos remelentos…

            NABO!

            0
  • Andre da Bolha de Plástico (Para evitar Homonimos) 27 de fevereiro de 2014 at 15:05

    “https://scontent-a-atl.xx.fbcdn.net/hphotos-prn2/t1/1920283_1466902983528489_1481688411_n.jpg

    0
  • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:07

    Fiz o cálculo meu índice Gerson.
    Deu 0,96. Significa que não sou um adepto da Lei de Gerson? kkk

    0
    • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:11

      piiiiiiiiiiiiii
      No meu cálculo eu descontei os 20% de entrada. Sabe como é ! Coisa de poupador.

      0
      • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:13

        Ficou 1,18. Sou um Gérson tb. lol

        0
        • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:19

          isso sem colocar ITBI, corretagem e etc???

          0
          • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:21

            Só o valor ofertado do Bolhudo.
            Ihhh…. com esses itens que você falou vai aumentar mais ainda o índice. kkk

            0
        • BubbleObserver 27 de fevereiro de 2014 at 16:03

          Mas no próprio texto do Matemático há uma confusão: ele fala em 3% do financiamento, mas depois o cálculo considera 3% do preço do imóvel …
          Daí Vc ter subtraído a entrada no seu primeiro cálculo.

          0
          • Renato Russo 27 de fevereiro de 2014 at 17:57

            Ele quer dizer que você tem de ter uma renda correspondente a 3% do valor do imóvel para para financiar. Este 3% é isto, não tem nada haver com taxa de financiamento do empréstimo.

            0
  • HNC 27 de fevereiro de 2014 at 15:12

    Excelente. Isso é conteúdo para uma dissertação de mestrado.

    0
  • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:15

    Finalmente o IG ganhou o devido respeito e destaque. Merecido.

    No caso dos 38% mais, o IG seria algo como 1,38

    No meu condominio onde convivem gerentes e coordenadores (novos moradores) com faxineiras, passadeiras e garçons (moradores tradicionais), lá o IG = 5, ou seja, 500%.

    PS: É impressão minha ou estou começando a ver desespero no mercado imob?

    0
  • Henrique 27 de fevereiro de 2014 at 15:18

    O problema ocorreu porque subiram demais os preços achando que iriam faturar aos montes, não conseguiram vender e agora não tem culhões para baixarem os preços, pois vão alegar prejuízo.

    0
    • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:23

      Mas como bananense 666 não sabe fazer conta todos vão morrer juntos e abraçados.

      0
    • Muricalmo 27 de fevereiro de 2014 at 17:08

      Abaixar oficialmente os precos nao e possivel, pois colocaria em colapso todo o sistema brasileiro de financiamento…. Que eh o que acontecera…

      0
  • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:18

    Quanto mais os preços sobem mais fica complicada a vida do possível comprador de residências. Digo comprador de residências não ESPECULADORES que só querem ganhar o ágio.
    O mais impressionante é que vendeu-se mais para ESPECULADORES do que moradores. Daí deu nisso.
    Especuladores com dificuldade em fazer lucro. E a verdadeira demanda assustada com os preços e ficando no aluguel ou morando com os pais.

    0
    • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:23

      é o fim do ralie imobiliario, o fim da piramide da especulação baseada na Lei do Tolo maior.

      Toda bolha é assim, ela destroi a si mesma pela própria energia acumulada, daí mudamos de fase quando havia antecipação da demanda – compre logo antes que aumente mais (medo de nunca conseguir comprar) para a fase de postergação da demanda – por esses preços surreais desistir de comprar, esperar pra ver (aqui quem tem medo é quem está comprado/alavancado).

      Entraremos definitivamente na fase fear, mas lembrem que mesmo nessa fase as negações continuam, na bolha americana negaram até em 2009 quando a hecatombe já HAVIA acontecido. Alguns negam até hoje que houve bolha.

      0
    • RRA 27 de fevereiro de 2014 at 15:36

      Agora só cairá..!
      Ninguém tem cacife mais pra bancar especulação, a grana virtual do crédito está secando, não por falta de oferta, mas por falta de bons pagadores. É isso que vai arruinar a especulação imobiliária – já era a hora e os poupadores se safam.

      0
  • Hans 27 de fevereiro de 2014 at 15:24

    CVR
    Acabo de receber um email da MRV sobre o condomínio que fica em BH, no bairro Planalto: Parque Operetta. Um apto de 2 quartos está sendo vendido a R$180.000,00, com o título de super promoção.
    Pesquisei meus emails por ofertas do mesmo empreendimento. Em março de 2012 o mesmo estava sendo vendido a R$160.000,00.
    Quem deixou R$160.000,00 na poupança em março/12, hoje tiraria os mesmos R$180.000,00. Isso para POUPANÇA, que nem chega aos pés de LCA, CDB e TD. Imagina o dinheiro num investimento decente.
    Ou seja, não há mesmo vantagens em comprar na planta. Renda fixa é mais jogo e o risco é praticamente zero.
    Agora imagina o que devem estar pensando os “investidores” que compraram imóveis nesse condomínio? Estão agora competindo com a própria construtora.

    0
    • Mr. Martini 27 de fevereiro de 2014 at 15:36

      Vai comprar MRV? Só se tiver drogado! Imóvel m*rda desses eu não compro nem amarrado!

      0
      • talexbh 27 de fevereiro de 2014 at 17:12

        Meu primeiro imóvel foi construído por eles… acabamento péssimo, piso horrível, parcos equipamentos (mal mal vaso sanitário e pia, e de 5a categoria).

        Comprei o ap por 180k e gaste mais uns 60k para deixá-lo minimamente habitável.

        0
        • talexbh 27 de fevereiro de 2014 at 17:12

          Compre, digo.

          0
      • Hans 28 de fevereiro de 2014 at 08:33

        Tá doido. Não penso em comprar, não!
        Fico é pensando no rabo que o fulano “investidor” que comprou há dois anos pelo valor de R$160.000,00 e está com esse saldo devedor hoje corrigido pelo INCC. O “investidor” ao invés de ter R$180.000,00 no bolso, tem é uma dívida de R$180.000,00.
        Como ele conseguirá vender o imóvel se a MRV está oferecendo a mesma coisa? Se ferrou.

        0
    • Monika 27 de fevereiro de 2014 at 22:38

      E vai cair mais! Vendam! Vendam! Vendam!

      0
    • Raoni 27 de fevereiro de 2014 at 22:42

      Ruim tal qual o chocolate (Opereta), rsrs

      0
  • Curioso 27 de fevereiro de 2014 at 15:25
  • Curioso 27 de fevereiro de 2014 at 15:25

    Tá na exame o vídeo do Samy:

    h t tp://exame.abril.com.br/videos/seu-dinheiro-na-tv/por-que-morar-de-aluguel-nem-sempre-e-jogar-dinheiro-fora

    0
  • Bolha BOSS 27 de fevereiro de 2014 at 15:26

    Siente, próximo.
    Legal da matéria Comentários desativados

    Bolha imobiliária no Brasil?

    http://exame.abril.com.br/rede-de-blogs/investidor-em-acao/2014/02/27/bolha-imobiliaria-no-brasil/

    Com a recente alta nos preços dos imóveis nas principais capitais do Brasil, muita gente se pergunta se não estaríamos vivendo o processo de formação e estouro de uma bolha especulativa no setor imobiliário.

    Deve-se considerar que os preços dos imóveis no Brasil ficaram “parados” por muitos anos devido, principalmente, ao alto rendimento das aplicações financeiras remuneradas a taxas de juros bastante generosas.

    Há, também, o aspecto do suporte à demanda por imóveis, possibilitado pelo recente aumento na oferta de crédito imobiliário (hipotecas) de longo prazo, a taxas de juros razoáveis para considerar.

    Além disso, não se pode esquecer a ajuda fornecida pelo aumento da renda das famílias ocorrida nos últimos anos, e que ajudou a potencializar a demanda por imóveis . Ou seja, o mercado de imóveis “não andava” por falta de investidores com foco no segmento, carência de financiamento imobiliário e fraqueza de renda das famílias.

    A partir do momento em que esse quadro mudou, o mercado acordou e os preços começaram a subir. Resta avaliar se a alta foi excessiva (ou não) e qual a possibilidade de haver uma reversão forte e rápida nos preços dos imóveis, como consequência do estouro dessa pretensa bolha.

    A tomar o processo de formação e estouro da bolha imobiliária mundial que culminou com a crise de 2008, percebe-se que algumas condições foram necessárias para que ela ocorresse (a propósito, veja interessante slide-show de avaliação da bolha imobiliária norte-americana em http://www.bloomberg.com/dataview/2014-02-25/bubble-to-bust-to-recovery.html).

    Pressupostos para a ocorrência da bolha imobiliária:

    – crédito imobiliário (hipotecas) farto e concedido sem muito critério/restrições/garantias para pessoas físicas/investidores em imóveis;

    – empacotamento das hipotecas para sua posterior venda como ativos financeiros e/ou derivativos para investidores financeiros.

    Quanto mais o sistema bancário empresta para os tomadores de crédito imobiliário, maior é a pressão altista refletida nos preços dos imóveis e maior o incentivo para a indústria de construção ofertar novos empreendimentos.

    Por sua vez, os investidores nos ativos derivados das hipotecas se tornam mais ousados devido à maciça oferta de recursos para aplicações financeiras no mundo, fazendo com que seja exigido menor retorno relativamente ao risco da aplicação ao investir em tais ativos. A suposta garantia real do imóvel acaba por esconder o verdadeiro risco do investimento em caso de estouro da bolha e potencial queda vertiginosa de preços.

    Entretanto, para fechar o ciclo, os proprietários de imóveis recém adquiridos também devem refinanciá-los com base nos preços supervalorizados do momento e gastar o dinheiro obtido com as novas hipotecas em consumo.

    A partir do momento em que os preços dos imóveis param de subir, o influxo de renda dirigido ao consumo também estanca e a economia entra em recessão. Com a recessão, a demanda por hipotecas diminui e os preços dos imóveis param de subir.

    Ao mesmo tempo, os empréstimos baseados em hipotecas diminuem, já que com a recessão o seu risco aumenta para os fornecedores desses empréstimos – os bancos, caixas econômicas etc.. Na sequência, os preços dos imóveis começam a cair com força, com sinais do estouro da bolha. E aí é o Deus nos acuda.

    Por fim, a presença maciça de agências governamentais (de financiamento imobiliário) garantidoras dos empréstimos também é componente decisivo para deflagrar a ruptura total do sistema financeiro do país quando do estouro dessa bolha.

    Portanto, para que esse processo aconteça, é necessário que haja crédito imobiliário fácil e farto, além de crescimento da demanda por imóveis com aumento forte em seus preços. Mas há, também, necessidade de que haja a contrapartida do lado financeiro, com investidores comprando os ativos financeiros lastreados nos empréstimos.

    A oferta de recursos para investimentos nesse tipo de ativo tem que ser bastante grande para sustentar o ciclo e não quebrá-lo. E as agências governamentais ligadas ao setor também precisariam ser garantidoras dos empréstimos imobiliários, para que o sistema financeiro como um todo entrasse em deblaque na hipótese de estouro da bolha.

    A pergunta de um milhão de dólares é: o Brasil atravessa um cenário desse tipo no momento? Estão presentes as condições necessárias para a formação/estouro de tal bolha? Ou tudo não passa de conversa de botequim?

    0
    • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:39

      eles nos leêm
      eu sei

      0
      • Bolha BOSS 27 de fevereiro de 2014 at 15:43

        Eles fecharam os comentários por causa do Geleia

        0
        • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:58

          e porque sabem que falaram um monte de bobagens.

          o único fator necessário para uma bolha se chama “especulação”

          MrK modeon

          todas as bolhas que houveram na galáxia tinha este único fator comum, outras bolhas tinhas outros fatores, alguns mais comuns, outros menos.

          Gente séria do mercado ou mesmo nível de diretoria não lê essa Ilha de Caras do mundo corporativo, mas estão atentos pela quantidade de gente que eles alcançam.

          como te disse Bolha Boss, a fase pop do estouro já é a fase fear, teorias “inovatórias” virão, explicações virão, mas o resultado é sempre o mesmo: çangui.

          A questão neste momento é: Quem serão os próximos a receber transfusão?

          0
          • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 16:00

            dar um “pronto, falei” é mole, quero ver – sempre chamem os pombos para as conversas – é liberar o comment e aguentar a pancadaria!

            0
          • Laranja 27 de fevereiro de 2014 at 16:03

            Sabe, eu duvidava do MrK. Eu considerava o efeito da expansão do crédito imobiliário maior do que o efeito da especulação…
            Hoje fica evidente que o especulador ferrou com o mercado dos imóveis comerciais, criou uma demanda que não existia, as construtoras lançaram tudo o que podiam e agora as salinhas ficarão vazias.

            0
            • JsantosSP 27 de fevereiro de 2014 at 16:12

              Se quiserem fazer algum $ terão que transformar as salinhas , tudo em Kitinet, e a preço bem baratinho e olha lá se havera comprador.

              0
            • Jovem Estudante 28 de fevereiro de 2014 at 05:32

              Aqui perto de casa, perto do Emissário, em Santos, estão pra inaugurar um prédio comercial aparentemente bem luxuoso, com mais ou menos uns 20 andares. Vamos acompanhar no que vai dar…

              0
    • Alex 27 de fevereiro de 2014 at 17:10

      “Pressupostos para a ocorrência da bolha imobiliária:

      – crédito imobiliário (hipotecas) farto e concedido sem muito critério/restrições/garantias para pessoas físicas/investidores em imóveis;

      – empacotamento das hipotecas para sua posterior venda como ativos financeiros e/ou derivativos para investidores financeiros.”

      Ficarei apenas no primeiro critério: desde quando compor renda com parentes distantes e com animais de estimação passou a ser indicativo de critério rígido de concessão de crédito? O crédito na Banânia é uma ópera bufa! Não há controle de nada! Coloca-se até o bocal da caneta no crediário. Divide-se compra de R$10 em 5 vezes! Que garantias um povo que considera o limite do cheque especial como valor disponível em c/c pode dar?

      E, além disso, os corvos continuam com aquela velha mania de comparar contextos econômicos completamente distintos para sustentar seus pitacos de que não há bolha! Como se o índice de gerson na Banânia fosse menor que 1! kkkkk… Está mais próximo de 2 (ou de 3, em algumas cidades) do que de 1!

      0
    • Juma 27 de fevereiro de 2014 at 19:44

      “http://exame.abril.com.br/rede-de-blogs/investidor-em-acao/2014/02/27/bolha-imobiliaria-no-brasil/

      …”A pergunta de um milhão de dólares é: o Brasil atravessa um cenário desse tipo no momento? Estão presentes as condições necessárias para a formação/estouro de tal bolha? Ou tudo não passa de conversa de botequim?”

      Tudo não passa de conversa de um blog na internet…

      0
  • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:27

    prezados bolhofilos

    Algum ECONOMISTA de plantão poderia escrever um belo resumo das teorias econômicas desenvoilvidas no blog ao longo dos anos:

    A Teoria do Tolo Maior, os índicadores econométricos: ILAC21, IA (indice amorinha), IG (indice de Gerson), os calculos de taxa de retorno e custo de oportunidade, etc, etc.

    Nosso trabalho em equipe esta à altura de um Nobel.

    #modéstiamodeoff

    0
    • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 15:34

      tem o IHGB: índice de heterossexualidade do GB

      0
      • Shakespeare 27 de fevereiro de 2014 at 15:38

        Esse também vai de 0 a 1 e o dele está perto da extremidade

        0
    • Pobre Paulista 27 de fevereiro de 2014 at 15:49

      Putz, eu postei um catadão uns meses atrás, nem lembro onde…

      0
    • Pobre Paulista 27 de fevereiro de 2014 at 16:32

      ISDoC – Índice de Suicídios de Donos de Corretoras
      IPVP – Índice de Plaquinhas de Vende-se em Postes
      ICBCE – Índice de Corretores de Braços Cruzados em Estandes

      etc…

      0
  • anturios 27 de fevereiro de 2014 at 15:28

    então se dividir minha renda mensal por 0,03 encontro o valor máximo do imóvel que posso comprar, considerando IGBI=1.
    interessante…

    0
    • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:33

      gostei do indice 666 ou I_666
      como se define?

      0
      • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:35

        ops lugar errado
        anturios esse é o maximo que vc consegue financiar com a sua renda, considera que ainda tem 10% de entrada.

        0
        • anturios 27 de fevereiro de 2014 at 15:41

          sim, após o cálculo basta somar a entrada para ver o que dá pra comprar…

          desesperador, em qualquer cenário

          0
          • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:44

            e ainda nem falamos de ITBI e corretagem

            até o Gérson ficou pequeno frente aos dias atuais

            0
            • anturios 27 de fevereiro de 2014 at 16:04

              minha própria casa dá 1.8857 na avaliação da corvetora (jul/2013)…

              Então vou baixar 45% pra desativar o Full Gerson Mode On? e comprar um LIXO da MCMD?

              Não vou não…

              0
              • anturios 27 de fevereiro de 2014 at 16:05

                ops… dá um IGBI de 1,88 pela avaliação da corvetora…

                0
                • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 16:37

                  Isso signifca que se vc fosse vender, com a renda de juros da poupança vc conseguiria morar num imovel destinado a pessoas com 4X a sua renda e olha que o seu IGBI nem está tão dilacerado assim (o meu é 5)

                  contas:
                  aluguel = 0,3%venda, metade da poupança
                  IGBI = quase 2x sua prória renda
                  2 x 2 = 4

                  E é bem provável que num futuro próximo vc voltasse a conseguir comprar o seu próprio imóvel pelo mesmo valor. Entretanto não recomendo fazer isso, porque os custos de comprar/vender/mudança chegam a no mínimo 20% do valor do imóvel. Mais uma vez os únicos que sempre ganham são o governo (impostos e taxas) e o corretor (comissão x2).

                  0
              • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 16:11

                Eu tb não. Esse é outro efeito da bolha. Se eu vender por menos e ir pro aluguel. Não é pra qualquer um.

                0
  • Mineirausfall 27 de fevereiro de 2014 at 15:30

    Isso já descontados os impostos, certo?

    0
  • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:32

    Super Reaça no FB – EVOQUE de Comunista
    “https://www.facebook.com/superreaca/photos/a.248973285281228.1073741828.248034888708401/257843287727561/?type=1&theater

    0
    • MND 27 de fevereiro de 2014 at 15:45

      Só corrigindo, não é uma Evoque e sim um Range Rover Sport. Mais cara ainda que a Evoque!!!

      Minha sugestão para esses tipos: que adotem Cuba como pátria-mãe!! Aposto que será muito fácil encontrar um cubano disposto a trocar de lugar com eles.
      Estacionamento de curso de Agronomia sempre tem algumas Railuquis ou L200 com adesivos do Che Guevara. Me divirto muito cada vez que vejo isso! 🙂

      0
      • Pobre Paulista 27 de fevereiro de 2014 at 16:42

        Esalq?

        0
  • Bolha BOSS 27 de fevereiro de 2014 at 15:32

    Fiz um valor aproximado para minha renda…

    1,66666666666666

    Valor cabalistico

    0
    • douglasfantonio 27 de fevereiro de 2014 at 16:55

      vc é pobre

      0
  • RRA 27 de fevereiro de 2014 at 15:33

    Pô, muito bom o artigo!
    Até fiz uma simulação… tirando 5k líquidos, dividindo por 0,03 e considerando o IGBI = 1, o valor máximo de um imóvel que poderia comprar é de… 166.666,66! F..D..U!

    Parabéns! Tomara que o IGBI vire um índice oficial!

    0
    • Henrique 27 de fevereiro de 2014 at 15:36

      Imagine que que ganho 4.000,00 vou comprar o que? Uma bicileta?

      0
      • ServidorPublico 27 de fevereiro de 2014 at 15:41

        Aproveita e compra daquelas que pedalando o vibrador entra rasgando no seu rabo!!!!!Entra e sai,entra e sai…

        0
      • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 15:43

        Hoje nada.
        Mas aguarde …

        0
      • ZehMasNaoMane 27 de fevereiro de 2014 at 15:44

        Depende da bicicleta, e olhe lá !

        0
    • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 15:43

      Foi o valor que paguei no meu imóvel, em dez/2009, tendo renda semelhante à expressa neste post, à época.

      0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 16:01

      é nóis, filhão.. tudo carpindo na miséria… :/

      0
  • Henrique 27 de fevereiro de 2014 at 15:37

    Como no Brasil é sempre tudo diferente, o estouro da bolha imobiliária vai ser também. O estouro irá ocorrer não pela fartura de crédito fácil, mas sim pela quebradeira geral, o que ocasionará falta de compradores.

    0
  • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 15:43

    Prezado matemático

    favor definir o I666Bi
    para definir qual o tamanho da trolha que o 666 vai ganhar do motumbo

    alias, podeira ser tambem IMOBI – indice motumbo d abolha imobiliaria

    0
  • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:44

    Barnabézinho pira!
    “http://exame.abril.com.br/tecnologia/noticias/clientes-do-mt-gox-nao-terao-suas-bitcoins-de-volta

    0
    • Shakespeare 27 de fevereiro de 2014 at 15:53

      Especialistas ouvidos pela agência Reuters dizem que é improvável que essas pessoas consigam ter seu dinheiro de volta. A bitcoin não é regulada por um governo e não segue as regras de nenhum país.

      o Mercado Imobiliário também…

      0
  • Pobre Paulista 27 de fevereiro de 2014 at 15:47

    Ou seja, para um Índice de Gerson menor do que 1, o Gérson no caso é o comprador!

    0
    • lsn 27 de fevereiro de 2014 at 15:50

      boa! auhauhauhauh

      0
    • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 16:08

      num cenário normal o IGBI deveria ser próximo de 1

      Deveria haver casos de IGBI menor que 1, masestá TUDO ACIMA DE 1.

      Isso é a BOLHA
      Bolha: IGBI > 1; U = {todo o mercado imob}

      0
  • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:52

    Calculei o índice de um cliente agora.
    Deu 9,375 !!!!!!
    Morri.

    0
    • Legião Bananense 27 de fevereiro de 2014 at 16:17

      Com esse só se for Senador ou fazer parte do Ministério da Justiça.
      kkk

      0
  • tomáso marabo 27 de fevereiro de 2014 at 15:52

    CVR rápido. Amigo tinha imóvel em Pelotas-RS pra vender. Levou um ano e meio e diz ele que vendeu pelo valor que ele queria. Ele meio que disse “viu, imóvel não desvaloriza, acabei vendendo pelo preço”. Mostrei pra ele que +ou- no período entre a oferta e a venda (06/2012 a 12/2013) a poupança rendeu 8,5738800%, Igpm 10,9824800 % e IPCA 9,6394200 %.
    Ou seja, ele deu um belo desconto, fora o custo que ele teve em manter o imóvel fechado e isso que eu desconfio que ele tenha dado um bom desconto para poder vender.
    Mesmo assim vendeu por um preço bolhudo.

    0
    • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 15:56

      E aposto que não pagará ganho de capital e passou a escritura por valor menor. Gérson 1000.

      0
    • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 16:01

      só a inflação já é 15% de desconto, se ele deu mais 5% de desconto, mais corretagem, mais imposto, mais os custos de manter o imóvel, mais o custo de oportunidade, por baixo ele perdeu uns 20%, talvez 30% nesse ano e meio.

      É realmente imovel não desvaloriza nunca, 30% é ajuste, desconto, custo, pode usar o eufemismo que quiser, o ego humano de nunca aceitar a derrota é muito criativo.

      0
    • Giqqs 28 de fevereiro de 2014 at 10:27

      E como ele reagiu? Aceitou seus argumentos?

      0
  • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 16:00

    A exame dá a entender que a Bolha estourou mas não aquela que o leitor está pensando. Logo é possível deduzir que eles sabem que grande parte das pessoas ou do público alvo já estão CIENTES da BOLHA residencial.

    0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 16:02

      RÁAA!!! Pegadinha do Mallandro!

      0
    • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 16:05

      Bolha boss, bakeryman

      eles aceitam estouro de bolha essa de galpões que o custo de construção é de 500 reais o metro e a renda do aluguel é altíssima???

      é isso mesmo?
      andaram lendo o nucleo de real estate e se espantaram com o solavanco do Ifix que já recuperou tudo. Acho que não devemos dar muito crédito nisso não.

      0
    • fritz 27 de fevereiro de 2014 at 16:11

      Eu tava confundindo : na exame tem 3 matérias Bem diferentes :

      1. Vivemos uma bolha imobiliária no Brasil?
      ( ‘http://exame.abril.com.br/revista-exame/edicoes/104402/noticias/vivemos-uma-bolha?page=3 bla bla bla
      2. A bolha estourou EXAME – CAPA / IMÓVEIS – SÃO PAULO – SP – 05/03/2014 Nº 1060 ( parece mais interessante)
      3- Bolha imobiliária no Brasil?
      ( ‘http://exame.abril.com.br/rede-de-blogs/investidor-em-acao/2014/02/27/bolha-imobiliaria-no-brasil/ bla bla bla

      0
      • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 16:12

        link da 2 porfavor

        0
        • Curioso 27 de fevereiro de 2014 at 16:13

          ainda não há.

          0
        • fritz 27 de fevereiro de 2014 at 16:26

          o texto é aquele que o RafaelVC (27 de fevereiro de 2014 at 15:00) lá em cima, é bem diferente dos outros (!!!)

          0
  • Henrique 27 de fevereiro de 2014 at 16:01

    Sabendo que o salário médio dos brasileiros é de 1.800,00, daria então apenas pra comprar um caixa de papelão pra dormir na rua.

    0
  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 16:02

    Filiados ao PT que queiram disputar as eleições deste ano terão que assinar e registrar em cartório o “Compromisso Partidário do Candidato ou Candidata Petista”, comprometendo-se a, se eleito, doar não só parte de seu salário para o partido, mas também garantir a contribuição de todos os assessores e funcionários do mandato. Quem não cumprir as determinações presentes no documento estará sujeito à expulsão da sigla.

    Leia mais sobre esse assunto em ‘http://oglobo.globo.com/pais/candidatos-petistas-terao-que-doar-parte-do-salario-para-partido-11734743#ixzz2uYCaj700
    © 1996 – 2014. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

    0
    • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:10

      E vc acredita que a doação não é compensada de outra forma …………

      0
      • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 17:14

        o raciocínio é o contrário: a nomeação é compensada com a doação

        0
    • Liberal 27 de fevereiro de 2014 at 17:11

      Ideologia, eu quero uma pra viver… 😉

      0
  • Salles 27 de fevereiro de 2014 at 16:03

    Inflacao do aluguel cai… sera que agora passarao a reajustar o aluguel pelo IPCA? haha
    “http://g1.globo.com/economia/noticia/2014/02/inflacao-do-aluguel-desacelera-em-fevereiro-e-tem-alta-de-576-em-1-ano.html

    0
  • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 16:11

    Meu IGBI = 1

    explicação: eu não sou dono, eu alugo.

    0
  • Lambari 27 de fevereiro de 2014 at 16:19

    Parabéns, Matemático!

    0
  • Marcos 27 de fevereiro de 2014 at 16:22

    CVR

    O proprietário do apt. que moro não queria pôr no contrato que o valor que depositei, a título de garantia (3 aluguéis), seria reajustado pelo mesmo índice da correção do aluguel (IGPM). Bem espertinho, né????

    Bom, com muito custo ele aceitou atualizar o valor pela poupança (o que na época estava bem menor que o IGPM). Poucos meses depois a coisa começou a mudar, vejam, agora o IGPM acumulado dos últimos 12 meses está em 5,76%, menos que a poupança.

    KKK será que ele está arrependido?

    0
    • Motumbo_hardcore 27 de fevereiro de 2014 at 18:42

      Salci fufu pra ele

      0
    • Visionário 27 de fevereiro de 2014 at 18:57

      Se ferrou trouxa!

      0
  • Bolhadao_RJ 27 de fevereiro de 2014 at 16:28

    Parabens Matematico!

    Para mim o Indice de Gerson Imobiliario e’ muito mais genial do que o Indice criado pelo Shiller.

    Tira o Nobel do cara e da pro matemático!!!

    0
  • RRA 27 de fevereiro de 2014 at 16:32

    Meio OFF (p/ MrCitan):

    E aí, como anda as tratativas com o EuroPac? Já fez a transferência?
    Acabei de receber o e-mail de boas vindas e tal, mas ao fazer login não vi nada de internet banking ali, aquelas telas de contas-corrente e etc. que tanto conhecemos. É assim mesmo?

    Enfim, estou fazendo um apanhado de tudo que estamos postando (eu, vc, o Axiolab) nos tópicos aqui no Bolha sobre o assunto e depois pretendo arrumar bonitinho e deve ficar bem tranquilo pros próximos que quiserem seguir o manual do Anonymous, vai ter até o SWIFT code. kkkk

    Uma pergunta: quando precisar da grana, como vc faria o resgate? Pelo que conversei com o banqueiro lá, ele deu a entender que um jeito é que há um cartão de débito que vc vai carregando com a grana depositada, conforme a necessidade.

    0
    • MrCitan 27 de fevereiro de 2014 at 17:18

      RRA,
      Estou aguardando a queda do Euro para fazer o depósito.
      O meu banco me informou que posso fazer a transferência diretamente, sem necessidade de bancos intermediários. Devo fazer uma tentativa amanhã, e depois relatarei os resultados.
      Quando ao login inicial do Europac Bank, não se preocupe. É assim mesmo no ínicio.
      É que eles ainda não criaram o número da sua conta.
      Quando isto for feito, ela vai ser atrelada ao seu ID e ao fazer o login, vai aparecer o saldo da sua conta, na moeda em que você escolheu, e demais opções de produtos do banco.

      A grana você pode resgatar via Wire Transfer, ou pedindo o cartão de débito deles.
      O Wire Transfer é uns 25 Euros, pra envio para minha conta na banania.
      Já o cartão eu ainda não vi quanto custa, mas tem esta opção de carga.
      Deve ficar disponível assim que tiver grana na conta.

      Aguardo ansioso o material que você está montando, e seria bom disponibilizar pra todos daqui, assim como o Anonymous fez pra gente.

      0
      • RRA 28 de fevereiro de 2014 at 08:34

        Valeu, MrCitan! Está cada vez mais claro como funciona na prática.
        A propósito, este seu banco é qual? Fazer essa transferência direta poupa os USD 100 que os intermediários recolhem se a transferência for feita pelo BB?

        Quanto ao material, fica tranquilo, a intenção é esta mesma, fazer um guia o mais completo possível com as infos garimpadas aqui e com as nossas experiências pra depois disponibilizar para o pessoal. 😀

        Eu estava pensando em enviar EUR+USD (30/70)… estou vendo isso ainda.

        0
  • Seguidor do Bolha BH 27 de fevereiro de 2014 at 16:35

    Li só até o título e ignorei. Bom proveito bolhudos.

    Empresários da construção civil planejam investimentos superiores aos de 2013

    “http://estadodeminas.lugarcerto.com.br/app/noticia/noticias/2014/02/27/interna_noticias,47893/empresarios-da-construcao-civil-planejam-investimentos-superiores-aos.shtml

    0
    • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 16:38

      porque?

      construam, construam muito.
      Que bom ué!

      0
      • Marcus A 27 de fevereiro de 2014 at 16:50

        Construam agora pois logo terão que desconstruir esses prédios!

        0
        • MND 27 de fevereiro de 2014 at 16:52

          Eu vou é investir no ramo da demolição! Acho que tem potencial de crescer 30%a.a.!! 😀

          0
          • Marcus A 27 de fevereiro de 2014 at 16:58

            Boa!

            0
    • RosinhA 27 de fevereiro de 2014 at 16:40

      Eles já sabem tb ………

      0
      • saulo 27 de fevereiro de 2014 at 20:17

        Sabem o que?

        0
    • Gaspar 27 de fevereiro de 2014 at 16:46

      Programa Minha Casa Minha Vida Parte III…..Fujam para as montanhas!!!

      0
  • Toca do Vale 27 de fevereiro de 2014 at 16:41

    Essa é nossa adorada anta – ou, quer dizer – enta, nossa presidENTA que segue em grande fase, aumentando cada vez mais seu prestígio, seja no âmbito interno, seja no âmbito externo. Uma Dignatária de ventre. Uma estadista altamente preparada para falar de todos os temas, em especial economia nacional, internacional, preservação ambiental; além de filosofia e artes como todo grande intelectual… #SQN

    http://www.estadao.com.br/noticias/impresso,ela-fala-pelo-brasil,1134754,0.htm

    Até mesmo o lusófono presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, deve ter tido sérias dificuldades para entender os dois discursos da presidente Dilma Rousseff proferidos em Bruxelas a propósito da cúpula União Europeia (UE)-Brasil. Não porque contivessem algum pensamento profundo ou recorressem a termos técnicos, mas, sim, porque estavam repletos de frases inacabadas, períodos incompreensíveis e ideias sem sentido.

    Ao falar de improviso para plateias qualificadas, compostas por dirigentes e empresários europeus e brasileiros, Dilma mostrou mais uma vez todo o seu despreparo. Fosse ela uma funcionária de escalão inferior, teria levado um pito de sua chefia por expor o País ao ridículo, mas o estrago seria pequeno; como ela é a presidente, no entanto, o constrangimento é institucional, pois Dilma é a representante de todos os brasileiros – e não apenas daqueles que a bajulam e temem adverti-la sobre sua limitadíssima oratória.

    Logo na abertura do discurso na sede do Conselho da União Europeia, Dilma disse que o Brasil tem interesse na pronta recuperação da economia europeia, “haja vista a diversidade e a densidade dos laços comerciais e de investimentos que existem entre os dois países” – reduzindo a UE à categoria de “país”.

    Em seguida, para defender a Zona Franca de Manaus, contestada pela UE, Dilma caprichou: “A Zona Franca de Manaus, ela está numa região, ela é o centro dela (da Floresta Amazônica) porque é a capital da Amazônia (…). Portanto, ela tem um objetivo, ela evita o desmatamento, que é altamente lucrativo – derrubar árvores plantadas pela natureza é altamente lucrativo (…)”. Assim, graças a Dilma, os europeus ficaram sabendo que Manaus é a capital da Amazônia, que a Zona Franca está lá para impedir o desmatamento e que as árvores são “plantadas pela natureza”.

    Dilma continuou a falar da Amazônia e a cometer desatinos gramaticais e atentados à lógica. “Eu quero destacar que, além de ser a maior floresta tropical do mundo, a Floresta Amazônica, mas, além disso, ali tem o maior volume de água doce do planeta, e também é uma região extremamente atrativa do ponto de vista mineral. Por isso, preservá-la implica, necessariamente, isso que o governo brasileiro gasta ali. O governo brasileiro gasta um recurso bastante significativo ali, seja porque olhamos a importância do que tiramos na Rio+20 de que era possível crescer, incluir, conservar e proteger.” É possível imaginar, diante de tal amontoado de palavras desconexas, a aflição dos profissionais responsáveis pela tradução simultânea.

    Ao falar da importância da relação do Brasil com a UE, Dilma disse que “nós vemos como estratégica essa relação, até por isso fizemos a parceria estratégica”. Em entrevista coletiva no mesmo evento, a presidente declarou que queria abordar os impasses para um acordo do Mercosul com a UE “de uma forma mais filosófica” – e, numa frase que faria Kant chorar, disse: “Eu tenho certeza que nós começamos desde 2000 a buscar essa possibilidade de apresentarmos as propostas e fazermos um acordo comercial”.

    Depois, em discurso a empresários, Dilma divagou, como se grande pensadora fosse, misturando Monet e Montesquieu – isto é, alhos e bugalhos. “Os homens não são virtuosos, ou seja, nós não podemos exigir da humanidade a virtude, porque ela não é virtuosa, mas alguns homens e algumas mulheres são, e por isso que as instituições têm que ser virtuosas. Se os homens e as mulheres são falhos, as instituições, nós temos que construí-las da melhor maneira possível, transformando… aliás isso é de um outro europeu, Montesquieu. É de um outro europeu muito importante, junto com Monet.”

    Há muito mais – tanto, que este espaço não comporta. Movida pela arrogância dos que acreditam ter mais a ensinar do que a aprender, Dilma foi a Bruxelas disposta a dar as lições de moral típicas de seu padrinho, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Acreditando ser uma estadista congênita, a presidente julgou desnecessário preparar-se melhor para representar de fato os interesses do Brasil e falou como se estivesse diante de estudantes primários – um vexame para o País.

    0
    • Legião Bananense 27 de fevereiro de 2014 at 17:19

      2 coisas:
      -Demitir os redatores que escreveram lixos
      -Demitir a presidente que não leu antes de discursar e depois de fumar unzinho fica divagando com os repórteres

      Simples, igual uma empresa, manda-se embora os incompetentes…

      0
  • Gabriel - Poa 27 de fevereiro de 2014 at 16:46

    Pessoal, posto pouco e até mesmo ler tudo tem sido difícil devido à quantidade de comentários. Agora lendo alguns atrasados, vi a discussão de dois tópicos atrás.

    Então Rosinha, não deixe de contribuir com o blog. Tem muita gente que lê esse blog sem comentar nada, apenas lê e aprende com vc, geleia e demais frequentadores do blog.

    E Geleia, amigo que me recomendou a Spinelli um tempo atrás, pergunto com qual corretora aplicar no TD agora que provavelmente vão começar a cobrar taxas???

    Quando ao post, excelente o índice IGBI. De acordo com a fórmula, minha renda (+ esposa) só conseguiríamos comprar um imóvel de 150k. Lamentável.

    0
    • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 16:52

      obrigado pelos elogios.

      0
    • MND 27 de fevereiro de 2014 at 16:52

      Taxas no TD? Alguém pode elaborar mais? Também fiquei um tempo sem poder acompanhar o blog…

      0
      • Vai estourar... 27 de fevereiro de 2014 at 17:54

        A spinelli começou a cobrar taxas no TD. 0,08% se não engano, tô querendo mudar de corretora tbm.

        0
  • Toca do Vale 27 de fevereiro de 2014 at 16:51

    RosinhaA não desapareça…. vc me salvou há um tempo de comprar um bolhudo… creio que seu insiders são um extra do que ocorrerá nos próximos dias na economia regional/nacional….

    não irás me reconhecer pq mudei de nick – o outro dava muito na fita

    0
    • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:14

      Isso está virando muro das lamentações 🙂

      Acho melhor a Dona Pastora fundar uma igreja 😉

      0
  • Carlos Nascimento 27 de fevereiro de 2014 at 16:51

    Boa Tarde,

    Alguém sabe me informar se a Caixa remunera seus correspondentes imobiliários somente se a renda do comprador for comprovada em holerite?

    0
    • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 19:16

      Saindo o financiamento via correspondente – eles ganham.

      0
  • Astuto 27 de fevereiro de 2014 at 16:51

    Mais alguém sente o mesmo prazer que eu sinto quando ouço alguém falar que acabou de comprar um apartamento?
    É muita psicopatia?

    0
    • Liberal 27 de fevereiro de 2014 at 17:13

      Schadenfreude explica rsrs

      0
  • Marc 27 de fevereiro de 2014 at 16:53

    OFF + MEDO

    “http://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2014/02/27/aviso-o-brasil-que-e-so-o-comeco-diz-barbosa-apos-derrota-no-stf.htm”

    Alerto o Brasil que este é só o 1º passo, diz Barbosa após absolvição no STF

    Após o STF (Supremo Tribunal Federal) absolver nesta quinta-feira (27) oito réus do mensalão da acusação por formação de quadrilha, o ministro Joaquim Barbosa fez um desabafo antes de um intervalo da sessão. O presidente da Suprema Corte criticou os pares e, indiretamente, a presidente Dilma Rousseff, ao afirmar que se formou no tribunal uma “maioria de circunstância”.

    “Sinto-me autorizado a alertar a nação brasileira de que este é apenas o primeiro passo. Esta maioria de circunstância tem todo tempo a seu favor para continuar nessa sua sanha reformadora”, disse. “Essa maioria de circunstância [foi] formada sob medida para lançar por terra todo um trabalho primoroso, levado a cabo por esta corte no segundo semestre de 2012”, disse o ministro.

    Quando fala em maioria circunstancial, Barbosa refere-se à nomeação dos ministros Luís Roberto Barroso e Teori Zavascki, indicados por Dilma para os lugares de Ayres Britto e Cezar Peluso, que em 2012 votaram pela condenação dos réus por formação de quadrilha. Barroso e Zavascki tiveram entendimento diferente dos antecessores e foram decisivos para absolver os réus.

    Apesar de negar publicamente que irá se candidatar a algum cargo nas eleições de 2014, Barbosa teria recebido o convite do PSB para disputar uma vaga no Senado. Nos bastidores, comenta-se que o presidente do STF está cansado e pode deixar a Corte. Pela lei, Barbosa pode deixar o cargo até seis meses antes das eleições (abril) caso queira disputar algum cargo.

    Por 6 votos a 5, o STF (Supremo Tribunal Federal) absolveu, em sessão nesta quinta-feira (27), oito réus do mensalão do crime de formação de quadrilha. Com isso, a pena do ex-ministro José Dirceu e do ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares serão diminuídas e ambos vão deixar o regime fechado e ir ao semiaberto.

    Hoje, apresentaram seus votos os ministros Teori Zavascki e Rosa Weber, que inocentaram os réus desta acusação,e Gilmar Mendes, Marco Aurélio, Celso de Mello e Joaquim Barbosa, que votaram pela manutenção da condenação. Ontem (26), Luís Roberto Barroso, Cármen Lúcia, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski já haviam votado pela absolvição.

    Além de Dirceu e Delúbio, o ex-presidente do PT José Genoino, os publicitários Marcos Valério, Ramon Hollerbach e Cristiano Paz e os ex-dirigentes do Banco Rural Kátia Rabello e José Roberto Salgado estão sendo julgados novamente pela acusação de formação de quadrilha e terão as penas diminuídas.

    Crítica a Barroso e Zavascki
    Em seu discurso, Barbosa criticou Barroso e Zavascki, os mais novos integrantes da Corte, por apresentarem cálculos em seus votos para demonstrar que a pena dos oito réus foi exagerada. “Ouvi argumentos tão espantosos como aqueles se basearam simplesmente em cálculos aritméticos e em estatísticas totalmente divorciadas da prova dos autos, da gravidade dos crimes praticados e documentados nos autos dessa ação penal”, criticou, referindo-se aos votos dos novatos.

    “Ouvi até mesmo a seguinte alegação: ‘Eu não acredito que esses réus tenham se reunido para a prática de crimes’. Há duvidas de que eles se reuniram? De que se associaram? E de que essa associação perdurou por mais três anos? E o que dizer dos crimes que eles praticaram e pelos quais cumprem pena?”, questionou o presidente da Corte.

    Em seguida, Barbosa afirmou que era claro o papel que cada um desempenhava no esquema. Para o magistrado, o ex-ministro José Dirceu “se manteve na posição de líder e organizador da quadrilha até que o ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) veio a público denunciar a quadrilha.”

    “Conforme se demonstrou fartamente”, foi Dirceu “que encaminhou os deputados interessados para que recebessem a propina mediante agendamento com os réus Delúbio Soares e Marcos Valério”, disse. “Não havia dúvida ainda do papel exercido por José Genoino como ‘preposto’ de José Dirceu no Partido dos Trabalhadores”, acrescentou o presidente da Corte.

    Ele disse ainda que Delúbio foi a “referência” dos parlamentares para saber “quanto receberiam, a data e o local” e que Valério foi a “fonte de todo o dinheiro ilícito”, o “canal por onde circulou o dinheiro ilícito usado para distribuir aos deputados”

    Ao encerrar sua sustentação, Barbosa disse que “esta é uma tarde triste para o STF”. “Com argumentos pífios foi reformada, jogada por terra, extirpada, do mundo jurídico, uma decisão plenária sólida, extremamente bem fundamentada, que foi aquela tomada por este plenário no segundo semestre de 2012.”

    “Maior farsa da política”
    Celso de Mello, o decano da Corte, também fez uma sustentação em tom de desabafo. O ministro disse que “quadrilha poderosa”, “visceralmente criminosa”, “se apoderou do governo”.

    Segundo o magistrado, que votou pela condenação de todos os réus por formação de quadrilha, houve “plena configuração do crime de quadrilha”. “Os integrantes desta quadrilha agiram com dolo de planejamento, divisão de trabalho e organicidade.”

    O ministro ironizou declarações das defesas e apoiadores dos condenados, que acusam o julgamento do mensalão de ser “a maior farsa da história” da Justiça.

    “A ‘maior farsa da historia política brasileira’ residiu, isso sim, nos comportamentos moralmente desprezíveis, cinicamente transgressores da ética republicana de delinquentes travestidos então da condição de altos dirigentes governamentais políticos e partidários, que fraudaram despudoradamente os cidadãos dignos de nosso país”, declarou.

    O decano encerrou sua fala dizendo que os réus do mensalão “nada mais são que meros e ordinários criminosos comuns”.

    0
    • Bolheiro 27 de fevereiro de 2014 at 16:57

      Só a guerra civil salva… guilhotinas em praças públicas…

      0
    • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 17:01

      Meu índice BBB (Bye Bye Brasil) aumentou muito hoje.

      O que Barbosa disse é apenas um eco do que vem sendo falado há muito tempo pelos “pessimistas”. Para um PRESIDENTE DE SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL falar o que ele falou é porque a coisa está muito, muito comprometida.

      0
      • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 17:06

        Mais uma remessa de $$$ indo pro exterior em 3…..2……1.

        0
    • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:07

      Eu disse isso ontem, se a pessoa se faz, ou apela para o coitadismo, tudo de ruim some, poucos tem peito para sustentar uma frase:

      “nada mais são que meros e ordinários criminosos comuns”.

      Ele é convicto, certo de seu dever, de sua capacidade e do que deveria fazer, mas está rodeado de “colegas” que por interesse ou por necessidade de aparecer o apunhalam pelas costas, não apunhala somente ao JB, e sim a toda sociedade omissa que adora e venera o coitadismo, eles roubaram mas foi para o partido, que elegeu o próximo sucessor, mesmo com essa grana suja.

      Esse país não tem jeito, somos omissos, poucos tem peito de XINGAR como fez esse senhor, como faz a jornalista do SBT e outros poucos gatos pingados, mas infelizmente quem xinga logo é repreendido, perdeu a compostura, a direção da conversa, poderia ser abordado de maneira diferente e bla bla bla, sim continuem pensando dessa forma, logo, logo não reclamem de onde vivem, melhor um cara te cuspir na cara do que te apunhalar pelas costas………

      0
      • SuperBolha 27 de fevereiro de 2014 at 17:13

        Pega o meu like ae! Poucos tem colhões nesse país!

        0
    • douglasfantonio 27 de fevereiro de 2014 at 17:13

      É a segunda vez no mês que fico muito envergonhado de ser brasileiro, a duas semanas atrás alguns amigos meus franceses me olharam com ar de “coitadinho é brasileiro” depois da reportagem na revista francesa…. Hoje os ministros do superior tribunal, agindo como pau mandados de quinta categoria….
      sinceramente….
      TENHO VERGONHA DE SER BRASILEIRO! vou tentar criar minha filha de 7 meses fora desse país, na primeira oportunidade vou embora.

      0
      • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 17:19

        você está pelo menos 1 ano atrasado
        sabíamos aqui que a nomeação, em 2012, do barroso e do zavasqui, eram com a intenção de livrar a cara do zé burceu

        0
        • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:24

          E ?????????????? quem coloca essa corja ali ????

          Porque não se rebelaram hoje ? sabe porque ?

          Porque dá mais Ibope dizer no Facebook que ajudou um cão de rua, ou algum desconhecido no sopão da noite, as pessoas se preocupam com seus narizes e aparências, o coletivo, o junto que se dane, isso nos difere dos grandes países onde pessoas ajudam pessoas sem falar que ajudam e sem postar que ajudam …. Companheiros verdadeiros, não essa mentira que corre nesse país todos os dias, nos chamando de irmãos …

          Irmão mata irmão para roubar ? sim mata, mas aqui e corriqueiro ………..

          0
      • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:19

        haha não se faça de coitado 🙂

        0
        • douglasfantonio 27 de fevereiro de 2014 at 17:24

          nao é coitado nao.. é vergonha mesmo, nao consigo explicar para meu colegas estrageiro como o brasileiro pensa. Já escutou aquela piadinha dos caldeiroes do inferno, que o caldeirao de brasileiros nao precisa de vigia? é a mais pura verdade…

          0
          • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:36

            hehe eu sei como é ……….

            0
  • Anônimo 27 de fevereiro de 2014 at 16:53
    0
    • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 16:56

      Compra o meu aqui no litoral.Vale mais!

      0
    • Vai estourar... 27 de fevereiro de 2014 at 17:02

      Pois é contraditória a reportagem da Veja, olha este outro trecho:
      “Do total de crédito concedido pelos bancos às empresas do setor imobiliário, apenas 18% vão para as companhias que constroem escritórios, galpões e shoppings (o restante c direcionado ao segmento residencial)”. E a bolha ainda está só no comercial SQN

      0
      • Vai estourar... 27 de fevereiro de 2014 at 17:02

        Da Veja não, da Exame

        0
      • Anônimo 27 de fevereiro de 2014 at 17:36
        0
        • Vai estourar... 27 de fevereiro de 2014 at 17:39

          Pois é, eles se contradizem a todo momento.

          0
  • douglasfantonio 27 de fevereiro de 2014 at 17:01

    cambada de pessimista o povo desse blog…. vivemos num país maravilhoso, depois da copa, todos os turistas vão querer morar aqui…. vou comparar uns 5 aps na planta para vender para esses gringos otários.

    0
    • Motumbo neles! 27 de fevereiro de 2014 at 17:34

      Boa! Tive uma idéia ótima. Já que não posso comprar os bolhudos vou queimar minhas economias e fazer um consignado monstruoso para comprar o máximo de sacos de cimento para vender com lucro. CIMENT GUY INDEX MODE ON.

      0
      • Motumbo neles! 27 de fevereiro de 2014 at 17:35

        *CEMENT

        0
  • indião 27 de fevereiro de 2014 at 17:06

    IN topic = valeu, matemático.

    IN topic de amanhã (da revista Exame) = Alguem + leu com atenção?

    Viram essa partezinha:

    “á prédios inteiros vazios ou com meia dúzia de inquilinos. Um caso emblemático é o edifício Pátio Malzoni, erguido num dos terrenos mais caros de São Paulo, na avenida Faria Lima. Quando foi inaugurado, em 2012. tinha 0 metro quadrado mais caro do país para aluguel. O valor pedido era 240 reais. Mas, até hoje, só há locatários em uma das torres. A outra, de 19 andares, está vazia. Seus donos, um grupo de bilionários árabes …”

    Mas hein, Bilhonarios arabes especulando só em imóveis comerciais é????

    OFF = aderindo à campanha ‘volta Louca’ 🙁 ; eis os argumentos =

    1) Rosinha parou de postar? Os corvo pira.

    2) Rosinha, para de mimimi

    3) Quem vai comandar a Little Rose Church?

    0
    • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 17:12

      Ocupantes de 1 dos prédios do Edifício Pátio Malzoni: Google, BTG Pactual, Tecnisa e banco BVA.

      0
    • Legião Bananense 27 de fevereiro de 2014 at 17:12

      E ainda queremos os CVR dela com o Chico que “maltratam” os corvo…
      Sentindo falta de rir de corvo MODE ON

      0
    • Shakespeare 27 de fevereiro de 2014 at 17:14

      Só falta saber onde os chineses bilionários estão investindo então.

      0
    • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:17

      Hehe está realmente chateada, mas pancadas geralmente são para fortalecer, a questão é que uma história não é apagada em 1 dia ou em um ou dois xingamentos, a questão é entender o motivo desse sintoma que não era constante a não ser a trolladores, somos fáceis inquisitores e péssimos mediadores, se falar favelado, pronto maior rebu, se falar puta tb é ofensivo e ai por diante.

      0
      • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 17:23

        Não sou de ficar elogiando, mas avise a Rosinha que sou um fã dela.
        Antes de mais nada ela é independente e contribui com inúmeros CVRs e experiências pessoais. E como se isso não bastasse, não foi doutrinada com carochinha nenhuma.
        Tem meu voto.

        0
        • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:30

          Esse é o ponto, independente e sem doutrina, fala para ajudar, não para estragar, concordo contigo uma excelente pessoa, e nem falo por ser minha, se 15% tivessem a coragem dessa menina, vontade e garra, esse país seria outro com certeza. Ela retira as informações na maior rsrs, quando a pessoa percebe já contou tudo a ela, talvez pela simpatia e confiança que passa

          Obrigado vou passar o elogio de sua parte quando ela chegar…. ao amigo anonymous tb.

          0
          • Anonymous 27 de fevereiro de 2014 at 17:34

            Além disso que vai apresentar amigas que usam mini saia com 3 palmos acima do joelho para o GB? 😉

            0
            • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:36

              Olha aproveitando que a brabinha não está, essas coisas não são fáceis não, acredite, são verdades 🙂 🙂

              0
          • indião 27 de fevereiro de 2014 at 17:41

            chico, desculpa a brincadeira.

            falando sério, vc foi no ponto = “ela fala pra ajudar”!!!!

            ela está em contato com diversas pessoas, de diversos ramos.
            de certa forma, é um privilégio, ainda mais por que ela sabe muito.

            E trazendo as informações pra cá, ela está informando, esclarecendo, gente que NÃO tem qualquer contato com empresas/empresários/etc., e tampouco tem o conhecimento que ela tem.

            0
            • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:48

              sem desculpas amigo, eu entendo sua brincadeira 😉

              0
              • Anônimo 27 de fevereiro de 2014 at 17:51
                0
                • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:54

                  hehe, mas amigo como disse, eu não gosto de influenciar nessas coisas, ela sempre se deu bem por isso, por saber administrar aquilo que faz….

                  Agora se for para embebedar, por um bom motivo, não para esse desperdício 🙂

                  0
                  • Rolde 27 de fevereiro de 2014 at 18:17

                    Ela vai voltar ,só acho que : os meninos estão pegando muito pesado ,agente aguenta ,mais tem dias ,que estamos mais sensível .Então não percam o cavalheirismo, só porque estão protegidos pelo anonimato.

                    0
          • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 20:33

            Também sou fã da RosinhA.
            De vez em quando ela joga uma guitarra na cabeça de alguém da platéia (geralmente a pessoa merece), mas eu adoro mesmo assim.
            Minha vida real me impede revelar-me ou mesmo estimular qualquer apresentação pessoal (seja com quem for daqui), mas é o tipo de pessoa que eu gostaria de ter por perto, pois agrega coisas à vida da gente.
            Tem muitas vezes que ela esquenta, então não vou negar e puxar saco por si só e dizer que não penso em respostas que ela dá que eu não daria ou seria mais soft, mas hoje eu entendo o seu ponto de vista e sei pelo que ela comenta que ela já levou muitas na moringa e aproveitou essas coisas pra crescer. Com isto, não tem muita paciência com trololós.
            Sei que as pessoas não são padronizadas, então não a julgo pelo ‘o que eu faria’, mas entendendo determinadas posições à luz dos acontecimentos que ela tem acesso e que jogam aqui pra ela.
            Não estou falando isso pra ninguém aqui, ok? Estou falando da RosinhA. Só.
            Continuo fã da RosinhA e consigo hoje entender sua mensagem que mais do que as palavras escritas, estão carregadas de histórias e mensagens/ensinamentos além do que se vê.
            In RosinhA we trust

            0
      • Anonymous 27 de fevereiro de 2014 at 17:27

        Também sou fã da RosinhA.

        0
        • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 17:29

          você tem um LIKE e eu não.
          votou em si mesmo, né?

          0
      • Ugo 27 de fevereiro de 2014 at 17:29

        Também sou fã da Rosinha. De vocês dois, aliás. Só não sou fã do mimimi.

        0
        • SuperBolha 27 de fevereiro de 2014 at 17:29

          Também sou fã dos dois.

          0
        • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:34

          Não é mimimi, entenda o contexto, se vc não se sente a vontade para fazer não faça, isso como disse o amigo acima é questão de ser isento e independente, ontem quando ela conversava contigo a respeito de suprimir informações, ela própria levava na lomba coisa que não praticou com a sua pessoa, acredite.

          Acho que chega de rasgar seda, ela é resolvida e independente, não sou de tentar mostrar nada a ela, ela que se vire rsrs, tem bagagem, experiência e tempo suficiente de blog pra saber o que faz 🙂

          0
          • Ugo 27 de fevereiro de 2014 at 18:00

            Olha, é como eu disse no outro tópico… se alguém fez algo que não agradou, basta ignorar e seguir em frente. Não vou dizer que é fácil, mas é certamente a melhor coisa a se fazer.

            Querer ficar mastigando qualquer desagradável que te falam é um prato cheio para trolls, uma fonte de problemas constante com pessoas que são sérias, mas por alguma razão incomodaram (caso do Fungo) e o supra sumo para os que tentam desestabilizar o blog.

            Vide o Boss com o problema dos first. Não tem o que discutir, nem precisa responder. Não gostou da primeira resposta, apaga e suspende.

            0
      • MrCitan 27 de fevereiro de 2014 at 17:31

        Chico, avise a Rosinha que o çanguii começou a aparecer no Atrium.
        Estou agora neste shopping, pra ver o cinema que abriram, e constatei duas coisas:
        1- Roasted Potato fechada com tapumes.
        2 – World Tenis com o “letreiro” coberto, e a meia porta.

        E mais estranho foi ver uma loja de calçados, e a Besni com placas de “Liquidação”.

        0
        • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:35

          Olha aquele e o de SCS estão fadados ao fracasso, nunca entrei ai, compensa 😉 ?

          0
          • MrCitan 27 de fevereiro de 2014 at 17:43

            Ainda tem poucas lojas, e só pra ter uma base, o andar que tem mais lojas justamente é o da praça de alimentação.
            Andando a noite aqui, você se sente naquelas construções em que a humanidade foi apagada, ao melhor estilo “Além da imaginação”. Só não fica totalmente sozinho por conta dos seguranças fazendo a ronda. 😀

            0
        • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 20:34

          ABÇanguiii…

          0
  • Ariel 27 de fevereiro de 2014 at 17:08

    Eita… sou uma exceção então!! Ainda tenho condições de financiar o meu bolhudinho! 🙂

    0
  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 17:17

    ‘http://economia.ig.com.br/financas/casapropria/2014-02-27/zeze-di-camargo-lanca-condominio-de-casas-de-alto-padrao-em-natal.html

    Empreendimento, localizado no bairro Cajupiranga, possui 345 lotes, que variam de 442 m² a 1.800 m²

    O cantor Zezé Di Camargo — da dupla Zezé Di Camargo e Luciano — lançou essa semana um condomínio de casas em Natal, Rio Grande do Norte, em parceria com a FGR Urbanismo, o Jardins Amsterdã.

    O empreendimento, localizado no bairro Cajupiranga, possui 345 lotes, que variam de 442 m² a 1.800 m². O projeto imobiliário tem 627 mil m² de área total e mais de 244 mil m² de área verde. O valor de cada lote não foi divulgado.

    -Leia também: condomínios de casas são até 25% mais caros e estão cada vez menores em SP

    “Resido há vinte anos em condomínio fechado e não trocaria este conceito de moradia por outro”, afirma Zezé Di Camargo, em entrevista ao iG.
    Marco Rosa/Divulgaçã
    Zezé de Camargo na quadra de tênis do condomínio Jardins Amsterdã

    Investidor do ramo imobiliário desde 1996, o cantor fundou a Pena Incorporadora em 2007 com o irmão Luciano. “Neste ano, entregaremos mais três empreendimentos: dois em Goiânia e um em Teresina”, adianta ele.

    Na avaliação do artista, o segmento imobiliário é uma ótima opção de investimento devido, principalmente, ao déficit habitacional no Brasil.

    “O brasileiro tem um perfil de investidor moderado e conservador com forte atuação em investimentos em imóveis”, considera.

    Segundo o cantor, o diferencial do condomínio em Natal está no lazer e na segurança.

    No local, há três quadras de tênis, uma quadra poliesportiva, dois campos de futebol society, pista de cooper, sala de ginástica, piscina coberta e aquecida, duas quadras de vôlei de areia, três estações de ginástica, quatro parques infantis e uma praça cultural.

    0
    • Motumbo neles! 27 de fevereiro de 2014 at 17:23

      Deve ter ouvido o conselho dos ixpeçialistas. Vai subir ainda mais! 30% a.a é pouco!

      0
      • Monika 1 de março de 2014 at 08:44

        É, daí resolveu criar uma favela de rico, com terrenos cada vez menores e mais caros, huáhuá…

        0
    • ZehMasNaoMane 27 de fevereiro de 2014 at 18:21

      Olha que eu achei um anúncio desse condomínio: ‘http://tribunadonorte.com.br/classificados/anuncio/18809
      Como imaginei não é em Natal, é em Parnamirim/RN.
      Anúncio divertido mencionando as distâncias: 05 minutos do Aeroporto Internacional Augusto Severo e a 08 minutos do Natal Shopping e Praia de Ponta Negra/NATAL/RN. Só se for fazendo o percurso 1 da manhã a 140Km/h de velocidade MÉDIA! =)

      0
      • JPM 28 de fevereiro de 2014 at 09:56

        Ou de helicóptero. 😉

        0
  • PoaPC 27 de fevereiro de 2014 at 17:20

    Típica solução bananense, se o juro está alto ou o imóvel está caro basta aumentar o prazo do financiamento…

    http://blogs.estadao.com.br/no-azul/2014/02/27/com-alta-do-juro-brasileiro-aumenta-em-12-meses-o-prazo-de-financiamento-de-imoveis/

    0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 17:32

      Resolveram os problemas, ora bolas! daqui a pouco metem 40 anos mesmo, e acabam com a Bolha…

      0
  • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 17:20

    BOMBA !

    Tenso …

    Ameaça de bomba esvazia prédio do Detran no Centro

    “http://extra.globo.com/noticias/rio/ameaca-de-bomba-esvazia-predio-do-detran-no-centro-11738642.html

    0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 17:22

      Estamos melhorando o nível do terrorismo urbano…

      0
      • Legião Bananense 27 de fevereiro de 2014 at 17:23

        Será que aprenderemos com os famosos da alcaida que vem pra Copa ??

        0
      • Anonymous 27 de fevereiro de 2014 at 17:24

        Vai piorar muito com a proximidade da COPA.

        0
        • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 17:26

          Alqaeda+bananaland+copa+paranoias diversas… vai piorar bem…

          0
        • Legião Bananense 27 de fevereiro de 2014 at 17:28

          kkk se bem que pra ser atendido no cartório do Detran em qualquer cidade, é necessário fazer um escândalo, talvez o sujeito que armou isso esta no seu “direito”.

          kkkk.SQN

          0
  • Alex 27 de fevereiro de 2014 at 17:25

    Depois falam que a imprensa é golpista… Nível de desonestidade intelectual e jornalística do Estadão lá na pqp!

    “http://blogs.estadao.com.br/radar-economico/2014/02/27/brasil-tem-3o-maior-crescimento-economico-do-mundo-em-2013/

    0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 17:29

      É muita desonestidade- safadeza mesmo – não explicar a diferença entre a França, os EEUU, Inglaterra e a Coreia do sul crescerem 2% e a Banânia crescer esta quantia…

      0
      • Bolheiro 27 de fevereiro de 2014 at 17:56

        Sem contar que eu tenho 99% de certeza que todos os dados bananenses são maquiados, impossível confiar.

        0
    • Martin 27 de fevereiro de 2014 at 19:23

      Cara, o dia em que isto for verdade pode ter certeza que estamos no meio de um apocalipse zumbi e o mundo já acabou faz uns três anos.

      0
  • Anônimo 27 de fevereiro de 2014 at 17:32
    0
  • new wave 27 de fevereiro de 2014 at 17:32

    CVR
    Mandei email para o corvo perguntando se tal apê era nascente e em que andar.Olha só a proesa de resposta: este apê fica no décimo andar,é somente essa torre e o sol nasce atrás do prédio onde fica a piscina.Depois de risos resolvi ser sarcástico respondendo que não queria comprar uma piscina.Inda bem que essa raça vai ser extinta.

    0
    • Visionário 27 de fevereiro de 2014 at 18:59

      Ou seja, o prédio que fica próximo à piscina obstrui a passagem do sol nascente.

      0
  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 17:33

    Uma analise logica: PT perdeu o controle sobre as eleicoes

    Como a estagnacao economica nao tem a menor chance de se resolver no decorrer de 2014 – justamente porque a solucao passa por um ajuste fiscal que dilma petralhinha simplesmente se recusa a contemplar – o pleito de outubro devera’ ser decidido por fatores que possam reduzir a felicidade geral da nacao.

    Os grandes eventos que terao o poder de influenciar este resutados sao uma derrota na Copa, associada com o racionamento de energia. Apagao + Humilhacao se tornariam uma mistura explosiva. Nao haveria bolsinha que desse jeito. Passemos entao a uma analise logica da possibilidade de ocorrencia de cada um desses eventos salvadores da patria.

    1- Racionamento energetico

    O pico da estacao de chuvas ja’ passou. Ainda restam algumas semanas de estacao umida, mas o auge ja’ foi. O fenomeno que provocou a estiagem foi a localizacao de um bolsao de ar quente e seco no oceano Atlantico, que sempre ‘e formado nesta epoca do ano, mas que desta vez chegou mais proximo do continente. Com isso a precipitacao esta’ caindo fora de lugar.

    Quando este fenomeno tiver passado, nao ha’ qualquer indicacao de que a chuva que caiu fora de lugar ressuscite e caia onde deveria ter caido. O sea, seca no verao nao significa chuva no inverno. Esses fenomenos sao absolutamente disjuntos. Como o nivel dos reservatorios no Sudeste estao em 35%. (FHC decretou o racionamento com 32%), caso haja um minimo de responsabilidade nas decisoes de governo, dilma petralhinha nao tera’ outra saida. Pois se os reservatorios secarem havera’ convulsao social.

    Entao a probabilidade de haver Apagao e’ maior do que a de nao haver.

    2- Derrota na Copa

    Claro esta’ pra quem quiser ver que ha’ uma tensao muito grande entre os petralhinhas e os bandidoes da FIFA. Alem disso a proxima Copa sera’ na Russia, que nao tem condicoes de vence-la, mas nao vai tolerar uma vitoria alema na terra de Stalingrad.

    Angela Merkel nao esta’ segurando as pontas de falidinhos e falidoes europeus a troco de nada. Alias, a carga acabou de aumentar com a “salvacao” da Ucrania. Nao e’ natural esperar que ozalemaes fiquem 32 anos sem ganhar nenhuma copinha, aguardando ate’ o Qatar, certo, cumpadres. Isto seria o maior jejum da historia do futebol alemao. Alem do que o campeao e o vice-campeao europeus sao alemaes. E a selecao daquele pais e’ flagrantemente superior ‘as demais.

    Ja’ o Brasil de Sao Felipao dependera’ das maos de Julio Cesar e dos pes de Fred. O primeiro joga no fabuloso time de TORONTO, uma vez que nem sequer titular de seu ex-time – o nada famoso Queens Park Rangers – ele conseguiu ser. Mas inexplicavelmente Felipao esta’ com ele e nao abre. O segundo ainda tem que mostrar que se encontra em forma para o torneio. E se alguem ae tem a ilusao de que vao deixar o Neymar jogar deitando e rolando como aconteceu na Copinha, eu sugiro uma dose extra de simancol.

    Com goleiro fora do prazo de validade, craque anulado e centroavante mal preparado, o mais provavel e’ que o Brasil acabe eliminado num frangaco do goleiro, sem conseguir furar o ferrolho da defesa adversaria.

    Vai dae entao que o Brasil somente sera’ salvo da Humilhacao com a ajuda da arbitragem. Que pelos motivos politicos expostos acima e’ mais provavel que nao ocorra do que venha a acontecer.

    Claro esta’ que chuva e futebol sao coisas de dificil predicao. Mas nao se deve esperar neve em Belo Horizonte nem Camaroes levar o caneco. Entao a tao propalada falta de logica desses eventos e’ assunto de alta relatividade.

    Em todo caso, o nosso ponto e’ o seguinte: o PT deixou escapar das maos uma vitoria assegurada porque foi imbecil o suficiente de trazer uma competicao esportiva de enorme repercussao para casa em ano eleitoral. Alem disso, sua “gerentona” resolveu adotar o modelo bolivariano de subsidio energetico num momento absolutamente temerario em epoca de baixa dos niveis dos reservatorios, conforme se verificava em 2013.

    Agora a sequencia dos eventos lhes escapou do controle.

    Que as cartas caiam onde o destino bem lhe aprouver…

    PS: Conselho de amigo: luz acesa 24 x7, geladeira aberta, ar condicionado no maximo, etc, etc, nao e’ so’ campanha civica, mas medida de autoprotecao tambem. Lembrem-se que no ultimo racionamento forcaram uma reducao de consumo PERCENTUAL. O sea, quem consumia pouquinho nao tinha gordura para cortar e ae sifu.

    0
    • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 17:37

      Geleia, na minha humilde visão: Eduardo e Marina ganham.. e Argentina leva a Copa. Não é torcida, é movimento de tudo quanto é coisa…

      0
      • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 17:39

        miopia ou astigmatismo?

        0
        • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 18:06

          Otavioandradas, os 2.. 🙂
          eleições:
          próximo Governo entrará para sofrer imensa pressão social/política/econômica, PSDB e PT cientes disso não mancharão vossas imagens/legados. Ganhará um partido pequeno. Lembram do Collor? do Jânio? Além do que, a pessoa d VP será decisiva, quem como VP leva 20kk d votos nos outros partidos?
          copa:
          Argentinos gostam e são fanáticos por futebol tanto quanto nós, “os melhores”, eles há tempos não demonstram futebol no campo (hj tem o Messi e cia), a vitória da Argentina trará alegria aos argentinos (1994, 2002, 2010, economia pura!!!!), Argentina foi o 2o país a solicitar mais ingressos para a Copa e, além disso o Papa é argentino 😉

          0
          • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 18:30

            Otavioandradas, e vc? acredita em q? cego de nascença ou foi perdendo a visão com o tempo?

            0
            • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 18:57

              Ele acredita na ciência.
              .
              .
              .
              .
              .
              .
              .
              .
              .
              Pausa para gargalhadas.

              0
              • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 19:23

                é pra responder?
                vai rezar.

                0
                • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:35

                  Seria legal respeitar os Tradicionais postadores do blog ………………

                  0
                  • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 19:55

                    Só um detalhe: aquele fungo que chamou a atenção da Rosinha já me atacou por conta da carochinha. Eles não aceitam que pessoas não compactuem com a farsa. Eles ficam na espreita, te colocam na lista negra e quando aparece uma chance eles atacam. Eu não toco mais nesse assunto (mesmo sabendo que tem tudo a ver com bolha e toda a podridão bananense), mas vejam os comentários ironizando as pessoas que são livres e imunes a esse teatrinho.

                    0
                    • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 20:06

                      Exato, outro dia tentaram o mesmo comigo, inclusive o, mas não sou complacente igual a ti, mas sendo novamente repetitivo, pessoas gostam de se sentirem uteis, dormirem com dever cumprido, acumularem pontos…..

                      Já a gente, bom somente vive e dorme 😉

                      0
                  • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 20:03

                    Chico, da minha parte NUNCA faltará respeito. Se tem algo que julgo importante, é minha palavra. O que eu penso, caso isso seja esnobado, terá o mesmo tratamento. Sigo site há mais de 2 anos (antes de vc começar a postar).. Masssss aqui não é religião, para ser seguida ou não..

                    0
                • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 20:23

                  Não tem nada de lista negra, não precisa. Basta 3 ou 4 trocas de palavras contigo pra perceber a sua idiotice. Parece até mesmo a esquerda que tanto critica, trazendo um tema completamente fora de escopo pro assunto da discussão de ontem. Pombo enxadrista é o que você é.

                  Você deve sonhar com Deus quando dorme e acordar assustado: “Você aqui? Mas você não existe!!!!!!”

                  PS: Fui agressivo contigo porque você merece. E não é de hoje. Não é a toa que tomou um sabão do André/ZS certa vez.

                  0
                  • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 22:12

                    Geleia, o mimimi está virando parte indissociável do blogue. Mau isso.

                    0
                    • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:36

                      Tá brabo aguentar mesmo.
                      Completamos 24h seguidas disso. A tarde inteira de choramingos.

                      Até resolvi fechar o site e trabalhar um pouco hoje…

                      0
                    • Otavioandradas 28 de fevereiro de 2014 at 13:10

                      meu caro, você é fraquinho, lamento colocar isso dessa forma. Dá uma rezadinha depois e fique em paz.

                      0
                    • JPM 28 de fevereiro de 2014 at 10:00

                      “http://youtu.be/kV4vHpqrj6E”

                      0
              • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 19:59

                Sim, acredito na ciência e comportamento psicológico das pessoas na economia e política. Além de história, onde nada é criado, somente copiado…

                0
                • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 20:01

                  acredita em voto de cabresto em escala nacional?
                  se sim, continuo não entendendo como vc pode achar q Eduardo e Mônica vençam as eleições.

                  0
                  • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 20:18

                    Acredito que o bipartidarismo (PT e PSDB) não tem mais força e não conseguirá seguir com essa fórmula. Isso está acima de voto de cabresto. O populismo do PT no nordeste será desviado para o Eduardo e a Marina absolverá uma quantidade que quer mudança. Ao meu ver, isso é suficiente para se ganhar as eleições. O cara que recebe bolsa família vai crer que o Eduardo continuará com isso.

                    0
                    • Jovem Estudante 28 de fevereiro de 2014 at 06:08

                      Mesmo que apareça uma 3a opção, e ela vença, terá que se juntar aos que hoje duelam pelo poder a fim de garantir a tal governabilidade. Se Jesus Cristo fosse eleito presidente, até com a bancada evangélica teria que negociar apoio e dar algumas pastas.

                      0
                    • Monika 1 de março de 2014 at 09:36

                      É, esse é o problema que também vejo…

                      0
            • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 19:26

              cego de nascença, perdendo a visão com o tempo?
              vcs estão muito fracos. frases vazias, sem o menor fundamento.
              perguntei se sua “visão” tinha miopia ou astigmatismo porque acreditar que Eduardo e Marina ganham não poder ser 20/20.

              0
      • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 17:40

        Eduardo e Marina podem ser piores que a Dilma…
        Não, acho que não…

        0
        • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 18:22

          Geleia,
          Por ser piores entrarão. Suporte histórico do IBOV está por vir a qq momento, só falta uma justificativa plausível… a entrada do PSB justifica bem isso.. Lembra em 2002? risco Brasil, dólar, “possível eleição do Lula e aqui se tornar anti-capitalista”? Todos seguiram em frente, ninguém morreu, todos já esqueceram, porém, foi o último suporte histórico decanal do IBOV…

          0
          • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 21:01

            ….acho que agi igual um cego em tiroteio..massssss sai ileso hehehehe sorry people.. pensei q era comigo!! vcs q sao grandes q c entendem.. 🙂

            0
            • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:12

              não era com vc o lance do “acredito na ciência”, percebi seu engano.
              eu também acredito na ciência, mas não religiosamente como o ateu acima fala.

              Qual o suporte histórico da bolsa?

              0
              • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 22:02

                Jóia!!! 🙂
                Geleia, segue abaixo uma visão bem macro. Sem entrar muito em detalhes:
                “http://www.enfoque.com.br/poster/ibovespa/view_ibovespa_enfoque.aspx”

                0
                • RafaelVC 27 de fevereiro de 2014 at 22:14

                  BOLHA, passa meu e-mail para o GELEIA, please?

                  0
                  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:19

                    ok, pode passar o meu e-mail daqui do cadastro pra ele, boss, por favor.
                    ou passe o dele pra mim
                    obrigado

                    0
    • BubbleObserver 27 de fevereiro de 2014 at 17:39

      Deus te ouça e se não ouvir que Satanás há de fazê-lo. Tô apelando pra qualquer um. Fora PT!

      0
      • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:45

        Vocês falam como se a oposição deles fosse algo como vinho e cheiro de rosas, já pensaram as manifestações de seus militantes e da massa doutrinada que tem uma barraco, um carro ou um celular quando por eles convocada o que seria capaz de fazer ???

        Tipo aquele animal comunista da Narina comandando o país ???

        Pensem novamente ou tentem dar algum argumento convincente sobre isso.

        Acho que nem preciso dizer o quanto odeio os petralhas disso todos sabem, por isso a pergunta ……

        0
        • BubbleObserver 28 de fevereiro de 2014 at 08:57

          O nosso cenário político é puro LIXO! Mas ainda assim a “alternância de poder” (entre aspas porque na Banânia só tem esquerda) é o mal menor. Se eu estiver enganado, então o único que está certo desde sempre é o Anonymus, que prega o abandono da Banânia …

          0
  • jerri 27 de fevereiro de 2014 at 17:42
    • Bolheiro 27 de fevereiro de 2014 at 19:16

      Ja está tendo sim, assim como a bolha do mercado financeiro.

      Bota na conta do FED e seus Quantitative Easing.

      Vai dar merda!!!

      0
      • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:21

        não é

        procure o grafico de fases da bolha

        eles estão na fase return to normal

        muitos preços caíram abaixo do custo de reprodução, mas agora os lucros estão se recuperando rapidamente e voltando a estabilizar faz uns 3 meses.

        0
        • Bolheiro 27 de fevereiro de 2014 at 19:28

          Eu conheço os gráficos e já vi muitos americanos comentando sobre isso. É a percepção do próprio povo.

          Achar que os QE não estão indo pro mercado imobiliário é muita ingenuidade.

          0
        • Bolheiro 27 de fevereiro de 2014 at 19:39

          Vc quis dizer “return to normal” mesmo ou “return to mean”?

          0
        • Bolheiro 27 de fevereiro de 2014 at 19:47

          “http://globaleconomicanalysis.blogspot.com.br/2013/05/hugely-negative-real-interest-rates.html

          “http://globaleconomicanalysis.blogspot.com.br/2013/01/dissecting-fed-sponsored-housing-bubble.html

          0
  • DBA 27 de fevereiro de 2014 at 17:44

    Eu li há uns 2 anos um artigo que esmiuçava o impacto eleitoral dos resultados da Copa. Com argumentação convincente, ele mostrava que o impacto é muito pequeno.
    Mais importante do que o Brasil ser ou não campeão, acredito que itens impactantes seriam: a existência ou não de manifestações na época da Copa, a percepção de que os gastos com estádios reduziram o investimento em saúde e educação, que a infra-estrutura não andou conforme alardeavam os petralhas, etc… Isso me parece muito mais importante do que o Brasil ou a Argentina serem campeões…

    0
    • Jovem Estudante 28 de fevereiro de 2014 at 06:10

      Sem falar que a copa do mundo, pra mim, é um “telecatch” com chuteiras.

      0
  • Motumbo neles! 27 de fevereiro de 2014 at 17:45

    Quem entrar, PTista ou não, não vai conseguir segurar a onda. Nenhum político deste país está seriamente comprometido com as reformas estruturais e eleitoralmente indigestas necessárias. Talvez, só um colapso total poderia lançar a semente de uma transformação.

    0
    • Litigio 27 de fevereiro de 2014 at 17:48

      Tomara!
      Precisamos de uma grave crise para que as coisas comecem a tomar um rumo.
      O comunismo/assistencialismo/consumismo/bananense-latrino americano é insustentável.

      0
    • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 17:49

      Bingo!
      Parabéns!

      0
    • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 17:50

      Só uma revolta geral, mas hoje 23 milhões de famílias são bolsistas ou tem alguma coisa, coloque 3 por família e engavete a idéia, acho que não entenderam que não existe mais saída a não ser ……… deixa pra lá rsrs.

      0
      • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 17:57

        A classe média já está quebrada.
        Talvez deva ainda mais que a “classe C”, em termos nominais.

        A única saída é aumentar endividamento, gerando inflação. Mas isso tem prazo curto, porque quem mais perde com a inflação são estes 23MI.

        0
        • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 18:00

          Em breve veremos bolsista ganhando R$ 100,00 ou R$ 300,00 e não conseguir comprar 20 kgs de comida.

          0
          • Litigio 27 de fevereiro de 2014 at 18:05

            Por isso digo que é insustentável.
            Não temos ideologia, a não ser samba e futebol.
            As pessoas aqui só compram uma ideia que lhes dê menos trabalho e mais dinheiro.
            Quando isso acabar, e vai acabar, a revolta generalizada está armada.

            0
            • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 18:16

              Vide Venezuela ….

              0
          • Andr 27 de fevereiro de 2014 at 18:16

            Vocês estão muito otimistas.
            Acho que não vai demorar muito pra alguém vir com uma ideia que o bolsa deva ser ajustado com a infraçaum.

            0
            • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 18:18

              Mais aí aumenta mais ainda a inflação dos preços. Imagina 60 milhões comendo sem produzir nada. A pressão é muito grande.

              0
              • Andr 27 de fevereiro de 2014 at 18:20

                Padeiro, já não fazem isso com o mínimo?

                Lembre-se que a mentalidade predominante aqui na Banânia para combater a inflação é aumentar os salários.

                Faz todo sentido, né?

                0
                • Litigio 27 de fevereiro de 2014 at 18:32

                  A questão é que tem um limite.
                  E quanto mais se alimenta esse sistema, o tempo para estourar a bolha aumenta em progressão geométrica.

                  0
                • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 18:36

                  Fazem.
                  e isso por si só já é responsável pro grande parte da inflação. Mas o BF com reajuste determinado seria uma grande presepada.

                  0
  • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 17:55

    BOSS,

    TOPICO ?

    “http://blogs.estadao.com.br/no-azul/2014/02/27/com-alta-do-juro-brasileiro-aumenta-em-12-meses-o-prazo-de-financiamento-de-imoveis/

    0
    • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 17:59

      Pessoal
      EM APENAS UM ANO o prazo médio HISTORICO de financimanento AUMENTOU 12 MESES !

      PLOC !

      0
      • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 18:02

        Esta bolha está tirando do mercado consumidor milhares 666 da classe média que poderia estar girando a economia em outros setores.

        Os que se aventuraram na ciranda da morte imobiliária, se sacrificarão por toda à vida em nome dessa dívida.

        O mercado sentirá falta destes.

        Já há milhares de imóveis não monetizados por seus criadores. É menos dim dim na praça.

        0
  • Inconformado 27 de fevereiro de 2014 at 17:56

    Hoje ao chegar no trabalho me deparo com o seguinte e-mail de um corretor:
     
    “Segue matéria da veja sobre valorização e tendências do mercado imobiliário.
    Um abraço,
    Marcelo Almeida
     
    IMÓVEIS
    Preço de quitinete ultrapassa 1 milhão de reais em São Paulo”
     
    Na sequencia tinha algumas outras matérias falando de tendencia de morar em caixas de sapato e mais um monte de baboseiras.
     
    Eu ja fiquei muito pé da vida e ja tasquei a resposta abaixo:
     
    “Bem, na minha opinião tem que ser muito imbecil para pagar 1 milhao em 35 m2.
     
    Você conhece o site http://WWW.estamosricos.com.br?
     
    Por esse site você pode ver como brasileiro é idiota por pagar valores astronômicos em imóveis lixos.
    E pior que tem muito corretor que corrobora que imóveis são um ótimo negócio.
     
    Alias nem sei por que existe essa profissão de corretor. Todos os que tive contato não me auxiliaram em nada.
    São meros vendedores sem formação econômica nenhuma, sem conhecimento de mercado. Voce é um exemplo bem típico disso que estou falando.
     
    Tentar dizer que imóveis sempre valorizam. Isso é no mínimo ridículo.
     
    Corretores não sabem a diferença entre necessidade e demanda.
    So pra te dar um exemplo bem simples.
     
    Na África tem muita demanda por comida. Se abrir um restaurante por la e cobrar preços estratoféricos, com certeza você irá a falência.
    O mesmo que ocorre com imóveis por aqui. Tanto que todas as construtoras estão com valor de mercado caindo.
     
    Por que isso ocorre se o mercado imobiliário é tão bom assim? Voce saberia responder? Acho que não, pois corretores não entendem muito de economia.
    Só querem vender um financiamento para algum trouxa.
     
    Imoveis em Miami, que de longe é muito melhor que qualquer cidade desse pais, tem imóveis muito mais em conta.
     
    Você conhece o site http://WWW.bolhaimobiliaria.com?
     
    Olha so umas matérias que foram publicadas por la:
     
    Construtoras perdem R$ 13,3 bilhões em valor de mercado na Bolsa desde o início de 2013 – O Globo
    Escritórios de alto padrão de SP passam por “superoferta”, diz consultoria – Infomoney
    Temor com bolha imobiliária e reestruturação joga PDG para mínima de 2008 – InfoMoney
    Mercado de lançamentos imobiliários em São Paulo tem pior janeiro desde 2009 – Estadão
    Financial Times’: Custos no mercado imobiliário do Brasil gera temores para a economia – Jornal do Brasil
     
    Entra nesse site e se informe um pouco.
    Informação nunca é demais.
     
    Enquanto isso, vou guardando meu dinheiro no banco com a selic subindo cada vez mais.
     
    Alias deixa te perguntar, se imóvel valoriza tanto, cerca de 30% ao ano, porque você não compra uns 3 imóveis e espera valorizar mais?
    Por que vender algo agora que daqui uns 3 anos, terá seu valor duplicado?
     
    Passar bem!!!”
     
    Mas acho que ainda fui muito brando nas palavras desse corretor idiota!!!
    Mandei para algumas pessoas aqui do serviço e todos acharam ridiculo esse corretor.
     
    Se o idiota responder eu posto a resposta dele.

    0
    • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:18

      nem necessidade eu acho que tem

      o povo é feliz na favela, fazem músicas sobre isso, gostam de viver de graça, trabalhar fazendo bico, a nossa índole é fácil, a gente se diverte com pouco, aqui é chic ser pobre, é um misto de conformismo ,com coitadismo e com muito orgulho

      Pega as letras da música,as letras do chorão de 99% da mpb, é bonito sofrer.
      Todo domingo na missa homenageamos este fato.

      0
      • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:28

        Hahaha se me juntar com certeza acho que vão dizer que não precisa falar dessa forma 🙂 o típico coitadismo. Mas ninguém nega que são felizes, estão sempre a Funkar ………….

        Mas tem toda razão, rimos da nossa desgraça, do cara que bate o carro, do cara que cai na rua por estar correndo talvez até por pressa de um compromisso e por aí vai.

        Quando bato na tecla de poucos terem coragem de falar verdades assim como ti, nada mais é uma tentativa de ver se algum lerdo acorda para entender a situação dificílima, complicada e posso acrescentar: amedrontadora que passaremos as próximas duas décadas pelo menos.

        Criamos vagabundos, criamos carimbadores, criamos cursos a distância, pessoas sem preparo, país sem futuro…………………

        0
  • FHMartins 27 de fevereiro de 2014 at 18:00

    CVR

    Minha esposa conversando com a faxineira da loja onde ela é gerente


    – Dona Maria. A senhora não vai votar no PT não né ?
    – PT! O que é PT ?
    – PT o Partido da Dilma.
    – Haaaaaaaaaaaaa, na Dilma eu voto sim. Ela quem paga a minha Bolsa família
    – Como assim Dona Maria? A senhora recebe bolsa família ? Mas a senhora trabalha aqui já faz 3 anos.
    -Haaaaaaaaaaaaa minha filha. Já renovei o Bolsa família 3 vezes e eles nem perguntaram se eu trabalho. Então eu vou recebendo.

    0
    • Litigio 27 de fevereiro de 2014 at 18:03

      Para isso que pago imposto de renda na fonte.

      0
    • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 18:04

      Compra de voto !

      Eu pago todo mês de IR o equivalente à renda média do bananense e sou considerado fudido para a compra de um imóvel.

      A classe média pensante já não aguenta mais !

      0
    • A espera do estouro 27 de fevereiro de 2014 at 18:05

      Pior que isso é verdade mesmo. A minha empregada disse que o recadastramento é de 3 em 3 anos. Ela tá aqui há um ano e meio com carteira assinada e continua recebendo a BF.

      0
    • Geminiana 27 de fevereiro de 2014 at 18:18

      Minha faxineira usa a Bolsa Família pra comprar ração ao pedigree dela!

      0
      • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 18:20

        Amante ? Marido ?

        Desculpe não resisti rsrs.

        0
      • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 18:22

        Cuidadora da vó de minha esposa utiliza o BF para ir ao dentista PARTICULAR.

        E reclama da quantia: “Não dá pra nada !”

        0
        • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 18:36

          O índice é MAIS DE 300 REAIS está aumentando. Mil reais não pra mais nada!

          0
    • Liberal 27 de fevereiro de 2014 at 21:36

      Perdão Boss, mas depois dessa só soltando um PATAKEUPARIU!!!! E Barbosa já avisou, isso é só o primeiro passo….

      0
    • Rafael 27 de fevereiro de 2014 at 22:43

      Faxineira lá da empresa recebe bolsa família há tempoooooossss

      0
  • [email protected] [email protected] 27 de fevereiro de 2014 at 18:04

    Visto que pelo Índice de Gerson não podemos comprar os próprios imóveis, não temos liquidez, porque nenhuma pessoa que saiba fazer contas vai entrar num financiamento destes, a economia vai é travar no médio prazo. Por isto, o índice poderia se chamar também ÍNDICE DE ESTUPIDEZ IMOBILIÁRIA….

    0
  • Pão de queijo com café 27 de fevereiro de 2014 at 18:08

    se não dá um Nobel sozinho, dá pelo menos um daqueles em que eles dividem
    tipo a gente, o Schiller e mais outro cara…

    Lucas
    prezados bolhofilos
    Algum ECONOMISTA de plantão poderia escrever um belo resumo das teorias econômicas desenvoilvidas no blog ao longo dos anos:
    A Teoria do Tolo Maior, os índicadores econométricos: ILAC21, IA (indice amorinha), IG (indice de Gerson), os calculos de taxa de retorno e custo de oportunidade, etc, etc.
    Nosso trabalho em equipe esta à altura de um Nobel.
    #modéstiamodeoff

    0
  • Pão de queijo com café 27 de fevereiro de 2014 at 18:14

    Chico, use seus poderes pra devolver a Lady pro blog !!!!!

    Chico Bento Rosa
    Hehe está realmente chateada, mas pancadas geralmente são para fortalecer, a questão é que uma história não é apagada em 1 dia ou em um ou dois xingamentos, a questão é entender o motivo desse sintoma que não era constante a não ser a trolladores, somos fáceis inquisitores e péssimos mediadores, se falar favelado, pronto maior rebu, se falar puta tb é ofensivo e ai por diante.
    <img class="comment-like-btn" title="Vote"

    0
    • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 18:28

      Se te consola, ela sempre disse que vc deveria participar das conversas pararelas, idéia refutada por ela há alguns meses, talvez por isso a inquisição rsrs.

      Se te consola 2: como leio há algum tempo, boa parte no anonimato, eu a trataria bem, pois 90% das mais gatas daí estão em nosso círculo de amizades rsrs eu me comportaria, vai que algo caia no colo 😉

      “http://www.anzuclub.com/#/18/01/2014/

      EU olharia todas 😉

      0
      • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 18:33

        “http://www.anzuclub.com/images/gallery/2014-01-18/07.jpg

        “http://www.anzuclub.com/images/gallery/2014-01-18/24.jpg

        Fica quieto em rapá 😉

        0
        • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:25

          meu figado até palpita quando leio esta palavra: Anzu

          foi uma das melhores do país

          0
        • Pão de queijo com café 27 de fevereiro de 2014 at 21:26

          Dio mio !!!!!!!!!!!

          0
    • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 18:28

      o que aconteceu???

      0
      • Pobre Paulista 27 de fevereiro de 2014 at 18:37

        Tópico de ontem rolou fight e a RosinhA estressou

        0
      • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 18:38

        Nada demais 😉

        “http://www.bolhaimobiliaria.com/2014/02/26/a-bolha-do-mercado-imobiliario-existe-parte-2-financas-sem-complicancas/#comment-451305

        0
        • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 18:55

          nada mesmo!

          essa coisa toda já encheu mesmo o saco, meche com a ansiedade de todos, nervos estão exaltados, eu mesmo mudei minahs prioridades, faz uns 8 meses que não visito nenhum imovel, naõ atendo corretor, só as vezes me chega uma ou outra oferta.

          O país mudou muito, os vencedores na nova política sem dúvida tem um sucesso imerecido, o BR está virando uma imensa favela, um imenso cortiço, onde tudo pode, a lei do cão, mas por sorte estamos enfretando isto tudo jovens, fortes e inteligentes a ponto de tirar boas vantagens disto tudo, uma delas são minahs viagens pro exterior a preço de viagem pro nordeste e é o que eu recomendo a vcs, mudem de ares um tempo, a humanidade ainda tem jeito independente deste paisinho brega esquecido no fim do beco de um continente longiquo.

          manda esse link pra ela:
          “http://www.usinadeletras.com.br/exibelotexto.php?cod=24573&cat=Cr%F4nicas&vinda=S

          O BR é isso, depois de toda a merda ter passado, voltamos ao que era antes, não adianta lutar contra a euforia da festa, carnaval quase que emenda na copa esse ano.

          0
          • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 18:56

            mexe acho que é com X

            segue aqui o texto do link

            Sexo e dinheiro, futebol e borracha: o ano do redescobrimento do Brasil

            Diogo Mainardi

            Publicado em 9 de janeiro de 2014 no Correio de La SEra, o maior jornal da Italia

            “Os brasileiros têm os dois pés no chão… E as duas mãos também.” Desde quando as primeiras caravelas dos europeus atracaram no Brasil, mais de cinco séculos atrás, muitos narradores tentaram compreender e descrever o caráter de nosso povo. Navegadores, jesuítas, piratas, garimpeiros, naturalistas, traficantes de escravos, aventureiros, filósofos, antropólogos, escritores: cada um deles tentou explicar aos seus semelhantes os traços marcantes do Brasil e do nosso povo pitoresco. Pouquíssimos conseguiram.

            2014 será o ano da redescoberta do Brasil. Cronistas oriundos dos lugares mais improváveis irão atravessar o oceano e por seis meses, precisamente até o final da Copa do Mundo, 13 de julho, irão encher seus desinteressados e desinformados compatriotas com notícias sobre o Brasil. Recomenda-se a todos que renunciem imediatamente a qualquer tentativa de originalidade e passem a plagiar despudoradamente o mais feroz dos nossos humoristas, Ivan Lessa, que foi capaz de resumir a essência da nossa espécie em uma única frase: “Nós temos os pés no chão e as mãos também.”

            Se Ivan Lessa, o nosso Apuleio, se destacou pela capacidade de revelar nossa natureza quadrúpede – os jumentos verde-amarelos – o historiador Paulo Prado, muito antes dele, deve ser lembrado por uma façanha igualmente relevante: ele diagnosticou nossa psique patologicamente melancólica. O seu “Retrato do Brasil”, com o subtítulo “Um ensaio sobre a tristeza brasileira” de 1926, é ainda hoje um guia insuperável para orientar os observadores menos afeitos às questões nacionais. A introdução não deixa dúvidas: “Em uma terra radiante, vive um povo triste”. Os brasileiros não são normalmente associados a estados de humor mais depressivos. Na verdade, é exatamente o oposto: somos festejados em todo o mundo pela nossa ritmada e ensurdecedora despreocupação, pelos nossos modos festivos e lascivos. Mas a tristeza mencionada por Paulo Prado não é fruto de uma angústia existencial, reflexiva, leopardiana; antes, é o resultado da própria luxúria. Sexo, sexo, sexo. Na nossa história não existe mais nada. O Brasil será sempre e só isso: o lugar onde o homem é livre para se comportar como “um bode em um cercado cheio de cabras, sem ideais, sem preocupações estéticas, políticas, intelectuais e artísticas.”

            Nas primeiras páginas de “Retrato do Brasil”, carregadas com um pesado e obsoleto sentido de moralidade, Paulo Prado cita o testemunho de Américo Vespúcio sobre os costumes lascivos dos nossos antepassados: “Eles têm tantas esposas quanto queiram, o filho vive com sua mãe, o irmão com a irmã, a prima com seu primo, e todo homem com a primeira que aparece.” Em 14 de junho de 2014, após o jogo entre Itália e Inglaterra, um padeiro de Castelfranco Veneto, em visita à cidade de Manaus, próximo de onde estava Américo Vespúcio quinhentos anos atrás, poderá repetir as impressões do navegador italiano, usando as mesmas palavras daquele. O sexo, portanto, é o primeiro fator para explicar a nossa tristeza atávica, segundo Paulo Prado. Post coitum animal triste. Mas há um segundo fator não menos importante: a ganância. Enquanto a carnalidade selvagem estrangulou nossas escassas capacidades mentais, a ganância contaminou o nosso precário equilíbrio social. O Brasil foi fundado por bodes gananciosos e sem escrúpulos, dispostos a qualquer ignomínia a fim de conseguir acumular a maior quantidade possível de dinheiro o mais rápido possível e depois voltar com os despojos às suas terras de origem. Os ecos dessa gênese saqueadora são ouvidos ainda hoje na vida cotidiana. De fato, mais que os cinquenta mil assassinatos cometidos todos os anos – em 2013 foram assassinadas mais pessoas no Brasil que na Síria, e será assim também em 2014 –, o que realmente desconcerta é a aceitação resignada desse massacre permanente, como se fosse um elemento inevitável da natureza.

            Mas a ganância descrita por Paulo Prado não produz apenas a ruína social: ela também produz frustração pessoal. Porque quase nunca é recompensada. Ciclicamente, o Brasil teve saltos de desenvolvimento e de dinheiro fácil, durante os os quais foi aclamado como o novo Eldorado, mas todos acabaram em poucos anos. Em nossa história tivemos o ciclo da madeira, o ciclo da cana-de-açúcar, o ciclo do ouro, o ciclo da borracha. Todos acabaram, deixando apenas desolação. Recentemente, houve um novo momento de euforia econômica em relação ao Brasil: o ciclo das commodities.

            A opulência criada pela bolha das matérias-primas foi representada na capa da The Economist, que em novembro de 2009, estampou a imagem da estátua do Cristo Redentor decolando como um foguete em direção a um futuro magnífico. Quatro anos depois, a mesma revista precisou se retratar, mostrando o Cristo Redentor despencando tragicamente rumo ao chão, enquanto o título indaga: “o Brasil desperdiçou tudo?” Ao longo da história, o Brasil sempre passou desapercebido, uma espécie de apêndice da humanidade, um adendo estranho e inútil. Tudo vai mudar em 2014. Até meados do ano, o país será analisado e debatido por uma multidão de incautos cheia de opiniões equivocadas a nosso respeito. Então vamos submergir uma vez mais. Em outubro serão realizadas as eleições presidenciais, mas essas não interessam a ninguém, nem mesmo aos brasileiros. Apesar de a cúpula do seu partido ter sido presa por corrupção há alguns meses, Dilma Rousseff vai ganhar de novo, porque os eleitores estão acostumados há séculos com bodes gananciosos e desprovidos de escrúpulos. Então, para nossa sorte, 2014 vai terminar sem deixar vestígios. Como disse Ivan Lessa: “A cada quinze anos o Brasil esquece o que aconteceu nos últimos quinze anos.”

            0
            • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:06

              Como venho dizendo, aqueles que rasgam o verbo e soltam verdades são os infames, a Dona Luiza daquele jeito praticamente robótico e omisso tem credibilidade perante a esse tal de Mainardi, precisamos urgentemente defender aqueles que estão do nosso lado e não o contrário…

              0
          • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:04

            Verdade, e quem tem informação privilegiada como vc, ela e mais alguns devem aproveitar a onda, quando vai e principalmente quando volta, pois contra é mais gostoso aproveitar das 666s 😉

            0
            • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:13

              admito que fui preguiçoso em aproveitar a onda de cheia
              estava mto ocupado na esbórnia, mas eu vi tudo chico

              desde 2007.

              vi e previ que ia crescer muito desde lá, ainda dei várias dicas, mas eu mesmo não estava ligando pra ficar rico, ainda não estou, apenas aconteceu uma necessidade de precisar duns 20 m2 a mais.

              0
              • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:18

                OLha estávamos ativos nesse exato momento, ganho fácil, rápido e não riam por favor, venda na pRanta, e com adiantamento !!!!

                Quando percebemos em 2008 que o preço do terreno se descola do pronto, a gente investe em coisa futura e assiste de camarote sem arrependimento algum de ter tentado mais, como disse, não precisa ser rico e sim ser somente feliz ao lado de quem estiver, lógico que riqueza não é dispensável, mas chega um ponto que como disse que a gente começa analisar até quando faremos isso ??

                Pra que ? Qual finalidade ? a vida é uma só, aproveitar e se cuidar entendendo seus ciclos não faz nada mal, mas excessos sempre são desnecessários ….

                0
                • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:24

                  o phoda é que no BR se vc não for ligeiro 100% do tempo, fica pra trás e fica numa situação ruim como estou agora. Enriquecer aqui é obrigação de sobrevivencia, se baixar a guarda um minuto vai ter que recuperar lá na frente

                  aqui não temos uma vida estável como no primeiro mundo, aqui é foda

                  0
                  • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:30

                    Ainda mais com filhos, verdade………

                    0
          • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:12

            Outro dia via quando a velha guarda se juntava para chutar corvos rsrs memorável, pena que as pessoas se esquecem fácil ……….

            0
            • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:14

              agora é chutar cachorro morto

              espancar corvo cada vez mais vai ser considerado feio, eles vão virar os coitados da historia

              0
  • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 18:15

    Imagina pagar mais de 5k de condomínio de um apto vazio …

    “http://rj.bomnegocio.com/rio-de-janeiro-e-regiao/apartamento-peninsula-bernini-barra-da-tijuca_29356061.htm?

    0
    • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 18:24

      os do espigão da tucumã em SP custa 10 mil por mês de condomínio
      O habite-se levou só 5 anos pra sair.

      0
    • Juma 27 de fevereiro de 2014 at 19:46

      Nossa muito bacana! Mas, para mim é muito grande (rs) e muito bolhudo também…

      O Wagner podia fazer uma comparação com este imóvel.

      0
  • Pão de queijo com café 27 de fevereiro de 2014 at 18:16

    E não, não vai !

    0
  • Leandro 27 de fevereiro de 2014 at 18:27

    Quando haverá o encontro dos bolhistas ?

    0
    • Pobre Paulista 27 de fevereiro de 2014 at 18:35

      Aqui, todos os dias.

      0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 18:35

      se houver encontro de bolhistas a NSA manda o FBI comparecer e prender todo mundo…

      0
    • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 18:48

      Na padoca do padeiro. Parece que quem se apresenta como bolhista ganha um pastel.

      0
    • Juma 27 de fevereiro de 2014 at 19:48

      Quando a RosinhA voltar a gente se encontra aqui no blog, rs.

      0
  • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 18:33

    Faz menos de 1 ano que o bugrezica e a turma de corvos juravam que a SELIC não vai subir, a SELIC não vai subir, a SELIC não vai subir

    repetiram isso até encher, de lá pra cá a selic saiu de 7,25 p 10,75 aumentou quase 50%

    Mas parece que esse aumento não animou muito o pessoal do blog e até mesmo foi considerado positivo. Talvez os alarmistas tenham exagerado, mas não deixa de ser uma virada de mesa de 50% em menos de 1 ano.
    Façam as contas.

    E as oportunidades de desconto em vendas está aumentando, em 2010 a gente tinha que caçar corretor, agora são eles que correm. Esse meses negativos foram pesados pro mercado, quem quiser negociar eu vejo aí uma janela de oportunidade com bons descontos, mas pessoalmente ainda não acho que seja a hora.

    0
    • Leandro 27 de fevereiro de 2014 at 18:35

      Quanto o maior desespero dos vendedores Lucas, maior nossas oportunidades, concordo contigo, vamos esperar mais um pouco.

      0
    • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 18:36

      A virada da mesa virá em 2015, com o ajuste.

      0
      • EDUARDO 27 de fevereiro de 2014 at 18:37

        #viradademesa
        rsrs

        0
    • EDUARDO 27 de fevereiro de 2014 at 18:36

      A virada de mesa (a nosso favor) esta sendo lenta e gradual, melhor assim do que uma virada brusca. Dessa forma é melhor para todos nós!

      0
      • EDUARDO 27 de fevereiro de 2014 at 18:38

        afinal de contas: pra que ter pressa?

        0
      • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 18:38

        Olha tem nova virada de mesa, não aposte tanto assim ……..

        0
        • civilizado 27 de fevereiro de 2014 at 19:06

          Chico, fala + sobre isso!!!

          0
          • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:11

            Hahaha se eu falar isso serei assassinado e amanhã o Datena falará sobre um corpo esquartejado encontrado na mala 🙂

            20/03/2014 com mais folga, ou muita folga, só isso 😉

            0
          • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 19:17

            Civilizado, juntando os pontinhos, é possível perceber que o sistema está criando um subterfúgio para dar fôlego ao status quo. Provavelmente uma fase III do MCMV com aumento do subsídio, do limite financiável, da renda familiar e /ou do prazo de pagamento.

            Ou, pior que isso, a inclusão de imóveis usados no programa MCMV.

            Se realmente for verdade, ações de construtoras serão uma boa pedida pra ganhar uns trocados, mas aí é risco seu rssss

            Em contrapartida, descarte completamente a possibilidade do governo ter responsabilidade fiscal. Todas as promessas da Dilma e do Asno para o mercado não serão cumpridas novamente.

            0
            • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 19:31

              A Dilma já recebeu um não do pessoal técnico para um MCMDIII – destruição, mas como é ano eleitoral… Se sair nosso rating no exterior cai direto. Prova cabal de que o Estado está se lixando para a economia.

              0
    • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 19:30

      O bugre até sumiu, coitado.
      rs

      0
    • Pimp 28 de fevereiro de 2014 at 00:02

      Pra ser justo, muitos não acreditavam na subida, inclusive o MrK, se não me engano.

      A SELIC elevada poderia atrair mais capital, porém um amigo que mora nos EUA disse que os americanos que investiam por aqui estão putos com esse vai e vem. Quem comprou NTNb ano passado se deu mto mal, vão ter q esperar o vencimento.

      0
      • Pimp 28 de fevereiro de 2014 at 00:03

        *retificando: subida antes das eleições

        0
  • Marcio 27 de fevereiro de 2014 at 18:36

    O Índice Gerson mostra algo que nós do blog constatamos, mas que boa parte dos brasileiros não: não se produz riqueza por decreto.
    Vc não dorme pobre e acorda rico. Foi isso o que pensaram milhões de brasileiros: vendo o meu imóvel que paguei alguns anos atrás R$ 200 mil por R$ 1 milhão e estou rico.
    Se fosse fácil assim, era só o governo dos países miseráveis da África, América Central e do Sul decretarem que nenhum imóvel vale menos que 1 milhão de dólares, mesmo um barraco na favela. Pronto, como em um passe de mágica, todos estariam ricos. Fácil, não? Por que não pensamos nisso antes?
    Muitos brasileiros não tem a capacidade de enxergar isso, o que pra nós é quase óbvio.

    0
  • Visionário 27 de fevereiro de 2014 at 18:38

    Tópico:

    ”http://g1.globo.com/economia/noticia/2014/02/industria-da-construcao-registra-queda-de-atividade-no-inicio-de-2014.html

    0
  • Revoltado 27 de fevereiro de 2014 at 18:46

    tópico!

    *https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10152122252278953&set=a.482084353952.254779.131180673952&type=1&theater

    A bolha começou a estourar (mas não onde você pensa). O preço de casas e apartamentos nunca foi tão alto. Mas são prédios comerciais, shoppings e galpões vazios que realmente preocupam. Saiba mais na nova edição da revista EXAME. Já nas bancas!

    0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 18:51

      taí o txt completo, acima…o BOSS vai topicar amanhã!!

      0
      • Revoltado 27 de fevereiro de 2014 at 18:52

        o pior são os corretores tentando se justificar e sendo trolados. hahaha

        0
        • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:01

          Bolha Boss e demais
          tomem cuidado esta coisa é uma pegadinha

          os fundamentos deste aritgo estão todos nesta publicação

          “http://www.realestate.br/dash/uploads/sistema/Comite_de_Mercado/cm_nota_21nov13.pdf

          As margens de lucro nesse setor que estourou são altíssimas, eles estão rindo deste “estouro”

          0
          • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:09

            Acho que vejo por outro lado:

            Atividade Financeira em queda.
            Atividade Industrial e comercial principalmente em queda.
            Atividade econômica do ciclo construtivo em queda.

            Ou seja por mais que construíram o ciclo envolveu a própria corrente, levando ao enforcamento precoce da própria idéia genial de se autosustentar na prostituição 😉

            0
        • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 19:17

          lendo os cometários bem por cima… nossa, como tem gente estúpida e alfabetizada nesse mundo…

          0
  • Nonada 27 de fevereiro de 2014 at 18:50

    MAIS UM: “Aqui é diferente!!!”

    “http://exame.abril.com.br/revista-exame/edicoes/1060/

    0
  • Leandro 27 de fevereiro de 2014 at 18:55

    A potencial ameaça das bolhas

    As bolhas de todos os tipos alimentadas desde há seis anos pelas mais baixas taxas de juro da história são uma ameaça potencial para a economia. O Bundesbank reconheceu a 17 de fevereiro que a Alemanha se confronta com uma perigosa bolha imobiliária gerada pelas taxas de juro próximas de zero por cento da Reserva Federal e do Banco Central Europeu. Estas taxas facilitaram a criação de enormes bolhas especulativas no mercado imobiliário.

    De acordo com a informação do Bundesbank, há zonas na Alemanha onde os valores da habitação subiram 25 por cento em menos de dois anos. Isto não condiz com a saúde do país, que perdeu força com o declive da sua produção industrial e o aumento da sua dívida pública. A França também viu crescer a sua dívida pública com um lento mas persistente aumento do desemprego. As falências de empresas atingiram em 2013 o seu maior volume desde o início da crise. O país está endividado e está próximo da asfixia da estagnação. A Austrália, como salienta Steve Keen neste artigo de Business Spectator tem uma dívida privada de 145 por cento do PIB e uma insustentável bolha de crédito. O desemprego elevou-se ao maior nível dos últimos dez anos. O Reino Unido também incubou uma bolha imobiliária que foi camuflada pelas turbulências da zona euro. Mas nenhuma bolha dura para sempre e tarde ou cedo tudo o que é sólido dissolve-se no ar.

    Artigo de Marco Antonio Moreno, publicado em El Blog Salmón. Tradução de Carlos Santos para esquerda.net”

    0
    • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:01

      Como são otários, aquele paisinho Alemanha com PIB baixo, escolaridade pequena e infraestrutura horrorosa, lógico que deveria ter bolha ali ……………

      A fonte esquerda.net tira 999% do prestígio da boa notícia ………

      0
      • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:02

        pega acima

        0
    • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 19:59

      O Bundesbank por acaso patrocina o carnaval? Deveria….

      0
  • Motumbo_hardcore 27 de fevereiro de 2014 at 18:56

    Só agora li a treta com a RosinhA e queria dizer, sem ofender ninguém, que o comentário provocador que originou tudo foi ridiculamente desnecessário. Ela ter estourado não faz daquele comentário algo menos dispensável. Aliás, eu acho que as pessoas precisam sempre se colocar no lugar das outras antes de dizer algo que possa ofender.

    Esse fórum sem a Rosinha pode até manter o cérebro, mas perde a alma.

    0
    • pofexô 27 de fevereiro de 2014 at 19:22

      Alma? Ela não acredita que exista alma. Para ela é tudo compostos químicos pensantes. Só isso.

      0
      • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 19:32

        Sugiro o chicão concentrar seus esforços neste camarada. Outro dia ele ofereceu seus serviços sexuais pra rosinha por aqui.

        Este, sim, merece a artilharia pesada. É mais um corvo disfarçado de comentarista.

        0
        • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 19:34

          like pra sua percepção aí.

          0
        • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 19:34

          Tá mais pra Professor Petista.

          0
          • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:39

            corvo tem instinto de abutre

            sentem de longe o cheiro, vem todos pra cima

            Aliás
            Fui.

            0
            • Anônimo 27 de fevereiro de 2014 at 20:19
              0
        • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:48

          Não vi mas tenho certeza que ela soube se defender, se não o fez, porque não viu, simples assim. Sua esposa ou mãe com nossa cultura não estaria longe de passar uma situação na RUA com proporções piores ……

          Mas tenho que tomar cuidado, e se ele for um postador tradicionalista ? eu sou mais novo, e fico com medo de chamar alguém de otário ou imbecil de graça.

          Vamos a mais um detalhe:

          1. Otário: Pessoa sem noção, que realiza brincadeiras sem graça e indesejadas pela maioria .

          2. Imbecil: Pessoa idiota, completamente sem noção, que coloca outras pessoas em situações indelicadas sem o menor respeito.

          0
          • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 20:07

            Sim, vocês precisam cuidar disso mesmo.

            Falei ontem aquilo e falaria de novo se precisasse, que fique bem claro. Não estou arrependido. Do mesmo jeito que falei do outro cara que é user frequente do blog ontem, já entrei no meio de conversa usando o mesmo argumento pra defender a Rosa. Não faço dois pesos e duas medidas com quem tem credibilidade neste espaço.

            Ela disse pra eu pesquisar o histórico dos dois antes de ter falado, creio eu que querendo dizer que havia outro caso anterior de discussão entre os dois. Não tenho como fazer isso, portanto, se em algum momento vocês me mostrarem que estava ocorrendo perseguição anterior dele em relação a ela, terei o maior prazer em assumir que cometi um erro de julgamento precipitado e pedir perdão publicamente. No momento não me recordo de tal fato de picuinha entre eles dois.

            Chega de confusão por favor e destas ironias. Estou falando respeitosamente com os dois desde ontem.

            0
      • DBA 27 de fevereiro de 2014 at 21:10

        Isso me lembra a oração do ateu incerto:
        “Deus, se é que existe Deus, salve a minha alma, se é que tenho alma”.

        0
        • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:11

          Durante a queda do avião? rs

          0
          • Zeca 27 de fevereiro de 2014 at 22:05

            Se é que existe avião.

            0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 19:28

      Exagerado, você. Mas deixa quieto, ela volta. No fundo a necessidade é mútua. De falar e de ser ouvido. Deixa estar.

      0
    • claudio 27 de fevereiro de 2014 at 19:34

      pode crê, melhor ela que ja disse que eu estava de mimimi, de bate e assopra, que me comparou com um tal de Marmo, que vieram me “bater” me chamando de corvo, do que esse pessoal, que se acha o detentor da verdade, que faz parte do tal “nucleo duro”, e outra, logicamente sinto que estão dividindo, segmentado, o blog, as veses isso aqui deveria se chamar, economia e politica, cheio de investitrouxas, que não produzem, um grão, e só vivem de especulação, nunca levantaram meia lata de concreto para encher uma laje, afinal, o titulo, não é imoveis aqui? lógico que economia e governo influencia, mas os crvs legais minguaram, e a quantidade de leitores influenciou sim na qualidade, uns para melhor, outros leitores perdeu-se a essencia e tornou mais do mesmo, limaram o tal do gb, brincadeiras e trolagens, fora de contexto, brigas por quem faz o primeiro post , para o leitor leigo como eu cansa, imagine para “os letrados”, não vejo mais o padeiro, a Rosinha “desisitimularam” e assim vão saindo uns, e ficando outros, ao Boss dou a ideia, abrir outro blog, e divide-se o blog, de um lado os “letrados” e dos outros os “ignorantes” no qual me incluo, sem frescuras, sem nomeclaturas, escrevendo de forma mais coloquial e menos formal, mas que atinge um bom nível de quem gosta de aprender, pronto falei…obrigado t+ “Quando ela fala cuide da familia” e hoje aqui traduzo, leio assim, “cuide de vc, leia pegue o que é bom, e deixe o resto prá lá, nem questione, não vale a pena” nossa noite de sono e nossa saúde mental, não tem preço, nosso tempo é muito valioso…

      0
      • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 19:38

        O padeiro está entre Nós!
        Oremos.

        0
      • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:57

        Clap, clap, clap, é disso que estou falando, ter peito:

        “e divide-se o blog, de um lado os “letrados” e dos outros os “ignorantes” no qual me incluo, sem frescuras, sem nomeclaturas, escrevendo de forma mais coloquial e menos formal, mas que atinge um bom nível de quem gosta de aprender, pronto falei…obrigado t+ ”

        Conheço muita gente rica que escreve e fala de forma coloquial, não há desprezo nenhum para uma pessoa dessas, pois afinal muitas que conheço estão super bem na estrada que trilharam, falar com palavras bonitas é legal, sim muito, mas não enche o bolso, não mostra credibilidade alguma, já fui roubado dentro de casa por amigos intelectuais, fazer o que, precisamos seguir normas:

        Escrever correto.

        Ter um Iphone

        Ter um Xoxoster.

        Ter um apto de 25m2 na Aclimação.

        Ter uma esposa que trabalhe e ganhe mais de 4k.

        Ter, ter, ter, ter, ter, e no fundo esse animal como bem disse, precisa tomar psicotrópicos potentes para poder dormir, e o azulzinho para poder ser o bão…..

        Muito legal seu relato, de personalidade e peito, precisamos de mais gente que enche laje, do que intelectuais omissos e cagões atrás de suas palavras e livros …………

        0
        • claudio 27 de fevereiro de 2014 at 20:06

          Obrigado, é noix !!! De dia isso aqui é bolsa de valores, a noite que tem um refresco ….

          0
        • claudio 28 de fevereiro de 2014 at 02:05

          Chicão! como você disse, “animal” pensei em “bichos”, chuva rápida em SP, e vi um ratão atravessando a rua, para a praça, vai essa então…

          “Bichos!
          Saiam dos lixos
          Baratas!
          Me deixem ver suas patas
          Ratos!
          Entrem nos sapatos
          Do cidadão civilizado…

          Pulgas!
          Que habitam minhas rugas
          Oncinha pintada
          Zebrinha listrada
          Coelhinho peludo
          Vão se fuder!
          Porque aqui
          Na face da terra
          Só bicho escroto
          É que vai ter…

          Bichos Escrotos
          Saiam dos esgotos
          Bichos Escrotos
          Venham enfeitar
          Meu lar!
          Meu jantar!
          Meu nobre paladar!…”

          0
      • Otavioandradas 27 de fevereiro de 2014 at 20:02

        você foi influenciado pelo Saramago, né?

        0
        • claudio 27 de fevereiro de 2014 at 20:25

          ja sei vc quer o soneto da fidelidade, dois quartetos e dois tercetos….
          mas ter algo do Saramago, deve ser algo de bom neh….
          Dissertaçao, narração, fale como quiser, mas fale…
          não se prenda a regra das paroxitonas, terminadas em rouxinol…
          é como o Muricy disse na entrevista, “vcs são muito ruins, seje mais criativo”,
          saia do lugar comum, regras foram feitas para serem quebradas,
          os certinhos são bem sucedidos, engravatados ate o pescoço, e ae ? Vivem? com seu sapatos lustrados mas desconfortáveis…
          vc toma uma cerveja, com os amigos, uma vez por semana, estando casado?
          Nunca deixe de estudar; mas a prática, as vezes, supera sua teoria.

          0
          • Otavioandradas 28 de fevereiro de 2014 at 13:07

            meu caro, não me venha dando LIÇÃO DE SHIT NENHUMA. Você não me conhece, não preciso de lição sobre liberdade de comportamento ou costumes.

            Eita MANIA do BANANENSE DE QUERER DAR LIÇÃO nas pessoas.
            Você escreve sem pontuação, mas duvido que já tenha lido QUALQUER COISA do Saramago. Mas mesmo assim, ao invés de incorporar a ironia FINA da minha mensagem, prefere colocar-se como um “revolucionário” dos costumes e já vem julgando as pessoas. Lamentável, mas altamente previsível…FRACO.

            0
            • claudio 28 de fevereiro de 2014 at 13:47

              obrigado!

              0
  • FHMartins 27 de fevereiro de 2014 at 18:59

    BOLHA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Te mandei ai uma parada naquele esquema da Veja
    Mete ai pra galera de Tópico !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    0
    • Bolha BOSS 27 de fevereiro de 2014 at 19:07

      Aqui não chegou nada :/

      0
      • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:08

        segura a onda
        não vai na euforia, pegadinha isso

        0
        • Bolha BOSS 27 de fevereiro de 2014 at 19:12

          Ok

          0
          • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:22

            tudo aqui Boss

            “http://www.realestate.br/dash/uploads/sistema/Comite_de_Mercado/cm_nota_21nov13.pdf

            Se vc tiver paciencia de ler

            0
          • FHMartins 27 de fevereiro de 2014 at 19:22

            Perai Bolha
            A Telefonica-Vivo banda larga de bosta tá um cacete aqui
            Ainda mais quando chove
            Tá saindo da caixa

            0
            • FHMartins 27 de fevereiro de 2014 at 20:00

              OPS

              Delivery to the following recipient failed permanently:

              [email protected]

              Technical details of permanent failure:
              Google tried to deliver your message, but it was rejected by the server for the recipient domain bolhaimobiliaria.com by mail.bolhaimobiliaria.com. [176.56.237.27].

              The error that the other server returned was:
              552 5.3.4 Error: message file too big

              To zipando e tentando mandar de novo
              Por acaso não aceita 14 megas de pdf ?

              0
              • Bolha BOSS 27 de fevereiro de 2014 at 20:05

                Putz, nao aceita

                Manda no gmail

                [email protected]

                0
                • FHMartins 27 de fevereiro de 2014 at 20:18

                  Acho que foi ve ai

                  0
  • José 27 de fevereiro de 2014 at 19:06

    Pessoal, como eu havia prometido a um tempo atrás, estou postando planfetos de supermercado digitalizados da cidade aonde resido para efeitos de comparações de preços do mesmo produto/marca de diferentes regiões do Brasil para sabermos o quanto somos roubados por alguns comerciantes mercenários e para acompanhar o índice de inflação dos supermecados aqui da cidade aonde resido.
    De momento há poucas fotos, mas futuramente vou postar mais.
    Espero que gostem da ideia, é simples, mas podemos fazer uma grande debate através desta.
    Comentem, debatam, postem os preços de tais produtos de suas respectivas cidades para efeitos de comparações.
    Segue link com as fotos upada ” http://imgur.com/a/GRbaX/all” se não conseguirem visualizar, me avisem

    0
    • Anônimo 27 de fevereiro de 2014 at 20:33
      0
      • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:28

        Atacadão é show de bola. Só que tem pegadinhas.
        Leite nunca está num bom preço por lá, por exemplo. Já peguei a 1,65 no KaroFu e lá ainda está perto de 2 Dilminhas.

        0
    • Anônimo 27 de fevereiro de 2014 at 20:42
      0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:33

      Ótima iniciativa. Vamos acompanhando esses preços ai…
      O negócio é comprar boa quantidade do que estiver em promoção, fazer lista e controlar a despensa, pq senão, ficamos sujeitos a comprar seja pelo preço que for na hora que o produto acaba de repente.
      A Costela aqui tá 8,90. Num dos encartes, 13,99. Todas as carnes ali achei caras.
      Açúcar Dia está com preço bom. Brahma cara, afff…
      Olha a diferença. Lá tá 1,85 e no outro, 1,59.

      0
  • Andr 27 de fevereiro de 2014 at 19:09

    Nova série: A psicologia da bolha Parte I
    Por que os preços relutam em baixa mesmo com os encalhes?
    O que explica um imóvel com 2 anos de encalhe não baixar muito o preço?
    A razão disso é mais psicológica do que econômica.

    Alex Laskey explica como seres humanos gostam de concorrer, e tem seus parâmetros baseados nos outros.
    “http://blog.ted.com/2013/02/27/the-psychology-of-saving-energy-alex-laskey-at-ted2013/

    Certa vez, uma companhia de energia chamada Opower conseguiu uma diminuição significativa do consumo de energia. Eles utilizavam frases como “voce pode salvar o planeta” ou “você pode ser um bom cidadão” ou “você pode economizar 54 dólares esse mês”, só que nenhuma delas funcionava, mas ao adicionar a frase “seu vizinho está indo melhor que você” conseguiram que 77% dos locais que ouviram essa frase reduzissem a energia.

    “Se uma coisa é inconveniente, mesmo que acreditemos nela, persuasão não irá funcionar, mas pressão social? isso é poderoso.” Diz Laskey.

    No mercado de imóveis isso é comum. Quem aqui já não ouviu do locatário a frase: “preciso aumentar o aluguel pra se igualar ao mercado.” ou “o preço que eu peço é o do mercado”?

    É sempre a ideia de não ser passado para trás, se alguém vende algo por um preço muito baixo, logo ele pode facilmente se sentir um otário porque acredita minimamente que alguém vai comprar por aquele preço bolhudo que todos no bairro estão pedindo.

    0
  • InvestidorSP 27 de fevereiro de 2014 at 19:21

    O unico motivo de imoveis comerciais ja terem caido e o de residenciais nao e que quem investe em imoveis comerciais costumam ser investidores maiores que estudam o mercado e ja viram que a MERD- ta no ar

    Os burros que compram imoveis residenciais seguem o efeito manada, resultado, hoje e mais facil vender um imovel bolhudo em bairro mais simples que em bairro nobre.

    E triste, espero que o Dr dinheiro do fantastico esteja certo e estoure esta porcaria no primeiro semestre.

    0
  • eam 27 de fevereiro de 2014 at 19:27

    “OFF-TOPIC desabafo”, pra quem está assistindo a Globo News:

    Caraca, como é possível esse pessoal da GN colocar um cara como esse George Vidor como “consultor de economia” do programa… ele dizendo que a taxa de juros (SELIC) já chegou no limite… q só interessa aos rentistas e aos administradores de fundos q ganham sua comissão… putz… economista?!?!? Vá se lascar viu !!! Bom, mas este é o país q foi governado por um apedeuta por 8 anos, queremos mais o q???

    0
    • Motumbo neles! 28 de fevereiro de 2014 at 08:38

      Ainda esses dias ele falou que o preço dos imóveis tinha espaço para subir mais quando perguntado sobre o futuro do mercado imobiliário. A Leilane (apresentadora) aumentou o tom de voz: “Mas tá impossível comprar agora! Você realmente acredita que pode subir?”
      Além do mais, aquela gravatinha borboleta dele… sei não, viu.

      0
  • Old Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 19:33

    Do Blog do Rodrigo Constantino

    Brasil teve terceiro maior crescimento do mundo… ignorando-se dez países!

    **http://veja.abril.com.br/blog/rodrigo-constantino/economia/brasil-teve-terceiro-maior-crescimento-do-mundo-ignorando-se-dez-paises/

    Quando fui ver os países da lista (do Estadão), qual não foi minha surpresa ao notar a ausência de simplesmente todos aqueles que cresceram mais que o Brasil?! Comparar com países europeus em meio a uma grave crise é barbada, não? Por que os demais emergentes não estão na lista? E os países da Aliança do Pacífico? Que critério estranho de escolha foi esse?

    O autor responde: são dados de 13 economias que já apresentaram seus resultados, selecionadas pelo IBGE. Ou seja, somente aqueles países que já divulgaram os dados fechados para 2013 estão na lista. E os petistas saem por aí repetindo que fomos a terceira economia que mais cresceu? Sério?

    0
    • Martin 27 de fevereiro de 2014 at 19:35

      Cara, como havia dito mais acima o dia em que a banânia tiver o 3o maior crescimento do planeta estaremos no meio de um apocalipse zumbi a pelo menos uns três anos… É muito desespero. A piada fica fácil demais.

      0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 19:36

      eu que sou leigo achei puta sacanagem não esclarecerem a diferença entre 2% de crescimento na Alemanha e 2% na Banânia. E escolher a dedo e na pressa estes dados porque? Má-fé, pura e simples.

      0
      • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 19:37

        Tb achei estranho.
        Se a média global é 3%. Como o que teve 2,3% seria um dos primeiros???
        Banânia……………fique com sua maquiagem. Que eu fico com a minha conta no exterior.

        0
        • Lucas 27 de fevereiro de 2014 at 19:40

          maquiagem no PIB

          tbm estou desconfiado

          0
          • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 19:42

            E a inconsistência de um semestre pro outro. Você viu? Parece uma gangorra. Tá estranho isso aí.

            0
    • [email protected] [email protected] 27 de fevereiro de 2014 at 21:46

      Então mais uns meses, os outros países divulgam e esta [email protected] cai por terra!!!

      0
  • DNC 27 de fevereiro de 2014 at 19:45

    CVR off

    Confrontei um 666 que acabou de comprar um 208 aut por míseros 54k, este justificou que queria um compacto automático porque a esposa não conseguia guiar carros médios, o orçamento do rapaz era de 42k que rapidamente pularam para 54k pois era este o que satisfazia as “necessidades” dele.

    olha a resposta que ele me deu

    “Valeu pelo comentário DNC.

    Só um ponto, no meu relato anterior, da venda do carro, a economia foi uma das consequências, eu não vindi o carro porque estava pesado pagar, foram outros motivos(carro antigo era financiado).

    Só vou fazer comentários, não vou mostrar que o meu ou o seu ponto de vista está certo ou errado, ok?

    Na minha primeira busca por um usado na faixa de 42, eu não cosnegui encontrar um que nos agradace, por mais que não tenha ficado tão claro isso no texto, mas nós olhamos sim alguns usados, perdi alguns que foram vendidos antes, outros estavam ruins e nem fui avaliar, mas nenhum deu pra bater o martelo.

    Outro ponto é, por quanto tempo esta disposto a ficar buscando esse usado?
    No meu relato anterior, ficou claro que não queremos mais ficar sem o carro, não só por transporte diário, mas por questão de segurança no local que moro atualmente, a opção por extender o valor pra chegar num zero, foi exatamente pra não haver uma demora maior na compra, que mesmo de um zero demora um pouquinho ainda, pois tem o tempo de entrega e tudo mais.

    Acredite, e não estou sendo pretensioso, a minha realidade financeira hoje me permetiu sim comprar o carro no valor acima, e mesmo o usado, não ia pagar a vista, mesmo podendo, porque não queria me descapitalizar, ficar com uma reserva muito baixa… ok, se paga os juros, se vc assumir esse gasto a mais e isso não for problema, ai é questão de gestão financeira que cada um faz.

    Pra vc ter uma ideia, essa semana minha TV queimou, um 50″ de plasma, se eu tivesse comprado o carro a vista teria que ficar uns 2 meses sem TV, parte do capital que mantive não comprando o carro a vista, vai me permitir passar 20 dias viajando fora do país, o que julgo ser melhor do que economizar 2 mil e ficar com a conta zerada.

    Estratégia financeira é algo complexo e muito particular, não da pra julgar apenas vendo um cenário isolado, nesse caso a minha compra do carro.

    O que dizer para um 666 desses ??

    0
    • Chico Bento Rosa 27 de fevereiro de 2014 at 19:50

      Olha parei no vindi, não consegui mais 😉

      Carro é meio de transporte não de status, matemática simples minha:

      Para comprar carro de 54k deve ter disponível pelo menos 300k sendo bem legal …………..

      0
    • DBA 27 de fevereiro de 2014 at 19:53

      O que dizer para um 666 desses ??

      Simples! Diga: “compre, compre!”
      Sinceramente: gente que tem dinheiro mas que não é sensato nos gastos não merece continuar rico e servir de mau exemplo. Tem que incentivar o cara a se endividar para se ferrar e servir para todos de exemplo do que NÃO se deve fazer.
      Por outro lado, o pobre esforçado, frugal e dedicado merece ajuda. Merece crescer e vicejar. O país só terá futuro se o malandro se der mal e o competente, dedicado e honesto crescer.
      Só merece continuar rico quem dá valor ao dinheiro que obteve. Os gastadores contumazes e os que obtiveram grana por meios ilícitos merecem a pobreza ou a cadeia.
      Ponto final.

      0
      • Pobre Piritubano 27 de fevereiro de 2014 at 20:06

        Absolutamente fantástico. Assino embaixo. E, felizmente por enquanto, isso vem ocorrendo comigo. Como percebi que tenho facilidade em poupar dinheiro ao invés de ficar gastando com roupas de marca, celulares da moda e outras porcarias, venho aumentando meu patrimônio a cada mês, tal qual uma formiguinha observado as cigarras…

        0
      • Thiago 28 de fevereiro de 2014 at 11:06

        Ele tem dinheiro e gasta como quer, quem não tem dá palpite no dinheiro dos outros…

        0
        • Pobre Piritubano 28 de fevereiro de 2014 at 11:15

          Ciente. Próximo.

          0
          • Thiago 28 de fevereiro de 2014 at 11:22

            Também existe: Fail. Next.

            0
        • alex 28 de fevereiro de 2014 at 13:00

          Ele não tem o dinheiro, por isso financiou o atual e teve que vender o anterior que também era financiado.

          0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 20:44

      Nada justifica qualquer compra por melhor que seja, pelo fato de ser uma que agradace o sujeito…

      0
    • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 20:51

      “vindi”
      “agradace”

      Parei por aqui !

      0
    • Coelho da pascoa 28 de fevereiro de 2014 at 11:30

      DNC, diga que o dinheiro que se ganhou ontem pode não ser ganho amanhã, todo dinheiro que se gasta é um dinheiro que não vai voltar nunca mais, ele tem condições hoje… e amanhã? Eu particularmente acho que não existe segurança maior do que ter um carro usado e velhinho, uma casa com frente mal pintada e portão enferrujado.

      0
    • Morgana 1 de março de 2014 at 22:43

      O que ele está fazendo é deixar de ter no futuro para ter hoje. Pagando os juros correspondentes, que no Brasil são absurdamente altos. Uma boa aula de economia aplicada explica isso mas, pelo jeito como ele escreve, não sei se teria capacidade de entender…

      0
  • Pablo 27 de fevereiro de 2014 at 20:20

    Vice-presidente do BB: “queda da inadimplência ajudou lucro histórico”

    […]
    Para ele, a polêmica em torno de uma possível bolha imobiliária não faz sentido. “Falar em bolha imobiliária em um País que tem déficit habitacional eu acho um pouco forte”, diz.

    “http://economia.ig.com.br/empresas/2014-02-27/vice-presidente-do-bb-queda-da-inadimplencia-ajudou-lucro-historico.html

    “Do nada” falam nesta tal de bexiga imobiliária!

    Enfim, continua sendo [email protected] um site da internet!

    0
    • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 20:48

      Falar de fome na Etiopia é o que então ???

      0
  • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 20:20

    26/02 – Anúncio de Programa de Recompra de Ações
    Gafisa
    Tenda
    27/02 – Aprovação de Programa de Recompra de Ações
    Sul América

    0
  • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 20:28

    CVR off

    ah, a mentalidade do bananense….

    entro no elevador e alguns segundos depois uma criança começa a chorar; a mãe então imediatamente pergunta o porquê do choro…

    ah, é porque ele esqueceu o Iphone na quadra poliesportiva…começam a apertar deseperadamente o botão p/ voltar e procurar o telefone

    PQP! Criança de 6 anos precisa de Iphone?

    Detalhe: moramos em um prédio de 2 quartos, em um bairro ok, onde no mínimo metade dos moradores é bem çlasse mérdia…

    aposto que se fosse p/ gastar em médico ou dentista não teriam grana, porque é muito caro e um “absurdo”

    0
    • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 20:29

      provavelmente economizam no plano de saúde… rs

      0
      • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 20:35

        exatamente!!

        e como chegou meu andar, não deu p/ acompanhar o resto da conversa, mas parecia, não posso afirmar , que era o segundo perdido!!! ai é demais, é PhD em meiameice se for verdade

        como disse, prédio decente, vizinhança decente, prédio de 2 dormitórios com BMW, CRV, ASX na garagem

        o típico

        0
    • Juma 27 de fevereiro de 2014 at 20:40

      “PQP! Criança de 6 anos precisa de Iphone?”

      Criança de 6 anos tem é que brincar com outras crianças…simples assim.

      0
      • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 20:43

        perfeito! correr, brincar de pega -pega, queimada, jogar bola, brincar de boneca, de carrinho

        não ter um celular de 2K!

        0
      • xyz 27 de fevereiro de 2014 at 22:14

        Concordo não.

        Os esquerdistas no Brasil estão querendo adiar a idade de alfabetização.
        Já tem lugares onde as crianças estão sendo alfabetizadas antes de começarem a falar.

        A capacidade de aprender é gigantesca nos primeiros meses de vida e vai diminuindo rapidamente nos primeiros anos.

        Não vejo qualquer problema em dar um iphone para uma criança de 6, 5 ou 4 anos, apenas o preço.

        0
        • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 22:27

          xyz, eu vejo.
          4,5,6 anos não é para criança ficar brincando de candy crush saga o dia inteiro. é pra andar de bicicleta, jogar bola, interagir com outras crianças. Isso – não é esquerdismo, caramba – estimula fortemente as capacidades cognitivas ligadas à coordenação motora, melhora a concentração desenvolve habilidades motoras finas, melhora a capacidade física da criança! Ensinar inglês ou matematica para uma criança de 4 anos é perfeitamente possível, e pra isso iphone não é necessário. Precisa é somente gastar dinheiro eou tempo com escola e para comprar tempo em casa, acompanhando o desenvolvimento das crianças. Iphone é supérfluo. Um tablet de 300 reais resolve.

          0
          • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:34

            É disso que estou falando: relação entre o acesso à qualquer badulaque tecnológico e o tempo gasto nele.
            Qualidade no aprendizado é bem mais importante do que simplesmente saber ler cedo. Não desprezo a capacidade de leitura – de jeito nenhum – mas, temos uma geração de pessoas que sabe ler mas não entende o que lê.

            0
            • Floyd28 27 de fevereiro de 2014 at 22:41

              Um vídeo bem bacana sobre a geração alpha, demonstra um pouco sobre a percepção da criança diante da tecnologia:

              “https://www.youtube.com/watch?v=7Vvmftz-svU

              o vídeo é bem gracinha!!o.O

              0
              • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 23:04

                já começou bem… num quarto Montessoriano 🙂
                Que delícia de brincadeiras. Boas colocações. Amanhã revejo com calma.
                Tá no Favoritos!
                Obrigada pela dica.

                0
                • Floyd28 27 de fevereiro de 2014 at 23:11

                  Disponha, se eu lembrar de outras coisas te mando também.

                  0
                • Pobre Paulista 28 de fevereiro de 2014 at 09:32

                  Putz. Montessoriano, Waldorf, etc…

                  Já tá me dando alergia, aquela mesma que eu sinto quanto um esquerdista surge num raio de 200 metros de mim.

                  0
          • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:39

            tudo pra esse mano se resume a ser de esquerda…
            o demônio tem costas largas mesmo

            0
          • xyz 27 de fevereiro de 2014 at 22:59

            É esquerdismo sim !!!!
            É a arcaica visão esquerdista que as crianças mais capazes não podem ser estimuladas precocemente para não terem vantagens competitivas em relação às outras.

            Em nenhum momento falei que habilidades motoras não devem ser estimuladas. Crianças devem ser estimuladas em todas as habilidades. Não entendo esse “ódio” esquerdista pelo iphone.

            0
            • barnabezinho 28 de fevereiro de 2014 at 11:18

              Só pra constar:

              “Não entendo esse “ódio” esquerdista pelo iphone”

              Cara, eu acho que tu é inteligente o suficiente pra entender que não acho que uma porra de CELULAR de 2500 reais deva ser dado a uma criança de CINCO ANOS. Dá uma porcaria de Galayx Y de 250 reais, e vai servir da mesma forma. Eu acho o IPhone CARO DEMAIS pelo que ele proporciona. Só isso. Se um 5C custasse 700 reais eu compraria um. Por isso eu uso um Lumia 520, da M$, de 400 reais. Porque é mais barato. só isso.

              0
              • xyz 28 de fevereiro de 2014 at 11:25

                O conceito de caro é relativo.
                Para mim 2500 é caro, mas para muitos é troco de bala.

                0
                • barnabezinho 28 de fevereiro de 2014 at 11:54

                  Padrão bananense, ok, 2,5K não é caro, o boy da forma compra em 10X. Mas com 1000 dollars se pode por exemplo, pagar uma boa viagem, ou um cursinho de línguas introdutório, ou um bom táblete mais outras quinquilharias. Ou se abre uma poupancinha para a criança… E assim, acho muito dinheiro para por na mão de quem não tem a mínima noção de valor e cuidado com o que é dado… a vontade de presentear é enorme, a gente mesmo dá pensando em agradar, melhorar, mas nem sempre isso é legal. Criança tem de aprender a não ter tudo…

                  0
        • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 22:35

          oi xyz

          sem entrar no mérito de educação, mas quis chamar a atenção a respeito do pensamento 666 das pessoas (claro que pode ser um “come quieto”-aliás como nós somos) , só que não

          meu prédio é praticamente composto por bananenses típicos, o pessoal de maneira geral,tem um renda bem meia boca, tem gente aqui que atrasa o condomínio mas tem BMW; meu apê tem 68 m, e muitos vivem com 2 ou três crianças, não frequentam escolas tão boas, mas tem iPhone, um símbolo de status

          aliás , meu sobrinho uma vez me perguntou porque “todo mundo tem iPhone”

          não estou demonizando totalmente a tecnologia e sim a desproporção de gastos; mas brincar e interagir em sociedade também são muito importantes

          0
          • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 22:42

            e tirando o custo , que você bem apontou, também acho que tem que ter um pouco de moderação no uso

            vejo, com frequência, crianças que só são “controladas” quando lhes é entregue o dito espertofone

            no meu tenpo não era assim não.. tínhamos que ter modos independente de “subornos”

            muitas crianças também estão um pouco aceleradas demais e com dificuldade de concentração , já existe estudos que mostram que “execesso” de uso, em crianças e adultos causa ansiedade e dificuldade de concentração

            0
            • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 22:43

              eita, excesso

              0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 20:42

      Por que precisa? Porque todo mundo tem!
      É a treva!!!!!!
      Quero ver se coloco os hannababies quando crescerem num colégio conservador daqueles que não toleram celular e outras coisas desnecessárias.
      Hoje o pessoal sai pra “passear” com as crianças e fica desesperado por causa de wi-fi. O lance agora é ficar conversando só com as máquinas…

      0
      • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 20:46

        é isso, TER, TER, TER// PARECER, PARECER, PARECER

        só poso ser feliz se tenho ( ou aparento ter ) mais que os outros

        não estou dizendo que tem que ser monge, tenho minhas quedas consumistas, mas critério, bom senso e principalmente adequação

        já vi gente literalmente deixar de comer p/ poder ir na manicure e estar “bonita”

        0
        • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 20:47

          Vou lhe dar uma dica, de um mineiro.

          Leve seus filhos para passar uns dias em uma fazenda qualquer ….

          Os valores são outros.

          0
        • Ex Futura Bolhotária 27 de fevereiro de 2014 at 20:51

          Todo muito tem uma fúria consumista… vc vai lá e compra 3 pares de sapato de uma vez ou várias peças de roupas ou produtos eletrônicos. Cada um tem a sua predileção. O problema é quando vc vira escravo simplesmente porque tudo mundo tem ou para aparentar ter um padrão de vida que, na verdade, não condiz com a realidade. E nem vou entrar na discussão de que dar um Iphone ou um tablete para uma criança é muito mais fácil do que educar de verdade… As pessoas querem a solução mais fácil e simplista

          0
          • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 20:56

            Se alguém fica rico com trabalho, eu vou ficar rico ! 🙂

            Estou trabalhando 14h/dia, e nunca comprei mais de um sapato !!! kkkk

            Sempre que compro um sapato, deixo o que estou usando na loja, mais precisamente na lixeira.

            0
          • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 20:59

            Exatamente…
            As pessoas têm suas preferências e podem ter predileção por esse ou outro produto. O problema é quando se tornam escravas deste ter ou precisam ter só para mostrar para os outros que tem ou, pior, querem ter a qualquer custo, nem que seja se enforcando no cartão ou matando uma pessoa para roubar dela o objeto que deseja.

            0
            • Ex Futura Bolhotária 27 de fevereiro de 2014 at 21:02

              Exatamente… O que eu conheço de pessoa que tá enforacada no cartão… Aí, não faz uma academia, porque não tem dinheiro para pagar. Não vai a um restaurante legal, pq não tem dinheiro. Não vai ao cinema ou teatro, porque não tem grana. Isso tudo para mostrar um padrão de vida que nem de perto é a realidade

              0
              • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:14

                Isto é uma das causas do mercado estar como está. As pessoas aceitaram pagar qualquer coisa para possuir, e os preços só foram subindo, subindo…

                0
        • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 20:57

          E fica ainda pior, já que além de não estimularem em casa seus filhos a serem seres pensantes e não meros apertadores de botões que depois quando tem que se relacionar com seres humanos, os pais não se atentam ao que acontece na escola. Todo o pai deveria perguntar qual é o método pedagógico oferecido e o que ele consiste. Tem criança que eu conheço que logo cedo sabe a tabuada, mas fica confusa quando você usa o velho “comprei uma dúzia de laranja e comi três. Quantas ficaram?”. Se você perguntar quando é 12 menos três ela responde na lata. Falou em laranjas, a resposta demora um pouco. Como é que esta criança está sendo ensinada?
          Essa imersão em bugigangas eletrônicas faz com que depois você pegue pessoas frustradas com chefes, com professores, com amigos e tudo o mais e quando investiga, os motivos são os mais banais possíveis. Quanto mais vamos perdendo do experimentar da convivência com o outro, mais vulneráveis e frágeis ficamos ao termos que ouvir as pessoas (os pais, principalmente) e interagir com elas.
          A tecnologia faz parte do nosso dia a dia, então é claro que as crianças devem ter contato com ela, mas o que vemos são meninos e meninas sentados e batendo papo e vidrados como meros espectadores e digitadores.
          Mas, o importante nem é a pessoa estar inserido no mundo tecnológico. É simplesmente o TER, como você falou. Ainda que fosse um ábaco de pedras preciosas, se for sinônimo de status, “a criança tem que ter”.

          0
          • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 21:05

            isso que você falou é muito verdade; não digo que sou contra tecnologia, mas não se pode ser escravo dela (apesar de que estou no laptop, escrava da bolha, rsrsrs)

            mas de maneira geral as pessoas estão emburrecendo, não tem mais raciocínio ou interpretação de texto, etc

            e a convivência, aquilo de sentar, conversar, interagir, de verdade , está morrendo

            com frequência se observa em uma mesa de restaurante, por exemplo, surgir um grande silêncio, não porque as pessoas estão comendo e com a boca cheia, mas porque todos (ou quase todos) estão dando uma olhada no celular

            e voltando às crianças , esta obessão em “dar tudo” e competir p/ ter o melhor e mais moderno está criando uma futura geração de frustados, porque não sabem ouvir um não e porque não estão acostumados a não ter/perder e tampouco conquistar pelo mérito

            todos os sapatinhos que eu tenho foram por trabalho e mérito 🙂

            0
            • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 21:10

              opa , obsessão

              0
            • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:13

              E o grande problema disto é que você vai colocar a criança numa escola em que TODO mundo tem celular e tablet, às vezes. Como é que vc vai deixar só o seu filho sem? É um problema isso…
              Agora, acho que tem sim como dosar. Infelizmente temos que largar tempo e dedicarmos a ela. Temos que lembrar que a gente hoje tranca elas dentro de casa e muitas ficam confinadas em casas e apartamentos sem quintal.
              Nossa infância foi na rua, em cima de árvore, brincando nas calçadas.
              Então, se temos que deixá-las fechadas, por conta da violência das ruas e outros fatores, temos que tentar dar qualidade de vida e, pra quem está nas cidade, dar uma escapada e por as crianças pra pisar na terra de vez em quando.
              A propósito, sobre relações, vai subir cada vez mais o número de pessoas se matando ou matando namorada, esposa e etc. Não estamos conseguindo conviver com os outros ou com os problemas. Estamos ficando doentes.

              0
              • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 21:26

                nós não temos filhos, então vale a frase ” é muito fácil falar” … certamente deve ser muito difícil e desafiador criar uma criança nos dias de hoje

                quando éramos criança, eu especialmente que morava no interior, tínhamos muito mais liberdade, brincava na rua, subia no muro, hoje algo inimaginável, especialmente p/ os que moram nos grandes centros como SP

                mas dá p/ tentar alternativas , um cliente meu outro dia numa conversa coloquial me chamou atenção justamente por dizer que evita levar as crianças no shopping, que leva no parque vila lobos (SP) p/ andar de patins, skate.. p/ você ver que a gente vai sendo tragado por esta realidade endurecida e esquece até de alternativas próximas, possíveis e baratas (valeu da fazendo oriundo)

                minha família se matou p/ que eu tivesse educação, então estudava em uma boa e cara escola, mas não podia ter nem um décimo do que minahs amigas tinham.. claro que na época não era este show de tecnologia , deve ser muito difícil de segurar a onda mesmo.. mas não morri, rsrs, nem sou “traumatizada” pelas “privações” , rsrs

                talvez seja por isso que tenho fraco pelos sapatos, rsrs, p/ compensar 🙂

                você é muito ponderada, acompanhamos o blog faz muito tempo, tenho certeaz que criará seus filhos fantasticamente

                só de estar aqui já prova que não é 666

                0
                • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:43

                  Hahahaha… imagina. Obrigada!
                  Sei que não vou conseguir fazer as coisas com perfeição e não é esse o meu objetivo. O meu objetivo é tentar fazer melhor o que estiver ao meu alcance. Ficar preso também em estereótipos de como ser o pai perfeito tb não está com nada. O que tento é adaptar e criticar o que temos para tentar fazer melhor e tb, por eu ter pavor de gente mole e que não pensa, estou tentando sempre estimulá-los – respeitando seus limites e maturidade – a enxergar o mundo como pessoas construtivas.
                  Agora nosso projeto tem sido o quarto Montessoriano. É bem interessante a proposta.
                  Meus pais vieram da roça e procuraram me criar melhor do que o que os pais deles puderam fazer. Aqui tentamos fazer o mesmo. Melhorar a cada geração.
                  Por exemplo, eu gosto de sentar aqui no compt só quando eles dormem.
                  Aqui usamos muito o SESC. É um espaço muito bacana com opções de lazer e atividades super interessante. Apesar de ter carteirinha, o espaço lá é aberto tb pra quem não é sócio. Pq vc acha que isso acontece? Pq a procura não é imensa. Tanto que tem espaço de sobra para que ele seja aproveitado.
                  Agora, vai no xópis pra ver o povo todo empilhado com crianças lá.
                  É desafiador e difícil criar uma criança, mas se vc sra 10 já tem este pensamento que tem, se algum dia resolver ter uma, sairá na frente de muitos em pensamento.

                  0
                  • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 22:00

                    rsrsr , obrigada

                    o que você está tentando fazer é maravilhoso ; vpcê não está tentando ser perfeita e sim tentando passar valores

                    e p/ os mimimis de plantão, apesar de quase um chat, o assunto é pertinente no blog, porque aqui discutimos, entre vários coisas , a história da meritrocacia e como o “coitadismo” está acabando com este país; tentar criar uma geração melhor , como você está fazendo já não parece ser mais a coisa mais comum e racional a se fazer

                    podemos dizer, tanto eu quanto o Sr.10, que somos frutos do mérito, viemos de familias normais, que sofreram muito com a inflação e se mataram p/ proporcionar educação; nós dois que soubemos agarrar esta oportunidade estamos hoje bem confortávais e com perspectivas de melhorar ainda mais ; já é nítida a diferença em relação ao resto dos parentes

                    aliás, o Sr. 10 deve estar lendo e dando risada, criamos o Casal20 , mas só eu que escrevo! como o típico esteriótipo feminimo, tenho que gastar 10k palavras ao chegar em casa e hoje gastei aqui no blog!

                    e ainda está cedo, mas viva o CDM!! Salve Shake

                    0
                    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:03

                      Quem vier brigar com a gente vai levar uma Sherazada nas fuças kkkkkkk
                      Mulher fala pouco. Bem pouco. Aqui no blog, por exemplo, escrevemos quase nada… 😈

                      0
                    • Casal20 27 de fevereiro de 2014 at 22:04

                      kkkkkk

                      0
                    • Shakespeare 27 de fevereiro de 2014 at 23:57

                      Em homenagem ao post que ainda não foi post por apenas 3 minutos, o CdM se inicia 3 minutos antes 😉

                      0
                    • Shakespeare 27 de fevereiro de 2014 at 23:58

                      E aqui também vão meus respeitos e admiração por todos os comentaristas do blog, sua alma, e ao Boss, que nos permitiu ter este espaço.

                      0
                    • Amadeus de Sampa 28 de fevereiro de 2014 at 00:00

                      Mesmo àqueles que nao acreditam em alma? haha

                      0
                    • Shakespeare 28 de fevereiro de 2014 at 10:24

                      Pode acreditar na alma do blog, ela existe e é formada por todos os comentaristas excepcionais que aqui escrevem e colaboram.

                      0
    • Motumbo neles! 28 de fevereiro de 2014 at 08:44

      Na escola da minha filha cansei de ver 666mirins com essas bugingangas tecnológicas. Todo mundo conectado mas sem interagir. Mas isso é reflexo da educação dada pelos pais. Troca carinho e atenção por quinquilharias. Nota zero em inteligência financeira e emocional.

      0
      • Pobre Paulista 28 de fevereiro de 2014 at 09:35

        Antigamente as crianças faziam as próprias bonecas de pano, com ajuda das avós. Aí vieram as bonecas industrializadas e junto com elas todo o mimimi que ouço hoje em relação aos tablets.

        0
  • civilizado 27 de fevereiro de 2014 at 20:35

    Galera deveríamos ser um pais protestante!!!!

    0
    • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 20:37

      Cuidado que o inquisitor do ateísmo andradista vai te queimar na fogueira…

      0
      • civilizado 27 de fevereiro de 2014 at 20:42

        o ateísta andradista…..ñ lenha e nem fogo,…só inveja…..hahahahahah

        0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 20:40

      Protestante, você quer dizer, que protesta, né?rs

      0
      • civilizado 27 de fevereiro de 2014 at 20:41

        os dois!!!

        0
        • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 20:42

          Se fosse um país educado já tava bom demais.
          Civilizado, com o perdão do trocadilho, também seria bom se fosse.

          0
          • civilizado 27 de fevereiro de 2014 at 20:46

            certa vez li num blog que um diretor de assuntos da américa latina do Bird disse que o maior problema do Brasil era a grobo com suas novelas e …..a igreja católica….seríamos outro pais…..

            0
            • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:03

              É um ponto de vista.
              Não sei, mas acho que a janela é mais larga.

              0
              • civilizado 27 de fevereiro de 2014 at 21:09

                mas, quanto tempo estes dois estão na banania….gerações e + gerações(lavagem cerebral)……

                0
                • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:20

                  Cara, eu conheço pouquíssimos católicos que fazem tudo o que a Igreja pede, prega ou recomenda. Por isto sempre fico com o pé atrás quanto ao alcance, pelo menos atual, dos ensinamentos ou ordens dela.
                  Mas, não tenho dados para discutir com você 😉

                  0
                  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:22

                    Curiosidade: a igreja católica é dona de grande parte dos imóveis da Avenida Rio Branco, coração do centro financeiro do Rio.

                    0
                  • civilizado 27 de fevereiro de 2014 at 21:28

                    viu como tu falaste pouquíssimos….o problema é a massa……é sim, sim, e ñ, ñ…

                    0
                • Mineirausfall 27 de fevereiro de 2014 at 22:35

                  Muito provavelmente, é esse o fio da meada.

                  Igreja Católica: originou a crença no milagre e na intervenção divina (não que não ocorram, mas são extremamente raros. Aliás, se milagres acontecessem a todo momento, não seriam assim chamados). De certa forma, faz com que as pessoas que assim crêem, ajam com mais imprudência (afinal, “D-us proverá“ e “Ele está no controle de tudo“. Deste modo, não haveria como existirem problemas, “serto“?).

                  GloB.O.: O que aparece na novela vira padrão de comportamento eo aparece no Jornal Nacional vira dogma. Este não é um problema exclusivo da Banânia, embora seja mais pronunciado devido à deseducação vigente.

                  0
                  • Mineirausfall 27 de fevereiro de 2014 at 22:38

                    “eo aparece“ => “e o que aparece“

                    0
        • neófito 27 de fevereiro de 2014 at 20:44

          KKKKK,uma teocracia, quem seria o líder espiritual o Malafaia ou o Edir Macedo?

          0
          • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 20:45

            Desculpe mas uma liderança humana não caracteriza uma teocracia. 😉

            0
            • neófito 27 de fevereiro de 2014 at 20:47

              Ok, voto pelo Edir Macedo , nosso aiatolá.heheheh!

              0
              • civilizado 27 de fevereiro de 2014 at 20:49

                esse cara nunca foi e nunca será protestante…ele e seus pares….tão muito longe….muito!!!

                0
                • neófito 27 de fevereiro de 2014 at 21:06

                  Que é isso? o Edir é ungido, não é a toa que a sua igreja é universal, kkkkkk,desculpe, não resistir a piada.

                  0
                  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:09

                    kkkkkk

                    0
                  • civilizado 27 de fevereiro de 2014 at 21:11

                    é piada pronta…só aqui na banania….kkkkkkkkkkkk

                    0
              • Oriundo 27 de fevereiro de 2014 at 20:57

                Esconda a carteira !

                Leve cartão com senha !

                0
                • Joca 27 de fevereiro de 2014 at 23:46

                  Já tão aceitando boleto. Não se preocupe.Falar nisso, será que os terreninhos no céu também estão bolhudos?

                  0
      • Pobre Paulista 27 de fevereiro de 2014 at 20:56

        Momento Reaça, take 2

        0
    • MasterK 27 de fevereiro de 2014 at 20:53

      Por enquanto, somos apenas um país de protestados. E subindo!

      0
    • AlexBhz 27 de fevereiro de 2014 at 21:29

      Acho que seria melhor se dissesse que poderíamos ter sido colonizado por protestantes!

      Protestantismo no Brasil atual isso não ecxiste!! Seria trocar 6 por meia dúzia.

      0
  • Matematico 27 de fevereiro de 2014 at 20:49

    Obrigado pelos elogios mas se o artigo ficou bom foi graças a vocês pois tudo o que eu aprendi sobre o mercado imobiliário foi lendo o blog.
    Obrigado ao BOSS pelo espaço e a todos que recomendaram que este artigo fosse tópico.
    Eu espero que este Indice Gerson seja um tapa na cara dos SECOVIs e CRECIs da vida que são extremamente arrogantes repetindo os mesmo argumentos de aumento de renda e facilidade de financiamento o tempo todo.
    O Indice Gerson mostra claramente que eles são mentirosos e espero que isto ajude a acabar com a insanidade dos preços atuais do imóveis.

    0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:06

      Eu achei de uma simplicidade e ao mesmo tempo de uma genialidade sensacional.
      É igual aquelas raquetes de matar pernilongo. Meu, que ideia excelente. Simples, eficiente.
      Maravilha. Parabéns.

      0
      • Motumbo neles! 28 de fevereiro de 2014 at 08:46

        Aquelas que dão choque?

        0
    • xyz 27 de fevereiro de 2014 at 21:33

      Desculpa aí amigo, mas vou opinar,

      Chamar de “índice gerson” o legítimo desejo do proprietário de vender seu imóvel pelo maior preço que o mercado paga é uma injustiça e na minha opinião, tem um viés socialista e de atentado ao direito de propriedade.

      Bolha não tem nada a ver com ganância de proprietários e imobiliárias, pois felizmente o homem é ganancioso e foi isso que fez a civilização chegar onde está

      Desconsiderar o aumento da renda e a facilidade do crédito na formação do preço do imóvel é, no mínimo, um erro.

      Óbvio que a bolha é cria da exagerada expansão monetária promovida pelo PT.

      0
      • Mineirausfall 27 de fevereiro de 2014 at 22:42

        Ciente.
        Próximo.

        0
      • Joca 27 de fevereiro de 2014 at 23:49

        Pede um tópico só pra você.

        0
        • xyz 28 de fevereiro de 2014 at 00:04

          kkkkkk……
          Enquanto o dono do blog não me bloquear vou detonar qualquer ideia com a qual não concorde. E mais: acho legítimo o direito do colega escrever o que quiser, mas não concordo com nada que escreveu no tópico.

          0
      • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 23:54

        O xyz tem uma opiniao que merece respeito. O termo “Gerson” é discutivel sim, apesar de ser forte e facil de memorizar.

        0
  • Pablo 27 de fevereiro de 2014 at 20:57

    Recomendo a leitura: “http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=1767

    A economia brasileira em 2013 – um resumo de final de ano.

    0
    • John Galt 27 de fevereiro de 2014 at 21:20

      Como sempre, simples e genial o artigo do Mises. A explicação sobre nossa sensação de inflação mais lata que a divulgada é sensacional. Mais sensacional ainda entender como os ítens controlados pelo governo artificialmente isentos de inflação tornam a coisa toda ainda pior.
      Genial como o índice Gerson!

      0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:24

      Única hora que o governo cumpre o que promete é pra fazer trapalhadas.

      0
  • veigalex 27 de fevereiro de 2014 at 21:00

    CA.. vai ter uma analise da GAFISA?
    Ela liberou o resultado..

    Sua analise é muito ótima de boa…

    Na expectativa.

    Abraço!

    0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:08

      Também quero ver o ponto de vista dele…
      A propósito, ela está recomprando ações.
      Eu acredito que as empresas estejam querendo caminhar para o fechamento de capital. Quem conseguir concluir isto com êxito, capaz de se dar bem.
      Fizemos alguns trabalhos no final do ano sobre o setor, mas – digamos – não interessaram tanto depois de ver os primeiros resultados e então não demos continuidade.

      0
    • Pobre Paulista 27 de fevereiro de 2014 at 21:10

      É, eu fiquei meio espantado… de onde eles tiraram quase 1 bi de lucro…

      0
      • Pablo 27 de fevereiro de 2014 at 21:17

        Veio da venda de 30% da Alphaville!

        0
        • Pablo 27 de fevereiro de 2014 at 21:19

          Descontado, fica em menos de 100kk!

          0
          • veigalex 27 de fevereiro de 2014 at 21:22

            Acho engraçado ´que antes muitos portais faziam alarde.. Neste balanço.. as noticias estão como notinhas.. Sei não..

            0
        • Pobre Paulista 27 de fevereiro de 2014 at 23:29

          Putz, nem sabia quem tinham vendido a alphaville!!! Hahaha! Assim fica fácil!

          0
  • veigalex 27 de fevereiro de 2014 at 21:10

    A BISA3 ta dizendo que vai fazer o OPA.. A Gafiza vem com essa de recompra..
    Sei não.. sei não.. Ta me cheirando a Gorpe.. Corre Negadiss.

    0
  • My name is james Bond 27 de fevereiro de 2014 at 21:12

    Fui no banco do brasil hoje em cheguei em uma taxa de 84% do CDI do LCA. O que acham?

    0
    • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:14

      Tá na média dos bancos grandes.

      0
    • Sevilha 28 de fevereiro de 2014 at 08:21

      Como vcs conseguem LCA no BB ? tem algo errado ai, não seria no Estilos ?
      BB não tem LCA…

      0
      • Geleia 28 de fevereiro de 2014 at 08:28

        Tem sim.
        Eu tenho uma conta chinfrin no BB e me ofereceram. Na época, a 73% do CDI. Ri na cara da gerente rs

        0
  • Pablo 27 de fevereiro de 2014 at 21:13

    Construção inicia o ano com queda na atividade.

    O nível de atividade encontra-se também abaixo do usual para o mês de janeiro, com indicador em 43,9 pontos, abaixo da linha divisória dos 50 pontos. Esse resultado aponta para o desaquecimento do segmento e com resultado mais desfavorável desde agosto do ano passado, quando esse indicador foi de 43,5 pontos.

    O número de empregados foi afetado pela baixa atividade. O indicador de evolução do número de empregados situou-se em 45,0 pontos em janeiro, abaixo da linha divisória dos 50 pontos, o que representa queda em comparação ao mês anterior. Já a Utilização da Capacidade de Operação (UCO) subiu de 69%, em dezembro, para 70% em janeiro.

    Em fevereiro, a expectativa para os próximos seis meses é de crescimento na atividade (indicadores acima dos 50 pontos). Contudo, os empresários se mostram menos otimistas, tanto em comparação ao resultado de janeiro como ao de fevereiro do ano passado. Como exemplo, o indicador de expectativa quanto a novos empreendimentos e serviços situa-se em 56,3 pontos em fevereiro, 2,1 pontos abaixo do observado em janeiro e 3,0 pontos abaixo de fevereiro de 2013.

    0
  • My name is james Bond 27 de fevereiro de 2014 at 21:14

    correção…
    Fui ao banco do brasil hoje conhecer algumas aplicações, o banco ofereceu uma taxa de 84% do CDI para aplicações em LCA. O que acham?

    0
    • DBA 27 de fevereiro de 2014 at 21:20

      É a taxa normal do BB. Eu prefiro LCA a tesouro direto. No BB, especificamente, a LCA:
      1) tem liquidez diária;
      2) gera pontos de relacionamento (tesouro direto não gera pontos);
      além disso, LCA é isenta de IR e IOF. Se você investir em LFT e segurar por 2 anos, é quase equivalente a LCA.
      Eu prefiro LCA porque você pode tirar a qualquer dia.

      0
      • xyz 27 de fevereiro de 2014 at 22:04

        A remuneração é fixa (84% do CDI) ou varia conforme o valor e o tempo de aplicação ?

        0
        • DBA 27 de fevereiro de 2014 at 22:19

          É fixa; não varia conforme o tempo de aplicação. Se você tiver mais de R$ 300.000,00, dá para conseguir 84,25%.

          0
          • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:21

            uma vez eu ri do gerente que me disse por e-mail que pra ter 90% do cdi somente com quantias superiores a 5 milhões

            daí eu disse que com 5 milhões não investiria em CDI, sairia do país hahahaha

            0
    • Sevilha 28 de fevereiro de 2014 at 08:22

      Como vcs conseguem LCA no BB ? tem algo errado ai, não seria no Estilos ?
      BB não tem LCA…

      0
      • DBA 28 de fevereiro de 2014 at 09:17

        No meu internet banking, há a opção de LCA. Dizem que quem ganha mais de R$ 6000,00 tem direito. Não sei…

        0
        • Sevilha 28 de fevereiro de 2014 at 10:28

          Que discriminação…. pq pobre não pode investir na agricultura?

          0
        • Fmoura 1 de março de 2014 at 18:55

          Se você tiver ao menos R$ 30.000,00 pode fazer LCA.

          0
  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:14

    Tá ficando feio pro lado da bandidagem
    ‘http://odia.ig.com.br/noticia/rio-de-janeiro/2014-02-27/acusado-de-furtar-bicicleta-e-agredido-por-populares-na-lagoa.html

    0
    • Elanaine Santana 27 de fevereiro de 2014 at 21:19

      ADOOOOOORO!

      0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:22

      Brasil, um país de ninguém.

      0
      • Floyd28 27 de fevereiro de 2014 at 22:51

        daqui a pouco a Dilma dará um pronunciamento condenando esse tipo de ação!!o.O

        sinceramente dou todo o meu apoio, principalmente para a população de bem se aramar e ir para rua qdo um policial for preso por matar um bandido em pleno exercício da profissão.

        0
  • Douglas 27 de fevereiro de 2014 at 21:17

    Geleia eu como Barbosao Digo
    Se um cara feio e pobre bate em uma mulher – Lei Maria da Penha
    Se um cara bonito e rico bate em uma mulher – 50 Tons de Cinza.
    Sem mais..

    0
    • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:18

      Essa eu vi no facebook do super reaça.

      0
      • Douglas 27 de fevereiro de 2014 at 21:22

        🙂

        0
        • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:24

          Aliás, ironia de primeira qualidade naquela página. Outra excelente é a do cristão opreÇor (SIC)

          0
          • neófito 27 de fevereiro de 2014 at 21:38

            Que comédia cristão opressor, heheheh, prefiro a tese de Nietzsche sobre o tema.

            0
            • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:56

              outra legal: ‘https://www.facebook.com/pages/Comunista-depr%C3%AA/459824584118708?ref=stream

              0
              • neófito 27 de fevereiro de 2014 at 22:03

                Hhehehehh!

                0
  • Marcus A 27 de fevereiro de 2014 at 21:24

    Nobel de Economia afirma que estouro de bolha econômica pode atingir o Brasil
    quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014
    “http://www.politicanarede.com/2014/02/nobel-de-economia-afirma-que-estouro-de.html

    Paul Krugman diz que situação na Turquia não parece tão ruim, mas há risco de contágio para outros países emergentes, inclusive o Brasil

    “Estamos vendo o que parece ser o estouro de uma bolha dos países emergentes. E uma crise nestes mercados pode, de forma plausível, transformar o risco de deflação na zona do euro em realidade”, avalia o prêmio Nobel de Economia, Paul Krugman, em sua coluna nesta sexta-feira no jornal New York Times, destacando que a Europa pode passar por situação semelhante a do Japão, que viu sua economia estagnada por anos.

    0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 22:31

      tópico pra semana…!

      0
    • Pobre Paulista 27 de fevereiro de 2014 at 23:31

      Alguém dá ouvidos para esse babaca do Paul Krungman?

      Se ele falou que tem Bolha no Brasil, então eu acho que não tem não.

      0
  • Juma 27 de fevereiro de 2014 at 21:26

    Sugestão:

    Poderia haver no blog uma aba para quem deseja comprar títulos do TD.

    Já vi aqui excelentes comentários sobre o assunto, acho que seria muito informativo se todas as dicas fossem colocadas no mesmo lugar.

    Talvez, não só compra de títulos do TD, mas outras aplicações também.

    0
    • Pablo 27 de fevereiro de 2014 at 21:29

      Tem tudo no blog do SD!

      “http://carodinheiro.blogfolha.uol.com.br/categorias/tesouro-direto/

      0
    • MasterK 27 de fevereiro de 2014 at 21:30

      Abrir para uso de hashtags já seria interessante.

      0
  • Lilith 27 de fevereiro de 2014 at 21:29

    Não entendo nada de números. Achei ótimo o texto e a fórmula permite ter uma boa visão do quanto estamos fora da realidade. Ainda assim. acho que o financiamento fácil pesa, pois ele cria especulação, possibilidade de lucro fácil e o aumento dos preços.

    Mudando um pouco de assunto, eu soube que a capa da Exame vai ser com a bolha imobiliária, mas a revista vai focar em comerciais, galpões e shoppings, ou seja, vão tentar desviar o assunto dos residenciais, que devem ser os verdadeiros vilões da bolha.

    0
  • neófito 27 de fevereiro de 2014 at 21:34

    O Brasil do PT : “Vicentinho disse que agora ficou mais fácil para o partido rebater a alcunha de quadrilheiro. “Acabou. Podemos repetir: o PT não é quadrilheiro” Então, por essa mesma lógica, pode-se afirmar que o PT é corrupto, em face das penas já transitadas em julgado.

    0
  • Juma 27 de fevereiro de 2014 at 21:35

    Off nem tão off, afinal vai ter copa, e se antes dela estamos assim, imagina na copa!

    “http://www.bhaz.com.br/onibus-para-aeroporto-de-confins-e-assaltado-pela-6a-vez-em-dois-meses/

    0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:48

      Eu já usei esse ônibus por achar mais prático. Tô vendo que tá osso, heim…

      0
  • Ricardo 27 de fevereiro de 2014 at 21:38

    CVR
    Minha irmã em 2010 comprou um bolhudo por 110k, depois que ocorreu a necessidade de mudar-se para Paulínea (SP) colocou o imóvel à venda por 500k e no terceiro dia vendeu por 490k sendo que o comprador não financiou nem um centavo.

    0
    • Juma 27 de fevereiro de 2014 at 21:44

      O imóvel deve ser muito bom, tipo único mesmo, atendeu a tudo o que o comprador quis…caso contrário ele foi motumbado, rsrsrsr

      0
    • neófito 27 de fevereiro de 2014 at 21:46

      Vou abrir um Moët & Chandon p comemorar!

      0
      • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:47

        Chapinha também vale?

        0
        • neófito 27 de fevereiro de 2014 at 21:49

          Claro, o que vale é a intenção, kkkkkk!

          0
          • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:04

            Obaaa! Então vou encher meu copo de massa de tomate até a borda!

            0
    • MG 27 de fevereiro de 2014 at 21:46

      Ciente. Próximo.

      0
    • Bolhudo 27 de fevereiro de 2014 at 21:47

      Com todo respeito, mas tua irmã é uma maquina de fazer dinheiro !

      0
    • Neo Mercurius 27 de fevereiro de 2014 at 22:09

      Diz pra tua irmã guardar bem o dinheirinho, que a galera do tráfico volta pra buscar…

      0
    • Mineirin BH 27 de fevereiro de 2014 at 22:12

      Fala pra sua irmã fugir do país. 490k é grana pra se arrastar com a enxada, meu caro. Se tivesse esse mesmo montante, nem aqui estaria mais.

      0
    • Coelho da pascoa 28 de fevereiro de 2014 at 11:38

      Primeiro lugar: Se escreve Paulínia.
      Segundo lugar: Ciente, próximo.

      0
  • My name is james Bond 27 de fevereiro de 2014 at 21:45

    Parabéns para sua irmã, fez mais uma vítima da bolha. kkkkk

    0
  • Leandro 27 de fevereiro de 2014 at 21:48

    Gostaria de pedir a opinião de vocês se a compra de dólares, neste momento, para investimento é uma boa opção. O que acham?

    0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:49

      Tá mais bom pra lastro…

      0
      • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 21:49

        Tá mais é bom pra lastro
        Ahhh vc entendeu rs

        0
    • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:50

      Não acho.
      A cotação está meio alta pra entrada.
      Se for pra transformar seu dinheiro em moeda forte, aí a coisa muda de figura.

      0
  • Lilith 27 de fevereiro de 2014 at 21:49

    Tem este conjunto de lojas para alugar no burits, em bh. Estão todas fechadas desde nem lembro quando. O pessoal ainda coloca na foto que está tudo disponível para locação.

    http://www.netimoveis.com/imovel/Alugar/Loja/Belo-Horizonte/Buritis/466441a14a3285

    0
    • Floyd28 27 de fevereiro de 2014 at 23:27

      o vaga bunda não perdeu tempo em pichar as portas, ando numa raiva de pichadores.

      0
  • veigalex 27 de fevereiro de 2014 at 21:51

    Boss, você tinha contato com o MRK, nunca mais trocou ideia com ele?
    Ele tambem fazia umas analises interessante.

    0
    • Bolha BOSS 27 de fevereiro de 2014 at 23:24

      Quase diariamente converso com ele no facebook, ou em discussões pertinentes

      0
  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 21:59

    – Camarada Fidel, sabe o que uma criança cubana quer ser quando crescer?
    – Não, camarada Guevara, o que?
    – AMERICANO!

    0
    • Elanaine Santana 27 de fevereiro de 2014 at 22:08

      Uma das melhores sensações do mundo civilizado, deve ser ir a Key West, (na pontinha dos EUA), avistando o mar e dar uma banana bem grande pra aquela ilha comunista maldita de mer….

      0
  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:07

    Vote no melhor presidente da história do Brasil
    ‘http://www.theranking.com/o-melhor-presidente-da-historia-do-brasil_r35588?a=fb-ad-br-lula&utm_source=facebook&utm_medium=ad&utm_campaign=br-lula

    Dom pedro em segundo lugar rssss

    0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:10

      Não vou votar. Não colocaram o Tiradentes.

      0
    • Elanaine Santana 27 de fevereiro de 2014 at 22:11

      Pois é, o cururu bestial de nove dedos ficou em primeiro

      Absurdo total

      0
      • John Galt 27 de fevereiro de 2014 at 22:14

        Pelos três primeiros se vê que este país só pode ir para o buraco mesmo. Invasão americana já!

        0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:12

      E os comentários às vezes são mais deliciosos do que a proposta da página:
      Luis Pereira hum quando teve o reverendo pra vota o que o brasil qria pra governar o brasil votei na monarquia que voltou ninguém mas agora todo mundo mete aboca no presidencialismos ..etc etc o brasil podia ter monarquia junto com o lesgilativo comandando este pais agora uma clasee ou elite metida há besta que na época mandava em todo em junto com um bêbado general de papel um retardado há serviço de as elites deu no deu.. pobre brasil hoje oi que vemos e este pais sem governantes
      Maldito reverendo!

      0
      • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:17

        não consegui entender mesmo
        tenho que voltar pro CA,ops, primeiro ano.

        0
        • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:21

          E etc. etc.

          0
      • Platão 28 de fevereiro de 2014 at 11:47

        maravilhoso esse comentário…hahahaha

        0
  • Luis Augusto 27 de fevereiro de 2014 at 22:09

    Joaquim avisou: “Sinto-me autorizado a alertar a nação brasileira de que este é apenas o primeiro passo. Esta maioria de circunstância tem todo tempo a seu favor para continuar nessa sua sanha reformadora”.

    E quem avisa, amigo é.

    0
    • Mineirin BH 27 de fevereiro de 2014 at 22:10

      Pois é, meu caro. O bicho vai pegar pro lado dos pobres mortais daqui um tempo…

      0
    • Lilith 27 de fevereiro de 2014 at 22:11

      Os cavaleiros estão chegando. A Dilma pagou para eles esperarem até a eleição.

      0
    • John Galt 27 de fevereiro de 2014 at 22:17

      O Joaquim Barbosa também está tendo a noção que, daqui para frente, só cascando fora daqui para ter uma vida feliz.
      Ca**lho. Onde é que eu fui amarrar minha égua…

      0
    • tcr 27 de fevereiro de 2014 at 22:19

      quem frequentava as padarias próximas à praça buenos aires a uns tempos atrás tava acostumado a ver um certo senhor juiz matando serviço e tomando cafezinho e lendo seu jornal a tarde toda, despreocupadamente… Cuidado com quem joga pra torcida…

      0
      • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 22:45

        Poderia formular melhor seu comentario?

        0
      • MrCitan 28 de fevereiro de 2014 at 01:21

        Não se preocupe.
        Em breve serão políticos, militantes e aspones do governo peteba, que estarão nesta padaria, tomando café, lendo jornal e curtindo esta boa vida, patrocinada com o parco dinheiro da classe média, que carrega esta biboca de país nas costas.

        0
    • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 22:44

      Esse alerta do Joaquim Barbosa foi MUITO CLARO.
      É A IRREVERSIBILIDADE DO VERMELHO na Banania.

      0
      • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:52

        Claríssimo mesmo.
        O PT enfim aparelhou o STF via maioria e agora será 6 a 5 pro governo sempre.

        0
        • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 23:19

          BINGO! os RED ganharam!

          0
  • Pão de queijo com café 27 de fevereiro de 2014 at 22:15

    E não, não vai.

    #campanha-volta-lady-volta-GB

    0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:22

      Volta gente…

      0
    • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 23:25

      Volta, volta. GB e seus excelentes YEAHHs.
      RosinhA volta adoravel provocadora de sempre! We all LOVE RosinhA.
      We all LIKE GB. (tirei o “love” aqui pois sabemos como eh o GB.)

      0
  • Anais 27 de fevereiro de 2014 at 22:26

    Impressionante! Acabo de assistir ao Conta Corrente. Vários assuntos correlatos, e quando mencionam a desaceleração dos serviços, nem sequer tocam no assunto Bolha, que no meu entender está por trás, entre outros fatores, é evidente. Nem uma palavra: a lucratividade de um comerciante caiu de X¨para – qualquer coisa; será que alguém considerou a hipótese de que o aluguel dele subiu e comeu parte de seu lucro? E a cabelereira, além de ter o aluguel majorado ficou as moscas na sexta-feira, dia de ouro!

    0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:30

      Muitas portinhas custam por aqui em torno de 2000 reais.
      Como no exemplo que eu dei do brigadeiro de 5 reais, imagina que o custo do comerciante sendo de 5000 reais (por baixo) nesse negócio, ele tenha que vender 1000 brigadeiros todo o mês. Ou seja, não vende. Não vai decolar nunca. Ele vai vender um produto super caro mas não vai conseguir dar conta de pagar o aluguel.
      Aqui, negócios bem estabelecidos estão trocando de ponto a rodo. Nunca vi tantas mudanças. Ou o negócio quebra ou então o cara muda de casa. Acompanhei nestes últimos 4 meses, seis estabelecimentos que tem ainda ótimas vendas, mas que estavam sendo esfolados pelo aluguel e mudaram. Ou mudavam ou quebravam.

      0
      • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:32

        Hanna,

        Outro dia entrei em uma padaria e pedi pão na chapa com suco de laranja no caixa. R$ 9,40. Disse ao caixa que perdi a fome e fui embora.

        0
        • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:38

          Puts… como digo, o valor nunca é exatamente justo porque você paga não o preço da coisa, mas paga pelo fato de não ser você a pessoa que tem que fazê-la. Porémmmm… R$ 9,40? Caramba? Manteiga de leite de búfalas de estimação da rainha da Espanha? A laranja foi pra Nova York e voltou importada?

          0
          • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:40

            suco de laranja R$ 5
            pão na chapa R$ 3
            tá nesse nível a coisa no Rio

            0
            • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:47

              Tem um restaurante que vou no centro da cidade que é aconchegante, saboroso e popular (quando consigo me livrar dos colegas chiquelentos e esnobes vou lá) que o suco é 0,90. Tem noção!? Laranja docinha!
              Mas, em geral o preço está 3 reais. Uma fortuna, considerando que o saco você encontra facilmente por 9,90 nas esquinas da cidade.

              0
              • ibsrock 28 de fevereiro de 2014 at 03:11

                Minha namorada e eu estamos pensando em um novo índice: o IMQ (índice do misto quente).
                Sempre fui viciado nesse quitute de buteco/padoca que traz todo o sabor da chapa direto para o queijo e o presunto, que escorrem oleosidade pelas bordas do pãozinho… Hum até deu fome…
                Mas então, aqui no centro de SP tá difícil achar um misto por menos de 7,00 pilas. Pão+Mussarela+Presunto… R$7,00??? Na média é uns 8 ou 9 dependendo do ladrão/comerciante fudido…

                0
          • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 22:42

            Onde trabalho uma média (“com leite”) e um pão na chapa saem 1)na padaria metida: 7 reais; 2)na padaria chulé: 4,50… 200m distantes uma da outra…

            0
            • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:51

              E olha que aqui é uma cidade considerada com alta renda per capita.
              Temos coisas bem elitizadas, mas se encontra mesmo nos bairros mais chiques, comidas em conta. Vinte reais em média dá e sobra pra você comer bem. Se não tiver frescuras com botecos, 9,90 vem uma marmita bem servida e saborosa. Se quiser comer mais top, gasta 29,90 num prato executivo.
              Até no xopis, o Xitão e Xororó lançaram um Montana Express, vendendo pratos prontos por 14 Dilmas.
              Vocês do Rio são muito ricos! rsssssssss

              0
              • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 23:14

                Eu não queria ser rico não, sabe…

                0
                • Floyd28 27 de fevereiro de 2014 at 23:16

                  não reclame das benções que Deus lhe deu!!o.O

                  0
  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:30

    Onde foi que eu errei?
    Hoje o IBGE divulgou que a economia brasileira cresceu 2,3% em 2013. O número é um pouco maior do que eu esperava, não que eu seja particularmente pessimista, de acordo com reportagem do Estadão as estimativas do mercado variavam entre 2,07% e 2,3% com mediana de 2,2%. Isto significa que metade das estimativas estava entre 2,07% e 2,2% e a outra metade entre 2,2% e 2,3%. Quando me perguntam qual a estimativa de crescimento costumo responder a mediana do mercado, no caso seria 2,2%, faço isto porque não trabalho no dia e dia do mercado e, portanto, não tenho estimativas precisas. Mas se alguém insistir em saber minha opinião, eu respondo que a taxa de crescimento deve ficar entre 1,5% e 2%. É um intervalo largo, eu sei, mas estes valores não estão fundamentados em números constantemente atualizados nem em modelos econométricos sofisticados.

    Faço meu cálculo a partir da taxa de crescimento da produtividade e da participação da renda do trabalho na renda total. Depois tempero com minhas observações da economia, se eu vejo espaço para crescimento via emprego e perceber que o governo está disposto a fazer isto eu coloco um pouco para cima. Se eu vejo o governo fazendo muita bobagem eu coloco mais para baixo. Desta forma meu número estaria mais para baixo do que para cima, mais perto de 1,5% do que de 2%. O ocorre que o número ficou maior que a mediana do mercado, os tais 2,2%, e maior que o limite superior do meu intervalo, que é de 2%. Onde foi que eu errei?

    Para que eu entenda onde errei precisei olhar nos números, claro que ainda vou olhar com mais cuidado, mas o que vi já ajuda a explicar. Ocorre que para explicar onde errei preciso antes falar um pouco sobre como o PIB é calculado. Vou fixar na ótica da produção, no final falo rapidamente sobre a despesa, especificamente sobre o investimento. Pela ótica da produção o PIB é calculado como a soma do valor em reais do que foi produzido para uso final nos diversos setores da economia. Para fins de divulgação ampla o IBGE trata apenas de três setores: agropecuária, indústria e serviço. A soma destes valores é o que o IBGE chama de valor adicionado a preços básicos, para chegar ao PIB a preço de mercado, este que sai no jornal, são somados os impostos e descontados os subsídios. A história é mais complicada e rica em detalhes, mas não quero transformar meu post em um curso de Contas Nacionais, para oque segue estas definições são suficientes.

    O valor adicionado a preços básicos, ou seja, o que foi efetivamente produzido cresceu 2,1%, bem mais perto do meu intervalo, o crescimento de 3,3% nos impostos líquidos foi quem levou a taxa de crescimento para 2,3%. Quisesse eu usar uma versão refinada da estratégia do pombo enxadrista parava aqui dizendo que errei por 0,1% e sairia para o Carnaval, afinal minha estratégia de previsão não trata de aumento do PIB via aumento de impostos. Mas não farei isto, como disse anteriormente, para este ano eu esperava um crescimento abaixo de 2%. Logo não foram os impostos os culpados pelo meu erro. Tenho de procurar em outro lugar.

    O próximo passo é olhar o que aconteceu em cada setor. Pelos números de 2013 a agropecuária corresponde a 5,72% do valor adicionado a preços básicos, a indústria a 24,88% e os serviços a 69,4%, note que estas participações não são referentes ao PIB. A taxa de crescimento dos serviços foi de 2%, a indústria cresceu 1,3% e a agropecuária cresceu 7%. Achei meu erro! Minha técnica de calcular crescimento é mais apropriada para indústria e serviços, excluindo o setor agropecuário o valor adicionado teria crescido 1,8%, bem dentro do meu intervalo e claramente abaixo de 2%. Dado que o crescimento do ano passado foi muito baixo a distorção estatística seria suficiente para me deixar em posição confortável.

    De forma geral não considerar com cuidado a agropecuária não gera grandes erros, afinal estamos de falando de pouco mais de 5% do valor adicionado e de 4,8% do PIB. Mas um ano em que a agropecuária cresce mais que o triplo dos serviços e mais de cinco vezes o crescimento da indústria não é exatamente um caso geral. Olhando os números mais de perto é possível entender o que aconteceu. Os destaques do setor foram soja (24,3%), cana de açúcar (10%), milho (13%) e trigo (30,4%) na outra ponta houve queda na laranja (-14,8%) e na mandioca (-9,5%).

    Perceberam que salvou o dia e ainda me fez errar? O agronegócio exportador, o mesmo que é hostilizado diariamente por movimentos de sem terras e ambientalistas. Aqueles que vivem sob a ameaça de perder terras e plantações por conta de invasões e de leis ambientais. Aqueles que são acusados de usar trabalho em condições análogas à escravidão quando não cumprem uma lista absurda de regulações trabalhistas, aliás, como ficam os que defendem que o governo deve ignorar a lei trabalhista quando o assunto é o interesse nacional? Como ficam os setores que de dentro do próprio governo acusam o agronegócio de prejudicial ao país? Os que pedem tudo para indústria e nada para o campo? Errei, é fato, mas poucas vezes estive tão feliz por errar. O agronegócio mostrou que contra (quase) tudo e contra (quase) todos é capaz de puxar o crescimento brasileiro.

    ‘http://rgellery.blogspot.com.br/2014/02/onde-foi-que-eu-errei.html

    0
  • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:33

    Os Números do Crescimento do PIB
    O IBGE divulgou o resultado do PIB para o ano de 2013, o mesmo apresenta um crescimento de 2,3% em relação a 2012 (com crescimento de 1,4% do PIB per capita).

    Alguns números me chamaram a atenção. O mais óbvio deles a agricultura que cresceu 7%. Não fosse o agronegócio e o Brasil estaria amargando um resultado bem pior. Então vem minha primeira dúvida: por que o agronegócio é tão demonizado pelos movimentos sociais ligados ao PT?

    Minha segunda dúvida refere-se ao crescimento da indústria de apenas 1,3%. Passou-se mais um ano, o BNDES torrou bilhões de reais e novamente o setor que mais recebeu subsídios foi o que menos cresceu. Até quando o governo vai acreditar que o problema da indústria é falta de crédito e problema cambial? O real desvalorizou e o governo deu subsídios creditícios para as indústrias e, mais uma vez, o resultado foi pífio. O problema da indústria não está na falta de crédito ou no câmbio. O problema da indústria está na baixíssima produtividade brasileira. Precisamos urgentemente avançar nas reformas tributárias e trabalhistas, de quebra faz-se necessário uma vigorosa diminuição na estupidamente pesada burocracia brasileira. São estas três palavras: impostos, legislação, e burocracia, os verdadeiros vilões da competitividade da indústria brasileira.

    Minha terceira dúvida é sobre o crescimento da formação bruta de capital fixo. O IBGE indica que a formação bruta de capital fixo cresceu 6,3%. Estou muito curioso para saber o que anda entrando nessa conta. Gastos do governo entram como nessa conta? Quando o ministério da fazenda compra ar condicionado para seus escritórios isso está entrando como formação bruta de capital fixo? Os estádios para a Copa do Mundo com certeza entram nessa conta, e é evidente que os mesmos são elefantes brancos. Difícil acreditar que os R$ 1,5 bilhões de reais gastos no estádio de Brasília sejam um investimento que vá gerar algo além de mais despesas no futuro.

    Enfim, mais um ano de baixo crescimento econômico e de inflação em alta. Não custa lembrar que meus estudos sobre a curva de Phillips já sugeriam isso. Já mostravam que permitir um aumento da inflação faria muito pouco pelo crescimento econômico. Quem sabe da próxima vez seja ouvido, a esperança é a última que morre.

    ‘http://bdadolfo.blogspot.com.br/2014/02/os-numeros-do-crescimento-do-pib.html

    0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:45

      Quanto ao BNDES, acrescento às informações colocadas o fato de que o crédito não chega a todos que precisam dele. Tomar crédito com o BNDES não é essa simplicidade toda que o governo sugere. Além disto, há projetos viáveis que nem são considerados por eles, fora que fica por conta dos bancos comerciais intermediarem e a maioria deles não faz questão de ajudar o cara a tomar essas linhas. Prefere empurrar a do próprio banco que tem um spread maior.
      Carga tributária então é outro assunto que está sempre presente e parece sem solução. Um dos problemas acessórios da carga tributária é a burocracia que envolve registros de operações para recolhimento de tributos.
      Cada vez mais aumenta o número de obrigações de registros, guias, informes e etc. Fora a própria legislação. Imagina como uma empresa que atua no país inteiro fica quando tem que lidar com o assunto ICMS?
      E na agricultura, o duro é que com os problemas climáticos, a agricultura ficará muito vulnerável este ano. Vamos ver os impactos…

      0
      • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:47

        Como reduzirão a carga tributária sem reduzir o Estado?

        0
        • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 22:58

          Pois é. Não vão reduzir nada. Mas, já estaria de bom tamanho se pelo menos eles fizessem uma utilização correta dos recursos.
          Quando minha prima viveu na Dinamarca, disse que a tributação lá era muito pesada, mas pelas contrapartidas que tinham, ela achava valia a pena.
          No caso das empresas especificamente, o problema não é só o pagamento do tributo em si, mas as obrigações que vem junto com ele.
          Apurar um imposto não é bolinho não. Pra recolher um FGTS tem que se preencher um calhamaço de coisas. Agora com o e-Social vai ficar ainda mais pavoroso o negócio. Vai facilitar pro governo ter o controle de dados, mas pra quem tá fazendo os registros já tá sendo uó.
          Tudo isto para burocratizar, controlar, inibir fraudes e etc… mil desculpas e justificativas, mas que no final é tempo, tempo, digitação, controle, gasto…
          A gente participou da estruturação de uma determinada multinacional aqui, que não vou citar nome e origem por motivos óbvios. O presidente veio aqui pessoalmente para entender porque no país dele precisavam de 5 pessoas (qtd fictítica) para cuidar de toda a área tributária e aqui 12.

          0
  • Luis Augusto 27 de fevereiro de 2014 at 22:42

    As estratégias dos comunistas já estão atingindo até o Bolha.com: “estão criando a maior confusão e briga com principais membros daqui”. Tudo para destruir esse espaço de informação e visão da realidade da Babania.

    Então amigos, é momento de união, firmeza e inteligência emocional em prática.

    0
    • barnabezinho 27 de fevereiro de 2014 at 22:47

      acho que o grosso daqui são diferenças pessoais, mesmo. Nada de estrategemas comunistas. Falando assim, tu induz o pessoal a acabar se atacando mutuamente e criando um clima de desconfiança geral… Se não sabemos quem somos na vida real, confiança aqui é algo muito volátil, e que deve ser mantida com cuidado. Conflitos pessoais fazem parte da maturidade de qualquer grupo… mantendo a educação e a honestidade de discurso a coisa anda.

      0
    • Geleia 27 de fevereiro de 2014 at 22:49

      Discordo. O embate nada teve a ver com patrulha virtual petista.

      0
      • RosinhA 28 de fevereiro de 2014 at 07:40

        Novamente meu nick sempre foi RosinhA não sei se o seu segundo é FUNGO, portanto pesquise o passado, já te disse, se não tem essa informação sobre esse petralha por favor melhor ficar quieto, sua defesa a ele claramente mostra sua falta de informação.

        Mas como insiste que persista o FUNGO …………… T +

        Agradeço a todos o apoio não falarei todos os nomes, seria injusta ao esquecer de alguém, fiquei realmente contente de ver quem são as pessoas que realmente estão a favor do correto.

        0
        • Geleia 28 de fevereiro de 2014 at 07:48

          Primeiro o ataque pessoal, depois manda procurar o passado.

          Se você tem algo a acrescentar sobre o assunto, mostre você o histórico. Falar pra procurar trilhões de posts anteriores fica difícil. Você deve saber exatamente onde está o histórico, portanto não tem sentido falar pra “pesquisar o passado”.

          0
          • RosinhA 28 de fevereiro de 2014 at 08:08

            Não preciso acrescentar nada, se o SR JLT ou o Justiceiro estuprar alguém aqui eu nem perguntaria o porque, eu acredito nessas pessoas que conheço a tempos……………..

            Mas tem todo seu direito, apenas não tenho mais vontade de “provar” como na segunda série primária ………….

            0
            • RosinhA 28 de fevereiro de 2014 at 08:09

              Chega ponto final, acho que todos entenderam meu ponto !

              0
            • Geleia 28 de fevereiro de 2014 at 08:20

              Besteira.
              Ninguém tem o monopólio da razão.

              0
        • barnabezinho 28 de fevereiro de 2014 at 08:16

          Rosinha, seguinte:
          Participo de grupos na net faz muito tempo. E participei de grupos reais – voluntários e a trabalho – também.
          Todos os grupos tem uma gênese igual: Num grupo inicial, não há divergência, todos não se conhecem e se controlam, se regulam pelo receio de incomodar ou de ser excluído. É formação de uma “famiglia”, mesmo.
          Depois de um tempo, a afinidade de uns e outros aumenta e se formam patotas com lideranças e com liderados, e grupos menores, com afinidades em comum (econômicas, geográficas, intelectuais). Quando estes grupos menores aparecem começam os conflitos, pois os indivíduos acreditam que já podem transmitir suas convicções pessoais para o grupo sem filtros, sem apuro.
          Aqui estamos na terceira fase, que é a da desagregação: Diante de um objetivo alcançado (Ver a bolha, ver a crise, ver as profecias acontecendo, etc) o grupo passa a ser mais pessoal, e aqueles grupinhos viram “alas” mais radicais, mais liberais, mais sociais, mais religiosas, e por aí vai. Nesta hora as diferenças entre as pessoas viram o foco das expectativas. E o conflito vira guerra entre pessoas que no começo, se julgavam iguais. Em geral os grupos acabam nesta fase, e raramente suportam esta fase. Repare que vários “antigos” meteram o pé daqui n fim da 2ª fase, pois provavelmente conhecem a mecânica.
          Eu debati duramente com o Chico, e não guardo NADA de rancor dele, faz parte da vida aceitar e enfrentar conflitos, e superar eles em nome de interesses maiores, os nossos, principalmente. E eu acho que se você quer parar de frequentar o blogue, tenha consciência de que você também perde algo: perde as pessoas que te ouvem, que querem saber de sua “vida” e que respondem positivamente ao que você escreve. Você até vai alegar que tem outros meios para falar com quem te respeita, mas neste caso realmente não iria fazer diferença alguma você estar no blogue – pois não lhe faria diferença já que você já escolheu seu “grupo menor” para aderir. E isso nunca é bom, ao menos para a maioria dos “usuários” do blogue!
          Eu SEI que tu não vai responder, mas mesmo assim, fica minha opinião. Se você for ponderada vai ver que, depois que o estresse passar, ainda tem muita coisa a ser dita por aqui.
          E não subentenda o que escrevi, por favor.

          0
          • Geleia 28 de fevereiro de 2014 at 08:22

            O seu caso foi mais ou menos parecido com o de anteontem.
            Postou um texto e foi xingado de graça.

            0
    • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 22:53

      Nao sei nao, o GB tomou um pedala robinho apenas. Nada de mais. Nem sei sobre o que foi. De resto, estou por fora, teve mais discordancia grave? Isso eh normal por aqui, mas ate onde sei ninguem saiu de vez. Tirando o Eng que saiu cuspindo marimbondo meses atras.

      0
      • Floyd28 27 de fevereiro de 2014 at 23:02

        Aqui tá virando família, embates e discórdias momentâneas, sem falar de provocações desnecessárias, não sei o que aconteceu ao certo não, mas assim segue.
        Espero que os ânimos se acalmem!!rs
        /

        0
        • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 23:11

          É isso ai Floyd28. Eu por curiosidade fui ver o que rolou, ok, nao vou defender a ou b. So quero dizer que a RosinhA volte logo pra ca pois quero devolver a provocacao que ela me mandou antes do stress 😉 Quero ter direito de resposta no horario nobre senao vou mandar uma caixa de frutas e legumes para a RoseeenhA. 😉
          Rosinha, faca como o Rei.. cante com ele….”Eu voltei…… agora é pra ficar…por caqui, caqui é meu lugar…

          0
          • Alex 28 de fevereiro de 2014 at 00:16

            Em resumo, sem muitos detalhes, o que rolou com o GB e a Rosinha? Pensei que o GB tinha finalmente desencalhado! 🙂
            Todo mundo que cria raízes faz falta!

            0
            • Alex 28 de fevereiro de 2014 at 00:17

              A confusão com a Rosinha sei mais ou menos o que foi. Não sei o que aconteceu com o GB.

              0
      • Juma 27 de fevereiro de 2014 at 23:31

        O GB volta! A RosinhA tb!
        Um que desapareceu sem mais nem menos foi o “Professor”.
        Eu gostava muito dos posts dele.

        0
        • xyz 27 de fevereiro de 2014 at 23:46

          Em homenagem ao “professor”, vai aí um excelente vídeo.

          —-http://www.youtube.com/watch?v=0Ec20JZNr24

          0
          • Juma 28 de fevereiro de 2014 at 00:00

            hahaha! legal! Boa marchinha para iniciar o carnaval! Dei boas risadas,valeu xyz!

            Sobre o nosso “Professor”, ele não queria nos “lobotomizar” não, pelo contrário, rs

            0
            • xyz 28 de fevereiro de 2014 at 00:08

              A melhor parte é “o Paulo Freire virou santo e fudeu com o Brasil…”

              0
  • Justiceiro 27 de fevereiro de 2014 at 22:56

    Matematico, bacana o seu índice. Uma forma sagaz de demonstrar parte da safadeza dos criminosos do setor. Contudo – no meu entender -, é um índice conservador, baseado em credito artificial, que progressivamente irá diminuir.
    Seria um retrato da situação atual.
    No despair creio que o índice possa sofrer as suas adaptações.
    Mas, bacana, mesmo.

    Mudando de assunto, li a tal da discussão de ontem.
    Serei pragmático: a pessoa que fica escrevendo em caps lock está gritando, e quem está gritando comigo permite que eu me exceda com essa pessoa (exceder dentro de determinados limites, é claro).
    Detectei claramente a linguagem popular utilizada pela colega Rosinha, não aplicada apenas em SP.
    Em que pese o outro colega alegar que não lê ela, entendo que na realidade lê sim, até porque comentou diretamente, ligando o caps lock, o que entendo ter sido demonstrados traços visíveis de deselegância, provocando fúria temporária na Rosinha (ela até pode ter se excedido, mas não achei aquele “absurdo”, até porque a provocação inicial não foi dela).
    Eu entendo ela. Não gostaria que uma pessoa chegasse gritando comigo.
    Chega de boa e fala que por motivo tal acha que estou errado, simples.
    Ela escreveu algo facilmente entendível, o que de fato era uma simples gíria.
    Minha opinião, é claro.
    Chico, mostra para ela isso que escrevi, se puder e desejar.

    0
    • hannamanana 27 de fevereiro de 2014 at 23:00

      A propósito, vou repetir, Finame É financiamento rsss….

      0
      • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 23:12

        Hahaha. tudo pela Finame. nao vale a pena! Temos que colocar a RoseenhA e o Fungo no cantinho do castigo. Um com chapeu FINAME e outro chapeu BNDES. haha brincadeirinha hein!?

        0
      • Pobre Paulista 28 de fevereiro de 2014 at 09:08

        Haha, galera adora brincar com fogo 🙂

        0
  • From_the_Tower 27 de fevereiro de 2014 at 22:59

    Bateu um vento aqui em Bc
    “https://www.facebook.com/BCdaDepre/posts/649035131811198:0

    0
    • Floyd28 27 de fevereiro de 2014 at 23:08

      rolou um vento sinistro numas quebradas daqui da minha cidade também que deixou uma escola e duas casas vizinhas a esta sem nenhuma telha.

      a quantidade de boy que deve estar chorando em ver essas land rover’s destruídas não tem preço!!o.O

      0
      • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 23:17

        Assisti documentario sobre a ameca ao GULF STREAM devido ao aquecimento global. Ok Ok. nada provado, mas na hora que provar, é ponto de nao retorno.
        “http://topdocumentaryfilms.com/gulf-stream-next-ice-age/

        0
        • Floyd28 27 de fevereiro de 2014 at 23:22

          tem um geografo do Paraná, acho, que vira e mexe aparece nuns programas falando do congelamento do globo, falava que nos próximos 20 anos a terra vai resfriar e o RS vai se tornar completamente improdutivo, entre outras aéreas do país, falava que fcf, a substancia q tinha no desodorante não influenciava em nada na atmosfera, foi tudo uma armação de uma empresa no Canadá.

          0
  • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 23:30

    Hannabanana, assisti o documentario sobre as piramides financeiras e tive que tomar rivotril na veia para me recuperar. Que isso Hanna, quer me matar de medo? de susto`?

    0
    • hannamanana 28 de fevereiro de 2014 at 09:03

      😈
      Fica tranquilo. Está tudo sob controle.
      Tudo aquilo é fantasioso! 😈

      0
      • Motumbo neles! 28 de fevereiro de 2014 at 09:56

        Qual é esse documentário? Link, please?

        0
        • hannamanana 28 de fevereiro de 2014 at 10:08

          “http://moneymappress.com/pro/Pyramid0712MMR2Y.php?code=PPYRN874&n=PYRAMIDMMR12EADMMP

          0
          • Motumbo neles! 28 de fevereiro de 2014 at 10:44

            Valeu, Hanna! Com você por aqui, um pouco da alma do blog se mantém.

            0
            • hannamanana 28 de fevereiro de 2014 at 11:27

              Só aceito se for alma penada. Tipo assombração…
              Adoro assustar 😈

              0
  • Gemea má 27 de fevereiro de 2014 at 23:33

    CVR Romântico

    Meu namorado disse que o amor dele por mim eh maior q o valor de dez predios no auge da bolha imobiliaria!

    Kkkkkkkkk! E sim, eu acreditei! 🙂

    0
    • Floyd28 27 de fevereiro de 2014 at 23:36

      aooooooo…..peão apaixonado!!!o.O

      0
    • Leno 27 de fevereiro de 2014 at 23:39

      Espero que a bolha de amor dele nao estoure hahahahaha…

      0
      • Vai estourar... 28 de fevereiro de 2014 at 08:29

        Toda bolha estoura, se não estourar e porque não é bolha

        0
        • barnabezinho 28 de fevereiro de 2014 at 08:34

          falando assim, os corêtor PIRA na esperança…

          0
    • civilizado 27 de fevereiro de 2014 at 23:41

      iiiiii……….acho que ele aprontou…….cuidado!!!!

      0
      • Amadeus de Sampa 27 de fevereiro de 2014 at 23:47

        Deve “tá” de olho na Gemea BOA

        0
    • barnabezinho 28 de fevereiro de 2014 at 00:00

      Anotado!!! vou testar com a Môça depois!

      0
    • MrCitan 28 de fevereiro de 2014 at 01:28

      Raquel? 😀

      0
    • hannamanana 28 de fevereiro de 2014 at 09:04

      Vai subir 100% ao ano! 🙂

      0
  • AndersonSilva* 27 de fevereiro de 2014 at 23:35

    BOSS

    Economia e Negocios no RECORD NEWS (o assunto do programa foi a bolha imobiliária)

    “http://noticias.r7.com/record-news/programas/economia-e-negocios/

    A discussão é boa, mas os convidados são contra a bolha. O bacana foi a divulgação do portal DIRETO COM O DONO (sem a intermediação de corretor)

    0
    • Juma 27 de fevereiro de 2014 at 23:45

      Legal, vai um like!

      Ah, seu nick é muito maneiro! rs

      0
      • Juma 27 de fevereiro de 2014 at 23:46

        O avatar é maneiro, rs.

        0
    • Zoom 28 de fevereiro de 2014 at 08:24

      Parei quando escutei Marcelo Tapai.

      0
  • Curioso 28 de fevereiro de 2014 at 00:08

    Rosinha! Chico! Semnick!
    Cadê vocês?!

    As colheitadeiras estão na TV!!!
    Venderam como pão quente… segundo a Globo!
    kkkkkkk

    0
  • Neo Mercurius 28 de fevereiro de 2014 at 00:41

    Rápida busca no Zap e o perfil de encalhes (que ainda bancam anúncios loucos):

    Zona Sul do Rio de Janeiro:

    16.300 apartamentos
    1.890 coberturas
    637 conjugados
    21 Lofts
    122 casas de condomínio
    38 casas de vila
    891 casas padrão
    3 lotes
    64 terrenos
    1 chácara
    181 flats

    Tudo parado, inflando que nem sapo cururu na beira do rio. Parece um ímã gigante em que um puxa o outro. Há imagens feias e xexelentas do dia-a-dia dos imóveis, muita infiltração, pouco espaço.

    E ainda tem destrutora oferecendo Lançamento, Pré-lançamento e Em Obras.

    Haja 666, porque haja imóvel parado e haja corvo sem comissão, haja credor. Haja.

    Eu acho que tem corvo que fica o dia todo lendo o Bolha, que já é referência obrigatória na ingrata profissão.

    O movimento é zero, as pessoas quando marcam para ver imóvel, só querem trollar mesmo. Como eu, kkk.

    0
    • Pobre Paulista 28 de fevereiro de 2014 at 09:06

      .

      0
  • Pobre contemporâneo 28 de fevereiro de 2014 at 00:43
  • Tiago M Neumann 28 de fevereiro de 2014 at 00:47

    A Semnick deve ter zarpado do BR pra evitar o pior.

    Esse silencio, temperado com pseudo-otimismos divulgados na mídia (PIB um pentelhesimo acima do que era previsto, com mt maquiagem, balanços de Vale, PTBRas e outras) e notícias BEM aquém da verdade sobre a Venezuela………………

    Isso tudo me parece aquele céu preto que vc avista do horizonte.. não sabe se vai chover… daí passa um tempo e vc vê aquela camada branca entre a terra e o céu negro e acha que é luz… mas na verdade é uma chuva torrencial!

    0
    • MrCitan 28 de fevereiro de 2014 at 01:41

      Tomara que a SemNick tenha feito planos para os familiares mais próximos, que não puderem ir com ela para USA/Europa.
      Me parece que ela tinha receio dos parentes brazucas serem estigmatizados, mas se eles forem pra lá ganharem o dinheiro deles, e procurarem uma integração com os locais, as chances de eles se darem bem são altas.

      Para mim, para quem não pode recorrer ao “Velho Mundo” e a “Terra dos Livres”, uma boa opção é recorrer a algum dos países membros da “Aliança do Pacífico”.
      Os relacionamentos comerciais estão indo de vento-em-popa, a lista de países-observadores é alta (cerca de 20), e os que mais criticam esta aliança são os esquerdistas (o que já é um certificado de garantia de que as coisas estão indo bem. 😉 ).

      0
      • MrCitan 28 de fevereiro de 2014 at 01:43

        Ops, corrigindo…
        Me parece que ela tinha receio dos parentes brazucas serem estigmatizados em algum país da América Latina. Mas se eles forem pra algum país que está estável e crescendo, forem para lá ganhar o dinheiro deles, e procurarem uma integração maior com os locais, as chances de eles se darem bem são altas..

        0
  • Marcus A 28 de fevereiro de 2014 at 01:20

    27/02/2014 10h12 – Atualizado em 27/02/2014 10h14
    Crise fez indústria de Ipatinga, MG, ser a 2ª que mais demitiu em 2013
    Dependente da Usiminas, Ipatinga sofre com cortes no setor siderúrgico.
    Indústria da cidade cortou 3.062 vagas de trabalho em 2013.

    “http://g1.globo.com/mg/vales-mg/noticia/2014/02/crise-fez-industria-de-ipatinga-mg-ser-2-que-mais-demitiu-em-2013.html

    0
    • Tagore 28 de fevereiro de 2014 at 07:38

      Frase tirada da reportagem no link acima: “A marolinha de 2008 virou um tsunami em 2013”, lamenta Flaviano Gaggiato, diretor-presidente da Viga Caldeiraria.

      0
    • Mineirausfall 28 de fevereiro de 2014 at 10:44

      Se a indústria está assim tão mal, então bye-bye, reservas.

      ‘http://blogs.estadao.com.br/radar-economico/2014/02/27/industria-perde-espaco-e-servicos-ja-sao-quase-70-do-pib/

      0